Page 1

WWW.DIARIOINDUSCOM.COM

DiárioIndústria&Comércio Curitiba, quinta-FEIRA, 16 junho de 2016 | Ano XLIX | Edição nº 9564 | R$ 2,00 | edição estadual

DESDE O ANO 1976, LÍDER EM INFORMAÇÕES DE NEGÓCIOS E MERCADOS NO PARANÁ.

OPINIÃO

Governo Temer propõe teto para gastos por 20 anos

MIGUEL REALE DIZ QUE É DEVEDOR ETERNO A DOTTI Nada mais significativo na homenagem que a OABPR prestou na noite de terça-feira ao jurista René Dotti do que a expressão de outro gigante do Direito, professor Miguel Reale. Ele se confessou ‘devedor eterno” a Dotti.

Marcelo Camargo/Agência Brasil

Aroldo Murá

Pela medida, os gastos públicos totais serão reajustados com base na inflação oficial do ano anterior. A proposta será encaminhada pelo governo ao Congresso

Página A7 O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, detalha a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que limita os gastos públicos, em coletiva no Palácio do Planalto Economia B3

Fábio Campana Ruim para Cunha e para Dilma Naquela alegria de idiota, os petistas comemoram diante das câmeras a derrota de Eduardo Cunha no Conselho de Ética da Câmara. Não conseguiram, como era de se esperar, entender que a iminente cassação de Eduardo Cunha é, na verdade, um novo golpe nas chances de Dilma voltar à presidência. Página A3

Edital na Página 00

Editais Página Editais na na Página A5 00 Publicações oficiais Município de Fazenda Rio Grande Município da Lapa

Editais nas Páginas 00 e 00 Município de Ventania

Município de Piraquara

Município de Candói

Município de Porto Vitória Município de Paranaguá

Acesse a edição digital

Casa da Mulher Brasileira é inaugurada em Curitiba

Ex-presidente da Transpetro, Sérgio Machado, cita propina para mais de 20 políticos

O ex-presidente da Transpetro, Sérgio Machado, um dos delatores da Operação Lava Jato, disse que repassou propina para mais de 20 políticos de vários partidos. As declarações de Machado estão nos depoimentos de delação premiada tomados

Publicação de 01 edital somente.

Publicação de mais de 01 edital na mesma página.

Geral A2

Ceasa realiza pregão para áreas de produtos orgânicos em Curitiba

ração com abril de 2015. No Brasil, houve decréscimo de 4,5%, segundo a Pesquisa Mensal de Serviços do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Economia B3

Receita libera pagamento de restituições do IR 2016 A Receita Federal liberou ontem o dinheiro das restituições do primeiro lote do Imposto de Renda Pessoa

Mulher de atirador sabia do atentado e poderá ser acusada

Mercado de Flores da Ceasa Curitiba, acontece a partir das 9h30, no Anfiteatro do 01 edital em páginas distintas. A mulher de Omar MateCentro de Eventos da emen, o atirador que matou 49 presa, na BR 116, quilômetro pessoas e feriu mais de 50 111, bairro Tatuquara. na boate Pulse, em Orlando, na Flórida, sabia dos planos Geral A2 do marido para o ataque. Por isso, a mulher - Noor Salman - poderá ser acusada em breve de participação no massacre de Orlando

Setor de serviços mostra recuo de 0,5% no Paraná No Paraná, o volume de serviços (que abrange o segmento empresarial não financeiro, excluindo-se os setores da saúde, educação, administração pública e aluguel imputado) recuou 0,5% em abril de 2016 na compa-

Nacional A4

Janot afirma que Cunha continua usando mandato em benefício próprio

Gustavo Fruet entregou ontem o alvará de funcionamento da Casa, durante uma visita que marcou o início das atividades e foi acompanhada por representantes de todos os órgãos envolvidos no projeto

A Centrais de Abastecimento do Paraná (Ceasa) realiza hoje pregão presencial Publicação de mais de para áreas de comércio de produtos orgânicos em sua unidade em Curitiba. A modalidade para dez áreas no Pavilhão J, ao lado do novo

pela força-tarefa de investigadores da Operação Lava Jato, que foram tornados públicos após decisão do ministro Teori Zavascki, por meio da decisão que retirou o sigilo das oitivas.

Física 2016 e restituições residuais de 2008 a 2015. Economia B3

Internacional A7

Castro tem festival da carne suína O domingo 19 de junho marca a realização, em Castro (PR) do 1º Festival da Carne Suína Alegra, nas dependências da Cidade do Leite, anexa ao parque de exposições Dario Macedo, no km 198 da PR 340.

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, disse ao Supremo Tribunal Federal (STF) que o presidente afastado da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), continua usando “seu mandato

e poder político” em benefício próprio. As conclusões de Janot estão no pedido de prisão de Cunha, enviado à Corte no dia 23 de maio. Nacional A4

Dilma repetiu indícios de irregularidades em 2015 O Tribunal de Contas da União (TCU) aprovou ontem o relatório do ministro José Múcio que analisa as contas da presidenta afastada Dilma Rousseff, referentes a 2015. Apesar de já ter apontado a repetição de irregularidades, a exemplo do ocorrido em 2014,

Múcio informou não ter, ainda, condições de as contas, na forma como foram prestadas, serem apreciadas pelo tribunal. Assim, Dilma terá 30 dias para responder aos questionamentos do TCU. Nacional A4

Registro Positivo Publicada MP que autoriza renegociação de dívidas de produtores rurais O governo publicou ontem no Diário Oficial da União uma medida provisória que autoriza a renegociação de dívidas de crédito rural de produtores da região da Superintendência do Desenvolvimento do Nordeste (Sudene). A superintendência atua nos estados do Nordeste e em regiões do Semiárido e do Norte do Estado do Espírito Santo, além dos municípios do Norte

Internacional A7

Central de Atendimento: 41 3333.9800 / e-mail: pauta@induscom.com.br

do Estado de Minas Gerais, do Vale do Jequitinhonha e do Vale do Mucuri. A renegociação foi autorizada para dívidas contraídas até 31 de dezembro de 2011 e podem ser quitadas até 29 de dezembro de 2017. Os percentuais de desconto para a liquidação das dívidas varia de acordo com o valor tomado, a data da contratação e o município do produtor.


nacional

Diário Indústria&Comércio

Curitiba, quinta-feira, 16 de junho de 2016 | A2

EDITORIAL coluna@induscom.com.br

Acesso ao Ensino Superior A dificuldade de acesso aos cursos universitários no Brasil é algo que atinge a maior parte da população. São poucas as pessoas que têm condições de pagar um curso numa instituição privada ou bancar um cursinho preparatório para serem aprovadas em uma universidade pública, que geralmente aplicam provas bem mais elaboradas em seus vestibulares. Com tanta dificuldade assim, é fundamental que o governo invista em ferramentas necessárias para melhorar o acesso ao Ensino Superior. Um dos avanços que deve ser destacado e aplaudido é o Sisu (Sistema de Seleção Unificada), que oferece vagas em instituições públicas de ensino superior. Por meio do Sisu, os estudantes participantes do Enem concorrem a vagas de ensino superior em instituições públicas. Neste ano, aqueles que não foram selecionados dentro do prazo que terminou na última terça-feira já podem se inscrever na lista de espera do programa. Isso pode ser feito até amanhã. Os candidatos que estiverem nessa lista começarão a ser convocados a partir do dia 23. Nesta edição foram ofertadas 56.422 vagas em 65 universidades federais e estaduais e institutos federais. O Sisu tem, notadamente, um grande valor no sistema de ensino brasileiro e precisa ser mantido e fortalecido pelo atual e pelos próximos governos.

Previsão do tempo Fonte: www.simepar.br..

8° Máx.: 21° Mín.:

O tempo muda no decorrer em todas as regiões do estado do Paraná. Áreas de instabilidade se desenvolvem entre o Paraguai, sul de Mato Grosso do Sul e também sobre as regiões Oeste e Noroeste do Paraná. As chuvas associadas a formação dos aglomerados de nuvens serão esparsas e de fraca a moderada intensidade.

Arte: Roque Sponholz..

Projeto social revitalizará espaços do Portal do Futuro Bairro Novo

Lances para o leilão das peças da Capi Parade terminam hoje

A terceira edição do projeto Mueller Ecodesign Social, que promove revitalizações de espaços que atendem públicos em situação de vulnerabilidade social, foi lançada ontem no Shopping Mueller. Diferente do que aconteceu nas edições anteriores, onde unidades de acolhimento para meninos e meninas atendidas pela Fundação de Ação Social (FAS) foram reformadas, a nova edição do projeto revitalizará espaços do Portal do Futuro do Bairro Novo, projeto da Prefeitura de Curitiba administrado pela Secretaria Municipal do Esporte, Lazer e Juventude (SMELJ).

A Capi Parade, exposição de esculturas em fibra de vidro no formato das famosas capivaras curitibanas e pintadas por diferentes artistas e personalidades, abriu o leilão das suas oito peças. Depois do período itinerante, que percorreu diversos pontos da cidade, quem se interessar pelas obras de arte pode dar os lances pelo site http://www. kronberg.com.br/leilao/ detalhe_leilao/1998. Todo o valor arrecadado no leilão, inclusive o cachê do leiloeiro Helcio Kromberg, será direcionado para a compra de cobertores novos para a campanha do agasalho Doe Calor.

EXPEDIENTE

Diário Indústria&Comércio Fundado em 2 de setembro de 1976

ATENDIMENTO

Casa da Mulher Brasileira é inaugurada em Curitiba Local visa não apenas encorajar a mulher a denunciar a violência, mas como também servir de proteção e apoio para superar a situação

A

política de enfrentamento à violência contra a mulher em Curitiba ganha um importante reforço a partir desta semana, com a abertura da Casa da Mulher Brasileira. O alvará de funcionamento foi entregue ontem, pelo prefeito Gustavo Fruet, durante uma visita que marcou o início das atividades da Casa e foi acompanhada por representantes de todos os órgãos envolvidos no projeto. A unidade – a terceira do gênero no país – está preparada para oferecer atendimento humanizado e integrado, reunindo num único endereço, no bairro Cabral, estruturas de vários órgãos que atuam na proteção e defesa da mulher em situação de violência. A Casa da Mulher Brasileira foi construída com recursos do governo federal, como parte do programa “Mulher, Viver sem Violência”, e será gerida pelo Município. Foi concebida para ser um local onde a mulher não apenas se sinta encorajada a denunciar a violência, mas também receba proteção e apoio para superar a situação – incluindo atendimento psicológico e assessoria para a conquista da autonomia financeira. O espaço reúne os serviços da Delegacia da Mulher, de

Gustavo Fruet entregou ontem o alvará de funcionamento da Casa, durante uma visita que marcou o início das atividades e foi acompanhada por representantes de todos os órgãos envolvidos no projeto psicólogos e assistentes sociais da Prefeitura de Curitiba, dos núcleos especializados da Defensoria Pública, do Juizado da Violência Doméstica e Familiar do Tribunal de Justiça, do Ministério Público, da Patrulha Maria da Penha da Guarda Municipal de Curitiba, e futuramente deverá agregar também equipes do Instituto Médico Legal. Inicialmente, os servi-

ços funcionarão em regime de plantão, em horário comercial. A previsão é que o período de transição e a instalação completa de todos os serviços estejam concluídos em 40 dias, quando então a Casa passará a funcionar ininterruptamente. “A abertura da Casa da Mulher Brasileira representa um ‘não’ à violência, num momento em que assistimos a tantos atos

OBRAS

Com apoio do Estado, municípios investem em asfalto e estrutura para lazer O município de Paiçandu, no Noroeste do Paraná, vai asfaltar mais de 35 mil metros de ruas no Jardim Industrial e Residencial Bela Vista. A obra vai beneficiar quatro mil famílias e é esperada há cerca de 26 anos. O Governo do Estado vai financiar R$ 4,8 milhões. A prefeitura dará contrapartida de R$ 809 mil. A licitação foi autorizada pelo secretário de Estado do De-

senvolvimento Urbano, Ratinho Junior, na terça-feira, durante audiência com o prefeito de Paiçandu, Tarcísio Marques dos Reis, em Curitiba. “Temos outras conquistas em nossa gestão, mas esta é a obra do coração da cidade, a mais importante. Quando estiver concluída vamos chegar perto da demanda zero de asfalto”, disse o prefeito. As ruas terão galerias, calçadas com rampas de

acessibilidade, grama, árvores e urbanização. Outro município que investe em melhoria urbana, com recurso financiado pelo Estado, é Ibiporã (Norte). O prefeito José Maria Ferreira esteve com o secretário Ratinho Junior para pedir liberação de ordem de serviços para dois trechos de duplicação da rua Ibrahim Prudente da Silva. Pelo Sistema de

CURITIBA

Merendeiras das rede estadual passam por nova capacitação

Ceasa realiza pregão para áreas de produtos orgânicos

Fundador e Presidente Odone Fortes Martins Reg.Prof. DRT/PR: 6993 (ofm@induscom.com.br) Diretor de Redação Eliseu Tisato Reg.Prof. DRT/PR: 7568 (editor@induscom.com.br)

Publicidade Legal e Assinaturas: Rua Imaculada Conceição, 205 - Curitiba - PR Fones: (41) 3333.9800 | 3334.4665 e-mail: publegal@induscom.com.br

Parque Gráfico e Circulação: Rua Imaculada Conceição, 205 - Curitiba - PR Fones: (41) 3333.9800 | 3322.1012 Direção e Comercial: Rua Presidente Faria, 533 Centro - Curitiba - CEP: 80020-290 Fone: (41) 3322.1012 e-mail: diretoria@induscom.com.br comercial@induscom.com.br

Tiragem e circulação auditadas por EXECUTIVE AUDITORES INDEPENDENTES BRASÍLIA

NEW CAST PUBLICIDADE & MARKETING Atendimento : Flávio Trombieri Moreira – Cel.: (61) 8155 2020 Endereço: SRTVS Quadra 701 Bloco K Sala 624 – Edifício Embassy Tower Brasília DF - Cep.: 70.340 – 908 Fone/Fax: (61) 3223 4081 E-mail: new.cast@uol.com.br

RIO DE JANEIRO

Grp Representações e Propaganda

Ltda. Avenida Graça Aranha, 145 - 9º Andar - Parte Centro - Rio de Janeiro RJ - 20.030.003 Email: grp@grpprop.com.br Telefone: 21 2524.2457 Fax: 21 2262.0130

Os artigos assinados que publicamos não representam necessariamente a opinião do jornal.

Financiamento aos Municípios (SFM) são R$ 4,2 milhões e mais uma contrapartida municipal de R$ 2,2 milhões. “Esta é uma obra aguardada há mais de 15 anos por mais de 12 mil moradores, pois vai ter alargamento das vias, acessibilidade, iluminação pública, mais de 1,3 mil metros de ciclovias e, ainda, desafogar o trânsito naquela região”, disse o prefeito.

PARANÁ

Filiado ao Sindejor | Sindicato das Empresas Proprietárias de Jornais e Revistas do Paraná

Redação: Rua Imaculada Conceição, 205 - Curitiba - PR Fone: (41) 3333.9800 E-mail: pauta@induscom.com.br

de barbárie, em outros países e também perto de nós”, disse o prefeito Gustavo Fruet. “O enfrentamento da violência contra a mulher exige preparo e sensibilidade, e esta casa é resultado da soma de esforços de vários órgãos capacitados para isso. Temos a garantia do governo federal de que o programa será tratado como política de Estado e terá continuidade.”

Curso tem duração de 24 horas e conta para avanço no plano de carreira O Governo do Paraná, através da Secretaria de Estado da Educação, capacita de forma continuada as merendeiras e merendeiros da rede estadual de ensino. O curso Formação em Alimentação Escolar é ofertado gratuitamente na modalidade a distância e deve atender todos os profissionais que trabalham nas cozinhas das 2,1 mil escolas estaduais.

Os profissionais responsáveis pelo acompanhamento dos cardápios escolares e monitoramento dos alimentos que chegam às unidades também podem participar. O curso tem duração de 24 horas e conta para avanço no plano de carreira desses profissionais. A ação também faz parte do item três do programa Minha Escola Tem Ação (Meta), da Secretaria da Educação,

que prevê a oferta de cursos para a formação continuada aos profissionais da educação aliados aos planos de ação da pasta. Desde 2014, quando iniciou a formação, mais de 2,1 mil profissionais já concluíram a capacitação. Até 2017, todos os cozinheiros e cozinheiras que atuam na rede estadual de ensino devem concluir o curso.

A Centrais de Abastecimento do Paraná (Ceasa) realiza hoje pregão presencial para áreas de comércio de produtos orgânicos em sua unidade em Curitiba. A modalidade para dez áreas no Pavilhão J, ao lado do novo Mercado de Flores da Ceasa Curitiba, acontece a partir das 9h30, no Anfiteatro do Centro de Eventos da empresa, na BR 116, quilômetro 111, bairro Tatuquara. Os módulos variam de 16 a 60 metros quadrados, com valores mínimos de lances de R$ 1.067,39 a R$ 4.002,70. “Recebemos várias consultas sobre esse novo espaço na Ceasa de Curitiba. O local, exclusivo para a comercialização de hortigranjeiros orgânicos, proporciona novas perspectivas e incrementa ainda mais as atividades do atacado”, afirmou o diretor presidente da Ceasa, Natalino Avance de Souza.


GERAL

Diário Indústria&Comércio

Curitiba, quinta-feira, 16 de junho de 2016 | A3

Fábio Campana

Ninguém manda nessa nega.” Tia Eron, ao votar pela cassação de Eduardo Cunha no Conselho de Ética.

fabio.campana@gmail.com

Ruim para Cunha e para Dilma

Só uma Edir Macedo, da Igreja Universal do Reino de Deus e dono da Record, está orientando seus fiéis a ficar “longe das redes sociais, notícias, novelas não bíblicas, filmes seculares e qualquer tipo de entretenimento que possa distanciá-lo do seu foco”. Só podem assistir Os Dez Mandamentos e olhe lá.

Naquela alegria de idiota, os petistas comemoram diante das câmeras a derrota de Eduardo Cunha no Conselho de Ética da Câmara. Não conseguiram, como era de se esperar, entender que a iminente cassação de Eduardo Cunha é, na verdade, um novo golpe nas chances de Dilma voltar à presidência, como sonham todos eles.. A degola na Câmara derruba a tese de que o governo Michel Temer trabalharia para salvar Cunha — o que era útil para o discurso de vítima de Dilma. Dilma e Cunha vão terminar juntos. O que aconteceu a Eduardo Cunha no Conselho de Ética da Câmara e deverá acontecer a Dilma quando seu impeachment for votado no Senado, é exemplar de como funcionam as pressões da so-

ciedade numa democracia representativa que, por mais precária que seja, por mais desmoralizada que se encontre, terá sempre a possibilidade de se recuperar, seguindo o sentimento prevalecente no conjunto dos cidadãos.

Ponto final

Duplamente reincidente

Aliados de Eduardo Cunha estimam que ele terá, no máximo, 50 votos no plenário. O mesmo grupo já defende, inclusive, que não haja recesso em julho para acelerar a votação e colocar um ponto final na agonia.

Dilma é acusada de fazer suplementações por decreto por sete vezes, outra vez usurpando prerrogativa exclusiva do Congresso. Outro crime: por medida provisória, Dilma usou sobras de arrecadação de receitas vinculadas de 2014 em despesas obrigatórias de 2015.

Abstenção

Olha o besteirol

Medo de Dilma

Tudo de novo

Com sua destituição se consolidando, a presidente afastada Dilma Rousseff já não esconde o temor de “descer para Curitiba”, expressão usada por investigados na Lava Jato para se referir a Sérgio Moro, juiz federal implacável no combate à corrupção. Perdendo o mandato, Dilma perde também o foro privilegiado e, tal como já aconteceu a Lula, o julgamento de seu caso pode parar na 13ª Vara Federal de Curitiba.

O ex-senador Eduardo Matarazzo Suplicy, hoje secretário dos Direitos Humanos da prefeitura de Fernando Haddad, vai comemorar seus 75 anos, sábado que vem, num bar de São Paulo. E está convidando seus mais de 500 mil seguidores a festejar com ele, avisando, contudo, que a conta é de cada um. Suplicy deve concorrer à vaga de vereador este ano e já ir preparando a nova candidatura ao Senado.

Nas mãos de Moro

É só o começo

Nova missão

Luiz Inácio Lula da Silva começa a ser denunciado criminalmente, nas próximas semanas, ao juiz federal Sérgio Moro por suposto envolvimento no esquema de cartel e corrupção na Petrobrás alvo da Operação Lava Jato.

Os crimes que motivaram o impeachment de Dilma serão julgados pelo STF. Mas as ações penais poderão ser enviados a Sergio Moro.

O presidente interino Michel Temer quer que seus ministros reúnam pequenos grupos de parlamentares para explicar, em detalhes, projetos prioritários do governo. E isso antes de enviar qualquer coisa ao Congresso. É uma maneira deles conhecerem antes o que o governo quer fazer – e não depois, como no governo de Dilma.

A insistente defesa de Dilma Rousseff (PT) pela senadora Gleisi Hoffmann (PT) constrange os pares na comissão de impeachment no Senado Federal. Reiteradamente, Gleisi é enquadrada pelos técnicos do TCU. Desta vez, o secretário de Macro avaliação Governamental, Leonardo Rodrigues Albernaz desclassificou as ponderações da petista e explicitou os fatos sobre as contas rejeitadas de Dilma em 2014.

Jogando a toalha

Além de Lula, estão nas mãos de Sérgio Moro: Marisa Letícia, Fábio Luis Lula da Silva, Joana Suassuna, Fernando Bittar , José Carlos Bumlai, Jaques Wagner, Edinho Silva, Ideli Salvatti, claro Leo Pinheiro e Marcelo Odebrecht, só para começo de conversa.

Petistas tentam “salvar” a presidente na comissão do impeachment, mas só da boca para fora. Na intimidade, admitem que Dilma já era.Dilma percebeu que sua sorte já está definida. Domingo, não apareceu um só militante enrolado na bandeira do PT dando tchauzinho para o Palácio da Alvorada. Foi um dia desolador para ela. Mas o Palácio do Jaburu, residência do presidente Michel Temer, bombava.

Ferrado

Xeque-mate

O PT corre o risco de ficar três meses sem receber repasses do fundo partidário em pleno ano eleitoral. A legenda perdeu todos os recursos que apresentou ao TSE para reverter decisão de 2015 que suspendia a transferência de recursos por esse período.

A coisa anda tão feia para o lado de Dilma que, em plena reunião da comissão do impeachment, seu advogado José Eduardo Cardozo achou melhor se dedicar a jogar xadrez no celular.

Vítima

A equipe de João Santana, que faz um documentário sobre o ponto de vista petista do impeachment, usou o carro oficial da senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR) para acompanhar a reunião do PT com Ricardo Lewandowski, que depois adotaria decisões favoráveis a Dilma.

Em bloco

Para Lula, novo golpe: ele acha que, mesmo correndo em primeira instância, em Curitiba, pode ser acordado pela manhã por agentes de Polícia Federal. Se acontecer, PT, CUT e UNE já estão preparados para desencadear campanha nacional tentando transformá-lo em vítima.

Buscando recursos O grande problema para candidatos a prefeito (e isso acontece em todo o Brasil) é conseguir recursos de pessoas físicas para suas campanhas.

Richa com Serra O ministro José Serra (Relações Exteriores) recebeu o governador Beto Richa e destacou a boa performance do comércio exterior do Paraná na balança comercial do País. Richa adiantou os investimentos do programa Paraná Competitivo e convidou Serra para a inauguração da fábrica da Klabin.

Contas de Dilma É consensual no Tribunal de Contas da União (TCU) a decisão de rejeitar as contas de 2015 de Dilma Rousseff no fim de agosto, após o julgamento da presidente afastada no Senado. Sem pressa alguma, o ministro relator José Múcio vai abrir prazo para a defesa, empurrando tudo para 16 de julho, e depois ainda dará mais 30 dias para “análise da defesa” pela Secretaria de Macroavaliação Governamental do TCU.

Profissional do pedal Técnicos do TCU identificaram novas pedaladas de Dilma, por meio de atraso em repasses obrigatórios para o Banco do Brasil e BNDES. As pedaladas de 2015 são semelhantes às que motivaram a rejeição das contas de Dilma de 2014, e deram substância ao impeachment.

Típico

Jogos da Saúde O presidente Michel Temer deveria aproveitar a visita ao Rio de Janeiro, quando visitou o Parque Olímpico, para inspecionar os hospitais públicos do Estado, que pedem socorro.

Papuda como destino? O jornalista Chico Otávio, de O Globo, prepara livro-reportagem sobre Eduardo Cunha, político que ascendeu aos píncaros da glória e de lá despenca direto para o fundo do poço. Ou, quem sabe, para a Papuda.

Fim da foto oficial Projeto do deputado Mauro Mariani (PMDB-SC) proíbe a exposição de fotos ou imagens de prefeito, governador ou presidente em imóveis públicos, sob pena de multa. Ele pretende o fim da foto oficial.

Histórico Junho tem tudo para ser histórico: Dunga caiu, Cunha perdeu e a ação contra Lula foi remetida a Sérgio Moro. Só falta o impeachment.

Discurso antigo Quem acompanhou o discurso de Lula na Avenida Paulista, na semana passada, ficou com a impressão que estava ouvindo o que ele falava há anos. O ex-presidente voltou a usar frases de efeito como “Sou filho de uma mulher analfabeta, no interior de Pernambuco” e “Eles só sabem privatizar. E para isso, não precisa ter governo, só agiota”. Frases envolvendo vida doméstica ou futebol, contudo, ficaram de fora. Lula está sem humor.

Mais promessas O novo governo acha que já tem 59 votos para o impeachment de Dilma no julgamento do Senado. Mas ministros chegados ao presidente interino Michel Temer estão preocupados com as novas promessas dos discursos da presidente afastada. Prega consulta popular sobre sua volta ou novas eleições e melhores espaços em seu eventual novo governo aos senadores que recusarem votar no impeachment. Hoje, a contabilidade de Dilma está em torno de 25 votos. Ela precisa de 27, no mínimo, para escapar.

Quando Renan Calheiros, presidente do Senado, foi conversar com Dilma Rousseff no Alvorada, acertou com ela o compromisso de se abster na votação.

Reformas Não será apenas a reforma da Previdência que será enviada ao Congresso em outubro. Michel Temer, se efetivado no cargo, quer fazer a primeira reforma ministerial no mesmo mês. Ministros bem avaliados ficam, outros podem ser substituídos e poderá haver também modificações na constituição dos ministérios. O ministro interino do Planejamento, Dyogo de Oliveira, vai bem mas a Pasta poderá ser absorvida pelo Ministério da Fazenda, com Henrique Meirelles no comando.

Mais um O Tribunal de Justiça da Bahia acaba de enviar ao Supremo, onde está nas mãos do ministro Marco Aurélio Mello, inquérito que investiga José Carlos Araújo, presidente o Conselho de Ética, por suspeita de corrupção. Envolveria desvio de dinheiro em São Francisco do Conde, interior da Bahia.

Vai ficar Michel Temer, com sua mulher Marcela, está escolhendo escola em Brasília para o filho Michelzinho. Eles deverão ir morar em Brasília logo, o que significa que Temer tem certeza de que permanecerá na Presidência. Marcela anda muito preocupada com as manifestações de petistas na porta de sua casa, no Alto de Pinheiros, em São Paulo, mesmo com grande esquema de segurança montado pelo ministro Alexandre de Moraes, da Justiça.

Terceira pessoa Lula em entrevista à Al Jazeera: “Eles estão coagindo os empresários a comprometer o Lula, dizer que o Lula participou”. E emendou: “Estou tranquilo, duvido que algum procurador, que algum delegado de polícia, seja mais honesto que eu, mais ético que eu, neste país”.

delação premiada.

Alô, alô O presidente interino Michel Temer não passa um dia sem falar ao telefone com algumas lideranças partidárias. Dependendo da conversa, chama para um encontro no Palácio do Jaburu. Quem ouviu uma dessas conversas, fica surpreso com tom cordial usado pelo presidente em exercício. É tudo o que Dilma nunca fez em seus tempos de presidente, nem no primeiro mandato. De vez em quando, organizava um almoço ou um jantar coletivo, ou seja, ninguém conversava mais intimamente com ela.

De volta Malgrado a situação de Paris continue tensa por conta dos atentados, o hotel Ritz acaba de reabrir suas portas depois de quatro anos de reforma, devolvendo à Place Vendôme seu glamour. Os milionários do mundo podem voltar a frequentar o Bar Hemingway. Os preços, claro, estão mais caros do que antes da reforma.

Pior, não Trecho da entrevista que Dilma Rousseff deu a Mariana Godoy na Rede TV!: “Eu não serei conhecida como a pior presidente do Brasil porque eu não fui e não serei. Eu posso ter cometido erros, mas quem é que não comete? Agora não estou sendo afastada pelos meus erros, estou sendo afastada porque não querem que diante da crise se continue pagando programas sociais”. E mais: “O meu maior erro foi ter feito uma aliança com que eu não devia”.

Impeachment de Janot O presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDBAL), deu a entender que não rejeitará de pronto um pedido de impeachment contra o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, que foi protocolado na segunda, 13, no Senado. “Nos últimos meses, já arquivei cinco pedidos de impedimentos do procurador-geral da República, eu entendi que as petições eram ineptas. Essa, eu vou avaliar”, disse.

Diferenciado O pedido foi feito por duas advogadas ligadas ao movimento pró-afastamento de Dilma Rousseff. Elas argumentam que Janot deu tratamento diferenciado a políticos do PT e do PMDB que estariam envolvidos em “situações análogas” na Lava Jato.

Não rejeita Em geral, Renan rejeita de imediato pedidos de impeachment contra ministros do Supremo e contra o procurador-geral, que devem ser protocolados obrigatoriamente no Senado e, cuja aceitação é avaliada monocraticamente pelo presidente da Casa. Recentemente, Renan foi flagrado em um diálogo em que chamava Janot de “mau caráter”.

Olha o troco Em abril, Renan fez forte discurso no plenário do Senado após recusar um pedido de impeachment do ministro do Supremo Marco Aurélio Mello, feito por integrantes Movimento Brasil Livre (MBL), que também defende o afastamento de Dilma Rousseff. Mas Janot merece troco.

É o Brasil Antônio Fagundes está se defendendo de criticas ao visual de seu personagem em Velho Chico: “O Afrânio é um desenho da história do Brasil. Quando a gente vê esses deputados, todos de cabelos acaju, falando errado, com gravatas coloridas e se posicionando numa forma patética, como é que não posso achar que o coronel não está refletindo esse Brasil? Pega essa roupa do Afrânio e coloca no Eduardo Cunha e veja se destoa”.

Vídeo Circula nas redes sociais um vídeo onde um ciclista vestido de Pixuleco, tenta entregar uma pizza e um rolo de papel higiênico para Dilma Rousseff, enquanto ela pedalava, pela manhã. O pessoal da segurança impediu que fossem entregues.

Pode renunciar Pela primeira vez, há sinais de que Eduardo Cunha estaria disposto a renunciar da presidência da Câmara. Ele enxerga a preservação do mandato como única forma de não ser preso. Teme que seus processos sejam remetidos à primeira instância e fiquem sob os cuidados de Sérgio Moro.

Piora O estado de saúde de José Carlos Bumlai está se agravando, o que impede o andamento de sua

Se eu falar, entrego a alma do PT. E tem mais: o pessoal da CUT me mata assim que eu botar a cara na rua.” João Vaccari Neto, extesoureiro do PT, em março, segundo a Veja.


nacional

Diário Indústria&Comércio

Curitiba, quinta-feira, 16 de junho de 2016 | A4

crise política

CORRUPÇÃO

Janot afirma que Cunha continua usando mandato em benefício próprio

Machado cita propina para mais de 20 políticos

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, disse ao Supremo Tribunal Federal (STF) que o presidente afastado da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), continua usando “seu mandato e poder político” em benefício próprio. As conclusões de Janot estão no pedido de prisão de Cunha, enviado à Corte no dia 23 de maio. Na terça-feira, o ministro do Supremo Teori Zavascki concedeu prazo de cinco dias para que a defesa de Cunha se manifeste sobre o pedido de prisão. A medida foi tomada após o vazamento do pedido. Na mesma decisão, o ministro determinou a retirada do sigi-

lo do pedido de prisão. De acordo com o procurador, mesmo após ser afastado do cargo de presidente da Câmara e do mandato de deputado federal pelo STF, Eduardo Cunha continua atuando em benefício próprio. Janot cita a decisão da Mesa Diretora que manteve as prorrogativas do parlamentar, como autorização para continuar na residência oficial, uso de aviões da FAB, e declarações dele à imprensa, nas quais diz que vai continuar frequentando a Casa e seu gabinete. Para Janot, Cunha tenta ainda influenciar na indicação de integrantes do governo do presidente interino, Michel Temer.

RELATÓRIO

TCU diz que Dilma repetiu indícios de irregularidades em 2015 O Tribunal de Contas da União (TCU) aprovou ontempor unanimidade - o relatório do ministro José Múcio que analisa as contas da presidenta afastada Dilma Rousseff, referentes a 2015. Apesar de já ter apontado a repetição de irregularidades, a exemplo do ocorrido em 2014, Múcio informou não ter, ainda, condições de as contas, na forma como foram prestadas, serem apreciadas pelo tribunal. Assim, Dilma terá 30 dias para responder aos

questionamentos do TCU e do Ministério Público (MP). “Quero comunicar ao Congresso Nacional que as contas prestadas pela presidenta Dilma não estão no momento em condições de serem apreciadas pelo tribunal, em razão de irregularidades e possíveis distorções”, disse o ministro. Todos os oito ministros votaram a favor do relator. Com isso, tem início o prazo de 30 dias para que a defesa de Dilma apresente respostas.

Declarações de Sérgio Machado estão nos depoimentos de delação premiada tomados pela força-tarefa de investigadores da Operação Lava Jato, que foram tornados públicos após decisão do ministro Teori Zavascki

O

ex-presidente da Transpetro, Sérgio Machado, um dos delatores da Operação Lava Jato, disse que repassou propina para mais de 20 políticos de vários partidos. As declarações de Machado estão nos depoimentos de delação premiada tomados pela força-tarefa de investigadores da Operação Lava Jato, que foram tornados públicos após decisão do ministro Teori Zavascki, por meio da decisão que retirou o sigilo das oitivas. Em um trecho do depoimento, Machado citou os políticos que também teriam recebido propina. “O depoente repassou propina, via doação oficial, para os seguintes parlamentares e ex-parlamentares: Cândido Vaccarezza, Jandira Feghali, Luis Sérgio, Edson Santos, Francisco Dornelles, Henrique Eduardo Alves, Ideli Salvatti, Jorge Bittar, Garibaldi Alves, Valter Alves, José Agripino Maia, Felipe Maia, Sergio Guerra, Heráclito Fortes e Valdir Raupp. Michel Temer pediu ao depoente que obtivesse doações oficiais para Gabriel Chalita, então candidato a prefeito de São Paulo”, acrescentou o depoimento. Machado ficou no comando da subsidiária da Petrobras de 2003 a novembro de 2014. Segundo ele, os políticos indicavam aliados para cargos em empresas estatais para conseguir “maior volume possível de recursos

Segundo Machado, o presidente interino Michel Temer, solicitou que ele obtivesse obtivesse doações oficiais para Gabriel Chalita, então candidato a prefeito de São Paulo ilícitos tanto para campanhas eleitorais quanto para outras finalidades”. De acordo com Machado, a função dos diretores indicados era administrar as empresas e “arrecadar propina para os políticos que os indicaram”. No primeiro depoimento, Sérgio Machado declarou aos investigadores que os responsáveis por sua nomeação foram os senadores Renan Calheiros,

Jader Barbalho, Romero Jucá, Edison Lobão e o ex-senador José Sarney. De acordo com os termos do acordo de delação, divulgados ontem após decisão do ministro Teori Zavascki, Sérgio Machado vai devolver R$ 75 milhões. Desse total, R$ 10 milhões deverão ser pagos 30 dias após a homologação, que ocorreu no mês passado, e R$ 65 milhões

parcelados em 18 meses. Por ter delatado os supostos repasses de recursos da Transpetro para políticos, Machado vai cumprir regime domiciliar diferenciado. Em outro depoimento, Machado afirmou que foram repassados ao PMDB “pouco mais de R$ 100 milhões”, que tiveram origem em propinas pegas pelas empresas que tinham contratos coma Transpetro.


publicidade legal

DiĂĄrio IndĂşstria&ComĂŠrcio

Curitiba, quinta-feira, 16 de junho de 2016 | A5

DIAMANTE INDÚSTRIA DE CAL LTDA., torna publico que requereu ao IAP, Pedido de Licença de Operação, para Extração de Calcårio e Caulim, na Zona Rural, Butiatumirim, Colombo – PR.

/(,/ÂŽ2 3ROLFLD5RGRYLiULD)HGHUDO9HtFXORVH6XFDWDV

9HtFXORVH6XFDWDVGH9HtFXORV8QR*RO&RUVD&HOWD9HFWUD)LHVWD3HXJHRW +RQGD &* 0RWRV <DPDKD <%5 ;7= (7&  &ODVVLF 6WLOR *ROI H RXWURV /RFDO 5XD 6HQDGRU $FFLRO\ )LOKR   &,&  &XULWLED  35 ZZZQDNDNRJXHOHLORHVFRPEU

SINDICATO DAS SOCIEDADES DE CRĂ&#x2030;DITO, FINANCIAMENTO E INVESTIMENTOS DO ESTADO DO PARANĂ . EDITAL DE CONVOCAĂ&#x2021;Ă&#x192;O ASSEMBLĂ&#x2030;IA GERAL EXTRAORDINĂ RIA Pelo presente edital ficam convocados os associados deste Sindicato, por seus representantes legais, para ASSEMBLEIA GERAL EXTRAORDINĂ RIA, a ser realizada no dia 18 de Julho de 2016, Ă s 17:00 horas, em PRIMEIRA convocação e Ă s 17:30 horas em SEGUNDA e Ăşltima convocação, na sede da entidade, Ă  Av. Sete de Setembro, 4751, loja 02, Bairro Batel, nesta cidade, por iniciativa do seu Presidente, abaixo nominado, a fim de deliberarem sobre a seguinte ORDEM DO DIA: Rerratificação dos atos deliberados e aprovados na AssemblĂŠia Geral OrdinĂĄria realizada no dia 29/04/2016, tendo em vista vĂ­cio na data de publicação do respectivo Edital de Convocação, presente o disposto no Art. 16 do Estatuto Social. Curitiba, 15 de junho de 2016. JosĂŠ Evangelista de Souza Presidente

ESTRADA DE FERRO PARANĂ OESTE S.A.

AVISOS DE LICITAĂ&#x2021;Ă&#x192;O ABERTURA PP 04-PE 26-PE 27-PE 29 PREGĂ&#x192;O PRESENCIAL 04/2016-Objeto: aquisição de rĂĄdios analĂłgicos portĂĄteis e interfaces. Preço mĂĄximo global R$ 5.656,00. Data: 29/06/16- Recebimento das propostas 14:00h. Abertura 14:30h. PREGĂ&#x192;O ELETRĂ&#x201D;NICO 26/2016-Objeto: aquisição de peças de locomotivas GMG-12 e CAF EMAQ MX620. Preço mĂĄximo global: R$ 25.895,60. Data: 30/06/16 - Recebimento das propostas 08:30h. Abertura: 1ÂŞ das 09:00h atĂŠ 11:30h e 2ÂŞ Ă s 14:00h. PREGĂ&#x192;O ELETRĂ&#x201D;NICO 27/2016-Objeto: aquisição de peças de locomotivas GMG-12 e CAF EMAQ MX620. Preço mĂĄximo global: R$ 21.280,00. Data:04/07/16-Recebimento das propostas 08:30h. Abertura: 1ÂŞ das 09:00h atĂŠ 11:30h e 2ÂŞ Ă s 14:00h. PREGĂ&#x192;O ELETRĂ&#x201D;NICO 29/2016 â&#x20AC;&#x201C; Objeto:aquisição de detergente ativado e desengraxante alcalino. Preço mĂĄximo global: R$ 7.200,00. Data: 05/07/16. Recebimento das propostas 08:30h. Abertura das 09:00h atĂŠ 11:30h. Menor preço por lote. Dotação: Recursos PrĂłprios. Edital: www. ferroeste.pr.gov.br. E www.licitaçþes-e.com.br. Curitiba, 14/06/16.

ATLANTIC ENERGIAS RENOVĂ VEIS S.A. CNPJ/MF N Âş 11.489.312/0001-27 NIRE 413.000.790.64 EDITAL DE CONVOCAĂ&#x2021;Ă&#x192;O ASSEMBLEIA GERAL EXTRAORDINĂ RIA Ficam convocados os Senhores Acionistas a se reunirem em Assembleia Geral ExtraordinĂĄria, a ser realizada, em primeira convocação, no dia 23 de junho de 2016, Ă s 10:00 horas, na sede da Companhia, localizada na Alameda Carlos de Carvalho, nÂş 555, conjunto 161 â&#x20AC;&#x201C; Centro, na Cidade de Curitiba, Estado do ParanĂĄ, a fim de deliberarem sobre a seguinte Ordem do Dia: Proposta de capitalização da Companhia, em carĂĄter de urgĂŞncia, no montante de aproximadamente R$ 145.000.000,00 (cento e quarenta e cinco milhĂľes de reais), a ser implementada mediante: (a) a emissĂŁo de novas açþes em aumento de capital, (b) a captação de recursos atravĂŠs da emissĂŁo de novas debĂŞntures conversĂ­veis em açþes; ou (c) qualquer outra estrutura desde que venha a ser devidamente aprovada pelos acionistas da Companhia nesta Assembleia Geral, tendo em vista que tal capitalização ĂŠ indispensĂĄvel para viabilizar o adimplemento de diversas obrigaçþes e compromissos assumidos pela Companhia no curto prazo (em especial, aqueles relativos ao projeto Santa Vitoria do Palmar, que estĂĄ em fase de construção e entrarĂĄ em fase inicial de operação atĂŠ o final de 2016). Os documentos pertinentes Ă s matĂŠrias a serem apreciadas na Assembleia Geral ExtraordinĂĄria encontram-se disponĂ­veis aos Senhores Acionistas, para consulta, na sede social da Companhia. Os Senhores Acionistas poderĂŁo ser representados na Assembleia Geral por procuradores constituĂ­dos na forma do Artigo 126, ParĂĄgrafos da Lei nÂş 6.404/76. Os instrumentos de mandato deverĂŁo ser depositados na sede da Companhia, com antecedĂŞncia de, no mĂ­nimo, 48 (quarenta e oito) horas da realização da Assembleia, aos cuidados da Sra. Silvia Helena Carvalho Vieira da Rocha, na Alameda Carlos de Carvalho, nÂş 555, conjunto 161 â&#x20AC;&#x201C; Centro, na Cidade de Curitiba, Estado do ParanĂĄ. Os Senhores Acionistas ou seus representantes legais deverĂŁo comparecer Ă  Assembleia Geral munidos de documentos que comprovem sua identidade. Curitiba, 14 de junho de 2016. SĂŠrgio GuimarĂŁes de Mello BrandĂŁo Presidente do Conselho de Administração

AVISO DE LICITAĂ&#x2021;Ă&#x192;O Processo nÂş 115799/2016-35 - PREGĂ&#x192;O ELETRĂ&#x201D;NICO NÂş 31/2016

saĂşde

Envio de propostas a partir de 16/06/2016, com abertura para lances na data de 13/07/2016, horårio: 09h00min, disponível no site www.comprasnet.gov.br. Objetivo: Implantação de Pregão Eletrônico, com vigência para 12 (doze) meses, para Contratação de empresa especializada no fornecimento de seguro total de veiculos conforme especificaçþes detalhadas contidas em edital e anexo. O objeto atenderå o Complexo do Hospital de Clínicas da Universidade Federal do Paranå. Os interessados poderão obter todas as informaçþes necessårias a respeito com a Comissão de Licitação pelo telefone (0xx41) 3360-1831. Marcelo Czaikowiski - Pregoeiro.

Clinipam inaugura mais um hospital em Curitiba

Publique-se.

Prof. Dr. Flavio Daniel Saavedra Tomasich Superintendente do Complexo do Hospital de ClĂ­nicas da UFPR

HOSPITAL DE CLĂ?NICAS UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANĂ

AVISO DE LICITAĂ&#x2021;Ă&#x192;O Processo nÂş 129050/2016-75 - PREGĂ&#x192;O ELETRĂ&#x201D;NICO NÂş 64/2016 Envio de propostas a partir de 016/06/2016, com abertura para lances na data de 01/07/2016, horĂĄrio: 13h30min, disponĂ­vel no site www.comprasnet.gov.br. Objetivo: Implantação de PregĂŁo EletrĂ´nico, atravĂŠs de Sistema Registro de Preços, com vigĂŞncia de doze meses, para aquisição de parcelada de materiais hospitalar(kit curativo) conforme especificaçþes detalhadas contidas em edital e anexo. O objeto atenderĂĄ o Complexo do Hospital de ClĂ­nicas da Universidade Federal do ParanĂĄ. Os interessados poderĂŁo obter todas as informaçþes necessĂĄrias a respeito com a ComissĂŁo de Licitação pelo telefone (0xx41) 3360-1831. Geisa Mariano Gonçalves - Pregoeira.

Publique-se.

Prof. Dr. Flavio Daniel Saavedra Tomasich Superintendente do Complexo do Hospital de ClĂ­nicas da UFPR

HOSPITAL DE CLĂ?NICAS UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANĂ

AVISO DE LICITAĂ&#x2021;Ă&#x192;O Processo nÂş 118107/2016-19 - PREGĂ&#x192;O ELETRĂ&#x201D;NICO NÂş 66/2016 Envio de propostas a partir de 016/06/2016, com abertura para lances na data de 06/07/2016, horĂĄrio: 09h00min, disponĂ­vel no site www.comprasnet.gov.br. Objetivo: Implantação de PregĂŁo EletrĂ´nico, atravĂŠs de Sistema Registro de Preços, com vigĂŞncia de doze meses, para aquisição de parcelada de material de sĂ­ntese de coluna (pinos de schanz p/ fratura vertebral e outros) conforme especificaçþes detalhadas contidas em edital e anexo. O objeto atenderĂĄ o Complexo do Hospital de ClĂ­nicas da Universidade Federal do ParanĂĄ. Os interessados poderĂŁo obter todas as informaçþes necessĂĄrias a respeito com a ComissĂŁo de Licitação pelo telefone (0xx41) 3360-1831. Marcelo Czaikowski - Pregoeiro.

Publique-se.

Prof. Dr. Flavio Daniel Saavedra Tomasich Superintendente do Complexo do Hospital de ClĂ­nicas da UFPR

HOSPITAL DE CLĂ?NICAS UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANĂ

AVISO DE LICITAĂ&#x2021;Ă&#x192;O Processo nÂş 126495/2016-01 - PREGĂ&#x192;O ELETRĂ&#x201D;NICO NÂş 67/2016 Envio de propostas a partir de 016/06/2016, com abertura para lances na data de 06/07/2016, horĂĄrio: 14h00min, disponĂ­vel no site www.comprasnet.gov.br. Objetivo: Implantação de PregĂŁo EletrĂ´nico, atravĂŠs de Sistema Registro de Preços, com vigĂŞncia de doze meses, para aquisição de Câmara fria com controle de temperatura conforme especificaçþes detalhadas contidas em edital e anexo. O objeto atenderĂĄ o Complexo do Hospital de ClĂ­nicas da Universidade Federal do ParanĂĄ. Os interessados poderĂŁo obter todas as informaçþes necessĂĄrias a respeito com a ComissĂŁo de Licitação pelo telefone (0xx41) 3360-1831. Paulo Sergio Lopes dos Santos - Pregoeiro.

Publique-se.

Prof. Dr. Flavio Daniel Saavedra Tomasich Superintendente do Complexo do Hospital de ClĂ­nicas da UFPR

AVISO DE LICITAĂ&#x2021;Ă&#x192;O Processo nÂş 135969/2016-91 - PREGĂ&#x192;O ELETRĂ&#x201D;NICO NÂş 70/2016 Envio de propostas a partir de 016/06/2016, com abertura para lances na data de 08/07/2016, horĂĄrio: 13h 30min, disponĂ­vel no site www.comprasnet.gov.br. Objetivo: Implantação de PregĂŁo EletrĂ´nico, atravĂŠs de Sistema Registro de Preços, com vigĂŞncia de doze meses, para aquisição parcelada, conforme necessidade, de Produtos insumos laboratoriais (soro para controle de RH-O 10ml e outros) conforme especificaçþes detalhadas contidas em edital e anexo. O objeto atenderĂĄ o Complexo do Hospital de ClĂ­nicas da Universidade Federal do ParanĂĄ. Os interessados poderĂŁo obter todas as informaçþes necessĂĄrias a respeito com a ComissĂŁo de Licitação pelo telefone (0xx41) 3360-1831. Geisa Mariano Gonçalves- Pregoeira.

Publique-se.

Prof. Dr. Flavio Daniel Saavedra Tomasich Superintendente do Complexo do Hospital de ClĂ­nicas da UFPR

LEILĂ&#x192;O DE IMĂ&#x201C;VEL Av. Nossa Senhora do Carmo, 1.650, Loja 41 Carmo Sion - Belo Horizonte/MG. PRESENCIAL E ON-LINE

EDITAL DE LEILĂ&#x192;O Gustavo Costa Aguiar Oliveira/HLORHLUR2ÂżFLDO0DW-8&(0*QÂ&#x17E;507GHYLGDPHQWHDXWRUL]DGRSHORFUHGRUÂżGXFLiULR DEDL[R TXDOLÂżFDGR ID] VDEHU TXH QD IRUPD GD /HL QÂ&#x17E;  H GR 'HFUHWROHL QÂ&#x17E;  OHYDUi D /(,/­2 3Ă&#x2019;%/,&2 GH PRGR Presencial e Online R LPyYHO D VHJXLU FDUDFWHUL]DGR QDV VHJXLQWHV FRQGLo}HV IMĂ&#x201C;VEL: $SDUWDPHQWRQÂ&#x17E;WLSRÂł/´ORFDOL]DGRQRÂ&#x17E;SDYLPHQWREORFRQÂ&#x17E;GRFRQGRPtQLRGHQRPLQDGRÂł&HQWUR+DELWDFLRQDO 9,6&21'('(0$8Ă&#x2C6;,´WHQGRGLWDXQLGDGHDiUHDGHFRQVWUXomRSULYDWLYDGHPĂ°iUHDGHFRQVWUXomRWRWDO GH PĂ° H IUDomR LGHDO GR VROR GH  RX PĂ° GR WHUUHQR , GHVPHPEUDGR GR ORWH  FRQIRUPH SODQWD DUTXLYDGD QHVWH 2ItFLR VRE R QÂ&#x17E;  FRP D iUHD GH PĂ° ORFDOL]DGR QD IDL[D &RQHFWRUD  QD &LGDGH,QGXVWULDOGH&XULWLEDFRPDGHVFULomRFRPSOHWDQDPDWUtFXODQÂ&#x17E;GHVWH&DUWyULR,PyYHOGHYLGDPHQWH PDWULFXODGRQR5HJLVWURGH,PyYHLVÂ?&LUFXQVFULomRGH&XULWLED35VRERQÂ&#x17E; DATA DOS LEILĂ&#x2022;ES: 1Âş LeilĂŁo: 28/06/2016 Ă s 9:00 horas e o 2Âş LeilĂŁo (caso seja necessĂĄrio)VHUiUHDOL]DGRQRGLD30/06/2016 Ă s  horas. LOCAL:/RMDQÂ&#x17E;6KRSSLQJ6XOORFDOL]DGRj$Y1RVVD6HQKRUDGR&DUPRQÂ&#x17E;Â&#x17E;DQGDU%DLUUR&DUPR%HOR Horizonte/MG. DEVEDOR (A) FIDUCIANTE: 0$5&(/2*20(66$/'$1+$&3)QÂ&#x17E; e 35,6&,//$ '(&$66,$0$1=26$/'$1+$&3)QÂ&#x17E;. CREDOR FIDUCIĂ RIO: Banco Intermedium S/A, CNPJ: 00.416.968/0001-01. DO PAGAMENTO: 1R DWR GD DUUHPDWDomR R DUUHPDWDQWH GHYHUi HPLWLU  FKHTXH FDXomR QRYDORUGHGRODQFH2SDJDPHQWRLQWHJUDOGDDUUHPDWDomRGHYHUiVHUUHDOL]DGRHPDWpKRUDVPHGLDQWH GHSyVLWRHPFKHTXHRX7('QDFRQWDLQGLFDGDSHOROHLORHLURVRESHQDGHSHUGDGRVLQDOGDGR$SyVDFRPSHQVDomR GRVYDORUHVRFKHTXHFDXomRVHUiUHVJDWDGRSHORDUUHPDWDQWHDOS VALORES: 1Âş leilĂŁo: R$ 228.711,00 (duzentos e vinte e oito mil, setecentos e onze reais). 2Âş leilĂŁo: R$ 91.472,25 (noventa e um mil, quatrocentos e setenta e dois reais e vinte e cinco centavos)FDOFXODGRVQDIRUPDGRDUWÂ&#x2020;Â&#x2020;Â&#x17E;HÂ&#x17E;GD/HLQÂ&#x17E;2VYDORUHVHVWmR DWXDOL]DGRVQDSUHVHQWHGDWDSRGHQGRVRIUHUDOWHUDo}HVQDRFDVLmRGROHLOmRCOMISSĂ&#x192;O DO LEILOEIRO: &DEHUi DRDUUHPDWDQWHRSDJDPHQWRGDFRPLVVmRGROHLORHLURQRYDORUGHGDDUUHPDWDomRDVHUSDJDDYLVWDQRDWRGR OHLOmRDO LEILĂ&#x192;O ONLINE:2VLQWHUHVVDGRVHPSDUWLFLSDUGROHLOmRGHPRGRRQOLQHGHYHUmRFDGDVWUDUVHQRVLWH ZZZJSOHLORHVFRPEUHVHKDELOLWDUDFHVVDQGRDRSomRÂł+DELOLWHVH´FRPDQWHFHGrQFLDGHDWp YLQWHHTXDWUR  KRUDVDQWHVGRLQtFLRGROHLOmRSUHVHQFLDOOBSERVAĂ&#x2021;Ă&#x2022;ES:2DUUHPDWDQWHVHUiUHVSRQViYHOSHODVSURYLGrQFLDV GHGHVRFXSDomRGRLPyYHOQRVWHUPRVGRDUWGDOHL$SUHVHQWHYHQGDpIHLWDHPFDUiWHUÂłDGFRUSXV´ QRHVWDGRGHFRQVHUYDomRHPTXHVHHQFRQWUDVHQGRTXHDViUHDVPHQFLRQDGDVQRVHGLWDLVFDWiORJRVHRXWURV YHtFXORVGHFRPXQLFDomRVmRPHUDPHQWHHQXQFLDWLYDVHDVIRWRVGRVLPyYHLVGLYXOJDGDVVmRDSHQDVLOXVWUDWLYDV 'HVVDIRUPDKDYHQGRGLYHUJrQFLDGHPHWUDJHPRXGHiUHDRDUUHPDWDQWHQmRWHUiGLUHLWRDH[LJLUGR9(1'('25 QHQKXPFRPSOHPHQWRGHPHWUDJHPRXGHiUHDRWpUPLQRGDYHQGDRXRDEDWLPHQWRGRSUHoRGRLPyYHOVHQGR UHVSRQViYHO SRU HYHQWXDO UHJXODUL]DomR DFDVR QHFHVViULD 2 V  LPyYHO L V VHUi mR  YHQGLGR V  QR HVWDGR HP TXH VHHQFRQWUDPItVLFDHGRFXPHQWDOPHQWHQmRSRGHQGRRDUUHPDWDQWHDOHJDUGHVFRQKHFLPHQWRGHVXDVFRQGLo}HV HYHQWXDLVLUUHJXODULGDGHVFDUDFWHUtVWLFDVFRPSDUWLPHQWRVLQWHUQRVHVWDGRGHFRQVHUYDomRHORFDOL]DomRGHYHQGR DV FRQGLo}HV GH FDGD LPyYHO VHU SUpYLD H ULJRURVDPHQWH DQDOLVDGDV SHORV LQWHUHVVDGRV $R FRQFRUUHU SDUD D DTXLVLomR GR LPyYHO SRU PHLR GR SUHVHQWH OHLOmR ÂżFDUi FDUDFWHUL]DGD D DFHLWDomR SHOR DUUHPDWDQWH GH WRGDV DV FRQGLo}HVHVWLSXODGDVQHVWHHGLWDO&RUUHUmRSRUFRQWDGRDUUHPDWDQWHWRGDVDVGHVSHVDVUHODWLYDVjDUUHPDWDomRGR LPyYHOWDLVFRPRWD[DVDOYDUiVFHUWLG}HVIRURHODXGrPLRTXDQGRIRURFDVRHVFULWXUDHPROXPHQWRVFDUWRUiULRV UHJLVWURVHWF$VGHPDLVFRQGLo}HVREHGHFHUmRDRTXHUHJXODR'HFUHWRQÂ&#x192;GHGHRXWXEURGHFRP DVDOWHUDo}HVLQWURGX]LGDVSHOR'HFUHWRQÂ&#x192;GHÂ&#x192;GHIHYHUHLURGHTXHUHJXODDSURÂżVVmRGH/HLORHLUR 2ÂżFLDO0DLRUHVLQIRUPDo}HV  ÂąZZZJSOHLORHVFRPEU%HOR+RUL]RQWH0*GH-XQKRGH

www.gpleiloes.com.br

INFORMAĂ&#x2021;Ă&#x2022;ES:

(31) 3241-4164

CURITIBA, 15 DE JUNHO DE 2016

HOSPITAL DE CLĂ?NICAS UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANĂ

HOSPITAL DE CLĂ?NICAS UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANĂ

1Âş LEILĂ&#x192;O: 28/06/2016 - 09:00h - 2Âş LEILĂ&#x192;O: 30/06/2016 - 09:00h

Faço saber que pretendem se casar: 1 - TIAGO CARDOSO DOS SANTOS e EDNA KANNANDA FREITAS FRAZĂ&#x192;O. Se alguĂŠm souber de algum impedimento, oponha-o na forma da lei no prazo de 15 (quinze) dias.

MOTTIN PAVIN & CIA, LTDA., torna publico que recebeu do IAP, Licença de Instalação nÂş 22356, para Extração de CalcĂĄrio e Caulim, na Zona Rural, Butiatumirim, Colombo â&#x20AC;&#x201C; PR. SĂ&#x161;MULA DE REQUERIMENTO DE LICENĂ&#x2021;A SIMPLIFICADA F.A SANTOS - JOIAS CAMILLY-ME torna pĂşblico que irĂĄ requerer ao IAP, a Licença Simplificada para METALURGIA DOS METAIS PRECIOSOS, COMĂ&#x2030;RCIO VAREJISTA DE ARTIGOS DE JOALHERIA, FABRICAĂ&#x2021;Ă&#x192;O DE ARTEFATOS DE JOALHERIA E OURIVESARIA e REPARAĂ&#x2021;Ă&#x192;O DE JĂ&#x201C;IAS E RELĂ&#x201C;GIOS a ser implantada na Rua Coronel Quadros, N° 67 83035-390 - SĂŁo JosĂŠ dos Pinhais/PR.



3Âş OFĂ?CIO DE REGISTRO CIVIL E 15Âş TABELIONATO DE PESSOAS NATURAIS MunicĂ­pio e Comarca de CURITIBA, Estado PARANĂ Bel. MĂ´nica Maria GuimarĂŁes de Macedo Dalla Vecchia Registradora Designada

TERMO DE HOMOLOGAĂ&#x2021;Ă&#x192;O E ADJUDICAĂ&#x2021;Ă&#x192;O â&#x20AC;&#x201C; PREGĂ&#x192;O PRESENCIAL SRP NÂş 22/2016 COM RESERVA DE COTA DE ATĂ&#x2030; 25% PARA ME - EPP O PREFEITO MUNICIPAL DE PIRAQUARA, Estado do ParanĂĄ, no uso de suas atribuiçþes legais, com base na Lei n.Âş 8666/93 e suas alteraçþes, Lei n.Âş 10.520 de 17 de julho de 2002, que institui a modalidade PregĂŁo e Decreto n.Âş 3.931/01, de acordo com o procedimento licitatĂłrio e julgamento da proposta apresentada ao PregĂŁo Presencial SRP nÂş 22/2016 â&#x20AC;&#x201C; Processo nÂş 6169/2016 â&#x20AC;&#x201C; Objeto: Registro de preços para aquisição de saibro mĂŠdio de calcĂĄrio (dolomĂ­tica) e brita 2 para atender a Secretaria Municipal de Infraestrutura. HOMOLOGA o referido processo licitatĂłrio, adjudicando seu resultado a empresa: COTA PRINCIPAL (75%) - MINERAĂ&#x2021;Ă&#x192;O BERNAMARTI LTDA, CNPJ sob nÂş 10.214.233/0001-40, com sede na Estrada da Graciosa, S/NÂş - KM 31 â&#x20AC;&#x201C; Campininha, Quatro Barras/PR, vencedora do Item 1 - Lote 1 pelo valor global de R$ 1.855.875,00 (um milhĂŁo, oitocentos e cinquenta e cinco mil, oitocentos e setenta e cinco reais). - PEDREIRAS BOSCARDIN LTDA, CNPJ sob nÂş 77.070.639/0001-78, com sede na Rua Jacob Valenga, s/nÂş, bairro Vila Franca, Piraquara/PR, vencedora do Item 2 - Lote 1 pelo valor global de R$ 450.000,00 (quatrocentos e cinquenta mil reais). COTA RESERVADA (25%) - QB COMERCIO DE MATERIAIS PARA CONSTRUĂ&#x2021;Ă&#x192;O LTDA-ME, CNPJ sob nÂş 00.959.390/0001-21, com sede na Rua Antonio JosĂŠ Dias Pires, 320, Sala A, Ă rea Industrial, Quatro Barras/PR, vencedora do Item 1 â&#x20AC;&#x201C; Lote 2 (exclusivo ME-EPP) pelo valor global de R$ 680.750,00 (seiscentos e oitenta mil, setecentos e cinquenta reais). - CTG MINĂ&#x2030;RIOS LTDA-ME, CNPJ sob nÂş 11.535.641/0001-67, com sede na Rua Benjamim Claudino Barbosa, 13.785, bairro Zacarias â&#x20AC;&#x201C; SĂŁo JosĂŠ dos Pinhais/PR, vencedora do Item 2 â&#x20AC;&#x201C; Lote 2 (exclusivo ME-EPP) pelo valor global de R$ 235.000,00 (duzentos e trinta e cinco mil reais). PalĂĄcio 29 de Janeiro, PrĂŠdio Prefeito Antonio Alceu Zielonka, em 14 de junho de 2016. Marcus Mauricio de Souza Tesserolli - Prefeito Municipal HOMOLOGAĂ&#x2021;Ă&#x192;O E ADJUDICAĂ&#x2021;Ă&#x192;O - PregĂŁo 29/2016 O PREFEITO MUNICIPAL DE PIRAQUARA, Estado do ParanĂĄ, no uso de suas atribuiçþes legais com base na Lei no. 8.666/93 e Lei nÂş. 10.520/02 e de acordo com o procedimento licitatĂłrio e julgamento das propostas apresentadas ao PregĂŁo 29/2016 â&#x20AC;&#x201C; 9.009/2016, que tem por objeto a contratação de empresa especializada para o fornecimento e instalação de gradil e portĂŁo em tela eletrofundida (padrĂŁo Standard/ Eurogard/ Eurocerca), pelo perĂ­odo de 12 meses. HOMOLOGA o referido processo licitatĂłrio, adjudicando seu resultado a empresa BELCERCAS INDĂ&#x161;STRIA E COMĂ&#x2030;RCIO DE ARAMES E TELAS LTDA - EPP, CNPJ sob nÂş. 07.598.814/0001-19 pelo valor global de R$ 129.940,00. Piraquara, 15 de junho de 2016. Marcus MaurĂ­cio de Souza Tesserolli - Prefeito Municipal

Na Ăşltima segunda-feira, a Clinipam abriu seu novo Hospital Ă&#x201D;nix, em Curitiba, o segundo da rede prĂłpria da empresa, que ĂŠ uma das maiores operadoras de planos de saĂşde do Sul do paĂ­s. A unidade fica localizada no bairro SĂŁo Francisco, regiĂŁo da cidade com carĂŞncia de estrutura hospitalar. â&#x20AC;&#x153;Mais do que construir um hospital, nosso objetivo ĂŠ entregar para os nossos mais de 200 mil clientes, qualidade de atendimento. Por isso, apostamos em uma alta estrutura associada ao conceito de humanizaçãoâ&#x20AC;?, comenta o diretor executivo da Clinipam, Cadri Massuda. Para isso, a nova unidade foi projetado com intuito de nĂŁo ter a aparĂŞncia clĂĄssica de um hospital, aplicando o conceito de humanização todos os ambientes. Entre os detalhes estĂŁo: seleção criteriosa das cores usadas nos ambientes, uso de madeira e mĂĄrmore para acabamentos, iluminação indireta nos quartos, linhas contemporâneas na recepção e postos de enfermagem, uniformidade de decoração tanto nos apartamentos quanto nas enfermarias e distribuição de mais de 90 obras de arte ao longo dos corredores e quartos. Os apartamentos sĂŁo equipados com televisĂŁo, frigobar, armĂĄrios, climatização e wi-fi â&#x20AC;&#x201C; assim como a enfermaria que apenas e diferencia pela quantidade de leitos. â&#x20AC;&#x153;Nossa ideia foi criar um local aconchegante, proporcionando aos usuĂĄrios um espaço de cura

e nĂŁo um espaço de doençaâ&#x20AC;?, destaca Massuda. Com 7.000m², o hospital ĂŠ formado por dois prĂŠdios, cada um com cinco andares, e reĂşne: pronto-atendimento adulto, 90 leitos, cinco salas de centro cirĂşrgico e centro de diagnĂłstico completo. â&#x20AC;&#x153;Os prĂŠdios sĂŁo interligados por duas passarelas em andares estratĂŠgicos que facilitam o deslocamento e permitem maior rapidez e agilidade no atendimento aos pacientes, especialmente em situaçþes de emergĂŞnciaâ&#x20AC;?, explica o administrador hospitalar, Newton Elias Gonçalves, responsĂĄvel pela obra. â&#x20AC;&#x153;O hospital reĂşne todos os procedimentos que o paciente pode precisar em um mesmo local, contando com os equipamentos mais modernos que existem no mercado e com uma equipe mĂŠdica altamente capacitada para atender utilizando essa tecnologiaâ&#x20AC;?, comenta Gilton Guilgen, diretor Financeiro e diretor de NegĂłcios da Clinipam. O centro de diagnĂłstico do novo Ă&#x201D;nix conta com equipamentos novos e de Ăşltima geração para realização de ecografias gerais e cardĂ­acas, raio-x, tomografia, ressonância magnĂŠtica, broncoscopia, endoscopia, colonoscopia, alĂŠm de laboratĂłrio de anĂĄlises clĂ­nicas e centro de hemodinâmica. â&#x20AC;&#x153;Concentramos cerca de 95% dos exames que o paciente pode precisar para o diagnĂłstico, o que garante economia de tempo e melhor qualidade de atendimentoâ&#x20AC;?, observa Guilgen.

mais econĂ´mica

Fortti apresenta ducha Flatt, que reduz em atÊ 70% o consumo de ågua A Fortti, marca com o endosso e a qualidade da Lorenzetti, apresenta a ducha Flatt. Ideal para utilização com aquecedores de ågua a gås, a ducha se diferencia pelo redutor de vazão de ågua integrado, que economiza atÊ 70% de ågua sem perder o conforto no banho. A ducha Flatt conta com espalhador articulado, que possibilita o direcionamento do jato, garantindo o bemestar na hora do banho. O espalhador apresenta tambÊm uma rede de contenção de resíduos, que evita a obstrução das saídas de ågua se houver

sujeira na tubulação. â&#x20AC;&#x153;O desafio da Fortti ĂŠ desenvolver produtos que unem acessibilidade e alta performance. Seguindo esses conceitos, desenvolvemos a ducha Flatt, que demonstra que ĂŠ possĂ­vel unir preço acessĂ­vel, conforto e economia de ĂĄgua em um Ăşnico produtoâ&#x20AC;?, destaca Alexandre Tambasco, gerente de marketing da Lorenzetti. A marca Fortti possui em seu portfĂłlio mais de 100 produtos, com soluçþes completas para banheiros, lavabos, cozinhas, ĂĄreas de serviço e jardinagem.

evento

Påtio Batel recebe encontro de tricô neste fim de semana Trocar ideias e dividir experiências: este Ê o objetivo do Dia Internacional de Tricotar em Público. O evento, que este ano serå celebrado no dia 18 de junho, chega à capital paranaense pela primeira vez em um evento realizado no Påtio Batel. Em sua 11º edição, o World Wide Knit in Public Day (WWKiP Day) funciona como um incentivo mundial para a pråtica da tÊcnica. No próximo såbado o

evento reunirå tricoteiros iniciantes e experientes no Påtio Batel, entre as 14h às 18h. Organizado em um espaço aconchegante, na praça de gastronomia do shopping, o encontro Ê um convite especial para tricotar em grupo e bater papo, alÊm de um estímulo para quem estå interessado em aprender. Durante toda a tarde, as organizadoras estarão disponíveis para ensinar os segredos do tricô.


judiciário

Diário Indústria&Comércio

Curitiba, quinta-feira, 16 de junho de 2016 | A6

CONFORTO DO LAR

CNJ aprova regras para servidores do Judiciário trabalharem a distância

O

Plenário do Conselho Nacional de Justiça publicará norma para disciplinar o teletrabalho de servidores em todo o Judiciário brasileiro. Quem optar pelo regime deve ter autorização expressa e alcançar produtividade acima dos índices registrados por colegas que comparecem pessoalmente. A proposta foi apresentada em abril pelo conselheiro Carlos Eduardo Dias e aprovada na sessão desta terçafeira (14/6), mas o texto ainda não foi divulgado. A redação original determinava que os tribunais criassem um sistema de critérios para selecionar os beneficiados, além de abrir possibilidade de que o trabalho a distância fosse total ou só em alguns dias da semana. O servidor inscrito fica proibido de receber em sua casa advogados das partes, sob pena de processo administrativo dis-

ciplinar e suspensão automática da permissão para o home office. O relator defendia que a abertura desses processos deveria ser analisada caso a caso, mas venceu sugestão da corregedora nacional de Justiça, ministra Nancy Andrighi, que votou pela medida automática. Também é proibida a autorização para servidores que saírem do país, exceto em caso de licença para acompanhamento de cônjuge. “Essa era uma situação que me preocupava muito. Temos muitos servidores no exterior e, se eventualmente nós os contemplarmos com essa possibilidade de trabalharem fora do país, esse número aumentará ainda mais”, afirmou na sessão o presidente do CNJ, ministro Ricardo Lewandowski. Segundo o CNJ, a redação do ato normativo foi construída a partir da compilação, pela Secretaria de Gestão de Pessoas,

das 185 sugestões recebidas quando o tema ficou aberto para consulta pública, desde 2015. O conselho defende que a prática é importante para melhorar a qualidade de vida dos funcionários, economizar recursos (papel, energia elétrica e água, por exemplo) nos locais de trabalho e melhorar a mobilidade urbana. Tendência A iniciativa já tem sido adotada por algumas cortes do país. O Supremo Tribunal Federal optou pelo modelo em fevereiro, enquanto o Superior Tribunal de Justiça começou um projeto-piloto em abril. O Tribunal Superior do Trabalho iniciou a prática em 2012, enquanto os tribunais de Justiça de São Paulo e de Santa Catarina regulamentaram no ano passado esse tipo alternativo de trabalho.

INTERPRETAÇÃO EXTENSIVA

Bens essenciais à atividade de microempresa são impenhoráveis Bens essenciais à atividade de microempresa não podem ser penhorados. Com esse entendimento, a Seção Especializada do Tribunal Regional do Trabalho da 9ª Região (PR) confirmou a decisão da 1ª Vara do Trabalho de Maringá e manteve o levantamento da penhora efetuada sobre nove máquinas de uma microempresa do município de Mandaguaçu. Reprodução A decisão, da qual cabe recurso, considerou que a impenhorabilidade que beneficia a pessoa física exercente de atividade profissional e bens ligados diretamente à pro-

fissão desenvolvida (inciso V do artigo 649 do Código de Processo Civil) pode alcançar o empresário individual ou a microempresa que se equipare à pessoa física. “Em regra, a pessoa jurídica não está abrangida pela proteção ao exercício profissional, porque exerce atividade econômica, sendo o exercício de profissão afeto à pessoa física. Porém, a Seção Especializada admite sua extensão ao empresário individual ou à microempresa, conforme entendimento cristalizado no item IX da Orientação Jurisprudencial EX SE 36”, afirmaram os desembargadores no acórdão. Os magistrados enfatizaram

que o objeto social da empresa comprova que os bens penhorados estão diretamente vinculados à sua atividade econômica, visto que as máquinas de costura são necessárias à confecção das peças de vestuário, e a alienação do maquinário impediria a continuidade do negócio. A decisão foi proferida em ação movida por uma costureira, contratada pela microempresa em fevereiro de 2014. Ela trabalhou na confecção até janeiro de 2015. No processo, a empregadora foi condenada a pagar à ex-funcionária diferenças salariais, horas extras, 13º salário, férias vencidas e aviso prévio indenizado, entre outras verbas.

Mesmo sem acordo, incidem juros no pagamento de empréstimo Independentemente de pactuação entre as partes contratantes, os juros de mora são devidos em caso de atraso no pagamento de empréstimos, conforme o artigo 406 do Código Civil. Esse entendimento foi adotado pela 3ª Turma do Superior Tribunal de Justiça ao dar provimento a recurso especial de um banco. Trata-se de um caso em que comerciantes firmaram com a instituição financeira contrato de abertura de crédito em conta-corrente, por meio do qual tiveram acesso a diversos produtos. Insatisfeitos com práticas que consideraram abusivas, ajuizaram ação para revisar contratos de crédito rotativo e de financiamento para aquisição de bens. Em primeira instância, a sentença julgou a ação parcialmente procedente e determinou a revisão das cláusulas e do saldo

devedor resultantes dos contratos de mútuo. Condenou ainda o banco a restituir, ou compensar, os valores indevidamente cobrados na vigência dos contratos. Os autores apelaram, e o Tribunal de Justiça de Santa Catarina limitou os juros remuneratórios à taxa de 6% ao ano, até a entrada em vigor do novo Código Civil, sendo depois elevados a 12% ao ano, vedada a capitalização. Além disso, excluiu a cobrança da comissão de permanência, multa e dos juros de mora, porque o banco não teria apresentado o contrato revisando. No STJ, a instituição financeira defendeu que a limitação dos juros remuneratórios só pode ser determinada em caso de comprovação da sua abusividade e que a multa contratual e os juros de mora devidos no período de inadimplência são encargos que decorrem da própria

lei, “não se podendo afastá-los na hipótese em que o contrato não foi juntado aos autos pela instituição financeira”. Depois disso, em juízo de retratação, o TJ-SC ajustou seu entendimento à orientação firmada no julgamento de recurso repetitivo pelo STJ, no que diz respeito ao limite dos juros remuneratórios. Contudo, o banco ratificou o recurso especial na parte que não foi objeto da retratação, referente à possibilidade de cobrança dos encargos de mora em um dos contratos revisados, que não foi juntado aos autos pela instituição. “Ausente a cópia do contrato por omissão imputável à instituição financeira, de modo a impedir a aferição do percentual ajustado e da própria existência de pactuação, impõe-se observar o critério legalmente estabelecido”, afirmou o ministro Villas Bôas Cueva.

&

Mercado Habitação

Ari Lemos mercadoehabitacao@gmail.com

Feirão no Cabral A 1ª Feira de Imóveis do Cabral e Região reunirá mais de 500 ofertas imobiliárias neste final de semana. O evento contará com a participação de imóveis da Dapo Empreendimentos Imobiliários, a Zilli Construtora, a Plaenge Empreendimentos, a Terrasse Engenharia e Construções, a Vincere Construtora e Incorporadora e a Stroebel Construtora. “Trabalharemos com tabelas atrativas durante os dois dias de feira, sempre com preços especiais para

imóveis de diferentes padrões”, adianta Milton Ribeiro, sócio-proprietário da Axis 21 Imóveis e organizador da Feira, que ocorrerá na sede do Cabral, na Av. Munhoz da Rocha, 884.

Casa Cor I A Arauco do Brasil, indústria de painéis de madeira, definiu novamente como estratégia de marketing apresentar suas novidades ao mercado paranaense na Casa Cor 2016, com o apoio de um time de profissionais de arquitetura e decoração com alto nível técnico e criativo, como Eduardo Mourão, Samara Barbosa, Viviane Tabalipa, Viviane Loyola, Renata Squario, Wolfgang Schlögel e a dupla Joselia Pereira Barbosa e Maurete Schumacher.

Flávio Baraf, coordenador de comunicação da Arauco, acompanhado de Marina Nessi, diretora Casa Cor PR “A Casa Cor é uma excelente oportunidade para gerar uma experiência positiva com o público, que poderá visualizar inúmeras possibilidades de aplicações”, destacou o coordenador de comunicação da Arauco, Flávio Baraf.

Casa Cor II A Cosy Home, especializada em tecidos, papéis de parede e persianas também estará na Casa Cor Paraná. Suas texturas se destacam na composição do “Home Íntimo do Casal”, espaço da arquiteta Mariana Paula Souza. Além disso, a empresa tem outra novidade, sua nova sede que será inaugurada na próxima segunda-feira Nitsa Vianna, Mariana Paula Souza e (20), localizada na Rua Bruno Filgueira, nº1352. Andrea Santos Vianna

Estrelando

Making of da gravação da nova campanha

A A.Yoshii Engenharia vai lançar em breve uma nova campanha publicitária para divulgar seu primeiro empreendimento em Curitiba: o Maison Heritage Ecoville, com previsão de entrega para 2019. Mais uma vez, o garotopropaganda será o ator Carlos Casagrande, que nesta semana gravou cenas no showroom da construtora, localizado no Batel.

Localização Premium A incorporadora AG7 Realty, juntamente com o grupo de investimentos KSM, realizará hoje o pré-lançamento do residencial Ícaro Jardins do Graciosa para a imprensa. O empreendimento, que será erguido em frente à sede do Graciosa Country Club, tem projeto arquitetônico assinado pelo Studio Arthur Casas e o projeto paisagístico de Renata Tilli.

Fachada do Ícaro Jardins do Graciosa

Comidas e descontos A Cyrela vai reunir duas coisas boas neste sábado: condições especiais para compra de imóveis e food trucks. A ação ocorrerá das 9h às 20h na central de vendas da construtora na Rua Nicolau Maeder, 289 – Juvevê. Up Life Pinheirinho, um dos empreendimentos disponíveis

STF divulga entendimento sobre empresa que presta serviço público Os entendimentos sobre a natureza jurídica da prestação de serviço de água ou energia elétrica, bem como os prazos prescricionais das ações contra as concessionários por repetição de indébito foram disponibiliza-

dos pelo Superior Tribunal de Justiça no Pesquisa Pronta. O STJ já decidiu, sob o rito de recursos repetitivos, que em casos relacionados ao prazo prescricional das ações movidas contra pessoa jurídica de direito

privado prestadora de serviços públicos, a prescrição a ser aplicada é a prevista no Código Civil, ou seja, de 10 ou 20 anos para as ações, dependendo de qual código estava em vigor na época do ingresso da ação.


INTERNACIONAL

Diário Indústria&Comércio

Curitiba, quinta-feira, 16 de junho de 2016 | A7

Aroldo Murá G. Haygert

TRAGÉDIA

Mulher de atirador sabia do atentado e poderá ser acusada Noor Salman poderá ser acusada em breve de participação no massacre de Orlando, o maior atentado a tiro da história moderna dos Estados Unidos

Omar Mateen tinha 29 anos, era cidadão norte-americano e os pais são imigrantes afegãos

A

mulher de Omar Mateen, o atirador que matou 49 pessoas e feriu mais de 50 na boate Pulse, em Orlando, na Flórida, sabia dos planos do marido para o ataque. Por isso, a mulher - Noor Salman - poderá ser acusada em breve de participação no massacre de Orlando, o maior atentado a tiro da história moderna dos Estados Unidos. A notícia sobre o indiciamento formal de Noor Salman foi divulgada pela agência de notícias Reuters, que atribuiu a informação a fontes da polícia. A boate é um local de entretenimento destinado ao público LGBT (lésbicas, gays, bissexuais, travestis, transexuais e transgêneros). O massacre ocorreu na madrugada do último domingo. Omar Mateen foi morto a tiros pela polícia depois de permane-

Miguel Reale Jr., na homenagem a Dotti: "Sou-lhe o devedor eterno" Na conferência de aberDotti lembrou ainda do pai, tura, Miguel Reale Júnior, Gabriel, pintor de paredes, um dos autores do pedido e da irmã Rose. de abertura do processo de impeachment da presidente FAMÍLIA Dilma Rousseff, declarou Dotti falou também sua admiração pelo eterno da família formada com entusiasmo do professor a companheira Rosarita, Dotti. “É um sonhador com começando por citar a os pés no chão. Sou eterno filha, Rogéria Dotti, com devedor dos efeitos que quem compartilha o ofício. esse entusiasmo tem sobre “Muitas vezes, no cotidiano minha vida”, afirmou. do trabalho, divergimos e Reale explicou aos percebo, depois, que ela presentes que escolheu tem razão. E me dá uma falar sobre a evolução do A mesa na cerimônia de homenagem, com Renê Dotti à esquerda vontade, não confessada Direito justamente porque e Miguel Reale Jr. no centro até agora, de pegá-la no essa renovação pede homens inovadores, fende o uso do consentimento do ofendido colo e dar um beijo, como eu fazia na como René Dotti. O jurista paulista elegeu para a ortotanásia, que é o respeito ao sua infância. o consentimento do ofendido como ponto curso natural da vida, sem prolongamentos Claudinha, a outra filha, escolheu a de partida das suas digressões. Para ele, artificiais da vida, mas sem a indução que veterinária por amor desvelado aos aniessa figura jurídica foi tratada com me- configura a eutanásia. O tema, aliás, será mais. Há ainda os netos: Gabriel, Pedro, noscabo no Código Penal de 1940, mas tratado em uma das mesas redondas sobre Lucas e Henrique, uma revolução afetiva temas bioéticos que o Instituto Ciência e Fé realizará no dia 6 de agosto.

NATA JURÍDICA

cer três horas no clube. Antes de atirar, Mateen ligou para o serviço de atendimento ao público da polícia e disse que tinha lealdade ao Estado Islâmico e a outros grupos militantes muçulmanos. Em entrevista à rede de televisão CNN, o senador norte-americano Angus King, integrante do Comitê de Inteligência do Senado, disse que recebeu informações sobre as investigações a respeito do massacre, que confirmam o envolvimento de Noor Salman. “Parece que ela tinha algum conhecimento do que estava acontecendo”, afirmou. O senador acrescentou que Noor Salman está cooperando com as investigações e poderá fornecer informações importantes sobre o atentado. Até agora, as investigações mostram que Omar Mateen era uma pessoa que se orientava

por informações que colhia na internet. Não há evidências de que tenha recebido instruções de grupos do exterior como, por exemplo, o Estado Islâmico. O atirador tinha 29 anos, era cidadão norte-americano e os pais são imigrantes afegãos. Em entrevista, o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, descreveu Omar Mateen como um jovem perturbado, que se transformou nos últimos anos em um homem “irritado, instável e radicalizado”. A polícia também está investigando as informações, recebidas de várias fontes, de que Omar Mateen seria um frequentador habitual de clubes gays, inclusive da boate Pulse. As informações das fontes, publicadas na imprensa norteamericana, dizem que Mateen tinha interesse em acessar sites de namoro gay na internet.

POLÊMICA

Alemanha quer reprimir poligamia religiosa Em entrevista ao jornal Bild, na terça-feira, o ministro alemão da Justiça, Heiko Maas, prometeu reprimir a poligamia religiosa, impedindo muçulmanos de manter casamentos múltiplos no país. “Ninguém que vem até nós tem o direito de colocar suas raízes culturais ou suas crenças religiosas acima de nossas leis”, afirmou Maas ao tabloide alemão, acrescentando que “por esse motivo, casamentos

Contato com o jornalista: aroldo@cienciaefe.org.br

múltiplos não podem ser reconhecidos na Alemanha”. O jornal alega que, embora a poligamia já seja proibida no país, as autoridades responsáveis “muitas vezes fazem vista grossa”, se um migrante muçulmano traz diversas esposas para o país. Maas declarou que é preciso combater os casamentos arranjados, especialmente se há menores de idade envolvidas. “Temos que avaliar isso com

muito cuidado. Não podemos tolerar casamentos forçados.” Na realidade, as bases legais já são bastante claras. A poligamia não é somente ilegal na Alemanha, mas também um crime, e as autoridades não podem registrar mais de uma mulher como esposa do mesmo homem, seja ele migrante ou não. Nem o jornal Bild nem o Ministério da Justiça detalharam quais medidas poderiam ser implementadas para coibir a poligamia.

Miguel Reale Jr.

ganha relevo nos tempos que correm. Para ilustrar sua tese, Miguel Reale citou o exemplo das discussões sobre os tratamentos médicos de pacientes terminais. “O desenvolvimento científico e bioético trouxe novas perspectivas ao Direito. Não é mais o médico o doutor de toda a ciência, nem o paciente é submisso. O médico agora tem o dever de informar o paciente sobre todas as condições a que está sujeito e saber se está de acordo com o tratamento. O paciente, por sua vez, tem direito de aceitar ou não. Muda-se absolutamente a relação médico-paciente. Isso está estabelecido no Código de Ética Médica editado pelo Conselho Federal de Medicina em 2010”, afirmou. Reale fez questão de destacar que de-

Portugal pode incluir cardápio vegetariano em cantinas O Parlamento português discute hoje um projeto que inclui opções de refeições vegetarianas em todas as cantinas públicas do país. A medida é defendida pelo partido Pessoas-Animais-Natureza (PAN). Em março, a legenda apresentou à Assembleia da República um texto para que escolas, universidades e hospitais portugueses ofereçam alimentação vegetariana. Aproximadamente 12 mil assinaturas apoiaram o projeto de lei. André Silva, autor do projeto de lei e único deputado do PAN na Assembleia da República, explica que Portugal tem as condições necessárias para adotar uma dieta vegetariana: produção vegetal de elevada qualidade e grande variedade sazonal.

Em nota publicada no site do partido, o PAN destaca que há um crescente interesse dos cidadãos pelas dietas vegetarianas, e a procura de alternativas alimentares saudáveis tem estimulado a oferta. “As perspectivas são de que cada vez mais pessoas procurem essas opções, devendo aumentar a procura não só por pessoas que sigam uma dieta vegetariana, mas também por outras pessoas.” O partido cita a publicação As Linhas de Orientação para uma Alimentação Vegetariana Saudável, lançada ano passado pela Direção-Geral de Saúde de Portugal, e defende que a inclusão de uma alternativa vegetariana em todas as cantinas públicas tem motivações pedagógicas, ambientais e de saúde. Para o PAN, a medi-

da também é uma forma de impedir a discriminação das pessoas que já seguem essa dieta, mas que dificilmente conseguem fazer uma refeição fora de casa. Preconceito O PAN defende ainda que o projeto é especialmente relevante para crianças e jovens. “[Eles] estão cada vez mais seguindo esse tipo de alimentação e se sentem muitas vezes discriminados nas escolas, pelos colegas, professores, auxiliares, por comerem comida diferente, necessariamente trazida de casa. Com a introdução desta opção nas escolas, essa discriminação deixa de existir e as demais pessoas passam a encarar esse tipo de alimentação com normalidade.”

TRABALHO E ESTUDO

Extremamente comovido, o homenageado afirmou que sua vida profissional está conformada por um triângulo escaleno: trabalho, estudo e esperança. Dotti lembrou do pedido que lhe fez a mãe, Adelina, em 1961, quando abriu seu primeiro escritório, em uma pequena sala alugada. “Ela me rogou que nunca me esquecesse de ajudar os pobres e que agradecesse a Deus por poder oferecer solidariedade em vez de necessitá-la”, recordou.

René Dotti

para mim e para minha companheira Rosarita, que me ajuda a sonhar de olhos abertos”, disse.

CULTURA

Anfitrião da noite, o presidente da OAB Paraná, José Augusto Araújo de Noronha, falou da contribuição de René Dotti também na área cultural, lembrando de sua atuação como Secretário de Cultura do Estado do Paraná e de sua presença na Academia Paranaense de Letras, onde ocupa a cadeira de número 3. Os demais oradores da noite foram pródigos em elogios à magistral carreira jurídica de Dotti, ressaltando, sobretudo, sua coragem na defesa de perseguidos pela ditadura militar nos anos 60 e 70.

JORNALISTAS GANHAM PREMIO DA ANJ, MAS SÃO CONDENADOS A DEAMBULAR O presidente da Associação dos Magistrados do Brasil divulgou dia 15, quarta, nota ontem condenando a premiação da Associação Nacional de Jornais (ANJ) conferida a série de reportagens da Gazeta do Povo, reconhecimento pela série de reportagens sobre vencimentos da magistratura paranaense. Dura, a nota da AMB, a certo trecho diz: "A postura da Associação Nacional de Jornais (ANJ) de premiar jornalistas por matéria tendenciosa sobre os vencimentos da magistratura é um atentado ao direito à informação. Laurear o jornalismo irresponsável e voltado a descredibilizar a magistratura brasileira atenta não somente contra o Poder Judiciário, mas contra cada

cidadão brasileiro que tem o direito de ser bem informado". A coluna não fica alheia à premiação, e reconhece que o esforço jornalístico da equipe da Gazeta do Povo presta um serviço à comunidade, especialmente numa hora como atual, em que o desemprego, o arroxo salarial e a falta de perspectiva profissional atingem fortemente sobretudo as novas gerações. Conhecendo a idoneidade e a qualidade profissional dos jornalistas que trabalharam o tema vencedor do prêmio da ANJ, não elimina, no entanto, a possibilidade de as reportagens serem contestadas e discutidas pelas partes que se consideraram ofendidas, juízes e promotores. Isso é

democrático e republicano. O que é de todo inaceitável é que a mão pesada dos homens e mulheres que julgam e têm um enorme poder judicante em suas mãos, joguem dessa maneira como o fazem com relação aos jornalistas da Gazeta do Povo: determinando-lhes um "castigo" deambulatório, sem direito a recurso judicial. De qualquer forma, deve-se reconhecer que o triste episódio cerceador da liberdade de imprensa revelou um dado surpreendente. Juízes podem ser extremamente céleres quando julgam seus interesses, bem ao contrário do que, na média, ocorre quando julgam os dos simples mortais.

STEPHANES JUNIOR É CANDIDATO A PREFEITO STEPHANES JUNIOR (3)

A bancada do Partido Socialista Brasileiro - PSB, na Assembleia Legislativa do Paraná, integrada pelos deputados Alexandre Curi, Jonas Guimarães, Luiz Claudio Romanelli, Tiago Amaral, Stephanes Junior e Artagão Júnior, da Secretaria de Justiça do Paraná, diante da desistência da candidatura do deputado federal Luciano Ducci à Prefeitura de Curitiba, manifestou ontem, 15, apoio à candidatura do deputado estadual Stephanes Junior como candidato do partido a prefeito de Curitiba.

STEPHANES JUNIOR (2)

DEBATE

Além do jurista Miguel Reale Júnior, a noite de gala do evento de abertura em homenagem ao professor René Dotti reuniu o presidente do Instituto dos Advogados Brasileiros (IAB), Técio Lins e Silva; o presidente da OAB Paraná, José Augusto Araújo de Noronha; os expresidentes da seccional Juliano Breda e José Lúcio Glomb, presidente do Instituto dos Advogados do Paraná; o presidente do Tribunal de Justiça do Paraná, Paulo Vasconcelos e o desembargador Sérgio Murilo Rodrigues Lemos, do Tribunal Regional do Trabalho.

A nota ontem, 15, divulgada pela Assessoria de Stephanes Junior registra o seguinte: "Stephanes Junior é formado em Economia pela Universidade Federal do Paraná, e procurou se preparar para a vida profissional e política, logo após se formar viajou para Alemanha e fez especialização em cultura e democracia no Instituo Friderick Malman, e pós-graduação e MBA em desafios da liderança na Universidade Federal do Rio de Janeiro e especialização em Oportunidades do Mercado Global estudo realizado em Harward nos Estados

Stephanes Junior

Unidos. Desde a juventude destacava-se como entusiasta da vida política, participando de movimentos estudantis da UFPR. Aos 30 anos recebeu convite para ser Secretário Estadual de Administração, exatamente no momento em que se estabilizava na vida privada como diretor de uma importante empresa, entretanto a paixão pela vida pública sobressaiu e assumiu o cargo dando ênfase a capacitação dos funcionários públicos. Pouco depois tornou-se diretor do Instituto Liberal do Paraná."

E finaliza: "Stephanes Junior começou sua vida pública como vereador em 2000 com 12.052 votos, e reeleito em 2004 com 14.541 votos, em 2006 elegeu-se deputado estadual do Paraná, com 37.955 votos. Ao estado do Paraná Stephanes Junior criou a importante emenda que reduziu o recesso parlamentar de 90 para 55 dias, acabando com o “Jeton”, que estipulava o pagamento extra a deputados durante as convocações extraordinárias, o que representa uma economia de aproximadamente R$ 1 milhão para os cofres públicos. Em 2010 se reelegeu como deputado estadual com 43.417 votos, renovou o Paraná com seu compromisso pelo desenvolvimento do estado e o fortalecimento dos municípios paranaenses. Em 2016 retornou à Assembleia Legislativa do Paraná com 39.965 votos, ingressando em uma nova sigla partidária PSB. "Uma vez candidato à prefeitura de Curitiba, Stephanes Junior vai continuar lutando pelas áreas que tem defendido nos últimos anos, como a saúde, segurança, educação, defesa dos animais, meio ambiente, infraestrutura e desenvolvimento social."

OPINIÃO DE VALOR IRREGULARIDADES PARALISAM REFORMA AGRÁRIA Paulo Henrique Chaves (*)

O TCU (Tribunal de Contas da União) determinou na quarta-feira (7) ao Incra (Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária) a imediata paralisação do programa de reforma agrária no país. O programa atinge hoje 1,5 milhão de famílias e, pela decisão do órgão, não poderão ser mais cadastrados ou assentados novos beneficiários. Na prática, o programa já está paralisado por falta de dinheiro, conforme mostrou reportagem da Folha de S.Paulo do mês passado. De acordo com o TCU, sem a medida cautelar de interrupção de novos cadastros, o país poderia ter um prejuízo de R$ 2,5 bilhões até 2018. A medida foi tomada após o tribunal

identificar mais de 578 mil beneficiários irregulares do programa do governo federal, ao cruzar a base de dados do Incra com outros bancos de dados. Entre as irregularidades na relação de beneficiários, foram identificados 1.017 políticos. Há também 61.965 empresários, 144.621 servidores públicos e 37.997 pessoas falecidas. Essas pessoas, pelas regras, não teriam direito aos lotes distribuídos no programa. A auditoria revelou ainda que 19.393 dos cadastrados são donos de veículos de luxo, de marcas como Porsche, Land Rover e Volvo. “O programa não está sendo efetivo ao permitir que indivíduos que não estão no público-alvo do PNRA [Programa Nacional

de Reforma Agrária] ocupem o lugar do público esperado”, afirma o relator do caso, ministro Augusto Sherman. Em sua defesa, o Incra informou ao TCU que já vinha fazendo cruzamentos para identificar problemas no cadastro, tendo retirado da lista 38 mil famílias que estavam irregulares. Mas, segundo o órgão, as medidas estavam sendo tomadas de forma morosa, não se mostraram suficientes e havia risco de cadastramento de novos beneficiários irregulares.

https://www.facebook.com/aroldomuraghaygert

(*) Paulo Henrique Chaves é Escritor, professor e colaborador da ABIM (Agência Boa Imprensa) Fonte: Agência Boa Imprensa


arquitetura

Diário Indústria&Comércio

Curitiba, quinta-feira, 16 de junho de 2016 | A8

Tendência em móveis

Arquiteta auxilia na escolha entre planejado, sob medida ou solto Objetivo é compor um lar com mais funcionalidade e beleza

E

xiste uma forte tendência em utilizar móveis soltos novamente nos ambientes, principalmente se for um produto assinado ou com algum valor agregado. Mas os móveis sob medida ou planejados ainda não saíram de moda. No momento de misturar as três formas, é importante garantir uma composição harmoniosa. “Geralmente o uso de vários tons amadeirados correm o risco de sobrecarregar no efeito do conjunto, mas se essa for a inten-

te executado pelas marcenarias, e seguem com maior fidelidade o projeto original no sentido de não sofrer adaptações por causa dos módulos. Os dois tipos de fabricação são focados numa solução personalizada. “Quando o móvel segue uma exigência quanto às medidas exatas, ou tem de possuir detalhes mais complexos, como por exemplo nichos diagonais de adega ou formatos orgânicos (mais arredondados), indica-se o uso do móvel sob medida. ção nada impede de utilizá-los”, comenta Katalin Stammer, designer, arquiteta e supervisora dos cursos de Design de Interiores, Decoração de Ambientes e Design de Jardins do Centro Europeu de Curitiba. Há diferença entre os modelos. O móvel planejado é geralmente realizado pelas lojas por meio de uma modulação pré-estabelecida pela fábrica, ou seja, acaba tendo algumas limitações quanto a tamanhos de módulos. Sob medida é geralmen-

Composição

Casa de campo une estilos rústico e moderno O estilo rústico em sintonia com a modernidade e conforto para uma casa de campo de 280 metros quadrados aparecem em cada ângulo do projeto das arquitetas Jocymara Nicolau e Andréa Posonski, do NP Arquitetura. Localizada em Porto União (SC), a casa teve os projetos arquitetônico, de interiores e paisagístico elaborados pela dupla de profissionais, atendendo as demandas de uma família que aprecia passar os fins de semana bem perto da natureza. Segundo as arquitetas, a principal solicitação do cliente era de que a casa, apesar de ser pequena, fosse integrada, confortável e favorecesse a convivência e o encontro. Esse espaço ficou

traduzido no amplo ambiente de convivência formado pela sala de jantar, estar e cozinha gourmet unidos harmoniosamente. A varanda, por sua vez, dá continuidade à proposta do projeto, com redes e móveis em madeira. “Em uma ala posterior da residência, os dormitórios estão separados da área social pela circulação, enriquecida com vista de um lago de carpas. Essa ‘pausa’ permite intimidade e silêncio para quem deseja desfrutar momentos de descanso”, explica a arquiteta Jocymara Nicolau. Já na parte externa, a arquiteta Andréa Posonski comenta que o projeto luminotécnico cria um cenário romântico e acon-

NP Arquitetura realiza projeto arquitetônico, de interiores e paisagístico em residência de 280m²

chegante, com destaque pela luz pontuada nas palmeiras que circundam a casa e na evidência do lago, sendo um convite a ficar na varanda apreciando a noite. As profissionais reforçam que a linguagem rústica é bem dosada e traz também conforto, proporcionando convivência e repouso.

1º EURODECOR

Evento de decoração acontece na Móveis Campo Largo Começou na terça-feira (14), a primeira edição da mostra EURODECOR. Promovido pelo curso de Decoração de Ambientes do Centro Europeu, uma das principais escolas de profissões da América Latina, o evento vai apresentar, na Móveis Campo Largo – Santa Felicidade, ambientes desenvolvidos por alunos da instituição. A mostra, que fica em cartaz até o dia 04 de julho, é coordenada pela decoradora Lisiane Freitas e terá seis ambientes: Hall de entrada (Marjorie Azevedo e Regina Krichenko), Sala de estar de um jovem casal (Gislene Dalla Rosa e Marissol Bartholomei), Sala de jantar de um casal maduro (Ana Claudia Justus e

Cleusa Varela), Loft masculino (Dili Mattge e Cynthia Bondan), Sala de jantar de um jovem casal (Adriana Oliveira e Bruna Ferreira) e Sala de estar e jantar de uma dupla de amigas jovens (Aline Teodoro Kuzma e Fernanda Stela Cocicov). A primeira edição do EURODECOR será realizada na Móveis Campo Largo – Santa Felicidade (Avenida Manuel Ribas, 5401). A entrada para a mostra é gratuita e os trabalhos podem ser visitados de segunda a sexta, das 9h às 19h; aos sábados, das 9h às 18h; e aos domingos e feriados, das 13h às 18h. Mais informações nos sites www.centroeuropeu.com. br ou www.moveiscampolargo.com.br.

Loja especializada

Cosy Home tem novo endereço em Curitiba A loja especializada em tecidos, papéis de parede e persianas muda de endereço para o bairro Bigorrilho, tradicional região do setor de decoração No próximo dia 20 de junho, segunda-feira, a Cosy Home, loja especializada em tecidos, papéis de parede e persianas, estará atendendo em um novo endereço. A nova casa estará localizada na Rua Bruno Filgueira, nº1352, no bairro Bigorrilho, e contará com cerca de 180 m² para oferecer ao público curitibano produtos das principais marcas e de designers nacionais e interna-

cionais. Ao todo são mais de 10 mil opções de tecidos e mais de 450 catálogos de papéis de parede (com centenas de opções cada um), além de diversos modelos e acabamentos de persianas que continuarão disponíveis no novo espaço. O principal objetivo da mudança é reafirmar a posição da loja em uma região específica da capital. “Vamos levar a Cosy Home para

o centro do setor de decoração de Curitiba. Esse novo espaço, que terá realmente a disposição e estética de uma casa, para que os clientes sintam-se “em casa”, contiuará trazendo a variedade de papéis de parede e tecidos e o atendimento personalizado, nossa marca registrada”, afirma a designer de produto e sócia da Cosy Home, Nitsa Vianna.

exóticos e translúcidos

Pedras nobres permitem abusar da iluminação para destacar material

As pedras podem ser empregadas em revestimentos de bancadas, tetos, paredes, painéis, escadas, entre outros, mas a Ônix merece uma maior atenção antes da escolha do local em que será aplicada

As pedras podem ser empregadas em revestimentos de bancadas, tetos, paredes, painéis, escadas, entre outros, mas a Ônix merece uma maior atenção antes da escolha do local em que será aplicada Usados para revestimentos em diversos ambientes, as rochas ornamentais personalizam os espaços em que são inseridos. Além da beleza, a resistência e durabilidade das pedras são as principais qualidades que as colocam entre as favoritas no quesito acabamento. Dentre as diversas opções encontradas no mercado de decoração, as pedras translúcidas se destacam pela beleza aliada à iluminação natural, como é o caso da pedra Ônix que é naturalmente translúcida ou Slimstone e Pietra Fina. Com características únicas, as rochas contam com diversas possibilidades de uso. Segundo o diretor técnico do Studio Carrara, Paulo Dvulhatka, a pedra Ônix é uma variedade de Quartzo, por isso é bastante resistente. “Ela é quase um mineral puro e a sua beleza não é comparada a nenhuma outra rocha, tanto que é possível notar de perto os desenhos formados pelos ‘veios’ da pedra”, comenta. Já o Slimstone e Pietra Fina é produzida por meio de um processo de corte exclusivo, em que a pedra em si possui 5mm de espessura e o restante do material é uma estrutura de núcleo alveolar. Esse processo pode ser feito com mármore ou granito e torna o material translúcidos, pela rocha estar em uma camada muito fina, além de resistente e leve, podendo ser aplicada até em tetos sem o risco de cair”, explica Paulo Dvulhatka. As pedras podem ser empregadas em revestimentos de bancadas, tetos, paredes, painéis, escadas, entre outros, mas a Ônix merece uma maior atenção antes da escolha do local em que será aplicada. “Por ser um material natural, é importante posicionar em áreas estratégicas para que não tenha o risco de danificar a pedra, principalmente em locais de grande fluxo de passagem”, recomenda o diretor comercial do Studio Carrara, Joaquim Guimarães. Por conta das características únicas e por não ser encontrada facilmente, a raridade e a exclusividade da pedra Ônix são traduzidas em um custo mais elevado quando comparado ao valor do Slimstone e Pietra Fina. A diferença de preço pode até chegar ao dobro.


negócios

Diário Indústria&Comércio

Curitiba, quinta-feira, 16 de junho de 2016 | B1

paraná

opções

AsBEA movimenta empresas do setor de arquitetura Reuniões de arquitetos diretores da associação acontecem dentro das empresas colaboradoras

A

AsBEA-PR, Associação Brasileira de Escritórios de Arquitetura do Paraná, contribui para o desenvolvimento contínuo da arquitetura, sua valorização, respeito e reconhecimento no país. Além de contar com 71 escritórios associados, a entidade também tem o apoio de empresas colaboradoras, que prestam serviços ou comercializam produtos relacionados ao setor de arquitetura, construção civil e decoração de interiores. Para estreitar o relacionamento entre os arquitetos e as empresas, a diretoria da AsBEA-PR agora realiza reuniões quinzenais nas sedes dos colaboradores da entidade. Assim, os arquitetos que fazem parte da diretoria têm a oportunidade de conhecer as diferentes empresas e indicálas aos seus clientes e colegas de profissão. “Esta é a uma das

amarelas, que proporcionam mais aconchego e relaxamento nos dias mais frios”, sugere Meridiana. A instalação de pisos laminados e painéis de madeira em apenas uma parede da sala, assim como a utilização de pisos acetinados ou foscos em diversos ambientes da casa são alternativas para deixar o lar aquecido durante o inverno. Além disso, existem produtos específicos para aquecimento, como aquecedores móveis, duchas elétricas e produtos de vedação, que evitam a passagem do ar frio.

ISAE lança horta orgânica Além de contar com 71 escritórios associados, a entidade também tem o apoio de empresas colaboradoras ações que disponibilizamos às nossas colaboradoras, além de inclui-las nos nossos eventos e

workshops para os profissionais, sempre exaltando a qualidade e confiabilidade de seus produtos

e serviços”, comenta o arquiteto e presidente da AsBEA-PR, Keiro Yamawaki.

Oi Futuro lança site do Museu das Telecomunicações des. Um dos destaques é a linha do tempo que narra toda a história das telecomunicações, desde a invenção do telefone à Internet das Coisas”, explica Bruna Cruz, museóloga do Oi Futuro. O Museu das Telecomunicações no Rio de Janeiro fica localizado no prédio do Oi Futuro, no Flamengo. O acesso é gratuito e aberto para pessoas de todas as idades. Visitas guiadas e para grupos podem ser marcadas de terça a sexta-feira (às 10h / 13h / 15h) e aos sábados (às 11h).

comemoração

TOMRA Recycling celebra 20º aniversário na IFAT Munique No 50º aniversário da IFAT Munique, há também um marco importante a destacar: a secção da TOMRA Recycling comemora duas décadas de negócios bem sucedidos. Lançada inicialmente como empresa norueguesa TITECH Autosort em 1996, a empresa emergiu a partir de um projeto P&D que se iniciou em 1993. Combinando a sua experiência comprovada na prática com a sua pioneira tecnologia, a TOMRA Sorting Recycling projeta e fabrica atualmente inovadora tecnologia de separação baseada em sensores óticos para a indústria de reciclagem global e de tratamento de resíduos. Inovação contínua e avanços

Com a chegada da estação mais fria do ano, as pessoas buscam deixar a casa mais quente e aconchegante para receber o inverno com conforto. Pensando nisso, a Gerente Regional do Paraná, Meridiana Franceschina, dá dicas para aquecer o lar. “Para as paredes, recomenda-se o uso de tintas de cores quentes, como vermelho, laranja e marrom. Assim, todo o ambiente aparentará estar mais aquecido e aconchegante. A iluminação também é importante, por isso, dê preferência às lâmpadas

ensino

história

Você sabia que uma das primeiras linhas de telefone do Brasil pertenceu a Dom Pedro II? Para divulgar informações e curiosidades como essa, o Oi Futuro lançou o site do Museu das Telecomunicações, uma plataforma digital para você conhecer mais sobre telecom e o acervo tecnológico, documental e fotográfico da Companhia, além de descobrir o quanto a Oi é pioneira em serviços de telecom no Brasil. “O site traz notícias e pesquisas sobre o museu e suas ativida-

Telhanorte apresenta soluções para aquecer a casa durante o inverno

tecnológicos Responsável pela introdução do primeiro sensor de infravermelho próximo (NIR) utilizado para a separação de resíduos, a TOMRA Sorting Recycling continua a ser pioneira na indústria, com os seus métodos sofisticados de extração de frações de alta pureza à partir de resíduos urbanos, maximizando tanto a produtividade e os lucros. O portfólio de sensores da empresa se expandiu, principalmente pelas significativas aquisições de empresas como a RealVisionsort, CommodasUltrasort, Odenberg e Best, bem como através do uso simples ou de multi-sensores permitiu estender o número de aplicações de seleção por senso-

TOMRA Sorting Recycling projeta e fabrica atualmente inovadora tecnologia de separação baseada em sensores óticos res. Esta estratégia continua a criar novas oportunidades para as empresas no que diz respeito à recuperação de materiais reciclá-

veis, permitindo-as dar resposta de forma cada vez mais flexível às exigências atuais e futuras de mercado.

Poucas instituições brasileiras têm uma preocupação tão grande com os conceitos da sustentabilidade quanto o Instituto Superior de Administração e Economia (ISAE), de Curitiba. A escola de negócios curitibana é, por exemplo, signatária dos Princípios para Educação Executiva Responsável (PRME) da ONU e realiza anualmente o seu Plano Gerenciador de Resíduos Sólidos e Inventário de CO2, ambos disponíveis para consulta em seus Relatórios de Sustentabilidade. Seguindo essa política de atuação, o ISAE acaba de lançar sua própria Horta Orgânica. Estruturada em caixotes feitos com madeira reaproveitada, a Horta conta com sementes de temperos, chás, verduras, legumes e frutas. “Ter uma horta orgânica dentro de uma escola de negócios representa todo o esforço do ISAE em promover a atenção com o meio ambiente como valor fundamental para o desenvolvimento sustentável”, explica Norman de Paula Arruda Filho, presidente do ISAE.

Os alimentos colhidos da horta serão destinados para uma instituição beneficente da capital paranaense e, também, para os colaboradores do ISAE. Além disso, a horta vai funcionar como um espaço colaborativo, onde os próprios colaboradores podem doar sementes para cultivo e fazer parte do processo de manutenção do espaço. Para envolver os alunos, serão ofertadas oficinas gratuitas para os alunos sobre a temática da horta na programação do próximo ano. “A criação da horta é mais uma das nossas ações voltadas para a promoção da sustentabilidade no meio empresarial. Em 2015, já havíamos iniciado um projeto de metas de sustentabilidade para todas as áreas da Instituição e a horta vem para se somar aos esforços”, completa Norman de Paula Arruda Filho. O Instituto Superior de Administração e Economia (ISAE) fica na Avenida Visconde de Guarapuava (nº 2943). Mais informações pelo telefone (41) 3388-7800 ou no site www.isaebrasil.com.br.

saúde

Frischmann Aisengart promove Ciclo de Eventos Científicos Mais de 50 médicos participaram na última terçafeira (14) do Ciclo de Eventos Científicos de Relacionamento Médico do Laboratório Frischmann Aisengart. O encontro teve como tema “Provas Laboratoriais de Absorção”, e contou com palestras das mádicas Adriane Celli, Médica Gastroenterologista Pediatra e Professora do Departamento de Pediatria da Universidade Federal do Paraná, e Salma Ali El Chab Parolin, Médica

Endocrinologista e Professora da Faculdade de Medicina da PUCPR. As especialistas trouxeram informações atualizadas sobre curvas glicêmicas e outras provas de absorção como a lactose. O encontro foi seguido de um jantar preparado pelo chef Celso Freire. O objetivo do Frischmann Aisengart é estreitar relacionamento e promover atualização científica e debates de qualidade entre a classe médica.


ViaGastronômica

Curitiba, quinta-feira, 16 de junho de 2016 - B2

Júlio Zaruch juliozaruch@gmail.com

Castro tem festival da carne suína O

domingo 19 de junho marca a realização, em Castro (PR) do 1º Festival da Carne Suína Alegra, nas dependências da Cidade do Leite, anexa ao parque de exposições Dario Macedo, que fica no km 198 da PR 340, estrada de acesso à Castrolanda. O evento, dedicado ao incentivo do consumo da carne suína, é uma realização conjunta de três cooperativas - Frísia (antiga Batavo), Castrolanda e Capal – e terá shows. Os ingressos custam R$ 35 para maiores de 15 anos e R$ 20, para idades entre 6 e 14, valores referentes a almoço completo, sem bebidas. Informações: 3234-8215. A Alegra Food é marca paranaense de

carnes nobres suínas desenvolvida em conjunto pelas três cooperativas e já está à venda no varejo e em restaurantes de Curitiba. São seis tipos de cortes gourmet: lombo corte inglês, lombo fatiado, filé mignon, picanha fatiada, costela ripa e copa-lombo em fatias. E também uma variada linha de produtos como presuntos e apresuntados, curados (salames e copa), cozidos e defumados (bacon, paio e calabresa), linguiça frescal e cortes especiais (temperados e marinados). As três cooperativas montaram em Castro a Unidade Industrial de Carnes (UIC), na qual investiram R$ 250 milhões e onde são processados 2.500 suínos por dia e industrializadas

Lombo corte inglês: carne suína premium duas milhões toneladas/mês. A planta, considerada a mais moderna da América Latina, envolve mais de 2.500 famílias ligadas ao agronegócio, das quais 120 participantes da cadeia suinícola da região. E garante 1.032 empregos, 46% destinados a mulheres. Outros R$ 250 milhões serão investidos no campo até o ano de 2019 para aumento da produção, na quantidade de suínos, infraestrutura,

Alegra tem variada linha de embutidos

mão de obra, entre outros itens, com o objetivo de dobrar a produção da indústria. A Alegra Foods exporta para 19 países e, no mercado interno, o foco principal são as regiões Sul e Sudeste. Dois produtos da Alegra – lombo corte inglês e copa, ambos grelhados a lenha – compuseram o cardápio da apresentação oficial das linhas de carnes suínas, em jantar realizado no

restaurante Madero, preparado pelo chef Junior Durski. Na ocasião, o superintendente da UIC, Ivonei Durigon, destacou que a suína “é a carne mais consumida no mundo, mas não é isso que vemos no Brasil. Temos um grande mercado pela frente, e a linha Corte Fácil irá disseminar a carne suína para que ela fique sempre presente no cardápio do brasileiro”.

Sabores do mundo no Hard Rock Cafe Sabores da França, Grécia, Argentina, Bélgica, Alemanha e Brasil marcam o World Burger Tour, um festival de hambúrgueres especiais iniciado dia 8/6 e que vai até 30 de julho no Hard Rock Café Curitiba e nas demais 160 unidades da marca em todo o mundo. Confira a relação, cada exemplar vendido a R$ 35: Green City Burger, Curitiba, Brasil: feito com bacon em redução de uísque, alface crocante, rúcula e molho de queijo com cerveja stout, em pão especial; acompanha chicken popcorn e molho Honey Mustard; Riviera Burger, Nice, França: com pasta tapenade verde-oliva e molho chipotle, marinada de tomate, queijo tipo feta e batata rosti crocante; mais porção de fritas; Greek Burger, Atenas, Grécia:

com molho Tzatziki, rúcula, tomate, e uma versão de queijo tipo feta incluindo alcaparras, azeitonas pretas, pimentão e cebola; batatas fritas. E mais: Tango Salsa Burger, Buenos Aires, Argentina: com linguiça andouille, salsa criolla, maionese de alho, queijo, rúcula fresca e ovo frito; com fritas; Whiskey Burger, Bruxelas, Bélgica: burger mergulhado em marinada de uísque sob fatias de bacon, cebola crispy, queijos prato e cheddar derretidos, maionese de alho, tomate e rúcula; com fritas; Schnitzel Burger, Colônia, Alemanha: schnitzel empanado sob bacon, alface, tomate e sauerkraut. finalizado com mostarda dijon, em um pão de pretzel quentinho; servido com fritas e fatia de limão.

Para acompanhar, o Hard Rock Café Curitiba sugere os drinques: Sweet & Fiery: vodka apimentada, licor de gengibre, licor curaçao, a limonada do Hard Rock e chope, enfeitado com uma pimenta dedo-de-moça; Melonpaloosa: rum de coco, licor de melão, suco de abacaxi e sweet & sour; All Jacked Uo: combo de uísque com mel, spiced rum, misturado com sucos de abacaxi e limão; e Crisp Sipper: mix de de gin, xarope de pepino, tônica, pepino fresco, framboesa, laranja e limão, com um toque de alecrim e tomilho. Os preços vão de R$ 19,90 a R$ 29,90. Schnitzel empanado, burger de sotaque alemão

Feijoada com pinhão, vegana e cassoulet Para os dias frios, além da feijoada normal, o chef Osvaldo Santos, do restaurante Catanzaro, do hotel Four Points by Sheraton Curitiba (av. Sete de Setembro, 4211), prepara aos sábados também uma feijoada com pinhão: o fruto da araucária, típico do Paraná, é acrescido a um refogado de carne seca, costelinha defumada, mix de miúdos, paio, calabresa e o feijão já cozido. No bufê do Catanzaro tem também cassoulet, chamada de

‘feijoada francesa’, feita com feijão branco. Além do caldinho de feijão na mesa de aperitivos, a primeira caipirinha é cortesia. Entre as sobremesas, um pudim de milho, receita exclusiva. O preço por pessoa é de R$ 55, mais 10%; crianças de 7 a 12 anos pagam metade. Como o Four Points, o Radisson Curitiba (av. Sete de Setembro, 5190) – também administrado pela Atlantica Hotels – tem surpresas

no almoço de sábado. Aqui o chef José Carlos Abranches prepara uma feijoada vegana: ao feijão são acrescidos legumes, tofu, carne de soja e, para acompanhar, um ‘bacon’ vegano feito de PTS (proteína de soja) e farofa. Mas também há no bufê a feijoada tradicional e demais acompanhamentos. Nas sobremesas, arroz doce, canjica e pudim de leite. R$ 56 por pessoa; 50% para crianças de 7 a 12 anos.

No four Points, mesa de doces para depois da feijoada

Mesa&Gôndola

Foto: Luiz Todeschi

SOPAS NO ALECRIM - No restaurante Alecrim do hotel Deville Business Curitiba (r. Comendador Araújo, 99) já está em vigor a nova temporada de sopas e cremes. No bufê, servido às terças, quartas e quintas, das 19 às 23h, estão diariamente quatro opções, ao preço de R$ 39,90 por pessoa mais taxas. Reservas: (41) 3883-4777. DOCE PREMIADO - Com o tema Festa de Reis, a pâtisserie Priscila Bertholdo, que comanda em Curitiba a Petit Pop Pâtisserie Gourmet (r. Desembargador Costa Carvalho, 181), foi a vencedora da edição de 10/6 do programa Que Seja Doce, do canal GNT. Foram três provas perante os jurados Lucas Corazza, Carole Crema e Roberto Strongoli. As etapas

do programa e as receitas estão no link http://globosatplay.globo. com/gnt/v/5077342/ ou pelo aplicativo da GloboSat. CINCO SABORES – No Volta ao Mundo Massas Criativas (av. Nossa Senhora da Luz, 2055), uma sequência de cinco sabores de sopas no jantar de terça a sábado: vietnamita, turca, italiana, francesa e paranaense. BRISTOL UPPER - No restaurante Pimenta Brasserie do hotel Bristol Upper (r. 15 de Novembro, 2050, Curitiba), de segunda a sextafeira é servido bufê de sopas, com os sabores: feijão com paio, creme de cebola, canja de galinha, caldo verde, creme de mandioquinha com frango, legumes, caldo de costela, creme de milho verde, queijo, entre outros preparados pela chef Juliana Fagundes. FONDUE EM PIRATUBA - O Thermas Piratuba Park Hotel, de Piratuba (SC) inicia a temporada de fondue, que será servido nas noites de terça e quarta-feira, no seu restaurante Espaço Jardim Gourmet, aberto também aos não-hóspedes, nas versões carne, queijo e chocolate. O hotel concluiu a modernização de sua adega e sua carta de vinhos oferece espumantes, brancos e vinhos de altitude da Serra Catarinense, das vinícolas Santa Augusta e Villaggio Grando, e da gaúcha Casa Valduga, do Vale dos Vinhedos. Mas há exemplares chilenos e argentinos. E para comemorar a modernização de sua adega, o Thermas Piratuba vai sortear duas estadias e um jantar entre os participantes. Para cada

garrafa adquirida, o cliente é convidado a assinar a rolha, com nome e data, e depois depositá-la em uma urna no interior da adega. Quando estiver cheia a urna, a rolha será sorteada. JAZZ E VINHO Curitiba, Joinville, Florianópolis e Porto alegre estão no roteiro do 2º Festival Internacional de Vinho e Jazz, que será desenvolvido entre 21 de junho e 2 de julho. O evento começa pela capital catarinense, de 21 a 24/6, no Teatro Ademir Rosa; segue a Porto Alegre, dia 25/6, no Teatro do Bourbon Country; Joinville, 1/7, no Expoville; e Curitiba, 2/7, na Ópera de Arame. Em todas as datas, uma série de shows. O festival objetiva, além de proporcionar boa música ao público, contribuir na divulgação do enoturismo de Santa Catarina. Para isso, conta com o apoio da Vinho de Altitude - Produtores e Associados, que vai promover rótulos catarinenses.


economia

Diário Indústria&Comércio

Curitiba, quinta-feira, 16 de junho de 2016 | B3

EMENDA À CONSTITUIÇÃO

Governo Temer propõe teto para gastos por 20 anos Pela medida, os gastos públicos totais serão reajustados com base na inflação oficial do ano anterior. A proposta será encaminhada pelo governo ao Congresso

O

governo apresentou ontem a parlamentares da base aliada do governo a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que limita o aumento do gasto público à variação da inflação. A proposta é que a fixação do teto para os gastos tenha validade por 20 anos, a partir de 2017, com a possibilidade de revisão da regra a partir do décimo ano de vigência. Pela medida, os gastos públicos totais serão reajustados com base na inflação oficial do ano anterior. A proposta será encaminhada pelo

governo ao Congresso Nacional, que poderá fazer alterações. De acordo com informações divulgadas pelo Ministério da Fazenda, a despesa primária total não poderá ter crescimento real a partir de 2017. “A PEC limitará, pela primeira vez, o crescimento do gasto público e contribuirá para o necessário ajuste estrutural das contas públicas”, diz texto divulgado pelo ministério. Segundo a proposta, no primeiro ano de vigência, o limite dos gastos totais equivalerá à

despesa paga no ano anterior corrigida pela inflação daquele ano. De acordo com a Fazenda, os valores mínimos dos gastos da União com saúde e educação passarão a ser corrigidos pela variação da inflação do ano anterior. O governo, no entanto, deixou claro que é prerrogativa do Congresso Nacional decidir onde os recursos públicos serão alocados, respeitando esse novo piso constitucional, caso a PEC seja aprovada. Ficam de fora do alcance da

PEC as transferências constitucionais a estados, municípios e o Distrito Federal e os créditos extraordinários, além das complementações ao Fundeb, despesas da Justiça Eleitoral com as eleições e as despesas de capitalização das estatais não dependentes. As regras valem para os gastos totais da União, incluídos os Poderes Legislativo (inclusive o Tribunal de Contas da União) e Judiciário, além do Ministério Público da União e Defensoria Pública da União.

EM ABRIL

Setor de serviços recua 0,5% no Paraná No Paraná, o volume de serviços (que abrange o segmento empresarial não financeiro, excluindo-se os setores da saúde, educação, administração pública e aluguel imputado) recuou 0,5% em abril de 2016 na comparação com abril de 2015. No Brasil, houve decréscimo de 4,5%, segundo a Pesquisa Mensal de Serviços do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). As contribuições negativas vieram de serviços prestados às famílias (-12,2%); serviços profissionais, administrativos e complementares (-4,4%); e transporte, serviços auxiliares dos transportes e correio (-4,1%). QUADRIMESTRE No acumulado do primeiro

As contribuições negativas vieram de serviços prestados às famílias (-12,2%); serviços profissionais, administrativos e complementares (-4,4%); e transporte, serviços auxiliares dos transportes e correio (-4,1%) quadrimestre de 2016, os serviços prestados no Estado apresentaram retração de 3,7%, versus 4,9% na média nacional. As contribuições negativas vieram dos serviços prestados às famílias (-8,5%), serviços profissionais, administrativos e complementares (-5,7%), trans-

porte, serviços auxiliares dos transportes e correio (-3,3%) e serviços de informação e comunicação (-2,8%). ACUMULADO No índice acumulado em doze meses, terminado em abril de 2016, o volume de serviços no

INVESTIMENTOS, INFLAÇÃO E CUSTO DO DINHEIRO VALORES DE 15/06/2016 AÇÕES DA BOVESPA Maiores altas do Ibovespa Ação Osc.(%) USIMINAS PNA N1 22,75 GERDAU MET PN N1 5,73 SID NACIONAL ON 5,55 QUALICORP ON NM 5,28 VALE PNA N1 3,64

Preço (R$) 2,05 2,03 7,04 17,36 12,24

Maiores baixas do Ibovespa Ação Osc.(%) JBS ON NM -3,17 FIBRIA ON NM -2,23 KROTON ON NM -2,06 SUZANO PAPEL PNA N1 -2,05 WEG ON NM -1,5

Preço (R$) 9,76 27,57 12,81 11,95 13,77

As ações fecharam em alta no pregão de quarta-feira, com ganhos nos setores de Materiais básicos, Finanças e Imobiliário, levando as ações a uma alta. No encerramento em São Paulo, o Índice Bovespa avançou 0,55%. O melhor desempenho da sessão no Índice Bovespa veio das ações da Usiminas Usinas Siderurgicas de Minas Gerais SA PNA, que subiram 22,75%, o que corresponde a 0,38 pontos, sendo negociadas a 2,05 no fechamento do pregão. Enquanto isso, as ações da Metalurgica Gerdau SA adicionaram 5,73%, ou 0,110 pontos, terminando o dia em 2,030, e as da Companhia Siderurgica Nacional, que avançaram 5,55%, ou 0,37 pontos, no final das operações com 7,04. O pior desempenho da sessão foi das ações da JBS SA, que caiu 3,17% ou 0,32 pontos, com os papéis sendo negociados a 9,76 em seu fechamento. Fibria Celulose SA diminuiu 2,23%, ou 0,63 pontos, para 27,57, a Kroton ON NM recou 2,06%, fechando a 12,81 e a Suzano Papel e Celulose SA recuou 2,05%, ou 0,25 pontos, terminando em 11,95.

Mais Negociadas do Ibovespa Ação Vol. (R$ Mil) Part.(%) IBOVESPA IBO 3.710.751,00 32,95 PETROBRAS PN 718.297,29 6,38 ITAUUNIBANCO PN N1 600.372,00 5,33 BRADESCO PN N1 455.340,43 4,04 VALE PNA N1 397.512,70 3,53 Fonte: BMFBovespa

BOLSAS INTERNACIONAIS Nome Ibovespa Dow Jones Nasdaq Composite Sse B Share Index Nikkei 225 EuroStoxx 50 CAC 40 FTSE 100 DAX Index Ftse Mib

Atual 48.914,74 17.640,17 4.834,93 1.077,00 15.919,58 2.830,30 4.171,58 5.966,80 9.606,71 16.513,97

Var % 0,55% -0,20% -0,18% 0,83% 0,38% 1,18% 1,00% 0,73% 0,92% 1,49%

Fonte: AVDFN

MOEDA/CÂMBIO Moeda Dólar Comercial Dólar Paralelo Dólar Turismo Dólar X Euro Real X Euro Dólar PTax Dólar Futuro

Compra R$ 3,466 R$ 3,390 R$ 3,390 R$ 1,124 R$ 3,906 R$ 3,476 R$ 3,487

Venda R$ 3,468 R$ 3,600 R$ 3,600 R$ 1,124 R$ 3,908 R$ 3,477 R$ 3,488

Var.% -0,34% -0,27% -0,27% 0,28% 0,08% -0,20% -0,24%

Fonte: CMA

COMMODITIES Nome Petróleo Brent Ouro Prata Platina Cobre Gasolina Gás Natural Borracha Cacau Açúcar

Merc. NYMEX COMEX COMEX NYMEX COMEX NYMEX NYMEX TOCOM ICE ICE

Fonte: AVDFN

Preço 48,61 1.295,70 17,54 978,2 2,09 1,51 2,59 149,9 2.297,00 534,6

% -1,18% 0,56% 0,83% 0,03% 2,28% 0,44% -0,42% 0,00% 0,35% 1,38%

CUSTO DO DINHEIRO Fonte Mês ago/15 set/15 out/15 nov/15 dez/15 jan/16 fev/16 mar/16 abr/16 mai/16 jun/16 jul/16 No ano 12 meses

BTNF Bacen/SIS Mensal Valor 1,6005 1,6035 1,6066 1,6095 1,6116 1,6152 1,6173 1,6189 1,6224 1,6245 1,6270 1,6303 — —

SELIC Bacen Mensal (%) 1,1379 1,1010 1,1379 1,1010 1,1379 1,0629 1,0095 1,16 1,06 1,11 0,53 6,06 14,00

CDI CETIP Mensal Média(%) 1,1074 1,1074 1,1077 1,0551 1,1613 1,0549 1,0014 1,16 1,05 1,11 0,53 6,05 13,98

CDB CETIP Mensal Média(%) 1,0250 1,1100 1,0500 1,1000 1,0500 1,0500 1,0600 0,99 0,98 0,92 0,95 6,10 12,97

Poupança TJLP Bacen Bacen/CMN Mensal Mensal (%) (%) 0,7317 0,5416 0,6876 0,5416 0,6930 0,5833 0,6799 0,5833 0,6303 0,5833 0,7261 0,6250 0,6327 0,6250 0,5962 0,6250 0,7179 0,6250 0,65 0,6250 0,71 0,6250 4,00 — 8,37 —

Fonte: Banco Central, CETIP, COPOM, CMN

SUAS CONTAS/INFLAÇÃO/ALUGUEL ÍNDICES ICV IGP-DI IGP-M INCC-DI INCC-M IPA-DI IPA-M IPC-DI IPC-M INPC IPCA IPCA-15 IPCA-E SELIC TR - Diária Poupança-Diária TBF CUB-PR

Cálculo de Mês Ref. % do Mês % do Ano % 12 meses DIEESE mai/16 0,67 4,2547 9,4356 FGV mai/16 1,13 2,3321 11,9128 FGV jun/16-1º Dec. 1,12 4,1541 11,0937 FGV mai/16 0,08 0,9321 7,1745 FGV jun/16-1º Dec. 0,08 2,2489 6,7585 FGV mai/16 1,49 2,4837 13,3571 FGV mai/16-fechado 0,98 4,3698 12,5264 FGV mai/16 0,64 2,5535 10,3621 FGV jun/16-1º Dec. 0,35 IBGE mai/16 0,98 4,6000 9,8200 IBGE mai/16 0,78 4,0500 9,3200 IBGE mai/16 0,86 IBGE mai/16 0,86 4,2000 BACEN 14/06/2016 Fator Diário: 1,00052531 14,15 BACEN 14/06 a 14/07 0,1935 BACEN 14/06 a 14/07 0,6945 BACEN 14/06 a 14/07 1,0852 Sinduscon/PR mai/16 0,27 0,9000 7,2500

Fonte: DIEESE; FGV; FIPE/USP; Sinduscon/PR; IBGE; Banco Central Edição: Odailson Elmar Spada

Estado recuou 3,8% e no País a queda foi de 4,6%. As principais contribuições para o resultado estadual, neste tipo de comparação, foram dos serviços prestados às famílias (-7%); serviços profissionais, administrativos, e complementares (-4,1%); transportes, serviços auxiliares dos transportes e correio (-4%); e serviços de informação e comunicação (-2,8%). Segundo o diretor do Centro Estadual de Estatística do Ipardes, Francisco José Gouveia de Castro, o panorama adverso do setor é consequência da combinação entre a escalada da inflação e taxa de juros e do câmbio, que desencadeia a retração do consumo, e contribui para a baixa demanda por serviços.

Receita libera pagamento de restituições do primeiro lote do IR 2016 A Receita Federal liberou ontem o dinheiro das restituições do primeiro lote do Imposto de Renda Pessoa Física 2016. Estão no lote também restituições residuais dos exercícios de 2008 a 2015. Tiveram prioridade idosos, pessoas com alguma deficiência física ou mental ou doença grave. Para saber se teve a declaração liberada no lote multiexercício, o contribuinte deve acessar a página da Receita na internet ou ligar para o Receitafone (telefone 146). Se o contribuinte tiver dúvida sobre a situação da declaração poderá consultar o Serviço Virtual de Atendimento (e-CAC) na página da Receita, onde é possível acessar o extrato da declaração e ver se há inconsistências de dados identificadas pelo processamento. A restituição ficará disponível no banco durante um ano. Se o contribuinte não fizer o resgate nesse prazo, deverá requerê-la por meio da Internet, mediante o Formulário Eletrônico - Pedido de Pagamento de Restituição, ou diretamente no e-CAC, no serviço Extrato do Processamento da DIRPF. Caso o valor não seja creditado, o contribuinte poderá ir a qualquer agência do BB ou ligar para a Central de Atendimento por meio do telefone 4004-0001 (capitais), 0800-729-0001 (demais localidades) e 0800-7290088 (telefone exclusivo para pessoas com deficiência auditiva) para agendar o crédito em contacorrente ou poupança, em seu nome, em qualquer banco.

Confiança da indústria em junho é a maior desde novembro de 2014 O Índice de Confiança do Empresário Industrial (Icei) subiu para 45,7 pontos em junho, o maior valor desde novembro de 2014. Foi o segundo mês consecutivo de melhora na confiança dos empresários, informou ontem a Confederação Nacional da Indústria (CNI). O índice cresceu 4,4 pontos na comparação com o mês anterior. Mesmo assim, o indicador continua abaixo dos 50 pontos e longe da média histórica de 54,3 pontos, observa a CNI. Os valores do Icei variam de 0 a 100. Quando estão abaixo de 50, indicam a falta de confiança dos empresários. Segundo a CNI, o indica-

dor melhorou especialmente nas grandes empresas. Nesse segmento, o Icei alcançou 47,7 pontos em junho, o maior nível nos últimos 24 meses. Nas pequenas empresas, o índice subiu de 38,8 pontos em maio para 43,1 pontos neste mês. De acordo com a confederação, o índice de percepção das condições atuais em relação aos últimos seis meses ficou em 45,7 pontos em junho, 5 pontos acima do registrado em maio. O índice de expectativas para os próximos seis meses subiu de 47 pontos em maio para 51,1 pontos em junho, indicando que os empresários estão otimistas em relação ao futuro.

Investimento estrangeiro direto na América Latina e Caribe tem queda de 9,1% O ingresso de investimento estrangeiro direto (IED), recursos que vão para o setor produtivo, na América Latina e Caribe caíram 9,1%, em 2015, na comparação com o ano anterior, de acordo com dados da Comissão Econômica para a América Latina e Caribe (Cepal). No total, os investimentos chegaram a US$ 179,1 bilhões, o nível mais baixo desde 2010 (US$ 172,973 bilhões). Para este ano, a Cepal projeta que o IED pode cair até 8%. Segundo a Cepal, a queda é explicada pela redução nos investimentos em setores vinculados aos recursos naturais, principalmente mineração e hidrocarbonetos, e o encolhimento da economia, sobretudo do Brasil. A Cepal destaca que, desses investimentos, no Brasil (US$ 75,075 bilhões) saíram 23%, em 2015, embora o

país tenha se mantido como principal receptor dos fluxos da região (42% do total). No México (US$ 30,285 bilhões), segundo maior receptor, os ingressos aumentaram 18%. A queda na América Latina e Caribe contrasta com o crescimento global. Em 2015, o fluxo mundial de investimentos diretos aumentaram 36%, chegando ao valor estimado de US$ 1,7 trilhões. De acordo com a Cepal, esse dinamismo foi impulsionado por uma “intensa onda” de fusões e aquisições, especialmente em países desenvolvidos, principalmente os Estados Unidos. Segundo a secretáriaexecutiva da Cepal, Alicia Bárcena, há liquidez (recursos disponíveis) no mundo e isso estimula a compra de empresas. Além disso, a recuperação dos Estados Unidos, influenciou no aumento dos investimentos no mundo.

Inflação do IGP-10 sobe e vai a 1,42% em junho A inflação, medida pelo Índice Geral de Preços – 10 (IGP-10), acelerou 0,82 ponto percentual, passando de 0,6% para 1,42% entre maio e junho deste ano. Os números foram divulgados ontem pelo Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getúlio Vargas (Ibre-FGV). Com o resultado de junho, a taxa acumulada do primeiro semestre do ano ficou em 5,34%, enquanto a dos últimos doze meses (a taxa anualizada) acumula alta de 11,85%. Em junho do ano passado, a taxa variou 0,57%. O IGP-10 é calculado com base nos preços coletados entre os dias 11 do mês anterior e 10 do mês de referência. A alta de junho foi determinada pela elevação dos preços ao produtor, com o Índice de Preços ao Produtor Amplo (IPA) subindo 1,89%, uma alta de 1,25 ponto percentual em relação a maio, quando o aumento foi de 0,64%. O levantamento da FGV indica que o grupo do segmento de Bens Finais passou de 0,26% para 0,51% entre maio e junho, pressionado pelo subgrupo Bens Finais, onde houve variação de 0,51% em junho ante 0,26% de maio. O principal responsável por este movimento foi o subgrupo alimentos processados, cuja taxa foi de uma deflação (inflação negativa ) de 0,55% para uma alta de 0,8%. O índice do grupo Bens Intermediários registrou variação

de 1,26%. No mês anterior, houve deflação de -0,11%. A maior alta entre maio e junho veio do grupo MatériasPrimas Brutas. Houve variação de 4,23%, resultado 2,25 pontos percentuais superior ao de maio (1,98%). Contribuíram para a aceleração do grupo os itens soja em grão, que passou de 7,22% para 15,98%; milho em grão, de 6,47% para 8,7% e suínos (de -6,13% para 7,73%). Já os itens que compõem o Índice de Preços ao Consumidor (IPC) acusaram variação de 0,49%, em junho, uma queda de 0,11 ponto percentual em relação ao resultado de maio (0,6%. Quatro das oito classes de despesa componentes do índice tiveram queda em suas taxas de variação, com destaque para o grupo Saúde e Cuidados Pessoais (de 2,53% para 0,98%). Também apresentaram decréscimo em suas taxas de variação os grupos Alimentação (de 0,79% para 0,22%);Transportes (0,11% para -0,25%); e Vestuário (0,81% para 0,71%). O Índice Nacional de Custo da Construção (INCC) também fechou junho com aceleração de preços. Variação de 0,49% ante 0,33% de maio. O índice relativo a Materiais, Equipamentos e Serviços teve variação de 0,14%, mesmo percentual do mês anterior, enquanto o índice que representa o custo da Mão de Obra registrou variação de 0,81%, contra 0,49% do período imediatamente anterior.

Diário Indústria&Comércio - 16 de junho de 2016  

jornal, economia, curitiba, parana, brasil, negocios, bovespa, financas, aroldo mura, pedro washington, ayrton baptista, eliseu tisato, wal...

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you