Issuu on Google+

PESQUISADORES CRIARAM MÉTODO PARA SE COMUNICAREM COM FORMIGAS A PARTIR DA PEDRA DE ROSETA. ʥ

CONFIRA A ENTREVISTA EXCLUSIVA COM CATHERINE VANBLUT, A BRUXA SEQÜESTRADA POR QUADRILHA ASIÁTICA ʥ

PESQUISADORES ROMPEM O LIMITE ENTRE REALIDADE E IMAGINAÇÃO E PASSAM A MORAR DENTRO DA MENTE DE UM UNICÓRNIO

Ϫ

TERMINA A SELEÇÃO DE NAÇÕES DA COPA MUNDIAL DE QUADRIBOL. CONFIRA A TABELA DE JOGOS E ENTENDA COMO FUNCIONARÁ O REGULAMENTO ESSE ANO, COM PEQUENAS ALTERAÇÕES


BRUXA SEQÜESTRADA EM KING’S CROSS RELATA OS MOMENTOS DE TENSÃO QUE VIVEU Na edição anterior, O Profeta garantiu uma entrevista com Catherine Vanblut, sequestrada por máfia asiática. Confira abaixo a entrevista cedida pela bruxa e entenda como o esquema ocorreu: - Como foi o momento do sequestro?

Eu estava em King's Cross e só me lembro de um instante de pânico que eu tive. Creio que me doparam e eu desmaiei ali, porque depois disso não me lembro de mais nada. Ouvi alguns gritos, acho que eram de alguém que viu os sequestradores por lá. - Como você foi parar lá?

Acordei no caminho e estava em um lugar escuro. Me disseram que a luz continuaria apagada para eu não vê-los e que estávamos chegando. Perguntei onde a gente tava, e disseram “em alto mar". - O que eles diziam?

Lá eles só me ameaçavam, por tudo. E eu não tinha contato com o meio exterior, de forma alguma. E me agrediram também, várias vezes. O Ministério está abordando as denúncias. Tenho cicatrizes expostas que me farão lembrar disso para sempre. - Como você foi tratada lá?

Quando falavam comigo, ou era para me obrigar a algo, ou para me encaminhar à chamada sessão de choque, quando ficavam sabendo que eu tentei fugir ou me comunicar, ou quando eu me recusava a fazer algo absurdo que eles pediam. - Qual momento você sentiu mais medo?

Eu não sentia medo. Em momento algum eu senti “medo". Eu sentia angústia, raiva e precisava sair dali. Só pensava nisso, não tinha

medo do que pudessem fazer comigo, só queria expor aquela gangue ao meio externo para que eles fossem punidos pelo que fazem com as pessoas. Aquilo é um tráfico humano, e eu queria denunciá-los nem que fosse a última coisa que eu fizesse na minha vida. - O que você achou que fosse acontecer?

Por um momento achei que eles iriam me matar. Mas depois que me dei conta de que talvez meu irmão já estivesse tentando me encontrar, procurei saber alguma brecha por lá. E encontrei. Encontrei a chave que abria o escritório do dono da quadrilha e entrei lá. Consegui falar com alguém do ministério, mas depois eles me pegaram e me jogaram no fogo. Quase morri queimada, por sorte escapei. Consegui ajuda de pessoas de lá de dentro que também sofriam. - Como foi seu resgate?

A partir da minha ligação, o Ministério encontrou o local e se penetrou lá dentro por dois dias, disfarçados; logo depois aconteceu a grande invasão e as vítimas foram retiradas. Foi uma estratégia bem eficiente. - O que aconteceu com seu irmão?

Não gostaria de entrar em detalhes sobre isso. - O que pretende fazer daqui pra frente?

Seguir com a minha carreira e voltar a ser feliz. Faço o que for preciso para voltar a ser o que era antes ou ser ainda melhor. Se eu não desisti até aqui, não é agora que farei isso.


PESQUISADORES CONSEGUEM PELA PRIMEIRA VEZ SE COMUNICAR COM FORMIGAS Em um estudo conjunto do Ministério da Magia com o Instituto de Práticas Mágicas da França, financiado pelo Departamento de Cooperação Internacional em Magia, cientistas descobriram um meio de se comunicar com formigas. O estudo já durava dois anos, envolvia membros do Departamento de Mistérios e pesquisadores franceses, do tão obscuro Instituto de Práticas Mágicas da França (Inspramagiques). O chefe da pesquisa era Jacques Rebreau, que conta como chegou a essa descoberta: “Nas minhas depressíveis férias que tirei involuntariamente do Inspra-magiques,

comecei a ler um livro trouxa. Estava passando pela rua e vi aqueles três livros com capas instigantes, a trilogia Les fourmis. Comecei a ler o primeiro, e depois o segundo mais rápido ainda e o terceiro em tempo record. Fiquei apaixonado pela história e de como funcionava aquilo tudo. Ah, como o nome diz, o livro aborda a vida dos insetos, e de maneira mais objetiva, a das formigas. Oh maravilhosos animais... Na trilogia, os humanos se comunicam com as formigas a partir de uma pedra, a pedra de roseta. Estava prestes a ser anos de trabalho, pesquisa muito desafiado a recriar o presente no livro, e nessa aventura.

demitido, pois nesses sete nunca produzi uma relevante. Me senti sistema de comunicação apostei todas as fichas

Precisava de patrocínio, o instituto não queria financiar uma pesquisa tão absurda quanto essa. Foi aí que recebi a notícia de que meu amigo Nomenclaw tinha assumido um cargo de chefe de departamento no Ministério Inglês. Enviei uma carta explicando minhas intenções e pedi que ele me ajudasse. Ele me respondeu dizendo que queria marcar uma reunião com alguns bruxos para desenvolver a minha proposta. Eu, ele e mais três pesquisadores ingleses nos encontramos na Alemanha, e planejamos os caminhos da pesquisa. Na semana seguinte recebi uma carta do Ministério com o fundo necessário para iniciar a pesquisa. Assumi a responsabilidade de chefiar o estudo, e reuni mais sete pesquisadores franceses e um português. Éramos onze.


Após muito estudo, e viagens, e brigas, e cansaço e dinheiro gasto, conseguimos recriar a pedra de roseta. Patenteamos o método e a pesquisa, e elaboramos um relatório de 233.000 galeões, com o segredo para a comunicação das formigas. Botamos 88% das ações do relatório a venda no mercado científico, e conseguimos vender em três dias. Haviam quatro bruxos querendo comprar as ações, o que elevou mais ainda o preço. Não divulgamos por quanto foi comprado nem quem comprou. - entenda na matéria a seguir como funciona o patenteamento de pesquisas -

A partir dessa pesquisa revolucionária, consegui uma promoção e me tornei um bruxo rico, além de ter feito bons amigos. Começarei a chefiar o uso da pedra de roseta na próxima semana. Não vejo a hora”. Essa descoberta de fato revolucionará a forma que vemos os insetos a partir de hoje. Iremos aprender muito com as formigas e só saberemos se essa troca mútua de sabedoria poderá ser boa ou ruim com o tempo; basta esperarmos.

Entenda como funciona o patenteamento de pesquisas Timothy Morgan, um pesquisador e juiz inglês, elaborou em 1793 um método legal e padronizado para que as pesquisas rendessem dinheiro e fossem patenteadas. Encaminhou o relatório para a antiga Comissão Europeia de Magia, a qual aprovou a ideia. Confira o trecho principal do relatório enviado por Morgan a Comissão:

- Toda a pesquisa geraria um relatório com toda a descrição, método, receita e segredos da pesquisa, o chamado Relatório de Morgan. - O Relatório de Morgan custa um preço x. Tal preço é decidido independentemente, não havendo regulamento para isso. O preço do Relatório de Morgan é batizado de Ação. - Todo Relatório de Morgan possui 100% de ações, e cada pesquisador possuirá por lei, 1% da ação do relatório. Caso a pesquisa conte com mais de 100 pesquisadores, cada pesquisador terá direito a 0,5% de ação. - Depois do preço do relatório definido, ele é patenteado por um órgão regulamentador padrão. - Só depois de oficialmente patenteado, o Relatório de Morgan é posto a venda. Sua venda ocorre num mercado padrão específico para esse tipo de negócio, subordinado ao órgão regulamentador. - No mercado, qualquer um poderá comprar o Relatório, inclusive os próprios pesquisadores. A compra funciona da seguinte maneira: dois integrantes da pesquisa e


um representante oficial do mercado se reúnem com o comprador; lá eles falam sobre a pesquisa e o comprador decide se compra ou não. - O comprador poderá ler o Relatório, mas só na presença das partes citadas acima. Caso o comprador decida não comprar o Relatório e posteriormente criar algo muito parecido com o conteúdo do relatório, ele é multado e sua pesquisa desbancada. A multa mínima é o dobro do preço do Relatório original, mas poderá ser aumentada pela vontade do juiz. - O dinheiro adquirido da compra é divido da seguinte maneira: 1% para cada pesquisador + 1% para o órgão regulador + 1% para o mercado + o restante dividido igualmente entre os pesquisadores. - A repartição das ações só pode ser feita depois que todas as ações forem vendidas. Ela é executada por um juiz. - Depois de adquirido, o(s) dono(s) passam a ganhar 1% do lucro resultante do Relatório. Exemplo: Um pesquisador desenvolve uma poção. Ele patenteia a poção, e por lei terá direito a 1% da ação do Relatório. O pesquisador decide vender seu Relatório por 30.000 galeões. Há três compradores. Cada um compra 33% das ações. O pesquisador receberá G$300 + G$9900 + G$9900 + G$9900. Mas terá que pagar G$300 + G$300 ao órgão regulador e ao mercado. Já o comprador, será o dono do Relatório. Cada comprador poderá vender a receita para alguma empresa. Os acordos são independentes.

DEPARTAMENTO DE COOPERAÇÃO INTERNACIONAL EM MAGIA É O QUE MAIS GASTA NO MINISTÉRIO Recentemente o Ministério da Magia disponibilizou a receita de gastos e lucros de todos os departamentos. Há uma lei em tramitação que poderá obrigar o Ministério a disponibilizar publicamente os gastos e lucros gerais, mas enquanto tal não é aprovada, confira os absurdos dos departamentos:

1#

DEPARTAMENTO DE COOPERAÇÃO INTERNACIONAL EM MAGIA

Em todo o legado Diggoy, o departamento consumiu G$3.877.933, e rendeu G$306.144. Foi o que mais gastou e menos rendeu. Seu chefe: Nomenclaw Lichtdunkel. Confira a receita:


Gastos com 203 viagens ao redor do mundo (66 só no Canadá e 43 na Alemanha) > G$1.243.091 Investimentos em pesquisas internacionais sem retorno > G$1.008.142 Pagamento de salário e contribuições extras para apenas três assessores > G$609.000 Compra de 398.122 flechas para apoiar a guerra indígena bruxa no noroeste canadense > G$508.907 Empréstimo de Gringotes em nome do departamento para reparos em Hogwarts > G$500.000 Compra de 206 luvas aquecidas mágicas para uma cidade 141 habitantes no Polo Norte > G$444.799

2#

DEPARTAMENTO DE REGULAMENTAÇÃO E CONTROLE DAS

CRIATUAS MÁGICAS Compras absurdas e gastos alarmantes; foi o segundo departamento que mais gastou, e rendeu apenas 19%. A receita foi de G$2.891.688 Além do mais, seu chefe P. Evans, está de licença há sete meses. Motivo: nem mesmo seus assessores sabem. Empréstimo de Gringotes para motivo desconhecido > 1.255.309 Compra de 708 jaulas mágicas para dragões > G$1.000.981 Compra de 100 litros de água para unicórnios > G$506.190

3#

DEPARTAMENTO DE TRANSPORTES MÁGICOS

Na teoria, esse departamento deveria regulamentar chaminés, chaves de portais e interceptar vassouras quebradas. Mas na prática, nenhum dinheiro gasto foi usado para tal feito. O departamento gastou G$1.988.999 – confira n’o quê: Associação ao Departamento de Cooperação Internacional em Magia para transportar o chefe do departamento e assessores numa viagem para Québec > G$951.233 Custos com lavanderia para tapetes mágicos localizada no Vietnã > 803.190 Troca dos barcos de madeira de Hogwarts utilizados para levarem os alunos do 1 º ano

até o castelo > G$84.000


Prejuízo ao bloquear área pública de voo para que membros do Departamento de Cooperação Internacional em Magia pudessem comparecer em uma reunião em três países diferentes > G$50.333

Curiosa associação entre o Departamento de Cooperação Internacional em Magia e às demais secretarias levantam suspeita O Departamento de Cooperação Internacional em Magia é o departamento mais ligado às associações financeiras e de transporte do Ministério. Vários acordos e empréstimos foram assinados entre o Departamento de Transportes Mágicos; além do orçamento máximo disponibilizado aos departamentos terem ultrapassados limites exorbitantes. Um ex-funcionário da Secretaria Financeira dos Departamentos do Ministério da Magia disse que foi demitido por se recusar a assinar cheque fantasma para o departamento de Cooperação Internacional. Além de relatar vários casos de propina entre chefes e representantes. “O chefe do departamento de cooperação em magia, o de transportes mágicos e os secretários chefes do Banco do Ministério nunca tiveram tantas reuniões antes. O curioso é que nenhuma das reuniões contava com escrivães, o que é determinado por lei. Encaminhei uma denúncia formal ao Décimo Tribunal há meses, e ainda não obtive resposta.” – disse o ex-funcionário, que preferiu permanecer anônimo. Procurado para dar esclarecimento sobre os casos acima, nenhum chefe ou assessor quis se pronunciar ou fora encontrado.


CLASSIFICADOS D’O PROFETA PROFETA

SYRMÇSP

Encontrou algum erro na edição? Entre em contato conosco.

Mr rmvpmytr ms dsçs fp fotrypt frppod wir s vrtompmos svsnst. Bs dpxomjo!

PROFETA Contrata-se redatores! Requisitos: nenhum Entre em contato.

ST. MUNGUS Contrata-se curandeiros, encantadores e mestres em Poções. Requisito: ter experiência de 1+ ano e diploma reconhecido pelo ministério local.

HOGWARTS Contrata-se professor!! Requisitos: diploma reconhecido pelo Ministério da Magia. Não é necessário experiência. Aceita-se mestres para todas as disciplinas. Entrar em contato com a escola ou com o Ministério da Magia. Entrevistas em aberto!

LIVROS Floreios & Borrões fará uma liquidação de livros na próxima terça. Leve um livro usado e compre um novo com 10% de desconto. Livros didáticos estarão com desconto de 13%.

QUADRIBOL Procura-se apanhador para time de segunda divisão. Cardiff, Manfred Street, 113. Testes em aberto!

ESTÁGIOS

ESTÁGIOS O Instituto Canadense de Poções procura por bruxos ingleses que já tenham terminado os estudos. Vaga de estágio para Herbólogos e mais.

VENDEDOR Procura-se vendedor para loja de caldeirões no Beco Diagonal (loja 13ç). Requisito: 15 anos +

O Ministério da Magia oferece estágio para bruxos que já tenham terminado os estudos, e tenham idade entre 16 e 24 anos. A vaga é para o Departamento de Cooperação Internacional em Magia. Entre em contato!


COMEÇA A 430ª COPA MUNDIAL DE QUADRIBOL Um dos eventos mais esperados pelo mundo bruxo ocorrerá na Nova Zelândia. A copa de 2026 contará com a participação de 32 seleções, divididas em oito grupos. Grupo A

Grupo B

Grupo C

Grupo D

Grupo E

Grupo F

Grupo G

Grupo H

França

Alemanha

Argentina

Brasil

Canadá

Espanha

Bulgária

Eslováquia

Portugal

Austrália

Estônia

Escócia

Índia

Grécia

Panamá

Japão

País de Gales Ucrânia

Irlanda

Inglaterra

Polônia

Turquia

Nova Zelândia

República Tcheca

Rússia

Estados Unidos Luxemburgo Marrocos Países Baixos Seleção Peru Romênia Nórdica

O sorteio dos grupos, como de costume, ocorreu no último país campeão, nesse caso, O Canadá. O evento foi sediado na cidade de Churchill, Manitoba, e contou com membros de todas as seleções, autoridades e bruxos famosos. Tradicionalmente, o evento conta com: A cerimônia de sorteio, onde o nome das seleções são tirados de uma goles aberta ao meio, e os grupos são definidos; A profecia, onde uma vidente faz previsões para ver qual time será o campeão;

O duelo, onde membros da primeira e última seleção escolhida participam de um duelo de feitiços; O espetáculo de voo artístico, onde artistas fazem um show com suas vassouras no céu noturno da cidade; A festa; O encontro dos secretos, onde pessoas aleatórias são escolhidas durante a festa, e ao final dela são convidados a participar de uma reunião com os escolhidos. Uma tradição centenária, e secreta. Ninguém sabe o que acontece, quem escolhe ou porquê acontece, a não ser os que já participaram; que realizam o feitiço fidelius.


O duelo de feitiços ocorreu entre Japão, primeira seleção selecionada, e Eslováquia, última seleção selecionada. Ao contrário dos duelos tradicionais, 1x1, o duelo da cerimônia de escolha dos grupos de quadribol ocorre entre 6x6. Ao final, um artilheiro japonês saiu com um braço direito fraturado, uma batedora japonesa com um grande corte no braço esquerdo e o apanhador eslovaco com um dente a menos. O final do duelo foi entre Ryuuji e Tenori, ambos do mesmo time lutando contra si. Haviam sido enfeitiçados por Vag Horváth. Ryuuji levou a melhor, e em seguida se rendeu, tornando Eslováquia campeã. Já a profecia, foi realizada por Helena Sanz, uma famosíssima vidente espanhola. Confira sua profecia: “Ninguém deu atenção quando o número 3 disse que seriam campeões. Riram dele. Tolo os que

fizeram. A letra E está em evidência, o campeão surgirá desse grupo. Apanhar o pomo não surtirá efeito, quando a Romênia já estiver com 400 pontos.” Segundo a srta. Sanz, a equipe campeã será a Romênia. O momento da profecia divide muitos céticos e pessoas que acreditam. Vale lembrar que a profecia de Sanz se concretizou nas copas de 2022, 2014, 2010, 2002 e 1994. Muitas pessoas esperam a profecia para fazerem apostas. Srta. Sanz foi ameaçada diversas vezes por apostadores que confiaram em sua profecia e perderam fortunas. O Profeta enviará pelas próximas edições a tabela de jogos gratuitamente anexada á edição. Estamos fazendo uma enquete, envie-nos uma coruja com seu palpite do campeão.


MAIS DESCOBERTAS MOVIMENTAM O MUNDO CIENTÍFICO Ontem foi divulgado o relatório anual de pesquisas do departamento de mistérios. Nesse relatório, foi publicada uma descoberta muito animadora. Cientistas da Sala dos Cérebros conseguiram encantar a realidade em sua volta, codifica-la em magia, e introduzir na mente de um unicórnio. Os cientistas são proibidos de falar sobre qualquer pesquisa a outras pessoas – se relutam até em postar relatórios anuais – mas segundo pesquisador que não trabalha no Ministério, os cientistas criaram uma realidade compartilhada. “O que creio que eles fizeram foi encantar um pequeno espaço em sua volta e codifica-lo. Isso é um grande feito. Em seguida, conseguiram extrair os pensamentos de um unicórnio para o mundo físico. Outro grandessíssimo feito. A partir daí, conseguiram implantar a codificação de espaço na mente do unicórnio.

É uma experiência perigosíssima. Creio que quem participou dessa experiência poderia relatar feitos fantásticos.” – disse Klaus Bvorgh. E perguntado pelo motivo da escolha, respondeu: “Unicórnios são seres puríssimos, e nada em sua mente poderia oferecer risco aos pesquisadores. Ao contrário de um dragão, por exemplo. E com certeza o animal foi muito bem tratado, porque se não, duvido que a pesquisa iria para frente”. Bvorgh é membro aposentado da União de Pesquisadores Germânicos. É detentor de várias descobertas científicas, entre elas, o motivo dos testrálios só serem vistos por pessoas que já viram a morte (Teoria da morte fantasma); o motivo da cor de alguns feitiços serem lilás (Teoria do espectro de encantamentos) e a razão pela qual os agoureiros só voam quando chove (Teoria do agouro de asa úmida).

~~*~~

~~*~~


Profeta Diário é uma empresa patrocinada por

Envie-nos uma coruja com opiniões, reclamações, sugestões e etc. Profeta Diário, Beco Diagonal, s/n

[profetadiario.hos@outlook.com] [ho.hogwarts@hotmail.com] [http://hogwartsonlineschoolrpg.blogspot.com.br/] [Cite fontes caso agregue nosso conteúdo!]


Profeta diário VII