Page 1


2 | Hookah Brasil Experience - Dezembro/2019


2019/Dezembro - Hookah Brasil Experience | 3


4 | Hookah Brasil Experience - Dezembro/2019


Editorial Encerramos mais um ano. O quinto ano da Revista Hookah Brasil Experience. Com ele mais aprendizado, mais obstáculos vencidos e algumas batalhas perdidas, porém sempre com a cabeça erguida e trabalhando pelo melhor e principalmente sem passar por cima de ninguém. Diferente de editoriais anteriores, não vou falar muito sobre as matérias da revista, que chega a sua 27ª edição. Vou falar um pouco da nossa trajetória, são mais de 160 mil exemplares impressos, mais de 200 lives, 21 moletons, 2 bonés, 300 tapetes, 1000 furadores entre outros números de coisas que já fizemos. Tudo isso com o proposito de levar conteúdo verdadeiro para vocês que nos leem e nos apoiam. Quero agradecer mais um ano suado e de parceria com diversas marcas fortes do ramo. Obrigado por acreditarem na gente, no nosso trabalho. Obrigado aos amigos que fizeram e fazem parte da nossa trajetória, aos que mandam mensagem nas nossas redes sociais elogiando nosso trabalho. Só agradece!

Direção

Guilherme Vieira Lineu Jr.

Colaboradores

Eduardo Macário Raphael Silveira Welton “Spider” Roberto Jekelo

Projeto Gráfico Guilherme Vieira

Fotografia

Guilherme Vieira

Jornalista Responsável Sidney Gritti

Gráfica Lineu Jr.

Logística

Caio Costa

Revisão

Marcela Saez

No mais, leia a revista e tente absorver o máximo que puder, se ainda fazemos isso, é por você.

Site

Obrigado e que venha 2020.

Facebook

www.hookahbrasilexp.com.br fb.com/revistahbe

Contato

contato@hookahbrasilexp.com.br A revista HBE não se responsabiliza pelas opiniões aqui emitidas. O conteúdo de anúncios aqui publicados são de total responsabilidade dos anunciantes. O artigo 5 da Constituição Federal, assegura o direito de expressar nossas convicções e alternativas, mesmo sendo contra-hegemônicas, tanto o direito de receber quanto o de difundir informações são garantias fundamentais amparadas nos artigos 13.1 e 13.2 da Convenção Interamericana de Direitos Humanos, 19.1 e 19.2 do Pacto Internacional de Direitos Civis e Políticos e do artigo 4 da Declaração Universal dos Direitos Humanos.

Impressão:

6.000 exemplares

CNPJ

27.337.714/0001-46

2019/Dezembro - Hookah Brasil Experience | 5


6 | Hookah Brasil Experience - Dezembro/2019


Sumário //Uma desleal luta por território

Nossas amadas mídias, que divertem e oferecem conteúdo ajudam ou atrapalham?

// O baile das máscaras

Quem será o próximo?

pg.12 //Novas regras para o jogo

Regras novas para um velho jogo, como proceder daqui pra frente?

pg.16 //Conexão Hookah

Brasil e Espanha ligados pelo Hobby.

pg.24

pg.28

Welton "Spider" pg. 09

Eduardo Macário pg. 27

Hookah Drink pg. 23


8 | Hookah Brasil Experience - Dezembro/2019


Welton "Spider" spider@hookahbrasilexp.com.br

Reflexão Fala xovens! Como vocês estão? Hoje quero falar um pouco sobre 2019, um ano cheio de novidades no ramo e muitos lançamentos, porém um ano bem abaixo do esperado se for comparado com 2018. Vínhamos em um crescimento anual tanto nas vendas, em crescimento e alcance. O que teria brecado isso? Nosso ramo estagnou? Os vapers tomaram uma fatia do mercado? Acho que tiveram muitos fatores para isso! A crise econômica e a instabilidade financeira rondam o país e para mim, são as maiores responsáveis pelo nosso não crescimento. Sim, os vapers ganharam muitos adeptos. Sejam eles novos, que poderiam entrar no seguimento, como também os fumantes de arguile que trocaram ou pensam em trocar o arguile pelo vaper! Claro que o mercado deu um boom gigantesco e uma hora iria desacelerar. Porém todas as marcas, sejam elas de tabaco ou acessórios lançaram muitos produtos, novi-

dades que movimentaram 2019. Além disso, há o risco de uma nova lei que dificulta o uso ser aprovada, deixando tudo mais difícil e em alguns casos até inviável! Então peço que façam essa reflexão, como você viu nosso mercado em 2019 e conte para nós! Aguardo seu e-mail. Desejo a todos um ótimo 2020 e nos vemos lá!

2019/Dezembro - Hookah Brasil Experience | 9


A Luna agradece a todos os clientes, parceiros e colaboradores pelo ano de 2019. Que 2020 seja um ano de muita fumaรงa! @lunavasosparaarguile

@lunavasosartesanais

www.lunabases.com.br


//Luta Territorial

Uma desleal luta por território Campo de batalha.

Por: Blog do Arguile Fotos: Guilherme Vieira

Nossas amadas mídias, que divertem e oferecem conteúdo que vai além do prazer de degustar aquela perfumadíssima shisha na companhia dos seus confrades, ajudam ou atrapalham na difusão da informação acerca do mundo do arguile? Muita calma, meu jovem padawan. Chegaremos lá na mesma tranquilidade e sapiência com as quais se prepara um belo rosh. Antes, precisamos de um breve background: Há muito tempo atrás, surgiu da cabe12 | Hookah Brasil Experience - Dezembro/2019

ça de um rapazinho chamado Raphael Barreiros a ideia de compartilhar suas experiências com o arguile para os que tivessem interesse em conhecer mais sobre a cultura e ter o que pudesse ser encontrado de melhor à época. Ali nasceu o Blog Do Arguile, que tem desde sua criação o objetivo não só de informar, mas também de divertir os apreciadores e de proporcionar a união e amizade por meio desse milenar instrumento social. Surgem depois do Blog outras fontes de conteúdo por diversos meios. Por


//Luta Territorial exemplo: podcasts, o ArguileCast, uma infinidade de canais no YouTube, a nossa querida HBE em formato impresso e a utilização das mídias sociais por marcas e conoisseurs que visam maior notoriedade e exposição ao que podem oferecer. O grande problema? Ei-lo, meu dedicado aprendiz: todas as mídias com as quais trabalhamos para te trazer a mais completa informação e o que tem de mais novo no mundo do arguile restringem a distribuição de nossos conteúdos por inúmeros fatores. O fato de estarem relacionados ao tabaco é o mais crucial de todos. Ou seja, somos proibidos de alcançar grande parcela do público arguileiro por fazermos uma suposta promoção ao consumo de tabaco. E, assim... não é bem por aí! A maioria dos meios de comunicação que tratam do arguile com seriedade buscam informar ao fumeta os melhores caminhos para reproduzir uma sessão de qualidade. Quantos tutoriais relacionados a arguile não existem hoje por aí? Quantas vezes você já não nos viu falando para evitar carvões de pólvora? Ou até mesmo implorando pra que vocês não coloquem bebidas alcoólicas na base? Isso porque tratamos sempre da redução de danos no consumo do seu rosh! É claro que o tabaco faz mal à saúde, mas o princípio de criação do

arguile já parte da premissa de tornar a fumaça inalada mais fria do que a do tabaco que entra em combustão, como no caso de cigarros e cachimbos. Não só possuímos em nossas mãos um instrumento que tem por objetivo tornar o produto menos prejudicial, como criamos tudo o que você assiste, escuta e lê, mirando em agregar no seu conhecimento e preparar sua sessão da melhor maneira possível. Dito isso, surge a questão: então por que diabos restringem o alcance dos conteúdos? A resposta é simples e triste: porque nos colocam na mesma categoria que o cigarro. Ele mesmo: o estoura peito. O fedido. O pirulito de otário. O bastonete do diabo. Redes como os gigantes Youtube, Facebook e Instagram limitam e MUITO o alcance dos conteúdos relacionados a arguile ao seu consumidor final. A grosso modo, quando um novo conteúdo é postado, ele faz com que o conteúdo apareça apenas para alguns poucos seguidores e não para todos, como deveria ser. É o fantasma do Family Friendly, meus amigos! Sabe-se há muito tempo das restrições de propaganda do cigarro e as duras 2019/Dezembro - Hookah Brasil Experience | 13


//Luta Territorial sanções legais que são impostas a partir do momento em que se infringe quaisquer dos artigos. Mas também que nossa amada shisha não pode ser diretamente relacionada ao cigarro e que fazer essa relação, além de bastante preguiçoso, é irresponsável e até covarde. Quanto a restringir o conteúdo, mais ainda. Vivemos em uma constante batalha por um espaço que é nosso por direito, mas nos foi tirado por puro preconceito. E é engraçado notar que há esse esforço para limitar nosso alcance, mas pouco esforço vindo dos famigerados e temidos algoritmos para com conteúdos pornográficos, violentos e de violação de copyright, por exemplo. Tudo bem para o senhor Cláudio de Lima Antunes monetizar um canal onde ele sobe todos os episódios da terceira temporada de Todo Mundo Odeia o Chris (com uma bordinha estilosa, quadro invertido e ligeiramente mais rápido, para dar aquela dribladinha nos robôs, né papai), lucrar em cima da obra de outras pessoas e ainda assim aparecer no “Em Alta”. Agora, ensinar como preparar um rosh?! AH, NÃO! É brincadeira ou não é?! Sempre batemos na tecla que nosso conteúdo é dirigido para quem já é fumante. Não existe uma promoção ao tabagismo, como insinuado. E reforçamos: se você não fuma, não comece a fumar. Não tem porque desenvolver um 14 | Hookah Brasil Experience - Dezembro/2019

novo vício, e o vício em nicotina, apesar de parecer inofensivo, é um dos piores que existe. O conteúdo é inteiramente destinado aos já adeptos da cultura, que procuram aprender novas e mais efetivas formas de se apreciar nosso tabaco da maneira menos danosa e mais responsável possível. Em contrapartida, o que é feito pela indústria do cigarro nesse sentido? Existe uma conscientização do público quanto ao consumo do cigarro além dos avisos que são obrigados a imprimir em suas embalagens? Você já assistiu uma review do Marlboro Light que diz o que é bom, o que é ruim e a melhor forma de consumi-lo? Algum tutorial de como harmonizar seu Derbão prateado com um belo chianti? Por fim: é justo colocá-los no mesmo patamar que os amantes da shisha? Mais uma vez, é hora de bater na tecla da união. A mídia desinformada, políticos gananciosos com olhos apenas para o benefício próprio e os diversos algoritmos dos gigantes do Vale do Silício estão contra nós: os produtores de conteúdo e vocês, fumetas. Mais do que nunca (Salve, Faustão), sua audiência é fundamental para o nosso crescimento e para que continuemos de pé! Estaremos sempre aqui para ajudar a apreciar os melhores sabores e ensinar os melhores métodos para uma sessão sem igual. A luta segue, rapaziada. E estamos juntos!


2019/Dezembro - Hookah Brasil Experience | 15


//O baile das mรกscaras

O baile das

MรSCARAS Por: Lineu Junior Fotos: Guilherme Vieira 16 | Hookah Brasil Experience - Dezembro/2019


//O baile das máscaras Chegamos a mais um fim de ano. 2019 passou e com ele levou pessoas, empresas, saúde e paz. Um ano conturbado, uma crise desenfreada que abalou a todos. Fumetas, lojistas, distribuidores, fabricantes...seres humanos e no último caso nem só no nosso ramo, mas no mundo todo e em todas as áreas, ou seja, todos foram atingidos de alguma maneira. Vimos um projeto de lei ser aprovado na Câmara e que se aprovado no Senado pode acabar com toda a história que construímos juntos. Vimos o dólar subir e chegar a cotação recorde. Vimos famosos morrerem, serem presos, serem soltos, serem acusados, absolvidos e a política ir a níveis nunca vistos. Porém, acredito que toda coisa/fase ruim vem para ensinar a valorizar ainda mais as coisas/fases boas. Vem para limpar quem fez mal aos outros e calar os faladores, para mostrar a verdade de uma série de falácias e derrubar a máscara dos pilantras. Poderia ficar horas ou edições inteiras escrevendo e dando nome aos bois, apontando quase que com apoio de todos, os safados que prejudicam o nosso mercado, o nosso hobby! Quando digo safados, estou falando do fumeta que pendura a conta na tabacaria por

pura pilantragem ao fabricante que fica devendo aos fornecedores de matéria prima. Do “canal” que compra views, do “canal” mercenário que só está onde está porque não honra a palavra e se vende por qualquer trocado a mais na “negociação”! Uso as aspas em algumas palavras para enaltecer que quem faz esse tipo de coisa nada mais é do que mentiroso, estelionatário, golpista e safado. Muitas vezes as pessoas tentam defender esse tipo de gente dizendo que se fez, é porque teve seu motivo, mas não enxergam o lado do prejudicado. Do grande ao pequeno, todos que acreditam nessas “pessoas” estão sendo enganados com números mentirosos e por falta de tato ou cuidado, se deixam levar por palavras doces e “mamadas”. Mamadas, palavra forte que descreve exatamente como sobrevivem muitos “canais”. Uma parceria quando é fechada, com contrato ou somente apalavrada, deve ser boa para os dois lados e em geral, não é! Disso, uma coisa boa pode ter saído, a ACIPA, que em tese tem o propósito de unir pessoas e marcas para lutar contra essa PL da proibição dos flavorizantes que pode atingir em cheio o que tanto gostamos. Como eu disse, coisas ruins ensinam! Ensinam as pessoas a não acreditarem 2019/Dezembro - Hookah Brasil Experience | 17


//O baile das máscaras

Lugar apropriado.

em tudo o que veem, principalmente nas redes sociais ou em um meio de comunicação que poderia ser usado para tanta coisa boa e acaba sendo usado de maneira deturpada por pessoas que se auto intitulam empreendedores, empresários, consultores entre tantas outras coisas que são muito mais do que fotos bonitas em momentos oportunos. Foi unânime que em 2019 o comentário foi de que o mercado está estranho e fraco. Convivemos e encontramos diversas pessoas importantes e todos tem o mesmo discurso, o mercado está ruim. De bom disso tudo é que podemos ter esperança de que marcas com produtos ruins ou lojistas que apoiam a falsifica18 | Hookah Brasil Experience - Dezembro/2019

ção serão exterminados do mercado, e isso é ótimo! Aos poucos, as máscaras cairão uma a uma e veremos a cobrança da vida sobre tais pessoas que encabeçam esse lado ruim da força. Ao meu ver, podemos deixar de enxergar só a parte ruim, expandir a mente e tentar enxergar o lado bom dos fatos. Vamos usar 2019 como o ano da cobrança e do aprendizado. Vamos usar 2019 como a tempestade que vem antes da bonança. Já que mar calmo nunca fez bom marinheiro e quem sobreviveu a essa tormenta com


//O baile das máscaras certeza sairá mais forte e resistente as oscilações do mercado (no geral).

Vamos viver e trabalhar no presente para que o futuro seja próspero.

Esperamos que 2020 seja o ano da reconstrução, do crescimento dos honestos, da paz e da esperança.

Não sou dono da verdade, mas deito na minha cama e durmo tranquilo por saber que não enganei ninguém, não atrasei o lado de ninguém. Meu caráter não mudou e nem muda por dinheiro.

Precisamos trabalhar e torcer para que tudo dê certo e os resultados apareçam, sempre de modo positivo. Pessoalmente acredito nisso, na melhora! Vamos lutar juntos com a ACIPA para que tenhamos nosso hobby protegido e restabelecido com as marcas, pessoas e canais sérios e honestos. Vamos lutar para que apenas verdades sejam ditas e que só os bons vençam, em todos os sentidos. Se você leu isso e não entendeu, se achou repetitivo ou sem fundamento, sinto muito, ou o seu boleto da vida está próximo ou você não entendeu nada da vida e não faz a menor ideia do seu propósito.

Em 2020 vamos trabalhar para crescer de maneira honesta e sustentável, levar experiência para quem lê e convive conosco, experimente fazer isso também. Não seja um palhaço, não saia falando que trai a namorada ou engana seu sócio como se isso fosse bonito, trabalhe! De primo rico que não faz nada, o mundo e a internet estão cheios. Lute para que 2019 não tenha sido o ano do início do nosso fim. Para finalizar, se você se encaixou em algum parágrafo onde fui negativo, cuidado, sua máscara pode estar perto de cair!

Aos que entenderam e enxergaram as pedradas que tentei dar, parabéns, além de saber interpretar texto você não é um completo babaca por se achar o máximo sem ser nada! Vamos aguardar a próxima temporada dessa série de suspense que estamos vivendo. 2019/Dezembro - Hookah Brasil Experience | 19


20 | Hookah Brasil Experience - Dezembro/2019


//Novidades

Novos modelos.

Lançamentos Oduman! Por: Redação HBE Fotos: Guilherme Vieira

Com narguiles basicamente feitos em vidro e aço inoxidável, a Oduman resolveu apostar de vez na praticidade, transporte descomplicado e a agilidade para a sessão.

necessidade de adaptador para este item entregando maior conforto e praticidade ao preparar-se para uma viagem ou 'rolê' que permita o arguile, piteira e downstem em aço inox.

Chega ao Brasil os novos modelos da marca turca de narguiles completos, o Micro, Mid e Monster.

É importante salientar que apenas dois dos três modelos possuem prato para bater os carvões (Mid e Monster) e apenas um vem com led (Mid).

Todos os novos narguiles possuem características semelhantes, no tamanho, já que os três modelos são pequenos, acompanham mangueiras, encaixe para rosh fêmea, sem a

Todos os modelos acompanham bolsa para o transporte! Saiba mais em: www.tiobob.com.br 2019/Dezembro - Hookah Brasil Experience | 21


ATENDEMOS

TODO O

BRASIL CONSULTORIA ASSESSORIA DISTRIBUIÇÃO www.cifaldistribuidora.com.br 22 | Hookah Brasil Experience - Dezembro/2019

CIFAL DISTRIBUIDORA Empresa líder em distribuição de produtos de tabacaria, com atendimento presencial e a distância, conta com uma linha de produtos com mais de 5.000 itens. Entre eles, ARGUILES e acessórios das melhores marcas do mercado.

SEJA NOSSO CLIENTE, CONSULTE-NOS!


Hookah Drink O passado voltou? Podemos observar diversos tipos de meios de comunicação. São eles: televisão, computador, rádio e outros. Porém, temos que ficar atentos aos que ficaram no passado e hoje mostram sua força em nosso meio para transmitir informação. Estamos falando sim de podcasts e revistas. Sim, essa que estamos escrevendo é um meio de comunicação que as pessoas ainda procuram informações com veracidade. Do mesmo jeito que ainda vemos pessoas nas ruas, metrô ou escritórios com seus jornais diários, ainda podemos obervar que o streaming de música e entretenimento em algumas plataformas “mobile” tem oferecido os “bons e velhos” podcasts.

jeito que buscamos informação nos diz bastante sobre como está nosso comportamento ou em que faixa etária estamos. Se você que está lendo estetexto e ainda busca informações sobre o mundo da shisha em locais como revistas, podcasts, videos e até mesmo blogs, você com certeza se encaixa em uma minoria que possivelmente irá se acabar logo. Afinal, qual o próximo passo para buscarmos informações? O futuro do nosso meio está ligado a voltar as origens em blogs e casts?

É um meio ultrapassado, se pensarmos que queremos tudo mastigado e rápido, porém é util quando vivemos em meio ao caos urbano e acorreria do dia-a-dia. O 2019/Dezembro - Hookah Brasil Experience | 23


//Novas regras

Novas regras para o jogo!

Novas regras.

Por: Sidney Gritti Fotos: Guilherme Vieira

Em um Estado democrático de Direito o povo possui participação ativa na política, elegendo seus representantes que irão lutar pelos interesses da maioria. Esses representantes são responsáveis por regulamentar os direitos e deveres da sociedade da melhor maneira possível. Recentemente nos Estados Unidos, país em que as leis e a liberdade da população inspiram muitos governantes ao redor do mundo, entrou em pauta no Senado a proibição de tabacos saborizados em uma tentativa de 24 | Hookah Brasil Experience - Dezembro/2019

frear o aumento de jovens que vem consumindo esse tipo de produto. O arguile e o “cigarro eletrônico” são os principais alvos na discussão. Como toda discussão que envolve uma lei de proibição, existem pessoas e políticos que são contra e os que lutam a favor. O movimento contra, nesse caso, foi perdendo força por lá a medida em que entrou principalmente na significância cultural que o arguile possui para famílias árabes americanas, que tem o arguile como tradição e aos que comercializam o


//Novas regras produto e detêm dessa atividade o seu sustento familiar. Um questionamento foi levantado pelos representantes de marcas de tabaco e donos de hookah coffee (no Brasil são conhecidos como lounges), porque um objeto com centenas de anos de existência, presente em tantas reuniões de negócios, jantares de família e lazer entre amigos foi chamar a atenção apenas agora? Como se tornou vilão da noite para o dia? Bom, diante das argumentações, o projeto de Lei que visava proibir acabou realmente perdendo força. No entanto aqui no Brasil, ele começa a ganhar espaço e isso preocupa especialmente quem está profissionalmente neste ramo. A proibição do consumo de tabaco no Brasil já existe há muito tempo e assim como a bebida alcoólica, o acesso só é permitido para maiores de 18 anos. Esses, considerados maiores de idade segundo a Constituição, podem tirar uma licença para dirigir, comprar bebida alcoólica legalmente, ir para prisão se transgredir as leis do código penal. O Estado rege direitos e deveres através de leis como forma de controle, uns acham que as leis são frouxas e há quem as julgue rígidas demais. Eu que não tenho conhecimento técnico para fazer uma análise detalhada, acredito que elas são boas, só não são aplicadas como deveriam. Eu que sempre tive uma visão mais conservadora nos costumes, mas

liberal quanto a influência do Estado na vida da população, vejo que muitos projetos de lei que surgiram na última década são repressivos e minam a liberdade ao invés de regulamentar. São uma espécie de atalho que busca reprovar judicialmente uma conduta a fim de acabar com o problema, porém, não é isso que acontece. Na prática, apenas passa para ilegalidade fugindo totalmente do controle e prejudicando muito mais do que antes. Existe uma PLS, Projeto de Lei do Senado, de número 769/2015 de autoria do senador José Serra que visa endurecer ainda mais as leis contra o tabagismo no Brasil, em suma, a ementa ataca principalmente a propaganda de produtos fumígenos, a saborização e aroma adicionados a esses produtos. Em uma audiência na CCJ, do dia 15 de maio de 2019, o senador José Serra apresentou argumentos e explicou detalhadamente o que esse projeto de lei pretende. Em seu discurso, ele cita principalmente os cigarros, tanto a propaganda, como os riscos que sofrem os fumantes passivos a adição de sabor aos produtos. O cigarro existe há décadas e foi se reinventando ao longo dos anos, hoje podemos encontrá-los de todas as maneiras, inclusive os saborizados, que foi mais uma das tacadas da indústria para inovar e atrair mais clientes. Por outro lado, essa PLS da forma que está expressa atinge diretamente o 2019/Dezembro - Hookah Brasil Experience | 25


//Novas regras arguile, artigo da cultura que surgiu no Oriente Médio, possui séculos de existência e se trata de UM CACHIMBO DE ÁGUA USADO PARA FUMAR TABACO FLAVORIZADO, ou seja, a definição simples já mostra que o tabaco é flavorizado, sempre foi, desde seu início entre os indianos, egípcios e persas. Uma cultura enraizada que se espalhou pelo mundo através dessas famílias que migraram por todo o mundo e hoje possuem colônias gigantescas na Europa e nas Américas. O arguile representa mais que um hábito sem sentido, ele é uma atividade social que promove conectividade entre amigos, famílias ou uma maneira de relaxar sozinho após um jantar. Apesar de não ter números concretos da movimentação econômica do ramo no Brasil, posso garantir que ele, no mínimo, triplica a cada ano. Isso porque ao longo desses anos a cultura foi se espalhando além das famílias de descendência árabe. Muitos percebendo essa demanda e a curiosidade dos novos adeptos, enxergaram uma oportunidade de negócio. Hoje são milhares de tabacarias, lounges e fabricas de arguile e demais acessórios. Especialistas e produtores ao redor do mundo passaram a ver o Brasil como um polo aquecido e muitos investem em nosso país. Para mim, como comerciante e conhecedor do mercado nacional no 26 | Hookah Brasil Experience - Dezembro/2019

ramo, sei de diversas pessoas que hoje tem o arguile como principal fonte renda e com ela sustentam suas famílias, assim como eu. Esse tipo de lei radical de proibição me soa como algo ingênuo e autoritário, que desconhece essa realidade e não leva em consideração a dimensão do estrago que ela pode trazer para milhares de famílias que perdem o sono e temem o fracasso financeiro da noite para o dia, apenas ao ver isso sendo levado ao Senado Federal. Projetos de lei são importantes, fazem parte da evolução da sociedade e quase sempre trazem benefícios, no entanto, precisam de uma estrutura detalhada, com estudo de impacto real. As pessoas que hoje dependem diretamente ou indiretamente do ramo de arguiles, estão se mobilizando e unindo forças através de uma associação, a ACIPA. Se você tiver interesse em saber mais e fazer parte desta luta a favor do Arguile no Brasil acesse a @ACIPA no Instagram. Vamos lutar pela liberdade da expressão cultural e pelo respeito a essas culturas #respeitemeuarquile. Jamais se deve matar uma cultura por não ser capaz de regulamentar e controlar o consumo dos menores de idade a esse tipo de produto. Participe, JUNTOS SOMOS MAIS FORTES


Eduardo Macário macario@hookahbrasilexp.com.br

Contribuição O ano de 2019 foi atípico para o mundo do arguile. Tivemos situações incomuns se comparado a outros anos. Para começar, a Expo Hookah não aconteceu. Esse tem sido desde seu surgimento, o maior evento de narguilé da América Latina e isso por si só já causa estranheza em quem trabalha no mercado e o acompanha de perto.

somada ao fácil acesso de produtos, aos interesses de meia dúzia de pessoas que possuem muita influência, mas sequer sabemos quem são. Ou simplesmente seja uma coincidência. Talvez tenha sido apenas um ano em que muitas coisas aconteceram e poucas foram compreendidas. Só nos resta acreditar que 2020 será um ano melhor. E há de ser.

Não obstante, quase tivemos uma proibição do narguilé no estado da Califórnia, além da aprovação da PLS729/2015 no Senado brasileiro. Além de municípios brasileiros que começaram uma guerra contra o narguilé, como por exemplo a cidade de Mogi. É difícil saber o motivo de tudo isso. Podemos atribuir ao preconceito que a sociedade tem com uma cultura secular ou à falta de informação. Também ao início de um governo mais conservador em relação aos governos anteriores, a banalização da cultura de alguns consumidores 2019/Dezembro - Hookah Brasil Experience | 27


//Conexão Hookah

Conexão Hookah Por: Roberto Jekelo Fotos: Lineu Junior

A internet contribuiu muito para a expansão deste Hobby. Tenho orgulho de dizer que tenho um grande grupo de amigos no Brasil graças ao Hookah/Narguile. Quando começamos a fumar absolutamente ninguém tinha um Instagram dedicado a carregar sua coleção de narguile. Começamos de forma diferente. No estilo americano, fomos organizados em fóruns, o que me levou a encontrar o Hookah Brasil Experience. 28 | Hookah Brasil Experience - Dezembro/2019

Um dia eu estava escrevendo um post extenso, sobre as diferentes revistas que existiam no mundo. Havia principalmente algumas revistas alemãs, mas elas não contribuiam muito para mim. A surpresa foi encontrar uma revista no Brasil, que também forneceu informações de interesse e produtos que não conhecíamos em toda a Europa. Quando subi o post, os fãs do HBE começaram a aparecer aqui na Espanha.


//Conexão Hookah

www.hookahspain.com

e acreditamos que a melhor ferramenta para se comunicar são grupos especializados no Facebook, para poder discutir com os narguileiros. O YouTube é usado como um método de propagação de uma reviews ou tutoriais em geral. Ou como o último canal de comunicação e o mais popular de todos os Instagram. Atualmente, acho que existem muitas contas de Narguile da espanha no Instagram que não fornecem conteúdo interessante. É também porque hoje aumentou muito o nível e é mais difícil se destacar do que antes.

Lineu Junior & Roberto Jekelo

Recebendo primeiro o Lineu com muito orgulho no dia em que passou por Madri. Hoje, os fóruns não são mais tão usados

Os usuários espanhóis tendem a se envolver em vários grupos do Facebook, como Hookah Passion, Revista HBE, Hookah Unbiased, Blog do Tio Bob, Hookah John’s Circle of friends ... Geralmente, assistimos ao HBE ao vivo no Facebook e ao Arguilecast. Adoro o trabalho que a equipe HBE faz! TMJ para sempre irmãos!! 2019/Dezembro - Hookah Brasil Experience | 29


30 | Hookah Brasil Experience - Dezembro/2019


2019/Dezembro - Hookah Brasil Experience | 31


32 | Hookah Brasil Experience - Dezembro/2019

Profile for Hookah Brasil Experience

Hookah Brasil Experience - 027 - Dezembro 2019  

Encerramos mais um ano. O quinto ano da Revista Hookah Brasil Experience. Com ele mais aprendizado, mais obstáculos vencidos e algumas batal...

Hookah Brasil Experience - 027 - Dezembro 2019  

Encerramos mais um ano. O quinto ano da Revista Hookah Brasil Experience. Com ele mais aprendizado, mais obstáculos vencidos e algumas batal...

Advertisement

Recommendations could not be loaded

Recommendations could not be loaded

Recommendations could not be loaded

Recommendations could not be loaded