Issuu on Google+

Catálogo de Projetos 2011 1ª Mostra de Ensino, Extensão e Pesquisa


1ª MoExP - Mostra de Ensino, Extensão e Pesquisa do IFRS - Campus Osório

APRESENTAÇÃO

5 de novembro de 2011 Objetivo: Oportunizar aos estudantes a divulgação e socialização das atividades de ensino, pesquisa e extensão desenvolvidas no Campus. Organização: Alex de Andrade Aline Silva de Bona Andreza Lima Marimon da Cunha Bianca Pugen Claudino Andrighetto Fernanda Medeiros de Albuquerque Flávia Santos Twardowski Pinto Humberto Luz Oliveira

Catálogo de Projetos 2011 - 1º MoExP Edição: Andreza Lima Marimon da Cunha Revisão: Francieli Fuchina e Luana Delgado Lopes

2


ENSINO Aplicações Práticas no Ensino de Algoritmos e Estrutura de Dados......................................................................................................................4 Aplicações em CDI.............................................................................................5 Hans WD - Desenvolvimentos para Web...................................................6 Fanzine e Arte na Sala de Aula......................................................................7 Cabanha Sonador...............................................................................................8

SUMÁRIO

EXTENSÃO Cafeteira Poética.................................................................................................9 Memórias do Campus.................................................................................... 10 Programa de prevenção a DST/AIDS e redução de danos entre adolescentes e jovens da comunidade escolar do IFRS - Campus Osório - Programa Jovem Esperto............................................................. 11 Conheça Osório................................................................................................ 12 Programa Artesanato Solidário.................................................................. 13 Estudos Avançados de Programação Web............................................. 14 Caminhos de Osório: Tours pela Cidade................................................. 15 Alimentação e Qualide de Vida.................................................................. 16 Aprendendo a Ler: Artigos Científicos..................................................... 17 Energia Hidrelétrica............................................................................... 18 Energia Oceânica.................................................................................... 19 Cidades Ecológicas................................................................................ 20 A Nova Geração de Biocombustíveis.............................................. 21 Energia das Marés.................................................................................. 22 Energia Nuclear....................................................................................... 23 Energia Eólica.......................................................................................... 24 Transformações da Energia................................................................ 25 Energia Eólica - Conhecimento, Prática e Benefícios................ 26 A Biomassa: Uma energia de altos e baixos................................. 27 Energia das Marés................................................................................... 28 O Tempo Nosso de Cada Dia....................................................................... 29 PESQUISA Feedback: Uma Estratégia Metacognitiva em Portfólio de Matemática........................................................................................................ 30 Python - Física Matemática: Aplicações na Cinemática..................... 31 Pesquisa de Artigos Científicos para Busca de Insumos para Diabéticos.......................................................................................................... 32 A Sustentabilidade nos Empreendimentos Rurais que Trabalham com Turismo: um Estudo no Litora Norte Gaúcho.............................. 33 Aprendendo a Aprender Matemática com os Portfólios de Matemática........................................................................................................ 34 Estudo das Técnicas de Conversão para Aplicação da Turfa como Alternativa Energética no Município de Osório................................... 35

3


ENSINO

Aplicações Práticas no Ensino de Algoritmos e Estrutura de Dados Resumo: A disciplina de Algoritmos e Estrutura de Dados objetiva introduzir conceitos básicos de técnicas de programação através do português estruturado utilizando uma pseudo linguagem em português como ferramenta de apoio nas práticas em laboratório, através do software VisualG. As atividades desenvolvidas nas práticas em laboratório buscam unir o cotidiano para desenvolver o raciocínio lógico do aluno bem como aplicar técnicas de Algoritmos e Estruturas de Dados. O presente trabalho apresentará quatro aplicações desenvolvidas por alunos das duas turmas do Curso Técnico Integrado em Informática a partir dos conceitos aprendidos em sala de aula. Pretende-se através destas aplicações mostrar que o ensino/aprendizagem desta disciplina pode unir o mundo da escola com o cotidiano do aluno e assim promover uma aprendizagem efetiva dos conteúdos abordados. As quatro aplicações podem ser divididas em três grupos: um exercício de sala de aula, um exercício de sala de aula modificado e adaptado e duas aplicações desenvolvidas unicamente pelos alunos e aplicadas na disciplina de matemática. Exercício de sala de aula: utiliza a técnica do uso de matrizes para criar uma planilha de despesas mensais; Exercício de sala de aula modificado: utiliza o conceito de vetores, estruturas de repetição e múltipla escolha. Esta aplicação permite o cálculo de média de alunos de quatro turmas, podendo o usuário escolher em qual turma deseja inserir os dados. Aplicações criadas pelos alunos para a disciplina de Matemática: uma aplicação permite o cálculo de função de primeiro grau e a outra permite o cálculo da formula de Báskhara. Palavras-chave: Algoritmos; Estrutura de Dados; Pseudo-código; Ensino/ Aprendizagem Autores: Dário Ribeiro de Lima, Jade Garcia Rocha, Luiza de Souza Ferreira, Pedro Braga Alves e Vinícius Caetano Grassi Maciel Professora orientadora: Patrícia Prochnow

4


Aplicações em CDI Resumo: O trabalho que será apresentado procura explicar de maneira clara e objetiva o que significa investir ou aplicar em fundos DI (CDI). Mostrar as regras de como fazer uma aplicação com segurança, quem pode investir e porque hoje no Brasil sua procura está sendo cada vez maior. Alguns gráficos comparativos também serão mostrados para um melhor entendimento. Hoje, como futuros gestores, é muito importante saber como funciona o sistema bancário e financeiro no nosso país, dessa maneira poderemos tomar decisões com mais segurança, portanto é uma oportunidade única para demonstrar o aprendizado com a pesquisa. Palavras-chaves: Aplicações, financeiro, bancário, DI, juros, taxa Autora: Liége Neukirchen Professora Orientadora: Elisa Daminelli

ENSINO 5


Hans WD – Desenvolvimentos para Web Resumo: Um bom profissional deve ter um portfólio atualizado e sempre pronto para ser mostrado para seus clientes e prospects. Porém, com a internet cada vez mais presente no nosso dia a dia em dispositivos móveis como celulares, smartphones e até na televisão, torna-se também essencial ter um portfólio online. Por causa dessa necessidade dos profissionais, o aluno Hans criou um portfólio com seus trabalhos realizados durante esse semestre. Os recursos utilizados foram: a ferramenta de desenvolvimento rápido para web, software WEB ACAPPELA; seus conhecimentos em HTML e modelo para criação de Portfólios. Montar um portfólio é uma tarefa que depois de iniciada não termina jamais, pois a tendência é continuar desenvolvendo projetos e incrementando a carteira de clientes que se tem.

ENSINO

Palavras-chave: Portfólios – Recurso para Web

6

Autor: Hans Günther Brahm Junior Professor Orientador: Maikel Monteiro


Fanzine e Arte na Sala de Aula

Palavras-chave: Fanzine; desenho; tecnologia; games Autores: Thiago Oliveira,Vinicius Maciel, João Vitor dos Santos, Gilberto Garcia, Rodrigo Alvez e Tulio Lucini Professora Orientadora: Maria da Conceição Hatem de Souza – Tina Hatem

ENSINO

Resumo: O presente trabalho visa apresentar uma produção de Fanzine na sala de aula. Foi proposto na disciplina de Educação Artística do Ensino Médio Integrado Informática - Campus Osório que os alunos, em grupo, elaborassem um Fanzine como dispositivo pedagógico de análise da imagem e da produção textual com o intuito de trabalhar a arte no cotidiano dos alunos. Para tanto, foi proposto que cada grupo selecionasse um assunto de interesse como tema gerador do Fanzine. O Fanzine é uma revista elaborada de forma livre utilizando desenhos, gravuras e textos selecionados pelos fanzineiros. Sendo um meio rápido e fácil de divulgar imagem e texto, tem uma linguagem própria e sua origem remota aos fãs de revista em quadrinho que começaram a produzir suas próprias edições. Para esta mostra selecionamos duas produções de Fanzine que trabalham a evolução da tecnologia, como exemplo, o trabalho: O Fanzine Evolução dos Games. Este Fanzine visa mostrar passo a passo a evolução gráfica e os desenhos dos Games. Apresenta como marco inicial o game Super NES feito pela Nintendo, com um dos jogos mais populares até os dias atuais, o Mario. Logo após, a Sega lança o Mega Drive e também lança o jogo Sonic, que é muito conhecido. Com isso, a Sony começa a investir no mercado de games evoluindo cada vez mais até os dias de hoje.

7


Cabanha Sonador Resumo: A internet é um mecanismo de grande utilidade no mundo moderno, podendo ser eficaz também na hora de realizar uma compra. Há lojas virtuais que conquistaram prestígio na web, isso porque a oferta de serviços agrada os internautas. O comércio virtual movimenta diversos tipos de produtos, desde celulares até carros modernos. Os preços na internet são bem mais em conta, sendo que o parcelamento sem juros acontece com o uso do cartão de crédito. Com isso, o crescimento é algo gradual no setor, que se desenvolve a cada dia. Com essa expansão nas vendas pela internet, o aluno Josias Bueno criou um site para sua cabanha fictícia, onde além de divulgar sua empresa, também disponibiliza para venda coberturas dos seus melhores campeões em morfologia, éguas selecionadas e potros de ponta. Para desenvolver esse projeto, o aluno utilizou o software WEB ACAPPELA, uma ferramenta de desenvolvimento rápido para web, e seus conhecimentos em HTML.

ENSINO

Palavras-chave: Empresa, Vendas, Cabanha

8

Autor: Josias Bueno da Rosa Professor Orientador: Maikel Monteiro


Cafeteira Poética

Palavras-chave: Arte, poesia, sensível, produção poética Autores: Maria da Conceição Hatem de Souza – Tina Hatem; Andreza Cunha; Luana Lopes; Francieli Fuchina e Joceli da Silva Professora Orientadora: Maria da Conceição Hatem de Souza – Tina Hatem

EXTENSÃO

Resumo: A Cafeteira Poética é um dispositivo criado para o incentivo à leitura e à produção de poesia no IFRS - Campus Osório. Semanalmente, apresenta um poeta cujo poema é fixado em uma cafeteira elétrica. Como ação de extensão, busca novos espaços para a divulgação e democratização da poesia. Um dos espaços ocupados pela Cafeteira Poética foi a 25ª Feira do Livro de Osório em 2010. Você deve estar se perguntando: mas por que uma cafeteira? E nós respondemos com outra pergunta: tem lugar certo para poesia? A ideia partiu da professora de Arte Tina Hatem, do IFRS – Campus Osório, que resolveu “tirar a poesia” da biblioteca. E qual é o lugar, no trabalho, em que as pessoas passam todos os dias por alguns minutinhos? A cafeteira! Pois foi na parada para o cafezinho que os servidores do IFRS – Campus Osório começaram a degustar um pouquinho de poesia no seu dia-a-dia. Toda semana, poesias são coladas na cafeteira e nas paredes da copa que agora é também um Espaço de Arte e Cultura. Assim nasceu a Cafeteira Poética, que virou projeto de extensão e com a iniciativa da jornalista Andreza Cunha virou um blog que é mantido por Andreza Cunha, da Comunicação, Francieli Fuchina, Joceli da Silva e Luana Lopes, da Biblioteca, e pela professora Tina Hatem. Todos os internautas estão convidados a participar, mandar sugestões e fazer comentários, através do endereço cafeteirapoetica.blogspot.com

9


EXTENSÃO

Memórias do Campus

10

Resumo: No projeto Memórias do Campus Osório, foi elaborado um modo para que as lembranças da sede do Campus Osório ficassem gravadas na memória, utilizando a construção de uma maquete da mesma. O projeto dem por objetivo propor a construção de uma maquete da sede provisória e relatar através de fotos e textos as memórias do Campus, além de valorizar o uso da maquete como meio para simular o espaço arquitetônico, desenvolver a relação plano-espaço tridimensional, expressar e representar através do conhecimento adquirido com o curso de modelagem matemática, oferecido anteriormente no Campus. Foram tiradas todas as medidas da primeira sede do campus, construíramse os moldes, para então ser feita a construção de uma maquete, para a representação ser perfeita. Várias etapas, paciência e cuidado foram necessários para que a maquete fosse concluída. O projeto vai apresentar todas as dificuldades, facilidades e sua conclusão após todo o tempo de construção e pesquisa. O projeto vai apresentar cada etapa da construção, através de fotos, até a sua conclusão, mostrando as fases de maior dificuldade, as que mais precisaram de cuidado, as mais complicadas, as mais fáceis, além de demonstrar todas as áreas da sede, que ficará marcada na história do IFRS Campus Osório. Palavras-chave: Maquete Autora: Yasmin Matos Ferrari Pereira Professora Orientadora: Michelen T. R. Franco de Campos Andrighetto


Programa de prevenção a DST/AIDS e redução de danos entre adolescentes e jovens da comunidade escolar do IFRS - Campus Osório Programa Jovem Esperto

Palavras-chave: Educação sexual, redução de danos, sociologia da saúde, drogadição Autora: Elizabeth Yuri Matsuki Professora Orientadora: Leandro Raizer

EXTENSÃO

Resumo: O programa proposto abordará a questão da sexualidade humana em suas diversas dimensões (biomédica, antropológica, epidemiológica), visando também à redução de danos entre adolescentes e jovens da comunidade escolar do IFRS - Campus Osório. A redução de danos é uma política social que tem como objetivo prioritário minorar os efeitos negativos decorrentes do uso de drogas, que ganhou maior ressonância pelo seu emprego no que diz respeito aos usuários de drogas ilícitas e licitas. Por outro lado, o programa visa à efetivação da determinação do Ministério da Educação, que prevê que a educação sexual faz parte do currículo escolar. Nesse sentido, o programa será oferecido através de cursos de extensão, de curta e media duração, tendo como publico alvo alunos do ensino médio do campus Osório do Ifrs, e adolescentes e jovens da comunidade escolar. O projeto será realizado em parceria e com o apoio do Ministério da Educação e da Saúde, Secretaria Municipal da Saúde de Osório, e Brigada Militar. O programa realizará atividades (programas, oficinas, palestras), junto a esse público.

11


Conheça Osório Resumo: O trabalho visa a criação de um site para divulgação de pontos turísticos e serviços para turistas na cidade. A ideia é divulgar as ações de turismo local e atrair turistas para a região. Todo o material (textos, fotos e vídeos) é feito pelos alunos e professores do Campus Osório. O projeto já está em execução e pode ser acompanhado nos sites www.conhecaosorio.com.br e www.facebook.com/conheça.osorio . Palavras-chave: Osório, conheça osorio, turismo, litoral norte

EXTENSÃO

Autor: Jeandro Borba Professoras Orientadoras: Ana Lúcia Saraiva, Bianca Pugen e Maria Augusta Martiarena

12


Programa Artesanato Solidário

Palavras-chave: artesanato, renda, rede, turismo Autores: Lourdes Cerlei Boeno da Silva e Mirian Roseane Altenhofen Professoras Orientadoras: Bianca Pugen e Maria da Conceição Hatem de Souza

EXTENSÃO

Resumo: O Programa Artesanato Solidário consiste em realizar cursos de artesanato e capacitação em economia solidária no IFRS - Campus Osório, destinados às comunidades osoriense e adjacentes, incluindo a comunidade quilombola Morro Alto. Além das diferentes práticas de artesanato, como materiais recicláveis, fibra de bananeira e resíduos recolhidos de empreendimentos locais, o Programa visa desenvolver conceitos e práticas de associativismo, empreendedorismo, rede e gestão solidária. A intenção é que os participantes se tornem aptos a trabalhar em uma rede para expor, comercializar e trocar as peças produzidas, de forma a serem autossustentáveis. O Programa conta com o envolvimento do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural – SENAR/RS, que ministra os cursos de artesanato e de associativismo. Uma das ações que tem se destacado no Programa é a criação e confecção de suvenires com materiais recicláveis, elaborados a partir da trocas de idéias e técnicas entre as artesãs. Estes suvenires já estão sendo comercializados aos moradores e visitantes de Osório. Outras atividades já foram desenvolvidas e tiveram a participação efetiva do grupo de artesãos, como os cursos com técnicas diferenciadas de artesanato, curso de precificação destas peças e oficinas de artesanato ministradas pelo Programa em diversos locais do município. A Fundação Gaúcha do Trabalho e Ação Social – FGTAS esteve no Campus e certificou alguns artesãos pelo Programa Gaúcho de Artesanato, fornecendo a carteira do artesão, que dá ao artesão o reconhecimento como profissional autônomo. Foi firmada uma parceria com o governo municipal para que o Programa participe dos eventos do município e da Feira do Agricultor, que todos os sábados movimenta grande número de pessoas (moradores e visitantes) no centro da cidade. Além disso, até o final de 2011, novos cursos de artesanato acontecerão. Com estas ações, está formado um grupo de artesãos que já comercializa as peças produzidas com as técnicas adquiridas.

13


EXTENSÃO

Estudos Avançados de Programação Web

14

Resumo: Neste artigo descrevemos os preparativos e as expectativas referentes a uma experiência iniciada de aprendizagem na área de educação à distância. Nos últimos anos, o ensino a distância vem se transformando na solução ideal para levar o conhecimento até as regiões mais distantes do planeta com relação aos grandes centros urbanos. A velocidade com a qual os educandos podem inteirar-se das novidades tecnológicas é uma outra grande vantagem deste novo processo de ensino. A proposta deste estudo é submeter os estudantes de Informática aos dois tipos de abordagens de ensino: o método convencional já transcorrido e à nova abordagem de ensino utilizando uma plataforma virtual de aprendizagem. O conhecimento trabalhado nas aulas em ambos os métodos é referente ao uso de ferramentas de programação para o desenvolvimento de aplicações para web. A partir dos resultados desta pesquisa, esperamos identificar um conjunto de pontos fortes e pontos fracos de cada uma das metodologias, tendo como base nos relatos das experiências dos alunos durante o decorrer das atividades de pesquisa. O ambiente virtual utilizado por este estudo é o Learnable. Trata-se de um site de Internet criado por uma empresa de desenvolvimento de software responsável pela edição de diversos livros sobre o tema, reconhecida mundialmente pelas comunidades de desenvolvedores e projetistas de aplicações para internet. Palavras-chave: Ensino a distância, programação para internet, PHP, CSS e Javascript Autores: Andressa Freitas, Elvira Marques Professor Orientador: Roger Urdangarin


Caminhos de Osório: Tours pela cidade

Palavras-chave: Turismo, roteiro, resgate histórico Autores: Luciane da Silva Alves e Gicela Teresinha da Silva Ramos Professoras Orientadoras: Ana Lúcia O. Saraiva e Maria Augusta Martiarena

EXTENSÃO

Resumo: O projeto “Caminhos de Osório - tours pela cidade” tem como objetivo valorizar e resgatar a história, as manifestações culturais e os atrativos naturais da cidade de Osório, por meio de caminhadas orientadas pelos acadêmicos do Curso Técnico de Guia de Turismo, do IFRS - Campus Osório. Essas caminhadas, ou seja, roteiros turísticos tematizados, serão realizados na sede do município e oferecidas aos turistas e à comunidade osoriense mensalmente, possibilitando a apropriação e a interação com o patrimônio histórico, artístico e natural local. A programação permite aos participantes conhecerem de perto locais e atrativos da cidade, promovendo o reconhecimento turístico de Osório, através da visitação interna e externa de prédios, monumentos e áreas verdes consideradas patrimônio cultural e ambiental da cidade. Além disso, os acadêmicos do Curso Técnico de Guia de Turismo têm a oportunidade de realizarem atividades práticas, o que torna a sua formação mais completa. Para a estruturação dos roteiros será realizada uma pesquisa histórica para resgate da memória local, subsidiando os orientadores na prestação das informações dos atrativos históricoculturais.

15


EXTENSÃO

Alimentação e Qualidade de Vida

16

Resumo: O projeto de extensão “Alimentação e Qualidade de Vida no IFRS” foi construído a partir de pesquisas, estudos e apresentações de trabalhos nas disciplinas de química, biologia e educação física do Ensino Médio Integrado, do IFRS Campus Osório. As turmas dos cursos de Informática e Administração se empenharam em estudar os alimentos, seus componentes, seus benefícios e a importância de uma boa alimentação. Nos dias de hoje, as pessoas estão cada vez mais conectadas à internet, então pretendemos gerar questionamento, trazer curiosidades e oportunizar momentos de discussão e estudo sobre o tema, por meio das redes sociais, para que todos possam acompanhar nosso trabalho e nossas oficinas. No decorrer do projeto já foram realizadas três oficinas: “O que você comeu hoje?”, nesta oficina pedimos aos alunos do IFRS que nos mostrassem por meio de narrativas quais eram seus hábitos alimentares; “Conhecendo os Alimentos” onde a professora de química, Fernanda Albuquerque, explicou onde se encontram as vitaminas, os carboidratos, os lipídeos, as proteínas, e qual a quantidade certa a ser ingeridas, para mantermos uma boa alimentação; e por último, “Reconhecendo Sabores”, onde a professora de panificação e confeitaria, Flávia Pinto, explicou sobre a estrutura da língua, e após, os alunos de olhos vendados tiveram que reconhecer diferentes sabores. Demos início a este projeto tendo como finalidade principal convidar as pessoas ao questionamento e a reflexão sobre seus hábitos de vida, para que toda a comunidade escolar tenha uma ótima qualidade de vida. Palavras-chaves: Alimentação, Qualidade de Vida, Redes Sociais Autoras: Bárbara Dariva, Bruna Colombo, Isadora Fraga Professores Orientadores: Fernanda Albuquerque, Eduardo Marczwski


Aprendendo a Ler: Artigos Científicos

Palavras-chaves: Artigo, Bicicleta, Energia Autoras: Gabriela da Costa, Taciana Fialho Professores orientadores: Aline de Bona, Humberto Luz Oliveira, Elisa Daminelli

EXTENSÃO

Resumo: No projeto de pesquisa e extensão Aprendendo a Ler: Artigos Científicos, tratamos de dois assuntos até o momento, sendo o primeiro sobre Bicicletas, com o objetivo de descobrir sua função, envolvimento da física, matemática, e o segundo abordando assunto de Energias, com o fundamento/objetivo de aprofundarmos nosso saber nas várias energias existentes, propondo assim aos alunos a inovação e conhecimento tanto sobre energias mais utilizadas, quantos as que ainda estão em fase de estudo. Como metodologia pesquisamos a primeira parte no Wiki-PbWorks (ferramenta auxiliar para postagem de trabalhos e material de aula) de todos os colegas, avaliando os mesmos e tendo como base nosso material, além de material em sites, pesquisas com profissionais e propostas com os professores. Entretanto, com a segunda parte, nos dedicamos mais à pesquisa não só em sites, como também em revistas e livros de geografia, onde pudemos avaliar todo o processo de mudança e melhorias, além de entrevistas com especialistas em energias Eólica e Hidráulica da nossa região. Obtivemos como resultado todo um conhecimento profundo, enriquecido e de muito valor para nós bolsistas. A compreensão de artigos científicos nos influenciou muito (no bom sentido) em trabalhos de ensino, além do cotidiano, podendo, assim, levar para fora de nossas casas a conscientização e base para demonstrar nossos meios de aprendizado.

17


Aprendendo a ler: artigos científicos

EXTENSÃO

Energia Hidrelétrica

18

Resumo: O trabalho aqui apresentado é resultado de uma pesquisa referente à energia hidrelétrica e baseado no artigo ”Perspectivas Hidrelétricas no Brasil”, de Luiz Pinguelli Rosa. Essa pesquisa pertence ao projeto “Aprendendo a ler: Artigos científicos”. A energia hidrelétrica é obtida através da força da correnteza de um rio, mas para isso é necessária uma usina hidrelétrica, que entre outras partes, é composta por turbinas. A água passa por essas turbinas com uma velocidade tão grande que as faz girar. A obtenção da energia hidrelétrica ocorre com a transformação da energia potencial (através da movimentação da água) em energia mecânica, com o auxílio de um gerador. Embora a energia hidrelétrica seja uma forma de geração de energia limpa e sustentável, existem algumas desvantagens na sua utilização, um exemplo disso é que ela possui um alto nível de eficiência (em torno de 95% de aproveitamento), não produz poluição diretamente e o custo da geração de energia é muito baixo, mas ao mesmo tempo, altera fortemente o ambiente e com isso prejudica a migração e reprodução de peixes, provoca alterações climáticas e gera resíduos nas atividades de manutenção de seus equipamentos. Concluímos que embora existam algumas desvantagens em relação a outras energias (como por exemplo, a energia solar), a energia hidrelétrica é uma ótima fonte de energia. Palavras-chaves: Usina hidrelétrica; turbinas; energia potencial; energia mecânica; energia limpa Autores: Mariane Alves Palácios e Gabriel Silva Professores orientadores: Aline de Bona, Humberto Luz Oliveira, Elisa Daminelli


Aprendendo a ler: artigos científicos

Energia Oceânica

Palavras-chave: Energia Oceânica, ondas, marés, térmica Autora: Murilo Lima, Yasmin Ferrari Professores Orientadores: Aline de Bona, Humberto Luz Oliveira, Elisa Daminelli

EXTENSÃO

Resumo: No nosso trabalho sobre as energias abordamos a energia Oceânica e suas utilidades. Descobrimos que ela é uma energia que ainda está em estudos, mas quando nos aprofundamos no assunto, percebemos que nela possui três maneiras de produzir energia: as ondas, as marés ou deslocamento das águas e as diferenças de temperatura dos oceanos. A energia através das ondas ocorre pela elevação da onda numa câmara de ar provocando a saída do ar lá contido; o movimento do ar pode fazer girar uma turbina. A energia mecânica da turbina é transformada em energia elétrica através do gerador. A energia da deslocação das águas do mar é outra fonte de energia. Para transformá-la são construídos diques que envolvem uma praia. Quando a maré enche a água entra e fica armazenada no dique; ao baixar a maré, a água sai pelo dique como em qualquer outra barragem. A tecnologia de conversão de energia termal oceânica produz eletricidade tirando proveito da diferença de temperatura entre a camada superficial, quente, do oceano e a camada fria, mais profunda. Aos estudar todos os tipos de energia que podem ser produzidas pelo oceano, achamos a interessante montar uma apresentação que demonstrasse o porquê da sua importância, destacando a energia produzida pelas ondas, que foi a que mais nos chamou atenção.

19


Aprendendo a ler: artigos científicos

EXTENSÃO

Cidades Ecológicas

20

Resumo: O tema chamou a nossa atenção devido ao fato de ser pouco estudado e aprofundado em nosso meio escolar. Para realizar a pesquisa, utilizamos apenas sites confiáveis como Google acadêmico, UOL. Para a realização do projeto, buscamos estabelecer focos como: quais características deve possuir uma cidade para se tornar ecológica, quais os aspectos positivos da construção de cidades ecológicas para o mundo e como o investimento de países com grande taxa de emissão de gases pode equilibrar a situação em que nos encontramos. A maior dificuldade foi estabelecer um ponto fixo a ser detalhado, pois as cidades ecológicas possuem muitos aspectos a serem citados, entre eles planejamento urbano, estatísticas ambientais, fontes de energia, índices de consumo e emissões, opções de transporte, áreas verdes e a reciclagem. De todas as cidades que conheci por meio deste trabalho, a que mais gostei foi Malmö, a terceira maior cidade da Suécia. Está localizada na província de Skane, no sul do país, e apresenta canais, praias, um porto e quarteirões que ainda retêm a aparência e o jeito da idade média, mas não é essa estética medieval que lhe vale lugar na lista de cidades ecologicamente corretas. Em lugar disso, a cidade chama a atenção em função do uso inovador de recursos renováveis e da sua determinação em tornar-se uma líder entre as ecos cidades. Por meio deste trabalho desejamos conscientizar as pessoas e divulgar que as cidades podem usufruir do que a tecnologia as oferece de forma sustentável. Palavras-chave: Cidades+sustentabilidade, Investimento. Autoras: Cassiana Aliardi, Isadora Fraga Professores orientadores: Aline de Bona, Humberto Luz Oliveira, Elisa Daminelli


Aprendendo a ler: artigos científicos

A nova geração de bicombustíveis

Palavras-chave: biocombustíveis Autora: Mariana Koenig e Jhulie Dada Professores orientadores: Aline de Bona, Humberto Luz Oliveira, Elisa Daminelli

EXTENSÃO

Resumo: Biocombustíveis são fontes de energia renováveis, derivados de matérias agrícolas como plantas oleaginosas, biomassa florestal, cana-deaçúcar e outras matérias orgânicas. Existem vários tipos de biocombustíveis. As esperanças estão voltadas para alguns laboratórios de alta tecnologia nos Estados Unidos, que vêm aperfeiçoando formas de criar o substituto da gasolina e do diesel a partir de formas mais simples de vida: leveduras, algas e bactérias. O desafio é criar esses combustíveis viáveis economicamente e compatíveis com os veículos modernos. O trabalho de hoje depende da manipulação de um micro-organismo perfeito, que se alimentará da planta inteira, retendo apenas um pouco desse alimento e liberando o resto sob a forma de um combustível altamente energético.

21


Aprendendo a ler: artigos científicos

EXTENSÃO

Energia das Marés

22

Resumo: Falaremos neste trabalho sobre energia das marés, como ela funciona, se é uma energia que ajuda na sustentabilidade e também se ajuda no custo beneficio. As enormes massas de água que cobrem maior parte do nosso planeta constituem o maior coletor de energia imaginável pelo homem. As marés originadas pela atração lunar representam uma tentadora fonte de energia. O conjunto das ondas e das marés pode proporcionar muito mais energia do que a humanidade seria capaz de gastar - hoje ou no futuro próximo - , mesmo considerando que o consumo global simplesmente dobra de dez em dez anos. Porém, a energia das marés funciona igual a uma usina hidrelétrica, só que depende das marés altas e das marés baixas. Quando as mares estão altas, as comportas se abrem e a água começa a entrar, movimentando as pás das turbinas, gerando eletricidade. Quando as marés estão baixas, as comportas se abrem deixando a água sair, movimentando as pás das turbinas e gerando também eletricidade. Para contribuir com a sustentabilidade esse tipo de energia é uma energia limpa e renovável contribuindo na redução de gases de efeito estufa, reduzindo assim a poluição no ar, na água, no solo e na biosfera e diminuindo o risco de acidades nucleares. Uma central de energia das marés trará benefícios econômicos e sociais na comunidade onde será construída. Este tipo de projeto poderá contribuir para a economia nacional, criando postos de trabalhos e diminuindo o desemprego. Palavras-chave: Autoras: Cindy Klein e Jessica Fernandes de Jesus Professores orientadores: Aline de Bona, Humberto Luz Oliveira, Elisa Daminelli


Aprendendo a ler: artigos científicos

Energia Nuclear

Palavras-chave: Energia, Acidentes, benefícios Autoras: Horrana Andreoli e Jennifer Cruz Professores orientadores: Aline de Bona, Humberto Luz Oliveira, Elisa Daminelli

EXTENSÃO

Resumo: O nosso trabalho refere-se a energia nuclear, suas vantagens, desvantagens, como ela acontece, os grandes acidentes e ainda as grandes discussões: devemos ou não utilizá-la? Em caso de acidentes, existe algum benefício? Seu custo é muito alto? Como funciona? Muitas pessoas a criticam sem mesmo saber como funciona e se ela tem algum benefício. É isso que queremos expor de maneira positiva ou não, fazendo com que essas pessoas reflitam sobre as suas opiniões já formadas e talvez mudem de opinião, ou fiquem mais flexíveis para o uso dessa energia. A energia nuclear, como já sabemos, tem a finalidade de produzir eletricidade, aproveitando-se do calor emitido na reação dos elementos para aquecer a água tornando-a vapor e assim movendo um turbo gerador. Essa reação pode acontecer controladamente no caso de reatores de usinas nucleares ou descontroladamente em bombas atômicas. Iremos falar sobre os grandes acidentes e usinas que existem até hoje, sobre a usina que temos em nosso país e os meios de prevenção a esses acidentes utilizados na época e hoje em dia, abordando suas diferenças: será que alguma coisa mudou? Nosso trabalho vai tentar mostrar isso de maneira mais simples de ser compreendida e discutida, mostrando os dois lados e seus contrapontos.

23


Aprendendo a ler: artigos científicos

EXTENSÃO

Energia Eólica

24

Resumo: Nosso trabalho apresenta uma energia em específico: a energia eólica. Por meio deste assunto, nos aprofundamos e buscamos saber como funciona esta energia, suas vantagens e desvantagens. Vimos que a energia é renovável e alternativa, por isso ela nos traz vantagens de que não polui o meio ambiente. Um aerogerador funciona da seguinte maneira: existem três hélices ligadas no aerogerador que, quando venta (quanto mais vento melhor) ativam um eixo dentro deste aerogerador ligados à caixa de mudança. A partir dos movimentos das hélices, a velocidade aumenta e como está ligado ao gerador de eletricidade, gera energia elétrica. Precisa-se de quatro fatores para geração de energia: - Quantidade de vento; - Diâmetro da hélice; - Dimensão do gerador; - Rendimento de todo o sistema. Se não houver vento, obviamente as hélices não girarão e se o diâmetro das hélices forem pequenos consequentemente não haverá uma competente rotação das hélices para a transformação de energia elétrica. A busca por esta energia limpa e renovável é muito grande, mas existe uma desvantagem que são os custos para construí-la (que são altos). Atualmente, somente 1% da energia gerada do mundo é eólica, porém seu potencial é muito grande e podemos explorá-la. Palavras-chave: Artigo Científico, Energia, Vento Autoras: Taciana Fialho e Fernanda Ferreira Professores orientadores: Aline de Bona, Humberto Luz Oliveira, Elisa Daminelli


Aprendendo a ler: artigos científicos

Transformações da Energia

Palavras-chaves: Energia; Termodinâmica; Física. Autores: Amanda Goldani, Amanda Marques e Nínive Girardi Professores orientadores: Aline de Bona, Humberto Luz Oliveira, Elisa Daminelli

EXTENSÃO

Resumo: O trabalho “Transformações da Energia” faz parte da terceira atividade proposta pelo projeto “Artigo Científico: aprendendo a ler” e tem como base o artigo de mesmo nome publicado na revista Scientific America, sob autoria de Ulisses Capozzoli. O trabalho tem como principal objetivo demonstrar que todos os tipos de energia conhecidos e existentes estão relacionados, podendo isto ser exemplificado pelas diversas energias que são, direta ou indiretamente, provenientes da energia radiante emitida pelo Sol. Deste modo, damos destaque à “geração” de energia solar fotovoltaica – enfatizando-se o seu funcionamento, seus custos e seu caráter socioambiental –, pois nada mais natural do que transformar a energia proveniente do Sol diretamente em energia elétrica. Sendo que isto ocorre através do uso de células fotovoltaicas compostas por duas camadas de silício: uma do tipo P (enriquecida com boro, tornando-se eletricamente positiva) e a outra do tipo N (enriquecida com fósforo e eletricamente negativa). Quando os fótons emitidos pela radiação solar atingem as células fotovoltaicas, os elétrons livres fluem da camada positiva para a camada negativa; criando uma corrente elétrica. Enquanto a luz solar continuar a atuar na célula, o fluxo de elétrons se manterá, gerando a eletricidade que será armazenada nas baterias e depois distribuída. Além disso, também propomos neste trabalho a relação do assunto com a Primeira Lei da Termodinâmica, pois na natureza nada se cria, nada se perde, tudo se transforma... Inclusive a energia.

25


Aprendendo a ler: artigos científicos

EXTENSÃO

Energia Eólica - Conhecimento, prática e benefícios

26

Resumo: A energia eólica é talvez a mais fácil de ser encontrada no mundo. Como o próprio nome diz, ela funciona por meio dos ventos. Estes empurram as pás de um aerogerador e, por meio da cinética, transformam o giro das pás em energia mecânica e, posteriormente, em energia elétrica. A energia eólica não pode ser “guardada” em nenhum reator, ela vai direto para as casas e redes elétricas locais. Apresentaremos neste trabalho, por meio de experiências práticas e apresentações teóricas, tudo que envolve a energia eólica, desde sua obtenção, vantagens até a distribuição, utilizando como fontes de pesquisa sites especiais de Energia Eólica, revistas, além de entrevistas com o pessoal responsável pelo Parque Eólico de Osório, com métodos “didáticos” de funcionamento da mesma. Hoje em dia, temos o maior parque eólico da América Latina situado na mesma cidade do Campus, Osório, com mais de 60 aero geradores, distribuindo energia para toda a região local. A energia eólica pode ser obtida em casa, por meio da construção de um aerogerador. Existem testes de aerogeradores caseiros que conseguem obter até 1000 Watts de potência, energia suficiente para manter uma casa “acesa” a noite inteira. Nosso objetivo ao escolher esta energia foi o fato de ser uma das que mais cresceu de anos para cá, existindo aqui em nossa cidade, podendo assim valorizar esta maravilha. Nossas ideias foram superadas pelas ideias existentes, estudos e conhecimento por trás disso tudo. Palavras-chave: Energia, Vento, Produção Autores: Felipe Becker Salazar, Gabriela da Costa Professores orientadores: Aline de Bona, Humberto Luz Oliveira, Elisa Daminelli


Aprendendo a ler: artigos científicos

A Biomassa: uma energia de altos e baixos

Palavras-Chaves: Biomassa, energia, fotossíntese e sustentabilidade

renovável,

matéria,

EXTENSÃO

Resumo: A energia da biomassa é uma das muitas energias que o ser humano está utilizando para tentar mudar o destino do nosso planeta e melhorá-lo com os novos meios de energias ecológicas. O trabalho abordará o que são energias renováveis, as suas diferenças em relação às energias convencionais, informando o que é biomassa e como funciona. Também serão relatados os impactos que esse tipo de energia está trazendo para o nosso mundo, suas vantagens e desvantagens para o dia a dia do meio ambiente, os níveis de sustentabilidades em que a biomassa possui e sobre como a sustentabilidade dela é e se comporta, além do custo benefício que esse tipo de energia traz para o planeta Terra. A biomassa é a quantidade de matéria orgânica produzida numa determinada área de um terreno. Como todos devem saber, atualmente, o petróleo é a principal substância empregada na geração de energia, porém a biomassa é uma fonte utilizada bem antes da descoberta do “ouro negro”. O homem utiliza a lenha como fonte energética desde o início da civilização. Portanto, a biomassa faz parte da história da humanidade como fonte de energia. Através do processo de fotossíntese, a energia solar é armazenada sob a forma de energia química. Esta energia pode depois ser convertida em outras formas de energia através de processos de conversão direta, tal como a combustão/ queima, ou de forma indireta como no caso da produção de biogás, que posteriormente pode dar origem a energia térmica e elétrica. A maioria das energias está relacionada entre si e precisa de outras para realmente acontecer! Controvérsias a respeito da sua sustentabilidade e custo benefício também fazem parte desta discussão infindável, em que a energia Biomassa está inserida. Será que todas as energias renováveis são sinônimas de sustentabilidade e ecologia? orgânica,

Autores: Lucas Bravo, Matheus Linhares e Wagner Dias Professores orientadores: Aline de Bona, Humberto Luz Oliveira, Elisa Daminelli

27


Aprendendo a ler: artigos científicos

EXTENSÃO

Energia das Marés

28

Resumo: Os professores realizaram uma atividade sobre energia com as turmas do Ensino Médio Integrado que resultou na seguinte apresentação sobre a energia das marés. Para esta apresentação, foi realizada uma pesquisa e através desta pesquisa em artigos científicos foi escrito o trabalho. As marés estão relacionadas com a posição da Lua e do Sol e do movimento de rotação da Terra, isso faz com que a altura do nível do mar aumente. As ondas do mar possuem energia cinética, devido ao movimento da água e energia potencial devido à sua altura, ou seja, a água realiza trabalho. O aproveitamento energético das marés é obtido através de um reservatório formado junto ao mar, através da construção de uma barragem, contendo uma turbina e um gerador. Tanto o movimento de subida quanto o de descida produz energia. A água é turbinada durante os dois sentidos da maré: na maré alta, a água enche o reservatório, passando através da turbina e produzindo energia elétrica; na maré baixa, a água esvazia o reservatório passando em sentido contrário ao do enchimento através da turbina e desta maneira também produz energia elétrica. Assim se obtém energia elétrica através das marés. Palavras-chave: Energia, Maré Autoras: Jade Garcia Rocha e Caroline de Souza Tidra Professores orientadores: Aline de Bona, Humberto Luz Oliveira, Elisa Daminelli


O Tempo Nosso De Cada Dia

Palavras-chave: Tempo, Memória, Filosofia Autoras: Cassiana Aliardi, Horrana Andreoli e Camila Souza Professora Orientadora: Andréia Meinerz

EXTENSÃO

Resumo: O projeto “O Tempo Nosso de Cada Dia”, criado pela professora Andréia Meinerz e desenvolvido no IFRS - Campus Osório juntamente com as bolsistas Cassiana Aliardi Puls, Horrana Andreoli e Camila da Silva Souza, do Ensino Médio Integrado, visa refletir a questão do tempo nas diversas áreas do saber, partindo da Filosofia, Artes, História e Letras, sem deixar de lado as Ciências Exatas como a Matemática, Física e Geografia. Por meio de oficinas, palestras e saraus, bem como uma série de outras atividades previstas, que tem despertado curiosidade e interesse do corpo docente e discente do IFRS Osório e membros da comunidade em geral. O objetivo geral do projeto consiste em refletir sobre o tempo como algo inerente ao ser humano. Já realizamos em 2011 as seguintes atividades: “Cápsulas do tempo”, “Tempo e matemática”, “Tempo e Física”, “Tempo e dança”. Também desenvolvemos um blog que atualizamos frequentemente (www.temponossodecadadia. blogspot.com) e estão em andamento “O Tempo e a Modernidade” e ”Café Filosófico”, próximas atividades a serem desenvolvidas. O projeto move as pessoas ao questionamento e à reflexão de questões pouco vistas em nossa sociedade. É com este intuito que desenvolvemos as atividades e buscamos divulgar a questão do tempo em nosso meio escolar, para não formar apenas mão de obra, mas sim seres pensantes .

29


PESQUISA

Feedback: uma estratégia metacognitiva em portfólio de matemática

30

Resumo: O trabalho é parte de um projeto de pesquisa denominado Aprendendo a aprender matemática com os Portfólios de Matemática. O projeto está vinculado ao grupo de pesquisa MaTec, desenvolvido no IFRS – Campus Osório com os estudantes de Ensino Médio Integrado da Informática em 2011. O objetivo deste estudo é demonstrar o que é: o “caderno escolar” - Pbworks, o portfólio de matemática e a sua relação com a metacognição da aprendizagem evidenciada nestes instrumentos de avaliação, segundo exemplos de trabalhos construídos pelos estudantes no primeiro e segundo trimestre de 2011. A metodologia de trabalho baseia-se numa pesquisa qualitativa exploratória e em um estudo bibliográfico das conceituações de portfólio de matemática, espaços de aprendizagem online, metacognição e conceitos de matemática explorados no primeiro ano do médio. A pesquisa está em andamento e já apresenta bons resultados como a reflexão de cada estudante sobre o seu processo de aprendizagem de matemática com autonomia e curiosidade em aprender pela pesquisa. Além disso, os feedbacks demonstrados pelos estudantes nos portfólios respondem a questão do que aprenderam de matemática neste período de tempo representando uma das estratégias metacognitivas, refletindo desta forma a realidade individual do estudante. Tais estratégias são elementos para a tomada de consciência do aprendizado de matemática de cada estudante. Palavras-chave: Portfólio de Matemática, Metacognição, Pbworks, Tomada de consciência, Caderno Online Autores: Lucas Bravo e Vinicius Maciel Professora Orientadora: Aline De Bona


Python – Física Matemática: Aplicações na Cinemática

Palavras-Chaves: Python, Física, Matemática Autores: Lucas Mesquita, Hans Günther Brahm Junior Professor Orientador: Humberto Oliveira

PESQUISA

Resumo: O que é o projeto? Juntamente com meu grupo de pesquisa e o professor orientador do projeto Python, elaboramos um modo de tornar a física e a matemática envolvidas nas matérias mais interessantes e atrativas para os alunos do Campus Osório. O grupo de pesquisa MATEC tem se preocupado em estudar de forma interdisciplinar, com professores, técnicos e estudantes, as matérias de física e matemática em projetos. Para que serve? Os alunos no IFRS/Campus Osório têm encontrado dificuldades na aprendizagem das matérias de física e matemática. Portanto, a elaboração de ferramentas digitais como uma calculadora físico-matemática em linguagem de programação Python, proposta aos alunos como um instrumento que auxiliará nos estudos, pode desenvolver mais interesse em tais matérias, proporcionando assim melhor desenvolvimento nas mesmas. O que eu concluí com o projeto? Após ser aprovado neste projeto, tive a possibilidade de estar aprendendo não só uma linguagem de programação de grande importância, como também a oportunidade de me aprofundar em matérias que têm grande importância como a física e a matemática. Outro ponto importante é a possibilidade de estar participando de um grupo de pesquisa MATEC, que será muito importante na minha formação acadêmica e futuro profissional.

31 5


PESQUISA

Pesquisa de Artigos científicos para Busca de Insumos para Diabéticos Resumo: Nosso projeto tem como objetivo fornecer a fórmula para padronização de produtos de panificação a fim de atender um público exigente, em especial os diabéticos. Este projeto faz parte das atividades do grupo de pesquisa denominado MaTec. O objetivo do nosso projeto era fabricar um bolo com ingredientes dentro dos padrões para pessoas diabéticas. Para podermos alcançar este objetivo inicial, usamos vários tipos de metodologias. Primeiramente, buscamos artigos com as palavras chave: analise sensorial + bolo, análise sensorial + pão, analise sensorial, na base de artigos científicos do Scielo. Feito isto foi descoberto um artigo no qual pesquisadores utilizam um alimento chamado yacon (Smallanthus sonchifolius). Com base em pesquisas o yacon pode ser utilizado em bolos para pessoas que são diabéticas, é uma planta bastante aquosa e contém frutooligossacarídeos, ajudando a estabilizar a glicose no sangue, o colesterol alto e com algumas bactérias benignas auxiliando a prevenir o câncer. Os artigos continham as informações necessárias para a fabricação de um bolo da batata yacon, com metodologia de superfície de resposta. Aplicou-se uma pesquisa em forma de questionário para esclarecer informações sobre a batata yacon e com base nas respostas obteve-se melhora nos resultados. Após a coleta de todos os dados necessários para a fabricação da farinha de yacon, misturou-se os ingredientes com a farinha de trigo, fazendo o primeiro experimento de um bolo. Após o primeiro experimento, decidimos fazer o bolo com a batata yacon in natura e com farinha de rosca, pois há grande demora no preparo da farinha de yacon. Palavras-chave: análise sensorial, yacon, bolo Autoras: Luiza de Souza Ferreira, Morgana da Silva Witt Professora Orientadora: Flávia Pinto

32


A sustentabilidade nos empreendimentos rurais que trabalham com turismo: um estudo no Litoral Norte Gaúcho

PESQUISA

Resumo: O projeto visa estudar a sustentabilidade sóciocultural, econômica e ambiental dos roteiros de Turismo Rural, no Litoral Norte do Rio Grande do Sul. Para tanto, os empreendimentos que integram estes roteiros serão estudados. Como objetivos específicos têm-se: a) identificar e descrever as propriedades integrantes dos roteiros turísticos rurais promovidos pela Setur/RS; b) analisar o nível de preservação ambiental destes empreendimentos; c) relatar as relações políticas existentes entre os diversos atores envolvidos nos roteiros; d) perceber as possibilidades de manutenção da cultura local vivenciadas no roteiro; e) identificar o retorno econômico para o município objeto de estudo. Inicialmente, seriam analisados quatro roteiros cadastrados no segmento de turismo rural pela Secretaria de Estado do Turismo: Monjolo e Evaristo; Rota da Cachaça e Rapadura, em Santo Antônio da Patrulha; Vale do Paraíso, em Três Cachoeiras e Turismo Rural Campeiro em Arroio do Sal. Ao longo da pesquisa, identificou-se que três dos roteiros previamente selecionados não se enquadram mais como turismo rural, por não mais contemplarem itens constantes na Lei nº 12.845/2007, que instituiu e regula a Política Estadual de Fomento ao Turismo Rural no Rio Grande do Sul. A partir disto, a pesquisa está sendo realizada sobre o roteiro “Vale do Paraíso”, em Três Cachoeiras. Para fundamentar esta pesquisa foi construído um referencial teórico sobre Turismo, Turismo Rural, Planejamento Turístico e Sustentabilidade nos âmbitos sóciocultural, econômico e ambiental. Estão sendo construídos instrumentos de pesquisa (entrevistas, questionários e observação in loco) para estudar os empreendimentos e o roteiro como um todo. A próxima fase da pesquisa é a saída a campo. Palavras-chave: turismo, roteiros, rural, sustentabilidade Autores: Marcelo Silveira dos Santos e Vera Lúcia Bueno de Oliveira Professoras orientadoras: Bianca Pugen e Ana Lúcia Olegário Saraiva

33 5


PESQUISA

Aprendendo a Aprender Matemática com os Portfólios de Matemática

34

Resumo: Em nossa pesquisa tratamos de assuntos que são relacionados ao portfólio, sobre o pbworks que é um caderno online onde os alunos postam as atividades propostas em aulas e sobre a metacognição. O portfólio de matemática proporciona diversos espaços, sendo um deles a autoavaliação, que é um processo de metacognição entendido como um processo mental interno através do qual o próprio toma consciência dos diferentes momentos e aspectos da sua atividade cognitiva, e ainda desperta um olhar crítico sobre o que se faz, enquanto se faz. A metacognição é a capacidade de saber o que se conhece, ter uma habilidade e saber explicar como ela é realizada. Assim, as estratégias de metacognição residem: na conexão de novas informações para formar o conhecimento, na seleção de estratégias de pensamento e no planejamento, monitoramento e avaliação dos processos de pensamento. Por isso, o desenvolvimento de habilidades metacognitivas e de auto-aprendizagens é importante como indicador do portfólio, e tem se demonstrado bastante eficaz, tendo-se em vista o objetivo de “aprender a aprender” e “aprender a pensar”. Em nossa pesquisa descobrimos sobre o feedback que é como uma revisão interna, nos ajuda a alcançar um potencial maior no processo de aprender, ou seja, o conhecimento que o indivíduo tem sobre o que sabe e o que não sabe, proporcionando uma reflexão sobre o que aprendemos e sobre o nosso comportamento. E ainda tratamos sobre identificar a metacognição através dos exercícios de matemática e sobre as estratégias metacognitivas que os demais professores do instituto usam para solucioná-los. Palavras-chave: Portfólio, Matemática, Metacognição, Pbworks, Pesquisa Autores: Lucas Bravo e Vinicius Maciel Professora orientadora: Aline De Bona


Estudo das técnicas de conversão para aplicação da turfa como alternativa energética no município de Osório

PESQUISA

Resumo: O desenvolvimento do Projeto Viabilidade Econômica Financeira na Utilização da Turfa como Fonte Energética, executado pelo Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia–IFRS Campus Osório-RS, em colaboração com o Centro de Estudos de Geologia Costeira e Oceânica-CECO/IG/UFRGS, visa mapear e avaliar os potenciais de exploração e utilização da turfa como fonte energética. A turfa é um material sedimentar de origem vegetal, parcialmente decomposta em ambiente aquoso, sendo o primeiro estágio da série de combustíveis fósseis. Dependendo de suas propriedades físico-químicas pode ser utilizada para a produção de energia, adubo orgânico ou como material filtrante. Os locais de onde são retiradas as turfas são denominados de turfeiras, ambientes formados pelo assoreamento de corpos lagunares por detritos vegetais, em cujas áreas de interesse para o projeto estão localizadas no município de Osório, RS, situado na parte norte da Planície Costeira do Rio Grande do Sul. Essa planície é composta por leques aluviais e quatro distintos sistemas deposicionais transgressivo-regressivos do tipo laguna-barreira. A gênese dos depósitos turfáceos desta região ocorreu nestes ambientes lagunares. As primeiras etapas de execução do projeto consistiram em pesquisa bibliográfica sobre turfas, resgatando dados anteriores dos estudos de Villwock et al. (1980) pelo CECO e dados do Serviço Geológico Brasileiro (CPRM), além de pesquisas sobre a Planície Costeira do Rio Grande do Sul, a fim de um melhor entendimento da gênese dos depósitos e estabelecer uma área piloto representativa para o mapeamento. O trabalho de campo abrange furos de sondagem, coleta de amostra para análises físico-químicas e levantamento geofísico com GPR visando estabelecer a espessura dos depósitos de turfa. Com os resultados das análises pode-se classificar a turfa, verificar seu grau energético, e assim estudar se a exploração compensa o impacto gerado. Palavras-chave: Turfa, Gaseificação, Conversão energética Autores: Guilherme Oliveira Lima e João Pedro Formolo Professora orientadora: Shana Sabbado Flores

35 5


Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul Campus Osório Rua Machado de Assis, 1.456 Bairro Sulbrasileiro Osório - RS Telefone (51) 3601-3500 www.osorio.ifrs.edu.br


Catálogo de Projetos 2011 - MoExP