Page 1

FARROUPILHA

|

ANO X

| E D I Ç Ã O 517

| 2 2 D E D E Z E M B RO D E 2 017 |

R$ 3,00

Valores para a vida Desenvolvido pela corporação local, projeto pioneiro em Farroupilha formou 20 crianças nesta semana Matéria Especial, páginas 2 a 4

ECONOMIA

POLÍTICA

Sicredi Serrana chega aos 100 mil associados Orçamento, autonomia do PP e Mesa Diretora Cooperativa de Crédito celebra expressiva marca e sedimenta Longa sessão legislativa aprovou peça orçamentária, mostrou sua participação na economia dos 23 municípios em que atua independência progressista e elegeu Brunet como presidente Página 10 Página 12

Divulgação

Bombeiros em versão mirim


2

FARROUPILHA, 22 DE DEZEMBRO DE 2017

BOMBEIROS MIRINS

Aprendizes de grandes valores Programa da corporação local ensina crianças a praticarem ações do bem e a primeira turma reuniu 20 estudantes

O

sonho de m u i t a s crianças é ser bombeiro. Salvar vidas, ter coragem para enfrentar o fogo, realizar resgates, ajudar a todos sem distinção. Uma espécie de super-herói da vida real. É aproveitando esse fascínio que boas lições foram repassadas a crianças de 10 a 12 anos por meio do programa Bombeiros Mirins. Implantado como projeto piloto em Farroupilha, os encontros iniciaram em agosto com 20 crianças de sete escolas públicas. A conclusão aconteceu na terça, no ginásio de esportes do CNEC. O ato foi conduzido pelos comandantes Ederson de Albuquerque Cunha, do 5º Batalhão

de Bombeiro Militar (BBM), e Ailton Borges Bom, do Corpo de Bombeiros de Farroupilha. “Esperamos que daqui saia ao menos um bombeiro e que o projeto venha repercutir de maneira positiva nas escolas”, considerou o comandante local. Ministrado voluntariamente pelos soldados Marcelo Ferreira Calheiro, Pablo Guerra Maria e Willian Lusa da Silva, os encontros aconteceram aos sábados. “O intuito é ter participação na formação dessas crianças, interagir com a família”, considera o soldado Marcelo, um dos mentores. Vida militar, disciplina, respeito aos símbolos nacionais, primeiros-socorros, resgates e combate ao fogo foram algumas das lições. “Esses ensinamentos vão fazer a diferença na sociedade, na formação de cidadãos”, ressaltou ainda o major Cunha.

Juliana Inês Casa Barbieri

Juliana Inês Casa Barbieri juliana@jornalinformante.com.br

Bons ensinamentos Pioneiros do Bombeiros Mirins de Farroupilha concluíram projeto com cerimônia de formatura


3

FARROUPILHA, 22 DE DEZEMBRO DE 2017

CONCLUINTES

Preparados para o combate Participantes do projeto Bombeiros Mirins receberam certificados de conclusão em cerimônia de formatura na noite de terça Juliana Inês Casa Barbieri

Alessandro Holetz, da Escola Estadual São Pio X recebe certificado do comandante Ailton

David da Silveira, da Escola São Pio X, certificado pelo comandante local

Estudante Gabriel Pozzer Telles, da São Pio X, recebe cumprimentos do major Cunha

Aluno da São Pio X, Lucas de Morais da Cruz, certificado pelo capitão Márcio Batista

Comandante Ailton repassa diploma a Taís Fanton, da turma de alunos da São Pio X

Major Cunha reconhece formação de Vinícius Daniel Mendes, também da São Pio X

Bernardo Verona Bet, da Escola Carlos Fetter, certificado pelo major Becker, do 36º BPM

Pedro Pedrozo, vice-prefeito, e Sandro Castro Alves, da Escola Carlos Fetter


4

Juliana Inês Casa Barbieri

FARROUPILHA, 22 DE DEZEMBRO DE 2017

Da Escola Carlos Fetter, Iohana de Lima de Oliveira com o comandante Ailton

Eduardo Abido Hermann, da Escola Oscar Bertholdo e tenente Ailton, comandante local

Do 5º BBM, comandante Cunha certifica Fernando Silocchi, da Oscar Bertholdo

Da Escola Municipal Angelo Chiele, Eduardo Luiz Wittmann junto ao major Becker

Pedrozo repassa diploma para Bianca Deliberalli, da Escola Municipal Antonio Minella

Capitão Batista confere diplomação a Gabriel Barea, da Escola Antonio Minella

João Vitor da Silveira, da Escola Municipal Antonio Minella, e o tenente Ailton

Comandante Cunha repassa diploma para Heloisa Azevedo da Silva, da Escola Santa Cruz

Major Becker cumprimenta aluno da Escola Municipal Santa Cruz, Yuri Felipe Henz

Vice-prefeito saúda o estudante da Escola Santa Cruz, Augusto Maciel Ferreira

Da Escola Vivian Maggioni, Juliana Brites Mello recebe cumprimentos do capitão Batista

Lucas Dorneles Ramires, da Escola Vivian Maggioni, com o comandante Ailton


5

FARROUPILHA, 22 DE DEZEMBRO DE 2017

Solidariedade, uma pauta obrigatória Não é de hoje que Farroupilha mostra ser um município fraterno e solidário. Essa é uma marca dos farroupilhenses, sejam os nativos ou dos que escolherem o município para viver. Prova disso se materializa na própria história de formação da cidade, que sempre recebeu bem os migrantes, tanto que, não faz muito tempo, a maior parte dos moradores não era composta por locais, quadro que deve se inverter nos próximos anos. O que se verificou ao longo da trajetória do município foi um espírito

de solidariedade, sempre disposto a contribuir com quem necessita e, numa época como a atual, essa condição é reforçada. Não foram poucas as ações realizadas por grupos de voluntários que buscam levar um pouco da magia do Natal a quem mais precisa. Alguns exemplos estão no Inside, mas certamente existem muitos outros. Pessoas que, no anonimato e com gestos simples, mas carregados de humanidade, conseguem transmitir esperança e perspectiva a quem enfrenta dificuldades. Evidente que o auxílio a muitas

pessoas deveria ser maior e não restrito à data, mas é por meio do Natal que certamente várias ações podem ser desencadeadas, que carências podem ser verificadas e que essa ajuda pode se estender para além do período em questão, não apenas com um bem material, mas com uma chance, uma oferta, uma oportunidade. O momento, de certa forma, contagia até mesmo os mais indiferentes, e é propício para fazer o bem, para deixar pequenas broncas e ressentimentos de lado, para auxiliar o próximo.

Para marcar a especial data e como costumeiramente acontece no Jornal Informante, publicamos um Caderno Especial de Natal em 48 páginas, com matérias alusivas à data e com o Minha Imagem de Natal, na parceria há tempo mantida entre o Tabloide e o Studio Dal Monte, onde estão publicadas as fotos de 481 crianças. Uma boa leitura e desejamos, de coração, que todos vocês, queridos e estimados leitores do Informante, tenham um inesquecível e mágico Natal, repleto de luz, paz e harmonia.

OPINIÃO

Eu ainda acredito na força das palavras! Ezequiel Dal Pozzo * O que faz mesmo o ser humano feliz? Uma pessoa pode ter aparentemente tudo, mas terá pouca alegria se não for atingida pela palavra. É a palavra que constrói o ser humano. É a palavra que nos faz compreender o que somos. É através dela que, desde cedo, aprendemos o que é certo e errado, o que devíamos seguir ou não para sermos felizes. Somos resultado da palavra desde o ventre materno. Acolhemos as manifestações de amor ou agressividade de nossos pais desde o princípio. Na escola, nos relacionamentos, com amigos, na empresa, a constru-

ção da vida passa pela mediação da palavra. E as atitudes? Não somos formados também pelas atitudes que presenciamos e pelas nossas próprias atitudes? Sim, isso é verdade. Mas as atitudes expressam um jeito de compreender a vida. As atitudes também são comunicação. Elas expressam o que somos. E o que somos é o resultado das muitas palavras que ouvimos, atitudes que presenciamos, experiências que nos tocaram e foram nos formando. Ainda, o que somos é resultado daquilo que nós mesmos fizemos por nós e daquilo que outros fizeram por nós. Por isso, a palavra que ouvimos e as atitudes que presenciamos

Índice

Editorial

Matéria Especial .................................... Páginas 2 a 4 Editorial e Opinião................................ Página 5 Economia .................................................. Página 10 Cidade ........................................................ Página 11 Política ..................................................... Páginas 12 e 13 Educação .................................................. Página 14 Esporte ..................................................... Página 15

Inside

Especial..................................................... Capa Cinemas ..................................................... Página 2 Literatura ................................................ Página 3 Gustavo Pimentel ................................... Página 4 Agenda....................................................... Página 4 Arte ............................................................ Página 5 Guilherme Macalossi ............................ Página 5 Social ........................................................ Páginas 6 e 7 Armando Wartha.................................... Página 8 Tecnologia ............................................... Página 8 Natal .......................................................... Página 9 Lauro Edson Da Cás ............................... Página 9 Sétima Arte .............................................. Páginas 10 e 11 Horóscopo ............................................... Contracapa Saúde, Beleza & Estética...................... 4 páginas Classificados .......................................... 8 páginas Caderno Especial de Natal .................. 48 páginas

formam o nosso jeito de compreender a vida e de viver a vida. Normalmente, a pessoa não vive uma vida diferente daquilo que aprendeu. Alguém pode até dizer: “mas eu ensinei diferente para esse meu filho”. Mas o que garante que aquilo que você quis ensinar, ele de fato aprendeu? Vai perceber somente observando a vida que ele vive. Por isso, dá para dizer que a vida se constrói pela mediação da palavra. E mais, a vida feliz acontece pela força da palavra boa, palavra de sentido, que eu recebo. Não há sentido para a vida sem o alimento da comunicação, isto é, da boa comunicação. Da comunicação que fala a verdade

REDAÇÃO - REDACAO@JORNALINFORMANTE.COM.BR DANIEL RUFATTO DANIEL@JORNALINFORMANTE.COM.BR JULIANA INÊS CASA BARBIERI JULIANA@JORNALINFORMANTE.COM.BR RAMON CARDOSO RAMON@JORNALINFORMANTE.COM.BR ROCHELI CAMARGO ROCHELI@JORNALINFORMANTE.COM.BR

e expressa a verdade que o ser humano é. Não basta falar a verdade. É preciso buscar a verdade daquilo que o ser humano é. E aqui não há respostas prontas e acabadas. Precisamos estar sempre na busca, no empenho, para compreender melhor o mundo e o ser humano. E nessa busca compreenderemos também o sentido de Deus para a vida. Isso passa por aquilo que ouvimos, falamos e lemos. Que palavras você costuma ouvir no seu trabalho, com seus amigos, nos seus ambientes de vida? Que tipo de palavras saem de sua boca? Pensemos nisso! * Padre

LOGÍSTICA - LOGISTICA@JORNALINFORMANTE.COM.BR LUIZ CARLOS DE ANDRADE LUIZ@JORNALINFORMANTE.COM.BR

ASSINATURAS - ASSINATURAS@JORNALINFORMANTE.COM.BR ASSINATURA BIENAL: R$ 220,00 ASSINATURA ANUAL: R$ 120,00

COMERCIAL - COMERCIAL@JORNALINFORMANTE.COM.BR FABIANO LUIZ GASPERIN GASPERIN@JORNALINFORMANTE.COM.BR MARIA DA GRAÇA POTRICOS LEITE MARIA@JORNALINFORMANTE.COM.BR VALÉRIA GASPERIN VALERIA@JORNALINFORMANTE.COM.BR

TELEFONES (54) 3401-3200 / (54) 3401-3201 (54) 3401-3202 / (54) 3401-3203

ENDEREÇO RUA DR. JAIME ROMEU RÖSSLER, 348, BAIRRO PLANALTO

ANUNCIOS - ANUNCIOS@JORNALINFORMANTE.COM.BR

COLUNISTAS ARMANDO WARTHA CRÔNICAS DA REDAÇÃO DOLORES MAGGIONI FABRÍCIO OLIBONI

ALEXANDRE FRANCISCO MACHADO ALEXANDRE@JORNALINFORMANTE.COM.BR MARCELO BORTAGARAY MELLO MARCELO@JORNALINFORMANTE.COM.BR TIAGO RODRIGUES DA SILVA TIAGO@JORNALINFORMANTE.COM.BR

FINANCEIRO - FINANCEIRO@JORNALINFORMANTE.COM.BR KELI DE ALMEIDA MACIEL KELI@JORNALINFORMANTE.COM.BR

GUILHERME MACALOSSI GUSTAVO PIMENTEL LAURO EDSON DA CÁS PAULO ROQUE GASPARETTO

A manifestação dos colunistas é livre e independente e não necessariamente reflete a opinião do Tabloide sobre os temas abordados nas colunas

@PaperInformante www.jornalinformante.com.br

/jornalinformante


6

FARROUPILHA, 22 DE DEZEMBRO DE 2017

Expectativa Alexandre S. Triches *

A

grande dificuldade na aprovação da reforma da Previdência Social tem uma razão de ser: as reformas, quando propostas, não somente no Brasil, mas no mundo todo, não respeitam a expectativa das pessoas quanto ao direito à aposentadoria. Não estou me referindo ao direito adquirido, nesse ponto o projeto está impecável, mas sim a condição, ainda não adquirida, mas esperada, por parte do cidadão, com relação a sua aposentação, a qual foi devidamente ajustada no passado. Quando uma pessoa inicia suas contribuições para o Instituto Nacional da Seguridade Social (INSS) firma uma espécie de contrato com o estado, representado pelo órgão previdenciário, do qual originam-se direitos e obrigações. Sobre esta relação paira um ambiente de confiança, alicerçado na boa-fé das partes, quanto ao cumprimento das suas respectivas incumbências. Ao indivíduo cabe contribuir; ao Estado, aposentar, até que no decorrer desta caminhada as regras são alteradas pelo poder público. O argumento para a alteração é sempre o mesmo: o mundo mudou e precisamos nos adaptar à nova realidade. Os tribunais, inclusive, acolhem a possibilidade das mudanças: não há direito adquirido sobre expectativa de direitos. E é assim que se amplifica o senso comum de injustiça que deslegitima toda e qualquer reforma da Previdência Social, em qualquer lugar do mundo: deve-se evitar mudanças das regras no meio do jogo.

Por isso é fundamental que as reformas não respeitem apenas o direito adquirido, mas também a expectativa quanto a eles guardadas pela população. As mudanças precisam ser planejadas. Ter sua incidência efetivada apenas para quem ainda não entrou no sistema, ou, para os que já ingressaram, com substituição das regras de


7

FARROUPILHA, 22 DE DEZEMBRO DE 2017

de direitos Divulgação

Futuro ameaçado? Há incertezas sobre a projeção de uma vida tranquila a partir da discussão do tema

transição por cláusula de carência para início de vigência das novas normas. Só assim será possível obter o consenso social minimamente necessário para aprovação de mudanças, algo, convenhamos, bastante distante do contexto atual, no Brasil, no que tange a proposta da Reforma da Previdência. Afinal, o que representa alguns

anos a mais nesse processo de mudanças se já se anuncia que tudo que for aprovado hoje somente será sentido daqui a 30 ou 40 anos? * Advogado e professor universitário (OAB/RS n° 65635), especialista em Direito Previdenciário (astriches@terra.com.br)


8

FARROUPILHA, 22 DE DEZEMBRO DE 2017


FARROUPILHA, 22 DE DEZEMBRO DE 2017

9


10

FARROUPILHA, 22 DE DEZEMBRO DE 2017

CONQUISTA HISTÓRICA

Sicredi Serrana comemora a marca de 100 mil associados Cooperativa de Crédito alcança número nos 23 municípios de sua área de atuação no Nordeste gaúcho precisa ser compartilhada e festejada. Cada associado é único e muito importante neste desenvolvimento. Seguimos nosso firme propósito de ser uma influência positiva na vida dessas pessoas, empresas e da sociedade”, destaca Balbinot. Em seus pouco mais de 32 anos de história, a Sicredi Serrana está cada vez mais reconhecida pelo seu comprometimento com a região. Sua proximidade com associados, com a sociedade, com entidades e com a cultura regional tem se tornado um diferencial que, mesmo diante do cenário econômico adverso, permitiu um excelente 2017 anali-

sado sob todos os aspectos. A Sicredi Serrana começou suas atividades atendendo associados da Cooperativa Santa Clara, em Carlos Barbosa. No ano passado foram 8 mil associados e, neste, mais 10 mil, que assinalou a significativa marca. O quadro social é composto em 9% por empresas, 11% por agronegócio e agricultura familiar e 80% de urbanos. Entre as pessoas físicas, 71% dos associados têm até 50 anos de idade, o que demonstra o perfil jovem do quadro social. Entre as empresas, 44% são do setor de serviços, 34% do comércio e 22% da indústria.

Fábio Prina/Sicredi Serrana

A

última terça pela manhã foi de celebração para a Sicredi Serrana. Fundada em 30 de outubro de 1985, a Cooperativa de Crédito atingiu a expressiva marca de 100 mil associados nos 23 municípios de sua área de atuação na Serra Gaúcha. Para o presidente da Sicredi Serrana, Marcos André Balbinot, um número que merece ser enaltecido. “Somos um empreendimento de propriedade coletiva, cujo sucesso é mérito de todos os que fazem essa história. Por isso, a conquista de 100 mil associados

Motivos para celebrar Presidente da Sicredi Serrana, Marcos André Balbinot apresenta a histórica conquista de 100 mil associados para convidados da imprensa


11

FARROUPILHA, 22 DE DEZEMBRO DE 2017

SEGURANÇA PÚBLICA

Novos computadores para a Polícia Civil Movimento de Combate à Violência repassou equipamentos na segunda

C

om o intuito de colaborar para a melhoria dos serviços prestados na área da segurança pública, o Movimento Comunitário de Combate à Violência (Mocovi) adquiriu novos equipamentos para a Polícia Civil. A solicitação veio da própria instituição de segurança

e os três novos computadores serão utilizados na Seção de Investigação. Adquiridos com recursos do próprio Movimento, os equipamentos foram repassados na última segunda, durante encontro entre diretoria e representantes das instituições, que teve apresentação do Balanço de 2017 da entidade. A solicitação da Polícia Civil veio acompanhada por

outras demandas do Corpo de Bombeiros, Brigada Militar e Polícia Rodoviária, por meio de projeto encaminhado ao Mocovi. A Polícia Rodoviária recebeu lâmpadas e reparos na iluminação interna e externa de suas instalações. A intenção do Mocovi é colaborar com as outras demandas das instituições ao longo do próximo ano.

Obituário 15 de dezembro Lidia Callegari Sgorla, 77 anos. Sepultamento no cemitério da comunidade Capela Nossa Senhora das Graças, 1º Distrito. 17 de dezembro Olimpia Magnana Fabro, 81 anos. Sepultamento no cemitério da comunidade de Linha Ely (3º Distrito).

19 de dezembro Aldionir Carlos Spironello, 42 anos. Sepultamento no cemitério do bairro Nova Vicenza. 20 de dezembro Arlindo João Bortolanza, 87 anos. Sepultamento no Cemitério Municipal de Pinto Bandeira.

Alguém quer me adotar? ONG dos Peludos

Zico tem 3 anos. De pequeno porte, é uma boa companhia. Será castrado gratuitamente. Informações para adoção pelos fones 981.663.349 (WhatsApp) ou 999.515.440. Importante: A ONG dos Peludos informa que não serão doados cães para ficarem presos em correntes.


12

FARROUPILHA, 22 DE DEZEMBRO DE 2017

FIM DE ANO LEGISLATIVO

Orçamento aprovado, um PP autônomo e nova Mesa Diretora Sessão de quatro horas na terça à noite teve como destaque o voto de independência dos vereadores progressistas momento de conclusão dos trabalhos, onde foi realizada a eleição da nova Mesa Diretora da Casa Legislativa Lidovino Antônio Fanton para 2018. Pela situação, a Chapa 1 foi composta por Thiago Brunet (PDT) como presidente, Tiago Ilha (PRB) como 1º vice, Beto Maioli (Rede) como 2º vice, Odair Sobierai (PSB) como 1º secretário e Fabiano André Piccoli (PT) como 2º secretário. Pela oposição, a Chapa 2 foi integrada apenas por peemedebistas, com Arielson Arsego (presidente), José Mário Bellaver (1º vice), Jonas Tomazini (2º vice), Eleonora Broilo (1ª secretária) e Jorge Cenci (2º secretário). Kiko e Tadeu assumem nova postura do PP no Legislativo No momento da votação, além dos quatro votos dos integrantes (exceto o presidente que não vota a não ser em caso de desempate), a Chapa 1 ainda obteve apoio dos pedetistas Aldir Toffanin e Raul Herpich e do peessebista Sandro Trevisan e acabou vencendo por 7 votos contra 5. Os votos da Chapa 2 foram dos integrantes, já que os vereadores progressistas,

Josué Paese Filho, o Kiko, e Tadeu Salib dos Santos, se abstiveram de votar. Questionados sobre a posição, eles declararam uma autonomia da sigla no Legislativo. “O PP é um partido independente. No ano passado, nos coligamos ao PMDB e acabamos comprometendo uma eleição. Não foi uma questão partidária, mas uma decisão minha e do Kiko. Vamos trabalhar em prol de Farroupilha. Estamos, de certa forma, marcando posição da legenda na Casa”, declarou Tadeu. Seu colega fez questão de destacar que não houve qualquer atrito com o PMDB. “Os vereadores nos convidaram para integrar a chapa, mas preferimos adotar uma posição de neutralidade nesta eleição. Não diria que é uma posição de independência do PP, mas sim dos dois parlamentares do partido. Esse posicionamento pode marcar um novo caminho”, acredita Kiko. Após a votação, os vereadores se reuniram para definir os nomes dos integrantes das Comissões Legislativas (veja ao lado). Ficou acordado que os cargos serão definidos na primeira reunião de cada grupo.

Ramon Cardoso

A

despedida da Câmara de Vereadores no ano foi com uma sessão extraordinária na quinta pela manhã, porém, foi na terça à noite em que se discutiram os últimos projetos que estavam em pauta no ano, a peça orçamentária e também se definiu a nova Mesa Diretora e a composição das Comissões Legislativas para 2018. Foram quatro horas de debates, por vezes acalorados, e algumas surpresas. O Plano Plurianual (2018/2021) e o Orçamento foram aprovados de forma unânime, não sem antes serem alvo de algumas críticas e considerações da ala oposicionista, em especial dos vereadores Arielson Arsego e Jonas Tomazini, do PMDB. Eles questionaram basicamente os valores destinados ao custeio da folha no Plurianual e para o próximo ano, que chega a 43,79% dos R$ 273 milhões. Os demais projetos que integravam a pauta e que ficaram acumulados para a última sessão também foram debatidos pelos vereadores até o

A vencedora Chapa 1 Sobierai (1º secretário), Ilha (1º vice), Brunet (presidente), Maioli (2º vice) e Piccoli (2º secretário) triunfaram no pleito e compõem Mesa Diretora em 2018

Comissões do Legislativo para 2018

Constituição e Justiça Arsego (PMDB), Herpich (PDT) e Trevisan (PSB) Finanças e Orçamentos Piccoli (PT), Tomazini (PMDB) e Tadeu (PP) Obras, Serviços Públicos e Trânsito Toffanin (PDT), Bellaver (PMDB) e Sobierai (PSB) Educação, Esporte, Cultura, Lazer e Assistência Social Cenci (PMDB), Trevisan (PSB) e Ilha (PRB) Direitos e Garantias Fundamentais Sobierai (PSB), Herpich (PDT) e Trevisan (PSB) Indústria, Comércio, Turismo, Serviços e Agricultura Maioli (Rede), Arsego (PMDB) e Kiko (PP) Saúde e Meio Ambiente Eleonora (PMDB), Tadeu (PP) e Ilha (PRB) Desenvolvimento Urbano e Habitação Toffanin (PDT), Tadeu (PP) e Ilha (PRB) Segurança Pública Toffanin (PDT), Bellaver (PMDB) e Kiko (PP)


13

FARROUPILHA, 22 DE DEZEMBRO DE 2017

FOCO NA AL/RS

Em Convenção do PDT, Herpich reafirma pré-candidatura Vereador pedetista acompanhou reeleição de Pompeo de Mattos à frente da sigla

O

sábado pela manhã foi de Convenção Estadual do Partido Democrático Trabalhista (PDT). O evento lotou as dependências da Câmara de Vereadores de Porto Alegre, quando o deputado federal Pompeo de Mattos acabou reeleito para comandar a sigla até o final de 2019. “O evento foi muito positivo. Mais de 300 municípios estiveram representados no encontro”, frisou o vereador Raul Herpich, que reafirmou a pré-candidatura a deputado estadual, que já havia sido formalizada em outubro. “Minha intenção é de realmente concorrer à Assembleia Legislativa. Da coordenadoria a qual pertence Farroupilha, sou o único que até agora manifestou esse propósito de disputar a eleição”, comentou Herpich. Com o nome também anunciado como pré-candidato, mas ao Palácio Piratini, na pré-convenção do partido, ocorrida em outubro, Jairo Jorge deve mesmo ser oficializado como postulante pedetista ao governo do Estado. A Convenção Estadual serviu para estreitar os laços dentro da sigla e criar uma unidade em torno dos prováveis nomes que vão concorrer na eleição de outubro. Piratini e Assembleia Jairo Jorge e Raul Herpich são dois dos pré-candidatos pedetistas

Divulgação

Boca de Urna Uma avaliação positiva

Uma coletiva de imprensa, na próxima semana, permitirá que o presidente do Legislativo neste ano, vereador Fabiano André Piccoli, faça um balanço de seu trabalho à frente da Casa. “O primeiro ano de uma nova Legislatura é sempre complicado, até mesmo porque nesta tivemos uma renovação grande. O primeiro quadrimestre ainda foi um pouco difícil pelo rescaldo da eleição, mas acredito que fiz uma gestão imparcial e republicana e isso é minha maior alegria”. Piccoli também destacou as parcerias com as entidades, em especial com a OAB Farroupilha e Brigada Militar.

Autonomia progressista

Atuando a reboque do PMDB desde 2004, o PP, por meio de seus vereadores, sinalizou uma autonomia na sessão legislativa de terça, ao se abster de votar na eleição da nova Mesa Diretora do Legislativo para 2018. No entanto, os vereadores Josué Paese Filho, o Kiko, e Tadeu Salib dos Santos, reforçaram que o posicionamento é dos parlamentares e não representa a postura da sigla como um todo. No entanto, pode precipitar um caminho de independência há tempo reclamado por parte dos correligionários.


14

FARROUPILHA, 22 DE DEZEMBRO DE 2017

OBRA ENTREGUE

Carlos Paese reconstruída Prefeitura entrega nova estrutura após incêndio, em 2015, ter destruído parte das instalações da instituição de ensino Claiton Gonçalves, autoridades e participação da comunidade. O prédio está sendo usado desde outubro, quando as obras foram finalizadas. A construção abriga sala dos professores e da direção, secretaria, laboratório de Informática, biblioteca e banheiros da Educação Infantil. O próximo passo é a obtenção dos computadores para a sala de Informática voltar a atender os estudantes. Campanhas foram realizadas no município para a arrecadação de materiais e livros para a instituição, bem como de recursos para a obtenção dos materiais necessários. A escola, localizada em Linha Paese, atende 135 alunos da Educação Infantil ao 9º ano do Ensino Fundamental.

Adroir Fotógrafo/Prefeitura de Farroupilha

H

á dois anos a comunidade da Escola Municipal Carlos Paese, no 3º Distrito, aguarda por novo prédio para dar continuidade aos seus trabalhos. Após incêndio ter consumido um bloco de suas instalações em setembro de 2015, a escola funcionava com alguns serviços de maneira provisória. “Foram dois anos de expectativas e estamos muito felizes porque agora poderemos oferecer um trabalho melhor”, comemora Naira Bernardete de Barba, diretora da instituição. A entrega oficial com o descerramento da placa alusiva aconteceu na tarde de quarta, com a presença do prefeito

Novas acomodações Estrutura conta com biblioteca, secretaria, sala dos professores, direção e espaço para informática


15

FARROUPILHA, 22 DE DEZEMBRO DE 2017

CANECOS NO ARMÁRIO

Os campeões do Citadino Santos, no Veterano, 1º de Maio, no Feminino, e Mecânica Constante Car, no Livre, celebram

O

futsal farroupilhense conheceu, no último sábado à noite, os campeões da temporada, com jogos decisivos disputados no Ginásio de Lourdes. Na abertura da noite, pelo Veterano, o Santos ficou com o bicampeonato ao vencer o Hotel DiCapri por 4 a 2. Na sequência, a Mecânica Constante Car sagrou-se tricampeã do Livre ao derrotar o Estrela por 5 a 3. Os confrontos que encerraram a noite foram das meninas. Em duelo válido pela Copa da Liga, a BGF, de Bento Gonçalves, venceu o Comando São Paulo, de Caxias do Sul, por 3 a 2. O Citadino Feminino encerrou a temporada 2017. Na decisão do 3º lugar, a Valente Futsal/Máquinas Sazi aplicou 2 a 1 no Alvorada e fechou o pódio da disputa. Por fim, no encerramento da noite, a Associação 1º de Maio não tomou conhecimento do Soberanas/Buratti Lanches e finalizou com o caneco de bicampeão em campanha 100%.

Fotos: Ramon Cardoso

Preliminar

Atrás de recursos

Com dois projetos aprovados junto ao Ministério do Esporte, a Associação de Pais e Amigos do Handebol (Apahand/UCS/Farroupilha) busca agora captar os recursos necessários para que, no próximo ano, como neste, dispute a Liga Nacional de Handebol Feminino. Para o técnico Gabriel Citton, que capitaneia o processo, a obtenção dos valores seria fundamental para manter uma continuidade do projeto. Em 2016, a equipe ficou fora da Liga e retornou nesta temporada.

Clima de fim de festa

Feminino e Livre Associação 1º de Maio e Mecânica Constante Car venceram as respectivas categorias

As partidas finais do Citadino de Futsal e Copa da Liga praticamente assinalam o encerramento das atividades esportivas em Farroupilha nesta temporada. Competição organizada pela Liga Farroupilhense de Futsal, ela teve os atuais detentores de título mantendo sua hegemonia. O Santos chegou ao bicampeonato no Veterano, a Mecânica Constante Car ao tricampeonato no Livre e, por fim, a Associação 1º de Maio foi bicampeã no Feminino (veja mais ao lado). Parabéns aos vencedores.


ENTÃO É NATAL !!!

Espírito natalino por todo lado

Imagem: Reprodução

Juliano Vicenzi Divulgação

Juliana Inês Casa Barbieri

Matérias alusivas à data integram o Caderno de Cultura, das promoções no comércio às ações solidárias que envolveram a comunidade ao longo do mês, e também o material em 48 páginas, que traz nova edição do Minha Imagem de Natal, com fotos de 481 pequenos farroupilhenses Editorial Caderno Especial Inside, capa e páginas 3, 5 e 9


Compromisso com a Cidade. Compromisso com você.

FARROUPILHA, 22 DE DEZEMBRO DE 2017

BOA FORMA

Operação “Fat Burning” no Sesc Treino tem como proposta a queima de gordura corporal e ganho de condicionamento físico Divulgação

É

calor, período de férias, praia e de não descuidar da saúde. Por isso o Serviço Social do Comércio (Sesc) mantém as atividades da Academia a mil. Uma boa sugestão para quem quer se manter ativo, numa ação estimulante e deixar de lado a mesmice é o projeto “Fat Burning”. “Foi elaborado a partir de diversos estudos científicos publicados, visando proporcionar aos alunos um treinamento focado para a redução de gordura corporal”, explica Paulo Roberto dos Santos, instrutor de Academia do Sesc e Multiplicador de Gestão. A prática mistura musculação e Treinamentos Intervalados de Alta Intensidade. Inicialmente os interessados passam por avaliação para verificar a condição de saúde, com acompanhamento da equipe técnica que terá conhecimento do histórico de possíveis doenças ou patologias. Também é realizada a avaliação antropométrica para mensurar a porcentagem de gordura e massa corporal. Ainda de acordo com o instrutor, a partir desses dados é que os profissionais elaboram um treino específico para cada indivíduo, respeitando a individualidade biológica e potencializando os resultados. Os participan-

tes são avaliados mensalmente para acompanhamento da evolução dos treinos e redução de medidas. Neste ano o projeto teve 150 participantes. A segunda edição do “Fat Burning” inicia em janeiro e as inscrições estão abertas junto ao Sesc. Comerciários e empresários têm preços especiais, mas a academia é aberta à comunidade em geral.

Desafios para queimar calorias Treinos são personalizados para atender as necessidades dos participantes

Programe-se O que: Projeto Fat Burning Quando: novas turmas em janeiro Onde: Academia do Sesc (Coronel Pena de Moraes, 320, Centro) Quanto: valores diferenciados para comerciários e empresários


Compromisso com a Cidade. Compromisso com você.

FARROUPILHA, 22 DE DEZEMBRO DE 2017

Sobrancelhas lindas e defi Adeline Stein *

A

s sobrancelhas são a moldura do rosto e responsáveis pela definição da expressão do olhar. Nem todas as mulheres são privilegiadas pela abundância de pelos necessária para garantir um lindo design, mas este não é mais um problema nos dias de hoje. A técnica microblading garante sobrancelhas supernaturais e com durabilidade semipermanente. O Microblading é uma técnica milenar que já existe há bastante tempo e vem sendo adaptada à micropigmentação das sobrancelhas. A técnica, também conhecida como “fio a fio realista”, consiste em desenhar na pele fios que imitam os fios naturais das sobrancelhas. O procedimento é feito por meio de um instrumento chamado de Tebori. O Tebori é utilizado como indutor manual de pigmento sem a necessidade de energia elétrica. Através dele é utilizada uma pequena lâmina, que permite maior precisão para desenhar os fios – diferentemente da micropigmentação, que utiliza agulha e depende de energia elétrica. Uma das dúvidas mais frequentes das pacientes que procuram pelo serviço diz respeito à cor da sobrancelha e o receio de que fique escura demais. Explico sempre que a escolha do pigmento a ser utilizado depende de alguns fatores como cor da pele, olhos e cabelos. O procedimento exige em média duas horas e meia. Primeiro é feita uma avaliação para estudar o caso e conhecer o perfil da paciente. Após a definição do que será realizado é desenhado um contorno em volta das sobrancelhas com as medidas corretas para melhorar alguma assimetria (lembrando que as sobrancelhas são assimétricas naturalmente). Em seguida, utiliza-se anestésico local para, então, dar início ao trabalho de desenhar os fios na pele. Nos primeiros dias, é natural que a pigmentação fique mais forte. Leva em torno de uma semana para cicatrizar a pele. À medida em que que a pele vai cicatrizando, elas vão ficando mais claras. A cicatrização completa demora 30 dias. Somente após este período pode ser feito um retoque, pois é natural que pequenas falhas de pigmento apareçam. Cuidados pós procedimento * Evitar sol em excesso, mar e piscina por uns10 dias; Resultados positivos Técnica milenar agora * Não passar cremes e maquiagem em cima das sobrancelhas; também é utilizada * Não arrancar a casquinha; na estética das * Manter ela hidratada por uns 7 a 10 dias com a pomada. sobrancelhas * Micropigmentadora e Design de Cílios


Compromisso com a Cidade. Compromisso com você.

FARROUPILHA, 22 DE DEZEMBRO DE 2017

finidas com Microblading Fotos: Divulgação


Compromisso com a Cidade. Compromisso com você.

FARROUPILHA, 22 DE DEZEMBRO DE 2017

DIAGNÓSTICO

Atenção às dores de cabeça Mal pode esconder problemas graves no organismo e o alerta serve para evitar agravamento do quadro cefaleias atípicas”, explica o neurologista Tiago Sowmy, do Complexo Hospitalar Edmundo Vasconcelos, de São Paulo. De acordo com o especialista, cerca de 90% das pessoas ainda terão, pelo menos uma vez na vida, esse problema. É preciso sempre ficar alerta se houver uma duração maior das dores ou mesmo se suas características, como frequência e intensidade, forem alteradas. Entre os casos preocupantes estão as pessoas acima de 50 anos que nunca se queixaram de dor de cabeça e começam a lidar com o incômodo. Segundo Sowmy, não é um quadro habitual e merece uma investigação médica. “Vale lembrar que 90% dos pacientes que passam por um pronto socorro com dor de cabeça possuem cefaleia primária, provocada por causas habituais. Uma a cada 100 pessoas, aproximadamente, tem quadro grave. Apesar do baixo índice é importante se preocupar”, finaliza Sowmy.

Divulgação

A

s insistentes dores de cabeça, por mais que pareçam corriqueiras, requerem uma atenção redobrada, já que podem esconder problemas graves de saúde. Muitas vezes servem como um alerta de que algo não vai bem e o melhor é não ignorar. A situação é tão complexa que são mais de 200 tipos de dores de cabeça, que, na maioria das vezes, estão atrelados a fatores como estresse e noites mal dormidas. O fato é que outras causas como Acidente Vascular Cerebral (AVC) e lesões tumorais também podem estar sendo sinalizadas. “Dores de cabeça com início súbito, que se instalam de forma rápida e forte, são alertas de gravidade. Esses sinais podem ser consequência de um sangramento decorrente de um aneurisma, simulando um AVC. Em alguns casos, mesmo tumores podem gerar

Vários tipos de dores de cabeça Apesar da maioria ser causada por estresse, é preciso verificar quando a dor intensifica


Tecnologia

Cultura Geek toma conta do Senac Farroupilha com o Playdate, que movimenta instituição nesta sexta Página 8

Inside

Sétima Arte

Os 30 anos de “Império do Sol”, um clássico de guerra que expôs o drama de civis no front asiático da II Guerra Páginas 10 e 11

SOLIDARIEDADE

Levando o Natal: os Noéis reais Campanha beneficiou 4,1 mil crianças e foi por voluntários que tomou forma, deixando muita gente feliz às vésperas da data Fotos: Divulgação

Ajudantes do Papai Noel Grupo percorreu 18 localidades para distribuir brinquedos e alimentos

Juliana Inês Casa Barbieri juliana@jornalinformante.com.br

O

Papai Noel pode não dar conta de tantos pedidos no Natal e para que nenhuma criança fique sem presentes, pelo menos em Farroupilha, voluntários deram uma forcinha para o Bom Velhinho. Pelo sexto ano consecutivo, uma das maneiras de distribuir amor

em pacotes com carrinhos, bolas e bonecas, foi por meio da campanha “Levando o Natal para onde Papai Noel normalmente não passa”. Foram 4,1 mil crianças beneficiadas nas entregas que aconteceram no último final de semana. Os duendes e ajudantes do Papai Noel fizeram todo o trabalho de organização e limpeza das doações. Foram 90 pontos de recolhimento e todos os brinquedos passaram por triagem, foram categorizados e divi-

Grandes solidários Campanha beneficou crianças carentes por meio de doações coletadas junto à comunidade

didos também por idade. Cerca de 90 voluntários contribuíram com a causa. “Nesse ano novamente o Papai Noel não se esqueceu de passar e consideramos que a campanha atingiu o objetivo de levar o Natal aos bairros e crianças”, comemora Alceu Viegas Pires Machado, um dos fundadores do movimento e que continua contribuindo com a ação. Além dos brinquedos também foram recolhidos 1.150 quilos de alimentos

entregues a famílias carentes. A Casa da Amizade, do Rotary, colaborou ainda com o repasse 2,8 mil pacotes de balas que foram distribuídas nos bairros. Para festejar os bons números, a coordenação convida os colaboradores para o brinde de encerramento oficial da campanha “Levando o Natal”. Será neste sábado, às 19h30min, na Praça da Matriz. O pedido é para que os participantes tragam uma espumante e taça para a comemoração.


Inside

2

FARROUPILHA, 22 DE DEZEMBRO DE 2017

Cinemas Imagens: Reprodução

Shopping Iguatemi (RST-453, quilômetro 3,5) Cinemas GNC 1: Gosto se Discute - às 14h30min (com legenda descritiva), 16h45min, 19h30min e 21h20min GNC 2: Extraordinário - às 14h e 19h10min (dublado), 16h30min e 21h40min (legendado) GNC 3: Assassinato no Expresso Oriente - às 13h45min GNC 3: Liga da Justiça (dublado) - às 16h15min GNC 3: O Rei do Show - às 18h45min (dublado) e 21h10min (legendado) GNC 4: Star Wars: Os Últimos Jedi - às 13h e 19h (dublado e em 3d), 16h e 22h (legendado e em 3d) GNC 5: As Aventuras de Tadeo 2: O Segredo do Rei Midas (dublado) - às 13h20min, 15h20min e 17h20min GNC 5: Liga da Justiça - às 19h20min (dublado e em 3d) e 21h50min (legendado e em 3d) GNC 6: Star Wars: Os Últimos Jedi - às 14h15min (dublado), 17h30min e 20h45min (legendado) Ingressos: segunda, quarta e quinta (exceto feriado) a R$ 20,00 e R$ 26,00 (salas 3d); terça (exceto feriado) R$ 14,00 e R$ 18,00 (salas 3d); sexta a domingo e feriado a R$ 25,00 e R$ 32,00 (salas 3d). Meia entrada todos os dias para menores de 18 anos e maiores de 60 (mediante apresentação de identidade), estudantes (mediante apresentação de Carteira de Identificação Estudantil) e para o Movie Club Preferencial.

Shopping San Pelegrino (Avenida Rio Branco, 425) Cinépolis 1: Star Wars: Os Últimos Jedi (em 3d) - às 12h40min, 15h45min, 19h e 22h15min Cinépolis 2: Altas Expectativas - às 13h45min, 16h10min, 18h15min e 20h45min Cinépolis 3: Extraordinário - às 13h15min, 16h, 18h30min (dublado), 21h (legendado) Cinépolis 4: As Aventuras de Tadeo 2: O Segredo do Rei Midas (dublado) - às 14h35min e 16h30min Cinépolis 4: A Origem do Dragão - às 18h45min (dublado) e 21h15min (legendado) Cinépolis 5: Star Wars: Os Últimos Jedi (dublado e em 3d) - às 14h, 17h15min e 20h30min Cinépolis 6: Extraordinário (dublado) - às 14h20min e 17h Ingressos: nas salas tradicionais, segunda a R$ 20,00; terça e quarta (exceto feriado) a R$ 14,00; quinta a R$ 24,00; sexta a domingo e feriado a R$ 25,00. Nas salas 3d, segunda a R$ 27,00; terça e quarta (exceto feriado) a R$ 18,00; quinta a R$ 30,00; sexta a domingo e feriado a R$ 31,00.

Sala de Cinema Ulysses Geremia (Luiz Antunes, 312) Em férias, retoma as atividades em 6 de janeiro Ingressos: R$ 10,00 e R$ 5,00 (estudantes e sênior)

Em cartaz Musical americano e comédia romântica brasileira entre as opções das salas de cinema neste fim de semana natalino


FARROUPILHA, 22 DE DEZEMBRO DE 2017

Inside

3

Literatura

Histórias com Noel na Biblioteca Pelo terceiro ano consecutivo, projeto reuniu crianças e juntou livros com o encantamento do Natal na Olavo Bilac Fotos: Juliana Inês Casa Barbieri

P

ara marcar as últimas atividades da Biblioteca Pública Municipal Olavo Bilac no ano, teve contação de histórias para a criançada nesta semana. A atividade foi acompanhada por 65 alunos do Centro de Atividades de Contraturno Lima Limão e aconteceu na última terça. “O Natal de Baltazar”, de Emma Kelly e Hélène Place, foi a história apresentada aos pequenos que foram convidados a interagirem na contação. Realizado pelo terceiro ano, o projeto foi batizado de “Abraço de Papai Noel na Biblioteca”. A grande surpresa, é claro, ficou para o final, com a tilintar do sininho anunciando a presença do Noel. Entre afagos e olhares de encantamento, os pequenos receberam balas do Bom Velhinho. A brincadeira seguiu com imersão das crianças pelo espaço infantil da Biblioteca, chamado de Via Láctea, manuseando obras e interagindo com o mundo literário. “É o terceiro ano que realizamos esse projeto e a intenção foi celebrar o Natal e finalizar o ano”, explica Cristina Arruda, bibliotecária. Na próxima semana o espaço não estará atendendo devido às festas de final de ano. Retorna dia 2, com funcionamento reduzido. Nos meses de janeiro e fevereiro estará de portas abertas de segunda a sexta, das 10h às 16h. Atividades especiais para o período serão divulgadas na próxima semana.

Hora de apreciar Alunos da Lima Limão acompanharam histórias na Biblioteca Pública

Papai Noel de verdade O Bom Velhinho distribuiu balas e recebeu abraços


Inside

4

Gustavo Pimentel

gustavospimentel@yahoo.com.br

Não é segredo nenhum que essa época do ano, em que o País se prepara para o recesso em muitos setores e que a população está desatenta a muitos acontecimentos, é fértil para que nossos adorados políticos e juízes coloquem as manguinhas de fora, sem que seus atos tenham tanta repercussão como teriam se tomados em outro período do ano. Foi o que aconteceu essa semana na nossa Suprema Corte. O bom velhinho, que no Supremo Tribunal Federal (STF) atende pelo nome de Gilmar Mendes, conseguiu a grande proeza de, às vésperas do recesso do Judiciário, libertar investigados, rejeitar denúncias contra parlamentares, suspender investigações e vetar o uso da condução coercitiva em todo o Brasil. Gilmar Mendes concedeu prisão domiciliar a Adriana Ancelmo, ex-primeira dama do Rio de Janeiro e esposa do ex-governador Sérgio Cabral (que essa semana foi condenado pela quarta vez e cujas penas já somam 87 anos de prisão). Aliás, no mesmo dia em que recebeu a graça do ministro, a ex-primeira dama do Rio foi novamente condenada pela justiça, desta vez a 9 anos de prisão pelo crime de lavagem de dinheiro, os quais se somam aos 18 anos que já havia sido condenada em setembro por ser beneficiária de um esquema de corrupção criado pelo marido. Além disso, atendendo a pedidos do PT e da OAB (sempre ela), Gilmar Mendes concedeu liminar em uma Arguição de Descumprimento de Preceito Fundamental (ADPF) para declarar que os mandados de condução coercitiva são inconstitucionais. Na verdade, não há nada de inconstitucional na medida, que está prevista no Código de Processo Penal e a qual Supremo já decidiu inúmeras vezes que foi recepcionada pela Constituição. Porém, até que outra decisão não seja tomada, a condução coercitiva está proibida de ser realizada em todo o País. Mas a bondade existente no coração do ministro Gilmar é tamanha que não parou por aí: juntamente com Dias Toffoli, outro bondoso ministro, votou pela rejeição da denúncia contra o senador Benedito de Lira e os deputados Arthur Lira, Eduardo da Fonte e José Guimarães (aquele mesmo dos dólares na cueca), contrariando o voto de Edson Fachin, que era o relator do processo. Para finalizar, o ministro Papai Noel ainda teve tempo de suspender a tramitação de um inquérito contra o governador do Paraná Beto Richa e determinar a soltura de um empresário acusado de pagar propina ao ex-governador do Rio de Janeiro Sérgio Cabral e do ex-governador Anthony Garotinho. Algumas dessas decisões ainda poderão ser revistas pelo Pleno ou mesmo pelas Turmas do Supremo Tribunal Federal. Porém, com o recesso que se iniciou no último dia 20 e com as posteriores férias coletivas do Supremo, isso ocorrerá somente em fevereiro, quando todos os ministros retornarem às suas funções. Até lá, os agraciados pelo ministro Papai Noel poderão desfrutar de um Natal tranquilo, no conforto de seus lares e sem o peso da justiça sobre si. * Advogado

Agenda SEXTA

Formatura São Tiago Clube Santa Rita, às 23h30min

SÁBADO Festa eletrônica Abduction Open Air Camping Vale Verde, em Caxias do Sul, a partir das 12h Festa AeroRock com Banda Guerrilla & Tequila Baby Aeroclube de Veranópolis, a partir das 14h Festa Adiós 2017 El Viajero, a partir das 15h Festa eletrônica Natal Cultive Cultive, em Garibaldi, às 23h30min

DOMINGO Rolezão de Natal Muinho Club, às 23h55min

Divulgação

O espírito natalino chegou ao STF

FARROUPILHA, 22 DE DEZEMBRO DE 2017


FARROUPILHA, 22 DE DEZEMBRO DE 2017

Inside

5

Guilherme Macalossi

Arte

cisperter@hotmail.com

Como nos velhos tempos Estudantes da Angelo Chiele distribuíram cartões no Pedágio de Natal Juliana Inês Casa Barbieri

Pedágio artístico Grupo distribuiu cartões natalinos

E

m tempos virtuais, receber cartões de Natal já não é tradição. Há cumprimentos pelo Facebook, por WhatsApp, mas o velho hábito dos cartões postos junto à árvore de Natal está ficando cada vez mais esquecido. Pensando na importância de confraternizar e de externar o desejo de Boas Festas, a Escola Municipal Angelo Chiele realizou o Pedágio de Natal com distribuição de cartões produzidos em sala de aula, por alunos do 5º ao 9º ano. O material foi entregue na manhã de terça, em frente à escola, no bairro São Luiz e surpreendeu quem passava pelas imediações. O traba-

lho é da disciplina de Arte e, para a aluna Ângela Reginatto Benvenuti, 13 anos, sempre surpreende positivamente. “É uma boa ação e ainda estamos desejando um Feliz Natal”, considerou a estudante que integrou o grupo das felicitações pelas ruas. Diante de algumas estranhezas, de motoristas que não paravam e de outros com sorrisos de agradecimento, o objetivo do Pedágio se concretizou. “Na era virtual queremos entregar em mãos, desejar boas festas a toda comunidade”, enfatizou Zuleide Dal Monte, diretora da escola, lembrando que também é uma maneira do trabalho artístico dos alunos ganhar as ruas.

Que saudades de quando Maluf era o maior corrupto do país Talvez o leitor mais jovem não lembre, mas já houve tempo, tempo nem tão antigo assim, no qual a corrupção brasileira tinha ares românticos. Os assaltantes do erário público não buscavam o poder eterno, a consolidação do partido como ente superior de razão ou a reforma da sociedade tendo como parâmetro a ideologia. Queriam apenas tirar uns caraminguás por fora, vendendo facilidades que ofertavam a partir dos postos que ocupavam. O roubo tinha uma finalidade particular, não se tratava de uma ação coletiva nem de um plano de governo. Paulo Maluf sempre foi o maior expoente desse tipo de corrupção. Muito antes de ser modinha, ele já figurava na lista dos procurados da Interpol. Nos anos 90, era Maluf, junto com Orestes Quércia e Fernando Collor, quem monopolizava o noticiário dos escândalos. Suas obras na Prefeitura de São Paulo eram constantemente alvo de investigações por superfaturamento. Demorou 20 anos para ele fosse finalmente condenado. Em maio, a 1° Turma do Supremo Tribunal Federal finalmente o sentenciou a 7 anos e 9 meses de prisão pela acusação de lavagem de dinheiro na construção da avenida Água Espraiada. Confesso que senti um pouquinho de pena ao ver Maluf saindo do IML apoiado em uma bengala. Ainda que parte da cena seja pura encenação de uma velha raposa da política, o fato é que trata-se de um quase nonagenário que não representa risco nenhum para a sociedade. Que ele perca seu mandato, que pague a multa que lhe for estipulada, que seja banido da vida pública, que tenha seus bens tornados indisponíveis, que seja proibido de deixar sua residência. Agora, submetê-lo ao ambiente insalubre de uma cadeia a essa altura da vida? Trata-se de pura demagogia justiceira. Com 86 anos, sendo um quase nonagenário, é o mesmo que sentenciá-lo à morte. Há gente muito pior solta por aí. Criminosos na flor da idade que poderiam muito bem sentir o passar dos anos vendo o sol nascer quadrado. Comparado a eles, Maluf não passa de um amador, de um batedor de carteiras, de um simplório ladrão de mixarias. O que é a avenida Água Espraiada se comparada ao Petrolão e ao Mensalão, esquemas de corrupção com o DNA totalitário de quem tinha como alvo desmontar a democracia representativa e a alternância de poder? Quando o PT chegou ao poder, a corrupção romantizada foi substituída por um método contínuo e industrial de assalto ao Estado e suas instâncias. O roubo particular permaneceu, mas tornou-se coadjuvante de algo muito pior: o roubo coletivo em nome de um ideal revolucionário. Que saudades dos anos de 90 quando Maluf era o maior ladrão do país. * Redator e radialista


Diego Frigo

E

Natal

stamos num momento de reflexão, onde podemos avaliar o que fizemos de positivo até agora e o que podemos melhorar para nós mesmos e nossos próximos. Desejo a todos os leitores que me acompanham por aqui, que o sentimento de alegria e paz dessa época possa permanecer conosco durante todo o ano. Um Feliz Natal!

Adiós

Arquivo Pessoal

O El Viajero Hamburgueria & Pub realiza um encontro de final de ano neste sábado. O evento inicia às 15h e ocorre na frente do local, na rua Arcângelo Chiele. Para a ação serão servidos os hambúrgueres temáticos e chope artesanal. A banda Los Fabulosos Capellaris completa o agito com a discotecagem do DJ Mono. A entrada é franca!

Guilherme Possa aproveitou u de Clubes para conhecer Duba

Os pais Felippe Mancalossi e Quelen Guasselli em comemoração ao aniversário de 2 anos da pequena Helena, que também recebeu o carinho de seu mano Lucas Guasseli Mancalossi, na Pilim Pim Pim

Fábio Grison

Mari Pagliarini, proprietária da grife Pituchinhus, ao lado de Gabriella Saraivah e Camila Parenza na inauguração da loja exclusiva da marca, Casa de Princesas, no sábado, no Villagio Iguatemi Katiane De Conto, pós graduanda em Homeopatia pela Universidade de Belo Horizonte com seu esposo Everson e filha Érica De Conto

Lucas Manoe que agitou


Arquivo Pessoal

Fique por Dentro Vem 2017!

Para se despedir com estilo de 2017, o Zero54 promove o evento “Adiós 2017!” nesta sexta. A animação será da banda Cuscobayo, que recentemente lançou a música “Andei Muito”. Os ingressos antecipados já estão à venda por R$ 20,00 e são limitados.

Party

uma pausa do trabalho e a disputa do Mundial ai e Abu Dhabi. Na foto, visita o Emirates Palace

Cristiano de Oliveira

el marcou presença na festa u o Pepsi Club no sábado

Os baladeiros que aproveitam a noite de Natal para curtir uma festa terão duas opções na cidade neste domingo natalino. * O Boteco do Chá prepara uma festa Open Format com os DJs Silvio Lopes e Cris Pacheco, com promoção especial do espumante Casa Perini. Os ingressos antecipados, que garantem entrada preferencial, estão à venda na Akustica Musical. * O Muinho Club promove o Rolezão de Natal, que contará com duas pistas para o público. A eletrônica conta com os DJs Cris d., Caike, Ander Oliveira e Caio Busetti. No espaço funk-pop-reggaeton-hip-hop a animação é garantida por Alan Cassol e Cristiano Duarte. Os ingressos estarão à venda na hora.

Open Bar

O La Birra promove sua última festa do ano nesta sexta, a partir das 17h, com open bar de todas as cervejas. O lote limitado de ingresso dá direito a uma caneca personalizada e a experimentação de 15 estilos da bebida. Cristiano de Oliveira

Julian Somacal e Jessica Cecconello esbajando beleza na sexta sertaneja do Boteco do Chá


Inside

8

Armando Wartha armandowartha@yahoo.com

Devido à importância implícita, eu faço questão de reproduzir essa frase, pronunciada por uma torcedora do Flamengo (Clube de Regatas do Flamengo, do Rio de Janeiro), durante uma entrevista dada para uma emissora de TV do centro do País, como enunciado deste texto. Em uma interpretação superficial pode parecer que ela nada diga de relevante. Nada mais do que, por exemplo, o sentimento de um torcedor que deseja ver o seu ídolo defender as cores do seu País de origem. Contudo, se mergulharmos no que foi dito, para depois submergirmos no que não foi dito, poderemos encontrar nela aquilo que seja, talvez, o grande erro que nós brasileiros, intencionalmente ou não, carregamos no DNA. Essa anônima torcedora, ao ser entrevistada sobre a possibilidade de o seu ídolo ser punido por um ano, e portanto, não poder defender o Peru na Copa do Mundo (2018), não questionou sobre se o jogador realmente fez uso de alguma substância proibida (doping); não questionou sobre se foi ingerida por engano ou intencionalmente; não questionou sobre se o jogador era conhecedor das consequências de tal ato. Ou seja, para ela, o seu ídolo está acima de qualquer suspeita e, assim sendo, sob hipótese alguma, deveria ser punido. Essa prática, quase que instintiva, de inocentar o ídolo, o amigo, o familiar, o político escolhido, o menor infrator, etc., parece ser recorrente nos brasileiros. Não é raro ouvirmos: “sim, o cantor fulano de tal matou vários pedestres numa parada de ônibus. Mas ele é tão querido e faz a alegria de tantos... Por conta disso, não deveria ser responsabilizado!”. Ou ainda: “é verdade, meu amigo assassinou a namorada, mas quando eu precisei, ele me socorreu, sem pedir nada em troca. Portanto, torço para que ele seja inocentado”. Ainda uma terceira: “Não há como negar que o meu candidato a Presidente da República roubou durante outros mandatos. Mas, além de ser da minha ideologia, ajudou o primo da minha cunhada a agarrar um cargo público. Portanto, o meu voto é para ele!”. Eu poderia preencher páginas com exemplos de o quanto somos parciais no momento de inocentar alguém que, segunda a lei, deve ser condenado. Pode parecer insignificante o simples ato de amenizar a culpa de alguém, pela linda cor dos olhos, pelo saldo bancário, pelo cargo que ocupa, etc. Contudo, quando o prejudicado é alguém de relação próxima, ou de sangue, ou ídolo, a cor dos olhos já não importa, o valor das cifras desaparece, o cargo passa a não ser relevante. Ou seja, quando nos diz respeito somos guiados pela parcialidade e, quando não nos diz respeito, procuramos ser totalmente imparciais. Ou não?... Pensem nisso! * Escritor e bacharel em Filosofia

Tecnologia

Senac no mundo dos games Evento desta sexta reúne apreciadores de jogos e da cultura Geek

S

e você é apaixonado pelo universo dos games, tecnologia ou simpatiza com a cultura Geek/Nerd um evento bem bacana acontece nesta sexta, na sede do Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac). Será o Playdate – Games e Cosplay. Incia às 14h30min e conta com jogos, bate-papos e desfile de Cosplayers desenvolvidos por alunos do Senac. Marca o lançamento do curso de Desenvolvedor de Jogos Eletrônicos que terá início em fevereiro. Reunirá estudantes e profissionais da área de Games e Arte Digital para depoimento e troca de ideias. Assuntos como carreira, aprendizado, expansão do mercado de jogos eletrônicos no Brasil e no mundo, compõem a pauta da atividade. O Playdate é gratuito, aberto ao público e todos são convidados a contribuir com um lanche para ser partilhado. Para participar é necessário realizar inscrição pelo www.senacrs.com.br/farroupilha.

Divulgação

Guerrero não pode ficar fora da Copa!

FARROUPILHA, 22 DE DEZEMBRO DE 2017

Roteiro do Playdate

* 14h40min: Início das partidas CS no Laboratório de Informática e partidas de Just Dance (Kinect) * 15h40min: Palestra com Leandro Menzen, “Desenvolvimento de Game Autoral” * 16h: Palestra com Frank Tártari Fialho, “Roteiro, ilustração e quadrinhos, desenvolvimento autoral” * 16h20min: Palestra com Nickolas Jaques, “Desenvolvimento de trilha sonora para games, mercado e carreira” * 16h40min: Exibição do vídeo de Suzy Hekamiah (escritora gaúcha e profissional da indústria de Games em Los Angeles), com perguntas dos alunos sobre mercado e desafios * 17h: Desfile dos Cosplayers * 17h30min: Games Retrô e partidas de CS

Cosplay Serão apresentados trajes produzidos por alunos de Moda

Programe-se O que: Playdate – Games e Cosplay Quando: nesta sexta, às 14h30min Onde: sede Senac Farroupilha (República, 617, Centro) Quanto: Inscrição gratuita pelo www.senacrs.com.br/farroupilha


FARROUPILHA, 22 DE DEZEMBRO DE 2017

Inside

9

Lauro Edson Da Cás

Natal

ldacas@hotmail.com

Correria de Papai Noel Comércio realiza promoções para cativar clientela e fechar bem o turbulento 2017

N

a economia, o ano, todos sabem, esteve longe de ser bom. Mas uma melhora foi verificada no último trimestre e o comércio, impulsionado pelo Black Friday, prevê um incremento nas vendas de Natal. Para isso, há diversas atrações e promoções especiais alusivas à data, como a realizada no San Pelegrino (Avenida Rio Branco, 425), em Caxias do Sul. O empreendimento prevê um crescimento que pode chegar até 9% em relação ao verificado no Natal 2016, segundo destacou Maurício Adami, gerente de Marketing do Shopping. Para obtenção do resultado, o investimento foi significativo em decoração natalina, campanha publicitária e material promocional. O San Pelegrino conta com uma árvore de 12 metros de altura adornada com decoração de Natal e o Papai Noel estará no Shopping ouvindo os pedidos das crianças nesta sexta, das 17h às 22h, no sábado, das 11h às 22h, e no domingo, das 12h às 22h. Além disso, a campanha “Natal: é pra lá que eu vou” dá direito, a cada R$ 250,00 em compras, a concorrer a uma viagem à Capital potiguar. A promoção vai até o dia 31 e o sorteio ocorre no dia 2 de janeiro, às 10h, no quiosque da promoção, localizado no térreo.

Juliano Vicenzi

Gigante Árvore natalina e exuberante decoração chamam a atenção no San Pelegrino

Necessitamos viver de um jeito mais autêntico Embora chegando no final de ano, este título, nem de longe quer ser uma profecia ou receituário para se festejar o Natal e as festas de final de ano. Ao contrário, serve exemplarmente, para qualquer dia do ano, independentemente da idade que você possua, e mais, independe da sua atividade profissional ou daquilo que tens. Naturalmente, é uma reflexão para a vida toda. A humanidade se encontra em contagem regressiva para celebrar o Natal. Daqui a alguns dias, então, a virada de ano acontecerá. Este é um dos períodos mais significativos para todos, pois se vive em questão de horas (tempo), o adeus ao ano velho e os votos, felicitações e desejos (novos ou renovados) para o ano que se inicia. Durante o ano, todos olham para frente e quase ninguém mais olha para trás, afinal, a maratona dos dias é intensa e exigente. No final do ano, a tendência em geral é projetar, prospectar e fazer e/ou refazer estratégias, planos e metas para o novo ano. Quanto tempo se passou, quantas curtidas e postagens em redes sociais, quanta aflição para se conectar com o mundo virtual/tecnológico. Há especialistas que já consideram que olhar mais de 1000 vezes o próprio celular durante o dia é caso de escravidão tecnológica. Chama a atenção de como as pessoas estão transferindo ou deixando coisas consideradas importantes nas mãos da tecnologia. De fato, é algo que provoca e/ou clama para uma reflexão maior e, quem sabe, até pode servir para se repensar a maneira de como se está vivendo hoje em dia. Por mais simples, o ato de recordar, de memorizar, de nos comunicar, estão sendo movidos e abusivamente conduzidos pela tecnologia. É a tecnologia que nos envolve e que permeia as relações humanas. Há quem indique que jamais se deve perder da lembrança quem somos. Em tempos idos, o ato de levantar de manhã, era até mais suave, harmonizado e salutar no ambiente familiar, inclusive estabelecendo e projetando ações ao longo do dia. Já hoje, com tudo posto pela tecnologia, já se inicia tomado pelas notificações através do celular inteligente. Quantos alertas antecipam o nosso dia? A grande ansiedade e angústia se revezam já antes mesmo do amanhecer. Tanto é que nem uma boa refeição matinal, nem pessoas que cruzam por você pelo caminho, nada merecem aquela sua atenção especial. Do que valeu ou o que restou de tantas horas navegadas na tecnologia posta nas mãos? O que ficou para você? Não é por nada que a depressão, a angústia e ansiedade estão em evidência neste tempo. Será que nos venderam errado quando tantos afirmavam que a tecnologia iria nos fazer trabalhar menos e que a nossa vida ia ser mais fácil? Pelo que se percebe, a tecnologia está nos escravizando cada vez mais e nos fazendo trabalhar mais e, ainda, sem mais tempo de liberdade. Ah, esses alertas e notificações! Por fim, votos de um Feliz Natal para todos que nos acompanham pelo Jornal Informante, bem como, desejos de Boas Festas, mesmo sabendo que devemos revisar o nosso jeito de viver, seja em 2017, 2018... * Mestre em Letras, Cultura e Regionalidade


Inside

10

Sétima Arte

Maturidade

forçada

Na segunda, “Império do Sol”, o primeiro drama de guerra de Steven Spielberg, completa 30 anos mostrando, de forma apropriada, os efeitos colaterais da II Guerra Mundial com quem não esteve diretamente envolvido no conflito

N

ão resta a menor dúvida que a Europa foi o epicentro da II Guerra Mundial e onde se verificou a maior devastação. Os episódios decisivos foram travados em solo europeu, mas isso não quer dizer que o conflito ficou restrito à Europa. O Japão teve um papel relevante na guerra. Foi ele que provocou o ingresso definitivo dos Estados Unidos após o ataque aéreo à base naval de Pearl Harbor, no Havaí, em 7 de dezembro de 1941. Como retaliação, foi alvo das bombas atômicas sobre Hiroshima e Nagasaki, em agosto de 1945, que provocaram sua rendição. Longe de onde se deflagravam as principais batalhas, o Japão sonhava em estender seu domínio sobre o Pacífico. Com um poderio militar impressionante frente aos seus vizinhos, o imperador Hirohito comandava um exército tão poderoso quanto violento. São vastos os relatos de extrema crueldade das tropas japonesas durante a II Guerra. E o domínio sobre a China era algo estratégico para esse avanço militar. Em pouco tempo, o exército japonês começa a

tomar conta dos campos chineses, expulsando a população para os grandes centros urbanos. A família britânica Graham residia em um bairro diplomático inglês de Xangai e tinha um alto padrão de vida. O empresário John (Rupert Frazer) e a esposa Mary (Emily Richard) criam o filho Jim (Christian Bale) com o que há de melhor e pouco parece se importar com a iminência de um conflito, apesar das recomendações de seus amigos de que deixem a cidade. Quando John estava prestes a reconsiderar sua posição inicial, as tropas japonesas tomam de assalto Xangai e, na confusão, Jim acaba separado dos pais. Ele retorna para casa, mas à espera por seus pais é em vão. Sem comida, Jim acaba mantendo por acaso contato com Frank (Joe Pantolino) e Basie (John Malkovich), um americano que tem uma trajetória errante e que tenta ganhar a vida driblando as dificuldades, algo que é ainda mais fundamental em tempos de guerra. Não demora muito para o exército nipônico tomar conta de todo o território chinês e o trio acaba sendo enviado para um campo de concen-

FARROUPILHA, 22 DE DEZEMBRO DE 2017


FARROUPILHA, 22 DE DEZEMBRO DE 2017

Inside

11

Sétima Arte Divulgação

Globo de Ouro 1988 Concorreu Filme em Drama Trilha Sonora Original

Oscar 1988 Concorreu Fotografia Figurino Montagem Som Trilha Sonora Direção de Arte

Reverência ao inimigo Jim Graham (Christian Bale) tem notável atuação no clássico de guerra de Steven Spielberg que, na próxima segunda, completa três décadas de lançamento

Imagem: Reprodução

tração em Soochow, onde terá que aprender a se virar sozinho. Alheio a questões sociopolíticas, Jim é apaixonado por aviação e considera os pilotos japoneses os melhores. À medida que a guerra avança, o jovem acaba transformando o local e fazendo do campo a sua casa, dos prisioneiros seus vizinhos e de Basie e Frank a sua família. No filme de Spielberg não há retratos dos horrores da guerra, nem tampouco a contextualização histórica do conflito no Pacífico, mas sim o traumático efeito e peso da guerra em um jovem de 11 anos. Afora os longas rodados praticamente na época do conflito, foram raras as obras a tratar da guerra no front asiático e, ainda mais incomuns, as que não abordam o conflito em si, mas seus efeitos sobre civis. “Império do Sol” inaugurou essa nova fase. Christian Bale tem atuação de luxo, que lhe garantiu a base de sustentação para uma carreira sólida no Cinema. O cartaz do filme é um dos mais belos de todos os tempos. Baseado no romance autobiográfico de James Graham Ballard, escrito em 1984, foi o primeiro a ter autorização para filmar em território chinês.

Título original Empire of the Sun Título traduzido Império do Sol Direção Steven Spielberg Roteiro Tom Stoppard Gênero Drama Guerra Duração 153 minutos País Estados Unidos Ano de produção 1987 Estúdio Amblin Entertainment Distribuição Warner Bros Pictures


12

Horóscopo Áries - 21/03 a 20/04

Temos o ingresso do Sol no setor de carreira, unindo-se ao movimento de Saturno. Cada vez mais ficará evidente a necessidade de fazer escolhas coerentes na vida profissional. É um chamado à maturidade, que pode ser bastante desafiador.

Touro - 21/04 a 20/05

Temos o ingresso do Sol no setor de conhecimentos, viagens e ideais. Questões relacionadas a estudos, publicações e realização de seus ideais estão em pauta. Uma fase em que você tende a se comprometer mais com seu desenvolvimento espiritual e mental.

Gêmeos - 21/05 a 20/06

Agora é o Sol que passa a atuar no setor de renascimento emocional. Muitas coisas precisarão ser enfrentadas e exigirão maturidade e responsabilidade. Taxas, impostos, investimentos, heranças, sexualidade e emoções são temas em pauta.

Câncer - 21/06 a 20/07

O Sol também passa a atuar no setor de relacionamentos. Você tende a priorizar relacionamentos mais sérios, estáveis e que levem ao crescimento mútuo. Uma boa relação depende de uma relação íntegra consigo e de autonomia.

Leão - 21/07 a 22/08

O Sol, regente leonino, passa a atuar no signo de Capricórnio. O estabelecimento de um dia a dia mais eficiente, produtivo e saudável se faz necessário. É hora de perceber o que lhe falta aprimorar para que possa exercer suas atividades com maior excelência.

Vírgem - 23/08 a 22/09

Agora é o Sol que passa a atuar no setor afetivo e criativo dos virginianos. Maturidade emocional será o grande tema desafiador ao longo dos próximos meses. Importantes reflexões sobre amor, sentimentos, talentos e valor próprio.

Libra - 23/09 a 22/10

O Sol passa a atuar no setor familiar e íntimo dos librianos, unindo-se a Saturno. Muitas considerações importantes a serem feitas sobre família, casa e imóveis. É aprendendo com os erros do passado que você pode se aprimorar em direção

Escorpião - 23/10 a 21/11

Ênfase maior em conhecimentos e aprendizados, com o novo trânsito do Sol. Questões importantes envolvendo pessoas próximas a você. Ter maestria na comunicação, no uso de inteligência e na habilidade de expressão são temas em pauta.

Sagitário - 22/11 a 21/12

A presença do Sol no setor de recursos e talentos pede mais empenho na expressão das habilidades. É tempo de economizar e de agir com mais solidez. Você deve investir em coisas sólidas e que lhe propiciem aprimoramento e evolução.

Capricórnio - 22/12 a 20/01

Agora é o Sol que passa a atuar em seu signo. Momento importantíssimo de 2017, em que você percebe no que evoluiu e o que falta aprender. Início de uma etapa de desenvolvimento mais sintonizada com seus verdadeiros propósitos.

Aquário - 21/01 a 19/02

Agora é o Sol que passa a transitar no signo anterior ao seu. Este é um momento de reflexão, observação e interiorização. O contato com grandes instituições ligadas a trabalho e saúde está evidenciado.

Peixes - 20/02 a 20/03

Unindo-se a Saturno, o Sol passa a atuar no setor de amizades e projetos para o futuro. É um momento em que você deve assumir sua responsabilidade. Faça as coisas com mais resiliência e determinação, mas não se esqueça de ser flexível.

Inside

FARROUPILHA, 22 DE DEZEMBRO DE 2017


FARROUPILHA, 22 DE DEZEMBRO DE 2017

VENDE-SE CONSÓRCIO CONTEMPLADO DA CAIXA ECONÔMICA FEDERAL. Crédito R$ 280.000,00 – Prestações R$ 2.067,32 – Já pagos R$ 14.500,00, e créditos de R$ 432.000,00 - Prestações R$ 3.122,31 – Já pagos R$ 25.000,00. Estes créditos podem ser usados na COMPRA DE IMÓVEL, CONSTRUÇÃO E REFORMA URBANA E RURAL. Aceitamos carro de entrada. Contate: (51) 9 9569 8765/WhatsApp:(51) 9 8055 5703. VENDE-SE FORNO ELÉTRICO de Embutir Fischer Maximus, 56 litros, Inox, 220v. Seminovo. Facilito forma de pagamento. Negociar com Suzi – fone (54) 9 9665-6609. VENDO por R$ 13.800,00! Terreno de Cooperativa com área de 360m² (115 parcelas pagas), Localizado na saída para Bento Gonçalves. Entrega agendada para 2018! Ligar: (54) 9 9619.3400 whats.


2

FARROUPILHA, 22 DE DEZEMBRO DE 2017


FARROUPILHA, 22 DE DEZEMBRO DE 2017

3

ALUGO: Residencial Valle Verde próximo ANTIGA Polícia Rodoviária. Apto com 2 dormitórios, sala, cozinha, área de serviço, tanque, bem arejado, ensolarado. Piso Decorflex, Condomínio com salão de festas, churrasqueira e playground, vaga de garagem na frente do bloco, portaria. Condomínio em torno de R$ 150,00 Aluguel: R$ 400,00. Fone/whats: 51 9 8492-3944 ou e-mail: nesslopes@gmail.com. ALUGO CASA NA PRAIA a uma quadra do mar, para temporada após o dia 13 de janeiro, em Arroio do Sal, com 3 banheiros, sendo 2 suítes mais um banheiro completo, casa com laje toda em alvenaria, garagem, pátio grande fechado, churrasqueira, com todas as mobílias, cadeiras de praia, guarda-sóis, com muita sombra, à uma quadra de restaurantes, padaria, sorveteria, supermercado, dunas, posto de saúde. Lugar tranquilo. Tratar com o proprietário, fone: (54) 9 9972-6708, Bento Gonçalves/RS. VENDO TERRENO, localização central em Arroio do Sal a duas quadras do mar F. 9 9118.1642. VENDE-SE Apartamento de 2 dormitórios, com vaga de estacionamento. Todo reformado! Localizado no condomínio Bela Itália. F. (54) 9 9947-2120. VENDO 4 terrenos de Cooperativa já com área comprada. F.: 9 9118.1642.


6

VENDO TERRENO de esquina com 1.377m² a uma quadra da rodoviária e do Shopping Centro de compras. F. 9 9118.1642. ALUGUE SALA COMERCIAL DIRETAMENTE COM A PROPRIETÁRIA, bem localizada e ensolarada, na Independência, com 168m² no Bairro São Luiz. Fones: 9 9951.3583 / 3268-1062. VENDO CASA MISTA localizada no Bairro Pio X, ao lado da Igreja. (A mesma já está alugada através de imobiliária pelos valores de R$ 1.000,00 por mês). Tratar: (54) 9 9118 1642. EXCELENTE INVESTIMENTO! Compre por apenas R$ 45.000,00 terreno plano de 1000m², com água e luz! Asfalto chegando no local. A 3,5km de Farroupilha. Saída para o Salto Ventoso. Tratar: (54) 9 9925-2068. VENDO dois terrenos de Cooperativa ambos com 115 parcelas já pagas, um em frente a Bigfer e outro no São José atrás dos batateiros. Tratar Telefone: (54) 9 9650-1353.

FARROUPILHA, 22 DE DEZEMBRO DE 2017


Farroupilha, 22 de Dezembro de 2017

Caderno Especial de

Natal

As ruas ficam iluminadas e o clima de solidariedade se espalha pelo ar com a aproximação de uma das datas mais esperadas do ano. Confira matérias sobre o Natal, a maior festa cristã do planeta

A magia que envolve o mítico Papai Noel Página 3

Dicas de presentes para todos e também para os atrasados Páginas 10, 11, 28 e 29

Uma época propícia para aflorar fraternidade e solidariedade Páginas 14, 15, 23, 25 e 26

Minha Imagem de Natal Páginas 34 a 47


2

Caderno Especial de Natal

A história que antecede o Natal

Celebrar o Natal é celebrar o nascimento de Cristo e a nova proposta de vida que ele sugere aos seus seguidores, certo?! Sim e não. Na cultura ocidental atual este é o verdadeiro significado do Natal, porém, a festa cristã se espelhou em diversas festas pagãs que ocorriam no mês de dezembro e que eram celebradas muito antes do nascimento de Cristo.

Há pelo menos 7 mil anos antes do nascimento de Jesus, civilizações de diversos cantos do mundo se reuniam para celebrar o solstício de inverno, a noite mais longa do ano no Hemisfério Norte, que acontece no final de dezembro, e que era considerada o ponto de virada das trevas para luz: o “renascimento” do Sol. Em Roma, onde estavam os primeiros seguidores de Cristo, o solstício de inverno era celebrado com o Festival do Sol Invicto, que comemorava o nascimento do deus persa Mitra, que representa a luz e que tornou-se uma das divindades mais respeitadas entre os romanos. Nesta época, os cristãos comemoravam apenas a morte, crucificação e ressurreição de Cristo, com a Festa da Páscoa. Estas eram as datas importantes para os seguidores de Jesus. Porém, os fiéis de Roma queriam arranjar algo para fazer frente às comemorações pelo solstício de inverno e então, em 221 d.C., o historiador cristão Sextus Julius Africanus anunciou o aniversário de Jesus no dia 25 de dezembro. A Igreja aceitou a proposta e, a partir do século IV, quando o Cristianismo virou a religião oficial do Império, o Festival do Sol Invicto começou a mudar de homenageado. Associado ao deus-sol, Jesus assumiu a forma da luz que traria a salvação para a humanidade e assim a invenção católica herdava tradições anteriores.

Como as diferentes culturas celebravam o solstício * Na Mesopotâmia a celebração durava 12 dias inteiros * Na Grécia, o solstício cultuava Dionísio, o Deus do Vinho e da vida mansa * No Egito, celebração relembrava a passagem do deus Osíris para o Mundo dos Mortos

* Na China, as homenagens eram e ainda são para o símbolo do yin-yang, que representa a harmonia da natureza * Na Grã-Bretanha, os povos comemoravam Stonehenge, um monumento que começou a ser erguido em 3.100 A.C. para marcar a trajetória do Sol ao longo do ano


3

Caderno Especial de Natal

Papai Noel existe, mamãe?

Roupa vermelha, cabelo e barba bem branquinhos, barriga grande e um sorriso contagiante. A imagem do Papai Noel remete aos tempos de infância, onde a magia e a fantasia são parte da realidade. Permitir que uma criança acredite na figura do Bom Velhinho pode ser uma oportunidade para que os pais ensinem valores para os seus filhos, mostrando a importância de dividir, de respeitar os demais e de se compartilhar o que tem. Para as psicólogas Roberta Seles da Costa e Raiana Bonatti de Sousa Botão, mestrandas em Análise do Comportamento e associadas da Sociedade Brasileira de Psicologia, a imaginação faz parte do

desenvolvimento saudável da criança. “Porém, quando a figura do Papai Noel está apenas atrelada ao recebimento de presentes, o ambiente que está sendo propiciado para a criança indica outros valores, como a relevância atribuída a bens materiais. Cabe aos pais refletirem sobre quais valores querem ensinar”, afirmam. Mas então, quando é a hora de dizer aos pequenos que o Papai Noel não passa de um personagem do Natal? Segundo as psicólogas, não há um momento específico para que se converse com a criança sobre a não existência do Papai Noel, que vem do Polo Norte e traz presentes para as crianças.

“Cabe aos pais e responsáveis serem sensíveis às curiosidades da criança, afinal não adianta manter a fantasia quando a própria criança já não acredita mais”, orientam. Para as especialistas, mais valioso do que revelar que o Papai Noel consiste em um personagem natalino, é mostrar para a criança que os valores presentes na figura do Bom Velhinho são reais. “O amor ao próximo, a solidariedade e o respeito são sempre importantes e merecem ser seguidos. Embora o Natal aconteça apenas uma vez por ano, a sua mensagem pode ser renovada e se fazer presente todos os dias”, sugerem.


4

Caderno Especial de Natal

Data de boas vendas para o comércio Ruas e shoppings lotados, lojas abertas até mais tarde, pessoas circulando com muitas sacolas e em busca de um presente ou uma lembrança para cada amigo e familiar. Este é o cenário que se percebe em todas as cidades brasileiras nos dias que antecedem o Natal. Somente nesta época do ano é que o comércio registra tamanha movimentação, e é por isso que a maior e principal data em vendas para os lojistas a cada ano recebe mais divulgação e mais investimentos. Durante todo o ano, o comércio promove campanhas para aumentar as vendas nas datas comemorativas como a Páscoa, Dia das Mães, Namorados, Pais e Crianças, porém, é somente no Natal que as campanhas ganham as ruas e as vitrines de toda a cidade. É também nesta data que o comércio costuma sortear prêmios e brindes

para incentivar as compras. Segundo a Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL), o fato de a data ser celebrada no mesmo momento em que a maioria das pessoas recebe o 13° salário contribui para que haja sucesso nas vendas. Além dos presentes que serão oferecidos na noite de Natal, muitas pessoas também aproveitam o salário a mais para fazer a substituição de produtos domésticos, fator que contribui para que se alcance boas vendas em todos os seguimentos do comércio. Apesar da crise econômica que o País vem enfrentando, a CNDL prevê resultados positivos e um razoável aumento nas vendas do Natal deste ano em comparação ao ano anterior. A expectativa é de que haja um crescimento de 3 a 5% em todos os setores por ocasião da festividade.

Para aumentar ainda mais as vendas

* Deixe o seu ponto de venda preparado o mais cedo possível; * Crie uma campanha interna que motive colaboradores a contribuírem para alavancar as vendas;

* Garanta um estoque diversificado; * Modifique a exposição dos produtos; * Mantenha o ambiente alegre, com músicas e distribuição de agrados, como balas e doces, por exemplo.


6

Caderno Especial de Natal NATAL PELO MUNDO

Como as diferentes nações celebram a data Depois de um ano inteiro de muito trabalho e dedicação, finalmente chega dezembro e grande parte das pessoas espera ansiosa para celebrar a vida e comemorar as realizações junto aos familiares e amigos na noite de Natal.

presentes e, por vezes, fazem a brincadeira do “Amigo Secreto”, onde cada pessoa presenteia alguém com algo especial. Ao ressoar da meia noite, todos cantam juntos a canção “Noite Feliz” e desejam uns aos outros um Feliz Natal.

No Brasil, na noite do dia 24 de dezembro muitas famílias se reúnem na casa dos pais ou avós, todos ceiam juntos, trocam

Essa forma de comemorar o Natal não é natural em todos os cantos do mundo. Há países que realizam a troca de presen-

Suécia Na Suécia os festejos natalinos começam bem cedo, no dia de São Nicolau, 6 de dezembro. As crianças escrevem suas cartas com pedidos, que São Nicolau troca por um saquinho de balas ou nozes. Na noite de Natal, a filha mais velha veste-se de branco, com uma grinalda de folhas verdes com sete velas acesas na cabeça, e serve café com bolinhos para sua família.

tes apenas no amanhecer do dia 25 de dezembro. Outros nem mesmo comemoram a data e há muitas outras formas de celebrar o Natal espalhadas pelos vários cantos do mundo. Separamos algumas curiosidades sobre como as diferentes nações celebram o Natal. Confira nesta e na página ao lado.

Itália Na Itália as crianças não recebem presentes na noite de Natal, a entrega é feita somente no dia 6 de janeiro, Dia de Reis, em lembrança a visita dos Reis Magos ao Menino Jesus. Neste dia, as crianças esperam a visita da Befana, que traz presentes para os bons e castigo para os maus meninos.


7

Caderno Especial de Natal China Na China, o bom velhinho é chamado de Dun Lhe dao Ren, que significa ‘’Velho Natal”. Em homenagem aos ancestrais, retratos e pinturas de familiares que já se foram são colocadas na principal peça da casa para serem vistos e lembrados.

Venezuela As crianças da Capital venezuelana costumam ir à primeira missa, a Missa de Agrinalda, de patins. O curioso é que na noite anterior à missa, muitas delas amarram um barbante no dedão do pé e colocam a outra extremidade do barbante pendurado para a fora da janela. Assim, os primeiros patinadores que passam para ir para a missa vão dando um puxão nos barbantes para acordar as mais preguiçosas.

Polônia Na ceia, depois que a família senta-se à mesa, somente a dona de casa se levanta para servir as iguarias. À meia noite, os poloneses assistem à Missa do Galo. No dia 25, a festa começa no café da manhã, que é a refeição mais festiva do dia. Já os presentes são trocados em 6 de dezembro, dia de São Nicolau.

Japão Por lá, o Natal é pouco comemorado, porém, os japoneses costumam seguir o ritual de troca de presentes. Eles enfeitam suas casas, cantam músicas e servem peru como prato principal na ceia de 24 de dezembro.

Índia O pinheiro, como conhecemos, não é a árvore de natal indiana. Lá, eles enfeitam plantas nativas do País como árvores de manga e bananeiras. As casas são decoradas com folhas de mangueira. Lâmpadas de argila acesas com óleo são usadas na decoração natalina.


8

Caderno Especial de Natal

Corais que encantam e também emocionam É comum observar em shoppings, igrejas, praças e outros centros comerciais a participação de corais durante os dias que antecedem o Natal. Vestidos a caráter, os coralistas encantam e emocionam a todos com suas doces vozes que entoam belas canções natalinas. Porém, não é apenas no Natal que estes grupos se preparam para mostrar sua performance. Maria Suely Farias de Oliveira, presidente da Associação Brasileira de Canto Coral, explica que os corais ensaiam e se apresentam durante todo o ano, em todos os cantos do País, contudo, somente nesta época é que apresentações recebem mais destaque.

“Nossa cultura ainda é que os corais só cantam na época do Natal. Por isso as empresas de comércio, como shoppings, convidam os corais para fazerem parte da sua ornamentação viva natalina”, justifica a coralista. Para Maria Suely, esta divulgação recebida durante o Natal ajuda a mostrar o trabalho que está por trás de um grupo de coral. “Através destas apresentações as pessoas podem ver que os corais não só cantam, mas movimentam-se, usam roupas diversas, sem necessariamente vestirem as becas e utilizarem pastas na mão”, afirma.

Começando agora Para quem pretende formar um grupo de coral para se apresentar no Natal, Suely explica que é preciso bastante preparo e ensaio. A dica principal é que contratem um bom e experiente regente de corais, que ensinará ao grupo as melhores técnicas e garantirá uma bela apresentação. Outra dica da presidente da Associação Brasileira de Canto Coral é nunca utilizar playback, pois tira o encanto e a beleza da apresentação. E não esquecer de colocar no repertório a tradicional canção “Noite Feliz”, que todos esperam ouvir durante as apresentações natalinas.


10

Caderno Especial de Natal

Dicas de presentes para crianças e adultos Conta a tradição que a troca de presentes na noite de Natal foi Tanto os Três Reis Magos como São Nicolau desejavam preinspirada na história dos Três Reis Magos que, segundo a cultura sentear pessoas especiais em suas vidas e inspiraram a troca de cristã, teriam levado presentes ao menino Jesus quando o visita- presentes na Noite de Natal. Incentivado pelo comércio, o ato de ram após o seu nascimento. presentear tornou-se tradição na cultura ocidental e todos acabam dando ao menos um presente para alguém especial nesta Já a história do Papai Noel, que traz os presentes para as crian- época do ano.

ças na noite de Natal, se baseia em outra lenda, que vem lá de Roma do Século V. Segundo historiadores, Papai Noel é uma menPor isso, separamos algumas dicas para ajudar você a acertar na ção ao bispo romano “São Nicolau”, que oferecia donativos às es- hora de escolher o melhor presente para seus amigos e familiares condidas para as filhas de um homem muito pobre da sua região. neste Natal. Veja nesta e na página ao lado.

Homens

Mulheres

Joias sempre agradam as mulheres, mas roupas, sapatos e bolsas também são bem aceitos, além de lingeries finas, perfumes e cremes em geral. Vale lembrar que cada tipo de relacionamento também pode significar um presente diferente. Afinal, aquele que você vai dar para sua mãe pode ser bem diferente do presente que vai dar para sua amiga secreta de fim de ano ou companheira.

Eles são bem mais práticos do que as mulheres. Muitas vezes dizem que nem querem ganhar presentes, mas se alegram com um mimo. Presentes úteis como carteiras, sapatos, camisas, calças e perfumes são opção certeiras na hora de presenteá-los. Em geral, artigos esportivos relacionados a futebol agradam bastante, mas é importante conhecer suas preferências (esporte, time, etc). Homens que gostam de tecnologia e games certamente vão curtir ganhar um jogo ou um artigo de decoração geek. Itens como roupas e bebidas também podem agradar homens de qualquer idade e estilo, claro desde que seja algo que esteja de acordo com o gosto e a idade do presenteado.


11

Caderno Especial de Natal

Crianças

Apesar das opções de roupas e sapatos, elas gostam mesmo é de ganhar brinquedos e existe uma grande variedade nas lojas especializadas, basta escolher os mais adequados para cada idade. Porém, nem sempre os brinquedos cabem no orçamento da família, portanto, também vale pensar em algo diferente para os pequenos se divertirem no Natal. Um picnic ao ar livre, ou um passeio no parque ou na praia, com brincadeiras bem divertidas, daquelas que você brincava quando era pequeno e lembra até hoje, pode ser uma ótima opção.

Idosos

Pessoas de idade mais avançada nem sempre são fáceis de agradar. É preciso estar bem atento aos gostos deles, mas os melhores são produtos que possam usar todos os dias. Perfumes, sabonetes, pijamas e camisolas são bons presentes, bem como uma deliciosa caixa de bombons finos, que sempre vai bem.

Jovens e adolescentes

Eles gostam muito de música e jogos. Playstation, tablet ou um smartphone terão grande aceitação. Os artigos de informática, como pendrive ou um fone de ouvido estiloso, também são bons presentes, além de roupas, sapatos, tênis, acessórios, perfumes, dentre outros.

Unissex

Existem presentes que agradam tanto homens quanto mulheres. Algumas opções são eletrônicos, livros, filmes, artigos de decoração e bebidas. Este tipo de lembrança é ideal para as tradicionais brincadeiras de “amigo secreto”. Lembre sempre de levar em consideração a idade, a profissão, seu vínculo com a pessoa, as preferências do presenteado e, claro, seu orçamento.


12

Caderno Especial de Natal NATAL CONSCIENTE

Decoração que preserva Sacolas, embalagens de presentes, fitas, ornamentações. O Natal, apesar de ser uma data que celebra a vida, também é uma data que impacta diretamente no meio ambiente, com aumento desenfreado da produção de lixo. O consumo consciente deve ser lembrado também na data mais festiva do ano, e

uma das formas de economizar e reduzir custos é aproveitar o lixo produzido pela família para fazer a decoração de Natal. Guirlandas, pinheiros, enfeites para a mesa e para a árvore, presépios e muitos outros itens de decoração podem ser produzidos com material reciclável. Na internet é possível encontrar uma infinidade

de ideias e dicas de como decorar sua casa com material reciclável. Separamos algumas delas para que você possa deixar sua residência linda neste Natal, sem gerar mais lixo e poluição para o planeta. Confira nesta e na página ao lado!

Guirlanda

Quem guarda garrafas descartáveis em casa ou conhece alguém que guarda, pode transformá-las em uma linda e sofisticada guirlanda de Natal com garrafa pet, que nem parece que foi feita com um material tão simples e barato e que todos jogam no lixo, poluindo o meio ambiente. Para fazer este belo artigo de decoração, você precisará de poucos objetos: entre eles fio de nylon, garrafas descartáveis pintadas, prego e alicate, fita decorativa, tesoura e pistola de cola quente.


13

Caderno Especial de Natal

Enfeite para pinheiro Com rolos de papel higiênico e feltro você pode fazer lindos personagens como renas, Papai Noel e boneco de neve para pendurar e enfeitar o pinheiro.

Anjos Com palitos de picolé, folhas de EVA e bolinhas de papel você poderá confeccionar esses lindos anjos de Natal para pendurar na sua árvore, nas portas ou em outros locais que desejar.

Enfeite para mesa Com alguns vidros de conservas ou de maionese que você já usou e não quer jogar fora, você pode fazer uma linda e romântica decoração com velas. Dentro dos vidros você pode colocar desde areia até mesmo água ou outros itens decorativos.

Pinheiro

Os rolos de papel toalha podem virar uma linda árvore de Natal, como esta da foto. Também é possível utilizar rolos de papel higiênico ou até mesmo os restos de canos de pvc que tenham sobrado de alguma obra.


14

Caderno Especial de Natal NATAL SOLIDÁRIO

Ações que promovem e valorizam a vida

Ser solidário é saber compreender a dor do outro, colocar-se no lugar dele e ainda fazer algo para mudar esta realidade. Durante os dias que antecedem o Natal, muitas pessoas se despertam para a solidariedade e decidem promover ou participar de ações que ajudem a mudar a realidade de vida daqueles que carecem de assistência da sociedade como um todo. Segundo a psicanalista Marli Bergel, por ser uma época de avaliação, o Natal é um período de menor egocentrismo. “Nesta época se comemora uma festa religiosa que envolve amor ao próximo, perdão, enfim, as pessoas podem se deixar tocar mais por estes valores. Depois retornamos à rotina do dia a dia, à luta pela sobrevivência, aos conflitos com o nosso próximo, às rivalidades e às competições, que de alguma forma estão sempre presentes

nas relações e acabam nos afastando deste sentimento de solidariedade”, justifica a especialista.

Marli lembra que é preciso saber olhar a dor do outro em todos os dias do ano, porém, nem sempre é possível, com todos os compromissos e afazeres. Portanto, todas as iniciativas que surgem nesta época do ano são válidas, pois melhoram, pelos menos por um período, a dura realidade daqueles que vivem à margem da sociedade.

Ideias Há várias opções de ações pontuais que podem ser realizadas por famílias, grupos de amigos ou empresas para ajudar aqueles que precisam. Separamos algumas dicas para aqueles que querem fazer o bem, mas não sabem a quem. Confira nesta e na página ao lado!

“As rivalidades, as competições, de alguma forma, estão sempre presentes nas relações e acabam nos afastando deste sentimento de solidariedade”. Marli Bergel, psicanalista


Caderno Especial de Natal Visitas Abrigos, orfanatos e hospitais estão cheios de pessoas carentes de amor, afeto e atenção. Se você deseja fazer o bem neste Natal, mas não possui um grupo para promover uma ação, esta é uma ótima opção. Separe alguns dias para visitar entidades, conversar ou brincar com quem está abrigado ou hospitalizado. Se puder, leve uma lembrança especial que fará com que a pessoa lembre-se de você no restante do ano.

Doações Uma opção bastante comum é arrecadar donativos como roupas, brinquedos e alimentos e entregar para creches, escolas, entidades filantrópicas ou mesmo moradores de comunidades carentes. Estes donativos podem ser arrecadados entre amigos, equipe de trabalho e podem ser entregues através de um evento especial, nos dias que antecedem ao Natal.

Adoção Os Correios promovem todos os anos a campanha “Adote Uma Cartinha”. Eles recebem cartas de crianças carentes pedindo o que gostariam de ganhar do Papai Noel e arrecadam os brinquedos através de doadores anônimos. Se preferir, você mesmo pode levar o presente à criança, ou deixar que o Correio entregue no dia do Natal.

Papai Noel por um dia Toda criança sonha em receber o Papai Noel em casa no dia do Natal. Você pode promover uma caravana do Papai Noel e sair visitando as casas na noite de Natal. Muitos pais gostariam de contratar um Papai Noel para levar o presente aos filhos, mas não têm condições financeiras para contratar alguém. Você pode ajudar sendo um Papai Noel por um dia.

15


16

Caderno Especial de Natal

Dicas especiais para acertar na ceia de Ano Novo

ANO NOVO

Toalha de mesa branca, flores, velas, laços e fitas. Para acertar na hora de receber os convidados para a Ceia de Ano Novo é importante ficar atento não apenas ao cardápio, mas também à decoração. A ceia do dia 31 de dezembro é um momento especial, repleto de espiritualidade e sentimentos de renovação e esperança para o novo ano que se inicia e merece muita dedicação de quem a prepara. Um ambiente aconchegante e convidativo ajuda a renovar as energias dos convidados. Por isso invista em velas e muitos itens nos tons prata, branco e dourado. Folhas desidratadas, trigo e flores como a Sempre-Viva ajudam a dar vida ao ambiente. Dê atenção à iluminação, para tornar o local mais acolhedor e aconchegante.

Comidas

Alguns alimentos não podem faltar na noite de Ano Novo. Lentilha, romãs, uvas, peixe e carne de porco são itens essenciais ao cardápio. Há várias receitas disponíveis na internet sobre como prepará-las de maneira adequada. Fique ligado para garantir que todos os seus convidados possam manter suas tradições na Noite de Ano Novo. As lentilhas significam fortuna e muitas pessoas não passam a data sem comê-las. Já as uvas significam boa sorte para o novo ano. As tradições são variadas, algumas pessoas comem 3 grãos dando as costas para a lua, outras comem dando 12 pulinhos e outras ainda comem 11 uvas e guardam as sementes. As romãs são símbolo da fartura e fertilidade. Alguns colocam as sementes embaixo do travesseiro para atrair dinheiro. Os peixes são mais leves para a ceia e por isso são sempre indicados. Sua tradição está vinculada à fecundidade. Já a carne de porco significa saúde e sucesso, pois o animal fuça para a frente. Galinha, faisão e peru não são recomendados, pois ciscam para trás.


18

Caderno Especial de Natal ALCANÇANDO OBJETIVOS

Planeje suas metas para o novo ano que se inicia

Todo final de ano a rotina é a mesma. Correria para comprar presentes, dar conta do trabalho, dos estudos, da casa, dos filhos, e ainda organizar as festas com os familiares e amigos. Depois que esse turbilhão de atividades chega ao fim, é hora de parar e planejar o novo ano que se inicia. Emagrecer, comprar um carro novo, ir para a faculdade, parar de fumar, fazer aquela sonhada viagem para o exterior, ler mais, encontrar um grande amor. Não importa quais são os sonhos e planos de cada um, o que é fato é que cada pessoa já traçou, ou ao menos tentou traçar, metas para uma vida diferente com a chegada de um novo ano. Mas, apesar dos planos, muita gente chega à metade do ano sem ter colocado em prática nem 10% das metas traçadas. Segundo os psicólogos e especialistas em comportamento humano, a organização ajuda a fazer os planos acontecerem, mas é preciso ter consciência do que realmente se quer realizar e muita determinação para colocá-las em prática. Para ajudar você a tornar seus planos em realidade em 2016, nossa equipe de reportagem ouviu especialistas e garimpou em renomados livros algumas dicas especiais. Veja na página ao lado.


Caderno Especial de Natal

1.

Ideias no papel

Pegue um bloco de papel e caneta e anote tudo, mas tudo mesmo, que você gostaria de fazer neste novo ano. Descarregue sua mente. Tire as ideias do imaginário e torne-as real. Essa é uma forma de você ter uma visão mais ampla de tudo o que precisa ser feito e facilitar a organização de suas prioridades.

3.

2.

Revisão semanal

E para que estas metas sejam realmente executadas, deixe-as em um local visível para que a cada nova semana você lembre que tem metas e prioridades para este novo ano que se inicia.

Separe suas metas

Depois que os objetivos para o novo ano estiverem traçados, separe-os por segmentos. Por exemplo: metas para a vida profissional, metas para a vida pessoal, metas para a vida acadêmica, metas para a vida amorosa. Coloque cada uma das suas prioridades nos segmentos ou categorias adequadas.

Prioridades

Com as metas divididas em categorias, é hora de definir o que é prioridade para você. Saber o que deve ser feito primeiro ajudará na hora de colocar os planos em prática. Defina o que é essencial ser executado para que você se sinta realizado quando chegar ao final do ano e olhar para sua lista de metas cumpridas. O que você realmente precisa ou quer fazer?

5.

19

4.

Mãos à obra

Separe no máximo três metas de cada segmento da sua lista e mãos à obra. Defina como você vai colocar estas metas em prática. Trace objetivos. Defina quais metas você pretende cumprir até o final do primeiro semestre e quais podem ficar para o segundo semestre. Concentre-se e mantenha o foco em fazer acontecer as metas definidas como prioridade.


20

Caderno Especial de Natal DE OLHO NO FUTURO

Aproveite as férias para aperfeiçoar o currículo

Dicas e oportunidades Cursos Uma boa opção para aperfeiçoar o currículo são os cursos de curta duração, oferecidos por Universidades ou Escolas de Treinamento de forma presencial ou à distância. Podem ser cursos na área de atuação do profissional, para atualização e aperfeiçoamento, ou até mesmo em área diferente, para quem pensa em dar uma guinada na carreira.

Networking

Os meses de dezembro e janeiro são períodos em que a maioria das empresas concedem férias coletivas para seus colaboradores. Muitas pessoas também optam por tirar férias nesta época para viajar com a família, descansar e relaxar, mas, se você é um profissional antenado, pode aproveitar este período para fortalecer o currículo fazendo cursos e treinamentos de curta duração que podem render ótimos resultados. Com a crise econômica que o Brasil vem enfrentando, a competitividade está cada

dia maior e é preciso saber administrar a carreira para garantir a permanência no mercado de trabalho. Manter um currículo impecável é a dica número 1 dos recrutadores para se manter competitivo na área. O profissional que faz cursos ou participa de palestras, congressos ou outras formas de atualização durante o período de férias é sempre bem visto pelo chefe, o que pode render uma promoção e até a indicação para uma vaga melhor, em outro setor, quando retornar ao trabalho.

Ampliar sua rede de relacionamentos nas férias também é uma dica dos recrutadores. Participe de grupos de discussão, torne-se conhecido dos líderes que você admira, visite-os. Participe de trabalhos voluntários que ajudem a interagir com as pessoas que lideram na sua área de trabalho. Palestras e Congressos também são ótimas opções de criar e atualizar o networking.

Livros Outra opção para adquirir conhecimento é a leitura. Se você já tem o hábito de ler, leia mais nas férias. A leitura amplia a visão de mundo, dá fluência verbal, aumenta vocabulário e trabalha nas correlações. Em uma entrevista de emprego, o candidato que lê é capaz de abordar assuntos diversificados, conferir mais subsídios às suas argumentações e, com isso, impressionar mais o avaliador.


22

Caderno Especial de Natal

Contagiados pela alegria O Natal é um momento mágico para as crianças. Elas esperam durante todo o ano para poder abraçar o Bom Velhinho e revelar a ele seus mais profundos sonhos. Aguardam ansiosas pela Noite de Natal, para ver se o Papai Noel se lembrou delas e trouxe aquilo que tanto desejaram. Para a maioria das pessoas essa magia do Natal se perde com o passar dos anos. A vida adulta, com seus compromissos e responsabilidades, afasta a alegria que o Natal despertava durante a infância, e muitos vivem o Natal apenas como mais uma época festiva para estar com a família e trocar presentes. Apesar de grande parte da população experimentar essa mudança na forma de viver o Natal, algumas pessoas conseguem manter a magia que a data desperta na infância, e fazem desta época um momento de doação e transformação em suas vidas e na vida daqueles que estão ao seu redor.


Caderno Especial de Natal

23

Ajudar a quem precisa Nayana Melo/Jornal O Estado

Todos os anos, centenas de voluntários se unem para levar um pouco do amor e da alegria do Natal para os pacientes internados nos hospitais da rede pública da região metropolitana de Fortaleza. O movimento Natal de Amor é realizado desde 1996, quando um grupo de quatro amigos decidiu arrecadar brinquedos para doar às crianças de uma comunidade carente. “Os donativos arrecadados foram tantos, que eles distribuíram entre as famílias e o que sobrou decidiram levar ao maior hospital do Estado, o Instituto José Frota. No ano seguinte a ação se concentrou nos hospitais da cidade, e assim funciona há 20 anos”, conta Fernando Antônio Dourado Paiva, um dos líderes do grupo. Fernando integra o movimento desde 2006 e afirma que não existe outra maneira melhor para celebrar o Natal. “É muito gratificante fazer parte deste grupo. Ao visitar estas pessoas percebemos que isso é que é Natal. Levamos amor e alegria às pessoas”, explica o voluntário.

Arrecadações Atualmente o movimento Natal de Amor conta com 20 coordenadores de grupos. São estes coordenadores que

trabalham durante todo o ano para arrecadar os presentes que são entregues na noite de Natal. “Levamos brinquedos para as crianças e kits de higiene pessoal para os adultos. Também entregamos um kit maternidade para as mamães que acabaram de ganhar bebê”, explica Fernando. Ao todo, 600 pessoas participam da ação na noite de Natal. Os voluntários se reúnem na praça central de Fortaleza, são distribuídos em 13 grupos, e saem acompanhados dos líderes para visitar diversos hospitais ao mesmo tempo. Cada grupo é liderado por um Papai Noel e um coral que entoa canções natalinas enquanto os voluntários distribuem os presentes. “Acredito que todos deveriam fazer algo parecido, não apenas no Natal, mas durante todo o ano. Não é preciso ter um grupo grande como o nosso para ajudar o próximo. Faça uma visita a um abrigo de idosos ou de crianças, você descobrirá outra maneira de olhar a vida. E se você não aguenta ver sofrimento, se envolva de outra maneira, doando, mandando vibrações positivas ou fazendo orações. Não importa como, apenas faça, e o seu Natal será muito melhor”, recomenda Fernando.

“Todos deveriam fazer algo parecido, não apenas no Natal, mas durante todo o ano”.


Caderno Especial de Natal

25

Um trabalho feito com amor e dedicação Todos os anos, quando chega a época de Natal, Antônio Ivo Daflon troca as roupas do dia a dia pela vestimenta vermelha que atrai o olhar de todos por onde passa. A barba branca e o sorriso maroto, revelam o amor de alguém que há 41 anos dedica grande parte de seu tempo a espalhar a alegria do Natal entre aqueles que sofrem. O empresário de 65 anos de idade é o fundador do projeto Casa do Papai Noel, um instituto de apoio e assistência social sem fins lucrativos, sem vínculos religiosos, e sem ligações político-partidárias. Um projeto que começou de um sonho, e hoje reúne dezenas de pessoas que distribuem a alegria do Natal para centenas de famílias, o ano inteiro.

Como tudo começou “Eu morava na roça e lá não havia energia elétrica e não havia Natal. Quando fui para o Rio de Janeiro morar com minha irmã, com 8 anos, fiquei encantado com toda aquela luz que brilhava na época do Natal e aos 15 anos de idade comecei a sonhar em ser Papai Noel e fazer algo diferente pelas pessoas”, conta Daflon. Apesar dos traços de menino, aos 22 anos de idade Daflon trabalhava em uma grande empresa e sugeriu à direção que poderia ser o Papai Noel

na festa de confraternização de final de ano, e assim começou a ganhar forma seu sonho de fazer diferença no Natal de muitas pessoas. Durante muito tempo Daflon foi o Papai Noel voluntário da empresa, mas foi ao lado da esposa Marli, em dezembro de 1975, que o Papai Noel Daflon saiu das portas da empresa e realizou o sonho de levar amor, alegria e esperança ao Natal daqueles que sofrem. O casal foi visitar um pequeno orfanato na cidade do Rio de Janeiro, onde moravam 14 crianças abandonadas. “Todas elas tinham o sonho de conhecer o Papai Noel e o amor que senti ao realizar o sonho daquelas crianças transformou a minha vida e os meus projetos. Ali, naquele dia, eu soube que ser Papai Noel seria a maior realização da minha vida”, afirma o empresário. Daflon decidiu mobilizar todos a sua volta por um ideal em comum – transformar o sonho do Natal dos necessitados em realidade. E assim criou a Casa do Papai Noel. A Campanha começou pequena, mas o propósito era tão sincero que contagiou amigos, parentes, conhecidos e, em poucos anos, cresceu tanto que a Agenda do Papai Noel passou a estar sempre preenchida, por todo o mês de dezembro.


26

Caderno Especial de Natal

Levando alegria aos que mais necessitam A Jornada do Papai Noel transformou-se num compromisso de Daflon e outras dezenas de voluntários, carinhosamente chamados de “Renas”. Juntos, eles levam a alegria do Natal para as instituições de caridade, hospitais, creches, asilos e orfanatos, fazendo do mês de dezembro uma verdadeira maratona de emoções. Mas, os trabalhos não se limitam a distribuir abraços, sorrisos, brinquedos e roupas apenas na época do Natal. Para que a magia se espalhe na vida das pessoas durante todo o ano, a equipe de voluntários se reúne ao início de cada novo ano para planejar ações de forma detalhada e assim fazer a diferença na vida de centenas de pessoas. Hoje, além das visitas na época do Natal, a Casa do Papai Noel mantém alguns projetos sociais onde

Saiba mais e contribua

108 famílias são assistidas pela entidade. São famílias de pessoas com deficiências, pessoas portadoras de HIV e outras doenças, que recebem apoio para reinserção na sociedade. “Em 1996, durante uma visita ao Instituto Benjamin Constant, uma das crianças pediu para trocar seu brinquedo por alimentos. Ali percebemos que nosso trabalho não poderia se limitar ao mês de dezembro, seria necessário acompanhar e prestar suporte às famílias dos doentes ao longo de todo o ano, de forma a recuperar a autoestima, manter o tratamento de longo prazo, buscar reintegração ao mercado de trabalho e apoiar os membros da família, garantindo um mínimo de qualidade de vida para que pudessem superar esse período difícil em suas vidas”, conta Daflon.

Para oficializar o trabalho e as arrecadações de doações, em 2005, a Casa do Papai Noel tornou-se uma Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (OSCIP), e passou a receber doações também de empresas, que contribuem para a manutenção dos trabalhos realizados pelos voluntários durante todo o ano. “Acredito que o diferencial do nosso trabalho é o amor. Fazemos tudo com muito amor e dedicação e isso faz a diferença. Doamos nosso tempo e nossos talentos. Arrecadamos doações de pessoas, amigos e empresas, mas quando elas faltam tiramos do nosso próprio bolso. Todo nosso trabalho é feito com transparência e por isso nossa credibilidade é muito grande”, afirma Daflon.

Se você quer conhecer um pouco mais o trabalho da Casa do Papai Noel basta acessar o site: www.papainoel.org. Você também pode contribuir fazendo doações ou tornando-se uma das “renas” do Papai Noel.


27

Caderno Especial de Natal

Uma noite linda e muito animada O Natal está quase chegando e você ainda nem começou a planejar como será a ceia em família? Não se preocupe. Com um pouco de organização e criatividade é possível preparar uma noite linda e muito animada para todos os seus convidados. E para ajudar você a ser a melhor anfitriã que sua família já viu, conversamos com alguns consultores em organização e separamos algumas dicas práticas que vão ajudar a fazer da sua noite de Natal um momento inesquecível. Veja e corra que ainda dá tempo.

Convidados Faça uma lista de todos os convidados e ligue para confirmar a presença de todos, assim você saberá exatamente quantas pessoas irá receber e poderá definir melhor a forma de evento que irá organizar.

Aperitivos Tanto antes como depois da ceia, é interessante ter alguns petiscos para os convidados se entreterem. Para antes, são indicados queijos, pães e patês; e para depois vale apostar em frutas frescas e secas; e sempre deixar as bebidas à disposição até o fim da festa.

Ceia Se o número de convidados for grande, a opção mais rápida e prática para montar é um buffet tipo americano, onde todos ficam à vontade para se servir em uma mesa central – com bebidas e sobremesas servidas em uma segunda mesa. Se o número de convidados for pequeno, dá tempo de investir em uma ceia tradicional, montada em uma grande mesa com uma decoração temática e todos os convidados sentados ao redor.

Programação Principalmente quando há crianças (e um horário limite para elas dormirem) é preciso deixar a programação bem definida, com horário para os convidados chegarem, a ceia ser servida e a troca de presentes acontecer.

Animação Uma dica bacana é colocar música ambiente. Se alguém da família souber tocar um instrumento, também vale arriscar uma canção ao vivo. Outra forma de animar sua noite é com a brincadeira do “amigo secreto”, onde cada pessoa presenteia um amigo selecionado através de sorteio.


28

Caderno Especial de Natal

Ainda não comprei os presentes

Agitação, correria, lojas e shoppings lotados, pessoas andando apressadas à procura dos melhores presentes. A cena é comum e se repete todos os anos nos dias que antecedem o Natal. Deixar para fazer as compras na última hora é muito mais comum do que se imagina, é tão comum que todos os anos o comércio já se prepara para receber os “atrasados” e amplia seu horário de atendimento ao público no mês de dezembro. Segundo a personal shopper Lilian Rossini, formada em Fashion Design e pós graduada em Negócios da Moda, isso acontece porque a maioria das pessoas está tão envolvida nos afazeres do dia a dia que acaba se esquecendo dos presentes e só presta atenção que a data está chegando quando já está muito próximo ao Natal. “A quantidade de eventos sociais e corporativos que ocorrem nessa época do ano também faz com que o tempo seja escasso para a busca dos presentes”, explica a especialista. Para Lilian, o principal problema de deixar para fazer as compras na última hora é que as lojas e shoppings ficam lotados e as compras acabam sendo mais demoradas. Além disso, a pessoa que compra os presentes na última hora corre o risco de não encontrar o que procura, pois alguns produtos específicos podem acabar devido à grande procura. “Não vejo vantagem em deixar para comprar na última hora. O que pode acontecer é que algumas lojas podem fazer promoções, caso estejam com dificuldades de vender, mas não se pode contar com isso para planejar as compras, porque a promoção pode não acontecer”, orienta.


Caderno Especial de Natal

29

e agora? Dicas para ajudar na organização 1. 2.

Não saia de casa sem uma lista exata de tudo o que precisa comprar; Ao escolher o presente, pense no gosto do presenteado, dê alguma coisa que você saiba que a pessoa vai gostar, independente se você gosta ou não do presente; Anote quais são as lojas potenciais para encontrar o presente de cada ami-

3. go e familiar; 4.

Não esqueça de anotar o seu orçamento. Quanto você pretende gastar com cada presente?;

5.

Procure sair para as compras no horário da manhã ou no intervalo de almoço. Percorrer lojas ao final da tarde ou no próprio sábado, apenas em última hipótese.

Para as crianças Presentear os pequenos pode parecer tarefa fácil, afinal, é preciso apenas escolher um brinquedo e está tudo certo, não é mesmo?! Nem sempre. A variedade de brinquedos disponíveis nas lojas infantis pode deixar qualquer adulto perdido, e por isso é importante conhecer bem a criança na hora de escolher o melhor brinquedo. A dica para acertar na compra do presente dos pequenos é saber a idade e as preferências de cada criança. Com estas informações, e com a ajuda dos atendentes das lojas, fica fácil acertar na escolha. Outra dica é dar livros. Livros são sempre uma excelente escolha, pois incentivam a leitura e a criatividade e há modelos para todas as idades. E para tornar sua compra ainda mais fácil, separamos algumas dicas de brinquedos recomendados para cada idade da criança. Confira!

até 2 anos

São recomendados brinquedos com formas geométricas, que incluem diferentes peças para colocar em um molde. Estes brinquedos ajudarão a criança a desenvolver seu pensamento lógico, conhecer padrões e cores. São brinquedos como o cubo com diversos buracos geométricos, e carros e casinhas com partes montáveis. Instrumentos musicais também são indicados.

2 a 4 anos

Uma boa dica é um kit de pintura que inclua pincéis de diferentes grossuras, giz de cera e tinta para pintura a dedo. Outra opção é um quebra-cabeças ou, ainda, brinquedo de ímãs. Ambos podem ser de grande ajuda nesta etapa, porque os ensinarão a resolver problemas simples.

4 a 6 anos

Fantoches de feltro e um teatro pequeno são recomendados para esta idade, assim como jogos de peças para montar. Podem ser blocos, jogos de construção ou carros de peças manipuláveis para o tamanho de suas mãos.

6 a 8 anos

Essa é a idade da exploração do ambiente e as crianças adoram observar os animais, as plantas e os insetos. Você pode então presenteá-los com um kit de aventuras ao ar livre que inclua bússola, binóculos, walkie-talkies, lanterna e lupa.


31

Caderno Especial de Natal

Vai sair de férias? É hora de revisar o carro! Fluidos Os fluidos são o líquido de arrefecimento, óleo do motor e transmissão, fluido de freio, direção hidráulica e embreagem. Cheque o nível e a validade de todos os fluidos e seus respectivos filtros, bem como a presença de vazamentos. Nos carros modelo flex, não esqueça do nível do combustível do reservatório de partida a frio.

Elétrica Confira se as lanternas, faróis e piscas estão funcionando corretamente. Substituir uma lâmpada queimada é algo rápido, e pode prevenir um acidente.

Acessórios Final de ano, época de férias, tempo bom para arrumar as malas, reunir a família e viajar. Muitas pessoas aproveitam este período para pegar a estrada e curtir os festejos no litoral ou no interior. Não importa o seu destino, se você vai viajar de carro neste final de ano, fique ligado nas dicas do mecânico Cleber da Silva e lembre-se: a revisão do veículo é um item essencial antes de programar qualquer viagem. “Não deixe para revisar o seu carro na véspera da viagem, afinal pode haver a necessidade de substituição de alguma peça que muitas vezes é difícil de ser encontrada de um dia para o outro. Por isso, agende a revisão do seu veículo uma semana antes de viajar”, recomenda o mecânico. Procure uma oficina de sua confiança para fazer a revisão e garantir assim um excelente resultado para não ter surpresas em sua viagem de férias.

Triângulo, macaco e chave de roda devem estar no carro e é preciso checar o funcionamento antes de sair de casa, para não ter uma surpresa caso haja necessidade de utilizá-los. Caso haja algum problema, faça a troca por um acessório novo e em perfeito estado de uso.

Pneus Cheque a pressão e fique ligado quanto à quantidade de passageiros e bagagem que o carro irá carregar, pois quase todos os modelos exigem pressões diferentes para esta condição. Não se esqueça de verificar o estepe, ele precisa estar em ordem caso haja necessidade de utilizá-lo durante a viagem. Caso haja uma ou mais bolhas, é necessário substituir o estepe, pois pode estar com algum dano na carcaça. E não esqueça do alinhamento e balanceamento.


32

Caderno Especial de Natal

A chegada de um novo ano é o iniciar de um novo ciclo que desperta em muitas pessoas a necessidade de planejar novas metas, traçar novos sonhos, e buscar novas oportunidades. Cada pessoa tem sua maneira de planejar as mudanças que espera alcançar no novo ano que se inicia, e todas as formas de traçar estas metas são válidas. Mas, para o coach Sérgio Rafael Siewerdt, é importante que todas as metas sejam devidamente escritas em papel e, principalmente, assumidas verdadeiramente como desafios a serem atingidos. “Uma das grandes dificuldades percebidas em minha atuação como coach é o fato de as pessoas procrastinarem demais seus objetivos, aguardando o ‘momento ideal’ para colocar em prática alguma atividade. Com isso deixam passar o tempo e, por consequência, se frustram ao perceber que não chegaram aos resultados esperados”, avalia o especialista.

Faça de 2017 um novo ano

Para você que tem objetivos e percebe que, com o passar do tempo não consegue colocá-los em prática, Sergio indica a contratação de um coach que irá auxiliar neste processo. “O coach, utilizando-se de ferramentas e um acompanhamento bastante pontual, promoverá autoconhecimento, potencializando sua atuação e fazendo com que crie disciplina e foco para alcançar os objetivos estabelecidos”, explica. Para que você possa organizar seus objetivos para o novo ano que se inicia, o coach recomenda a metodologia SMART (veja no quadro ao lado). Ao estruturar seus objetivos seguindo esta metodologia você poderá fazer um melhor acompanhamento de cada atividade. “É importante que se escreva, respondendo a cada um dos pontos, tornando assim, de fato, um objetivo estruturado. Após estruturar o seu objetivo, crie uma metodologia de acompanhamento (mensuração) para que se possa o atingir o resultado dentro do prazo esperado”, finaliza.

Para ajudar você * Escreva seus objetivos e organize na metodologia SMART; * Crie uma metodologia de acompanhamento; * Assuma seus objetivos como verdadeiros desafios; * Disciplina é fundamental; * Não perca o foco; * Nunca procrastine. Lembre-se: melhor feito do que perfeito!

S M A R T

specific específico measurable mensurável achievable alcançável relevant relevante time prazo

* A metodologia SMART é uma maneira de criar metas que sejam, ao mesmo tempo, atingíveis e desafiadoras, e pode ser usada tanto para o planejamento pessoal quanto para o profissional.


Caderno Especial de Natal

Saiba como proteger o seu pet na hora da virada Você sabia que os cachorros possuem uma capacidade auditiva até quatro vezes maior do que a dos seres humanos? Por isso é que muitos cãezinhos possuem fobia de fogos de artifícios e costumam reagir de forma assustada em eventos muito barulhentos, como as festas de final de ano. Para evitar que seu cão ou gato sofram qualquer tipo de dano com os fogos na hora da virada de ano, o médico veterinário Silas Maurício Cuneo Amaral, integrante do Conselho Regional de Medicina Veterinária de Santa Catarina, recomenda alguns cuidados. Manter o animal em ambiente fechado, longe de janelas e portas, e com opção de proteção física, como cama, casinha, cesto e coberta são ações preventivas para evitar que o animal fique assustado e até estressado com o barulho. “Além disso, deve-se ter o cuidado de levar o pet para caminhadas e necessidades básicas pelo menos uma hora antes do acontecimento dos fogos”, orienta.

Segundo Silas, alguns animais poderão necessitar de medicamentos que concorram favoravelmente para sua tranquilidade, mas estes devem ser prescritos somente por médicos veterinários.

Outros danos Além do barulho excessivo, que pode causar lesão grave e diminuição da acuidade auditiva, os fogos de artifício podem oferecer outros riscos aos animais de estimação, como traumas físicos causados por quedas, fugas e atropelamentos; queimaduras, automutilação e aumento da agressividade. Em casos de acidentes, o veterinário Sila recomenda manter a calma e procurar imediatamente um médico veterinário. “Não tentar resolver o problema sozinho e muito menos medicar o pet sem indicação de um profissional da área. Vale lembrar que alguns medicamentos utilizados em humanos são tóxicos para animais”, alerta.

Na hora dos fogos Se o seu animal de estimação costuma se assustar com a queima de fogos, na hora virada o médico veterinário recomenda que você não reforce o comportamento de pânico. A dica é demonstrar segurança para o animal, ignorando os sinais de medo e recompensando o pet quando ele se apresente calmo. Evite afagá-lo e nem pense em castigá-lo. Nestes casos, são recomendadas práticas que visem desviar a atenção dos pets

dos fogos de artifício. Cada animal reage diferente neste aspecto e convém que você reconheça antecipadamente essas práticas de acordo com o gosto e o costume de seu pet. Pode-se enriquecer o ambiente com brinquedos e desafios, tentar distraí-lo com outros sons agradáveis ou mesmo colocá-lo em contato com outros animais dóceis que não apresentem medo aos sons intensos.

33


34

Aghata Antunes Uavniczak

Alice Alves Mendes

Alice Ferreira da Silva

Alice Ledur

Alice V. L. Colombo

Ana Clara Pertile

Ana Luiza Leseux

Angelina de Ramos Crema

Angelo da Costa Manfroi

Anna Luiza Felicetti Graff

Anthony P. Raballo

Antonella Lemos

Antonella Luiza Polesello

Antonella Rodrigues Alves

Arthur de Oliveira

Arthur Ghelere Matias

Arthur Hinnah

Arthur Lunardi Kosvoski

Arthur Miguel Alcantra

Arthur Miguel Prates Ribeiro

Arthur Pasa

Augusto Althaus

Augusto Basso

Augusto dos Santos Couto

Beatriz Brito Chiarini

Benjamin Bogo Piccoli

Bernardo Bin

Bernardo Dal Pra Fagherazzi


35

Bernardo de Melo da Silva

Bernardo K. Fontanella

Bernardo Possa Tres

Bernardo Soares Machado

Bianca Bohm de Cesaro

Bianca Contini

Bianca Stortti e Laura Tonini

Brayan Weter Rodrigues

Cecília F. dos Santos

Cecília Mello

Cecília Sauer

Clara Casa Lazzari

Davi Lucas Pereira de Freitas

Davi Lukas Barbosa de Carvalho

Davi Solano Dal Magro

Dayvid de Camargo Gonçalves

Diennifer Camili Machado

Eduarda Cieslak

Eduardo Mussato de Lima

Elisa Ramos da Rosa

Emily Colferai Bortolotto

Enrico Bassotto Sosnoski

Enzo Bellaver Marin

Enzo Davi da Silva

Enzo de Jesus Kornowski

Enzo Gabriel M. da Cunha

Estevan Chiele

Fernanda Carvalho

Gabriel L. Rufatto

Gabriel Lago Pessin

Gabriel Pasa Zwirtes

Gabriel Prause Teixeira

Gabrielle Dal Molin Junges

Giovana S. V. de Oliveira

Gustavo Pellizzer Nunes


36

Gustavo Rech

Heitor Samsigolo

Heloísa Lottermann

Henrique Spinelli Trevisan

Icaro Bertoncello Prux

Isabela Nunes

Isabelly Moroni

Isabelly Rodrigues Camargo Moraes

Isabelly Rubin Pretto

Isadora Del Pizzol

Izadora Mancalossi Dal Pizzol

Jessica Luísa Soares

João Henrique Borges Brezolin

João Miguel Tem Pahs

João Pedro Ponte Pozza

João Pedro Rubin Pretto

João Vicente Ferreira

João Victor S. Chiarello

João Victor Speffeld Bugs

Joaquim P. Lima

Joaquim Soares

Joaquim Varaschini Monego

Julia Rigo

Julia Tomazi Burati

Julian Soveral

Kevin Gabriel Xavier

Kétlin Vitória de Assunção Miranda

Lara Valentina Razpendoski

Laura Arruda

Laura Rosin Trevisan

Leonardo Palavro

Lorenzo Giocondo Biazoli Dal Cin

Lorenzo Signori Guadagnin

Louise Gambato Soares

Lucas Bellaver Bondan


37

Lucas Karpinski

Lucas Moisés

Luigi Chiele Seben

Luis Henrique Melo da Rosa

Luis Micael Fonseca

Luiza Ely Sichelero

Manuela Casa

Manuela Osório Vetorazzi

Manuella S. Razzera

Maria Antônia Colombo

Maria Antônia Marholt Bortolossi

Maria Clara de Lima

Maria Fernanda Ribeiro Pereira

Maria Júlia Guerra Zanotto

Maria Luísa Lazzari Baggio

Maria Luíza Ferri

Maria V. L. Colombo

Mariana Oliveira Ciganski

Mariana Zucco

Marina Oliveira Dias

Mateus Augusto Domingues Werner

Mateus Rodrigues

Miguel Basso Bellaver

Miguel Pasa Zuanazzi

Miguel Pergher Brasil

Miguel Possa Balbinotte

Miguel Volpatto

Milena Barbosa Silva

Monalise Reginato Kubiak

Natalia Zimmer Fontanella

Nicolas Camillo Chieli

Nicolas Gabriel Kempka

Nicoly M. de Andrade

Otávio L. de Quadros

Pedro Henrique Moroni Colussi


38

Pedro Henrique Pedroso

Pedro Lucas Sthoeher

Pietro Chiele

Rafael K. da Silva

Rafael Porto Dias

Rafaela K. Durand

Renan C. Bastos

Richard Erick Quadro Baez

Rodrigo Kanno Pinheiro

Ruan Miguel Rodrigues

Sayuri da Silva Santos

Sofia Einsfeld Vidal

Sofia Hantz Olizaroski

Sofia Peccin Comin

Sofie B. Macedo Cousseau

Sophia Dapper da Costa

Theo Fernando Pereira

Theodora Chiele Bortolosso

Thuane Rodrigues Cardoso

Théo Fim Girelli

Thuany Velasque Prati

Valentina Basso Mikoaski

Valentina de Bona Silvestrin

Valentina Rossi Pasa

Valentina Tres Peccin

Valentina Weber

Vicente Aguirre

Vicente B. Richetti

Vicente Bigolin Tonini

Vicente de Almeida Heinen

Vicente de Cesaro

Vicente Heinen

Vicente W. Salvadori

Vinícius Bertoletti Frigheto

Willian Vettorazzi


39

Adrian P. Vieira

Aisha Pegoraro Brando

Alice Batz

Alice Bellaver Rodrigues

Alice Dalsochio Maciel

Alice Poletto dos Santos

Alicia Eduarda Freire

Amanda D. da Silva

Amanda Rambo

Amanda Rancan Buziki

Ana Caroline da Silva

Ana Cecília Ehrig

Ana Clara S. de Azambuja

Ana Clara Soares

Ana Clara Vieceli Bianchi

Ana Julia Bartelli

Ana Julia Ricci

Ana Laura Brum

Ana Laura Casagrande

Ana Laura Ehrig

Ana Laura Raminelli

Ana Luiza Rodrigues

Ana Vitoria Guralek

Analise Michel

André e Tulio Vanzin

Angelo J. Facchin

Anna Clara Siqueira Dal Magro

Anthony Pietro do Nascimento

Antonella Gobetti

Antonella Ranzolin

Antônia Squenal de Oliveira

Antônio Rasera Maso

Arthur Anderle

Arthur Cabral França

Arthur da Silva Guarnieri


40

Arthur dos Santos Sgarabotto

Arthur Gabriel de Oliveira de Barcellos

Arthur Menzen Vigolo

Arthur Pizzi

Arthur R. Borsoi

Arthur Stoffels dos Santos

Arthur Zapalai

Augusto Von Ende Ostemberg

Benjamin Martinelli Capellari

Bernardo Burlani Valentini

Bernardo Ferreira

Bernardo Ferreira

Bernardo Hasstenteufel

Bernardo Lyra Soares

Bernardo Zarpelon de Souza

Bianca E. dos Santos

Brayan Arcari Zanella

Brenda Schaider Correa

Breno K. Durand

Bruna Juwer da Silva

Bruno C. Giotta

Caetano Balestrin Brunet

Carlos Eduardo Monego

Carolina Chiele Spinelli

Carolina dos Santos Mognon

Carolina Silvestri Forti

Caroline da Silveira Vargas

Caroline Z. Hoffelder

Catharina Roth

Cauan H. Buss

CecĂ­lia Possa Tres

CecĂ­lia Z. Silvestrin

Clara da Mata Antonio

Clarissa da Silva Taborda

Cristal Barreti da Silva


41

Davi Ferreira dos Santos

Davi Gregolin Balbinotte

Davi Juchem Weyh

Davi Lucas Miranda

Davi Luiz Sperança Foschiera

Davi Mendes Gulden

Davi Possa

Davi Rafaelli Borsoi

Davi Scartezzini

Davy Brun Moschetta

Djúlia Rafaela Araldi

Eduarda Capovila

Eduarda S. Dal Magro

Eduarda Signori Ulian

Eduarda Zanandréa Nunes

Eduardo Rafael de Lima

Efraim Prandi da Silva

Elisa Lazzeri Wüst

Elisa T. Xavier

Emily de Ramos de Almeida

Enzo Antony Zini Backes

Enzo Bondan Ulian

Enzo C. Teixeira

Enzo de Freitas

Enzo Gabriel Tepo

Enzo Ross Brancher

Erick Dalcin

Érika De Conto

Fernanda F. Bortolotto

Fernanda Telles Hepper

Francisco Fedrigo Lisbôa

Francisco Marchetto de Farias

Francisco Vigolo Passarin

Fernando Miguel Vetorazzi Flávia F. Lima de Oliveira


42

Gabriel de Lima Brum

Gabriel dos Santos Castro

Gabriel F. de Sousa

Gabriel Olintho Pereira

Gabriel Polli Rodrigues

Gabriel Soares

Gabriela C. De Cesero

Gabriela Brum Gidiel

Gabriela Pegoraro

Gabriella F. de Oliveira

Gabriella Spuldaro Debiazi

Georgia Bertoletti

Germano Portolan Pessin

Giovana Lourenço

Giovana Padilha Bacch

Giovana Rostirolla Rodrigues

Giulia de Lima Costa

Guilherme Dresch Branco

Guilherme S. Sordi

Guilherme Signori Ulian

Guilherme Spuldaro Tofolo

Guilherme Zanonato

Guilherme Ziller

Gustavo L. Rodrigues

Heittor de Figueiredo

Helena Piazza Brunetto

Helena Vitória Oss

Henrique Ferreira

Henrique Penso Faganelo

Isaac Amaral Romão

Isabela Berlaver Corrêa

Isabela Boeni Razzera

Isabela Colombo

Isabela D. Ramires

Isabela Possa Toso


43

Isabella Calera Puhl

Isabella da Costa Schmitz

Isabella F. Viecceli

Isabely C. da Silva

Isadora C. Marques

João Lorenzo F. Suzin

João Paulo de Castro

João Pedro Bortolotto Pedó

Joaquim de Oliveira

Julia Alves Silveira

Júlia Slaiffer Gadelha

Júlia Vitória Lopes

Isabelle Grandi

Isabelle T. Scussiatto

Isabelli Balzan Campeol

Isabelly Xavier Padilha

Isadora Pacini P. Dias

Isadora Victória B. Cota

João Gabriel Teles Hepper

João Vitor de Momi Savoldi

João Vitor L. P. da Silva

João Vitor N. Tepo

Joaquim Bertholdo Richetti

Julia Francisconi

Julia Pellizzer Nunes

Júlia Bonzanini Piaia

Júlia Fabro Parlato

Júlia Risson

Júlia Zanchett

Julia Zatti Guerra

Kamilly Antunes

Kamilly Hoffmann Nunes

Kelly Cristina Gatti

Isadora Cantarelli Colloda Isadora de Matos Bischoff


44

Lais M. de Farias

Lara Borne Portolan

Lara Knebel Both

Lara Silva Cardoso

Larissa de Aguiar Rodrigues

Laura Abel Rombaldi

Laura Inês Barbieri

Lauren Tamanini Broch

Leonardo Aguiar

Leonardo Soccol

Letícia Mangini Colombo

Lisa Feltrin

Lívia Werner Zimmer

Lorenzo Bresolin de Souza

Lorenzo Damiani Ferrarini

Lorenzo de Lima Costa

Lorenzo R. Castaldo

Lorenzo Tamanini Broch

Louise Yanni Fabro

Luana Schaider Correa

Luca Bertholdo

Lucas B. Biscaro

Lucas Bianchi

Lucca Rotili Machado

Lucca Weirich Gallon

Luísa Bonetto Colossi

Luisa K. Tosin

Luisa Lipreri Araldi

Luiza R. Seben

Manuela B. de Lima Brando

Manuela Bressan Zanella

Manuela Dresch Branco

Manuella Perottoni

Manuella Soprana Mancalossi

Marcos Vinícius O. Lopes


45

Maria Alice G. Cervelin

Maria Antônia C. Schenkel

Maria Antônia Concatto Schenkel

Maria Cecília D. Marques

Maria Clara de Oliveira da Rosa

Maria Clara Schena

Maria Eduarda Bresiani

Maria Eduarda de Oliveira de Barcellos

Maria Eduarda Guasseli

Maria Fernanda F. Retamal

Maria Luiza da Fonseca dos Santos

Maria Luiza F. de Alexandre

Maria Luiza Portinho

Mariana B. Maggioni

Mariana Mendes Pavan

Marina Foresti Bellaver

Marina Melo

Martin de Freitas

Mateus Bariviera Chiele

Mariana Bertotti Dornelles Mariana Cagliari Bozzetti

Mateus Brambilla de Brito

Mateus Hoffmann

Matheus Paim Nunes

Mathias Balbinot de Morais

Matina Dagnese

Maurício Colombo Perine

Mayara Bertotti

Melissa Tedesco

Miguel Dellazari Roth

Miguel Eichner

Miguel Lazzery Wust

Milena S. Pegoraro

Miriã Lopes Antônio

Monique Arecco


46

Murilo Fagherazzi Dal Ponte

Natália G. Boessio

Natália Gabrielle Bonfanti

Natália Marchetto

Nathália B. A. Castro

Nathália W. de Mello

Nícolas Riboldi

Nicolly C. Ribeiro

Pedro Augusto Trombini Bonalume

Pedro Bellaver Maurer

Pedro Eduardo Kunzler

Pedro Francisco Dalbosco

Pedro Henrique Cervelin

Pedro Henrique Dal Vesco

Pedro Macedo dos Santos

Pedro Octávio Manini Rodrigues

Pedro P. de S. Cenci

Pietra Raphaela Weber

Pietro N. Capra

Rafaela B. Zilli

Rafaela Morari Maggioni

Rafaela Zucco Batistello

Rafaella Roth

Rebeca Colognese Busetti

Ricardo Pavloski

Sabrina Gama Piccoli

Sabrina Trivelin Tres

Sofia do Amaral Dall’Igna

Sofia M. Alves Vieira

Sofia Maurer Guidali

Sophia Boeni Ferreira

Sophia Castanha Visintainer

Sophia Ganzer Kunz

Sophia Lorenzi Perosa

Stéfani Baller Zanchet


47

Tainara Debiasi

Tayla Heloise Wouters Gomes

Thayla Vitória Guiel

Thiago Fontanella Peccin

Thiago H. B. Teixera

Valentina Colferai

Valentina de Mattos

Valentina E. Silva Moreira

Valentina Gnoatto

Valentina Moreira

Valentina Pimenta Constante

Valentina Ribeiro do Prado

Valentina Rombaldi Somacal

Valentina Suzin Duarte

Valentina Zonin Swirck

Vicente José Venturella

Vicente P. Mancalossi

Vicente Perroni Fardin

Vicente R. Francischini

Vicente Suzin Ramos

Victor H. Balancin

Victória Luiza B. Romani

Vinicius Rigatti

Vitor Alves Ferreira Rodrigues

Vitor K. Brandão

Vítor Lima Oliveira Gomes

Vitor Patrick Dias

Vítor Werner Zimmer

As fotos do Minha Imagem de Natal, que integram esse Caderno Especial alusivo à data, bem como a identificação das crianças, são de inteira responsabilidade do Studio Dal Monte Wágner do P. de Vargas

Yasmin Arbello Silva

Yasmin Foscarini

Yasmin Meirelles

Ysadora Arenhardt


Edição 517  
Edição 517  
Advertisement