Page 1

GERAL EDUCAÇÃO

SANTA CASA

Prefeitura realiza Oficina Literária de Criação Poética A Prefeitura Municipal de Coxim, através da Fundação Professora Clarice Rondon de Cultura Desporto e Lazer (FUNRONDON) em parceria com o governo do estado realiza nos dias 9 e 11 de junho, das 18 às 23 horas, o projeto “Oficina Literária de Criação Poética”, com uma carga horária de 15 horas. As inscrições já podem ser feitas na FUNRONDON. Segundo a diretora- presidente da FUNRONDON, Catarina Guerchi Nunes, este projeto tem como objetivo produzir poesias com qualidade, repassando técnicas viáveis relacionadas à construção de poesias, debatendo experiências na elaboração de textos literários e incentivando o gosto pela leitura e escrita, qualificando assim novos talentos de cada polo

sul-mato-grossense, na arte de ler, escrever e falar. “Este projeto prima pela qualidade, enriquecimento e nova oportunidade aos profissionais e poetas, contemplando sobremaneira o âmbito literário, enaltecendo aqueles que já são militantes na área e que, por ventura, ambicionem o seu aprimoramento e também aos que se encontram distantes da arte de escrever”, explicou Catarina. Ainda conforme a diretora-presidente da FUNRONDON, o curso será ministrado pelo escritor, poeta performático Ruberval Cunha. As aulas serão ministradas no auditório da Escola Padre Nunes, na Rua Pereira Gomes, 355, Bairro Santa Maria. A inscrição é gratuita e pode participar pessoas com idade acima de 16 anos.

COXIM

Hospital Regional terá unidade para emissão de certidão de nascimento A Prefeitura de Coxim vem trabalhando para garantir à população o exercício da cidadania. Por isso, em abril deste ano, o prefeito Aluizio São José (PSB), aderiu ao projeto “Unidades interligadas”, que permitirá aos pais a emissão do registro civil do recémnascido logo após o parto, no Hospital Regional Álvaro Fontoura. Elaborado pelo governo do estado, Superintendência de Gestão da Informação, com acompanhamento do Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul, Corregedoria e Associação dos Registradores, Cartorários e Notários de MS, este sistema veio para simplificar a vida dos cidadãos coxinenses e facilitar o acesso ao registro civil. Para isso, o Hospital Regional já recebeu um micro-

computador, uma impressora com scanner, um no-break, uma cadeira giratória, uma escrivaninha, uma cadeira fixa e um armário de aço. “Agora faltam poucos detalhes para começarmos a emitir as certidões. Acredito que até o próximo mês, o sistema estará instalado”, falou o diretor geral do Hospital Regional, Marcelo César de Arruda. Segundo o prefeito Aluizio São José, esta iniciativa facilitará a vida de muitas famílias. “Aqui em Coxim nascem em média 50 bebês todos os meses e com este sistema os pais poderão registrar o filho dentro do hospital, antes de receber alta. Sem dúvida esta iniciativa trará mais praticidade para as famílias”, comentou. Eduardo Bampi

CADERNO C4 Sexta-feira, 6 de junho de 2014

E-mail: jornalimpactoms@hotmail.com

O evento tem como objetivo abordar a estratégia de vigilância medicamentosa para evitar danos ao paciente

Palestra sobre “Medicamentos de alta vigilância e segurança do paciente” Assessoria

A

tento às novas tendências de cuidado ao paciente, o hospital lança nesta sexta-feira, dia 6 de junho, o “Boletim dos medicamentos de alta vigilância”, que será distribuído aos profissionais de saúde. Para contribuir com a qualificação dos colaboradores nas ações relacionadas ao cuidado em saúde, a farmácia hospitalar da Santa Casa de Campo Grande promoverá palestra com o tema “Medicamentos de alta vigilância e segurança do paciente”. O evento acontece às 19h no auditório “Carroceiro Zé Bonito”, na sede do hospital. O evento tem como objetivo abordar a estratégia de vigilância medicamentosa para evitar danos ao paciente. O evento será marcado pelo lançamento do Boletim dos medicamentos de alta vigilância, que será distribuído aos profissionais médicos e enfermeiros da Santa Casa. Em todo o mundo as situações adversas no processo da assistência à saúde são frequentes. Estudos realizados nos EUA revelam que cada paciente internado em hospital norte-americano está sujeito a um erro de medicação por dia, sendo registrado anualmente no mínimo 400 mil situações adversas e evitáveis relacionados a medicamentos. As falhas no processo de utilização dos remédios são consideradas importantes fatores contributivos à redução da segurança do paciente. Considerando-se a prevenção de erros, deve-se destacar o grupo e medicamentos

O evento tem como objetivo abordar a estratégia de vigilância medicamentosa para evitar danos ao paciente

classificados como “potencialmente perigosos ou de alta vigilância (Highalert Mediations)”, que possuem maior potencial de provocar dano ao paciente quando existe erro na sua utilização. Erros envolvendo estes medicamentos têm maior gravidade, sendo necessária a adoção de protocolos específicos para prevenção. A incorporação de princípios para reduzir erros humanos, minimizando os lapsos de memória, promovendo acesso a informação sobre os medicamentos e desenvolvendo padrões internos de treinamentos reduz a probabilidade de falhas e aumenta a chance de interceptá-las antes de re-

sultar em prejuízos ao paciente. Neste sentido, devem-se incluir estratégias como a padronização de processos, o uso de recursos da tecnologia da informação, educação permanente e, principalmente, o acompanhamento das práticas profissionais em todas as etapas do processo que envolve o medicamento, atentando para as novas tendências do cuidado ao paciente e obedecendo a Portaria MS/GM nº529, de 1º de abril de 2013, instituída pelo Ministério da Saúde que trata do Programa Nacional de Segurança do Paciente. Os medicamentos presentes neste boletim serão identifi-

cados com uma embalagem com tarja amarela, com o intuito de alerta para a equipe multiprofissional. A palestrante será a farmacêutica Elaine de Andrade Azevedo, membro do conselho científico da ISMP (Instituto para Práticas Seguras no Uso de Medicamentos), que discorrerá sobre a influência do controle das medicações de alta vigilância na segurança do paciente. O evento, promovido pelos farmacêuticos, é voltado a todos os profissionais da instituição, através da produção, sistematização e difusão dos conhecimentos desses fármacos de potencial risco ao paciente.

LINHA AÉREA

Campo Grande retoma voos internacionais

Reprodução

Campo Grande iniciou na quarta-feira, dia 4, a partir das 15h30, os voos internacionais pelas Linhas Aéreas Amaszonas. A solenidade de inauguração contou com a presença da diretora-presidente Fundação de Turismo de Mato Grosso do Sul, Nilde Brun, e do gerente das Linhas aéreas Amaszonas, Dardo Gomes, que recepcionaram os passageiros e convidados no saguão do Aeroporto Internacional de Campo Grande. De acordo com a Amaszonas Linhas Aéreas os voos regulares serão realizados as segundas, quartas e sextas-feiras, com chegada prevista às 15h30 em Campo

Grande e retorno a Santa Cruz de La Sierra às 16 horas. A aeronave que fará a rota possui 50 lugares. “A América do Sul, que tem aproximadamente 350 milhões de habitantes, é um mercado turístico e de negócios em ascensão e este voo beneficiará a aproximação do Brasil com a Bolívia e toda a América do Sul”, afirmou a diretora-presidente da Fundação de Turismo de Mato Grosso do Sul, Nilde Brun. A ligação aérea de Campo Grande com a cidade boliviana de Santa Cruz de La Sierra pelas Linhas Aéreas Amaszonas foi anunciada no dia 14 de maio pelo governador André Puccinelli

Os voos regulares serão realizados as segundas, quartas e sextas-feiras

(PMDB) e o presidente da companhia aérea, Sérgio de Urioste. A expectativa é de que os novos voos fomentem não

apenas o turismo interno como também possibilite a conexão do Estado com outros destinos na América do Sul.


12_  
Advertisement
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you