Page 1

GERAL HOSPITAL DO CÂNCER

CADERNO C4 Quarta-feira, 21 de maio de 2014

E-mail: jornalimpactoms@hotmail.com

Existe compromisso da bancada de apresentar emendas ao Orçamento Geral da União de 2015 para ajudar a entidade

pela ordem Divulgação

Emenda do deputado Vander possibilita aquisição de arco cirúrgico

Divulgação

O

deputado federal Va n d e r Loubet participou na manhã de segunda-feira (19) de uma solenidade na obra do novo prédio do Hospital do Câncer Alfredo Abrão (HCAA), em Campo Grande. O evento reuniu diversas autoridades e marcou o início da etapa final da obra, que está prevista para ser entregue no final do mês de julho deste ano. De acordo com Vander, existe um compromisso da bancada de apresentar emendas ao Orçamento Geral da União de 2015 para ajudar a entidade a adquirir os equipamentos e aparelhos para o novo prédio. "As emendas devem somar R$ 11 milhões - sendo R$ 1 milhão de cada parlamentar - e com certeza vão ser importantes, pois os equipamentos usados para o tratamento de câncer são muito caros. Com o novo prédio e novos equipamentos o Hospital vai poder ampliar e melhorar o atendimento para as pessoas que tanto precisam de tratamento oncológico", destacou o deputado. Logo após a solenidade, Vander, acompanhado pelo diretor do HCAA, Carlos Al-

Paulo Souza é candidato a conselheiro da OAB

Ao lado de Carlos Coimbra, Vander conhece o arco cirúrgico adquirido pelo HCAA

berto Coimbra, conheceu o arco cirúrgico, moderno equipamento de raios-X recém-adquirido por meio de emenda parlamentar de R$ 300 mil do deputado. Esse recurso também permitiu a aquisição quatro monitores multiparamétricos, um bisturi elétrico e dois carros de curativos. "Essa emenda do Vander foi apresentada em 2011 e quase

a perdemos por causa de problemas burocráticos do hospital. Quando assumi a Direção do Hospital imediatamente procurei o deputado e conseguimos reverter a situação. A emenda foi recuperada e agora contamos com um equipamento que cumpre papel fundamental no centro cirúrgico", explicou Coimbra.

Com a chegada do arco cirúrgico, o Hospital será capaz de fazer uma diversidade maior de procedimentos e também melhorar a qualidade de radioscopia, exame responsável pela geração de imagens de partes internas do corpo. A previsão é de que o equipamento seja utilizado inicialmente em cirurgias ortopédicas.

DESMATAMENTO

Hackers são usados no comércio ilegal de madeira A Procuradoria Geral da República detectou no mês passado duas fraudes no comércio de madeira no Pará e outros estados, envolvendo hackers contratados por madeireiros ilegais para acessar o sistema do IBAMA. Eles invadiram o sistema para aumentar as cotas

das madeireiras, permitindo o comércio ilegal de 1,9 milhão de metros cúbicos, o equivalente a 64.000 hectares de produtos florestais entre 2007 e 2012. Com a contratação desses piratas cibernéticos, detectada em 2008 pela Polícia Federal, os cartéis de madeireiros do Pará

roubaram da Amazônia e outros estados, através de fraudes nas licenças de corte e transporte, um montante superior a R$ 2 bilhões em valores atuais. O MPF do Pará autuou 107 empresas e 202 pessoas por envolvimento na fraude, que é a maior no conjunto de ações

ambientais já encaminhadas pelo MPF à Justiça Federal. O Mato Grosso é o segundo estado da federação que mais desmata. Para se ter uma ideia, entre agosto de 2011 e julho de 2012, foram extraídos ilegalmente mais da metade de sua produção madeireira.

A Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional de Mato Grosso do Sul está passando por momentos administrativos difíceis cuja superação depende agora da mobilização dos profissionais advogados que sempre comprometidos com a OAB-MS para todos e, principalmente, guardiã da ordem. É o caso do advogado e ex-presidente da Caixa de Assistência dos Advogados, Paulo Roberto Neves de Souza. Ele é candidato a conselheiro estadual. A CHAPA PELA ORDEM, grupo que se formou para resgatar todas as prerrogativas da OAB-MS, está trabalhando na Capital e no interior do Estado apresentando proposta que efetivamente terá o aval da maioria que for às urnas para eleger da futura diretoria da entidade. Quem sabe da importância da OAB-MS não avalia com naturalidade a possibilidade de haver mais abstenções e votos nulos e brancos do que votos válidos na eleição suplementar marcada para o dia 16 de junho. “A maioria deseja mudança”, acentua Paulo Souza. O ex-presidente da CAAMS, na gestão do então presidente Fábio Trad, conclama os advogados da Capital e do Interior a participarem da eleição suplementar para o resgate da instituição que é um dos pilares de sustentação da democracia brasileira. “Não era minha intenção disputar nenhuma indicação na OAB-MS, mas a situação em que se encontra entidade fez com que eu revesse a postura anteriormente assumida. Agora sou candidato a Conselheiro Estadual para a ajudar a entidade mater dos advogados”, declarou Paulo Souza. Ministro Carlos Ayres Brito - "A OAB desempenha um papel de representação da sociedade civil, histórica e culturalmente, que pode se assemelhar àquele papel típico da imprensa. É bom que a Ordem dos Advogados Brasil permaneça absolutamente desatrelada do Poder Público. Longe de ser fiscalizada pelo Poder Público, ela deve fiscalizar com toda autonomia, com toda independência, o Poder Público, tal como faz a imprensa." Com base no comentário feito pelo então ministro do Supremo Tribunal Federal, o candidato a conselheiro da OAB-MS, Paulo Souza, espera que a maioria dos advogados regularmente inscritos compareça e exercite o voto PELA ORDEM. O Grupo - Liderados pelo

advogado Alexandre Bastos, o grupo de advogados denominados Pela Ordem registrou candidatura. O grupo que na eleição passada disputou com o então presidente Júlio Cesar. Porém agora foi reforçado com significativa parcela do grupo que apoiou à candidatura de Marco Túlio naquela eleição. Assim a chapa demonstra ser totalmente independente do restante da atual administração; o que é uma das tônicas do discurso adotado, ou seja, a independência e desvinculação dos grupos existentes há décadas. Diretoria: Vice Presidente – Alexandre Bastos;Secretário Geral – Jose Eduardo Cury; Secretário Adjunto – César Gilberto Gonzalez; Tesoureiro – Euclides Bruschi Junior;Conselho Federal Titular; Antonio Cezar Lacerda Alves; Conselho Federal Suplente;Maristela Linhares Marques Walz;Valdir Custódio da Silva; Vanilton Barbosa Lopes. Conselho Titular: Cerilo Calegaro Neto – Clarence Duccini - Diego Granzotto de Pinho – Felix Nunes da Cunha – Jose Manuel Marques Candia – Julio Cesar Mancini – Leonardo Costa – Marcelo Radaelli – Marco Aurelio Rocha – Paulo Roberto Neves de Souza Shenia Renaul Vidal – Walter Ayala do Nascimento – Walfrido Azambuja Junior. Conselho Suplente: Acir Murad Sobrinho – Danilo Garcia – Albino Romero – Andressa Rodrigues Basmage Machado – Danielly Vieira de Pinho – Dartagnan Zanella Messias – Delcindo Afonso Vilela Junior – Fabio Teodoro de Faria – Felipe Mattos Ribeiro – Fernando Lopes de Araújo – Henrique Vilas Boas Faria – Ivan Gibin Lacerda – Jorge Talmo de A. Moraes – Jose Luiz de Aquino Amorin - Lucas Lemos Navarros – Luiz Carlos Ferreira – Marcelo Dib Rhain – Marcus Antonio Ruiz – Maria Valda de Souza Oliveira – Nelson Chaia Junior – Nerio Andrade de Brida – Nilton Alves Ferraz – Osmar Martins Blanco – Ricardo Soares Sanches Dias – Robson Luiz Coradini – Robson Queiroz de Rezende – Sebastião Paulo Miranda – Victor Salomão Paiva – Walesca de Araujo Cassundé – Wander Vasconcelos Galvão – Wilson Pinheiro – Wilson Robero Victorio Santos; Caixa de Assistência dos Advogados – Diretoria; Presidente – Marcio Lolli Guetti;Secretário Geral – José Armando Cerqueira Amado e Secretário Adjunto – Marcio Messias Oliveira.

12_  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you