Page 1

A polêmica semana da UniFAI Do céu ao inferno. Assim pode ser definida a última semana na UniFAI (Centro Universitário de Adamantina). Da certa tranquilidade à conturbada nomeação de Marisa Cardim, os holofotes estiveram voltados a autarquia municipal. Entenda os fatos que marcaram a semana na instituição de ensino.

ginoticias.com.br Ano 20 - No 1226

Adamantina-SP

Sexta-feira

9 de fevereiro de 2018

Câmara solicita reajuste no vale e no salário dos servidores da Prefeitura Os vereadores de Adamantina apresentaram indicação solicitando reajuste do vale-alimentação e do salário dos servidores públicos municipais.

Na sessão de segunda-feira (5), o tema foi debatido pelos parlamentares, que questionam a falta de interesse do Executivo em debater o assunto.

Estudantes de Medicina fazem abaixo-assinado contra nomeação de Marisa Cardim

Vereador traz preocupação: aumento da evasão de alunos da UniFAI

Instituição se posiciona e alega legalidade na nomeação de primeira-dama

Perda das bolsas de estudo também é questionada; prefeitura se posiciona

Câmara cobra explicação e diz que fiscalizará atos da autarquia municipal

Após repercussão negativa, Marisa pede cancelamento de nomeação

P4

I I I I CADERNO I

Vereador de Tupã denuncia que esposa de Gussi era contratada de Alguz com salário de R$ 12 mil; deputado federal se defende P11

P6 e P7

Adamantina recebe Jogos Regionais do Idoso até domingo

P9


2

ESPAÇO LIVRE

Editorial

defasado em relação a outras prefeituras da região. Mais do que simplesmente aumentar as gratificações, a medida pode motivar o funcionalismo a se dedicar ainda mais em prol do Município, que hoje necessita do servidor para sanar problemas crônicos da cidade. Por isso, a Prefeitura deve deixar de lado a falta de interesse em debater o assunto, conforme disse o vereador Alcio Ikeda (Podemos), e encontrar meios saudáveis aos cofres públicos de

conceder reajustes dignos. Porém, outras ações são necessárias. Cursos profissionalizantes, atualizações e outros tipos de incentivos são essenciais, o que trará reflexos positivos para administração pública e, consequentemente, a população. Mesmo com salários não tão atrativos, hoje o servidor municipal de Adamantina é exemplo de dedicação e empenho pela cidade. Fica a nossa cobrança para a valorização desta classe que tanto merece!

O livro proibido da Ditadura Militar

MARCOS VAZNIAC é historiador

Era o mês de julho de 1985. A Ditadura Militar no Brasil acabará há poucos meses. O país elegerá seu primeiro presidente civil, desde Jânio Quadros, e se preparava para eleger a nova Assembleia Nacional Constituinte, que iria redigir a futura Carta Magma. O mundo esperava a visita do cometa Halley, e nossa seleção, dirigida por Tele Santana, tentava uma vaga na Copa do Mundo, que novamente seria disputada no México. Foi no frio do inverno que um livro lançado pela editora Vozes, de Petrópolis, sacudiu a moribunda ditadura. O livro Brasil Nunca Mais, com prefácio de D. Paulo Evaristo Arns, Arcebispo da Arquediocese de São Paulo, chegou às bancas com mais de 300 mil exemplares, logo vendidos. Como isso aconteceu? Bem debaixo das cristas dos militares, um grupo de religiosos e advogados conseguiram junto ao Supremo Tribunal Militar de Brasília, pegar, legalmente toneladas de provas cometidas pelos militares contra civis, reunir todas as provas e editar um livro, conforme feito. O livro-denúncia, elaborado pela equipe BNM, trouxe à tona as atrocidades e torturas cometidas nos porões da Ditadura Militar. O livro foi como uma bomba dentro dos quartéis e foi muito bem aceito pela sociedade civil. Mas a guerra entre opositores e defensores do regime, não tinha inda terminada. O lançamento de Brasil Nunca Mais teria troco. A responsabilidade pela elaboração do livro que seria troco ao Brasil Nunca Mais, coube ao general Leônidas Pires Gonçalves, idealizador do projeto Orvil (livro escrito de trás para frente). O projeto Orvil durou quase três anos e a conclusão chegou a quase mil páginas, com a versão que os militares tinham do período. Era um livro para rebater os comentários reunidos no Projeto Brasil Nunca Mais. Em 1988, o general responsável pelo projeto subiu o Palácio do Planalto e foi falar com o presidente José

IMPACTO

OS/AS ALOPRADOS/AS TOMARAM CONTA DAS "PAREDES ALVAS"...

Reajuste digno! Entre as polêmicas que marcaram a primeira sessão do ano na Câmara Municipal de Adamantina, um assunto merece atenção dos parlamentares e do Executivo: reajuste do vale-alimentação e do salário dos servidores municipais. Sem revisão desde 2013, o benefício do funcionalismo da Prefeitura está bem abaixo de outros órgãos públicos, como da própria UniFAI (Centro Universitário de Adamantina). E, o salário, teve reajuste de apenas 5% no ano passado, ficando

Sexta-feira 9 de fevereiro de 2018

WWW.GINOTICIAS.COM.BR

2 -CADERNO I

Sarney, que não aprovou a edição do Orvil. Para Sarney, as feridas do passado estavam sendo cicatrizadas e não era necessário haver rancores, pois o Brasil era outro, com uma nova Constituição que estava por ser aprovada. O general não gostou do que ouviu, mas como bom soldado acatou a ordem de seu superior, e esqueceu o Orvil. Mas cópias do original Orvil ficaram nas mãos de militares e civis, denominados guardiões. Tais pessoas guardaram o segredo do Orvil até uma cópia do documento, caiu nas mãos do jornalista mineiro Lucas Figueiredo que lanço em 2009, o livro Olho por Olho, pela editora Record, onde narra a história de ambos os livros secretos da ditadura militar. Vale a pena ler Olho por Olho e descobrir como era a rivalidade no mundo intelectual dos opositores e defensores do regime militar. O livro de Figueiredo trás notas sobre alguns intelectuais e políticos importantes do Brasil nesta década como ex-presidentes Dilma Roussef Lula e Fernando Henrique Cardoso, religiosos como o teólogo da libertação Frei Beto, o bispo da Prelazia de São Fêlix do Araguaia, D. Pedro Casaldáliga, o ex-governador de São Paulo, José Serra e, intelectuais como o escritor Antônio Calado e o cantor e escritor Chico Buarque. Vale lembrar que na época que o livro Brasil Nunca Mais começou a ser escrito (1979), logo após a Anistia Geral promulgada pelo último presidente militar o General João Batista Figueiredo, o mundo ainda respirava os últimos resquícios da Guerra Fria, que dividiu o mundo entre capitalistas e socialistas, onde o jogo de espionagem e heróis ainda existia. Foi neste cenário, que o dinheiro vindo da Suíça, via fundo do Conselho Mundial de Igrejas (CMI), chegou em forma clandestina de chocolate (código secreto) para a realização do projeto Brasil Nunca Mais. Olho por Olho, de Lucas Figueiredo é uma boa sugestão de leitura, e para ter mais conhecimento dobre o período mais tenso do Brasil no século XX.

SÉRGIO BARBOSA é jornalista diplomado e professor universitário "Há três espécies de cérebros: uns entendem por si próprios; os outros discernem o que os primeiros entendem; e os terceiros não entendem nem por si próprios nem pelos outros; os primeiros são excelentíssimos; os segundos excelentes; e os terceiros totalmente inúteis." (Maquiavel) "Todos vêem o que você parece ser, mas poucos sabem o que você realmente é." (Maquiavel) "O primeiro método para estimar a inteligência de um governante é olhar para os homens que tem à sua volta." (Maquiavel)

Aos acadêmicos e acadêmicas do Curso de Medicina, dedico! Nestes últimos dias, talvez, semanas, tendo em vista que circulavam rumores aqui e ali quanto aos nomes indicados para alguns cargos de confiança (sic) nas "Paredes Alvas"... Além do mais em meio ao tudo de menos naqueles lados acadêmicos, pode-se escrever que "muita água, ainda, vai passar debaixo da ponte" por causa dos últimos acontecimentos envolvendo "as imposições" quanto as no-

meações em nome do mesmo grupo de sempre... Não se pode esquecer que as coisas andam de mal a pior na instituição maior da Província, para isso, basta levantar o número de cursos que faz anos que não "abre turmas" e até onde se sabe, este ano o número aumenta e assim por diante... Entretanto á mídia impressa publicou uma verba fantástica para atividades mercadológicas (sic), porém, sem um Planejamento Estratégico Organizacional, bem como, Pesquisas diversas e direcionadas para os interesses acadêmicos, tudo fica mais do que comprometido em nível institucional... Também, faz-se necessário que a instituição faça investimentos na área de Logística focada nas atividades desenvolvidas pelos docentes, discentes e funcionários, buscando de um jeito ou de outro, racionalizar despesas sem perder a qualidade em tempo de pós-globalização organizacional... Mas, depois das tais nomeações, com certeza, "indicações" do outro lado para o lado das "paredes alvas" por meio do famigerado "cumpra-se" com aval quase amplo, geral e irrestrito das Comissões para isto e mais aquilo, o que está ocorrendo são desencontros com os discentes do Curso de Medicina e ponto quase final... A publicação e veiculação de uma "Nota Oficial" pela instituição não explica nada de nada, portanto, pelo teor do "abaixo assinado" dos discentes do curso de Medicina quanto a uma das nomeações em especial, com certeza vai colocar mais "lenha nesta fogueira" institucional... Neste cenário que envolve os/as aloprados/as acadêmicos em todos os sentidos, isso é, aqueles/as que estão fazem parte do "grupo" em nome dos interesses de sempre, todavia, os problemas estão camuflados e a maioria dos docentes, discentes e funcionários, apenas ficam reproduzindo o senso comum disto ou daquilo... É necessário um "choque de gestão organizacional" para tentar colocar as "paredes alvas" no rumo, isso é, se tal choque conseguir os objetivos, considerando que as "trocas nada simbólicas" estão dominando tudo e todos/as... O momento é mais do que complicado na instituição e "todo cuidado é pouco" neste tempo novo tempo para os lados das "paredes alvas"... Quem viver, vai ver...

Nossa Missão

"Informar, defender os interesses coletivos, promover a discussão de idéias e estimular a prática da democracia.”

Diretor e Jornalista responsável: Sérgio Vanderlei - (18) 99739-7000 - MTb - 46.188/SP - sergio@gimpacto.com.br · Gerente Administrativo: Alessandro dos Santos - (18) 99704-9007 - alessandro@gimpacto.com.br · Departamento Comercial: Rogério Grespi - (18) 99736-2449 - rogerio@gimpacto.com.br - Regina Romão - (18) 99715-5662 - regina@gimpacto.com. br · Departamento Assinaturas/Cobranças: Diego Mateus - (18) 99671-9775 - diego@gimpacto.com.br · Diagramação e Criação: Gustavo Oliveira · Redação: João Vinícius - joaovinicius@gimpacto.com.br · Distribuição: Diego Mateus - (18) 99671-9775 - diego@gimpacto.com.br · Circulação: Adamantina - Mariápolis - Parapuã - Osvaldo Cruz - Salmourão Sagres - Inúbia Paulista - Lucélia - Flórida Paulista - Flora Rica - Irapuru - Pacaembu - Junqueirópolis - Rinópolis e Rubiácea · Tiragem - 4 mil exemplares

Silva & Monarin Editora Ltda ME. CNPJ - 02.463.047/0001-17

Rua Euclides da Cunha, 4 - Centro - Adamantina-SP - CEP 17800-000 Telefone/Fax: (18) 3522-1199 - www.ginoticias.com.br


IMPACTO

Sexta-feira 9 de fevereiro de 2018

WWW.GINOTICIAS.COM.BR

PUBLICIDADE

CADERNO I - 3

3


4

GERAL

Há seis meses, Residencial San Miguel aguarda finalização do serviço de identificação de ruas

Semáforos Outro problema de sinalização de trânsito foi comentado na primeira sessão do ano da Câmara – a constante quebra dos semáforos da cidade. Nas últimas semanas, o IMPACTO recebe diversas reclamações da precariedade no funcionamento dos equipamentos, principalmente da avenida Rio Branco com a rua Joaquim Nabuco. Volta e meia o semáforo fica com apenas a luz de alerta ligado, complicando o trânsito em uma das principais esquinas da cidade. O vereador Eder Ruete (DEM) fez requerimento questionando quais são as ações de planejamento quanto às melhorias do trânsito no ano de 2018, referentes às melhorias de

mobilidade urbana, como: mudanças de mão das ruas, manutenções constantes nos semáforos, sinalização vertical das vagas e criação de novas vagas denominadas Zona Azul. “Uma pergunta que faço é qual o planejamento para 2018? É notório em nossa cidade que falta revisar os nossos semáforos, eles não funcionam. Então que faça um planejamento de revisão. Também é que precisa-se mais vagas de Zona Azul, é uma dificuldade estar no centro da cidade. Aqui tem as vagas de idosos, porém só existe sinalização horizontal. Precisa também vertical para se fiscalizar. Por isso pergunto qual o planejamento de trânsito para este ano”, enfatizou.

JOÃO VINÍCIUS | GRUPO IMPACTO

Encontrar um endereço em Adamantina é um desafio. Isso porque inúmeras ruas estão sem placas de identificação. O problema vai do centro até os bairros mais afastados, principalmente nos novos loteamentos, e faz com que motoristas se percam a procura de um endereço desconhecido. São diversos os relatos da população que encontram dificuldades para receber contas e mercadorias devido à falta de placas. Recentemente, o IMPACTO trouxe a reclamação dos moradores do Residencial San Miguel, que há anos aguardam a identificação das ruas. Há seis meses, a Prefeitura deu indícios que resolveria o problema iniciando a pintura de postes para colocação dos nomes. Porém, até o momento nada foi feito. Além dos novos loteamentos, o problema é recorrente em outros pontos da cidade, o que fez a vereadora Maria de Lourdes dos Santos Gil, a Dinha, e o vereador Aguinaldo Galvão, ambos do DEM, indicarem a Prefeitura de Adamantina a volta do serviço. “A presente medida se tornou eficaz, tendo em vista que os custos são baratos para os cofres públicos e não há danificações como acontece com a colocação de placas”, destacaram, no requerimento. Na sessão de segunda-feira (5), a parlamentar comentou sobre a dificuldade que a falta de identificação de ruas traz a população.“Foi uma luta conseguir com a concessionária responsável pela distribuição de energia elétrica a autorização para colocação dos nomes de ruas nos postes. E tem que continuar com este trabalho, pois a deterioração da denominação e vandalismos nos postes vem trazendo dificuldades a população. É uma medida que facilita a vida de todos, principalmente dos carteiros para entrega das mercadorias. E, em Adamantina, há diversos loteamentos novos e a maioria está sem identificação. É um trabalho para equipe do Setor de Obras da Prefeitura”, disse a parlamentar.

ALESSANDRO DOS SANTOS | GRUPO IMPACTO

Vereadores questionam falta de identificação de ruas e constante quebra de semáforos em Adamantina JOÃO VINÍCIUS GRUPO IMPACTO

Sexta-feira 9 de fevereiro de 2018

WWW.GINOTICIAS.COM.BR

CADERNO II

Semáforo da avenida Rio Branco com rua Joaquim Nabuco apresenta constantemente problemas

IMPACTO

LEGISLATIVO

Câmara solicita reajuste no valealimentação e no salário dos servidores da Prefeitura Os vereadores de Adamantina apresentaram indicação solicitando reajuste do vale-alimentação e do salário dos servidores públicos municipais. Na sessão de segunda-feira (5), o tema foi debatido pelos parlamentares, que questionam a falta de interesse do Executivo em debater o assunto. Alcio Ikeda (Podemos) foi um dos vereadores que criticaram a postura da gestão municipal. “Fizemos uma indicação novamente solicitando reajuste no vale-alimentação dos servidores municipais e do salário. O assunto nunca é iniciado, nunca é discutido pela Administração, sempre temos que implorar para discutir este reajuste”, enfatizou o parlamentar. Em sua fala, o vereador usou exemplo de 2016, quando o funcionalismo municipal

recebeu reajuste de 12%. “Está presente [na sessão] inclusive o companheiro Turra [ex-secretário de Finanças], que em algum momento, por algumas pessoas, como secretário, foi chamado louco por dar 12% de aumento aos servidores: “onde está com a cabeça, a Prefeitura não vai pagar a conta”, diziam. Pagou, não teve problemas com isso, é uma demonstração que se tiver vontade em auxiliar o funcionário é possível conceder. E se não tivesse estes 12%? Hoje já está defasado, se não houvesse estes 12% como estariam os servidores? Falta este incentivo. É prioridade discutir este assunto”, pontuou. Atualmente o vale-alimentação dos servidores da Prefeitura é de R$ 11, sem reajuste desde 2013. No ano passado, após pressão dos parlamentares, o Executivo concedeu J.V. 5% de revisão salarial.

DEBATE

Hélio José solicita audiência pública para discutir situação da UPA O vereador Hélio José dos Santos (PR) apresentou novamente indicação solicitando a realização de audiência pública para discutir a melhor alternativa para a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) de Adamantina. Segundo ele, a decisão deve contar com aval de diversos órgãos e entidades, não apenas do Executivo municipal. Em dezembro, o prefeito Márcio Cardim (DEM) informou que a Prefeitura iniciará processo de devolução dos recursos investidos na unidade ao Governo Federal. Na época, Cardim alegou que a decisão é devido à vinda da Associação e Fraternidade São Francisco de Assis na Providência de Deus para gerir a administração da Santa Casa. “O modelo de gestão dos Franciscanos quer que o pronto-socorro funcione. O pronto atendimento funcionando, eles têm possibilidade maior de melhorar a taxa de ocupação

da Santa Casa. Hoje a taxa é de 38%, muito baixa, nenhum hospital sobrevive com índice inferior a 80%. Agora, iremos sentar com os Franciscanos para definir o que será feito, mas já sei a resposta deles: não querem que a UPA funcione. Se a UPA funcionar, vai tirar recursos inclusive da Santa Casa, já que a Prefeitura repassa R$ 217 mil ao mês para o pronto-socorro, o que dá em torno de R$ 300 mil mês no total, inviabilizando o funcionamento da Santa Casa”, explica Cardim. Para o vereador, que solicita a audiência pública desde o início do ano passado, a decisão deve surgir após ser ouvida as opiniões da Secretaria Municipal de Saúde, Câmara Municipal, Conselho Municipal de Saúde, Direção da Santa Casa, Direção do Pronto Socorro Municipal, Reitor da UniFAI, Coordenação do Curso de Medicina da UniFAI e população. J.V.


IMPACTO

Sexta-feira 9 de fevereiro de 2018

WWW.GINOTICIAS.COM.BR

PUBLICIDADE

CADERNO I

5


6

GERAL

JOÃO VINÍCIUS GRUPO IMPACTO

Do céu ao inferno. Assim pode ser definida a última semana na UniFAI (Centro Universitário de Adamantina). Da certa tranquilidade à conturbada nomeação de Marisa Cardim, os holofotes estiveram voltados a autarquia municipal. Tudo começou na quinta-feira (1º), quando a instituição municipal publicou as novas escolhas do reitor Paulo Sérgio da Silva. Nomeada “UniFAI estabelece prioridades, promove mudanças e se adapta para o cenário econômico de 2018”, a reportagem tinha a intenção de divulgar as trocas de nomes em cargos estratégicos do Centro Universitário como positiva. Porém, logo em seguida começaram as reações contrárias, muito devido à nomeação de dois parentes do prefeito Márcio Cardim (DEM): Delcio Cardim, irmão, assumiu a Pró-Reitoria de Extensão e Marisa Cardim, esposa, a Chefia do Departamento de Medicina. Alunos de Medicina questionam nomeação No dia seguinte à divulgação da nova equipe mais uma polêmica. Entrou no ar um abaixo assinado no site Petição Pública, atribuído aos estudantes de Medicina, na qual protestavam contra a nomeação de Marisa para comandar o Departamento da graduação. No conteúdo da nota de repúdio, publicada no site, eles questionavam se a formação da professora universitária, que é Enfermeira, era suficiente para coordenar a graduação. “Pela própria semântica da palavra enfermeira no título acima, fica evidente a incoerência da instituição de ensino, uma vez que tal função é, ou deveria ser, exercida por alguém graduado em medicina, para todos os efeitos legais. É nosso dever, como futuros médicos, resguardar atividades que são privativas do médico, conforme verificamos na Lei abaixo. “Lei 12.842/2013 – Dispõe sobre o exercício da Medicina. Art. 5o São privativos de médico: IV – coordenação dos cursos de graduação em Medicina, dos programas de residência médica e dos cursos de pós-graduação específicos para médicos”.”, contestam. Em seguida, a nota de repúdio questiona: “Como o curso terá credibilidade se a Chefia, que está acima da Coordenação, não respeita a legislação específica sobre o tema?”.

Sexta-feira 9 de fevereiro de 2018

WWW.GINOTICIAS.COM.BR

CADERNO II

IMPACTO

A polêmica semana da UniFAI

Os estudantes afirmaram ainda que a nota “não tem pretensão de menosprezar qualquer profissional de enfermagem, os quais são essenciais para a realização e suporte do dia a dia hospitalar”. “O único objetivo é trazer de volta o bom senso à Reitoria e estabelecer que o cargo de Chefe de Departamento seja ocupado por um profissional graduado no mesmo curso que irá chefiar. Ainda mais quando se trata de um curso com tantas especificidades como a medicina”, pontuam. Outro ponto levantado nas redes sociais foi se a nomeação da esposa e do irmão do Chefe do Executivo poderia ser considerado nepotismo ou nepotismo cruzado, já que a escolhas dos nomes para os cargos foi feita pelo reitor, que por sua vez foi selecionado por Cardim.

UniFAI se posiciona Após o final de semana de questionamentos e polêmicas, a semana começou com o posicionamento da UniFAI. A autarquia municipal também utilizou embasamento jurídico para justiçar as novas nomeações. Segundo a nota, a nomeação das chefias de departamento “devem ser feitas pelo“Reitor conforme consta no seu Cap. V , Art. 7º. da LEI COMPLEMENTAR Nº 274, DE 25 DE MAIO DE 2017 que “dispõe sobre o Estatuto, a estrutura administrativa e acadêmica e organiza o quadro de pessoal da instituição do UniFAI”.” “Quanto à LEI Nº 12.842, DE 10 DE JULHO DE 2013, que “dispõe sobre o exercício da Medicina” no seu Art. 5º diz que são privativos de médicos a “coordenação dos cursos

de graduação em Medicina, dos programas de residência médica e dos cursos de pós-graduação específicos para médicos”. Parágrafo único. “A direção administrativa de serviços de saúde não constitui função privativa de médico”. Salientamos que a coordenação do Curso de Medicina está sob a responsabilidade de um médico e que a chefia de departamento não é um cargo privativo de médico.”, diz. A nota diz ainda que:“É importante esclarecer que a nomeação da Prof.ª Dra. Marisa Furtado Mozini Cardim, se dá devido a docente ser membro do corpo de funcionários da UniFAI por 18 anos, atendendo aos requisitos da Lei citada acima, possuindo graduação em Enfermagem e Obstetrícia pela Faculdade de Enfermagem e Obstetrícia de Adamantina (1988), mestrado

em Saúde Coletiva pela Faculdade de Medicina da UNESP/Botucatu (2002) e doutorado em Ciências da Saúde pela Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto – FAMERP e ter longa experiência na gestão de serviços voltados ao ensino da saúde”. Vereadores alertam situação preocupante Na mesma segunda-feira (5), após serem procurados por diversos setores da população, os vereadores apresentaram dois requerimentos solicitando informações sobre o caso na primeira sessão ordinária do ano. “Foram dois expedientes de iniciativa dos vereadores Alcio Ikeda e Hélio José dos Santos, que praticamente todos os vereadores assinaram conjuntamente. O prazo de respos-


IMPACTO

Sexta-feira 9 de fevereiro de 2018

ta, infelizmente, é de 15 dias, mas, que consigamos trazer o reitor da UniFAI para, junto conosco, tenha uma conversa tão compromissada e interessada como foi no momento de discutir propostas de trabalho e de governo para gestão da UniFAI”, disse o vereador Acácio Rocha (DEM), que completou: “O prefeito responde sim pela escolhas que fez em relação ao futuro da UniFAI e por consequência por todas as nomeações do reitor estão dentro deste ato do Executivo, que validamos, e por tudo isso temos o dever e o direito de cobrar”. Definida como uma pauta urgente por Hélio José dos Santos, a situação do curso de Medicina da UniFAI também foi apresentada durante a sessão. “Um dado bastante preocupante: a evasão dos alunos de Medicina no semestre passado é algo extremamente preocupante, e põe o curso sob risco. Então, é preciso um olhar para evasão. E por que esta evasão está acontecendo? Por descrença na instituição e no curso. Descrença é não acreditar que o projeto dará certo. E para se garantir o aluno está buscando onde há vaga e está se mudando de mala e cuia, terminando o curso em outra cidade, deixando de gastar R$ 3 mil, R$ 4 mil aqui com aluguel, comida, lazer, combustível, mercado e indo embora. Dois: Medicina responde – posso estar errado, mas por uma variável muito pequena – por 80% da receita da UniFAI. Se não tivermos uma atenção especial para este curso, e por todas as características que o curso exige, corremos o risco de perder uma importante fonte de receita da UniFAI, e que repercute em toda a cidade”, afirmou Acácio Rocha. Se não bastassem estes pontos, o vereador colocou outra consequência que a instabilidade na instituição pode acarretar ao Município. “E soma-se a tudo isso, olha como é preocupante, ainda dentro do tema que os vereadores Alcio Ikeda e Hélio colocaram no requerimento que pede informações para UniFAI, nos estamos vivendo um estágio de seis meses dos Freis Franciscanos em Adamantina. No TAC [Termo de Ajuste de Conduta] firmado no Ministério Público com Poder Judiciário, Santa Casa, Prefeitura, DRS [Diretoria Regional de Saúde] de Marília e UniFAI está lá o prazo de seis meses. Se por acaso, nesta confusão toda, neste barulho todo que estamos vivendo nos últimos dias os Freis entenderem que instabilidade traz insegurança para continuarem aqui, já pensou se isso torna uma decisão dos Freis? Quanta coisa está em risco, por uma questão que envolve a instituição

GERAL

WWW.GINOTICIAS.COM.BR

UniFAI!”. Cancelamento de bolsas de estudos também é debatido Outro ponto levantado pelos parlamentares, que também envolve a UniFAI, foi a decisão dos desembargadores do Tribunal de Justiça que consideram inconstitucional a lei municipal nº 3.277, de 12 de dezembro de 2007, que concede o benefício aos servidores municipais e seus dependentes, também foi discutida na primeira sessão ordinária de 2018. Na ação, o Procurador-Geral de Justiça, Gianpaolo Poggio Smanio, alegou que a lei municipal afronta o preceito da impessoalidade e o princípio da igualdade. “O princípio da impessoalidade, previsto no art. 111 da Constituição Estadual, é conducente da proibição ao personalismo na administração pública, vedando favoritismos e preterições. A violação decorre da concessão de bolsa de estudo para servidores públicos do Município de Adamantina e seus dependentes. O preceito da impessoalidade é de observância obrigatória pelos Municípios, por força do disposto no art. 144 da Constituição Paulista. Se não bastasse, também há afronta ao princípio da isonomia, tendo em vista o estabelecimento de discriminação em prol de servidores públicos e dependentes na concessão de bolsa de estudos, em detrimento de outros. Com efeito, o princípio da igualdade, em sua verdadeira acepção, significa tratar igualmente situações iguais, e de forma diferenciada situações desiguais. Daí ser possível aduzir

que viola o princípio da igualdade tanto o tratamento desigual para situações idênticas, como o tratamento idêntico para situações que são diferenciadas”, se posicionou, no processo. Sobre a perda das bolsas de estudos pelos funcionários públicos, o verea-

CADERNO II

dor Acácio Rocha trouxe um questionamento preocupante. Segundo ele, “houve um interesse que a coisa terminasse desta maneira”.“Outra coisa que nos entristeceu muito, e com bastante evidência, a ausência da UniFAI e do Município de Adamantina na questão

Procuradoria Geral do Município se posiciona sobre questionamento do vereador Acácio Rocha O posicionamento do vereador Acácio Rocha (DEM) sobre a decisão dos desembargadores do Tribunal de Justiça que consideram inconstitucional a lei municipal nº 3.277, de 12 de dezembro de 2007, que concede o benefício aos servidores municipais e seus dependentes, na sessão de segunda-feira (5), traz desdobramentos com a divulgação de nota pela Procuradoria Geral do Município de Adamantina nesta quinta-feira (8). Em nota, a Procuradoria Geral do Município esclareceu que “foram e estão sendo utilizados todos os meios jurídicos cabíveis para a defesa da Constitucionalidade da Lei n.º 3.277, de 12 de dezembro de 2007, atentando ainda ao fato de que, referida Lei, fora proposta pelo Poder Executivo e aprovada pelo Poder Legislativo, a qual foi alterada pela Lei n.° 3.653,

de 19 de maio de 2015, através de idêntico processo legislativo. Diante disso, verifica-se que a propositura da Ação de Inconstitucionalidade foi motivada pela Lei n.º 3.653/2015”. “Esclarece, ainda, que são partes no processo tanto o Prefeito do Município de Adamantina quanto o Presidente da Câmara Municipal, que também conta com corpo jurídico, portanto, a defesa da Lei cabe igualmente aos Poderes Executivo e Legislativo, e não somente ao Poder Executivo. Por fim, a Procuradoria Municipal informa que é composta por funcionários públicos concursados, capacitados e competentes, e está tomando as providências, dentro dos termos e nos limites da lei, para que possam ser respeitados os direitos dos servidores públicos municipais”, diz, a nota.

7

que envolve bolsas de estudos para funcionários da Prefeitura, da Câmara e da própria UniFAI. Dar-se a entender que houve um interesse que a coisa terminasse desta maneira. Ficamos bastante preocupados com isso. A Câmara Municipal se posicionou, fomos chamados no Ministério Público, produzimos documentos cobrando a UniFAI e Prefeitura:“olha, o prazo está correndo, faça-se alguma coisa, vamos propor alternativas para isso, se não vai se perder”. E, se perdeu!”, disse durante a sessão, e complementou:“Eu gostaria de estar muito errado e queria ter uma impressão diferente, uma impressão boa, que seria aquela que lutamos até o fim, fomos para São Paulo, fizemos uma peça de defesa, contratamos um bom advogado se o Município não tinha capacidade de ter um bom advogado no quadro para tocar isso, que fizesse isso. E sabemos que não foi feito. População de Adamantina, colegas de plenário, a todos que nos acompanha, a Câmara Municipal fará sim seu papel de cobrança e fiscalização acima de qualquer pessoa ou qualquer autoridade. O que a lei nos permitir e nos autorizar, iremos fazer. Minha fala é essa, não tenho medo de ninguém, quando o assunto é fazer o certo, o correto, e isso que irá nos guiar e amparar daqui pra frente, como foi feito até agora”, finalizou Acácio Rocha. Primeira-dama pede para sair Enquanto tudo se caminhava para novos desdobramentos, já que se comentava nos bastidores que a instituição não voltaria atrás e os alunos de Medicina questionariam judicialmente a nomeação, Marisa Cardim pediu para o reitor cancelar sua nomeação em nota divulgada na quarta-feira (7). Na nota divulgada pelo jornal Folha Regional, Marisa destaca seu currículo e sua trajetória dentro da Instituição, como sendo uma das responsáveis pela criação do próprio curso de Medicina. “Devido aos últimos episódios ocorridos, levando a exposição a profissão que escolhi, solicitei ao Reitor da UniFAI no início desta tarde, o cancelamento de minha nomeação para Chefia de Departamento do Curso de Medicina”, afirmou. Ainda, segundo ela, a decisão de deixar o cargo visa preservar sua vida. “Agradeço ao Reitor e toda sua equipe pela confiança depositada na minha pessoa, mas neste momento faço opção por preservar minha vida pessoal, profissional e familiar” disse, em nota.


8

PUBLICIDADE CADERNO I

Sexta-feira 9 de fevereiro de 2018

WWW.GINOTICIAS.COM.BR

Imagem: Freepik

Presidente do Crea-SP reúne-se com Coordenador da Câmara de Engenharia Civil

IMPACTO

TABELA DE ART 2018 TA B E L A A OBRA OU SERVIÇO

Art. 2º § 1º da Resolução nº 1.067/15 e anexo da Decisão Plenária (PL) nº 1.759/17

Plano de trabalho para 2018 foi pauta do encontro

VALOR

FAIXA

CONTRATO (R$)

R$

1

Até 8.000,00

82,94

2

De 8.000,01 até 15.000,00

145,15

3

Acima de 15.000,00

218,54

TA B E L A B OBRA OU SERVIÇO DE ROTINA Art. 2º § 1º da Resolução nº 1.067/15 e anexo da Decisão Plenária (PL) nº 1.759/17

O Eng. Vinicius Marchese, Presidente do Crea-SP, recebeu em seu gabinete o Eng. Civ. José Eduardo de Assis Pereira, Coordenador da Câmara Especializada de Engenharia Civil – CEEC do Conselho. O encontro aconteceu na manhã de sexta-feira, 2 de fevereiro, e teve como pauta a discussão acerca do plano de trabalho, as diretrizes de fiscalização e prioridades da CEEC no ano de 2018. O Eng. José Eduardo de Assis Pereira foi eleito coordenador da Câmara Especializada de Engenharia Civil no exercício 2018 em reunião ordinária realizada em 31 de janeiro, na Sede Angélica do Crea-SP.

VALOR ITEM DA ART

FAIXA

CONTRATO (R$)

R$

1

Até 200,00

1,61

2

De 200,01 até 300,00

3,27

3

De 300,01 até 500,00

4,87

4

De 500,01 até 1.000,00

8,16

5

De 1.000,01 até 2.000,00

13,12

6

De 2.000,01 até 3.000,00

19,67

7

De 3.000,01 até 4.000,00

26,39

8

Acima de 4.000,00

Tabela A

Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Estado de São Paulo

0800 171811 • www.creasp.org.br

Associação dos Engenheiros e Agrônomos da Nova Alta Paulista


Sexta-feira 9 de fevereiro de 2018

Pela segunda vez, Adamantina recebe uma edição dos Jogos Regionais do Idoso. A competição, que reúne 2.548 pessoas, entre atletas, comissões técnicas, equipes de apoio e arbitragem, teve sua abertura oficial na quarta-feira (7), no ginásio de esportes Paulo Camargo. A cerimônia contou com a presença da primeira-dama do Estado, Lu Alckmin, que também é presidente do Fundo Social de Solidariedade do Estado de São Paulo. Compuseram ainda a mesa oficial do evento o prefeito Márcio Cardim, a vice-prefeita Ana Maria Romanini Micheloni, a primeira-dama Marisa Cardim, a presidente do Fundo Social do município Teresinha Fredi, o coordenador estadual da Secretaria de Esportes, Lazer e Juventude Wilson Alves Filho e o deputado estadual Sebastião Santos. Após os desfiles das delegações, em seu discurso, Lu Alckmin destacou a felicidade em participar da abertura da 22ª edição do JORI.“É uma alegria imensa, é o evento que mais gosto de estar presente, nunca faltei a nenhum JORI, porque acho que as pessoas já deram sua contribuição à sociedade e agora merecem todo nosso carinho, todo nosso respeito e apoio. E sempre falo, sou grata às primeiras-damas, às presidentes dos Fundos Sociais e suas equipes, que junto aos prefeitos, pois tem que haver o apoio do prefeito, chamam essas pessoas para saírem de

JOÃO VINÍCIUS | GRUPO IMPACTO

Adamantina recebe Jogos Regionais do Idoso até domingo JOÃO VINÍCIUS GRUPO IMPACTO

Professor Paulista acende pira olímpica dos Jogos Regionais do Idoso

casa, fazer amizades, atividades físicas e esportivas, o que faz bem para mente e para o corpo”, destacou. Logo após a primeira-dama do Estado decretar aberta a competição, os atletas adamantinenses Maria do Carmo de Paiva Zapparoli (Carminha) e José Pereira de Souza Filho (Professor Paulista) conduziram a tocha e acenderam a pira com a chama olímpica, momento de muita emoção que marcou o início da segunda edição dos Jogos Regionais do Idoso em Adamantina. Em seguida, os atletas fizeram o juramento olímpico, conduzido pelo adamantinense Ginez Carmona Ruiz. “Fica o meu carinho, a minha admiração por eles, por estarem aqui. Só por estar aqui já são vitoriosos, estarem aqui dispostos, com vontade e alegria. Por essa razão, independentes

se irão ganhar ou não, eles receberam medalha. Peço a Deus que esteja presente em suas vidas e de suas famílias”, enfatizou Lu Alckmin. Os Jogos Todos com idade acima dos 60 anos, os atletas representam 61 cidades da 7ª região esportiva da Selj (Secretaria de Esporte, Lazer e Juventude do Estado de São Paulo), responsável pelo evento ao lado da cidade-sede. Os competidores disputarão medalhas em 14 modalidades: atletismo, bocha, buraco, coreografia, dança de salão, damas, xadrez, dominó, malha, natação, tênis, tênis de mesa, truco e vôlei adaptado. Algumas modalidades são divididas nas categorias masculina e feminina, por faixa etária e também em A e B.

CARNAVAL

UniFAI fecha entre sábado e quarta e reabre na quinta DANIEL TORRES ESPECIAL PARA O IMPACTO

Em razão do recesso de Carna-

GERAL

WWW.GINOTICIAS.COM.BR

val, a UniFAI (Centro Universitário de Adamantina) não tem atividades administrativas e acadêmicas entre os dias 10 e 14 de fevereiro. As atividades de todas as uni-

dades retornam normalmente no dia 15, quinta-feira, com o início das aulas do Ano Letivo 2018 tanto para calouros quanto para veteranos.

CADERNO II

9

CRIME

Pássaros silvestres são resgatados e criadores multados pela PM Ambiental CEDIDA | PM AMBIENTAL

IMPACTO

Pássaros silvestres são encontrados aprisionados de forma irregular pela Polícia Militar Ambiental durante operações de fiscalização em Adamantina DA REDAÇÃO GRUPO IMPACTO

Após denúncias anônimas, a Polícia Militar Ambiental encontrou sete pássaros silvestres presos em gaiolas, e sem a devida autorização e sem as anilhas de identificação, em duas residências no Jardim Adamantina. As operações de fiscalização foram realizadas na terça-feira (6), em Adamantina. Segundo nota da Corporação, os policiais ambientais encontraram no primeiro endereço três Canários da Terra Verdadeiros (Sicalis Flaveola), um Pássaro Preto (Gnorimopsar Chopi) e um Coleirinho Papa Capim (Esporophila Caerulescens), todos irregulares e sem autorização. Foi aplicado multa de R$ 2.500 ao morador por ter em cativeiro espécimes da fauna nativa sem autorização da autoridade competente. Em seguida, os policiais se deslocaram para outro endereço, onde o morador apresentou licença de Criador Amador de Passerifor-

mes. Neste local havia três pássaros nativos da espécie Trinca Ferro (Similis Saltator), Coleirinho (Esporophila Caerulescens) e Curió (Oryzoborus Angolensis), todos com anilhas de identificação, considerados regulares. Porém, outros dois Coleirinhos estavam sem a devida autorização e sem as anilhas de identificação. A equipe da Polícia Ambiental também confeccionou um Auto de Infração Ambiental de advertência por ter em cativeiro espécimes da fauna nativa sem autorização da autoridade competente. Os dois casos foram apresentadas via ofício à autoridade judiciária de Adamantina. Os pássaros, por apresentarem idade adulta, estado bravio e estarem em bom estado nutricional, físico e em condições a sobrevivência no habitat natural, foram soltos pelos policiais ambientais. Já as gaiolas foram destruídas devido a unidade do policiamento ambiental estar em área urbana, evitando assim problemas fitossanitários.


10

PUBLICIDADE CADERNO I

WWW.GINOTICIAS.COM.BR

Sexta-feira 9 de fevereiro de 2018

IMPACTO


IMPACTO

Sexta-feira 9 de fevereiro de 2018

Vereador de Tupã denuncia que esposa de Gussi era contratada de Alguz com salário de R$ 12 mil; deputado federal se defende DA REDAÇÃO GRUPO IMPACTO

Na primeira sessão do ano na Câmara Municipal de Tupã, realizada na segunda-feira (5), o vereador Paulo Henrique Andrade (PPS) apresentou documentos indicando que a esposa do deputado federal Evandro Gussi (PV) foi assessora do deputado estadual Reinaldo Alguz, do mesmo partido. Segundo ele, o próprio parlamentar federal também foi assessor e que, marido e mulher, se alternavam no cargo, sempre com vencimentos acima de R$ 12 mil. O vereador destacou ainda que nitidamente a esposa assumia o cargo do marido quando Gussi se licenciava para disputar eleições. A denúncia repercutiu por toda a região. Grupos de WhatsApp e postagem nas redes sociais questionavam a situação que, segundo o vereador, não representa, a priori, nenhuma irregularidade, mas que “moral e eticamente é reprovável”. “Quando vemos um assessor de deputado na rua, todos nós sabemos quem é, mas nunca soubemos que a senhora “J” desempenhava trabalhos de assessoria”, afirmou Andrade, segundo publicou o Portal Mais Tupã!. Logo após a denúncia, outra acusação veio a público envolvendo a família Gussi. Desta vez, foi divulgado que o pai do deputado federal também trabalhou para Reinaldo Alguz. Segundo o blog do jornalista

Jota Neves, José Reinaldo ocupou o mesmo cargo do filho e da nora Joice Raquel Ubeda Hadda Gussi, também com salários acima dos R$ 12 mil. Outro lado Em nota, enviada ao Portal Mais Tupã!, o deputado federal respondeu as acusações. “Pessoas sem cautela e desprovidas de zelo com a verdade passaram a insinuar que haveria alguma ofensa ética no fato de, por um determinado período, antes de minha eleição para Deputado Federal, minha esposa e meu pai terem servido como assessores parlamentares. Os fatos são simples: os próprios divulgadores reconhecem que não há qualquer ilegalidade. De fato, as contratações foram públicas e seguiram rigorosamente a lei. Obviamente, ambos cumpriram o que lhes fora proposto para a função. Tudo ocorreu em período anterior à minha investidura no cargo de deputado federal. Qual seria o problema, portanto? O fato de serem minha esposa e meu pai, dizem”, afirma a nota. Ainda, segundo a defesa do parlamentar, foram contratados dois cidadãos brasileiros, “no pleno gozo de seus direitos civis e políticos”. “A primeira possui duas graduações universitárias na área da saúde e é uma gestora reconhecidamente competente. O segundo é delegado de polícia aposentado, respeitado advogado em âmbito regional e professor universitário. Ambos, portanto, têm inequívoca capacidade

para desempenhar as funções que lhes foram atribuídas”. A nota concluí: “A vida pública exige, e quanto a isso sinto-me muito confortável, transparência. Esta se manifesta na exigência de que os deputados federais apresentem sua Declaração de Imposto sobre a Renda ao Tribunal de Contas da União, o que tenho feito diligentemente. O patrimônio que possuo é fruto de uma vida de estudos e de trabalho árduo. Em 2014, o valor real dos meus bens, apresentado à Receita Federal do Brasil, somava R$ 446.065,62, o que é comprovado por minha Declaração em anexo. Ao lado disso, a mesma Declaração demonstra que pago mensalmente prestações de financiamento imobiliário cujo valor total é de R$ 367.800,48, junto à Caixa Econômica Federal, utilizado para a construção da residência em que moro. Eis a verdade! O restante se divide entre informações distorcidas ou interpretações sem critério. Os promotores da infâmia, como é comum nesses casos, não trazem qualquer prova de condutas imorais ou ilegais: limitam-se a lançar suspeitas sem fundamento, buscam prejudicar reputações e esperam – quem sabe! – alcançar objetivos escusos com isso. Procuro não dar ouvidos a tais coisas, pois, em geral, as pessoas só podem oferecer o que têm. Justamente por isso quero, de minha parte, continuar a oferecer o que tenho: um imenso amor pelo Brasil, por sua história e por seu povo”, finaliza nota à imprensa.

LUCÉLIA

Regis Fantasy resgata carnaval de salão na segunda

Com muito samba enredo e marchinhas, a ‘Regis Fantasy’ será realizada pelo sexto ano, sempre trazendo novidades as foliões de toda a região. A festa, que se tornou tradicional na segunda-feira de carnaval, será realizada este ano no dia 12, a partir das 23h, na Afucal. A animação ficará por conta de Naná Soares e Banda, conhecida pelo

CIDADES

WWW.GINOTICIAS.COM.BR

público de toda a região. “Sempre com música de qualidade e ao vivo, serviço completo de bar e segurança. A Régis Fantasy é pensada realmente para quem gosta de curtir um bom samba de carnaval”, destaca Regina. E, conforme prometido no ano passado, a organizadora realizará também matinê. “Será uma oportunidade para as crianças conhecerem

a tradição dos carnavais de salão. Lembro que desde pequena meus pais, que eram foliões, sempre me levavam para curtir a festa. E agora oferecemos este divertimento para nova geração”. Para quem deseja adquirir convites basta entrar em contato com Regina Romão no: (18) 99715-5662. D.R.

CADERNO II

11

OSVALDO CRUZ E SALMOURÃO

Igreja Batista promove ação social neste fim de semana

A exemplo do que foi realizado em outras localidades, Projeto LUS, da Igreja Batista, trará ações como corte de cabelo e atendimentos na área da saúde, além de teatro de rua e brincadeiras para as crianças neste sábado e domingo em Salmourão e Osvaldo Cruz, respectivamente DANIEL TORRES ESPECIAL PARA O IMPACTO

As comunidades da região das vilas Cavaru e São Jorge (mais conhecida como Vila São José) recebem neste domingo de Carnaval, dia 11, o Projeto LUS (Louvor, União e Salvação), uma ação social coordenada pela Igreja Batista do Brooklin, de São Paulo, em parceria com a Primeira Igreja Batista (PIB) em Osvaldo Cruz. O evento, a ser realizado das 9h às 16 horas no Centro Comunitário Spártaco Astolfi/ AABB Comunidade, ao lado do Tiro de Guerra, pretende levar à população ações como corte de cabelo masculino e feminino, hidratação de cabelo feminino, esfoliação de mãos, design de unhas e design de sobrancelhas (Barraca da Estética). No local também haverá atendimento pediátrico, orientações de saúde por meio de enfermeiros, aferição de pressão arterial e glicemia (Barraca da Saúde); orientação psicológica, orientação jurídica, além de música ao vivo, teatro de rua, brincadeiras e muita diversão para as crianças com palhaços, pula-pula e pipoca. Tudo de graça. Para isso, um grupo de aproximadamente 50 voluntários vem da capital paulista para realizar as ações sociais e deve ser recebido por outro grupo de voluntários osvaldo-cruzenses. “O Projeto LUS é uma ação de impacto evangelístico-social realizada pelos ministérios Jovem e de Evangelismo da Igreja Batista do Brooklin, e tem por

base o texto de Atos 2:42-47, onde vemos Deus agindo através da Igreja, quando esta se dispõe a servi-lO e honrá-lO com sua vida, nas ações integradas à comunidade onde está. E o Senhor acrescenta a esta aqueles que vão sendo salvos”, explicou Moisés Torres de Albuquerque, pastor auxiliar da Igreja Batista do Brooklin e coordenador do Projeto LUS. À noite, às 19h30, o Projeto deve ser encerrado com a realização de um culto evangelístico no templo da Igreja Batista, na avenida Presidente Vargas, 618. Toda a população da cidade está convidada a participar. “Em tempo de injustiça social, Deus usa um povo simples para trazer justiça e bondade”, declarou o pastor Jorge Luiz da Paz, presidente da PIB Osvaldo Cruz. Salmourão Um dia antes, no sábado, 10, o Projeto LUS deve levar a mesma programação à cidade de Salmourão. Por lá, o evento será realizado na Praça da Bandeira, das 10h às 16 horas, e contará com o apoio da Missão Batista local. “Esta é uma oportunidade para a nossa cidade sentir de maneira marcante o cuidado de Deus a partir do amor ao próximo. Fazer o bem ao outro é uma forma de expressar a alegria do bem maior que o Senhor providenciou a nós por meio de Seu Filho, Jesus Cristo, que deu a Sua própria vida por amor a nós”, completou o pastor Ananias Pires de Albuquerque, da Missão Batista em Salmourão.


VITRINE

VITRINE IMPACTO

CADERNO I

Sérgio Vanderlei

12

sergio@gimpacto.com.br

Sexta-feira 9 de fevereiro de 2018

Alexandre Altrão e Mariana Dantas comemora idade nova no Chile Paulo Renato Perez e Margareth Garcia Lopes em Santiago Cinthia Quinto e César Molina curtem Miami

Os empresários Amanda, César e Rosana inauguram Mosconi Bar

TROPICAL FOTO COLOR

A aniversariante da semana Simone Cardoso com o filhão Rafael Lorenzo Cilene, Josuí, Osvaldo, Vagner e Hiroshi prestigiam inauguração do Mosconi Bar


JOÃO VINÍCIUS | GRUPO IMPACTO

IMPACTO Sexta-feira 9 de fevereiro de 2018

JOÃO VINÍCIUS GRUPO IMPACTO

Um dos principais símbolos esportivos, a tocha olímpica é geralmente conduzida por aqueles que deram sua contribuição por uma comunidade melhor. Retrato desta definição, a adamantinense de coração, Maria do Carmo de Paiva Zapparoli – conhecida popularmente como Carminha –, foi uma das condutoras da tocha dos 22º JORI (Jogos Regionais do Idoso), que teve sua abertura oficial na quarta-feira (7). Em um momento de muita emoção e simbolismo, a atleta de 74 anos representou os cerca de 2 mil atletas que participam da competição até domingo (11) e uma cidade, que se orgulha daqueles que se dedicaram para a construção de valores de uma geração. Carminha marcou a vida de muitos jovens e adultos de Adamantina. Conhecida pela escola de natação, a prática de esportes foi primordial para sua história. Com poucos anos de vida, ela teve paralisia infantil e foi na natação que encontrou a sua recuperação.

IMPACTO

A partir de então se apaixonou pelo esporte. Formada em Educação Física, Carminha iniciou sua trajetória no atletismo, depois deu aula nas escolas da cidade e, em paralelo, ensinava natação nos clubes. Em 1986, construiu sua própria piscina, onde colocava o seu dom a serviço daqueles que queriam aprender a nadar. Atendia desde bebês até mais idosos, não tinha preferência e nem distinção. Muitos alunos com problemas motores também encontravam em Carminha o amor, o cuidado e alegria essenciais para o tratamento. Momentos únicos que certamente ficaram marcados na vida de cada um. A escolinha, que funciona até hoje, mas agora sua filha que é responsável pelas aulas, se tornou em pouco tempo uma das mais tradicionais da cidade. Isso devido à dedicação e personalidade de Carminha. Definida pelos cinco filhos como guerreira, uma fortaleza para a família, Carminha dedicou aproximadamente 45 anos de vida ao esporte – reconhecidos na condução da tocha olímpica. E, mesmo com Alzheimer, a sempre atleta se emocionou!

Professora Carminha Uma vida de dedicação ao esporte Mais do que um simples choro, as lágrimas durante a condução da tocha trazem a tona a sua história de vida, certamente recordada por ela, e a felicidade de uma cidade, que reconhece todo seu amor ao esporte. Natural de Monte Alto, no final da década de 60 se mudou para Adamantina, onde criou os cinco filhos: Tereza Cristina, Márcio Leandro, Marcelo Araceli, Liomara Karina e Mariane Kamile. Carminha tem cinco netos: Tamiris, Richard, Ana Julia, Victor e Maria Eduarda.

ARQUIVO PESSOAL


14

i+ IMPACTO

WWW.GINOTICIAS.COM.BR

CADERNO II

Espaço Negócios Imobiliários inova e traz serviços e soluções que facilitam seu dia a dia JOÃO VINÍCIUS | GRUPO IMPACTO

JOÃO VINÍCIUS GRUPO IMPACTO

Com uma proposta inovadora na região, a Espaço Negócios Imobiliários chegou à Adamantina para inovar, oferecendo serviços e soluções que facilitem seu dia a dia em relação ao ramo imobiliário. Com engenheiros civis, arquitetos, projetistas, técnicos e advogada, a Espaço traz uma forma diferente de atuação, primando pela excelência e qualidade no atendimento ao cliente. A advogada Amanda Narson, uma das administradoras da emprega, explica que a Espaço tem o objetivo de agregar em um único local a execução dos mais variados serviços referente ao segmento imobiliário. “Se a pessoa tem um problema com locação e necessitar da área jurídica, temos um departamento para resolver esta questão. Se comprou um terreno e quer fazer um projeto de construção, temos o pessoal de engenharia. Quer fazer uma reforma, temos uma equipe de arquitetos freelancer. Precisa de terreno? Teremos imóveis próprios para oferecer, conforme criamos parceria com outros investidores da cidade e lançamos nossos próprios empreendimentos”, explica. Com profissionais experientes em suas áreas de atuação, a Espaço Negócios Imobiliários chega para simplificar a sua vida. “Temos procurado

Equipe Espaço Negócios Imobiliários

agregar todos os tipos de ramificações do setor imobiliário aqui na empresa. O que você precisar teremos um profissional capacitado para te atender”, enfatiza o técnico João Luis Campos, também administrador da empresa. Em breve, a Espaço trará um novo negócio para a cidade – o primeiro condomínio fechado de Adamantina. Com uma proposta e administração diferenciada, o novo empreendimento deverá ser lançado no início de março, com infraestrutura completa, complexo de lazer e outras comodidades e benefícios que apenas um condomínio pode trazer. “É uma novidade que todos já estão comentando na cidade, que vem para revolucionar o setor em Adamantina. E também oferecemos o serviço de administração, já que toda a estrutura de um condomínio é diferenciada”,

afirma Amanda. Os profissionais da Engenharia Civil são Bruno Fernandes, João Pedro Serante Frizão e Marcos Itiro Idie. Equipe jovem, capacidade e experiente, eles trazem o que há de mais moderno no mercado para os projetos e soluções. E, em breve, a Espaço Negócios Imobiliários ampliará seu ramo de atuação. “Estamos estudando novos parceiros, em outras cidades, para levar os benefícios e negócios da empresa para toda a região”, finaliza Campos. Serviço A Espaço Negócios Imobiliários fica na avenida Navarro de Andrade, 444 – centro de Adamantina. Informações: (18) 9.9798-7798.

SOCIAL

Cantor Daniel é a grande estrela de show beneficente em Adamantina O cantor Daniel é a grande atração de show beneficente em prol do PAI (Polo de Atividades Integradas) Nosso Lar e Hospital do Câncer de Barretos, em Adamantina. O evento solidário acontecerá em uma quarta-feira, dia 25 de abril, a partir das 21h, no Poliesportivo, com renda 100% beneficente. O anúncio foi feito na terça-feira (6), pela juíza Ruth Menegatti e pelo casal Lucilene e José Romão, idealizadores do show. O formato do evento é inédito em Adamantina, com mesas distribuídas pela área coberta, que permitirão acomodar o público. Segundo os organizadores, serão cerca de 320 mesas, de seis lugares, distribuídas em três setores: frente

JOÃO VINÍCIUS | GRUPO IMPACTO

Juíza Ruth Duarte Menegatti, casal idealizador do show Lucilene e José Romão, equipe do PAI Nosso Lar e vereador Acácio Rocha (DEM) durante apresentação do show beneficente

ao palco, intermediário e aos fundos. O valor das mesas, locais de vendas e

outros detalhes serão divulgados nos J.V. próximos dias.

Sexta-feira 9 de fevereiro de 2018

IMPACTO

A arte de Vanessa Batista

Um Romance sobre, o amor paciência, o amor tolerância, o amor de se dar, sem esperar nada em troca, o amor de fazer sacrifícios... Uma junção de almas afins, que vieram a esse mundo para se encontrar. Será que o amor é mais forte que as adversidades da vida? Será que o amor, puro e simples, vencerá todas as provas e provações que o mundo nos oferece? Só o amor verdadeiro, o amor que ultrapassa barreiras, o amor que vence a pluralidade das vidas, é capaz de se reencontrar durante todas as existências... Um amor de almas gêmeas.

“Ah, o amor, é tão lindo e profundo, que quando almas afins se encontram não conseguem mais ficar longe uma da outra, como se só pudessem continuar a existir se a outra também existir, como se uma seguisse a outra por toda a eternidade da vida, como se uma fosse à outra e vice versa... como se duas se tornassem uma”. (O Feitiço da Lua, de Vanessa Batista – pag.94) Sinopse Ada, uma órfã que crescera cuidando das irmãs, não podendo se casar, após ficar sozinha com a partida das irmãs já casadas, conhece Thomas, um viúvo, belo e misterioso, pai de Milla, uma menina linda de oito anos. O amor nasce automaticamente entre eles, após um acidente, fazendo com que todos se conheçam... Uma amizade mais forte que laços de sangue unem Ada e Milla, e uma paixão arrebatadora, cresce entre Thomas e Ada. Mas um segredo que traz a morte de Tâmara, esposa de Thomas, assombra esse amor... Tâmara não era uma pessoa comum... Uma fada, um ser mágico da natureza, com poder de influenciar os elementos: fogo, ar, água e terra, e trazer equilíbrio para a natureza, se torna meio humana ao se apaixonar por Thomas... Com o feitiço da lua esse amor se desfez ou talvez não? O que Thomas e Milla escondem? Porque ele não pode se casar com a mulher que ama, com Ada? Será que o amor de almas gêmeas vai superar todos os obstáculos que a vida nos impõe? O amor verdadeiro, puro e simples sempre vence no final?

“Mas nem tudo é perfeito na vida humana, nós seres humanos temos muito que viver aqui na terra, e passar por situações tristes também, para nos reafirmar na vida, para que possamos dar valor ao que possuímos, não sei... passamos por experiências muitas vezes traumáticas, para poder sentir o valor da vida.” (O Feitiço da Lua – pág. 219) Grande beijo, Vanessa Batista.


IMPACTO

Sexta-feira 9 de fevereiro de 2018

WWW.GINOTICIAS.COM.BR

Quer ter hábitos alimentares saudáveis?

Método Mente Fit alia coach de emagrecimento com nutricionista e atividade física

15

POR SILVIO GRABOSKI

Torrontés, a uva aromática da Argentina

A coach de emagrecimento Lillian Salvadeo, a educadora física Marina Jacinto, da Academia Espaço Vip, e a nutricionista Katia Bevilaqua Olivete se unem e trazem Método Mente Fit

“É um processo de transformação e autoconhecido. Hoje em dia, o mercado funciona de que forma: sempre tentando eliminar gordura de fora para dentro. O que iremos fazer é uma atividade invertida, de dentro pra fora. O Método Mente Fit vai te ajudar a chegar ao seu objetivo utilizando uma arma poderosa, você!”, destaca Lilian. Participando do grupo Mente Fit, que começa dia 22 de fevereiro, a pessoa terá sessões semanais com sessões de Coaching de Emagrecimento Consciente, onde serão aplicadas ferramentas e técnicas cientificamente comprovadas com o objetivo de fazer uma reprogramação mental; acompanhamento semanal nutricional com cardápio individualizado, composição

corporal com bioimpedância e reeducação alimentar e; supervisão diária de um educador físico da academia Espaço VIP. “O Mente Fit tem o objetivo de transformar pessoas que desejam emagrecer de 5 a 20 quilos e atingir definitivamente o peso ideal e saudável através de um Grupo de Emagrecimento. Por isso, agregamos os três profissionais que irão trabalhar durante três meses para que você mude de vida”, enfatiza Marina. Para participar do grupo Mente Fit basta entrar em contato com a academia Espaço Vip, que fica Rua Sebastião Rombaldi, 121 (próximo ao Parque dos Pioneiros). Informações: (18) 3522-9132. As vagas são limitadas.

INVESTIMENTO

Grupo Kawakami irá instalar centro de compras com supermercado e lojas em Adamantina Ampliando sua rede de supermercados, o Grupo Kawakami instalará uma unidade nos próximos meses em Adamantina. O empreendimento, que contará com um leque de serviços, iniciará a construção no final de fevereiro ou início de março, após liberação do projeto que está sob análise da Prefeitura. O complexo, que será edificado na avenida Rio Branco próximo a escola Durvalino Grion, em espaço de 12 mil m² que está situada a igreja Assembleia de Deus, contará com um hipermercado atacarejo estilo compacto, uma galeria de lojas com oito espaços comerciais, restaurante e posto de combustíveis, totalizando 7.476 m² de área construída. A expectativa é que a 9ª loja da rede gera cerca de 250 empregos diretos. Os outros supermercados do grupo estão situados em Marília, Tupã, Bastos, Paraguaçu Paulista, Lins

CADERNO II

JOÃO VINÍCIUS | GRUPO IMPACTO

JOÃO VINÍCIUS GRUPO IMPACTO

Passa as festas de final do ano, vem aí o carnaval e logo depois bate aquele peso na consciência. “Extrapolei na comida e preciso emagrecer”. Para muita gente este processo não é fácil, necessitando de acompanhamento profissional. Assim, surge o coach de emagrecimento, que irá auxiliar a desenvolver os comportamentos necessários para atingir o seu objetivo. Porém, muitas vezes é necessário realizar uma atividade física e o acompanhamento de nutricionista, já que são trabalhados técnicas para mudança da mente, e consequentemente do estilo de vida e dos hábitos alimentares. Pensando em um método que agregue estes três profissionais, a coach de emagrecimento Lillian Salvadeo, a nutricionista Katia Bevilaqua Olivete e educadora física Marina Jacinto, da Academia Espaço Vip, lançaram o Método Mente Fit no sábado (3). Voltado para todos os públicos, desde pessoas obesas até aquelas que sofrem com o efeito sanfona ou até mesmo para quem quer deixar de ser sedentário de forma saudável, o Mente Fit transforma a mente gorda em magra, a partir de técnicas, avaliação profissional e acompanhamento semanal.

i+ IMPACTO

PROJETO: RENAN DENER | IDEIA - ARQUITETURA E CONSTRUÇÃO

Projeto do Supermercado Kawakami em Adamantina

e, em breve, também em Penápolis. Ao IMPACTO, o empresário Eduardo Kawakami destacou que o potencial econômico de Adamantina motivou os investimentos. “Adamantina é um centro de compras para uma população de cerca de 120 mil pessoas. Além de estar em pleno desenvolvi-

mento, à cidade tem potencialidade de crescimento. Por isso, decidimos investir no município, oferecendo o maior complexo de compras da cidade, com um padrão de produtos, serviços e atendimento realmente diferenciados. Nossa expectativa é muito J.V. boa”, destacou o empresário.

A Torrontés está para o vinho branco na Argentina, assim como a Malbec está para o vinho tinto. É bem verdade que a Torrontés ainda não conquistou o mundo, como já aconteceu com aMalbec, mas pouco a pouco vem demonstrando sua força. A Torrontés é uma uva cultivada quase que exclusivamente na Argentina, produz vinhos brancos suculentos e aromáticos. Os vinhos produzidos na região de Salta costumam ter mais qualidade, tem estilo mais seco e cítrico, com aromas predominantes de toranja, limão siciliano, noz-moscada e solução salina. De Mendonza e São José saem vinhos mais doces, com paladar macio e aromas predominantes de pêssego, lichia e floral. O Torrontés é extremamente perfumado, fresco e leve, embora apresente teor alcóolico elevado para vinhos brancos, geralmente acima de 12º. Pelas suas características é um vinho indicado para o verão, para ser tomado à beira da piscina ou acompanhando comidas leves, como saladas e peixes ou com comidas da culinária asiática. No último domingo eu e minha esposa decidimos comer uma pizza logo no início da noite e como estava muito caloroptamos por uma pizza leve: metade rúcula com tomate seco e metade de atum. Para harmonizar com a pizza escolhi um Torrontés, da região de Mendonça, produzido pela Vinícola Sotanno, 2015, um vinho barato que eu havia comprado em supermercado (média de R$ 50,00). Apesar disso o vinho surpreendeu propiciandouma harmonização perfeita. De cor amarelo dourado, com intensidade clara, revelou agradáveis aromas de lichia, pêssego, limão e o perfume de flores brancas. No paladar mostrou-se muito refrescante, leve, porém persistente e com final longo. Quando for comprar um Torrontésescolha o de safra mais recente, pois o vinho mostra-semais saboroso e vibrante em sua juventude. Tome bem gelado, em torno de 5º, a temperatura baixa realçará os aromas e os sabores. Não fique só na Chardonnayou na Sauvignon Blanc. Se você ainda não experimentou um Torrontés aproveite e faça essa nova experiência curtindo um vinho leve, aromático, saboroso e admirável. Leia outros artigos sobre vinho acessando facebook.com/blogsantovinho


16

PUBLICIDADE CADERNO II

WWW.GINOTICIAS.COM.BR

Sexta-feira 9 de fevereiro de 2018

IMPACTO


flashes 17 Sexta-feira 9 de fevereiro de 2018

AFUCAL

Avenida Marginal Amadeu Demiscki LUCÉLIA

FOTOS

IMPACTO

REGINA ROMÃO


18

PUBLICIDADE CADERNO II

WWW.GINOTICIAS.COM.BR

Sexta-feira 9 de fevereiro de 2018

IMPACTO


IMPACTO

Sexta-feira 9 de fevereiro de 2018

i+ SAÚDE

WWW.GINOTICIAS.COM.BR

CADERNO II

19

La’Cure traz conceito diferenciado de farmácia de manipulação para Adamantina

Equipe a frente da La’Cure Farmácia de Manipulação JOÃO VINÍCIUS GRUPO IMPACTO

Com conceito diferenciado de farmácia de manipulação, a La’Cure chegou à Adamantina com a preocupação de trazer um atendimento personalizado ao cliente, em um espaço todo pensado com mais conforto, comodidade e atenção. Inaugurada em dezembro, a La’Cure é a concretização de um sonho dos amigos farmacêuticos Ana Paula Yoshida Rios e Gilvander da Silva Puti, o Gil, que possuem mais de 20 anos

de experiência no mercado, trajetória marcada pela credibilidade. “No início, muitas ambições e

uma grande preocupação: qualidade na formulação. Daí, inclusive, vem à origem do nome La’Cure, uma em-

C

M

Y

CM

MY

CY

CMY

K

presa preparada para manipular sua fórmula promovendo a cura e manutenção da saúde”, destaca Ana Paula, que completa: “Antes de manipular qualquer fórmula é preciso entender que existe um ser humano com uma necessidade específica. Pensando desta forma, a La’Cure constituiu e formatou uma estrutura que permite uma aproximação com cada um de seus clientes, respeitando e admirando cada um do jeito que é, e mais que isso, desenvolver produtos que alcançam ainda mais a beleza e atendam a necessidade individual de seus clientes”, destaca. Gil enfatiza que a La’Cure não nasceu pensando em quais fórmulas manipular, mas, sim, quanto poderia contribuir para a saúde, beleza e estética de cada cliente.“Sempre bus-

camos meios e métodos para inovar e aprimorar a performance de nossas fórmulas e ativos, a fim de ampliar as opções aos médicos, oferecendo sempre o melhor resultado para o cliente e, ao mesmo tempo, respeitando a natureza que é a fonte de origem de toda matéria prima”, explica. A La’Cure conta com linha dermo, produtos naturais, suplementos esportivos e outros produtos diferenciados, de marcas conceituadas no mercado. Serviço A La’Cure atende de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h, e no sábado das 8h às 13h. Endereço: alameda Armando de Salles Oliveira, 649 – centro de Adamantina. Entrega em domicílio: (18) 3522-8500 ou 9.9775-8500.


20

i+ IMPACTO

Classificados 3798.

VEÍCULOS Vende-se um Astra 2011 – único dono, completo e com 92 mil km. Tratar com Igor: (18) 9.9732-4918. VENDE-SE – Gol G5, 1,0, 2009, branco, 4 portas, completo - ar, unico dono. Tratar com roberto 997075806 ou 3521-2278. VENDE-SE – Ford Fusion, 2008, preto, cambio automático computador de bordo, sensor de pressão de pneus, motor 2.3 gasolina. Tratar pelo telefone: 3521 2278 ou 99707 5806. V E N D E - S E – Fi a t Pa l i o Essence, 1.6, 13/14, preto metálico com farol de milha, roda de liga leve aro 15,4 pneus novos, único dono – particular R$ 35.000,00. Fone 3521 2278 ou 99707 5806. V E N D E - S E S AV E I R O ANO 86/87 COR PRETA, DOCUMENTAÇÃO EM DIA. INTERESSADOS ENTRAR E M C O N TATO : - 3 5 2 2 5 1 1 7/ 9 9 7 5 3 - 5 0 7 0 C O M MARCOS. Vende-se Fusca ano 1961, único dono, cor branca, documentação em dia, ótimo e s ta do de c o n s e r va çã o , interessados entrar em contato (18) 99732-1093 c/ Elias. Até 10x no cartão. Vende-se Golf Sportlaine, prata, ano 2010/2010, completo, conservado, ar condicionado, freio ABS, sensor de ré, AIRBAG duplo, som multimídia, interessados entrar em contato no (18) 35214300/98150-2537. VENDO OU TROCO CAMIONETE FORD F-75, ANO 1972, INTERESSADOS ENTRAR EM CONTATO NO (18) 99686-7584. Astra Milenium 1.8, gazolina, 0 0 / 0 1, p ra t a , c o m p l e t o , 4 p o r t a s . Fo n e : 3 5 2 1 2278/997075806 Ford Ka 2008, prata, único dono, mil completo, com 43.000 km original, tratar no (18) 99135-4369 com Carlinhos

Vende-se casa de alvenaria, quintal grande, 2 banheiros, 3 quartos, duas varandas, sala e cozinha. Rua Rangel Pestana, 175, Itamarati. Tratar com Agnaldo Alves. 997957605 ou 3522-9041. Valor R$ 140 mil Vende-se um lote em Itatiba (SP), condomínio fechado, tratar no (18) 3521-1050 c/ Dorival. Aluga-se 2 salas comerciais na rua Dorival Rodrigues de Barros, 1481, Lucélia. Fone 99794-2309 Aluga-se salas na Clínica Estar Bem, na Rua Rui Barbosa 378, interessados entrar em contato no 3522-5519. Vende-se casa em Flórida Paulista, no centro, terreno com 560 metros quadrados, interessados entrar em contato no 99650-4822 com Juvenal. Vendo um prédio comercial com duas (2) casas num único terreno, situado na Alameda Maria Cândida Romanini, 1.327 na Vila Joaquina, valor à combinar, proprietário João Gonçalves Barbosa (deixar recados) Silvia ou Roberto, interessados entrar em contato:- (18) 99711-7458 c/ Alessandro. Vende-se terreno na rua Mario Maião – Bairro Novo Horizonte medindo 15x21, interessados entrar em contato no (18) 99762-1885.

DIVERSOS VENDE-SE – mala para viagem de fibra japonesa, azul marinho, tamanho 31 x 26 x 12. Valor R$ 300,00. Tratar pelo telefone: 3521 2278 e 9907 5806. Vendo cota de gás. Tratar 99707-5806. Vende-se tv 29" Panasonic em perfeito estado de conservação. Valor R$ 150,00. Tratar 99707-5806 ou 35212278. VENDE-SE - Rack, Geladeira, C ô m o d a ( 4 g av e s t a s , 1 sapateira, 1 gaveta pequena) e Impressora. Tratar 3522-3798 ou 99795-7605 com Karol ou Agnaldo.

IMÓVEIS Vende-se casa no Itamaraty com 3 quartos, 2 banheiros, sala, cozinha grande, garagem grande, área de serviço e quintal, Preço R$ 140 mil (entrada de 70 mil restante parcelado). Rua Rangel Pestana, 175. Tratar com Cleusa, 99761-4313 ou Agnaldo 99795-7605/ 3522-

Sexta-feira 9 de fevereiro de 2018

WWW.GINOTICIAS.COM.BR

CADERNO I

CONSÓRCIO CONTEMPLADO CRÉDITO R$357 MIL P/ COMPRA DE IMÓVEL CONSTR. / CAPITAL GIRO - PEÇO R$36 MIL + TRANSF. DIV. (18) 99630-5854 ( PARTIC.)

IMPACTO

Comércio fecha na segunda-feira de carnaval ARQUIVO | GRUPO IMPACTO

JOÃO VINÍCIUS GRUPO IMPACTO

Neste final de semana começa as comemorações de uma das festas mais populares do país – o carnaval. Apesar de não ser feriado nacional, nem no estado de São Paulo e nem em Adamantina, a data altera o funcionamento do comércio local. O Sincomercio (Sindicato do Comércio Varejista) Nova Alta Paulista divulgou que as lojas não funcionarão nesta segunda-feira de carnaval, dia 12. Em troca, o comércio funcionará no dia 9 de julho – feriado da Revolução Constitucionalista. Os estabelecimentos comerciais também estarão fechados no dia 13,

Comércio de Adamantina não funciona nesta segunda-feira (12)

terça-feira de carnaval, e retornam ao atendimento na quarta-feira de Cinzas, dia 14, às 9h. Os horários foram definidos durante assembleia geral realizada pelo Sincomercio com a participação do

empresariado local e homologação do Sincomerciarios (Sindicato dos Empregados do Comércio de Tupã e Região) no final do ano passado. Já os supermercados funcionam na terça-feira até às 12h.

RELIGIÃO

Jovens trocam folia pela fé durante carnaval Renovar o espírito e a fé. Esse é o objetivo de centenas de jovens durante o carnaval, que vão trocam a tradicional folia por retiros e movimentos da Igreja Católica, em Adamantina. Nesta sexta-feira (9), iniciou o 10º Acampamento Juvenil e Sênior da Paróquia Santo Antônio. Já no domingo (11), acontece o tradicional ‘Carnaval com Cristo’ da RCC (Renovação Carismática Católica), no salão paroquial da Paróquia Nossa Senhora de Fátima. O Acampamento Juvenil começou nesta sexta-feira (24) e segue até terça-feira (28), reunindo jovens de diversas cidades da região, como Lucélia, Flórida Paulista, Osvaldo Cruz e Pacaembu.“O objetivo do movimento é evangelizar os cristãos católicos, para que tenham um encontro profundo com Deus, consigo mesmo e com o outro, fazendo assim com que todos os campistas façam uma experiência com o amor pregado e ensinado por Jesus que é o próprio amor, produzindo então frutos verdadeiros de conversão e mudança de vida”, pontuam os organizadores. A missa de encerramento, do movi-

• Um prédio de alvenaria próprio para comércio, constituído por 3 salões, localizado na cidade de Adamantina, confrontando pela frente com a Avenida Rio Branco. • Quatro salas comerciais nº 203, 403, 502, 503, localizadas no 7º andar ou 8º pavimento do Edifício denominado Condomínio Centro Empresarial Lucélia, situadas na Av. Brasil, nº 1198, Centro, na cidade de Lucélia/ SP. • Quatro terrenos urbanos constituídos pelos lotes sob nº 15, 16, 17, 18, da quadra A, com área superficial de 360,00 metros quadrados localizados no lado ímpar da Rua Atílio Mastellini, do loteamento denominado Residencial Parque Morada do Sol, na cidade de Adamantina/SP. • Um terreno constituído pelo lote nº 02 do fracionamento de imóvel urbano, com área de 10.620 metros quadrados, localizado na Rua César Sgarbi, próximo ao Residencial Parque Veneza, na cidade de Lucélia/SP. •Quatro imóveis urbanos constituídos pelo lote de terreno sob nº 14, 15, 16, 17 da quadra A, com área superficial de 300 metros quadrados, localizado no lado par da Rua Jorge de Freitas, no loteamento denominado Residencial Casa Grande, na cidade de Mariápolis/SP. • Seis imóveis urbanos constituídos pelos lotes de terreno sob nº 12, 13, 14, 15, 17, 18 da quadra B, com áreas superficiais de 300 metros quadrados cada, localizados no lado ímpar da Rua Jorge de Freitas, no loteamento denominado Residencial Casa Grande, na cidade de Mariápolis/SP. •Um lote de terreno urbano sob nº 09, da quadra nº 239, medindo 20 metros de frente para a Rua Guaicurus, por 25 metros ditos da frente aos fundos, contendo 01 imóvel residencial de tijolos, coberto de telhas, num total de 320,49 metros quadrados, localizado na Rua Guaicurus, nº 200, na cidade de Tupã/SP. • 01 imóvel urbano constituído pelo lote nº 11 da quadra 55, com área superficial de 620 metros quadrados, medindo 20 metros de frente por 31 metros ditos da frente aos fundos mais ou menos, tendo as seguintes ampliações: pavimento térreo 381,43 metros quadrados; pavimento superior: 105,15 metros quadrados, passando assim a ter uma área total construída de 671,14 metros quadrados em alvenaria de tijolos, localizado na Rua Zeferino Ferreira Veloso, na cidade de Lucélia/SP. • 01 imóvel urbano constituído por uma pequena casa residencial de madeira, coberta com telhas, com quatro cômodos, sob nº 322, na Rua Josephina Storti Rapacci e o terreno respectivo que é constituído de parte do lote nº 04, da quadra 23, na Vila Cayres, na cidade

ARQUIVO

‘Carnaval com Cristo’ acontece neste domingo (11), no salão paroquial da Nossa Senhora de Fátima

mento que já evangelizou mais de duas mil pessoas de Adamantina e região, está marcada para às 18h, desta terça, na Matriz de Santo Antônio. Já o ‘Carnaval com Cristo’tem o objetivo de levar o jovem a alegria de viver na presença de Deus. “O mundo tem oferecido falsas alegrias de momentos que passam. A juventude é chamada a assumir a sua identidade cristã e, assim, a felicidade que vem do alto e

VENDE-SE de Lucélia/SP • 01 imóvel urbano situado na cidade de Parapuã, comarca de Osvaldo Cruz/SP, dentro das seguintes divisas e confrontações, pela frente 84,50 metros com a Estrada Vicinal Prefeito José Morales Agudo, do lado direito de quem está de frente olhando para o terreno 26,40 metros com área da municipalidade, do lado esquerdo de quem está de frente para o terreno 27 metros com terreno da municipalidade e finalmente aos fundos 84,50 metros com a área da Fepasa, totalizando uma área de 2.256,15 metros quadrados. • 01 imóvel urbano de forma irregular, composto de parte dos lotes nº 07 e 08 da quadra F, com área de 963,52 m², com as seguintes divisas e confrontações: pela frente na extensão de 22,09 metros divide com a Rua Nove, distante 9,10 metros em linha reta, mais 13,15 metros em curva da esquina com a Rua Dois; pelo lado direito, de quem da rua olha para o imóvel, na extensão de 42,79 metros, divide com os lotes nº 03 e 04; pelo lado esquerdo seguindo a mesma orientação, na extensão de 44,80 metros, divide com parte dos lotes nº 07 e 08; e, finalmente, pelos fundos, na extensão de 22,00 metros, divide com o lote nº 06, na cidade de Martinópolis/SP. • 01 imóvel urbano de forma irregular, composto de parte dos lotes nº 07 e 08 da quadra F, com área de 814,64 m², com as seguintes divisas e confrontações: pela frente na extensão de 9,10 metros, em linha reta, mais 13,15 metros em curva, divide com a Rua Nove; pelo lado direito, de quem da rua olha para o imóvel, na extensão de 44,80 metros, divide com parte dos lotes nº 07 e 08; pelo lado esquerdo, seguindo a mesma orientação, na extensão de 38,16 metros, divide com a Rua Dois, onde faz esquina; e, finalmente, pelos fundos, na extensão de 18,00 metros, divide com o lote nº 06, na cidade de Martinópolis/SP. • 01 imóvel urbano composto pelo lote 03 da quadra F, medindo 19,18 metros tanto de testada como de largura, tendo na linha dos fundos a mesma metragem da frente, por 40 metros de ambos os lados da frente aos fundos, perfazendo um total de 767,20 metros quadrados, sem benfeitorias, confrontando-se: pela frente, com a Rua Um, pelo lado direito, de quem dessa via pública olha para o imóvel, com o lote 02, pelo lado esquerdo, seguindo a mesma orientação, com o lote 04 e finalmente pelos fundos, com o lote 07, na cidade de Martinópolis/SP. • 01 imóvel urbano, de forma irregular, composto pelo lote 04 da quadra F, com

brota do coração de Jesus”, comentam os organizadores. Realizado no Salão Paroquial da Matriz Nossa Senhora de Fátima, o ‘Carnaval com Cristo’ é aberto a toda a comunidade católica, jovens e adultos. E, neste ano, o retiro tem como tema ‘Retornai ao Primeiro Amor’ (Ap. 2,4) e contará com pregações, orações, adoração, animações e marchinhas. J.V.

área de 842,97 metros quadrados, sem benfeitorias, com as seguintes divisas e confrontações: pela frente, na extensão de 10,23 metros em linha reta, mais 15,13 metros em curva, com a Rua Um, pelo lado direito, de quem dessa via pública olha para o imóvel, na extensão de 40,00 metros, com o lote 03, pelo lado esquerdo, seguindo a mesma orientação, na extensão de 31,29 metros, com a Rua Nove, onde faz esquina e finalmente pelos fundos, na extensão de 23,61 metros, com o lote 08, na cidade de Martinópolis/SP. • 01 lote de terreno urbano, sem benfeitorias, de forma irregular, medindo 540,16 metros quadrados, situado na Rua Professora Maria da Conceição Giolo, no Bairro da Vila Nova, e fica dentro das seguintes divisas e confrontações: pela frente com a Rua Professora Maria da Conceição Giolo, onde mede 12,00 metros; do lado direito de quem da rua olha para o imóvel 1B (parte deste desdobro), onde mede 48,60 metros, do lado esquerdo, seguindo a mesma orientação, com Amim Algazal, onde mede 45,10 metros, pelos fundos, com a Fepasa S/A em 12 metros, onde existe uma faixa não edificável, medindo 15 metros de largura, de acordo com a Lei, artigo 12, na cidade de Presidente Bernardes/SP. • 01 imóvel urbano identificado como lote 01 da quadra nº 115, com as seguintes medidas e confrontações: pela frente confrontando com a Rua Rio Grande do Norte, mede 75 metros; do lado direito confrontando com a Rua Curitiba, mede 60 metros; do lado esquerdo confrontando com o lote nº 02 da quadra nº 115, mede 20 metros, e com o lote nº 03 da quadra nº 115, mede 4,72 metros; pelos fundos inicia-se confrontando com a Rua Curitiba confrontando com o lote nº 03 da quadra nº 115, daí segue medindo 18,23 metros, deflete à esquerda 7,50 metros; daí deflete à direita 17,01 metros; daí deflete à esquerda 7,50 metros; daí deflete à direita 9,76 metros; daí deflete à esquerda 15,01 metros; daí deflete à direita 15 metros; daí deflete à esquerda 4,19 metros; daí deflete à direita 7,50 metros; daí deflete à esquerda 1,10 metros; daí deflete à direita 7,50 metros; desde o início confrontando com o lote nº 03 da quadra 115 até encontrar a Rua Curitiba, perfazendo uma área total de 3.254,69 metros quadrados, situa-se no lado par da Rua Rio Grande do Norte, esquina com a Rua Curitiba, na cidade de Parapuã/SP.

INTERESSADOS FALAR COM CARLOS, PELO TELEFONE: (18) 3551-3444, NO SICOOB CREDICAZOLA


LÍNGUA QUENTE IMPACTO

Sexta-feira 9 de fevereiro de 2018

i+ ESPORTE CADERNO II

Do fundo do baú

APOIO Supermercado Godoy/Rede Smart

Apoio: Marmoraria Unipedras do esportista e empresário Dirceu Xavier

Dispensado na última hora - Teve jogador de uma cidade que 1ficou· decepcionado por ter partici-

alegrar a diretoria e a pequena torcida de sua equipe? Até agora o que se viu foram algumas colocações diferenciadas entre o segundo e o sexto lugar. Ou o que vale no currículo são as conquistas de competições caseiras?!

Copa ATC -Dizem nos bastidores do Adamantina Tênis 4 · Clube que o coordenador esportivo,

João Pedro de Castro, deverá se reunir com Sérgio Maia (presidente), Joaquim Rocha, Paulo Filgueiras, Marcos Lima Refrigeração e outros membros para deixar encaminhado a próxima Copa ATC Aberto de Futebol Médio logo após a Copa Unipedras, em abril.

Prorrogando contrato - Fontes comentam que o bom 5 · jogador floridense, Cristiano Taiguara

(ex-Arsenal/Supermercado Godoy), que atua no time da Vila Freitas na Copa Modelo de Lucélia, deverá prorrogar seu contrato com o time até a competição da Copa ATC, deixando o Vila Nova em segundo opção, mesmo com contrato com o time do Benê.

Ronagol - Sabendo das especulações nos bastidores esportivos, que pode perder mesmo o atacante Cristiano Taiguara para o Vila Freitas na Copa ATC, o presidente e treinador Evandro Benê (do Vila Nova) disse que assim como pode perder o jogador, também poderá trazer o atacante Ronaldo Lino do time adversário, com quem tem uma grande amizade. Seria um troca-troca nas equipes.

Será que vai? -Não adianta me perguntar qual é a cidade e 7 · muito menos o nome. Após a surpreendente renúncia do vice-prefeito de Lucélia, o que se comenta é que um secretário, coordenador ou diretor de esportes estaria pensando em fazer o mesmo e deixaria o cargo por problemas particulares. Será que vai mesmo renunciar ou é apenas um comentário fajuto?!

Disputa do Ginásio - Com as reformas e adequações da quadra esportiva Prof. Carlos Santana Bueno (Ginásio do Navarro) para o JORI, o que se comenta nos bastidores é que haverá disputa de treinadores de escolinha querendo horários para treinar seus alunos no local. Tem treinador que quer alugar a cabine do caminhão de frutas, que fica em frente ao ginásio, para chegar primeiro.

Equipes Veteranas Mariápolis Futebol Clube: O time do treinador Djair, neste sábado (10), longe de sua torcida, tem duelo contra a equipe do Grêmio da Vila Rennó. O confronto será às 16h30, em Lucélia.

Maratonista - Os maratonistas Marcelo Rocha e Jéferson 2 · Vagner, assim como outros, levam o

Profexô! - Oôô... profexô! Quando será que você dará 3 · uma conquista, a tão esperada, para

TOCANDO DE KBÇA

Supermercado Godoy/ Rede Smart

pado ativamente dos treinamentos e jogos amistosos para o JORI (Jogos Regionais do Idoso), porém, um dia antes, recebeu uma ligação que não poderia participar da competição, pois, por erro do sistema, seu nome não estava na lista de convocados. Será que foi isso mesmo ou contrataram outro jogador para o lugar? Vamos apurar!

nome de Adamantina para todas as competições que participam com muito orgulho, mas sem nenhum incentivo. Eles, com ajuda, bancam todas as despesas. O que adianta levar o nome da Cidade Joia se não ganham nem ao menos uma coxinha e uma sodinha? Quando será que eles terão reconhecimento do nosso município? Vamos acordar gente!

21

Recordamos nesta edição do Fundo do Baú, com a colaboração do empresário e esportista Dirceu Xavier de Andrade, a extinta equipe do Bibi E.C./Grion Seguros em partida pela Copa ATC de Veteranos de Futebol Médio nos anos 90. Em pé da esquerda para direita: Forato, Rogério Macarrão, Rildo, Izaias, Martinho, Edmilson Castro (Treinador), Jairão, Marcos Minutti e Carlinhos Bibi. Abaixados na mesma ordem: Tuca, Neto Grion, Froio (prefeito de Flórida Paulista), Vanderley e Roberto Cabeção. Colaboração: Facebook – Bibi Esporte Clube

Junqueiropolense Willian se destaca no Pantera pelo Paulistão

GRANDE ÁREA/NOSSOS ESPORTISTAS Apoio: WM Informática do empresário e esportista Marcelo ‘Carioca’ Aguilar

O luceliense e repórter esportivo Luciano Helidio com o narrador Cláudio Fiorentim, da equipe da Life FM, estarão em mais um competição da Copa Unipedras de Futsal

Copa Unipedras de Futsal continua com as inscrições abertas

Fontes e fotos: Rogério Moroti rmoroti@botafogo.com.br

Igor Santos organiza evento no Mário Covas em março

Eletro Liz de Flórida Paulista: A equipe comandada por Gersinho joga neste sábado (10), contra o time do Panorama E.C. do Gibi. A partida acontece às 16h30, no campo ao lado da linha férrea, em Panorama. Bastos Atlético Clube: A equipe, sob o comando do Chida e Rogério, se apresenta neste sábado (10), quando jogará contra o time do Sevip de Inúbia Paulista. O confronto será às 16h30, no campo do Jardim Esplanada. Bastos Esporte Clube: A equipe do Bastos, sob o comando de Eduardo e Cidão, neste sábado (10), enfrentará o bom time do Ouro Verde F.C. O confronto será às 16h30, no estádio municipal de Martinópolis. Betão Futebol Clube: O time do presidente, treinador e jogador Betão jogará neste sábado (10), contra a excelente equipe do Dracena F.C., do Mauro. O confronto será às 16h30, no campo do Jardim Adamantina.

Apoio: Supermercado Godoy/Rede Smart e Chicão Frutas: disk frutas (18) 9.9727-6922

Será realizado nas dependências da praça esportiva do conjunto Mario Covas, no dia 11 de março, o 2º Torneio Aberto de Futebol Médio, organizado pelo esportista Igor Santos. O evento contará com a participação de 16 equipes de bairros de Adamantina e cidades vizinhas. Segundo Santos, o intuito da competição é incentivar a prática esportiva e momentos de lazer. A premiação será do primeiro ao quarto lugar, com troféus, prêmio surpresa e ainda artilheiro e goleiro. No local terá completo serviço de bar e som ambiente. Informações: 99614-0729.

Caminhoneiros Esporte Clube de Pacaembu: O time comandado pelos treinadores Carlinhos e Marquinhos, neste sábado (10), tem um duelo contra a equipe do Recanto Bibi Festa, de Osvaldo Cruz. A partida está marcada para às 19h, no estádio municipal Ari Aparecido dos Santos, em Pacaembu . Marcenaria do Tião/Casa das Portas de Flórida Paulista: O time do treinador Edílson, neste sábado (10), tem um duelo contra a equipe de Santo Expedito E.C. O confronto será às 16h30, no estádio municipal Francisco Spanghero, em Flórida Paulista.

Apoio: Supermercado Godoy/Rede Smart e Chicão Frutas: disk frutas (18) 9.9727-6922

O junqueiroplense volante Willian Oliveira, que no ano anterior foi campeão brasileiro da Série B com o América-MG, está disputando o Paulistão na equipe do Botafogo, de Ribeirão Preto. O jogador pertence ao Fluminense e veio por empréstimo até o final da competição. Pelo América-MG, Willian Oliveira atuou em nove jogos da campanha vitoriosa na Série B. Ainda na temporada 2017, jogou o Paulistão pelo Mirassol. William vem sendo o titular na sua posição onde é uns dos destaques do time e tem uma grande confiança do treinador Léo Condé.

Esporte Clube Veteranos de Pacaembu: A equipe do treinador Zé Espanhol, neste sábado (10), joga contra o time do Pirapozinho E.C. do Raimundo. A partida será às 16h30, no estádio municipal Ari Aparecido dos Santos, em Pacaembu.

Apoio: Supermercado Godoy/Rede Smart e Chicão Frutas: disk frutas (18) 9.97276922

A Secretaria de Esportes, Lazer e Recreação de Adamantina comunica aos dirigentes de equipes de bairros de Adamantina e cidades vizinhas que continua com as inscrições para a disputa da 12ª edição da Copa Unipedras/ UniFAI de Futsal, que acontecerá no ginásio de esportes Paulo Camargo. As inscrições são feitas na sede da Secretaria de Esportes, que fica na rua José Frizão nº 80, com o diretor de Esportes, Luciano Netto. Ficou definido entre os organiza-

dores a necessidade de cheque caução de R$ 500 para confirmar a participação da equipe no campeonato (posteriormente devolvido as equipes caso não haja nenhuma infração no regulamento). A participação de times e atletas de fora do município ficou liberada e as inscrições são limitadas para 16 equipes. Até o momento apenas sete dirigentes retiram suas fichas de inscrições. O Congresso Técnico será no dia 15, às 20h, no Ginásio de Esportes Paulo Camargo. Segundo Luciano Netto e Dirceu Xavier, a previsão de início é dia 19 de fevereiro.

Lagoa Seca Futebol Clube: O time comandado pelos irmãos Cássio e Betão, neste sábado (10), joga contra a equipe do Alfredo Marcondes. A partida está marcada para às 16h30, no estádio municipal de Alfredo Marcondes. Recanto Bibi Festa F.C.: A equipe de Osvaldo Cruz, do treinador Torim, neste sábado (10), vai enfrentar o time dos Caminhoneiros de Pacaembu. O confronto será às 19h, no estádio municipal Ari Aparecido dos Santos.


RÉGIS TRANDO IMPACTO

SOCIAL CADERNO II

by Regina Romão

22

Sexta-feira 9 de fevereiro de 2018

Éder Paulo Cazu comemora 40 anos de Oficial de Justiça de forma brilhante na comarca de Lucélia

Fernada e Suzana, da Casa do Chocolate de Adamantina, em clique para a Registrando Dinha, Hélio, Márcia e Toninha no coquetel da Revista VOX

Exemplo de cidadania - lucelienses revitalizam praças

Claudete e Marcos, de Osvaldo Cruz, na Afucal de Lucélia

Retyelen, Geovana, Junior, Luiz Henrique e Janaina presentes na noite adamantinense

Por um verão cheio de sorvete! Venha conhecer o nosso Self-Service.

(18) 3521-2644 Rua General Izidoro, 526

Rosa, Antônio e Maria à frente do Bar Oriente desde 1953

I 09 02 2018  
I 09 02 2018  
Advertisement