__MAIN_TEXT__
feature-image

Page 1


2 | Hookah Brasil Experience - Maio/2018


2018/Maio - Hookah Brasil Experience | 3


4 | Hookah Brasil Experience - Maio/2018


Editorial Salve, salve meus amigos, “bora” colocar o assunto em dia? Para começar vamos de cara falar da “ressaca” e sobre tudo que rolou na Expo Hookah 2018, e diga-se de passagem, que evento hein? Foram três dias bem intensos e repleto de novidades. Aquela matéria do olhar clínico e técnico do nosso garoto prodígio Felipe Campanelli, mostrando para o consumidor toda a mutação decorrida de alguns anos chegando aos dias atuais, parabéns Campa pelo belo texto! Contaremos também com uma matéria um tanto quanto intrigante, aquele assunto que gerou certas intrigas sobre arguile tradicional. Será que ainda teremos arguiles tradicionais tais como os egípcios, sírios e turcos com aquela sua classe e glamour enfeitando nossas coleções e sessões? As clássicas e tão esperadas colunas do time dos sonhos, dessa vez escalados pelos ídolos: Gabriel Sakamoto, Eduardo “Tigre” Macário e Welton Spider Neves. Pra fechar com chave de ouro, um tempo tardio mas que enfim parece estar tomando corpo: a união faz a fumaça, que nada mais nada menos estará em essência na constituição de uma associação, está curioso né? Então aproveitem o conteúdo, pois está simplesmente fantástico!!!

Direção

Guilherme Vieira Lineu Jr. Fábio Vilariño

Colaboradores

Eduardo Macário Felipe Campanelli Gabriel Sakamoto Raphael Silveira Vinicius Gregoraci Welton “Spider” Roberto Jekelo

Projeto Gráfico Guilherme Vieira

Fotografia

Guilherme Vieira

Jornalista Responsável Sidney Gritti

Gráfica Lineu Jr.

Logística

Caio Costa

Revisão

Barbara Sales

Site

www.hookahbrasilexp.com.br

Facebook A revista HBE não se responsabiliza pelas opiniões aqui emitidas. O conteúdo de anúncios aqui publicados são de total responsabilidade dos anunciantes. O artigo 5 da Constituição Federal, assegura o direito de expressar nossas convicções e alternativas, mesmo sendo contra-hegemônicas, tanto o direito de receber quanto o de difundir informações são garantias fundamentais amparadas nos artigos 13.1 e 13.2 da Convenção Interamericana de Direitos Humanos, 19.1 e 19.2 do Pacto Internacional de Direitos Civis e Políticos e do artigo 4 da Declaração Universal dos Direitos Humanos.

fb.com/hookahbrasilexperience

Contato

contato@hookahbrasilexp.com.br

Impressão:

6.000 exemplares

CNPJ

27.337.714/0001-46

2018/Maio - Hookah Brasil Experience | 5


6 | Hookah Brasil Experience - Maio/2018


Sumário //Metamorfose Ambulante

As mudanças e adaptações para todos os gostos no mercado.

//Expo Hookah 2018

Cobertura completa do maior evento de narguile da américa latina!

pg.16 //Mais importante do que você pensa

Um leve toque sobre a higienização de seus narguiles e acessórios!

pg.20

//A união faz a fumaça!

pg.28

Os movimentos que prometem melhorar as nossas vidas daqui pra frente.

Gabriel Sakamoto pg. 13

pg.36 Welton “Spider” pg. 19

Eduardo Macário pg.15


//Espaço do Leitor

Aproveite sua sessão e registre-a. Nos envie fotos do momento “relax” do seu dia. Encaminhe fotos, textos e artigos para o endereço leitor@hookahbrasilexp.com.br

8 | Hookah Brasil Experience - Maio/2018


2018/Maio - Hookah Brasil Experience | 9


10 | Hookah Brasil Experience - Maio/2018


2018/Maio - Hookah Brasil Experience | 11


Furadores Personalizados com a sua logomarca?? NĂłs fazemos para vocĂŞ.

12 | Hookah Brasil Experience - Maio/2018


Gabriel Sakamoto sakamoto@hookahbrasilexp.com.br

Momentos que ficam na memória! Apresento-lhes uma reflexão sobre algumas situações que serão guardadas por mim e alguns amantes do universo do arguile, pois creio que isso ainda nos motiva e mantém acesa a chama pela adoração, apreciação e desejo de continuidade do nosso hobby. O Brasil ganhou muita repercussão para os demais países que possuem alto consumo e engajamento, podemos ver a exportação de diversos produtos que conquistaram o gosto do americano, europeu, do apaixonado pela shisha. Além disso, criações verde-amarelas se tornam referências para produções externas. Reconheço como grande ponto positivo que o ápice de 2018 já tenha sido o mês de março, que contou com um dos eventos mais esperados e presenças ilustres de personalidades e importantes profissionais internacionais que se somaram às grandes marcas e colaboradores brasileiros. Ressalto a participação de George Johnson, CEO da Regal

Hookah, na live promovida por essa incrível revista, contando um pouco de seu trabalho, respondendo perguntas dos mais variados leitores e também apreciadores da marca. Sem contar a oportunidade de poder conhecer pessoalmente John Naddour, criador de diversos produtos inovadores e de altíssimo nível. Quem esteve presente pode perceber o respeito máximo dele com nosso país, nossa forma de apreciar uma boa shisha. E se for pra falar de batalhas, nada melhor que citar todo o time da Hookah Battle, que realizou sua 2ª edição na América do Sul, e mais uma vez São Paulo foi escolhida como sede para esse evento de grande importância mundial! Espero que você possa imaginar o quanto isso vale para um apaixonado pelo arguile. Que mais “gringos” possam ser abraçados e abrasileirados em nossos eventos, lives, programas e sessões. Por dias de mais felicidade pura, admiração pelo que esse mundo pode proporcionar de momentos fantásticos. Não é um texto fantasioso, mas sim para que possamos nos deliciar por alguns minutos das coisas boas que a shisha nos traz. Que saudade estava dessa coluna, desculpas pelo meu sumiço. Vocês são incríveis, tamo junto!

2018/Maio - Hookah Brasil Experience | 13


14 | Hookah Brasil Experience - Maio/2018


Eduardo Macário macario@hookahbrasilexp.com.br

Vale a pena pagar caro num arguile? Todos os dias quando entro no Facebook, vejo diversas publicações nos grupos de arguile sobre “E aí galera, o que acharam do meu setup?” ou “Alguma sugestão pra melhorar meu arguile?”. Geralmente são arguiles em perfeitas condições, mas sempre surgem algumas respostas como “Coloca uma Boho Ruby” como se fosse tão simples quanto ir à padaria comprar um pão. E foi numa dessas que parei pra pensar: será que vale mesmo a pena gastar dinheiro com um arguile caro? A resposta é: DEPENDE! Vejo uma ordem de relevância e prioridades para se atentar, antes de gastar dinheiro com algum acessório muito premium. Antes de tudo o arguile te proporciona uma boa sessão por 2 principais motivos: o preparo e a ocasião. Um arguile bem preparado não precisa ser bonito pra ser prazeroso de fumar. A ocasião na qual se fuma, seja sozinho ou com os amigos, também é totalmente relevante. Isso são

coisas que não demandam um alto investimento de dinheiro, e por isso devem ser os principais pontos quando pensamos no que melhorar em nossa sessão. Não adianta ter um arguile de R$2.000,00 se não souber como utilizá-lo ou se não tiver prazer em acendê-lo. Claro que têm aquela parcela de fumetas que gostam de ostentar um arguile que tiveram dificuldade em conseguir e acho válido, desde que não desmereça aqueles que não tiveram a mesma oportunidade e condição financeira. Ter um arguile caro é apenas a cereja do bolo: só fica mais bonitinho e dá mais vontade de comer quando você olha, mas o gosto do resto do bolo vai ser o mesmo. Gaste dinheiro com arguile apenas se não for lhe fazer falta. Vai te trazer uma realização pessoal de conquista. Mas caso possa te dar uma dica, se apegue ao valor das coisas, o valor é muito mais importante que o preço.

YOUTUBE.COM/ARGUILECAST

ARGUILECAST

2018/Maio - Hookah Brasil Experience | 15


//Evolução

Metamorfose ambulante Por: Felipe Campanelli

Fotos: Guilherme Vieira

16 | Hookah Brasil Experience - Maio/2018


//Evolução Metamorfose seria evoluir, transformar, mudar de forma, possibilidades e limites, e vejo há algum tempo, essa metamorfose acontecer com o ator principal de nossas sessões! Nos países mais distantes, o arguile é basicamente um cachimbo d’água, um tubo central para passagem de ar, água para resfriar, um queimador e tabaco. Mas o público brasileiro é um público muito variado e receptivo, cheio de gostos e preferências, e nosso mercado tenta oferecer sempre um diferencial para o consumidor, buscando algo diferente, que não se vê em outros

Respiro do Marajah Umbrella.

arguiles, sendo esta uma mudança funcional, estética ou dos materiais utilizados. Isso se vê nos arguiles que encontramos por aqui, arguiles com centrais rosqueáveis, podendo aumentar ou diminuir o comprimento da peça, outros com mais válvulas de respiro, para aumentar a funcionalidade ou o próprio respiro, ser encontrado em um local incomum no arguile, como, abaixo do encaixe de rosh (Marajah umbrella), arguiles com a central giratória, arguiles com corpo em madeira, metal, acrílico, vidro, arguiles com designs pensados para impactar até o mais exigente. Em três anos o arguile no Brasil tomou uma proporção estratosférica, uma enorme evolução na verdade. Um hobby e um mercado que antes era apenas para os já habituados ou famílias originárias das raízes do arguile, hoje se vê em todos os bairros, uma enorme variedade de produtos, pontos de venda, fumantes e até sites renomados. Posso dizer que o arguile no Brasil passou por uma metamorfose muito grande, e ainda tem muito para evoluir, creio que apesar dos pesares, somos um dos que mais valorizam, investem e utilizam do arguile no dia a dia, e com isso, contribuímos cada vez mais, para o crescimento do hobby, a criação de novos produtos e aceitação dos não fumantes. 2018/Maio - Hookah Brasil Experience | 17


18 | Hookah Brasil Experience - Maio/2018


Welton “Spider”

era bacana todo esse processo, porém na época, nervos à flor da pele (hahahaha).

De uns tempos pra cá, nosso mercado vem crescendo, tomando notoriedade nesse mercado, a vinda de novos sabores, novas marcas, fez Somos bons mesmo? esse mercado abrir cada vez mais Olá meus caros amigos, tudo bem? espaço, viramos referência quando o assunto é formulação de sabores. Hoje gostaria de falar sobre essa Desde 2014 algumas marcas levam enxurrada de fumos e novos sabopessoas daqui, para formular, exres em nosso mercado, o que acham perimentar e criar novos sabores, disso? Bom? Ruim? Somos imporsabores do qual são específico para tantes? Ou Apenas uma oportunida- nosso mercado, particularmente já de de negócio? faço isso há 4 anos, uma viagem por ano a convite de alguma marca, Tão, tão distante... num passado para levar a nossa tendência de de uma década aqui no Brasil achar mercado, o que irá fazer sucesso em fumos já não era uma coisa fácil, nosso mercado. Isso não é uma funtinham lugares específicos. Em ção fácil, demanda muito trabalho e São Paulo por exemplo, Brás, 25 de dedicação... e muita percepção de Março, e alguns lugares chave, onde mercado, mas tem dado muito certambém não havia opções, (pode to, “Obrigado”. ver que nem falei ‘Muitas opções’) porque era feio mesmo, se achava E vocês o que acham disso? EstaNakhla, Afzal, Al fakher, Al Masah mos sendo ouvidos e visto? Ou apee Prince Molasses, sempre pouco nas uma oportunidade para essas sabores, e sem muita variedade, empresas? Deixe aqui sua opinião, desde essa época, pesquisava cada tenho certeza que será um bom devez mais sobre o assunto, procurava bate! sites “Gringos” para tentar trazer algo diferente, ali começava uma Abraços e até a próxima! Odisseia. Comprar algo no escuro, sem ao menos imaginar como poderia ser, e depois ainda ficar esperando, será que vai chegar? Enfim, hoje vejo isso com muito saudosismo, spider@hookahbrasilexp.com.br

2018/Maio - Hookah Brasil Experience | 19


//EHB 2018

Expo Hookah Brazil 2018 Por: Lineu Junior Fotos: Guilherme Vieira

E aí pessoas, tudo bom? Começo a matéria fazendo três perguntas em uma, aos que foram ao EHB18 o evento foi bom, foi legal, você gostou? No meu ponto de vista, foi excelente! Houve erro da organização? Sim! 20 | Hookah Brasil Experience - Maio/2018

Houve um choque quando chegaram ao evento e descobriram que não poderia fumar em determinados locais? Sim! Houve decepção ao descobrirem que não haveria degustação de tabaco? Sim e sim! Não posso dizer que o evento foi perfeito, porque não foi. Como disse diretamente à organização, houve falhas, faltaram comunicados e


//EHB 2018 de tabaco, a lei é Federal e rígida: é proibido todo e qualquer tipo de propaganda de produtos fumígeros de acordo com a Lei 10.702/2003 (Lei Ordinária) de 14/07/2003. Logo, desde sempre (eventos de arguile) é proibido o open e propaganda, principalmente de marcas que chegam ilegalmente ao Brasil, nesse ponto, são dois crimes. A meu ver o maior erro da organização foi não informar com mais clareza que o open de fumo não seria feito ou até mesmo permitido, tanto para visitantes do evento como para os expositores. Fora isso, tem muito chororô por uma coisa que todos sabemos ser errado e pela proporção que o evento tomou, era iminente essa fiscalização, até demorou.

Stande do Tio Bob na Expo Hookah 2018.

clareza em alguns pontos, e tudo isso gerou um tumulto tremendo no backstage a ponto de quase o evento não acontecer. Aos poucos as histórias e resultados (positivos e negativos) oriundos daquele dia “D” aparecerão. Vou falar um pouco do ponto principal de toda a “confusão”, o open. Todos sabemos que é proibido esse tipo de distribuição, por se tratar

Enfim, toda a parte de fiscalização e burocracia ficaram para os dias que o evento era fechado para lojistas, em teoria, pois muitos lojistas levam amigos (não lojistas) nesses dias. Um grande erro! O evento correu muito bem, tinha uma grade separando a parte dos stands e a parte aberta em que era permitido fumar, com entrada e saída, seguranças de olho para garantir que ninguém entrasse com o arguile aceso ou até mesmo carvão e tudo mais na área que ficou proibida para fumar. 2018/Maio - Hookah Brasil Experience | 21


//EHB 2018

Stand da Predator, Stick Hookah, Sins Premium Pipes, Hookah Premium, Cocoprime e Nay.

Sinceramente, não posso dizer se em números, foi um evento tão bom quanto o do ano passado, por exemplo, não sabemos quem vendeu mais ou menos com essa modalidade de evento de exposição. Só desciam aos stands quem realmente queria comprar algum produto, ou estava curioso pelas novidades, ou rever amigos que trabalham nas empresas. Esse ano, mais do que nunca, os stands estavam com padrão internacional, o que vem sendo uma crescente no nosso meio, infelizmente sempre tem uns dois ou três que destoam e apelam para um lado não muito elegante, seja por 22 | Hookah Brasil Experience - Maio/2018

ser vulgar demais ou por achar que está numa competição de quem toca o som mais alto. O evento contou com diversas novidades e estreias, como por exemplo, nossos parceiros da Sins Premium Pipes que estavam presentes pela primeira vez no evento num stand magnífico juntamente com Predator, Stick Hookah, Hookah Premium e o carvão Coco Prime. Sins mostrou seu arguile Fury, um show a parte; Predator com a embalagem especial para a copa do mundo com as cores do Brasil; Hookah Premium com o seu novo rosh Tech Bowl e a Stick Hookah que estava com seus tapetes nas mais diversas cores, inclusive novidades. Uma coisa


//EHB 2018

Nox Pipe.

que chamou atenção foi a Stick Hookah junto com a Sultan, criaram o Nox Pipe, uma piteira higiênica pessoal em aço inox que vem com uma pequena corrente para você usá-la com todo estilo e ainda se proteger na hora de fumar e dividir a mangueira, ideia que merece os parabéns! Vale ressaltar que o Tio Bob, Dom Hookah e alguns outros estavam dando de brinde piteiras descartáveis, uma bela iniciativa que realmente tem que ser vista e apreciada por todos nós.

Regal Hookah Pince Eye Diamond.

Sempre com uma variedade monstruosa de itens exclusivos e importados estava novamente logo na entrada com um stand muito bem montado e dividido o Tio Bob, para os que foram até a parte da Regal, viram novidades e alguns ainda tiraram foto com o George Jonson, dono da marca, simpatia em pessoa. Mais uma vez a Wookah marcou presença com novidades que beiram o absurdo da beleza, Oduman e Meduse com todo o brilho que o vidro proporciona, algumas marcas brasileiras e o carvão Tom Cococha que está vindo forte com o cubo C26. Ao lado do TioBob estava outra turma forte, Brasuka com o lançamento “The Best”, inclusive vimos alguns da cor prata perdidos por lá, parece que teremos essa novidade no nosso mercado em breve, merece inclusive os parabéns, estamos observando o pessoal ter orgulho novamente de mostrar seus setups

Dani Russo.

2018/Maio - Hookah Brasil Experience | 23


//EHB 2018

Vencedores do Hookah Battle 2018. Esquerda para direita, Ronaldo Reis, Wagner Uhlman, Fabiano Ramos.

não usinados. Amazon, Artcoco e claro a sempre presente Mazaya, fecharam o time. Mazaya que de forma discreta e legalizada apresentou seus novos sabores sensacionais. Esse time não ficou por conta apenas dos produtos, eles levaram a blogueira e funkeira Dani Russo que movimentou a molecada pra frente do stand pra cantar com ela. Tinha lançamento da Luna com vasos lapidados e com detalhes em ouro, Sued com novos produtos, DS Hookah com novo modelo de Rosh, Carvão Arra, Marajah Arguiles com seu lançamento Umbrejja, arguile 24 | Hookah Brasil Experience - Maio/2018

com respiro diferente do padrão e que foi usado para conseguir o segundo lugar no 2º Hookah Battle South America, com certeza uma grande honra. O Hookah Battle está começando a tomar forma aqui no Brasil, o pessoal começou a entender o espírito da coisa, tanto que dessa vez emplacamos o primeiro lugar com um arguile que parecia um pequeno tronco de árvore, segundo lugar com o Wagner da Marajah que além da novidade do respiro contou com um mix considerado maravilhoso pelos júris e o terceiro lugar com o HookahBoy e seu arguile de madeira artesanal, esse que ano passado


//EHB 2018

Narguile artesanal vencedor do Hookah Battle 2018.

já ficou em terceiro lugar. A grande novidade para o campeão dessa vez foi que o brasileiro Ronaldo Reis ganhou como prêmio um valor para ir viajar e participar do Hookah Battle na Alemanha. A Zomo que era a patrocinadora máster do evento, quase fez um evento particular dentro do evento, com shows de MC Lan e Hungria Hip Hop, que levou a galera a loucura com uma mensagem de aproximadamente seis minutos que remeteu muito ao real intuito do arguile para nós, amizade e claro de família!

"Um evento dentro do evento".

Obviamente essa matéria é apenas um panorama do que aconteceu no sábado de evento aberto ao público, só quem esteve lá vai saber. Para finalizar, dou os parabéns a HookahFriends que mais um ano surpreendeu na grandiosidade do evento e também o puxão de orelha por conta de alguns detalhes que deixaram passar e acabou gerando toda essa onda de reclamações, tanto dos visitantes que queriam open e não tinham, como os distribuidores que queriam dar open (sempre frisando, sabendo ser ilegal), vale observar que alguns 2018/Maio - Hookah Brasil Experience | 25


//EHB 2018

Galera curtindo a Expo 2018.

reclamaram de algumas coisas na sexta-feira e no sábado estavam fazendo exatamente o contrário do que disseram na sexta, pessoal tem que ter um pouco mais de consciência e ser menos hipócrita. O evento funcionou e foi ótimo, o fato de não poder fumar ajudou muito, pois os stands não ficavam entupidos de gente só fumando e atrapalhando venda. O fato de não ter open logo de cara já cortou a parte mais podre e nojenta desse meio, os fumeirinhos que vão a eventos apenas para roubarem essências, alumínios e carvão. Ótimo não ter que se preocupar com esse tipo de gente. 26 | Hookah Brasil Experience - Maio/2018

Para finalizar, parabéns às empresas que montaram seus stands para apresentar novidades, a grande maioria estava lindo e com novidades bacanas. Parabéns a quem foi e entendeu como serão os eventos daqui pra frente, parabéns a todos que fizeram o evento acontecer da melhor maneira possível, superando até mesmo os mais otimistas. Confira algumas fotos do evento em nossa página do Facebook. Esperamos que ano que vem tenha evento de novo, e se tiver, estaremos lá! Abraços!


2018/Maio - Hookah Brasil Experience | 27


//Saúde

Mais importante

do que você pensa Por: Pombo de Adão Fotos: Guilherme Vieira 28 | Hookah Brasil Experience - Maio/2018


//Saúde Sabe quando você vai lavar sua stem, que ficou parada e sem lavar por 37 dias, e sai aquela aguinha salobra, quase preta, não fossem os pedacinhos de mofo? Falando em mofo, e aquele monstrão (que mais parece uma gosma protagonista de filme de terror lado B do cinema em casa) que aparece no vaso depois que você deixa ele com água e melaço lá no canto do seu quarto e só encosta nele de novo duas semanas depois? Se você sabe do que estamos falando, então você é um nojento do caralho e precisa aprender mais sobre HIGIENIZAÇÃO. “Porra, pombetas, é sério que vocês vão dedicar uma matéria inteira para falar como a gente deve limpar nosso nargos? Tão de palhaçadinha?” Não, não é isso! Estamos aqui com o

Vias respiratórias.

único objetivo de: alertar sobre os problemas que a falta de higiene pode desencadear e trazer de malefícios para sua sessão. Como nosso querido nargos funciona não é mais segredo para os leitores dessa cremosíssima revista. Mas vamos aos fatos: o carvão, que está completamente aceso, entra em contato com o alumínio, que faz uma ponte de calor entre o carvão e o fumo. Com o calor, a essência age de forma a liberar algumas substâncias, tais como a nicotina, além dos aditivos que foram acrescentados ao tabaco para que se

tenha um aroma e sabor agradáveis. Dada a reação, como acontece com tudo que queima, a nossa amada fumaça vem à tona. E quando puxamos pela mangueira, o fluxo de oxigênio faz com que o calor se intensifique, e mais fumaça é liberada. Essa fumaça (quente que só a desgraça, diga-se de passagem) passa por toda a stem, é resfriada na água para que não chegue em nossa glote com alta temperatura e a queimemos, e finalmente chega a nossas vias respiratórias, para nosso deleite. Pois bem, quando você é um porco nojento descuidado e acaba

2018/Maio - Hookah Brasil Experience | 29


//Saúde

Sistema digestivo.

esquecendo seu arguile sujo, parado por muito tempo (as vezes dá preguiça, tamo ligado como é), o que acontece: a exposição constante e a longo prazo dos componentes da essência (mais especificamente, o melaço) acaba gerando vida. Mas venhamos e convenhamos que não é o tipo de vida dos mais maneiros, pois estamos falando de MOFO. Para que esse meninão cresça, basta apenas que haja UMIDADE, e a temos em quase TODOS os lugares do nosso arguile. Temos melaço por quase toda a stem,

uma boa quantidade de água no vaso, que nem sempre conseguimos tira-la totalmente, uma pequena parcela na mangueira, e pronto, é como se o mofo fosse no programa do Gugu e ganhasse uma casa nova, que atende à todas as suas necessidades para evoluir. Tendo isso em mente, além do funcionamento do arguile em si, imagine o seguinte cenário: você monta seu rosh para fazer aquela sessão depois de um longo e cansativo dia de trabalho, porém rola uma preguiça de lavar seu setup, que

30 | Hookah Brasil Experience - Maio/2018

está parado há alguns dias. “Ah, dá nada isso aí, tio!”, pensa você, fumeteiro vacilão querido. Mas dá. Dá pra caralho! Pois o mesmo processo vai acontecer, com a presença do mofo ali. Então, quando a fumaça quente passar pela stem, ela não vai passar apenas pelo metal. Ela vai passar também pelo mofo. O mesmo serve para a água, onde vai rolar a maior concentração dessa nojeira. Assim junto com a fumaça várias impure-


//Saúde zas vêm também e ao tragar a fumaça, você dá a liberdade dessas impurezas passearem livremente pelo seu sistema respiratório, podendo causar doenças encarniçadas. E não é só o mofo o grande vilão, de acordo com matéria publicada no site do Ministério da Saúde, a água parada também pode trazer grandes riscos à sua saúde, pois ela pode ser um meio de transmissão para diversas outras doenças, além da dengue, que é infelizmente mais popular. Estamos falando de hepatite, diarréia, gastroenterite de origem infecciosa ou outras doenças diarréicas e infecciosas intestinais. “Ah, mas eu não trago a fumaça, truta!”. Mas é aí que você se engana, pois tragamos SIM. No caso do arguile, rola uma parada que se chama DIRECT LUNG HIT (“Impacto direto nos pulmões”, em tradução livre). Temos

Mofo.

essa impressão de que não tragamos por não ser a mesma sensação do cigarro, mas a maneira de se tragar é diferente. Com o cigarro rola o MOUTH TO LUNGS (“Da boca para os pulmões”), aonde a gente armazena a fumaça na boca e depois “engole” ela. Então a sensação é diferente, mas ainda assim tragamos a fumaça quando fumamos arguile. E não é pouco. Ou você realmente acha que toda aquela fumaça que você solta cabe na sua

boca?! (Pode ser que você consiga realmente armazenar muita coisa na sua boca, mas aí é assunto pra outra matéria, pra outra revista!) Deu para ter uma noção de que ser porco e não lavar seu setup pode dar ruim, né?! Além da limpeza do setup, um bom armazenamento de suas essências também pode te salvar. Lembra da umidade que falamos? A essência tem DE SOBRA, por conta do

2018/Maio - Hookah Brasil Experience | 31


//Saúde

Piteiras descartáveis.

melaço, então procure guardar seus fumos em algum lugar seco, num pote ou embalagem bem lacrados, para evitar esse problema.

uma piteira plástica descartável (quem é das antigas vai lembrar que na embalagem antiga da famigerada Afzal vinham duas piteirinhas nesse estilo) Um outro tipo de higie- assim tendo mais ne e proteção é o uso higiene e proteção, de piteiras próprias pois nunca se sabe se para fumar em arguiles a outra pessoa está de terceiros, junto com doente, com algum tipo seus amigos ou pesde corte na boca ou até soas desconhecidas. É mesmo aquele seu amiuma prática que está go babão, que parece em crescimento no Bra- um bebê de 7 meses sil, mas que sempre foi fumando. Aqui no Braalgo padrão no resto do sil, felizmente, o uso mundo. No exterior, ao das piteiras está aufrequentar algum loun- mentando mais e mais. ge ou restaurante que Mas diferente do resto tenha serviço de argui- do mundo, o brasileiro, le, cada pessoa recebe sendo o mestre supre32 | Hookah Brasil Experience - Maio/2018

mo da gambiarra, “inventou” um novo tipo de piteira: basta você pegar aquela mangueira sua de silicone e cortar 2 dedos. Assim colocar num cordão (aqueles de pendurar chaves) no pescoço e desfrutar das piteiras. Algumas marcas estão fazendo os cordões personalizados como uma forma de divulgação, já que a prática está em ascensão. Outras foram mais além, fazendo a piteira em si com materiais totalmente diferentes e com a exposição da marca na mesma, que


//Saúde

é o caso da parceria da Stick Hookah e Sultan Hookah, a NoX Pipe. Trazendo a preocupação com a proteção e um conceito de beleza ao produto, ela se diferencia por ser de materiais atóxicos, a piteira é composta por aço inox e a corrente em aço cirúrgico, também uma mini escova para lavar a parte de dentro da piteira (também em aço inox). Essa prática é uma das melhores coisas que aconteceu em nosso mercado nos últimos anos. Isso também ajuda a combater as mentiras da mídia sobre doenças pesadas de boca e língua. Mostrar que nos importamos com nosso hobby e queremos passar a melhor imagem sempre.

Então, pare e pense bem antes de fumar naquele seu setup encostado, pois além de prevenir uma série de problemas, você ainda ajuda a imagem do arguile ao não vincular nosso hobby gostoso às doenças que podem fazer com que você estique as canelas! Fontes: https://goo.gl/8u9Q3i

Piteiras higiênicas pessoais.

2018/Maio - Hookah Brasil Experience | 33


//Tendência na Espanha

Veremos modelos tradicionais algum dia novamente? Por: Roberto Jekelo

Muito tempo sem novos modelos de narguiles feitos na Turquia, há alguns meses Julyano lançou o seu novo El Nefes Nefer, fiquei muito feliz de ver um novo modelo de arguile tradicional turco. Enquanto o mercado turco tem focado em fazer narguiles 34 | Hookah Brasil Experience - Maio/2018

modernos, es�lo alemão e arguile de cristal no puro es�lo Oduman. Perdi toda a esperança de ver novamente as beldades de latão com sua magnífica ornamentação gravadas no metal, ao redor de todo o seu "corpo". Os amantes da tradição com certeza irão lembrar o brilhante niquelado do


//Tendência na Espanha cem do mercado, o que foi feito agora 5 ou 6 anos o el Nefes Vezir que era um este�camente semelhante ao Elmas 639, esse modelo �nha um charme único e é uma pena não con�nuar a desfrutar sua beleza já que supostamente os moldes deste arguile foram perdidos. Todos os avanços geralmente ofuscam os que precederam, assim quero chamar os leitores da HBE para não se esquecerem dos arguiles tradicionais e podermos con�nuar a expandir nossa coleção com novas peças das maravilhas e únidas obras arte. Viva os arguiles tradicionais!

Produção de narguiles tradicionais.

Elmas, esses narguiles fêmeas sem respiro e uma infinidade de marcas com desenhos que faziam sua mente viajar de sua sala de estar para a Anatólia, região da República da Turquia, conhecida como Ásia Menor, ou até mesmo sen�r-se em Istambul. Às vezes, há modelos que desapare-

El Nefes Vezir.

2018/Maio - Hookah Brasil Experience | 35


//Papo Cabeça

A união faz a fumaça! União.

Por: Sidney Gritti Fotos: Guilherme Vieira

As feiras voltadas para o público amante do arguile vem sofrendo, principalmente nos últimos dois anos, com as adequações exigidas por diversos órgãos regulamentadores que regem o uso e comercialização dos produtos presentes neste meio, em especial a ANVISA. Vemos cada vez mais organizadores de eventos frustrados e

desencorajados a promover esses encontros que aproximam todo público dos produtores de conteúdo, ícones do ramo aos fabricantes, para os mais fanáticos. A exemplo das grandes feiras em território nacional que vem sofrendo com essa regulamentação, podemos citar o caso de Maringá e São Paulo, talvez as

36 | Hookah Brasil Experience - Maio/2018

maiores do país e que pagaram um alto preço por tentar proporcionar ao público um maravilhoso encontro de marcas, consumidores e lojistas. Os organizadores realmente se empenham e junto das marcas conseguem promover um espetáculo de profissionais, mas que não condiz no amadorismo das marcas quando se trata de leis.


//Papo Cabeça

Estrutura internacional.

Em vários artigos que escrevi, citei a velocidade em que as coisas aconteceram para o arguile no mercado nacional, inegável que hoje temos produções de arguiles e acessórios que podem ser vistos como referência e uma infinidade de marcas internacionais enxergando o Brasil como uma verdadeira potência. Os produtos chegam às fronteiras aos montes e 90% do que está na casa do consumidor burlou alguns artigos na constituição. Julgo irresponsável a tamanha falta de visão futura, afinal, não precisa ser um gênio para saber que todo esse comércio a margem das leis cres-

cendo em ritmo chinês uma hora iria despertar os olhares das autoridades. E essa hora demorou mas chegou. Não é de hoje que eles estão batendo em nossa porta, o evento em Maringá já sofre há dois anos e a mania de empurrar com a barriga encontrou uma

barreira intransponível. A gota d’água se deu na Expo Hookah Brazil, em São Paulo, nos dias de exposição para lojistas, além do público cadastrado pelo site do evento, compareceram também os órgãos responsáveis pela fiscalização/regularização. Os primeiros dois dias ficaram marcados por toda essa fiscalização, marcas sendo notificadas, multadas, fiscais sem preparo e cada um com uma interpretação da lei, o clima fúnebre foi inevitável. Para muitos ali presentes, a ficha caiu ali na hora, e quem depende

Maringá Hookah Festival.

2018/Maio - Hookah Brasil Experience | 37


//Papo Cabeça

desse ramo para pagar suas contas, diante daquela tensão teve que buscar uma solução. Inicialmente para sanar as necessidades mais urgentes e a feira continuasse sem descumprir as ordens legais, um grupo encabeçado duas potências no ramo do tabaco (pena não ter a foto dessa reunião), procurou restabelecer a ordem e atender a exigências pontuais. O sucesso dentro das condições em que se encontrava a situação foi alcançado, mas não era suficiente, o verdadeiro problema ainda persistia e o cercea-

os demais envolvidos responsáveis pela movimentação do mercado. A associação evidentemente contará com sócios interessados em regularizar a comercialização dos produtos, estes deverão contribuir com uma quantia mensal que será revertida no cusNotificações foram distribuídas. teio de profissionais especializados que mento das feiras, bem irão assessorar todo o como da comercializagrupo com as medidas ção e consumo ainda jurídicas e administraestava ameaçado. Dian- tivas corretas e viáveis te das adversidades em para o bom andamento que nos encontrávamos dos negócios. o olhar desanimador contagiante deu lugar a Confesso que estou uma ideia que começa- animado com o prova a ser costurada ali. jeto, ele ainda engatinha, mas temos pressa A oportunidade era e já marcamos várias ideal, os principais foreuniões para começar mentadores do arguile a executar o quanto brasileiro estavam reu- antes, porém a base nidos e numa conversa de uma associação conjunta surgiu o plano é a união, portanto é de unir forças em prol imprescindível que as da solução. Basicamen- partes interessadas te e de maneira resucomprem a ideia e nos mida, o plano consiste ajudem a ir em frente, em formar uma frente conquistar a liberdarepresentativa para de de poder trabalhar lojistas, fabricantes, dentro de todas as leis, importadores e todos fumar e ser feliz.

38 | Hookah Brasil Experience - Maio/2018


O D MUN

EXPE

O

E T N E RIM BO O I T #

B

F�e�� �rá�i� p�r� tod� Bra���*

Só o maior site de narguile traz para você o mundo e ainda oferece: Todo o site em até 12x sem juros no cartão As melhores marcas nacionais e mundiais Televendas rápida e descomplicada (11) 94800-6646

Atacado

Expo Hooka

Temos os melhores produtos, variedade se preços im batíveis!

h Brasil 20

18

sil 2018

h Bra o Hooka

Exp

Solicite n ossa tabela pe lo e-mail : atacado@ tiobob.co m.br

WWW.TIOBOB.COM.BR Central de Atendimento

(11) 2702-2192

/sitetiobob /tiobobcampinas

@tiobobnarguile 2018/Maio @tiobobcampinas

*Promoção valida até junho, - Hookah Brasil Experience | 39 confira regulamento no site.


40 | Hookah Brasil Experience - Maio/2018

Profile for Hookah Brasil Experience

Hookah Brasil Experience - 019 - Maio 2018  

Salve, salve meus amigos, “bora” colocar o assunto em dia? Vamos falar da “ressaca” e sobre tudo que rolou na Expo Hookah 2018, e diga-se d...

Hookah Brasil Experience - 019 - Maio 2018  

Salve, salve meus amigos, “bora” colocar o assunto em dia? Vamos falar da “ressaca” e sobre tudo que rolou na Expo Hookah 2018, e diga-se d...

Advertisement

Recommendations could not be loaded

Recommendations could not be loaded

Recommendations could not be loaded

Recommendations could not be loaded