Page 1

FARROUPILHA

|

ANO XI

| EDIÇÃO 543

| 22 DE JUNHO DE 2018 |

R$ 3,00

Inverno chega com solidariedade Juliana Inês Casa Barbieri

Marcando o início da estação mais fria do ano, Gabinete da Primeira Dama Francis Dentista do Bem é premiado Dia do Desafio será na quarta Somensi promoveu ação na Praça da Projeto mundial, que tem atuação em Sesc Farroupilha capitaneia iniciativa Matriz com entrega de agasalhos Farroupilha, é reconhecido na Espanha na cidade em disputa com cubana Moa e cobertores a famílias carentes Capa Página 8 Matéria Especial, páginas 2 e 3, e Editorial SAÚDE, BELEZA & ESTÉTICA

INSIDE


2

FARROUPILHA, 22 DE JUNHO DE 2018

CARIDADE

Solidariedade espalhada no Varal: Ação social aconteceu na manhã de quinta, marcando a chegada do Inverno com roupas e cobertores expostos na Praça da Matriz e disponíveis para população que precisava se aquecer, tudo doado pela própria comunidade Juliana Inês Casa Barbieri juliana@jornalinformante.com.br

O

Inverno propicia mesmo lindas paisagens, mas no contraponto dessa beleza está a condição de diversas famílias que precisam de ajuda para se manterem aquecidas. É a solidariedade que faz a diferença nessa hora, oportunizando aos que não têm condições de adquirir roupas e cobertores, a possibilidade de tê-los gratuitamente. O Inverno foi saudado em Farroupilha com uma ação social na manhã de quinta, quando oficialmente a estação mais fria do ano se apresentou. A quadra da Praça da Matriz foi abraçada por cobertores e roupas estendidos em varais numa proposta bem simples: quem tinha o que doar, pendurava o donativo, quem precisava das peças, poderia retirá-las.

“Fizemos o Varal Solidário como uma extensão da Campanha do Agasalho porque temos tido muitas solicitações, principalmente de cobertores”, salientou Francis Somensi, Primeira Dama e coordenadora da iniciativa. As peças eram provenientes do Banco Social e algumas de doações que não foram comercializadas no Brechó Solidário que arrecadou recursos para projetos sociais no último dia 9. Os cobertores, ao total foram 140, foram obtidos em campanha realizada na prefeitura, entre os próprios funcionários públicos municipais. A abertura das atividades foi às 7h e próximo às 5h já tinha população chegando para ter seu lugar na fila. A solidariedade teve mão dupla para as irmãs Ana Paula e Charlene Borges, moradoras do bairro 1º de Maio, que cedinho foram à procura de cobertores e agasalhos para a bebê Valentina de 4 meses, Samanta de 8 anos, e Artur e Sofia, 5.

“A gente estava precisando mesmo. Também deixamos algumas peças que não se usava ou não servia mais. Isso vai nos ajudar muito”, considerou Ana Paula. A Escola Pública de Música saudou o Inverno com canções na varanda da Casa de Cultura. A ação se estendeu durante o dia e a proposta deve permanecer para o próximo ano. O bom é lembrar que sempre tem algo em casa que pode ajudar quem precisa, vale um olhar mais atento, tirar os excessos dos armários e viver um Inverno mais solidário.

Família doou e recebeu Irmãs Ana Paula e Charlene garantiram agasalhos para filhos e sobrinhos


3

FARROUPILHA, 22 DE JUNHO DE 2018

menos frio e mais fraternidade Fotos: Juliana Inês Casa Barbieri

Se você precisa de ajuda ou tem como ajudar

Roupas, cobertores e outros itens podem ser obtidos no Banco Social mantido pela prefeitura, localizado atrás do CTG Ronda Charrua, ao lado do Centro de Convivência São José. Atendimento é de segunda a sexta, das 13h às 17h. Coordenado pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social e Habitação, disponibiliza ainda calçados, eletrodomésticos, utensílios para cozinha, móveis e outros itens para famílias necessitadas. Já se você deseja doar, as entregas podem ser feitas no Centro de Atendimento ao Cidadão (Ceac), na rua 14 de Julho, 710, Centro. Pode ser solicitada a retirada das doações em casa, pelo fone 3268-3211.


4

FARROUPILHA, 22 DE JUNHO DE 2018

Condução coercitiva e Leonardo Pantaleão *

E

m que pese tratar-se de temática absorta pela legislação processual penal desde a década de 40 (especificamente 1942, quando da entrada em vigor do Código de Processo Penal), o assunto destacou-se recentemente, por transparecer prática recorrente no âmbito de grandes operações policiais. Desde então, a sua legalidade sob o prisma constitucional e infra fora alvo de inúmeros debates no mundo jurídico, de tal forma que o Supremo Tribunal Federal foi destinatário de ações judiciais protocolizadas perante aquele Pretório Excelso, no sentido de que se firmasse entendimento sobre tema de absoluta relevância, qual seja, a existência ou não de sustentáculo jurídico para justificar a condução coercitiva de pessoas investigadas para atos de interrogatório. A par de qualquer desfecho, imperiosa se faz uma análise acurada das cercanias que norteiam referido tema, na realidade jurídica vigente, razão pela qual pretende-se, de forma objetiva, apresentar ao leitor uma visão panorâmica dos dispositivos legais aplicáveis, em consonância com as regras constitucionais advindas da Carta Política de 1988. Vestibularmente, trata-se de previsão legal contida no bojo do art. 260 do Código de Processo Penal. Verifica-se, assim, que o texto do dispositivo é explícito no sentido de possibilitar a condição coercitiva, entre outras hipóteses, também para fins de interrogatório, o que, prima facie, poderia

fazer desaparecer qualquer interesse jurídico sobre a questão. Porém, como já ressaltado, não se pode descurar que referida norma de natureza infraconstitucional data de período que antecedeu a Constituição da República, razão pela qual a análise acerca de sua eventual recepção se faz mister. Sabe-se que, através do mandado respectivo, o investigado (ou acusado) tem sua liberdade de locomoção cerceada pelo transcurso de tempo suficiente para ser conduzido até a Polícia Judiciária ou Ministério Público, para participar de ato de investigação preliminar em que se considere sua presença fundamental. Entende a doutrina, sob esse prisma, que tal restrição à liberdade ambulatorial não poderia ultrapassar o limite de 24 (vinte e quatro) horas. Destaque-se, por relevante, que a condução coercitiva não se confunde, sob nenhum aspecto, com prisão de natureza cautelar (seja temporária ou preventiva). Aliás, acerca do enfoque das medidas cautelares de natureza processual penal, tem-se que os arts. 319 e 320, ambos da Lei Penal Adjetiva, não a contemplam em seu rol. Porém, inevitável concluir, até mesmo pelo seu efeito imediato, que corresponde, inexoravelmente, a uma medida cautelar de natureza pessoal. A partir daí, por haver restrição (mesmo que por curto período) à liberdade de locomoção, conclui-se que somente a autoridade judiciária é que tem atribuição para a expedição de mandados correlatos, ex vi do disposto no art. 5º, LXI, da Constituição Federal e no art. 282, § 2º, da Lei Processual Penal. Trata-se, assim, de


5

FARROUPILHA, 22 DE JUNHO DE 2018

os aspectos jurídicos cláusula de reserva de jurisdição. A Suprema Corte, em sentido diverso, tem precedente isolado, entendendo, sob a ótica do art. 4º do Código de Processo Penal, que a polícia judiciária tem legitimidade para, sob o comando da autoridade policial, adotar todas as medidas necessárias à elucidação de um delito, incluindo-se aí a condução de pessoas para prestar esclarecimentos, resguardadas as garantias legais e constitucionais dos conduzidos. Por outro lado, superada a questão atinente a autoridade competente para a expedição do mandado correspondente, com a devida venia a posicionamentos diversos, forçoso concluir que a melhor exegese do art. 260 do Código de Processo Penal (CPP), à luz da Constituição da República, é no sentido de que a possibilidade de condução para fins de interrogatório colide com garantias individuais, entre as quais, aquela decorrente do direito ao silêncio do investigado (art. 5º, LXIII, CF), que tem como consectário lógico o direito de não produzir prova contra si mesmo (nemo tenetur se detegere). Isso não significa, entretanto, que o investigado (ou acusado) não possa ser destinatário de mandado desse jaez, desde que em circunstâncias que não o obriguem a produzir provas contra si próprio, como, por exemplo, participar de reconhecimento pessoal (é um ato que não demanda comportamento ativo por parte do investigado e, portanto, não infringe a principiologia referida), identificação criminal, entre outros. Outra situação relativa ao tema, e capaz de gerar controvérsia, refere-se à possibilidade de a autoridade

judiciária expedir mandados de condução coercitiva paralelamente a outros de busca e apreensão (usual em grandes operações), com o intuito de evitar que o investigado atue de maneira a destruir provas ou, até mesmo, sonegar fontes delas. A análise sob o manto constitucional, adotando-se o mesmo critério acima indicado, conduz a uma conclusão acerca de sua possibilidade, pois, assim como nas situações exemplificativamente mencionadas, não se impõe qualquer comportamento ativo de sua parte, capaz de lhe causar reflexos desfavoráveis no âmbito da seara penal, o que legitima tal prática. Parece-nos, por fim, que a releitura do art. 260 do Código de Processo Penal, sob o espectro constitucional, evidencia que, mesmo em caso de desatendimento do investigado a chamamento para ato de interrogatório, sua condução coercitiva caracteriza abuso estatal, haja vista que não se encontra razoabilidade em conduzi-lo forçosamente a ato que, caso assim pretenda, possa permanecer em silêncio por força da Carta Política. A insistência na adoção de procedimento desta natureza deve, indubitavelmente, ser severamente punida, pois, na maioria das vezes, está permeada por interesses outros, dentre os quais, o escárnio público, o que não pode contar com o beneplácito das autoridades. * Advogado Criminalista, professor do Centro Preparatório Jurídico (CPJUR), palestrante de Direito Penal e Direito Processual Penal e sócio fundador da Pantaleão Sociedade de Advogados


6

FARROUPILHA, 22 DE JUNHO DE 2018

Uma proatividade elogiosa Figura decorativa em muitos governos, o Gabinete da Primeira Dama, em Farroupilha, tem ganho um novo conceito a partir da atuante gestão de Francis Somensi, aliada a sempre destaca e reconhecida fraternidade que caracteriza a população farroupilhense, parceira das grandes causas. Vinculado a ações sociais, o Gabinete foi muito além do tradicional Jantar Noite do Peixe, que reverte recursos

para o projeto Querer Bem, que beneficia pessoas de baixa renda do município com a distribuição de fraldas infantis e geriátricas. Afora a ampliação do projeto, o Gabinete tem se notabilizado por outras importantes iniciativas. O projeto Solidare, da Farmácia Solidária, em que a população doa medicamentos que não estão em uso e que podem ser aproveitados e distribuídos gratuitamente a quem não tem

condição de custeá-los é uma frente de trabalho que está prestes a completar 3 anos e tem obtido resultados expressivos, tendo servido inclusive de modelo para outros municípios. Nesta quinta, a primeira dama realizou a edição inaugural do Varal Solidário, onde roupas e cobertores foram doados para famílias carentes e certamente levou um pouco de carinho a quem sofre com o rigoroso inverno

(Matéria Especial, páginas 2 e 3). É algo raro de se ver uma atuação tão incisiva em causas sociais como as destacadas, sem falar de outras com menor alcance. E é justamente essa abnegação e desprendimento que merecem todos os elogios. Que o Gabinete continue tendo ótimas iniciativas como as citadas que, respaldadas pela comunidade, acabam por beneficiar toda a população.

OPINIÃO

A Copa do Mundo, eleições e o vira-latismo de Nelson Rodrigues Celso Tracco * Há exatos 60 anos, o Brasil ganhava sua primeira Copa do Mundo, vencendo a Suécia, lá em Estocolmo, pelo placar de 5 a 2. Nelson Rodrigues, um célebre jornalista, dramaturgo e escritor, decretava que finalmente havíamos superado o complexo de “vira-lata”. Nelson era um crítico daqueles que julgavam que, pela miscigenação, pelo calor dos trópicos, pela falta de disciplina natural da nossa cultura social, o brasileiro não servia para nada. Na visão de Nelson, o brasileiro tinha uma baixa autoestima, um complexo de “vira-lata”. Assim a Seleção já saiu desacreditada. Vencer na Europa, jamais. Nós brasileiros, já entrávamos

perdendo. Como é que um “escravo” podia vencer o “patrão”? Bem, nesses 60 anos vencemos outras quatro Copas e somos, até agora, o maior vencedor no futebol mundial. Parece que deixamos de ser “vira-latas”. Mas em outro evento, muito mais importante, as eleições de outubro, já sabemos quem será o perdedor: o de sempre! O povo brasileiro. A frágil democracia brasileira vive seus piores momentos dos últimos 30 anos. Pelas últimas pesquisas mais de 30% dos eleitores estão indecisos ou votarão em branco/nulo. Mais de 50% dos brasileiros dizem que não se mobilizarão para a Seleção. O desencanto é geral. Existem cerca de 15 pré-candidatos, muitos completamente desconhecidos para o povo. Mas

Índice

Editorial

Matéria Especial....................................... Páginas 2 e 3 Editorial e Opinião.................................. Página 6 Economia ..................................................... Página 8 Cidade .......................................................... Página 10 Política ....................................................... Página 12 Educação..................................................... Página 13 Esporte........................................................ Páginas 14 e 15

Inside

Especial ....................................................... Capa Cinema .......................................................... Página 2 Música .......................................................... Páginas 3 e 9 Gustavo Pimentel ..................................... Página 4 Agenda ......................................................... Página 4 Mostra ......................................................... Página 5 Guilherme Macalossi .............................. Página 5 Social ........................................................... Páginas 6 e 7 Egui Baldasso............................................ Página 8 Dia do Desafio ........................................... Página 8 Lauro Edson Da Cás ................................. Página 9 Sétima Arte................................................. Páginas 10 e 11 Horóscopo ................................................. Contracapa Saúde, Beleza & Estética...................... 4 páginas Classificados .......................................... 8 páginas Noivas & Festas....................................... 8 páginas

ganhe quem ganhar, dificilmente poderá governar o País, pois o partido, provavelmente, não fará maioria no Congresso e este, mesmo renovado, permanecerá fragmentado. Continuaremos com as negociatas de sempre tendo o presidente de comprar apoio. Com que dinheiro? Ora, o de sempre, o chamado dinheiro público, aquele dos impostos, aquele que não vai para a educação, para a saúde, para a segurança, para a infraestrutura. Ou seja este povo, perdedor, continuará a ser massacrado pelo infame sistema político brasileiro. Quando é que nós, o povo, iremos vencer nosso complexo de vira-lata? Quando entenderemos que os políticos eleitos devem servir ao povo e não se servir dele? Quando iremos

Redação - redacao@jornalinformante.com.br Juliana Inês Casa Barbieri juliana@jornalinformante.com.br Ramon Cardoso ramon@jornalinformante.com.br Yasmin Signori Andrade yasmin@jornalinformante.com.br

Comercial-comercial@jornalinformante.com.br Camila de Lima Alves camila@jornalinformante.com.br Fabiano Luiz Gasperin gasperin@jornalinformante.com.br Maria da Graça Potricos Leite maria@jornalinformante.com.br

Anúncios-anuncios@jornalinformante.com.br Marcelo Bortagaray Mello marcelo@jornalinformante.com.br Tiago Rodrigues da Silva tiago@jornalinformante.com.br

Financeiro-financeiro@jornalinformante.com.br Keli de Almeida Maciel keli@jornalinformante.com.br

entender que, numa democracia, a verdadeira autoridade emana do povo e não do político eleito? Devemos olhar com muita atenção para o nosso campeonato mais importante: o campeonato da cidadania consciente, onde o vencedor deve ser o cidadão que deve ter uma vida mais justa e participativa. Nosso sistema político não joga para o povo, portanto, cabe ao povo vencer seu complexo de vira-lata e mudar esse time corrupto, anacrônico, ineficaz e despótico. Já passou da hora do povo brasileiro vencer, mas para isso, ele precisa aprender a jogar. * Economista e autor do livro “Às Margens do Ipiranga: A Esperança em Sobreviver Numa Sociedade Desigual”

Assinaturas-assinaturas@jornalinformante.com.br Assinatura Bienal: R$ 240,00 Assinatura Anual: R$ 140,00

Telefones (54) 3401-3200 / (54) 3401-3201 (54) 3401-3202 / (54) 3401-3203

Endereço Rua Dr. Jaime Romeu Rössler, 348, Bairro Planalto

Colunistas Crônicas da Redação Dolores Maggioni Egui Baldasso Fabrício Oliboni

Guilherme Macalossi Gustavo Pimentel Lauro Edson Da Cás Paulo Roque Gasparetto

A manifestação dos colunistas é livre e independente e não necessariamente reflete a opinião do Tabloide sobre os temas abordados nas colunas

@PaperInformante www.jornalinformante.com.br

/jornalinformante


8

FARROUPILHA, 22 DE JUNHO DE 2018

MERCADO EXTERNO

Exportações de vinhos e espumantes crescem 44% Índice é referente ao primeiro trimestre deste ano, com rótulos borbulhantes que respondem por 30% das vendas e, em valor, representam um incremento de 64% com relação ao mesmo período de 2017

C

omprovando o crescimento registrado a cada ano no mercado internacional, as exportações brasileiras, que tiveram incremento de 50% no setor de vinhos e espumantes em 2017, continuaram colhendo bons resultados no primeiro trimestre deste ano. Entre janeiro e março foram comercializados mais de US$ 1 milhão, com a remessa de 553.210 litros de rótulos brasileiros ao Exterior, representando alta de 44,3% em valor e de 48,7% em volume

na comparação com o mesmo período do ano passado. O grande destaque foram as exportações de espumantes, que subiram 64% em valor ante o mesmo período do ano passado e apresentam um preço médio por litro de US$ 4,88. Os vinhos tranquilos registraram aumento de 37% e valor médio por litro de US$ 2,25. Nesse período, os rótulos borbulhantes representaram uma participação de 30% nas vendas. “Com os espumantes conseguimos exportar com valor agregado para mercados mais maduros e competitivos como os Estados Unidos, Rei-

Exportações brasileiras de vinhos e espumantes

no Unido e Ásia. Já com os vinhos, temos proximidade logística e uma afinidade de paladar e, portanto, de produto, com os mercados da América Latina”, observa Diego Bertolini, gerente de Promoção do Instituto Brasileiro

do Vinho (Ibravin). Os principais mercados para espumantes são o Chile e Singapura, seguido por Estados Unidos, Reino Unido e China. Para o vinho é o Paraguai, Estados Unidos, Reino Unido, Bolívia e Japão.

As ações de divulgação dos vinhos brasileiros são viabilizadas pelo Wines of Brasil, um projeto setorial realizado em parceria entre Ibravin e Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex/Brasil).


10

FARROUPILHA, 22 DE JUNHO DE 2018

TRÂNSITO

Alguém quer me adotar? ONG dos Peludos

Obituário 14 de junho Cristiano da Silva Alvino, 45 anos. Sepultamento no cemitério do bairro Nova Vicenza. 15 de junho João Paulo Aguiar Flores, 58 anos. Sepultamento no Cemitério Público Municipal (CPM); Ivanir Canei, 76 anos. Sepultamento no CPM. 16 de junho Alexandre Sebben Menegat, 43 anos. Sepultamento no CPM. 17 de junho David Mosconi, 70 anos. Sepultamento no cemitério da comunidade de São Miguel, em Bento Gonçalves; Olga Jung, 85 anos. Sepultamento no cemitério do bairro Nova Vicenza; Fiorelo Moscone, 71 anos. Sepultamento no CPM. 18 de junho Susete Menzen Casagrande, 59 anos. Sepultamento no CPM; Loreni de Miranda Tavares, 45 anos. Sepultamento no CPM. 19 de junho Hemelinda Orso de Biasi, 91 anos. Sepultamento no CPM. 20 de junho Onildo Costa e Castro, 71 anos. Sepultamento no cemitério da comunidade de Desvio Rizzo, em Caxias do Sul; Endrigo Tonin, 37 anos. Sepultamento no CPM.

Assinado contrato para utilização do Radar SNE Sistema vai trazer inovação para a cidade, facilitando pagamento de multa

P

ioneira na instalação do projeto no Estado, Farroupilha vai contar com a utilização do Sistema Radar (Radar, Gestão de Infração e Penalidades de Trânsito) do Sistema de Notificação Eletrônica (SNE) do Denatran, que possibilita o envio de todas as informações de forma eletrônica. Os munícipes de Farroupilha serão beneficiados com a redução de custos. O agente fará a aplicação da multa por meio de tablet ou celular, e o motorista que tiver o aplicativo instalado, pode pagar a multa na hora obtendo 40% de desconto, que seria pelo processamento de impressão e envio pelo correio da multa física. O aplicativo nomeado “SNE” pode ser insta-

Yasmin Signori Andrade

Catatau busca um novo lar e te pede uma chance. É de porte grande, mestiço de Sharpei e tem um ano. É manso, adora crianças e aceita bem outros animais. Importante: a ONG dos Peludos informa que não serão doados cães para ficarem presos em correntes.

Por mais agilidade e segurança Anderson, Pedroso, Claiton, Vandré e Adriano assinam contrato na prefeitura

lado gratuitamente. O projeto se dá por meio do Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro), que faz todo o processamento de dados do governo federal, e está firmando parcerias com Estados e Municípios. Participaram da assinatura

do contrato o prefeito Claiton Gonçalves e o vice Pedro Pedroso, o secretário de Gestão e Desenvolvimento Humano Vandré Fardin, o gerente de Departamento de Negócios do Serpro, Anderson Roberto Germano, e o superintendente da Famurs, Adriano Bento.


12

FARROUPILHA, 22 DE JUNHO DE 2018

FISCALIZAÇÃO E TRANSPARÊNCIA

OSF se apresenta no Legislativo Atuando como fiscal das contas públicas e a favor da transparência na gestão, Observatório Social de Farroupilha mostrou um pouco de seu funcionamento na Casa Legislativa Lidovino Antônio Fanton na abertura dos trabalhos desta semana recebidos pelo Executivo, Legislativo e Setor de Licitações. Todos querem dar mais transparência à gestão pública”, destacou Paese. Os vereadores se colocaram à disposição para auxiliar o OSF. “Os próximos passos serão no sentido de avançarmos na questão que envolve a educação fiscal e exercício da cidadania, com a realização de cursos e palestras. Já tivemos ações em parceria com os Observatórios de Caxias do Sul, Bento Gonçalves e Procuradoria Federal e vamos nos reunir no próximo mês com o Ministério Público Estadual”, adiantou o presidente. “Até o momento analisamos 24 licitações, sendo que encaminhamos 12 pedidos de esclarecimento. Temos um rol de 65 voluntários e mais

Gabriel Venzon

A

semana na Câmara de Vereadores foi aberta com a presença da diretoria do Observatório Social de Farroupilha (OSF). Implantado na cidade no final do ano passado, a entidade explicou seu funcionamento, diretrizes e objetivos. Apartidário e com participação de voluntários da sociedade civil, o Observatório funciona como uma espécie de fiscal das contas públicas. Compareceram ao Legislativo o presidente Carlos Alberto Paese, o coordenador Bruno Varisco e os diretores Maurício Bianchi e Paulo Azelar Schneider. “Estamos muito satisfeitos com o trabalho realizado até o momento. Fomos muito bem

Balanço positivo Paese demonstrou satisfação com o início do trabalho do OSF e destacou as próximas atividades do grupo

de 450 horas voluntárias de trabalho nos últimos 45 dias”, salientou Varisco. São mais de 40 farroupilhenses que já estão habilitados a atuar e os

demais que estão participando do curso de capacitação. Os que têm interesse em se voluntariar não podem ser filiados a nenhum partido po-

lítico nem participar de atividades de nenhuma legenda. Caso o interessado possua filiação é possível realizar a desfiliação com o próprio OSF.


13

FARROUPILHA, 22 DE JUNHO DE 2018

MOVIMENTO

Pelo ensino do Espanhol Docentes se mobilizam e vereadores emitem moção de apoio à PEC 270 para que disciplina continue nas escolas públicas damental e Médio. A mobilização teve início em virtude da Medida Provisória 746 que revogou a lei que instituía a obrigatoriedade do ensino da Língua Espanhola nas escolas brasileiras, desta forma, o Inglês passou a ser o único idioma obrigatório no novo currículo do Ministério da Educação. “A política que entra em cena vai impactar nas universidades, impacta no mercado de trabalho das editoras, nas universidades privadas, nas escolas privadas e impacta na gestão pública, uma vez que os governos estaduais e municipais realizaram, ao longo da última década, concursos para contratar esses profissionais e, agora, não saberão o que fazer com esses funcionários”, declarou Diego Tormes, professor à frente do movimento de Farroupilha.

Gabriel Venzon

O

movimento “Fica Espanhol” está envolvendo professores da disciplina no município. Com a reforma do Ensino Médio, o idioma deixou de ser obrigatório nas escolas, o que vem ocasionando uma mobilização por parte dos profissionais da área. Uma frente montada em Farroupilha se pronunciou na Câmara de Vereadores na última segunda, pedindo apoio aos vereadores. A mobilização resultou em documento que será encaminhado à Assembleia Legislativa em apoio ao Projeto de Emenda Constitucional (PEC) 270/2018 que torna a disciplina de Língua Espanhola, de matrícula facultativa, em disciplina obrigatória nas escolas públicas de Ensino Fun-

O grupo questiona o rompimento com a identidade latino-americana e com acordos internacionais assinados pelo Brasil, ressaltam ainda que alunos das escolas públicas

que não conseguem pagar um curso particular de idiomas saem em desvantagem da escola básica, tanto para o mercado de trabalho, quanto para formação acadêmica.

Luta pelo Espanhol Tormes levou temática para Câmara de Vereadores, representando diversos docentes do idioma


14

FARROUPILHA, 22 DE JUNHO DE 2018

Lis dos Santos Neis

SERC Brasil Feminino acelera preparação para o Gauchão da categoria

Em campo Meninas buscam melhorar o entrosamento para a disputa estadual

Em amistoso preparatório ao Gauchão Feminino, o Brasil realizou amistoso na quarta à noite, nas Castanheiras, diante do Cristóvão de Mendoza, de Caxias do Sul. As meninas rubro-verdes perderam por 3 a 1, com gol de Bruna Galiotto para a equipe farroupilhense. O Brasil está no Grupo C da competição estadual, junto com o Black Show de Guaíba, Grêmio, Oriente de Canoas e Santaritense de Nova Santa Rita. A estreia é contra o Grêmio, no dia 15, às 15h, em Gravataí. O primeiro jogo em casa é exatamente daqui a um mês, no dia 22, também às 15h, diante do Oriente.

Rancho e Vinhedos na final

No torneio Roque Líris Ornaghi (em memória) de Bochas Tiro e Ponto, estão definidos os finalistas da edição 2018. Nos duelos de volta das semifinais, o Vinhedos venceu o Aldeia Farroupilha por 4 a 0 e o Rancho de Gaudérios fez 3 a 1 no Veteranos do Rancho. A decisão acontece neste sábado, às 13h30min. No Centro de Tradições Gaúchas (CTG) Rancho de Gaudérios, o Rancho encara o Vinhedos no jogo de ida da final. Valendo o 3º lugar, o Aldeia mede forças com o Veteranos do Rancho.

Muth e Vetera’s em vantagem

Na abertura das semifinais do Torneio Zeno Pessin (patrono) de Bochas 48, o Bar do Muth visitou o Bar Belvedere e venceu por 3 a 0. Pelo mesmo placar, o Vetera’s triunfou, em casa, diante do Bar do André. Neste sábado, às 16h, acontecem as partidas de volta que podem apontar os finalistas da disputa. Em Linha Paese, o Muth recebe o Belvedere. No bairro Santo Antônio, o André encara o Vetera’s. Em caso de devolução do placar, haverá um terceiro jogo, em cancha neutra, para definir o finalista.

Domingo de vôlei no Cinquentenário

O Campeonato Municipal, organizado pelo Departamento Municipal de Esporte e Lazer (DMEL), movimenta o Complexo Esportivo do Parque Cinquentenário a partir das 9h de domingo. Na quadra de cima com os jogos do Feminino e, na quadra de baixo, com as partidas do Masculino. As disputas acontecem em quadrangular. Confira as rodadas.

Feminino

1ª rodada DMEL x Gurias do Vôlei Anselmi x Vôlei Farroupilha 2ª rodada Gurias do Vôlei x Anselmi Vôlei Farroupilha x DMEL 3ª rodada Gurias do Vôlei x Vôlei Farroupilha DMEL x Anselmi

Masculino

1ª rodada Farlley x Serra V.C. DMEL x Farrapos 2ª rodada Farrapos x Farlley Serra V.C. x DMEL 3ª rodada Farlley x DMEL Serra V.C. x Farrapos


15

FARROUPILHA, 22 DE JUNHO DE 2018

MENINAS EM QUADRA

Por duas vagas na decisão Semifinais da Copa Farroupilha de Futsal Feminino acontecem neste sábado, no Ginásio de Esportes do Colégio de Lourdes ro duelo registrou outra goleada, da Santa Catarina Futsal, de Caxias do Sul, por 4 a 1, sobre a Clínica Veterinária Álvaro Abreu/Elisa Cosméticos, de Nova Petrópolis. Por fim, a bento-gonçalvense BGF aplicou 3 a 1 na Olímpia/AABB. As semifinais da disputa ocorrem neste sábado, a partir das 19h45min, no Ginásio de Lourdes. Na abertura da noite, o clássico caxiense entre Comando São Paulo e Santa Catarina. No encerramento, a 1º de Maio encara a BGF. Havendo empate no tempo regulamentar, prorrogação de cinco minutos. Persistindo, definição da classificada nas cobranças de pênaltis. O ingresso custa R$ 5,00. Embate local No duelo entre as farroupilhenses, Paula, da Associação 1º de Maio (à direita), leva a melhor sobre Cissa, da Benjamin: vaga na semi

Ramon Cardoso

O

s quatro times que avançaram à fase semifinal da Copa Farroupilha de Futsal Feminino mostraram força. Nenhum placar foi apertado e foram registradas três goleadas. Das primeiras colocadas que aguardaram as oponentes, apenas o caxiense Olímpia/AABB ficou pelo caminho. As demais, confirmaram a supremacia na 1ª fase da competição regional, que é organizada pela Liga Farroupilhense de Futsal. Na abertura da noite, a caxiense Comando São Paulo não tomou conhecimento da farroupilhense/caxiense Nápoli/Benfica e venceu por 6 a 0. Na sequência, no duelo entre as farroupilhenses, a Associação 1º de Maio goleou a Benjamin por 4 a 0. O tercei-


Imagem: Reprodução

Tudo para realizar um casamento inesquecível Material também conta com dicas para celebração de aniversários Caderno Especial

Vale vaga na final Fotos: Ramon Cardoso

Associação 1º de Maio x BGF e Comando São Paulo x Santa Catarina Futsal disputam as semifinais da Copa Farroupilha de Futsal Feminino Editoria de Esporte, página 15


Compromisso com a Cidade. Compromisso com você.

FARROUPILHA, 22 DE JUNHO DE 2018

RECONHECIMENTO

Turma do Bem é exemplo para o mundo Premiado na Espanha, projeto presente em 14 Países tem representação em Farroupilha, atendendo 161 alunos de baixa renda rece uma possibilidade de tratamento odontológico para aqueles que, em situação de vulnerabilidade social, não teriam acesso a esse tipo de atendimento especializado e de qualidade”, considera ainda Marina Turazzi Eid, cirurgiã-dentista e coordenadora internacional do projeto. Pelo Dentista do Bem recebeu a premiação, em Madri, das mãos da rainha Sofía, o fundador Fábio Bibancos, cujas ações tiveram início em 1995, a partir de palestras em escolas públicas e atendendo o pedido de ajuda de diversas crianças que necessitavam de tratamento.

Divulgação

O

projeto Dentista do Bem foi premiado na última semana como melhor iniciativa em Ação Social pela Fundação Mapfre. A premiação foi entregue na Espanha e a proposta do reconhecimento é valorizar o trabalho das instituições que contribuem para melhorar a vida da sociedade em áreas relacionadas ao compromisso social, pesquisa, saúde, prevenção de acidentes e seguro. Foram 844 candidaturas de iniciativas vindas da Europa, Estados Unidos e de Países Ibero-Americanos. Dentre todas, o Projeto Dentista do Bem, da organização social brasileira Turma do Bem, recebeu o reconhecimento. O mesmo trabalho é desenvolvido em Farroupilha, coordenado por Paulo Bertocchi, integrando a maior rede de voluntariado especializado do mundo. “É importante para que crianças carentes possam ser colocadas na cadeira do dentista. Fazendo nossa parte, acabamos reduzindo os problemas bucais e devolvendo esses sorrisos”, considera Bertocchi. São 28 dentistas que fazem parte do projeto em Farroupilha, sendo que a iniciativa existe no município há 10 anos e já atendeu 161 jovens. “O projeto Dentista do Bem ofe-

As iniciativas premiadas pela Fundação Mapfre Dentista do Bem Melhor Iniciativa em Ação Social Vicente del Bosque Toda uma Vida Profissional Enlace Hispano Americano de Saúde Melhor Iniciativa em Promoção da Saúde Organização dos Bombeiros Americanos Melhor Iniciativa em Prevenção de Acidentes Policy Incubator, da Universidade da Pensilvânia Prêmio Internacional de Seguros

Louvor global Bibancos recebeu honraria das mãos da rainha Sofía, em cerimônia na Capital espanhola

Sobre o Dentista do Bem

É o principal projeto da organização social Turma do Bem (TdB). O objetivo é contribuir para a inclusão social de crianças e adolescentes entre 11 e 17 anos sem condições financeiras para bancar tratamentos odontológicos. Oferece atendimentos gratuitos prestados por 17,1 mil odontólogos que atendem 71 mil jovens de 14 Países. O programa está presente em 1,5 mil municípios brasileiros, além da Argentina, Bolívia, Chile, Colômbia, Equador, México, Panamá, Paraguai, Peru, Portugal, República Dominicana, Uruguai e Venezuela.


Compromisso com a Cidade. Compromisso com você.

FARROUPILHA, 22 DE JUNHO DE 2018

Naturalidade e definiç com microblading fio a Adeline Stein *

S

ão as sobrancelhas que delineiam o nosso olhar e nos fazem parecer mais alegres, confiantes, tristes ou até mesmo desanimados. É por isso que cada vez mais as pessoas têm se rendido a técnica de microblading fio a fio, que pode deixar essa parte tão importante do nosso rosto ainda mais bonita. Essa técnica de micropigmentação é a que deixa o fio mais fino e natural, por isso que ela está conquistando tantas pessoas no mundo todo. A microblanding já é bastante conhecida no mundo todo, porém as pessoas ainda têm muitas dúvidas sobre a técnica. Algumas delas serão esclarecidas nos tópicos a seguir. Como funciona A ferramenta usada para fazer a microblanding é chamada de tebori, um nome de origem japonesa. Esse objeto lembra uma caneta com uma pequena lâmina na ponta, que faz pequenos cortes. A técnica é a que tem o resultado mais natural encontrado hoje no mercado, pois desenha os pelos fio a fio! Logo após o procedimento, a sobrancelha ficará mais escura e depois de 7 a 10 dias ela pode clarear até 40 % da cor. Sua aplicação é superficial promovendo uma fixação suave dos pigmentos e menos agressão à pele, menos dor, menos desconforto e um resultado muito satisfatório. O procedimento leva em torno de 2 horas e 30 minutos para ser realizado. Primeiramente é feito as medidas e o contorno da sobrancelha, depois de aprovado o desenho pela cliente é passado um anestésico que ficará agindo por 30 minutos e só então que são feitos os fios da sobrancelha. Escolha da cor Para que o resultado final fique perfeito, o tom do pigmento utilizado precisa ser bem semelhante ao tom dos pelos da pessoa. São usadas tinturas próprias para pele e pigmentos diferentes para cada pessoa, de acordo com a cor da pele e os pelos. Duração A duração da microblanding é de oito meses a dois anos, dependendo do tipo de pele, os produtos que a pessoa usa no dia a dia e como foi cuidado durante a cicatrização. * Micropigmentadora e Designer de Cílios


Compromisso com a Cidade. Compromisso com você.

FARROUPILHA, 22 DE JUNHO DE 2018

ção das sobrancelhas a fio

Divulgação


Compromisso com a Cidade. Compromisso com você.

FARROUPILHA, 22 DE JUNHO DE 2018

OPINIÃO

Os problemas gerados pela ansiedade

N

ão podemos associar a ansiedade x depressão, pois um não tem relação com outro. A ansiedade é vista num contexto popular quando o ser humano está passando por um período sob pressão, um período apreensivo para algo. Todos os sentimentos ruins do ser humano ficam à flor da pele quando ele está sofrendo de ansiedade, sintomas como suar, tremer, gaguejar estão entre os mais comuns. A ansiedade está ligada diretamente com o sistema mental, por isso os sintomas são psicológicos. * Se você já passou por alguma situação que marcou a sua vida de uma maneira negativa, algo realmente traumático e esse “flashback” começa a aparecer constantemente em sua mente é sinal de ansiedade; * A ansiedade está ligada ao medo, algo que realmente costuma lembrar de certas situações: como medo de algum animal, medo de voar ou até mesmo de uma multidão.

Pode parecer apenas uma fobia, mas se você é incapaz de eliminar da sua mente, é sinal de ansiedade; * Perfeccionismo: muito ligada à preocupação é um sintoma ligado diretamente às pessoas que vivem em constante pressão pessoal ou profissional. Muitas das pessoas nem se dão conta de que toda a preocupação para algo dar certo é, na verdade, fruto de ansiedade; * Autoconfiança: muitas pessoas não conseguem conversar, comer e nem ao menos se sentirem bem em ambientes desconhecidos se sentindo inconveniente. Elas tremem, ficam vermelhas, suam, tudo isso são sinais de ansiedade. O problema observa-se nitidamente em sintomas físicos como insônia, roer unhas, tensão muscular, sintomas que muitas vezes passam desapercebidos mas demonstram ansiedade. Dores na barriga, que causam enjoos, acontecem muito por causa da agitação, devido ao nervosismo. Dores de cabeça, e isso também na infância, é muito comum de ocorrer. Se você costuma ter sintomas como sensação de vazio no estôma-

Divulgação

Marian Martins *

go, batimentos cardíacos acelerados, medo intenso, aperto no tórax ou transpiração excessiva, pode ser que você tenha algum distúrbio relacionado à ansiedade. Embora muita gente ainda trate ansiedade como “frescura”, a verdade é que saber como controlar pode ser a peça que faltava para você conseguir realizar metas e vencer desafios com ordem, paz e livre de estresse. É importante ressaltar que os

transtornos de ansiedade são diagnosticados como doenças e, como tais, precisam ser tratadas por profissionais de saúde especializados. O que vai caracterizar um transtorno de ansiedade é a frequência e intensidade com as quais esses sintomas se manifestam. Na dúvida, procure um profissional para receber um diagnóstico confiável. * Psicóloga (CRP/RS 07|10386 CRP/PR 08| IS 335)


Música

Tocando as clássicas do rock gaúcho: Dinamite Joe é a atração deste sábado no Boteco Antonielle Página 9

Inside

Sétima Arte

Cineasta mexicano Guillermo del Toro reafirma, em “A Forma da Água”, seu talento para incorporar fantasia à realidade Páginas 10 e 11

Arte

Raízes tradicionalistas

Artista plástico Anilto Caureo expõe na Casa de Cultura pinturas em homenagem ao Rio Grande do Sul feitas com carvão

N

Fotos: Yasmin Signori Andrade

omeada “Raízes” a exposição traz telas inspiradas no Estado, pintadas com carvão, do artista Anilto dos Santos Caureo. A mostra está aberta de segunda a sexta, das 8h às 20h, sem fechar ao meio dia. No dia 5 terá nova edição do Quinta Gaúcha no local, com apresentações especiais, e Anilto pintará um quadro durante o show, finalizando a exposição. O artista nasceu em Palmeira das Missões, e desenha quadros com pintura à óleo, lápis e carvão. Quando criança não tinha tintas, então sua mãe fervia raízes de plantas e as transformava em materiais para que usasse em seus desenhos. Em um rodeio, o pediram para desenhar uma obra e como não tinha material, pegou um pedaço de carvão, um pedaço de MDF e fez um quadro. Gostou do resultado e decidiu se dedicar a esta forma original de reproduzir arte. Anilto fez artes finais para várias empresas e trabalhos como caricaturas, serigrafia e quadros que estão espalhados por todo Brasil e exterior. Participou de algumas exposições, dentre elas “Coisas do Meu Pago” e Chama que não se Apaga”, de 2015.

Programe-se O que: exposição Raízes Quando: de segunda a sexta até o dia 5 Onde: Casa de Cultura Quanto: entrada franca

Originalidade Carvão é uma forma primitiva de pintura e Anilto usa deste recurso para retratar as belezas naturais e históricas do Rio Grande do Sul


Inside

2

FARROUPILHA, 22 DE JUNHO DE 2018

Cinemas Shopping Iguatemi (RST-453, quilômetro 3,5) Cinemas Imagem: Reprodução

GNC 1: Não se Aceitam Devoluções - às 14h (com legenda descritiva), 16h30min, 18h40min e 21h GNC 2: Do Jeito que Elas Querem (dublado) - às 14h20min GNC 2: Deadpool 2 - às 16h45min e 21h50min (dublado), 19h20min (legendado) GNC 3: Hereditário - às 13h40min e 19h (dublado), 16h10min e 21h45min (legendado) GNC 4: Jurassic World: Reino Ameaçado - às 13h e 18h50min (dublado e em 3d), 16h e 21h40min (legendado e em 3d) GNC 5: Jurassic World: Reino Ameaçado - às 13h30min e 19h10min (legendado), 16h20min e 22h (dublado) GNC 6: Gnomeu e Julieta: O Mistério do Jardim (dublado) - às 13h20min GNC 6: Oito Mulheres e um Segredo - às 15h15min e 19h45min (dublado), 17h30min e 22h (legendado) Ingressos: segunda e quinta (exceto feriado e Carnaval) a R$ 22,00 e R$ 28,00 (salas 3d); terça e quartas (exceto feriado e Carnaval) todos pagam meia entrada; sexta a domingo e feriado a R$ 26,00 e R$ 32,00 (salas 3d). Meia entrada todos os dias para menores de 18 anos e maiores de 60 (mediante apresentação de identidade), estudantes (mediante apresentação de Carteira de Identificação Estudantil), pessoas com deficiência (com documento que a comprove) e para o Movie Club Preferencial.

Shopping San Pelegrino (Avenida Rio Branco, 425) * Obs: o site do Cinépolis traz apenas os horários dos filmes, mas não informa em qual sala serão exibidos Deadpool 2 - às 14h, 16h45min, 19h30min (dublado) e 22h10min (legendado) Do Jeito que Elas Gostam (dublado) - às 18h15min Gnomeu e Julieta: O Mistério do Jardim (dublado) - às 13h30min Hereditário - às 15h30min e 18h30min (dublado), 21h45min (legendado) Jurassic World: Reino Ameaçado (dublado e em 3d) - às 15h, 18h e 21h Jurassic World: Reino Ameaçado (legendado e em 3d) - às 16h e 22h No Olho do Furacão (dublado) - às 15h45min e 20h45min Oito Mulheres e um Segredo - às 13h45min e 18h45min (dublado), 16h15min e 21h30min (legendado) Ingressos: nas salas tradicionais, segunda a quarta (exceto feriado) a R$ 23,00 e R$ 11,50 (meia); quinta (exceto feriado) a R$ 25,00 e R$ 11,50 (meia); sexta a domingo e feriado a R$ 26,00 e R$ 13,00 (meia). Nas salas 3d, segunda a quarta (exceto feriado) a R$ 29,00 e R$ 14,50 (meia); quinta (exceto feriado) a R$ 29,00 e R$ 15,00 (meia); sexta a domingo e feriado a R$ 32,00 e R$ 16,00 (meia).

Sala de Cinema Ulysses Geremia (Luiz Antunes, 312) Festival Varilux de Cinema Francês Marvin - sexta, às 19h30min Troca de Rainhas - sábado, às 19h30min A Raposa Má - domingo, às 16h De Carona Para o Amor - domingo, às 20h Ingressos: R$ 10,00 e R$ 5,00 (estudantes e sênior)

No circuito comercial Aclamado pela crítica como o novo “O Exorcista”, terror “Hereditário” é dirigido pelo jovem cineasta nova-iorquino Ari Aster e marca sua estreia em longas-metragens


FARROUPILHA, 22 DE JUNHO DE 2018

Inside

3

Música

Expo Farroupilha vai receber Tchê Garotos e Nenhum de Nós

A

Expo Farroupilha e a 23ª Fenakiwi, que vão acontecer entre os dias 9 e 25 de novembro nos finais de semana, véspera e feriado, estão ganhando cada vez mais força, e com isso, novas atrações. Com projeto aprovado pela Lei de Incentivo à Cultura (LIC), o evento apresenta diversas manifestações de arte como música, teatro e dança com entrada franca. Conhecidas nacionalmente, as bandas gaúchas Tchê Garotos e Nenhum de Nós farão parte da programação no palco principal da remodelada festa, nos dias 16 e 23, respectivamente. A festa acontece nos pavilhões do Complexo Esportivo do Parque Cinquentenário e além das apresentações gratuitas, o evento terá grandes nomes como Fernando & Sorocaba, Guri de Uruguaiana e Grupo Tholl. Os ingressos antecipados e meia entrada custam R$ 5,00 e já estão disponíveis para compra na Akustica Musical, no Centro. O evento é uma realização da Prefeitura de Farroupilha.

Outras atrações gratuitas do evento

Dança Polonesa com o Grupo Solidarnorc, Alexandre Batisti e Grupo Paiol, Grupo Os Daltons, Grupo Overcustic, Dança Sueca com o Grupo Svenska Kulturhuset, Grupo UEBA com a peça O Incrível Caso do Sumiço das Letras e Dança Balé com Carla Wask.

Fotos: Divulgação

As renomadas bandas farão parte da programação gratuita do evento, que acontece em novembro

Reconhecimento nacional Com mais de 30 anos de carreira, a Nenhum de Nós conquistou todo o Brasil com o rock da terra

Tradicionalismo em horário nobre A banda Tchê Garotos já esteve no repertório de quatro novelas da Rede Globo, expandindo as raízes da terra no plano nacional


Inside

4

Gustavo Pimentel

gustavospimentel@yahoo.com.br

Como estamos em época de Copa do Mundo, nada mais apropriado que trazer a essa coluna um tema que tem despertado muitos debates nos programas esportivos: o uso do VAR. Para quem não sabe o que significa, VAR é a abreviação da expressão, em inglês, “Video Assistant Referee”, que em uma tradução livre significa Árbitro Assistente de Vídeo. Esse sistema de auxílio à arbitragem, que já vinha sendo testado em algumas competições, está sendo usado em sua totalidade de recursos pela primeira vez em uma Copa do Mundo. Eu confesso que, como bom saudosista que sou, não concordo com o uso do VAR do jeito que está sendo feito. Se é humanamente impossível que o árbitro consiga perceber tudo o que acontece dentro do campo de futebol e, mais que isso, acerte todos os lances duvidosos, também é verdade que essa é justamente uma das maiores graças do futebol. A discussão de lances duvidosos extrapola as entrevistas coletivas e os debates pós-jogo e vira pauta principal em todas as rodas de conversa, seja no café, na fila do banco ou no intervalo para o almoço. O VAR muda completamente isso. Qualquer leve toque, se visto em câmera lenta, dará a impressão de que ocasionou uma falta gritante, o que não é verdade. Basta notar que até agora em todas, eu repito, todas as vezes em que o árbitro foi consultar o VAR para faltas dentro da área acabou marcando pênalti. O grande número de pênaltis já marcados na primeira rodada da Copa da Rússia confirma isso. Ora, se tivesse o azar de jogar em época de VAR, certamente o Pelé, o maior atleta de todos os tempos, seria definido apenas como mais um atacante trombador. Para quem não sabe, Pelé tinha como característica, entre tantas outras, disputar espaço com os marcadores antes da bola chegar e até mesmo agredir com socos, chutes e cotoveladas os zagueiros adversários na briga por espaço dentro do campo. Eu não estou defendendo a malandragem, o jogo desleal ou a vitória a qualquer custo. Eu até acho muito bom que exista um recurso para avisar ao juiz quando a bola ultrapassar a linha do gol, por exemplo. Mas permitir que um juiz, de dentro de uma cabine, a quilômetros de distância do estádio, tenha a possibilidade de alertar ao árbitro em todo e qualquer lance é exagero. A Alemanha, que foi um dos primeiros países a implantar o sistema em seu campeonato nacional, já estuda mecanismos para reduzir a atuação do VAR, considerando que ela trouxe prejuízo não só ao espetáculo, mas ao próprio árbitro de campo, que é desprestigiado frente aos jogadores e à torcida quando alguma decisão sua é desautorizada pelo VAR. Da maneira como está sendo usada, claramente a tecnologia tirou a espontaneidade do futebol. Tanto é que a primeira reação dos jogadores, ao marcarem um gol, é olhar para o árbitro para ver se ele vai confirmar o gol ou conferir no monitor de vídeo a regularidade do lance. Até mesmo a torcida hesita em alguns segundos para comemorar, para ver se o juiz não vai chamar o VAR. Ora, isso pode ser qualquer coisa, menos futebol! Caso a implantação do VAR realmente siga em frente, o futebol, que já está tão chato fora de campo com a onda do politicamente correto, passará a ficar chato também dentro de campo. Se eu pudesse fazer um apelo àqueles que comandam o futebol, certamente seria: mandem o VAR para outro esporte e tragam de volta o bom e velho futebol raiz! * Advogado

Agenda SEXTA Veleiro Velho República Beer, às 23h

SÁBADO Led Acústico República Beer, às 23h Rolezão de São João Muinho Club, às 23h Na Peghada do Boteco, show Grupo Peghada Boteco do Chá, às 23h30min

DOMINGO Super After: Arraiá do Hunter Club Hunter Club, às 7h

Divulgação

O VAR é a morte do futebol raiz

FARROUPILHA, 22 DE JUNHO DE 2018


FARROUPILHA, 22 DE JUNHO DE 2018

Inside

5

Guilherme Macalossi

Mostra

cisperter@hotmail.com

Farroupilha vai receber a exposição “Água: Essência da Vida” É possível inscrever trabalhos até a próxima sexta para participar da mostra

A

exposição fará parte da campanha de 25 anos da Semana da Água do Estado, e tem como tema “Água: Essência da Vida. O olhar sobre a água em seus diversos usos”. É possível inscr ever trabalhos orientados pelo tema, de qualquer artista residente no Rio Grande do Sul, acima de 18 anos. As inscrições são gratuitas para pessoas físicas, e se encerram no dia 29. O edital é aberto para inscrever todos o tipo de arte visual voltado para o contemporâneo, como escultura, pintura, gravura, objeto, vídeo e até performance. Terá um júri, que irá escolher dentre todas as propostas, algumas obras para participarem da mostra. A 1ª Exposição vai acontecer no Palácio do Ministério Público do Rio Grande do Sul, no dia 26 de julho, e acontecerão outras cinco exposições, duas em Porto Alegre, na Galeria de Arte do DMAE e na Sede da Corsan, e outras três no interior, em Canoas, Montenegro e Farroupilha. A Casa de Cultura vai receber a exposição, que abre no dia 27 de novembro e segue até 12 de janeiro de 2019. A Semana da Água é promovida pela Companhia Riograndense de Saneamento (Corsan), pela Associação Brasileira de Engenharia Sanitária e Ambiental do Rio Grande do Sul (ABES/RS) e pela Associação Riograndense de Artes Plásticas Francisco Lisboa. Mais informações podem ser obtidas no edital, disponível no link: http:// farroupilha.rs.gov.br/wp-content/uploads/2018/06/ edital-exposicao-agua-essencia-da-vida-2018.pdf.

ção

produ

m: Re

Image

Conscientização por meio da arte A mostra será composta de trabalhos feitos para refletir sobre a importância da água em nossa vida

Chuchu com café frio Geraldo Alckmin, que amarga entre 6% e 8% em todas as pesquisas de intenção de voto, parece empenhado em perder o apoio até mesmo dessa pequena fração do eleitorado. Nas últimas semanas, pressionado por aliados a reagir, o tucano deu início oficial a sua propaganda nas redes sociais. O resultado é a atualização dos piores momentos de suas campanhas anteriores. Além da fracassada tentativa de puxar Jair Bolsonaro para um debate sobre segurança pública, Alckmin claramente copiou seu adversário ao produzir um vídeo de aeroporto no qual aparece sendo recepcionado por apoiadores. Portando uma pastinha, ele é abordado por alguns militantes gritando “Brasil para frente, Geraldo presidente!”. Os pedidos de selfies, tapinhas nas costas e abraços parecem todos coreografados, como se a multidão de meia dúzia estivesse a encenar uma exultação. Outra iniciativa foi colocar o ex-governador de São Paulo para falar com o povão. Em uma série de vídeos intitulados “Café com Alckmin”, o pré-candidato aparece em um boteco tomando café e dialogando com taxistas, professores e “gente comum”. A coisa até poderia funcionar se a conversa toda não parecesse ter saído da leitura de um teleprompter. As perguntas, bem como as respectivas respostas de Alckmin, soam forçadas. Isso para não mencionar o conteúdo, repleto de generalidades. Surpreende que os interlocutores do tucano não caiam de sono em cima da xícara. O PSDB parece não ter aprendido com suas quatro derrotas anteriores. Alckmin não é um político incompetente. Os números do Estado que governou por quatro vezes demonstram isso. São Paulo, nas mais diversas áreas, foge da realidade brasileira. O arcabouço de resultados e realizações poderia servir para amparar sua campanha. Tudo é desperdiçado pela linguagem excessivamente artificial que parece a reprodução exata da falta de personalidade do pré-candidato. Ainda que tenham posicionamentos e posturas distintas, Lula, Ciro Gomes e Bolsonaro extravasam carisma. Alckmin, por outro lado, é um sujeito contido. Querer imputar-lhe carisma por meio de publicidade apenas ressalta seu desconforto em interpretar alguém que ele não é. O PSDB quer vencer uma eleição presidencial servindo chuchu com café frio. * Redator e radialista


Divulgação Boteco Antonielle

N

Sao Joao

o próximo domingo a Casa Perini promove a típica Festa Junina. Na data, serão realizadas brincadeiras que marcam os festejos e ofertadas comidas tradicionais da celebração combinadas com harmonizações dos produtos da Vinícola. O evento ocorre no Spazio Beatrice, das 14h às 18h, e tem entrada franca, mas possui limitação de espaço.

Berlim, 1930

A Escola de Danças Carla Barcellos apresenta “Vaudeville: A Vida é um Cabaret” neste domingo. O espetáculo conta com direção do ator e bailarino Gustavo Essbich e mescla dança, canto e teatro em um cenário que retratará a Berlim de 1930. A atração acontece no Teatro Pedro Parenti, em Caxias do Sul, a partir das 20h. O ingresso custa R$ 35,00.

Feijoada

Letícia Zanandrea curtiu o pagode confirmado do domingo, no Boteco Antonielle

Ademar Zuanazzi, Franciele Baú, Saiury Baú, Ma Bianca Porto e Bruno Couto curtem férias em S Chile, e aproveitaram para conhecer o Valle

Arquivo Pessoal

Cristiano de Oliveira

O Intercity Caxias será palco novamente do tradicional evento social e benemerante Feijoada do Pulita, capitaneado pelo colunista João Pulita. A festividade ocorre neste sábado, a partir das 11h e contará com gastronomia assinada pelo chef do hotel, Antonio Bosco. Nesta edição, 17 instituições da Serra Gaúcha serão beneficiadas com a venda dos ingressos.

Amanda Bono e Gabriel Antunes curtiram a noite de Pepsi Club na semana passada

Cristiano Bet está acompanhando de perto a Copa do Mundo da Rússia. Na foto, ele assiste ao jogo de estreia da Seleção Brasileira no Mundial, diante da Suíça, na Arena Rostov

As profissionais da beleza Camila Benelli, Jos Donazzolo e Diana Muzzatto reunidas para ce meses de sucesso da Kezzo Saúde & Beleza, es tratamentos faciais e corporais em Caxi


Arquivo Pessoal

Multifotos Studio

agnos Basso, Santiago, no e Nevado

Amanda Brites comemorou seus 15 anos neste sábado, juntamente com seus familiares e amigos, no espaço Eventu’Al

Formatura

Fique por Dentro

A farroupilhense Vanessa Gnielka está exultante com sua formatura em Medicina na UFRGS. A jovem, de 25 anos, cola grau nesta sexta, em cerimônia no Salão de Atos da Universidade e, na sequência, recebe convidados para a celebração no Salão Praça dos Fundadores do Grêmio Náutico União.

Fabio Campelo

Clássico

Fábio Silvestri

No sábado o Boteco Antonielle traz para o palco do pub a banda Dinamite Joe, a partir das 22h. Os músicos confirmam o melhor do clássico rock gaúcho em sua set-list (veja mais na página 9).

seli Fabro, Kelly elebrar os seis spaço dedicado a ias do Sul

Daniela Frana recebeu o carinho do namorado Bruno Almeida Marques na comemoração de seu aniversário no Boteco do Chá, na sexta


Inside

8

Egui Baldasso e.baldasso@gmail.com

A vida é um pequeno motivo

* Escritor e jornalista

Dia do Desafio

Para se movimentar Promovido pelo Sesc, DDD ocorre na próxima quarta e tem mudanças na programação Arquivo Sesc

Hoje eu acordei sem muita vontade de sair da cama. Sem querer levantar. Mas levantei porque tinha um sorriso que dependia de mim. Hoje, inclusive, esse sorriso era o meu. Têm dias que o sorriso é de um amigo, do meu irmão, da minha mãe. Algumas vezes de quem eu nem conheço tanto. Mas sei que inevitavelmente ele vai acontecer. Deus nos dá essas tarefas estranhas de ficar responsável por fazer o dia de alguém um pouco melhor. Hoje, porque às vezes não vem de mais nenhum lugar, essa pessoa sou eu. Em determinadas épocas do ano todo mundo tem suas baixas. Eu que não sou muito afeito ao frio acabo jogando na conta dele esse marasmo. Responsabilidades, desafios, dificuldades. Pessoas. A vida nos enche de bons sonhos, são a melhor parte da própria vida. E o preço que cobra é nem sempre dar certo como pensamos que daria. Os dias andam frios, cinzas. Mas eu preciso fazer algo pelo meu sorriso, entende? É como eu vejo a vida. Como eu tento levá-la. Vai ter sempre um motivo, um desafogo. Tempos atrás, quando a coisa andava pesada, eu pensei nos meus livros. Nem todos que compro consigo ler, e a fila de espera na acanhada biblioteca Baldasso já começa a ficar impaciente. Sempre brinco que acumulo para quando eu me aposente. Serão minhas companhias em tardes de quarta e manhãs de sexta. Se eu me tornar muito ranzinza, são eles a levar o Egui xarope velhice adentro. Esses livros que esperam por mim precisam que eu fique. Quando tudo parecer sem sentido, da paciência deles no meu aguardo é que devo lembrar. E lembrar que sempre há motivos. Às vezes eu uso meu time pra isso. Até uma comida que eu amo ajuda (de verdade). Dias atrás teve um pagode com amigos de anos. Roda de samba, cerveja, risada. Deus sabe o quanto tudo isso fez falta quando passei um ano fora do País e desde lá valorizo cada um deles. Se pararmos para pensar, quando a vida nos colocar na parede, todos temos os nossos. Um filho, um cachorro, pessoas que amamos ficar junto. A profissão que tanto gostamos e sermos bons naquilo que fazemos. A cada dia de questionamento, cada fossa, cada vontade de não estar aqui, são as pequenas coisas que nos seguram. Porque no final das contas elas só parecem pequenas. Mas salvam vidas, as nossas vidas. Por isso são gigantes, assim como o bem que nos fazem. A vida é um saco, nos derruba, brinca conosco. Faz levantar só pela pirraça de nos ver cair de novo. Mas traz tanta gente. Tantas razões que, entre trancos, faz o mundo ser fantástico. Escolhamos ficar. Sempre. Por nós, pelos que nos querem bem. Pelos livros ou tantos pequenos motivos. Por tudo que, os que se gostam, podem viver juntos.

FARROUPILHA, 22 DE JUNHO DE 2018

De braços abertos David Cabral, Rosemari Vargas, Grasiela Mari Savi, Carlos Alberto Fritsch, Joice Michele Wammes e André da Silva farão parte do time que irá comandar as atividades na quarta em Farroupilha

P

romovido pelo Serviço Social do Comércio (Sesc), o dia dedicado às atividades físicas sempre ocorre na última quarta do mês de maio. Contudo, com a greve dos caminhoneiros, foi adiado para a próxima quarta. A Corrida Rústica Noturna que iria acontecer em Farroupilha foi cancelada e as atividades reduzidas. O Sesc fará atendimentos para os locais que solicitaram a ação e empresas e escolas farão atividades internas. As iniciativas que acontecem no Sesc também serão internas e contarão com aulas na academia, Também haverá brinquedos infláveis e o arrastão, onde animadores culturais circularão

pelo Centro da cidade, divulgando e convidando a participar das atividades físicas. Este ano, Farroupilha estará concorrendo com Moa, em Cuba, município de 75 mil habitantes. A ação promove uma mudança de hábito em relação ao cuidado com o corpo, sugerindo 15 minutos de atividades físicas. Para combater o sedentarismo é possível escolher qualquer atividade que a pessoas se identifique, seja corrida, dança, musculação ou até artes marciais, a ideia é se mexer. A campanha de arrecadação de tênis esportivos também foi adiada. Será possível entregar os tênis usados até dia 27 em qualquer unidade do Sesc. As doações serão destinadas para entidades sociais para incentivar a prática esportiva.


FARROUPILHA, 22 DE JUNHO DE 2018

Inside

Música

Show acontece neste sábado e conta com os maiores sucessos da banda Leonardo Savaris

Rock gaúcho Grupo toca pela primeira vez no Antonielle e busca relembrar sucessos de mais de uma década

P

Lauro Edson Da Cás ldacas@hotmail.com

Dinamite no Antonielle

ela primeira vez no Boteco Antonielle, o show vai acontecer neste sábado, a partir das 22h. Os ingressos serão vendidos no local e hora do evento, e custarão R$ 15,00 o masculino e R$ 10,00 o feminino. A banda é referência do rock independente no Rio Grande do Sul. Com mais de 10 anos de carreira, é composta por Jorge Flores (vocal), Jô (baixo), Xande (guitarra, harmônica e sax), Nei Tomazi (guitarra) e Stig (bateria). O rock gaúcho da Dinamite Joe já foi reconhecido em programas como o Astros, da emissora SBT, ganhando visibilidade nacional. Entre outros destaques, a banda já participou de diversos programas de rádio e TV do Sul do País. Em 2012 a

9

música Passos Certos foi escolhida como melhor de 2012 pela Associação das Rádios Públicas do Brasil no Rio Grande do Sul. “Prometemos fazer um show bem animado, com muitas músicas da Dinamite Joe e também os clássicos do rock gaúcho, nacional e internacional”, garante o vocalista Jorge. O repertório conta com as músicas “Olhos Canibais”, “Te Esperar”, “Garotas de Bar”, e também o mais recente lançamento, “Heartbeats”.

Programe-se O que: show Dinamite Joe Quando: sábado, às 22h Onde: Boteco Antonielle (14 de Julho, 471) Quanto: R$ 15,00 (masculino) e R$ 10,00 feminino

Fotos sorridentes e travesseiros encharcados Torna-se necessário trazer presente a frase/título de Ludmila Clio (escritora e pensadora), neste momento onde se vive, exageradamente, via rede social. Em consequência de tragédias envolvendo adolescentes/jovens, em um curto período de tempo, esta frase que pode impactar (ou não!) carrega, consigo, um período complicado de se viver. De fato, rede social x juventude; realidade mascarada x realidade vivida; entre outras, são formas características deste contexto de século atual. O período da juventude sempre é desafiante. Ainda hoje, o jovem luta para se encontrar neste ‘mundo de gigantes’. Passam-se gerações, mas o período que compreende a juventude ainda é algo para ser decifrado. Ah, a identidade! Ah, a forma de se mostrar e de ser aceito e/ou incluído perante os demais. Para agravar (ou facilitar?), ainda temos, em evidência, as redes sociais, que se tornam ferramentas de transformação. Entretanto, os jovens, ainda em formação, vivem, na sua maioria, uma vida considerada ‘normal’ no dia a dia, mas buscam criar e demonstrar uma exagerada felicidade (editada e photoshopada) em redes sociais. Das ferramentas atuais, os filtros e edições promovem e criam uma exibição bem irreal, inalcançável e, certamente, cheia de fantasia. Por sinal, somando a insatisfação com a realidade apresentada, mais o nível exagerado de competitividade, se consegue gerar/moldar uma nova geração frustrada e intolerante consigo mesma. Em tempos idos, modelos/atores de cinema eram inspirações para tal geração que reproduziam inúmeros trejeitos, cortes de cabelo, costumes e modismos. Todavia, era fácil distinguir o ‘cenário inventado’ da realidade presente. Agora, diante da apresentação do ‘teatro da existência’ (que tomou conta da realidade), se porventura alguém não conseguir separar, mesmo com a maturidade conveniente, o que é fantasia do que é possível, se corre o risco de se viver uma vida cheia (ou recheada) de mentiras ou de dor. Do reino da fantasia e do glamour, do medo e do tédio, do anseio exagerado em ser personagem popular das redes sociais, da luta constante em ter mais seguidores, parece, obviamente, querer maquiar a realidade para ser aceito e sociável nas redes; é copiar e viver aquilo que não se gosta para ser percebido; é chorar escondido por não ter alcançado aquela conexão tão badalada e tão propulsada pela exigência da felicidade incompreendida. Desde quando, viver uma vida comum, singela, da forma ‘pé no chão’, é constrangimento? É vergonha constatar que o dia a dia é rústico, modesto e desafiador em cada meta e/ou exigência? Fora de parâmetro e enganoso é ficar imaginando que se pode medir o carisma, a importância ou o seu valor (ou o valor de alguém) pelo índice das curtidas ou descurtidas em likes, fotos, etc. Enfim, estamos diante da “geração de fotos sorridentes e travesseiros encharcados”, isso é real. * Mestre em Letras, Cultura e Regionalidade


Inside

10

FARROUPILHA, 22 DE JUNHO DE 2018

Sétima Arte

O protagonismo dos

invisíveis

“A Forma da Água” vai muito além de uma fábula romântica ao mostrar que todos têm algo a oferecer e podem amar e ser amados

M

isturar fantasia com realidade é algo muito arriscado no Cinema. Fazer isso e produzir material de excelência, é para Guillermo del Toro. O produtor, roteirista e cineasta mexicano tem sua carreira pautada por obras do gênero, mas que não ficam restritas ao universo fantasioso em si (veja filmografia indicada ao lado), mas trazem algo a mais e é justamente nisso que reside seu maior mérito. Baltimore, 1962. No Centro de Pesquisa Aeroespacial, boa parte das mentes mais brilhantes dos Estados Unidos trabalhava incessantemente para reverter o cenário da corrida espacial, até o momento, amplamente dominada pelos soviéticos. A Guerra Fria atingia seu apogeu e os americanos tinham plena consciência que o momento era chave para mostrarem sua força. A novidade fica por conta de uma criatura anfíbia (interpretada por Doug Jones) que foi encontrada na Floresta Amazônica. Venerada como um Deus por tribos indígenas, ela é levada até território americano para o desenvolvimento de um estudo.

Poderia ela, com suas particularidades, reverter a questão que envolvia a conquista do espaço? O laboratório, até então comandado por Fleming (David Hwlett), passa a ser dirigido por Richard Strickland (Michael Shannon), que controla o local com mão de ferro, com o objetivo de se impor pela força e, sobretudo, buscando ascensão profissional. Ele, no entanto, se submete as ordens do General Hoyt (Mick Searcy), o oficial do Exército que é a ponte do órgão com a Casa Branca. Trabalhando no local está o cientista Robert Hoffstetler (Michael Stuhlbarg) e a dupla que cuida da limpeza, Zelda Fuller (Octavia Spencer) e Elisa Esposito (Sally Hawkins). Abandonada ainda quando era um bebê, Elisa é completamente muda e isso contribui para seu isolamento. Ela tem na companheira de faxina seu único suporte no trabalho. Em casa, é vizinha de apartamento do pintor Giles (Richard Jenkins), com quem divide um pouco de sua vida. A verdade é que o trio está à margem da sociedade. Zelda por ser negra em uma sociedade que vivia o auge do apartheid racial, Elisa por sua deficiên-

cia e Giles por ser considerado um artista ultrapassado. Dos três, contudo, a maior carência é a de Elisa. Ao cumprir suas funções, ela acaba mantendo contato com a criatura aquática, que acaba interagindo com ela. Antes que ver no anfíbio uma ameaça ou um ser assustador, Elisa consegue, de certa forma, se enxergar nele. Com uma ligação histórica com a água, ela fica fascinada pela criatura porque nota nela seus próprios fantasmas: o isolamento, os olhares de repulsa, a necessidade de distância. E há uma reciprocidade natural nesta relação. Quando Elisa percebe que o objetivo da pesquisa com o anfíbio está longe de ser dos mais nobres, fará de tudo para evitar que o pior aconteça. Todavia, sabe que seu intento apenas será possível de ser realizado se contar com ajuda de Zelda e Giles. Um propósito que acredita valer a pena lutar. “A Forma na Água” é, sem sombra de dúvida, o mais audacioso trabalho do cineasta mexicano. Idealizado há tempos, ele foi lançado em um momento oportuno, em uma sociedade cada vez menos tolerante e mais

Lírico Elisa (Sally Hawkins) acaba encontrando na criatura anfíbia, interpretada por Doug Jones, uma reciprocidade não vista com os humanos: um manual de tolerância para tempos modernos

egoísta. Com simplicidade, consegue dar vez e protagonismo aos deslocados, excluídos, recriminados. Del Toro mostra que a essência é o que realmente importa. Se sua obra mudará conceitos ou valores da sociedade, não há como saber, mas que sua parte foi feita, isso foi.

Material de apoio

Nos extras, em quase meia hora é possível conferir “Um Conto de Fadas Para Tempos Modernos”, onde Del Toro, equipe de produção e atores falam sobre os bastidores das filmagens e suas particularidades: do cenário ao figurino, das atuações à trilha sonora.


Inside

FARROUPILHA, 22 DE JUNHO DE 2018

11

Sétima Arte Divulgação

Venceu * Diretor (Guillermo del Toro) * Trilha Sonora Original Concorreu * Melhor Filme em Drama * Atriz em Drama (Sally Hawkins) * Ator Coadjuvante (Richard Jenkins) * Atriz Coadjuvante (Octavia Spencer) * Roteiro (Guillermo del Toro e Vanessa Taylor)

Oscar 2018 Filmografia básica Guillermo del Toro Cronos (1983) Mimic (1997) A Espinha do Diabo (2001) Hellboy (2004) O Labirinto do Fauno (2006) A Colina Escarlate (2015)

Fábula e história A cruenta Guerra Civil Espanhola é o pano de fundo do terror “A Espinha do Diabo” e do drama “O Labirinto do Fauno”, obra que conquistou o Oscar de Filme Estrangeiro

Venceu * Filme * Direção (Guillermo del Toro) * Trilha Sonora Original * Design de Produção Concorreu * Atriz (Sally Hawkins) * Atriz Coadjuvante (Octavia Spencer) * Ator Coadjuvante (Richard Jenkins) * Roteiro Original (Guillermo del Toro e Vanessa Taylor) * Figurino * Fotografia * Montagem * Edição de Som * Mixagem de Som

Imagens: Reprodução

Globo de Ouro 2018

Título original The Shape of Water Título traduzido A Forma da Água Direção Guillermo del Toro Roteiro Guillermo del Toro Vanessa Taylor Gênero Drama Romance Duração 123 minutos País Estados Unidos Ano de produção 2017 Estúdio Fox Searchlight Pictures TSG Entertainment Double Dare You Distribuição Fox Searchlight Pictures


12

Horóscopo Áries - 21/03 a 20/04

O cônjuge está magoado ou sensível com situações que prefere reprimir, mesmo assim segue com vontade de continuar em frente e direcionar os projetos. Uma conversa é importante para que vocês iniciem uma fase mais equilibrada e sem pendências emocionais.

Touro - 21/04 a 20/05

É importante saber que existem situações enganosas ou estranhas envolvendo atividades em grupo ou projetos. Uma conversa com funcionários ou com pessoas do trabalho não é fácil e interfere na dinâmica da rotina e na produtividade.

Gêmeos - 21/05 a 20/06

Há uma conversa importante, que ativa reflexões sobre investimentos envolvendo lazer ou experiências com filho(s). Os filhos estão ativos, porém estão dispersos e emocionais. Para o namoro, é importante saber que a cada dia se fortalecem ainda mais os vínculos.

Câncer - 21/06 a 20/07

É importante se colocar com objetividade e avaliar as palavras com carinho, porque há muito sentimento envolvido. A aceitação dos acontecimentos o ajuda a curar as relações em família. É importante ser flexível, mas também ser fiel ao que sente.

Leão - 21/07 a 22/08

Está guardando informações que ativam medos e dificultam o fluxo da comunicação. Reflita sobre os sentimentos e sobre como pode se expressar de forma mais harmônica. A introspecção e o silêncio são exercícios a serem praticados.

Vírgem - 23/08 a 22/09

É uma semana que pede atenção para lidar com qualquer tipo de investimento. Sente dificuldade para lidar com pessoas da equipe ou de projetos. Amigos podem estar passando por dificuldades financeiras ou possíveis avaliações profissionais.

Libra - 23/09 a 22/10

Você está em evidência e precisa articular ideias que promovam a carreira ou objetivos. Atenção com a falta de foco no trabalho e cuide de sua saúde, principalmente da alimentação. As decisões estão em suas mãos.

Escorpião - 23/10 a 21/11

É importante refletir sobre o seu ponto de vista. Os estudos e o campo filosófico devem ser articulado com mais flexibilidade. Reflita sobre angústias que você vem carregando em segredo e que podem envolver assuntos do campo afetivo ou dos filhos.

Sagitário - 22/11 a 21/12

É importante explorar as ideias e argumentar para avaliar o que deve ser mantido ou alterado. As pessoas envolvidas com as ideias ou seus amigos estão sensíveis e carregam consigo sentimento de culpa e fragilidades emocionais.

Capricórnio - 22/12 a 20/01

É importante assumir as rédeas da sua vida e concluir uma avaliação com a pessoa. A pessoa tocada sente-se fragilizada para argumentar e colocar o seu ponto de vista. Os assuntos tratados afetam diretamente as pessoas do convívio ou parentes.

Aquário - 21/01 a 19/02

Está ansioso e isso afeta negativamente o relacionamento. Há uma oportunidade viável que o mobiliza, principalmente no período da manhã. Explore as ideias com as pessoas envolvidas, porque a experiência envolve diretamente a sua rotina ou o trabalho.

Peixes - 20/02 a 20/03

Sente dificuldades para se relacionar no namoro ou para articular movimento com filho(s). Se torna vital para o seu aprimoramento se expressar, para que saia do emaranhado de ideias confusas. Está propenso a realizar mudanças, porém sente dificuldades.

Inside

FARROUPILHA, 22 DE JUNHO DE 2018


FARROUPILHA, 22 DE JUNHO DE 2018

VENDO MESA DE SNOOKER OFICIAL E MÉDIA! (54) 9 92255761 ou (54) 9 8151- 4814. Melhor negócio! 2 TERRENOS PELO PREÇO DE 1! 613m² em rua toda asfaltada no Monte Verde. Apenas R$ 140.000,00! Confira! (54) 9 9925-2068. CHÁCARA em ALTO FELIZ. 2,5 hectares, com casa, água, luz e demais benfeitorias. 21 km de asfalto e 1000 metros de acesso com estrada de chão. Somente R$ 135.000,00. Ligue agora! (54) 9 9925-2068. VENDO 4 terrenos de Cooperativa já com área comprada. F.: 9 9118.1642.


2

2

FARROUPILHA, 22 DE JUNHO DE 2018


FARROUPILHA, 22 DE JUNHO DE 2018

3

VENDO TERRENO de esquina com 1.377m² a uma quadra da rodoviária e do Shopping Centro de compras. F. 9 9118.1642. VENDO TERRENO, localização central em Arroio do Sal a duas quadras do mar F. 9 9118.1642. ALUGUEL: direto com a proprietária de uma SALA COMERCIAL, na Independência, com 168m² no Bairro São Luiz. Fones: 9 9951.3583 / 3268-1062. VENDO 4 terrenos de Cooperativa já com área comprada. F.: 9 9118.1642. VENDO CASA MISTA localizada no Bairro Pio X, ao lado da Igreja. (A mesma já está alugada através de imobiliária pelos valores de R$ 1.000,00 por mês). Tratar: (54) 9 9118 1642.


Noivas &

Esp eci

al

Caderno Especial Não pode ser vendido separadamente

Festas Farroupilha, 22 de junho de 2018

Sonhando com um casamento perfeito? Então comece a planejar!

Lembranças para sempre: seja para os convidados como para os noivos

Motivos para celebrar: da festa dos 15 anos a qualquer troca de idade

Páginas 2 e 3

Páginas 4 e 5

Páginas 6 e 7


2

Farroupilha, 22 de junho de 2018

Ele me pediu em casamento, e agora?

Vocês se conheceram e foi amor à primeira vista. O pedido de namoro veio logo após os primeiros encontros e, depois de muito esperar, seu grande dia finalmente chegou. A pergunta que você sonhou em escutar durante toda a sua vida finalmente foi feita, você disse “sim, eu quero”, e agora você não sabe nem por onde começar para fazer do seu casamento um evento completo e perfeito para celebrar o amor? Fique calma e planeje! Essa é a dica de Norma Marques, consultora de eventos e presidente do Instituo Brasileiro de Cerimonialistas, o IBC. Segundo a profissional, que é especialista em fazer do Grande Dia um dia de sucesso, o primeiro passo após o “Quer casar comigo?” é definir a data do evento. “O dia é o ponto de partida para todo o planejamento que vem a seguir, pois o ideal é que o planejamento comece bem cedo, com 18 meses de antecedência”, recomenda. E neste planejamento devem entrar todos, noiva, noivo, mãe e sogra. Todos podem e devem ajudar, dentro de seus papéis, claro! “O noivo deve ser parceiro, companheiro e ajudar a fazer as melhores escolhas para o casal”, afirma Norma. Já para as mães, a especialista recomenda: devem ajudar, mas evitar dar opiniões desnecessárias, ou aquelas que não foram solicitadas, e apoiar o casal nas suas decisões.

Mas afinal, por onde começar?

Planejamento é tudo. Sem planejamento não há organização. O primeiro passo, após definir a data, deve ser planejar todos os prazos para definir cada detalhe, desde local do evento, estilo da cerimônia, decoração, lembrancinhas, e tudo o mais. Para as noivas que preferem colocar a “mão na massa”, existem vários blogs com dicas passo a passo para definir cada detalhe mês a mês até o dia da festa.

Já para aquelas que preferem confiar o trabalho da organização a um profissional qualificado, a dica é contratar um assessor de eventos para gerenciar todo o planejamento e organização. “O profissional está apto a reconhecer armadilhas, sabe quem são os fornecedores que não cumprem com compromissos, assim como pode indicar bons profissionais, fornecedores parceiros e interessados em fazer o melhor pelo evento para garantir o bom resultado final”, explica.


Farroupilha, 22 de junho de 2018

Organização passo a passo

Um ano e meio antes • Defina a data e o tipo de cerimônia e recepção que você gostaria de dar.

• O casamento será de dia ou à noite? Na cidade, na igreja, campo ou praia? Com ou sem festa? Para quantos convidados? • Calcule o orçamento levando em conta a renda de vocês e a possível ajuda de terceiros. Estabeleçam uma meta de poupança mensal para chegar ao valor. • Escolha o local da cerimônia e reserve sua data. Pode parecer muita antecedência, mas os lugares mais concorridos têm agendas cheias. • Se for contratar uma assessoria de casamento, este é o momento.

6 meses antes

• É hora de convidar padrinhos e madrinhas, damas e pajens. Eles precisarão de tempo para se preparar. • Escolha seu vestido de noiva e comece a fazer os ajustes necessários na costureira. Escolha os acessórios que irá usar no dia, como coroas, braceletes, tiaras e afins. • Encomende o seu buquê e o das damas de honra. • Defina o cardápio e as bebidas da festa. Leve em conta o preço, mas também a qualidade do produto que será servido. • Encomende o bolo e os docinhos, se não estiverem inclusos no pacote do buffet.

• Comece a pesquisar fornecedores (fotógrafos, músicos, floristas, empresas de aluguel de carro, cabeleireiros) e a comparar orçamentos.

Um ano antes

• Faça a primeira versão da lista dos convidados. • Contrate os principais serviços do casamento: fotografia e filmagem, decoração para igreja e buffet, músicos para a cerimônia e festa. Preste atenção aos contratos e cheque referências dos fornecedores. • Comece a pesquisar vestidos de noiva. Experimente diversos modelos, vá a várias lojas e pesquise bastante.

1 mês antes

• Marque um ensaio da cerimônia com pais, padrinhos, damas e pajens. • Confirme todos os serviços contratados, desde o carro que vai levá-la à cerimônia até a entrega dos doces e do bolo. • Faça a última prova do vestido, e o teste do penteado e maquiagem.

2 dias antes

• Faça depilação, clareamento dos pelos e sobrancelha. • Relaxe e evite fazer qualquer coisa relacionada ao casamento. É o momento de descansar corpo e mente para a maratona do grande dia.

No dia

4 meses antes

• Finalize a lista de convidados e comece a entregar os convites. • Defina as roupas do noivo, dos pajens e das damas de honra. • Defina suas listas de presentes de casamento em, no mínimo, duas lojas. • Marque seu dia da noiva e agende os testes de cabelo e maquiagem. • Defina quais serão as músicas da cerimônia e da festa e faça uma lista.

• Durma o quanto puder. • Não pule refeições e opte por alimentos leves. • Deixe as preocupações de lado e curta seu casamento, do dia da noiva à saída do buffet.

3


4

Farroupilha, 22 de junho de 2018

Atenção especial para

os convidados

desde a entrega dos convites...

Depois da difícil tarefa de selecionar quem o casal realmente deseja ter por perto neste dia especial, começa uma nova missão: a entrega dos convites.

é uma forma de se aproximar ainda mais e mostrar ao convidado o quanto ele é desejado no seu evento.

Padrinhos

A dica é que os mesmos sejam entregues com 45 a 30 dias de antecedência. Para os convidados de fora a entrega deve ocorrer pelo menos 60 dias antes da festa.

Uma tendência bacana dos casamentos atuais é o convite especial aos padrinhos, que geralmente é feito durante um jantar especial.

Um detalhe que faz toda a diferença é fazer a entrega pessoalmente. É cansativo, mas

Para estes amigos vale a pena investir em convites diferenciados, com mimos especiais

para usarem no dia da festa, como uma gravata para eles ou um colar para elas.

Estilos de convite

O estilo clássico continua em alta, mas a criatividade vem ganhando cada vez mais espaço, com o uso de estampas e identidade visual própria da festa, ou ainda com ideias diferentes e divertidas como convites em peças de quebra-cabeça, imitando uma passagem de avião, impressos em um disco de vinil ou ainda no estilo para colorir.

... até as lembrancinhas Copos personalizados, chaveiros, aromatizantes de ambiente, mudas de árvores, cookies, brigadeiros de colher e os tradicionais bem-casados. São muitas as opções de lembrancinhas para serem entregues aos convidados no final da festa. Não importa o valor, o que importa é permitir que os amigos e familiares levem para casa um mimo especial preparado pelos noivos.

m

as estava h n i c n a r b As lem a uma delíci

Uma opção bacana, e que está em alta nos casamentos, é investir em uma cabine fotográfica, onde os convidados podem bater várias fotos e levar de recordação dos momentos divertidos da sua festa. Outra dica diferente e que pode ser feita em casa é gravar um CD com a trilha sonora da festa e personalizar a capinha para ficar com a cara dos noivos.

Acertamo s em cheio na es colha


Farroupilha, 22 de junho de 2018

Lembrança para a vida inteira

Um sorriso acanhado, uma lágrima que escorre pela face, uma troca de olhares repletos de nervosismo, amor e cumplicidade. São muitos os detalhes que fazem parte da cerimônia de um casamento e que não podem passar despercebidos das lentes de um bom fotógrafo. Já se foi o tempo em que bastava reunir os convidados e fazer um clique para montar um álbum completo do grande dia. O mercado

oferece hoje inúmeras novidades e os noivos que pretendem ter em mãos uma lembrança para a vida inteira precisam ficar atentos na hora de escolher o profissional que fará o registro dos melhores momentos da tão esperada hora do sim. Ouvimos alguns profissionais de destaque no mercado e separamos dicas para você acertar na hora de escolher quem vai estar por trás das lentes no seu grande dia. Confira!

Afinidade

A dica é escolher um profissional que você e seu noivo tenham empatia. Não adianta ser o melhor fotógrafo se você sentar com ele e sentir que não há identificação entre a personalidade dele e a de vocês. Escolha um profissional renomado, mas que ao conversar com ele você sinta total segurança, confiança e simpatia.

Disponibilidade É preciso ficar atento quanto ao fácil acesso ao profissional, antes, durante e após o evento. Não adianta ser um ótimo fotógrafo e ficar apenas duas ou três horas no evento. Defina com antecedência o tempo que você deseja que o profissional permaneça na festa e tudo o que você deseja que ele registre. Defina também a disponibilidade para os ensaios antes do casamento e os prazos para entrega do material.

Estilo

O mercado oferece grande variedade de estilos fotográficos, desde o clássico, com fotos posadas dos noivos com convidados, até os mais arrojados, com fotos jornalísticas que expressam a emoção do momento em uma imagem. Antes de escolher o profissional, defina qual tipo de fotografia você deseja e busque o melhor profissional que trabalhe com o estilo de sua preferência.

Diversidade

Outra dica é escolher o profissional mais completo, com opção de ensaio antes e ou após o evento, com o famoso Trash the Dress; com disponibilidade para fotografar o making of da noiva, do noivo e dos padrinhos e madrinhas; e com opções diferenciadas das que estão no mercado. Quanto mais original for o profissional, melhor. Avalie bem os produtos já entregues, converse com noivos que contrataram os serviços, e garanta que você terá todas opções que desejar antes, durante e após o grande dia.

5


6

Farroupilha, 22 de junho de 2018

ANIVERSÁRIOS

Muitos motivos para celebrar

Quem disse que apenas as crianças podem celebrar a chegada de um novo ano de vida com festa e alegria?

estão Pizzaria, Paris, Chá da Tarde, entre muitas outras opções.

Chegar à idade adulta com saúde, trabalho, amigos e família são motivos suficientes para comemorar, e muitos adultos estão aproveitando a boa fase para festejar em grande estilo, com direito à decoração temática, DJ, mesa de doces, bolo com velas e muita diversão.

As festas para adultos podem ser temáticas ou não, dependendo sempre das preferências e do estilo do aniversariante. A decoração pode ser simples, com combinação de cores e fotos do aniversariante, ou cheia de glamour, com balões metalizados, acessórios e arranjos florais, entre muitas outras ideias disponíveis no mercado.

Segundo empresas especializadas em organização de festas, como a Miss Sugar Doces e Eventos, a demanda por festas de aniversário para celebrar 30, 40, 50 ou mais anos de vida vem crescendo a cada ano, assim como a variedade de temas e opções de festas para o público adulto. Entre os temas já preparados pela Miss Sugar

Indiferente do estilo da festa, o que não pode faltar é um cardápio variado, bebidas requintadas e música para animar os convidados. Neste caso, vale contratar um DJ, com direito a som e iluminação para uma “festa balada”, ou simplesmente selecionar uma play list das músicas preferidas do aniversariante e deixar tocar durante todo o evento.

Temas Entre os temas preferidos do momento estão Paris, Tapete Vermelho, Time de Futebol, Festa da Cerveja, Halloween, Caipira, Festa a Fantasia, Baile de Máscara, Festa Anos 60, 70, 80, Festa na Piscina, entre muitas outras ideias e opções. Basta usar a criatividade.


Farroupilha, 22 de junho de 2018

7

Dicas para sua festa bombar Só se completa 15 anos uma vez na vida, não é mesmo?! Para muitas garotas esta é a idade dos sonhos e motivos não faltam para celebrar a data ao lado dos amigos e familiares.

Os luxuosos bailes de debutantes, que em épocas passadas funcionavam como um rito de passagem para apresentar as jovens à sociedade, ainda estão na lista de preferência de algumas adolescentes. Mas, para a maioria das meninas, uma grande festa, animada por um ótimo DJ e com uma linda decoração já é suficiente para comemorar em grande estilo. Se você se encaixa neste perfil, aproveite estas ótimas dicas que separamos para ajudar a fazer da sua festa de 15 anos um evento que vai ficar para a história. Confira!

Planeje com antecedência

Todo o sucesso da festa depende do planejamento, por isso organize-se para procurar o melhor local, escolher o melhor tema, os melhores prestadores de serviços. Se possível, contrate um cerimonial para ajudá-la nos preparativos. Leia, busque informações em revistas e na internet. Junte ideias que tenham relação com seu estilo e garanta uma festa com a sua cara.

Personalize

Para que a festa seja reflexo de você nada melhor do que personalizar tudo. Se tiver um tema, que seja algo que você goste muito. Se for apenas selecionar cores, escolha as que mais marcam a sua história de vida. Invista em lembrancinhas e uma decoração feita especialmente para você. Existem excelentes empresas que produzem tags lindas e personalizadas.

Inove

Planeje coisas diferentes do comum. Por exemplo, geralmente são os pais que prestam uma homenagem à filha. Você pode ser diferente, e você mesma organizar uma ho-

menagem agradecendo aos seus pais e amigos. Procure atrações especiais que prendam a atenção dos convidados, como mágicos ou performance de bartenders. Faça algo bacana para surpreender seus convidados.

Não deixe o cerimonial extenso

O cerimonial é o ápice de sua festa, mas cuidado para não deixá-lo longo e extenuante. Você pode e deve fazer alterações conforme as suas necessidades, mas não ultrapasse o limite do bom senso fazendo o cerimonial se estender por mais de 30 minutos.

Garanta muita animação

A escolha do DJ é muito importante. Para a festa ser animada é preciso que o profissional tenha um repertório extenso e bastante variado. Não vale tocar apenas músicas do seu estilo preferido. Uma ideia bacana é pedir que o DJ toque músicas que marcaram sua infância e de seus amigos. Atrações especiais também garantem animação. São muitas as opções como bartenders, estátuas vivas e desenhistas de caricaturas, escolha no máximo duas delas e aproveite para celebrar essa data tão especial.


8

Farroupilha, 22 de junho de 2018

BODAS DE CASAMENTO

Ideias para comemorar as

Bodas de Casamento

A vida a dois é repleta de desafios e é exatamente por isso que cada novo ano juntos deve ser celebrado pelo casal. Bodas de Papel, Bodas de Algodão, de Trigo, de Flores, Bodas de Madeira, Bodas de Zinco, de Porcelana. Há um nome para cada boda comemorada ao lado da pessoa amada.

festas para que os pais possam renovar as promessas trocadas no dia do casamento em frente aos amigos e familiares.

É claro que não dá para fazer uma grande festa para cada novo ano juntos, porém, algumas Bodas merecem ser comemoradas. As mais tradicionais são as Bodas de Prata, ao completar 25 anos de casados, e Bodas de Ouro, com 50 anos de casados. Nestas datas, os filhos costumam organizar grandes

Se você é o tipo de pessoa que adora um motivo para festejar, e reconhece o prazer de estar ao lado da pessoa amada por 5, 10, 15 anos, separamos algumas ideias para que você possa comemorar suas Bodas de Casamento com alegria e entusiasmo.

Mas, quem disse que precisa esperar 25 ou 50 anos para organizar uma nova festa de casamento?

Confira! * Festa temática

miliares podem ser convidados para uma festa ou apenas um jantar mais intimista.

Que tal organizar uma festa com um tema que os dois curtem, ou com uma paixão que os dois descobriram ao longo do casamento, como esportes, vinhos, cinema, livros, entre tantos outros? A festa pode reunir amigos mais próximos e familiares, com comes e bebes, música e até uma dança coreografada pelo casal.

Uma viagem para Las Vegas pode ser uma ótima pedida para renovar os votos. A cidade dos casórios rápidos é uma excelente escolha e ainda dá para levar alguns amigos junto e comemorar em um cassino.

* Cerimônia na igreja

* Ensaio fotográfico com a família

Essa dica é bem tradicional, mas pode ser uma boa pedida, principalmente se o casal estiver comemorando 10 anos de casados. Uma década é tempo suficiente para subir novamente ao altar e renovar os votos com direito à bênção e troca de alianças. Após, amigos e fa-

* Renovação dos votos internacional

Se a família já aumentou, marcar um ensaio fotográfico na praia ou no campo pode ser uma ótima ideia para comemorar as Bodas. Além de muita diversão, com direito a brinde com champanhe, a família ainda terá uma ótima recordação para guardar.

Edição 543  
Edição 543  
Advertisement