Page 1

Igreja da Graça Igreja dos “Meninos da Graça” Monumento Igreja ou Convento da Graça, comummente chamada de Igreja dos Meninos da Graça. Localização Largo da Graça, freguesia da Sé e S. Pedro, Évora. Arquitectos Miguel de Arruda, Nicolau de Chanterene, Diogo de Torralva Descrição Histórica: Ainda que alguns cronistas façam remontar a existência da Ordem dos Eremitas Calçados de Santo Agostinho em Évora, pelo menos, ao ano de 1511, o alvará da fundação do convento de Nossa Senhora da Graça foi outorgado pelo Bispo da Diocese - D. Afonso de Portugal - apenas em 1520. A já existente ermida de Nossa Senhora da Graça, a que se deve a invocação da igreja e convento, foi entregue à ordem na mesma data. Nos anos trinta do século XVI já decorriam as obras de ampliação da igreja, dirigidas por Miguel de Arruda a partir dos últimos anos da década. Em 1540 a construção já estava concluída. É considerado o primeiro exemplo do Renascimento na região. Artística: o o o o o o o o

Fachada Maneirista Galilé integrada na fachada Atlantes – quatro esculturas de grandes dimensões, em granito. Sentados, a segurar lanças de ferro, com globos de fogo por trás – Atribuídos a Nicolau Chanterene Planta longitudinal e irregular Interior da igreja constituído por nave única, de quatro tramos e tecto em caixotões Janelas perspectivadas Friso do altar provavelmente esculpido por Chanterene Claustro de 2 pisos com colunata granítica de ordem toscana

Em 1592 decorrem importantes obras no convento, sob a direcção do arquitecto Manuel Gomes. Já no século seguinte, e em consequência dos bombardeamentos da guerra da Restauração, assiste-se, a partir de 1633, ao início de uma nova campanha de obras. Em 1884 desabou a cobertura da igreja, tendo o equipamento decorativo passado para a paróquia de São Pedro, e o altar da Irmandade do Senhor Jesus dos Paços para a Igreja do Espírito Santo. Bibliografia o o

http://www.igespar.pt/pt/patrimonio/pesquisa/geral/patrimonioimovel/detail/71380/ ESPANCA, T, Évora – Encontro com a Cidade. Câmara Municipal de Évora, 1997

Inês Queiroga, nº 13. João Lima, nº21. Luís Vieira, nº 23. Maria Duarte, nº 26

Igreja da Graça, Évora  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you