Issuu on Google+

Nº 9 | 18 de Maio de 2012

NEWSLETTER

Diretor: Artur Costa (PhD) | Editor: A. Seixas (MSc) | Sup. técnico: J. Moreira (BSc)

DESTAQUES Diretor da FCNET recebe distinção

No passado dia 24 de Março, no âmbito das comemorações do Dia da ULP, foi atribuída ao Professor Doutor Artur Costa, Diretor da FCNET e desta publicação, a Medalha de Ouro de Reconhecimento e Mérito, na sequência de Despacho Conjunto da Reitoria e da Administração da Universidade Lusófona do Porto. Como fundamentos, foram invocados a “expansão da Faculdade de Ciências Naturais, Engenharias e Tecnologias da ULP, em especial no que se refere às relações dinâmicas estabelecidas com algumas das principais organizações devotadas às novas tecnologias, à divulgação da cultura científica e participativa e à celebração de protocolos e convénios com empresas de renome e alto sentido de responsabilidade social”, bem como a dedicação e o empenhamento do Professor Artur Costa na “mobilização de recursos e meios para que sejam alcançados os ambiciosos projetos da Faculdade de Ciências Naturais, Engenharias e Tecnologias da ULP, nomeadamente em termos de investigação científica e da prestação de serviços à Comunidade ". (ASS) RIE2012 ­ I Jornada em Reabilitação de Infraestrutura e Edifícios

A reabilitação é uma área em franca expansão no contexto do mercado da engenharia civil, sendo o seu conhecimento fundamental para o especialista. Nos últimos anos, a evolução do conhecimento no domínio da reabilitação, a consciencialização da sua importância e a necessidade de reabilitação de construções, tem conduzido a um investimento significativo na investigação e desenvolvimento de novos materiais e de técnicas construtivas. Este facto é comprovado por estatísticas recentes que mostram que o investimento neste sector tem aumentado consideravelmente nos últimos anos. No dia 3 de Maio, realizaram-se, na Universidade Lusófona do Porto, as primeiras Jornadas em Reabilitação de Infraestruturas e Edifício (RIE201 2 – www.rie201 2.org). Estas jornadas centraram-se na discussão da reabilitação não apenas de edifícios, mas também de infraestruturas (abastecimento e tratamento de água, obras especiais e rede rodoviária). UNIVERSIDADE LUSÓFONA DO PORTO | FCNET| NEWSLETTER Nº 9 | 1 8 de Maio de 201 2 | PÁGINA 1


O RIE201 2 reuniu cerca de 1 00 participantes entre estudantes, engenheiros, arquitetos, investigadores e técnicos. O Programa contou com a contribuição de oradores de renome das mais variadas áreas, com prestígio e competência reconhecidos, permitindo a troca de experiências recentes em obras de reabilitação de Infraestruturas e de edifícios existentes. (JPB)

1as EcoJornadas de Engenharia do Ambiente

Realizaram-se no passado dia 21 de março as 1 .ªs Eco-Jornadas de Engenharia do Ambiente na ULP, organizadas pelo 1 .º Ciclo de Engenharia do Ambiente. Tratou-se de um espaço aberto para apresentação e discussão de diversos temas relevantes e atuais de Engenharia do Ambiente, relacionados com a Sustentabilidade. Para tal, foi possível contar com a participação de diversos oradores da ULP, da Faculdade de Engenharia do Porto, da Universidade de Aveiro, da Associação Portuguesa dos Engenheiros do Ambiente e da LIPOR. As Eco-Jornadas reuniram cerca de 60 participantes, internos e externos à ULP, na sua maioria alunos de Licenciatura e Mestrado em áreas relacionadas. O Programa incluiu os temas: “O reporte da sustentabilidade pelas empresas: desafios e oportunidades”; “Biocombustíveis: contributo para o desenvolvimento sustentável e como avaliar a sua sustentabilidade”; “Gestão integrada dos recursos hídricos em ecossistemas de interface terrestre/marinho”; “Life cycle thinking: metodologias e aplicações”; “O Contributo da Educação Ambiental para a Sustentabilidade”; “Portugal e as Alterações Climáticas” ; “Zonas Costeiras: Vulnerabilidade vs Sustentabilidade”. Terminadas as apresentações, abriu-se o debate ao público presente, onde perante as pertinentes questões levantadas foi possível produzir uma agradável discussão que se prolongou até por volta das 1 9h00, momento em que, entre aplausos, se deu o encerramento de mais uma das iniciativas da FCNET. (SMC) PCM 2012

Por iniciativa da FCNET e do Centro de Estudos de Proteção Civil da ULP, encontra-se em fase de organização o I Encontro Nacional de Serviços Municipais de Proteção Civil (PCM 201 2), que terá lugar nos dias 28-29 de Setembro de 201 2, na Póvoa de Varzim. É intenção deste encontro reunir pela primeira vez os vários Serviços Municipais de Proteção Civil (SMPC) do País, reforçando vínculos entre organismos que possuem uma legitimidade municipal mas cujas obrigações se intersetam com todo o Sistema Nacional de Proteção Civil e lançando as bases para a criação de uma rede de cooperação inter-Serviços. Já foi distribuído um inquérito e boletim de pré-inscrição com o qual se pretende reunir a sensibilidade representativa do coletivo e proporcionar uma ampla participação onde cada SMPC possa ter uma oportunidade de se apresentar bem como às suas ideias, em torno das principais problemáticas e potencialidades do setor. O PCM 201 2 centra-se numa conferência técnico-científica com comunicações orais selecionadas, no dia 28, a qual será complementada com UNIVERSIDADE LUSÓFONA DO PORTO | FCNET| NEWSLETTER Nº 9 | 1 8 de Maio de 201 2 | PÁGINA 2


uma exposição permanente de pósteres, de molde a viabilizar a presença institucional de todos os Serviços. Na manhã do dia 29, será realizada uma formação sobre “Soluções Open Source para SIG”. A Comissão Organizadora do evento é presidida pelo Diretor da FCNET e conta com vários docentes e estudantes da LEPC, a Câmara Municipal da Póvoa de Varzim e alguns membros de SMPC espalhados pelo País. Quaisquer sugestões ou comentários podem ser encaminhados para o endereço eletrónico encontronacional.pcm@gmail.com. (AFC) 2.º Sympsiom Nacional de Termalismo, Turismo de Saúde e Bem­Estar (1.st International Symposium of Thermalism, Health Tourism & Wellness)

No passado dia 1 0 de Março, a ULP acolheu mais uma importante reunião científica dedicada ao tema do termalismo e ao seu cruzamento com o turismo de saúde e bemestar. O 2.º Symposium Nacional de Termalismo, Turismo de Saúde e Bem-Estar e 1 .st International Symposium of Thermalism, Health Tourism & Wellness foi organizado conjuntamente pela FCNET e pelo CETIES e contou com a participação de importantes instituições, onze ilustres oradores, especialistas nacionais e de Espanha, e uma ampla plateia, promovendo um debate alargado sobre as problemáticas de um setor onde Portugal continua a ter um enorme potencial de crescimento,

especialmente, em face da imensa riqueza das águas termais e do património termal construído, com longa tradição e história, que possui. Das conclusões, destacamse: a urgência de estreitar as relações entre a Universidade e os Estabelecimentos Termais Nacionais com vista à investigação e aperfeiçoamento das terapias utilizadas e à validação e homologação de protocolos terapêuticos; a necessidade de melhorar a regulamentação, qualificar e certificar a atividade do segmento dos SPAs; a oportunidade para alavancar centros de talassoterapia como pólos de desenvolvimento no contexto de uma “economia do mar” ligada ao turismo de saúde, regulando a sua atividade no contexto do sistema nacional da saúde. Também ficou bem evidenciado que o “Turismo de Saúde e Bem-Estar” é um produto

compósito e complexo, pelo que a sua abordagem e gestão exigem profissionais multidisciplinares, altamente qualificados e absolutamente comprometidos com a inovação e a investigação, capazes de integrar o “contexto da saúde” no “universo do turismo”, numa lógica de modelo de desenvolvimento sustentável para Portugal. Os trabalhos foram abertos pela Reitoria da ULP e encerrados com a assinatura de protocolos com várias instituições com as quais a ULP e a FCNET passam a ter uma relação de cooperação mais estreita.(AFC)

Exercício de Proteção Civil Distrital “JESUÍTA`12”

No passado dia 21 de Abril de 201 2, realizou-se o exercício “JESUÍTA`1 2” no município de Santo Triso, um exercício no âmbito distrital, onde participaram a quase totalidade das corporações de bombeiros do distrito, e alguns agentes de proteção civil, cujo planeamento, coordenação e comandamento esteve a cargo do Comando Distrital de Operações e Socorro do Porto. UNIVERSIDADE LUSÓFONA DO PORTO | FCNET| NEWSLETTER Nº 9 | 1 8 de Maio de 201 2 | PÁGINA 3


A Universidade Lusófona do Porto, a convite do CDOS Porto, na pessoa do Exmo Sr. Comandante Operacional do Distrito do Porto, Coronel Teixeira Leite, esteve presente no exercício com a presença de 1 5 alunos do 2º Ano da Licenciatura de Engenharia de Proteção Civil, e de 2 docentes desta licenciatura, a Drª Mónica Santos e o Engº Luis Rodrigues, em representação da ULP. Foi possível observar o funcionamento dos postos de comando nos vários níveis de decisão, bem como a forma de organização da Comissão Municipal de Emergência aquando da ativação do Plano Municipal de Emergência. O cenário criado foi um incêndio florestal na freguesia da Agrela, que, face à evolução do mesmo, obrigou à evacuação da aldeia de Moutela. Houve ainda incêndio urbano numa fábrica de produtos Químicos. Os alunos, como observadores, puderam acompanhar o exercício e no final participar com a elaboração de um relatório. (LPR)

DESTAQUES EM AGENDA Dia de Engenharias FCNET 2012

Seguindo já uma tradição, vai realizarse, no próximo dia 24 de Maio, mais uma edição do Dia de Engenharias FCNET 201 2, uma jornada non stop com abertura às 9h00 e encerramento difícil de prever (pelas 24h00??) ocupada com ciência, investigação, desporto, gastronomia e são convívio, com toda a comunidade escolar da FCNET. O programa é vasto e nele pontuam as III Jornadas de Ciências Naturais, Engenharias e Tecnologias (CNET 201 2), uma Exposição de Pósteres de estudantes dos vários cursos da Faculdade, um já “famoso e duríssimo” jogo de futebol entre estudantes e professores, bem como um não menos importante e tradicional jantar de convívio com que se encerrarão as "hostilidades". Como elemento programático mais marcante, as Jornadas CNET 201 2 decorrem, durante a manhã na ULP e durante a tarde no CICCOPN, nos auditórios principais destas duas entidades que, mais uma vez, se unem num esforço de coorganização. De entre as quinze comunicações técnicas e científicas da autoria de estudantes, professores e especialistas convidados, destaca-se a Conferência Plenária programada para as 1 2h00, na ULP, para a qual se convidou a Ex.ma Senhora Presidente do Laboratório Nacional de Energia e Geologia, Professora Doutora Teresa Ponce Leão, que abordará o tema “O papel da Engenharia ao serviço da inovação nas empresas – O caso LNEG”. Como habitualmente, é assegurado o transporte em autocarro dos participantes ao longo de todo o dia, nomeadamente da ULP para o CICCOPN, onde se almoçará antes de dar continuidade aos trabalhos. Ouvido o Diretor da FCNET, este considera “extremamente importante a iniciativa pois, além de promover a ciência e a investigação com as Jornadas CNET 201 2, ela apela ao são convívio de toda uma comunidade académica que se quer unida em torno da sua Faculdade, que assim também se promove interna e externamente”. O Programa completo do Dia de Engenharias FCNET 201 2 pode ser obtido no sítio da Universidade Lusófona do Porto, em www.ulp.pt. (AFC) UNIVERSIDADE LUSÓFONA DO PORTO | FCNET| NEWSLETTER Nº 9 | 1 8 de Maio de 201 2 | PÁGINA 4


2.nd TECHNICAL MEETINGIN LIGHTING AND ELECTRICAL SOLUTIONS

No próximo dia 31 de Maio de 201 2, no Auditório Principal da ULP, decorrerá mais uma edição desta importante conferência técnico-científica nacional em que a FCNET decidiu apostar em parceria com a Agência Regional de Energia e Ambiente do Barroso e Alto Tâmega (ARENABAT). Nesta segunda edição estarão em destaque diferentes temas, desde as soluções para iluminação pública e arquitetural a soluções de iluminação para ambientes especiais, com destaque para as novas tecnologias e as últimas evoluções no setor da iluminação LED. Atenta às novas oportunidades criadas pelas novas soluções e tecnologias de iluminação, decidiu-se alargar o âmbito da conferência para as “eletrical solutions”, numa expectativa de estabelecer pontes com os importantes assuntos da eficiência energética e das energias renováveis, bem como com outros temas eletrotécnicos de especial pertinência e atualidade. O evento conta com os principais atores do mercado da iluminação, com forte presença da indústria nacional e de entidades promotoras e de apoio. O Programa pode ser consultado no sítio da Universidade Lusófona do Porto, em www.ulp.pt. (AFC) .

DEBATES E WORKSHOPS II CICLO DE DEBATES TECNOLOGIA E SOCIEDADE

6.ª Sessão ­ "O tratamento das Águas Residuais na Agro­Indústria ­ Estudo de Caso"

A 6.ª sessão realizada no passado dia 23 de Abril de 201 2 foi subordinada ao tema “O tratamento das águas residuais na Agro-Indústria - Estudo de caso”. O orador foi o Eng. Manuel Oliveira da Unidade de Engenharia STI – Sistemas e Técnicas Industriais, Lda. O debate foi moderado pelos professores Joaquim Barbosa e Sónia Castro, docentes da ULP. Nesta sessão foram apresentadas tecnologias de ponta para o tratamento das águas residuais na Agro-indústria, em particular para a indústria do concentrado de tomate.

Ficaram patentes as preocupações ambientais, nomeadamente no que respeita à reutilização da água nas várias etapas de processamento do concentrado de tomate. Esta reutilização traduz-se num aumento da efeciência económica e ambiental para as empresas do sector. No final, gerou-se um período de perguntas-respostas, no qual foram discutidas questões técnicas especificas do funcionamento dos sistemas apresentados, bem como questões relacionadas com a sua manutenção e eficiência. (JPB)

UNIVERSIDADE LUSÓFONA DO PORTO | FCNET| NEWSLETTER Nº 9 | 1 8 de Maio de 201 2 | PÁGINA 5


7.ª Sessão ­ “Os Portos e os Aeroportos Dinamizadores da Logística em Portugal”

A sétima sessão do ciclo de debates Tecnologia e Sociedade realizou-se no passado dia 1 4, das 1 5 às 1 7h30 . Esta sessão, subordinada ao tema dos portos e aeroportos, enquanto dinamizadores da logística em Portugal, foi organizada pela licenciatura em Segurança e Higiene do Trabalho. O debate, moderado pelo diretor da referida licenciatura, Luís Soveral, teve como intervenientes o Presidente da APDL, João Pedro Matos Fernandes; o Assessor do Conselho de Administração - Carga Aérea (ANA), José Manuel Santos; o Administrador da Empark, João Caetano Dias e o Diretor Executivo da AGEPOR, António Belmar da Costa.

Nesta conferência foi abordado a questão da logística em Portugal, e em termos de conclusão foi unânime a ideia de que é necessário uma política nacional integrada da logística aeroportuária, portuária, terrestre e ferroviária. (ASS)

Reflexão sobre o Dia Mundial da Segurança e Saúde do Trabalho

Realizou-se, no passado dia 23 de Abril, na Universidade Lusófona do Porto, uma sessão alusiva ao Dia Mundial da Segurança e Saúde do Trabalho. Este evento, organizado pela licenciatura em Segurança e Higiene do Trabalho, foi direcionado para alunos do 11 .º e 1 2.º anos de cursos técnicos em SHT, tendo estado presentes cerca e 80 alunos destes cursos. O Engenheiro Paulino Pereira, principal responsável da Direção Regional do Norte da Autoridade para as Condições de Trabalho, que apresentou a evolução previsível da segurança e saúde do trabalho em Portugal, segundo as perspectivas europeias. O Professor Rui Ponce Leão, médico do trabalho e docente da ULP, abordou a questão da saúde no trabalho, área ainda muito pouco trabalhada no nosso país. O Engenheiro Manuel Tender, presidente da Associação Portuguesa dos Coordenadores e Gestores de Segurança, abordou a evolução das perspectivas da profissão do técnico de segurança. (LS) Workshop Emprego Seguro nas Pescas Tradicionais Portuguesas

Sob a coordenação do docente da ULP e presidente da ADITEC (Associação para o Desenvolvimento e Inovação Tecnológica), Professor Doutor Fernando Manuel Silva, realizou-se no passado dia 2 de Maio, na ULP, um workshop subordinado ao tema Emprego Seguro nas Pescas Tradicionais Portuguesas: Factor do Desenvolvimento Sustentável dos Aglomerados Piscatórios. No workshop foi apresentado o projeto que lhe deu nome e que foi promovido pela ADITEC, em parceria com a ACT – Autoridade para as Condições de Trabalho. Nesta apresentação, feita pela CoCoordenadora Engenheira Maria C. Vieira, identificou-se, como uma das motivações para a implementação do mesmo, a grande sinistralidade que está asoociada a esta atividade (segundo a Agência Europeia para a Segurança e Saúde no Trabalho, a pesca é uma das profissões mais perigosas, sendo o risco de acidente neste setor 2,4 vezes maior do que na média dos sectores industriais da Europa). UNIVERSIDADE LUSÓFONA DO PORTO | FCNET| NEWSLETTER Nº 9 | 1 8 de Maio de 201 2 | PÁGINA 6


Face à urgência em promover a melhoria das condições de segurança e saúde no trabalho nesta atividade, o projeto tem como grande objetivo promover uma mudança do paradigma na cultura de prevenção e segurança no setor das pescas, contribuindo para uma diminuição da sinistralidade laboral, dos custos afectos aos acidentes de trabalho e das doenças profissionais contraídas no exercício da actividade profissional. O workshop contou ainda com três apresentações: "As Tecnologias ao Serviço da Prevenção e Segurança no Contexto das Pescas", pelo empresário António Rocha; "Uma Abordagem Holística e Tecnológica à Problemática da Saúde, Higiene e Segurança nas Pescas", pela Doutora Cristina Moço (Técnica Superior da Mútua dos Pescadores) e pela Doutora Filipa Faria (Secretária-Geral da Associação Armadores Pesca Artesanal da Costa Vicentina); "A Segurança e a Saúde nas Pescas: Um Imperativo Nacional, pelo Doutor Luís N. Lopes" (Coordenador Executivo da ACT). (ASS)

BREVES Primeira Reunião Plenária do CEIBAT ­ Centro de Estudos Interdisciplinares do Barroso e Alto Tâmega

Sob os auspícios do Ecomuseu do Barroso, realizou-se, no passado dia 28 de Abril, em Montalegre, a primeira reunião plenária dos órgãos do CEIBAT com o objetivo de projetar as primeiras atividades deste pioneiro centro de estudos, depois de uma existência iniciada recentemente com a assinatura do respetivo protocolo de constituição entre o Ecomuseu do Barroso - Associação de Barroso a ULP Universidade Lusófona do Porto e a ADITEC Associação para o Desenvolvimento e lnovação Tecnológica, em Janeiro, como foi noticiado em edição anterior deste Boletim. A ULP esteve representada através dos Professores Doutores Artur Costa e Joaquim Barbosa, respetivamente Presidente e VicePresidente do Conselho Científico do CEIBAT, e António Martins, presidente da Comissão Externa Permanente de Aconselhamento Científico. Além de apresentações recíprocas, debateram-se os princípios orientadores para o desenvolvimento futuro deste desafiante e inovador projeto.

Dos trabalhos resultaram duas linhas de atuação, a saber: realização, em Montalegre, de iniciativas descentralizadas de formação por parte da ULP, com imediato lançamento de um Master em Gestão; apoio à realização de um grande evento de mostra, debate e promoção da região do Barroso, com eventual denominação de “Congresso Barrosão”. Em aberto ficaram outras possibilidades, nomeadamente a da criação de uma linha editorial que trouxesse à estampa trabalhos literários de autores locais e de incidência regional, nomeadamente no âmbito da cultura e das fortes tradições locais, bem como a realização de investigação aplicada de incidência territorial, em vários domínios. Foi sublinhada a grande importância da “mitologia” e tradições locais, nomeadamente daquelas que têm o seu epicentro em Vilar de Perdizes e nas iniciativas do Senhor Padre Fontes, e a pertinência em se poder aproveitar esse imenso potencial como base para trabalhos de investigação futuros. A reunião terminou pelas 1 3h00 após o que os participantes foram presenteados pela Câmara Municipal de Montalegre com um excelente repasto, num restaurante local, onde se pôde saborear a excelente carne barrosã. (AFC)

UNIVERSIDADE LUSÓFONA DO PORTO | FCNET| NEWSLETTER Nº 9 | 1 8 de Maio de 201 2 | PÁGINA 7


Exercício de Combate à Poluição do Mar – “XÁVEGA 2012”

A Marinha realizou, nos dias 8 e 9 de maio de 201 2, em Sesimbra, um exercício de combate à poluição do mar por hidrocarbonetos, denominado “XÁVEGA 201 2”. Os principais objetivos foram treinar os meios atribuídos à Direção-geral da Autoridade Marítima e os da Marinha em espaços marítimos restritos, e a mobilização e atuação em terra, em coordenação com entidades locais com responsabilidade ou interesse no combate à poluição do mar por hidrocarbonetos. O exercício XÁVEGA 201 2 consistiu num colóquio dedicado ao tema da poluição do meio marinho, que se realizou no dia 8 de maio, das 1 5h00 às 1 7h45, no Auditório Municipal Cineteatro João Mota, em Sesimbra, e na simulação da contenção e

recolha de combustível derramado no dia 9 de maio, após a colisão de dois navios mercantes ao largo de Sesimbra, procedendo-se também à limpeza do porto e das praias e à evacuação e salvamento marítimo de um cetáceo. O exercício foi organizado pela Direção-geral da Autoridade Marítima, em articulação com a Câmara Municipal de Sesimbra. Contou ainda com o apoio da Administração dos Portos de Setúbal e Sesimbra. Participaram nas ações de combate à poluição inúmeras entidades, nomeadamente a Agência Europeia de Segurança Marítima (EMSA), a Força Aérea Portuguesa, o Instituto de Conservação da Natureza e Biodiversidade, Reserva Natural do Estuário do Sado e o Parque Natural da Arrábida, o Comando Distrital de Operações de Socorro de Setúbal e o Serviço Municipal de Proteção Civil, os Bombeiros Voluntários de Sesimbra, o Clube Naval de Sesimbra e a comunidade universitária, onde esteve o Engº Luís Rodrigues, docente na Licenciatura de Engenharia de Proteção Civil, em representação da ULP. (LPR)

VISITAS DE ESTUDO Turma de 1.º Ano de Engenharia de Proteção Civil visita visitou os departamentos de Meteorologia, Comunicação e Controlo de Tráfego Aéreo no Aeroporto Francisco Sá Carneiro

No passado dia 27 de Março de 201 2, a turma do 1 º ano de Engenharia de Proteção Civil, no âmbito da disciplina de Climatologia e Edafologia, visitou os departamentos de Meteorologia, Comunicação e Controlo de Tráfego Aéreo no Aeroporto Francisco Sá Carneiro, acompanhados pela docente Dra. Mónica Santos, responsável pela unidade curricular. A visita teve como objetivos fundamentais, conhecer os procedimentos de registo e previsão meteorológica, bem como, observar as operações no fornecimento de serviços de meteorologia à aviação. Foi ainda uma oportunidade para conhecer os serviços de comunicações e controlo do tráfego aéreo. (MS)

UNIVERSIDADE LUSÓFONA DO PORTO | FCNET| NEWSLETTER Nº 9 | 1 8 de Maio de 201 2 | PÁGINA 8


AGENDA FCNET

2012

e­LP ENGINEERING AND TECHNOLOGY JOURNAL

A e-LP - Engineering and Technology Journal, revista eletrónica da FCNET/ULP, pretende reunir, no mesmo espaço de interação crítica, investigadores provenientes das mais diversas áreas do saber que se cruzam no estudo das Ciências Naturais, Engenharias e Tecnologias, informados por perspetivas críticas e teóricas validadas pela exigência científica própria das Ciências Exatas. A e-LP procura corresponder aos interesses do maior número de leitores na esfera nacional e internacional e contribuir para o alargamento dos saberes na área das Ciências Naturais, Engenharias e Tecnologias, sendo dirigida pelo Diretor da FCNET, assessorado por um Editor e por um Conselho Redatorial. A e-LP - Engineering and Technology Journal tem uma periodicidade semestral, aceitando em permanência propostas de publicação em elp@ulp.pt. Estas deverão ser apresentadas sob a forma de resumo (250-500 palavras) ou full text, sendo depois sujeitas à apreciação do Conselho Redatorial ou, quando este o entenda necessário, à avaliação por revisores especializados na área em questão. Para mais informações, nomeadamente relativas a normas para autores, aceda ao regulamento deste periódico. Colaboradores

Colaboraram neste número:

Ângela Serra Seixas (ASS); Artur Costa (AFC); Fernando Silva (FS); Joaquim Barbosa (JPB);

Luís de Soveral (LS);

Luís Pais Rodrigus (LPR).

Mónica Santos (MS);

Sónia Marília Castro (SMC);

UNIVERSIDADE LUSÓFONA DO PORTO | FCNET| NEWSLETTER Nº 9 | 1 8 de Maio de 201 2 | PÁGINA 9


Mestrados e Formação Pós­Graduada 2012 Novos programas de mestrado e formação pós­graduada

Consulte o espaço da Faculdade de Ciências Naturais, Engenharias e Tecnologias no sítio da ULP e obtenha informações sobre a agenda de Formação 201 2 e os novos Programas de Mestrado e de Formação Pós-graduada Clique e consulte

Formação Graduada de 1.º Ciclo

Licenciatura em Engenharia do Ambiente Licenciatura em Engenharia Civil Licenciatura em Engenharia Eletrotécnica de Sistemas de Energia Licenciatura em Engenharia de Proteção Civil Licenciatura em Segurança e Higiene do Trabalho Consulte os regimes de acesso, incluindo REGIME GERAL ACESSO A MAIORES DE 23 ANOS TRANSFERÊNCIAS DE CURSO REINGRESSOS consulte-nos aqui R. Augusto Rosa,24 - 4000-098 Porto -Tel.222 073 230- Fax:222 026 939/ 222001 528-Email:informacoes@ulp.pt- www.ulp.pt

UNIVERSIDADE LUSÓFONA DO PORTO | FCNET| NEWSLETTER Nº 9 | 1 8 de Maio de 201 2 | PÁGINA 1 0


Newletter n.º 9 da FCNET