Page 1

FARROUPILHA

|

ANO X

| E D I Ç Ã O 477

| 17 D E M A R Ç O D E 2 017 |

R$ 3,00

Mulher Farroupilhense

Lourdes Maria Refosco, Anita Maioli Pasqual, Claudia Bassanesi Maggioni, Katia Maria Rössler Roncatto, Devilda Marmentini Biazoli, Elaine Mareli Giuliato e Eda Maria Bombardelli Malinverno receberam Certificado Mulher Destaque 2017 no Legislativo Caderno Especial Dia da Mulher Farroupilhense e Editorial

Ramon Cardoso

Todos os méritos à


2

FARROUPILHA, 17 DE MARÇO DE 2017

APAHAND/UCS

Volta do esporte de alto rendimento Farroupilha passa a contar com time de handebol feminino na parceria entre prefeitura, UCS e Grendene No final de 2016, em conversa mantida com o secretário Francis Casali (atualmente no Turismo e Cultura e à época na pasta de Gestão e Governo), foram iniciadas tratativas para que a equipe retornasse à ativa, desenvolvendo uma atividade junto a escolas do município e realizando algumas partidas na cidade, mas ainda assim faltava um patrocinador que viabilizasse a participação na Liga, até a Grendene apostar no projeto. “Nosso objetivo é fazer com que Farroupilha tenha cada vez mais alicerçada essa cultura do esporte, agora com o handebol. Vamos desenvolver clínicas nas escolas do município para fomentar a modalidade, realizar treinos específicos e jogos na cidade buscando uma integração com a comunidade, para que todos se envolvam com o handebol”, destacou Citton.

Ramon Cardoso

E

xceção feita ao Brasil, Farroupilha não contava com uma equipe profissional no esporte desde o encerramento das atividades da Cortiana/ UCS/AFF, em 2010. Neste ano, além do rubro-verde, o município também terá a Associação de Pais e Amigos do Handebol (Apahand/UCS) como representante na Liga Nacional. A Apahand nasceu na UCS em 2004, com forma de projetar o esporte de alto rendimento na modalidade, por meio da iniciativa do professor e técnico Gabriel Citton, que há 20 anos trabalha com o esporte na UCS. A equipe disputou a Liga Nacional de 2009 a 2015 e foi semifinalista em 2010 e 2013. No ano passado, por falta de patrocínio, a equipe não disputou a competição.

Parceria consolidada Rudimar Dall’Onder, presidente da Grendene, o professor Evaldo Kuiava, reitor da UCS, o prefeito Claiton Gonçalves e o técnico Gabriel Citton: largada do novo projeto


3

FARROUPILHA, 17 DE MARÇO DE 2017

APAHAND/UCS

Uma parceria em três frentes

R

eitor da UCS, Kuiava esteve no lançamento e fez questão de enaltecer a parceria feita com a prefeitura e a Grendene. Ele apontou o caminho como fundamental para desenvolver esse tipo de iniciativa. “Poder público, empresa e universidade, essa é uma tríade de sucesso. Nós, enquanto universidade, não temos recursos suficientes para investir na área, mas apoiamos e sabemos que o esporte cumpre um papel social, educativo e formador importante. Essas parcerias fazem a diferença. Tenho certeza que esse é um case de referência e será um

exemplo de sucesso para todos nós”, comentou o reitor da UCS. O prefeito também seguiu na mesma linha. “O esporte é a forma mais digna e rápida de formação cidadã. Farroupilha se coloca à disposição do projeto, que levará o nome do município para todo o Brasil. Que esta parceria tenha uma vida longa”, desejou Claiton. Rudimar Dall’Onder, presidente da Grendene, também esteve prestigiando o evento, bem como as empresárias Ariane Pistorello e Sandra Vergani, da Open Desing de Interiores, que também são patrocinadoras, assim como a Marcopolo e a Belga Matrizes. A Mar Um será a fornecedora de material esportivo. A Liga Nacional ainda não

tem data definida, mas começa no segundo semestre. Até lá, Clínicas de Handebol serão desenvolvidas pela Apahand em escolas do município, atingindo até 7 mil alunos. A meta é, já para o próximo ano, criar uma equipe farroupilhense na categoria Mirim e registrá-la junto à Federação Gaúcha de Handebol para participar de competições. A maior parte dos treinos da Apahand acontecerá na UCS, mas alguns serão feitos na cidade, como forma de integrar a equipe à comunidade. A direção da equipe também está em negociação com o Saturno para mandar algumas partidas da Liga em Farroupilha. Em contrapartida ao apoio recebido, os jogos

terão entrada franca. Além disso, a Apahand também ficará responsável pela arbitragem dos Jogos Estudantis de Farroupilha (JEF), isentando a prefeitura da despesa.

Força feminina As atletas Laís, Stefanny, Kassiane e Nadine e as empresárias Ariane e Sandra (ao centro), da Open Design de Interiores: a retomada da Apahand/UCS


4

FARROUPILHA, 17 DE MARÇO DE 2017

Mulheres farroupilhenses representadas Como de costume, a sessão solene em homenagem à mulher farroupilhense lotou as dependências da Casa Legislativa Lidovino Antônio Fanton. O evento abriu a semana e remete ao Dia da Mulher Farroupilhense, que na verdade é todo dia, mas que é celebrado oficialmente neste sábado.

No tradicional atividade, sete representantes, uma escolhida por cada bancada, foram destacadas para receber o Certificado Mulher Destaque 2017 e todas acabaram se emocionando e, da mesma forma, emocionando os presentes ao falarem sobre suas trajetórias.

As jornadas de Anita, Claudia, Devilda, Eda, Elaine, Katia e Lourdes, de certa forma, sintetizam os caminhos de Camilas, Danielas, Marias, Nicoles, Rafaelas, Patrícias e Vanessas. Na verdade, por meio das homenageadas, todas as farroupilhenses foram, de certa forma, reconhecidas.

Além do Caderno Especial da Mulher Farroupilhense, que integra esta Edição, nosso logotipo presta uma singela homenagem a estas bravas guerreiras que, com beleza, força e graça contribuem e muito para tornar essa terra um lugar especial. Porque todo dia é Dia da Mulher Farroupilhense.

Opinião

O amor me deixa aberto à novidade do encontro Ezequiel Dal Pozzo * O amor é a força mais fantástica da existência humana. É o primeiro argumento da vida, o valor mais universal e a rima mais perfeita com realização humana e felicidade. Não há vida humana sem amor. Não há crescimento, não há sentido, não há família, não há cor nem alegria onde falta o amor. Onde ele não existe falta tudo. Ele é a maior e a melhor resposta para as interrogações mais profundas da existência. Sobre ele já foi dito e sempre se diz muita coisa, dos mais diversos pontos de vista. O amor é uma experiência universal e a linguagem que marca a existência de todo ser humano. O amor precisa ser cuidado. Como precisamos acompanhar o crescimento de um ser humano, que nasce frágil e todo necessitado de cuidados, o amor precisa de cuidado para crescer.

Ele está presente em todo ser humano como possibilidade. O cuidado aparece como atitude fundamental para que o amor se torne uma realidade presente e transparente nas pessoas. Onde não existe cuidado, que já é expressão do amor, pode crescer violência, indiferença, fortalecimento da agressividade e força de morte. Nisso, se compreende, sob um aspecto, o fato de existirem pessoas más, agressivas e violentas. O cuidado no amor possibilita o fortalecimento de pessoas que amam e cuidam. No cuidado o amor cresce, porque ele é uma arte que se aprende. Ninguém nasce sabendo amar. Tudo se aprende na vida. O amor também está no ser humano como possibilidade. Por isso, ele precisa de cuidado, de formação e decisão. O amor é a necessidade de sair de si mesmo. O ser humano é o ser do encontro. Não é possível alguém encontrar sentido para a vida isolando-

Índice

Editorial

Matéria Especial .................................... Páginas 2 e 3 Editorial e Opinião................................ Página 4 Economia .................................................. Páginas 6 e 7 Cidade ........................................................ Páginas 8 e 9 Política ..................................................... Página 10 Educação .................................................. Página 11 Esporte ..................................................... Páginas 12 a 15

Inside

Especial..................................................... Capa Cinemas ..................................................... Página 2 Música ....................................................... Páginas 3 e 8 Gustavo Pimentel ................................... Página 4 Agenda....................................................... Página 4 Pintura...................................................... Página 5 Guilherme Macalossi ............................ Página 5 Social ........................................................ Páginas 6 e 7 Armando Wartha.................................... Página 8 Evento ....................................................... Página 9 Lauro Edson Da Cás ............................... Página 9 Sétima Arte .............................................. Páginas 10 e 11 Horóscopo ............................................... Contracapa Saúde, Beleza & Estética...................... 4 páginas Dia da Mulher Farroupilhense .......... 8 páginas Classificados .......................................... 8 páginas Construção, Decoração & REFORMA... 16 páginas

-se, vivendo somente no seu mundo de trabalho e preocupações. A pessoa que ama, carrega em si uma força interior, que a projeta ao encontro de outras pessoas, de novas realidades e de novos sonhos. Pensemos juntos para ver se encontramos uma realidade mais bonita do que o fato de ter pessoas que nos amam e que podemos amar! O isolamento mata a vida e o sentido. Se somos seres do encontro, cada um poderá, olhando ao seu redor, perceber a qualidade dos encontros que vive. Como são os meus encontros com as pessoas que estão mais próximas a mim, na minha família, no meu trabalho, no clube, no futebol, na pizza, nos momentos de gratuidade? Para que haja encontro precisa haver face a face, precisa existir palavra, olhar e atenção. No encontro, quando há saída de mim mesmo em direção ao outro, descubro que a outra pessoa é um mistério infinito, a quem

REDAÇÃO - REDACAO@JORNALINFORMANTE.COM.BR ALANA BOF ALANA@JORNALINFORMANTE.COM.BR DANIEL RUFATTO DANIEL@JORNALINFORMANTE.COM.BR JULIANA INÊS CASA BARBIERI JULIANA@JORNALINFORMANTE.COM.BR RAMON CARDOSO RAMON@JORNALINFORMANTE.COM.BR ROCHELI CAMARGO ROCHELI@JORNALINFORMANTE.COM.BR

devo respeito e amor. Ora, assim dá para dizer que nem todos os encontros são de verdade encontros verdadeiros. Há pessoas que simplesmente estão junto de outras. O encontro só acontece quando acontece a saída de mim mesmo em direção ao outro. Na saída existe amor. A outra pessoa passa então a povoar a minha existência, com sua história, com suas experiências, suas alegrias e preocupações. Pode ser que o outro não se torne, por isso, amigo. Não é esse o caso. O fato é que quando eu sou uma pessoa aberta, não isolada, não somente preocupado com minhas coisas e meu mundo, eu passo a enriquecer o outro com a minha vida. E nisso também encontro sentido para viver. A minha felicidade se constrói nessa troca. Por isso, dá para dizer que isolar-se é também fechar-se ao amor. * Padre

FINANCEIRO - FINANCEIRO@JORNALINFORMANTE.COM.BR KELI DE ALMEIDA MACIEL KELI@JORNALINFORMANTE.COM.BR

LOGÍSTICA - LOGISTICA@JORNALINFORMANTE.COM.BR LUIZ CARLOS DE ANDRADE LUIZ@JORNALINFORMANTE.COM.BR

ASSINATURAS - ASSINATURAS@JORNALINFORMANTE.COM.BR

COMERCIAL - COMERCIAL@JORNALINFORMANTE.COM.BR

ASSINATURA BIENAL: R$ 220,00 ASSINATURA ANUAL: R$ 120,00

TELEFONES

FABIANO LUIZ GASPERIN GASPERIN@JORNALINFORMANTE.COM.BR MARCOS MARTINS MARTINS@JORNALINFORMANTE.COM.BR MARIA DA GRAÇA POTRICOS LEITE MARIA@JORNALINFORMANTE.COM.BR PAULA ANDRESSA DOS SANTOS LAGO PAULA@JORNALINFORMANTE.COM.BR VALÉRIA GASPERIN VALERIA@JORNALINFORMANTE.COM.BR

(54) 3401-3200 / (54) 3401-3201 (54) 3401-3202 / (54) 3401-3203

ENDEREÇO RUA DR. JAIME ROMEU RÖSSLER, 348, BAIRRO PLANALTO

COLUNISTAS

ANÚNCIOS - ANÚNCIOS@JORNALINFORMANTE.COM.BR ALEXANDRE FRANCISCO MACHADO ALEXANDRE@JORNALINFORMANTE.COM.BR MARCELO BORTAGARAY MELLO MARCELO@JORNALINFORMANTE.COM.BR TIAGO RODRIGUES DA SILVA TIAGO@JORNALINFORMANTE.COM.BR

ARMANDO WARTHA CRÔNICAS DA REDAÇÃO DOLORES MAGGIONI FABRÍCIO OLIBONI GUILHERME MACALOSSI GUSTAVO PIMENTEL LAURO EDSON DA CÁS PAULO ROQUE GASPARETTO

@PaperInformante www.jornalinformante.com.br

/jornalinformante


5

FARROUPILHA, 17 DE MARÇO DE 2017

A culpa é da Justiça do Trabalho? Daniela Vasconcellos Gomes *

R

ecentemente, o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, declarou que “a Justiça do Trabalho não deveria existir”, pois os juízes do trabalho tomariam decisões irresponsáveis, e que o excesso de regras trabalhistas teria gerado 14 milhões de desempregados. É inegável que o desemprego aumentou substancialmente nos últimos meses, mas tal fato é resultado da profunda crise econômica e política vivida pelo País, e não pode ser atribuída simplesmente a uma importante instituição, a qual presta relevante serviço à sociedade desde sua criação, em 1941. Nesse sentido, a declaração do presidente do Tribunal Superior do Trabalho, Ives Gandra Martins da Silva Filho, após ter conhecimento da declaração de Rodrigo Maia, bem sintetiza a questão: “A tendência mundial é a de especialização dos ramos do Judiciário, e a Justiça do Trabalho tem prestado relevantíssimos serviços à sociedade, pacificando greves e conflitos sociais com sua vocação conciliatória. Não é demais lembrar que não se pode julgar e condenar qualquer instituição pelos eventuais excessos de alguns de seus integrantes, pois com eles não se confunde e, se assim fosse, nenhuma mereceria existir”.

Além disso, embora parte da sociedade atribua caráter demasiadamente protecionista à Justiça do Trabalho, esta não é a realidade do cotidiano forense trabalhista, em que a maior parte dos pleitos estão relacionados a direitos básicos dos trabalhadores que não foram pagos por suas empregadoras. Como exemplo, podemos utilizar o município de Caxias do Sul, de cerca de 500.000 habitantes, e que dados recentes apontam o ingresso de cerca de 1.000 ações trabalhistas ao mês. O número pode parecer alto, mas destas ações, 80% buscam o pagamento das verbas devidas nas rescisões de contrato. Ou seja, muitas empresas não têm conseguido pagar os direitos trabalhistas no momento da demissão dos funcionários ou buscam ganhar tempo para fazê-lo. Parte da sociedade clama por uma reforma trabalhista, mas não são os direitos trabalhistas ou a Justiça do Trabalho os responsáveis pela crise econômica vivida atualmente, e sim a crise política causada pela imoralidade de muitos agentes públicos, e a alta carga tributária, que eleva o custo de cada trabalhador para a empresa. Não é a remuneração do trabalhador que onera a empresa, e sim os altos tributos devidos para o desenvolvimento da atividade empresarial, aliado à falta de retorno para a sociedade dos tributos pagos. * Advogada (OAB/RS 58.090)


6

FARROUPILHA, 17 DE MARÇO DE 2017

Finanças Máquinas Sazi vence o Lançamentos Fimec

28ª Festimalha tem lançamento oficial na próxima terça

O Hotel Vila Verde, em Nova Petrópolis, é palco de lançamento para a nova edição da Festimalha, na próxima terça pela manhã. O evento, que está em sua 28ª edição, ocorre de 20 de abril a 28 de maio, de quintas a domingos, além do feriado do Dia do Trabalho, 1º de maio, que cai em uma segunda, no Centro de Eventos de Nova Petrópolis, das 10h às 19h. A promoção é da Associação Comercial e Industrial de Nova Petrópolis.

Brasil precisa de novos rumos Presidente da FIERGS analisou panorama econômico e político nacional

“P

recisamos trilhar na direção certa, com o mínimo de acidentes políticos”, apontou Heitor José Müller, presidente da Federação das Indústrias do Estado do Rio Grande do Sul (FIERGS) que palestrou no Almoçando com a CICS desta quinta, no Restaurante Parque dos Pinheiros. Para o palestrante, a situação brasileira vem de um emaranhado político que envolve as inseguranças da área, incluindo a Lava Jato e seus desdobramentos mas, no contraponto, há sinais positivos de que o Brasil está reagindo: os juros estão baixando, a inflação caiu mais do que o esperado inicialmente, com taxa de 4% ao ano e, a partir de algumas reformas, a expectativa é de melhorias. O presidente analisou que a crise brasileira resulta também de desacertos na economia como, por exemplo, a antecipação de vendas a partir de juros baratos que incentivou o consumo imediato e estagnou em seguida, freando todo o segmento. Lembrou de uma pesquisa estadunidense que analisou 80 Países no quesito melhor para se empreender e o Brasil ocupou a 63ª posição. No levantamento, em qualidade de vida é o 58º. Fez questão de falar ainda sobre o Rio Grande do Sul. “O Estado público não cabe mais no nosso PIB. Ou aumentamos o PIB ou encolhemos o Estado. Nos unimos e ajudamos o Rio Grande do Sul a sair dessa calamidade ou não vamos ser dignos de usar o dito ‘Sigam

Alana Bof

Promovida pelo jornal Exclusivo e revista Lançamentos, do Grupo Sinos, com o objetivo de reconhecer as empresas expositoras da 41ª Fimec, o Prêmio Lançamentos chegou à sua 14ª edição e, entre os premiados, a farroupilhense Máquinas Sazi, que venceu na categoria Máquinas para Calçados. A entrega aconteceu na terça à noite, em cerimônia realizada no Restaurante Panorâmico da Fenac, em Novo Hamburgo.

ALMOÇANDO COM A CICS

Reajustes econômicos Müller considerou que o País enfrenta sua maior recessão

nossas façanhas’, como está no Hino”, expôs o empresário, dizendo que o Estado está bem, mas as finanças públicas é que vão muito mal. Müller apontou quatro aspectos que precisam ser alterados na economia brasileira: aumento de impostos que não eleva receita fiscal porque há a sobrecarga e com ela vem a sonegação; reajuste artificial de salários que acaba gerando desemprego; aumento nominal de renda porque é preciso remunerar pela quantidade de serviços prestados e não por homens que o executam; e a inflação, que reduz o consumo, o emprego e ainda fecha fábricas.


7

FARROUPILHA, 17 DE MARÇO DE 2017

INOVAÇÃO

Aplicativo Garupa vai iniciar serviços na Serra Gaúcha No estilo do Uber, app gaúcho começa a operar ainda em março em seis cidades Alana Bof

U

m aplicativo de transporte totalmente gaúcho está prestes a estrear na serra. O Garupa será um app no estilo do Uber, mas com alguns diferenciais. As operações vão iniciar na última semana de março em seis cidades, com mais de 250 motoristas já cadastrados, inclusive Farroupilha, que já conta com cerca de 10. “É um aplicativo totalmente construído no Rio Grande do Sul, por três empresas. Por isso, é mais fácil para nós entendermos as necessidades da população local. Nós temos essa sensibilidade para oferecer um serviço mais aprimorado”, comenta o diretor-executivo do Garupa, João Marcondes Vargas Trindade. Não haverá, por exemplo, elevação dos preços nos horários de pico, a chamada tarifa dinâmica. O valor da corrida será calculado de acordo com o tempo e a distância, com tarifa mínima de R$ 7,00. Só serão aceitos pagamentos no cartão. Além disso, o aplicativo vai trazer algumas inovações. Além do tradicional transporte de passageiros,

Aplicativo gaúcho Garupa vai operar, inicialmente, em seis cidades da Serra Gaúcha, incluindo Farroupilha

vai oferecer o serviço de transporte de animais de pequeno porte e de objetos. Também vai contar com a ação de agentes facilitadoras nas ruas das cidades. “O uso de smartphone é

muito comum hoje em dia, mas algumas pessoas ainda não têm o domínio para manusear aplicativos. As facilitadoras vão apresentar o Garupa e explicar o funcionamento”, explica Marcondes.

Para os motoristas que desejam se cadastrar, existem alguns pré-requisitos como não ter antecedentes criminais, apresentar comprovante de endereço e ter um veículo em boas con-

dições de uso, com quatro portas e ar condicionado, por exemplo. Mais informações podem ser obtidas no site Garupa. co ou pelo fone (51) 3231 -0106.


8

FARROUPILHA, 17 DE MARÇO DE 2017

CAMPANHA

Cabeleira solidária Mobilização deste domingo coleta mechas para produção de perucas Divulgação

E

studantes resolveram fazer mais do que lamentar o fato da amiga de 16 anos estar com câncer. Resolveram se mobilizar para criar o Cabelaço, que será neste domingo, na Escola Carlos Fetter, das 15h às 19h. Haverá corte de cabelo para doação dos fios que serão transformados em perucas e repassados a quem está em tratamento contra o câncer. Também serão coletados lenços para serem utilizados como adereços. Para doar é preciso ter comprimento mínimo de 15 centímetros de cabelo e os fios devem estar lavados. Valem os naturais e com tintura. As doações serão encaminhadas ao Hospital Geral, de Caxias do Sul.

Ação do bem Tiélen Jenifer Girelli, Angélica Stefan Ditadi e Djenifer do Amarante são as organizadoras do Cabelaço

Programe-se O que: Cabelaço – Doando cabelos para quem não tem Quando: domingo, das 15h às 19h Onde: Escola Estadual Carlos Fetter (RST 453, quilômetro 119, bairro Nova Vicenza) Quanto: gratuito, coleta doações de cabelos e lenços

Alguém quer me adotar? ONG dos Peludos

Mascarada é fêmea, tem três meses e espera por um lar onde possa ser feliz. Interessados em conhecê-la podem manter contato pelos fones 999.386.360 (também por WhatsApp) ou 992.122.466.


9

FARROUPILHA, 17 DE MARÇO DE 2017

CULTURA

Reestruturação da EPM é alvo de protesto Alunos e ex-alunos fazem manifesto contra mudanças na instituição, anunciadas pelo pode público no início do ano Alana Bof alana@jornalinformate.com.br da desse ponto de vista. “Nós entendemos que a prioridade das vagas deve ser para cidadãos de Farroupilha. Se sobrar vagas, podemos atender outros municípios, se não sobrar, atenderemos só os alunos daqui”, explica. A caxiense Juliette Bavaresco era aluna da escola e estava presente no protesto. Para ela, a administração pública está sucateando o projeto. “Eu recebia aula de graça com professores de renome. Mas a gente dava uma contrapartida, dava aula para os alunos iniciantes, sob supervisão dos nossos professores. Era um sistema autossustentável. A única preocupação era a música de qualidade”, frisou Juliette, que lamentou as mudanças. Outra reforma que motivou a revolta foi a extinção do curso MPB/Jazz, que era mais profissionalizante. “O plano pedagógico no modelo antigo era muito bom e muito abrangente. Comparando com uma escola tradicional, é como se tivesse ensino desde a alfabetização até um curso de especialização. Mas, com o tempo isso se torna insustentável pela demanda de infraestrutura, de docentes e econômica. Até agora a escola se manteve com subsídios, mas chegou no ponto de insustentabilidade”, explica o atual diretor administrativo da EPM, Alexandre Broilo. Segundo ele a reestruturação era necessária. A farroupilhense Marijane Moroni, que também estava presente na manifestação, cobrou explicações das autoridades. Ela estuda na escola há dois anos e não compreende a motivação das mudanças. Acredita que faltou um diálogo mais direto com os alunos. “Quando eu entrei estava

tudo certo e agora mudou tudo. Até agora podia ter gente de outros municípios, e depois que ele (o prefeito) foi eleito, por que não pode mais? Antes era 12 anos de estudo, agora vão ser só quatro, reduziu muito”, comenta Marijane. Durante o protesto, o ex-diretor da Amamus também acusou o prefeito Claiton Gonçalves de sonegar tributos. “O prefeito criou a Amamus com o objetivo de não pagar todos os direitos trabalhistas dos professores. Sonegar tributos que são direitos deles. Mediante a minha exigência de que se cumprisse esses pagamentos, eles pediram que eu me afastasse da Associação”, declarou Veloso. Ele anunciou que vai protocolar denúncia no Ministério Público. Em nota oficial, a prefeitura informou que “a grade curricular passará por uma reformulação, visando um curso mais rápido e que atenda mais alunos da cidade, sem abrir mão da qualidade reconhecidamente atribuída à Escola, que já foi premiada em diversas ocasiões”, e acrescentou que “os protestos e as manifestação são livres e a Prefeitura respeita sua realização”.

Alana Bof

O

frio fora de época não foi o único fator que tornou a última segunda incomum em Farroupilha. Na manhã, o dia começou com uma movimentação estranha na esquina da Casa de Cultura. Primeiro, uma faixa preta foi pendurada nas grades do local. Em seguida, algumas pessoas começaram a se reunir, ouviu-se o som de instrumentos musicais e pessoas gritando palavras de ordem. Os acontecimentos fizeram parte de um protesto de alguns alunos e ex-alunos da Escola Pública de Música (EPM) de Farroupilha, inconformados com as mudanças na instituição, anunciadas pelo governo municipal no início deste ano. Na faixa estavam os dizeres: “Luto. Aqui JAZZ uma escola de música”. O organizador da manifestação foi o ex-presidente da Amamus, Daniel Veloso, que escolheu a data por ser o primeiro dia do período de rematrículas na Escola. “Nós não vamos aceitar nenhum direito a menos. Como a escola vai promover a cidadania se começa a segmentar o público? O prefeito utilizou a escola em sua campanha eleitoral e descumpriu suas promessas”, declarou Veloso. Entre as principais mudanças promovidas pela prefeitura está a de não permitir a rematrícula de alunos de fora do município. Para Veloso, a decisão é inaceitável. Segundo ele, como a EPM recebe, além de investimentos municipais, recursos da União, todo cidadão brasileiro deveria ter direito de frequentar a escola. Secretário de Turismo e Cultura, Francis Casali discor-

Veloso protesta na Casa de Cultura Ex-diretor da Amamus não se conforma com a reforma estrutural da EPM

Obituário 10 de março Antônio Carlos da Silva, 47 anos. Sepultamento no Cemitério Público Municipal 11 de março Osmilda Dallagnol Jauer, 63 anos. Sepultamento no cemitério da Capela São José, em Sete Colônias (4º Distrito); Irto dos Santos, 48 anos. Sepultamento no Cemitério Público Municipal

12 de março Valério Orlandin, 50 anos. Sepultamento no Cemitério Público Municipal 14 de março Alfredo Voschnack de Miranda, 88 anos. Sepultamento no Cemitério Público Municipal; Cedenir Zeferino Maffei, 69 anos. Sepultamento no Cemitério Público Municipal.

O impasse com a Amamus

O secretário Casali afirma que grande parte do transtorno foi causado pela recusa da Amamus de se reunir com o poder público, após a exoneração do até então diretor da EPM, Tiago Daiello. “Protestar é direito de qualquer cidadão brasileiro. Mas eu não entendi contra o que eles estavam protestando, porque a escola vai continuar. Boa parte das pessoas que estavam lá

eram contratados da Amamus e eram de fora de Farroupilha. Quando a Associação protocolou a carta se afastando da EPM, essas pessoas ficaram sem emprego. Então eu acho que eles deviam protestar contra a Amamus”, comentou o secretário. Segundo ele, as portas da Secretaria foram abertas, por três vezes, para conversar com membros da Associação, que não compareceram. O secretá-

rio classificou a manifestação mais como uma baderna do que como um protesto. No dia do manifesto, membros da Amamus tentaram resgatar alguns instrumentos mediante apresentação de notas fiscais, mas a retirada não foi autorizada. Segundo Broilo, diretor administrativo da EPM, a ação só poderia ser permitida mediante uma determinação judicial.


10

FARROUPILHA, 17 DE MARÇO DE 2017

Daniel Rufatto

PREVIDÊNCIA SOCIAL

Unidos contra a proposta de reforma Protesto em Farroupilha na quarta reuniu trabalhadores de diversos setores

É

pela pressão popular que os trabalhadores tentam impedir que a proposta de reforma da Previdência Social seja aprovada. Protestos comandados por entidades sindicais foram realizados em todo o País na quarta. Não foi diferente em Farroupilha, onde centenas de trabalhadores de diferentes setores foram às ruas para demonstrar o descontentamento com a possibilidade. “Na verdade não é uma proposta, é o fim da Previdência. Somos completamente contrários porque ela tira todos conquistas dos trabalhadores. Para conseguir se aposentar aos 65 anos, as pessoas terão de ter no mínimo 49 anos de contribuição, o que é quase impossível”, afirma Beatriz Sosnoski, presidente do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Farroupilha (Sismuf), entidade que idealizou a manifestação na cidade. Ao som da música “Brasil”, composta por Cazuza, os trabalhadores realizaram duas caminhadas, uma na parte da manhã e outra à tarde, da Praça da Emancipação até a agência do Instituto Nacional da Seguridade Social (INSS), onde lideranças de diversas categorias se pronunciaram. Faixas com questionamentos como “Reformar ou deformar a Previdência?” e “Temer, reforma ou fim da Previdência?”, bem como cartazes conclamando os deputados federais gaúchos a se posicionarem contra a proposta, foram utilizados durante o ato. “O governo federal está pensando só neles e os trabalhadores estão ficando de fora da discussão”, analisa Márcio Ferrari, presidente do Sindicato dos Trabalhadores Agricultores Familiares de Farroupilha, uma das categorias mais afetadas com as mudanças propostas. Ainda na quarta, só que no início da manhã, a RS-122, entre Farroupilha e Caxias do Sul, foi bloqueada também como forma de protesto. No próximo dia 24, na Câmara de Vereadores, o tema será debatido em audiência pública, que tem entre os convidados os deputados federais da região.

Reforma ou deforma? Trabalhadores manifestaram indignação com possíveis mudanças na aposentadoria

Boca de Urna

Polêmica no horizonte

As bancadas do PMDB e do PP apresentaram, nesta semana, no Legislativo municipal, um projeto de emenda à Lei Orgânica para que se torne obrigatória a realização de ao menos duas audiências públicas durante a tramitação de projetos de lei que versem sobre matéria tributária. O objetivo da ala oposicionista é que propostas de grande repercussão social não possam mais ser aprovadas a toque de caixa e quase sem discussão, como ocorreu com o PL que autorizou o Executivo a atualizar os valores venais utilizados para calcular o IPTU no fim do ano passado. Para o projeto de emenda, protocolado sob o nº 17/2017, ser aprovado, são necessários votos favoráveis de no mínimo 10 vereadores, em dois turnos de discussões.

Novas câmeras

A Câmara de Vereadores aprovou, na sessão de terça, por unanimidade, a abertura de um crédito especial de R$ 40 mil. O Executivo utilizará o recurso para adquirir quatro novas câmeras de monitoramento.

Enfim à disposição

Quase dois meses após ser repassada pelo presidente Michel Temer ao prefeito Claiton Gonçalves, a nova ambulância do SAMU finalmente foi entregue à equipe responsável pelo serviço em Farroupilha. A demora ocorreu por conta dos problemas mecânicos apresentados pelo veículo. Durante o ato, realizado na terça, a Secretaria de Desenvolvimento Rural também foi contemplada com um Renault Sandero para ser utilizado na inspeção municipal.


11

FARROUPILHA, 17 DE MARÇO DE 2017

Desempenho

Índices educacionais de Farroupilha Taxa de abandono são divulgados Ensino Fundamental apresenta taxas positivas, enquanto dados do Ensino Médio são pouco otimistas

D

ados referentes à evasão escolar e à reprovação são importantes para avaliar a situação atual da educação nos municípios brasileiros. A ONG Todos Pela Educação divulgou os índices referentes ao ano de 2015, fornecidos pelo MEC, por região e por cidade. Em Farroupilha, a evasão escolar no Ensino Fundamental diminuiu em uma década. Nos anos iniciais, foi de 1,5% em 1996 para 0,1% em 2015. No entanto, o Ensino Médio não apresenta taxas tão otimistas. O número de alunos que abandonaram a escola quase triplicou em 10 anos: foi de 2,3% em 1996 para 6,2% em 2015. “A melhor forma de evitar toda a repercussão social e pessoal da busca futura por vagas na Educação de Jovens e Adultos é a presença ativa das famílias na vida dos jovens na escola: atendendo aos chamados, acompanhando o rendimento, o cumprimento dos horários e das tarefas”, aponta a presidente do Conselho Municipal da Educação (CME) de Farroupilha, Deisi Noro. Segundo ela, o enfoque principal deve ser a prevenção. No que diz respeito aos índices de reprovação, a mesma tendência é observada: boas notícias para o Fundamental e más notícias no Médio. Nas séries iniciais, a reprovação era realidade para 11 em cada 100 alunos em 1996, enquanto em 2015 foram

apenas 3 a cada 100 estudantes. Já no Ensino Médio, a realidade é bem diferente. Enquanto em 1996 apenas 3,6% dos estudantes reprovaram, em 2015 o número foi mais de cinco vezes maior: a cada 100 alunos, 19 tornaram-se repetentes. “O Ensino Médio, embora seja da alçada da rede pública estadual e da rede particular, clama por um olhar articulado entre as etapas da educação. Vivemos um descompasso entre os avanços tecnológicos, a contextualização do conteúdo desenvolvido em aula e o cumprimento de regras e tarefas o que acaba resultando num aproveitamento aquém do desejado”, comenta Deisi. O desinteresse dos jovens pelos conteúdos e formato do Ensino Médio atual é um fator determinante apontado em pesquisas, como a do CNT, divulgada em 2016. No entanto, a reforma do Ensino Médio, que teria como um dos objetivos alterar esse cenário, é alvo de muitas críticas. Para a presidente do CME de Farroupilha, a reforma tem pontos a serem aprimorados. “A reforma precisava ter sido debatida com os professores da Educação Básica e do Ensino Superior. Os pontos de fragilidade precisam ser detectados. A campanha nacional, com comerciais pagos, precisa retratar a importância da família, esclarecer como os pais podem contribuir e divulgar a formação dos professores”, analisa.

8 7 6 5 4 3 2 1 0

Dados da ONG Todos pela Educação

6,2

2,3 1,5

0,1 Ensino Médio

Ensino Fundamental 1996

2015

Taxa de reprovação

20

Dados da ONG Todos pela Educação 19,2

15 10

11,5

5 3,7

0

3,6 Ensino Médio

Ensino Fundamental 1996

2015

Aprovação

Almoço pelos 100 anos do CNSL

Neste domingo acontece homenagem especial aos 100 anos do Colégio Nossa Senhora de Lourdes (CNSL). Às 10h haverá missa na Igreja Matriz e às 12h almoço no Salão Comunitário Luterano. Ingressos estão disponíveis até esta sexta diretamente no educandário, sendo R$ 40,00 para adultos e R$ 20,00 para quem tem entre 7 e 12 anos. A promoção é da Associação de Pais e Mestres.


12

FARROUPILHA, 17 DE MARÇO DE 2017

LIGA PARCERIA DA SERRA

Peso do fator local

Resultados da 4ª rodada Chave A

Chave B

1x0

x

x

Sábado, às 14h

Sábado, às 16h

1x1

Campo do Flamengo, em Linha Amadeu

4x0

0x3

1x2

1x2

3x1

0x0

5x1

1x5

Dos cinco farroupilhenses na LPS, três estão invictos e o Titanium é o único com campanha 100%

S

e o objetivo da Liga Parceria da Serra era de revitalizar o futebol em Farroupilha, o fato do município sediar todos os jogos está fazendo a diferença a favor dos times da cidade. Dos cinco participantes, três permanecem invictos: SERC Jansen e Gaúcho, na Chave A, e Titanium, na B, único a manter os 100% de aproveitamento. Além do trio, apenas Oliveira Santana e Olimpíacos, de Bento Gonçalves, e que se enfrentaram no último sábado, seguem sem saber o que é derrota. Na A, destaque para a goleada da Jansen que determinou a primeira derrota do líder Parceria. O Gaúcho também venceu por goleada, e os triunfos de Lyon, Sapucaia e Paysandu embolaram a disputa, já que três pontos separam o lanterna da faixa de classificação. Na Chave B, o Titanium segue absoluto e o Amigos da Bola, com a vitória, entrou na zona de habilitação à fase eliminatória nos critérios. A 5ª rodada, que assinala a metade da etapa de classificação, acontece neste sábado, com destaque para os duelos entre Oliveira Santana (2º) e Barcelona (5º) e Titanium (líder) e Olimpíacos (3º), ambos válidos pela B. Confira ao lado a classificação da disputa, os resultados da 4ª rodada e as partidas que movimentam a competição neste fim de semana.

Confrontos da 5ª rodada

x

x

Sábado, às 14h

Sábado, às 16h

Campo do Gaúcho, em Linha Sertorina

x

x

Sábado, às 14h

Sábado, às 16h

Campo do Saletino, em Nossa Senhora da Salete

x

Regulamento Na fase de classificação, as equipes se enfrentam dentro de cada Chave em turno único, habilitando-se à fase de quartas de final os quatro primeiros de cada grupo para definição do cruzamento olímpico (1º de A x 4º de B, 1º de B x 4º de A, 2º de A x 3º de B e 2º de B x 3º de A). A partir daí, duelos em jogo único até a decisão.

Classificação (Chave A)

x

Sábado, às 14h

Sábado, às 16h

x

x

Sábado, às 14h

Sábado, às 16h

Campo da SERC Jansen, em Vila Jansen

Campo do Mundo Novo, no 3º Distrito

Classificação (Chave B)

Equipe

P

J

V

E

D

GM

Equipe

P

J

V

E

D

GM

1) Parceria FC

9

4

3

0

1

14

1) Titanium

12

4

4

0

0

12

2) Jansen

8

4

2

2

0

17

2) O. Santana

10

4

3

1

0

13

3) Gaúcho

8

4

2

2

0

14

3) Olimpíacos

10

4

3

1

0

7

4) Sapucaia

6

4

2

0

2

7

4) Amigos da Bola 7

4

2

1

1

9

5) LSC

5

4

1

2

1

11

5) Barcelona

7

4

2

1

1

8

6) Lyon

5

4

1

2

1

5

6) ABGF

4

4

1

1

2

4

7) Borussia

4

4

1

1

2

9

7) Pôr do Sol

3

4

1

0

3

9

8) Paysandu

4

4

1

1

2

5

9) Real Rizzo

2

4

0

2

2

6

9) Atlético PN

3

4

1

0

3

6

9) Mundo Novo 1

4

0

1

3

3

10) Tandera

3

4

1

0

3

5

10) Tigre

4

0

0

4

4

Legenda: P (pontos), J (jogos), V (vitórias), E (empates), D (derrotas) e GM (gols marcados)

0

Legenda: P (pontos), J (jogos), V (vitórias), E (empates), D (derrotas) e GM (gols marcados)


13

FARROUPILHA, 10 DE MARÇO DE 2017

Fotos: Marcos Nagelstein

‘Farroupilhenses’ levam Circuito Verão

Os campeões do Circuito Verão Sesc de Esportes foram conhecidos no último fim de semana, em Torres. E Farroupilha saiu com dois canecos. Carioca e Diogo, no Vôlei de Dupla, e a Associação de Handebol de Paranaguá, no Handbeach (fotos ao lado). Na verdade, os atletas não são da cidade, mas obtiveram a vaga na eliminatória local e representaram o município na disputa.

Colorados da cidade

Estão encerradas as inscrições para o 1º Torneio de Futebol 7 Colorados de Farroupilha. Serão 12 equipes envolvidas na disputa, divididas em quatro triangulares. As partidas ocorrem dentro de cada chave e os dois melhores avançam às quartas de final. A partir daí, jogos eliminatórios até a decisão. A competição acontece no próximo dia 9, no Giovana Campo Clube, e os organizadores estão trabalhando para conseguir atrações para o torneio. Uma delas está confirmada: o colecionador farroupilhense Elias Figueroa Reis ira expor sua coleção de camisetas do clube. A entrada é franca.

Chuva atrapalha CTSG Campos na Stock Car A largada do Trilhas Está previsto para a próxima seO mau tempo do domingo prejudie Montanhas no Salto cou o andamento do Circuito de Tênis gunda o lançamento da nova equipe da Serra Gaúcha (CTSG), que tem a realização de sua 2ª etapa sediada no Giovana Campo Clube. A disputa será retomada neste fim de semana e a intenção dos organizadores é de finalizar todas as categorias, mas tudo vai depender do tempo. A previsão é de melhora e estabilidade, pelo menos para esta sexta e sábado. O clube farroupilhense lidera o Circuito com 5.475 pontos, seguido pelo garibaldense Integração, com 4.900 pontos, e pelo caxiense Recreio Cruzeiro, com 3.225.

que ingressará na Stock Car e que terá o farroupilhense Márcio Campos como um de seus pilotos. O evento acontece em São Paulo.

Brasil, único a vencer

Nos sete jogos da Segundona de quarta à noite foram registrados seis empates e apenas uma vitória: a do rubro-verde farroupilhense. Por conta disso, o Brasil deu um salto na tabela e já é vice-líder do Grupo B da Segundona (veja mais nas páginas 14 e 15).

O cartão postal farroupilhense sedia, neste sábado, a abertura da temporada 2017 do Circuito Trilhas e Montanhas. Os percursos de corrida serão de 6, 13 e 26 quilômetros, com largada prevista para as 14h.

Dominando em casa

Três dos cinco farroupilhenses da LPS seguem invictos: Titanium (o único 100%), Jansen e Gaúcho estão na faixa dos classificados. O Lyon está próximo e o Mundo Novo ainda devendo.


14

FARROUPILHA, 17 DE MARÇO DE 2017

SEGUNDONA GAÚCHA

Preparado para o clássico Brasil mostra paciência e poder de reação para virar sobre o Esportivo, na estreia com vitória em casa, e maturidade para conquistar primeiros três pontos como visitante em Panambi

O

Brasil

rubro-verde vai a Vacaria neste domingo, encarar o clássico contra o Glória, confiante. A semana 100% colocou o time farroupilhense na vice-liderança do Grupo B da Segundona Gaúcha. Se o Brasil mostrou paciência, persistência e poder de reação para empatar e, mais tarde, buscar a virada sobre o Esportivo após estar duas vezes atrás do marcador na estreia nas Castanheiras, no último domingo, apresentou maturidade para triunfar em Panambi, na quarta à noite, na primeira vitória como visitante. No clássico contra o time de Bento Gonçalves, especialmente o 2º tempo mostrou uma equipe determinada e os ingressos do meia Marquinhos e do centroavante Aldir, na metade final, foram determinantes para o triunfo. O meia decretou o primeiro empate e o atacante fez os dois gols da virada. O espírito de luta deixou o torcedor rubro-verde empolgado. O Brasil saiu de campo ovacionado e preparado para buscar pontos como visitante, já que atuaria duas vezes longe de casa. Na quarta à noite, diante do Panambi, no João Marimon, o rubro-verde apresentou muita segurança. Cons-

truiu o placar favorável com o atacante Matheus Laguna que, aos 29 minutos, só teve o trabalho de completar para o gol uma bela jogada construída pelo meia Michel. No início da metade final, o Panambi até ameaçou uma reação e acertou uma bola no travessão, mas as investidas contra o time farroupilhense geralmente vinham de chutes de longa distância. O domínio da partida foi todo do Brasil, que administrou a vantagem até o apito final. “Fiquei satisfeito com nossa performance. O que importa é somar os três pontos e se isso for feito com a equipe criando situações, como foi o caso, melhor ainda. Em termos de conjunto, evoluímos a cada jogo. Contra o Glória vamos estar melhor”, garantiu o técnico Paulo Matos, que projetava a equipe chegando ao nível ideal de competição justamente neste momento do estadual. “A partida de domingo será muito difícil, mas nossa meta é de buscar mais uma vitória”, assegurou Matos. Na rodada, o rival ficou no empate sem gols, em casa, diante do Esportivo. O Brasil foi o único a vencer na rodada da Segundona. A série de empates permitiu que o clube saltasse na tabela, ocupando agora a vice-liderança do Grupo B. Após mais um duelo fora, domingo, no Altos da Glória, o rubro-verde volta a atuar em casa. Na próxima quarta, às 20h30min, recebe o Lajeadense nas Castanheiras. Confira resultados da rodada de meio de semana, os jogos dominicais e a classificação da Segundona Gaúcha na página ao lado.


15

FARROUPILHA, 17 DE MARÇO DE 2017

após uma semana 100% 0x1

0x0

João Marimon Jr. (Panambi)

Vermelhão da Colina (F. Westphalen)

2x2

Confrontos da 4ª rodada

Resultados 3ª rodada

Ramon Cardoso

0x0

Rubro-Negro (Crissiumal)

Altos da Glória (Vacaria)

x

x

Domingo, às 16h30min Altos da Glória (Vacaria)

Domingo, às 16h Montanha dos Vinhedos (Bento)

x

x

Domingo, às 17h Arena Alviazul (Lajeado)

Domingo, às 18h30min 19 de Outubro (Ijuí)

Segundona – Classificação do Grupo B Equipe

Movimentação intensa Meias Gustavinho e Michel têm melhorado o entrosamento a cada jogo e garantido mobilidade à equipe na construção das jogadas do setor ofensivo rubro-verde

P

J

V

E

D

GM GS SG

1)

União

7

3

2

1

0

3

1

2

2)

Brasil

6

3

2

0

1

5

4

1

3)

São Luiz

5

3

1

2

0

3

2

1

4)

Glória

5

3

1

2

0

1

0

1

5)

Lajeadense

4

3

1

1

1

4

1

3

6)

Esportivo

1

3

0

1

2

2

4

-2

7)

Tupi

1

2

0

1

1

2

6

-4

8)

Panambi

0

2

0

0

2

0

2

-2

Legenda: P (pontos), J (jogos), V (vitórias), E (empates), D (derrotas), GM (gols marcados), GS (gols sofridos) e SG (saldo de gols)


Divulgação

Aberta temporada de pães e grostolis

Saindo do forno Clube de Mães As Milanesas retoma atividades culinárias neste sábado, na Praça da Imigração Italiana, no 4º Distrito - Capa do Inside

MATÉRIA ESPECIAL

Handebol chega para conquistar município Apahand/UCS sela parceria com prefeitura e Grendene e busca fomentar prática do esporte em Farroupilha Páginas 2 e 3

INSIDE

Blauth Bier se rende à tradição irlandesa Saint Patrick’s Day agita cervejaria com diversas atrações neste sábado Página 3

CADERNO ESPECIAL

ECONOMIA

EDUCAÇÃO

Farroupilha está entre os municípios serranos que passam a adotar aplicativo até o fim deste mês Página 7

MEC divulga dados de evasão e repetência nas duas frentes de Ensino Página 11

Que tal pegar uma Garupa na cidade?

CIDADE

Protesto em Farroupilha

Alunos e ex-alunos da EPM se manifestam contra mudanças na instituição Página 9

Fundamental evolui mas Médio retrocede

ESPORTE

Brasil confiante para clássico de domingo

Após semana 100% e na vice-liderança do Grupo B da Segundona, equipe mede forças com Glória em Vacaria Páginas 14 e 15


Compromisso com a Cidade. Compromisso com você.

FARROUPILHA, 17 DE MARÇO DE 2017

ANIVERSÁRIO

Muovere celebra com piquenique Centro de Fisioterapia promove confraternização para festejar os 5 anos de atuação na cidade O ingresso é R$ 10,00 e pode ser adquirido com antecedência na própria Muovere, no Brechó da ONG dos Peludos, Conect, Boutique Animal e Yoodai (veja endereços abaixo). Também será possível adquirir ingresso na hora, sujeito à disponibilidade. Crianças até 12 anos não pagam e quem não conhece o local pode ficar tranquilo porque é próximo à igreja da comunidade, na entrada do Grêmio São Luiz e estará sinalizado. “Pesquisas realizadas pelo Sebrae e pelo IBGE mostram que, no Brasil, 30% das empresas fecham no segundo ano e 47% no quarto ano, nem chegando ao quinto. Estar completando 5 anos, sendo que no último a empresa cresceu e melhorou ainda mais, é de extrema importância”, considera Jordana Gaviraghi, que é fisioterapeuta e proprietária da Muovere. O evento ainda tem apoio da Têxtil Farroupilha, Levita Bebidas Funcionais e Silvestrin Frutas. Em caso de chuva será transferido para o próximo dia 26.

Jordana Gaviraghi

U

m programa bem descontraído para curtir a natureza em família, um momento de descanso, bate-papo e de lanchinho nutritivo. Os pets também serão bem-vindos neste evento que acontece domingo: o Piquenique da Muovere para celebrar os 5 anos de fundação do Centro de Fisioterapia. Será às 15h, no Recanto dos Chiele, na comunidade de São Luiz (3º Distrito), cerca de quatro quilômetros do Centro. Para o piquenique serão entregues mantas aos participantes para que possam melhor se acomodar. Os alimentos e bebidas também serão fornecidos, incluindo água fresca para os pets. Além de ser uma comemoração, o evento quer espalhar solidariedade, auxiliando a ONG dos Peludos e o Centro de Reabilitação Fazenda Esperança. Para isso, solicita a doação de alimento não perecível e de ração que deverá ser entregue no dia.

Bem-estar Piquenique acontece neste domingo para reunir amigos e praticar a solidariedade

Programe-se O que: Piquenique da Muovere Quando: neste domingo, às 15h Onde: Recanto dos Chiele, Linha São Luiz (3º Distrito), propriedade na entrada do Grêmio São Luiz Quanto: R$ 10,00 e menores de 12 anos não pagam. Ingressos na Muovere (Tiradentes, 45 A, sala 203), Brechó da ONG dos Peludos (Júlio de Castilhos, 1.200), na Conect (Pinheiro Machado, 600), Boutique Animal (Marechal Floriano Peixoto, 442) e Yoodai (Castro Alves, 43 A). Também serão coletadas doações de alimentos e ração


Compromisso com a Cidade. Compromisso com você.

FARROUPILHA, 17 DE MARÇO DE 2017

Depilação definit Tatiane Crippa *

E

ssa técnica de depilação é a favorita no tratamento de pelos indesejados e se tornou uma bênção para homens e mulheres. Ela é indicada tanto para os que desejam o conforto de ter a depilação em dia como para aqueles que sofrem de foliculite, ou seja, a inflamação dos folículos do pelo. A tecnologia utilizada é o laser de diodo, que tem um comprimento de onda capaz de penetrar mais profundamente na pele quando comparado a outros tipos de laser e permite que o tratamento seja realizado também em pessoas com pele escura. O laser é um feixe de luz altamente concentrado e a luz emitida é absorvida pelo pigmento localizado na raiz do pelo (melanina), numa fração de segundos, tempo suficiente para atingir a raiz, impedindo seu crescimento. A eliminação dos pelos é definitiva já que a cada sessão os folículos ativos, e que ao longo do tratamento não estão em repouso, vão sendo eliminados. Os melhores resultados são em pelos escuros e grossos. O que não podemos impedir com o tratamento a laser é o nascimento de novos pelos no local. A indicação da quantidade de sessões e intervalo entre elas depende da quantidade de pelos, densidade, cor e área do corpo que está sendo tratada. Em média são realizadas de 6 a 8 sessões mensalmente, mas os benefícios já podem ser percebidos desde a primeira sessão, onde se percebe mudança na textura, quantidade e tempo de crescimento do pelo.

Precauções antes de cada sessão

* Não depilar a área tratada com cera ou pinça. Os méto-

dos que não arrancam a raiz p lâmina de barbear); * Evitar o uso de descoloran * Evitar sol na região mais o são. Caso haja a exposição, com possa ajustar os parâmetros do qualidade da sessão e evitar da

Após o tratamento

* A pele pode apresentar ve 72 horas, o que indica um trat * Pode ser utilizado hidrata * Exposição solar está liber ver normalizada.

Dica

Gostou? Marque sua avaliaçã * Enfermeira, pós graduada Atualle Estética e Spa Fone (54) 3035-3577


Compromisso com a Cidade. Compromisso com você.

FARROUPILHA, 17 DE MARÇO DE 2017

tiva Comodidade e praticidade Moderna técnica é cada vez mais utilizada e traz muitos benefícios para quem deseja uma pele lisa

podem ser realizados (cremes,

ntes e autobronzeadores; ou menos 15 dias antes da sesmunicar o profissional para que o aparelho sem comprometer a anos à pele.

ermelhidão leve por no máximo tamento eficaz; ante e calmante na região; rada à medida que a pele esti-

ão na Atualle Estética e Spa. em Estética

Fotos: Divulgação


Compromisso com a Cidade. Compromisso com você.

FARROUPILHA, 17 DE MARÇO DE 2017

PALESTRA

Sem desperdícios Encontro desta sexta fala sobre aproveitamento dos alimentos

P

ara extrair o que há de melhor dos alimentos e aproveitar ao máximo o que cada item nutritivo oferece, acontece palestra gratuita nesta sexta, às 14h, com a nutricionista Josecarla Signor. Será no Centro de Referência de Assistência Social (CRAS I), no bairro Industrial. A atividade integra a programação da 9ª Jornadas da Mulher, promovida pela prefeitura, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Social e Habitação, Coordenadoria da Mulher, com apoio do Conselho Municipal dos Diretos da Mulher (Comdim). “O objetivo principal é mostrar as diversas possibilidades de usar um mesmo alimento e também suas diferentes partes, além disso haverá uma prática onde as pessoas poderão provar

Di

vu

lg

ão

Nada fora Em tempos de crise, evento focado em tirar o máximo dos produtos

uma preparação”, adianta a nutricionista. A palestra é aberta à comunidade em geral e para

participar não é necessário se inscrever com antecedência, basta comparecer no dia do evento.

Programe-se O que: palestra “Aproveitamento dos Alimentos”, com a nutricionista Josecarla Signor Quando: nesta sexta, às 14h Onde: CRAS I (Antonio Benvenutti, 67, bairro Industrial) Quanto: evento gratuito, aberto à comunidade


Música

Rodrigo Nassif Quarteto apresenta show no final de tarde de domingo, no Santuário de Caravaggio Agenda e Coluna Social

Inside

Sétima Arte

A sempre deslumbrante Penélope Cruz no papel mais denso e dramático de sua exitosa carreira Páginas 10 e 11

Divulgação

GASTRONOMIA

Para abrir o apetite Inicia temporada de venda dos pães e grostolis do Clube de Mães As Milanesas e, para quem não puder comparecer a Nova Milano, a receita original do sucesso

O

cheirinho de pão no forno e de grostolis fresquinhos. Dá para pensar nisso sem ficar com água na boca? Quando essas delícias são preparadas pelas milanesas então, fica praticamente irresistível. Os já apreciadores sabem e quem nunca provou tem chance para se deliciar neste sábado, das 9h às 18h, na Praça da Imigração Italiana, em Nova Milano (4º Distrito). O Clube de Mães As Milanesas retoma “El dí del pan e dei grostoli” (em dialeto vêneto: O dia do pão e dos grostolis”), após período de férias. A produção para venda acontece sempre no terceiro sábado do

mês, independentemente das condições climáticas. O pacote de grostoli, com 10 unidades, custa R$ 7,00 e o pão colonial é R$ 6,00. Os valores arrecadados são repassados a famílias carentes e a instituições. O Clube de Mães tem 23 anos de fundação e conta com 32 participantes. “Já é tradicional na cidade e é sempre uma satisfação para as milanesas”, considera Maria Terezinha Kuhn Thomasini, presidente da instituição. A cada sábado são vendidos 3,5 mil grostolis e 150 pães. Para os que não terão como ir a Nova Milano, o Clube de Mães gentilmente cedeu uma receita, confira e já coloque a mão na massa.

Programe-se O que: El dí del pan e dei grostoli Quando: neste sábado, a partir das 9h para os grostolis e a partir das 11h para os pães, seguindo até às 18h Onde: Praça de Nova Milano (4º Distrito) Quanto: R$ 6,00 o pão e R$ 7,00 o grostoli (pacote com 10 unidades)

Tradição milanesa Grostolis à venda neste sábado, no Berço da Imigração Italiana no Rio Grande do Sul

Grostoli das Milanesas Rendimento: 35 unidades 2 ovos 2 colheres de sopa de açúcar 150 ml de leite 1 colher de sopa de margarina 1 colher de sobremesa de fermento 1 pitada de sal 1 colher de sobremesa de cachaça Misturar tudo num recipiente, acrescentar farinha até dar o ponto. Espichar a massa, cortar e virar. Fritar e polvilhar açúcar. Dica: se a massa for preparada no dia anterior fica ainda melhor, mas não esqueça de guardar a mistura na geladeira.


Inside

2

FARROUPILHA, 17 DE MARÇO DE 2017

Cinemas Cinemas

Globalizado e oscarizado Vencedor de Filme em Drama no Globo de Ouro e Filme no Oscar, Moonlight entra em sua última semana em cartaz

GNC 1: Bugigangue no Espaço - às 13h30min e 15h30min GNC 1: Internet: O Filme - às 17h30min e 19h40min GNC 1: Logan - às 22h GNC 2: A Bela e a Fera - às 14h, 16h40min e 21h50min (dublado), 19h20min (legendado) GNC 3: Fome de Poder - às 14h15min GNC 3: Versões de um Crime - às 16h30min GNC 3: Cinquenta Tons Mais Escuros - às 19h10min GNC 3: Moonlight: Sob a Luz do Luar - às 21h45min GNC 4: A Bela e a Fera - às 13h40min, 16h20min e 19h (dublado e em 3d), 21h30min (legendado e em 3d) GNC 5: Kong: A Ilha da Caveira - às 13h50min e 18h40min (dublado e em 3d), 16h e 21h (legendado e em 3d) GNC 6: Logan - às 13h20min e 18h50min (dublado), 16h e 21h40min (legendado) Ingressos: segunda, quarta e quinta (exceto feriado) a R$ 20,00 e R$ 26,00 (salas 3d); terça (exceto feriado) R$ 14,00 e R$ 18,00 (salas 3d); sexta a domingo e feriado a R$ 25,00 e R$ 32,00 (salas 3d). Meia entrada todos os dias para menores de 18 anos e maiores de 60 (mediante apresentação de identidade), estudantes (mediante apresentação de Carteira de Identificação Estudantil) e para o Movie Club Preferencial.

Shopping San Pelegrino (Avenida Rio Branco, 425) Cinépolis 1: A Bela e a Fera - às 13h15min e 19h15min (dublado e em 3d), 16h e 22h (legendado e em 3d) Cinépolis 2: Kong: A Ilha da Caveira (dublado) - às 12h30min, 15h30min, 18h30min e 21h30min Cinépolis 3: Logan (dublado) - às 13h, 16h, 19h e 22h10min Cinépolis 4: Logan - às 14h, 17h e 20h Cinépolis 5: A Bela e a Fera - às 12h, 15h15min e 21h15min (dublado e em 3d), 18h (legendado e em 3d) Cinépolis 6: A Bela e a Fera (em 3d) - às 12h45min e 15h45min Cinépolis 6: Um Limite Entre Nós - às 18h45min e 21h45min Ingressos: nas salas tradicionais, segunda a R$ 20,00; terça e quarta (exceto feriado) a R$ 14,00; quinta a R$ 24,00; sexta a domingo e feriado a R$ 25,00. Nas salas 3d, segunda a R$ 27,00; terça e quarta (exceto feriado) a R$ 18,00; quinta a R$ 30,00; sexta a domingo e feriado a R$ 31,00.

Sala de Cinema Ulysses Geremia (Luiz Antunes, 312) * Semana sem programação na Sala de Cinema Ingressos: R$ 10,00 e R$ 5,00 (estudantes e sênior)

Nova versão Com elenco estelar, remake de clássico da Disney é opção em muitas salas

Imagens: Reprodução

Shopping Iguatemi (RST-453, quilômetro 3,5)


FARROUPILHA, 17 DE MARÇO DE 2017

Inside

3

Música TIPO EXPORTAÇÃO

Festa no estilo irlandês Blauth Bier organiza programação para celebrar o Saint Patrick’s Day neste sábado Divulgação

A

mais tradicional festa da Irlanda vai ser celebrada também em Farroupilha. O Saint Patrick’s Day será comemorado neste sábado na Blauth Bier (VRS-813, quilômetro 8,3, nº 620, Desvio Blauth). O dia de Saint Patrick é feriado em terras irlandesas e tem origem religiosa. O padroeiro do País foi um inglês escravizado na Irlanda que, após conseguir fugir, passou a disseminar o cristianismo em território irlandês. Com o tempo, a festa foi se tornando mais popular. O modelo que conhecemos hoje, com apresentações culturais, manifestações do patriotismo e celebração com cerveja, teve origem, segundo a revista Super Interessante, somente no final do século XX, com os americanos irlandeses. “A globalização dos irish pubs e da música dita ‘celta’, que bebe muito na fonte da música tradicional irlandesa, é também um fator importante. Muito se perde na tradução e na difusão dessas festas e novas práticas e entendimentos são gerados em novos contextos, ocasionando o fato de a festa virar um grande carnaval meio pastiche, clichê, em muitos lugares. Porém o fato é que o espírito festeiro aproxima irlandeses

e brasileiros. Estamos muito felizes de poder levar música tradicional irlandesa da melhor forma que nós sabemos fazer, com pegada e bom humor para a Blauth Bier”, comenta Caetano Maschio Santos, integrante da banda Irish Fellas, que será uma das atrações da festa de sábado. Além do grupo, a programação,

que vai das 15h às 22h, inclui apresentação da banda The Hawks (com especial Elvis Presley) e do DJ Mono. A gastronomia fica por conta do Chef Pessali, Equipe Mamma Gema Trattoria e Trattoria Primo Camilo. O ingresso custa R$ 15,00 e inclui caneca e chopp. Mais informações pelo fone (54) 3261-9575.

Irish Fellas Grupo de música irlandesa, formado por Caetano Maschio Santos, Kelvin Venturi, Pedro Borghetti e Renato Muller, é uma das atrações do Saint Patrick’s Day em Farroupilha


Inside

4

Gustavo Pimentel gustavospimentel@yahoo.com.br

Um verdadeiro tiro no pé

Agenda SEXTA 7º Garibaldi Vintage Centro Histórico de Garibaldi (Rio Branco e Buarque de Macedo), às 19h

SÁBADO

* Advogado

St. Patrick’s Day (veja mais na página 3) Blauth Bier Cervejaria Artesanal (VRS-813, quilômetro 8,3, 620, Desvio Blauth), das 15h às 22h Atrações: The Hawks, Irish Fellas, e DJ Mono Festa eletrônica Duo Eventos Clube Santa Rita (Vêneto, 233), às 23h Atrações: MCs Tchesko e Galvão, DJs Rustty, Kito, Marcelo Heck e Luan Peterson

DOMINGO Yoga para Todos (veja mais na Capa do Saúde) Parque dos Pinheiros, às 10h Rodrigo Nassif Quarteto (veja mais na Social) Santuário de Caravaggio, às 18h Miguel Sisto Jr

Na última coluna, escrevi sobre a liberdade do goleiro Bruno. Naquela oportunidade, deixei bem claro que embora não concordasse com a falta de rigor da nossa lei na aplicação da pena e com o sistema de progressão de regime, ainda assim entendia que o goleiro já havia cumprido mais tempo do que a lei exige para progredir de regime. Pois bem, ainda sobre o caso, Bruno nem bem saiu da prisão e já conseguiu um contrato com um time de futebol da Série B. É bem verdade que o Boa Esporte não é um time de ponta, longe disso, é a terceira ou quarta força do futebol mineiro, mas ainda assim é surpreendente que um jogador de futebol com 32 anos, caminhando para o final da carreira e que tenha ficado sete anos afastado dos gramados, consiga um contrato profissional tão rápido. Ao que tudo indica tratou-se de uma jogada de marketing do clube, buscando com isso atrair os holofotes da mídia e, com eles, os olhos de patrocinadores e empresários. É, mas como o crime midiático praticado pelo goleiro e por seu fiel escudeiro Macarrão não sairá tão logo da cabeça dos brasileiros, a ideia do presidente não deu tão certo assim. No primeiro dia após o anúncio da contratação do goleiro, um patrocinador já anunciou a ruptura do contrato. Além disso, o site do clube foi invadido por hackers, que incluíram diversos dados estatísticos sobre crimes praticados contra mulheres. Passada uma semana, na coletiva de apresentação do goleiro já eram cinco os patrocinadores que haviam abandonado o Boa, entre eles a fornecedora de material esportivo e o patrocinador master do clube. Essa debandada de patrocinadores já era esperada. Ora, nenhuma empresa séria gostaria de ver a sua marca, fruto de anos de esforços contínuos para aperfeiçoamento dos produtos, vinculada à imagem de um psicopata. Sim, porque sequestrar, planejar a morte, o esquartejamento e a ocultação do cadáver da mãe do seu filho é, de fato, uma atitude para poucos. Ao que tudo indica a justiça do povo será muito mais rigorosa com Bruno do que foi o Judiciário. É uma pena que o Boa Esporte também tenha que pagar essa pena. Se, de um lado teremos eternamente a Chapecoense como o clube mais querido do Brasil, de outro, a partir de agora, teremos o Boa como o time mais odiado do País, seja por torcedores, seja por patrocinadores. É, parece que a ideia do presidente de contratar Bruno para divulgar a imagem do clube foi um tiro certeiro, mas no próprio pé. Resta agora saber se até a estreia do time na Série B desse ano, marcada para o dia 13 de maio, ainda restará algum patrocinador no clube para pagar a folha de salário dos jogadores.

FARROUPILHA, 17 DE MARÇO DE 2017


FARROUPILHA, 17 DE MARÇO DE 2017

Inside

5

Guilherme Macalossi

Pintura

cisperter@hotmail.com

Exposição “Nós Árvore” chega à Casa de Cultura Artista Jaqueline Pauletti é a autora dos 20 quadros presentes na mostra

O

trabalho da artista plástica Jaqueline Pauletti, formada em artes pela UCS, está em exibição na Casa de Cultura (República, 172) de Farroupilha. A exposição “Nós Árvore” apresenta 20 telas de mulheres, cumprindo a tarefa de serem árvores. A abertura da Mostra, que aconteceu nesta quinta, faz parte da programação da IX Jornadas da Mulher. Quando Jaqueline era pequena, a mãe da artista observava que a filha ficava rodeada de pássaros quando desenhava ao ar livre. Essa constatação motivou a artista a pintar os quadros da mostra. O poema “Árvore”, de Manoel de Barros, também está entre as inspirações. As obras são baseadas no estilo Naïf, caracterizado pela naturalidade e pureza, com traços simples e cores fortes. A exposição fica aberta para visitação até dia 16 de abril, de segunda a sexta, das 9h às 21h, e aos sábados, das 9h às 12h. A entrada é franca.

Imagem: Reprodução

Expressão artística Estilo Naïf é preponderante nas telas da exposição

O feminismo para além do dicionário Eu não pretendia voltar a tratar do assunto feminismo aqui na coluna, mas me forço a fazê-lo para responder a repórter Alana Bof, que resolveu embarcar no debate que eu travava com Manuela D’Ávila nas páginas deste Jornal e também no rádio. Seria descortês de minha parte ignorar a colega. No texto da semana passada, Alana se posicionou ao lado da deputada comunista, afirmando que minha posição sobre o tema era menos consistente. Para tanto ela elencou uma série de argumentos que iam desde os números da violência contra a mulher até os indicadores de diferença salarial. Ainda que Alana escreva melhor do que Manuela, não está menos equivocada. Tudo o que ela tratou eu já tinha refutado previamente, a começar pela própria questão envolvendo a diferença salarial. Em meu artigo anterior, destrinchei os dados da pesquisa utilizada por Manuela, mostrando que eles eram explicados ao se comparar fatores importantes como a estabilidade na carreira, horas trabalhadas e serviços prestados. Posso enviar a integralidade do levantamento para leitores curiosos que o requisitarem por e-mail, inclusive à própria Alana. O mesmo se dá em relação aos casos de estupro registrados no país. O número absoluto lançado é enganador, uma vez que a nova legislação que define o crime de estupro gera uma distorção. No artigo 213 do Código Penal, que passou a vigorar a partir de 2009 com nova redação, considera-se estupro “Constranger alguém, mediante violência ou grave ameaça, a ter conjugação carnal ou a praticar ou permitir que com ele se pratique outro ato libidinoso”. Quantos casos podem se enquadrar em “ato libidinoso”? A legislação, fruto do lobby feminista histérico e burro, equalizou situações díspares, fazendo uma equivalência entre atos menos e mais graves. Agora tudo é estupro, para a alegria dos militantes fanáticos e dos estupradores de verdade. De modo que, ao contrário do que Alana escreve, não tratei das “mitificações” do movimento feminista, mas de suas mistificações mesmo. Ao querer me corrigir, Alana confundiu o sentido das duas expressões. Mitificar é emprestar grandiloquência a determinada coisa, como Lula faz com sua biografia. Já mistificar é apelar para engambelação pura e simples. E é esse o termo que uso para descrever o movimento feminista. Ele mistifica porque tenta enganar o público com farsas, meias verdades e embustes rasteiros. Por fim, explicar o que é um movimento político com base na definição que ele ganha do dicionário é ingênuo. Um movimento político não se explica pelo que dizem dele ou pelo que ele diz de si mesmo, mas pelas ações que ele toma no mundo real. E o feminismo claramente deixou de ser representativo das mulheres para se converter em uma organização anticapitalista, revolucionária e coletivista. * Redator e radialista


A

Diego Frigo

Mar de Dentro

Multifotos Studio

diado no último dia 5, em virtude do mau tempo, o show “Mar de Dentro”, de Rodrigo Nassif Quarteto, acontece neste domingo, às 18h, no Santuário de Caravaggio. Nassif, que já venceu o Prêmio Açorianos na categoria Melhor Intérprete Musical, faz a primeira apresentação no País após turnê pelo Reino Unido. A promoção é do Sesc Farroupilha e a entrada é franca, mas recomenda-se a doação de um quilo de alimento não perecível.

St. Patrick

Nesta sexta, para celebrar o Saint Patrick’s Day o ZERO54, em Caxias do Sul, promove o show da banda Império da Lã. Com um repertório aberto e sem formação fixa, a banda promete fazer um super show em comemoração ao Carnaval Irlandês. A casa abre a partir das 18h30min.

Encontro

Em recente viagem de férias ao Caribe, na ilha de Maho Beach, o casal Éverson Biasio e Katiane De Conto Biasio curtiram cruzeiro com a herdeira Érica De Conto Biasio

Ana Paula Masetto recebeu o carinho de seus pais, Amarildo e Bernardete Masetto, e do namorado Felipe Isoton, em sua festa de formatura no curso de Arquitetura e Urbanismo, pela FSG, no sábado

Caroline Za no sábado, Formatura em recepci Multifotos Studio

Veridiane Jucoski colou grau no curso de Ciências Contábeis, pela Universidade de Caxias do Sul e a celebração ocorreu no Espaço T

Formanda de Administração, Nayara De Cesaro, e a formanda de Pedagogia, Cristiane Habeck Weirich, comemoraram juntas a colação de grau pela Faculdade CNEC de Farroupilha no sábado, no Salão da Comunidade Luterana

Daniela De Rocco

Arquivo Pessoal

A linha de frente da Amorcito Corazón, chef Maria Rita Gonçalves, assinará o coquetel da primeira edição do Carnaval do Moscatel. A festividade ocorre no dia 25 deste mês, no Centro Municipal de Eventos Mário Bianchi. Para o encontro a chef irá desenvolver um cardápio especial e contará com uma equipe em formato de “cozinha itinerante”.

Os amig Palharini, for Administraçã juntos sua g Caxias do


Daniela Radavelli

Adriana Franciosi

Henrique Fogaça, jurado do programa Masterchef, recebendo um presente de Darci Friebel, em recente visita à Tramontina Farroupilha

Alianças

angalli reuniu amigos e familiares 4 de março para comemorar sua m Psicologia. Os convidados foram ionados na Mika Decorações

gos Doglas Neri e Leonardo rmandos nos cursos de Direito e ão respectivamente, celebraram graduação pela Universidade de Sul, no Restaurante Stefenon

Fique por Dentro

Os jovens Catiane da Silva e Diego André Viturazi se preparam para oficializar sua união neste sábado, com cerimônia na Igreja São Vicente Mártir. Os convidados serão recepcionados no Salão da Sociedade do Bairro Medianeira, com cerimonial assinado por Denise Balbinot Colombo e cliques de Anderson Tibes.

Party

No sábado acontece a segunda edição do Parador Pepsi Club. O agito ganha espaço no Quinta Estação, em Caxias do Sul, e conta com três pistas de diferentes ritmos para agradar todos os públicos. O fotógrafo Cristiano Oliveira será responsável pelos registro da noite.

Vintage

Arquivo Pessoal

Ocorre nesta sexta, no Centro Histórico, o Garibaldi Vintage. O evento reúne todo o charme das décadas de 20 a 60, através de músicas e carros antigos. Além disso, os bares e restaurantes próximos ao local preparam cardápios diferenciados para atender o público presente.

A jornalista de moda Maria Luiza Grazziotin Brites esteve conferindo as novas tendências da área no São Paulo Fashion Week nesta semana


Inside

8

Armando Wartha armandowartha@yahoo.com

Mulher, um avanço abismal no quesito divórcio

* Escritor e bacharel em Filosofia

Música

Festival Brasileiro de Música de Rua inicia nesta sexta Evento vai contar com apresentações musicais gratuitas em Caxias do Sul Angela Pimentel

Mesmo já tendo passado a data, mas considerando que todo dia é o seu dia, convém ressaltar, a título de homenagem, a brilhante e justa conquista da mulher no quesito divórcio. O significado da palavra divórcio, para o homem, parece ser o mesmo desde há séculos. Pode-se dizer que pouco ou nada mudou. No entanto, se for olhado para o universo feminino, um abismo, que parecia intransponível, foi vencido. Ou seja, se para o homem, significou/significa a pura e simples separação do casal, para a mulher deixou de ser uma mácula, para tornar-se um símbolo de conquista e liberdade. Fixando-se apenas no escopo moral, pode-se dizer que, para a mulher, o divórcio saltou do lado negativo do abismo para o lado positivo, se não com a rapidez desejada, com a firmeza necessária para nunca mais retornar àquele medieval lado. Partindo desde sempre até próximo aos anos 70, início do chamado liberalismo, em praticamente todos os sentidos, o divórcio representava, para a mulher, algo altamente negativo, até vergonhoso. Uma mancha que a “pobre infeliz” haveria de carregar para o resto da vida. Dificilmente uma mulher divorciada atrairia para si o mesmo olhar, tanto masculino quanto feminino, que atraía quando em união. Obviamente, não importando se fosse feliz ou extremamente infeliz. Aos olhos da opinião corrente, o que acontecia ou deixasse de acontecer, dentro de quatro paredes, era irrelevante, desde que, esta, estivesse sob a “proteção” de um marido. E o que é pior, não só à mulher separada cabia este fardo insuportavelmente pesado. Dizia-se, para os filhos da então mulher divorciada: “olha, são filhos daquela mãe sem marido!”. Ou seja, os estilhaços do divórcio atingiam não só a mãe, como também, embora indiretamente, aos filhos. Assim sendo, e erradamente, por conta de um universo machista, somente ao homem era dado o privilégio de sair de uma união mal sucedida, mesmo que por culpa de ambos, sem mácula alguma. A grande diferença, que parece ter separado o tempo em antes e depois, no quesito divórcio, está no fato de que hoje a mulher conquistou, por suas próprias forças (parabéns, mulher!), a tão merecida igualdade: de permitir-se ao divórcio e continuar sendo vista pala sociedade tal qual a via antes. Ou ainda, tal como a sociedade via e vê o homem após o divórcio. Ou seja, ninguém mais aponta o dedo acusador a uma divorciada; ninguém lhe nega uma oportunidade de trabalho; ninguém barra uma divorciada no convívio social. Indo além, ninguém nega o direito à maternidade a uma mulher divorciada. Coisa, antes, impensável... Assim sendo, não é o caso de se elevar às alturas a ponte, erguida pela mulher, por sobre esta abismal diferença, que, pelos séculos, burramente, nos separava? Pensem nisso!

FARROUPILHA, 17 DE MARÇO DE 2017

Bandas em cena Praça Dante, Zarabatana e Estação Férrea serão primeiros palcos dos grupos participantes

A

s primeiras etapas do Festival Brasileiro de Música de Rua iniciam nessa sexta (17) e seguem até domingo, em Caxias do Sul. Esse ano, o evento será realizado em quatro etapas. O Festival da Estação será no decorrer dos três dias, em três locais diferentes. Na sexta, as apresentações serão das 17h às 18h, na Praça Dante Alighieri, e das 19h às 20h, no Zarabatana (Centro de Cultura Ordovás). No final de semana, os shows serão na Estação Férrea: sábado, das 15h às 22h, e domingo, das 15h às 20h.

Entre os artistas que integram as apresentações estão músicos brasileiros e de países como Uruguai, Argentina, Chile, Senegal e Gana. No sábado também será realizada a Incubadora da Música, com palestras e debates sobre o mercado musical, a partir das 15h no Teatro do Serviço Social do Comércio (Sesc) caxiense. Todos os eventos têm entrada franca. A terceira e quarta etapa do Festival serão no segundo semestre do ano, com apresentações nas ruas de Caxias e em outras cidades da Serra Gaúcha. A programação completa está disponível no site festivalbrasileirodemusicaderua.com.


FARROUPILHA, 17 DE MARÇO DE 2017

Inside

9

Lauro Edson Da Cás

Evento

ldacas@hotmail.com

Tottal Auto Festival neste sábado e domingo Evento vai contar com exposições e apresentações musicais, no Cinquentenário Arquivo Jornal Informante

Carros Antigos Veículos são a principal atração da festa

T

endo como principal atração a exposição de carros, motos e bicicletas antigas, o 7º Tottal Auto Festival será realizado neste final de semana, nos pavilhões do Complexo Esportivo do Parque Cinquentenário. O evento vai contar também com mercado de pulgas, lojistas e apresentações musicais. O horário de visitação é das 13h30min às 19h no sá-

bado e das 10h às 19h no domingo. Para os que desejarem expor veículos, não será cobrada taxa de inscrição nem estacionamento para carros com mais de 30 anos e integrantes de clubes automotivos. Nesses casos, o valor do ingresso de R$ 10,00 vai incluir a entrada de até três pessoas dentro do veículo. O ingresso para os demais visitantes custa R$ 10,00 cada um. Mais informações podem ser obtidas pelo fone (54) 999.220.893.

Os Tribunais da Internet Acontece com todo aquele que participa nas redes sociais. A cada pronunciamento, eis que aparece o Tribunal da Internet para dar seu veredito. As redes sociais conseguiram criar tal situação. Não por menos, o ser humano tornou-se diferente de outras espécies, pois consegue tirar suas próprias conclusões precipitadas e se apegar nelas, principalmente envolvendo alguma postagem, com nenhum fundamento ou mesmo sendo algo incompleto. Aconteceu com Leandro Karnal, numa postagem em seu perfil no Facebook, em que jantava na presença de dois bons amigos (segundo a legenda da postagem): juiz Furlan e o juiz Sérgio Moro. De fato, atiçou a todos, visivelmente, todos que participam deste Tribunal da Internet. Antes disso, para tantos, Karnal prestava. Tornou-se extremamente badalado por ser pensador e historiador, com posições incessantes contra o conservadorismo e tantas outras causas. Agora, então, não se tem como imaginar quantas sentenças condenatórias esta postagem obteve (parece até que já foi excluída)! Independentemente de sua posição, esse canal (rede de compartilhamentos), é a grande febre mundial. Nas redes sociais, inúmeros tópicos se tornam conhecidos, compartilhados e clicados, e a velocidade e/ou a rapidez dos compartilhamentos de algum fato, então, chega a ser absurdo. Tamanha voracidade em se querer ter o mundo na ‘palma das mãos’. O resultado de se mesclar a rapidez da postagem e a ansiedade por parte de quem a recebe só poderia ocasionar julgamentos precipitados (nem sempre usados com o discernimento apropriado). Por outro lado, convenhamos, discernimento já é algo a ser procurado, pois há muito, já não faz parte da vida de muita gente por aí. As postagens tornam-se formas para demarcar posição ou território neste universo virtual. Invariavelmente, em toda e qualquer postagem, geram-se inúmeros comentários por quem a visualiza. E, se a mesma estiver trazendo algo que alguém não concorda, então já está definido quem está no papel do vilão e da vítima. Porém, é preciso cuidado em tirar conclusões com base em informação nenhuma. Quem de nós não gosta de sentir aquela sensação de estar certo? Entretanto, o Tribunal da Internet, somado à rapidez do fato e do próprio compartilhamento que vai sendo disseminado pela rede virtual, transpassa aquele sentimento de que “é preciso um pouco mais de tempo para se pronunciar” diante de tal post. Talvez, seja necessário recuperar aquela tendência de “esperar um pouco para opinar”, justamente para não sair divagando em situações incompletas e, por vezes, errôneas, afinal, é bom lembrar que estamos diante do Tribunal da Internet (que julga, avalia, condena, etc). * Mestre em Letras, Cultura e Regionalidade


Inside

10

FARROUPILHA, 17 DE MARÇO DE 2017

Sétima Arte

T

er a condição de protagonista é algo comum para Penélope Cruz. Evidente que sua impressionante beleza, muito acima da média, ajuda. Mas o fato é que a atriz se destacou no meio desde os anos 90 por seu talento. Porém, em nenhum trabalho, seja no início de carreira com o diretor Bigas Luna e mais tarde com Pedro Almodóvar, promoveu um mergulho tão denso e visceral em um papel como o interpretado por ela em “Ma Ma”. Despreocupada, indiferente e até mesmo relapsa com sua própria vida, a trajetória de Magda (Penélope Cruz) começa a mudar quando ela descobre um câncer de mama em estágio bem avançado. E esse é apenas um de seus problemas. Em processo de separação do marido Raúl (Alex Brendemühl), um professor universitário mulherengo, ela recentemente perdeu o emprego de professora. Mas nada parece, de fato, a afetar. Magda demonstra uma força interior impressionante. Seu alicerce é o filho Dani (Teo Planell), um talentoso jogador de futebol que sonha ser um astro do Real Madri, e parece que circundar o universo dele não somente a mantém viva, mas alheia à profusão de problemas que passa a fazer parte de sua rotina. Quando acompanhava o filho em uma partida, ela acaba conhecendo o olheiro Arturo (Luis Tosar), justamente em um momento em que ele atravessa um drama difícil de ser assimilado. Não resta a menor dúvida que a miséria aproxima. Carentes e fragilizados é natural que o laço entre a dupla seja naturalmente fortalecido e é justamente o que ocorre. Contudo, o drama de Magda está longe de chegar ao fim. A detecção tardia da doença sempre apresenta um risco de recaída. O que mais impressiona na obra, escrita e dirigida por Julio Medem, é

A incursão emocional de Ramon Cardoso ramon@jornalinformante.com.br

Penélope

Atriz espanhola tem atuação densa em pesado drama de Julio Medem, um turbilhão de emoções antagônicas que tem, como objetivo final, destacar o que realmente importa na vida

mesmo a atuação de Penélope. Segura e serena, ela evoca uma paz interior difícil de ser compreendida pelo espectador. Quem, honestamente, não desabaria diante do quadro caótico em que a personagem mergulha? Um caminho sem volta e, o mais delicado, determinado por fatores externos. Ou seja, completamente alheio à vontade da protagonista. A cena em que Madga grava um

vídeo é de partir o coração e lembra muito o ótimo Michael Keaton no também dramático “Minha Vida”, em que é diagnosticado com um câncer em estágio terminal enquanto a esposa, interpretada por Nicole Kidman, está grávida. Fortalecida pelo amor recebido do novo companheiro, do filho e de seu médico Julián (Asier Etxeandia), Magda enfrentará os percalços da

Penélope sem amarras: atriz tem performance destacada em contundente drama, que faz trocadilho da doença com a maternidade

vida com inquestionável garra e serenidade. E essa coragem e vitalidade têm o poder de minorar sua mazelas, por mais trágicas e terríveis que eles sejam.


Inside

FARROUPILHA, 17 DE MARÇO DE 2017

11

Sétima Arte Divulgação

Ma Ma

Filmografia básica (Penélope Cruz) Filme Jamon, Jamon Carne Trêmula Tudo Sobre Minha Mãe Volver Vicky Cristina Barcelona Nine Abraços Partidos Para Roma com Amor

Ano 1992 1997 1999 2006 2008 2009 2009 2012

Direção Bigas Luna Pedro Almodóvar Pedro Almodóvar Pedro Almodóvar Woody Allen Rob Marshall Pedro Almodóvar Woody Allen

Direção e roteiro Julio Medem Gênero Drama Duração 111 minutos País Espanha Ano de produção 2015 Estúdio Seville International Morena Films Mare Nostrum Distribuição Califórnia Filmes


12

Horóscopo Áries - 21/03 a 20/04

Semana importante para agir intuitivamente em negociações e questões financeiras. Reveja seus acordos, a forma como se relaciona e os conceitos que têm sobre parceria. Intuição acentuada e sonhos com uma mensagem significativa para você.

Touro - 21/04 a 20/05

Não tenha pressa na definição de situações profissionais, taurino. Saiba compreender o fluxo dos acontecimentos e agir de uma forma mais intuitiva. A semana pode ser muito importante em termos de relacionamentos e associações.

Gêmeos - 21/05 a 20/06

Não tenha pressa na definição de situações profissionais, taurino. Saiba compreender o fluxo dos acontecimentos e agir de uma forma mais intuitiva. A semana pode ser muito importante em termos de relacionamentos e associações.

Câncer - 21/06 a 20/07

Semana de muita inspiração e sensibilidade aos nativos de Câncer. Você deve evitar neste momento negociações relacionadas a imóveis e que envolvam bens familiares. O período é oportuno para ouvir sua voz interior, se conectar e pensar criativamente.

Leão - 21/07 a 22/08

É preciso que reveja suas opiniões, conceitos e paradigmas, leonino. Esteja mais receptivo ao que as pessoas têm a lhe dizer e mostrar. Semana importante para uma percepção mais profunda de seus sentimentos e comportamentos.

Vírgem - 23/08 a 22/09

Evite movimentos radicais relacionados às finanças, virginiano. Esta é uma fase que pede mais ponderação em relação a gastos e a questões financeiras. USemana em que pode ter importantes insights e intuições a respeito de suas emoções.

Libra - 23/09 a 22/10

Perceba que o crescimento mais importante neste período é interno. É uma fase em que você está reavaliando questões ligadas a viagens, conhecimentos e ideais. Os relacionamentos têm exigido de você uma postura completamente diferente.

Escorpião - 23/10 a 21/11

A Lua, em trânsito pelo seu signo, faz aspecto positivo com Netuno. Você tende a estar muito sintonizado com seus sentimentos e intuições. A fase é propícia para rever suas prioridades e atitudes, principalmente em relação ao autoconhecimento.

Sagitário - 22/11 a 21/12

Semana que pode ser abundante de sinais e sincronicidades. Esteja atento às mensagens que aparecem por meio de sonhos e pressentimentos. Hora de rever os acordos que você tem com as pessoas, principalmente envolvendo empresas, grupos e amigos.

Capricórnio - 22/12 a 20/01

Hora de rever os ideais e sonhos relacionados à prática profissional, capricorniano. Podem retornar antigas possibilidades ou parcerias envolvendo a carreira. Semana importante para perceber o apoio psicológico e emocional que certas pessoas lhe dão.

Aquário - 21/01 a 19/02

Pode ser necessário voltar atrás em certas ideias ou conceitos, aquariano. A revisão de ideais, paradigmas e verdades é necessária neste momento. Semana muito positivo para as finanças e a carreira dos aquarianos.

Peixes - 20/02 a 20/03

Cuidado com excessos e negligências que possam prejudicar as finanças. Seja responsável no uso de recursos pessoais e que envolvem parcerias. Semana em que está mais intensamente conectado com pressentimentos e sincronicidades.

Inside

FARROUPILHA, 17 DE MARÇO DE 2017


VENDO ASTRA 1999, único dono, 38.000 Km. Originais. Pneus novos, bateria nova. Super inteiro. Tratar pelo fone: 99178-2300. Aluga-se apartamento no Centro da cidade com área privativa de 105m², com três quartos, sala, cozinha, área de serviço, despensa, água quente, dois banheiros, sacada, excelente posição solar e com dois boxes de garagem. Tratar diretamente com o proprietário pelo fone (54) 32613263, pela manhã. VENDO terreno de Cooperativa com área definida. Valor R$ 35.000,00. F.: 99118-1642.

CORSA 1.0 MPFI 8V 2004 VERMELHA

16.800,00

GOL 1.0 MI 8V FLEX 4P 2015 VERMELHA

31.800,00

PALIO WEEKEND 1.0 4P 2000 BRANCA

11.800,00

CERATO 1.6 EX2 SEDAN 4P 2013 PRETA

53.800,00

GOL 1.6 MI TRENDLINE 8V 2013 BRANCA

34.000,00

SILVERADO 4.2 DLX 4X2 1998 BRANCA ZAFIRA 2.0 MPFI CD 8V 4P 2003 AZUL

consulte 23.800,00

COROLLA 1.8 SE-G 16V 2009 PRETA

consulte

GOL 1.0 MI 16V 4P 2003 VERMELHA

10.800,00

CELTA SUPER 1.0 VHC 4P 2003 BRANCA

12.800,00

DOBLÓ 1.8 MPI 16V FLEX 4P 2007 PRATA

consulte

CORSA 1.0 MPFI SUPER 4P 1997 VERDE

9.800,00

FOCUS 1.6 GL 8V FLEX 4P 2017 PRATA

consulte

CIVIC 1.8 LXS 16V FLEX 4P 2013 PRATA

consulte

CITY 1.5 LX 16V FLEX 4P 2010 PRATA

consulte

PALIO 1.0 MPI FIRE 8V 2P 2005 AZUL

13.800,00


VENDE-SE TERRENO de Cooperativa com 106 parcelas pagas. Área de terra comprada. Localizada na saída para o Salto Ventoso. APENAS R$ 9.300,00 Tratar com José, fone (54) 99925-2068. VENDE-SE dois TERRENOS de Cooperativa. Um com área de terra definida valor R$ 15.000,00, outro com 54 parcelas pagas e com área de terra à definir, valor R$ 6.500,00. Tratar F. 99982-0550.


VENDO TERRENO central em Arroio do Sal a uma quadra do mar. F.99118-1642. ALUGA-SE APARTAMENTO semi-novo, direto com proprietária. Configurado por três dormitórios. Box de garagem com portão eletrônico. Sala, banheiro, cozinha, escritório e duas sacadas. Localizado na Av. Independência no Bairro São Luiz. Telefone para contato: 99951-3583. VENDO TERRENO de esquina com 1.377m² a uma quadra da rodoviária e do centro de compras. F. 99118-1642 ALUGO CASA NA PRAIA NO MUNICÍPIO ARROIO DO SAL, BALNEÁRIO ATLÂNTICO, HÁ UMA QUADRA DO MAR, TODA EM ALVENARIA COM 02 SUÍTES, MAIS UM BANHEIRO COMPLETO, ACOMODA SETE PESSOAS, PÁTIO GRANDE FECHADO COM MUITA SOMBRA, PERTO DE SUPERMERCADO, SORVETERIA, RESTAURANTE, POSTO DE SAÚDE. DIRETO COM O PROPRIETÁRIO, OLAVO (54) 99972-6708 – BENTO GONÇALVES/RS.


Em noite marcada por discursos emocionados, em uma Casa Legislativa Lidovino Antônio Fanton completamente lotada, sete homenageadas recebem distinção pelo Dia da Mulher Farroupilhense, data que é celebrada oficialmente neste sábado

Ramon Cardoso

Elas merecem todo reconhecimento


ELAINE MARELI GIULIATO

Por uma Educação com mais afeto Secretária municipal foi indicada a receber condecoração pela bancada do PDT no Legislativo Ramon Cardoso

D

esde 2013 à frente da pasta municipal de Educação, Elaine Mareli Giuliato foi a escolhida pelo PDT a receber o Certificado Mulher Destaque neste ano. Graduada em Pedagogia com especialização em Educação Especial e Administração Estratégica de Serviço, Elaine é detentora de uma larga trajetória na área, tendo ingressado no quadro de servidores públicos em 1986. Na APAE de Farroupilha, por exemplo, foram 23 anos de trabalhos, tendo inclusive dirigido a Escola de Educação Especial Sol Nascente por duas gestões. Natural de Farroupilha, Elaine entrou na vida política por causa do ex-marido, Fernando Oscar Fanton. Foi Chefe do Departamento e presidente do Comdica antes de, entre 1997 e 2000, assumir pela primeira vez o comando da Secretaria Municipal de Educação. Defensora de que é com o afeto que se faz uma educação melhor, foi convidada a retornar à função em setembro de 2013 e mantida no cargo para nova gestão de Claiton. Após o pronunciamento do vereador Raul Herpich, representante da bancada do PDT, Elaine recebou o certificado e agradeceu. Ela lembrou da sua trajetória, do que aprendeu, especialmente quando trabalhou na escola Sol Nascente, e comentou sobre a importância das mulheres. “Eu sempre procurei mulheres fortes para serem minhas aliadas e para nelas me inspirar. Que essa homenagem nos estimule a continuar a verdadeira luta em todas as frentes”, declarou a homenageada.

Amor pelo ensino Com vida dedicada à àrea, Elaine abriu as homenagens de uma noite festiva


CLAUDIA BASSANESI MAGGIONI

Portas abertas à imaginação Diretora da Escola de Educação Infantil Dei Bambini foi homenageada por indicação da bancada do PT Ramon Cardoso

A

paixão por educar está intrínseca na vida profissional de Claudia Bassanesi Maggioni, indicada pela bancada do PT a receber o Certificado Mulher Destaque 2017. Fundadora e diretora da Escola de Educação Infantil Dei Bambini, a professora e psicóloga foi a responsável por trazer para Farroupilha, em 2006, a metodologia de ensino criada pela italiana Maria Montessori. Natural de Caxias do Sul, Claudia é formada em Psicologia pela Ulbra e pós-graduada em Gestão Escolar pela Faculdade Senac/POA. Iniciou a carreira profissional em sua cidade natal, onde atuou por nove anos como professora de Educação Infantil, seguiu em Osório, como psicóloga clínica, e em Capão da Canoa, onde fundou e coordenou o CAPS Casa do Sol. Casada com o juiz Mario Romano Maggioni, veio para Farroupilha em 2006. Na cidade, além de fundar a Dei Bambini, trabalhou, até 2008, como psicóloga organizacional da Rede Horango Tango, e, desde 2013, é membro do Conselho Municipal de Educação. Homenageada pelo vereador do PT, Fabiano Piccoli, Claudia ressaltou o encantamento por seguir a metodologia Montessori que vê e pensa a criança como um ser integral. Creditou aos alunos a importância de sua atividade, desempenhada com o maior dos esmeros. “Agradeço aos meus ‘bambinis’ porque é por eles que vale a pena o meu trabalho e à Maria (Montessori) que me ensinou muito mais do que os bancos da academia”, ressaltou, lembrando ainda todo o apoio da família, fundamental em sua vida.

Propagadora Montessori Claudia recebe homenagem do vereador Fabiano Piccoli, presidente do Legislativo


EDA MARIA BOMBARDELLI MALINVERNO

Vida dedicada ao ensino Professora aposentada recebeu honraria por indicação da bancada do PSB no Legislativo farroupilhense Ramon Cardoso

C

om larga trajetória na área educacional, Eda Maria Bombardelli Malinverno foi a escolhida pela bancada do PSB a ser congratulada com o Certificado Mulher Destaque 2017. Natural de Farroupilha, Eda se graduou na UCS em Pedagogia, Magistério e Inspeção Escolar, em 1977, e em Orientação Educacional, no ano seguinte, com pós-gradução em Folclore concluída em 1983. Profissionalmente, trabalhou por cinco anos em escolas multisseriadas em Nova Milano e, por duas décadas, na rede estadual de ensino. De 1993 a 2000 atuou na Secretaria de Educação e Cultura e, entre 2001 e 2008, como coordenadora pedagógica no ICAA/CNEC. Também desenvolveu diversas atividades voluntárias, como alfabetização de adultos, participação em censos, campanhas de vacinação e conselhos municipais. Atualmente atua na catequese da Paróquia Sagrado Coração de Jesus, integra a equipe de coordenação do curso de Teologia e Bíblia da Escola de Formação Cristã e participa do Círculo de Leitura na Faculdade CNEC Farroupilha. Eda foi homenageada pelo PSB e agradeceu após o pronunciamento do vereador Odair Sobierai, representante da bancada. Ela dividiu o mérito da premiação com família, amigos e alunos e declamou um poema sobre a importância da cooperação. “Quando minha hora chegar, sei que nada vou levar, a não ser o bem que pude realizar”, finalizou a homenageada.

Ajudar o próximo Eda dedicou mais de 25 anos de sua vida à sala de aula e desenvolveu trabalhos voluntários


DEVILDA MARMENTINI BIAZOLI

Entre a tradição e o empreendedorismo Sócia da Biamar e ativa colaboradora do CTG Ronda Charrua foi condecorada por indicação da bancada do PRB Ramon Cardoso

E

scolhida pela bancada do PRB para receber o Certificado Mulher Destaque 2017, Devilda Marmentini Biazoli é uma referência feminina tanto nos negócios como no tradicionalismo gaúcho. Natural de Linha Jacinto (2º Distrito), Devilda casou, em 1974, com Segundo Biazoli. Após passar por inúmeras dificuldades, ela fundou, em 1986, junto com o irmão Itacir Marmentini, a Biamar Malhas, hoje uma das maiores empresas do segmento no Rio Grande do Sul. Em 1990, por influência da família, ingressou no CTG Ronda Charrua. Com o passar do tempo, foi agregando responsabilidades. Sempre muito dedicada, colabora em todas as áreas, principalmente na confecção das roupas utilizadas pelos dançarinos. Junto com o marido, assumiu a vice-patronagem em 2012 e, dois anos mais tarde, a patronagem do Ronda. Com voz firme e coração sempre derretido, é considerada por todos da entidade uma espécie de “mãezona”. “Esta sala está cheia de mulheres vencedoras. Mulheres que merecem toda e qualquer homenagem e que se dedicam com amor a seus objetivos. Me sinto emocionada em ser uma das representantes dessas vencedoras”, destacou Devilda na sessão solene. Agradeceu ao vereador Tiago Ilha que a indicou para o reconhecimento. A mãe de Silvia, Luciano e Suélen ensinou que diante dos sonhos, por mais que pareçam impossíveis, não deve haver recusa, porque quando se acredita tudo pode ser concretizado. Sua história é a comprovação viva desta crença.

Mulher empresária Devilda recebe reconhecimento do vereador Tiago Ilha por seu trabalho na comunidade


KATIA MARIA RÖSSLER RONCATTO

Com a Medicina no sangue Na área médica há 30 anos, sócia do CIDI recebeu honraria por indicação da bancada da Rede Ramon Cardoso

A

Medicina está praticamente no DNA de Katia Maria Rössler Roncatto, a escolhida pela bancada da Rede Sustentabilidade para receber o Certificado Mulher Destaque 2017. Seguindo os passos do avô Jayme Romeu, do pai João Carlos, do tio Edison e do irmão Jayme Carlos, ela optou por seguir carreira na Medicina, tendo, em dezembro, completado três décadas de atuação na área. Especialista em Pediatria, Katia trabalhou na sua cidade natal, Farroupilha, primeiramente no Hospital Cibelli, em consultório particular, em Unidades Básicas de Sáude e na Fundação Nova Vicenza. Em 1991, ao perceber a demanda por especialistas em ultrassom no município, buscou especialização em São Paulo e, ainda, nos Estados Unidos. Três anos mais tarde, inaugurou, junto com o irmão Jayme Carlos, o Centro de Investigação Diagnóstica por Imagem (CIDI), clínica pioneira em Farroupilha, onde trabalha até hoje. É casada com o médico veterinário João Carlos Roncatto, com quem teve dois filhos: Joana e Artur. Após o pronunciamento do vereador Alberto Maioli representante do Rede Sustentabilidade, Katia agradeceu e, emocionada, relembrou de sua trajetória na Medicina. “Ainda criança, eu participava das visitas que meu pai fazia aos pacientes, pois era a única maneira de estar com ele”, recordou, para em seguida complementar. “Hoje, me sinto representando as mulheres que trabalham na saúde e que se dedicam a cuidar do próximo”.

Paixão em família Katia lembrou da dedicação do avô, pai, tio e irmão à área, suas fontes de inspiração


ANITA MAIOLI PASQUAL

Gestos de amor por Farroupilha Primeira dama do município entre 2001 e 2008 foi homenageada por indicação da bancada do PMDB Ramon Cardoso

O

trabalho de Anita Maioli Pasqual como primeira dama do município até hoje rende frutos. Tanto é que foi a escolhida pela bancada peemedebista na Câmara de Vereadores a receber o Certificado Mulher Destaque 2017. Casada com Bolivar Antonio Pasqual há 30 anos, Anita teve papel fundamental ao longo dos dois mandatos do marido à frente do Executivo farroupilhense, entre 2001 e 2008. Foi ela, por exemplo, que idealizou o projeto Gesto de Amor, que confecciona fraldas para pessoas doentes e carentes do município e até hoje está em funcionamento. Outras iniciativas de destaque foram o projeto dos cuidadores, oferecendo formação às famílias dos doentes e o Resgatando a Cidadania, bem como campanhas do agasalho e distribuição de brinquedos a crianças carentes no Natal. Por seis meses, Anita também foi a responsável pela pasta municipal de Assistência Social e Cidadania. Atualmente, além de presidir o PMDB Mulher, é voluntária do Clube de Mães As Milanesas e da Associação de Pais e Amigos do Autista (Amafa). “Almejo o bem maior para a sociedade e ver o meu trabalho reconhecido é de grande valia. Também tive a sorte de contar com diversas pessoas em minha trajetória”, destacou Anita, em um agradecimento ao marido, aos filhos Amanda e Bolivar Júnior, aos amigos, aos que foram voluntários do Projeto Gesto de Amor, às companheiras do Clube de Mães e outros apoiadores. A vereadora Eleonora Broilo discursou em sua homenagem, representando a bancada do PMDB.

Pelo social Bancada do PMDB reconhece a atuação e o trabalho desenvolvido por Anita


LOURDES MARIA REFOSCO

Diferença pelo trabalho voluntário Integrante do grupo formado em apoio ao Hospital São Carlos foi condecorada por indicação da bancada do PP Ramon Cardoso

F

ilha mais velha de nove irmãos, Lourdes Maria Refosco começou a trabalhar muito cedo para ajudar no sustento da família. Após atuar em uma malharia, a indicada pela bancada do Partido Progressista (PP) ao Certificado Mulher Destaque 2017 foi a primeira mulher a trabalhar em um banco em Nova Prata, sua cidade natal. Há 30 anos mudou-se para Farroupilha onde constituiu família com seu marido José Francisco, com quem teve dois filhos: Tiago e Taís. Além de atuar na área bancária por mais de 25 anos, Lourdes também dedicou seu tempo ao trabalho voluntário, junto ao Rotary e à Casa da Amizade. Em 2015 fundou o Voluntárias da Saúde, juntamente com outras 15 mulheres: Gissela Berlaver, Sílvia Bortoncello, Maria Anselmi, Sílvia Friebel, Ivanete Zini, Sinara Peruzzo, Deise Chiele, Idalira Sinhor, Nícia Kunzler, Leani Felicetti, Sandra Tonet, Beatriz Folle, Ani Korzenowski, Iria Grisa e Vera Sebben. O grupo trabalha para auxiliar e atender as necessidades do Hospital Beneficiente São Carlos. Após a fala do vereador Tadeu Salib do Santos, representante da bancada do PP, ela agradeceu às suas colegas do grupo voluntário. “Juntos somos mais fortes e podemos vencer todos os obstáculos. Ninguém constroi uma história de sucesso sozinho”, enfatizou.

Voluntárias da Saúde Lourdes integra, com outras 15 mulheres, o grupo que auxilia o Hospital São Carlos


EDITORIAL

Um Caderno Especial adequado às novas realidades do mercado

A

primeira edição do ano do tradicional Construção, Decoração & Reforma traz pautas de um Caderno Especial moldado às novas realidades e tendências de um mercado que se obrigou a sofrer adequações, sejam elas no próprio segmento da construção civil como na oferta de serviços específicos. De um tempo para cá, surgiram na cidade muitos profissionais e até mesmo empresas especializadas em instalações elétricas e hidráulicas, que ganham uma relevância cada vez maior à medida que as obras tornam-se cada vez mais complexas e atentas aos detalhes. Contratar bons profissionais na área

é fundamental para evitar grandes problemas no futuro e Farroupilha está muito bem servida neste setor (veja mais dicas na página 5). Uma outra tendência é que os imóveis fiquem cada vez menores. Por conta disso, uma otimização dos espaços é praticamente obrigatória. Um dos segmentos que mais teve incremento no setor imobiliário nos últimos anos foi o de móveis planejados. Eles permitem um aproveitamento melhor dos ambientes e, além disso, também acabam valorizando os imóveis, sejam eles para alugar ou vender. Confira mais sobre o segmento na página 6. Geralmente uma grande dor de cabeça, a reforma necessita ser bem organizada e planejada, caso contrário, ela realmente pode se tor-

nar um tormento e gerar muito mais transtornos do que os imaginados à primeira vista (matéria na página 7). Projetar todo trabalho, do início ao resultado final, levando em conta especialmente os custos envolvidos, é parte essencial para que a reforma saia conforme o planejado. O mercado da construção civil também ganha destaque nas páginas centrais do Especial, com o boom da expansão imobiliária do final dos anos 90 e início da década passada, a estagnação do setor e, aos poucos, o início de um período de retomada que, devido à crise recente, deve provocar uma oferta de imóveis, sejam eles salas comerciais ou apartamentos, muito mais direcionada a um público alvo. Outra área que ganhou notorie-

dade nos últimos anos foi a de administração de condomínios. Com as pessoas com cada vez menos tempo para as nem sempre agradáveis reuniões, questões simples e que demandam agilidade no dia a dia do condomínio acabam sendo gerenciadas por empresas especializadas na área, o que acaba gerando economia de tempo, praticidade e evitando desgastes e estresses desnecessários. Confira, na página 10, algumas das atividades desenvolvidas por administradoras. Por fim, como de costume, dicas de produtos com empresas parceiras deste Caderno Especial, para que você adorne seus ambientes e deixe eles ainda mais requintados e sofisticados (páginas 12 a 15). Mãos à obra e boa leitura.


ESQUADRIAS

Para harmonizar ambientes Escolha adequada das aberturas é fundamental no impacto da fachada e aparência final da construção Divulgação

A

s esquadrias certamente estão entre os itens mais importantes (e também mais custosos) de uma obra. Divididas em dois grandes grupos, das prontas e das sob medidas, elas podem ser encontradas em uma infinidade de estilos e materiais. A escolha correta, portanto, é fundamental, não só por questões estéticas, mas por desempenho e durabilidade. Neste contexto, as esquadrias em alumínio atualmente estão entre as mais procuradas por construtores. Preciso e estanque, este tipo de material oferece diversas opções de acabamento e tem a vantagem de não enferrujar. O alumínio também é opção de matéria prima para as janelas antirruídos, que auxiliam na redução de barulhos externos. Há menos tempo no mercado nacional, o PVC é outra alternativa. Com precisão semelhante à do alumínio, as esquadrias feitas deste material são em geral bonitas, duráveis e fáceis de limpar. Embora não tenha aplicabilidade em todos tipos de abertura, o vidro, com pequenas cantoneiras de alumí-

Opções diversas Tipo de material tem reflexo direto na proposta decorativa de cada ambiente

nio, também tem conquistado espaço e apresenta, como grande diferencial, a transparência obtida. Mais tradicional é o ferro, embora, por conta da dificuldade em encontrar mão de obra qualificada e manutenção mais exigente, esteja cada vez mais

sendo deixado de lado. As esquadrias em madeiras também são bastante usuais. Como cada tipo de madeira apresenta variações em relação aos outros, é recomendável conversar com um especialista para atingir os resultados esperados.


INSTALAÇÕES

Para não entrar pelo cano Correto planejamento hidráulico e elétrico de uma edificação é fundamental para evitar problemas no futuro cêndios, é primordial a escolha de materiais de qualidade. Assim como para a rede hidráulica. Embora possa em um primeiro momento parecer menos complexa do que a elétrica, uma execução não apropriada deste tipo de instalação pode significar enormes dores de cabeça após certo período. A contratação de um bom encanador é essencial para garantir a correta distribuição hídrica em todos os cômodos. Por isso é recomendável contratar profissionais com referências no segmento, que sejam de confiança e possuam qualificação. Tudo para garantir que a execução das instalações hidráulica e elétrica atendam ao esperado, possuindo boa durabilidade e, caso seja necessário, possam ser facilmente substituídas.

Divulgação

A

s instalações hidráulica e elétrica estão entre os requisitos básicos de qualquer construção. Apesar disso, nem sempre recebem a atenção que merecem, o que pode causar grandes problemas no futuro. Para evitar transtornos, é indispensável investir em um planejamento hidráulico e elétrico condizente à utilização do imóvel. Um acompanhamento especial na execução da parte elétrica, por exemplo, é de grande importância. De uma forma geral, leigos não costumam dominar todos os conhecimentos necessários, como a escolha de fios e cabos adequados à tensão elétrica da região. Para evitar curto circuitos e até mesmo in-

Requisito básico Instalações bem executadas são essenciais para evitar transtornos no decorrer do tempo


MÓVEIS

Planejados para otimizar ambientes Além da funcionalidade dos espaços, confere praticidade às áreas, deixando-as mais harmonizadas organização inteligente do espaço. Este é um investimento para atender todas as expectativas do proprietário, valorizando inclusive o projeto da casa, apartamento, do local de trabalho ou área de lazer. Bom aliado da decoração, garante a combinação de tonalidades, escolha de puxadores, formato de gavetas, prateleiras e suas profundidades, tudo para se adequar às necessidades. Já que os planejados se tornam mobília fixa, tendo em vista que foram construídos para determinado local e dificilmente poderão ser encaixados em outro ambiente, eles agregam valor ao imóvel. Portanto é preciso ter consciência do que se quer em cada área para otimizá-la, planejar sem erros e usufruir de sua praticidade.

Divulgação

C

om a tendência cada vez maior de residir ou trabalhar em espaços compactos, os móveis planejados vêm para otimizar o uso dos cômodos e suprir a necessidade de praticidade. Não é à toa que se tornam cada vez mais procurados. De olho no aproveitamento máximo dos espaços, os planejados continuam sendo a melhor alternativa. Respeitando o que cada área pode oferecer de melhor e de acordo com o uso que será feito dela, há um aproveitamento total, marca registrada dos móveis que ficam à medida de sua funcionalidade. Mesmo tendo um custo maior, vale a pena justamente por essa

Espaços otimizados Com imóveis cada vez mais enxutos, a tendência é justamente a de buscar uma mobília planejada


Divulgação

REFORMA

Reparos na casa Seja para ampliação do imóvel, modernização ou remodelação dos espaços, toda reforma deve ser planejada

N

ão há nada pior do que começar uma obra sem levantamento de custos, contratação de equipe especializada e, principalmente, organização. Ampliação do espaço, remodelação dos cômodos ou ainda melhorias gerais iniciam sempre por um planejamento detalhado. É preciso ter em mente que o tempo de execução do projeto é proporcional ao tamanho da obra. Portanto, em alguns casos, considere deixar o imóvel durante a reforma, o que muitas vezes é mais prudente e até mesmo mais seguro. Se a família for grande, com diversas pessoas que residem no espaço, então realmente

vale a pena considerar esta hipótese. Colocar tudo no papel antes de começar a contratar e a gastar evita surpresas desagradáveis, como ter que paralisar os serviços por falta de recursos. É importante ainda pesquisar o preço dos materiais com antecedência para não perder a oportunidade de bons negócios, o que também gera economia no custo final da reforma. Este é um dos itens para não ser esquecido. Gerenciar os transtornos também é inevitável. Por mais planejada que a obra seja, contratempos podem acontecer a qualquer momento. É preciso ter bom senso para lidar com as diferentes situações, confiar na equipe de trabalho e consultar bons profissionais da área.

Quebra-quebra Qualquer reforma deve ser planejada para garantir eficiência à obra

Dicas básicas para uma reforma

- Planejamento de gastos: todos os itens devem ser descritos no projeto. Orçar a obra dá trabalho, mas gera economia - Mão de obra especializada: é fundamental contar com equipe de profissionais capacitados, garantindo qualidade e otimizando o tempo de obra. Esse cuidado evita inclusive que serviços tenham que ser refeitos - Organização e limpeza: alvenaria, hidráulica e outros serviços que geram sujeira devem ser feitos no início. Pintura e colocação de pisos de madeira por último. Manter a limpeza e organizar o material evita desperdícios


MERCADO IMOBILIÁRIO

Imóvel, certeza de um bom inve Alheio a oscilações de mercado, aplicação no setor pode não ser a mais rentável, mas risco baixo oferece maior segurança a investidores

N

ão é de hoje que o mercado imobiliário é atraente. O impulso do setor, alcançado especialmente na metade final dos anos 90 e na década passada, aumentou de maneira considerável a oferta na área. Com muitos imóveis à disposição, o preço, por tabela, também ficava em conta. O investimento, que dificilmente oferece riscos de perda, passou a ser alvo de interesse, com incremento da demanda pela compra de apartamentos e salas comerciais. Diferente de outras formas, como ações na Bolsa de Valores ou em fundos de investimento, os imóveis não estão condicionados à liquidez ou desvalorização, que fazem parte do

risco inerente a esses tipos de aplicação que, por conta disso, não oferecem uma segurança e estão, invariavelmente vinculados às oscilações do mercado financeiro e até mesmo a políticas públicas equivocadas, que podem colocar tudo a perder. Via de regra, um imóvel tende a se valorizar cada vez mais. O aumento da qualidade de vida, facilidades de locomoção e oferta de serviços públicos cada vez melhor distribuídos fazem a aquisição ter uma rentabilidade natural à medida que as cidades vão se desenvolvendo. Em municípios com uma estrutura urbana organizada como Farroupilha, é improvável que algum bairro venha sofrer algum tipo de depreciação em seu valor de mercado.


estimento

Em Farroupilha: explosão, queda e retomada gradual

N

o início dos anos 2000, o município experimentou um incremento absurdo na área da construção civil. Prédios comerciais e residenciais surgiam por toda cidade e não somente na região central e bairros lindeiros. O bom momento econômico, com estabilidade e pleno emprego, refletiam o avanço na área. Construção civil geralmente é um termômetro. Se ela vai bem, é sinal que a economia vai bem. Muitas construtoras também surgiram para atender a alta demanda e a oferta foi tamanha que acabou por beneficiar quem pre-

tendia comprar ou alugar imóvel, já que haviam apartamentos e salas comerciais em excesso. Nesta década ocorreu uma diminuição no ramo da construção, o que era previsível e natural, tendo em vista que Farroupilha não suportava uma oferta tão expressiva no setor. Com a crise atual, que foi deflagrada a partir de 2014, os investimentos na área tiveram uma retração, mas aos poucos estão sendo retomados. Ainda existe uma considerável oferta de boas opções para quem quiser alugar ou comprar. A tendência natural, a partir disso, é que as novas construções sejam mais criteriosas e atendam a um determinado tipo de público.


ADMINISTRAÇÃO DE CONDOMÍNIOS

Tranquilidade com gestão profissional Contratar uma empresa especializada pode facilitar a vida do síndico e seus condôminos A opção de contratar uma empresa especializada pode, em um primeiro momento, aparentar ser custosa, mas, na maioria das vezes, ela acaba gerando economia. É frequentemente observada, por exemplo, a redução na inadimplência, já que a cobrança passa a ser conduzida por profissionais capacitados e experientes na função. Menor risco de penalizações legais, consultoria em assembleias condominiais, auxílio na contratação de seguros e emissão de boletos são outros benefícios. Para tanto, na hora da escolha da empresa, é primordial levar em conta o know-how que ela oferece, já que o trabalho dela, em conjunto com o do síndico, é que definirá os rumos da gestão do condomínio.

Divulgação

D

e simples, só a aparência. O papel de um síndico vai muito além do que somente zelar pela manutenção do prédio e evitar conflitos entre os moradores. Uma boa gestão é fundamental. Por isso, cada vez mais, é recomendável a contratação de uma empresa especializada na administração de condomínios. Ao oferecer suporte em questões técnicas, jurídicas e administrativas, este tipo de empresa garante segurança para todos. É a administradora de condomínios, por exemplo, que deve se responsabilizar pela gestão das finanças do prédio, controle da folha de pagamento de funcionários e prestação de contas bem mais organizada.

Redução de custos Boa gestão do condomínio pode representar economia para os moradores


DECORAÇÃO

O design rústico da Telles


DECORAÇÃO

A sofisticação da Toque de Classe


DECORAÇÃO

As opções da Pecatto Moda Casa


DECORAÇÃO

Adorne seus ambientes com a MF Glass


Edição 477  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you