Page 1

Inovações em estética e tratamentos dentários As dores da hérnia de disco

Entre as queixas mais frequentes de enfermidades na coluna, está a hérnia de disco, segundo o fisioterapeuta Thiago Rizaffi Xavier. Ele fala sobre as causas, os sintomas e tratamentos do problema que nem sempre exige intervenção cirúrgica. Ele explica que, com a fisiote-

rapia, é possível o paciente adquirir liberação, relaxamento da musculatura contraturada, fortalecimento dos músculos abdominais e da região dorso lombar e desenvolvimento de apoio muscular ao redor da coluna e reeducação através de exercícios corporais. Página 14

Residencial Jardim Califórnia oferece infraestrutura completa

Página 3

“Viva Bem”

Novo aparelho dentário praticamente invisível é a sensação do momento

U

ma equipe formada por profissionais inovam em tratamentos dentários e estéticos. “O grande diferencial é que unimos em um só ambiente várias especialidades como: clínica geral, endodontia, restaurações, clareamento, tratamento de canal e gengival,

próteses, implantes, extrações de siso, ortodontia, cirurgias e tratamento das disfunções Temporo-Mandibular e do Sono”, salienta o endodontista Lincoln Serafim dos Anjos, coordenador da equipe que atua e Mogi Guaçu e Mogi Mirim. Página 2

Há 10 anos, o Programa de Medicina Preventiva (Viva Bem) da Unimed Regional da Baixa Mogiana vem colaborando para melhorar a qualidade de vida de seus usuários e da comunidade em geral através de atividades específicas. O médico e coordenador do Programa, Cândido Lemos Garcia, explica nesta edição qual o objetivo do “Viva Bem”. Página 4

Autismo

O autismo, transtorno que compromete o desenvolvimento normal de uma criança e que se manifesta geralmente antes do terceiro ano de vida, continua sendo um enigma. Em nossa região, a Associação Fonte Viva mantém o NESA e atende 27 crianças e adolescentes portadores do transtorno. Conheça o trabalho realizado lá e saiba como contribuir. Página 12


Clínica inova em tratamentos dentários e estéticos

U

ma equipe formada por profissionais inovam em tratamentos dentários e estéticos. O grande diferencial é que unimos em um só ambiente várias especialidades como: clínica geral, endodontia, restaurações, clareamento, tratamento de canal e gengival, próteses, implantes, extrações de siso, ortodontia, cirurgias e tratamento das disfunções Temporo-Mandibular e do Sono. Lincoln Serafim dos Anjos, especializado em endodontia, popularmente conhecida como “tratamento de canal” é coordenador da equipe que trabalha em conjunto nas cidades circunvizinhas. “A idéia de oferecer aos clientes Lincoln Serafim dos Anjos é o coordenador serviços em várias especia“A saúde bucal reflete diretamente lidades surgiu com o objetivo de gana saúde geral”. Essa frase resume a imrantir tratamentos de qualidade para portância dos dentes. Responsáveis pela vários problemas em um só ambiente”. mastigação dos alimentos, pela articu“Desta forma, o cliente tem não lação de palavras e, principalmente, um só qualidade, mas também comodidafator determinante na estética, os dentes de”, explica Lincoln, salientando que, tornam-se estruturas primordiais para o “para muitos, o fato de iniciar o trataorganismo. “Por isso é importante que mento para um determinado problema a pessoa visite o dentista regularmente. e, depois, ser encaminhado a vários Atentando, é claro, para a escolha de outros locais demanda mais tempo e é profissional qualificado”, conclui. mais oneroso”, enfatiza.

2

Notícia & Cia

Aparelho dentário invisível O Invisalign, novo recurso de tratamento ortodôntico, que tem feito muito sucesso nos EUA, também é oferecido pela Clínica Interativa. “É a forma mais estética e prática de alinhar os dentes”, afirma a ortodontista Andréa Miranda de Araújo. Segundo ela, com este aparelho os dentes são alinhados e levados a sua posição correta através de alinhadores. Estes alinhadores são delicadas placas transparentes, feitas sob medida para cada paciente e trocadas a cada 15 dias representando a ativação do aparelho. Cada placa corresponde a um novo movimento dos dentes o número de placas envolvidas no caso varia de acordo com a dificuldade do caso. Para usar este tipo de aparelho, é necessária inicialmente uma consulta para análise do caso e em seguida é feita uma documentação ortodôntica especial. Nesta documentação é feito um molde em um material borraxoide que é enviado aos Estados Unidos. Este molde dos dentes em alta definição é en-

tão scaneado produzindo imagens em 3 dimensões em um programa de computador específico. Os “alinhadores” são confeccionados no exterior. Por isso, os custos do tratamento com o Invisalign são maiores do que com aparelhos ortodônticos convencionais. “A partir daí obtemos o que chamamos de ClinCheck®, a parte mais delicada do tratamento com aparelho Invisalign®”, pois é nesta fase que determinamos tudo sobre os movimentos que serão feitos pelo aparelho nos dentes por todo o tratamento. “Para tanto é essencial que o profissional tenha pleno domínio da técnica e muita experiência com ortodontia”, frisa Andréa.


NotĂ­cia & Cia

3


“Viva Bem” melhora a qualidade de vida

H

á 10 anos, o Programa de Medicina Preventiva (Viva Bem) da Unimed Regional da Baixa Mogiana vem colaborando para melhorar a qualidade de vida de seus usuários e da comunidade em geral através de atividades específicas. Os usuários, independente da idade, podem participar de oficinas com psicólogos, nutricionistas e terapeutas ocupacionais que os orientam sobre a prevenção e o tratamento de problemas como obesidade, hipertensão arterial, aumento de triglicérides e colesterol.

4

Notícia & Cia

Além das oficinas há a prática de exercícios físicos sob orientação de profissionais capacitados. Tanto as oficinas quanto as atividades físicas são realizadas de segunda a sexta-feira na sede do Viva Bem, localizada à Avenida Mogi Mirim, 2.775. De acordo com o médico e coordenador do Programa, Cândido Lemos Garcia, a comunidade em geral também é beneficiada com aulas e prática de atividades físicas com orientação de profissionais em locais estabelecidos em parceria com as Prefeituras de Mogi Guaçu, Mogi Mirim, Itapira e Estiva Gerbi. Essa atitude faz parte da responsabilidade social da Cooperativa médica com o objetivo de atender também pessoas que não possuem plano de saúde. A comunidade das quatro cidades é atendida em locais e horários distintos.

A caminhada promovida pelo Viva Bem atraí centenas de pessoas todo ano

Quem não tem plano de saúde pode participar de várias atividades físicas Em Mogi Guaçu o atendimento é oferecido no Estacionamento do Viva Bem, no Furno, no Centro Esportivo Santa Terezinha, e no Supermercado Ponto Novo, no Jardim Novo. Pessoas com índice de massa corpórea maior ou igual a 37 podem fazer hidroginástica no Centro Esportivo Campano toda terça-feira às 9h30 e quinta-feira às 9h. Em Mogi Mirim, o atendimento à comunidade é oferecido de segunda às 7h20 e sexta-feira às 6h50

no Sindicato Acojamba. Em Estiva Gerbi o atendimento acontece no Ginásio Estiva Gerbi toda segunda e quarta-feira às 15h40 e às 16h30. O atendimento em Itapira é oferecido na Associação Comercial Empresarial de Itapira, também toda segunda e quarta-feira nos seguintes horários: 8h, 9h, 15h, 16h e 17h. As aulas tem duração de 50 minutos. Mais informações sobre como participar podem ser obtidas através do telefone 3831-9854.


NotĂ­cia & Cia

5


E

O prazer vitalizador do fazer artístico

mbora seja uma atividade milenar, a arte como base para uma terapia vem sendo pesquisada e aplicada desde o século XX. A partir da criação de material sem preocupação estética e sim expressar conteúdos internos, a arteterapia tem obtido excelentes resultados, permitindo que a pessoa se reorganize internamente e se regenere. A naturóloga Amana Assumpção, pós graduada em Arteterapia pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), explica que não há limitação de seu uso para crianças, adolescentes, adultos ou idosos. E que, embora não seja destinada a público específico, destaca-se o uso da arteterapia em escolas. Em pouco tempo é possível verificar no indivíduo melhora da auto-estima e da capacidade cognitiva, aumento da capacidade de responder criativamente aos conflitos cotidianos, sensibilização, interação, liberação de agressividade, e alívio de conflitos internos ou trau-

6

Notícia & Cia

Uma obra de arte consegue, por si só, transmitir sentimentos geral possibilita a expresmas. Segundo Amana, o fa- são de pensamentos e senzer artístico por si só acal- timentos contraditórios, que ma e vitaliza, já que a ar- muitas vezes não podem ser teterapia apresenta menos expressos verbalmente”, diz pressão ao paciente con- a arteterapeuta, lembrando siderando que não existe que as sessões também pocerto ou errado e nem ob- dem ser individuais, uma ou jetivo específico. “Isto é duas vezes por semana, de fundamental em um mundo modo geral. A arteterapia inclui tocompetitivo que cobra redos os tipos de recursos artíssultados pré-estabelecidos ticos como desenho, pintura, constantemente”, frisa. histórias, mitos, poesias, exO trabalho em grupo pressão corporal, música e reduz o isolamento e auxilia escultura, entre outros. “Enno compartilhar sentimenfim, não existe regra, mas tos e problemas parecidos possibilidades que podem em busca de compreensão e possibilidade de solução. “A ser analisadas para cada pesimagem ou a arteterapia em soa”, conclui Amana.

Processo criativo é terapêutico Segundo a Associação de Arteterapia Americana, a arteterapia considera que o processo criativo envolvido na atividade artística é terapêutico e enriquecedor da qualidade de vida das pes­soas. Por meio do criar em arte e do refletir sobre os processos e trabalhos artísticos resultantes, pessoas podem ampliar o conhecimento de si mesmas e dos outros e desfrutar do prazer vitalizador do fazer artístico. À luz da teoria psicanalítica nascente, no início do século XX Freud se interessou pela arte e postulou que o inconsciente se manifesta através de imagens, que transmitem significados mais diretamente do que as palavras. Porém foi Jung o primeiro a utilizar a expressão artística em consultório. Na década de 20, Jung recorreu à linguagem expressiva como forma de tratamento e, para tanto, pedia aos clientes que fizessem

desenhos livres, imagens de sentimentos, de sonhos ou de situações conflituosas. Para ele, a atividade plástica e a criatividade são funções psíquicas inatas que contribuem com a evolução da personalidade e com a estruturação do pensamento. NO BRASIL Uma das pioneiras no uso terapêutico da arte no Brasil foi Nise da Silveira, que se destacou por volta de 1946. Trabalhava no Centro Psiquiátrico D. Pedro II procurando compreender as imagens produzidas pelos pacientes sob a ótica da teoria junguiana. Fez um excelente estudo e deixou um grande legado para a arteterapia. Trabalhos dos internos foram apresentados por ela em congresso de psicopatologia na Europa. Correspondeu-se com Jung. Em 1952, fundou o Museu de Imagens do Inconsciente e, em 1981, escreveu o livro Imagens do Inconsciente.


NotĂ­cia & Cia

7


8

NotĂ­cia & Cia


NotĂ­cia & Cia

9


10

NotĂ­cia & Cia


NotĂ­cia & Cia

11


Autismo continua sendo um enigma

O

lhar distante e falta de contato visual, resistência a mudanças na rotina e ao contato físico, risos e movimentos considerados inapropriados e falta de interação com outras pessoas. Esses são alguns dos sintomas do autismo, transtorno que compromete o desenvolvimento normal de uma criança e que se manifesta geralmente antes do terceiro ano de vida. O autismo caracteriza-se por lesar e diminuir o ritmo do desenvolvimento psiconeurológico, social e linguístico. As crianças autistas reagem de forma diferente de outras em relação ao som, ao toque e aos sabores. Muitos não falam ou possuem atraso na linguagem e tem relações peculiares com objetos. O transtorno vem sendo estudado há décadas, mas ainda continua um enigma. Apesar da dificuldade em diagnosticar uma criança com autismo, até porque os sinais não são visíveis e a aparência é de uma criança como qualquer outra,

os pais tem recebido a notícia cada vez mais cedo, o que possibilita a inserção do autista em local apropriado para estimulação. É o que vem acontecendo com o Nesa (Núcleo de Ensino e Socialização do Autista), mantida pela Associação Fonte Viva em Mogi Guaçu. A incidência do autismo, segundo a ASA (Autism Society of América) a prevalência do autismo é de 1 para cada 110 nascimentos, sendo mais comum no sexo masculino. Em cerca de 80% dos casos, eles possuem retardo mental e o transtorno pode estar associado a outras patologias. O diagnostico do autismo deve ser dado por um médico pediatra, um neuropediatra ou um psiquiatra infantil baseado na observação do comportamento da criança e informações dos pais, pois até o momento não existem testes/exames médicos que o confirme. Ainda não há cura para o transtorno, mas o autismo é tratável.

Um pouco dos métodos utilizados São três os métodos utilizados no Nesa. O programa Teacch, que significa Tratamento e Educação para Autistas e Crianças com Déficits Relacionados com a Comunicação, é um programa educacional e clínico com uma prática predominantemente psicopedagógica criado a partir de um projeto de pesquisa que busca observar profundamente os comportamentos das crianças autistas em diferentes situações e frente a diferentes estímulos. O método ABA, Análise do Com-

12

Notícia & Cia

portamento Aplicada, tem seus princípios baseados no Behaviorismo, que observa e explica a associação entre o ambiente, o comportamento humano e a aprendizagem. Floortime (ao pé da letra tempo no chão) é um método de tratamento que considera a filosofia de interagir com uma criança autista. É baseado na premissa de que a criança pode melhorar e construir um grande círculo de interesses e de interação com um adulto.

Um dos sintomas do autismo é a falta de interação com outras pessoas

Fonte Viva atende 27 crianças e adolescentes A Associação Fonte Viva atende atualmente 27 crianças e adolescentes autistas na faixa etária de 3 a 20 anos. Reconhecida como sendo de utilidade pública municipal e estadual e com a participação de vários Conselhos, em agosto de 2003 foram iniciadas as atividades do Núcleo de Ensino e Socialização do Autista (Nesa) do qual a Associação é mantenedora. O Nesa conta com uma equipe disciplinar composta por terapeuta ocupacional, psicóloga, pedagoga, fonoaudióloga, assistente social e educador físico. Os principais objetivos da Fonte Viva são o desenvolvimento e manutenção do Nesa, visando habili-

tação e integração à vida comunitária de pessoas com transtorno do autismo, revela Arlete Lima Michelon, diretora executiva da entidade. “Conseguimos concretizar este ideal com o passar do tempo através do repasse de verbas municipais, doações e eventos”, conta, acrescentando que a maior dificuldade continua sendo o alto custo de manutenção. Para cada pessoa atendida o custo é de R$ 2.500,00 mensais. Pessoa física pode contribuir. A contribuição poderá ser feita pessoalmente diretamente na Associação ou poderá ser feita através do telemarketing. “ATENDA COM O CORAÇÃO QUANDO A FONTE VIVA LIGAR”, frisa Arlete.

Associação Fonte Viva R. Dr. Luiz Anhaia Mello, nº 25 - Mogi Guaçu Fone: (19) 3891-8636 - associacaofonteviva@hotmail.com


NotĂ­cia & Cia

13


Hérnia de disco quase sempre causa dor O

disco é uma estrutura de cartilagem, que tem a função de amortecer o impacto entre as vértebras da coluna vertebral cervical, torácica e lombar. No interior da coluna vertebral existe um canal por onde passa a medula espinhal ou nervosa. Quando este disco sai de sua posição normal, pode ocorre a compressão de alguma estrutura nervosa, que chamamos de hérnia de disco. Os discos intervertebrais desgastam-se com o tempo e o uso repetitivo, facilitando a formação do problema que é mais freqüente nas regiões lombar e cervical, por serem áreas mais expostas ao movimento e que supor-

14

Notícia & Cia

tam mais carga. Seu quadro clínico pode apresentar a coluna de forma rígida, a curva lordótica lombar normal pode desaparecer, espasmo muscular pode ser proeminente e a dor aumentar na extensão da coluna e ser aliviada em flexão lenta e pode causar distúrbios neurológicos. A origem exata da dor não é conhecida, mas pode resultar de compressão do nervo sinovertebral. A dor geralmente aparece depois de ataques repetidos de dor localizada e é percebida como aguda, de forma súbita que pode irradiar da coluna ao longo da distribuição inteira da raiz envolvida ou afetar somente uma parte desta raiz. Ambas as dores, localizada e ou generalizada podem ser aliviadas com o repouso e aumenta com as atividades. As hérnias podem ser assintomáticas, neste caso com herniação para o centro dos corpos vertebrais que delimitam o disco. Já a dor sintomática é quando hérnia comprime as terminações e raízes nervosas. As causas mais comuns são: traumas, infecções, malformações congênitas, doenças inflamatórias e metabólicas, neoplasias, distúrbios circulatórios, fatores tóxicos, fatores mecânicos e psicossomáticos.

Pacientes devem fazer exercícios para equilibrar a postura, diz Thiago Xavier

O tratamento da doença O diagnóstico da hérnia de disco é clínico, analisando as características dos sintomas e o exame clínico neurológico. Exames como Raio-X, Tomografia e Ressonância Magnética ajudam a determinar o tamanho da lesão e em que exata região da coluna está localizada. O tratamento é feito com o objetivo de restabelecer o equilíbrio da coluna comprometido com o rompimento da estrutura discal. O tratamento tem o objetivo de restabelecer a estabilidade da coluna vertebral comprometida com a ruptura da estrutura discal. Não basta sedar a dor, mas sim restabelecer o equilíbrio da unidade funcional. O tratamento pode ser conservador como repouso, bloqueio anestésico, ou o uso de analgésico, anti-inflamatório e de calor. A Fisioterapia tem como objeti-

vo recuperar a função, desenvolver um plano de assistência a saúde da coluna e orientar o paciente sobre como evitar recorrências de protusão de disco. Com a fisioterapia, adquirimos liberação, relaxamento da musculatura contraturada, fortalecimento dos músculos abdominais e da região dorso lombar e desenvolvimento de apoio muscular ao redor da coluna e reeducação através de exercícios corporais (RPG – Reeducação postural global). Hoje o pilates é um dos métodos mais procurados para esta reabilitação, pois esta técnica visa a melhora do equilíbrio muscular, fortalecimento muscular, alongamento muscular, melhora na flexibilidade, na respiração, no condicionamento cardio vascular, fortalecimento dos músculos abdominais, na postura e na consciência corporal.


NotĂ­cia & Cia

15


16

NotĂ­cia & Cia

Notícia & Cia, edi. 062  

Jornal Notícia & Cia, edição 062 - Outubro 2011

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you