Page 1

FARROUPILHA

|

ANO X

| E D I Ç Ã O 47 8

| 24 D E M A R Ç O D E 2 017 |

R$ 3,00

Campos, enfim, na Stock Car Fernanda Freixosa

Piloto farroupilhense chega à elite do automobilismo nacional competindo pela Blau Motorsport, uma das novas equipes que passam a integrar a categoria Matéria Especial, páginas 2 e 3


2

FARROUPILHA, 24 DE MARÇO DE 2017

Fernanda Freixosa

NA STOCK CAR

Um sonho antigo por uma equipe nova Meta desde o início da carreira, farroupilhense Márcio Campos chega à principal categoria do automobilismo nacional

F

ilho do ex-piloto João Campos, o farroupilhense Márcio Campos ingressou, muito por influência do pai, no automobilismo. Na primeira temporada, em 2010, venceu o Gaúcho de Marcas e Pilotos, o que já deixava aberto o caminho para alçar voos mais altos. Junto com João, a partir de 2011, competiu no Mercedes-Benz Grand Challenge, a nova categoria do automobilismo nacional e conquistou um tricampeonato, em 2011 e 2012 dividindo a pilotagem com o pai, e em 2013 competindo sozinho. Porém, foi em 2014 que o terreno rumo à Stock Car passou a ser sedimentado, com Campos ingressando no Campeonato

Brasileiro de Turismo (CBT), considerada a divisão de acesso à principal categoria do automobilismo nacional. Disputou o título até a última prova na temporada de estreia, ficando em 3º. Mais experiente, faturou os canecos nos dois últimos anos e, a partir daí, cresceu o interesse de equipes da Stock na sua contratação. Muitas propostas foram recusadas, até a feita no final do ano passado, pela Blau Farmacêutica, patrocinadora master de Campos no CBT em 2015. “O Marcelo Hahn, CEO da empresa, falou comigo na premiação da Stock Car e depois me mandou uma mensagem no final do ano, em 28 de dezembro. No dia 3 de janeiro fui até São Paulo para conhecer o projeto. Passei o Réveillon na expectativa, mas

valeu a pena. O investimento é alto, de longo prazo e a intenção é de criarem uma equipe competitiva na categoria”, destacou Campos. A meta de chegar à elite do automobilismo nacional sempre esteve em seus planos. “Sei que já poderia estar na Stock, mas acho que o convite chegou no momento certo. Sinto que agora estou mais preparado, mais maduro, com mais bagagem”, comentou o piloto farroupilhense de 30 anos, que fará dupla com outro gaúcho: César Ramos, de Novo Hamburgo. A apresentação da nova equipe e da dupla aconteceu na segunda, em São Paulo. Além da equipe própria, a Blau segue na parceria com Allan Khodair, o Japonês Voador, que já dura 11 anos e é a mais longeva da categoria.

Entre os melhores Márcio Campos foi convidado a competir pela Blau Motorsport


3

FARROUPILHA, 24 DE MARÇO DE 2017

Fernanda Freixosa

DINASTIA CAMPOS

Nos passos do pai

M

árcio não é o primeiro farroupilhense a competir na Stock Car. Seu pai João disputou a categoria de 1992 a 1995 e, em junho de 1993, em Interlagos, em São Paulo, se tornou o primeiro gaúcho a vencer uma corrida na categoria. Grande incentivador da carreira do filho, João não esconde a alegria e satisfação com a conquista. “Toda vez que falo sobre isso eu choro, de verdade. Foram sete anos e seis títulos. Ninguém consegue isso, é muito difícil. Antes da apresentação, em São Paulo, mandei uma mensagem para ele lembrando o quanto foi difícil chegar até aquele momento. E o mais difícil: ser já de cara contratado, ganhando salário e várias outras bonificações. Hoje é quase impossível acontecer isso. Há dezenas, centenas de pilotos correndo atrás de uma chance na Stock”, comentou João. Márcio tem plena consciência de que terá muitas dificuldades pela frente. “Nossa expectativa é muito boa,

mas sabemos que não vamos dar as cartas. Não somente pelo fato da categoria reunir os melhores pilotos do País, mas também por sermos uma equipe nova. Minha meta é fazer ponto e quem sabe figurar entre os 20 melhores nesta temporada de estreia”, projetou Campos. Ainda restavam definições nesta semana que antecede a abertura do ano na Stock, mas a categoria pode contar com até 34 carros no grid. O regulamento deste ano apresenta muitas novidades, como o treino classificatório, que começa com 30 carros, seleciona 15 em uma segunda tomada e finaliza com os seis que brigarão pela pole, nos moldes do que acontece na Fórmula 1. Serão 12 etapas, com 10 em rodada dupla (duas provas de 40 minutos, ambas disputadas no domingo), além da Prova do Milhão e a etapa final, que são simples, com pontuação dobrada na prova derradeira da temporada. Veja calendário ao lado, lembrando que a 8ª etapa, a Corrida do Milhão, e a 9ª, na Argentina, ainda não tem circuito definido.

Blau Motorsport Campos, Hahn e Ramos: preparados para o ingresso na Stock Car

A temporada 2017 na Stock Car Etapa 1ª 2ª 3ª 4ª 5ª 6ª 7ª 8ª 9ª 10ª 11ª 12ª

Data 2/04 23/04 21/05 11/06 9/07 23/07 6/08 10/09 1º/10 22/10 26/11 10/12

Autódromo Ayrton Senna Velopark Santa Cruz Zilmar Beux Ayrton Senna Cristais Velo Cittá A definir A definir Curitiba Tarumã Interlagos

Cidade Goiânia (GO) Nova Santa Rita (RS) Santa Cruz do Sul (RS) Cascavel (PR) Londrina (PR) Curvelo (MG) Mogi Guaçu (SP) Pinhais (PR) Viamão (RS) São Paulo (SP)


4

FARROUPILHA, 24 DE MARÇO DE 2017

A caixa-preta da Previdência Social Não há a menor dúvida que o tema mais polêmico do ano, e também necessário, é o que envolve a reforma da Previdência Social. Nesta sexta, uma audiência pública, promovida pela Câmara de Vereadores, em parceria com a OAB Farroupilha, debate o espinhoso tema com entidades de classe e sociedade, a partir das 19h, no Legislativo. É natural que a esmagadora maioria da população seja contrária à Proposta de Emenda Constitucional (PEC), especialmente porque ela aumenta o tempo de contribuição do trabalhador, mas também é líquido e certo que, se nada for feito, em pouco tempo, a Previdência Social, que está prestes a entrar em colapso, quebrará. A lógica é simples, a tendência natural, com o aumento da expectativa de vida, é de que aumente cada vez mais o número de inativos.

Infelizmente, é praticamente imperiosa a necessidade de exercícios de digressão ao se adentrar no tema. E se não tivesse ocorrido, ao longo do tempo, tantos desvios e roubalheiras na Previdência, a reforma seria realmente necessária? E se o governo aplicasse seus recursos de maneira adequada, sem apelar para a Desvinculação de Receitas da União? E se o Estado brasileiro não fosse inchado ao extremo e custasse uma fortuna aos contribuintes que não obtêm, dele, nenhum retorno? Mas o maior óbice a uma discussão parte de quem a propõe. Falta legitimidade ao governo de Michel Temer. Não essa legitimidade que muitos alardeiam. Na verdade, o atual governo deveria ter sido deposto junto com o de Dilma Rousseff, pois foi parte integrante e conivente com a série de abusos praticados na área fiscal, que levaram

à ruína financeira que o Brasil vive no momento. É dessa legitimidade que carece o governo Temer. Um País minimamente sério teria cassado a chapa inteira e realizado novas eleições. Quando alguém da cúpula governista se envolve em um escândalo a cada semana e quando nomes do primeiro escalão aparecem aos borbotões em delações premiadas, o tema da Previdência acaba relativizado e, mais que isso, criminalizado. A proposta, embora tenha sido pesada, com regras de transição pouco flexíveis, foi corajosa. Não custa lembrar que o governo anterior ficou no comando do País por mais de 13 anos e, para não desagradar a base de seu eleitorado, se negou a votar qualquer tipo de reforma. O fato de Temer não concorrer no próximo ano abre caminho para uma mudança na área previdenciária. Fos-

se candidato, certamente não mexeria em nada. Outro grande problema é a falta de transparência na questão, possivelmente de forma deliberada. Ninguém sabe ao certo o real custo da Previdência Social. Surgem estudos dizendo que ela é superavitária, outros que ela é deficitária. A partir do momento em que um tema tão importante como esse é tratado com grenalização, é natural que as desavenças imperem. A pauta ainda vai render e muito antes de ser votada no Congresso Nacional. Cabe a sociedade se informar, como pode fazer nesta sexta, no Legislativo. Ter ciência do que é proposto, não somente para o momento, mas para o sistema como um todo, inclusive para as futuras gerações, é o primeiro passo para tomar um posicionamento baseado em dados e não em paixões político/partidárias.

Opinião

Língua inglesa e infância Júnior de Arruda * Conhecimento é poder. Como em nenhuma outra época da história, está cada vez mais fácil ter acesso à informação, seja pela internet, pela televisão, por revistas, jornais e tantos outros meios de comunicação. No mundo globalizado de hoje, compreende-se a importância do aprendizado da língua inglesa, sendo esta uma linguagem de interação universal e que oferece

maiores e melhores oportunidades, tanto no Brasil como fora do País. Seguindo esse viés, o aprendizado da língua inglesa desde a infância só vem a contribuir para o desenvolvimento cognitivo das crianças, além de possibilitar muitos benefícios no futuro. Especialistas afirmam que as crianças pequenas têm facilidade para aprender uma nova língua. Em termos linguísticos, o aparelho fonador ainda está em processo de formação na infân-

Índice

Editorial

Matéria Especial .................................... Páginas 2 e 3 Editorial e Opinião................................ Página 4 Economia .................................................. Página 6 Cidade ........................................................ Páginas 7 e 8 Política ..................................................... Página 9 Educação .................................................. Página 10 Esporte ..................................................... Páginas 11 a 15

Inside

Especial..................................................... Capa Cinemas ..................................................... Página 2 MODA ......................................................... Página 3 CRÔNICAS DA REDAÇÃO ......................... Página 4 Agenda....................................................... Página 4 música........................................................ Página 5 Paulo Roque Gasparetto ..................... Página 5 Social ........................................................ Páginas 6 e 7 FABRÍCIO OLIBONI ................................... Página 8 VOLUME MÁXIMO ..................................... Páginas 8 e 9 DOLORES MAGGIONI ............................... Página 9 Sétima Arte .............................................. Páginas 10 e 11 Horóscopo ............................................... Contracapa Saúde, Beleza & Estética...................... 4 páginas Classificados .......................................... 8 páginas

cia e há uma adaptação natural de pronúncia em relação à língua materna e o idioma estrangeiro. Ao ser estimulada, nos primeiros anos de idade, a audição da criança fica apurada e ela consegue distinguir e até participar de conversas com pessoas de mais de uma nacionalidade. Esta facilidade se dá graças ao processo de formação do cérebro, responsável pela coexistência das línguas. Ensinar inglês na infância implica em considerar o dinâmico, o lúdico e o

REDAÇÃO - REDACAO@JORNALINFORMANTE.COM.BR ALANA BOF ALANA@JORNALINFORMANTE.COM.BR DANIEL RUFATTO DANIEL@JORNALINFORMANTE.COM.BR JULIANA INÊS CASA BARBIERI JULIANA@JORNALINFORMANTE.COM.BR RAMON CARDOSO RAMON@JORNALINFORMANTE.COM.BR ROCHELI CAMARGO ROCHELI@JORNALINFORMANTE.COM.BR

significativo para o universo infantil. É preciso respeitar os ritmos de aprendizagem de cada um e introduzir a língua inglesa por meio de atividades dirigidas, brincadeiras, fantoches, imagens, jogos, músicas e vídeos atrativos. Assim como qualquer outro conteúdo, por meio de uma abordagem prazerosa, é possível aprender inglês de maneira fácil e divertida. * Pedagogo

FINANCEIRO - FINANCEIRO@JORNALINFORMANTE.COM.BR KELI DE ALMEIDA MACIEL KELI@JORNALINFORMANTE.COM.BR

LOGÍSTICA - LOGISTICA@JORNALINFORMANTE.COM.BR LUIZ CARLOS DE ANDRADE LUIZ@JORNALINFORMANTE.COM.BR

ASSINATURAS - ASSINATURAS@JORNALINFORMANTE.COM.BR

COMERCIAL - COMERCIAL@JORNALINFORMANTE.COM.BR

ASSINATURA BIENAL: R$ 220,00 ASSINATURA ANUAL: R$ 120,00

TELEFONES

FABIANO LUIZ GASPERIN GASPERIN@JORNALINFORMANTE.COM.BR MARCOS MARTINS MARTINS@JORNALINFORMANTE.COM.BR MARIA DA GRAÇA POTRICOS LEITE MARIA@JORNALINFORMANTE.COM.BR PAULA ANDRESSA DOS SANTOS LAGO PAULA@JORNALINFORMANTE.COM.BR VALÉRIA GASPERIN VALERIA@JORNALINFORMANTE.COM.BR

(54) 3401-3200 / (54) 3401-3201 (54) 3401-3202 / (54) 3401-3203

ENDEREÇO RUA DR. JAIME ROMEU RÖSSLER, 348, BAIRRO PLANALTO

COLUNISTAS

ANUNCIOS - ANUNCIOS@JORNALINFORMANTE.COM.BR ALEXANDRE FRANCISCO MACHADO ALEXANDRE@JORNALINFORMANTE.COM.BR MARCELO BORTAGARAY MELLO MARCELO@JORNALINFORMANTE.COM.BR TIAGO RODRIGUES DA SILVA TIAGO@JORNALINFORMANTE.COM.BR

ARMANDO WARTHA CRÔNICAS DA REDAÇÃO DOLORES MAGGIONI FABRÍCIO OLIBONI GUILHERME MACALOSSI GUSTAVO PIMENTEL LAURO EDSON DA CÁS PAULO ROQUE GASPARETTO

@PaperInformante www.jornalinformante.com.br

/jornalinformante


5

FARROUPILHA, 24 DE MARÇO DE 2017

Reforma da Previdência: o que muda na aposentadoria no atual projeto? Mathias Felipe Gewehr * Daniela Vasconcellos Gomes **

N

os últimos dias, dentre os principais assuntos em destaque não apenas na imprensa, mas nas conversas de brasileiros de todas as regiões e de todas as classes sociais, está a reforma da Previdência Social. O Instituto Nacional do Seguro Social defende a reforma do atual sistema, sob a alegação de necessidade de adaptação à nova realidade demográfica brasileira, com o aumento da expectativa de vida e a diminuição da fecundidade, o que estaria gerando déficit financeiro. Já os trabalhadores estão preocupados com as mudanças propostas para benefícios como aposentadorias e pensões. No Regime Geral de Previdência Social (RGPS), muitas são as mudanças propostas, e dentre as mais comentadas está o estabelecimento de idade mínima de 65 anos para a concessão de aposentadoria, para homens e mulheres, e, no mínimo, 25 anos de tempo de contribuição. A aposentadoria de trabalhadores rurais também terá a idade mínima de 65 anos para a concessão de aposentadoria, para homens e mulheres, e, no mínimo, 25 anos de tempo de contribuição, devendo cada membro do grupo familiar contribuir de forma individual para o Regime Geral da Previdência Social. A aposentadoria do trabalhador

cujas atividades são exercidas sob condições especiais que prejudicam a saúde deverá obedecer a idade mínima de 55 anos, e 20 anos de tempo de contribuição, e não existirá mais a aposentadoria especial para o professor, que se aposentará com as mesmas regras estabelecidas para os demais segurados. O valor da aposentadoria por tempo de contribuição corresponderá a 51% da média dos salários de contribuição, acrescido de 1% para cada ano de contribuição considerado na concessão da aposentadoria, até o limite de 100%. Já a aposentadoria por invalidez somente terá o valor correspondente a 100% da média das remunerações em caso de acidente de trabalho, já em outros casos, o benefício é de 50% da média dos salários de contribuição, acrescido de 1% para cada ano de trabalho. As regras de transição para os atuais segurados do Regime Geral de Previdência Social somente serão aplicadas a homens com mais de 50 anos e mulheres com mais de 45 anos, que poderão se aposentar após cumprir um período adicional de contribuição (pedágio) equivalente a 50% do tempo que, na data de promulgação da Emenda, faltaria para atingir o número de meses de contribuição exigido. Essa regra de transição também será aplicada para o professor e para o segurado especial rural. * Advogado (OAB/RS 54.294) ** Advogada (OAB/RS 58.090)


6

FARROUPILHA, 24 DE MARÇO DE 2017

FEIRA

Festimalha lançado em Nova Petrópolis Evento, que está em sua 28ª edição, impulsiona a produção e o comércio do município e vai contar com 63 expositores Fotos: Alana Bof

C

om estimativa de público de 100 mil visitantes, o 28º Festimalha foi lançado oficialmente na terça, no hotel Vila Verde em Nova Petrópolis. O evento apresentou as atrações dessa edição, a campanha publicitária (com o slogan ‘Moda Para Todos’), e contou com um desfile preview. Este ano, o Festimalha será realizado de 20 de abril a 28 de maio, de quinta a domingo, além do feriado do dia 1º de maio. O Centro de Eventos vai abrigar 63 expositores, sendo 47 estandes de malharias, cinco de acessórios e 11 pontos gastronômicos. No lançamento, o presidente da Associação Comercial e Industrial de Nova Petrópolis (ACINP), José Paulo Boelter, destacou a relevância do Festimalha. “Em 2016 nós tivemos recorde de público. O grande diferencial desse evento é a fabricação própria, com malharias do município”, comentou. Boelter relembrou que o setor de malha e tricô é responsável por 2 mil postos de trabalho em Nova Petrópolis e produz um milhão de peças por ano. Cerca de 30% da produção anual é destinada ao Festimalha. Além dos tradicionais desfiles de moda no Centro de Eventos, nos dias 30 de abril e 14 de maio, o Festimalha também conta com alguns eventos paralelos como o desfile nas alturas, no dia 15 de abril, às 17h, no Ninho das Águias, e o Top Model Terceira Idade, um concurso que será realizado no dia 28 de abril, na sociedade Cultural Recreativa Tiro ao Alvo. Os ingressos para a Feira custam R$ 7,00, com meia entrada para a terceira idade. Crianças com menos de 11 anos não pagam. Mais informações podem ser conferidas no site www.festimalha.com.br.

Preview da moda Desfile no lançamento do Festimalha apresentou algumas peças das malharias participantes


7

FARROUPILHA, 24 DE MARÇO DE 2017

MOBILIZAÇÃO

Por uma água mais limpa Ação comunitária coleta resíduos neste sábado, na Barragem da Julieta

E

m iniciativa que remete ao Dia Munidial da Água celebrado na quarta, acontece ação de limpeza na Barragem da Julieta no sábado. Toda comunidade está convidada. A saída será às 8h30min, em frente à prefeitura e o transporte será oferecido gratuitamente. A sujeira das margens será recolhida, seguindo pelo córrego Medianeira. Também haverá plantio de árvores nos arredores. “O intuito é sensibilizar sobre a importância do cuidado com o meio ambiente, onde a água é um bem precioso”, considera Margarete Hammes, da Ecofar, empresa que propõe a ação com apoio de diversas entidades.

Fabiano Gasperin

Obituário

Limpeza Bacia de captação da Julieta recebe ação ambiental neste sábado

17 de março Sady Angelo Ross, 87 anos. Sepultamento no cemitério de Monte Bérico (3º Distrito). 18 de março Elibio Zinn (Libinho), 79 anos. Sepultamento no Cemitério Público. 19 de março Adão Dutra, 69 anos. Sepultamento no Cemitério Público Municipal; Vitor José Giacomelli, 55 anos. Sepultamento no Cemitério Público. 22 de março Josefina Varisco Buratti, 91 anos. Sepultamento no cemitério de Linha Caravaggeto (4º Distrito); Arlindo Salvator, 74 anos. Sepultamento no Cemitério Público.


8

FARROUPILHA, 24 DE MARÇO DE 2017

DEBATE

Cinema com Psicanálise Evento propõe reflexão sobre questões de gênero e sexualidade Divulgação

U

tilizando o filme “Uma Nova Amiga”, do diretor François Ozon como pano de fundo, acontece debate na próxima quarta, às 19h, na Faculdade CNEC Farroupilha. O evento “Psicanálise Vai ao Cinema” é gratuito, voltado a acadêmicos e aberto à comunidade em geral. Terá comentários da psicóloga Luciane Rombaldi David, do advogado Rafael Portolan Colloda, que preside a OAB Farroupilha, e de Laura Cristina Nardi Callegari, que é pedagoga, psicopedagoga e coordenadora do curso de Pedagogia da Faculdade CNEC. A mediação será da psicóloga Rejane Comin. “O filme aborda questões de gênero e sexualidade de forma sensível e intensa, fa-

Gênero Em cena David (Romain Duris) e Claire (Anaïs Demoustier)

zendo com que o espectador acompanhe a confusão e os conflitos dos personagens e reflita sobre seus próprios conceitos e preconceitos, em-

patizando e se aproximando desta temática que desacomoda e faz pensar”, sinaliza Luciane, que é especialista em Infância e Adolescência.

Programe-se O que: Psicanálise vai ao Cinema, com exibição do filme “Uma Nova Amiga” Quando: próxima quarta, às 19h Onde: Salão de Atos da Faculdade CNEC Farroupilha (14 de Julho, 339, Centro) Quanto: entrada franca

Alguém quer me adotar? ONG dos Peludos

Jack tem quatro meses, seu porte é de médio a grande. É macho, se relaciona bem com outros animais e está ansioso para ganhar um lar! Interessados em conhecê-lo podem manter contato pelo fone 999.386.360 (WhatsApp). Importante: a ONG dos Peludos informa que não serão doados cães para ficarem presos em correntes.


9

FARROUPILHA, 24 DE MARÇO DE 2017

PEC 287

Reforma da Previdência pauta audiência pública no Legislativo Câmara de Vereadores e OAB Farroupilha promovem discussão sobre o tema nesta sexta, a partir das 19h André Piccoli (PT) esteve à frente da organização no Parlamento. “A Câmara de Vereadores tem a obrigação de trazer o debate e mobilizar toda a comunidade para a colocar a par do que está acontecendo. Será um debate para que as pessoas entendam a proposta, pressionem os deputados e cobrem deles um voto coerente com aquilo que a sociedade quer”, salientou Piccoli, reforçando que o evento é aberto à comunidade farroupilhense. A audiência iniciará com manifestação da OAB, que será feita pelo advogado caxiense Anderson Ribeiro, que realizou um estudo sobre o tema. Na sequência será a vez de Vilson Antônio Romero, presidente do Conselho Executivo da Associação Nacional dos Auditores Fiscais da Receita Federal do Brasil. Os três deputados federais da região, Pepe Vargas (PT), Assis Melo (PCdoB) e Mauro Pereira (PMDB) também foram convidados e, até o fechamento desta edição, os dois primeiros haviam confirmado participação. Entidades de classe do município, como o Sismuf e o Sindicato dos Trabalhadores Rurais, também estarão presentes. Cada uma terá direito a falar mediante inscrição prévia que encerrava quinta.

Programe-se O que: audiência pública que debate a Reforma da Previdência Quando: nesta sexta, às 19h Onde: Câmara de Vereadores de Farroupilha (Júlio de Castilhos, 420) Acesso: evento aberto à comunidade

Ramon Cardoso

T

ema que praticamente monopoliza as atenções do País, a reforma da Previdência Social, proposta pelo governo de Michel Temer, será tema de uma audiência pública nesta sexta, às 19h, na Câmara de Vereadores (Júlio de Castilhos, 420, Centro). Polêmica, a Proposta de Emenda Constitucional (PEC) 287 tem gerado intensa mobilização em todo Brasil. “Acreditamos que o conteúdo dessa reforma não é adequado. Defendemos que assuntos que oneram o cidadão, com aumento de contribuição ou redução de direitos, que é o que se verifica no caso, deve envolver uma discussão com a sociedade, que tem que participar desse debate”, salienta Rafael Gustavo Portolan Colloda, presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) farroupilhense. Colloda destacou que a OAB Nacional assumiu posição contrária ao modelo de reforma proposto. Conforme ele, há dados objetivos que demonstram a inconsistência de argumentos do governo. A Ordem local foi convidada pelo Legislativo para, junto com o Poder, capitanear a mobilização. Presidente da Casa, o vereador Fabiano

Debate com a sociedade Na linha de frente: OAB e Câmara de Vereadores, dos presidentes Colloda e Piccoli, organizam evento que deve mobilizar comunidade nesta sexta à noite

Boca de Urna

Adin do IPTU rejeitada Emendas para a cidade

A Ação Direta de Inconstitucionalidade (Adin) proposta pela União das Associações de Bairro (UAB), Sindicato dos Trabalhadores das Indústrias de Calçado e Vestuário, Partido do Movimento Democrático Brasilerio (PMDB) e Partido Progressista (PP), contra o aumento do IPTU efetuado pela prefeitura, foi rejeitada pelo Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul (TJ/RS) no início desta semana.

Fabiano Piccoli (PT) apresentou uma emenda parlamentar de Pepe Vargas (PT) no valor de R$ 300 mil para requalificação da Praça da Emancipação. Tadeu Salib dos Santos (PP), uma de R$ 300 mil para a segurança pública. Jorge Cenci (PMDB), uma de R$ 250 mil para o Hospital São Carlos. As duas últimas do Orçamento Geral da União por meio da bancada gaúcha das respectivas legendas.


10

FARROUPILHA, 24 DE MARÇO DE 2017

NOVAS TURMAS

Estudos em ritmo acelerado Modelo de ensino está presente em quatro escolas municipais, atendendo 79 alunos tuições para terem acesso à nova modalidade. De nível 3, compreende no 8º e 9º ano do Fundamental, ou seja, num único ano concluirão as duas séries. “No início há uma prova diagnóstica para verificar como está o nível individual. Após a constatação há o planejamento das atividades,

com os conteúdos mais relevantes, de acordo com o referencial curricular”, explica Zuleide Colognese Dal Monte, diretora da instituição, considerando ainda que há uma estratégia diferenciada, concentrada nas particularidades dos estudantes, o que melhora os índices de permanência, impedindo a evasão escolar.

Juliana Inês Casa Barbieri

O

objetivo é acelerar. Não o ensino, mas a aprendizagem. A intenção é corrigir a defasagem entre série e idade, ao mesmo tempo em que concentra os ensinamentos e já prepara o estudante para dar sequência aos estudos. A proposta também é motivá-los a terem um melhor rendimento escolar. É o que está acontecendo na Angelo Chiele. A Classe de Aceleração tem 19 alunos com idade até 17 anos, tendo em vista a repetência escolar. Alguns estudantes são vindos de outras insti-

Instituições com Classes de Aceleração Além da Angelo Chiele, também as escolas municipais Nossa Senhora Medianeira, Senador Teotônio Vilela e Cinquentenário contam com as Classes de Aceleração. Ao total são 79 estudantes atendidos em nível 3, que compreende 8º e 9º anos. A intenção é de que desta forma o aluno se sinta mais motivado, incluso e possa ser inserido na turma de acordo com sua idade, corrigindo a distorção com relação à série.

Novo modelo Eduardo Onzi é um dos estudantes de Aceleração da Angelo Chiele e sua meta é finalizar neste ano o Ensino Fundamental


11

FARROUPILHA, 24 DE MARÇO DE 2017

CIRCUITO DE TÊNIS DA SERRA GAÚCHA

Giovana dispara na liderança do CTSG Clube farroupilhense aproveitou bem o fator local na 2ª etapa da competição regional, encerrada no fim de semana

L

íder do CTSG e anfitrião de nova rodada da competição, o farroupilhense Giovana Campo Clube (GCC) fez muito bom uso do fator local no último fim de semana, na conclusão da 2ª etapa da disputa. A agremiação chegou aos 13.280 pontos e ampliou ainda mais a vantagem na liderança do Circuito. Com finalistas em seis das 11 categorias, o Giovana acabou vencendo em duas: na 1ª Classe, com Cristian Gomes, e na 35 A, com Jonathan Pessin. Ainda obteve quatro vices, com Rafael Vieira Coelho (2ª Classe), Eliane Weirich Tusset (1ª Classe), Osmar Tusset (45 Anos) e Henrique Rattis (10 Anos). Veja resultados das finais e como ficou a classificação entre os clubes participantes do CTSG.

Resultados da 2ª etapa

1ª Classe Masculino Campeão: Cristian Gomes (Giovana Campo Clube) Vice: Lucas Pedrotti (Recreio da Juventude) 2ª Classe Masculino Campeão: Rafael Vagliati (Clube Integração) Vice: Rafael Vieira Coelho (Giovana Campo Clube) 3ª Classe Masculino Campeão: Rodrigo Rivoli (Caça e Pesca) Vice: Guilherme Royer (Avulso) 4ª Classe Masculino Campeão: Vagner Oliveira (Bohrer Sports) Vice: Celso Brune (Clube Integração) 1ª Classe Feminino Campeã: Cailane Dutra (Recreio Cruzeiro) Vice: Eliane Weirich Tusset (Giovana Campo Clube) 2ª Classe Feminino Campeã: Diana Silveiro (Avulso) Vice: Janine Dal Prá (Caça e Pesca) Sênior 35 A Campeão: Jonathan Pessin (Giovana Campo Clube) Vice: Fabiano Bellé (Caça e Pesca) Sênior 35 B Campeão: Áureo Zanotto (Clube Integração)

Vice: Antônio Júnior (Recreio Cruzeiro) 45 Anos Campeão: Gilson Luz (Recreio da Juventude) Vice: Osmar Tusset (Giovana Campo Clube) 55 Anos Campeão: José Toffoli (Caça e Pesca) Vice: Estevão Cichelero (Clube Integração) 10 Anos Masculino Campeão: Bruno H. Boff (Boher Sports) Vice: Henrique Rattis (Giovana Campo Clube)

Classificação do CTSG

1º) Giovana Campo Clube, de Farroupilha: 13.280 pontos 2º) Clube Integração, de Garibaldi: 7.955 pontos 3º) Recreio Cruzeiro, de Caxias do Sul: 5.310 pontos 4º) Clube Caça e Pesca, de Bento Gonçalves: 5.275 pontos 5º) Recreio da Juventude, de Caxias do Sul: 5.160 pontos 6º) Bohrer Sports, de Caxias do Sul: 3.300 7º) Scarparo Tênis, de Caxias do Sul: 1.660 pontos 8º) Clube Juvenil, de Caxias do Sul: 1.460 pontos 9º) Sociedade Aquarius, de Flores da Cunha: 1.225 pontos 10º) Associação Motoristas, de São Marcos: 1.175 pontos 11º) Tênis Clube Santa Teresa, de Vacaria: 625 pontos

Copa Farroupilha tem grupos definidos A temporada 2017 da Liga Farroupilhense de Futsal (LFF) inicia no próximo dia 1º. A partir das 19h, no Ginásio de Esportes do Colégio Nossa Senhora de Lourdes (CNSL) tem início a Copa Farroupilha de Futsal Feminino. De âmbito regional, ela reúne 12 equipes de seis municípios. Os times foram divididos em três Chaves. As partidas acontecem dentro de cada grupo e avançam à fase de quartas de final os dois primeiros, além

dos dois melhores terceiros colocados. A partir daí, as campanhas são niveladas. O 1º enfrenta o 8º, o 2º encara o 7º, o 3º o 6º e o 4º mede forças com o 5º.

O sistema segue em confrontos eliminatórios até a decisão. A rodada de abertura terá três farroupilhenses em quadra: o 1º de Maio, atual campeão

do Citadino de Futsal, enfrenta a AFF; a Valente FC encara a BGF, campeã da Copa Farroupilha; e a Juventus finaliza a noite encarando a Abala.

Copa Farroupilha de Futsal Feminino Chave A

Associação 1º de Maio (Farroupilha) AFF Amigas (Bento Gonçalves) Poco Pica (Carlos Barbosa) Olímpia/AABB (Caxias do Sul)

Chave B

BGF (Bento Gonçalves) Valente FC (Farroupilha) Unidas (Canela) Napoli (Caxias do Sul)

Chave C

Juventus (Farroupilha) Abala (Bento Gonçalves) Estrela (Farroupilha) Fura Bola (Nova Petrópolis)


12

FARROUPILHA, 24 DE MARÇO DE 2017

Alemão endiabrado

Nem bem chegou de Erechim, onde defendia o Ypiranga, Raphael Alemão, 20 anos, já foi a campo na quarta à noite, atuando pelo rubro-verde. E que atuação. O rápido atacante foi o melhor em campo pelo Brasil e infernizou a defesa do Lajeadense. Vertical, deu outra dinâmica ao time, aumentando a agressividade ofensiva. Não bastasse isso, ainda fez um golaço de sem pulo, completando cruzamento de Michel e colocando a bola na gaveta. “Pedi a contratação dele. É um atleta de muito ímpeto, que tem velocidade. Ele pega a bola e já sabe o que fazer. Fiquei satisfeito com sua performance. Tenho certeza que vai nos ajudar muito na competição”, destacou o técnico Paulo Matos. Chegou e foi a campo Jovem Raphael Alemão teve atuação de gala e saiu ovacionado pelo torcedor que foi às Castanheiras apoiar o rubro-verde na quarta

Ramon Cardoso

Mulheres em campo...

Quem pretende ir às Castanheiras domingo, para acompanhar o duelo do Brasil diante do Tupi, uma boa dica é chegar mais cedo. Na Preliminar, o time feminino do rubro-verde fará sua estreia contra o Província, de Caxias do Sul.

...e na arquibancada

Em homenagem ao Dia Internacional da Mulher e Dia da Mulher Farroupilhense, elas têm entrada franca no jogo deste domingo, numa elogiosa ação do Departamento de Marketing do Brasil. Certamente um dia de futebol ainda mais belo nas Castanheiras.

Ingressos e sorteio

As entradas custam R$ 20,00 e R$ 10,00 para estudante e idoso. Sócio-torcedor e menores de 12 anos têm acesso liberado. Em nossa página no Facebook, o Jornal Informante sorteará dois ingressos para o duelo. Fiquem ligados e participem.

Grêmio São Luiz estreia

São três as equipes farroupilhenses envolvidas na disputa do Campeonato Regional Serrano de Escolinhas, competição organizada pela Liga Serrana de Futebol de Campo: o Grêmio Esportivo São Luiz, que estreia neste sábado, às 9h, encarando em casa, no 3º Distrito, o Juventude, nas categorias Sub-11 e Sub-13, a Associação Farroupilha e a AFS, que nasceu em Caxias do Sul, mas passa a atuar em Nova Milano. Os dois últimos vão a campo apenas na semana que vem. São 14 equipes que estão envolvidas na competição, que conta com times do Sub-11, Sub-13, Sub15 e Sub-16, de Farroupilha, Bento Gonçalves, Canela, Carlos Barbosa, Caxias, Garibaldi e Gramado.

Giovana absoluto

O clube farroupilhense mandou bem na 2ª etapa do Circuito (veja na página 11). Vem título nesta temporada?


13

FARROUPILHA, 24 DE MARÇO DE 2017

LIGA PARCERIA DA SERRA

Invictos na 5ª rodada, locais avançam

Resultados da 5ª rodada Chave A

A

metade da fase classificatória da Liga Parceria da Serra (LPS) foi positiva para as equipes de Farroupilha. Até mesmo o Mundo Novo, que não havia vencido ainda na competição, conquistou os primeiros três pontos. Além dele, Gaúcho, Lyon e Titanium triunfaram. Apenas a Jansen não venceu, mas mesmo assim não perdeu, ficou no empate que lhe garantiu a vice-liderança da Chave A, divisão onde o Lyon venceu e está fora da zona de classificação apenas pelos critérios. Na B, o Titanium continua absoluto e o único a manter os 100% de aproveitamento. Sua liderança sequer pode ser ameaçada neste sábado, quando enfrenta o lanterna Tigre. Mas os destaques da 6ª rodada ficam por conta dos enfrentamentos na Chave A. O Lyon, que está em 5º, enfrenta o Parceria, que é 3º, um ponto à frente. A Jansen, vice, encara o Paysandu, que é o 6º, apenas dois pontos atrás, no grupo que está bem equilibrado. Confira resultados, jogos e classificação ao lado.

Chave B

1x2

x

1x1

2x1

2x1

2x1

3x2

2x2

2x1

x

Sábado, às 14h

Sábado, às 16h

x

x

Sábado, às 14h

Sábado, às 16h

Campo do Flamengo, em Linha Amadeu

10 x1

6x2

Gaúcho assume a liderança na Chave A com a Jansen em 2º e Titanium segue absoluto na Chave B

Confrontos da 6ª rodada

Campo do Gaúcho, em Linha Sertorina

x

x

Sábado, às 14h

Sábado, às 16h

Campo do Saletino, em Nossa Senhora da Salete

x

Regulamento Na fase de classificação, as equipes se enfrentam dentro de cada Chave em turno único, habilitando-se à fase de quartas de final os quatro primeiros de cada grupo para definição do cruzamento olímpico (1º de A x 4º de B, 1º de B x 4º de A, 2º de A x 3º de B e 2º de B x 3º de A). A partir daí, duelos em jogo único até a decisão.

Classificação (Chave A)

x

Sábado, às 14h

Sábado, às 16h

Campo da SERC Jansen, em Vila Jansen

x

x

Sábado, às 14h

Sábado, às 16h

Campo do Mundo Novo, no 3º Distrito

Classificação (Chave B)

Equipe

P

J

V

E

D

GM

Equipe

P

J

V

E

D

GM

1) Gaúcho

11

5

3

2

0

20

1) Titanium

15

5

5

0

0

14

2) Jansen

9

5

2

3

0

19

2) O. Santana

11

5

3

2

0

14

3) Parceria FC

9

5

3

0

2

15

3) Amigos da Bola 10

5

3

1

1

19

4) LSC

8

5

2

2

1

13

4) Olimpíacos

10

5

3

1

1

8

5) Lyon

8

5

2

2

1

7

5) Barcelona

8

5

2

2

1

9

6) Paysandu

7

5

2

1

2

7

6) Pôr do Sol

6

5

2

0

3

11

7) Sapucaia

6

5

2

0

3

8

7) Mundo Novo 4

5

1

1

3

6

8) Borussia

5

5

1

2

2

11

8) ABGF

4

5

1

1

3

5

9) Atlético PN

3

5

1

0

4

8

9) Real Rizzo

2

5

0

2

3

7

10) Tandera

3

5

1

0

4

6

10) Tigre

0

5

0

0

5

6

Legenda: P (pontos), J (jogos), V (vitórias), E (empates), D (derrotas) e GM (gols marcados)

Legenda: P (pontos), J (jogos), V (vitórias), E (empates), D (derrotas) e GM (gols marcados)


14

FARROUPILHA, 24 DE MARÇO DE 2017

SEGUNDONA GAÚCHA

Brasil: cirúrgico, dedic Com atuação intensa, equipe farroupilhense ignora desfalques, vence Lajeadense nas Castanheiras e assume a ponta da classificação no Grupo B da Segundona Gaúcha

S

Brasil

eja por cartão, seja por lesão, o Brasil não contava com meio time para encarar o Lajeadense, na quarta à noite, no Estádio das Castanheiras. Quem não acompanha a rotina do clube, diria que os que foram a campo integravam habitualmente a equipe titular. “Sempre falo para os atletas que eles têm que estar preparados. Todos vão jogar. Mais que um time, temos elenco”, declarou o técnico Paulo Matos ao final do duelo. E esse parece mesmo ser o entendimento. Tanto que logo a 1 minuto o rubro-verde saiu em vantagem. Após escanteio cobrado por Gustavinho e desvio de cabeça, a bola sobrou para o volante Maiquel que, na risca da pequena área, fuzilou o goleiro Paulo, abrindo o marcador. Um time que foi cirúrgico durante todo o confronto. O gol obrigou o Lajeadense a atacar e o Brasil a explorar os contra-ataques, quase sempre puxados pelo recém-chegado Raphael Alemão, que infernizou a defesa rival. Vindo do Ypiranga, o atacante teve uma estreia exuberante. Na verdade, todo o time atuou em alto nível. O cenário de vitória parcial rubro-verde se manteve na etapa final, mas

a partida ficou ainda mais franca. Alemão e o centroavante Dinei, em duas investidas, quase ampliaram. Aos 26 minutos, após impedir gol em cruzamento de Emerson Dantas, o goleiro farroupilhense Ismael espalmou como pôde e a bola sobrou para o atacante Maranhão, que havia acabado de entrar, na risca da pequena área. Ele finalizou para o gol vazio e o goleiro rubro-verde operou um milagre efetuando a defesa e impedindo o empate. Três minutos depois, Michel cruzou e Raphael Alemão pegou um lindo sem pulo, de primeira, colocando a bola no ângulo de Paulo. Golaço para ampliar a vantagem do rubro-verde para 2 a 0. Não demorou muito, o atacante saiu, extenuado e ovacionado pela torcida que foi até as Castanheiras, dando lugar a Aldir, artilheiro do Brasil na Segundona e que retornava de lesão. De tanto insistir, o time de Lajeado descontou com o centroavante Flávio Torres, aos 36 minutos, mas o rubro-verde soube segurar a vantagem até o apito final. “Nosso maior problema nem foram os desfalques, mas perder atletas durante o jogo (Gustavinho e Leo saíram lesionados). Foi uma vitória importante, diante de um adversário muito qualificado, uma partida de seis pontos”, comemorou Matos. O resultado colocou o Brasil na liderança do Grupo B da Segundona. Domingo, o rubro-verde atua novamente em casa, quando recebe o Tupi, às 16h, tentando se manter no topo da classificação.


15

FARROUPILHA, 24 DE MARÇO DE 2017

Ramon Cardoso

Resultados da 5ª rodada

cado e líder

2x1

0x2

Castanheiras (Farroupilha)

Vermelhão da Colina (F. Westphalen)

x

0x0

João Marimon (Panambi) *

Rubro-Negro (Crissiumal)

* Realizado após o fechamento desta Edição

Confrontos da 6ª rodada

x

x

Domingo, às 16h Castanheiras (Farroupilha)

Domingo, às 15h30min Vermelhão da Colina (F. Westphalen)

x

x

Domingo, às 16h Arena Alviazul (Lajeado

Domingo, às 18h30min João Marimon (Panambi)

Segundona – Classificação do Grupo B Equipe

Empenho de sobra Volante Capinha e lateral Thomas tentam investida pelo lado direito da defesa do Lajeadense

P

J

V

E

D

GM GS SG

1)

Brasil

9

5

3

0

2

8

7

1

2)

Glória

9

5

2

3

0

3

1

2

3)

União

8

5

2

2

1

3

3

0

4)

Esportivo

7

5

2

1

2

7

4

3

5)

Lajeadense

7

5

2

1

2

6

3

3

6)

São Luiz

6

4

1

3

0

3

2

1

7)

Tupi

2

4

0

2

2

2

9

-7

8)

Panambi

0

3

0

0

3

0

3

-3

Legenda: P (pontos), J (jogos), V (vitórias), E (empates), D (derrotas), GM (gols marcados), GS (gols sofridos) e SG (saldo de gols)


Imagem: Reprodução

INSIDE

Primeiro Carnaval do Moscatel será neste sábado Evento reúne oito vinícolas, vasta gastronomia além de atração musical no ritmo da tradicional folia - Capa

ECONOMIA

VOLUME MÁXIMO

Feira em Nova Petrópolis começa dia 20 de abril e vai contar com 63 expositores Página 6

Histórico álbum dos Beatles completa 50 anos e ganha resenha de Mateus Brites Inside, páginas 8 e 9

Ramon Cardoso

28º Festimalha é Sgt. Pepper’s e sua lançado oficialmente revolução conceitual

POLÍTICA

Previdência pauta sexta no Legislativo

Audiência pública acontece a partir das 19h, em ação da Câmara com a OAB Página 9 e Editorial

SAÚDE

Obra fala sobre as doenças da mama

Médico caxiense Ricardo Antônio Boff lança livro na próxima quinta, na Amecs Saúde, Beleza & Estética

ESPORTE

Com raça de sobra, Brasil vence outra e chega à liderança da Segundona Jogadores celebram gol do volante Maiquel que, logo a 1 minuto, abriu o caminho para triunfo sobre o forte Lajeadense e colocou o rubro-verde no topo do Grupo B da competição estadual - Páginas 14, 15 e Preliminar


Compromisso com a Cidade. Compromisso com você.

FARROUPILHA, 24 DE MARÇO DE 2017

MASTOLOGIA

A visão de um especialista em doenças mamárias Médico caxiense Ricardo Antônio Boff difunde informação para ajudar no enfrentamento das patologias tivamente nas últimas duas décadas”, avalia, fazendo referência ao considerável avanço do segmento e à necessidade de se propagar os dados científicos e as inovações. “Proporcionar informações acerca de todos os espectros que envolvem as doenças da mama, particularmente o câncer, ajudando na conscientização no que se refere ao diagnóstico precoce da doença, assim como em todas as fases do tratamento, objetivando melhorar a qualidade de vida dos pacientes e seus familiares”, aponta como sendo um dos principais motivos de seu trabalho. Outra consideração é de que suas obras, incluindo esta que será lançada, são importantes instrumentos de ajuda, permitindo o enfrentamento de doenças e a superação de dificuldades que, por vezes, parecem intransponíveis. Além disso, aborda uma ampla gama de patologias benignas que também merecem atenção e algumas vezes requerem acompanhamento periódico. Tudo para garantir uma vida com maior qualidade, de olho na saúde e longevidade.

Fábio Grison

Q

uando o assunto é Mastologia, o médico caxiense Ricardo Antônio Boff é uma das referências da área no País, aliás, é um autor reconhecido e, desde 2001, já lançou 11 obras sobre a temática. Atuando há 30 anos no segmento, se configura como um dos maiores especialistas, sendo o autor que mais lança obras sobre o tema na América Latina. Já com o 12º livro finalizado “Doenças da mama: dúvidas frequentes e respostas para uma vida melhor”, seu trabalho foca o diagnóstico e tratamento de doenças como o câncer (saiba mais sobre o lançamento na Contracapa de Saúde). Para Boff, sua atuação é voltada tanto para profissionais quanto para o público em geral, tendo o propósito de difundir e ampliar os conhecimentos sobre a especialidade. “Tanto o acesso à informação quanto a tecnologia aplicada no diagnóstico e tratamento das doenças da mama evoluíram significa-

Referência Ricardo atua há 30 anos no diagnóstico e tratamento de câncer de mama

Sobre o médico Ricardo Boff Graduado em Medicina pela Universidade Federal de Pelotas (UFPel), fez residência em Ginecologia e Obstetrícia no Hospital Materno-Infantil Presidente Vargas, de Porto Alegre. Fez estágios na Inglaterra, Itália e Estados Unidos. É especialista em Mastologia, Mestre em Saúde Pública na área de câncer de mama pela Universidade de São Paulo (USP) e Universidade de Caxias do Sul (UCS). É membro efetivo da Sociedade Americana de Doenças da Mama e da Comissão Nacional do Título de Especialista em Mastologia.


Compromisso com a Cidade. Compromisso com você.

FARROUPILHA, 24 DE MARÇO DE 2017

Tratamentos esté autoestima femin Equipe Espaço da Beleza *

N

o mês de março, a mulher é celebrada mundialmente por sua beleza, seu poder e tudo o que a faz maravilhosa. Às vezes é bom fazê-la lembrar-se do seu encanto, já que nem sempre ela sabe disso. O mercado oferece muitas alternativas que ajudam no bem estar. Algumas opções atuam como foco no rejuvenescimento e perda de medidas corporais. É aqui onde entram os tratamentos estéticos, já que são ótimos aliados das mulheres na hora de aumentar a autoestima. Atualmente existem diversos procedimentos que não precisam de um bisturi para ser realizados e que têm resultados excelentes.

Tipos de tratamentos estéticos

* Drenagem linfática: estimula a circulação e melhora o aspecto de inchaço causado pela concentração de fluídos corporais. * Power Shape: utilizado principalmente no tratamento da celulite. * Radiofrequência: esse tratamento tem vários objetivos,

os mais importantes são me de estrias, cicatrizes proven * Criolipólise: excelente res * Depilação a Laser: utilizad pelos de alguma área do co * Eletroestimulação: serve p reduzir a flacidez e até trata * Limpeza de pele por sucç

Para tudo isso, é imprescindí relativa! Uma pessoa que tem b nhecer seu próprio valor e sentirTer autoestima é questão de vo si próprio e de gostar de si mesm pelo que pensa sobre si. O que v Assim, cada pessoa tem su para ajudar a realçar o que ca nos visitar e conhecer o que tem amar cada dia mais!

* Espaço da Beleza Centro E Independência, 555 – Centro Fone (54) 3268-5511


Compromisso com a Cidade. Compromisso com você.

FARROUPILHA, 24 DE MARÇO DE 2017

éticos e a téticos e a nina minina

elhorar a flacidez e aparência nientes de acne, entre outros. são melhorar a flacidez e aparência na gordura localizada. ssultado provenientes de acne, entre outros. da para remover ente resultado na os gordura localizada. orpo desde a raiz. : utilizada para remover os para fortalecer a musculatura, a do corpo desde a raiz. a celulite. :arserve para fortalecer a musculatura, ção: limpaasem agredir a pele. até tratar celulite.

Divulgação

or sucção: limpa sem agredir a pele. ível ter um equilíbrio. A beleza é boa autoestima é capaz de recorescindível ter um equilíbrio. A beleza é amada e aceita pelos outros.de recoe-se tem boa autoestima é capaz ontade, de querer, de aceitar e sentir-se amada e aceita pelosa outros. mo.deCada pessoa responsável ão vontade, de équerer, de aceitar a você pensar Cada é o que você será. si mesmo. pessoa é responsável uas qualidades e estamos aqui será. O que você pensar é o que você ada um tem de melhor! Venha tem suas qualidades e estamos aqui mos você se Venha quepara cadaoferecer um tempara de melhor! que temos para oferecer para você se

Estético o de Farroupilha Centro Estético

– Centro de Farroupilha 1

De bem com o espelho Tratamentos ajudam a realçar e valorizar o que cada um tem de melhor


Compromisso com a Cidade. Compromisso com você.

FARROUPILHA, 24 DE MARÇO DE 2017

PUBLICAÇÃO

Mastologia como tema Médico Ricardo Antônio Boff, de Caxias do Sul, lança obra na quinta Imagem: Reprodução

“D

oenças da mama: dúvidas frequentes e respostas para uma vida melhor” é o livro que será lançado na próxima semana pelo médico Ricardo Antônio Boff. Haverá sessão de autógrafos na quinta, às 19h30min, com coquetel para convidados na sede da Associação Médica de Caxias do Sul (Amecs). Esta é a 12ª obra do autor sobre prevenção e tratamento de doenças mamárias que atingem mulheres, buscando despertar mudanças de hábitos e atitudes com relação ao diagnóstico precoce. Por meio de perguntas e respostas, o livro apresenta esclarecimentos das dúvidas mais frequentes, incluindo o câncer. Traz 244 questionamentos respondidos por especialistas. Publicado pela Lorigraf Gráfica e Editora, tem 356 páginas e o valor é R$ 40,00. A publicação foi coeditada pelos médicos Virgilio Sacchini, Antonio Luiz Frasson, Alexandre Campos De Carli, Lourenço Sehbe De Carli, Fabrício Palermo Brenelli, Felipe Zanol Sauer, Gustavo Zambrano Torre, André Borba Reiriz, Rita de Cássia Costamilan e Alberto Olavo Advíncula Reis, tendo ainda colaboração de 59 profissionais.

Lançamento Livro tem participação de diversos especialistas

Programe-se O que: lançamento e sessão de autógrafos do livro “Doenças da mama: dúvidas frequentes e respostas para uma vida melhor” Quando: próxima quinta, às 19h30min Onde: Amecs (Marquês do Herval, 1.344, em Caxias do Sul)


Moda

Farroupilha’s Center lança coleção outono/ inverno 2017 em desfile na próxima terça Página 3

Inside

Sétima Arte

Maior da história, Meryl Streep encarna cantora lírica desafinada em obra de Stephen Frears Páginas 10 e 11

GASTRONOMIA

Carnaval do Moscatel neste sábado Primeira edição da festa, que celebra produção local, inclui amplo cardápio de comidas e bebidas e atração musical bo, Tonini e Perini. A festa também vai contar com a animação da banda caxiense Musical Imagem, com músicas dançantes e marchinhas de Carnaval. Além disso, serão distribuídas máscaras, serpentinas e confetes. Haverá um espaço kids, com brinquedos e monitores disponíveis para atender as crianças. Os ingressos custam R$ 150,00 e incluem consumação livre e uma taça personalizada. Eles podem ser adquiridos na Secretaria de Turismo e Cultura (Praça Emancipação, s/nº) ou pelo site sympla.com.br. O Carnaval do Moscatel é uma realização da Associação Farroupilhense de Produtores de Vinhos, Espumantes, Sucos e Derivados (Afavin), Confraria Feminina do Vinho e Espumante de Farroupilha e Prefeitura.

Programe-se O que: 1º Carnaval do Moscatel Quando: sábado, às 20h Onde: Centro Municipal de Eventos Mario Bianchi Quanto: R$ 150,00 por pessoa

Prefeitura de Farroupilha

A

inda é Carnaval em Farroupilha. A tradicional festa brasileira se mistura com a cultura local na primeira edição do Carnaval do Moscatel, que será realizada no neste sábado, às 20h, no Centro Municipal de Eventos Mário Bianchi, junto ao Parque Cinquentenário. Além do cardápio amplo de doces e salgados, o evento vai oferecer degustação de vinhos e espumantes. Farroupilha é o município com maior produção de uva moscato do Brasil, responsável por 51% da produção nacional da fruta. Participam oito vinícolas: Adega Chesini, Basso Vinhos e Espumantes, Cave Antiga Vitivinícola, Cooperativa São João, Cappelletti, Colom-

Um brinde ao Carnaval Oito vinículas participarão do evento de estreia neste sábado à noite

Confira o cardápio Doces tradicionais, finos, gourmet e personalizados (25 sabores) Croissants doces (dois sabores) Croissants salgados (três sabores) Tortelettes (três sabores) Salgados fritos (13 sabores)

Salgados assados (quatro sabores) Mini pizzas (três sabores) Empadas (quatro sabores) Quiches (quatro sabores) Barquetes e panelinhas (quatro tipos) Mini-folhados (dois sabores)


Inside

2

FARROUPILHA, 24 DE MARÇO DE 2017

Cinemas Divulgação

Shopping Iguatemi (RST-453, quilômetro 3,5) Cinemas GNC 1: Bugigangue no Espaço - às 13h40min e 15h40min GNC 1: Internet: O Filme - às 17h40min e 19h40min GNC 1: Kong: A Ilha da Caveira - às 21h45min GNC 2: A Bela e a Fera - às 14h, 16h40min e 21h50min (dublado), 19h20min (legendado) GNC 3: Fragmentado - às 14h30min e 19h30min (dublado), 17h e 22h (legendado) GNC 4: A Bela e a Fera - às 13h30min, 16h e 18h50min (dublado e em 3d), 21h20min (legendado e em 3d) GNC 5: Power Rangers - às 14h10min e 19h (dublado), 16h30min e 21h40min (legendado) GNC 6: Logan - às 13h20min e 18h40min (dublado), 16h e 21h30min (legendado) Ingressos: segunda, quarta e quinta (exceto feriado) a R$ 20,00 e R$ 26,00 (salas 3d); terça (exceto feriado) R$ 14,00 e R$ 18,00 (salas 3d); sexta a domingo e feriado a R$ 25,00 e R$ 32,00 (salas 3d). Meia entrada todos os dias para menores de 18 anos e maiores de 60 (mediante apresentação de identidade), estudantes (mediante apresentação de Carteira de Identificação Estudantil) e para o Movie Club Preferencial.

Shopping San Pelegrino (Avenida Rio Branco, 425) Cinépolis 1: A Bela e a Fera - às 13h15min e 19h15min (dublado e em 3d), 16h e 22h (legendado e em 3d) Cinépolis 2: Logan - às 13h e 18h45min (dublado), 15h45min e 21h35min (legendado) Cinépolis 3: Power Rangers - às 13h30min, 16h15min e 19h (dublado), 21h45min (legendado) Cinépolis 4: Fragmentado - às 14h e 19h30min (dublado), 16h30min e 22h10min (legendado) Cinépolis 5: A Bela e a Fera - às 12h, 15h15min e 21h15min (dublado e em 3d), 18h (legendado e em 3d) Cinépolis 6: Power Rangers - às 12h30min (legendado) e 18h (dublado) Cinépolis 6: Kong: A Ilha da Caveira - às 15h30min (dublado e em 3d), 20h45min (legendado e em 3d) Ingressos: nas salas tradicionais, segunda a R$ 20,00; terça e quarta (exceto feriado) a R$ 14,00; quinta a R$ 24,00; sexta a domingo e feriado a R$ 25,00. Nas salas 3d, segunda a R$ 27,00; terça e quarta (exceto feriado) a R$ 18,00; quinta a R$ 30,00; sexta a domingo e feriado a R$ 31,00.

Sala de Cinema Ulysses Geremia (Luiz Antunes, 312) Matinê às 3: Sob o Sol da Toscana - quinta, às 15h Ingressos: R$ 10,00 e R$ 5,00 (estudantes e sênior)

Um pouco transtornado Ator escocês James McAvoy é o protagonista do novo thriller psicológico do cineasta indiano M. Night Shyamalan, onde assume nada menos do que 23 personalidades: suspense entra em circuito comercial


Inside

FARROUPILHA, 24 DE MARÇO DE 2017

3

Moda TENDÊNCIAS NA PASSARELA

Desfile apresenta tendências para o outono/inverno Evento realizado pelo Farroupilha’s Center vai contar com a participação de 50 lojas e a presença da atriz Carol Nakamura Silas Abreu

O

desfile de lançamento da coleção de outono/inverno 2017 do Shopping de atacado Farroupilha’s Center será na próxima terça, às 10h. Cerca de 50 lojas vão apresentar suas coleções no evento, que esse ano vai contar com a participação da atriz Carol Nakamura, que recentemente estava no ar na novela Sol Nascente, da Rede Globo. Segundo a produtora de moda do desfile, Isabel Fahrion, a principal inspiração para a produção desse ano foi o Navy Peony, um azul marinho profundo, eleito pela pantone com uma das principais cores da estação do frio esse ano e que, segundo a produtora, remete ao céu estrelado das noites de inverno. Isabel destaca a presença de algumas peças na passarela, como as malhas e as jaquetas. “Com influência arte nouveau e art déco, predominam as estampas florais e os padrões geométricos. É uma tendência fortíssima nas malhas, que vêm renovadas nessa temporada, com fios mais grossos e pontos trabalhados, muitas vezes remetem ao tricô hand made dos países nórdicos. As puff jackets, jaquetas de nylon tradi-

Passarela Tradicional desfile do Farroupilha’s Center mostra coleções das lojas que integram o shopping

cionais usadas em esportes na neve, vêm em diferentes modelagens e propostas: nas padronagens do matelassê, nos zíperes e detalhes em pele”, explica. Ela também reforça que as peles estarão muito presentes na

moda inverno 2017, principalmente nos detalhes. Como principal peça da temporada, ela ressalta a capa, que vai aparecer na maioria das coleções. Ela será a principal tendência, com ou sem ca-

puz e em diversos modelos. O público que desejar assistir o desfile do Farroupilha’s Center deve confirmar presença pelo fone (54) 21096565. O shopping vai oferecer café da manhã e almoço como cortesia.


Inside

4

Crônicas da Redação Ramon Cardoso

ramon@jornalinformante.com.br

Engraçado, trágico e real, livro de Fiuza é uma síntese das trapalhadas da esquerda

SEXTA

Parque Musical Parque dos Pinheiros, às 18h Atração: Escola Maria Carolina

SÁBADO Parque Musical Parque dos Pinheiros, às 17h Atração: Banda Municipal Especial Raimundos e Charlie Brown Muinho (Marechal Floriano Peixoto 190), às 23h Atração: banda Long John

DOMINGO Parque Musical Parque dos Pinheiros, às 16h Atração: Liziane Ruffato O Grande Anestesiasta Praça Dante Alighieri, às 15h30min e às 17h Atração: Grupo de teatro A Gangorra Adelir Rech

Se para entender história do Rio Grande do Sul basta a qualquer estudante ler a antológica obra “O Tempo e o Vento”, de Erico Veríssimo, provavelmente (e deixando bairrismos de lado) a maior da Literatura nacional, para entender a chegada da esquerda ao poder e o aparelhamento de todas as estruturas do Estado para sua manutenção no posto a qualquer custo, basta ler o ótimo “O Império do Oprimido”, do jornalista Guilherme Fiuza. Li a obra no último fim de semana. O livro é hilário e ao mesmo tempo muito triste, por ser desgraçadamente real. A paródia com o governo Lula poderia ser classificada como uma espécie de compêndio de ilicitudes, que foram implementadas aos poucos, sem grandes objeções, já que havia uma condescendência e até certa tolerância com o primeiro governo de esquerda da história brasileira. Vale lembrar, um governo decente, honesto e íntegro, na propaganda oficial. Eu mesmo fui condescendente e, embora não tenha votado em Lula, não achei que seria o fim do mundo a esquerda assumir o poder. Foi. E o mundo não acabou por pouco. Se Dilma leva sua gestão, que fez picadinho da Lei de Responsabilidade Fiscal, até o fim, eram os brasileiros que cruzariam a fronteira rumo à Venezuela. A obra de Fiuza trata, em sua quase totalidade, do primeiro mandato de Lula, mas não há muita diferença para seu segundo e para o primeiro da mulher sapiens. O modus operandi é o mesmo. A grande maioria das ações encontra-se facilmente tipificada no Código Penal. É crime atrás de crime. Relembrar os nefastos episódios e vê-los condensados é ainda mais chocante, até mesmo para quem acompanhou de perto a realidade. As barbáries estão compiladas e seus protagonistas, muitos deles prestes a serem encarcerados, são facilmente identificáveis, o que não deixa de ser um deboche, uma ridicularização pública dos que se apropriaram do Estado. O livro de Fiuza é devastador por um aspecto em particular, que é melhor percebido quando a leitura é encerrada e é feita uma difícil tentativa de digerir o indigesto conteúdo. Sua obra mostra, basicamente, o dano gerado na gestão do País quando este cai nas mãos de gente criminosa, desonesta e inepta. Sempre vivemos essa realidade, mas a partir de 2003 ela passou a viger em escala industrial. Se fosse possível traçar um paralelo, O Império do Oprimido disseca a recente política brasileira mais ou menos como “Tropa de Elite” fez com a polícia fluminense. Terá um alcance ainda maior quando virar filme. O roteiro está pré-cozido. Mas mesmo que não chegue à telona, ver figuras odiosas da política nacional esculachadas com classe, ironia e sofisticação, mostrando o quanto são desprezíveis, já valeu e muito a pena. Resenha do livro na seção Primeiro Parágrafo da próxima sexta, acompanhada de matéria com Fiuza no Inside. Não deixem de conferir.

Agenda

FARROUPILHA, 24 DE MARÇO DE 2017


Inside

FARROUPILHA, 24 DE MARÇO DE 2017

Música

Paulo Roque Gasparetto prgasparetto@terra.com.br

Inscrições para o Festival de Bandas são prorrogadas Divulgação/Secretaria de Turismo

Evento faz parte da programação da Maratona Cultural, que acontece dia 8 de abril, no Parque dos Pinheiros

Música daqui Oito grupos farroupilhenses serão selecionados para se apresentar

A

5

Maratona Cultural de Farroupilha está se aproximando, e com ela a 1ª edição do Festival de Bandas. Os grupos musicais farroupilhenses que desejarem participar ainda podem se candidatar, pois as inscrições foram prorrogadas até o dia 31 de março. O objetivo é valorizar os talentos locais. Para participar, o grupo deve preencher a ficha de inscrição e enviar vídeo de uma apresentação. Em seguida, eles serão postados no YouTube e será aberta

votação popular. A oito bandas dos vídeos mais curtidos vão se apresentar no Festival, com duas músicas, no dia 8 de abril, às 20h, no Parque dos Pinheiros. Os grupos participantes irão concorrer a três brindes que serão sorteados: a gravação de uma trilha musical, um violão e um workshop de música. A 5ª Maratona Cultura vai contar com 12h consecutivas de atrações gratuitas, com apresentações musicais e de dança durante o dia todo. A programação completa e o regulamento do Festival de Bandas estão disponíveis no site www.farroupilha.rs.gov.br.

Minha Água Nesta semana, mais precisamente na última quarta, no dia 22 de março, celebramos o Dia Mundial da Água. Um momento especial dentro da Campanha da Fraternidade que tem como o tema: “Fraternidade: biomas brasileiros e defesa da vida”, e o lema é inspirado no texto do Livro do Gênesis 2,15: “Cultivar e guardar a criação”. Já foram oito campanhas sobre a ecologia e meio ambiente, com temas: preservar o que é de todos; terra e povos indígenas; Amazônia; água, a vida no planeta; saneamento básico e biomas brasileiros. Neste sentido, uma oportunidade de fazer uma prece agradecida por essa irmã querida e dom tão precioso de Deus, podemos assumir o compromisso de cuidar bem e defender esse tesouro precioso da abundância de água em nosso Brasil. Devemos lembrar sempre dá importância deste recurso natural, como devemos cuidar de nossa água, as maneiras de economizar e também como reaproveitar a água. Sabemos que uma das coisas mais importantes, sem a qual não poderíamos viver, é a água. O nosso corpo praticamente é água. Quando olhamos a Bíblia percebemos muitas passagens que se referem à água como vida. O Evangelho do último final de semana nos colocava a passagem em que Jesus chegava a uma cidade de Samaria e sentou-se perto de um poço. Naquele momento apareceu uma mulher samaritana para buscar água. Jesus pediu-lhe um pouco de água. A mulher espantou-se que um judeu falasse com ela. Naquele momento inicia-se um lindo diálogo e Jesus lhe mostra uma outra água: a “água da vida”. O mundo de hoje necessita cuidar da água para que não venha faltar para as gerações futuras, mas também precisa dessa “água da verdadeira fonte” que só Jesus pode nos dar. Existem muitas “fontes com água estragada” nesse mundo ou fontes secas. A fonte do poço de Deus jamais seca. É necessário ter a sintonia com a natureza. Quem não se liga com o mundo da natureza faz dela um instrumento de lucro e de ganância. Suga tudo o que pode. Nessa direção, estamos no tempo da Quaresma. Tempo de conversão. Só progride no amadurecimento da vida quem se sente e se sabe pecador. O pecado é o rompimento do relacionamento, nós e Deus, com a vida, com toda a criação e com as pessoas. O pecado é essencialmente romper com a paz e a unidade, com o amor e a harmonia. Cuidemos da água porque o Senhor mesmo nos diz: “Rios de água da vida vão jorrar do coração de quem crê em mim”. * Pároco da Paróquia Sagrado Coração de Jesus e doutor em Comunicação


Gabriel Feltes

O

Atração

Gabrieli Brollo e Alison Salomoni em clima de felizes para sempre no seu casamento, que aconteceu no sábado, no Espaço Novalle, em Bento Gonçalves

Sesc promove mais um evento bacana na cidade. Nesta vez ocorre o espetáculo humorístico Manotas Musicais, com o Grupo Trampolim, no próximo dia 3. No enredo dois palhaços trazem a música clássica para o palco, para abrilhantar a performance. A classificação do teatro é livre e a entrada franca. Para participar basta retirar a cortesia na instituição.

Tributo

Leonardo Weissheimer e Ana Paula Deluchi Boz confirmaram sua união na Igreja Matriz São Pedro Apóstolo, em Gramado, no último dia 11. Após, em reunião intimista, os convidados foram recepcionados no Hotel Saint Andrews, na mesma cidade

No sábado o Muinho recebe o Especial Raimundos & Charlie Brown Jr. Os guris da banda farroupilhense Long John trazem os sucessos destas duas referências brasileiras para o palco da casa. A discotecagem é do DJ Cris D.

Fashion

Camila Baschera Gonzalez Zinn e Kassio Zinn curtiram recente férias pela Europa. Na foto visitam a Torre Eiffel, em Paris

Anderson Tibes

Arquivo Pessoal

A empresária caxiense Gilvana Hoffmann organiza o coquetel de coleção Inverno 2017 da multimarcas de calçados e acessórios que ela comanda, a Gstore. O evento está marcado para a próxima sexta, a partir das 19h30min, no endereço da loja, no Shopping Iguatemi, onde será apresentada a campanha “Eu Sou Gstore”.

Catiane da Silva e Diego Viturazi trocaram alianças no sábado e receberam seus convidados para uma bela festa no Salão da Sociedade do Bairro Medianeira, assinada pela cerimonialista Denise Balbinot Colombo. No dia seguinte o casal embarcou para lua-de-mel em Cancún


Beatriz Gasperin

Edson Pereira

Camila Dall’Onder Trentin recebeu o carinho dos pais Claudio e Eliane, das manas Aline e Karine e dos sobrinhos Pedro Arthur e Maria Eduarda pela conquista da graduação em Administração, pela Faculdade CNEC

Música

Fique por Dentro

Andrei Cardoso

O grupo Marcelo Fabro Quinteto tem agenda marcada para tocar no Mississipi Delta Blues Bar, em Caxias do Sul, na próxima quarta. No repertório os moços trazem o melhor do Jazz, Blues e Soul, a partir das 21h.

Preparativos

Bruna Dambros e Leandro Biazus estão contando os dias para oficializar sua união. O casamento tão esperado acontecerá no dia 8 de abril no Santuário de Nossa Senhora de Caravaggio. A recepção ocorre no Centro de Eventos Mário Bianchi, com buffet sob direção de Dirceu Dalla Riva e cerimonial assinado por Denise Balbinot Colombo. Divulgação

Rodrigo Tonin e Alexandra Bernardi celebraram união no último sábado, na Igreja Matriz. Após a cerimônia, os convidados foram recepcionados na casa de Liziane Tonin e Mario Valentim Tonin, os pais do noivo

A empresária Jordana Gaviraghi promoveu um piquenique solidário para celebrar os 5 anos de seu Centro de Fisioterapia Muovere. Na ocasião foram arrecadados mais de 120 quilos de donativos


Inside

8

Fabrício Oliboni fabrioliboni@gmail.com

Aleatoriedades em desenhos

* Agente de intercâmbio e bacharel em Relações Internacionais

Volume Máximo

A banda fictícia que revolucionou o mundo completa 50 anos Se passando por outra banda, os Beatles conseguiram mudar para sempre conceitos no mundo Pop Mateus Brites Especial para o Jornal Informante

O

oitavo disco de estúdio dos Beatles não entrou para a história apenas por ser um marco na carreira da banda. Nem por ter sido o primeiro álbum de Rock a ganhar o Grammy na categoria Álbum do Ano. Muito menos pelo enorme sucesso comercial e crítico alcançando 27 semanas seguidas o topo das paradas britânicas e 15 o das americanas. O enigmático Sgt Pepper’s Lonely Hearts Club Band fez, no mínimo, duas coisas que ninguém até então conseguiria imaginar: superou a criatividade dos próprios Beatles e mudou a direção da música Pop para sempre. Após todo o barulho que a beatlemania havia causado no mundo, os Beatles resolveram se afastar dos palcos. Notavam que muitos iam aos seus shows apenas para ver o grupo que estava revolucionando a música e não para ouvir. Isso os deixava um tanto quanto intrigados, afinal eram ótimos músicos e queriam cada vez mais experimentar em suas composições. Álbuns como o Rubber Soul (1965) e o Revolver (1966), já estavam dando esse indicativo. A banda não precisava provar mais nada a ninguém e começou a apostar nessas experimentações. Fez com que

os discos de Rock deixassem de ser apenas um apanhado de hits, tendo início, meio e fim. Começaram a cuidar mais da parte artística, da capa, do encarte. Músicas com mais de 10 minutos, uma afronta aos que pediam por hits radiofônicos, eram recorrentes. Além da diversificação de instrumentos. Guitarra, baixo, bateria e teclado eram pouco para tamanha efervescência criativa. Sendo assim, como se fosse possível, sumiram dos holofotes. E voltaram com um disco de uma banda fictícia, sendo ali seu alter ego tocando, não mais os próprios Beatles. É como se o álbum inteiro girasse em torno do mesmo tema. Os cabelos que eles haviam popularizado, já não faziam mais parte daquilo. As roupas militares, porém psicodélicas, mostravam que os terninhos haviam ficado para trás. A capa é algo que até hoje chama a atenção e consegue ser moderna, uma obra de arte. Tudo indicava que aquele não era um álbum comum. E quando o mundo colocou a agulha para girar a bolacha, teve certeza que ali estava acontecendo um momento histórico. O disco abre dando boas vindas ao ouvinte com a apresentação da banda em forma de música. Sons ambientes dão o tom e começa ali, meio que ao vivo a Sgt Pepper’s Lonely Hearts Club Band. Ela parece não terminar, pois emenda direto na segunda faixa, outra iniciativa beatle no mundo pop. A música “With A Little Help From My Friends”

Adelir Rech

Uma esponja que vive no fundo do mar. Ela usa uma calça jeans quadrada, mora em um abacaxi e tem como melhor amigo uma estrela do mar. Importante ressaltar que tal esponja trabalha em uma lancheria, vendendo hambúrgueres de siri. Um bando de ursos que tem como residência... nuvens, e literalmente, não metaforicamente falando. Um dos ursos usa bandana, o que é o mais normal, considerando que o poder desses fofos mamíferos animados é soltar arco-íris através de suas barrigas. Ursos que soltam raios coloridos pela barriga. Tive que escrever novamente, porque é surreal pra... caramba. Dois exemplos de desenhos. “Bob Esponja” e “Ursinhos Carinhosos”, caso alguém não os conheça, o que acho pouco provável, mas né. Eu poderia usar trocentos outros desenhos, filmes e séries. Falei um pouco de ambos apenas para uma simples reflexão a respeito de onde vem essas ideias. Uma das coisas que mais admiro em uma pessoa é a sua capacidade de ser criativo (a). Nesses dois casos podemos ver que essas ideias não são nada convencionais. Longe disso. Um desenho sobre uma esponja marítima e outro sobre ursos defensores de uma nuvem. Sem entrar nos méritos de qualidade, vou me ater à questão das ideias, de onde elas vieram, intuito, processo criativo e por aí vai. Aliás, apenas pensei de forma aleatória nesse aspecto aleatório e criativo dos desenhos animados. É algo um tanto quanto fascinante e curioso. Tipo, o que os (as) criadores (as) de tais ideias, personagens e situações estavam pensando na hora que a lâmpada acesa desses devaneios surgiu acima de suas cabeças. Fui contaminado e caprichei no devaneio nessa última frase, o que atesta que isso é contagioso. Enfim, o que se passava nas mentes dessa galera ao criar algo tão fora da caixa? Os ursos de bandanas com barrigas de canhões de energia é algo que não faço a mínima ideia de onde vem. Parece bem anos 80, e algo que veio de um sonho muito chapado. Por que eles moravam em nuvens? Qual é a graça de morar em uma nuvem? Um desenho sobre uma esponja é algo mais sério. É uma das coisas mais surreais já escritas em qualquer mídia. É quase uma viagem lisérgica em um mundo alternativo. Não bastasse a criatividade louvável na criação de personagens tão carismáticos e peculiares, o bônus é que a esponja protagonista (essa é uma frase estranha) usa uma calça jeans. É um golpe de misericórdia no trivial, por mais absurdo que seja, e a qualidade da produção garante a longevidade do mesmo na cultura pop do século XXI. Ser original é cada vez mais difícil hoje em dia. Não há um método infalível que faça brotar ideias boas, até porque fica na subjetividade o que se enquadra como bom ou ruim. O que falta, às vezes, é simplesmente arriscar, ter a cara dura de acreditar em algo e apostar no seu potencial. Acredito que os caras que deram o pontapé inicial nesses dois desenhos tinham noção de que o que tinham em mente não era nada comum, mas descobriram na prática que a recepção foi ótima. Antes que fique muito sério, declaro como encerrada essa coluna falando sobre Bob Esponja e Ursinhos Carinhosos. Fim.

FARROUPILHA, 24 DE MARÇO DE 2017


Inside

FARROUPILHA, 24 DE MARÇO DE 2017

9

Dolores Maggioni

Volume Máximo

doloresmaggioni@terra.com.br

Imagem: Reprodução

Outono: uma metáfora de nós mesmos

Ficha Técnica Álbum Sgt. Pepper’s Lonely Hearts Club Band Banda Beatles Ano de Lançamento 1967 Produção George Martin Estúdio EMI e Regent Sound Studio Gravadora Parlophone Records

é cantada por Ringo e ganhou uma linda releitura por Joe Cocker (entrando como tema de abertura da série Anos Incríveis). Logo em seguida vem a lisérgica “Lucy In The Sky With Diamonds”, que foi acusada de fazer apologia ao uso de LSD por causa de suas iniciais. O ouvinte é surpreendido a cada faixa. As texturas, os efeitos, a forma de composição das músicas fez com que todas as outras bandas da época parassem o que estavam fazendo para tentar entender como que era dali pra frente. Brian Wilson, dos Beach Boys, que o diga. Depois de toda essa experiência sonora, o disco parece fechar com uma reprise da primeira música,

porém com a banda se despedindo do grande público. Mas, estamos falando de Beatles e é sempre bom esperar por algo a mais. Entra em ação aquela que, quem sabe, consegue definir melhor o disco e o ano de 1967: “A Day In The Life”. A música muda de tom, de andamento, começa apenas com violão, mas passa também por uma orquestra, não tem um refrão bem definido, etc. É realmente difícil descrevê-la, assim como o ano do seu lançamento. Mais fácil é colocar o disco para tocar e tentar absorver o que os Beatles fizeram há 50 anos. Tudo o que veio a seguir, se inspirou no Sgt Peppers, mas ninguém mais conseguiu fazer o mesmo com o mundo musical.

Cinco curiosidades sobre o disco 1) Além de Álbum do Ano, o disco também levou o Grammy de Melhor Capa. 2) A capa e as músicas trazem diversas histórias subliminares sobre a famosa “morte” de Paul McCartney. 3) Três dias após o lançamento, os Beatles foram assistir a um show de um guitarrista americano que estava chamando a atenção em Londres. Sabendo disso, o músico abriu seu show

com a primeira canção do Sgt Peppers, um ato de coragem. O nome dele? Jimi Hendrix. 4) Para quebrar o gelo entre os Beatles, seus convidados (entre eles os Rolling Stones) e os músicos da orquestra contratada para A Day In The Life, John Lennon apareceu na gravação com máscaras e artefatos de circo para todos. 5) O disco levou mais de 700 horas para ser gravado, algo inédito para a época.

Espero com certo anelo a chegada do outono. As noites chegam mais cedo, sempre acompanhadas por uma escuridão fria; as manhãs trazem consigo aquela brisa suave. Durante o dia o sol mostra-se tímido. Sempre hesitante, a luz é um facho morno que impregna percepções sensíveis. É a estação dos meus desejos poéticos. Sinto que o outono está chegando. Suas marcas são inconfundíveis. A natureza ostenta todo o seu esplendor. Pela tardinha o céu veste uma túnica de um rosa acentuado, alternando suas nuances com um ouro incandescente. O ar vai ficando mais ameno e seus braços de brisa mansa fazem cintilar as folhas das árvores, sob a nova coloração dos céus. O outono é tranquilo, introspectivo, chama ao recolhimento e à meditação. É um convite ao pensamento. O outono é mais uma estação mais da alma do que da natureza. É uma segunda primavera onde cada folha é uma flor. O que é bonito enche os olhos de lágrimas. Um banho de perfume exala dos eucaliptos, fazendo cócegas na epiderme que se arrepia de prazer. O capim gordura sopra delicadamente suas hastes floridas; as florescências outonais se deixam acariciar pela brisa, pelo passeio das nuvens, pela orquestra regida pela cantiga dos riachos, pelo zumbido dos insetos, pelo voo dos pássaros e pelos ventos sonoros, mais parecidos com o movimento “andante” de uma sinfonia. A cantilena outonal embriaga os sentidos. É terno, o outono. Não há ansiedades andando pelos campos. Não há raivas navegando pelas nuvens. Não há medos dissonando o pio dos pássaros. A natureza respira calma e simplicidade. Os olhos contemplam o que tem acontecido por milhares de anos. Por milhares de anos esta florescência se repete. O crepúsculo e o outono nos fazem retornar à nossa verdade. Dizem o que somos. Metáforas de nós mesmos, eles nos fazem lembrar que somos seres crepusculares, outonais. Quando, ao sol que se põe, os rios ficam cor de rosa e um leve tremor percorre os campos de trigo, parece surgir uma súplica de felicidade... uma súplica de degustar o encanto de estar no mundo. Cada momento é único... como algo que nunca mais se repetirá... como quem colhe o crepúsculo antes que se quebre a corrente de prata e se despedace a taça de ouro... Muitos rebanhos de anseios passaram por esta estação de sonhos; passaram e nunca mais voltaram. Desapareceram no Rio do Tempo. O Rio do Tempo faz todas as coisas desaparecerem; iguais às nossas turbulências, também destinadas a serem tragadas pelas suas águas. Nos sentimos importantes demais para prestar atenção à voz do Rio. E junto com o tamanho da nossa importância, deixamos de escutar a sinfonia da natureza. Cada regato, cada nuvem, cada coruja, cada capim, cada vento, cada pessoa é parte de uma Harmonia Universal. O outono nos ensina esta lição: é preciso adotar a humildade dos pássaros e das flores. O verão está nos acenando em despedida. Com esta despedida chegará o outono, este caminhante melancólico que prepara admiravelmente o solene adágio do inverno. E quando o inverno chegar, teremos a impressão que o outono morreu. Mas suas sementes já foram espalhadas. A primavera vai voltar e com ela a alegria das cigarras e das borboletas. É assim que acontece com o Rio do Tempo. Ele é circular. O que foi perdido, retorna. O que vem vindo é o que já foi. * Escritora


Inside

10

FARROUPILHA, 24 DE MARÇO DE 2017

Sétima Arte

Exuberante... até mesmo desafinada Se Florence Foster Jenkins foi uma catástrofe absoluta como cantora lírica, Meryl Streep eleva seu cartaz pela natural condescendência reservada às lendas Divulgação

A

inda faltava, no vasto currículo de Meryl Streep, interpretações no campo musical. Em dois anos, a questão foi resolvida. Se no ano passado ela interpretou a excêntrica roqueira Ricki Rendazzo em “Ricki and The Flash” e cantou muito bem (uma espécie de Chrissie Hynde, do Pretenders), agora fez o caminho inverso desafinando como Florence Foster Jenkins. A música sempre foi a razão de viver de Florence. Filha de um rico banqueiro, ela herda uma fortuna, funda seu próprio teatro e estimula e incentiva a produção musical clássica na Nova Iorque da primeira metade do século passado. O falecimento de seu pai, de certa forma, permitiu que ela tivesse condição de investir no setor que tanto amava e, mais tarde, em sua própria carreira. Após conferir a apresentação notável de uma soprano, ela debate a possibilidade de voltar a cantar com o esposo St. Clair Bayfield (Hugh Grant), que não cria objeções ao desejo de Florence. Conhecedor que era do amor que a companheira nutria pela música e de seu terrível passado, que pode voltar a atormentá-la e cobrar um preço caro a qualquer instante, Bayfield acaba concordando com Florence. Para isso, contrata o jovem pianista Cosmé McMoon (Simon Helberg), um sujeito pra lá de esquisito, mas que tinha certo talento para o piano e acaba caindo nas graças de Florence. O maestro Carlo Edwards (David Haig) também é contratado para ministrar aulas de canto. Apesar de ter plena consciência da catástrofe que era

A Diva do Grito: a alcunha pela qual Florence (Meryl Streep) ficou conhecida deixa bem claro sua completa inaptidão para a música


Inside

FARROUPILHA, 24 DE MARÇO DE 2017

11

Sétima Arte sua aluna, ele não deixa de elogiá-la a todo instante, o que gera um problema imediato. Tendo o renomado maestro em boa conta e um marido superprotetor que não diz nada para contrariá-la, Florence toma coragem para realizar apresentações públicas. No fundo, Bayfield sabe que a esposa é uma péssima cantora, mas por conta de seu problema e por um peso na consciência, acaba anuindo com sua ideia e fará de tudo para blindá-la, até onde

isso pode ser possível. Preocupado com a situação, McMoon até tenta dissuadir Bayfield, temendo que sua aparição junto a Florence soterre qualquer possibilidade de seu futuro como pianista, mas ele é muito bem remunerado e depende do dinheiro. Sua performance, cheia de trejeitos, onde o terror de ter a carreira arruinada pela colega de palco está muito presente, é hilária. A blindagem de Bayfield, embora alicerçada nas melhores intenções,

encoraja ainda mais Florence, que passa a atuar de maneira independente no cenário musical da cidade a ponto de conseguir uma apresentação no prestigiado Carnegie Hall. Não resta a menor dúvida, será o ponto alto de sua carreira. Florence também vale pela direção do talentoso diretor britânico Stephen Frears (Ligações Perigosas, Coisas Belas e Sujas e A Rainha). Seu trabalho ao lado de Meryl enriquece ainda mais o currículo dos dois.

Por sua atuação em “Florence”, Meryl Streep acabou indicada ao Globo de Ouro e Oscar. Foi sua 29ª indicação ao prêmio conferido pela imprensa estrangeira que cobre Hollywood. Desta vez ela não levou, mas já faturou oito Globos. No Oscar

foi sua 20ª indicação e é detentora de três estatuetas. Nos números, apenas é superada por Katherine Hepburn, que faturou quatro Oscars. Neste ano, a lendária atriz completa 40 anos de carreira. São mais de 60 filmes no currículo em que ence-

na praticamente todo o tipo de papel, com destaque para alguns dramas que sedimentaram sua trajetória. Tivemos muito trabalho, mas selecionamos 20 filmes indispensáveis e que ajudam a explicar porque Meryl Streep é a maior da história do cinema.

A maior de todos os tempos

Vinte filmes de Meryl Streep

Julia O Franco-Atirador Manhattan Kramer Versus Kramer A Mulher do Tenente Francês A Escolha de Sofia Entre Dois Amores A Casa dos Espíritos As Pontes de Madison As Filhas de Marvin A Dança das Paixões Música do Coração As Horas Inteligência Artificial Adaptação O Diabo Veste Prada Leões e Cordeiros Mamma Mia Dúvida A Dama de Ferro Dois papéis recentes e icônicos da lenda: a temida editora de moda Miranda Priestly e a premier britânica Margaret Thatcher

Fotos: Divulgação

Florence Direção Stephen Frears Roteiro Nicholas Martin Gênero Comédia Duração 110 minutos País Estados Unidos Inglaterra Ano de produção 2016 Estúdio Pathé! BBC Films Distribuição Imagem Filmes


12

Horóscopo Áries - 21/03 a 20/04

Um excelente semana para trabalho em equipe e uso da criatividade. Lembrando que o planeta Vênus está retrógrado em seu signo, o que indica reavaliações emocionais e nas relações. Momento em que você deve agir com muita ética e cooperação.

Touro - 21/04 a 20/05

Um excelente semana para o trabalho e realizações dos taurinos. O uso da inventividade e do poder de iniciativa está enfatizado. Momento de profundas reavaliações com fortes lições de autoestima e amor-próprio.

Gêmeos - 21/05 a 20/06

Momento interessante para contato com pessoas que estão distantes, geminiano. Retomada de assuntos pendentes do passado que são necessários resolver. Cuidado com a imposição inflexível dos seus pontos de vista que gera atritos nos relacionamentos.

Câncer - 21/06 a 20/07

Excelente semana para a cooperação e união de pessoas em torno de um objetivo comum. Resultados materiais e profissionais interessantes podem ocorrer neste momento. Retorno de antigos projetos e contatos profissionais interessantes.

Leão - 21/07 a 22/08

Semana que enfatiza os relacionamentos e as amizades dos nativos de Leão. Momento oportuno para repensar seus pontos de vista sobre amor e relacionamento. A ética, diplomacia e tolerância são essenciais para resolver conflitos.

Vírgem - 23/08 a 22/09

Semana que favorece o trabalho e a criatividade dos virginianos. Uma visão mística é essencial para compreender o significado de saúde. Métodos alternativos e técnicas inconvencionais fazem bem ao corpo e a uma vida mais saudável.

Libra - 23/09 a 22/10

A Lua está se movendo no setor afetivo e criativo dos librianos. Semana com boas perspectivas ligadas à inventividade, criatividade e inovação. Retorno de situações anteriores de suas relações, é necessário resolvê-las com calma.

Escorpião - 23/10 a 21/11

Semana importante para a interiorização, reflexão e observação dos escorpianos. Questões familiares, emocionais e profissionais estão em pauta. Procedimentos estéticos não são aconselhados nesta fase em que Vênus está retrógrado.

Sagitário - 22/11 a 21/12

Semana que favorece contatos e uma expressão positiva de suas capacidades. O inusitado e o inconvencional podem se fazer presentes nos seus contatos. Atenção com decisões e escolhas e suas consequências sobre os relacionamentos.

Capricórnio - 22/12 a 20/01

Semana interessante para explorar seus potenciais criativos. Reflexões sobre o que tem valor e como você está lidando com o dinheiro. Reavaliação de projetos de parcerias profissionais caracteriza o atual momento.

Aquário - 21/01 a 19/02

A Lua está se movimentando em seu signo, simbolizando a importância das emoções e da sensibilidade. Forte desejo de independência, autonomia e novas experiências. Cuidado com pontos de vista muito dogmáticos e inflexíveis.

Peixes - 20/02 a 20/03

Semana em que a intuição e as emoções dos piscianos estão enfatizadas. Possibilidade de atritos envolvendo acordos e contratos. Momento em que você deve ponderar para tomar as melhores decisões, pisciano.

Inside

FARROUPILHA, 24 DE MARÇO DE 2017


VENDO TERRENO de esquina com 1.377m² a uma quadra da rodoviária e do centro de compras. F. 99118-1642. VENDO TERRENO central em Arroio do Sal a uma quadra do mar. F.99118-1642. ALUGA-SE APARTAMENTO semi-novo, direto com proprietária. Configurado por três dormitórios. Box de garagem com portão eletrônico. Sala, banheiro, cozinha, escritório e duas sacadas. Localizado na Av. Independência no Bairro São Luiz. Telefone para contato: 99951-3583 / 3268-1062.

CORSA 1.0 MPFI 8V 2004 VERMELHA

16.800,00

GOL 1.0 MI 8V FLEX 4P 2015 VERMELHA

31.800,00

PALIO WEEKEND 1.0 4P 2000 BRANCA

11.800,00

CERATO 1.6 EX2 SEDAN 4P 2013 PRETA

53.800,00

GOL 1.6 MI TRENDLINE 8V 2013 BRANCA

34.000,00

SILVERADO 4.2 DLX 4X2 1998 BRANCA

ZAFIRA 2.0 MPFI CD 8V 4P 2003 AZUL

consulte

23.800,00

COROLLA 1.8 SE-G 16V 2009 PRETA

consulte

GOL 1.0 MI 16V 4P 2003 VERMELHA

10.800,00

CELTA SUPER 1.0 VHC 4P 2003 BRANCA

12.800,00

DOBLÓ 1.8 MPI 16V FLEX 4P 2007 PRATA

consulte

CORSA 1.0 MPFI SUPER 4P 1997 VERDE

9.800,00

FOCUS 1.6 GL 8V FLEX 4P 2017 PRATA

consulte

CITY 1.5 LX 16V FLEX 4P 2010 PRATA

consulte

PALIO 1.0 MPI FIRE 8V 2P 2005 AZUL

13.800,00


VENDE-SE TERRENO de Cooperativa com 106 parcelas pagas. Área de terra comprada. Localizada na saída para o Salto Ventoso. APENAS R$ 9.300,00 Tratar com José, fone (54) 99925-2068. VENDO terreno de Cooperativa com área definida. Valor R$ 35.000,00 F.: 991181642.


ALUGO CASA NA PRAIA NO MUNICÍPIO ARROIO DO SAL, BALNEÁRIO ATLÂNTICO, HÁ UMA QUADRA DO MAR, TODA EM ALVENARIA COM 02 SUÍTES, MAIS UM BANHEIRO COMPLETO, ACOMODA SETE PESSOAS, PÁTIO GRANDE FECHADO COM MUITA SOMBRA, PERTO DE SUPERMERCADO, SORVETERIA, RESTAURANTE, POSTO DE SAÚDE. DIRETO COM O PROPRIETÁRIO, OLAVO (54) 99972-6708 – BENTO GONÇALVES/RS. Aluga-se apartamento no Centro da cidade com área privativa de 105m², com três quartos, sala, cozinha, área de serviço, despensa, água quente, dois banheiros, sacada, excelente posição solar e com dois boxes de garagem. Tratar diretamente com o proprietário pelo fone (54) 3261-3263, pela manhã.


Edição 478  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you