Issuu on Google+

Curitiba, quinta-feira, 17 DE outubro de 2013 | Ano XXXViI | Edição nº 8977 | R$ 1,50

Indústria&Comércio DIÁRIO

INFORMAÇÃO. conhecimento. inteligência. DESDE 1976.

Aroldo Murá CENSURA A BIOGRAFIAS: A ENTREVISTA DE AUTOR DE “O BANDIDO QUE SABIA...”

Antonio Martins Vaz, Toninho Vaz, está no centro do furação gerado pelos que querem censurar biografias. Ele escreveu a biografia de Leminski. Fala sobre o assunto em entreviista exclusiva. página

PR tem o melhor setembro em cinco anos na criação de empregos O desempenho paranaense é o melhor da região Sul do Brasil e o quarto do País no mês, diz Caged

Gilson Abreu

| a3

Pedro Washington Promessas vãs

A política no nível atual fornece farto material a jornalistas como Cláudio Humberto, Elio Gaspari, bem informados e de texto irônico. página

| a2

Roseli Abrão Lula e as redes sociais

Em e-mail a seus companheiros do PT – encaminhado também a jornalistas – o ex-presidente Lula pede que “ocupem” as redes sociais. Na avaliação do ex-presidente, é o espaço ideal para “conversar” sobre política, informar sobre os projetos do partido/governo e mostrar “os resultados concretos que alcançamos”, ao mesmo tempo “ouvindo o que as pessoas têm a dizer”. página

| a5

Nos últimos 12 meses, houve crescimento de 3,24% na quantidade de emprego no Paraná, com a criação de 84.654 postos de trabalho

INDICADORES FINANCEIROS

geral a2

MERCADO À VISTA Maiores altas

COTAÇÃO

TECTOY ON * OGX PETROLEO ON NM COBRASMA PN REDE ENERGIA PN MERC INVEST PN

Maiores QUEDAS

0,03 0,47 0,05 2,01 0,31

COTAÇÃO

FINOR CI * TREVISA PN AZEVEDO PN TEKA ON VULCABRAS ON

0,22 32,00 1,21 0,50 0,61

IBOVESPA Maiores altas*

COTAÇÃO

OGX PETROLEO ON NM ELETROPAULO PN N2 ALL AMER LAT ON NM BRASIL ON NM LOCALIZA ON NM

Maiores QUEDAS OI PN N1 OI ON N1 ANHANGUERA ON NM KROTON ON NM PDG REALT ON NM

0,47 9,08 8,52 27,74 36,01

Demanda de empresas por crédito cai 5,4% em setembro, aponta Serasa

Economia A5

Horário de verão evitará gasto de R$ 4,6 bi em investimentos em energia

Renato Araújo/ABr

COTAÇÃO 4,23 4,52 13,26 31,45 2,19

O Clube do Zelador preparou um treinamento com o tema “fissuras, trincas e rachaduras”. O objetivo foi explicar aos participantes as diferenças técnicas entre cada um desses eventos, que são ocorrências comuns em casas e prédios, além de abordar as razões pelas quais elas acontecem, maneiras de eliminar as causas e soluções para resolver o problema.

CÂMBIO Moeda

Compra

Venda

Dólar turismo 2,1100

2,2700

Dólar comercial 2,1735

2,1746

Dólar paralelo 2,2973

2,2979

Euro

2,9508

2,9477

Clube do Zelador ministra treinamento em Curitiba

Ouro (Grama/R$): 90,49

negócios b1

Acesse a edição digital

www.icnews.com.br

A adoção do horário de verão no período 2013-2014 representará uma economia de R$ 4,6 bilhões em investimentos que deixarão de ser feitos em geração e transmissão de energia, e de R$ 400 milhões sem o acionamento de usinas térmicas economia a5

Editorial

A falta de respeito contra o consumidor

O

Editais na página b3

CMYK

consumidor é explorado de forma vergonhosa por muitas empresas no Brasil. Mau atendimento e demora na prestação de serviços, os quais são, muitas vezes, de péssima qualidade, fazem parte de algumas das reclamações dos cidadãos, diariamente lesados por empresas desonestas que precisam ser punidas. O pior de tudo é que essas companhias, muitas vezes, não corrigem seus erros através de algum acordo com o consumidor mesmo após a constatação, pelo Procon, de que elas realmente estão equivocadas.

D

os 2,031 milhões de atendimentos feitos pelos Procons de todo o país entre 2011 e 2012, mais de 211 mil foram considerados procedentes, crescimento de aproximadamente 38% sobre 2011, que teve 153 mil. Muitas resultaram na abertura de processos administrativos. As principais causas da instalação dos processos estão relacionadas a cobranças indevidas (28%); falta de garantia (21%); e má qualidade de produtos ou serviços (16%). O cenário demonstra a falta de respeito que o consumidor sofre, fato que precisa mudar com urgência.

Central de Atendimento: 41 3333.9800

Curitiba será sede de grandes eventos A cidade será palco de grandes e importantes eventos médicos, nacionais e internacionais. Cinco acontecimentos vão atrair mais de 18 mil pessoas, em dois meses.

Parceria entre Apolar e Cyrela irá vender imóveis prontos

O trabalho em conjunto, que terá início ainda em outubro, vai iniciar pelo empreendimento Ideale Residencial, o primeiro produto Cyrela que será comercializado exclusivamente pela Apolar.

negócios b1

e-mail: pauta@induscom.com.br

negócios b1


Geral/Curitiba

Diário Indústria&Comércio

Curitiba, quinta-feira, 17 de outubro de 2013 | Pág. A2

Previsão do tempo

Mín.: 13° | Máx.: 19°

O tempo segue muito instável e com chuvas contínuas no centro-leste, Campos Gerais e norte pioneiro durante quinta-feira devido ao aprofundamento de uma área de baixa pressão atmosférica que se desloca pelo Sul do País e litoral da região. fonte: www.simepar.br

postos de Trabalho

Emprego: PR tem o melhor setembro em cinco anos Caged - O desempenho paranaense é o melhor do Sul e o quarto do País no mês

prpress@terra.com.br

PanoramaPolítico Promessas vãs

A política no nível atual fornece farto material a jornalistas como Cláudio Humberto, Elio Gaspari, bem informados e de texto irônico. Fase bem melhor do que a vivida por Sérgio Porto, com seu “Stanislaw Ponte Preta” que, em pleno período ditatorial ainda conseguia enfiar no meio de suas crônicas sobre vida noturna e suas “certinhas do Lalau” (algumas das vedetes mais bonitas do país), cutucadas no regime que exercia a censura com mão-de-ferro. Pois Gaspari traz um pouco da briguinha entre a presidente Dilma e a ex-senadora Marina. Lembra um fato que é recorrente entre os que estão no poder e os que aspiram a ele. A crítica por supostamente faltar a seus adversários, conhecimento para o cargo que o detentor do poder pretende estar exercendo com brilho. Gaspari lembra dois: o “trem-bala” que já levou o ex-diretor da Valec, Doutor Juquinha à cadeia e no qual a presidente Dilma entrou de cabeça, que repousa nas gavetas da Casa Civil “depois de já ter torrado uns R$ 65 milhões em projetos, leilões adiados e modelagem arquivada”, e o Enem do governo Lula, quando “o poste” Fernando Haddad que Lula elegeu prefeito de São Paulo, era o Ministro da Educação e prometia acabar com o vestibular que “obriga um jovem de 18 anos a jogar um ano de sua vida numa manhã de prova”. Com esses dois exemplos quis mostrar que políticos fazem promessas que não cumprem, e que, voltam na reeleição com outra roupa publicitária. O que faz este colunista lembrar uma frase de seu falecido pai, que foi de maestro de banda de música a vereador e prefeito (em cidade pequena ninguém consegue ficar totalmente fora da política). Ironizava ele: “Político em campanha promete “mundos e fundos”. Não raras vezes deixa o eleitor “com os fundos imundos””. Sábias palavras!

Punição exemplar

Alguns assuntos, sempre repetido aqui, deixam a caixa postal da coluna entupida. Como no caso da posição adotada pelo ministrocorregedor do CNJ, Francisco Falcão, quando sugere que seja extinta a aposentadoria de juiz que comete irregularidade utilizando o poder que lhe é concedido. A imensa maioria concorda que sendo um servidor como qualquer outro, a punição é cabível, não o prêmio.

Afirmação...

A afirmação atribuída a Marina Silva, menosprezando o apoio do deputado e ruralista Ronaldo Caiado para a chapa encabeçada por Eduardo Campos, generalizando o setor como “inimigo histórico” por considerar o parlamentar dos Democratas como radical, foi infeliz. Desconhece o quanto a economia do Brasil deve ao setor rural. O Democratas por sinal, é um dos poucos partidos que assume o prestigiamento à livre iniciativa, marca maior do agronegócio brasileiro.

...infeliz

No que a atividade agrícola que produz safras cada vez maiores depende de governos para movimentá-las em direção a portos ou pontos de comercialização interna, está sempre mal servida. Infraestrutura precária, que caberia ao governo ampliar e conservar, tem encarecido os custos do empresariado rural. Apoio real, só através do cooperativismo.

Liberdade de criação

A coluna defende maiores facilidades para a criação de legendas políticas, dentro do princípio constitucional de que “é livre a criação, fusão, incorporação e extinção de partidos políticos, resguardados a soberania nacional, o regime democrático, o pluripartidarismo, princípios fundamentais da pessoa humana”. Mantidas porém pelos próprios seguidores, sem os ‘tempos gratuitos”em rádios e TVs, e o Fundo Partidário, em realidade bancados pelo brasileiro mesmo que sem filiação partidária.

Em choque

Entre as regras eleitorais, uma deveria ser introduzida no Brasil: o direito de um grupo independente, sem filiação a partido, lançar uma candidatura “avulsa” a cargos majoritários: prefeito, governador e Presidente. Com as vantagens oferecidas aos partidos (tempos para comunicação e Fundo Partidário) extintos, qualquer cidadão que bancasse a própria campanha poderia disputar eleições. EXPEDIENTE

Diário

Indústria&Comércio Fundado em 2 de setembro de 1976 Fundador e Presidente Odone Fortes Martins Reg.Prof. DRT/PR: 6993 (ofm@induscom.com.br) Diretor de Redação Eliseu Tisato Reg.Prof. DRT/PR: 7568 (editor@induscom.com.br) Redação: Rua Imaculada Conceição, 205 - Curitiba - PR Fone: (41) 3333.9800 E-mail: pauta@induscom.com.br Publicidade Legal e Assinaturas: Rua Imaculada Conceição, 205 - Curitiba - PR Fones: (41) 3333.9800 | 3334.4665 e-mail: publegal@induscom.com.br

Parque Gráfico e Circulação: Rua Imaculada Conceição, 205 - Curitiba - PR Fones: (41) 3333.9800 | 3322.1012 Direção e Comercial: Rua Presidente Faria, 533 Centro - Curitiba - CEP: 80020-290 Fone: (41) 3322.1012 e-mail: diretoria@induscom.com.br comercial@induscom.com.br

NEW CAST PUBLICIDADE & MARKETING BRASÍLIA E RIO DE JANEIRO Atendimento : Flávio Trombieri Moreira – Cel.: (61) 8155 2020 Endereço: SRTVS Quadra 701 Bloco K Sala 624 – Edifício Embassy Tower – Brasília DF - Cep.: 70.340 – 908 Fone/Fax: (61) 3223 4081 E-mail: new.cast@uol.com.br / new.cast@hotmail.com

Os artigos assinados que publicamos não representam necessariamente a opinião do jornal.

Nos últimos 12 meses, houve crescimento de 3,24% na quantidade de emprego no Paraná, com a criação de 84.654 postos de trabalho. Nos primeiros nove meses deste ano, foram criadas 116.602 vagas, aumento de 4,52%

O

Paraná criou 15.925 empregos em setembro, o maior saldo para o mês nos últimos cinco anos e o segundo melhor de toda a série histórica do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), iniciada em 2003. O crescimento foi de 0,60% em relação ao estoque de assalariados com carteira assinada do mês anterior. O desempenho paranaense é o melhor do Sul e o quarto do País no mês. Os dados do Caged foram divulgados ontem pelo Ministério do Trabalho e Emprego. A Região Metropolitana de Curitiba registrou acréscimo de 6.064 empregos formais em relação a agosto (aumento de 0,57%). Curitiba foi a cidade que mais criou vagas (4,526 contratações), seguida de Maringá (765), Cascavel (676), Ponta Grossa (489) e Guarapuava (466). Os setores com maior participação na criação de empregos no Estado em setembro foram os Serviços, com 5.708 vagas, o Comércio

com 5.586 postos de trabalho e a Indústria de Transformação, com 3.506 empregos. No mesmo período o Rio Grande do Sul gerou 10.854 empregos e Santa Catarina 11.224 vagas. Nacionalmente, o Paraná foi o quarto Estado com melhor saldo de empregos. A liderança ficou com São Paulo, que gerou 45.275 empregos, seguido de Pernambuco, com 29.988 postos de trabalho e Alagoas, com 16.285 vagas. Nos últimos 12 meses, houve crescimento de 3,24% na quantidade de emprego no Paraná, com a criação de 84.654 postos de trabalho. Nos primeiros nove meses deste ano, foram criadas 116.602 vagas, aumento de 4,52%. O secretário do Trabalho, Emprego e Economia Solidária, Luiz Claudio Romanelli, avalia que os números comprovam o bom momento da economia paranaense e o acerto das políticas públicas do Governo do Paraná. “Os números da Rais mostraram

que o Paraná foi o segundo Estado que mais gerou empregos em 2012, atrás apenas de São Paulo. O Caged de setembro mostra que novamente o Paraná tem o melhor desempenho entre os estados do Sul e aparece bem colocado no ranking nacional. Como frisa o governador Beto Richa, os resultados são fruto de uma política pública séria e bem planejada, do bom diálogo com empresários e trabalhadores e da segurança jurídica que o Estado hoje oferece”, analisa.

RAIS 2012

Segundo dados da Relação Anual de Informações Sociais (Rais) divulgados pelo MTE na sexta-feira (11), o Paraná criou 113.388 empregos formais em 2012, fechando o ano com 3.033.665 pessoas empregadas. O número representa incremento de 3,9% no estoque do Estado. A variação absoluta no estoque de empregos do Paraná representa a segunda maior marca do Brasil, atrás apenas de São

Empreendedorismo ganha espaço em universidades paranaenses O Paraná foi o segundo Estado do país com mais universidades contempladas no edital “Educação Empreendedora para Instituições de Ensino Superior”, do Programa Nacional Educação Empreendedora. Das 19 universidades paranaenses inscritas no programa do Sebrae, 17 foram selecionadas para o projeto que incentiva universitários a abrirem seu próprio negócio. A Universidade Estadual do

Centro-Oeste (Unicentro) foi uma das escolhidas. O edital aplicará ações em todos os cursos e não apenas aos relacionados à área de negócios. Serão beneficiados 27.360 alunos, em 12 municípios paranaenses, entre 2014 e 2016. As atividades do edital incluem a criação da disciplina de Empreendedorismo na grade curricular ou em cursos de extensão, a publicação de pesquisas e teses relacionadas ao

tema, a realização do “Desafio Universitário Empreendedor”, além de cursos e palestras. Cada universidade escolhe como atenderá ao edital, de acordo com as melhores soluções às suas necessidades de empreendedorismo. O Sebrae vai cobrir 70% do valor de cada projeto apresentado pelas instituições de ensino superior e os outros 30% serão financiados pela própria instituição.

Nova fábrica de ração vai criar 1.700 empregos em Arapoti A Capal Cooperativa Agroindustrial vai investir R$ 60 milhões na construção de uma fábrica de rações em Arapoti, nos Campos Gerais. O governador Beto Richa assinou na terça-feira (15) a inclusão do empreendimento no programa de benefícios Paraná Competitivo. A previsão é que sejam criados 1.700 empregos diretos e indiretos até 2018. “As cooperativas são importantes parceiras nesse amplo processo de industrialização do interior. O Governo do Estado garante todo o apoio necessário para esses investimentos, que geram riquezas nos municípios, oportunidades de trabalho e mais renda para a nossa gente”, diz Richa. Os investimentos industriais no Estado, estimulados pelo Paraná Competitivo superam as expecta-

tivas. “Recuperamos a confiança da iniciativa privada com gestão pública de qualidade, bons projetos e programas, austeridade no gasto público, segurança jurídica e respeito aos contratos”, avalia Richa. Em pouco mais de dois anos, o programa já confirmou mais de R$ 25 bilhões em novos investimentos que estão criando 150 mil empregos diretos e indiretos em todas as regiões do Paraná. “É o maior ciclo de industrialização em curso em todo o país e o maior já visto na história do Paraná”, afirma o governador. A fábrica de rações vai atender criadores de suínos, aves e gado. O investimento está dividido em duas etapas. A primeira deve começar a operação em março de 2015 com a produção de 320 mil toneladas e 865 empregos. Em dezembro de

2018, inicia a operação da segunda fase, com a produção de mais 320 mil toneladas e a criação de outros 855 empregos. O vice-presidente da Capal, Renne Van Der Goot, explica que parte da produção da fábrica de rações vai atender aos produtores que fornecerão suínos ao frigorífico que está sendo construído em Castro, em parceria com as cooperativas Batavo e Castrolanda, e que também conta com benefícios do Governo do Estado. “Estamos agregando valor à produção para atender os nossos cooperados com a construção da fábrica mais moderna que existe em termos de ração. Os incentivos do Paraná Competitivo foram decisivos para a construção da fábrica”, afirma Van der Goot.

Paulo (370.762 empregos formais em 2012). O Paraná também registrou a maior variação relativa entre os estados do Sul, à frente de Rio Grande do Sul (2,5%) e Santa Catarina (2,0%). Atualmente, o Paraná é responsável por 38,4% do total de estoque de empregos no Sul do Brasil, seguido por Rio Grande do Sul (37,9%) e Santa Catarina (26,6%). No Paraná, o setor de atividade com maior geração de postos de trabalho, em 2012, foi a Administração Pública (43.293), com variação positiva de 9,9% em relação a 2011. Os Serviços figuraram na segunda colocação, com estoque de 39.037 postos, acima do Comércio (23.990). A Construção Civil e a Agricultura também registraram resultados positivos no período, com 5.363 e 1.016 empregos, respectivamente. A Indústria de transformação teve baixo desempenho e registrou a geração de 270 empregos formais em 2012.

Sanepar amplia sistemas de água e esgoto no Litoral A Companhia de Saneamento do Paraná (Sanepar) está investindo em obras de água e esgoto no Litoral do Paraná e os moradores estão otimistas com os resultados das ações, que deverão dar mais qualidade de vida às famílias. Em Guaratuba, serão mais de R$ 42 milhões em saneamento. Estão sendo implantados 68,9 quilômetros de rede coletora de esgoto e 2.300 novas ligações nos bairros Mirim, Cohapar, Nereidas e Piçarras. O bairro de Coroados também será contemplado com obras: 40,5 quilômetros de rede de esgoto e 1.920 ligações. Em 2014, a Sanepar inicia a reforma elétrica da elevatória de esgoto bruto do Brejatuba e implanta novas redes de coleta e ligações de esgoto em Coroados e Barra do Saí. Só as obras de esgoto custarão R$ 40,8 milhões. Até 2014, a Sanepar também irá construir uma travessia no Rio do Melo, melhorando o sistema de abastecimento com água tratada. O custo é de R$ 1,2 milhão e vai beneficiar os 34,3 mil habitantes da cidade (IBGE, estimativa 2013), além dos veranistas. Com a conclusão, prevista para 2014, o índice de coleta de esgoto de Guaratuba irá passar dos atuais 55,27% para 85%.


Aroldo Murá G. Haygert

Diário Indústria&Comércio

Contato com o jornalista: aroldo@cienciaefe.org.br

Curitiba, quinta-feira, 17 de outubro de 2013 | Pág. A3

JORNALISMO INVESTIGATIVO NÃO ACEITA LIMITAÇÕES, DIZ BIÓGRAFO DE LEMINSKI Antonio Martins Vaz, o Toninho Vaz, é daqueles jornalistas de alto quilate que a vida prática revelou. Não passou por cursos de comunicação. Talvez se tivesse passado, manteria o mesmo perfil, parte essencial de sua personalidade: é o ser humano indagador por excelência, inquieto diante da notícia, o homem capaz de computar e relacional o universo de informações que a memória prodigiosa vai armazenando. Nos últimos anos, depois de ter passado pela redação do Fantástico, da Globo, Toninho Vaz foi se especializando em biografias. A mais importante delas – acredito – foi “O bandido que sabia latim”, uma profunda imersão na vida e obra de Paulo Leminski, com que Vaz conviveu nos anos áureos do poeta e a quem ajudou nos primeiros passos do escritor que se tornaria um nome nacional. Agora Toninho está com um problema grave pela frente: familiares de Leminski não querem que ele faça mais uma edição do livro. A coluna foi ouvir Toninho. A entrevista segue: 1) O que você acha desse movimento Procure Saber? TV – Eu pratico um jornalismo investigativo, portanto, não posso concordar com limitações na liberdade de autor. Não faço e nem cogito sensacionalismo. O paradoxal Procure Saber é um grupo criado por artistas que foram vítimas da truculência e da censura, em outros tempos. Estou fora. 2) Você um dia imaginou que essa gente iria colocar dificuldades para o andamento de um gênero - biografias - essencial para que se entenda algumas partes da alma brasileira? TV – Não era de se esperar, pois no mundo inteiro as biografias têm grande relevância cultural. Foi graças ao trabalho de dois mestres, Ruy Castro e Fernando Morais, que eu me apaixonei pela grandeza das vidas de Chatô e Nelson Rodrigues, por exemplo. Tudo bem que o Roberto Carlos faça papel de reacionário, já sabemos, mas que tal o Chico Buarque? Fico com

o Jards Macalé que declarou a um jornal carioca que estão sendo escritas duas biografias sobre ele, e que ele prefere a não autorizada.

“EU ACREDITO QUE DINHEIRO ESTÁ POR TRÁS DISSO”

3) Na sua opinião, o que está por trás disso tudo? TV – Acredito que seja dinheiro, em primeiro lugar. Claro que o Roberto Carlos, um notório milionário, pode estar apenas preocupado com a revelação de alguns detalhes anatômicos do seu corpo, mas alguns outros o fazem visando dinheiro. O mundo ficou assim, uma Sociedade Anônima. 4) No seu caso, a proibição estapafúrdia vem dos familiares de Leminski, de quem você foi amigo e grande apoio, anos seguidos. Por que só agora eles se manifestaram? TV - Acho que eu sei a resposta, mas apenas vou poder dizê-la em juízo. As herdeiras são, em essência, diferentes do Paulo (Leminski), e eu lembro que me aproximei dele. Mas, na verdade, eu tinha muito carinho e cumplicidade com a Estrela, a filha mais nova. Ela se parece mais com ele. 5) “O bandido que sabia latim” resultou em quantas edições? Quantos leram o livro? Como os familiares até agora absorviam a biografia? TV – Estava saindo a quarta edição quando a censura chegou, sendo que as três primeiras foram pela Record. Agora o livro estava com a Nossa Cultural, de Curitiba. Somando as três edições, foram 14 mil exemplares em onze anos. E você acha que eu fiquei rico, como pensa o Djavan? As herdeiras nunca gostaram totalmente do livro, reclamavam de um certo excesso de sinceridade. Agora, no recente caso, elas usaram a expressão sórdido, que eu me recuso aceitar. Quero dizer que esta minha inclinação para a crua realidade foi um dos legados de valor que aprendi com o Paulo.

Um dia ele disse, sobre textos: “Tem que pesar a mão. Nada de títulos fracos, sem pegada, tipo Outras palavras, Além do horizonte, o melhor é algo como “Tempestade no Himalaia” (rs)

“POSIÇÃO DE JOAQUIM BARBOSA GERA ESPERANÇAS”

6) Você tinha outros planos de biografias em andamento? Se tinha, quais? TV – Bem, estou me envolvendo com uma história carioca como foi o Solar da Fossa, ou seja, não é uma biografia clássica. Estou ainda em fase de considerações, conversando com a família Veloso (não confundir com o Caetano), dona das Casas da Banha e do Jornal dos Sports, o cor-de-rosa. A saga do patriarca é muito interessante e gloriosa. Por exemplo: em certo ano houve uma previsão equivocada da venda de bacalhau pelas Casas da Banha durante a Semana Santa e o produto ficou estocado em excesso, criando problema para a empresa. A solução foi uma jogada de marketing espetacular: fazer o garoto propaganda do grupo, o espetacular Chacrinha, jogar bacalhau para a plateia: “Vocês querem bacalhau?” 7) Como ficam tais planos, então.? TV – Bem, a mesma editora censurada, a Nossa Cultura, agora está finalizando a segunda edição da minha biografia do Torquato Neto, poeta e letrista da MPB. O filho dele já autorizou por escrito, para alivio de todos. O texto não sofreu nenhuma mudança, ganhou apenas um prefácio do Roberto Muggiati, e o livro vai sair ainda este ano. 8) Vocês, os biógrafos e as editoras, já pensaram em levar o assunto ao STF, em busca de definição da matéria? TV – Vai acontecer uma audiência pública com a

ministra Carmem Lúcia, em Brasília, em novembro. Ela é relatora de ação movida pelo Sindicato Nacional de Editores de Livros, que pede o fim da autorização dos biografados. 9) É possível relatar como vocês pretendem resistir ao Procure Saber? TV – Talvez não tenhamos mais como reverter certas reações baseadas em leis retrógradas, mas se a tendência exposta dias atrás pelo ministro Joaquim Barbosa prevalecer, teremos liberdade de expressão e responsabilidade aferida a cada gesto. Ou seja, que os escritores caluniadores e/ou mentirosos sejam punidos pela nova lei que regula a ética do mercado. Então, seriam analisados os casos individualmente.

Estrela Leminski, Torquato Neto, Roberto Mugiatti, Joaquim Barbosa e Chacrinha.

CARTAS

RACISMO E EXPECTATIVA DE VIDA (correspondências para a coluna: aroldo@cienciaefe.org.br)

APOIANDO PELLEGRINI Prezado sr. Aroldo, Lendo seu comentário a respeito do livro escrito por Pellegrini sobre o Leminski, gostaria de externar o meu apoio. Não tenho o e-mail do Pellegrini, portanto gostaria que o sr. repassasse a minha mensagem a ele. Já li alguns livros do Pellegrini (Terra Vermelha, Chácara Chão, Meninos no Poder, etc.). Sou um fã também pela maneira paranaense dele escrever, uma verdadeira bandeira da cultura de nossa terra. Sou também admirador de biógrafos isentos, como é o caso de Fernando Morais. Acho um absurdo se impedir a publicação de um livro. Afinal de contas, se os hábitos do Leminski não manchavam a sua imagem em vida, como podem manchar após a sua morte? Desde que não seja uma biografia tendenciosa, não vejo mal algum. Assim espero que seja publicado o livro, pois estou muito interessado em lê-lo. Atenciosamente, Pedro Brandt, Curitiba.

é claro que há uma série de outros elementos a serem registrados, quando se fala no tema. Só, para ser bem preciso, quero lembrar a magna influência que, madame Hélèlene Garfunkel exerceu na vida do Paraná, ao fazer da Aliança Francesa, que dirigia, um centro de excelência e de acolhimento de talentos que, depois, ela encaminhava para cursos de especialização na França. Dessas gerações criadas por madame Garfunkel é preciso citar nomes como Jaime Lerner, Belmiro Castor, Karlos Rischbieter, Fanchette Rischbieter, Maurício Schulman, o grande e inesquecível Rafael Dely, Saul Raiz, Fernando Veloso... Madame Garfunkel foi um capítulo à parte da história dos franceses no Paraná, assim como o francês Paulo Garfunkel, marido de madame, e cujas telas são de uma riqueza pictórica incomparável. M.C. CARNEIRO LEÃO – Rio.

AINDA DE FRANCESES NO PARANÁ Senhor jornalista: Amanhã será aberta em Curitiba, como a sua coluna mesma noticiou, a Folie de France, o Festival da França. Gostei das observações feitas pela coluna sobre a importância da França e dos franceses no Paraná. Mas

A Capal Cooperativa Agroindustrial vai investir R$ 60 milhões na construção de uma fábrica de rações em Arapoti, nos Campos Gerais. O governador Beto Richa assinou nesta terça-feira (15) a inclusão do empreendimento no programa de benefícios Paraná Competitivo. A previsão é que sejam criados 1.700 empregos diretos e indiretos até 2018. “As cooperativas são importantes parceiras nesse amplo processo de industrialização do interior. O Governo do Estado garante todo o apoio necessário para esses investimentos, que geram riquezas nos municípios, oportunidades de trabalho e mais renda para a nossa gente”, diz Richa. A fábrica de rações vai atender criadores de suínos, aves e gado. O investimento está dividido em duas etapas. A primeira deve começar a operação em março de 2015 com a produção de 320 mil toneladas e 865 empregos. Em dezembro de 2018, inicia a operação da segunda fase, com a produção de mais 320 mil toneladas e a criação de outros 855 empregos. O vice-presidente da Capal, Renne Van Der Goot,

Belmiro Castor e Karlos Rischbieter

Rafael Dely e Maurício Schulman

evento, nesta quinta-feira, dia 17, às 10h30, ocorrerá simultaneamente no Rio de Janeiro (Avenida Presidente Antonio Carlos, 51, auditório do décimo andar) e em Brasília (SBS, Qd. 1, Bloco J, Edifício BNDES, auditório do subsolo).

FÁBRICA DE RAÇÃO: R$ 60 MILHÕES

FÁBRICA (2)

PELLEGRINI (2) Caro Aroldo: Agradeço sua disposição de mencionar em sua coluna meu depoimento na Comissão da Verdade. Mas não consegui, como pretendia, produzir um resumo. Estou com um trabalho que me exige muito e fui prorrogando, prorrogando o tal resumo, de modo que já perdeu a atualidade. Mas não nos abespinhemos, o tema voltará quando você escrever meu perfil para a coleção, ha, ha, ha, ha. Li hoje, na coluna, a respeito do texto que o Pellegrini escreveu sobre o Leminski e lhe enviou pela internet. Como posso ter acesso a ele? Abraço, LUIZ MANFREDINI, Curitiba

Números inéditos sobre a perda de expectativa de vida de negros e não negros no país, relacionando-os à questão do racismo, serão apresentados pelo Ipea em coletiva de imprensa de lançamento da quarta edição do Boletim de Análise Político-Institucional (Bapi). O

explica que parte da produção da fábrica de rações vai atender aos produtores que fornecerão suínos ao frigorífico que está sendo construído em Castro, em parceria com as cooperativas Batavo e Castrolanda, e que também conta com benefícios do Governo do Estado.

FÁBRICA (3) “Estamos agregando valor à produção para atender os nossos cooperados com a construção da fábrica mais moderna que existe em termos de ração. Os incentivos do Paraná Competitivo foram decisivos para a construção da fábrica”, afirma Van der Goot. Um dos maiores trunfos para a atração das empresas foi a implantação do programa Paraná Competitivo. Lançado em fevereiro de 2011, o programa contempla uma série de medidas de incentivos ao setor produtivo, por meio da dilação de prazos para recolhimento do ICMS, investimentos para melhoria da infraestrutura, da capacitação profissional, da desburocratização e da internacionalização do Estado. A contrapartida é a criação de emprego e com o desenvolvimento sustentável de todo o Estado.


Geral/Paraná

Diário Indústria&Comércio

Curitiba, quinta-feira, 17 de outubro de 2013 | Pág. A4 abnoticias@abcom.com.br

AB Notícias MEL DE QUALIDADE

O Norte do Estado recebe no dia 1º de novembro o V Seminário de Apicultura de Ortigueira e Região. O objetivo do evento é trazer mais informações para os apicultores e proporcionar a atualização para que seja possível melhorar a qualidade do produto. Segundo dados do IBGE, a cidade é a segunda maior produtora de mel do Brasil, com produção de 510 toneladas em média ao ano.

CITRICULTURA EM FOCO

O Paraná inicia uma etapa de manejo integrado para prevenção do greening, doença que atinge a citricultura. O trabalho em conjunto dos produtores para a eliminação da doença é essencial para a qualidade da safra. Para tanto, cooperativas realizam até sábado, 19, uma ação para combater o inseto causador da praga. O objetivo é proteger os pomares que, nesta época do ano, começam a florescer.

EVITAR DESASTRES

Começam neste mês as obras para conter as enchentes que ocorrem em Colombo, na região de Curitiba. O problema é mais recorrente nos primeiros meses do ano e a meta é acabar com pontos de enchente em pelo menos 20 localidades do município. O objetivo é melhorar a vida das pessoas que vivem em áreas de risco. O primeiro local a receber reformas é o bairro Jardim Ana Rosa.

MÜNCHENFEST EM BREVE

O município de Ponta Grossa realiza de 29 de novembro a 8 de dezembro a 24ª edição da Münchenfest, Festa Nacional do Chope Escuro. Tem como objetivo atrair diversos públicos, inclusive crianças. O Centro de Eventos da cidade vai se transformar em uma “Vila Germânica”, com decoração típica e apresentação de canções alemãs. O evento contará com shows, pratos típicos de vários países, apresentações de grupos folclóricos, além de artesanato.

RESULTADOS POSITIVOS

O Paraná se destaca com ações da Rede M��e Paranaense, que conseguiu baixar índices de mortalidade materna e infantil. Pelo programa 117 maternidades recebem incentivos para melhorar a qualidade do parto, a maioria delas instaladas no interior do Estado. Pela primeira vez, o Estado atinge índice inferior a 12 mortes por mil bebês nascidos vivos, com taxa de 11,6 alcançada em 2012. O atendimento se volta para a gestante desde o início da gravidez até o bebê completar dois anos de idade.

JOVENS EMPREENDEDORES

Quarenta e quatro por cento dos brasileiros sonham em ter um negócio próprio, segundo uma pesquisa realizada pelo Programa Mundial de Empreendedorismo. Entre estes brasileiros empreendedores, 34% deles são jovens de 25 a 34 anos. A chamada “geração Y” não se importa em mudar de trabalho, desde que ele lhe traga prazer, segundo constatações da pesquisa. Eles buscam no seu negócio, portanto, valores e vantagens que não encontram nas empresas.

COLETA DE RECICLÁVEIS

O município de Ibema, no Oeste, inicia a coleta de material reciclável. A informação é da colunista Joice Fabrício, do jornal Correio do Povo do Paraná. O objetivo é unir a população e o poder público promovendo a conscientização e educação ambiental. A primeira ação é a distribuição de sacolas para a separação do lixo e a prefeitura fará a coleta. A ideia é reduzir a quantidade de lixo descartado incorretamente.

APRESENTAÇÕES MAIS DINÂMICAS

Transporte Coletivo

Sistema de bilhetagem eletrônica será avaliado SBE faz o controle de operação, fiscalização e movimentação financeira do transporte

O

s sistemas de bilhetagem eletrônica (SBE) – que fazem o controle de operação, fiscalização e movimentação financeira do transporte coletivo – utilizados tanto em Curitiba quanto na Região Metropolitana vão passar por uma rigorosa avaliação, a ser feita em conjunto pela Urbs, Comec (responsável pelo transporte metropolitano), empresários do transporte e a comissão de auditoria da Urbs. O trabalho, que se estenderá a todas as áreas dos SBE, é uma iniciativa da Urbs e vai avaliar, por exemplo, o controle de gratuidades, isenções, prazos de validade dos créditos transporte e operações financeiras, entre outros itens. Também servirá para identificar oportunidades de aprimoramento do controle e da manutenção dos sistemas e dos equipamentos necessários ao seu funcionamento, como catracas, validadores e nobreaks. Esta é a primeira vez que os sistemas de bilhetagem são submetidos a uma avaliação conjunta envolvendo poder público e iniciativa privada. O objetivo, explica o presidente da Urbs, Roberto Gregorio da Silva Junior, é responder a todos os questionamentos, em mais uma medida de total transparência no transporte coletivo em Curitiba. “É preciso que todas as dúvidas sejam esclarecidas. Vamos fazer um levantamento completo, verificar e conferir todos os dados e informações, e isso será feito de

Esta é a primeira vez que os sistemas de bilhetagem são submetidos a uma avaliação conjunta envolvendo poder público e iniciativa privada

forma aberta, com participação, inclusive, das empresas que operam o transporte coletivo”, afirma.

O sistema

O sistema de bilhetagem eletrônica no transporte coletivo de Curitiba começou a ser implantado em 2004, com a substituição dos antigos vales transporte de níquel e de papel pelo cartão transporte. Hoje, todos os ônibus da Rede Integrada de Transporte têm GPS, computadores de bordo e dispositivos eletrônicos que permitem

monitoramento e comunicação em tempo real com o Centro de Controle Operacional (CCO) da Urbs. As empresas de ônibus contam com um “espelho” do CCO da Urbs em suas garagens, fazendo o monitoramento e tendo comunicação com os ônibus de suas frotas. Assim, um aviso de problema mecânico, por exemplo, chega ao mesmo tempo à Urbs, a quem cabe a autorização para a troca do veículo, e à garagem responsável pelo envio de outro ônibus, agilizando o processo de substituição.

Curitiba: 99,5% dos taxistas fizeram o recadastramento

A última turma do curso de Ferramentas de Gestão - Mapas Mentais - acontece dia 9 de novembro no Instituto Brasileiro de Qualidade e Produtividade (IBQP). O objetivo do curso é melhorar a gestão de projetos, a síntese de ideias e desenvolver apresentações mais dinâmicas usando o método gráfico criado por Tony Buzan. As aulas são 50% teóricas, usando o método no papel, e 50% práticas, com software de mapas mentais que os participantes ganharão. Inscrições até 5 de novembro no www.ibqp.org.br.

INOVAÇÃO NO NORTE

Segue até amanhã, 18, a 4ª Semana Norte Paranaense de Engenharia, Arquitetura e Agronomia em Arapongas. A programação envolve palestras técnicas sobre diversos temas e o fórum de acessibilidade. As atividades vão acontecer sempre no período da noite no Sindicato das Indústrias e Móveis de Arapongas. Entre os temas estão questões ambientais, decoração e construção civil e o Plano Diretor Municipal. Além disso, assuntos ligados à acessibilidade também serão tratados.

HORÁRIO DE VERÃO

O horário de verão começa neste domingo, 20, em dez estados das regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste. Até 16 de fevereiro de 2014, os moradores dessas localidades adiantam os relógios em uma hora. O objetivo é reduzir o consumo de energia no horário de pico, final da tarde, a fim de garantir mais folga nas condições de operações de usinas. Com isso, evita-se o risco de falhas nos serviços prestados para a população.

CONTRA A DENGUE

O Ministério Público do Paraná vai se aliar aos municípios para combater a dengue. Neste verão, equipes regionais vão repassar informações periodicamente ao Comitê Gestor Intersetorial para o Controle da Dengue. No início, o trabalho será realizado nos 132 municípios que registraram recentemente epidemia da doença. A iniciativa permitirá que os promotores acompanhem a situação e tenham contato com essa realidade, a fim de evitar mortes.

Dos 2.252 taxistas, 2.240 protocolaram a documentação na Urbs entre o dia 15 de agosto e 14 de outubro e 12 permissionários não compareceram

Encerrado no fim da tarde de segunda-feira (14), o recadastramento dos taxistas da cidade chegou a 99,5% da categoria. Dos 2.252 taxistas, 2.240 protocolaram a documentação na Urbs entre o dia 15 de agosto e 14 de outubro e 12 permissionários não compareceram. Os taxistas que entregaram a documentação no recadastramento, comprovando o cumprimento das exigências legais, serão chamados para assinatura do termo de autorização, pelo qual deixarão de ser permissionários, dentro das normas antigas, passando à condição de autorizatários, seguindo as determinações da nova regulamentação - prevista em lei municipal do de 2012 e pelo decreto 1.184/2013, assinado em agosto pelo prefeito Gustavo Fruet. Com o fim do prazo de recadastramento, a Urbs vai agora analisar toda a documentação apresentada. No caso dos 12 que não comparece-

ram, serão instaurados processos administrativos e eles terão, de acordo com a lei, direito à defesa que, se julgada improcedente, poderá levar à revogação da permissão. O recadastramento só pode ser feito pessoalmente e pelo próprio permissionário. Até o fim do processo, esses 12 taxistas continuam trabalhando normalmente. Se houver revogação de permissão, as placas poderão entrar em nova licitação, o que só vai acontecer depois da licitação já em andamento para ampliação da frota em 750 novos taxis. Transferências No período de recadastramento foram protocolados 229 pedidos de transferências, que serão analisados pela Urbs de acordo com o regulamento em vigor. Na nova regulamentação, a ser obedecida a partir do momento da assinatura do termo de autorização, o prazo para exercer o serviço de táxi em Curiti-

ba é de 35 anos, com direito a uma única transferência neste período. Esta transferência só poderá ser feita 36 meses depois de assinado o termo de autorização. A nova regulamentação vale tanto para os antigos quanto para os novos taxistas e foi feita a partir de audiência pública que reuniu mais de 2,5 mil pessoas, após uma série de reuniões com a categoria – empresas, centrais, autônomos e representantes sindicais. Com o novo regulamento, os táxis ficam obrigados a operar por, no mínimo, 12 horas por dia. Outra novidade é a definição de horários de pico no qual 100% da frota devem estar em operação: nas segundas-feiras das 5h às 9 horas e das 17h às 20 horas; de terça a quintas-feiras, das 7h às 9 horas e das 17h às 21 horas; e nas sextasfeiras, toda a frota deve estar em operação entre 7h e 9 horas e entre 17h21h30.

O SBE faz, entre outras funcionalidades, o controle da frota (quantos ônibus estão efetivamente rodando, por exemplo), controle de horários, velocidade desenvolvida, número de passageiros pagantes em dinheiro e com o cartão transporte, número de isentos, controle do crédito transporte, entrada de recursos da tarifa e pagamento às empresas. Relatórios diários identificam onde o usuário utilizou o cartão transporte, em que data e horário e em que ônibus, terminal ou estação tubo.

PR: Aumenta o prazo das licenças ambientais de obras rodoviárias Uma decisão do Cema vai reduzir a burocracia para execução das obras rodoviárias do Paraná. A partir de agora, as licenças ambientais vão valer por três anos, em vez dos atuais 365 dias, evitando que haja interrupção da obra por causa do atraso nas renovações do licenciamento ambiental. Atualmente estão em andamento mais de 300 obras e há projetos para mais de 100 novas obras na malha rodoviária do Paraná. A resolução do Cema, aprovada em reunião na última terça-feira (15), vai interferir diretamente nas 328 frentes de obras, hoje em andamento ao longo dos 12 mil quilômetros de rodovias estaduais. De acordo com os técnicos do grupo de trabalho do Cema, os investimentos do Estado na melhoria da malha rodoviária, que neste ano somam R$ 600 milhões, aumentaram significativamente o número de obras de conservação, manutenção, restauração, ampliação da capacidade e segurança das rodovias. Ziliotto explica que o atual prazo de um ano das licenças ambientais é curto e, às vezes, menor que o tempo gasto para conseguir a licença. Em alguns licenciamentos ambientais o tempo para obter a autorização dos órgãos responsáveis supera um ano, variando conforme a particularidade de terreno, o clima e modo de operação na execução da obra.

Obras da Copa começam a ser entregues As primeiras obras financiadas pelo Programa de Aceleração do Crescimento, o PAC da Copa, começam a ser entregues pela Prefeitura de Curitiba. Na segunda-feira (14) foi liberada para o tráfego a trincheira da Rua Guabirotuba, que integra as obras de requalificação da Avenida das Torres, o Corredor Aeroporto/Rodoferrovíária. Há duas semanas, também foi concluída a reforma do bloco interestadual da Rodoferroviária e iniciados os serviços no bloco estadual. Com as

últimas licitações concluídas, todas as seis obras previstas para a Copa do Mundo estão em andamento e serão concluídas a tempo para a competição. O lote de obras mais adiantado é o que compreende o viaduto estaiado e a trincheira da Rua Guabirotuba. Estão concluídos 66% das obras desse lote, que inclui também drenagem, pavimentação, calçadas, ciclovia, iluminação e sinalização nos dois pontos. Em agosto, foram licitados, em

lote único, os últimos três trechos de pavimentação do Corredor Aeroporto/Rodoferroviária, em um investimento de mais R$ 32 milhões e previsão de término para abril de 2014. No final de julho, foram retomadas as obras da Linha Verde Sul. O trecho de 1,7 quilômetro, na região do Pinheirinho, estava paralisado há quase um ano e foi relicitado, representando um investimento de R$ 19 milhões. Foram executados até agora 17% das obras. Quando concluída, a via será um

importante corredor de ônibus, com dez pistas de rolamento, e irá melhorar o tráfego na região. Entre julho e setembro, a Prefeitura também licitou e liberou ordens de serviços para três lotes de obras do Corredor Avenida Marechal Floriano Peixoto. Estão em andamento serviços no trecho entre o viaduto sobre a linha férrea e o Terminal do Boqueirão; as obras de alargamento do viaduto; e as obras no trecho que vai do viaduto até a divisa com São José dos Pinhais.


Contexto Político Lula e as redes sociais

Roseli Abrão

cargos comissionados no Estado. Rossoni atendeu, assim, a uma reclamação do deputado petista Enio Verri, que denunciou, na sessão de terça-feira, que não foi convocado para a reunião da Comissão de Finanças que analisou o projeto. Ao anunciar a suspensão, Rossoni disse que estava pedindo, oficialmente, explicações ao presidente da Comissão de Finanças, o peemedebista Jonas Guimarães.

Denúncia

Em e-mail a seus companheiros do PT – encaminhado também a jornalistas – o ex-presidente Lula pede que “ocupem” as redes sociais. Na avaliação do ex-presidente, é o espaço ideal para “conversar” sobre política, informar sobre os projetos do partido/governo e mostrar “os resultados concretos que alcançamos”, ao mesmo tempo “ouvindo o que as pessoas têm a dizer”. -- Não existe tema em que não tenhamos grandes avanços para mostrar, afirma Lula, que argumenta que “de nada adianta ficar apenas reclamando que não temos espaço em outras mídias”, que é preciso agir.

Inédito

Numa decisão inédita, o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Valdir Rossoni, do PSDB, decidiu nesta quarta-feira retirar da pauta de votação o projeto oriundo do governo do Estado que prevê o corte de

Em entrevista à imprensa, Verri afirmou que Jonas Guimarães, não cumpriu o Regimento Interno, que prevê a convocação dos membros de uma comissão. Na verdade, segundo Verri, o presidente da Comissão de Finanças não realizou nenhuma reunião para analisar a proposta, apenas “chamou alguns deputados para dar quórum e colheu as assinaturas”.

Jovens eleitores

A Justiça Eleitoral começou a veicular nesta quartafeira, no rádio e na TV, uma campanha para atrair jovens eleitores. Com o mote “Eu voto: eu me represento” e o slogan “Vem pra urna”, a campanha busca incentivar os jovens de 16 e 17 anos – para os quais o voto é facultativo – a procurar um cartório eleitoral para tirar seu título e, assim, participar ativamente do pleito de 2014.

Redes sociais

A campanha também está sendo na página oficial do TSE na internet, no Twitter e em uma fanpage no Facebook (http://twitter.com/tsejusbr; http://facebook. com/vempraurna)

Curitiba, quinta-feira, 17 de outubro de 2013 | Pág. A5

Só uma reeleição

Agora é lei: dirigentes esportivos não podem mais se perpetuar no poder. É que a presidente Dilma Rousseff sancionou a lei aprovada pelo Congresso Nacional que barra a repetida reeleição desses dirigentes. A Lei nº 12.868, que altera a Lei Pelé, foi publicada nesta quarta-feira no Diário Oficial da União.

Transparência

Além de garantir a alternância no poder e a voz ativa dos atletas, a nova lei pretende garantir maior transparência na destinação das verbas públicas.

Punições

Nesta quarta-feira, também, a CCJ do Senado aprovou parecer do senador paranaense Alvaro Dias, do PSDB, que prevê punições severas a ex-dirigentes de clubes de futebol e entidades desportivas profissionais por “dívidas temerárias”. Segundo o senador, eles passarão a ser responsabilizados e receber as sanções civis previstas na Lei Pelé por dívidas assumidas em seus mandatos e deixadas para os seus sucessores.

Também pode

A Comissão de Constituição e Justiça do Senado aprovou, nesta quarta-feira, em caráter terminativo, nesta quarta-feira, projeto de lei autoria do deputado paranaense Rubem Bueno, do PPS,que permite à mulher, em igualdade de condições, fazer o registro de nascimento do filho. Segundo a Agência Câmara, o projeto alterou a Lei 6.051, de 1973, que determinava que cabia ao pai fazer

dinheiro

Demanda de empresas por crédito cai 5,4% em setembro Foi a segunda queda mensal seguida do indicador; em agosto a redução foi de 4,2% A busca das empresas por crédito recuou 5,4% no mês de setembro, de acordo com levantamento divulgado ontem (16/10) pela empresa de consultoria Serasa Experian. Essa foi a segunda queda mensal consecutiva do indicador, que em agosto teve redução de 4,2%. Na comparação com setembro do ano passado, a demanda das empresas por crédito foi 6,9% maior. Com o resultado, a variação acumulada no ano passou de -4,0% (janeiro a agosto) para -3,0% (janeiro a setembro) ante o mesmo período de 2012. A queda da busca das empresas por crédito em setembro foi concentrada nas micro e pequenas empresas (recuo de 5,8% ante agos-

to). Já nas médias empresas, houve avanço de 0,1%, e nas grandes a elevação alcançou 1,3% na busca por crédito. No acumulado do ano, as grandes empresas registram alta de 18,3%, frente ao mesmo período do ano passado. As médias empresas exibem crescimento de 4,4% no acumulado do ano. No entanto, as micro e pequenas empresas apresentaram queda de janeiro a setembro. Quando analisado o tipo de empresa, a maior queda na demanda por crédito em setembro ficou para as empresas de serviços, com baixa de 6,9% na comparação com agosto. As empresas industriais caíram 6,2%, e as empresas comerciais 3,9%, no mesmo sentido. No acu-

Diário Indústria&Comércio

roseli@roseliabrao.com.br

mulado do ano, dois dos três setores econômicos pesquisados exibem recuo nas demandas por crédito: -5,5% nas empresas comerciais e -3,7% nas empresas industriais. O crescimento da procura por crédito no acumulado do ano é observado apenas nas empresas de serviços (0,6%). Por região, as maiores quedas foram registradas nas regiões Sudeste (-7,6%) e Norte (-6,8%). No Centro-Oeste a queda foi 6,1%. Na Região Nordeste o recuo chegou a 4,6%. A Região Sul foi a única que registrou expansão de 0,4% na demanda por crédito. No acumulado do ano todas as regiões geográficas do país tiveram queda, sendo que o maior recuo

foi na Região Sul (-5,0%). Nas regiões Nordeste e Sudeste, as quedas acumuladas nos primeiros nove meses do ano alcançaram, respectivamente, 2,7% e 2,5%. As regiões Centro-Oeste e Norte tiveram queda de -1,8% e -1,4%, no acumulado do ano. De acordo com os economistas da Serasa, a segunda queda mensal consecutiva da demanda empresarial por crédito ocorrida em setembro é um indicativo de enfraquecimento da atividade produtiva ao longo do terceiro trimestre deste ano, marcado por fortes oscilações da taxa de câmbio, elevações das taxas de juros e níveis de confiança empresariais menos expressivos.

País registra mais saída que entrada de dólares, com saldo negativo de US$ 4,3 bi

esse procedimento. À mãe, segundo a lei, cabia um caráter suplementar e era condicionada à ausência ou impedimento do pai.

Voto aberto

O senador paranaense Sérgio Souza, do PMDB, reclamou, em sua página no Facebook, que a Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania do Senado adiou mais uma vez a votação do parecer às três propostas de emenda à Constituição que disciplinam o fim do voto secreto em deliberações no âmbito do Poder Legislativo. O adiamento se deu por um pedido de vista coletiva apresentado pelos senadores após a leitura do seu voto.

Parecer

Em seu parecer, o senador Sérgio Souza manteve o texto original da proposta aprovada pela Câmara dos Deputados no dia 3 de setembro passado. Com isso, a votação relacionada ao processo de perda de mandato de deputado Federal ou senador acusado de quebra de decoro parlamentar, ou que sofrer condenação criminal em sentença transitada em julgado, passa a se dar de modo aberto e público.

TC multa ex-prefeito

O Tribunal de Contas do Estado multou em 4 mil reais o ex-prefeito de Formosa do Oeste, José Machado Santana, por ter terceirizado a elaboração do Plano Plurianual e Lei Orçamentária Anual. Segundo o TC, esta prática é proibida por lei, já que a compete à administração municipal a elaboração do PPA e LOA.

Horário de verão evitará gasto de R$ 4,6 bilhões em investimentos em energia A adoção do horário de verão no período 2013-2014 representará uma economia de R$ 4,6 bilhões em investimentos que deixarão de ser feitos em geração e transmissão de energia, e de R$ 400 milhões sem o acionamento de usinas térmicas. A estimativa do governo federal foi anunciada ontem (16/10) pelo secretário de Energia Elétrica do Ministério de Minas e Energia, Ildo Grüdtner. No horário de pico, entre as 18h e as 21h, a redução na demanda será 2.065 megawatts (MW) no sistema das regiões Sudeste/Centro-Oeste. Na Região Sul, a redução será 630 MW. Nos dois sistemas, que abrangem as três regiões, a redução da demanda nos horários de pico ficará entre 4,5% e 5%, enquanto a redução de consumo geral do sistema será em média 0,5%. O horário de verão - que terá início à zero hora do próximo domingo (20) e terminará à zero hora do dia 16 de fevereiro - será adotado no Rio Grande do Sul,

em Santa Catarina, no Paraná, em São Paulo, no Rio de Janeiro, no Espírito Santo, em Minas Gerais, em Goiás, em Mato Grosso, em Mato Grosso do Sul e no Distrito Federal. Segundo Grüdtner, a medida possibilita melhor aproveitamento da luz solar. "Com isso, evita-se investimento em geração e transmissão, (custo) que iria para a tarifa, e o acionamento de usinas térmicas para suprir o consumo de energia", disse o secretário. “Não é o governo que economiza [com o horário de verão]. É a sociedade. Em termos de geração evitada, serão cerca de R$ 400 milhões [a serem economizados]; e em termos de investimentos, R$ 4,6 bilhões." No Brasil, o horário de verão foi instituído pela primeira vez no verão de 1931/1932 pelo então presidente Getúlio Vargas. A medida é adotada sempre nesta época do ano, quando os dias são mais longos por causa da posição da Terra em relação ao Sol.

Índice de Confiança do Empresário Industrial cai 0,4 ponto em outubro O Índice de Confiança do Empresário Industrial (Icei) caiu 0,4 ponto em outubro na comparação com setembro. O indicador ficou em 53,8 pontos, abaixo da média histórica de 58,5 pontos, de acordo com a Confederação Nacional da Indústria (CNI). A queda veio depois de dois aumentos consecutivos, nesse tipo de comparação. Na comparação com outubro de 2012, houve queda de 2,4 pontos. O Icei varia de 0 a 100, sendo que valores acima de 50 indicam empresários confiantes. Para a CNI, "as frequentes

oscilações no Icei confirmam o baixo ritmo de crescimento da atividade industrial". A confiança só melhorou na indústria da construção. Nesse segmento, o Icei subiu pelo terceiro mês consecutivo, ao alcançar 54,8 pontos. Na indústria extrativa, o Icei caiu de 57,7 pontos em setembro para 54,2 pontos em outubro. Na indústria de transformação, o índice recuou de 53,6 pontos para 52,9 pontos. O índice de expectativas para os próximos seis meses ficou praticamente estável, em 58 pontos, com queda de 0,2 pontos.

Alimentos puxam inflação na 2ª semana de outubro Nas duas primeiras semanas deste mês, o fluxo financeiro (investimentos em títulos, remessas de lucros e dividendos ao exterior e investimentos estrangeiros diretos, entre outras operações) ficou negativo em US$ 1,848 bilhão

As saídas de dólares do país superaram as entradas, neste mês, até o dia 11. Nesse período, o saldo negativo do fluxo cambial ficou em US$ 4,340 bilhões, de acordo com dados divulgados ontem (16/10) pelo Banco Central (BC). Nas duas primeiras semanas deste mês, o fluxo financeiro (investimentos em títulos, remessas de lucros e dividendos ao exterior

e investimentos estrangeiros diretos, entre outras operações) ficou negativo em US$ 1,848 bilhão. O segmento comercial (operações de câmbio relacionadas a exportações e importações) também ficou negativo, em US$ 2,492 bilhões. As operações de Adiantamento sobre Contrato de Câmbio (ACC) chegaram a US$ 950 milhões. Os pagamentos ante-

cipados ficaram em US$ 1,232 bilhão. Esses valores estão incluídos nas exportações, que totalizaram US$ 5,529 bilhões. As importações ficaram em US$ 8,021 bilhões. De janeiro a 11 de outubro, o fluxo cambial ficou negativo em US$ 4,161 bilhões. Nesse período, o segmento financeiro foi o responsável pelas saídas

de dólares acima das entradas no país. O saldo negativo ficou em US$ 11,512 bilhões. O fluxo comercial ficou positivo em US$ 7,351 bilhões. O BC divulgou ainda valores de leilões de venda de dólares das reservas internacionais com compromisso de recompra. No mês, a liquidação de venda ficou em US$ 2 bilhões.

O Índice de Preços ao Consumidor Semanal (IPC-S) registrou variação de 0,45% na segunda semana deste mês, alta de 0,07 ponto percentual sobre o resultado anterior. A alta foi influenciada principalmente pelo grupo alimentação, que passou de 0,41% para 0,63%. Segundo o levantamento, feito pelo Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getulio Vargas, cinco das oito classes de despesa que fazem parte do índice subiram. O grupo educação, leitura e recreação subiu de 0,11% para 0,32%, com destaque para a alta da passagem aérea

(0,10% para 6,11%). O conjunto comunicação passou de 0,19% para 0,38%, com destaque para a elevação da tarifa de telefone móvel (-0,25% para 0,52%). O grupo saúde e cuidados pessoais também registrou alta, passando de 0,44% para 0,47%, com destaque para os artigos de higiene e cuidado pessoal (0,47% para 0,75%). A classe de despesas diversas passou de 0,04% para 0,07%, com destaque para rações de animais domésticos (-0,09% para 0,52%). Dois grupos apresentaram decréscimo: vestuário (de 1,05% para 0,91%) e transporte (de 0,07% para 0,06%).


negócios

Diário Indústria&Comércio

Curitiba, quinta-feira, 17 de outubro de 2013 | Pág. A6

Em 2014, Curitiba comemora 40 anos de transporte público

CRESCIMENTO

Balaroti inaugura primeira loja em Florianópolis Rede expande atuação em Santa Catarina com quinta loja no Estado

Ônibus biarticulado é considerado maior do mundo Ari Moro

Implantado por Jaime Lerner, em 1974, o sistema de transporte público estará completando 40 anos em 2014. Para o ex-prefeito de Curitiba, em várias entrevistas que tem concedido, é por causa dos investimentos constantes e da inovação que o sistema integrado de transporte que ele criou na capital paranaense em 1974 ainda hoje tem futuro. Segundo suas palavras, em matéria publicada no G1, este sistema “vai durar para sempre. Um sistema que dá certo, precisa que a inovação seja permanente. Um projeto bem operado vai operar pra sempre, vai ter veículos maiores, vai ter melhores maneiras de operar e vai ser sempre essencial”. Hoje 2 milhões de passageiros utilizam diariamente o Sistema Integrado de Transporte Coletivo, composto por 2.000 ônibus. O sistema é responsável pelo emprego direto de 15 mil pessoas, entre motoristas, cobradores, fiscais, mecânicos, entre outros profissionais. Foi em Curitiba que surgiu a idéia dos corredores de ônibus para viagens rápidas há quase 40 anos. O modelo de transporte público serviu de exemplo para mais de 80 países. O sistema precisa de melhorias, mas as soluções não param de surgir. As linhas que circulam nos corredores mais antigos estão cheias, assim como os terminais. Uma das alternativas adotadas foi a criação do ‘ligeirão’, um ônibus azul que não para em todos os pontos. Os veículos são maiores e são considerados os maiores ônibus

biarticulados do mundo. O sistema de ônibus rápidos de Bogotá, capital da Colômbia, por exemplo, gera uma relação de confiança com os moradores. Lá o sistema conta com veículos rápidos que circulam por vias totalmente exclusivas. O então prefeito Enrique Peñalosa viajou a Curitiba e viu como eram os corredores exclusivos para ônibus. E implantou com sucesso principal sistema de transporte público de Bogotá. Para Carlos Cordoba, da ONG "Bogotá Como Vamos?", o sistema é o maior avanço da última década em transporte público. Já o blog “Meu Transporte” fala que a história do transporte coletivo de Curitiba é extensa. O exemplo que hoje é seguido por várias cidades do país foi construído com muito trabalho. Em outubro de 1991, começou a desenvolvolvido o primeiro ônibus biarticulado brasileiro, batizado de "Metrobus". Foram criadas as Linhas Diretas, atendidas por veículos de cor cinza popularmente chamados de "Ligeirinhos”. Em 2011 quando Curitiba completou 318 anos a capital ganhou novos ônibus biarticulados considerado o maior veiculo do mundo neste gênero. Os veículos têm vidros com película fumê, exaustores e ventiladores para manter a temperatura interna mais amena, bancos ergonômicos com estofados. Outra novidade é um sinal luminoso que indica a abertura das portas e plaquetas em braille indicando o nome da linha colocadas nos braços e encostos dos bancos reservados aos portadores de deficiência, idosos e gestantes.

FIT inaugura loja conceito na capital paranaense A marca paulistana FIT inaugurou na terça-feira (15), sua primeira loja conceito em Curitiba. Implantada no Pátio Batel, o shopping mais luxuoso da cidade, o novo espaço possui um layout atualizado, seguindo as principais tendências da marca, e traz as coleções completas da FIT para a capital paranaense. De acordo com Renata Schmulevich, diretora de criação da marca, a nova loja curitibana tem um projeto arquitetônico muito semelhante ao da loja da FIT no Shopping JK Iguatemi, de São Paulo, onde se destacam as misturas de elementos, entre eles madeira e vidro. “Pensamos nos mínimos detalhes da loja para oferecer um serviço de excelência. É possível ver a grande preocupação em expor as peças como obras de arte dentro de nichos. Além disso, o conforto e a privacidade nos amplos provadores, também, podem ser destacados”, explica. Com, aproximadamente, nove anos de história em Curitiba, desde a inauguração da primeira

loja na cidade, no ParkShopping Barigüi, a FIT sente-se em casa atuando na capital paranaense. “Curitiba é uma cidade onde as mulheres prezam por roupas confortáveis, mas que apresentam um design urbano e, ao mesmo tempo, sofisticado. Nossos jerseys, por exemplo, encantam com estampas exclusivas e seu toque agradável, e a malha dupla faz a função da alfaiataria, aliada ao conforto, que no inverno ganha mais fãs”, conta Renata. Apostando em coleções amplas, que atendem mulheres de biotipos e idades variadas, a FIT se destaca por fazer da malha um artigo extremamente sofisticado. “Nossas clientes são maduras e sabem muito bem o que querem. Por esse motivo, nós procuramos ousar ao oferecer peças diferenciadas e de excelência em cada detalhe, como as estampas exclusivas, muitas vezes assinadas por artistas plásticos. No verão, por exemplo, teremos um estampa assinada pela artista Leda Catunda”, completa Renata.

2º Serviço de Registro Civil e 14º Tabelionato de Notas Otávio Augusto de Albuquerque Rauen Oficial Rua Presidente Faria, 421, loja 02, Centro - Curitiba/PR TEL/FAX: 41-3222-0933/3233-5451- cartoriorauen@terra.com.br EDITAL DE PROCLAMAS ===================== Cartório do 2º Serviço de Registro Civil e 14º Tabelionato da Comarca de Curitiba - PR Faz saber que pretendem casar-se neste Cartório os contraentes: 1 - AURELIO CRISTIANO MARTINS com MARRIE ISABELI BRANCO CORREA autos nº 481/2013; 2 - PIETRO FRANCISCO DUBAL ALMEIDA com INGRID KARINE MOURA TATIN - autos nº 482/2013; 3 - GABRIEL REZENDE VARGAS com CAMILA ALBUQUERQUE MORGADO autos nº 483/2013; 4 -JOSÉ CARLOS NETO GOMES com ANDRESSA DE JESUS DE OLIVEIRA autos nº 484/2013; 5 - GIULIANO RODRIGUES RECCO com CARMEN DANIELA DA ROSA - autos nº 485/2013; 6 - ERIC MARKUS D'HAESE com RENATA MENON DIAS - autos nº 486/2013; Caso alguém saiba de algum impedimento, oponha-o, na forma da lei no prazo de 15 (quinze) dias a contar deste Edital. Curitiba, 16 de Outubro de 2013 Otávio Augusto de Albuquerque Rauen Oficial

O

Balaroti inaugura no dia 22 de outubro sua primeira loja em Florianópolis. Com 6,8 mil metros quadrados de área construída, na SC 401 - Rodovia José Carlos Daux, 2684 - será também a maior unidade da rede varejista de materiais de construção. Vai gerar 90 empregos diretos e 30 indiretos. Com a abertura, a empresa paranaense chega a 20 lojas, espalhadas pelos dois estados – cinco delas em Santa Catarina. A inauguração dá continuidade ao processo de expansão previsto para este ano. Esta é a terceira inauguração desde abril – Jaraguá do Sul (SC) e Curitiba receberam unidades no primeiro semestre. Até o final do ano, Blumenau também ganhará uma loja. Todas operam com o conceito de home Center, oferecendo um mix de mais de 60 mil produtos para todas as fases da construção ou reforma. O Balaroti comemora a chegada a Florianópolis como um grande passo para sua expansão pelo Sul do país. Em 2012, a rede inaugurou loja em São José, na região metropolitana da capital catarinense, e obteve um excelente retorno. “Rapidamente a loja bateu suas metas e se tornou um dos faturamentos mais promissores da rede. A expectativa para a nova unidade, neste importante ponto da cidade, portanto, é a

Nova loja vai gerar 90 empregos diretos e 30 indiretos

melhor possível”, explica o diretor presidente do Balaroti, Hélio Balarotti Júnior. “Nosso compromisso com esta loja é o de trazer o que há de melhor em materiais de construção, com muito conforto e variedade para os clientes”.

ESTRUTURA

Florianópolis, assim como todas as lojas da rede, seguem o conceito de home Center, definido por oferecer soluções para todas as etapas da construção ou reforma de uma

casa. Entre os materiais oferecidos estão desde matéria prima bruta para a construção, como areia, brita e cimento, até acabamentos, como cerâmicas, tintas, louças, metais, material elétrico, hidráulico e iluminação. Utilidades domésticas e peças para decoração também integram a lista de produtos, que são oferecidos no sistema “self service”. Desse modo, os clientes podem conhecer os produtos de perto, com apoio de vendedores especializados.

Para facilitar a compra, a unidade contará ainda com o sistema próprio da empresa para informatização de vendas, que é inédito no país. O departamento de tecnologia da informação do Balaroti criou um programa que integra todo o processo de venda, estoque e comunicação entre as lojas. Este software, instalado em computadores portáteis operados pelos vendedores, faz com que os clientes economizem até 50% do tempo de permanência na loja.

Atlas Schindler investe R$ 30 milhões em elevador totalmente flexível A Elevadores Atlas Schindler, presente há mais de 95 anos no Brasil, traz mais um produto para inovar o transporte vertical no País. O elevador Schindler 5500, lançado simultaneamente em todo o mundo, tem como grande diferencial a flexibilidade e a possibilidade de uso de um equipamento sem casa de máquinas até 50 andares. O equipamento é totalmente configurável e conta com inúmeras possibilidades de dimensões, tecnologia e design. A novidade, que teve como investimento R$ 30 milhões para a sua implantação no país, oferece ainda economia de energia e comunicação com os usuários. Desenvolvido por uma equipe multidisciplinar do grupo Schindler da Europa, Ásia e Brasil, o Schindler 5500 conta com um dimensionamento cuidadosamente planejado, tanto o sistema de tração quanto o painel de controle são acomodados em um espaço reduzido na parte superior da própria caixa. Com

isso, fica liberado o espaço nobre da cobertura dos edifícios, proporcionando novas alternativas de utilização para uma área de grande valor, garantindo maior rentabilidade aos empreendimentos imobiliários. Até o momento, esta tecnologia era disponível apenas para edifícios de até 20 andares. Além disso, o Schindler 5500 possui sinalização de pavimento, que comunica aos usuários quando o equipamento está fora de serviço, se já atingiu sua carga máxima, se está parado para a realização e mudanças ou até mesmo, paralisado por um alarme de incêndio. O sucesso da tecnologia já pode ser conferido em obras de destaque em todo o mundo, como no Terminal 2 Heathrow London, The Beaumont Hong Kong e PEMAHeadline, Innsbrick Austria. No Brasil, suas primeiras unidades foram instaladas no EZ Towers e no Morumbi Corporate, ambos em São Paul, e também n CNC, em Brasília.

O elevador tem como grande diferencial a flexibilidade e a possibilidade de uso de um equipamento sem casa de máquinas até 50 andares

Crea-PR investe em tecnologias em nome da excelência na sua fiscalização A implantação do Departamento de Fiscalização (Defis) na estrutura do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Paraná (Crea-PR), em 2012, é um marco na mudança de paradigma na fiscalização do Conselho. A unidade passou a centralizar e concentrar a atividade exclusiva da fiscalização, executando diversas ações, desde a rotina básica focada no combate ao exercício leigo das profissões, até fiscalizações mais complexas, de cunho orientativo e preventivo. Investimentos pesados em tecnologia e mão de obra especializada, promovidos pelo presidente do Crea-PR, engenheiro civil Joel Krüger, permitiram revolucionar o sistema de planejamento e direcionamento da ação fiscalizatória do Conselho. O Setor de Planejamento e Controle da Fiscalização do DEFIS é responsável por essa atividade e tem a prerrogativa de realizar o planejamento e o controle centralizado de todas as ações de fiscalização no Paraná. É nesta área do

departamento que são elaborados mensalmente todos os planos de fiscalização personalizados para cada fiscal, contendo os municípios a serem percorridos e as fiscalizações de rotina e programadas a serem realizadas no período, além do controle dos resultados. “Esse tipo de gestão otimiza a disponibilização da mão de obra no Estado, racionaliza a distribuição das rotas e demandas de fiscalização, sempre alinhado ao planejamento estratégico do Conselho e às metas e objetivos do departamento”, explica a gerente do Defis, Vanessa Moura. De acordo com ela, para que todo esse complexo sistema de planejamento seja eficiente, foi necessária a adequação e melhoria dos sistemas informatizados do Crea-PR. Em parceria com o Departamento de Tecnologia da Informação (DTI) do Conselho, várias inovações foram implantadas para o Defis, por meio de ferramentas como o Tabfisc (programa de fiscalização móvel),

SIG (Sistema de Informações Georreferenciadas) e BI (Business Inteligence). “Hoje no SIG podemos acompanhar em tempo real a ação fiscalizatória. Visualizando o mapa do Paraná, conseguimos localizar a posição atual dos agentes de fiscalização e analisar as informações daquilo que está sendo fiscalizado, com a possibilidade de acessar o Relatório de Fiscalização produzido no momento”, informa a gerente.

Tecnologias

Entre as tecnologias desenvolvidas e implementadas pelo Crea-PR através do Defis estão a criação do Tabfisc Off line (aplicativo que permite executar as atividades independente de sinal de operadora de telefonia), evolução do Tabfisc Online (melhorias que concedem mais precisão às informações coletadas em campo), atualização na forma de cadastro de roteiros (que permite melhor controle dos roteiros

e planos mensais da equipe de fiscalização), atendimento on line de protocolos de denúncia (com foco na melhoria e maior agilidade no atendimento de protocolos de denúncias) e o cadastro de quilometragem de veículos oficiais (para cuidar do patrimônio móvel do Conselho). Além disso, a fiscalização em tempo real (com relatório de fiscalização feito no tablet e enviado através de conexão 3G), mapa de programação de roteiros (para otimizar o trabalho dos fiscais) e o banco de dados (acesso aos departamentos e regionais do Crea-PR aos dados da fiscalização). O incremento na equipe a partir da contratação de novos fiscais, aliado à evolução tecnológica da fiscalização, vem ao encontro das ações de defesa da sociedade, possibilitando a intensificação em todo o Estado do combate ao exercício ilegal da profissão e à falta de rastreabilidade dos profissionais responsáveis pelas atividades técnicas executadas.


Publicidade Legal

Diário Indústria&Comércio

Curitiba, quinta-feira, 17 de outubro de 2013 | Pág. A7

ROUBO DE DOCUMENTOS SANDRA REGINA PEREIRA ASSIS LIMA, , torna público que foram roubados os seguintes documentos em 11/10/2013: CPF: 058.441.298-30, RG nº 15255930-9, CNH 0167197190, conforme B.O. nº 2013/976745. SÚMULA DE RECEBIMENTO DE RENOVAÇÃO DA LICENÇA DE OPERAÇÃO JOSÉ FRANCISCO DE SOUZA - ME, torna público que recebeu do IAP, a Renovação da Licença de Operação para Cromagem de Peças Metálicas, implantada Estrada da Ribeira, 755 Município de Colombo, Estado do Paraná. Validade: 26/02/2014. SÚMULA DE REQUERIMENTO DE RENOVAÇÃO DA LICENÇA DE OPERAÇÃO JOSÉ FRANCISCO DE SOUZA - ME, torna público que irá requerer ao IAP, a Renovação da Licença de Operação para Cromagem de Peças Metálicas implantada na Estrada da Ribeira, 755 Município de Colombo, Estado do Paraná. Validade: 26/02/2014 . SÚMULA DE CONCESSÃO DA LICENÇA DE OPERAÇÃO A ASTRAL IND. METALÚRGICA LTDA, torna público que recebeu da Secretaria Municipal do Meio Ambiente de Curitiba - SMMA a Concessão da Licença de Operação, válida até 14/02/2014, para Fabricação de máquinas e aparelhos e refrigeração e ventilação para uso ind. e com. peças e acessórios; Fabric. de outras máquinas e equipamentos de uso geral não especificados anteriormente,peças e acessórios, situada à Rodovia BR Cento e Dezesseis, nº 16.830, Bairro Capão Raso, Município de Curitiba, Paraná. SÚMULA DO PEDIDO DE RENOVAÇÃO DA LICENÇA DE OPERAÇÃO A ASTRAL IND. METALÚRGICA LTDA, torna público que requereu à Secretaria Municipal do Meio Ambiente de Curitiba - SMMA a Renovação da Licença de Operação, para Fabricação de máquinas e aparelhos e refrigeração e ventilação para uso ind. e com. peças e acessórios; Fabric. de outras máquinas e equipamentos de uso geral não especificados anteriormente,peças e acessórios, situada à Rodovia BR Cento e Dezesseis, nº 16.830, Bairro Capão Raso, Município de Curitiba, Paraná.

AUTORIZAÇÃO FLORESTAL Cassol Pré Fabricados LTDA, CNPJ 86.183.449/0001-58, torna público que irá requerer ao IAP, a Autorização Florestal para corte de14.400m², na Rodovia PR 421, km 1, Araucária - Paraná.

Edital de Praça e Leilão: dia 08/11/13 e 06/12/13, às 09:30h = Local: Rua Senador Acciolly Filho, 1625-Cic-Curitiba-PR: Paulo Setsuo Nakakogue, Leiloeiro Público Oficial, matricula nº 625, devidamente autorizado pelos Srs. Drs. Juízes do Trabalho, no exercício da Titularidade das Varas Trabalhistas, venderá, em público Leilão, conforme Art. 888 da CLT, no dia, hora e local supracitados,os bens objetivo de penhora das ações trabalhistas, nas condições indicadas neste Edital, a seguir descritos: Juíza do Trabalho, Dra. Lisiane Sanson Pasetti Bordin, da 02ª Vara do Trabalho de Curitiba a saber: Autos nº 10317-2013-002-09-00-0: Angela Maria Juver X Marcio Beckert; 01 Veículo Fiat tipo 1.6 IE, placas AGI 0603,fabricação/modelo 1994/1995 cor cinza escuro em mal estado de conservação, pneus carecas,banco em mal estado ,renavam 62858467-9,com kit de gas, funcionamento com para choques quebrado farol esquerdo quebrado, pintura queimada com ferrugem(ponto) distribuida pequeno amassados em diversos pontos nada mais R$ 6.000,00; Ônus Detran não levantado até 14/10/2013; Autos nº 21519-2010-002-09-00-5: Francisco Isaias Lopes X K Raro do Brasil Construtora e Incorporadora Ltda X Marilda Aparecida Pieruccini Kmiecik X Rodolfo Kmiecik Junior X Rafael Kmiecik X Tatiane Kmiecik; Imóvel de matricula nº58.077 da 5º Circunscrição do Registro de Imóveis de Curitiba-PR, que corresponde ao apartamento nº 201, situado no 1º andar ou 2º pavimento, do tipo C, do Edifício Augusto, sito à Rua João Stenzowski,Curitiba, com a área construída de utilização exclusiva de 73,3400m2, área de uso comum de 20,8963m2, perfazendo a área correspondente ou global construída de 94,2363m2, fração ideal do solo e partes comuns de 0,070452944 e quota de terreno de 29,4493m2, cabendo-lhe o direito de uso comum de um área descoberta de 12,2887m2 e demais dados conforme a matricula.R$ 260.000,00; Ônus na Prefeitura R$ 1.606,04 até 07/10/2013 mais custas e honorários judiciais;(3* HCEF);Condomínio não Levantado será informado no dia do Leilão; Autos nº 11509-2004-002-09-00-3: Jimilson Alves Machado X CCO Engenharia Ltda X Tec Técnica de Eng. Catarinense Ltda X Município de Paranaguá; 01 Lote de terreno designado sob nº 602 da parte II da planta Jardim Virgínea III, matrícula nº 16167 da 9ª CRI de Curitiba, com área total de 360 m2, com 12 metros de frente para a Rua 01, por 30m de extensão da frente aos fundos em ambos os lados, medindo na linha de fundos 12,00 metros. Com indicação fiscal nº 39-167-011-000-2. cuja localização junto a prefeitura de Curitiba ( conforme documento IPTU 2011) é Rua Ludovico Lucca, 177, São Braz, Curitiba. Contém edificações sem valor comercial e também invasores morando no local. R$ 220.000,00; Ônus na Prefeitura R$ 78,93 até 07/10/2013 mais custas e honorários judiciais; (*4 VTC); Autos nº 00731-1991-002-09-00-5: Mario Luiz Pinto (Espólio De) X Vieberg Indústria e Com. de Artefatos de Concreto Ltda X Bruno Ivan Vieria & Cia Ltda X Bruno Ivan Vieria X Arceo Vieria; 01 Apartamento nº 02 do Edifício Sérgio Localizado na Rua XV de Novembro 2525, Bairro Alto da Rua XV, Curitiba, com área total ( apartamento + uma vaga de garagem + Área comum) de 168,17m2, Área útil de 112,94m2, demais dados constantes da matricula 51.558 do Cartório de Registro de Imóveis 3º Circunscrição de Curitiba, Indicação Fiscal nº 14.021. 013.010-4 Descrição do Imóvel: Apartamento com 03 quartos, cozinha, copa, lavanderia dependência completa de empregada, Sala ampla, 02 (dois) banheiros sociais sendo um com banheira de hidromassagem antiga e sem uso, baixa luminosidade excelente localização. Necessita reforma pois há ponto de infiltração entre a sala e um banheiro social.R$ 315.000,00, Idade aparente do imóvel: 40 Anos Moradora/ inquilina: Sra Eli Terezinha Vieira(Nora do Sr.Arceo Vieira) reside no apartamento há mais de 28 anos. Reside também seu filho Jean. Ônus na Prefeitura R$ 470,04 até 07/10/2013 mais custas e honorários judiciais; Condomínio não Levantado será informado no dia do Leilão; Autos nº 20151-2012-002-09-00-0: Jorge Alves de Oliveira X Francisco José Dresch X FJ Dresch Participações e Administração de Bens Ltda X Francisco José Muniz de Resende 1620,Pedras brutas de Esmeralda, avaliadas cada uma em R$ 62,00 conforme nota fiscal nº 000202,aclopadas em envelope lacrado sob nº 3976,tudo conforme documentos. R$ 100.440,00; Auto nº 80015-2005-002-09-00-0 :União X Armdo construtora de obras ltdaMassa Falida X Maria Aparecida Castilho Darin Vaga de garagem nº17,tipo 1, sito no 2º subsolo,do Edifício Palais Royal situado em Curitiba a Rua Petit Carneiro nº 867,com capacidade para abrigar 02 automóveis até tamanho médio, com área construída exclusiva de 20,00m2. Tudo conforme descrito na matrícula nº 38.340 no 6º CRI retro mencionada R$ 30.000,00; Ônus na Prefeitura R$ 214,59 até 07/10/2013 mais custas e honorários judiciais; Condomínio R$ 90.315,80 Apartamento e Vaga de garagem; Vaga de garagem nº16,tipo 1, sito no 2º subsolo,do Edifício Palais Royal situado em Curitiba a Rua Petit Carneiro nº 867,com capacidade para abrigar 02 automóveis com área exclusiva de 20,00m2, área total 46,645m2,demais caracteristicas, confrontações constantes da matrícula nº 38.339 no 6º CRI de Curitiba/PR R$ 40.000,00.Ônus na Prefeitura R$ 1.679,76 até 07/10/2013 mais custas e honorários judiciais; (*4VTC); (*5VFPFC);Condomínio R$ 90.315,80 Apartamento e Vaga de garagem; Total R$ 70.000,00 Juíza do Trabalho, Dra. Lisete Valsecchi Fávaro,da 03ª Vara do Trabalho de Curitiba a saber: Autos nº 37333-2009-003-09-00-0: Eldy Albuquerque da Silva X Monte Titano Tour Agência de Viagens Ltda; 120 Frigobares,marca Consul,cor branca,bom estado avaliados e R$ 250,00 cada. OBS:Frigobares marca Consul, modelo Top 08, capacidade 80 litros.R$ 30.000,00;Autos nº 23063-2009-003-09-00-0: Karina Solotoriw X Parceria Serv’iços Patrimoniais Ltda X Silvio Negrão Neto X Elenilton Negrão Parte ideal:Correspondente a 70% do imóvel:fração ideal do solo de 0,304700, que corresponde ao sobrado nº 03, do Residencial Três Ilhas,localizado na R. Capistrano de Abreu,236-B,com área total construída exclusiva de 195,58m2,com os limites e confrontações constantes da matrícula nº 75227, Cartório de Registro de Imóveis,9ª Circunscrição- Curitiba/PR de propriedade de Elenilton Negrão.Ônus na Prefeitura R$ 236,13 até 07/10/2013 mais custas e honorários judiciais; Valor de avaliação do imóvel R$ 360.000,00 R$ 252.000,00 Juíza do Trabalho, Dra Rosiris Rodrigues de Almeida Amado Ribeiro, da 14ª Vara do Trabalho de Ctba a saber: Autos nº 25669-1992-014-09-00-5: Celeste Alves da Cruz X Dimenzo Indústria de Móveis Ltda X Alexandre Krasinski Filho(espólio de) X Acacio Biu; 01 Terreno sem benfeitorias,situado na Rua Luiz Cavicuiolo Primeiro, 73 Abranches,com indicação Fiscal 91.060.010 medindo 12m de frente para a Rua com um total de 474m2 conforme medidas e confrontações constantes da matrícula.R$ 94.800,00; Ônus na Prefeitura R$ 357,98 até 07/10/2013 mais custas e honorários judiciais; Autos nº 10365-2006-014-09-00-0: Moacir Paulino da Silva X Satco Trading S.A. X Dinilson Vieira Lins X Sérgio Longo X Jorge Atalla Neto X Cafe Jubileu Ltda. X Paraná Marcas Inc. Compra Venda Imóveis Ltda; Parte Ideal do terreno rural com área de 7 alqueires de campo e Cultura, sem benfeitorias, sito no Josezinho, Butiatuvinha,imóvel registrado na Receita federal 0967135-8, matrícula 68518 da 9ª Circunscrição de Curitiba, já a parte ideal referente ao Sr. Jorge Atalla Neto.R$ 80.000,00; Ônus na Prefeitura ITR não Levantado até 15/10/2013 mais custas e honorários judiciais; (6* HMAM), (7* SEH); Autos nº27638-2000-014-09-00-0 : Osmar Borim X Leoni Maria da Luz(ME) X Pedro Paulo dos Santos. 1/3 ou seja, 2.938,33m2,do terreno localizado na Rua Ovídio Garcez,nº 950 Cachoeira, Curitiba/PR, com área superficial total de 8.815,00 m2 e sob indicação fiscal nº 92-141-009.000-3. Demais dados constantes da matrícula nº 31.475 do 9º CRI de Curitiba. Avaliação: Avaliado em R$ 350,00m2.Não Consta Ônus na Prefeitura até 06/11/2013 mais custas e honorários judiciais;(8* VTP); (9* VCC) R$ 1.028.415,50; Juiz do Trabalho, Dr. Rafael Gustavo Palumbo, da 15ª Vara do Trabalho de Ctba a saber: Autos nº 35770-2009-015-09-00-0 : Agnaldo Aparecido Alves Coutinho X Indústria de Faqueados Fenix Ltda; 01 Faqueadeira Horizontal marca Fezer, sem identificação /nº série, em uso pela empresa ré. R$ 50.000,00; Autos nº 11244-2012-015-09-00-0: Rodolfo Lonetta X Nova Cascavel Distribuidora de Alimentos e Embalagens Ltda” Apartamento nº 609, do tipo IV, localizado no 7º pavimento, ou 6ºandar do Edifício Upper Residence,situado em Curitiba/PR, na Rua XV de Novembro,2050 Bairro Alto da Rua XV, com área privativa de 27,7300m2 área de uso comum de 13,3252m2 área nas rampas de acesso de 0,4478m2, com direito ao uso comum nas áreas descobertas de 3,2564m2, com os limites e confrontações constantes da matrícula nº 39.423 do Registro de Imóveis da 3ª Circunscrição de Curitiba/PR R$ 100.000,00; Ônus na Prefeitura R$ 26,00 até 07/10/2013 mais custas e honorários judiciais;Não consta debito de condomínio ate 16/10/2013; Autos nº 02726-2011-015-09-00-8 :Francisco José de Souza X Emoserge Manutenção Industrial Ltda X Jorge do Rosário Domingos Júnior X Laryssa Cristina Rolim X Fabiana Cavalheiro Domingos; Parte ideal de 17,50% da Casa D,numeração predial 510 da Rua D. Manoel Silveira Delboux, com área de 128,36m2, cabendo-lhe uma parte não edificada do terreno de 103,07m2 de utilização exclusiva destinada a jardim e quintal, correspondendo-lhe fração ideal de 0,2599921 do solo e partes comuns. Dita casa acha-se construída sobre o lote de terreno nº 25 da quadra 32 da Planta Herculano Rodrigues, no Bairro Tarumã,em Curitiba-PR; medindo 18,25m de frente para a Rua Suécia 35,00m da frente aos fundos em ambos os lados,tendo 18,25m de largura na linha de fundos, totalizando a área de 638,75 m2. Matrícula nº17.220 CRI 3ª Circunscrição da Comarca de Curitiba/PR Benfeitorias: No local há uma edificação, tipo residencial, em alvenaria,com cobertura de telhas de cerâmica, piso de concreto, em bom estado de conservação. Avaliação total R$ 350.000,00. Ônus na

1º Ofício do registro Civil 13º Tabelionato Leão Bel. Ricardo Augusto de Leão - Oficial Trav. Nestor de Castro, 271 - CEP 80.020-120 Centro - Curitiba - PR

COMUNICADO PÚBLICO A Vivo, operadora do Serviço Móvel Pessoal no Estado do Paraná, informa a seus clientes e ao público em geral que ocorreram dificuldades pontuais e temporárias na prestação do serviço, devido à instabilidade em equipamento e instabilidade no suprimento de energia elétrica, nas localidades: Iretama dia 14/10/2013 das 06h30 às 09h14; Altônia e Mariluz dia 14/10/2013 das 11h48 às 13h10; Terra Rica dia 14/10/2013 das 15h16 às 18h04; Tuneiras do Oeste dia 15/10/2013 das 13h43 às 14h30. Após o envio de equipe técnica ao local os circuitos foram restabelecidos.

EDITAL DE PROCLAMAS Faço saber que pretendem casar-se: 1 - BRUNO GUILHERME ANZOLIN e KAROLINA BRITO. Se alguém souber de algum impedimento, oponha-o na forma da Lei, no prazo de 15 dias. Lavro o presente Edital de Proclamas para ser publicado e afixado em lugar de costume. CURITIba, 16 DE OUTUBRO de 2013 3º OFÍCIO DE REGISTRO CIVIL E 15º TABELIONATO DE PESSOAS NATURAIS Município e Comarca de CURITIBA, Estado PARANÁ Bel. Mônica Maria Guimarães de Macedo Dalla Vecchia Registradora Designada

  Faço saber que pretendem se casar:   01- LAURO RENATO SOARES DE OLIVEIRA e STAEL FRAGA DE BATISTA.   Se alguém souber de algum impedimento, oponha-o na forma da lei no prazo de 15 (quinze) dias. CURITIba, 16 DE OUTUBRO de 2013

F.R - PERFURAÇÕES ROTATIVAS E CONSTRUÇÕES LTDA CNPJ: 81.055.741/0001-71 NIRE: 412020921-39 ATA DA ASSEMBLÉIA DOS SÓCIOS REALIZADA PARA OS FINS DE REDUÇÃO DE CAPITAL Aos 10 dias do mês de outubro de 2013, às dez horas, na sede da empresa na Rua Cel. Airton Plaisant, 615 - Santa Quitéria - CEP: 80.310-160, em Curitiba, reuniu-se em Assembléia “F.R - PERFURAÇÕES ROTATIVAS E CONSTRUÇÕES LTDA”, inscrito no CNPJ: 81.055.741/0001-71, registrada na Junta Comercial do Estado do Paraná, NIRE: sob nº 412.020.921.39, por despacho em sessão de 24 de outubro de 1988, com presença de 100% da participação do capital social, dispensando assim ata de convocação, com a seguinte ORDEM DO DIA. Aprovação da redução do capital social da empresa nas seguintes proporções: O capital social da empresa, que é de R$ 500.000,00 (quinhentos mil reais), fica reduzido para R$ 379.000,00 (trezentos e setenta e nove mil reais) divididos em 379.000 (trezentas e setenta e nove mil) quotas sendo o total da redução e de R$ 121.000,00 (cento e vinte hum mil reais) que compões 119.790,00 (cento e dezenove vinte mil setecentos e noventa reais) com o levantamento de imóvel da sociedade e R$ 1.210,00 (hum mil duzentos e dez reais) em moeda corrente do pais. O sócio FERDINANDO RICCIARELLI que possui na sociedade R$ 495.000,00 (quatrocentos e noventa e cinco mil reais) reduz a sua participação para R$ 375.210,00 (trezentos e setenta e cinco mil reais) com a retirada dos imóveis; Matricula 43828 registrado na 5ª circunscrição de Curitiba, Lote 10, oriundo da unificação dos lotes nº 10 e 11 da quadra nº 4 da Planta Vila Kwasinski, no Xaxim Cercado, de frente para Rua Major Vicente de Casto perfazendo uma área total de 960 m² pelo valor de R$ 100.000,00 ( cento mil reais). Matricula 43.454 registrado na 6ª circunscrição de Curitiba, Lote 20 da quadra nº 24 situado em Santa Quitéria, nesta Capital de frene para Rua Cel. Airton Plaisant perfazendo uma área total de 341,32 m². Pelo valor de R$ 19.790,00 (dezenove mil setecentos e noventa reais). O sócio ARGEU FIALHO SPENCER que possui na sociedade R$ 5.000,00 (cinco mil reais) reduz sua participação para R$ 3.790,00 (três mil setecentos e noventa reais) sendo retirado o valor de R$ 1.210,00 (hum mil duzentos e dez reais) em moeda corrente do pais. Encerramento, nada mais havendo a tratar encerrada a matéria da ordem do dia o franqueada a palavra aos presentes e na ausência de qualquer manifestação, declarou encerrada a sessão a qual foi lavrada a presente Ata. Curitiba, 10 de outubro de 2013. FERDINANDO RICCIARELLI ARGEU FIALHO SPENCER CPF: 042.870.297-04 CPF: 334.005.800-82 Prefeitura R$ 80,84 até 07/10/2013 mais custas e honorários judiciais; R$ 61.250,00 Juíza do Trabalho, Dra. Janete do Amarante da 016ª Vara do Trabalho de Ctba a saber: Autos nº 4611-2006-016-09-00-7: Miguel Vilke X LDC Educação Pro Futuro Ltda X André Luiz de Queiroz Telles X Luziangela Cornelson de Queiroz Telles. 200 Conjuntos de Cadeira e Mesinha tipo carteira escolar em ótimo estado, cadeira de plastico e mesa com tampo colorido de plástico, com pés de ferro tamanho infantil avaliado em R$ 84,00 cada conjunto; Obs: Informado que estes bens estão também penhorados no processo 29411-2010-012-09-00-8. R$ 16.800,00;Autos nº 23297-2009-016-09-00-4 : Edson de Almeida Machado X Cargo Embalagens Indústria e Comércio Ltda X João Gonçalves de Oliveira X Cristina Trzaskos Gonçalves de Oliveira. Sobrado nº 03,do tipo S1-A,localizado de frente para a Rua Paulo Setúbal,à direita do sobrado 02,de quem da referida rua olha o imóvel, parte integrante do Conjunto residencial Ravena II, situado na Rua Paulo Setúbal,nº 4753, Curitiba/ PR com área construída de utilização exclusiva de 79,34m2, correspondendo- lhe uma fração ideal do solo e partes comuns de 0,0136090,do lote 70-B-1 subdivisão do lote 70-B da Planta Fazenda Boqueirão, situada no arrabalde do Boqueirão/Curitiba/PR, matrícula nº 56.693 do 4º CRI Indicação Fiscal 86-277-126-002-0 Benfeitorias :Sobrado popular de bom padrão de acabamento,em bom estado idade aparente 10 anos.R$ 180.000,00. Ônus na Prefeitura R$ 588,78 até 07/10/2013 mais custas e honorários judiciais;Condomínio R$ 120.048,09 até 23/07/2013; (*09 VCC); (*10 AFPFC);(*11 HBI); Juiz do Trabalho, Dr. José Aparecido dos Santos, da 017ª Vara do Trabalho de Ctba a saber: Autos nº 10290-2013-651-09-00-5 : Albert Alves Barbosa X Vidor Comercial de Materiais Eletricos Ltda. 9900 Cotas de titularidade da executada Maria Julieta Janjacoro,CPF 878.117.749-68 na Sociedade Comercial M.J.J.Confecções Ltda, CNPJ 13.982.601/0001-991. R$ 9.900,00 Juíza do Trabalho, Dra. Patrícia Tostes Poli da 21ª Vara do Trabalho de Ctba a saber: Autos nº 09048-2011-041-09-00-0 :Rafael Ferreira de Lima X Netsite Construções Ltda; 01 CPU com teclado, mouse e monitor.R$ 400,00; 01 CPU com teclado, mouse e monitor R$ 220,00; 01 CPU com teclado mouse e monitor R$ 220,00; 01 Teclado,mouse e monitor.R$ 280,00;01 CPU, com teclado,mouse e monitor R$ 280,00 01 CPU com teclado ,mouse e monitor.R$ 350,00;01 Scanner Canon R$ 100,00;01 Scanner Canon R$ 100,00;01 Scanner HP R$ 120,00;01 Camera digital Sansung ES55 R$ 220,00;01 Celular Sony Ericsson W580i R$ 150,00;01 Placa de CFTV da marca Geovision GV800 R$ 220,00;01 Roteador Wi-Fi Link sys WRT546 R$ 160,00;01 Placa mãe Asus M2N-X R$ 220,00;03 Fontes de 220w no valor de R$ 40,00 cada um R$ 120,00;Total R$ 3.160,00 ; Autos nº28960-2011-041-09-00-1: Rosangela Machado Cordeiro X Kraft & Cia Ltda; 01 Motocicleta a gasolina Yamaha/XTZ 125k, ano: 2011, modelo: 2011 cor preta sem reserva, que encontrei em funcionamento normal em bom estado, placa: ATZ-6457, Renavam 32.775449-4,Chassi 9C6KE1260B0020365 R$ 6.400,00; Ônus Detran R$ 1.567,92 até 14/10/2013;Autos nº 19352-2013-041-09-00-8 :Carlos Gabriel Ezídio dos Santos X LYNX Vigilância e Segurança Ltda; 01 Veiculo, marca/modelo Chevrolet/Classic LS, ano de fabricação/modelo 2011, placaATX-8380, Chassi 9BGSU19F0BB310295, renavam 32.491.487-3;R$ 20.000,00; Ônus Detran R$ 3.877,00 até 14/10/2013; Juíza do Trabalho, Dra. Odete Grasselli, da Vara do Trabalho de Pinhais a saber: Autos nº 00164-2008-245-09-00-0: Graciana Farias de Oliveira X Aparecida Valneia Ribeiro e Cia Ltda; 01 Máquina de costura industrial interlock marca Zoje, modelo ZJ73286A, Bitola larga, com mesa e motor perfeitas condições; R$ 2.000,00;01 Máquina de costura industrial interlock marca Lamax, modelo LM-205,Bitola ESTREITA, com mesa e motor perfeitas condições;R$ 1.900,00;01 Máquina de costura industrial marca Marita, goleira com transbeira, modelo MST-8103D, com mesa e motor,boas condições de conservação e funcionamento;R$ 2.700,00; Total R$ 6.600,00;PRÉ-REQUISITOS: Ficam cientes as partes litigantes e seus procuradores, bem como terceiros interessados em participar na Hasta Pública designada, de que a Praça e Leilão serão realizados em um único pregão, sendo que, apregoados os Bens e não havendo licitantes pelo valor equivalente a avaliação constante no Edital,os referidos Bens serão imediatamente Vendidos Pelo Maior Lance Ofertado, submetido a aprovação do Juízo, observado as CONDIÇÕES e REGRAS GERAIS DO LEILÃO, deste Edital: Os Bens1 de 2 Móveis e Imóveis serão Leiloados no Estado de Conservação em que se encontram, nos Imóveis a venda é “ad-corpus”; no ato da compra, o Arrematante está ciente e de acordo que os BENS são vendidos no Estado de Conservação que se encontram; declara irretratável e irrevogavelmente ter vistoriado os Bens e Não cabendo reclamações, desistências, cancelamento ou devoluções; em caso de dúvida NÃO COMPRE; As IMAGENS no SITE e INFORMES PUBLICITÁRIO são de caráter secundário e efeito estritamente ilustrativo;É de total responsabilidade dos Arrematantes:TODOS ÔNUS,IMPOSTOS,DÍVIDAS, MULTAS em especial de IPTU e CONDOMINIAIS (obrigações denominadas “propterrem”) constantes no Edital e/ou informadas antes da hasta publica, são assumidas de forma Clara e Inequívoca pelos interessados em oferecer o Lanço em Hasta Pública,estando plenamente cientes de que os ônus seguirão o imóvel e serão de total e exclusiva responsabilidade do Arrematante ou Adjudicatário,não se admitindo sub-rogações ou deduções dessas dívidas/multas no preço de Arrematação, conforme artigo 686,inciso V,do CPC;São igualmente de responsabilidade do Arrematante adjudicante TRANSFERÊNCIA, OUTRAS DESPESAS: incidentes sobre a Arrematação, tais como:Funrejus=0,2% sobre valor do ônus existentes ou valor arrematado, limitado ao valor teto,Lei Estadual 11.960/97;ITBI,Laudêmios,taxas, alvarás,emolumentos de cartório,escrituras,registros, Averbações, hipotecas,penhoras,dividas,Ônus Gravado declarados,Gravames Alienações, Impostos,carregamento, frete,seguro; Despesas do Leilão: Publicação dos Editais, honorários do Leiloeiro, despesas acessórias pendentes sobre o bem demais despesas informadas por erratas no Edital e/ou na Praça e Leilão; Venda a Prazo:a critério do Juízo da execução, com a anuência do Credor,o interessado poderá consignar proposta a prazo, em Leilão, Não havendo venda a vista, observado o imediato depósito do sinal de, no mínimo de 40% do lanço imediato e saldo em parcelas mensais, iguais, acrescidos Juros, Correções e demais garantias a critério do Juízo, a parcela inicial vencerá 30 dias do Leilão.O arrematante ficará como Fiel Depositário sempre observado Art.215 ao Art.221 do provimento Geral da Corregedoria Regional do Trabalho 9º região.Para ofertar propostas a prazo, deverá o licitante anunciar expressamente, tal condição de pagamento ao ofertar o seu lance. Exceto, nos AUTOS levados a Hasta Pública pela 17ª Vara do Trabalho de Curitiba, que, quem tiver interesse em adquirir o IMÓVEL em prestações, deverá: a) APRESENTAR a respectiva proposta por escrito até a véspera do leilão, observadas as condições impostas pelo art. 690 do CPC; b) DEPOSITAR previamente em juízo 30%(trinta por cento) do valor de avaliação do imóvel;c) COMPROVAR nos autos o respectivo depósito, sob pena de rejeição liminar da proposta. Se deferida a proposta,o restante da dívida ficará garantido por hipoteca sobre o próprio imóvel. Sobrevindo dúvida razoável do leiloeiro sobre quem seja o vencedor, deverá o leiloeiro receber o pagamento de quem ofertou o melhor lance em leilão e submeter o caso à deliberação do juiz, que decidirá a questão, dando o bem por arrematado pelo apresentante do melhor lanço ou da proposta prévia mais conveniente, conforme o caso (CPC, art. 690); Comissão de Leilão, sempre será devida ao Leiloeiro Oficial, pelo simples ATO PRATICADO(Decreto Federal nº 21.981/32), assumindo,o arrematante ou, o adjudicante ou o remitente, o ônus desta despesa; não sendo devolvido em nenhuma hipótese; Lançador:Poderá ser registrado na Certidão de Praça e Leilão, o último e o penúltimo Lançador do Leilão;se o último não cumprir as formalidades legais, o penúltimo poderá ser chamado, a critério do Juízo, desde que,o mesmo cumpra as condições do último lançador; Erratas,Ônus, Despesas informadas e anunciadas antes da Hasta Pública integram o Edital de Leilão, como pré condição Irretratável/irrevogável aceita e anuída pelos participantes do LEILÃO; No ato da retirada dos Bens arrematados, os mesmos deverão ser CONFERIDOS rigorosamente, só retirando se estiver plenamente satisfeito,NÃO acatando reclamações, desistências,cancelamento ou devoluções; Os pagamentos efetuados em cheques,serão considerados pagos, após a compensação dos mesmos; Os participantes do Leilão estarão sujeitos ao Artigo 335 do CPC, contra aqueles que impedirem, perturbarem, fraudarem,afastarem ou procurarem afastar licitantes por meios ilícitos, com os agravantes dos crimes praticados contra a ordem pública e violência;O Leiloeiro Oficial poderá Separar, Reunir ou Suspender Lotes;Ficam intimada(os) as(os) executada(os) de que o prazo para apresentação de quaisquer medidas processuais contra os atos de expropriação como embargos ou recursos começará a fluir no 5º(Quinto) dia após a realização da Hasta Pública, Independentemente de nova Intimação;Caso os Exeqüentes, Executados, Sócios/Equiparados e Cônjuges não sejam encontrados ou cientificados, por qualquer razão, da data de Praça e Leilão, valerá o presente Edital de Intimação de Praça e Leilão; Para Participação no Leilão é pré-requisito que os Interessados reconheçam e concordem com o Edital e Condições informadas na Praça e Leilão; Legenda;(3*) HCEF: Hipoteca Caixa Econômica Federal;(4*) VTC: Vara do Trabalho de Curitiba; (*5) VFPFC : Vara da Fazenda Pública do Foro Central; (¨*6) HMAM: Hipoteca 1º Grau Mercantil na modalidade de adiantamento p/ aquisição de mercadoria:(7*) SEH: Segunda e especial Hipoteca sobre a parte Ideal de 75,60% do imóvel; (*8) VTP: Vara do Trabalho Pinhais;(*9) VCC: Vara Cível Curitiba;(*10) AVFPFC: Arresto 1º Vara da Fazenda Pública Falência e Concordata;(11*) HBC: Hipoteca 1º Grau Banco Itaú S/A.

HOSPITAL DE CLÍNICAS UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ

AVISO DE LICITAÇÃO Processo nº 026450/2013-87 - PREGÃO ELETRÔNICO Nº 105/2013 Envio de propostas a partir de 17/10/2013, com abertura para lances na data de 06/11/2013, horário: 14h 30min., disponível no site www.comprasnet.gov.br. Objetivo: Implantação de Sistema do Registro de Preços, com vigência de 12 (doze) meses, para aquisição parcelada, conforme necessidade, colchões hospitalares. O objeto atenderá o Hospital de Clínicas da Universidade Federal do Paraná. Os interessados poderão obter todas as informações necessárias a respeito com a Comissão de Licitação pelo telefone (0xx41) 3360-1831. Paulo Sergio Lopes dos Santos – Pregoeiro.

Publique-se.

Prof. Dr. Flavio Daniel Saavedra Tomasich Diretor Geral do HC

HOSPITAL DE CLÍNICAS UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ

AVISO DE LICITAÇÃO Processo nº 036655/2013-71 - PREGÃO ELETRÔNICO Nº 103/2013 Envio de propostas a partir de 17/10/2013, com abertura para lances na data de 06/11/2013, horário: 10h 00min., disponível no site www.comprasnet.gov.br. Objetivo: Implantação de Sistema do Registro de Preços, com vigência de 12 (doze) meses, para aquisição parcelada, conforme necessidade, Insumos Laboratoriais. O objeto atenderá o Hospital de Clínicas da Universidade Federal do Paraná. Os interessados poderão obter todas as informações necessárias a respeito com a Comissão de Licitação pelo telefone (0xx41) 3360-1831. Tânia Mara Ziolkoski – Pregoeiro.

Publique-se.

Prof. Dr. Flavio Daniel Saavedra Tomasich Diretor Geral do HC

https://eproc.jfpr.jus.br/eprocV2/controlador.php?acao=acessar_docum...

REINT/MANUTENÇÃO POSSE 5044836-53.2012.404.7000/PR AUTOR RÉU

PROCED.ESP.JURISD.CONTENC.

: CAIXA ECONÔMICA FEDERAL - CEF : ELIESIO PINHEIRO : ROSENILDA APARECIDA DOS SANTOS PINHEIRO

EDITAL N.º 7610632

Prazo: 30 (trinta) dias FINALIDADE: FAZ SABER, a todos que virem o presente edital ou dele tiverem notícia, o qual será afixado no local de costume desta Secretaria e publicado no Diário Eletrônico da Justiça Federal da 4ª Região, Seção Judiciária do Estado do Paraná, que, tendo em vista a ré, adiante qualificada, estar em lugar incerto e não sabido, não sendo possível citá-la pessoalmente, cita-a por meio deste. CITANDA: ROSENILDA APARECIDA DOS SANTOS PINHEIRO (RG 8.791.200-0/PR - CPF 036.435.349-06), brasileira, nascida em 17/09/1980, últimos endereços conhecidos: Rua Pedro Driessen Filho, 150, bloco 4, ap.11, Residencial Begonias, Curitiba/PR e Rua Emílio Behling Filho, 15, casa, Uberada, Curitiba/PR. OBJETO: CITAÇÃO da ré acima qualificada dos termos da ação proposta, para, no prazo de 30 (trinta) dias, CONTESTAR os fatos narrados na inicial (Evento 1), sob pena de presumirem-se aceitos como verdadeiros, nos termos do artigo 285 do Código de Processo Civil. Curitiba, Capital do Estado do Paraná, aos 13 de setembro de 2013. Eu, Oksana Kindra, Técnico Judiciário, que o digitei e eu,_________(Fátima Aparecida Santanna Hansen), Diretora de Secretaria, o conferi e subscrevi.

Anne Karina Stipp Amador Costa Juíza Federal

P.B.CASTRO LEILÕES

Plínio Barroso de Castro Filho Leiloeiro Judicial e Depositário Judicial Particular -

Documento eletrônico assinado por Anne Karina StippMat. Amador Costa, JUCEPAR 668Juíza Federal, na forma do Rua Jacarezinho, - 1o. andar artigo 1º, inciso III, da Lei 11.419, de 19 de dezembro de 2006 e Resolução1257 TRF 4ª Região nº 17, de 26 CEP 80.810-130 - Curitiba - Paraná de março de 2010. A conferência da autenticidade do documento está disponível no (41) endereço Fone (41) 3029-8555 - Fax 3029-8555 eletrônico http://www.jfpr.jus.br/gedpro/verifica/verifica.php, mediante o preenchimento do código www.pbcastro.com.br - leiloes@pbcastro.com.br verificador 7610632v3 e, se EDITAL solicitado, doDE código CRC 2DE180C1. PRAÇA E LEILÃO: Informações adicionais da assinatura: Dia 07 de novembro de 2013, às 10:00 horas - Será oferecido o bem pelo valor de avaliação, não havendo Signatário (a): ANNE KARINA STIPP AMADOR COSTA:2300 interessados, será oferecido pela melhor oferta.

Dia 28 de novembro de 2013, às 10:00 horas - Haverá um novo Leilão, no mesmo endereço e nas mesmas condições, caso o bem não tenha sido vendido na data anterior. 16/10/2013 16:07 NÃO HAVENDO EXPEDIENTE NAS DATAS ACIMA OS LEILÕES SERÃO EFETUADOS NO PRIMEIRO DIA ÚTIL SUBSEQÜENTE.

Local: Rua Jacarezinho 1257 1º andar - Curitiba - Paraná - Fone (41) 3029-8555

PLÍNIO BARROSO DE CASTRO FILHO, Leiloeiro Judicial, registrado na JUCEPAR sob o número 668 e devidamente autorizado e designado pelos Srs. Drs. Juízes do Trabalho, em exercício na 19ª Vara da Justiça do Trabalho, do Tribunal Regional do Trabalho, 9ª Região, para realizar os atos expropriatórios através de hasta pública, venderá em Público Praça/Leilão, conforme art 888 da CLT, nos dias e hora local supracitados, os bens objeto de penhora das ações trabalhistas, no estado de conservação em que se encontram, sendo que na primeira data, os bens serão oferecidos pelo valor da avaliação, não havendo licitantes, os bens serão oferecidos pela melhor oferta e, os bens não vendidos na primeira data, serão novamente oferecidos nas mesmas condições da primeira data. Sendo os processos e os bens a seguir descritas: 19ª Vara: 07260-2013-028-09-00-5 (CartPrec), WILSON WILMAR RODRIGUES DOS SANTOS X ELIAS JOSÉ CURI.: Um imóvel representado pelo terreno situado á Rua José Nicco, s/nº, esquina com a Rodovia R277, Mossunguê, Curitiba-PR, com 12.000,00m². No terreno foi constituída servidão de passagem sobre uma área de 87,60m², destinada a implantação de rede coletora de esgoto sanitário, declarada de utilidade pública, conforme descrito no R-6 da matrícula. Imóvel registrado sob matrícula nº 20.087 do 8º CRI de Curitiba. Indicação Fiscal 19-108-013.000-0, avaliado em R$ 11.000.000,00. Os leilões serão regidos de acordo a Lei 21.981/32, pela CLT e subsidiariamente pelo CPC. Os bens móveis estarão na semana que antecede ao leilão, a disposição para a vistoria dos senhores interessados no endereço do leiloeiro e ou no endereço dos seus atuais depositários, sendo que os endereços estão nos escritórios do leiloeiro a disposição dos interessados. Já os bens imóveis estarão a disposição dos interessados para vistoria, desde que anteriormente agendados o dia e a hora junto ao leiloeiro. Todas as despesas propterrem que oneram os bens, as despesas publicação de edital, bem como as de transferência dos bens, serão por conta dos arrematantes. Ficam cientes os interessados de que deverão verificar por conta própria a existência de todos os eventuais ônus reais existentes (penhoras, hipotecas, locações, impostos, taxas, etc.) junto aos competentes cartórios de registros e aos órgãos competentes, sendo que receberão tais bens no estado em que se encontram e arcarão com os impostos, encargos e taxas para os devidos registros. Eventuais ônus e despesas que não puderam ser constatados antes da publicação deste edital, serão informados quando da realização das hastas públicas. Alguns bens poderão ter a sua venda parcelada, conforme o Provimento 01/2005 e Provimento Geral da Corregedoria Regional do TRT 9ª Região. Ficam através deste edital intimadas as partes (C.P.C. Artigo 687 e Art. 3º da Lei de Introdução do Código Civil Brasileiro), os cônjuges (art. 669 § 1º do CPC), os credores concorrentes (artigo 698 do CPC), os credores hipotecários (artigo 1501 do Código Civil Brasileiro), os arrematantes e terceiros interessados. Cientes, também, que no ato da adjudicação, ou remição ou acordo entre as partes, serão cobrados os serviços do Leiloeiro, de armazenagem, do depositário judicial e as remunerações conforme Ordem de Serviços emitida pela Justiça do Trabalho TRT 9ª Região, das despesas informadas na Comunicação de Leilão e o Decreto Federal nº 21.981/1932, no Art. 22, alínea f. A comissão de Leilão, cujo resultado for positivo, sempre será devida ao Leiloeiro Oficial, pelo ATO PRATICADO (Decreto Federal N° 21.981/32), assumindo, conforme o caso, o arrematante, o adjudicante ou o remitente, o ônus desta despesa. No caso de indeferimento da arrematação pelo Juízo, a comissão será sempre devolvida ao arrematante. Caso os Exeqüentes, Executados, Credores hipotecários, cônjuges e terceiros interessados não sejam encontrados, notificados ou certificados por qualquer razão, da data de Praça e Leilão, quando da expedição das notificações respectivas, valerá o presente Edital de INTIMAÇÃO DE PRAÇA E LEILÃO. Fulcrado com o Artigo 238 da Lei 11.382 de 06 de dezembro de 2.006, Presumem-se válidas as comunicações e intimações dirigidas ao endereço residencial ou profissional declinado na inicial. O prazo para a apresentação de quaisquer medidas processuais contra os atos de expropriação, como embargos ou recursos, começará a contar após a Hasta Pública, independentemente de intimação. Curitiba, 16 de outubro de 2013 – Plínio Barroso de Castro Filho – Leiloeiro Judicial.


internacional

Diário Indústria&Comércio

Curitiba, quinta-feira, 17 de outubro de 2013 | Pág. A8

coluna@induscom.com.br

INCÊNDIOS INDUSTRIAIS EVIDENCIAM FALHAS EM NOSSO SISTEMA DE PREVENÇÃO No mês passado, mais três incêndios de grandes proporções atingiram importantes empreendimentos industriais e ganharam destaque na mídia nacional. Embora as causas ainda sejam desconhecidas, uma coisa é certa: esses incidentes apenas reforçam a necessidade de uma revisão em nossas normas fiscalizadoras para que tragédias maiores não voltem a chocar o país. Em apenas oito dias, entre 12 e 20 de setembro, uma indústria de bebedouros na cidade de Itu, no interior de São Paulo, um depósito de eletrodomésticos em Curitiba e uma fábrica de componentes plásticos em Contagem, na região metropolitana de Belo Horizonte, foram atingidas com focos de fogo e colocaram em risco a segurança da população. Mas será que, assim como tantos outros, os locais possuíam as precauções necessárias para a prevenção de incêndio? A resposta dessa pergunta nos leva a uma questão ainda mais ampla: as tais precauções necessárias vão muito além do que é exigido por nossas normas fiscalizadoras. No Brasil, não há uma padronização da legislação para liberação e fiscalização dos empreendimentos, pois o órgão responsável por tais atividades é o Corpo de Bombeiros, ou seja, uma entidade estadual. O principal problema, porém, ainda não é esse, uma vez que a Norma Brasileira Regulamentadora (NBR) é, em sua maioria, ineficaz, e a legislação permite que os prédios atendam apenas aos requisitos mínimos para serem autorizados a funcionar. Esses requisitos mínimos podem ser explicados pelo fato de muitas empresas e estabelecimentos ainda se preocuparem apenas com a obtenção do Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros (AVCB), documento emitido pelo órgão durante vistoria, que certifica que a edificação possui as condições de segurança contra incêndio previstas pela legislação e estabelece um período de revalidação. O X da questão é que as condições de segurança são ditadas pela própria NBR, que, como já vimos, é falha. Mesmo com os motivos ainda não esclarecidos, os três incêndios ocorridos em setembro podem ser mais alguns exemplos da falta de fiscalização e rigidez das normas brasileiras, que, na maioria dos casos, apenas autorizam o funcionamento dos empreendimentos, mesmo quando não há as condições indicadas. Felizmente, nesses três casos não houve feridos, mas em nossa cultura, muitas vezes, são necessárias tragédias como a da boate Kiss, em Santa Maria, para que a atenção à prevenção a incêndios esteja em foco. * Ilan Pacheco é engenheiro eletricista, pós-graduado em Engenharia de Segurança do Trabalho e Diretor de Vendas da ICS Engenharia, empresa especializada em proteção contra incêndio.

EUA

Senado anuncia acordo sobre teto da dívida norte-americana O líder da maioria democrata do Senado dos Estados Unidos, Harry Reid, anunciou na última terça-feira (15) a conclusão, com o Partido Republicano, de um acordo que permite subir o teto da dívida pública norte-americana. O compromisso também prevê a reabertura imediata das agências federais parcialmente fechadas desde 1º de outubro. O acordo inclui ainda a convocação de uma comissão para negociar o Orçamento para 2014. Segundo Mitch McConnell, líder da minoria republicana, a votação no Senado poderá ocorrer ainda hoje, evitando assim uma situ-

ação de descumprimento. A paralisação parcial da administração federal dos Estados Unidos, devido à falta de um acordo sobre o Orçamento no Congresso entre democratas e republicanos, entrou hoje no 16º dia. O limite máximo da dívida autorizado pelo Congresso norte-americano é US$ 16,699 trilhões. Esse limite foi ultrapassado em 17 de maio deste ano e, desde então, o Departamento do Tesouro tem coberto os compromissos com manobras contabilísticas, atrasos nos pagamentos e transferências de fundos que se esgotam nesta quinta-feira (17).

Representante da União Europeia diz que países do bloco devem tirar lições da crise O Brasil tirou lições das crises por que passou e agora é a vez de a Europa aprender com os problemas econômicos, disse na terça-feira (15) a diretora responsável pela regulação financeira da União Europeia, Nadia Calviño. Ela participou da quinta edição dos Diálogos Bilaterais de Alto Nível Brasil – União Europeia sobre Regulação de Mercados Financeiros, no Banco Central (BC), em Brasília. O evento é fechado à imprensa, mas a diretora conversou com os jornalistas após o encontro com os representantes do BC. Para Nadia, o sistema financeiro brasileiro é menos complexo do que o europeu, com bancos mais conservadores e menor participação no mercado global. Além disso, ela avaliou que a supervisão

bancária no Brasil é mais exigente e cautelosa. Segundo Nadia, essas características ajudaram o país a passar bem pela crise econômica internacional. De acordo com a diretora, um dos pontos discutidos no encontro é a decisão da União Europeia de criar um supervisor comum para os bancos europeus. Segundo ela, é um “projeto importante que desperta interesse de outros país” sobre o andamento da implantação da supervisão única. Nadia lembrou que na segunda-feira (14) o Conselho Europeu aprovou a criação do Mecanismo Único de Supervisão e a ideia é que esteja em funcionamento até meados do próximo ano. Segundo ela, o mecanismo vai “fechar a lacuna” da unificação monetária na Europa.

ONU alerta sobre desperdícios no Dia Mundial da Alimentação Mais de 800 milhões de pessoas são privadas da qualidade alimentar pelo desperdício

A

s Nações Unidas alertaram ontem (16), no Dia Mundial da Alimentação, para o desperdício alimentar, uma das principais razões para que 842 milhões de pessoas continuem privadas de quantidades suficientes de alimentos. No mesmo comunicado, a ONU destacou a importância de uma dieta equilibrada para combater o aumento da obesidade e garantir a saúde das populações. Para marcar a data, na sede da FAO, em Roma, foi oferecido um almoço totalmente feito com produtos destinados ao lixo. Cerca de um terço dos alimentos produzidos em todo o mundo - ou 1,3 bilhão de toneladas e mais de US$ 750 bilhões - por ano são atualmente desperdiçados, de acordo com dados da Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO). "Com um quarto desses números, é possível alimentar 842 milhões de pessoas famintas em todo o mundo", garantiu Robert van Otterdijk, especialista em indústrias agrícolas e responsável pela

Marcello Casal Jr/ABr

Opinião

Nações unidas

Cerca de um terço dos alimentos produzidos em todo o mundo - 1,3 bilhão de toneladas e mais de US$ 750 bilhões - por ano são atualmente desperdiçados

infraestrutura rural na FAO. Segundo ele, ao "reduzir à metade esse desperdício, bastaria aumentar a produção alimentar mundial em 32% para conseguir dar comida a 9 bilhões de pessoas, a população mundial prevista em 2050", de acordo com projeções. Atualmente, os peritos estimam ser necessário um aumento de 60% da produção para responder às ne-

cessidades futuras da humanidade, um patamar insustentável para o planeta, cujos recursos em terra e água não são infinitos. Nos países em desenvolvimento, as reduzidas capacidades de armazenamento e de acesso ao mercado são as principais causas do desperdício. Nas sociedades industrializadas, a responsabilidade é do excesso de normas e regras,

Índia apoia Brasil na proposta de marco civil para internet O ministro dos Negócios Estrangeiros da Índia, Salman Khurshid, disse na última terça-feira (15) que o país apoia o Brasil na criação de um marco civil internacional para a internet. O assunto é um dos temas tratados em encontro de Khurshid com o ministro das Relações Exteriores brasileiro, Luiz Alberto Figueiredo. “É uma área de grande preocupação. Esforços estão sendo feitos para encontrar um meio de prover segurança cibernética e prevenir qualquer tipo de invasão”, disse o indiano. O Brasil defende o marco regulatório desde que vieram à tona denúncias de espionagem de empresas e governos pela Agência de Segurança Nacional norte-americana (NSA, na sigla em inglês). A presidenta Dilma Rousseff quer enviar proposta para um marco regulatório internacional à Organização das Nações Unidas (ONU) depois de o marco civil brasileiro ser aprovado

Fabio Rodrigues Pozzebom / Agência Brasil

Entre os resultados práticos da reunião estão a atualização de um acordo bilateral, firmado por meio da Receita Federal, para evitar a dupla tributação e a evasão de divisas. Foi assinado um acordo de assistência jurídica mútua

no Congresso Nacional. Segundo Figueiredo, a conversa com a Índia sobre o tema foi “ótima” e os países permanecerão em contato sobre o assunto. Os chanceleres do Brasil e da Índia participaram na terça-feira da 6º Reunião da Comissão Mista Ministerial de Cooperação Política,

Econômica, Científica, Tecnológica e Cultural Brasil-Índia. Os países têm aproximação comercial e política. O Brasil e a Índia têm um acordo de preferência tarifária firmado por meio do Mercosul, cuja ampliação está em debate. O intercâmbio comercial somou mais de US$ 10 bilhões em 2012.

Carta do Brasil sobre ativista será analisada pela Rússia hoje Marcelo Camargo/ABr

Ana Paula participou de um protesto do grupo Greenpeace contra uma plataforma de petróleo no Ártico, no dia 18 de setembro. A brasileira e mais 29 tripulantes do navio Artic Sunrise foram presos acusados de pirataria

A carta de garantia enviada pelo Brasil ao governo russo sobre a ativista brasileira do Greenpeace Ana Paula Maciel, presa na cidade de Murmansk após um protesto, será analisada pelas autoridades russas hoje (17). A informação foi divulgada na terça-feira (15) pelo ministro das Relações Exteriores, Luiz Alberto Figueiredo. Na carta, o Brasil assegura que a ativista irá comparecer aos procedimentos

judiciais caso seja libertada. O chanceler disse ainda ter telefonado na semana passada para o ministro das Relações Exteriores russo, Sergei Lavrov, para pedir que ele transmitisse ao primeiro-ministro Vladimir Putin o empenho da presidenta Dilma Rousseff em ver a situação de Ana Paula resolvida. A ligação atendeu a uma determinação da presidenta, que na última quinta-feira (10) usou sua conta no

Twitter para contar que solicitou ao Itamaraty “contato de alto nível” com as autoridades russas para falar sobre o caso da biológa. Figueiredo voltou a informar que a Embaixada do Brasil em Moscou acompanha de perto o caso. O ministro determinou o envio de um agente consular a Murmansk assim que o Ministério das Relações Exteriores tomou conhecimento da prisão.

Mais da metade das pessoas desnutridas vivem na Ásia-Pacífico Cerca de 60% de mais de 2 bilhões de pessoas afetadas pela má nutrição em todo o mundo estão na região Ásia-Pacifico, apesar de a erradicação da fome estar avançando, informou hoje a Organização das Nações Unidas (ONU) por ocasião do Dia Mundial da Alimentação.

Em comunicado divulgado em Bangcoc (Tailândia), a Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO) acrescentou que a região Ásia-Pacifico deverá acabar totalmente com a fome em 2025. O diretor da FAO para a área,

Hiroyuki Konuma, alertou que a inflação afeta as classes mais pobres e dificulta o fim da má nutrição. "Os altos preços dos alimentos, que são 50% maiores em termos reais comparativamente há dez anos, aumentam a vulnerabilidade dos pobres”, disse ele.

devido a preocupações sanitárias ou estéticas. Se os esforços combinados dos Estados e das agências da ONU permitiram reduzir, de forma espetacular, o número de pessoas com fome (mais de 1 bilhão em 2009), o número de subnutridos é ainda de 2 bilhões, que sofrem uma ou várias carências em micronutrientes, como vitaminas e minerais.

Terremoto de magnitude cinco atinge a Bolívia Um terremoto de magnitude 5 na escala Richter atingiu o Sudoeste da Bolívia na terça-feira (15) sem deixar vítimas ou danos materiais. O Serviço Geológico dos Estados Unidos indicou que o epicentro do abalo sísmico ocorreu a 33,4 quilômetros de profundidade, perto da cidade de Abapo, departamento de Santa Cruz. De acordo com o governo, até o momento não há notificações sobre mortos ou danos materiais. O Observatório San Calixto (OSC) também informou que o terremoto foi sentido no vale boliviano, localizado a 55 quilômetros da capital La Paz. Também houve uma réplica do tremor na região fronteiriça da Bolívia com a Argentina, com magnitude 3 na escala Richter. A Bolívia tem seis zonas sísmicas, os lugares mais vulneráveis se localizam no centro e oeste do departamento de Santa Cruz, de acordo com o OSC.

Explosão de carro-bomba fere nove pessoas na Colômbia A explosão de um carro-bomba, na terça-feira, deixou nove pessoas feridas no norte do departamento colombiano de Cauca. As Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc), que tem forte presença na região, não reconheceram a autoria, embora o governo responsabilize a Sexta Frente das Farc pelo atentado. O carro-bomba foi detonado próximo a uma ponte sobre o Rio Mandivá, a 12 quilômetros da cidade de Santander de Quilichao. Além dos feridos, entre eles quatro crianças, a explosão destruiu dez casas. Segundo a polícia, o carro usado, um Land Rover, explodiu às 2h da madrugada (4h no horário de Brasília). No ano passado a guerrilha foi responsabilizada por atentados que destruíram duas pontes em localidades próximas à explosão desta terça-feira. Santander de Quilichao fica a uma hora de Toribio, cidade visitada pela reportagem da Agência Brasil em junho. A região tem grande presença de índios da etnia Nasa e foi alvo de mais de 600 ataques da guerrilha nos últimos dez anos.


NEGÓCIOS

Diário Indústria&Comércio

Curitiba, quinta-feira, 17 de outubro de 2013 | Pág. B1

RECONHECIMENTO

Clube do Zelador ministra treinamento em Curitiba Objetivo foi explicar as diferenças técnicas entre fissuras, trincas e rachaduras

O

Clube do Zelador, da Invespark, preparou um treinamento com o tema “fissuras, trincas e rachaduras”, ministrado pelo arquiteto Ivan Lupion. O objetivo foi explicar aos participantes as diferenças técnicas entre cada um desses eventos, que são ocorrências comuns em casas e prédios, além de abordar as razões pelas quais elas acontecem, maneiras de eliminar as causas e soluções para resolver esse tipo de problema. “Os zeladores que atuam nos empreendimentos Invespark passaram por um treinamento essencialmente técnico a respeito de um assunto recorrente e importante para a segurança de toda e qualquer obra”, disse Ivan Lupion. Os encontros do Clube do Zelador acontecem mensalmente e os zeladores recebem, em cada palestra e workshop, um material didático exclusivo e um certificado de participação de qualificação. Para aferir os resultados, ao final de cada encontro é aplicado um questionário sobre o desempenho do palestrante, o entendimento do assunto e a aceitação do tema. “Os workshops têm caráter de

O arquiteto Ivan Lupion (ao fundo) com a equipe de zeladores que atuam nos empreendimentos da Invespark

treinamento, com o objetivo de aprofundar a discussão sobre temas específicos com situações práticas.

Já nas palestras são apresentadas informações sobre o assunto em questão, provocando reflexões”,

estenda a outros produtos Cyrela. “A nossa expectativa é que a Apolar exerça o melhor do seu DNA, que é a especialidade em vendas de imóveis prontos. Mas não descartarmos a possibilidade da imobiliária também comercializar nossos lançamentos”, aposta Batista. O Ideale Residencial, localizado no bairro de Santa Quitéria, possui três torres com seis unidades por andar – no total são 197 unidades. Os apartamentos possuem 61 e 73 metros quadrados de área privativa e dois ou três dormitórios com suíte. O empreendimento dispõe de 25 espaços de uso comum e lazer como piscina adulto e infantil, espaço zen, lavanderia, praça, lounge ao ar livre, kidsplace e fitness. Para o diretor da Apolar, Daniel Galiano, a intenção é que dentro de 40 a 60 dias, a Apolar faça do Ideale Residencial um sucesso de vendas.

“Vamos mostrar porque fazemos a diferença como imobiliária. Os tempos mudaram, não é mais o cliente que vem até nós, somos nós que vamos em busca do investidor, por isso é necessário estratégias e um trabalho de preparo com foco na venda de cada produto”, explica. “O trabalho com o Ideale será só a nossa primeira experiência junto a Cyrela, que é uma das incorporadoras mais respeitadas do mercado. Essa parceria é uma ótima oportunidade para também crescermos juntos com a Cyrela”, acredita Daniel Galiano. No próximo dia 22, a Apolar vai realizar um encontro para reunir os gerentes e franqueados da imobiliária, no restaurante Madalosso, em Santa Felicidade. A Cyrela Paraná vai participar do evento para apresentar o Ideale Residencial e firmar oficialmente a parceria com a Apolar.

pessoas, em dois meses. A economia também ficará aquecida e as redes hoteleiras já possuem suas reservas ativas para as datas. “É gratificante receber os congressistas desses eventos. Nesses últimos meses preparamos os banners de boas vindas, os materiais de apoio e o posto de informações turísticas para atendê-los. Mas essa é a etapa final desses eventos, pois o inicio foi há quatro anos, na defesa da candidatura de Curitiba para recebê-los. O trabalho que desenvolvemos de captação de

eventos, bastante semelhante à captação de uma Copa do Mundo, nas devidas proporções, é a longo prazo, mas sempre rende bons resultados para nossos mantenedores e para toda a cidade”, explica Paula Soares, gerente de Eventos do CCVB. A equipe da entidade, além de defender a capital paranaense para as sociedades médicas respectivas, elaborou materiais e repassou todas as informações técnicas de Curitiba, mostrando o que há de melhor na cidade quando se trata de eventos.

Evento nacional de arbitragem conta com público expressivo A Associação Comercial do Paraná (ACP), por intermédio da Câmara de Mediação e Arbitragem (Arbitac), patrocinou na última semana a quarta edição da mais importante competição nacional envolvendo arbitragem simulada. Contando com 21 equipes e mais de 200 participantes, entre árbitros e competidores, o evento foi sediado na Universidade Positivo entre os dias 10 e 12 de outubro. A Competição Brasileira de Arbitragem – organizada anualmente pela Camarb, em português, e com

O Estofaria Bar é considerado o “melhor happy hour de Curitiba” pelo concurso Petisca CWB, definido por voto popular. No evento, brilhou o Estofadinho de Mignon com Cheddar entre os petiscos participantes. O Petisca CWB, concurso gastronômico que movimenta bares, pubs, botecos e restaurantes das melhores capitais brasileiras, aconteceu em Curitiba entre os dias 2 e 31 de agosto. Aos chefs participantes foi dada a tarefa de criar combos (petisco+bebida) para que o público escolha o melhor. O chef Caio Canabrava e o empresário Rodrigo Lass, sócios no Estofaria Bar, atribuem aos clientes a conquista do prêmio. “Para nós, é muito gratificante receber o título de ‘Melhor Happy Hour de Curitiba’. Isso só aumenta o nosso compromisso em não só manter, mas melhorar dia a dia a qualidade em tudo que fazemos e, desta maneira, retribuir com excelência essa enorme demonstração pública de carinho. Estamos muito felizes”, conta Caio.

A Whirlpool Latin America, dona das marcas Brastemp, Consul e KitchenAid, recebeu duas medalhas na maior e mais importante premiação de design do País, o Prêmio IDEA Brasil. Com os refrigeradores da linha Brastemp YOU – que possibilita ao consumidor personalizar o produto diretamente pelo site da marca, tendo acesso à 25 mil possibilidades de combinações de cores e formatos – a companhia ganhou a prata na categoria “Cozinha”. Já o projeto de reposicionamento da marca Consul, criado pela agência Interbrand, – que passou a assinar “Consul. Bem pensado” e a explorar “sacadas criativas”, que reforçam a jovialidade e modernidade da marca – também garantiu a prata em “Estratégia de Design”. A seleção dos melhores é feita com base em critérios como inovação, benefício ao usuário, funcionalidade e responsabilidade social, cultural, ambiental e econômica. Em 2012, a empresa também foi contemplada na categoria “Cozinha” com o projeto da linha Brastemp Retrô.

Curitiba será sede de grandes eventos em outubro e novembro Em outubro e novembro a cidade será palco de grandes e importantes eventos médicos, nacionais e internacionais. O 36º Congresso Brasileiro de Pediatria, o XLII Congresso Brasileiro de Radiologia, o XXXI Congresso Brasileiro de Psiquiatria, o 19º Congresso Internacional da Sociedade Brasileira de Odontologia e Estética e o 45º Congresso Brasileiro de Ortopedia e Traumatologia escolheram Curitiba como sede. Somente esses cinco acontecimentos vão atrair mais de 18 mil

Happy Hour no Estofaria Bar

Whirlpool no Prêmio IDEA

Parceria entre Apolar e Cyrela irá vender imóveis prontos Ainda no mês de outubro, a Cyrela Brazil Realty, incorporadora líder do mercado nacional, e a Apolar, uma das imobiliárias mais tradicionais de Curitiba e a de maior abrangência da Região Metropolitana, colocam em prática a parceria que vai fortalecer ainda mais as marcas na cidade. O trabalho em conjunto vai iniciar pelo empreendimento Ideale Residencial, o primeiro produto Cyrela que será comercializado exclusivamente pela Apolar. “A Apolar é uma das principais imobiliárias da cidade e com maior poder de penetração no mercado, possui mais de 40 lojas e agências só na Grande Curitiba. Estamos ‘namorando’ essa parceria há muito tempo, essa conversa começou há mais de cinco anos”, informa o gerente Comercial da Cyrela no Paraná, Ricardo Batista, contando que a proposta é que a parceria se

Empresas&Produtos

a aplicação do direito brasileiro, representa uma grande oportunidade de aprimoramento profissional na área da arbitragem e seguindo a tendência internacional, é também uma importante ferramenta de recrutamento de profissionais para atuação no setor. As rodadas da competição foram precedidas do ICC Young Arbitrators Forum, com o tema “Os Jovens Árbitros”, abarcando os seguintes painéis de discussão: - Você está pronto para arbitrar? Qualificações necessárias/desejá-

veis para os jovens árbitros; – O papel das instituições arbitrais na nomeação do árbitro jovem; – Os ‘do’s’ e ‘dont’s’ da primeira nomeação para atuar como árbitro; – Aprendendo com os mais experientes: a importância do trabalho de secretariado arbitral; – Redes sociais e os conflitos de interesses em nomeações; – Tópicos de discussão enviados pelos participantes e colaboradores.

finaliza a analista de marketing da Invespark, Camila Gaiovis.

Acinfaz elaborou guia sobre Fazenda Rio Grande Acaba de ser lançado o guia sobre o município de Fazenda Rio Grande, com o objetivo de atrair novos investidores para uma cidade que mostra forte potencial econômico. A coleta de dados e uma aprofundada pesquisa foram realizadas pela Acinfaz (Associação Comercial e Industrial de Fazenda Rio Grande) durante o ano de 2013, para que dados concretos e pertinentes sejam apresentados ao empreendedor que tem a intenção de se estabelecer e ver os seus negócios crescerem na Região Metropolitana de Curitiba (RMC). O guia tem formato de revista e destaca, além da história de 23 anos, o forte desenvolvimento ocorrido em uma jovem cidade no decorrer dos últimos tempos. Inclusive, mostra a acessibilidade logística privilegiada do município graças a sua localização geográfica, indicadores e mapas de grande relevância para quem tem vontade conhecer Fazenda Rio Grande. Embora seja jovem, o município tem sido a escolha de proprietários de comércios e grupos industriais para a instalação ou ampliação de seus negócios. Recentemente, a cidade tornou-se a melhor opção, por exemplo, para o investimento de R$ 560 milhões, da Sumitomo Rubber do Brasil, multinacional japonesa fabricante de pneus, que se instalou no município porque o mesmo apresentou boa acessibilidade logística e um pacote de atrativos que favoreceram a fixação da empresa. Além da Sumitomo, indústrias como Leão Alimentos e Bebidas (Matte Leão, fabricante de chás) do grupo Coca-Cola, Hamaya do Brasil (recicladora de materiais eletrônicos), Plastilit (produtora de tubos e conexões de PVC) e Isringhausen Industrial (fabricante de bancos para veículos comerciais) também estão instaladas no município. Para adquirir um exemplar ou obter maiores informações, dirija-se à secretaria da Acinfaz (Rua Cesar Carelli, nº 90, 2º andar – bairro Pioneiros). Em breve, o guia estará disponível também na versão digital.

Uninter promove palestra sobre drogas

No próximo dia 22 de outubro, o auditório do Campus Divina do Centro Universitário Uninter irá receber, às 19h30, uma palestra da Secretaria de Estado da Segurança Pública e Departamento de Polícia Civil (Denarc) sobre prevenção e uso de drogas. O evento é voltado para alunos, professores e demais pessoas que queiram participar. Na ocasião, os participantes irão ganhar cartilhas patrocinadas pelo Uninter sobre o tema. Para Cláudia Pampolini, coordenadora de Extensão e Assuntos Comunitários da instituição, esta ação faz parte da preocupação que o Uninter tem para com os alunos. “Entendemos que este tema é fundamental e de extrema importância para a conscientização sobre os riscos sobre as drogas, especialmente porque nosso público é, na maioria, de jovens, que é o grupo mais vulnerável para ser seduzido de forma negativa por este tipo de experimentação e uso”, afirma.

Erasto Gaertner lança Projeto Padrinhos

Os interessados em abraçar a causa do combate ao câncer têm uma nova possibilidade: apadrinhar uma área do Hospital Erasto Gaertner, de Curitiba, e contribuir os custos relacionados à prevenção, ao diagnóstico e ao tratamento do câncer. A iniciativa, denominada Projeto Padrinhos, visa à construção de uma rede de parceiros solidários à missão da instituição filantrópica, que atende mais de 90% de seus pacientes pelo Sistema Único de Saúde (SUS). Quimioterapia, Radioterapia, Centro Cirúrgico, Banco de Sangue, Pediatria, Unidades de Terapia Intensiva Adulto e Pediátrica são algumas das áreas que podem ser apadrinhadas por pessoas físicas ou empresas, que realizam uma contribuição mensal de R$ 40 e R$ 80, respectivamente, pelo período de um ano. Para se ter uma ideia, somente a Quimioterapia gera um custo mensal perto de R$ 695 mil. Em 2012, o setor atendeu 24.576 pacientes pelo SUS, sendo 4.208 doses de quimioterapia/mês. Quem fizer parte dessa corrente de solidariedade, além de visitar a instituição e receber uma peça lúdica com símbolo do projeto (um cubo de madeira), terá também o nome inscrito em uma placa na entrada da área apadrinhada. O apadrinhamento pode ser feito a mais de uma área do hospital ao mesmo tempo e por vários anos. Mais informações sobre o projeto pelo telefone 0800 643 4888.

Velha Guarda adere ao delivery virtual

Fato inusitado foi comprovado no primeiro mês do delivery virtual do Avenida Paulista Pizzeria. Os jovens não são maioria na hora de fazer um pedido online. Os clientes mais antigos são os que mais estão usando a ferramenta, que foi implementada com o objetivo de facilitar o dia a dia das pessoas, que agora podem realizar pedido de pizzas, pratos, sobremesas e vinhos da pizzaria via computador, tablets ou smart phones. Para realizar o pedido basta acessar o site avenidawebdelivery.com.br. Em aproximadamente 30 dias, foram 507 pedidos utilizando a plataforma, já considerada um sucesso pelos responsáveis pela casa.

Previsul marca presença em Congresso

A diretoria da Previsul Seguradora vai marcar presença no 18º Congresso Brasileiro dos Corretores de Seguros e na 17ª edição da Exposeg, que ocorrem no Rio de Janeiro. Acompanhando as tendências do mercado, até amanhã (18), a equipe da Previsul, representada pelo presidente, Camilo Godoy, junto com Renato Pedroso, diretor comercial e a equipe de marketing, estará neste que é considerado um dos maiores eventos do setor na América Latina. “Somos uma das seguradoras mais antigas do mercado e queremos participar cada vez mais de eventos como este”, destaca Godoy.

AREZZO E CONTÉM1G

Hoje (17), das 16h às 21h, as clientes da loja Arezzo do Shopping Mueller poderão desfrutar de um “beauty day”. A ação, em parceria com a marca de cosméticos Contém1g, oferecerá duas opções para quem visitar a loja: fazer uma maquiagem gratuita ou receber dicas exclusivas sobre as tendências do Verão 2014. Além disso, a cliente que fizer compras com valor acima de R$ 500 em produtos Arezzo, ganhará um voucher para um curso de auto maquiagem na Contém1g. As dicas e a maquiagem valem apenas no dia e horário da ação e a organização será feita por ordem de chegada. Mais informações pelo telefone (41) 3232-2926.

Ponto 10 anos

A Associação de Decoração Ponto de Apoio comemora 10 anos no próximo dia 25 de outubro, com uma festa para 600 pessoas, no Espaço Cultural Barigui. O evento trará o grupo de performance Felchak e a banda Playlist e conta com ambientação da Perverts. O evento contará com a participação dos maiores nomes da arquitetura e decoração paranaense, que serão homenageados pela associação, em grande estilo.


NACIONAL

Diário Indústria&Comércio

Curitiba, quinta-feira, 17 de outubro de 2013 | Pág. B3

Projeto autoriza mãe a registrar sozinha nascimento de filho

Congresso Nacional

Decisão sobre fim do voto secreto é adiada mais uma vez

A matéria que já tinha sido aprovada na CCJ, foi rejeitada novamente no plenário da casa Valter Campanato/Abr

A

decisão sobre o fim do voto secreto em todas as deliberações do Congresso Nacional foi mais uma vez adiada. A matéria, que já tinha sido aprovada na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado, foi ao plenário da casa, onde recebeu emendas, e voltou ontem (16) para a comissão. O relator do debate, senador Sérgio Sousa, reiterou sua posição favorável ao voto aberto em qualquer decisão. Mas o próprio parlamentar já tinha mudado o relatório em outras situações. Sérgio Sousa pediu a rejeição de todas as emendas e voltou a destacar que as justificativas que mantinham o voto em segredo no Parlamento não cabem mais nos dias atuais. Em casos como as decisões do Legislativo em relação aos vetos presidenciais e a aprovação de indicações de autoridades, o argumento era evitar pressões externas de outros Poderes sobre a decisão de deputados e senadores. “A presente quadra histórica superou todas essas situações. Hoje, com presença maior e mais expressiva da cidadania, podemos afirmar que todas as pressões contra a autonomia do parlamentar podem ser compensadas pela vigilância dos cidadãos”, disse o relator. Antes que o senador Aloysio Nunes (PSDB-SP) pedisse vista,

O relator do debate, senador Sérgio Sousa, reiterou sua posição favorável ao voto aberto em qualquer decisão. Mas o próprio parlamentar já tinha mudado o relatório em outras situações.

suspendendo a votação do novo relatório, o senador Pedro Taques (PDT-MT) disse que não existe razão para que as votações continuem secretas em qualquer caso. “Alguns alegam que a [votação para] derrubada do veto [presidencial] deveria permanecer em segredo. Esse argumento deve ser afastado porque

até para cassação do presidente da República [em casos de crime de responsabilidade] a votação é aberta”, alegou. Taques alertou que, é preciso que tudo fique bem explicadinho", sob pena de lá na frente algum sábio entender que não. Mas o parágrafo [do Artigo 47 da Constituição Fede-

O relator da matéria, senador Paulo Paim (PT-RS) lembrou que, pela lei, o vale-transporte é uma antecipação feita pelo empregador do valor gasto com transporte pelo empregado, para que se desloque de sua residência ao local de trabalho e retorne para casa. O benefício inclui o sistema de transporte coletivo público, urbano, intermunicipal e interestadual. O empregador arca com uma ajuda de custo equivalente ao valor que ultrapassar os 6% do salário do empregado. Por esse critério,

um trabalhador que recebe salário mínimo (R$ 678) e gasta R$ 88 com transporte (22 passagens de ida e 22 de volta, a R$ 2), tem desconto de R$ 40,68 do salário e recebe do empregador R$ 47,32. Convencido pelo autor da proposta, o senador Paim defendeu que a transferência dos custos totais do benefício “fará grande diferença no orçamento dos empregados e não causará tanto impacto nos custos das empresas”. Segundo ele, além do impacto ser pequeno, esse tipo de despesa

Concessionárias que não cumprirem exigências podem perder contratos Os contratos de concessionárias de sete rodovias federais que não cumprirem o que prevê o termo de ajustamento de conduta (TAC) firmado em setembro com a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) poderão ser encerrados, disse ontem (16) o ministro dos Transportes, César Borges. As declarações foram dadas durante audiência pública na Comissão de Infraestrutura do Senado. A exigência vale para as empresas que venceram os leilões da segunda etapa de concessões de rodovias, entre 2007 e 2008. Segundo o ministro, como o preço das tarifas dos pedágios foram muitos menores que os cobrados pelas concessionárias na primeira etapa, houve atrasos significativos em obras como a duplicação da Serra do Cafezal, na Régis Bittencourt, no Paraná.

Marcelo Camargo/ABr

A exigência vale para as empresas que venceram os leilões da segunda etapa de concessões de rodovias, entre 2007 e 2008

Para César Borges, a medida foi necessária porque as multas aplicadas pela ANTT não resolveram o problema. "Sentimos que a ANTT multava (por causa de atrasos), mas

sem resultados. De R$ 20 milhões em multas, foram pagos R$ 2,255 milhões. Os processos são judicializados e acabam percorrendo várias instâncias", acrescentou.

Debate adia votação do novo Código de Processo Civil Pronto para ser votado ontem (16) no plenário da Câmara, o Projeto de Lei 6.025 de 2005, do novo Código de Processo Civil será analisado somente na próxima quarta-feira (23). O tempo a mais para discussão da matéria foi motivado pela preocupação do governo com uma emenda que pretender estender aos bancos privados a capitação dos depósitos judiciais,

mente de comprovação por teste de DNA. “Obviamente que qualquer contestação à declaração, que seja feita pelo pai ou pela mãe, com toda certeza será objeto de avaliação judicial”, explicou o relator da proposta na CCJ, senador Humberto Costa (PT-PE). O texto aprovado altera a Lei de Registros Públicos (6.015/1973), e garante que o documento poderá ser requerido pelo pai ou pela mãe, isoladamente ou em conjunto, no prazo de até 15 dias. Diante da falta ou impedimento de um dos dois, a outra parte terá prazo adicional de até 45 dias para providenciar o documento.

Sancionada lei que cria regras de transparência para entidades esportivas

ral] não deixa dúvida”. O senador se referia ao item da Constituição que estabelece que o voto fechado deve ocorrer apenas em casos específicos, enquanto o Regimento Comum do Congresso Nacional define que a votação é secreta em casos como a escolha dos presidentes da Câmara e do Senado.

Comissão aprova projeto que transfere ao empregador custos com transporte do empregado A Comissão de Assuntos Sociais (CAS) do Senado aprovou há pouco, em caráter terminativo, texto prevendo que as despesas com transporte de empregados são do empregador, desonerando assim o trabalhador dos custos com valetransporte. Pelos cálculos e avaliação do autor do Projeto de Lei (PL) 242/2013, senador Fernando Collor (PTB-AL), o impacto da medida no orçamento das empresas é “desprezível”. O projeto ainda precisa ser analisado pelos deputados.

Mães e pais poderão ter o mesmo direito para registrar o nascimento de um filho. O projeto de lei da Câmara dos Deputados (PLC 16/2013) que garante a igualdade foi aprovado ontem (16), por unanimidade, pela Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado. Se não houver apresentação de recurso para análise no plenário da Casa, a proposta segue direto para sanção presidencial. Atualmente, o pai tem prioridade na hora de fazer o registro da criança, na falta dele, a mãe é a segunda opção. O projeto, porém, prevê que a mãe poderá declarar sozinha quem é o pai, independente-

hoje exclusividade dos bancos públicos. Ontem (15), em reunião com lideranças do PT, PMDB, além do relator da proposta, deputado Paulo Teixeira (PT-SP), e o presidente da comissão especial que analisou a proposta, deputado Fábio Trad (PMDB-MS), o ministro da Fazenda, Guido Mantega, defendeu a aprovação do texto aprovado pelo

Senado que, na prática mantém a regra atual. No parecer, Teixeira priorizou os bancos federais [Bando do Brasil e Caixa], em seguida os bancos estaduais e, por último, os privados. A intenção da área econômica do governo é manter a “preferência” por bancos públicos em depósitos desse tipo, o que na prática mantém a reserva.

ainda pode ser abatido da receita da empresa, “para fins de apuração de seu lucro tributável, portanto, prejuízo não haverá para a classe produtiva”, concluiu. Qualquer trabalhador tem, por lei, direito ao vale-transporte para o deslocamento residência-trabalho-residência, mas o gasto não é contabilizado como salário, nem considerado para cálculos de outros recursos, como o do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). O valor também não se configura como rendimento tributável.

Estudantes da USP terão 60 dias para desocupar prédio da reitoria Os estudantes que ocupam o prédio da reitoria da Universidade de São Paulo (USP) desde o dia 1º de outubro terão 60 dias para deixar o local voluntariamente. A decisão foi dada na última terça-feira (15) pelo desembargador José Luiz Germano da 2ª Câmara de Direito Público do Tribunal de Justiça de São Paulo. O despacho confirma a posição do juiz Adriano Marcos Laroca, proferida em primeira instância, que considerou imprescindível o diálogo entre as partes para que não haja uma "desocupação imediata e forçada". Os estudantes ocupam a reitoria em protesto por eleições diretas para reitor, votação paritária entre as três categorias (alunos, funcionários e professores) e fim da lista tríplice, que confere ao governador a escolha do reitor entre os três mais votados. O da administração do Campus Ermelino Matarazzo (conhecido como USP Leste), ocupado por estudantes desde o dia 3 de outubro, também enfrenta impasse para a reintegração. Os alunos reivindicam a instalação de uma estatuinte para discutir o afastamento da direção do campus. Professores e servidores também paralisaram as atividades desde o dia 3 d eoutubro.

A presidenta Dilma Rousseff sancionou a lei que cria regras de transparência para entidades esportivas que queiram acessar recursos públicos e receber benefícios fiscais. A Lei 12.868, que também institui a criação do Programa Minha Casa Melhor, estabelece que as entidades sem fins lucrativos que compõe o Sistema Nacional do Desporto só poderão receber recursos públicos caso os presidentes tenham mandato de quatro anos, com a possibilidade de apenas uma reeleição. Entre outras determinações, o texto simplifica o processo para que entidades sem fins lucrativos sejam declaradas beneficentes. Publicado nesta quartafeira (16) no Diário Oficial da União, o texto altera itens da Lei Pelé e exige das entidades

que quiserem ter acesso a recursos públicos transparência sobre os dados econômicos e financeiros, contratos, patrocinadores, direitos de imagem, propriedade intelectual e quaisquer outros aspectos de gestão. Os clubes têm o prazo de seis meses para as se adaptar às novas regras. Os atletas terão de ter representação nos órgãos e conselhos técnicos responsáveis pela aprovação de regulamentos das competições que participam. Será obrigatória a existência do conselho fiscal, que deve ter sua autonomia assegurada. Os clubes também terão que publicar na internet documentos e informações relacionados à gestão, além de garantir aos associados e filiados acesso irrestrito aos dados sobre a prestação de contas.

Cresce percentual de empresas que deixam de resolver problemas de consumidores Apesar de investirem em publicidade para convencer o público de que respeitam os consumidores, muitas empresas, na prática, não estão dando a devida atenção às reclamações de seus clientes. Segundo estatística do Cadastro Nacional de Reclamações Fundamentadas, divulgada ontem (16) pela Secretaria Nacional do Consumidor do Ministério da Justiça, o percentual de queixas fundamentadas resolvidas pelas companhias caiu de 63,1% para 59,9%, entre 2011 e 2012. O resultado significa que quatro em cada dez queixas consideradas procedentes pelos Procons ainda dependem da Justiça para serem resolvidas. Na avaliação da secretária nacional do Consumidor, Juliana Pereira, a queda no percentual de empresas que acataram e resolveram os problemas de seus clientes é mais preocu-

pante que os 2,031 milhões de reclamações registradas durante 2012 e mais sensível que os rankings das empresas ou setores que mais motivaram reclamações. De acordo com Juliana, cerca de 90% dos consumidores que recorrem aos Procons estaduais, municipais ou do Distrito Federal declararam que, antes, tentaram resolver seus problemas diretamente com as empresas. Dos 2,031 milhões de atendimentos feitos pelos Procons, mais de 211 mil foram considerados procedentes, crescimento de aproximadamente 38% sobre 2011, que teve 153 mil. Muitas resultaram na abertura de processos administrativos. As principais causas da instalação dos processos estão relacionadas a cobranças indevidas (28%); falta de garantia (21%); e má qualidade de produtos ou serviços (16%).

Dilma destaca necessidade de levar em conta FPM na discussão da reforma tributária A presidenta Dilma Rousseff disse hoje (16) que é preciso discutir uma reforma tributária abrangendo a distribuição de recursos do Fundo de Participação dos Municípios (FPM). Em entrevista nesta manhã a rádios da Bahia, onde entregou ontem (15) unidades do Minha Casa, Minha Vida e anunciou investimentos em mobilidade urbana, Dilma disse que, mesmo com as desonerações federais, o FPM cresceu em 2013, ao contrário do que vários prefeitos disseram. Além disso, ela afirmou que uma das desonerações que mais afetam os municípios é a do ICMS, imposto estadual, e responsável pela chamada guerra fiscal.

“Acho que tem que discutir o FPM, sim, e acho que tem que discutir o Fundo de Participação dos Estados e tem que discutir a guerra fiscal. Tudo isso tem de fazer parte de uma discussão que o Brasil tem de fazer para melhorar a repartição entre os órgãos federados, o que é muito importante”, disse Dilma. A presidenta disse que o FPM cresceu 7,5% de janeiro a setembro de 2013, na comparação com o mesmo período do ano passado, o que representa 1,5% de aumento líquido, descontada a inflação. Segundo ela, a política de desoneração do governo federal tem o objetivo de estimular a economia.


3

Diário Indústria&Comércio Curitiba, quinta-feira, 17 de outubro de 2013 | Pág. B4

Nem te Conto Salad Musique

Adélia Maria Lopes

a

margem arte&atitude

moda&cia

adeliamarialopes@yahoo.com.br

Fotos da Bahaus em exposição C

O baterista Renê Benuncia, há oito anos sem gravar, lança o álbum Unique Salad Musique, que estreia no palco, nesta quinta dia 17, às 20h no Teatro Paiol. Para o show, ele montou uma banda com músicos que fizeram parte de toda sua trajetória de mais de vinte anos: nos vocais Alexandre Capile (Sugar Kane e Water Rats), guitarrista Madu, também produtor de inúmeros álbuns no Victor Studio, e o baixista Marko Léo, ao lado de Henrique Peters, ex- Mutantes. (Ingressos a 40 e 20 reais).

Registros Sonoros

A Galeria Perverts, do designer Gilberto Mendes, sedia nesta quinta-feira 17 o coquetel de lançamento do livro Registros Sonoros em Prosa, da radialista Sandra Carraro. (Av. Silva Jardim, 147).

Concreto Orgânico

O repertório do futuro CD Marquises será apresentado pela banda Concreto Orgânico, em show nesta quinta dia 17, às 20h30h, no TUC/Galeria Julio Moreira. (Ingressos a 10 reais). Os músicos desse grupo curitibano são de várias bandas que encontram aqui um jeito de se expressar poeticamente: Sergio Penna Laskowski (violões, guitarras e vocais nas bandas Arma-Zen e Mansão Silva), Ruy Correia (bateria nas bandas VivoTrio e Capitão Brown e os Marginais), Ludgero Thomaz (guitarras nas bandas Chumbo Grosso e Arma-Zen) e André Kloss (baixo nos grupos El Merekumbe e Corda Bamba). De apoio, Vinícius Pereira na percussão.

uritiba recebe a inédita exposição fotográfica bauhaus. foto, que pode ser apreciada no Museu Municipal de Arte/Portão Cultural, a partir desta quintafeira 17, às 19h30. As cem fotos da famosa escola de design alemã pertencem ao acervo de mais de 40 mil imagens do Museu de Design de Berlim. A mostra, numa realização conjunta do mais de 40 mil GoetheInstitut e da Fundação Cultural de Curitiba, tem visitação até 15 de dezembro, com, entrada franca. A exposição integra a Temporada Alemanha+Brasil 2013-2014”, com o lema “Quando ideias se encontram”, com o objetivo de ampliar e aprofundar as relações entre os dois países. Escola de vanguarda, fundada em 1919, por Walter Gropius, a Bahaus também dedicou espaço para fotografia e o cinema, especialmente depois da I Guerra. A fotografia foi incluída nos currículos da escola em 1929, com a introdução de uma matéria vinculada à oficina de publicidade, sob a direção de Walter Peterhans. Para a mostra no Brasil, a curado-

ra Anja Guttenberger, do Arquivo da Bauhaus, fez uma seleção das cem imagens mais representativas da coleção, incluindo fotografias clássicas de Lucia Moholy, László Moholy-Nagy e T. Lux Feininger, e imagens de fotógrafos menos conhecidos, como Kattina Both, Irene Bayer e Max Peiffer Watenphul, além de obras não menos ambiciosas de autores totalmente incógnitos. Os registros variam

Teatro vai às telas

Gravado em DVD, o documentário Os Caminhos da Formação do Ator na Cidade de Curitiba será exibido neste final de semana, no Teatro Novelas Curitibanas. Reúne depoimentos de atores e diretores, feitos durante seminário promovido pela Fundação Cultural em julho de 2012. Os depoimentos são de Laércio Ruffa, João Luiz Fiani, Fátima Ortiz, Marina Machado, Mauro Zanatta, Márcio Mattana, George Sada, Jucelino Zílio e Fernando Klug, com mediação do professor de Estudos Teatrais da UFPR, Walter Lima Torres. O seminário deu um panorama de Curitiba como a capital com maior número de escolas particulares e públicas de formação de atores, além de sediar o maior festival de teatro do país. Confira: Teatro Novelas Curitibanas (Rua Carlos Cavalcanti, 1222), às 20h desta sexta dia 18, sábado e domingo. Ao final das exibições, o público receberá o DVD gratuitamente. Entrada franca. Classificação 14 anos.

Fabrizio Giannone

Gisah Miró Ziliotto, franqueada da marca Fabrizio Giannone, apresenta a coleção verão 2014 do designer em coquetel nesta quinta dia 17, das 17 às 21 horas, na loja do ParkShoppingBarigüi. Fabrizio Giannone, que realiza trabalho artesanal com as pedras brasileiras, assina a coleção Hermética, inspirada na optical art e no artista italiano Adriano Graziotti (1912-2000).

Faça a Festa

No pavilhão do Parque Barigui neste fim de semana, a partir desta quinta dia 17, acontece a feira Faça a Festa. Com inúmeras atrações: shows, desfiles, palestras, serviços como o estande especial para noivos, instalado pelo Spa Tereza Zanchi em parceria com o hotel Bourbon. Nesta quinta e sexta, às 17h, Flávio Dantas, da Pixel, falará sobre as Tecnologias em produção de imagens. Às 20, desfilam Maison Veridiane, Lucélia Caldatto e Jockey Rigor. No sábado e domingo, às 18h. (Ingressos a 6 e 3 reais).

Beauty Day

Nesta quinta-feira 17, das 16h às 21h, a Arezzo do Shopping Mueller, em parceria com a marca de cosméticos Contém1g, oferece maquiagem gratuita. E, nas compras acima de 500 reais na loja, ganha de brinde um curso de auto maquiagem na Contém1g.

Comes&Bebes

1- O chef Caio Canabrava e o empresário Rodrigo Lass, do Estofaria Bar (Rua Itupava, 1.465), comemoram: a casa foi considerada dona do melhor happy hour de Curitiba pelos votantes do concurso Petisca CWB. E brilhou o Estofadinho de Mignon com Cheddar entre os petiscos participantes. 2- A praça de alimentação do Shopping Estação tem novidade, o restaurante japonês WikiMaki, famoso pela variedade em temakis (tipo de sushi em formato de cone). Pratos clássicos, como sushi, sashimi e yakisoba, podem ser apreciados a qualquer hora do dia. No almoço, os combos promocionais incluem duas opções do cardápio, além de temaki. 3- São Paulo tem o Terraço Itália, agora, inaugurado semana passada, Curitiba tem o Terrazza 40, restaurante panorâmico localizado na cobertura do Ed. Champagnat Towers, Rua Padre Anchieta, 1287 (fone 3014-0141), que tem 40 andares. O cardápio é composto por carne uruguaia e pratos italianos. A curitibana La Violetera abastece a cozinha com frutas secas, azeites, azeitonas e conservas.

de instantâneos a documentos históricos e ilustram, por meio de diagonais dinâmicas, perspectivas extremas e truques profissionais, o manuseio experimental e profissional da mídia fotográfica na Bauhaus. O catálogo bauhaus.foto, 144 páginas em inglês e português, será sorteado (vinte exemplares) durante a abertura da exposição.

MIS abre acervo de Vinicius Vinicius de Moraes concedeu um depoimento sobre sua vida e obra exclusivamente para o Museu da Imagem e do Som do Paraná, em abril de 1973, um dia depois de tocar pela segunda vez no Teatro Paiol. Trinta anos depois, para homenagear seu centenário, que se comemora neste sábado dia 19, a gravação de uma hora poderá ser ouvida em público, pela primeira vez. Também será exibido o filme Vinicius, de Miguel Faria Jr, documentário reúne vários dos intérpretes, parceiros, amigos e raras imagens de arquivo, que relembram a genial simplicidade de Vinicius com a espontaneidade, humor e liberdade de quem conversa em uma mesa de bar, exatamente como ele gostava. Ouça e veja: às 15h deste sábado dia 19, no Auditório Brasílio Itiberê (anexo à Secretaria da Cultura. Rua Cruz Machado, 138). Entrada franca.

Hamburg-Alentejo, revival hippy A Galeria Teix (Vicente Machado, 666) exibe nesta quinta-feira 17, às 18h30 com entrada franca, o documentário Hamburg-Alentejo, sobre os hippies que moram no Alentejo, em Portugal. A exibição integra a exposição Arte em Casa, que participa da Bienal Internacional de Curitiba. O filme, do fotógrafo e diretor Neni Glock, tem por personagem real um alemão nômade, Wolfgang, que fez de casa um antigo caminhão.

Sexo dos Anjos, a comédia Retorna aos palcos, a peça Sexo do Anjos, uma mistura de Esperando Godot, de Beckett, Hamlet, de Shakespeare, e do filme Seven. Conta a história de uma atriz que morreu no palco, representando personagem de Hamlet, mas que vai duplicada para a antecâmara do “lado de lá”. As duas metades precisam se aceitar antes que possam se unir para atravessar o outro lado. Escrita e dirigida por Flávio de Souza, a comédia reúne o talento de duas atrizes, Claudete Pereira Jorge e Helena Portela. Figurino de Ricardo Garanhani acompanha a simplicidade do enredo, que na verdade é um pretexto para falar de maneira divertida e instigante sobre o teatro, representação de papéis no palco e na vida real, o medo da morte, etc. Confira: Guairinha, sexta e sábado às 21h e no domingo às 20h. E ainda no outro fim de semana.


Diário Indústria&Comércio