Page 1

Aconteceu

i n f o r m a t i v o

Mais curtidas no Facebook (facebook.com/staritactba)

Publicação mensal da Paróquia Santuário Santa Rita de Cássia Ano 12 - Edição nº 126 - Junho/2019 Fone: (41) 3276-2075 | www.santuariosantaritadecassia.com.br

Oração a Santo Antonio

Perguntas para entender a devoção ao Sagrado Coração de Jesus Um verdadeiro catecismo sobre o Sagrado Coração de Jesus, não perca! Era dezembro de 1673, precisamente no dia 27, em que o Sagrado Coração de Jesus foi revelado a Santa Margarida Maria Alacoque, durante uma exposição do Santíssimo Sacramento. Santa Margarida teve a visão de Jesus Cristo mais duas vezes. Nas aparições, o próprio Senhor pediu para que ela divulgasse a devoção a seu Sagrado Coração. Jesus, ao aparecer à Santa Margarida Maria Alacoque, com seu Coração transpassado pela espada, disse: Uma rosa do jardim de Santa Rita para você! Viva, Santa Rita!

Mais curtida no Instagram (@staritactba)

Dom Wilson Tadeu Jonck, scj, Arcebispo de Florianópolis presidiu a celebração da manhã. Nossa prece e agradecimento! #FestaStaRita2019

Santa Rita de Cássia, interceda por nós!

Mais curtida no Twitter (@staritactba)

“Vida sem afeto murcha”, pe. Jairson Helmann 2°#encontrodecasais #PastoralFamiliar #oremospelasfamilias em Casa de Noviciado e Retiros São José

“Eis o coração que tanto tem amado os homens e em recompensa não recebe da maior parte deles senão ingratidões pelas irreverências e sacrilégios, friezas e desprezos que tem por mim nesse sacramento do Amor.” E continuou dizendo: “Prometo, pela minha excessiva misericórdia, a todos que comungarem nas primeiras sextas de nove meses consecutivos, a graça da penitência final. Estes não morrerão em minha inimizade, nem sem receberem os sacramentos. O meu Sagrado Coração lhes será refugio seguro nessa última hora.” Convido-lhe, pois, a conhecer um pouco mais sobre esta devoção neste pequeno Catecismo! 1. Qual é o fim principal da devoção ao Sagrado Coração de Jesus? Segundo Santa Margarida Maria Alacoque, a santa para qual o Sagrado Coração de Jesus apareceu em 1673, “o fim principal desta devoção é converter as almas a seu amor“. Isso quer dizer que devemos retribuir dignamente o amor que Nosso Senhor teve por nós, fazendo as pessoas reconhecerem o quanto Ele nos ama. 2. Qual é o objeto da devoção Sagrado Coração? O objeto dessa devoção é o Coração do Verbo Encarnado,

tanto considerado no seu aspecto corporal quanto no símbolo de seu amor por Deus e pelos homens. 3. Adora-se, então, o coração físico de Nosso Senhor? Sim. Seu coração físico é adorável, assim como qualquer parte de seu Corpo, unido substancialmente ao Verbo, a Segunda Pessoa da Santíssima Trindade. 4. Por que Nosso Senhor escolheu o coração como símbolo de seu amor? Porque o coração representa a sede do afeto, da compaixão e do sentimento e, por isso, seria o símbolo que melhor experimenta o amor de Cristo por Deus Pai e pelos homens. representa também a mentalidade de Nosso Senhor.


5. Quais são as principais práticas da devoção ao Sagrado Coração? Comunhão Reparadora nas Primeiras Sextas-feiras de cada Mês. Que foi pedida expressamente por Nosso Senhor a Santa Margarida Maria. Ligada a esta prática está a assim chamada Grande Promessa (ver perguntas 24 a 27) Comunhão Frequente: Um dos pedidos de Nosso Senhor a Santa Margarida Maria foi o de “comungar tantas vezes quantas puder“. Evidentemente, estando em estado de graça e, para isso, confessando-se antes se necessário. Consagração: Esta prática comporta dois elementos: a consagração propriamente dita, que é conveniente renovar periodicamente; e o propósito de viver em conformidade com essa consagração, buscando apenas os interesses do Sagrado Coração. Embora a consagração, enquanto tal, não imponha obrigações novas, ela exige de maneira séria e constante a prática dos deveres de todo cristão. Ela corresponde, em última análise, a uma renovação das promessas do Batismo. Manifesta a vontade de fidelidade ao maior dos Mandamentos: “Amarás o Senhor teu Deus com todo o teu coração, com toda a tua alma, com todo o teu entendimento, e com todas as tuas forças” (Mc 12, 30) Hora Santa: Nosso Senhor havia comunicado a Santa Margarida Maria: “Todos as noites de quinta para sexta-feira, te farei participar na mortal tristeza que quis sofrer no Horto das Oliveiras”. A Santa tomou então o hábito de ficar em adoração diante do Santíssimo Sacramento nesse dia, das onze horas à meia-noite, em reparação e união aos sofrimentos de Nosso Senhor. Isso inspirou a prática da Hora Santa, que pode ser feita em casa, na Igreja, em particular ou em comum e a qualquer hora. Consiste no exercício de oração mental ou vocal, contemplando a agonia de Nosso Senhor. Exposição e veneração da imagem do Sagrado Coração de Jesus: A imagem do Sagrado Coração ocupa lugar destacado nos desejos e nas promessas de Nosso Senhor a Santa Margarida Maria. Jesus prometeu grandes graças àqueles que a levassem consigo ou a colocassem nas suas casas, escritó-

rios, etc. Sua representação clássica consiste em um coração, aberto no lado, envolto em chamas, rodeado por uma coroa de espinhos e encimado por uma chama mais potente e uma cruz. Ou ainda, a imagem de Nosso Senhor, com esse coração sobre o peito e o indicador da mão esquerda apontando para ele. Finalmente, a devoção ao Sagrado Coração, pregada por Santa Margarida Maria, é uma devoção de reparação ao amor menosprezado e ultrajado de Jesus Cristo pelos homens. Por isso, o espírito de reparação deve animar todos os seus atos. 6. A devoção ao Sagrado Coração está baseada apenas nas revelações a Santa Margarida Maria Alacoque? Não. Conforme ensina Pio XII, esta devoção tem sua base principal na Revelação pública e oficial, isto é, nas Sagradas Escrituras e na Tradição. DEMONSTRATIVO FINANCEIRO Maio / 2019 ENTRADAS Dízimo Vendas / Eventos Coletas / Doações Renda de Aplicações Financeiras Total das Entradas SAÍDAS DIMENSÃO RELIGIOSA Salários Encargos Sociais Imobilizações Manutenção Geral Água, Luz e Telefone Material Gráfico Eventos / Cultos / Celebrações Despesas Bancárias Sub Total DIMENSÃO SOCIAL Assistenciais Sub Total DIMENSÃO MISSIONÁRIA Formação Religiosa Arquidiocese Sub Total Total das Saídas

46.439,00 139.253,90 16.646,00 878,97 203.217,87

17.967,00 12.686,12 7.662,70 4.517,71 4.367,87 2.645,72 56.487,72 168,00 106.502,84 1.812,51 1.812,51 10.576,88 8.174,89 18.751,77 127.067,12

SUPERÁVIT DO MÊS 76.150,76

EQUIPE RESPONSÁVEL: Padre Maicon Frasson, Maria do Rocio M.O. Souza, Karini Chiamulera de Matos Czelusniak, Kellen Cochinski, Marlise Groth Mem e João Alécio Mem. Pároco e Diretor: Pe. Carlos Alberto Rodrigues, scj. Fotografias: Pastoral da Comunicação. Circulação mensal. Diagramação/impressão: Primagraf Gráfica e Editora. Tiragem: 1.500 exemplares.

7. O que se entende pela expressão “A Grande Promessa”? Essa expressão refere-se à promessa de Nosso Senhor a Santa Margarida Maria a respeito da prática da Comunhão reparadora nas primeiras sextas-feiras de cada mês. Disse Jesus à Santa: “Eu te prometo, na excessiva misericórdia do meu Coração que concederei a graça da penitência final a todos os que comungarem na primeira sexta-feira de nove meses consecutivos. Eles não morrerão no meu desagrado, nem sem receber os sacramentos; e, nesse transe extremo, receberão asilo seguro no meu Coração”. 8. Em que documento estão consignadas essas palavras? Em uma carta de Santa Margarida Maria a sua Superiora, Madre de Saumaise, escrita provavelmente em Maior de 1688. Esta carta encontrava-se à vista do público, no convento da Visitação, em Dijon, até 1789. Desapareceu durante a Revolução Francesa. O Papa Bento XV, na bula de canonização da Santa, confirma a autenticidade dessas palavras: “Estas foram efetivamente as palavras que Jesus bendito dirigiu à sua serva”. 9. A chamada Grande Promessa significa a salvação automática de quem cumpre esse exercício? Não existe salvação automática independente da observância dos Mandamentos, da prática da oração e das boas obras. A Grande Promessa deve ser entendida do seguinte modo: quem fizer as Nove Primeiras Sextas-Feiras receberá as graças para não morrer em estado de pecado mortal e não morrerá em pecado mortal, desde que as tenha feito com intenção reta, desejo de viver sempre na graça de Deus e fizer os esforços necessários para uma vida virtuosa.

Junho • 22 - Dia Votivo de Santa Rita de Cássia • 25,26 e 27 - Tríduo em preparação a Festa do Sagrado Coração de Jesus às 19h • 28 - Festa do Sagrado Coração - Missa às 7h30 e 19h seguida de Coroação • 26 e 29 - Catequese - Encerramento do semestre • 29 - Entrega de Cesta Básica • 26 - Missa da Saúde às 15h • 30 - Adoração Eucarística, após a missa das 19h

Julho • 05 - Missa em honra ao Sagrado Coração de Jesus às 7h30, seguida de Adoração ao Santíssimo • 14 - Após a missa das 8h e 9h30 café para os dizimistas • 21 - Retiro da RCC, tema: experiência de oração auditório do Santuário, das 8h às 18h • 22 - Dia Devocional de Santa Rita de Cássia • 28 - Adoração Eucarística, após a missa das 19h É preciso, pois, a intenção de viver estável e continuamente na prática dos Mandamentos. Nenhuma promessa pode substituir o esforço para amar e seguir a Deus, que é o que Ele quer de suas criaturas racionais e livres. Se alguém fizer as Nove Primeiras Sextas-Feiras com a intenção de viver depois fora da prática dos Mandamentos, despreocupado da salvação eterna, não atendeu às condições requeridas e arrisca-se à condenação eterna. Finalmente, é preciso lembrar que devemos implorar continuamente a graça da perseverança final em nossas orações.

Graça recebida Agradeço à Santa Rita porque recebi esta e muitas outras graças. Apareceu no meu braço uma mancha vermelha, fui ao médico e ele me disse que não era nada grave, mas 5 anos depois, a mancha se tornou uma ferida. Outro médico disse que seria necessária biopsia. Eu estava na novena e o Padre anunciou que tinha um óleo bento à venda. Peguei 3 vidros para que o Padre abençoasse e pedi que me abençoasse também. Pedi a intercessão de Santa Rita e passei com muita fé o oléo na ferida, em 3 dias ela começou a secar. Não precisei fazer cirurgia. Agradeço à Santa Rita, que é milagrosa. Obrigada, Ritinha querida. Uma devota.

Profile for Guilherme Dos Anjos de Almeida

Informativo Santa Rita de Cássia - Junho de 2019  

Informativo do Santuário Santa Rita de Cássia, mês 06/2019

Informativo Santa Rita de Cássia - Junho de 2019  

Informativo do Santuário Santa Rita de Cássia, mês 06/2019

Advertisement