Page 1


Great by choice: uncertainty, chaos, and luck – why some thrive despite them all -de Jim Collins and Morten T. Hansen

Resumo: Dez anos depois de escrever o best-seller Empresas Feitas para Vencer, Jim Collins retorna com outro trabalho inovador, dessa vez para perguntar: por que algumas empresas prosperam em períodos de incerteza, ou até de caos, e outras não? Baseado em nove anos de pesquisa, apoiado em análises rigorosas e cheio de histórias interessantes, Collins e seu colega Morten Hansen enumeram os princípios para a construção de uma empresa verdadeiramente grande em tempos imprevisíveis, tumultuados e dinâmicos.

Entrevista com Morten T. Hansen (reproduzida do site Amazon.com):

Como você e Jim desenvolveram as ideias durante as pesquisas? Hansen: Durante as nossas centenas de encontros para discutir as pesquisas – o que chamávamos de “chimpósios” (quando dois chimpanzés se juntam), Jim e eu examinávamos os dados, trocávamos pontos de vista e discutíamos bastante. Nem sempre concordávamos, e nesse caso aprofundávamos a análise, até chegarmos às cinco descobertas principais que apresentamos em Great bychoice. Por que Great byChoice demorou nove anos para ficar pronto? Hansen: Quando Jim e eu começamos, cerca de nove anos atrás, não imaginávamos que fossemos demorar tanto, nem quais seriam os resultados. Seguimos um princípio simples – realizar a melhor pesquisa possível, não importa quanto tempo fosse necessário. Vocês encontraram algo esperado, ou se depararam com surpresas? Hansen: Nossa pesquisa baseou-se em analisar porque algumas empresas alcançam uma excelente performance a longo prazo e outras não. Começamos o trabalho sem ideias pré-concebidas e hipóteses sobre os fatores que causavam a diferença. Deixamos os dados falarem. O que encontramos, o que relatamos no livro, nos surpreendeu bastante. Algumas vezes ficamos realmente muito espantados, mas foi o que os dados obtidos revelaram. Vocês se divertiram? Hansen: Analisar os dados, debater, ter alguns insights bem interessantes, isso foi bastante divertido. Criou alegria na minha vida. Essa talvez não seja a ideia que muita gente tem de diversão, mas Jim e eu esperávamos com ansiedade pelos nossos “chimpósios”. Espero que os leitores gostem de Great byChoice tanto quanto Jim e eu gostamos do processo de pesquisa!

Autor: Jim Collins – Movido por uma incansável curiosidade, começou sua carreira de pesquisador e professor na Stanford Graduate School of Business, onde recebeu o DistinguishedTeachingAward em 1992. Em 1995, fundou um laboratório de gestão em Boulder, Colorado, onde atualmente realiza pesquisas e dá consultoria para executivos dos setores corporativo e social. Collins é diplomado em administração de empresas e ciências matemáticas pela Stanford University, e recebeu diplomas honorários de doutor da University of Colorado e da Peter F. Drucker Graduate School of Management, da ClaremontGraduate University. Foi professor de executivos seniores e CEOs de mais de uma centena de corporações. Tambémjátrabalhou com organizações do setor social, como: John Hopkins


Hospital School, Girl Scouts dos EUA, Leadership Network of Churches, American Association of K-12 School Superintendents e United States Marine Corps. Além disso, Collins adora montanhismo; já fez escaladas na face norte do Half Dome e percorreu a rota Nose na face sul do El Capitan, no vale Yosemite. Já publicou quatro livros, entre eles Empresas Feitas para Vencer – Good to Great, que já vendeu mais de três milhões de exemplares e foi traduzido para mais de 35 idiomas. Morten T. Hansen é professor de gestão na University of California, Berkeley (School of Information) e na INSEAD, França. Ex-professor da Harvard Business School, é Ph.D. pela Graduate School of Business da Stanford University, onde recebeu o prêmio Jaedicke por performance acadêmica de destaque. Morten também foi consultor na área de gestão do Boston Consulting Group em Londres, Estocolmo e São Francisco. Suas pesquisas, que conquistaram prêmios, foram publicadas nas principais publicações acadêmicas, e ele conquistou o prêmio Administrative Science Quarterly por ter feito contribuições excepcionais para o campo de estudos organizados. Morten já publicou diversos artigos de sucesso na Harvard Business Review e é autor do livro sobre gestão Colaboração. Ele dá palestras e consultoria para empresas do mundo todo. Nascido na Noruega, conquistou na juventude uma medalha de prata no campeonato de Trackand Field. Mora em São Francisco com a esposa e duas filhas. Gosta de correr, caminhar e viajar.

Índice:

Capítulo 1: Prosperando na incerteza Capítulo 2: 10X – As Empresas mais bem sucedidas em seus segmentos Capítulo 3: Marcha das 20 Milhas – Mantendo a disciplina Capítulo 4: Primeiro balas de fogo e depois balas de canhão – Criatividade com disciplina Capítulo 5: Gerenciando acima da linha da morte – A paranoia produtiva Capítulo 6: Persistente, Metódico e Consistente Capítulo 7: Lucro na sorte Epílogo: Grande pelas escolhas

Trechos:

Introdução O novo estudo Great bychoicedistingue-se do trabalho anterior de Collins por focar não apenas na performance, mas também nos tipos de ambientes instáveis com que se defrontam os líderes de hoje. Com uma equipe de mais de vinte pesquisadores, Collins e Hansen estudaram empresas que se tornaram grandes – superando dez vezes os índices de suas áreas de atuação ao longo de quinze anos – em ambientes caracterizados


por forças e mudanças rápidas que os líderes não podiam prever nem controlar. Em seguida a equipe de pesquisadores contrastou essas “empresas 10X” a um conjunto cuidadosamente selecionado de empresas que fracassaram em alcançar o sucesso em ambientes similarmente difíceis. As novas descobertas Os resultados do estudo trouxeram surpresas instigantes, tais como: • • • •

Os melhores líderes não se arriscavam mais e nem eram mais visionários ou criativos que os outros; eles eram mais disciplinados, empíricos e paranoicos. A inovação em si não é um trunfo num mundo caótico e incerto; mais importante é a capacidade de equilibrar a inovação, mesclar criatividade e manter a disciplina. Seguir a crença de que liderar num “mundo dinâmico” sempre exige “ações rápidas” é o melhor caminho para o fracasso. Quando comparadas às demais, as grandes empresas mudaram menos em reação às mudanças radicais ocorridas globalmente.

Os autores desafiam a sabedoria convencional com conceitos provocativos, muito práticos e que colam na memória. Finalmente, no último capítulo, Collins e Hansen apresentam sua análise mais original e provocadora: definir, quantificar e estudar o papel da sorte e do acaso. As grandes companhias e os líderes que as criaram não tiveram mais sorte que os outros, mas sim, contaram com um maior “Retorno da Sorte”. Esse livro é um Collins clássico:diferente, baseado em informações novas e enriquecedor. Collins e Hansen mostram de forma convincente que, mesmo num mundo caótico e incerto, o sucesso acontece por escolha, não por acaso.

Comentários: “(...) gurus da administração são personagens fora de moda...mas Jim Collins tem se mostrado um teórico dos negócios diferente, alguém que não fala sobre o futuro, mas examina minuciosamente o passado e dele extrai pistas. O mais influente pensador dos negócios da atualidade” (Revista Exame) “Collins e Hansen tiram conclusões interessantes e algumas até são contra intuitivas….está longe de ser uma obra seca das ciências sociais. Collins tem jeito com as palavras...” (Wall Street Journal ) “Uma mensagem, sensível e precisa, para as empresas abaladas pela crise macroeconômica” (Financial Times )

Great By Choice  

Dez anos depois de escrever o best-seller Empresas Feitas para Vencer, Jim Collins retorna com outro trabalho inovador, dessa vez para pergu...

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you