Page 1

EXCLUSIVO EM PDF

IGARAÇU, 27 DE SETEMBRO DE 2011. 476 ANOS DE TANTAS HISTÓRIAS

«São tantas caras novas, jovens, adultas, vividas. São tantos falares, pulsares e saudades».

Via poética

05 Nosso planeta

06

Pensar a cidade

08

O Terminal

07


1 O QUE É UM COSMO? Um conjunto bem ordenado. Um todo. Um universo.

2 O QUE É CIRCULAR? Mover-se de modo contínuo, Renovar-se pela circulação, Ir e vir. Propagar-se. Espalhar-se.

3 O QUE É UMA IDEIA? Representação. Concepção intelectual. Tipo eterno das coisas. Engenho. Imaginação. Opinião. Conhecimento. Sistema. Lembrança. Invenção.


EDITORIAL Edmario Publicitário e poeta edmariox@gmail.com A primeira edição do Cosmos nasceu em 27 de setembro do ano de 2006. A versão impressa, com uma tiragem de apenas 100 exemplares, circulou até fevereiro de 2008. O informativo foi um meio usando para dar visibilidade às pesquisas que iniciei sobre Igaraçu. Digamos que o Cosmos fosse o órgão oficial do meu projeto: Memorial Igaraçu, lançado em 27/09/2005. O nome Cosmos se refere ao universo, ou melhor, aos universos que co-existiram e co-existem neste município que completa 476 anos, e que são as forças-motrizes do seu crescimento humano e espiritual. Nos últimos exemplares daquela época, já se pensava em lançá-lo numa versão digital, em PDF. Com isso, através da internet, o número de leitores aumentaria, o custo seria mínimo e a limitação geográfica acabaria. Porém, outros fatores fizeram com que a nova fase não evoluísse. E o sonho ficou engavetado. Todavia, essas situações nos levam à reflexão sobre nossas ações, suas consequências e de que forma devemos agir diante das dificuldades e imprevistos. A atitude muda tudo e as coisas se transformam. E nada mais simbólico que o Cosmos ressurgir na mesma data em que nasceu em 2006. Nessa nova fase, o informativo já conta com três colaboradores: o pesquisador cultural Diego Luke, a professora Crystina Vasconcelos e o pesquisador Eraldo Oliveira; que estiveram no 1º ciclo de atividades. Com uma roupagem nova e colorida, o informativo Cosmos chega para falar sobre um dos começos do Brasil e do Nordeste. Para estampar as várias faces desse povo, das heroínas e dos heróis do cotidiano. Para circular ideias. Parabéns Igaraçu pelos seus 476 anos de tantas histórias.

SUMÁRIO Via poética Faces da Cidade.................................................................................. 05 Pensar a cidade Sempre podemos optar..................................................... 06 Nosso planeta Usina nuclear de Itacuruba............................................ 07 O Terminal Via-crúcis estudantil...................................................................... 08

EXPEDIENTE O Informativo Cosmos foi idealizado e é produzido por Edmario José Batista. Esse trabalho não tem vinculação política-partidária, religiosa ou filosófica.

Periodicidade: mensal Versão: colorida Tiragem: material exclusivamente disponibilizado em arquivo PDF Diagramação: EDmario José Batista Colaboradores: Diego Luke Crystina Vasconcelos Eraldo Gomes de Oliveira As matérias veiculadas nesse informativo são de responsabilidade de seus autores. Inclusive, a compilação dos textos e/ou fotos devem ter autorização oficial dos mesmos. Contatos: E-mail: informativocosmos@gmail.com Blog: informativocosmos.blogspot.com .

04


Via poética

Declare o seu amor

Faces da Cidade Poema em homenagem aos 476 anos de Igaraçu (27/09/2011) Autoria: Edmario José Batista

São tantas faces. Finitas, infinitas, diversas. São as faces dos que nascem, vivem, chegam, ficam e partem. Dos que passam distantes ou atentos. São tantas caras novas, jovens, adultas, vividas. São tantos falares, pulsares e saudades. Tantas cores, olores e flores. Semblantes inquietos, observadores, visionários. Faces que se libertam e revolucionam a cada instante, varrendo esse mofo de glórias inglórias que reverenciam algozes maculadores da nossa essência afro-ameríndia. Sou teu passado, presente e futuro. Sou tua escolha e despertar. Sou teu rebento. Sou uma face do teu povo herói que entardece e desperta neste sagrado solo; iluminado pelo Sol que sempre renasce e brilha para ti. Amada cidade. Amada mãe. Igaraçu. 05


Pensar a cidade uma atitude cidadã SEMPRE PODEMOS OPTAR

alguém responsável, somos nós mesmos. E os demais só surgem para realizar os nossos desejos. Até os algozes são nossos mestres. Com uma cidade não é diferente. A cidade reflete a mentalidade das pessoas que nela moram e revelam o quanto elas cuidam ou não da mesma. Pode-se concluir que: Cidade limpa, povo limpo. Cidade suja, povo Sujo. Cidade abandonada, povo relaxado. Quando passamos pela ponte sobre o rio Igarassu/São Domingos, podemos observar as nossas contribuições à natureza. E a mesma nos devolve os presentes que lhe demos por comodismo, preguiça, maldade, relaxamento e omissão. Lembre-se que assim como de sedimento em sedimento do canal de Santa Cruz que se formou a Coroa do Avião; foi de copo em copo descartável que recheamos o nosso manguezal. E tem uma turma que adora, que amam vocês «de paixão»: as muriçocas, principalmente, as da Dengue. Então, você vive e cuida da sua cidade? A foto abaixo foi registrada em 19/05/2011, às 12h02min. A Av. Duarte Coelho (centro) foi alagada em 20 minutos de chuva. Isso é o resultado de descaso de todos os que fazem essa urbe. Desde os que ocupam efemeramente os cargos eletivos até os munícipes que jogam lixo nas ruas e canaletas. Então, qual seria o nome da nossa cidade? Lixocity? Dejetóplis? Vila do Abandono? Mofolândia? Brejocity? Sucupiraçu? Aliás, creio até que não temos uma cidade suja. E sim, um parque temático. Uau! certamente, isso agrega valor à nossa imagem. Exercite sua cidadania. Pense na sua cidade.

Dizem que o cidadão bateu as botas. Ao chegar ao setor de triagem do umbral teve uma surpresa. O resultado da pesagem de suas boas e más ações foi igual. Diante do acontecido, a gerência do setor de triagem deliberou que o recém-defunto passaria uma semana no céu, e outra no inferno. E assim, aconteceu. Na primeira semana foi aquela calmaria celestial. Anjos brincavam pelas nuvens. Corais celestiais ecoavam seus cânticos. Outros passavam o dia e a noite apenas contemplando o universo. Ao término da 1ª fase, retornou ao setor de triagem e encaminhou-se para o inferno. Lá, a festa não foi maior pela falta de espaço. Agito, cerveja, dança, mulheres belas. Foi um período movimentado. Até o próprio Lúcio Ferro imitou o dono da Virgin Group, e veio pessoalmente saber como estava o tratamento dado ao sortudo. Era o controle de qualidade de satisfação de cliente. Concluiu-se a 2ª fase e ao ser questionado no umbral, respondeu: - Bem, já que posso optar, vou ficar no inferno. Aquilo é que é lugar de viver. Diante do exposto, os representantes celestiais chancelaram a decisão do dito cujo e assim, retornou e uma nova festa aconteceu. Após uma noitada daquelas, o felicíssimo acordou diferente do usual. Muito calor, cheiro de enxofre, gemidos, gritos desesperados, gaiatadas fantasmagóricas e labaredas de fogos por todos os cantos, inclusive embaixo da calma dele. Então, pensou: O que houve? Cadê o controle de qualidade? Revoltado, dirigiu-se ao gabinete do chefe. Os seguranças tentaram impedir o seu acesso; mas ele usou sua voz e esbravejou, perguntando o que era aquilo. Para ao azar dele, Lúcio Ferro estava curtindo sua banda predileta no Hell TV: Dark Angels. O chefão virou-se odiosamente e com olhos flamejantes, gritou: - O que é hein? Nisso, o novo morador questionou sobre as mudanças e o relembrou sobre a semana maravilhosa que havia passado ali. Exigiu explicações ao presidente do fã clube Dark Angels. A resposta foi: - Well, o processo eleitoral acabou e foi você quem votou na gente. Lembra? E continuou a sua curtição. Brincadeiras à parte, nós sempre temos o livre-arbítrio; nós sempre podemos optar. O que ocorre em nossas vidas é resultado das nossas escolhas. Se há 06


Nosso planeta

Consciência e Ecodesenvolvimento alta tecnologia e que resiste a terremotos, está na condição de refém das emissões radioativas. Aquele povo guerreiro que se reconstrói a cada tremor de terra, ficou vulnerável a um tsunami que passou, e às emissões radioativas que permanecem. A mídia sempre nos informa sobre contaminação de regiões, alimentos e águas doce e salgada naqueles confins. Os nisseis já conhecem dolorosamente os efeitos da radiação, pois na Segunda Guerra mundial, as suas cidades de Hiroshima e Nagasaki foram arrasadas pelas bombas atômicas jogadas pelos norte-americanos. Isso custou mais de 200 mil vidas. Depois disso, crianças nasceram com deformação e os sobreviventes adoeceram e morreram devido à contaminação. O Japão também foi palco de outros acidentes radioativos: Usina nuclear de Tsuruga: 1981 (278 contaminados); Usina experimental de reprocessamento de Tokai: 1997 (37 contaminados) e 1999 (mais de 600 contaminados e cerca de 320 mil pessoas evacuadas); Usina de Mihama: 2004 (5 funcionários mortos). Em 1979, nos EUA foram dois acidentes: usina de Three Mile Island (mais de 140 mil foram evacuados daquela região), e numa instalação nuclear secreta próxima a Erwin, Tennessee (milhares de pessoas foram contaminadas).

USINA NUCLEAR DE ITACURUBA Segundo a imprensa pernambucana, os governos Estadual e Federal planejam instalar uma usina nuclear no município de Itacuruba.

Itacuruba

Segundo o IBGE(2010), Itacuruba tem uma população de 4.369 hab. Está localizada na Mesorregião do São Francisco e Microrregião de Itaparica. E dista 466km do Recife (6h e 10 minutos).

Em 1986 foi a usina nuclear de Chernobyl, Ucrânia. Mais de 25 mil morreram e cerca de 350 mil fugirem da radiação naquela região (pesquisem sobre a cidade-fantasma de Prypiat). Durante 10 dias o combustível nuclear queimou e lançou na atmosfera radionuclídeos de uma intensidade equivalente a mais de 200 bombas iguais à de Hiroshima, contaminando três quartos da Europa. Entre 1992-2002 registrou-se quatro mil casos de câncer de tireóide em pessoas daquela área que na época do acidente estavam com 18 anos. Possivelmente provocado pela exposição ao Iodo 131. Naquela explosão foi liberado também o Césio 137, que leva 300 anos para perder sua radioatividade. E foi esse o elemento radioativo que provocou um acidente em Goiânia, Goiás, em 1987, quando catadores abriram uma cápsula com Césio, encontrado no lixo das antigas instalações do Instituto Goiano de Radioterapia.

Usina Nuclear de Itacuruba Em janeiro de 2011, a Eletronuclear escolheu cidade de Itacuruba, dentro do chamado Sítio Belém de São Francisco, como a melhor opção para a instalação das primeiras Usinas Nucleares do Nordeste. O Programa de Expansão da Energia Nuclear brasileira, pré-selecionou dez sítios ao longo do Rio São Francisco, entre os Estados brasileiros da Bahia, Pernambuco, Sergipe e Alagoas. Após uma avaliação mais criteriosa, os sítios localizados entre Alagoas e Sergipe foram preteridos. Itacuruba, foi escolhida pelas seguintes características: o terreno fica às margens do Lago de Itaparica; solo estável; o Município já possui linhas de transmissão da Chesf; fica entre os três maiores mercados consumidores de energia elétrica do Nordeste (Recife, o Complexo Industrial e Portuário de Suape e Salvador); e BAIXA DENSIDADE POPULACIONAL.

Sob a cortina de fumaça da geração de empregos e mais empregos, estaremos aceitando em nosso Estado um modelo perigoso de produção de energia. E se tudo é tão seguro assim, como tentam mostrar, que o Governador, os deputados estaduais e federais transferiram suas casas e escritórios de trabalho para Itacuruba. Pois quem me diz que o veneno é bom, que prove primeiro. E você vai ficar calado e parado diante disso?

Fonte:http://pt.wikipedia.org/wiki/Itacuruba Contudo, o recente acidente nuclear numa usina de Fukushima, Japão, esfriou os ânimos dos agentes nucleares pernambucanos. Esses políticos querem esquecer que nossa Constituição Estadual é bem clara quando se refere a um empreendimento desse: Art. 216 - Fica proibida a instalação de usinas nucleares no território do Estado de Pernambuco enquanto não se esgotar toda a capacidade de produzir energia hidrelétrica e oriunda de outras fontes. É público e notório que o Japão é sinônimo de trabalho, qualidade e segurança. Seus produtos são de primeira linha. De repente, aquela grande economia, a nação que ressurgiu das cinzas atômicas da Segunda Guerra mundial, que é referência na

Informe-se e participe da campanha antinuclear PE: http://ferupernambuco.wordpress.com http://www.brasilcontrausinanuclear.com.br Mande um e-mail para sua deputada ou seu deputado: http://www.alepe.pe.gov.br/paginas/?id=3526 http://www2.camara.gov.br/participe/fale-com-o-deputado

07


O Terminal

SEI ou não SEI

VIA-CRÚCIS ESTUDANTIL Quem vive o cotidiano de usar os terminais e os ônibus do SEI Sistema Estrutural Integrado, coleciona estresses a cada segundo. Passagem cara, pouco ônibus, terminais mal feitos e etc. Contudo, baseado na máxima cotidiana do «nós sofre mas nós goza», foi pensada a seção: O Terminal: SEI ou não SEI? Uma forma descontraída de relatar fatos, estresses, alegrias, encontros e desencontros nessas andanças intermináveis. E de aperfeiçoar a crítica social a um sistema dito «estruturado», caro e com péssimos serviços. O texto abaixo relata alguns momentos que passei e que embora enviado em 04/11/2008, não saiu no blog do Jamildo. Buáááá Olá Jamildo O texto abaixo relata um pouco da vida dos estudantes na RMR

No dia 24/10/08 dirige-me à EM-TU (EMTU) para fazer o recadastramento estudantil. Muita gente naquele formato curral de atendimento, com um funcionário dizendo: caixa 01, 23, 32, 28 e o sistema de refrigeração em manutenção. O estranho é que quando fui fazer minha carteira de estudante em 2006, a foto foi digital, na hora, com webcam; mas nesse "novo" sistema, exige-se uma foto 3x4 que, segundo uma atendente, será escaneada. Dá para entender? Hoje, 04/11/08 chego mais cedo (17h45) para recarregar meu passe fácil (ou seria "passe difícil") e me deparo com uma fila chegando quase na Conde da Boa Vista. Na porteira, uma moça perguntou o que queria. Respondi: recarregar e ela: é fila única. Classifiquei de desorganização, que deveria ter uns 4 caixas, apenas para recarregar; respondeu que recebia ordens. É esse o novo modelo de gestão da CMTU?. Ta mais para congestão. Para finalizar, quando retornava pra casa, subi num ônibus, ou melhor, num Halloweenbus da Itamaracá de número 422/KLW-5694 que estranhamente começou a emitir um som de carro de boi de casamento matuto. Depois da Fac. Joaquim Nabuco, senti-me na roça e o busão veio desmaiar perto da garagem da empresa, em Abreu e Lima. O condutor desce, sobe e liga o carro. Retornamos a viagem e ao chegar perto do Terminal de Abreu e Lima (uma piada aquilo lá), começou um fumacê no escape e quem quis ficar lá dentro? Parecia tratar-se de uma possessão veicular. O engraçado é que esse povo quando está fora do poder, parece fazedor de garrafada, tem solução para tudo. Um baixou as passagens em R$ 0,05. O outro aumentou em R$ 0,15, e o serviço continua péssimo. Nada melhor do que o tempo.

ABAIXO AO COMODISMO INFORMAÇÕES/RECLAMAÇÕES

GRANDE RECIFE CONSÓRCIO Central de Atendimento 0800.081.0158 Horário 7h às 19h Dias Domingo e Domingo Sítio na internet www.granderecife.pe.gov.br Ouvidoria Grande Recife www.granderecife.pe.gov.br/ouvi doria.asp

ARPE AGÊNCIA DE REGULAÇÃO DE PERNAMBUCO

www.arpe.pe.gov.br Área de Transporte www.arpe.pe.gov.br/transporte.php

Ouvidoria da ARPE www.arpe.pe.gov.br/ouvidoria.php

ITAMARACÁ TRANSPORTES www.itamaraca.com.br

Central de Atendimento 0800.081.1801 Correio eletrônico

Edmario José Batista Estudante de Comunicação Social

relacionamentos@itamaraca.com.br

08

Cosmos 001  

Informativo mensal (exclusivamente civil) dedicado a divulgar, discutir e circular ideias sobre Igaraçu/PE.

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you