Issuu on Google+

Unsere Pilzen ∆≈ΨΩφ

“Унзере Пилзен (Unsere Pilzen), a apostila dos fungos” ∆≈ΨΩφ


Índice: 1 - O que são fungos 2 - Efforyables 3 - Yummys 4 - La santés 5 - Micorrizas


1 - O que são fungos Os fungos são seres vivos eucarióticos e apresentam um conjunto de características próprias que permitem sua diferenciação das plantas. Os fungos são ubíquos, encontrando-se no solo, na água, nos vegetais, em animais, no homem e em detritos, em geral. O vento age como importante veiculo de dispersão de seus propágulos. Há três tipos de fungos: leveduras, bolores e cogumelos. 

Leveduras  Apresentam-se caracteristicamente sob forma unicelular. As primeiras leveduras descobertas estavam associadas a processos fermentativos como o de pães e de mostos que provocam um aumento da massa do pão ou do volume do mosto pela liberação de gás e formação de espuma nos mostos.

Bolores  O bolor ou mofo é uma designação dada a fungos filamentosos que não formam estruturas semelhantes a cogumelos. Eles vivem principalmente em lugares úmidos e escuros. Bolores crescem sobre pão velho, frutas podres, couro, madeira, papel e muitos outros materiais. Certos tipos de bolores podem causar mal à saúde humana. No entanto, algumas espécies desses fungos são benéficas, sendo muito utilizadas na produção de queijos, como o gorgonzola, e em medicamentos, como a penicilina.


Cogumelos  Cogumelos são frutificações dos fungos. É o maior tipo de fungo, dentre seus tipos.

Dicionário:

Eucarióticos Que possuem carioteca, uma membrana que separa material genético do citoplasma. Ubíquo Que está ao mesmo tempo em toda parte. Propágulo Estrutura que se desprende de uma planta adulta para dar origem à uma nova planta Mostos Sumo do suco proveniente da uva. Filamentosos Que possui filamentos. Penicilina Remédio trouxa com ações antibacterianas.

Há três classificações de fungos: Efforyable, Yummy e La Santé.


Confira suas definições abaixo:

2 - Efforyables Efforyables são fungos prejudiciais a saúde por quem os ingere, toca ou ao menos chega perto. É possível se infectar facilmente, no processo pelo qual o fungo se instala no corpo de um humano por três sentidos: tato, olfato e paladar.

Exemplos de efforyables:

Noir savoureux: cogumelo de coloração escura, muito perigoso. Após o ingerir, por ter movimentação e escolha própria, ele lança suas hifas no estômago da pessoa que o engoliu; suas hifas contêm espinhos que perfuram o estômago, possibilitando sua saída. Semences enivrate: cogumelo amarronzado, que tem um círculo enroscado em seu suposto caule. Ao ingerir este cogumelo, ele irá se trancar sobre sua garganta, fechando a passagem de ar, assim matando a pessoa asfixiada. Reperée point: fungo aéreo. Sua intoxicação é contraída através do contato com a pele. Após isso, uma doença chamada Marc'd reperée invadirá seu organismo, fazendo-o parar lentamente. A vítima morre em duas semanas se não houver tratamento.


Lettres nasales: fungo transmitido pelo ar, através de aspiração nasal. Após aspirá-lo para dentro de seu organismo, lá ele se instala como um hospedeiro. Vai fazendo seu organismo parar lentamente. A vítima começa a perder sangue, criar manchas de pele, infecções urinárias e etc. Uma vez infectado, sempre infectado. Há tratamento para levar a vida tranquilamente, mas sem o tratamento a morte pode vir a qualquer hora.

3 - Yummys Os yummys são fungos usados na gastronomia; em grande parte são cogumelos. Eles causam sabores diferentes em várias comidas.

Exemplos de yummys:

Boletus edulis: é consumido principalmente na Europa. Seu píleo (chapéu) varia de 7 a 30 cm e seu talo de 8 a 25 cm, com até 7cm de diâmetro. Seu efeito gastronômico é uma leve e saborosa ardência. Sua boca arde, mas a ardência não incomoda tanto. Hiratake muschers: de sabor acentuado, e textura diferente de outros cogumelos e propriedades terapêuticas. O Hiratake, depois de ingerido, causa uma sensação de calma e alívio por exatamente duas horas. Tem gosto doce, usado muito em tortas e bolos. Agaricius blazei: é um cogumelo azedo usado para dar um gosto especial nas comidas. Ele causa uma sensação de azedume e gostosura a cada mastigada, junto com a


comida. Se usado em alta quantidade, pode levar a infarto.

4 - La santés La santés são fungos medicinais. São utilizados para tratar várias doenças, ferimentos e intoxicações. São o oposto dos efforyables.

Exemplos de La santés: Ditamno: fungo usado para a fabricação de essência de ditamno, que cicatriza qualquer tipo de corte, elevando uma fumaça esverdeada. Tal fungo também pode ser comido diretamente para a cura de ferimentos externos. Tiret: é um fungo aplicado nas veias de pacientes com paralisias em algumas partes do corpo, causadas por feitiços ou lesões. Pode ser ingerido junto com folhas de eucalipto, para ajudar contra a má-indigestão.

Pôle polichinelle: é um fungo usado na poção esquelesque. É um fungo de crescimento usado muito em plantações, fazendo as plantas se desenvolverem com mais facilidade. Este fungo é dificilmente encontrado. Natural da ilha dos açores. Pode ser encontrado em diversos lugares do mundo, mas ainda assim raro. Seu nome mais comum é “pôle”.

5 - Micorrizas


Micorriza, ou micorrhyzum, é uma associação mutualística do tipo simbiótico, existente entre certos fungos e raízes de algumas plantas. As micorrizas formam-se quando as hifas (raízes dos fungos) de um fungo invadem as raízes de uma planta. As hifas vão auxiliar as raízes da planta na função de absorção de água e sais minerais do solo, já que aumentam a superfície de absorção ou rizosfera. Deste modo, as plantas podem absorver mais água e adaptar-se a climas mais secos. Resumidamente, esse processo é uma troca de substâncias recompensadoras entre fungo e planta.


Unsere pilzen