Page 1

Esporte

Problema

NACIONAL | A5

COB seleciona Curitiba para receber seleções olímpicas

Impostos

ECONOMIA | B1

Fiscosoft faz pesquisa para reduzir custos tributários

Lobão diz que custo da energia elétrica no país preocupa governo

NEGÓCIOS | B4

CURITIBA, SEXTA-FEIRA A DOMINGO, 06 A 08 DE MAIO DE 2011 Ano XXXIV | Edição nº 8370 | R$ 1,50 | WWW.ICNEWS.COM.BR

Indústria &Comércio DIÁRIO. MAIS QUE NOTÍCIAS. INTELIGÊNCIA. CONHECIMENTO.

Valter Campanato/ABr

Fábio Campana Luz na Assembleia Da discussão nasce a luz, diziam os antigos, que eram sábios. Durante décadas a Assembleia Legislativa do Paraná esteve envolvida em névoas e brumas, tipicamente curitibanas.

Pedro W ashing ashingtt o n Oposição cooptada O que ocorre em Brasília, com o governo numa postura comodista, arrebanhando pela via de novo partido, o PSD, sufocando a oposição, para desespero dos companheiros e companheiras que vêem alguns de ocasião com eles dividindo o espaço duramente conquistado, começa a ocorrer no Paraná.

Aroldo Murá “SIG” CONTINUA NA BATALHA PELA UEP, COM APOIO DE ORLANDO

Tombini destacou que as medidas já adotadas e as que eventualmente forem tomadas serão levadas em conta na hora de definir a Selic

Presidente do BC prevê inflação menor nos próximos meses “Controlar a inflação não é corrida de 100 metros”, afirma Tombini

O

presidente do Banco Central (BC), Alexandre Tombini, afirmou que a inflação no país deve ser mais baixa nos próximos meses. “Veremos uma inflação mensal girando em valores mais baixos”, disse. Segundo ele, a inflação deve ficar dentro da meta, com o nível mensal variando entre 0,35%

Por falta de apoio não é que a Universidade do Esporte do Paraná (UEP) deixará de renascer. E revigorada. Pois o ministro do Esporte, Orlando Silva, dá apoio total à volta da instituição que ajudou o mundo a conhecer a maior ginasta que o Brasil já produziu, a Dayane Santos. O presidente da Assembléia, Valdir Rossoni, tem-see dito vítima de “fogo amigo” na Casa que preside. Mas não dá os nomes daqueles que,estariam trabalhando contra o processo de mudanças que iniciou na AL. Para jornalistas e publicitários, a série “quem fez a cabeça dos governadores” teve toques históricos.

e 0,40%. “Estaremos caminhando para o controle da inflação”, afirmou em audiência pública na Câmara dos Deputados. “O cidadão comum vai sentir a inflação mais baixa ao longo do ano”. ECONOMIA | B1

Corredor de exportação do Porto receberá navios de maior porte Orlando Kissner

Cadernetas de poupança registram saldo negativo em abril

A bancada de deputados do PPS em âmbito federal vem buscando apoio e espaço para a discussão.

A Capitania dos Portos do Paraná acaba de autorizar o aumento da profundidade dos berços de atracação do Corredor de Exportação do Porto de Paranaguá.

As cadernetas de poupança registraram um abril vermelho este ano. O volume de saques (R$ 98,335 bilhões) superou o de depósitos (R$ 96,572 bilhões) e o saldo das cadernetas caiu R$ 1,762 bilhões, como mostra o Relatório de Poupança divulgado pelo Banco Central (BC). Apesar do déficit mensal na captação, o rendimento creditado no mês somou R$ 2,24 bilhões, razão pela qual o estoque total das cadernetas de poupança aumentou.

PÁGINA B1

GERAL ESTADUAL | A5

ECONOMIA | B1

PÁGINA A3

André Molina Reforma: proposta do PPS é apresentada ao PMDB e PT

Saúde&BemEstar

EDITORIAL

ESTÁGIO MÁGICO A noite de ontem foi desastre esportivo para o futebol brasileiro – Inter, Grêmio, Cruzeiro e Fluminense, favoritos para passar a outra fase da Libertadores, foram eliminados surpreendentemente. No interior de Minas, a eliminação do Cruzeiro, equipe de melhor e mais bonita campanha nas fases anteriores, foi dolorosamente acompanhada pela atriz Deborah Secco, namorada do meia Roger, expulso estupidamente do campo. Fato prejudicial à equipe brasileira, que acabou derrotada por 2 a 0 após vencer o Once Caldas por 2 a 1, no primeiro jogo. A eliminação do Cruzeiro detonou irracional processo simbólico de caça às bruxas, no caso de caça à bruxa, para forçar um pouco a mão, dada a beleza e juventude da Deborah. Vítima de campanha pelas redes sociais que atribuem a ela, ao seu pé frio, a expulsão do namorado e a derrota da equipe mineira. Não exageremos; boa parte dos comentários é de baixo humor e de trocadilhos infames com o nome de família da atriz, Secco, transmutado em Secca. Mas não podemos esquecer que boa parte acredita mesmo nessas imemoriais reminiscências. Que o finado Comte certamente definiria como típicas do estágio mágico da humanidade, algo que se perde no tempo, ultrapassa o neolítico e se interna pelo paleolítico. No ano décimo primeiro do terceiro milênio da era cristã é fato que merece meditação.

Médica paranaense pratica esportes radicais como pesquisa

Concorrência acirrada dá o tom na Agrishow de Ribeirão Preto

A médica paranaense Grasiele L. Martins, produtora e apresentadora de TV, vem mostrando, com experiência própria, a prática de esportes radicais. PÁGINA A4

A Agrishow 2011, em Ribeirão Preto, termina o terceiro dia apresentando volume além das expectativas. AGRONEGÓCIOS | B2

Indicadores CÂMBIO MAIORES ALTAS HABITASUL LAEP NADIR FIGUEI ITAUSA AMBEV

TIM PART S/A FII EXCELLEN FII EXCELLEN HRT PETROLEO TIM PART S/A

CENTRAL DE ATENDIMENTO: 41 3333.9800 CMYK

COTAÇÃO 15,00 2,27 18,50 1,90 5,84

0,01 2,00 2,00 0,45 0,03

MAIORES ALTAS CIELO REDECARD JBS GOL TAM S/A

OGX PETROLEO GERDAU PORTX PETROBRAS PETROBRAS

COTAÇÃO 13,42 24,00 5,24 21,94 33,00

14,49 16,98 3,15 24,47 27,51

E-MAIL: PAUTA@INDUSCOM.COM.BR

Moeda

Compra

Venda

Dólar turismo 1,5600

1,7400

Dólar comercial 1,6230

1,6250

Dólar paralelo 1,5900

1,7300

Euro

2,3597

2,3578

Ouro (Grama/R$): 194,03


“Amizades são coisas frágeis, e requerem muito mais cuidado que todas as outras coisas frágeis que existem." Randolph S. Bourne

Nacional

Indústria&Comércio | Curitiba, sexta-feira a domingo, 06 a 08 de maio de 2011 | A2

Previsão do tempo

AB Notícias

fonte: www.simepar.br

Mín.: 13° Máx.: 25°

abnoticias@abcom.com.br

O Estado segue sentindo o avanço da massa de ar frio e seco, que proporcionou mais uma manhã de temperaturas baixas na maioria das regiões. No entanto o sol predomina e as temperaturas ficam elevadas à tarde. À noite a nebulosidade aumenta no leste, e há possibilidade de chuviscos.

LEI DA TRANSPARÊNCIA Os 15 municípios paranaenses que tem entre 50 mil e 100 mil habitantes vão ter que divulgar na internet os dados sobre receitas e despesas. O alerta é do Tribunal de Contas do Estado e, a partir do dia 28, as informações terão de estar disponíveis em tempo real para o cidadão. A regra é estabelecida pela Lei da Transparência. As cidades que não cumprirem a norma não poderão receber recursos.

BOM EXEMPLO

CÂMARA

Defesa Civil apresenta trabalho a vereadores Foram expostas ações que fazem parte da estrutura do órgão

Secretaria faz vistoria em agências A equipe de fiscalização da Secretaria dos Direitos da Pessoa com Deficiência realizou na quarta-feira (4) uma vistoria de acessibilidade no Banco do Brasil- Agência Portão. Segundo o secretário dos Direitos da Pessoa com Deficiência, Irajá de Brito Vaz, a agência está dentro dos padrões exigidos pela NBR9050 da ABNT, além de contar com funcionários preparados para atender as pessoas com deficiência. Acompanharam a vistoria membros da comissão de obras do Banco do Brasil, fiscais do Ministério Publico, juntamente com os integrantes da secretaria. A visita faz parte das ações e metas da secretaria para o ano de 2011.

MAIS NEGÓCIOS Duas empresas de Apucarana, Norte do Estado, vão confeccionar kits de uniforme escolar. A Fundação Nacional de Desenvolvimento da Educação deu autorização para que produzam juntas 1,932 milhão de bonés, 862 mil camisetas e 254 mil bermudas. Apucarana é atualmente responsável por 80% da produção brasileira de bonés. a atividade gera de seis mil empregos na cidade.

CONSUMO AUMENTA Passou de 40 para 44 quilos per capta o consume doméstico de carne de frango no país, em 2010. Com isso, o Brasil fica entre os cinco países que mais consomem essa qualidade de carne no mundo. O principal destino do frango continua sendo o Oriente Médio, tendo à frente a Arábia Saudita.

A

Coordenadoria da De fesa Civil de Curitiba apresentou na sessão da última quarta-feira (4) da Câmara de Vereadores as ações preventivas, assistenciais e de restabelecimento da ordem social que fazem parte da estrutura e atuação do órgão. O convite para apresentação das ações foi feito pelo presidente da Câmara, vereador João Cláudio Derosso, ao coordenador técnico da Defesa Civil, Nelson de Lima Ribeiro. O planejamento e trabalho desenvolvido em Curitiba são considerados exemplo para o restante do país. Tanto que representantes do governo federal visitam a capital paranaense em busca de informações técnicas. Ribeiro explicou que a Defesa Civil atua antes e depois de eventos naturais ou humanos. “Em Curitiba o trabalho inclui interação com a comunidade em escolas, associações ou clubes de serviço e nas administrações regionais. Desenvolvemos ações de prevenção e preservação, permanente capacitação

O aumento da geração de resíduos é um dos problemas enfrentados pelas cidades atualmente. Porém, trabalhos realizados em Nova Esperança, Iporã e Umuarama, no Noroeste, estão dando certo e servindo de exemplo para o Brasil. Em Nova Esperança, por exemplo, quem não separa o lixo não tem os resíduos recolhidos pelo caminhão. Assim, todos os moradores são informados e participam do processo. Além disso, a cooperativa de catadores atua intensamente, reciclando os resíduos.

MUITAS INFRAÇÕES Maringá apresenta um grande número de multas de trânsito. No primeiro trimestre deste ano foram registradas 12 a cada 100 veículos. Isso significa que a cada quatro minutos um veículo é multado. As informações são da Secretaria de Trânsito. A infração mais freqüente é o excesso de velocidade, mais de nove mil nos três primeiros meses deste ano. A segunda maior causa de infrações é o avanço de sinal vermelho.

EM CARAMBEÍ

A Coordenadoria da Defesa Civil de Curitiba apresenta em sessão na Câmara de Vereadores, as ações preventivas, assistenciais e de restabelecimento da ordem social que fazem parte da estrutura e atuação do órgão.

profissional de voluntários, campanhas sociais, além do desenvolvimento de ações simuladas para atendimento emergencial”, explicou. Hoje, as ações da Defesa Civil são levadas a 148 escolas da rede municipal de ensino, através do projeto Guarda

Mirim.“É essa orientação da coordenadoria local que garante uma ação de eficiência diante das ocorrências e também ajuda na redução de situações catastróficas", avaliou o vereador Emerson Prado. Já o líder do prefeito na Casa, vereador João do Suco,

disse que acompanhou o trabalho da coordenadoria durante 15 dias e que os profissionais da Defesa Civil não têm limites de tempo ou horários. “É admirável o trabalho da Defesa para garantir a tranquilidade das famílias curitibanas”, disse.

COB seleciona Curitiba para receber seleções olímpicas Dez equipamentos esportivos de Curitiba foram selecionados pelo Comitê Olímpico Brasileiro (COB) para receber delegações olímpicas internacionais durante o período de aclimatação dos atletas que irão disputar as Olimpíadas de 2016, no Rio de Janeiro. No próximo dia 23 o COB realizará um congresso técnico com as cidades selecionadas. “Durante o congresso, será discutido e repassado para as cidades os termos do caderno de encargos, procedimentos que deverão ser adotados para o seguimento dos trabalhos visando as Olimpíadas de 2016 e informações gerais de cada cidade, que deverão ser coletadas e repassadas ao COB”, diz o secretário municipal do Esporte, Lazer e Juventude, Marcello Richa.

As informações coletadas serão catalogadas e distribuídas para as delegações internacionais poderem escolher as cidades onde farão a aclimatação. O objetivo é distribuir os 11 mil atletas de 205 países que disputarão as Olimpíadas. “A aclimatação é um período fundamental para os atletas se adequarem as condições de fuso horário, temperatura, umidade do ar e outras características do país sede das Olimpíadas”, disse o diretor de Esporte da Secretaria do Esporte, Lazer e Juventude, Felipe Daher. “Temos certeza de que Curitiba será muito visada pelas delegações devido à excelente infraestrutura que a cidade dispõe e as condições climáticas que favorecem a adaptação dos atletas”, acrescentou o diretor.

Após a realização do congresso, caso o comitê julgue necessário, os equipamentos selecionados passarão por ampliações, adequações e reformas para receber os atletas. Todos os equipamentos serão vistoriados pelo COB periodicamente. Além disso, também serão realizadas capacitações com as equipes locais dos municípios que irão receber as delegações internacionais. No total, o COB recebeu 334 inscrições de municípios para a aclimatização dos atletas, com São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais os estados com maior número de inscrição. O Paraná ficou em quarto, com 12 cidades inscritas e 42 equipamentos selecionados para receber as delegações olímpicas internacionais.

Informe da Câmara Municipal de Curitiba Projeto de lei complementar recebe parecer de comissão Projeto de lei complementar do Executivo que pretende alterar legislação tributária sobre aplicação do Imposto Sobre Serviços (ISS) recebeu parecer favorável da Câmara Municipal para tramitação regimental nesta semana. O documento, relatado pelo vereador Valdemir Soares (PRB), foi aprovado na reunião da Comissão de Legislação, Justiça e Redação. Todos os membros do grupo, presidido pelo vereador Jair Cézar (PSDB), foram favoráveis ao parecer, que indica algumas alterações de redação técnica para que a finalidade da proposta seja melhor aplicada. Desta forma, ficará mais clara a aplicação da alíquota de 2% aos servi-

ços executados no município em duas situações, que atendem solicitação de isonomia do Conselho de Biologia e reivindicação da Ordem dos Advogados do Brasil, seção Paraná. A OAB pede a revogação de dispositivo que proibia emissão de nota fiscal eletrônica por sociedades de profissionais, excluindo a possibilidade de geração de créditos para abatimento do IPTU. Entre as alterações previstas na mensagem, também é proposta a mudança do nome da atual Junta de Recursos Administrativos-Tributários para Conselho Municipal de Contribuintes, resgatando a denominação do órgão, um dos primeiros e mais antigos do país, criado em 1959.

Uma das principais feiras de gado leiteiro no país acontece segue até sábado, 7, em Carambeí, nos Campos Gerais. A ExpoCarambeí será no novo espaço no Parque Histórico da cidade. Vai trazer exposições com a melhor genética do gado leiteiro ali criada. Contempla também o centenário da imigração holandesa, que em 1947 trouxe o primeiro rebanho puro da raça para a região.

BENEFÍCIOS NO CAMPO A Associação de Produtores Orgânicos de Pato Bragado, no Oeste, conta agora com uma patrulha mecanizada. O objetivo é facilitar o acesso dos pequenos produtores rurais a tratores, plantadeiras de aveia e enxada rotativa. O investimento é de 104,5 mil reais e vai atender as necessidades de 40 famílias que sobrevivem da agricultura orgânica.

ANIMAIS DE TRABALHO A qualidade de vida dos animais de tração e trabalho é um tema que vem sendo debatido em Iporã, no Noroeste. O programa é realizado pela Universidade Federal do Paraná. os animais são atendidos por professores e alunos e os proprietário recebem informações sobre os cuidados que devem ser tomados. O projeto já foi realizado em Palotina e nos últimos dois anos em Iporã.

EDUCAÇÃO E INCLUSÃO O Programa Paraná Alfabetizado atende membros de comunidades indígenas em Diamantina, no Oeste. Uma turma de 20 alunos acaba de se formar, e a intenção é abrir uma turma de Educação de Jovens e Adultos ali, a fim de beneficiar a população. Os alunos se interessam pelas aulas e percebem cada vez mais a importância de saber ler e escrever, querendo dar continuidade aos estudos.

EXPEDIENTE

Diário

Indústria&Comércio Fundado em 2 de setembro de 1976 Fundador e Presidente Odone Fortes Martins Reg.Prof. DRT/PR: 6993 (ofm@induscom.com.br) Administração Irene Morva Martins (diretoria@induscom.com.br) Diretor de Redação Eliseu Tisato Reg.Prof. DRT/PR: 7568 (editor@induscom.com.br) Redação: Rua Imaculada Conceição, 205 - Curitiba - PR Fone: (41) 3333.9800 E-mail: pauta@induscom.com.br Publicidade Legal e Assinaturas: Rua Imaculada Conceição, 205 - Curitiba - PR Fones: (41) 3333.9800 | 3334.4665 e-mail: publegal@induscom.com.br

Parque Gráfico e Circulação: Rua Imaculada Conceição, 205 - Curitiba - PR Fones: (41) 3333.9800 | 3322.1012 Direção e Comercial: Rua Presidente Faria, 533 Centro - Curitiba - CEP: 80020-290 Fone: (41) 3322.1012 e-mail: diretoria@induscom.com.br comercial@induscom.com.br

NEW CAST PUBLICIDADE & MARKETING BRASÍLIA E RIO DE JANEIRO Atendimento : Flávio Trombieri Moreira – Cel.: (61) 8155 2020 Endereço: SRTVS Quadra 701 Bloco K Sala 624 – Edifício Embassy Tower – Brasília DF - Cep.: 70.340 – 908 Fone/Fax: (61) 3223 4081 E-mail: new.cast@uol.com.br / new.cast@hotmail.com

Os artigos assinados que publicamos não representam necessariamente a opinião do jornal.


GeralEstadual Curitiba, sexta-feira a domingo, 06 a 08 de maio de 2011 | A3 | Indústria&Comércio prpress@terra.com.br

aroldo@cienciaefe.org.br

Aroldo Murá G.Haygert

Panorama Político Pedro Washington

Oposição cooptada UNIVERSIDADE DO ESPORTE NA HORA DA REVITALIZAÇÃO A Universidade do Esporte do Paraná é uma proposta que jamais deveria ter entrado em recesso. Os fados de momentos políticos, no último consulado de Requião, leva- Dayane Santos: ram-na a ser fruto da Universidade desativada. Foi uma das mais bem sucedidas iniciativas particulares da área. Querem melhor referência do que a ginasta Dayane Santos, glória brasileira, que lá se criou e de lá fez seu abrigo seguro por dois anos? E Diogo Hypolito e Daniele Hypolito? E o time do Rexona? A história da UEP é parte de um amplo sonho de seu fundador, o professor e ex-Secretario de Estado Segismundo Morgenstern, que também presidiu a Fundepar.

UNIVERSIDADE DO ESPORTE - 2 “Sig”, como é carinhosamente conhecido, tem um recheado porfólio, com fotos, filmes, documentos, projetos – tudo testemunhando o bom papel da UEP. O material está à Ricardo Gomyde: disposição de proclamação... quem quiser conhecer o ‘currículo’ da UEP. Estou sabendo, agora, por meio de fontes do gabinete do ministro do Esporte, Orlando Silva, que o Governo federal reafirma seu amplo aval ao retorno da UEP. Em voz alta, o principal assessor do ministro, Ricardo Gomyde, proclama que a Universidade “é parte essencial de nossos projetos...”

UNIVERSIDADE DO ESPORTE - 3 Assim como é bom que se registre: além do Ministério do Esporte, a Universidade Positivo e a Universidade Federal do Paraná (UFPR) estariam conside-

rado algum tipo de parceria com a UEP. No que consistiriam tais parcerias, não tenho ainda elementos de avaliação. Há a grande possibilidade de a UEP adotar Orlando Silva: uma nova con- apoio total figuração, indo além da formação de pessoal técnico para atuar em esportes (como cursos de graduação e especialização). A ampliação da “forma de ser” da UEP poderá, como sugere o Governo Federal a “Sig”, contemplar ações sociais e comunitárias. Sempre tendo o esporte como ponto de partida, e tudo dentro da visão que “vem marcado o trabalho do ministro Silva”, diz, animado, Segismundo Morgenstern.

ROSSONI BEM PROTEGIDO O presidente da Assembléia Legislativa, Valdir Rossoni, foi visto, na semana, jantando com três convidados num restaurante italiano da cidade. Estava acompanhado de três guardacostas da PMEP. Quem o observou, viu que Rossoni só bebeu coca zero. No meio dos diálogos, ouvidos atentos registraram reclamações suas. Uma, bem claramente ouvida: a de que teria cumprido, na AL, todas as promessas que fez ao tomar posse no cargo, em janeiro. O resto, tem dito – e deve ter repetido aos seus convidados – é que seria vítima de fogo amigo. Quer dizer, de trabalho contra suas medidas, promovido por gente poderosa da Casa.

INCENTIVOS & OBSERVAÇÕES SOBRE OS GOVERNADORES Rodrigo Deda (foto), da nova (e competente) geração de analistas políticos, atuando na Gazeta do Povo, manda palavras de incentivo a propósito da série “Quem fez a cabeça dos

governadores”, que a coluna encerrou na edição de ontem. Sobre a definição que dei de Roberto Requião - “ foi o governador do solilóquio”-, Deda não deixa por menos:”A frase entra para a história”. Pela adequação do dito à pessoa enfocada. E do professor de publicidade, jornalista e blogueiro João José Werzbitski, registro a mensagem: “Nunca ninguém definiu tão bem Requião numa só frase” ( “o governador do solilóquio”). De Jubal Dohms, diretor da Dohms Comunicação, recebo a mensagem: “Considero a série sobre quem fez a cabeça dos governadores oportuníssima. Foi um presente seu para os leitores de sua coluna...”

O que ocorre em Brasília, com o governo numa postura comodista, arrebanhando pela via de novo partido, o PSD, sufocando a oposição, para desespero dos companheiros e companheiras que vêem alguns de ocasião com eles dividindo o espaço duramente conquistado, começa a ocorrer no Paraná. A preocupação de eliminar eventuais oposicionistas também se faz presente na Assembleia Legislativa. Além dos poucos peemedebistas que, divergindo da postura adotada pelo partido, casos de Alexandre Curi e Luiz Cláudio Romanelli que preferiram apoiar a candidatura de Beto Richa, com posição marcada desde o início, o governo procura agora trazer o restante do partido para seu redil. Por conflitos permanentes nas bases, em prejuízo de companheiros que desde sempre foram contra a administração anterior. Enquanto a maioria se locupletava no governo Requião, alguns peessedebistas, pessepistas e democratas permaneciam firmes na trincheira oposicionista. Marcados duramente pelo estilo agressivo do governante anterior aos que lhe faziam oposição. Não por acaso agora, quando a pretexto de já pensar em 2014 (reeleição), o grupamento dirigido por Beto procura eliminar qualquer resquício de oposição mais agressiva, deixando-a restrita ao PT, ainda assim sem grande empenho na medida em que o governante regional não hostiliza a presidente Dilma já que com ela procura manter um relacionamento republicano, os companheiros que carregaram durante oito anos o andor oposicionista estadual com todos os ônus, vêem com preocupação os movimentos conciliatórios. Há no ar um clima de descontentamento. Daí a aplicação do ensinamento de Jânio Quadros: “quarto com muitas babás, o bebê chora e ninguém atende”.

INCENTIVOS – 2 Com o espírito de justiça que o caracteriza, Szyja Ber Lorber posta mensagem de cumprimentos pela mesma série sobre os que fizeram a cabeça dos governadores. Com um adendo oportuno: “Você esqueceu do governador Hosken de Novaes”. Verdade. Dele tratarei proximamente. Mais uma observação corretíssima do jornalista Lorber: entre os que fizeram a cabeça de Jaime Lerner não se pode esquecer o nome de Fani Lerner. Certíssimo.

Breve parada INCENTIVOS – 3 Fani, além de companheira de Lerner por dezenas de anos, foi incomparável como secretária da Família e Criança, tanto na Prefeitura de Curitiba quanto nos dois governos Lerner. A obra dela tem sido destacada bastante. Mas nunca será demais lembrar seu papel na construção de um Paraná melhor para as crianças carentes. Eu fui parte do conselho do Provopar estadual,por anos seguidos, sob a orientação de Fani. Conheço a importância e o papel dessa mulher que é um símbolo de apoio à infância.

ERROS & ACERTOS NA TRAVANCA Quando escrevi, na coluna , dias atrás, que José Dionísio Rodrigues nasceu em “Travessa do Mondengo” nunca imaginei que iria criar um caso internacional. Isto mesmo: os parentes do bom português, fundador e presidente da OpusMúltipla (Grupo OM de Comunicação Integrada), uma das três maiores agências de publicidade do Paraná, ficaram “indignados”. Afinal, jamais conceberiam que alguém pudesse trocar tão arbitrariamente o nome da aldeia natal do Rodrigues. Pois, pois... O nome pode soar meio esquisito para gente cá destas plagas, mas é mesmo (e corretamente), Travanca do Mondego. Com a correção, que agora faço, espero que se restabeleça a paz naquelas paragens de Coimbra, de onde vêm as reclamações justíssimas. Faz-se, assim, justiça à boa gente da Travanca, que se mostra muito orgulhosa do Rodrigues, filho tão ilustre ( e bem capitalizado...).

ERROS & ACERTOS – 2 Ainda sobre a série “quem fez a cabeça dos governadores?”, encerrada nesta coluna ontem, José Dionísio Rodrigues pede-me que não deixe de mencionar o papel importantíssimo que teve na vida pública de Jaime Lerner o jornalista e empresário Gilberto Ricardo dos Santos, um sócio de Rodrigues na Opusmúltipla. Claro, pulei o nome de Gilberto, na pressa de trabalhar, sem recorrer a pesquisa, socorrendo-me apenas da memória. Gilberto merecerá um destaque à parte, oportunamente. Assim como, por dever de justiça, devo citar Eduardo Rocha Virmond dentre os que influenciaram Lerner em seus governos. No caso de Virmond, além de ter sido secretário de Estado, ele foi sempre uma referência forte na área cultural do Estado nos tempos de JL.

Entre um compromisso em Rosário, na Argentina e outros em Berlim e Paris, Jaime Lerner faz uma parada em Curitiba no dia 16, no fim da tarde, para autografar seu novo livro “O que é ser urbanista”, na livraria Saraiva do Shopping Cristal em Curitiba. Para desespero de seus detratores que em Brasília trombam com repórteres radiofônicos.

Herança maldita Apesar dos anúncios ufanistas dando a impressão de que o país eliminara essa mancha vergonhosa, o governo de Luiz Inácio da Silva (Lula), deixa para sua sucessora um quadro desolador: mais de 16 milhões de brasileiros, ainda vivem em estado de miserabilidade. Obrigando ao lançamento de novo programa social, visando introduzir esse contingente de brasileiros num patamar de vida mais digna.

Novo adiamento Ainda não foi desta vez! Apesar dos repetidos anúncios garantindo a votação nesta quarta-feira que passou do novo Código Florestal, novo adiamento ocorreu. Ainda com mais incertezas que consenso, a votação ficou para a próxima semana: se o entendimento entre os vários interesses for alcançado.

CPI ... Um assunto agita a Câmara Municipal de Curitiba: depois de ter quase alcançado o número de assinaturas necessárias para instalação da CPI da Consilux (radares de fiscalização do trânsito curitibano) as retiradas de assinaturas inviabiliza a investigação pela Casa de Leis curitibana.

...inviabilizada Difícil é aos vereadores explicar por que abrem mão de fiscalizar as ações da Prefeitura, principal razão de ser da edilidade. Preferem seus membros continuar a votar nomes de rua e títulos de cidadania honorária. Dando razão aos que afirmam que o democrático é de fato um regime caro. No caso da Câmara curitibana, algo em torno de 5% do orçamento da cidade. Com mais um “espigão” projetado.

Em choque Do presidente do STF, ministro César Peluso que defende a redução de efeitos suspensivos a processos com julgamento em segunda instância na Corte superior: “A PEC (que reduz os recursos) não cria um risco às liberdades individuais. Isso é mito. É o mito do risco da injustiça criminal ou o mito da ameaça à liberdade”.

Programa Proesas é apresentado ao ministro da Agricultura O secretário de Meio Ambiente e Recursos Hídricos, Jonel Iurk, e o presidente do Instituto das Águas do Paraná, Márcio Nunes, apresentaram esta semana o Proesas ao ministro de Agricultura, Wagner Rossi, em Brasília. O programa, lançado pelo governador Beto Richa em abril, compreende uma série de ações conjuntas entre secretarias de Estado, autarquias e empresas mistas visando à melhoria da qualidade de vida no meio rural. Ele reunirá um conjunto de medidas fiscais, sociais e ambientais destinadas a melhorar a vida das famílias que vivem no campo e incentivar a preservação ambiental e o aumento da produtividade. Entre as medidas estão a compensação financeira para o produtor que preservar nascentes de água, a construção de moradias rurais, a conscienti-

zação sobre manejo do solo e a implantação de sistemas comunitários de água tratada e saneamento. “O Proesas vem ao encontro da necessidade de desenvolver a economia e promover o bemestar social, mas sem esquecer das questões de sustentabilidade”, ressaltou Iurk. “Esse programa irá marcar a história do Paraná. A transversalidade é a palavrachave do Proesas e vamos unir esforços pelo bem daqueles que mais precisam”, ressaltou Nunes. O ministro Rossi disse que o Proesas “é um projeto de política pública de qualidade e altíssimo alcance social, ambiental e econômico”. Participaram o presidente da Cohapar, Mounir Chaowiche; o presidente da Ocepar, João Paulo Koslovski; o diretor da Faep, João Luiz Rodrigues Biscaia; e a gerente do BRDE, Carmem Rodrigues Truite.


Saúde&BemEstar Indústria&Comércio

Vacina Influenza

reportagem@induscom.com.br Curitiba, sexta-feira a domingo, 06 a 08 de maio de 2011 | A4

EXPERIÊNCIA

Médica paranaense pratica esportes radicais como pesquisa Divulgação

A

médica paranaense Grasiele L. Martins, com formação nas áreas de endocrinologia, pediatria e medicina esportiva, também é produtora e apresentadora do programa “Mais Saúde”, na TV a cabo, em Curitiba , e vem mostrando, com experiência própria, a prática de esportes radicais. Esta semana, por exemplo, divulga matéria no programa de com o foi seu vôo de asa delta feito , recentemente, no Morro Pedra Bonita, no Parque Nacional na floresta da Tijuca, no Rio de Janeiro. Segundo a médica Grasiele Martins, especializada em medicina esportiva, a experiência de praticar esportes chamados radical ou de aventura, “está sendo muito importante, pois é possivel ter uma noção, sob uma visão médica, com relação condicionamente físico, o estado mental, equipamentos e a alimentação, que são os fatores importantes na prática de qualquer atividada esportiva. A diferença é que no esporte radical devido alto grau de risco físico, exige-se muito mais de quem o pratica” E comenta Grasiele: “Alguns estudos definem o esporte radical como um lazer ou atividade recreativa muito agradável, mas se tiver uma má administração poderão

A Secretaria da Saúde reforça que a campanha de vacinação contra a gripe termina no dia 13 de maio. Números do Programa Estadual de Imunização mostram que até as 10 horas da manhã desta quinta-feira (05), o Paraná vacinou 686 mil pessoas. A vacinação deste ano protege contra os três vírus influenza mais circulantes no País: influenza A (H3N2) – sazonal, influenza A (H1N1) e influenza tipo B. A meta é imunizar 1,3 milhão de pessoas: grávidas (em qualquer período gestacional), idosos (com 60 anos ou mais), crianças de seis meses a dois anos, indígenas e trabalhadores de saúde que atuem diretamente no atendimento a pacientes de influenzas. A vacina está disponível nas 2,2 mil unidades de saúde do Paraná.

“Saúde é Vital” Na edição do mês de abril da revista ‘Saúde é Vital’, da editora Abril, o ortodontista e ortopedista-facial Gerson Köhler e a otorrinolaringologista e otoneurologista Rita de Cássia Cassou Guimarães, foram os entrevistados da reportagem “Zumbido: uma possível cura”. Os especialistas falam sobre algumas causas do zumbido, como os problemas odontológicos e alterações sanguineas metabolicas e vasculares. Ambos são voluntários do Grupo de Apoio a Pessoas com Zumbido de Curitiba (GAPZ) que acontece toda primeira sexta feira de cada mês no Hospital de Clínicas.

Combate à dengue Grasiele Martins voando, no Morro Pedra Bonita, no Parque Nacional na floresta da Tijuca (RJ)

gerar acidentes e até a morte do praticante. Experimentando esses esportes, tem sido muito gratificante e útil para minha atividade médica, pois obtenho informações importantes dos desportistas além de sentir os efeitos na prática, enriquecendo minha especialização”. O programa “Mais Saúde” vai ao ar pela CWB TV, canais 5 da NET e 72 da TVA, domin-

go às 16:00 hs e segunda-feira às 19:30 hs. Também pode ser assistidos pela internet nos links www.youtube. com/programamaissaude www.mais saude2011.blogs pot.com. A experiência com esportes radicais, não é novidade para a médica. A endocrinologista Grasiele Martins já tinha vivenciado uma experiência, como o mesmo

objetivo de pesquisa, saltado de paraquedas com o grupo Skull Paraquedismo, em Curitiba. “Foi o início de tudo com esta modalidade de esporte. A experiência animou a prosseguir na pesquisa”, comentou Grasiele, que já esta agendando novos esportes tais como alpinismo, montanhismo, bungee jumping, trekking e mountain bike.

VISÃO

Oftalmologista comemora data máxima dia 7

Divulgação

A Oftalmologia é a especialidade da Medicina que estuda e trata as doenças nos olhos e na visão. E no dia 7 de maio comemora-se o Dia do Oftalmologista, uma data para lembra a importância de fazer consulta oftalmológica periodicamente. No mundo, estima-se que dois em cada três casos de cegueira poderiam ser evitados se houvesse um diagnóstico preventivo e um tratamento apropriado. “Os cuidados com os olhos deve começar cedo, desde o nascimento dos bebês, no teste do olhinho, no primeiro exame ocular e continuar ao longo dos anos”, alerta o oftalmologista e diretor da Clínica Canto, Marco Canto. Com as consultas regulares, é possível evitar alguns

problemas comuns à visão. “Além do relato das queixas, o oftalmologista examina a acuidade visual, refração, medida da pressão ocular, fundo de olho, exame biomicroscópico da córnea e do cristalino”, explica o Dr. Canto. Segundo o médico, alguns procedimentos antes da consulta ajudam para orientar o oftalmologista nos exames que serão realizados dentro do consultório. “No pré-exame, a atendente mede a pressão ocular com um tonometro de sopro, mede a curvatura dos olhos e também faz uma medida automatizada do grau do paciente”, conta. Após a consulta podem ser indicados outros exames. “O exame de refração

Secretaria da Saúde fez na última segunda-feira um alerta para que a redução da temperatura não leve a população a relaxar nos cuidados com a dengue. Os técnicos lembram que cerca de 98% dos criadouros do mosquito Aedes aegypti, trasmissor da doença, estão dentro das residências e que, pelo acúmulo de locais propícios para sua proliferação, o mosquito é geralmente encontrado nas áreas urbanas. Por isso o combate à dengue deve ser intensificado principalmente dentro das casas e nos quintais. Com a chegada das temperaturas mais frias, o engajamento da população deve continuar. A Secretaria de Saúde lançou na última quarta-feira (27) o novo Programa Estadual de Controle da Dengue, que norteará as ações do Estado em relação à assistência aos doentes, vigilância epidemiológica e controle do mosquito (Aedes aegypti).

Saúde Bucal

Após a consulta podem ser indicados outros exames

serve para detectar e registrar a boa visão do paciente; a biomicroscopia é realizada para verificar a córnea e o cristalino e prevenir a catarata ou degenerações”, conta e acrescenta. “A fun-

doscopia avalia a retina, mácula e papila e também examina as alterações em diabéticos, hipertensos ou os sinais de descolamento de retina ou até mesmo o glaucoma.”

O governo federal incluiu dois novos tratamentos dentários na lista de procedimentos oferecidos pelo Sistema Único de Saúde (SUS). Procedimentos de ortodontia (correção dos dentes) e implante dentário passarão a fazer parte do programa de saúde bucal Brasil Sorridente. O anúncio foi feito na semana passada pelo ministro da Saúde, Alexandre Padilha. Caberá às secretarias de saúde estaduais e municipais, no entanto, garantir a oferta dos novos serviços. O go--verno pretende fazer pelo SUS, so--mente neste ano, 1 milhão de atendimentos de ortodontia e outros 150 mil de implante dentário.

Doenças negligenciadas

PIONEIRISMO

Gapski Odontologia oferece tratamentos avançados em São José dos Pinhais Divulgação

A Clínica Gapski Odontologia , de São José dos Pinhais, investe cada vez mais para trazer aos seus pacientes tratamentos avançados e diferenciados. Sob os cuidados dos dentistas Gláucio e Marco Gapski, os pacientes da clínica se beneficiam de técnicas de última geração, como implantes com carga imediata, clareamento a laser com laserterapia, sedação com óxido nitroso e mock up, que permitem deixar o sorriso mais bonito, sem sofrimento. O Dr. Glaucio foi pioneiro em tratamentos de implantes no Sul do Brasil. E agora sua clínica é referência também em implantes de ação mais imediata. “Nos implantes com carga imediata colocamos a

CMYK

Gláucio Gapski, pioneiro em implantes

prótese em 48 horas. O paciente não precisa aguardar de 4 a 6 meses como no procedimento convencional”, explica Dr. Marco. Esse tipo de tratamento é recomendado para pacientes que perderam um dos dentes da frente e tem estrutura óssea suficiente preservada ou ainda para quem precisa substituir todos os dentes da arcada inferior, caso em que a prótese inteira é

fixada por meio de quatro a seis implantes. Já a laserterapia é usada para acelerar o processo de osseointegração no implante de dentes e em cirurgias bucais, como extrações. Por ter efeito antiinflamatório e analgésico, pode auxiliar na reparação do dente, evitando a dor. No Clareamento a laser, a laserterapia alivia a sensibilidade e ainda é eficaz no tratamento de herpes e aftas. O óxido nitroso é indicado para pacientes que tem medo dos procedimentos odontológicos. Nesses casos, a sedação com o óxido permite realizar tratamentos de forma indolor, pois o paciente dorme e só acorda quando o procedimento termina.

Melhorar o diagnóstico e inovar no tratamento de males ignorados pelo Estado e pela indústria farmacêutica são desafio dos países em dsenvolvimento. A cada ano são registrados cerca de 650 mil novos casos de tuberculose, malária, leishmaniose, hanseníase e doença de Chagas no Brasil. Apesar da incidência considerada elevada, não há novos medicamentos por parte de laboratórios nem grandes gastos em saúde pública na assistência farmacêutica a estas enfermidades, que re--cebem a denominação de doenças negligenciadas pela Orga-ni--zação Mun--dial da Saúde. A incidência destes agravos está diminuindo no Brasil, mas o país ainda tem desafios para o futuro. Em 2010, o Paraná registrou 2.402 novos casos de tuberculose e 125 mortes, além de 276 ocorrências de leishmaniose e 1.061 de hanseníase. A incidência da malária foi de 46 casos, principalmente na Região Oeste. Com relação à doença de Chagas foram confirmados, desde 2003, apenas dois casos.


Nacional Curitiba, sexta-feira a domingo, 06 a 08 de maio de 2011 | A5 | Indústria&Comércio

Fábio Campana

Contexto Político Luz na Assembleia Da discussão nasce a luz, diziam os antigos, que eram sábios. Durante décadas a Assembleia Legislativa do Paraná esteve envolvida em névoas e brumas, tipicamente curitibanas. Foi preciso a vinda do homem de Bituruna, o deputado Valdir Rossoni, para começar a arejar e iluminar esse ambiente de luminosidade rarefeita. E o que se descobriu, como todos estão vendo, é de assustar. Novos assombros devem vir à luz. O exemplo de transparência de Rossoni começa a frutificar. Os deputados já fazem um jogo mais aberto. O deputado petista Tadeu Veneri subiu a Tribuna para acusar o colega Reinhold Stephanes, do PMDB, de ter aberto a cancela da entrada da Casa com um chute. Veneri levou troco. Além de questionamentos ao seu caráter recebeu uma acusação objetiva. Segundo Stephanes, Veneri seria dado a “embolsar R$ 150 mil em ressarcimentos”. O petista prome-

editor@fabiocampana.com.br

teu uma representação contra Stephanes na Corregedoria para que prove sua acusação. Ao final saberemos quem tem razão. Para o público pagante é muito mais útil que os deputados exponham seus conflitos em lugar de “varrer para dentro”, ou pior, “para debaixo do tapete”. Durante muitos anos a Assembleia foi um lugar, aparentemente, sem maiores conflitos. Deu no que deu.

Transmissão O Primeiro-Secretário da Assembleia Legislativa, deputado Plauto Miró Guimarães Filho (DEM), revelou que está acertando os últimos detalhes para a revogação do contrato com a empresa Rádio e Televisão Rotioner Ltda. (Canal 21), que faz a transmissão e recepção de sinal digital da TV Sinal. O contrato com a Rotioner se encerrará em dezembro de 2012, mas segundo ele, devido às deficiências na prestação dos serviços, a TV Paraná Educativa (E-Paraná), do governo do Estado, deverá assumir a transmissão nos próximos dias.

Mais licença A ex-primeira dama Regina Pessuti terá mais 60 dias de licença médica. A portaria é publicada no Diário oficial do Legislativo. O motivo da licença médica é CID 10 F 32.2, que segundo a classificação internacional de doenças significa episódio depressivo grave sem sintomas psicóticos. Assim caminha a humanidade.

Mau humor O senador Roberto Requião insiste em se estranhar com a “imprensa canalha”. Não admite brincadeiras nem mesmo de um programa tipicamente humorístico, como o CQC da emissora Band. Na quartafeira (4) à tarde, em Brasília, foi abordado pelo repórter Danilo Gentili e não gostou. Mais tarde, postou no twitter: “Os desclassificados do CQC me provocaram nos corredores do Senado hoje. Provocado pelo CQC, me afastei pelo mau cheiro”.

Mudança de planos O bom desempenho da senadora Gleisi Hoffmann nas pesquisas de in-

tenção de voto para a prefeitura de Curitiba divulgadas no início da semana levou o presidente estadual do PT, deputado Ênio Verri, admitir nesta quarta-feira (4) pela primeira vez a possibilidade de rever a estratégia de preservá-la para a disputa pelo governo do Estado em 2014.

Dois palanques O deputado tucano Mauro Moraes acredita que a alternativa para solucionar o impasse do PSDB nativo sobre a candidatura para as eleições de 2012 à prefeitura de Curitiba seria ter dois palanques da base na disputa. Moraes avalia que não é aconselhável dividir o grupo que tem Gustavo Fruet e o aliado do PSB, o prefeito Luciano Ducci, na dianteira para a disputa do próximo ano.

Concluído O relatório da Operação “Déjà Vu II”, da Polícia Federal (PF), foi concluído nesta quinta-feira (5). A investigação apurou desvio de mais de R$ 18 milhões através de certificados de Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (OS-

Ricardo Voltolini abre Ação Global 2011 Especialista e jornalista fará palestra na próxima quarta-feira

Imagine Cup premia vencedores Os alunos do Colégio Sesi Ensino Médio Fazenda Rio Grande, Matheus Henrique dos Santos e Allysson Willian Kais, foram os vencedores do “Desafio Imagine Cup”, promovido pela Microsoft Brasil. O segundo lugar ficou com os alunos Bruno Aronis e Vitor Mayeves, do Colégio Sesi Famec, e o terceiro com José Guilherme Mormelo de Souza, de Rio Negro. O desafio, que envolveu 49 alunos do Senai e do Sesi Paraná, foi o de produzir vídeos aliando tecnologia com o tema Objetivos de Desenvolvimento do Milênio. Os autores dos três melhores vídeos foram conhecidos na quarta-feira (04).

Rogério Theodorovy

E

A palestra abre as atividades da Ação Global 2011, evento que se constitui em um mutirão da cidadania, realizado todo ano pelo Sesi e a Rede Globo.

Voltolini, que é publisher da revista Ideia Sustentável, abordará responsabilidade social empresarial e sustentabilidade. De acordo com Voltolini, as discussões acerca da sustentabilidade no Brasil tiveram início há dez anos. “Hoje a questão da susten-

tabilidade e desenvolvimento sustentável está presente em todas as discussões, desde a instância escolar até governamental. Isso se deve ao senso de urgência criado ao redor do tema. Vivemos em um mundo com escassez de re-

cursos e crescente desigualdade social. Se não tomarmos uma atitude de mudança, não sei como será o mundo para as próximas gerações”, diz. Mais informações e inscrições para a palestra pelo telefone (42) 3219-5013.

Pergunta Na Guerra de babuínos em que está se transformando a Assembleia, com insinuações tuitadas para todos os lados, surge a pergunta que não quer calar: Quem é o rei da Higi Serv?

Defensoria O Secretário Nacional de Justiça do Ministério da Justiça, Paulo Abrão, estará em Curitiba para a audiência sobre a criação da Defensoria Pública do Estado que acontece amanhã, às 9h. O projeto, apresentado pelo Governo do Estado, institui a Lei Orgânica da Defensoria Pública do Estado, cria a carreira de defensor público e o quadro de pessoal de apoio e área administrativa do órgão. O texto também propõe a interiorização da Defensoria Pública, com pelo menos um Defensor Público em cada Comarca do Estado.

Microcrédito traz novas perspectivas para empresários

CIDADANIA

mpresários, dirigentes de sindicatos, acadê micos, representantes do setor público e de entidades parceiras do Serviço Social da Indústria (Sesi) Paraná participam na quarta-feira (11), no Barbur Plaza Hotel, em Ponta Grossa, da palestra “10 Desafios da Sustentabilidade”, com o especialista e jornalista da revista Ideia Sustentável, Ricardo Voltolini. O encontro começa às 11 horas. A palestra abre as atividades da Ação Global 2011, evento que se constitui em um mutirão da cidadania, realizado todo ano pelo Sesi e a Rede Globo. A edição deste ano acontece dia 14 de maio, em todo o país. No Paraná, o mutirão de cidadania será em Ortigueira, na região dos Campos Gerais, no Colégio Estadual Altair Mongruel. A previsão é receber mais de mais de 8 mil pessoas e realizar 36 mil atendimentos. O tema é “Um Brasil de Cidadania”, com o sub-tema “Responsabilidade social: quem pratica deixa sua marca no futuro”. O debate com Ricardo

CIP). A PF teve apoio da Controladoria-Geral da União e da Receita Federal. Das 16 pessoas presas na operação ‘Déjà Vu II’, quatro permanecem em cárcere.

As empresárias Daiana Dal Negro e Franciane Maceno Silvério planejavam há tempos atualizar os computadores da Cyber Espaço, empresa que presta serviços de acesso à internet, jogos em rede e impressões em Morretes, no Litoral do Paraná. Surpreendidas pela enchente e os deslizamentos que atingiram a região em março, afastando clientes e estagnando a economia, as duas sócias quase desanimaram. As perspectivas mudaram com o Programa Estadual de Recuperação Econômica do Litoral, lançado pelo governador Beto Richa, ainda em março, para estimular a reativação da atividade econômica nos municípios de Antonina, Morretes, Guaratuba e Paranaguá. O programa oferece crédito facilitado e a juros baixos para empreendedores, pequenas empresas e agricultores. Com três anos de atividades, e um empregado contratado com carteira assinada, as proprietárias da lan house Cyber Espaço aproveitaram a oportunidade e apresentaram um projeto de financiamento no valor de R$ 10.000,00, para comprar dez novos computadores. A proposta foi prontamente atendida e, dez dias depois, o recurso estava disponível para as empreendedoras. As novas máquinas chegaram

ontem (05) a Morretes. A empresa terá seis meses de carência para começar a pagar as prestações do empréstimo, que será liquidado em 30 meses. “O microcrédito foi uma surpresa ótima, uma oportunidade que chegou na hora exata para atender nossa necessidade. Com o financiamento trocamos dez das 16 máquinas que temos”, disse Franciane. As operações de crédito para empreendedores de Antonina, Morretes, Guaratuba e Paranaguá, por meio do Programa Estadual de Recuperação Econômica do Litoral, começaram há três semanas e já foram aprovados 41 projetos, que somam aproximadamente R$ 300 mil. O programa dispõe de R$ 5 milhões em recursos do Fundo de Desenvolvimento Econômico (FDE). Nos quatro primeiros meses de 2011 o Programa Microcrédito, da Agência de Fomento Paraná S.A. (Fomento S.A.), aprovou 450 projetos, que representam R$ 2,5 milhões em financiamentos a pequenos empreendimentos produtivos paranaenses. O volume é 50% superior ao do mesmo período de 2010. Presente em 160 municípios, o programa está aberto a todos os setores da economia. A expectativa é chegar a 2.500 projetos financiados em 2011.

Gestão da inovação Corredor de exportação do Porto no PR é reconhecida receberá navios de maior porte O Instituto Europeu de Estratégias Criativas e Inovação realizou em abril, o 4º Encontro Internacional de Diretores de Inovação. Para o evento, que aconteceu em Paris (França), o Clube de Diretores de Inovação elegeu 25 cases de diferentes países para tratar o tema: “Estratégias de crescimento por meio da gestão dos ecossistemas da inovação”. Um dos cases escolhidos foi o Centro Internacional de Inovação (C2i), criado em 2009 pela Fiep. Segundo o diretor executivo do C2i, Filipe Cassapo, os demais participantes destacaram a capacidade de articulação e atração de parceiros, pesquisadores e empresas em prol da inovação no Paraná. “Todos ficaram impressionados com a capacidade de planejamento estratégico de desenvolvimento

da inovação no estado por meio da Fiep e do C2i”, explica. Cassapo destacou, também, o interesse dos demais dirigentes de inovação de outros países em investir em empresas inovadoras do Paraná, em conhecer o modelo de gestão do C2i e desenvolver parcerias de integração. Outro case que foi referência no evento foi a Medicon Valley, um exemplo bem sucedido de indução de empreendedorismo de alto impacto e atração de investimentos na indústria farmacêutica. A iniciativa uniu, em 1994 universidades, empresas e poder público de duas regiões da Europa: Suécia e Dinamarca. Atualmente a rede conta com 350 empresas e 3,6 milhões de pessoas envolvidas.

A Capitania dos Portos do Paraná acaba de autorizar o aumento da profundidade dos berços de atracação do Corredor de Exportação do Porto de Paranaguá. A medida vai permitir que navios de maior calado operem no porto, gerando um acréscimo na movimentação de granéis de até meio milhão de toneladas por ano. A portaria da Capitania dos Portos estabelece capacidades maiores para os três berços do Corredor de Exportação, que passam a ter profundidade de 12,3 metros. Com isso, os navios de soja, milho e farelo de soja que atracam no corredor poderão carregar até duas mil toneladas a mais de carga por navio, barateando o custo das operações no Porto de Paranaguá, além de dar maior competitividade aos produtos brasilei-

ros no mercado externo. Para o superintendente dos Portos de Paranaguá e Antonina, Airton Vidal Maron, a ação é resultado dos esforços da Appa, praticagem e Capitania dos Portos. “A realização da dragagem de manutenção dos berços de atracação permitiu conquistar o aumento da capacidade dos berços do Corredor de Exportação. Movimentar mais cargas significa obter mais ganhos em toda a cadeia logística e torna o Porto de Paranaguá mais competitivo”, disse. Com a realização da dragagem de manutenção dos berços de atracação em fevereiro deste ano, foi restabelecida a profundidade dos berços. Em alguns pontos, o assoreamento chegava a três metros por conta da ausência de dragagem nos últimos seis anos. A medida foi a primeira ação

de governo anunciada pelo governador Beto Richa. O custo da obra foi de R$ 2,5 milhões, pagos com recursos do caixa da Appa. Num trabalho conjunto com a praticagem e a Capitania dos Portos, foram realizadas diversas batimetrias que comprovaram a capacidade do Corredor de Exportação para receber navios de maior calado.

Ministro Nesta sexta-feira, projetos de expansão e melhorias dos portos de Paranaguá e Antonina serão discutidos com o ministro dos Portos, Leônidas Cristino, que visita os dois terminais acompanhado do secretário de Infraestrutura Portuária da Secretaria de Portos (SEP), Fernando Victor Carvalho. Eles serão recebidos pelo superintendente da Appa, Airton Vidal Maron.


PublicidadeLegal Curitiba, sexta-feira a domingo, 06 a 08 de maio de 2011 | A7 | Indústria&Comércio SUMULA DE EMISSÃO DE LICENÇA DE OPERAÇÃO A empresa abaixo torna público que recebeu do IAP, Licença de Operação para empreendimento a seguir especificado :Empresa : D´Agostin e D´Agostin LtdaAtividade : Indústria da Madeira;Município : Colombo – PR;Validade : 06/04/2017.

T RAV . N ESTOR

EDITAL DE PROCLAMAS F AÇO

RIBAS MINERAÇÃO LTDA, torna público que recebeu do Instituto Ambiental do Paraná - IAP a Licença de Operação nº 23241 com validade até 18/04/2015, para Envase e Comércio Atacadista de Água Mineral, situada à ROD DO CAFÉ - BR 376 KM 452 - Fazenda da Praia Tibagi - PR.

1º O FÍCIO DO REGISTRO C IVIL 13º T ABELIONATO L EÃO B EL . R ICARDO A UGUSTO DE L EÃO - O FICIAL DE C ASTRO , 271 - CEP 80.020-120 C ENTRO - C URITIBA - PR

SABER QUE PRETENDEM CASAR - SE :

1 - WARREN CARL KNUTH E DANUZA PISA CORRADINI . Se alguém souber de algum impedimento, oponha-o na forma da Lei, no prazo de 15 dias. Lavro o presente Edital de Proclamas para ser publicado e afixado em lugar de costume. CURITIBA, 05 DE MAIO DE 2011

AZ IMÓVEIS LTDA, torna público que recebeu do IAP, Licença de Instalação n° 11808, com validade até 19/04/2012, para implantação do Loteamento Residencial Rota do Sol, localizado na Rua dos Lírios, s/n, Colônia Afonso Pena, São José dos Pinhais - Paraná. CARTÓRIO DE SANTA FELICIDADE IRIO DAS CHAGAS LIMA – OFICIAL Av. Manoel Ribas, 6031 - Fone (41) 3372-1671 – CEP 82020-000 – CURITIBA – PARANÁ EDITAL DE PROCLAMAS F AÇO

SABER QUE PRETENDEM SE CASAR :

1- CLAUDIO OSADCZUK COM LUCIANI ALVES; 2- WILLIAN FRANCISCO ROSA COM ALINE GONÇALVES CORDEIRO; 3- MAURO DE SOUZA FERREIRA COM ROSICLER XAVIER DE JESUS.

E D I T A L Nº 008/2011 A Presidente do Sindicato dos Servidores do Magistério Municipal de Curitiba – SISMMAC, no uso de suas atribuições, convoca o Quadro Próprio do Magistério para Assembléia Geral Extraordinária, a realizar-se no dia 10 de maio de 2011 (terçafeira), às 18h30 em primeira convocação e às 19h dezenove horas em segunda convocação, no salão do Edifício Novo Hamburgo, sito à Alameda Dr. Muricy, 54, 10º andar, centro, com a seguinte pauta: 1. Eleição dos membros da Comissão Eleitoral que conduzirá o pleito do Sindicato 2. Informes 3. Outros assuntos Curitiba, 02 de maio de 2011

Se alguém souber de algum impedimento, oponha-o na forma da Lei, no prazo de 15 (quinze) dias. Curitiba, 05 de maio de 2011 IRIO DA CHAGAS LIMA Oficial

SIMERI DE FÁTIMA RIBAS CALISTO PRESIDENTE DO SISMMAC

AÇÃO MONITÓRIA Nº 2008.70.00.027549-0/PR AUTOR : CAIXA ECONOMICA FEDERAL – CEF ADVOGADO : ANESIO ROSSI JUNIOR : SANDRA REGINA DE MATTOS BERTOLETTI RÉU : GESSO NSA SRA DO ROCIO LTDA : JOSE APARECIDO ALSSELBRINQUE : IRACI DO ROCIO ROGENSKI ALSSELBRINQUE EDITAL N.º 5125678 CITAÇÃO de GESSO NSA SRA DO ROCIO LTDA (CNPJ 05.034.542/0001-07) na pessoa de seu representante legal, Sr. JOSE APARECIDO ALSSELBRINQUE, CPF 411.791.109-00, e este também em nome próprio, e de IRACÍ DO ROCIO ROGENSKI ALSSELBRINQUE, CPF 652.337.359-20, para que, no prazo de 15 (quinze) dias, EFETUE O PAGAMENTO da quantia de R$ 44.419,08 (quarenta e quatro mil quatrocentos e dezenove reais e oito centavos), valor fornecido pelo exequente, atualizado até novembro/2008, a ser atualizado monetariamente até a data do efetivo pagamento, ficando ciente de que se efetuar o pagamento do valor acima indicado, no prazo fixado, ficará isento de custas e honorários advocatícios, ou, em querendo, no mesmo prazo, OFEREÇA EMBARGOS, independente da segurança do Juízo. Ciente que, nos termos do artigo 1.102c do CPC, o não pagamento e a ausência de embargos no prazo de 15 (quinze) dias, constituir-se-á, de pleno direito o título executivo judicial, convertendo-se o mandado inicial em mandado executivo, e prosseguindo-se o processo como execução por quantia certa, nos termos dos artigos 1.102b e 1.102c, § 1º, do Código de Processo Civil. E para que chegue ao conhecimento do interessado, por esta estar em lugar incerto e não sabido, é expedido o presente Edital de Citação, com prazo de 30 (trinta) dias. DADO E PASSADO, nesta cidade de Curitiba - PR, 04 de abril de 2011. Vera Lucia Feil Ponciano Juíza Federal

Empresas&Produtos Hobart lança mini-homogeneizador de carne durante a APAS 2011 Atendendo à tendência do mercado varejista por abertura de lojas de pequeno e médio porte, a Hobart do Brasil lança o mini-homogeneizador de carne modelo MH3012, durante a 27º edição do Congresso de Gestão e Feira Internacional de Negócios em Supermercados - APAS 2011, que acontece entre os dias 9 e 12 de maio, no Expo Center Norte, em São Paulo.Totalmente desenvolvido em sua nova fábrica, em São Paulo, o mini-homogeneizador atende, principalmente, a supermercados que demandam por produtividade, eficiência e excelente qualidade de moagem combinados em um único e compacto modelo de equipamento.O modelo MH3012 é construído em aço inoxidável, composto por tanque para 30 kg e apresenta capacidade para processar 12 kg de carne por minuto. Sua estrutura é extremamente robusta, fácil e segura de operar e limpar. E o resultado de seu processamento é uma carne moída super homogênea, com tom mais avermelhado e padronização no teor de gordura entre 7% e 11%.

Escala passa a atender a DuPont Agrícola A conta será atendida pela unidade São Paulo da Escala."A agência se consolidou como nacional e a entrada de uma multinacional do porte da DuPont já no início do ano nos dá a certeza de que temos uma equipe de profissionais que está fazendo a diferença", aposta Daniela Schmitz, sócia-diretora da Escala.A Escala atende o segmento Agro há mais de 30 anos, período em que adquiriu um profundo conhecimento do produtor brasileiro. "O maior desafio nesse segmento é trabalhar de forma criativa um conteúdo tão técnico para um público exigente", avalia Reinaldo Lopes, sócio da Escala. As duas primeiras campanhas estreiam no início de abril. Uma delas lançará um produto inovador para a cultura da cana, segmento estratégico para a DuPont.

Claro conquista 10 mil novos clientes no DDD 46 A Claro não para de crescer na região Sul do Brasil. Segundo o ranking de março da Anatel divulgado na última quarta-feira, dia 20 de abril, a Claro conquistou 10 mil dos 15 mil novos clientes do DDD 46, região sudoeste do Paraná, que reúne cidades como Francisco Beltrão e Pato Branco. A operadora registrou também o maior número de novas ativações do mercado, ficando com 61,41% dos novos clientes que aderiram a planos de telefonia móvel no período, representando um aumento de 14,99 pontos percentuais em relação a fevereiro. Entre as operadoras, a Claro foi a única que ganhou market share nos planos pré e pós-pago nos estados do Paraná e Santa Catarina, ficando com 20,76% do mercado, registrando um crescimento de 0,13%. A Claro também ganhou market share em todos os DDDs do Paraná e nos DDDs 48 e 49, de Santa Catarina.


Improbidade pode gerar perda de aposentadoria Uma servidora condenada por improbidade administrativa, com base em lei estadual, não conseguiu reverter no Superior Tribunal de Justiça decisão da Justiça de Goiás que cassou sua aposentadoria. O relator do caso na 1ª Turma, ministro Benedito Gonçalves, afirmou que a legislação estadual prevê a possibilidade de cassação de aposentadoria, em razão de, na atividade, o servidor ter praticado transgressão punível com demissão, não fazendo diferenciação entre as espécies de aposentadorias. A delegada é acusada de ter desviado veículos e armas de fogo apreendidas na sua unidade policial em benefício próprio ou alheio. Contra decisão do Tribunal de Justiça de Goiás, ela recorreu ao STJ sustentando que sua aposentadoria por invalidez não

poderia ter sido cassada, já que teriam sido preenchidos os requisitos legais para sua concessão. Ela contou que uma perícia médica concluiu pela sua incapacidade laboral em decorrência de doença diagnosticada e que a aposentadoria não teria sido concedida por tempo de serviço, como nos demais casos em que procede desta forma. Mas sim, por invalidez, ocasionada pela doença. O ministro esclareceu que o entendimento da 1ª Seção do STJ é o de que a aposentadoria poderá ser cassada quando comprovado, em processo administrativo disciplinar regular, que, em atividade, o servidor praticou falta punida com demissão. A previsão está presente no Regime Jurídico dos Servidores Públicos Civis da União.

OAB oferece bolsa de escola de advocacia da França Em parceria com o Barreau de Paris, a ordem dos advogados local, e a Embaixada da França no Brasil, o Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil, oferecerá duas bolsas de estudos para cursos na École de Formation du Barreau. Os cursos acontecerão em outubro e novembro de 2011, em Paris e em Bruxelas. Os escolhidos também receberão aproximadamente 4.900 euros, mas devem arcar com a passagem aérea. Para participar, os candidatos devem preencher os seguintes requisitos: ser advogado regularmente inscrito na OAB; ter até 40 anos; proficiência comprovada no idioma francês; ter mestrado preferencialmente; e ter passaporte válido,

com ao menos oito meses de validade. Os interessados deverão juntar os seguintes documentos e enviá-los até o dia 25 de maio de 2011, por Sedex, à Assessoria de Relações Internacionais do Conselho Federal da OAB: currículo em português e em francês; cópia da Carteira de Advogado; cópia do passaporte; carta de motivação, em português e em francês, com no máximo duas páginas; comprovante de proficiência no idioma francês (Certificado, carta de escola de Francês etc); O endereço da Assessoria de Relações Internacionais do Conselho Federal da OAB é SAS Qd 05, Lote 01, Bloco M, Brasília-DF, Cep: 70.070-939.

Ação que pede a liberação de bingos é arquivada

O ministro Joaquim Barbosa, do Supremo Tribunal Federal, determinou o arquivamento da Ação Cautelar em que a Confederação Brasileira de Futebol 7 Society e a Federação Internacional de Football 7 Society pediram autorização do funcionamento das casas de bingo no país. A ação foi proposta pelas duas entidades desportivas contra o Congresso Nacional e as Mesas Diretoras da Câmara dos Deputados e do Senado Federal. A alegação foi a de omissão do Poder Legislativo em legislar sobre a continuidade do funcionamento das casas de bingo. As entidades argumentaram que o lucro obtido na exploração de bingos em cartela ajudava a financiar

o futebol society, uma vez que se trata de um esporte amador que enfrenta dificuldades na obtenção de recursos. Sustentaram, ainda, que quando da proibição dos bingos houve uma interpretação “errônea” de que a Lei 9.981/2000 determinou a extinção dos bingos no Brasil. Ao analisar o pedido de liminar formulado pelas entidades, Joaquim Barbosa verificou que a ação não se encaixa em nenhuma das hipóteses de competência da Suprema Corte, como determina o artigo 102 da Constituição Federal. “A presente ação não reúne condições mínimas para prosseguir”, afirmou o ministro.

Justiça&Direito

Indústria&Comércio | Curitiba, sexta-feira a domingo, 06 a 08 de maio de 2011 | A8

RECURSOS CRIMINAIS

Cezar Peluso explica que PEC não vai acabar com HC Desse total, só 15 foram providos e 5.307 eram sobre matéria criminal 8%

N

o Brasil o “STF funci ona como quarta ins tância e os Tribunais Superiores como terceira, e o acúmulo de serviço é responsável pela demora dos processos e pela sensação de impunidade contra a qual a sociedade reclama há muitos anos”. A declaração é do ministro do Supremo Tribunal Federal, Cezar Peluso, ao defender a PEC dor Recursos, que dá eficácia imediata às decisões judiciais de segunda instância. O ministro divulgou um levantamento feito pela assessoria da Presidência do STF, segundo o qual durante os anos de 2009 e 2010 a Corte recebeu 64.185 recursos extraordinários e agravos de instrumento. Desse total, só 15 foram providos e 5.307 eram sobre matéria criminal (8%). Dentre os providos, 77 foram interpostos pela acu-

sação e 59 se referem à execução da pena. Só nove recursos interpostos pelas defesas foram providos antes do trânsito em julgado. “A partir de nove casos se alega que há um grande dano e um risco à liberdade individual e injustiça na área criminal. Os senhores acham concebível, do ponto de vista do interesse da sociedade, nós termos um sistema que prejudica toda a sociedade, para não correr o risco de nove injustiças? Quantos milhões são prejudicados?” Ainda segundo o ministro, dos nove recursos providos apenas quatro discutiram a condenação por crimes passíveis de condenação, ou seja, 0, 006% do total dos recursos extraordinários e agravos de instrumento. Em três deles, o Supremo reconheceu nulidades processuais, e em ape-

nas um houve a efetiva reforma no mérito da decisão. O presidente também mencionou que tramitam 80 mil processos no STF e questionou: “como é que o Supremo Tribunal Federal pode lidar de modo mais racional, e mais, atendendo a um direi-

to constitucional, que é a razoável duração do processo, com um número desses? Temos que responder para a sociedade que pede uma demanda antiga, maior celeridade e cuidado com matérias criminais para não perpetuar impunidades”.

Habeas Corpu De acordo com o presidente do STF, existe uma série de medidas que podem diminuir a quantidade de recursos na Corte, como a reforma no Código do Processo Civil e do Código de Processo Penal. “Decisivo é o problema do número de graus de jurisdição, que é uma particularidade exclusivamente brasileira. Nós estamos fazendo um levantamento, inclusive da União Europeia, pela Convenção de Veneza, para demonstrar que o duplo grau de jurisdição é suficiente para atender às exigências da Justiça, e que os recursos às Cortes Supremas ocorrem em casos excepcionais”. Para o ministro, a preocupação do STF é fazer a reforma sem prejudicar os direitos individuais, as garantias processuais e as garantias constitucionais. Nesse sentido, com a PEC “o Habeas Corpus continuará sendo usado (em matéria criminal) e julgado do mesmo modo”.

Supremo Tribunal tornou-se uma corte recursal Dos 1,2 milhão de processos que chegaram ao Supremo Tribunal Federal entre 1988 e 2009, só 0,5% tratam do controle de constitucionalidade; 7,8% são de classe ordinária e 91,7 são recursais. De acordo com um estudo feito pela FGV-RJ, a corte constitucional brasileira está muito mais próxima de ser uma “corte recursal suprema”. O levantamento foi coor-

denado pelos professores Joaquim Falcão e Pablo Cerdeira. Segundo Falcão, com a Constituição de 1988, passaram a existir 52 classes processuais por meio dais quais é possível propor uma ação no STF, das quais 37 ainda estão em uso. “Nós pesquisamos em outros países e vimos que nenhuma outra nação tem 37 classes processuais. É uma casa em que você tem que fechar 37

portas todos os dias à noite”, afirmou. “A diversidade de acesso do Supremo, que inicialmente pode parecer positiva, na verdade dificulta o trâmite da Justiça na medida em que a torna mais morosa e lenta. Os processos se acumulam e os cidadãos têm a sensação de impunidade. O Supremo não pode decidir todos os processos da Justiça brasileira”, afirma Cerdeira.

Do total de processos que entraram no STF durante o período analisado, 1.132.850 já foram julgados e 89.252 ainda estão em tramitação. A divulgação do estudo coincide com o lançamento do site www.supremoemnumer nos.com.br, que atualizará permanentemente os dados do Supremo. A cada quatro meses será divulgado um relatório.

JUSTIÇA TRABALHISTA

Supremo Tribunal tornou-se uma corte recursal Na Justiça do Trabalho, o pagamento de honorários advocatícios está vinculado à assistência judicial. Se o empregador perder a ação, ele deverá pagar pelos honorários advocatícios. Já no caso de condenação, os valores recolhidos são destinados ao sindicato. O entendimento foi fixado em julgamento recente na 4ª Turma do Tribunal Superior do Trabalho. A Turma acatou recurso de uma empresa e a excluiu da

condenação pelo pagamento dos honorários. O vínculo entre empregador e sindicato é previsto pelos artigos 14 e 16 da Lei 5.584, 1970, que, dentre outras atribuições, disciplina a concessão e prestação de assistência judiciária na Justiça do Trabalho. Com base na legislação, o colegiado entendeu que a Sierra Serviços Especializados não tinha responsabilidade sobre os honorários do advogado contratado por um ex-

empregado. A decisão da 4ª Turma modifica entendimento de primeiro e de segundo graus. A empresa foi condenada a pagar os honorários assistenciais na 2ª Vara do Trabalho de Bento Gonçalves e no Tribunal Regional do Trabalho do Rio Grande do Sul, mesmo com o advogado da trabalhadora não sendo credenciado pelo sindicato. Contrariando entendimento das instâncias ordi-

nárias, a relatora do caso no TST, ministra Maria de Assis Calsing, entendeu que, na hipótese levada pela Sierra Serviços Especializados, não houve assistência sindical à trabalhadora. Apesar disso, ela fez algumas ressalvas. A primeira delas diz respeito à disciplina dos honorários advocatícios. A ministra esclareceu que eles são regulamentados por uma legislação específica — a Lei 5.584/1970 — no processo do trabalho. Na práti


Economia Curitiba, sexta-feira a domingo, 06 a 08 de maio de 2011 | B1 | Indústria&Comércio politica@induscom.com.br

PROJEÇÃO

Inflação vai diminuir, diz presidente do Banco Central Aumentos da taxa de juros neste ano terão efeitos na economia Antonio Cruz/ABr

Kelly Oliveira

O

presidente do Banco Central (BC), Alexandre Tombini, afirmou nesta quinta-feira (05/05) que a inflação no país deve ser mais baixa nos próximos meses. “Veremos uma inflação mensal girando em valores mais baixos”, disse. Segundo ele, a inflação deve ficar dentro da meta, com o nível mensal variando entre 0,35% e 0,40%. “Estaremos caminhando para o controle da inflação”, afirmou em audiência pública na Câmara dos Deputados. “O cidadão comum vai sentir a inflação mais baixa ao longo do ano”, destacou. Tombini enfatizou que os aumentos da taxa de juros neste ano ainda terão efeitos na economia. “Precisamos ter garantias de que a inflação vai convergir para o centro. Mas controlar a inflação não é corrida de 100 metros. É um esforço prolongado”, afirmou. Segundo ele, a inflação deve convergir para o centro da meta de 4,5% em 2012. A meta tem margem de 2 pontos percentuais para mais ou para menos. Cabe ao BC perseguir essa meta e, para isso, usa como principal instrumento a taxa básica de juros, Selic. Essa taxa é elevada quando o BC considera que a economia está aquecida e a inflação em alta.

Cadernetas de poupança têm saldo negativo em abril Stênio Ribeiro

As cadernetas de poupança registraram um abril vermelho este ano. O volume de saques (R$ 98,335 bilhões) superou o de depósitos (R$ 96,572 bilhões) e o saldo das cadernetas caiu, no mês, R$ 1,762 bilhões, como mostra o Relatório de Poupança divulgado ontem pelo Banco Central (BC). Apesar do déficit na captação, o rendimento creditado no mês somou R$ 2,24 bilhões, razão pela qual o estoque total das cadernetas de poupança aumentou de R$ 384,896 bilhões em março para R$ 385,374 bilhões em abril. Do total, R$ 305,867 bilhões estão depositados no sistema brasileiro de poupança e empréstimo (SBPE), que financia o setor habitacional, R$ 79,506 bilhões na caderneta rural e ainda restam R$ 2,97 milhões residuais da antiga poupança vinculada, que não existe mais. Os saques feitos na caderneta rural superaram os depósitos em R$ 1,15 bilhão, o que é explicado, em parte, pela colheita de mais uma safra agrícola e a consequente necessidade de dinheiro para movimentação da produção. Mas a queda na captação pode ter ocorrido também por causa da elevação da taxa básica de juros, segundo o professor de economia Alcides Leite.

A c ont e cce e onte na Política André Molina

Proposta do PPS da Reforma Política é apresentada ao PMDB e PT Após formatar um projeto com onze propostas para a reforma política, a bancada de deputados do PPS em âmbito federal vem buscando apoio e espaço para a discussão. A legenda já expôs o documento para o PMDB, PT, STF, OAB e TSE. Entre as propostas do partido estão o financiamento público de campanha, a eleição em dois turnos nas cidades com mais de 50 mil eleitores, o fim da reeleição e a adoção do voto distrital misto, que dá a possibilidade ao eleitor de votar duas vezes para deputado e vereador, uma no partido e outra no candidato de seu distrito. “Estamos fazendo este trabalho para agilizar a reforma e buscar um sistema político mais moderno e eficiente”, afirmou o líder do partido, deputado federal Rubens Bueno.

Gleisi candidata a prefeita? Após receber um “chega para lá” do deputado federal Ratinho Júnior (PSC), o PT voltou a avaliar a possibilidade de lançar a senadora Gleisi Hoffmann como candidata à prefeitura de Curitiba em 2012. Inicialmente, a intenção dos petistas era emplacar o nome de Angelo Vanhoni como vice de Ratinho Jr., mas a tentativa não obteve sucesso. Porém, convencer Gleisi não será fácil. Ao que tudo indica, Gleisi está satisfeita com o início de mandato de senadora. Ela espera permanecer em Brasília até a próxima eleição ao governo do estado.

PMDB não sabe que posição adotar na Alep

O presidente do Banco Central, Alexandre Tombini (à esquerda), fala na reunião das comissões de Orçamento, Indústria e Comércio, Meio Ambiente e Defesa do Consumidor

Tombini destacou ainda que as medidas macroprudenciais já adotadas e as que eventualmente forem tomadas serão levadas em conta na hora de definir a Selic, uma vez que geram efeitos na economia. Em dezembro de 2010, o BC adotou medidas macroprudenciais ao aumentar as exigências para a concessão de crédito ao consumidor, além de elevar os depósitos compulsórios, recursos que os bancos

são obrigados a deixar depositados na instituição. O presidente do BC disse ainda que há fatores comuns que afetam a inflação em todo o mundo. Os países emergentes são mais afetados pelo aumento do preço dos alimentos que pesam mais na cesta de consumo. Já a energia e a gasolina são itens que têm gerado inflação em todo o mundo. Entretanto, Tombini destacou também um fator interno,

que é o aumento da demanda no país, principalmente com elevação de preços de serviços. “É por isso que o Banco Central tem adotado a política de combate à inflação”, disse. Sobre a desindexação da economia, o presidente do BC considera que é um assunto para a agenda de médio prazo do país. “Creio que temos aí um arcabouço institucional em relação a aluguéis e outros preços”, afirmou.

PERCEPÇÕES

Brasileiros mantêm-se otimistas sobre o futuro da economia Marli Moreira

As famílias brasileiras mantiveram, em abril, a crença de que a economia brasileira continuará tendo bom desempenho no curto prazo e que isso se refletirá em melhores condições de vida. Já para os próximos cinco anos aumentou o grau de desconfiança, segundo mostra a sétima edição da pesquisa realizada pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea). Foram ouvidos os moradores de 3.810 casas de 214 cidades do país. O Índice de Expectativas das Famílias (IEF) de abril ficou ligeiramente abaixo do registrado em março, passando de 65,3 para 63,8 pontos. De acordo

com o método de avaliação do Ipea, existem cinco fases de classificação para medir essas expectativas que vão do grande pessimismo (de 0 a 20 pontos) ao grande otimismo (de 80 a 100 pontos). A etapa que mostra otimismo se situa na faixa entre 60 e 80 pontos. A região cuja população é a mais otimista com relação à sua própria situação é a CentroOeste, com 75,5 pontos, seguida das regiões Sudeste (65,1) e Sul (63,1). Já na Região Nordeste, houve queda de 1,6 ponto (de 60,9 para 59,3), passando para a percepção de moderação (entre 40 e 60 pontos). Cinquenta e nove por cento dos entrevistados acreditam que viverão melhores momen-

tos nos próximos 12 meses. A Região Centro-Oeste foi a que demonstrou maior otimismo quanto à evolução da economia brasileira com 80%, seguida pelo Sudeste (64,2%). No Nordeste e no Sul as percepções foram de pessimismo. O percentual de famílias brasileiras que acreditam que a situação econômica do país nos próximos cinco anos estará pior aumentou de 17,9% em março para 19,3% em abril deste ano. Todas as regiões, exceto a Sul, apresentaram queda na expectativa de melhora da situação econômica no Brasil nos próximos cinco anos. Os destaques são as regiões Nordeste e Sudeste que registraram queda de 4,5 e 2,8 pontos, respectivamente.

EMPRESAS

Pedidos de falência atingem menor nível para abril desde 2006 Marli Moreira

A situação de insolvência das empresas melhorou em abril, quando os pedidos de falência recuaram para o menor número registrado no mês desde a entrada em vigor da Nova Lei de Falências (julho de 2005). Segundo pesquisa divulgada pela empresa de consultoria Serasa Experian, as solicitações somaram 133, número que é 29,32% inferior ao de março (172) e 8,9% menor do que o de abril do ano passado (146). Dos 133 pedidos, 94 referem-se às micro e pequenas

empresas; 24 às médias e 15 às grandes empresas. As falências decretadas também foram as menores para o mês na série histórica, e somaram 50 casos, ante 53, em março e 68, em abril do ano passado. Dos decretos relativos a abril de 2011, 46 são de micro e pequenas empresas; três de médias e uma de grande porte. A Serasa atribuiu a redução do número de pedidos de falência à “atividade econômica aquecida e ao bom desempenho do comércio e da indústria de alimentos em abril, em razão da Páscoa, (que) proporcionaram a geração de receitas acima do

estimado, dando liquidez às empresas num ambiente de capital de giro caro”. O fato de abril ter tido um menor número de dias úteis também colaborou, diz a nota técnica da empresa. De acordo com a análise dos economistas responsáveis pela pesquisa, o futuro dos indicadores de insolvência das empresas vai depender dos desdobramentos da política monetária. Para este mês de maio, eles acreditam que, se as vendas para o Dia das Mães forem boas, elas deverão compensar o custo mais elevado para se obter crédito.

Já no PMDB do Paraná a principal dúvida é sobre a relação que será mantida com o governador Beto Richa. Os deputados estaduais da bancada do partido não se entendem. Existem parlamentares favoráveis a migrar à base de apoio e outros que desejam ficar na oposição. Outro problema é a posição de membros da atual base governista. Deputados do PSDB e do DEM não querem abrir espaço para os antigos companheiros do ex-governador Roberto Requião (PMDB). Tem gente que ainda não engoliu a nomeação do peemedebista Romanelli à secretaria de Trabalho.

Isolamento petista A possibilidade de migração do PMDB à base governista não é nada boa para o PT. Com menos de dez deputados, o partido arrisca ficar isolado na casa legislativa. É possível ocorrer a repetição da situação da Câmara Municipal de Curitiba, onde o parlamento está integralmente à serviço do Poder Executivo.

Acordo irreversível Daqui para frente, a indecisão entre as candidaturas de Gustavo Fruet (PSDB) e Luciano Ducci (PSB) à prefeitura de Curitiba deverá aumentar. Há quem diga que o acordo entre Richa e Ducci é irreversível. Se os tucanos não conseguirem tirar o apoio de Ducci para viabilizar a candidatura de Fruet, o ex-deputado federal poderá deixar a legenda do governador. Alguns partidos já receberam o tucano para uma conversa. Entre eles, o PPS.

RMC pode agregar mais três municípios A Região Metropolitana de Curitiba passará a incluir mais três municípios se o plenário da ALaprovar projeto de autoria do deputado Stephanes Junior (PMDB), que recebeu parecer favorável daComissão de Constituição e Justiça nesta semana. Além dos 26 atuais municípios, também passam a integrar a RMC Rio Negro, Piên e Campo do Tenente. Segundo Stephanes, com a inclusão dos municípios, a população passa a receber recursos federais por conseqüência de leis vigentes, dando melhores condições de desenvolvimento às comunidades. Também facilitará a integração de alguns serviços básicos, como o setor de transporte.

Conferência discutirá alternativas para Copa Representantes da GIS Development, com sede na India, vieram a Curitiba para convidar o Secretário de Estado para Assuntos da Copa do Mundo da FIFA 2014, Mario Celso Cunha, para fazer uma palestra no Latin American Geopatial Fórum, que será realizado no Rio de Janeiro, de 17 a 19 de agosto de 2011. O administrador do GIS para a América Latina, Kushagra Agrawal lembrou da importância do evento, principalmente porque um dos principais assuntos do encontro será a Copa do Mundo no Brasil em 2014 , com presenças confirmadas do prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes e do Secretário da Copa do Estado Rio de Janeiro. Segundo o Secretário da Copa, Mario Celso, "é muito importante esta troca de ideias e experiências com técnicos de diversos países, somando forçaspara executar um bom trabalho para o próximo mundial."

Lobão diz que custo da energia elétrica no país preocupa governo O Ministério de Minas e Energia está elaborando um estudo técnico sobre a possibilidade de redução dos custos da energia elétrica no país. Segundo o ministro Edison Lobão, esse assunto preocupa o governo, especialmente a presidenta Dilma Rousseff, mas qualquer mudança deverá ser debatida também com a área econômica. “A energia elétrica que sai da usina hidrelétrica é barata, mas ao longo do caminho vai passando por custos que vão sendo agregados. A transmissão custa ‘X’, a distribuição custa infinitamente mais, aí vêm os encargos, os impostos, sobretudo o ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços), isso tudo onera a energia elétrica e nos preocupa”, disse o ministro, que participou nesta quinta-fei-

ra (05/05) de um almoço no Itamaraty em homenagem ao presidente da Alemanha, Christian Wulff. Lobão fez questão de ressaltar que o que mais pesa nos custos da energia é o ICMS e não os encargos federais. Lobão explicou que o encargo chamado Reserva Global de Reversão (RGR), que é cobrado na conta de luz, não pode ser extinto agora, porque servirá para indenizar empresas de transmissão e distribuição de energia que podem ter suas concessões encerradas nos próximos anos. Segundo ele, a RGR é um custo mínimo sobre os custos totais da energia no país. A RGR foi criada em 1957 para constituir um fundo que permite à União indenizar eventuais reversões de concessão de serviços de energia elétrica. CMYK


Agronegócios Indústria&Comércio | Curitiba, sexta-feira a domingo, 06 a 08 de maio de 2011 | B2

FEIRA INTERNACIONAL

Concorrência acirrada dá o tom na Agrishow de Ribeirão Preto Empresários e executivos, principalmente dos grandes expositores, estão mostrando otimismo justificável

A

Agrishow 2011, em sua 18ª edição, em Ribeirão Preto, SP, termina o terceiro dia (4) apresentando volume além das expectativas de negócios e público. Empresários e executivos, principalmente dos grandes expositores, estão mostrando otimismo justificável. Um exemplo é o da Toyota, que levou à feira a sua camionete Hilux 4x4 e outros modelos, com o objetivo de vender 250 unidades, 50 a mais que no ano passado. Sem confirmar se essa meta pode se confirmar, o gerente de relações públicas, Goerge Costa e Silva, deixa transparecer entusiasmo com as vendas realizadas até agora. Isso, afirmando que o objetivo principal não é a venda, mas a projeção da marca no mercado. Também fica claro o clima de concorrência pesada e transparece até estratégias de ocupação de mercado através de uso de marcas do mesmo grupo, com os mesmos produtos, numa "aparência" de concorrência entre si. O resultado esperado, mesmo que não tenha sido declarado, é um avanço na fatia de mercado que o grupo ocupa no momento. É o caso da FIAT Insdustrial, que detém as marcas New Holland e Case IH. As duas estão lançando pulverizadores na feira, semelhantes em tecnologia e performance, com apenas alguns detalhes personalizados. Na concorrência está o Grupo AGCO, com as marcas Valtra e Massey Fergusson. Elas também lançaram pulverizadores, no caso da Massey é a entrada num segmento não

A Toyota levou à feira a sua camionete Hilux 4x4 e outros modelos, com o objetivo de vender 250 unidades, 50 a mais que no ano passado.

Yoshhio Kawakami, em entrevista coletiva, afirmou que seus veículos e motores ainda não forma adaptados para o uso de biodiesel, apesar do uso dos ônibus “ligeirão”.

explorado antes. Seus tratores, colheitadeiras e pulverizadores possuem tecnologia semelhante. Diferem apenas no marketing e estratégias de venda e distribuição. Outra característica desses

grupos econômicos que atuam no Agronegócio é o direcionamento ao grande produtor. Muitas vezes, nem o médio tem acesso aos produtores oferecidos. Os clientes que estão visitando a feira, na mai-

New Holland e Massey estão lançando pulverizadores na feira, semelhantes em tecnologia e performance.

oria empresários rurais, usinas de álcool, cooperativas, entre e outros. Um desses, a Usina Santa Terezinha (Maringá/PR), da família Meneguette, é hoje o maior cliente individual da Valtra.

Paraná Das empresas sediadas no Paraná, além da New Holland, que hoje está investindo R$ 1 bilhão na unidade de Sorocaba, SP, e nada em Curitiba, vá-

Dilma diz que políticas monetárias de alguns países têm provocado inflação

Reforma do Conselho de Segurança da ONU Wilson Dias/ABr

A presidenta Dilma Rousseff afirmou ontem (05) que algumas economias têm adotado políticas monetárias expansionistas, provocando inflação em vários países. A declaração foi dada à imprensa, ao lado do presidente da Alemanha, Chistian Wulff, que visita o Brasil oficialmente. “Percebemos que países desenvolvidos com crescimento ainda fraco têm adotado políticas monetárias extremamente expansionistas com evidentes efeitos negativos sobre a inflação mundial”, afirmou. Segundo Dilma, em reunião com o presidente alemão, foi dito que o Brasil vive uma fase especial de crescimento e inclusão social, mas que o país mantém o compromisso de resistir às pressões inflacionárias, “tanto as que vêm de fora quanto as do nosso próprio país.” A presidente contou, ainda, que apresentou a Wullf oportunidades na área de investimentos em portos e aeroportos no Brasil e também para a Copa do Mundo de 2014 e os Jogos Olímpicos. Os dois chefes de Estado também falaram do interesse na participação de investidores alemães nas obras dos eventos esportivos e do aproveitamento da tecnologia alemã na construção do trem de alta velocidade. Com discurso em torno do fortalecimento das relações entre a Alemanha e o Brasil, Dilma afirmou que ambos são parceiros na defesa de uma ordem mundial mais justa e democrática e que respeite os direitos humanos. Segundo ela, os dois mandatários conversaram sobre o G20 (grupo das

rias estão se destacando na AGRISHOW. Uma delas é a Montana Indústria de Máquinas Ltda., de São José dos Pinhais/PR. Seu diretor presidente, Gilberto Zancopé, esteve na feira para receber da Gerdau o troféu de ouro do Prêmio Gerdau Melhores da Terra, na categoria NovidadeAgrishow. Esse prêmio foi dado pelo desenvolvimento e produção da primeira colhedora de algodão adensado do Brasil, que já teve 40 unidades vendidas a produtores, principalmente do Mato Grosso. Outra empresa paranaense a expor na Agrishow é a Tortuga Câmaras de Ar. Ela é de Curitiba, com unidade de fabricação em Araucária. Eles estão apresentando novas câmaras de ar específicas para tratores e outros implementos agrícolas. A novidade deles é o desenvolvimento e ingresso no mercado de pneus para motocicletas, com a marca IRA, criada para esse segmento. Pneus fabricados em Araucária. Presente também na feira está a Volvo do Brasil, mostrando seus caminhões das linhas FMX, FH e VM. Além disso, equipamentos de construção e motores da Volvo Penta. Seu presidente para a América Latina, Yoshhio Kawakami, em entrevista coletiva, afirmou que seus veículos e motores ainda não forma adaptados para o uso de biodiesel, apesar do uso dos ônibus "ligeirão". Disse que, no momento, os motores suportam somente 30% de biodiesel devido ao alto índice de corrosão que o combustível apresenta.

O presidente da Alemanha, Christian Wulff, elogiou os avanços obtidos pelo Brasil nos campos econômico, social e de defesa do meio ambiente. Indiretamente, Wulff referiu-se ao apelo da presidenta Dilma Rousseff para reforma do Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas (ONU). Segundo Wulff, é necessário unir forças para estabelecer uma nova “ordem mundial”.

De acordo com Wulff, o caminho para garantir mudanças na estrutura do Conselho de Segurança da ONU envolve a busca por um acordo entre o Brasil e o México, definindo de quem será a vaga permanente na América Latina, e entre a Alemanha e a Itália, no que se refere à Europa. A recomendação dele será válida, se as Nações Unidas optarem por aumentar de 15 para 25 o número de vagas no conselho.

Jobim defende fortalecimento para reforma política

A presidenta Dilma Rousseff e o presidente da Alemanha, Christian Wulff, durante declaração à imprensa, no Palácio do Planalto.

maiores economias do mundo) e concordaram com a necessidade de aprimoramento das governanças financeiras internacionais. Eles ainda trataram de meio ambiente e biocombustíveis. “Concordamos no caráter estratégico de nossa parceria no setor energético, principalmente para usar energias renováveis em nossos países. O Brasil usa etanol há 30 anos sem que isso gerasse problemas na pro-

dução de alimentos, ao contrário, gerou milhões de empregos”, disse a presidenta. O desenvolvimento de parcerias entre pequenas empresas dos dois países foi uma proposta feita por Dilma e aceita pelo presidente da Alemanha. “Vamos fazer o que a senhora propôs, apoiar as pequenas e médias empresas e, assim, estabelecer mais laços de amizade ainda”, disse Chistian Wulff. Dilma aproveitou a presen-

ça do presidente alemão para convidar a chanceler alemã, Angela Merkel, para uma visita ao Brasil. O Brasil é o maior parceiro comercial da Alemanha na América Latina. A Alemanha, por sua vez, é o quarto principal parceiro comercial do Brasil. O intercâmbio, em 2010, totalizou US$ 20,6 bilhões, o que representou 23% do comércio entre o Brasil e a União Europeia.

O ministro da Defesa, Nelson Jobim, defendeu na última sexta (5), o fortalecimento dos partidos políticos como base da reforma política. Para ele, o sistema atual privilegia apenas os candidatos e, com isso, os partidos estariam prejudicados. “Isso faz parte da fidelidade partidária: como vou exigir que o candidato seja fiel ao partido se é o candidato e não o partido que ganha com os votos”, questionou ao participar de audiência pública sobre o assunto na Câmara. “É uma eleição de indivíduos ou de partidos?” Para o ministro, a proposta de financiamento público de campanha levaria o candidato à ilegalidade porque, nesse sistema, o candidato passaria a fazer campanha

para o partido. “Essa nossa democracia é de partidos não é de indivíduos. Os candidatos é que tem de depender de partido e não o partido de candidato. Hoje os partidos dependem de candidatos, porque são os candidatos que levam os votos. É preciso renunciar as individualidades”, comentou. A comissão ouviu, ainda, o ex-presidente da Câmara, Ibsen Pinheiro. Para ele, o principal problema quanto à reforma política são as coligações. “Criou-se a coligação. Com isso, três partidos – PT, PMDB e PSDB - concorrem no território nacional e no dia 1º de fevereiro, 22 partidos assumem na Câmara. O produto disso é uma casa pulverizada.”


3

margem

Indústria&Comércio | Curitiba, sexta-feira a domingo, 06 a 08 de maio de 2011 | B3

a

arte&atitude,

Herói e Heroína

moda &cia

Adélia Maria Lopes | adelia@novacombrasil.com.br

Show de patinação no gelo inicia turnê por Curitiba O Ginásio do Tarumã, há tempos sem receber espetáculo internacional de patinação no gelo, abriga Disney On Ice -Aventuras em Walt Disney World, que faz sua estréia nacional em Curitiba na próxima terça dia 10. O show fascina crianças com a performance de Branca de Neve, Cinderela, Mickey, Minnie, Pluto, Pateta, o elenco de Toy Story 3, Alice e o Chapeleiro Maluco, de Alice no País das Maravilhas. São 37 patinadores dos Estados Unidos, Canadá, Inglaterra, Escócia, Rússia, Finlândia, Hungria, Austrália, Ucrânia, República Checa, Japão, Romênia e Irlanda. Eles contam as histórias do mundo de Walt Disney em forma de coreografias, músicas e um cenário móvel, em que o destaque é uma carruagem da Cinderela com mais de duas mil luzes. Disney on Ice foi apresentado em 35 cidades nos EUA, 16 na Ásia e Oceania e mais trinta na Europa, apesar da bagagem constituída por mais de 10 toneladas de equipamentos para iluminação, 3,6 toneladas para som e 1324 peças de figurino, além de uma pista de gelo de 42 metros de comprimento por

as lâmpadas, os vasos de flores, os belos bancos, assim como a experiência interativa das famílias no ambiente do parque”, observa a diretora Patty Vincent, para quem “estar lá me transformou em uma criança de novo, e eu queria oferecer a todos essa mesma sensação deliciosa”. Em Curitiba, serão oito apresentações de terça a domingo, em horários vespertinos e noturnos. Ingressos à venda no Muel-

18 de largura. Produzido pela Feld Entertainment e realizado pela Opus Promoções, Seven Shows e o Escritório de Entretenimento, a superprodução segue para Porto Alegre, com apresentações de 18 a 22 de maio, no Gigantinho. Os produtores prometem emoções e alegrias com as atrações mais famosas do Disney World, como a mansão mal assombrada, a batalha com os piratas fanfarrões do Piratas do Caribe e as xícaras de chá de Mad Tea Party. Verá Baloo voar com o astronauta Buzz Lightyear e

nic Toretto (Vin Diesel), depois de resgatado a caminho da prisão por sua irmã Mia (Jorda na Brewster) e pelo amigo-cunhado Brian

Graças à empresária Kati Almeida Braga (Icatu/Biscoito Fino) e à produtora Verinha Walflor, e ciceronado por mim, o estilista curitibano Alexandre Linhares conseguiu realizar um de seus grandes sonhos: presentear Maria Bethânia com um exemplar da coleção feita em sua homenagem há algumas estações. O encontro foi na noite de terça-feira, no encantado camarim da cantora que encerrou em Curitiba a atual turnê do projeto Maria Bethânia e as Palavras. O outro sonho de Alexandre é ser capa da Vogue Itália. Quem sabe? Afinal, Bethania não só adorou a veste azul e branca e o nome da grife, Heroína, como antes de abraçá-lo, olhou nos seus olhos e, mais que desejou, vaticinou: “Teu futuro é brilhante”.

Dia das Mães 1- A Eismann, líder no mercado europeu de alimentos ultracongelados, sugere facilitar a vida das mães com risotos ou lasanhas e rocambole de pão de ló com creme de limão para sobremesa, entregues em domicílio. Confira em www.eismann.com ou (41) 3364-3448. 2- A Saad, no Shopping Crystal, preparou kits artesanais, que trazem os produtos mais delicados da coleção de inverno 2011 - entre bolsas, perfumes, acessórios e artigos de maquiagem. E há um presente surpresa para comemorar a data. 3 - O vale compra UCI Cinemas permite à mãe escolher ingressos para qualquer sessão no Estação e Palladium, nas bombonières da rede ou também nos Destinos Express. Além dos filmes do momento, a rede UCI exibe sessões do balé Giselle em 3D, sábado e domingo, às 17h. 4- Até o dia 14, as lojas Namix oferecem 10% de desconto e vão sortear no dia 18 um vale compras no valor de mil reais. 5 – A Attrattiva, instalada há um ano no Shopping Crystal, tem semi-jóias em ouro amarelo, branco e rosé. Nos anéis e brincos muita zircônia nas cores negra, rosé e amarela.

Fotos de viagem

acompanhará Branca de Neve e Cinderela durante o Desfile de Luzes pela avenida principal do parque. “Eu queria mostrar para o público detalhes sutis como

ler, Barigüi, São José, Estação e Total, além do (41) 33150808. O preço varia de 180 a 60 reais. Na estréia o valor será único em todos os setores: 100 e 50 reais.

Velozes e furiosos em pleno Rio de Janeiro A “quinta edição” de Velozes e Furiosos tem um aposto no nome, Operação Rio. Tendência cinematográfica, a cidade do Cristo Redentor está tão presente que é quase personagem do filme que entra em cartaz no país para arrasar quarteirões. E, outra tendência, nos créditos há uma pausa para mostrar cenas do próximo capítulo, enfim, haverá Velozes e Furiosos 6, com ênfase no policial durão. No 5, a ênfase é o cenário corrupto do Rio de Janeiro, que se permite dar espaço para o QG do crime em pleno QG da Polícia Militar. Domi-

Nem te Conto

O’Conner (Paul Walker), refugiam-se numa favela brasileira, onde encontram Vince (Matt Schulze). E a Operação Rio consagra-se, envolvendo

roubo e corrida de carros, drogas e valentia, perseguição e tiradas bem-humorada, família e vilão (bandido vivido por Joaquim Almeida). O momento melhor do filme, o terceiro da série dirigido por Justin Lin, é a perseguição na ponte Rio-Niterói, envolvendo dois carros possantes puxando um imenso cofre e a polícia (brasileira e americana) e furiosos bandidos indo atrás da veloz dupla Vin e Brian. Piores momentos: a dublagem, favelados e policiais falando em inglês. E dá para cortar uns 20 minutos do filme, já que ele existe e nada se pode fazer a respeito.

Willian Ramos, com imagens de bicicletas, foi vencedor da primeira edição de concurso de fotos de viagens realizado pela Intercultural-Curitiba. Sua foto e de colegas ficam em exposição na sede (Rua Benjamin Lins, 609) até dia 16. Elas retratam momentos de descontração e trabalho dos participantes do programa de intercâmbio Work Experience USA 2010/2011. Com o apoio da Ticcolor, os concorrentes mais votados ganharam álbuns e ofertou uma máquina fotográfica ao vencedor.

Noite azul Nesta sexta 6, os irmãos Mauro (guitarra), Vitor (baixo) e César Miranda (bateria), mais Felipe Fernandes (violão e vocais), integrantes da Texman Blues Band, voltam ao palco da Crossroads para animar a Cross Blues Night. A Blue Mojo abre a festa.

Ponto de Equilíbrio

Congada da Lapa vai à Sala do Artista Popular

Marcos Campos

O auto da Congada, uma das mais festejadas expressões da cultura popular de matriz afro-brasileira, está registrado em imagens de Vladimir Kozák, Marcos Campos e Socorro Araújo e reunidas pela Sala do Artista Popular na mostra A Congada da Lapa em três tempos, comcuradoria de Vera Perly Dáttola, Maria Fernanda Maranhão e João Carlos Coronel. Registrada no Paraná, Minas Gerais, São Paulo e Nordeste, a Congada é realizada no dia de São Benedito, 26 de dezembro, tendo como argumento central o domínio português e o cristianismo dos reinos africanos do

Congo e Angola. Os curadores observam que, no Paraná, há registros de Congadas em Curitiba, Castro e Paranaguá, entretanto, somente a da Lapa (região marcada pela valorização da história das tradições dos imigrantes europeus) chegou até os dias atuais. A estrela da mostra é o filme realizado por Vladimir Kozák em 1951. São 50 minutos de imagens coloridas com diversas etapas do auto da Congada da Lapa. Visitação até 26 de junho, na Sala do Artista Popular (Rua Saldanha Marinho, anexa à Secretaria da Cultura), de segunda a sexta.

Drop Dead Origins Ao completar vinte anos, a Drop Dead realiza um grande evento em Curitiba, na Praça do Gaúcho, reunindo música, arte, além de muito skate. A celebração de vinte anos ao esporte será neste sábado 7, às 10h e no domingo às 13h (entrada grátis). Além das disputas e apresentações de skatistas, será exibido o documentário Supercharged, sobre Tim Brauch, live.paint com o artista Sesper e uma exposição da Drop Dead que faz um passeio pela história da marca. O encerramento será às 20h com o show de uma maiores bandas de hardcore do Brasil, o Garage Fuzz, que, nascido em Santos, também completa 20 anos de vida.

cmyk

Umas das melhores bandas de reggae do país, a carioca Ponto de Equilíbrio, leva a música jamaicana para o Curitiba Master Hall (Rua Itajubá, 143), neste sábado 7. No palco, o repertório CD Dia Após Dia Lutando. Abrem o show as bandas Mato Seco e Namastê. A abertura da casa será às 21h. Ingressos a 34 reais, com doação de um quilo de alimento, à venda pelo 3315-0808 e nos shoppings Mueller, Total e Estação, Sumatra, Arsenal do CD. Classificação etária 16 anos. Com participações de Marcelo D2, Jorge Du Peixe e os jamaicanos The Congos e Don Carlos, o CD reúne doze faixas de composições próprias que falam de contextos sociais, políticos e religiosos que transmitem mensagens de igualdade, amor e justiça.


Negócios Indústria&Comércio | Curitiba, sexta-feira a domingo, 06 a 08 de maio de 2011 | B4

LEI TRIBUTÁRIA

Fiscosoft faz pesquisa para reduzir custos tributários Estudo mostrou que 40% das empresas pagam para acompanhar a lei Aline Machado

C

erca de 440 organiza ções participaram de um estudo realizado pela empresa Fiscosoft Colsultoria, o qual revelou que aproximadamente 40% das empresas brasileiras, acabam tendo um custo alto com funcionários para analisar as mudanças constantes na lei tributária. A pesquisa também mostrou que essa inconstância na lei também gastar 30 horas mensais dos funcionários para acompanhar essas questões. Segundo a advogada Inaiá Queiroz Botelho, sócia do escritório Jefferson Brückheimer (Advocacia Empresarial), diariamente mais de 40 normas e

portarias são modificadas , por isso é preciso que as empresas estejam preparadas para acompanhar essa demanda. "Justamente em razão da grande produção normativa tributária e da complexidade dos temas afetos ao direito tributário, é essencial contar com profissionais especializados e que busquem constante atualização", comenta. Muitas empresas acabam buscando o serviço terceirizado para o acompanhamento das questões jurídicas e tributárias que reduzem os custos sem criar nenhum vínculo com os empregatícios, pois contratar funcionários para cuidar d atividade acaba saindo mais caro do que contratar uma empresa especializada.

na portabilidade com uma navegação mais rápida, tela touchscreen TFT de 7 polegadas e apenas 403 gramas, sendo perfeito para ser levado para qualquer lugar com grande facilidade. O dispositivo V9 apresenta sistema de chamada de voz e acesso à internet por meio da rede 3G (HSUPA), que representa uma velocidade de download de até 7,2 Mbps e de upload de até 5,76 Mbps. O dispositivo tem capacidade de armazenamento de 4 GB micro SD, expansível até 32 GB, 512 MB de memória RAM.

GRSA acaba de inaugurar o Centro de Recrutamento & Seleção, localizado na zona sul de São Paulo. Cerca de 30 colaboradores da GRSA irão atuar no local, no recrutamento, seleção, processos admissionais e demissionais. O espaço já está em pleno funcionamento e atende a cerca de 1.600 pessoas todo mês, das quais, em média, 800 são contratadas. Segunda a Diretora de Recursos Humanos, Leia Moreli, a GRSA emprega em São Paulo e Grande São Paulo cerca de 13 mil pessoas em 400 unidades. "Além disso, reforça a

visão da empresa em ter a Melhor Equipe, através de uma prestação de serviços eficiente." Segundo dados do Ministério do Trabalho e Emprego, só no início de 2011 foram criados cerca de 450 mil postos de trabalho, sendo que em fevereiro foram geradas 130 mil vagas, só na área de serviços. A GRSA emprega quase 35 mil pessoas em todo o Brasil. A atuação dos especialistas neste espaço está dividida nas áreas de recepção e triagem de candidatos; integração institucional, serviço médico e enfermagem; treinamento inicial e processos de RH

MD2 lança Ambiente de Gestão para NF-e A MD2 Consultoria e Negócios está lançando uma plataforma completa para a gestão do ambiente fiscal e de transações comerciais pelo sistema NF-e (Nota Fiscal Eletrônica). O objetivo da solução e aprimorar a gestão das notas digitais nas empresas, propiciando maior agilidade e segurança na coleta, processamento, armazenagem e

controle desses documentos. A tarefa de atender as determinações das Secretarias de Fazenda, no sentido de substituir as notas fiscais em papel por notas eletrônicas, é hoje um dos grandes desafios para os gestores empresariais, ao impor complicadas exigências de conformidade com preceitos legais e normas de escrituração. A solu-

Multicoisas participa da 20º ABF Franshing Expo A Multicoisas, rede especializada em oferecer soluções práticas para o dia a dia, participa da 20ª ABF EXPO, que acontece de 08 a 11 de junho, no pavilhão vermelho do Expo Center Norte, em São Paulo. O objetivo da empresa é apresentar aos visitantes todos os processos do negócio Multicoisas, como, por exemplo, os serviços de apoio, a consultoria de campo, a Universidade Multicoisas (centro de formação e treinamento da empresa), e as operações logísticas, comerciais, administrativas e de marketing, grandes diferenciais da empresa. O valor de investimento de uma franquia Multicoisas gira em torno de R$ 515 mil, já incluindo a taxa de franquia, o capital de giro, os equipamentos, as obras no ponto-de-venda e o estoque inicial.

LUV Eyes Style comercializa microfranquias

ZTE inicia a venda de GRSA tem Centro de seu 1º tablet no BR Recrutamento e Seleção A ZTE Corporation, fornecedora líder mundial em equipamentos de telecomunicações e soluções de rede, inicia a venda do seu primeiro tablet no mercado brasileiro na próxima semana em parceria com operadoras e também para vendas no varejo. A novidade poderá ser encontrada em diversos pontos de venda em todo Brasil com preços acessíveis. Com sistema operacional Android 2.1, o tablet V9 apresenta outra dimensão para acesso a internet, diversidade de aplicativos de entretenimento e negócios, auxilia

Empresas&Produtos

ção da MD2 foi concebida para facilitar a rotina de trabalho e o gerenciamento, tanto dos responsáveis pela área contábil-administrativa quanto pelo setor de TI. Na gestão da NF-e,, o sistema oferece um painel executivo que mostra, de forma rápida e objetiva, qual o nível de aderência da organização em relação aos requisi-

tos fiscais, além de apontar e facilitar a correção de eventuais problemas. Assim, o aplicativo informa, por exemplo, se existem notas inválidas ou não validadas pela Fazenda. Mais detalhadamente, a solução confronta o sistema de contas a pagar/receber de uma empresa com as notas fiscais eletrônicas recebidas em arquivos XML.

As microfranquias se tornaram o principal alvo de investimento de quem procura bons negócios. Seja no formato de microfranquia home base (as franquias que podem ser baseadas na casa do empreendedor) ou mesmo nas microfranquias com formato de quiosques para shopping e supermercados. Esse modelo de negócio, microfranquia, se caracteriza pelo baixo investimento e pela baixa complexidade operacional. Em virtude destas características a LUV Eyes Style, empresa presente no mercado de óculos de sol e relógios desde 2009, deu inicio a comercialização de microfranquias a nível Brasil. O interesse dos sócios é expandir a marca por diversas cidades do Brasil, já que hoje atuam em dois estados: Paraná e Santa Catarina. O principal alvo de atuação das franquias será: nordeste, sudeste e sul. "Percebemos que há um grande número de pessoas que querem investir em microfranquias e pequenos negócios", comenta Felipe Rigoni, sócio da LUV.

Lupo Magazine conta a história de 90 anos da Lupo A 17ª edição da Revista Lupo Magazine, que chega às lojas Lupo do País na próxima semana, é comemorativa aos 90 anos da maior fabricante de meias e cuecas do Brasil. A revista - dentro de um novo projeto gráfico - rememora toda a trajetória da empresa nessas nove décadas, desde o seu começo, na sala da casa do fundador, Henrique Lupo, em Araraquara, sua transformação em uma forte indústria de meias masculinas e femininas, até as mudanças que marcaram os últimos anos, com uma agressiva entrada no mercado de cuecas e lingerie sem costura, culminando com o lançamento da marca Lupo Sport, neste último ano. Parte dessa história é contada pela atual presidente da empresa, Liliana Aufiero, neta do fundador, que revela algumas estratégias que fizeram a Lupo crescer em todo o Brasil.

Logica contrata dois gerentes para área de Business Development A Logica, provedora global de serviços de TI e gestão de negócios, anuncia a contratação de dois gerentes para a área de Business Development, com atuação em toda América do Sul, a partir da subsidiária brasileira da companhia: Fernando Cabral e Luiz Gustavo Furlan. Os executivos se reportarão ao diretor de Business Development da Logica América do Sul, Helder Ferrão.Com dez anos de experiência profissional, Fernando Cabral é o novo gerente de pré-vendas da empresa. O executivo já trabalhou em companhias como Procwork, CSCorp e T-Systems, onde era gerente de soluções antes de ingressar na Logica. É formado em Administração pela Universidade Paulista (UNIP) e pós-graduado em International Business pela University British Columbia (Vancouver, Canadá).Luiz Gustavo Furlan, que possui mais de 18 anos de carreira, foi contratado como gerente de portfólio da Logica. O executivo acumula experiência nas empresas EDS, Dell, Vésper e IBM, onde exercia o cargo de gerente de produtos para servidores Intel de alto valor agregado.

VINO VITA EST.

Osvaldo Nascimento Júnior osvaldopinheiro@gmail.com

O DOCE VINHO BRANCO E SUA HISTÓRIA- II Em nossa recente matéria abordamos o mundo dos vinhos brancos com uma parte de sua história como o Porto, hoje vamos entrar com mais profundidade neste maravilhoso e saboroso mundo bacante com uma história interessante, de como se faz tal preciosidade. Das várias condições necessárias para se obter bons vinhos, algumas são estáveis e previsíveis, como o solo, a latitude ou a qualidade da uva. Outras, entretanto, são imprevisíveis, variáveis e inconstantes, como as condições climáticas e suas consequências, o que explica as safras variáveis dos mesmos vinhos, com anos de bons e de maus vinhos. Como nos explica Sergio De Paula Santos, médico, mas que também fez do vinho uma paixão, aprofundando-se em sua história que é a história da civilização, pois como sempre repetimos, acompanha o homem na sua evolução desde os primórdios dos séculos e fazendo parte de um grupo de degustadores que insiste na excelência do vinho sobre quaisquer outras bebidas, que escrevem também em jornais - não são numerosos os nossos jornais que mantém uma seção sobre ambrosia de Baco como o nosso Indústria e Comercio do Paraná, com nossa Coluna VINO VITA EST – e escreve livros para criar áreas novas de educação sobre a arte do vinho. Entre as condições imprevisíveis, talvez

CMYK

a mais curiosa e importante seja a chamada “pourriture noble”, em francês, “Edelfäule, em alemão, e muffa nobile, em italiano. Não se conhece a expressão correspondente em português. Poderíamos talvez, traduzi-la por “APODRECIMENTO NOBRE” Agora a maravilha da natureza: A “POURRITURE NOBLE” é produzida por um fungo, BOTRYTIS CINEREA, em condições muito especiais e favoráveis. O fungo perfura delicadamente a casca da uva provocando a saída da água e, sem deixar entrar ar na polpa, desidrata-a e aumenta muitíssimo, a concentração do açúcar na mesma. A uva se enruga e fica endurecida como se fosse uma passa, parecendo apodrecer. O vinho obtido dessas uvas é escasso e extremamente trabalhoso de ser produzido, pois as uvas são colhidas cacho a cacho, ou mesmo uma a uma, à mão. A POURRITURE NOBLE, pode ocorrer em apenas algumas regiões privilegiadas do globo, como em Sauternes-Barsac, na França em Bordeaux, na Renânia, na região de Mosela na Alemanha e na Hungria. Se dizse pode ocorrer é porque nem sempre se manifesta, ou quando o faz é apenas em algumas safras ou então em alguns setores de um mesmo vinhedo ou em determinados cachos de uma mesma videira. Embora não existam regras rígidas, a POURRITURE NOBLE pode ocorrer quando o verão for intenso até a vindima e haja então uma mudança brusca de temperatura,

com frio, chuva ou mesmo neve, com as uvas nas videiras além da época habitual da colheita raramente melhora sua qualidade e, caindo a temperatura, as uvas podem simplesmente apodrecer, dependendo da umidade relativa do ar. A “POURRITURE NOBLE” ocorre com mais freqüência em vinhas de encostas, junto a rios, onde o calor diurno do verão recai sobre as videiras à noite, e, quando o mormaço dos dias de outono as transforma em neblinas ao anoitecer.A umidade é imprescindível. Por isso nasregiões vinícolas moderadamente secas, a “BOTRYTIS CINEREA”, NÃO ATUA. A mão-de-obra requerida, a pequena quantidade disponível e o risco tornam esses vinhos inevitavelmente mais caros, já em sua origem. A cor de âmbar, o” bouquet” fortíssimo, seu retroolfato, seu palador e retrogosto são o máximo em matéria de vinhos. Realmente, quando se toma um CHATEAUX d’YQUEM ou um TROKENBEERENAUSLESE nota-se sempre que, além do bom vinho artesanal, existe algo mais. Talvez o espírito do vinhos dos antigos... Sorvendo uns goles de história podemos dizer que há algumas versões para a origem desses vinhos excepcionais: na Alemanha, grande parte dos vinhedos pertenciam à Igreja e a colheita só era iniciada com a chegada do Bispo, que a autorizava. Em 1716, o Bispo de Fulda, ao dirigir-se para a vindima, caiu do cavalo e quebrou a perna, o que re-

tardou sua viagem em algumas semanas. A vindima teve de ser protelada, para desespero dos camponeses e monges que viam as uvas estragarem-se. Com a chegada do Bispo, iniciou-se a colheita com atraso e o resultado foi o melhor vinho jamais produzido. Já na Hungria a ‘’POURRITURE NOBLE”, era conhecida desde 1650 e sua origem era atribuída a artes mágicas, como tudo na história, tudo que se desconhecia era atribuída aos deuses ou à Deus. O vinho BOTRYTISADO é conhecido “ASZU” e os primeiros vinhedos foram os do Monte Oremus, pertencentes à viúva do príncipe Gyorgy Rakoczi, da Trânsilvânia – o atraso nas vindima devido a guerras, resultou no que hoje chamaos de TOKAY, o grande vinho húngaro, cujos vinhedos estão em colinas entre os rios Bostrog e Ronyva. O TOKAY é considerado hoje como um elixir de longa vida e restaurador de forças. Seu paladar é único e a produção muito limitada. É Exportado para o ocidente em pequenas quantidades, e degustado só por “connaisser”. Fica a dica para os patrícios que agora estão viajando muito para o Leste europeu, ao visitarem a Hungria, ao lado de Viena, além da cidade medieval maravilhosa, vale a degustação, e se puderem trazer algumas garrafas,aceitamos uma com prazer. Continua na próxima sexta-feira.

06-05-11 Jornal Indústria&Comércio  

jornal, curitiba, economia, negocios

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you