Page 1


01

DESIGN PARA INOVAÇÃO SOCIAL

QUINTA-FEIRA 08 DEZ 2016

Projeto de plataforma para transformação de Organizações Não Governamentais (ONGs)

A

s diferenças entre classes sociais sempre estiveram presentes no cotidiano da sociedade, porém com o avanço da globalização estas diferenças tornaram-se muito mais evidentes. Devido a ineficiência do Estado em agir perante dificuldades como estas, fez-se oportuno a criação de entidades capazes de atuar e resolver tais questões, surgindo assim um novo modelo de organização, as Organizações Não Governamentais (ONGs) (TENÓRIO, 2006). Estas organizações exercem papel fundamental para o desenvolvimento das comunidades.

CÓDIGO CIVIL BRASILEIRO (CCB)

Organização Não Governamental (ONG) Organização da Sociedade Civil (OSC) nomenclaturas de uso popular

Código Civil Fundações e Associações Sem Fins Lucrativos (FASFIL) nomenclaturas reconhecidas

Associação

Fundação

união de pessoas que se organizem para fins não econômicos.

especifica-se o fim a que se destina através de um testamento; fins religiosos, morais, culturais ou de assistência Ministério Público

Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (OSCIP) qualificação outorgada pelo Ministério da Justiça – MJ

Organização Social (OS) qualificação concedida a pessoas jurídicas de direito privado, sem fins lucrativos, cujas atividades sejam dirigidas ao ensino, à pesquisa científica, ao desenvolvimento tecnológico, à proteção e preservação do meio ambiente, à cultura e à saúde

Para uma melhor compreensão das nomenclaturas das diferentes organizações com cunho social, é necessário entender como funciona a Sociedade Civil. Para o Código Civil Brasileiro (CCB) a Sociedade Civil faz parte do terceiro setor, sendo o

primeiro setor formado pelo Governo; o segundo pelas empresas privadas e o terceiro é formado por instituições sem fins lucrativos


ABORDAGEM

02 QUINTA-FEIRA 08 DEZ 2016

A

través das pesquisas de campo pode-se observar pontos cruciais que ajudaram a organizar a forma com que a solução proposta funcionaria. Porém antes mesmo de criar algo concreto, foi necessário criar um método de abordagem do projeto. Este método será o norteador das atividades dentro da plataforma proposta, afim de auxiliar os usuários na construção dos projetos idealizados.

FERRAMENTAS

PARCEIROS

COMUNIDADE IMPACTO

4

PESQUISA

REALIZAÇÃO

3

Identificou-se três etapas que possibilitam a estruturação de projetos, são elas: Pesquisa; Realização; e Impacto. Para cada uma das áreas são necessários diferentes tipos de abordagens para que se possa compreender os objetivos a serem alcançados. As três áreas são interligadas, no qual em cada parte que se entrelaçam existe uma nova etapa. Esta estrutura é sustentada por outras três partes de importância crucial: Comunidade; Parceiros; e Ferramentas. No espaço “Comunidade” estão os usuários, as pessoas que não conseguem ficar paradas e ver o

1

2

COMPREENDER EXPLORAR

MOTIVAR MENSURAR

mundo passar perante seus olhos, aqui estão todas as pessoas que querem ajudar. Os “Parceiros” são empresas de diferentes indústrias que fornecem conhecimento e apoio aos projetos. Como forma de auxiliar o desenvolvimento de

ideias, estão as “Ferramentas”. Um espaço abastecido pela comunidade ativa com intuito de apresentar meios para a realização dos projetos


IDENTIDADE

P

ara Strunck (2012) o nome é uma parte extremamente importante e precisa ser de fácil memorização como também precisa referenciar o produto e/ou serviço que será entregue. Como parte da construção do conceito do projeto, passou-se por uma fase extensa de pesquisa para encontrar o nome da plataforma desenvolvida. Como o projeto preza pela colaboração das pessoas em prol do desenvolvimento social, iniciou-se uma pesquisa para compreender como surgiram as primeiras civilizações do planeta. Assim deparou-se nos povos da Mesopotâmia, atual região do Iraque.

03

Durante a fase de geração de alternativas, buscou-se identificar outros possíveis caminhos a seguir. Deparou-se então com o animal marinho, polvo. O polvo é um animal extremamente inteligente, capaz de distinguir as diferenças entre formas extremamente similares. Como o polvo possui 8 tentáculos, percebeu-se a oportunidade de explorar este conceito, trazendo ao projeto a diversificação de áreas de atuação representadas através dos braços do animal. Para conseguir sustentar seus 8 tentáculos, o Polvo possui 3 corações, assim como na solução proposta, trabalha-se com 3 fontes de abastecimento,

QUINTA-FEIRA 08 DEZ 2016

organizações da sociedade civil, as pessoas da comunidade e empresas. Um fato interessante é que o polvo possui sangue azul por razões do alto índice de cobre encontrados na hemocianina. A hemocianina possibilita uma melhor oxigenação do sangue em águas geladas.

Fez-se então uma ligação entre o cobre do sangue do polvo com o cobre utilizado pelos povos da Mesopotâmia. Um elemento crucial para a sobrevivência de um animal, como também um metal que iniciou uma nova era, a Era do Bronze. Optou-se por utilizar a língua inglesa para o naming da plataforma, pois cobre em inglês se pronuncia copper, assim fazendo uma alusão a palavra “cooperação”. Como forma de melhorar visualmente a palavra, optou-se por retirar um dos “p”. Chegando então ao nome escolhido para a plataforma, Coper.


REFERÊNCIAS

P

articiple é uma organização que preza pelo bem-estar social, apresentando novas abordagens no qual desenvolvem as capacidades individuais das pessoas para que estas possam ser fator de transformação social. Fundada em 2005 no Reino Unido, e extinta em 2015, a organização projetou um site para servir como legado, dedicado a compartilhar insights obtidos através dos serviços projetados durante sua existência. Suas ações impactaram mais de 12.000 pessoas durante 10 anos de atuação, no qual foram desenvolvidos seis novos serviços em prol do bem-estar social. O projeto ainda ajudou 53% das pessoas abordadas a voltarem ao mercado de trabalho como também incentivou novas amizades e a aceitação de uma dieta balanceada, entre outros projetos.

E

sta ramificação da IDEO busca acabar com a pobreza através da criatividade, empatia e inovação para o setor social. Para melhor atender a problemas sociais, seu time desenvolve projetos human-centered, centrado no ser humano. Assim, focando na melhoria da qualidade de vida das pessoas que vivem em comunidades vulneráveis através do design. O processo adotado pela instituição é dividido em três áreas: produtos, serviços e experiências criadas; problemas em foco; e o setor social (terceiro setor). Para a realização dos projetos, a IDEO.Org não atua sozinha, mas sim desenvolve parcerias com diversas ONGs e entidades governamentais, utilizando sua equipe multifacetada, na qual possui perfis de profissionais bastante distintos buscando resolver problemas.

04 QUINTA-FEIRA 08 DEZ 2016

O

projeto Dream:in é um movimento global, uma gigante plataforma digital online de inovação aberta e uma incubadora criativa. Em outras palavras, é uma organização de rede mundial, que busca dar voz as comunidades em países emergentes através da realização de projetos pensados para as comunidades e, mais importante ainda, pensado pelos cidadãos. Localizada na cidade de Bangalore, mais precisamente ao sul do segundo país mais populoso do mundo, Índia. Através do desenvolvimento de sistemas e ferramentas metodológicas, o projeto busca agregar e criar valor entre negócios locais e as comunidades. Uma sociedade inteligente e saudável é uma sociedade sonhadora, e para o Dream:in todas as p e s s o a s possuem o direito de sonhar


PLATAFORMA

05 QUINTA-FEIRA 08 DEZ 2016

Após o cadastro no site a organização será direcionada a plataforma, tendo como primeira tela o seu perfil . Neste perfil estarão expostos diferentes pontos relacionados ao questionário respondido, como Área de atuação, Situação financeira, Dificuldades, Qualidades, Parceiros, Projetos e Programas. Esta malha é orgânica possibilitando uma fácil interação, podendo ser arrastada conforme as necessidades da ONG. As 4 áreas de atenção identificadas nos padrões de resposta (Captação de Recursos;

Oportunidade e Impacto; Meios de Comunicação; e Parcerias) serviram para criar Programas. Estes programas são espaços com membros da comunidade Coper que possuem conhecimento na área e estão dispostos a trabalhar com a ONG

RECURSOS

COMUNICAÇÃO

PARCERIA

CONHECIMENTO

como também empresas que estão disponíveis para auxiliar ou prestar algum tipo de consultoria. Conforme os dados preenchidos, cada programa ficará exposto em uma cor diferente. Neste caso , Recursos e Comunicação estão em vermelho. A cor amarela significa que é uma área que está bom, porém pode ser aprimorada e a cor verde representa áreas que estão sendo executadas com êxito pela organização.


PARTICIPE

06 QUINTA-FEIRA 08 DEZ 2016

EMPRESA COPER PARCEIRA

Ç

O

S

3 S

NÍVEL DE COPERAÇÃO

T

O

O DE C P ERA

O

V

EL

3

E

R

Ç

M

COPERS

O

L

O

PASSAPORTE SOCIAL

O S AD ONH

O DE C P ERA

2

PO

P

LV

EL

2

Ã

1

O

1

Ã

Ç O

VANTAGENS COPERADOR

O DE C P ERA

Ã

EL

Sua empresa atuará ativamente na construção de uma sociedade melhor, fortalecendo sua relação com o terceiro setor.

V

Sua ONG terá uma grande rede de colaboradores e parceiros ativos que irão auxiliar no crescimento e desenvolvimento da sua organização.

Você poderá trocar seus Pontos de Coperação em instituições parceiras, podendo ganhar descontos em produtos, cursos, palestras e eventos educacionais e culturais.

V

ONG COPER

V

COPERADOR

RE

DOS

PO

LV

PRODUTOS EXCLUSIVOS

custo operacional salário

alimentação

luz, agua, tel, internet, tv

outros

fontes de receita

doações $ mensais / mensalidade / apadrinhamento doações $ mensais espontaneas venda de produtos

VANTAGENS ONG COPER

EMPRESA COPER VANTAGENS PARCEIRA

venda de rifas nota fiscal repasse Estado

VISUALIZAÇÃO DE DADOS E IDENTIFICAÇÃO DE OPORTUNIDADES

FORTALECIMENTO DE AÇÕES E PARCERIAS

PASSAPORTE SOCIAL

PRODUTOS EXCLUSIVOS

SELO COPERADOR SOCIAL

FORTALECIMENTO DE AÇÕES E PARCERIAS

PASSAPORTE SOCIAL

PRODUTOS EXCLUSIVOS

Tornando-se um Coperador você poderá atuar ativamente na construção da nossa sociedade. Para saber mais sobre este projeto acesse: www.coper.cc


ALUNO Gabriel Parolin Arnold ORIENTADOR Igor Escalante Casenote

88242 revistadiario coper  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you