Page 1

FARROUPILHA

|

ANO X

| EDIÇÃO 484

| 5 D E M A I O D E 2 017 |

R$ 3,00

Para reforçar a amizade Fabiano Gasperin

As mães de São Miguel, do 4º Distrito, são as anfitriãs do 16º Encontro Municipal de Clubes de Mães de Farroupilha que acontece neste domingo e tem expectativa de reunir 500 participantes de 20 grupos do município - Cidade, páginas 10 e 11


2

FARROUPILHA, 5 DE MAIO DE 2017

NOVO SENAC

Portas abertas para o futuro Com inauguração de nova sede, unidade farroupilhense do Senac projeta ampliar atendimento à comunidade daniel@jornalinformate.com.br

O

Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac) está de casa nova em Farroupilha. A inauguração do espaço, localizado nos dois primeiros andares do Comercial República (República, 617), ocorreu na noite de terça em cerimônia que contou com a presença de autoridades estaduais e regionais, representantes da Fecomércio-RS e convidados. “As instalações anteriores estavam muito precárias e felizmente encontramos um investidor que adequou a estrutura às nossas necessidades, inclusive com a possibilidade de expansão. Estamos muito felizes por disponibilizarmos esse novo espaço físico onde

serão oferecidos diversos cursos profissionalizantes”, comemora Luiz Carlos Bohn, presidente do Sistema Fecomércio-RS/Sesc/Senac. Ele ainda destaca que a Moda se somará às áreas da Beleza, Gestão e Negócios, Informática e Idiomas como as principais contempladas pela unidade (confira detalhes da estrutura na página ao lado), inclusive com a possibilidade de customização de cursos para atender a necessidades das malharias da região. “Prospectamos melhorias tanto para os trabalhadores como para os empresários, que, com a qualificação da mão de obra, terão mais produtividade”, assinala o dirigente. Diretora da escola, Evandra Scottá também frisa a importância da nova sede para que o Senac possa continuar crescendo no município.

Daniel Rufatto

Daniel Rufatto

Mudança de patamar Ao lado de diretores da Fecomércio, equipe do Senac local celebrou inauguração da nova sede na noite de terça

“É uma estrutura linda, que nos abre novas perspectivas e oportunidades”, afirma Evandra. Tanto é que, com contínuas melhorias em atendimento e gestão, já se vislumbra a possibilidade de transformar o

Troféu Bronze do Programa Gaúcho de Qualidade e Produtividade (PGQP), obtido pela primeira vez em 2010, e o Prata, em 2016, em algo maior logo adiante. “A excelência nos desafia. Nosso objetivo é continuar

avançando para já em 2019 podermos concorrer ao Ouro”, antecipa Evandra. Determinação, conhecimento e, agora, estrutura física para isso não faltam. Bom para Farroupilha, que tem no Senac uma de suas grandes referências.


3

FARROUPILHA, 5 DE MAIO DE 2017

NOVO SENAC

Para atender as demandas do mercado Fotos: Daniel Rufatto

C

om 1193,13 metros quadrados de área, a nova sede da unidade farroupilhense do Senac apresenta como grande novidade um moderno laboratório voltado à área da Moda. Tudo para atender a demanda do mercado farroupilhense, referência nacional em malharias e confecções. Além disso, a estrutura conta com laboratórios de Beleza e Informática, salas temáticas para aulas de Idiomas e salas multiuso. Bem como biblioteca, áreas de convivência interna e externa e demais dependências administrativas. Além de Farroupilha, a unidade também é responsável pelo atendimento dos municípios de Alto Feliz, Bom Princípio, Feliz, São Vendelino e Vale Real. E é um dos polos de Educação a Distância (EAD) do Senac para cursos técnicos e pós-graduações.

Moda e Beleza Focado em preparar mão de obra qualificada para atender mercado da região, espaço conta com modernos laboratórios nas áreas de Moda e Beleza

Ampla e moderna Com quase 1,2 mil metros quadrados de área, estrutura também disponibiliza aos estudantes biblioteca e salas temáticas para aulas de Idiomas


4

FARROUPILHA, 5 DE MAIO DE 2017

O retorno do valor investido Por vivermos em um País com carga tributária escorchante e que não retorna à população sequer os serviços mais básicos e necessários, sugados por uma corrupção crônica e endêmica, há que se reconhecer o papel e relevância de entidades que integram o chamado Sistema S. Financiado por meio de empresas que recolhem valores sobre a folha de pagamento de seus funcionários (1% ao Senai e 1,5% ao Sesi, para as indústrias; e 1,5% para as empresas de comércio ao Sesc, a título de exemplo), esses recursos são destinados às respectivas entidades de classe que, dentro de suas respectivas áreas de atuação, pro-

movem atividades diversas, que vão do custeio de cursos de capacitação para qualificação de mão de obra, no caso do Setor Secundário, até a oferta de apresentações artísticas e culturais, quase sempre vinculadas ao Serviço Social do Comércio. O que mais chama a atenção é a aplicação destes recursos, que realmente revertem em benefício de toda comunidade. Bom se com os demais impostos e tributos, a sociedade também tivesse condição de ter atendida suas demandas mais elementares. O Serviço Nacional da Aprendizagem Comercial (Senac) de Farroupilha, por exemplo, inaugurou sua nova sede nesta semana. Ela visa atender

a um aumento considerável de cursos de aperfeiçoamento, inclusive muitos voltados ao segmento malheiro, um dos motores da economia farroupilhense, o que demonstra o total comprometimento da entidade com o desenvolvimento do município em que está inserida (veja mais na Matéria Especial, páginas 2 e 3). Um outro bom exemplo a se destacar na cidade é o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) que, nesta semana, assinou um novo convênio com a prefeitura, que busca disponibilizar capacitação, consultorias e outras soluções para as Micro Empresas Individuais, as chamadas MEIs, fun-

damental em um momento como o atual, de profunda crise, mas que também permite que novos negócios surjam. Ter um atalho que drible a burocracia é a certeza de criação de novas oportunidades e abertura de postos de trabalho (confira na Editoria de Economia, página 6). Evidente que não há o menor interesse no Estado em promover a oferta adequada de serviços básicos como saúde, educação e segurança pública, mas não resta a menor dúvida que a modalidade de destino dos recursos feita pelas entidades que integram o Sistema S seria um caminho viável e um modelo a ser olhado com atenção. Quem sabe em um futuro distante.

Opinião

Tempos difíceis, tempos de luta Juliano Baumgarten * A história é a ciência capaz de mostrar e provar os avanços e os retrocessos que a sociedade produz. Todos os direitos trabalhistas, civis, entre outros foram conquistados a base de muito suor e luta, sim a luta. As greves e paralizações foram as principais ferramentas. Não há vitória sem luta. Se formos voltar na História e lembrar o advento fabril, o aumento da produção, aumento da jornada de trabalho e da exploração da mão de obra. Esse é o período que compreende e que re-

sultou na Revolução Industrial, um dos marcos da ruptura do mundo moderno para o contemporâneo. A discussão trabalhista veio à tona, muitos países aderiram e colocaram em prática. No Brasil os direitos trabalhistas se efetivaram inicialmente pós Greve Geral de 1917 e se consolidaram e ampliaram com Vargas. Responsável que criou a CLT (Consolidação das Leis do Trabalho), documento magno a favor dos direitos dos trabalhadores, a criação do salário mínimo, a justiça do trabalho. Não é o momento de retroceder, é o momento de estarmos atentos

Índice

Editorial

Matéria Especial .................................... Páginas 2 e 3 Editorial e Opinião................................ Página 4 Economia .................................................. Páginas 6 e 8 Cidade ........................................................ Páginas 9 a 11 e 14 Política ..................................................... Página 16 Educação .................................................. Páginas 17 e 18 Esporte ..................................................... Páginas 19 a 23

Inside

Especial..................................................... Capa Cinemas ..................................................... Página 2 Literatura ................................................ Página 3 Crônicas da Redação ............................. Página 4 Agenda....................................................... Página 4 Gastronomia............................................ Página 5 Paulo Roque Gasparetto ..................... Página 5 Social ........................................................ Páginas 6 e 7 Fabrício Oliboni ..................................... Página 8 Música ....................................................... Página 8 Cultura ..................................................... Página 9 Dolores Maggioni .................................. Página 9 Sétima Arte .............................................. Páginas 10 e 11 Horóscopo ............................................... Contracapa Saúde, Beleza & Estética...................... 4 páginas Classificados .......................................... 8 páginas

e resistir para que não acabem com os nossos direitos. Quantas pessoas morreram exploradas por viver em um trabalho com condições desumanas, sem ter respaldo algum. Basta pensar, estudar e verá que isso aconteceu em um passado não tão distante, e infelizmente ainda ocorre. Não podemos aceitar a institucionalização. O que tem que ser discutido é o mundo do trabalho que sofrerá várias alterações, que irão afetar grande parte dos trabalhadores. Sempre haverá pessoas contrárias e favoráveis as diversas mudanças. Mas talvez o

REDAÇÃO - REDACAO@JORNALINFORMANTE.COM.BR ALANA BOF ALANA@JORNALINFORMANTE.COM.BR DANIEL RUFATTO DANIEL@JORNALINFORMANTE.COM.BR JULIANA INÊS CASA BARBIERI JULIANA@JORNALINFORMANTE.COM.BR RAMON CARDOSO RAMON@JORNALINFORMANTE.COM.BR ROCHELI CAMARGO ROCHELI@JORNALINFORMANTE.COM.BR

mais patético são alguns comentários que cercam isso, como por exemplo, “tu tens lado”, está sendo partidário. Tudo é político e tudo é ideológico. Não podemos é ficar de braços cruzados esperando o desfecho acontecer, é necessário “abrir os olhos” e agir. Depois que o pior acontecer e não fizermos nada, não adianta reclamarmos. Como diz aquele velho ditado “não adianta chorar pelo leite derramado”. Chegou a hora de reagir, de lutar. A história é agora! * Professor de História e sociólogo

FINANCEIRO - FINANCEIRO@JORNALINFORMANTE.COM.BR KELI DE ALMEIDA MACIEL KELI@JORNALINFORMANTE.COM.BR

LOGÍSTICA - LOGISTICA@JORNALINFORMANTE.COM.BR LUIZ CARLOS DE ANDRADE LUIZ@JORNALINFORMANTE.COM.BR

ASSINATURAS - ASSINATURAS@JORNALINFORMANTE.COM.BR

COMERCIAL - COMERCIAL@JORNALINFORMANTE.COM.BR

ASSINATURA BIENAL: R$ 220,00 ASSINATURA ANUAL: R$ 120,00

TELEFONES

FABIANO LUIZ GASPERIN GASPERIN@JORNALINFORMANTE.COM.BR MARCOS MARTINS MARTINS@JORNALINFORMANTE.COM.BR MARIA DA GRAÇA POTRICOS LEITE MARIA@JORNALINFORMANTE.COM.BR PAULA ANDRESSA DOS SANTOS LAGO PAULA@JORNALINFORMANTE.COM.BR VALÉRIA GASPERIN VALERIA@JORNALINFORMANTE.COM.BR

(54) 3401-3200 / (54) 3401-3201 (54) 3401-3202 / (54) 3401-3203

ENDEREÇO RUA DR. JAIME ROMEU RÖSSLER, 348, BAIRRO PLANALTO

COLUNISTAS

ANUNCIOS - ANUNCIOS@JORNALINFORMANTE.COM.BR ALEXANDRE FRANCISCO MACHADO ALEXANDRE@JORNALINFORMANTE.COM.BR MARCELO BORTAGARAY MELLO MARCELO@JORNALINFORMANTE.COM.BR TIAGO RODRIGUES DA SILVA TIAGO@JORNALINFORMANTE.COM.BR

ARMANDO WARTHA CRÔNICAS DA REDAÇÃO DOLORES MAGGIONI FABRÍCIO OLIBONI GUILHERME MACALOSSI GUSTAVO PIMENTEL LAURO EDSON DA CÁS PAULO ROQUE GASPARETTO

@PaperInformante www.jornalinformante.com.br

/jornalinformante


5

FARROUPILHA, 5 DE MAIO DE 2017

IARGS promoveu palestra sobre Famílias e Conflito de Gerações Evento fez parte do Grupo de Estudos de Direito de Família, um dos mais ativos dentro do Instituto dos Advogados do Rio Grande do Sul

É

provável que nenhuma outra área dentro do Direito tenha uma relação tão próxima com uma gama de outras profissões como o Direito de Família. Por conta disso, o Instituto dos Advogados do Rio Grande do Sul (IARGS) promoveu a palestra “Famílias e o Conflito de Gerações”, tema que teve como palestrante o psiquiatra Marco Aurélio Crespo. Ele abordou a constituição e as principais características da família, do ponto de vista psicológico, bem como sua importância central no desenvolvimento da identidade e da personalidade do indivíduo. Presidente do IARGS, Sulamita Santos Cabral foi quem fez as honras da casa para o debate da questão, que reuniu diversos profissionais da área do Direito de Família na sede do Instituto, em Porto Alegre. “Como todo agrupamento humano, este também não estará livre dos conflitos inerentes ao existir no mundo das relações, e uma das formas de expressão destes conflitos é justamente o que se estabelece entre diferentes gerações”, explicou Crespo. De acordo com ele, o habitat interior da família é criado por meio de uma representação compartilhada entre seus membros, formando a base do reconhecimento grupal. Ge-

ração, no entendimento do psiquiatra, é o intervalo entre pais e filhos. “No entanto, os blocos geracionais parecem acontecer a cada 10 anos, como atestam historiadores”, explanou. Nesta linha de pensamento, salientou que a geração emergente geralmente choca a mais velha com novos paradigmas e novos comportamentos. “Cada geração seleciona seus próprios objetos, pessoas e acontecimentos geracionais e cria suas próprias memórias e sentidos”, declarou. Por meio de seus estudos e experiências, Marco Aurélio informou que a tomada de consciência de pertencer a uma geração acontece, geralmente, por volta dos 30 anos, quando já se pode ter uma visão mais ampla da infância, da adolescência e do início da vida adulta. Segundo o psiquiatra, cada classe, raça e gênero social situam-se de maneira diferente nas suas relações com a consciência de seu tempo, tornando cada geração mais rica e complexa. Para concluir, destacou que há muitas pessoas que ainda rejeitam o que chama de consciência geracional, ou seja, vivem como se estivessem ainda na sua geração. Após a exposição, o psiquiatra debateu com o público sobre os principais conflitos percebidos pelos profissionais que trabalham nessa área do Direito.


6

FARROUPILHA, 5 DE MAIO DE 2017

Daniel Rufatto

SALA DO EMPREENDEDOR

Para incentivar as MEIs Prefeitura e Sebrae firmaram convênio na manhã de terça

A

pós aderir à Redesim e implantar o programa Inova Farroupilha, o município deu mais um importante passo para simplificação dos processos de abertura de empresas na última terça, com a assinatura de um convênio de cooperação técnica com o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae). A parceria prevê, por exemplo, a disponibilização de capacitações, consultorias e outras soluções para as Microempresas Individuais (MEIs) na Sala do Empreendedor, que fica situada no Ceac (14 de Julho, 713). “Um dos cinco maiores problemas enfrentados pelo empreendedor é a burocracia. Ter um ambiente simplificado, prático, acessível, é um ganho importante. Temos que abrir caminhos para o empreendedorismo”, destaca Derly Cunha Fialho, diretor-

-superintendente da entidade no Estado. O acordo também é comemorado pelo prefeito Claiton Gonçalves, que o avalia como resultado do amadurecimento das relações entre o Executivo municipal e o Sebrae. “Estamos vislumbrando um crescimento de progressão geométrica logo adiante para os empreendedores, visto que, ao se sair de uma crise grande, como a que estamos enfrentando no Brasil, não há outra solução senão nos assessorarmos da boa educação para produção e trabalhar, muito. Não há como se fazer isso sem um órgão de fomento, como é o Sebrae”, pontua Claiton. Com vigência até dezembro de 2018, o convênio contempla atendimentos presenciais e virtuais, orientações e disponibilização de materiais específicos para os MEIs. Outras ações programadas são a capacitação empresarial e a consultoria presencial.

Cooperação técnica Ato na Sala do Empreendedor marcou celebração da parceria entre prefeitura e Sebrae

Finanças Feirão de Dia das Mães na Tonin

Quem ainda não comprou presente de Dia das Mães terá uma oportunidade excelente neste fim de semana. De sexta a domingo, a Tonin realiza em seu showroom (RSC-453, quilômetro 117) nova edição do já tradicional Mega Feirão de Fábrica. Mais de 5 mil itens, entre carteiras, bolsas, malas e mochilas, estarão sendo comercializados com descontos de até 50%. O horário de atendimento do Feirão será das 8h às 18h, com estacionamento livre no local e dinheiro como única forma de pagamento aceita.


8

FARROUPILHA, 5 DE MAIO DE 2017

RESÍDUOS SÓLIDOS

Por uma cidade Lixo Zero Com foco na qualificação de gestores públicos, Farroupilha sedia workshop sobre o assunto na próxima quinta de qualidade de gestão, pública no caso”, destaca Sabatini, que também é diretor da Zero Waste International Alliance, mentor da Juventude Lixo Zero e do Zero Waste Youth International Movement. Ele ainda ressalta que, a partir da assinatura e entrada em vigência da Política Nacional de Resíduos Sólidos, em 2010, os municípios passaram a ser legalmente pressionados a melhorar as práticas em relação aos resíduos sólidos. As potencialidades mercadológicas em aprimorar as políticas voltadas ao setor também são pontuadas por Sabatini. “As cidades estão vivendo uma crise, e o lixo é responsável por 5 a 15% do orçamento dos municípios. Dinheiro de escolas, postos de saúde e investimentos que enviamos, literalmente, para o lixo. O Lixo Zero vai gerar empregos, renda, arrecadação de impostos e atrairá investidores. O Lixo Zero vai construir e educar uma nova geração de cidadãos, que estarão preocupados e participantes dos problemas da cidade”, acredita o ambientalista.

Luis Debiasi/Agência AL

A

gestão adequada de resíduos sólidos é, sem dúvida, um dos principais desafios atuais das cidades. Não é diferente em Farroupilha, onde a administração municipal tem promovido uma série de ações voltadas a reduzir o ciclo vicioso do lixo. A próxima delas é a realização do Workshop Gestão Pública para Cidades Lixo Zero. O evento, que acontece na quinta, das 8h30min às 18h, no Salão Nobre da prefeitura, tem como objetivo qualificar os participantes a adotar conceitos e princípios do Lixo Zero, além de prepará-los para desenvolver soluções inovadoras e sustentáveis na área. Presidente do Instituto Lixo Zero, o engenheiro, especialista em inovação e ambientalista Rodrigo Sabatini ministrará o workshop. “A adoção das práticas Lixo Zero para as cidades é fundamental, uma vez que o volume de lixo que geramos e o destino que damos aos mesmos é, na verdade, um índice

“Não descarte, encaminhe” Presidente do Instituto Lixo Zero, Rodrigo Sabatini ministrará workshop

Confira o programa do workshop 8h30min às 09h30min: Conceito Lixo Zero 9h30min às 10h30min: Cenários Nacional e Municipal 10h30min às 12h30min: Tour Lixo Zero (visita às melhores práticas Lixo Zero na cidade de Farroupilha) 12h30min às 14h: Almoço 14h às 15h30min: Cases Nacionais e Internacionais 15h30min às 18h: Dinâmica em grupo (construindo um Programa Lixo Zero para sua cidade)


9

FARROUPILHA, 5 DE MAIO DE 2017

FILANTROPIA

Mais uma ajuda para o Hospital São Carlos Almoço beneficente acontece neste domingo, em Linha Vicentina Arquivo Jornal Informante

J

á está na 3ª edição o almoço promovido pelas Voluntárias da Saúde para arrecadar recursos e ajudar o Hospital Beneficente São Carlos (HBSC). Será neste domingo, na comunidade de Linha Vicentina. O valor do ingresso é R$ 50,00 e o cardápio é galeto, codorna, carne suína, macarrão, maionese, saladas e pão. Também será servido café, biscoito e diversos brindes serão sorteados no rifão. De acordo com Lourdes Refosco, que preside o grupo, serão cerca de 550 participantes e os interessados devem garantir o seu ingresso com antecedência, já que restam poucas unidades. No almoço, uma equipe do Jornal Informante estará presente para os interessados em fazer a assinatura solidária, modalidade que reverte parte do valor para as Voluntárias. Para 9 de junho outro evento está programado pelas Voluntárias da Saúde para ajudar o São Carlos. A atração inicia com Missa às 19h, no Santuário de Caravaggio e show com o Padre Osmar Coppi, às 20h30min, no Ginásio do Saturno. Para esta atividade o valor é R$ 20,00 e pode ser obtido ingresso com as Voluntárias ou no Informante que é um dos apoiadores.

3ª edição Voluntárias da Saúde estão à frente de mais um evento solidário

Programe-se O que: 3º Almoço beneficente em prol do Hospital São Carlos Quando: neste domingo, às 12h Onde: Salão Nossa Senhora da Saúde, em Linha Vicentina Quanto: R$ 50,00 o ingresso Cardápio: galeto, codorna, carne suína, macarrão, maionese, saladas e pão.

Alguém quer me adotar? ONG dos Peludos

Black é macho e tem 2 anos. É um pouco medroso, mas depois de ser conquistado é um dengo. Interessados em conhecê-lo podem manter contato com a ONG dos Peludos pelos fones 999.386.360 ou 992.122.466.


10

FARROUPILHA, 5 DE MAIO DE 2017

CONFRATERNIZAÇÂO

Domingo reserva encontrão de A 16ª edição do evento terá 500 participantes de 20 grupos da cidade, numa programação variada com missa, almoço e show religioso Juliana Inês Casa Barbieri juliana@jornalinformate.com.br

O

s preparativos estão a todo vapor e não é para menos. Serão 500 participantes no 16º Encontro Municipal de Clubes de Mães que será no 4º Distrito desta vez, na comunidade de São Miguel. O mais antigo Clube de Mães de Farroupilha está organizando um domingo divertido, que antecede também a comemoração ao Dia das Mães para oferecer aos participantes um momento de descontração, troca de vivências e de aprendizado. O Encontrão, como é popularmente chamado, integra o calendário de eventos oficiais do município. O objetivo é confraternizar e reunir as integrantes dos Clubes de Mães da cidade, que somam 27 instituições. As atividades iniciam às 9h30min com a chegada dos Clubes e o café de recepção. Depois haverá missa e em seguida o almoço. Às 14h terá início o show religioso com padre Osmar Coppi, seguindo com atividades até às 17h. No dia também haverá Desfile da Campanha do Agasalho, chamando a comunidade a participar. Representantes dos Clubes de Mães que já sediaram o evento e integrantes das Secretarias Municipais participarão doando uma peça para a ação solidária. “São dois anos de trabalho para sediar o evento, nosso sentimento é de muita dedicação e esforço para que tudo dê certo. Cada mãe fez o que estava ao seu alcance para colaborar”,

considera Simone Falkowski Guerra, presidente do grupo anfitrião, que não mediu esforços para que o melhor da comunidade fosse oferecido. Simone considera ainda que o Encontro não é destinado somente às mães, é para participação das famílias. Caso alguém ainda não tenho adquirido o seu ingresso, algumas unidades estarão disponíveis no dia, no valor de R$ 50,00 que dá direito ao lanche da manhã, almoço e café da tarde. Encontro recebe cardápio e decoração especial elaborado pelas anfitriãs Claro que num encontro de mães realizado no interior do município muita comida boa vai estar na mesa. Para garantir um almoço caprichado, um café da manhã e da tarde especiais, todas as integrantes do Clube São Miguel estão trabalhando e o preparo é sempre feito com carinho. No almoço haverá galeto, macarrão, matambre, maionese e pão. Já o lanche da tarde será com café, chá, grostoli, biscoito, pastel e bolo. A decoração trará aspectos que lembram a imigração italiana, como o convite feito com palha de trigo lembrando as primeiras colheitas, especialmente na localidade, onde um dos primeiros imigrantes italianos, Luigi Sperafico, fixou residência, está sepultado e deixou descendentes. Outra aposta foi a sustentabilidade com reaproveitamento de garrafas de vidro, uso de tecidos e flores naturais. Um jeito de ser consciente, simples, mas não menos encantador. Trabalho que já começa a ser pensando também pelo Clube de Linha São João que sediará a edição 2018.

Programe-se O que: 16º Encontro Municipal de Clubes de Mães de Farroupilha Quando: domingo, das 9h30min às 17h Onde: Salão da comunidade de São Miguel (4º Distrito) Quanto: Ingresso R$ 50,00 que dá direito ao lanche da manhã, almoço e café da tarde. No dia ainda haverá algumas unidades disponíveis


11

FARROUPILHA, 5 DE MAIO DE 2017

Clubes de Mães em São Miguel Fabiano Gasperin

Recepção Mães de São Miguel aguardam 500 participantes de 20 Clubes farroupilhenses neste domingo

Confira a programação do evento 9h30min: Abertura com chegada dos Clubes de Mães 10h: Lanche 10h30min: Celebração de Missa 11h30min: Protocolo 12h: Almoço (cardápio: macarrão, galeto, matambre, maionese, salada, pão, vinho, refrigerante e água) 14h: Apresentação com show de padre Osmar Coppi 14h45min: Desfile de lançamento oficial da Campanha do Agasalho 15h: Café da tarde (cardápio: café, chá, grostoli, biscoito, pastel e bolo) 17h: Encerramento

Anfitrião é o mais antigo da cidade

Fundado há 33 anos, o de São Miguel foi o primeiro Clube de Mães de Farroupilha. A missa de fundação foi celebrada pelo padre Oscar Bertholdo, em 18 de dezembro de 1983. Teve como idealizadora e primeira presidente Nailde Valandro, sendo que na diretoria teve ainda a participação de Melina Corteletti e Diva Valandro. Hoje conta com 17 integrantes que se reúnem uma vez ao mês, sempre no terceiro domingo. Colaboram com as duas festas tradicionais da comunidade: Nossa Senhora do Carmo, que acontece em julho, e São Miguel, que é em setembro. As integrantes têm idades entre 39 e 91 anos. Simone Falkowski Guerra é a presidente e a vice é Cátia Macedo.

Relembre todas as sedes do Encontro 2002: Renascer (Nova Sardenha) 2003: Unidas na Amizade (Linha República) 2004: Sagrada Família (1º de Maio) 2005: Nossa Senhora da Saúde (Linha Ely) 2006: Coração de Mães (Farrapos) 2007: La Mamma (Linha Müller) 2008: Estrela Guia (bairro São José) 2009: Jardim da Vida (Monte Bérico) 2010: As Milanesas (Nova Milano) 2011: Unidas Venceremos (Nossa Senhora das Graças) 2012: Ordem Auxiliadora das Senhoras Evangélicas (Desvio Blauth) 2013: Alegria de Viver (Caravaggio) 2014: Nossa Senhora das Dores (Linha 30) 2015: Nossa Senhora Aparecida (Monte Pasqual) 2016: Rosas do Paraíso (Linha Paese)


12

FARROUPILHA, 5 DE MAIO DE 2017

Dia do Oftalmologista é celebrado neste domingo Ramo da Medicina é um dos que mais evoluiu ao longo dos anos e proximidade da data reforça importância de consultas periódicas para a prevenção de série de problemas

O

ficializado em 1968, por meio de uma lei de autoria do deputado e médico oftalmologista paulista Antônio Salim Curiati, quando era parlamentar na Assembleia Legislativa de São Paulo, o Dia do Oftalmologista passou a integrar o calendário nacional apenas em 1986, por meio da edição de uma portaria do então ministro da Saúde do governo de José Sarney, Seigo Tsuzuki. A origem da data decorre da fundação da Sociedade de Oftalmologia de São Paulo, que ocorreu em 7 de maio de 1930. Portanto, a celebração acontece neste domingo e a proximidade da data relembra a necessidade e importância da realização de consultas

periódicas ao oftalmologista. Um recente estudo da Organização Mundial da Saúde (OMS) estimou em 1,2 milhão o número de cegos no Brasil e apontou que destes, cerca de 60% poderiam ter a condição evitada ou revertida caso tivessem recebido um tratamento adequado a tempo. O Centro Brasileiro de Oftalmologia promove o Fórum Nacional de Saúde Ocular com esse propósito, de reforçar a relevância de idas periódicas aos profissionais da área. Dos ramos da Medicina, a Oftalmologia foi um dos primeiros a ser tratado como especialidade independente e é um dos que experimentou maior avanço ao longo dos anos. Evolução não somente na correção de problemas de visão com procedimentos cirúrgicos, mas

também na detecção antecipada de diagnósticos, podendo garantir um tratamento preventivo adequado para cada tipo de caso, evitando o agravamento de muitos problemas relacionados à visão. O médico oftalmologista realiza cirurgias, prescreve tratamentos e correções para os mais variados distúrbios da visão. Por sua complexidade, também é uma das áreas médicas que possui várias especialidades. Outro avanço também se verifica na evolução dos materiais, como óculos de grau e lentes, que permitem aos pacientes uma rotina de vida normal como qualquer indivíduo que sequer teve problemas oculares. A utilização, cada vez mais recorrente, de tecnologia, com boa parte dos trabalhadores passando horas e

horas à frente de uma tela de computador, fez com que a demanda na área aumentasse de maneira considerável. Estima-se que existam no Brasil cerca de 11 mil oftalmologistas. Ao ano, são realizadas mais de 1 milhão de cirurgias, mais de 10 milhões de consultas e um mercado que envolve cerca de 100 mil profissionais. Ter uma visão perfeita é fundamental para o mínimo de qualidade de vida. Desde miopia e astigmatismo, os problemas mais comuns relacionados à visão, até questões mais complexas, o oftalmologista tem condição de prescrever um tratamento adequado e suprir eventuais deficiências. Por conta disso, qualquer problema relacionado à área deve ser sanado com uma consulta ao profissional da saúde ocular.


FARROUPILHA, 5 DE MAIO DE 2017

13

Divulgação

Enxergando além Oftalmologistas celebram data neste domingo e avanços na área permitem garantir aos pacientes uma melhor qualidade de vida


14

FARROUPILHA, 5 DE MAIO DE 2017

SOLIDARIEDADE

Domingo de Bazar no Industrial Lions Clube Farroupilha Centro promove 11ª edição da venda solidária que reúne 5 mil peças com valores a partir de R$ 2,00 e os recursos serão aplicados em projetos sociais do Lions Clube Farroupilha Centro, promotor da ação. São cerca de 5 mil peças, todas coletadas pelo clube de serviço, com a colaboração de familiares e amigos. As doações ainda passam por triagem e são todas higienizadas, garantindo a qualidade dos produtos disponibilizados.

Juliana Inês Casa Barbieri

R

oupas masculinas, femininas e infantis, objetos de decoração, artigos para cozinha, itens de cama, mesa e banho estarão disponíveis em Bazar que acontece neste domingo. Será no salão do bairro Industrial, das 9h às 15h. As peças serão comercializadas

Obituário 27 de abril Adão Oliveira da Silva, 47 anos. Sepultamento no cemitério do bairro Nova Vicenza. 28 de abril Silvio Pinheiro David, 88 anos. Sepultamento no Cemitério Público Municipal. 29 de abril Menilde Correa Alves da Silva, 86 anos. Sepultamento no Cemitério Público Municipal. 30 de abril Adolfina Martelo Schimit, 75 anos. Sepultamento no cemitério do bairro Nova Vicenza; Eliane Corteletti, 58 anos. Sepulta-

mento no Cemitério Público Municipal; Cesário Varaschini, 88 anos. Sepultamento no cemitério do bairro Nova Vicenza. 1º de maio Conceição Nunes Hoffmann, 70 anos. Sepultamento no Cemitério Público Municipal; Adolphino Maffei, 81 anos. Sepultamento no cemitério do bairro Nova Vicenza; Kellen Dalzochio, 37 anos. Memorial Crematório São José, de Caxias do Sul. 3 de maio Irma Grando Pozzer, 89 anos. Sepultamento no cemitério do bairro Nova Vicenza.

Envolvidas com o Bazar Maria Helena De Momi, Lúcia Rombaldi David, que preside o Lions, e Leonilda Pessin

Programe-se O que: 11º Bazar da Solidariedade Quando: domingo, das 9h às 15h Onde: Salão comunitário do bairro Industrial Quanto: peças a partir de R$ 2,00


16

FARROUPILHA, 5 DE MAIO DE 2017

DESAFIO 10

Prefeitura quer diminuir contas em 10% Programa desafia Secretarias Municipais a reduzir gastos com energia elétrica, água, telefone e combustível dando resultado ao longo do tempo”, frisa Vandré. De acordo com ele, a ideia de implementar o desafio surgiu a partir da observação de projetos semelhantes na iniciativa privada que geraram bons resultados. Ele ainda salienta que, com o tempo, o programa deverá ser estendido para outros itens, como gastos com pneus, impressões e horas extras. Também estão sendo estudadas mudanças no sistema de iluminação, com a colocação de lâmpadas LED e o melhor posicionamento das luminárias para diminuir o consumo. A longo prazo, também existe a possibilidade de uma parceria com o Campus Farroupilhense do Instituto Federal do Rio Grande do Sul (IFRS) para geração própria de energia elétrica, por meio da implantação de placas fotovoltaicas. Outra iniciativa que está em andamento dentro da Secretaria de Gestão e Desenvolvimento Humano é o mapeamento do fluxo dos processos internos da prefeitura. Entre as medidas que estão sendo projetadas, está o monitoramento e rastreamento dos veículos do município.

Daniel Rufatto

P

equenas ações podem gerar uma considerável economia de recursos. É com esta premissa que recentemente a Secretaria Municipal de Gestão e Desenvolvimento Humano lançou o Desafio 10. A proposta é de que cada setor da prefeitura possa reduzir em 10% os gastos com energia elétrica, água, telefone e combustível. “Se conseguirmos atingir a meta, vamos ter uma economia em torno de R$ 300 mil no ano”, calcula Vandré Fardin, responsável pela pasta. Cada uma das Secretarias e órgãos do Executivo farroupilhense definirá, por meio de reuniões mensais, quais ações serão colocadas em prática. Lembretes para desligar as lâmpadas que não estiverem em uso, programação de desligamento automático de monitores de computadores e calibragem periódica dos pneus dos veículos são exemplos de iniciativas que já estão sendo tomadas nestas primeiras semanas do desafio. “São coisinhas pequenas que vão

Mudança de hábitos Vandré projeta economia de R$ 300 mil no ano caso meta estipulada pelo desafio seja atingida

Boca de Urna

Projeto da Guarda Municipal no forno

O Poder Executivo farroupilhense está finalizando os últimos detalhes para encaminhar à Câmara de Vereadores a proposta de criação de 16 cargos efetivos, com salários em torno dos R$ 1,8 mil, para integrar a futura Guarda Municipal. Conforme a Secretaria Municipal de Gestão e Desenvolvimento Humano, a iniciativa em um primeiro momento gerará, sim, um impacto na folha de pagamento, mas, até o fim do ano, com a previsão de aposentadoria de no mínimo seis vigilantes, os gastos já deverão estar equilibrados. O projeto prevê ainda que os integrantes da Guarda, que, entre outras atribuições, atuará no monitoramento de escolas, praças e parques, sejam definidos por meio de concurso público e que eles passem por capacitação antes de iniciarem as atividades.


17

FARROUPILHA, 5 DE MAIO DE 2017

FEIRA DE OPORTUNIDADES

Olhar atento à realidade do mercado Com tema “Quem se Destaca, Muda de Vida”, Senac Farroupilha promove série de palestras de segunda a sexta voltadas a alunos do Ensino Médio e da própria instituição sobre assuntos relacionados ao mercado de trabalho. Para ministrar as palestras, foram convidados jovens empresários de diferentes áreas, como Comunicação, Informática, Moda e Beleza. Conforme destaca a diretora do Senac Farroupilha, Evandra Scottá, a grande novidade desta edição será a realização de atividades na nova estrutu-

ra da instituição, oficialmente inaugurada na última terça (detalhes nas páginas 2 e 3). A programação contemplará também eventos em outros municípios de abrangência da unidade, como Vale Real, Alto Feliz e São Vendelino. Portas Abertas Programação prevê algumas palestras no próprio Senac, oportunizando a estudantes de outras escolas conhecer a recém-inaugurada estrutura

Confira a programação da Feira

Segunda: palestras no Senac Farroupilha (10h e 19h30min) e no IFRS (13h30min) Terça: palestras no Centro Municipal de Eventos Mário Bianchi (9h30min, 10h30min, 13h30min e 19h30min, para alunos do São Tiago e do Senai), na Escola Olga Ramos Brentano (8h30min, 10h, 14h, 19h15min) e no Senac Farroupilha (10h, para alunos da Escola São Pio X) Quarta: palestras no Senac Farroupilha (9h, para alunos do Colégio Nossa

Daniel Rufatto

O

Senac segue com dias intensos em Farroupilha. Após promover palestra com o estilista Alexandre Herchcovitch e inaugurar a nova sede, a unidade realiza, a partir de segunda, a 12ª Feira de Oportunidades. Com tema “Quem se Destaca, Muda de Vida”, o evento terá uma série de palestras

Senhora de Lourdes; e 19h30min, para turmas do Senac) Quinta: palestras no Senac Farroupilha (8h e 13h30min, para alunos do Colégio Estadual Farroupilha; 15h30min, para Maturidade Ativa; e 19h30min, para turmas do Senac) e no município de Vale Real (9h), além de Ação da Beleza, na Escola Angelo Venzon Neto (19h) Sexta: palestras nos municípios de Alto Feliz e São Vendelino (8h30min e 10h30min)

Aprovação

Bingo em prol da Escola Carlos Fetter

A Associação de Moradores do Nova Vicenza e a Escola Estadual Carlos Fetter promovem Bingo neste sábado, às 19h. Será no salão comunitário do bairro e o valor do ingresso é R$ 10,00, dando direito a cinco cartelas. Serão cinco rodadas, sendo que da primeira à quarta rodada o prêmio para preenchimento de linha é R$ 30,00 e para quem completar a cartela será R$ 200,00. Já na última será R$ 50,00 para a linha e R$ 500,00 para a cartela. Os recursos beneficiarão as duas instituições, sendo que a intenção da escola é construir uma quadra esportiva. No dia do Bingo ainda haverá venda de lanches.


18

FARROUPILHA, 5 DE MAIO DE 2017

SEMANA ACADÊMICA

Foco nos cursos de Engenharia Palestras, cursos e visitas técnicas integram programação do Campus Farroupilha do IFRS, que é gratuita e aberta à comunidade Divulgação

O

Campus Farroupilha do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia (IFRS) promove, a partir de segunda, a 4ª Semana Acadêmica das Engenharias. Com assuntos relevantes à área, toda programação é gratuita, aberta à comunidade, mas com inscrições prévias. O principal objetivo é promover a aproximação dos alunos de Engenharias com o mundo do trabalho, complementando a formação que acontece em sala de aula. Busca ainda apresentar novas oportunidades de negócio e de carreira. Outro foco da Semana Acadêmica é a interação com diferentes segmentos e o intercâmbio de informações para estudantes, professores e profissionais já atuantes. A Semana encerra no próximo dia 12, tendo palestras, visitas técnicas e minicursos com temas relativos a novas tecnologias na área de supervisão e controle de processos, design de materiais, novos aços para conformação na indústria, componentes elétricos e mecânicos. Desafios profissionais e questões relacionadas ao meio ambiente e direitos humanos também serão abordados. De acordo com Giácomo Soares, professor e um dos responsáveis pela Semana Acadêmica, o Instituto Federal tem 200 alunos entre Engenharia Mecânica, de Controle e Automação, mas

Aprendizado Programação inclui palestras com temas relacionados à área

também participarão estudantes de outros cursos, como Mestrado em Tecnologia e Engenharia de Materiais e Técnicos em Plásticos, Metalurgia, Eletrotécnica e Eletrônica. O evento ocorre durante os três turnos e terá participação também de profissionais e estudantes de outras instituições. Programação completa e inscrições podem ser realizadas em www.farroupilha.ifrs.edu.br.

Programe-se O que: 4ª Semana Acadêmica das Engenharias Quando: inicia na segunda e encerra no dia 12 Onde: IFRS Campus Farroupilha (Avenida São Vicente, 785, bairro Cinquentenário) Quanto: participação gratuita, sendo que inscrições podem ser feitas pelo www.farroupilha.ifrs.edu.br.


19

FARROUPILHA, 5 DE MAIO DE 2017

LIGA PARCERIA DA SERRA

Briga restrita a Farroupilha e Bento Quatro classificados de cada município iniciam, neste sábado à tarde, disputa por lugares na semifinal da competição

T

oda sediada no município, a Liga Parceria da Serra (LPS) teve folga no último fim de semana, devido ao feriadão de 1º de Maio, mas retorna neste sábado, com a abertura da fase de quartas de final, que ficou restrita à participação de representantes de Farroupilha e de Bento Gonçalves. Dos cinco farroupilhenses envolvidos na disputa, quatro avançaram à etapa de mata-mata. O mesmo aconteceu com os bento-gonçalvenses, que contavam, no entanto, com 11 times. Dos cinco caxienses, nenhum conseguiu vaga na fase. Certo é que pelo menos um time de Farroupilha e um de Bento estarão na semifinal, já que ocorrem duelos entre conterrâneos nesta fase, com os farroupilhenses Titanium e Lyon se enfrentando, bem como os bento-

-gonçalvenses Parceria e Barcelona. Os embates entre equipes dos dois municípios ficam reservados para o outro braço das quartas de final, quando os farroupilhenses Jansen e Gaúcho medem forças com os bento-gonçalvenses Amigos da Bola e Oliveira Santana, respectivamente. As partidas serão disputadas em dois jogos e os times que finalizaram com as melhores campanhas atuam por dois resultados iguais: Parceria e Jansen na A e Titanium e Oliveira Santana na B. A abertura das quartas acontece neste sábado, na Linha Sertorina e Vila Jansen e os duelos de volta estão marcados para o dia 13, com as sedes invertidas. Nas semifinais não há vantagem e ocorrendo empate em pontos e saldo a definição do finalista será nos pênaltis. A final é em jogo único. Confira os confrontos que abrem as quartas ao lado.

Quartas de final da LPS (jogo 1) Linha Sertorina

X

X

Sábado, às 14h

Sábado, às 16h

Vila Jansen

X

X

Sábado, às 14h

Sábado, às 16h

COPA FARROUPILHA

Rodada fechada

A

pós um fim de semana sem partidas, a Copa Farroupilha de Futsal Feminino retorna neste sábado, para o complemento da 2ª rodada da fase classificatória e, bem provável, com a definição de mais equipes classificadas às quartas de final da disputa, que é organizada pela Liga Farroupilhense de Futsal. As partidas acontecem a partir

das 19h, no Ginásio de Esportes do Colégio Nossa Senhora de Lourdes (CNSL), com ingressos a R$ 5,00 o masculino e R$ 3,00 o feminino. Na abertura dos trabalhos da noite, pela Chave A, a AFF, de Bento Gonçalves, encara a Poko Pika, de Carlos Barbosa. Na sequência, o duelo local entre as farroupilhenses Juventus e Estrela, pela C. Por fim, pela Chave B, a outra equipe da cidade, a Valente Futsal, encara a Unidas, de Canela.

Complemento da 2ª rodada (Ginásio de Esportes do CNSL)

X

Poko Pika

Chave A Sábado, às 19h

X Chave C Sábado, às 19h45min

X Chave B Sábado, às 20h30min


20

FARROUPILHA, 5 DE MAIO DE 2017

Problemas para corrigir

O Brasil não teve boa atuação diante do Esportivo, em Bento Gonçalves. O time sofreu com a jogada aérea do rival, por onde foi construída a vitória, mas também agrediu pouco. Na etapa inicial, a equipe não conseguiu jogar de maneira compacta e rifou demais a bola. As ligações diretas eram tudo que o adversário, que largou na frente com um gol no início, queria. Mas também há de se considerar que para o Esportivo era um jogo de vida ou morte. Embora não dependa apenas de suas próprias forças, o rubro-verde tem boas chances de avançar. Mas necessita de atuação melhor, sem dúvida.

Focado nas Castanheiras

Evidente que todos estarão de olho no Estádio das Castanheiras, mas com ouvidos no rádio e celular para acompanhar tudo que acontece em Ijuí e Lajeado. O Brasil necessita vencer, mas também que Esportivo e Lajeadense não vençam. Porém, de nada vai adiantar os resultados paralelos acontecerem e a equipe farroupilhense não fazer a sua parte. É complicado manter o foco 100% na partida em Farroupilha, mas é isso que comissão técnica e atletas precisam fazer. O União é sempre um rival chato e a mala branca deve rolar solta nesta rodada decisiva do estadual.

P

J

V

E

D

GM GS SG

1)

São Luiz

26

13 7

5

1

20

12 8

2)

Glória

24

13 6

6

1

13

7

3)

Lajeadense

21

13 6

3

4

19

10 9

4)

Esportivo

21

13 5

6

2

20

11 9

5)

Brasil

20

13 6

2

5

23

20 3

6)

União

16

13 4

4

5

9

10 -1

7)

Tupi

8

13 1

5

7

8

27 -19

8)

Panambi

3

13 0

3

10 7

22 -15

6

Legenda: P (pontos), J (jogos), V (vitórias), E (empates), D (derrotas), GM (gols marcados), GS (gols sofridos) e SG (saldo de gols)

Segundona Gaúcha – Classificação do Grupo A Equipe

O bom é que a dupla Esportivo e Lajeadense, que briga diretamente com o time farroupilhense, encara as duas melhores equipes do Grupo B e que lutam diretamente pela melhor campanha, não apenas na chave, como no geral. Secar o Lajeadense vai ser mais complicado, pelo fato do time atuar em casa. A equipe de Bento tem uma parada mais difícil no 19 de Outubro. Após um turno irregular, o São Luiz de Ijuí venceu todas as seis partidas do returno e quer fechar uma metade final de classificatória com campanha 100%. Torcida rubro-verde é para que ele, de fato, consiga.

Avenida, Pelotas ou Inter?

Se obter a classificação, o Brasil finaliza na melhor das hipóteses em 3º e na pior em 4º, ou seja, começa o mata-mata nas Castanheiras e decide a vaga na semifinal fora de casa. Avenida, Pelotas e Internacional brigam pelos três primeiros lugares e o time de Santa Maria conta com boas chances de ganhar posições, quem sabe até de finalizar como líder caso ocorra um empate no duelo entre Avenida e Pelotas. A tendência é que a última vaga fique com o Guarani de Venâncio Aires, que enfrenta, em casa, um já eliminado Santa Cruz. Respostas no final da tarde deste sábado.

A rodada final (sábado, às 16h)

Segundona Gaúcha – Classificação do Grupo B Equipe

Rivais com tarefas difíceis

P

J

V

E

D

GM GS SG

1)

Avenida

23

13 6

5

2

23

10 13

2)

Pelotas

22

13 6

4

3

16

13 3

3)

Internacional

22

13 6

4

3

16

18 -2

4)

Aimoré

18

13 4

6

3

19

12 7

5)

Guarani

18

13 4

6

3

17

14 3

6)

Santa Cruz

14

13 4

2

7

13

21 -8

7)

São Gabriel

12

13 3

3

7

15

25 -10

8)

Guarany

11

13 3

2

8

11

17 -6

Legenda: P (pontos), J (jogos), V (vitórias), E (empates), D (derrotas), GM (gols marcados), GS (gols sofridos) e SG (saldo de gols)

x

x

Castanheiras (Farroupilha)

Arena Alviazul (Lajeado)

x

x

19 de Outubro (Ijuí)

Partida cancelada

x

x

Presidente Vargas (Santa Maria)

Sílvio de Faria Correia (São Gabriel)

x Eucaliptos (Santa Cruz do Sul)

x Edmundo Feix (Venâncio Aires)


21

FARROUPILHA, 5 DE MAIO DE 2017

Arquivo Jornal Informante

Tiliko eternizado

Presidente do Brasil em sua maior conquista, no título da Segundona (chamada à época de Divisão Especial) de 1992, Edson Luiz Tonin, o Tiliko, terá seu nome incorporado às Castanheiras, que passa a se chamar Estádio Municipal das Castanheiras Edson Luiz Tonin, o Tiliko. O projeto de lei, sugerido pelos vereadores Arielson Arsego (PMDB) e Jousé Paese Filho, o Kiko (PP), foi aprovado de maneira unânime na sessão de terça. Vitimado por uma parada cardíaca, Tiliko faleceu em 2015, aos 50 anos.

Por lugar na semi

A Liga Parceria da Serra (LPS) inicia, neste sábado à tarde, a tão esperada fase de mata-mata de sua competição em uma briga que fica restrita aos representantes farroupilhenses e bento-gonçalvenses, que colocaram quatro equipes cada nesta etapa. Os cinco times de Caxias do Sul não conseguiram avançar à etapa eliminatória. Já estão garantidos pelo menos um representante de cada município, já que acontecem dois confrontos locais nas quartas de final. A vaga será definida apenas no dia 13, mas um bom resultado neste primeiro duelo pode deixá-la muito bem encaminhada (confira matéria sobre a LPS na página 19).

Hepta da Apahand

Participando pela sétima vez do tradicional Torneio Aberto de Campo Bom de Handebol, que está em sua 23ª edição, a Apahand/UCS/Farroupilha conquistou seu heptacampeonato. Na 1ª fase, a equipe farroupilhense venceu a UFRGS por 25 a 5, a Sociedade Ginástica de Novo Hamburgo, por 28 a 5 e a Associação Esportiva Campo Bom por 32 a 5. Na semifinal, o time passou pelo Handebol Feminino de Santa Maria, pelo placar de 25 a 5. Na final, triunfo por 17 a 12 diante da Liga Hamburguense de Handebol, atual campeã gaúcha. Ou seja, manteve 100% de aproveitamento na disputa.

Captação liberada

Justa homenagem Presidente que colocou o rubro-verde na elite estadual passa a ter seu nome ainda mais vinculado à história do clube farroupilhense

Categorias de base

Organizada pelo Departamento Municipal de Esporte Lazer (DMEL), o 5º Campeonato Municipal de Futsal das Categorias de Base acontece neste domingo, no Complexo Esportivo do Parque Cinquentenário. As partidas iniciam a partir das 8h (Sub-9 e Sub13) e 13h30min (Sub-11). Ao todo serão 19 equipes envolvidas na competição. A Sub-9 será disputada por sete equipes, a Sub-11 por oito e, por fim, a Sub-13 terá a participação de quatro times. Os duelos são tiro curto: dois tempos de sete minutos, sem intervalo e direito a um pedido de tempo por jogo para cada equipe. Apenas no Sub-13 não haverá finais, categoria disputada por pontos corridos.

Categorias de base II

No Sub-9, a Chave A é composta por CNSL A, DMEL, AFA 1º de Maio e ICAA. Na B estão CNSL B, AFA Saturno e AFA Medianeira. No Sub-13, o quadrangular será disputado por Chute Inicial, DMEL, Bola no Pé e AFA. Por fim, no Sub-11, os dois quadrangulares ficaram assim divididos: CNSL, Chute Inicial, AFA 1º de Maio e Bola no Pé (Chave A), Coiotes da Serra, DMEL, AFA Saturno e ICAA (Chave B). No Sub-9 e Sub-11 as partidas ocorrem dentro de cada grupo e os dois melhores avançam à fase semifinal com cruzamento olímpico (1º de A x 2º de B e 1º de B x 2º de A). Os vencedores decidem o título da 5ª edição da tradicional disputa da base. Apahand

Em fevereiro, o Grêmio Esportivo São Luiz habilitou o projeto para construção de seu Centro de Treinamento (CT) junto ao Ministério do Esporte. No último dia 12, ocorreu a publicação no Diário Oficial da União (DOU), autorizando a entidade a captar, até 31 de dezembro de 2018, o valor de R$ 466.120,48 junto a empresas, que poderão abater do Imposto de Renda todo o valor doado. O projeto atende cerca de 180 crianças e jovens.

Para acelerar

A 2ª etapa do Serra Kart Racing, campeonato de kart amador, acontece no domingo, no Kartódromo Municipal César Francischini (Avenida São Vicente, 475, bairro Cinquentenário) em três categorias: Pro 400 (com karts carenados rental 18hp), Cadete (karts rental 5,5hp) e a estreante Júnior (karts rental 13hp). As provas iniciam a partir das 13h.

Copinha retorna

A Copa Farroupilha de Futsal Feminino, após novo recesso, regressa neste sábado com a conclusão da 2ª rodada e, muito provavelmente, com a definição de mais equipes classificadas à fase de quartas de final (veja mais sobre a disputa na página 19).

Hepta da Apahand II

Além do título, as farroupilhenses conquistaram os principais prêmios individuais da competição, como os de Melhor Defesa; Artilheira, com a ponta direita Thayanne Nogueira; e Atleta Destaque, com a central Stefanny Mattos. A Apahand conta com o apoio da Grendene, Open Design de Interiores, Marcopolo, UCS, Indústria de Matrizes Belga, Prefeitura de Farroupilha e Mar Um Sports. Domínio absoluto Equipe farroupilhense celebrou heptacampeonato e, além do título, a conquista de muitos prêmios individuais


22

FARROUPILHA, 5 DE MAIO DE 2017

SEGUNDONA GAÚCHA

Sábado, dia ideal pra vencer Brasil necessita da vitória diante do já eliminado União, mas somente isso não basta: rubro-verde também precisa que Esportivo ou Lajeadense não derrotem seus rivais na eletrizante rodada final da Segundona Gaúcha

Brasil

A

derrota do Brasil na Montanha dos Vinhedos, em Bento Gonçalves, na terça, deixou o rubro-verde na dependência de resultados paralelos para chegar às quartas de final da Segundona Gaúcha. O time farroupilhense terminou a rodada ultrapassado pelo Esportivo, ficando um ponto atrás do rival e do Lajeadense (veja tabela na coluna Preliminar, página 20). Em resumo, a vitória diante do já eliminado União, nas Castanheiras, não basta para obter a vaga na fase eliminatória da competição estadual. Ela somente virá se o Esportivo não vencer o São Luiz, no 19 de Outubro em Ijuí, ou o Lajeadense não derrotar o Glória, na Arena Alviazul, em Lajeado. Ocorrendo os dois resultados, uma vitória do rubro-verde o deixa não apenas classificado como na 3ª posição do Grupo B (confira demais projeções para a rodada decisiva ao lado). “Temos que fazer o nosso resultado e ter atenção to-

tal em nosso compromisso. Sabemos que o União pode receber um bicho extra, mas a nossa motivação tem que ser maior. Precisamos do resultado, vamos correr riscos e buscar um equilíbrio que ainda não atingimos, que é o de ter um poder ofensivo grande com os cuidados defensivos necessários para não tomarmos gol”, explicou o técnico Carlos Moraes. Dois problemas verificados na derrota por 2 a 0 para o Esportivo foram atacados nos treinamentos da semana: a bola aérea, que tem sido uma questão recorrente, e um time mais compacto e próximo, evitando ligações diretas como ocorreu especialmente no 1º tempo do duelo em Bento. “De fato, rifamos muito a bola contra o Esportivo. Abrimos muito o jogo pelos lados do campo e deixamos o meio despovoado. Essa questão e a da bola parada são desequilíbrios de um time que ainda busca se ajustar. Temos um plantel reduzido e muitos problemas de lesão e cartão, mas vamos corrigir para que essas situações não ocorram no sábado”, destacou Moraes. Uma das estratégias é evitar ao máximo as jogadas na origem. Se a equipe tem apresentado dificuldades em conter o jogo aéreo do rival, o

ideal é evitar faltas próximas à área, como a que ocasionou o primeiro gol do Esportivo. “É o momento de termos equilíbrio emocional para não trazermos problemas para o nosso lado”, pontuou o técnico rubro-verde. Um treinamento na quinta à tarde e outro nesta sexta pela manhã deve encaminhar a equipe que encara o rival de Frederico Westphalen neste sábado à tarde. O único desfalque certo é o lateral direito Thomas, que cumpre suspensão pelo terceiro cartão amarelo. O substituto natural é Lucas, mas existe a possibilidade também dos volantes Filipe ou Capinha serem improvisados na função. A ideia de Moraes é de ter um time mais ofensivo, com um trio de atacantes. Neste caso, além da dupla Raphael Alemão e Aldir, Matheus Laguna pode ingressar na frente. O esquema com três zagueiros deve ser deixado de lado, com Maiquel retornando à posição original de primeiro volante. Assim, o Brasil atuaria em um 4-3-3, com Laguna à frente, ou em um 4-4-2, com o ingresso de Willian Bones no meio. Certo é que, independente da formação, os três pontos são fundamentais para a equipe farroupilhense evitar uma eliminação precoce e manter vivo o sonho de retorno à elite.


23

FARROUPILHA, 5 DE MAIO DE 2017

Ramon Cardoso

e secar os rivais

Segundona (14ª e última rodada do Grupo B)

Time base Ismael Lucas (Filipe) Douglas Raone Gustavinho Maiquel Capinha Michel Matheus Laguna Raphael Alemão Aldir Técnico Carlos Moraes

X

Time base William Lago Alisson Sergipano Miranda Richard Felipe Chagas Diego Alan Joãozinho Batista Cris Magno Queijinho Técnico Júlio César Nunes

Local/Data/Hora: Castanheiras, neste sábado, às 16h Ingressos: R$ 20,00 (masculino) e R$ 10,00 (feminino, idoso e estudante). Sócio-torcedor do rubro-verde e menores de 12 anos têm entrada franca

As projeções para o rubro-verde Vitória: caso vença o União Frederiquense, o Brasil garante a vaga em duas circunstâncias: se o Esportivo não vencer o São Luiz, no 19 de Outubro, em Ijuí, ou se o Lajeadense não vencer o Glória, na Arena Alviazul, em Lajeado. Ocorrendo os dois resultados e triunfo do rubro-verde, a equipe farroupilhense não apenas obtém a vaga como fecha a participação como 3ª colocada do Grupo B da Segundona. Empate: se ficar na igualdade com o União, a situação fica mais delicada. Neste caso, o Brasil não teria mais condição de ultrapassar o Lajeadense, já que precisaria que o time de Lajeado sofresse uma goleada de 6 a 0 para o Glória em casa, algo fora do contexto. No entanto, ainda teria condição de superar o Esportivo caso a equipe de Bento perca para o São Luiz. Nesta situação, o rubro-verde empataria com o alviazul em pontos, mas avançaria por ter uma vitória a mais. Derrota: se o Brasil perder para o União estará eliminado.

Informante sorteia dois ingressos Pedindo passagem Raphael Alemão aplica caneta desconcertante em Tuchê, do Esportivo: atacante rubro-verde deve ser muito acionado

O Tabloide sorteia, no Facebook, duas entradas para o duelo decisivo do Brasil contra o União. Para concorrer, basta compartilhar a postagem em modo público. O sorteio acontece no sábado pela manhã. Acompanhe nossa rede social e boa sorte.


ESPORTE

ECONOMIA

Prefeitura e Sebrae firmam convênio

Parceria propiciará disponibilização de capacitações, consultorias e outras soluções de atendimento, na Sala do Empreendedor, para as Microempresas Individuais Página 6 e Editorial

Farroupilha x Bento

INSIDE

Feira do Livro no Colégio de Lourdes

Evento, que busca estimular o hábito da leitura, inclui palestras com autores, oficinas e tem o escritor Pedro Guerra como patrono da 24ª edição Capa e página 3 do Inside EDUCAÇÃO

IFRS promove Semana das Engenharias

Aberta à comunidade, 4ª edição do evento acadêmico inicia na segunda e tem ampla programação, com palestras, visitas técnicas e minicursos Página 18

Os times locais Titanium, Jansen, Gaúcho e Lyon medem forças com Parceria, Oliveira Santana, Amigos da Bola e Barcelona, do município vizinho, na abertura da fase de quartas de final da Liga Parceria da Serra Página 19

ESPORTE

Ao Brasil só resta Senac de casa nova vencer e secar MATÉRIA ESPECIAL

Daniel Rufatto

Ramon Cardoso

Com quase 1,2 mil metros quadrados, nova sede da unidade farroupilhense fica localizada nos dois primeiros andares do Comercial República (República, 617) e foi oficialmente inaugurada na noite de terça Páginas 2 e 3 e Editorial

Rubro-verde, do capitão Michel, necessita dos três pontos diante do União, neste sábado, nas Castanheiras, e torce para que pelo menos Esportivo ou Lajeadense não vençam seus confrontos na rodada final da Segundona Gaúcha Páginas 22 e 23 e Preliminar


Compromisso com a Cidade. Compromisso com você.

FARROUPILHA, 5 DE MAIO DE 2017

ESTÉTICA FACIAL E CORPORAL

Novo espaço de beleza e bem-estar Tamara Paludo inaugura endereço com estética, depilação, maquiagem, nutrição, massoterapia e biodemedicina Divulgação

F

arroupilha recebe neste mês um novo endereço para oferecer serviços estéticos faciais e corporais. Com foco na beleza e bem-estar será inaugurado neste sábado, às 16h e está localizado na 13 de Maio, 390, sala 57, no Edifício Attuale. “É uma estética de alto padrão, voltada para a busca da feminilidade, contamos com excelentes profissionais na área da saúde, do bem-estar e da beleza”, considera Tamara Paludo, proprietária do espaço que leva seu nome. O diferencial é oferecer diversos serviços num único local, desde acompanhamento nutricional, aliado à massoterapia, uso de aparelhos estéticos, profissional especialista em sobrancelha, maquiagem, penteado. Procedimentos que elevam a autoestima e que visam oferecer o melhor às clientes. Além do atendimento de primeira, com equipe qualificada, todo o espaço foi pensado para oferecer uma nova proposta em estética no município. O local também oferecerá cursos profissionalizantes na área de sobrancelhas, como micropigmentação, voltado a profissionais que já atuam no segmento, além de design de sobrancelhas e depilação. Para o público em geral também será oferecido curso de automaquiagem. O espaço é amplo e permite o atendimento em turma ou curso vip. “Quis abrir um espaço onde tivesse profissionais de excelência, todos os procedimentos escolhidos a dedo, desde produtos, como seriam os atendimentos, decoração do espaço, identidade visual para ser um diferencial mesmo e as mulheres ficarem satisfeitas com o que temos a oferecer”, considera a profissional que atua na área desde 2008, sempre

Profissionalismo Tamara, ao centro, junto à equipe que atua no espaço de estética, beleza e bem-estar

no segmento de estética facial e corporal, principalmente como designer de sobrancelha. Com o tempo se especializou em micropigmentação e hoje oferece mais de sete técnicas e cursos nessa área. O espaço conta com estrutura ainda para oferecer o Dia da Noiva, Dia de Princesa e pacote completo para perda de pesos, medidas e tratamento para gestantes.

Programe-se O que: Inauguração de Tamara Paludo Estética, Beleza e Bem-Estar Quando: neste sábado, às 16h Onde: 13 de Maio, 390, sala 57, Edifício Attuale


Compromisso com a Cidade. Compromisso com você.

FARROUPILHA, 5 DE MAIO DE 2017

Tipos de peles e s Equipe Espaço da Beleza *

T

oda mulher vaidosa sabe que os cuidados com a pele são fundamentais para que os esforços em prol da aparência possam valer a pena. Não faltam dicas, cosméticos e procedimentos estéticos para deixá-la com a aparência mais jovem, para deixá-la livre de cravos, espinhas, rugas ou marcas de expressão. Mas para que todos esses esforços sejam direcionados corretamente é fundamental saber qual o seu tipo de pele. Sim, isso mesmo. Cada um dos tipos de pele apresenta diferentes características que devem ser levadas em conta para oferecer os melhores cuidados e tratamentos disponíveis. Do contrário é possível que esses procedimentos possam não surtir resultado ou até mesmo piore o problema. Quer identificar os diferentes tipos de pele e descobrir quais os cuidados que elas exigem? Pois bem, então você está no lugar certo. Principais tipos de pele De acordo com a Sociedade Brasileira de Dermatologia, os principais tipos de pele são: normal, seca, oleosa e mista. Veja agora suas principais características. Pele normal A pele normal é a menos frequente. Apresentam textura aveludada e saudável, bem como boa elasticidade e taxas de gordura natural. Também apresentam poros pequenos, pouco visíveis, aspecto rosado e baixa propensão ao aparecimento de espinhas e manchas em geral. Pele seca A pele seca tem poros pouco visíveis e pouca luminosidade. É caracterizada pela perda de água em excesso, assim como apresenta maior propensão a descamação, vermelhidão, aparecimento de pequenas rugas e fissuras. A condição de propensão

ao ressecamento pode ser caus monais ou até condições ambien Pele oleosa É caracterizada pela produçã Apresenta poros dilatados e, d maior probabilidade de acne, cra caso da pele seca, ela pode vir a monais e também ambientais. Pele mista Trata-se do tipo de pele mais poros dilatados e aparência ole de zona T (testa, nariz e queixo) e Ela também apresenta uma esp mais suscetível a descamações nas e envelhecimento precoce. Pele sensível Trata-se de um tipo de pele ba


Compromisso com a Cidade. Compromisso com você.

FARROUPILHA, 5 DE MAIO DE 2017

seus cuidados

sada por fatores genéticos, horntais.

ão de sebo maior que o normal. devido à oleosidade excessiva, avos e espinhas. Assim como no a ficar oleosa por alterações hor-

comum. Ela é caracterizada por eosa naquilo que denominamos e de pele seca nas extremidades. pessura mais fina, o que a torna e ao aparecimento de rugas fi-

astante frágil e irritável, que fica

Fotos: Divulgação

facilmente com tom avermelhado e apresenta coceira, mancha, ardor e sensação de picada após situações como aplicação de novos produtos, assim como outros fatores ambientais: exposição prolongada a vento, sol e frio e uso excessivo de cosméticos. Inverno Esse conhecimento é importante para determinar quais são os produtos e formas de tratamento para garantir resultados mais eficazes. Com a chegada do frio as peles ficam mais sensibilizadas e precisam de cuidados especiais. Dica Se você tem dúvidas sobre qual o tratamento certo, cosmético adequado ou mesmo identificar seu tipo de pele, através de uma avalição sem custo nós podemos orientar você. * Espaço da Beleza Centro Estético Independência, 555 – Centro de Farroupilha Fone (54) 3268-5511


Compromisso com a Cidade. Compromisso com você.

FARROUPILHA, 5 DE MAIO DE 2017

CAMPANHA

Doação de sangue em Farroupilha Coleta será na UBS do Cinquentenário na quarta, mas é preciso se cadastrar

Q

uem tem interesse em doar sangue tem uma boa oportunidade na próxima quarta. Em parceria com o Hemocentro Regional de Caxias do Sul, a Secretaria da Saúde promove campanha na Unidade Básica de Saúde do Cinquentenário. A intenção é de obter 90 doadores. Interessados devem agendar horário de atendimento e realizar cadastro com antecedência. É necessário informar nome, data de nascimento, RG e telefone. O contato pode ser feito na Secretaria de Saúde, pelos fones 3261-6988, 3261-6984 ou 999.024.565. Para doar é preciso estar com boas condições de saúde, ter de 16 a 69 anos, sendo que entre 16 e 17 anos é

Vida Intenção é de obter 90 doadores

necessária autorização dos pais ou responsável. É preciso ainda pesar mais de 50 quilos. No dia da doação é necessário apresentar documento com foto. A pessoa também não deve estar em

jejum e não pode ingerir bebida alcoólica nas 12 horas que antecedem o procedimento. É importante lembrar que o sangue não tem substituto e por isso a doação voluntária é fundamental.

Programe-se O que: Campanha para doação de sangue Quando: doação acontece na próxima quarta, na UBS do Cinquentenário (São Vicente, 145) Onde: cadastro na Secretaria da Saúde ou pelos fones 3261-6988, 3261-6984 e 999.024.565


Música

Radialista e cantor Mr. Pi faz show neste sábado, no Boteco Antonielle, para celebrar os 3 anos do bar Página 8

Inside

Cultura

Ideias e planos de Ortenila Trentin para o seu novo período à frente do Círculo Cultural Ítalo-Brasileiro Página 9

LITERATURA

Focado no incentivo ao hábito da leitura, CNSL promove Feira do Livro Evento no Nossa Senhora de Lourdes será na próxima terça e quarta e conta com ampla adesão dos estudantes

Segue na página 3

Alana Bof

E

stá marcada para a próxima terça e quarta a 24ª edição da Feira do Livro Desbravando o Mundo dos Livros, promovida pelo Colégio Nossa Senhora de Lourdes. O evento vai contar com a participação de bancas das livrarias Paraná, Dom Quixote, Niquetti e Paulus, além de palestras e oficinas. A cada ano, alguns livros são escolhidos para serem trabalhados de maneira mais específica com os alunos. “Eles adotam os livros e vão desenvolvendo trabalhos artísticos e literários sobre as obras”, explica a auxiliar de biblioteca Daniela Dani. Este ano, foram selecionadas obras de dois autores. Do 1º ao 8º ano do Ensino Fundamental serão trabalhados os livros A Casa que o Lobo Fez, O Chá das Maravilhas, Férias na Floresta, A Bela Baratinha, Álbum de Felicidade, Um Ano Especial, Labirinto, O Cofre dos Três Segredos e Código da Luz, da escritora Léia Cassol.

Leitores mirins Feira busca estimular o gosto pela leitura desde a infância, promovendo palestras com escritores e oficinas


Inside

2

FARROUPILHA, 5 DE MAIO DE 2017

Cinemas Shopping Iguatemi (RST-453, quilômetro 3,5) Cinemas

Imagem: Reprodução

GNC 1: Ninguém Entra, Ninguém Sai - às 14h30min, 16h45min, 19h20min e 21h20min GNC 2: Os Smurfs e a Vila Perdida (dublado) - às 14h10min GNC 2: Guardiões da Galáxia Volume 2 - às 16h (legendado) e 20h50min (dublado) GNC 2: O Poderoso Chefinho (dublado) - às 18h40min GNC 3: A Cabana (dublado) - às 13h50min e 18h30min GNC 3: A Autópsia - às 16h30min (dublado) e 21h10min (legendado) GNC 4: Rock Dog: No Faro do Sucesso (dublado e em 3d) - às 13h40min GNC 4: Velozes e Furiosos 8 - às 15h45min e 18h50min (dublado e em 3d), 21h40min (legendado e em 3d) GNC 5: Guardiões da Galáxia Volume 2 - às 14h e 19h (dublado e em 3d) e 21h50min (legendado e em 3d) GNC 5: Rock Dog: No Faro do Sucesso (dublado e em 3d) - às 17h GNC 6: Rock Dog: No Faro do Sucesso (dublado) - às 14h20min GNC 6: Velozes e Furiosos 8 - às 16h15min (dublado) e 19h10min (legendado) GNC 6: A Cabana - às 21h45min Ingressos: segunda, quarta e quinta (exceto feriado) a R$ 20,00 e R$ 26,00 (salas 3d); terça (exceto feriado) R$ 14,00 e R$ 18,00 (salas 3d); sexta a domingo e feriado a R$ 25,00 e R$ 32,00 (salas 3d). Meia entrada todos os dias para menores de 18 anos e maiores de 60 (mediante apresentação de identidade), estudantes (mediante apresentação de Carteira de Identificação Estudantil) e para o Movie Club Preferencial.

Shopping San Pelegrino (Avenida Rio Branco, 425) Cinépolis 1: Guardiões da Galáxia Volume 2 (legendado e em 3d) - às 14h, 17h e 20h20min Cinépolis 2: Ninguém Entra, Ninguém Sai - às 13h45min, 16h10min, 18h30min e 21h15min Cinépolis 3: Rock Dog: No Faro do Sucesso (dublado) - às 14h15min e 16h45min Cinépolis 3: A Cabana (dublado) - às 19h Cinépolis 3: A Autópsia - às 22h Cinépolis 4: O Poderoso Chefinho (dublado) - às 12h30min Cinépolis 4: Velozes e Furiosos 8 (dublado) - às 15h e 18h Cinépolis 4: A Autópsia (dublado) - às 21h Cinépolis 5: Guardiões da Galáxia Volume 2 (dublado e em 3d) - às 12h45min, 15h40min, 18h45min e 21h45min Cinépolis 6: Velozes e Furiosos 8 (dublado e em 3d) - às 13h30min, 16h30min, 19h30min e 22h20min Ingressos: nas salas tradicionais, segunda a R$ 20,00; terça e quarta (exceto feriado) a R$ 14,00; quinta a R$ 24,00; sexta a domingo e feriado a R$ 25,00. Nas salas 3d, segunda a R$ 27,00; terça e quarta (exceto feriado) a R$ 18,00; quinta a R$ 30,00; sexta a domingo e feriado a R$ 31,00.

Sala de Cinema Ulysses Geremia (Luiz Antunes, 312) O Apartamento - sexta às 19h30min, sábado e domingo às 20h Matinê às 3h: Ruth & Alex - quinta, às 15h Ingressos: R$ 10,00 e R$ 5,00 (estudantes e sênior)

Quarentena inusitada Dirigido por Hsu Chien, taiwanês radicado no Brasil, o nacional “Ninguém Entra, Ninguém Sai” estreia


Inside

FARROUPILHA, 5 DE MAIO DE 2017

Literatura

Natural do no Paraná, Léia mora há 24 anos em Porto Alegre. Ela é contadora de histórias e autora de mais de 10 livros infantis e infanto-juvenis. Também realiza pesquisas sobre o folclore e a cultura popular do Rio Grande do Sul e repassa, em suas narrativas e palestras, os conhecimentos adquiridos. Já o 9º ano do Fundamental e o Ensino Médio irão trabalhar com os livros Queda Livre e Precisava de Você, do escritor caxiense Pedro Guerra, que também é o patrono dessa edição da Feira. Ele trabalha com literatura juvenil nas

escolas há quatro anos e já palestrou em mais de 50 colégios. Para o escritor, o momento de entrar em contato com seus leitores é enriquecedor. “Costumo dizer que é a melhor parte do meu trabalho. O escritor é um sujeito muito sozinho, trabalha em casa sem ninguém por perto. Então, durante meses a única companhia são os personagens que ele cria. Quando o livro é lançado e podemos ter o feedback das diferentes leituras realizadas, entendemos que o livro não é mais nosso, e sim dos leitores. E é muito bom poder ver como cada história afetou

a vida de cada pessoa”, relata. Segundo ele, é importante estabelecer uma conexão com os jovens para estimulá-los a ter gosto pelo hábito de ler. “Precisamos encontrar maneiras de tornar o livro interessante para aqueles que ainda não são leitores. Creio que minha idade ajuda na identificação, e quanto aos livros eu procuro oferecer recursos que aproximem eles das páginas (livro com trilha sonora, assuntos locais, romance, etc...)”, comenta Guerra que, com 25 anos de idade, já tem cinco livros no currículo. A professora de Português

3

e Literatura Juliana Bernardini Francischini concorda que é preciso gerar um sentimento de identidade entre os jovens e as narrativas dos livros. “Instigar a atenção dos alunos, com enredos que tenham a ver com o cotidiano deles, para que eles se sintam personagens das histórias”, explica. Para a bibliotecária Ellen Cristina Ferreira, o contato com dos estudantes com os autores é muito importante para despertar o interesse deles pela leitura. O escritor Pedro Guerra vai estar na abertura da Feira, que será realizada na ter-

ça, às 9h, e vai contar com uma apresentação dos alunos da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais. Além de bate-papos e sessões de autógrafo com os autores trabalhados, a Feira também vai promover oficinas de história em quadrinhos, com o farroupilhense Eduardo Cardoso. Os workshops serão na terça, às 13h30min e às 14h40min, com os aluos do Ensino Fundamental. O encerramento da 24ª edição do evento será na quarta, às 18h, com apresentação do grupo de dança Fêmina. Alana Bof

Literatura para crianças e adolescentes Nesta edição, CNSL trabalha com obras dos escritores Léia Cassol e Pedro Guerra


Inside

4

Crônicas da Redação Alana Bof

alana@jornalinformante.com.br

Eram dias sem liberdade

Agenda

SEXTA

IndieAholic República Beer, às 23h Muinho Sessions Muinho, às 23h59min Atrações: DJ’s Mau Maioli, Trommer e Doriva Toco e Buja Boteco Antonielle, às 22h

SÁBADO Projeto Musical Maria Baderna Nômade Coletivo, às 17h Show da banda Armazém República Beer, às 23h

Show com Mr. Pi Boteco Antonielle, às 22h Inscrições para Ciranda e Entrevero Regional Até 24 de maio Ficha de inscrição no www.25rt.com.br/cultural Divulgação

Ambientada no período da ditadura militar, a minissérie “Os Dias Eram Assim”, da Rede Globo, estreou em abril e já gerou algumas polêmicas. O que era pra ser apenas mais uma obra de ficção, inspirada em um período histórico, motivou debates reais sobre a fase dos chamados Anos de Chumbo. O que quero abordar aqui não é qualidade ou não da obra, mas sim as reações e discussões que ela motivou, especialmente nas redes sociais. A minissérie conta a história do casal Alice e Renato. Ela é filha de um empresário pró ditadura, enquanto o irmão dele participa constantemente de atos contra o regime. Em torno desse enredo, a série retrata a perseguição, as prisões arbitrárias e as torturas sofridas por aqueles que se manifestavam contra o regime ou se comportavam de maneira considerada subversiva para os padrões da época. Diante disso, alguns internautas se posicionaram nas redes com postagens irônicas, criticando a série por exagerar no retrato do período que, segundo essas pessoas, não teria sido tão opressivo e cruel. Utilizando-se da hashtag #osdiasnãoeramassim, alguns cidadãos chegaram até mesmo a elogiar a ditadura. Com meras opiniões, essas pessoas parecem ignorar os documentos históricos, relatórios, estudos e investigações que comprovam a brutalidade com que a ditadura tratava seus oposicionistas ou qualquer um que tivesse atitudes ou divulgasse informações que pudessem prejudicar o governo. A Comissão da Verdade expôs, em relatório, a ocorrência de no mínimo 434 mortes e desaparecimentos ocorridos graças ao regime, isso sem falar nas torturas e exílios. Diante do debate, o jornalista Alex Solnik publicou um texto nomeado “Os dias eram assim, sim”, no qual relata sua experiência vivida no período ditatorial, como no trecho: “sem nenhuma acusação, sem que ninguém me tivesse delatado, sem nenhum indício de que eu pertencesse a grupos de luta armada (...) fiquei preso durante 45 dias nas dependências do II Exército que é onde ficava o DOI-Codi”. Diferente do que muitos pensam, não eram só os que faziam parte da guerrilha armada que sofriam perseguição. Artistas, jornalistas e estudantes foram alguns dos grupos que sentiram o punho de ferro da ditadura simplesmente por manifestarem sua opinião. Exemplos não faltam, inclusive de pessoas públicas que sofreram barbáries nesse período, como a jornalista Miriam Leitão, que foi torturada enquanto estava grávida, e o jornalista Vladimir Herzog, que morreu nos porões da ditadura sob a falsa alegação de que havia se suicidado. Entre aqueles que ironizaram o retrato feito pela série, muitos dizem que viviam muito bem nessa época, que não sofreram nada disso. Mas a questão não é essa. Não é porque eu nunca fui assaltada que vou dizer que assaltos não existem, ou porque nunca passei fome que posso dizer que a miséria é uma invenção. É uma lógica, no mínimo, ignorante. Outras pessoas argumentam que nessa época o Brasil viveu o chamado “Milagre Econômico”, que não existia tanta pobreza nem corrupção. Santa ingenuidade. Em uma época em que não existia liberdade de imprensa e a censura imperava, é obvio que tudo parecia as mil maravilhas. Mas, sinto informar, que isso é uma ilusão. Como diz a música: “paz sem voz, não é paz é medo”. A problemática, que muitos ainda não entenderam, é que defender o regime militar e/ou inocentá-lo de seus crimes não é uma questão de direita x esquerda, capitalismo x comunismo. A dicotomia aqui se trata de democracia x autoritarismo, liberdade x opressão. A decepção provocada pela política atual não justifica a criação de um saudosismo ilusório e alienado de um período que foi marcado pela suspensão dos direitos e liberdades individuais dos cidadãos.

FARROUPILHA, 5 DE MAIO DE 2017


FARROUPILHA, 5 DE MAIO DE 2017

Inside

Gastronomia

Evento vai oferecer degustação de vinhos, espumantes e produtos gastronômicos Divulgação

Hotel Villa Michellon Local vai receber edição inaugural do Buona Forchetta

P

Paulo Roque Gasparetto prgasparetto@terra.com.br

Projeto Buona Forchetta chega ao Vale dos Vinhedos

romovido pelo Destemperados e pelo Ibravin (Instituto Brasileiro do Vinho) será realizado, neste sábado, a 1ª edição do Buona Forchetta Vale dos Vinhedos. O encontro, que inicias às 11h e segue até às 18h, terá como cenário o jardim do hotel Villa Michelon (RS-444, quilômetro 18,9, Estrada do Vinho), em Bento Gonçalves, e vai contar com a participação de empreendimentos gastronômicos e 10 vinícolas da Serra, entre elas a farroupilhense Casa Perini. O ingresso custa R$ 10, 00 e inclui menu degustação de vinhos, espumantes, sucos de uva, pães, queijos, antepastos, copas, geleias, biscoitos e trufas. Também haverá uma feirinha para comercialização dos produtos. Além disso, o encontro vai contar com a presença dos chefs Altemir Pessali (Trattoria Mamma Gema) e Rodrigo Bellora (Valle Rustico). Eles vão preparar um cardápio que inclui costela de porco no menarrosto e risoto de cogumelos, com o valor

5

de R$ 20,00 a porção. O Buona Forchetta, que significa ‘bom de garfo’, é um projeto com curadoria do Destemperados que tem como objetivo mostrar a diversidade da gastronomia produzida na Serra Gaúcha, que vai além da polenta, da massa e do galeto. A ideia é divulgar experiências únicas na região.

Programe-se O que: Buona Forchetta Vale dos Vinhedos Quando: sábado, das 11h às 18h Onde: Hotel Villa Michellon Quanto: R$ 10,00 Vinícolas participantes: Arbugeri, Casa Pedrucci, Casa Perini, Don Giovanni, Larentis, Lovara, Miolo Wine Group, Peterlongo, Salton e Soliman Pontos gastronômicos: Casa da Ovelha, Casa do Tomate, Casa Madeira, Devorata, Granberg Alimentos, Itallinni Biscotteria, Pane & Salute e Queijaria Valbrenta

Maria, mulher solidária Iniciamos um novo mês: maio, Maria, Mãe... mês dedicado especialmente à mulher e à família. Em nossa Diocese, de 26 a 28 de maio de 2017, acontecerá a 138ª Romaria de Nossa Senhora de Caravaggio, com o lema: “Eis aí a tua Mãe” (Jo 19,27). No Ano Mariano Nacional, desejamos refletir e sentir o amor maternal de Maria e nos colocar em seus braços, para mais uma vez experimentar o seu amor de mãe. É Maria, a mãe que Jesus nos deu e que exerce a sua maternidade, que nos ama e percebe o que nos falta. Também iniciamos o mês de maio celebrando o Dia do Trabalhador e Trabalhadora, num momento em que o Brasil soma mais de 13 milhões de desempregados e num contexto de recuo de direitos, de retirada de direitos. A Igreja, atenta ao respeito à dignidade humana, e o fato de que todos são irmãos, em diversas oportunidades buscou, no Evangelho de Jesus Cristo, a orientação para resolver os conflitos originados nas relações de trabalho. Diversas encíclicas papais e outras iniciativas da Igreja buscaram reconstituir as relações éticas e justas que deveriam sempre existir nas relações de trabalho. Como nos diz o Papa Francisco: “uma economia que não coloca a pessoa humana à frente como primazia, ela mata as pessoas, porque, no lugar das pessoas, coloca o mercado, o capital”. Nessa direção, a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), na sua mensagem para esse dia nos diz que: “O trabalho não é mercadoria, o trabalhador não pode ser coisificado. Ele é sujeito e tem direito a uma justa renumeração que não se mede apenas pelo custo da força do seu trabalho, mas também pelo direito de uma qualidade de vida digna para ele e para toda a sua família”. Uma outra questão, que toma os debates da nossa sociedade, é a reforma da Previdência. Ao meu ver, a impressão que se tem é a de que os pobres, mais uma vez, vão pagar a conta. Não temos a coragem, por parte de um governo atrapalhado e sem credibilidade, de atacar privilégios que garantem aposentadorias absurdas ou das vantagens de quem se considera parte do poder e tem direito de auxílios legais, mas não éticos, enquanto o povo morre nas filas dos hospitais. Que Maria, mulher solidária, sob o título de Nossa Senhora de Caravaggio, de Aparecida que comemoramos os 300 anos, nos acompanhe para que possamos construir uma sociedade mais justa e fraterna, com diretos iguais. * Pároco da Paróquia Sagrado Coração de Jesus e doutor em Comunicação


Diego Frigo

C

Cubo

axias do Sul recebe um espaço exclusivo para a arte contemporânea. Neste sábado, a consultora de arte Claudete Matias e o arquiteto e designer Renato Solio inauguram a Cubo: Galeria de Arte Contemporânea. Localizada no bairro São Pelegrino, a Cubo abre suas portas com coleções de 20 artistas nacionalmente conceituados. Disposta em duas salas expositivas, a galeria reúne obras entre pinturas, esculturas e instalações dos artistas convidados.

O fotógrafo farroupilhense Diego Frigo foi responsável pelos cliques do casamento de Marco Antônio Mattos e Cibeli Arpini, em Bento Gonçalves, no último sábado

Encontro

Neste sábado ocorre o evento Buona Forchetta, no Vale dos Vinhedos. Com a chancela do Ibravin e dos Destemperados, o evento reunirá 10 vinícolas brasileiras e empreendimentos gastronômicos da Serra Gaúcha. O ingresso, à venda na hora, dá direito a degustação de vinhos, espumantes, sucos de uvas, pães, queijos, geleias, entre outras delícias. O encontro ocorre das 11h às 18h no jardim do hotel Villa Michelon (veja mais na página 5).

Fashion

Rafael Sartor

José Zignani

Rodrigo Lutz circulou en da noite no La Barra, n

Cristiano de Oliveira

Os empresários Daniel Bossle e Rafae com a participação da sua marca de roupa jeto Casa de Criadores, em São Paulo. A gr 200 empresas do ramo e o desfile ocorre considerado o lançador de novos estilistas na Capital paulista.

Miucha Sinhor e Francisco Carpenedo Gabriel Neto selaram sua união no último final de semana, em uma bela cerimônia na Capela do Colégio Coração de Jesus em Florianópolis. Os convidados foram recepcionados no Stage Music Park, na praia de Jurerê O diretor criativo e fundador da Boutique Riva, Rubens Simões, fez as honras para apresentar o novo espaço inaugurado em Caxias, no dia 26

Acimar Freitas e Luana da Costa que movimentou o Boteco do


Jeferson Deboni

Daniela De Rocco

Adriana Rasera

A pequena Carolina celebrou seus 5 anos na quarta, ao lado da mana Gabriela e dos pais Cíntia Mabel Turra Faé e Marcelo Faé, na casa de festas Ticabum

ntre os confirmados na semana passada

n

el Schneider estão vibrantes as Senplo, no desfile do prorife foi escolhida entre outras e na próxima semana, sendo s da moda brasileira situado

Cristina Rasera, Grasiela Savi e Joice Michele Wammes, do time do Sesc, ladeada pelos atores Gianfranco Di Sanzo, Jefferson Silva, Fábio Matú e André Sabatino Caldeyro, que se apresentaram no espetáculo Vaiqueuvoo, no domingo

Mães

Fique por Dentro

Com o propósito de incentivar a compra de presentes para o Dia das Mães, a Tonin realiza seu tradicional Feirão de Fábrica a partir desta sexta. O atendimento ocorre das 8h às 18h, na sede da empresa (veja mais na Editoria de Economia, página 6).

Bday

O Boteco Antonielle comemora 3 anos de existência neste final de semana. Para celebrar, recebe o apresentador e cantor Mr. Pi, da Atlântida, para show acústico no sábado (mais na página 8).

Veranico

marcaram presença na festa Chá na véspera de feriado

Para esperar aquele mini verão que ocorre em maio, o Muinho promove o evento Food Sessions no dia 14. Na data estarão reunidos, no pátio da casa Food Trucks, brechós, espaço infantil e muita música. A entrada é livre e haverá doação de agasalhos.


Inside

8

Fabrício Oliboni fabrioliboni@gmail.com

O chamado da mochila

* Agente de intercâmbio e bacharel em Relações Internacionais

Música

Show de Mr. Pi será neste sábado Cantor e radialista se apresenta no Boteco Antonielle, com o músico Mauro Kupim Divulgação

Já faz alguns bons anos que peguei o gosto por viagens. Na verdade, sempre gostei de conhecer novos lugares, mas não era algo tão forte quanto hoje. O gatilho para o vício pela estrada/mochila/rodoviárias/aeroportos foi a minha primeira viagem de avião, em 2010. Demorei para estrear (21 anos), mas a partir daí não teve caminho de volta. Aliás, teve, mas sempre ida e volta (cota de piada ruim da coluna). Desde então já viajei muito mais do que imaginaria na época, mas pouco se for considerar o tanto que quero viajar ainda. E assim vai. Essa coceira no passaporte é algo que resolvi chamar nesse texto de “o chamado da mochila”. Pois é, até achei meio brega, mas como prefiro esse estilo mais independente, pé na estrada e mochila nas costas, faz sentido pra mim. No meu trabalho eu falo de viagens diariamente, o que acho ótimo. Não há como reclamar do excesso nesse caso, pois é algo que toco no assunto com a maioria das pessoas, seja no escritório ou fora dele. O lado “ruim” é ficar na pilha de viajar sempre. Não há dia que a saudade de uma viagem do passado não bata ou que o anseio por uma inédita não surja. Mesmo que deixe de trabalhar nessa área, tenho certeza de que não encontrarei a “cura” para isso. E nem quero. Fiz algumas viagens nesse e no ano passado, mas a maior parte delas envolvendo trabalho. As que saíram fora disso foram muito breves, coisa de no máximo dois dias, um final de semana. Escapismos que deram uma leve saciada nessa sede mochileira, mas não foram suficientes. Quanto maior a quilometragem maior é a vontade de estendê-la. Viajar faz bem para a alma. Não importa o destino, e sim a bagagem que você leva e a que traz na volta. E não estou falando de coisas materiais, e sim de uma “mala” muito mais rica, repleta de bons momentos, descobertas, estórias e sentimentos. Atualmente tenho pensado bastante em uma próxima(s) viagem. As férias não estão distantes e o que até então não passava de um compilado de ideias passa a ser um roteiro na prática. Isso é outra coisa que julgo ser subestimada: o planejamento, o pré-embarque. Sou um grande entusiasta de programar viagens com antecedência, ao menos anotando coisas a fazer, onde ir, pegando dicas com quem já foi para tais lugares e coisas do tipo. Essa pesquisa é fundamental para entender e aproveitar melhor a viagem, pois do contrário muitas coisas interessantes passariam batidas. Viagens longas ou curtas, dentro ou fora do País, sozinho ou acompanhado, alta ou baixa temporada, hotel ou albergue. Tanto faz, apenas atenda ao “chamado da mochila”.

FARROUPILHA, 5 DE MAIO DE 2017

Mr. Pi Everton Cunha prepara novidades para sua carreira musical

P

ara comemorar seu aniversário de 3 anos, o Boteco Antonielle (14 de Julho, 741) vai promover, neste sábado, um evento especial com show do Mr. Pi. A apresentação inicia às 22h e o ingresso custa R$ 20,00. Everton Cunha, o Mr. Pi, foi radialista por duas décadas. Ele se tornou conhecido em todo o Estado quando começou a trabalhar na Rádio Atlântida de Porto Alegre como âncora do programa Pijama Show, que era exibido nas noites e madrugadas da emissora. Também foi integrante do programa Pretinho Básico, também da Atlântida. Seu último trabalho como radialista foi no Bafão Farroupilha, da Rádio Farroupilha. Atualmente, Mr. Pi está mais voltado para sua carreira musical, que foi iniciada há 10 anos em parceria com o músico Mauro Kupim, tocando covers e músicas autorais. Para o segundo se-

mestre, Kupim revela que estão previstas novidades de Mr. Pi na área da música. “Vamos lançar uma coletânea com as músicas que ele lançou em todo esse tempo como radialista que despretensiosamente se tornou cantor. Uma compilação de todas as suas músicas, como ‘Tomando um Chá com seu Zé’”, explica. Na apresentação de sábado, o show acústico vai homenagear bandas como Legião Urbana, Capital Inicial e TNT. “Serão canções de rock nacional, populares, para as pessoas se identificarem e cantarem junto”, comenta o músico Kupim. É possível reservar mesas para a apresentação pelo fone 3261-1344.

Programe-se O que: Show do Mr. Pi Quando: sábado, às 22h Onde: Boteco Antonielle (14 de Julho, 741) Quanto: R$ 20,00


FARROUPILHA, 5 DE MAIO DE 2017

Cultura

Inside

Próxima gestão segue até 2019, com vice-presidência de Ricardo Ló Valderez Tres

Eleitos Membros da diretoria para próxima gestão

A

Dolores Maggioni doloresmaggioni@terra.com.br

Ortenila é reeleita para diretoria do Círculo Italiano

eleição da nova diretoria do Círculo Cultural Ítalo-Brasileiro de Farroupilha foi realizada na última sexta, na sede da entidade. Na ocasião, a presidente Ortenila Trentin, que está na diretoria desde 2015, foi reeleita para o cargo, e irá cumprir o mandato até 2019. Já a vice-presidente Mari Mioreli passou o cargo para Ricardo Ló. Ortenila relata que, assim como outras entidades, o Círculo também foi afetado pela crise econômica, mas segue com um número considerável de alunos e com objetivos claros. “Nós vamos continuar na luta para valorizar e difundir a cultura italiana”, comenta. Ela explica que, como a recessão também atingiu a Itália, o País não está oferecendo muitas oportunidades de intercâmbio, mas o Círculo segue fazendo a sua parte. A valorização do Dialeto Vêneto continua entre os objetivos para a próxima gestão, embora a estratégia

9

seja outra. A ideia agora é promover a realização de filós nas comunidades do interior, para gerar uma aproximação cultural com os cidadãos dessas localidades. Entre os próximos eventos que o Círculo irá participar, a presidente destaca o piquenique comemorativo aos 142 anos da imigração italiana. A celebração será na tarde do dia 21 de maio, em Nova Milano, no Parque do Centenário da Imigração Italiana, e vai contar com gastronomia típica e apresentações artísticas e culturais.

Diretoria da entidade 2017/2019 Presidente: Ortenila Dileta Mucelini Trentin Vice-presidente: Ricardo Ló 1ª secretária: Maria de Lourdes Anselmi Trubian 2ª secretário: Edson Doncatto Tesoureira: Adriana Terezinha Chiele Assistente Jurídico: Aldo Belusso

Vitrais de Outono: vitral segundo Escaldantes areias atapetam a orla. Passos desordenados vão bordando desenhos imprevistos, quando em vez, lambidos e apagados pela espuma de cintilantes cristais. Ronca forte, o insólito oceano. Gemem as ondas; assemelham-se a uma carreta de rodas cantantes. Os peixes, como imaginários bois, lavram o farelo ralo das horas vestidas de delicadezas. Irreverente ironia pende no tempo, seus joelhos em pó. Parecem tão exaustos todos os sonhos. Cansados das rondas, das esperas, das fantasias por nós mesmos deflagradas. Ventos amornados tangem a vida e os Vitrais de Outono. Cintilam essências raras em meio ao desamparo das sempre horas adiadas. Tanto ouro no poente! A paisagem encandecida penetra os desvãos do coração assombrado por tão intrigante mistério. Plange a cítara do absurdo, neste meu modo de sentir, tão lindamente inconsequente. Meu zelo inconfessado guarda perguntas entre ares de rarefeita solidão. Tem piedade de mim, as asas do vento. Na areia salina, a concha; joia roubada ao mar, pela onda. No clamor do oceano, a saudade dói igual a dor de um anjo esmagado pelos destroços de uma aeronave. Destroços de mitos e de sonhos! Poeiras celestes, sem pânico nem súplicas, estendem seus domínios sobre o ordenamento do mundo. Rolam das nuvens obreiras, desarvorados querubins balbuciando a linguagem que só o coração entende. Um resquício semiapagado de peregrino astro, tenta aquietar com uma fatia de paz as convulsões do mundo que acabo de construir para mim. Instalo um policial em cada esquina da alma em pânico, onde palpitam, sem reservas, teimosa esperança e anelante espera. Desço às cavernas de mim. Acendo todas as luzes da alma (onde preservo a cálida sensação do abraço acontecido). Sinto nascer em mim a divina máquina de viver e de sonhar na qual me transformei ou fui transformada. Hoje, apago os restos do que em mim já foi ruína; silêncio com o esquecimento, os uivos dos lobos da tristeza. Renasce no meu olho a inocência do mundo e apenas Deus poderá tirar de mim esta cota de eternidade. Uma chaga de ouro incandescente cristaliza a doce melancolia desta tarde paralítica e, o sol, todo de vidro, estilhaça em estrias uma nuvenzinha cor de amora. Desajusto o relógio das coisas pretéritas. Eis a vida! Uma vida de fragilíssimas vivências e de fugazes pequenas eternidades. Outono e seus vitrais! Tento reter a ventura na trama fluída da hora. O meu sonho para. E espera. Salta do leito reimergindo da infância e brinca de sol na ressurreição matinal de todas as coisas. Brota, na sementeira da alma, uma flor escarlate. Desde a corola entreaberta, a incógnita: quem sou eu? Cidadã de tantos mundos... resíduo de cada um deles... pólen fecundando minha multiplicidade. Aqui estou eu! Carregando a tocha de todo o esplendor desta inesperada aurora abrindo as pálpebras dos vitrais deste outono. * Escritora


Inside

10

FARROUPILHA, 5 DE MAIO DE 2017

Sétima Arte

Um negócio

milionário

“Cães de Guerra” mostra, de maneira divertida e prática, como funciona a indústria bélica em território estadunidense em tempo de intensa corrida armamentista

“A

guerra é fonte de lucro. Quem disser o contrário faz parte do esquema ou é um idiota”. A citação do personagem narrador David Packouz (Miles Teller), logo no início de “Cães de Guerra”, deixa claro que a trama dirigida por Todd Phillips não faz muito floreio. Pelo contrário, explica de maneira objetiva e precisa como funciona o comércio de armas, munição e artefatos bélicos. David é um fracasso. Largou a faculdade logo no primeiro semestre, trabalhou em seis empregos diferentes em um curto espaço de tempo e atua como massagista de ricaços em Miami quando, em um velório de um amigo, reencontra Efraim Diveroli (Jonah Hill), um conhecido desde os tempos de infância, que está muito bem de vida vendendo armas para o Departamento de Defesa dos Estados Unidos. Com as guerras em curso no Afeganistão e no Iraque, o governo de George W. Bush

necessitava de um alto investimento e parte expressiva vinha da iniciativa privada. As empresas de Dick Cheney, então vice-presidente, acabaram beneficiadas em contratos milionários que, segundo um levantamento recente, apontaram valores de cerca de US$ 40 milhões. Evidente, coisa de amador em falcatrua perto do Petrolão, claro. Nossa capacidade de fazer sujeira é incomparável. Mas voltando ao filme. Como havia certa urgência na prestação de serviços, muitos dos contratos foram feitos sem licitação, o que acabou chegando à imprensa. O governo não apenas admitiu a questão como foi além. Ou seja, como precisava de muita coisa, armamentos em especial, passou a abrir processos licitatórios para os interessados. Em resumo, dividiu o bolo, o que até certo ponto era útil, já que os amigos do Estado não tinham condição de atender a alta demanda. Efraim foi um dos primeiros a perceber essas boas

oportunidades e foi crescendo nos negócios. Ele convida David para ser seu sócio da AEY e, à medida que a guerra avança, acabam fechando novos contratos e ganhando fortunas em tempo recorde. Enquanto Efraim só se importa com os lucros, David às vezes é vacilante nas questões éticas e morais que envolvem os conflitos, mais também por conta da interferência de sua esposa, a bela Iz (Ana de Armas), que está grávida. O fato de ser pai em breve tem um peso decisivo nas escolhas de David. Com Efraim, acaba fechando um contrato para venda de armamento italiano para o Exército Americano no Iraque, mas ali mesmo já surgem os primeiros problemas, que mostram para os jovens que neste ramo é necessário desatar nós pessoalmente. Mas o grande interesse da dupla é um contrato bilionário dos Estados Unidos para armar o Exército Afegão. Contudo, eles sabem que não será nada fácil consegui-lo. Mas David e Efraim aca-

bam conhecendo Henry Girard (Bradley Cooper), um famoso traficante de armas com bons contatos, que pode abrir caminho para que a AEY tenha chance de fechar acordo com o governo estadunidense e, com isso, consiga faturar milhões. No entanto, há uma série de implicações e, por mais acessível que seja a habilitação, é necessário não deixar nenhuma ponta solta e há inúmeras pontas neste tipo de negócio. Cães de Guerra é uma história real, baseado no artigo “Arms and the Dudes”, de Guy Lawson, publicado na Rolling Stone, e destaca as vultuosas somas envolvidas nos conflitos e o descontrole sobre o fornecimento de armas e munição que existia por conta da premente necessidade de material para as guerras em que os Estados Unidos estavam envolvidos. É inevitável uma comparação com “O Senhor das Armas”, especialmente por tratar de uma questão que ainda aguarda uma aborda-

gem mais abrangente da Sétima Arte: o arsenal soviético estocado durante décadas na Guerra Fria, pelos Países do bloco comunista, e que perdeu completamente sua utilidade a partir do momento que caiu o Muro de Berlim e a Cortina de Ferro. As pechinchas foram bem aproveitadas e destacadas nos dois filmes. A trama de Todd Phillips é mais cômica do que trági-


Inside

FARROUPILHA, 5 DE MAIO DE 2017

11

Sétima Arte Divulgação

Imagem: Reprodução

Título original War Dogs Título traduzido Cães de Guerra

ca e se não faz uma crítica à guerra, faz aos vagabundos instrumentos de controle do governo americano. Mas o foco está mesmo na atuação da dupla de protagonistas, jovens maconheiros que se deram bem às custas de brechas em um sistema capenga e pouco sério. Há até mesmo um equilíbrio entre os amigos empresários. Enquanto David é

muito certinho e pé no chão, Efraim é arrogante, cínico e só quer saber de dinheiro e poder. As alusões a Scarface são ótimas e o mentor do negócio acredita que é o novo Tony Montana, o antológico personagem de Al Pacino, que dominava o comércio de cocaína na Miami nos anos 70, só que como um barão da indústria de armas. A trilha sonora merece uma

consideração especial. Ela vai de Aerosmith e The Who aos rappers 50 Cent e Pitbull, para dar um clima de gângster à obra. Mas o grande destaque fica mesmo por conta da atuação de Miles Teller. Ele, que já tinha alcançado uma projeção interessante como o baterista Andrew Neiman, em “Whiplash”, mostra que tem potencial para ser um dos grandes atores da nova geração.

Pente fino Efraim (Jonah Hill) e David (Miles Teller) vasculham as licitações abertas pelo Departamento de Defesa: atrás de bons negócios com o governo americano

Direção Todd Phillips Roteiro Stephen Chin Jason Smilovic Todd Phillips Gênero Comédia Duração 114 minutos País Estados Unidos Ano de produção 2016 Estúdio RatPac-Dune Entertainment Joint Effort Distribuição Warner Bros Pictures


12

Horóscopo Áries - 21/03 a 20/04

Semana muito importante para cuidados com a saúde e o bem-estar. Cuidado com o excesso de críticas e cobranças, evite somatizar problemas. Você está passando por um período de grandes reavaliações e reflexões sobre relacionamentos.

Touro - 21/04 a 20/05

Semana interessante para aplicar na prática os seus talentos e se expressar criativamente. Cuidado com o excesso de críticas que pode inibir a espontaneidade no relacionamento amoroso. Reavaliações no trabalho e na rotina cotidiana.

Gêmeos - 21/05 a 20/06

Semana importante para situações familiares e que envolvem pessoas próximas. Você tende a estar mais autocrítica e isso pode dificultar a convivência familiar. Reavaliações sobre os seus talentos, habilidades e recursos materiais.

Câncer - 21/06 a 20/07

A Lua regente canceriana está no signo de Virgem, favorecendo a objetividade e praticidade. É um boa semana para contatos que tenham relação com o trabalho. Você está reavaliando fatores ligados à moradia e relação com os familiares.

Leão - 21/07 a 22/08

Semana importante para agir com mais simplicidade e humildade. Deve evitar gastos desnecessários, valorizando o que seja realmente essencial. Reavaliações na forma de se comunicar e retomada de antigos projetos ou cursos.

Vírgem - 23/08 a 22/09

A Lua se movimenta em seu signo enfatizando as emoções. Você tende a uma maior proximidade com seus sentimentos, mas pode estar muito severo e perfeccionista. Reavaliações sobre questões financeiras, parcerias, alianças e relações.

Libra - 23/09 a 22/10

Semana que pede repouso e percepção de suas verdadeiras necessidades emocionais. Um período de uma natureza mais introspectiva com a necessidade de refletir sobre seu comportamento. Júpiter, em movimento retrógrado pelo seu signo.

Escorpião - 23/10 a 21/11

Semana interessante para o trabalho em equipe onde cada pessoa conhece suas responsabilidades. É um momento em que há maior objetividade, capacidade de análise e de discernimento. Perceba os fatores que se repetem em suas relações.

Sagitário - 22/11 a 21/12

Semana importante para a vida profissional dos sagitarianos. Você tende a ser bastante solicitado em termos de tarefas e responsabilidades. Seu regente está em movimento retrógrado e você deve ter paciência, refletir e reavaliar.

Capricórnio - 22/12 a 20/01

Cuidado com o ceticismo e com a falta de confiança em suas habilidades. A semana favorece viagens e estudos que tenham relação com a carreira. É uma fase de reavaliação de parceria e objetivos profissionais.

Aquário - 21/01 a 19/02

Momento interessante para tratar de questões de saúde, chegando ao cerne dos problemas. Questões financeiras, emocionais e espirituais estão em pauta neste período. Reavaliações sobre ética, justiça, conhecimentos e viagens.

Peixes - 20/02 a 20/03

A Lua se movimenta no signo oposto ao seu, enfatizando os relacionamentos. Cuidado com o excesso de crítica em relação às pessoas. Os contatos de trabalho estão favorecidos neste momento.

Inside

FARROUPILHA, 5 DE MAIO DE 2017


FARROUPILHA, 5 DE MAIO DE 2017

VENDE-SE CONSÓRCIO CONTEMPLADO DA CAIXA ECONÔMICA FEDERAL. Crédito de R$ 240.000.00. Prestações de R$ 1.656,00. Já tem pago R$ 18.600,00. Este crédito pode ser usado para COMPRA DE IMÓVEL, CONSTRUÇÃO e REFORMA URBANA E RURAL. Aceito carro na entrada. Contatar: (51) 3523.3351 / WhatsApp (51) 99902-0829 / (51) 99226-2112. Ofereço-me para fazer FAXINAS. Tenho experiência e referências. Contate pelo fone 99995-6448 ( WhatsApp) ou 98103-7988.


2

OPORTUNIDADE: VENDE-SE APARTAMENTO NOVO, dois dormitórios, 62,94 m², com um box de garagem. R$ 170.000,00. Tratar através dos telefones: 3261 2691 ou 99974 2745.CRECI 41503. ALUGO SALA COMERCIAL, localizada na Independência, Bairro São Luiz, com 168m². Telefone para contato: 99951-3583 / 3268-1062.

FARROUPILHA, 5 DE MAIO DE 2017


VENDO TERRENO de esquina com 1.377m² a uma quadra da rodoviária e do centro de compras. F. 99118-1642. VENDO TERRENO central em Arroio do Sal a uma quadra do mar. F.99118-1642 VENDO terreno de Cooperativa com área definida. Valor R$ 35.000,00. F.: 991181642. VENDE-SE TERRENO de Cooperativa com 106 parcelas pagas. Área de terra comprada. Localizada na saída para o Salto Ventoso. APENAS R$ 9.500,00 Tratar com José, fone (54) 999252068.


FARROUPILHA, 5 DE MAIO DE 2017

5


Edição 484  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you