Page 1

Serviços Debian-BR-CDD

Debian à brasileira Conheça essa distribuição Debian personalizada (ou CDD), presente no CD do Assinante deste mês. por Otavio Salvador

O

projeto Debian-BR-CDD [1] foi idealizado com os objetivos de possibilitar o uso do Debian como ambiente desktop por usuários iniciantes e produzir um sistema 100% compatível com a distribuição-mãe, composto 100% de Software Livre. Todos esses objetivos foram possibilitados utilizando a tecnologia Custom Debian Distributions e simplificando ao máximo o processo de instalação. A primeira versão foi lançada há pouco mais de dois anos, em maio de 2004 no Fórum Internacional de Software Livre. A

versão 1.0 pre1, lançada naquela ocasião, era bem simples. Basicamente, uma coletânea dos softwares mais usados no Brasil. Da primeira até a versão 1.0, foram lançadas 7 versões públicas e aproximadamente 36 versões internas. Esse processo de evolução do sistema fez com que muitos problemas fossem corrigidos e a colaboração entre o projeto e o Debian fosse bastante intensa. Problemas de detecção de hardware, sistema de som e melhorias no Debian Installer (instalador que teve sua primeira versão lançada junto ao Debian GNU/Linux 3.1 Sarge) são algumas das

colaborações que foram feitas pelo projeto para o Debian. O Debian-BR-CDD 1.0 é um sistema operacional especificamente para uso em computadores pessoais. Por esse motivo é possível tornar o processo de instalação muito simples, possibilitando o uso por usuários iniciantes e avançados.

Cuidado: bug Há um erro durante o processo de instalação que fará o instalador entrar em um processo de loop infinito. Isso vai acontecer caso a instalação esteja sendo feita em uma partição que já tenha um diretório /home. A instalação demora aproximadamente 40 minutos. Foram especificados 3 perfis de instalação: Ambiente Desktop Leve, Ambiente de Trabalho e Ambiente Doméstico. O Ambiente Leve permite que máquinas modestas tenham um uso satisfatório do sistema. É utilizado o gerenciador de janelas IceWM e um conjunto de aplicações de baixo consumo de recursos. Uma máquina

Informações [1] Debian BR-CDD: http://cdd.debian-br.org/ [2] Outras arquiteturas no Debian: http://www.nl.debian.org/ports/ [3] Política Debian: http://www.debian.org/ doc/debian-policy/

Figura 1: A área de trabalho do Debian BR-CDD

76

junho 2006

edição 20 www.linuxmagazine.com.br


CD do Assinante

Quadro 1: Custom Debian Distributions O que são e para que servem?

Serviços

bian e, para isso, precisam manter os mesmos conceitos e compromissos que o Debian tem. Os principais são: 100% Software Livre; Totalmente compatível com a política do Debian [3];

O Debian é um sistema operacional universal com qualidades e propriedades que o tornam uma das melhores alternativas para uso no desktop ou servidor. O compromisso com a estabilidade e a seriedade do seu desenvolvimento produzem um sistema comparável em qualidade a produtos corporativos como o Red Hat Enterprise Edition e o Suse Enterprise Edition.

P

A compatibilidade com várias arquiteturas [2] permite que ele seja executado nas mais diversas plataformas, desde handhelds até mainframes. Mas nem tudo é perfeito...

Vários níveis de personalização estão disponíveis hoje. O conceito de metapacote é, com certeza, o mais utilizado.

Nesses casos, é importante avaliar a possibilidade de criar um sistema operacional específico e assim solucionar esses problemas. Devido a essa necessidade, começou dentro do Debian um esforço para desenvolver tecnologias que permitam que o sistema seja adaptado às necessidades do usuário. Tais tecnologias permitem desenvolver um sistema operacional personalizado e que, ao mesmo tempo, seja 100% compatível com o Debian original, sendo atualmente utilizado por órgãos governamentais e empresas, tanto dentro como fora do Brasil. Uma CDD (Custom Debian Distribution, ou “distribuição personalizada Debian”) abre uma quantidade infinita de possibilidades. Pode-se desenvolver desde simples adaptações do sistema com pré-configurações até uma distribuição completa. Distribuições baseadas no Debian, como Ubuntu, Knoppix, Kurumin, Xandros e outras, são freqüentemente confundidas com CDDs. As diferenças dessas distribuições com uma Custom Debian Distribution são pequenas, mas muito importantes. CDDs precisam ser 100% compatíveis com o Decom processador Pentium II 400MHz, com 64 MB de RAM, já é suficiente para ter um desktop bastante utilizável. Para usuários com máquinas mais potentes, o sistema possui ainda mais dois perfis que utilizam o Gnome como ambiente. O Ambiente de Trabalho e o Ambiente Doméstico diferem-se basicamente no conjunto de aplicações que são instaladas por padrão e pela aparência do sistema. Ambos ambientes possuem o conjunto OpenOffice.org, aplicativos para Internet e email e utilitários multimídia. Entretanto, o primeiro possui, além desses, cliente de terminal remoto (compatível

Empresas ou orgãos governamentais que precisam utilizar aplicativos proprietários não podem criar uma CDD contendo esses softwares, mas nada impede que a mesma tecnologia seja utilizada para criar um sistema específico e assim resolver o problema da mesma forma.

Vamos imaginar que precisamos de uma CDD para ser utilizada por empresas que trabalham com edição gráfica. Criaríamos um metapacote com o objetivo de instalar todos os aplicativos mais conhecidos dessa área, como Gimp, Inkscape, Scribus, entre outros. Agora imaginemos que uma empresa deseja que todas as suas estações de trabalho tenham a mesma aparência (papel de parede, cores, ícones para aplicativos etc ...). Uma solução seria a criação de um pacote com as configurações específicas da empresa e então bastaria instalar esse pacote nas estações para que elas tivessem todas a mesma identidade visual. É possível melhorar ainda mais. Podemos modificar o processo de instalação para que esse pacote seja instalado automaticamente, já com as configurações de identidade visual, eliminando a necessidade da instalação manual do mesmo. Como é possível ver, a idéia de criar uma Custom Debian Distribution é aplicável em vários níveis, desde tarefas simples até complexas. É perfeitamente viável utilizar a mesma tecnologia para automatizar (totalmente) o processo de instalação do sistema operacional para uma determinada função. Os processos envolvidos na criação de uma Custom Debian Distribution estão em pleno desenvolvimento e a cada dia mais oportunidades são descobertas. Nos próximos meses, cada vez mais projetos vão utilizar essa tecnologia para aumentar sua qualidade, agilizar seus processos e reduzirem custos.

com protocolos VNC e RTP5.1) e uma aparência mais sóbria, enquanto o Ambiente Doméstico possui jogos e uma aparência mais descontraída. Além dos perfis de uso, está disponível, para escolha durante a instalação, um conjunto de aplicativos para suporte a impressão e documentos, voltados para usuários iniciantes, o que possibilita que esses usuários encontrem informações de uma forma muito mais simples. Para a próxima versão, planejada para o início de 2007, há vários planos. Essa versão será baseada no Debian Etch, versão de desenvolvimento que está sendo ativamente aprimorada. O KDE irá ser

customizado para que os usuários tenham mais essa opção. E o processo de instalação vai ser ainda mais simples. Quem quiser colaborar com o projeto pode acessar o site oficial [1]. ■

Sobre o autor

Há vários casos onde o Debian e qualquer outro sistema operacional genérico não são adequados. Por exemplo, quando é necessária maior agilidade ou objetividade, seja pela quantidade excessiva de aplicativos disponíveis ou pela necessidade de realizar muitas configurações para adequar o sistema a determinado público.

P

Otavio Salvador (otavio@debian. org) é desenvolvedor oficial Debian e coordenador do projeto Debian-BRCDD. Atualmente desenvolve o GNU Parted, Debian Installer, LTSP, Debian GNU/FreeBSD e outros projetos. Trabalha na O.S. Systems.

junho 2006 www.linuxmagazine.com.br

edição 20

77


http://www.linuxmagazine.com.br/images/uploads/pdf_aberto/LM20_CDdoassin  

http://www.linuxmagazine.com.br/images/uploads/pdf_aberto/LM20_CDdoassin.pdf

Advertisement
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you