Issuu on Google+

MAGAZINE 2013 - EDIÇÃO especial

CHEGOU A HORA DE

ESCOLHER OS VINHOS QUE ESTARÃO NO MERCADO BRASILEIRO NOS PRÓXIMOS MESES

ExpoVinis 2013 24 26 ABRIL A

DE

Expo Center Norte | Pavilhão Azul São Paulo | SP | Brasil

Rótulos do mundo inteiro

Os melhores vinhos Brasileiros

Degustações Premium e Muito MAIS


2

| EXPOVINIS BRASIL 2013 MAGAZINE | www.expovinis.com.br


3

EDITO R I AL É

com grande satisfação que apresentamos a 17ª edição do ExpoVinis Brasil – Salão Internacional do Vinho. A cada edição, o evento surpreende pela quantidade, pela diversidade e pela qualidade apresentada. São milhares de rótulos, dos quatro cantos do mundo, submetidos a mais criteriosa análise por parte dos principais profissionais do setor. No momento em que se discute a situação do setor no Brasil, o ExpoVinis Brasil cumpre o papel atribuído pelo mercado, unindo as pontas entre a produção do vinho e a cadeia de distribuição.

EQUIPE

Os visitantes poderão conferir de perto as novidades do setor. E neste evento, o significado de conferir torna-se especial, pois, encontrar um novo vinho que agrade o paladar é uma experiência única. Assim o ExpoVinis Brasil é a melhor forma de encontrar e provar os melhores rótulos do mundo.

DIREÇÃO Leandro Lara

Propomos uma imersão no universo do vinho. Para isso, preparamos muitas atrações, como o concurso TOP TEN, as degustações orientadas e muito mais. Não há nada mais atrativo do que poder compartilhar experiências com centenas de produtores e enólogos que marcam presença no ExpoVinis Brasil, e estão ou estarão disponíveis no mercado brasileiro.

consultoria técnica José Ivan Santos Jorge Lucki

Procuramos inovar e prestar um melhor serviço aos nossos expositores e visitantes. Por isso, criamos a Rodada de Negócios, que não só ajudam a trazer compradores internacionais, para conhecer o vinho brasileiro, mas também atraem compradores nacionais, gerando novos negócios. Este ano, devido a lei seca, reforçamos o pedido a todos visitantes e expositores, que se desloquem de táxi. Todos somos interessados pelo consumo responsável. Prepare-se para visitar o ExpoVinis Brasil e fazer as melhores transações do mercado do vinho. Bons Negócios!

Coordenação Guilherme Rufo

Arte e Diagramação Leandro Oliveira APOIO editorial francisca Albuquerque ilustraçÃO de capa e miolo Leblu Comercial Camila Almeida exponor brasil (+ 55 11) 3149.9444 contato@exponor.com.br

Domingos Meirelles Diretor do ExpoVinis Brasil MsC em Wine Managment pela OIV Professor na ESPM do curso de Pós-Graduação em Marketing de Vinho | EXPOVINIS BRASIL 2013 MAGAZINE | www.expovinis.com.br


4

ÍNDICE O MERCADO DO VINHO E O ExpoVinis BRASIL COMO VISITAR O EXPOVINIS BRASIL TOP TEN 2013 RODADA DE NEGÓCIOS

06

DEGUSTAÇÕES - SALA PREMIUM

10

DEGUSTAÇÕES - EXPOSITORES

PLANTA do evento

16

| EXPOVINIS BRASIL 2013 MAGAZINE | www.expovinis.com.br

08 09 10 12 13 14

PANORAMA DO EVENTO

16

NOVIDADES DOS EXPOSITORES

20

INFORMAÇÕES SOBRE O EVENTO

20

06

36


5

3º Debate O Vinho no Brasil Fecomercio-SP

Dia 24 de Abril Das 9h às 12h (credenciamento a partir das 8h) O que se passa na cabeça consumidor brasileiro? Qual a importância do e-commerce? Como produtores, importadores e comerciantes trabalham o branding? Essas e outras questões serão discutidas por especialistas e profissionais na 3ª edição do evento promovido pela FecomercioSP. É uma oportunidade única de ouvir gente que conhece o mercado como ninguém e trabalha muito para o vinho se desenvolver cada vez mais no Brasil. Participe.

Vagas Limitadas | Inscrições Gratuitas vinho@cardseventos.com.br | 11 3078 7592

Parceiros:

Realização:

Aqui tem a presença do

2013

FecomercioSP – Rua Dr. Plínio Barreto, 285. Estacionamento no local. | EXPOVINIS BRASIL 2013 MAGAZINE | www.expovinis.com.br 387-2013_An210x297_EventoVinhos.indd 1

3/11/13 4:20 PM


6

O E VE N TO

O

O M ER C A D O D O VI NH O E O E XP OVI NI S B R A S I L

ExpoVinis Brasil possui uma ligação direta com o momento do mercado de vinhos no Brasil e reflete um cenário promissor para os próximos anos. Muitos são os fatores que fazem do Brasil o destino para investimentos de produtores de todo o mundo. Neste momento a perspectiva de consumo no mercado interno é crescente, visto que mais de 50 milhões de pessoas ascenderam socialmente em renda nos últimos anos. Além disso, podemos dizer que a cultura do vinho é cada vez mais presente e o vinho hoje já não é mais um prazer exclusivo da elite social. Há 16 anos o ExpoVinis Brasil junto com seus expositores, visitantes e parceiros oferece um cenário diversificado e democrático para o setor do vinho.

O E XPOVINI S A P R ESEN TA +de

400

Expositores

+de

+de

30 Países

Rótulos

Garrafas de Vinhos

Representados

E X P OS I TO R

5.000

60.000

+de

+de

60

Vinícolas Brasileiras

| EXPOVINIS BRASIL 2013 MAGAZINE | www.expovinis.com.br

+de

VIS ITA NT E

200

Jornalistas

+de

20.000 Visitantes


7

C

onsolidado como o maior salão de vinhos das Américas, o ExpoVinis Brasil chega à sua 17ª edição com a presença de mais de 400 expositores que vão trazer tintos, brancos, rosés e espumantes de países como Argentina, Chile, Uruguai, Itália, França, Portugal, Áfricado Sul, Espanha, Grécia e Rússia, além do Brasil. Para esta edição do evento são aguardados mais de 20 mil visitantes dos cinco continentes, atraindo um número sempre crescente de produtores nacionais e internacionais. O evento

EX P OVI NI S B R AS I L 2 0 1 3 tornou-se a mais eficiente plataforma de negócios do vinho nas Américas, graças à sua preocupação em alinhar seu projeto, ao longo dos anos, às necessidades e demandas do mercado. “Muito mais do que um grande evento de vinhos, o ExpoVinis Brasil é um projeto elaborado sob medida para o setor. Ponto de ligação de produtores do mundo inteiro com o aquecido mercado brasileiro, bastante competitivo e repleto de oportunidades”, analisa Domingos Meirelles, diretor da Exponor Brasil, organizadora do evento.

| EXPOVINIS BRASIL 2013 MAGAZINE | www.expovinis.com.br


8

A RT I G O

José Ivan Santos consultor, coordenador do Top Ten ExpoVinis E autor dos livros: “Vinhos, o essencial” e “Conheça Vinhos”, em coautoria com Dirceu Vianna Jr MW, pela Editora Senac

COMO VISITAR O EXPOVINIS BRASIL 2013 Em 2013 O ExpoVinis Brasil chega à sua 17ª edição. Cada ano há mais novidades e os temas, tipos de vinhos e países participantes continuam a se diversificar O ExpoVinis é, sem dúvida, o local ideal para os produtores e os importadores de vinho apresentarem seus rótulos a compradores do Brasil e da América Latina, o que constitui um fator importante de fomento do mercado consumidor de vinho. Como o visitante pode tirar melhor proveito do ExpoVinis 2013? Ao mesmo tempo em que esta é uma ótima oportunidade para conhecer muita coisa, pode também ser cansativa. Antes de entrar na feira, para não perder o foco, o consumidor deve dar uma checada no mapa. Ver o que é interessante visitar, deixar de lado o que você já conhece e ir para estandes desconhecidos. Anualmente, novos produtores aparecem com novidades e outros são tradicionais. Se não quiser ficar embriagado logo de início, prove apenas alguns vinhos de cada estande. Tente, por exemplo, em um dia, degustar mais brancos e rosados e, no outro, os tintos. Caso não possa ir duas vezes, faça isso ao longo da visita: comece pelos brancos e, depois, passe para os tintos. Procure não beber tudo o que for degustar, beba porém, apenas aqueles que são mais interessantes. É difícil manter o foco. O visitante deve lembrar que está diante de bebidas alcoólicas e encarar o fato de que o ExpoVinis é uma ótima oportunidade de encontrar pessoas, bater papo, fazer contatos e conhecer novidades. Para aqueles que gostam de degustar, aprender e querem realmente sair do ExpoVinis com conhecimento expandido, sugiro que façam anotações. Os expositores sempre fornecem mídias ou material impresso sobre os vinhos apresentados. Anote suas impressões pessoais e analise-as em casa. Assim como o consumo de vinho, o ExpoVinis é um evento social. Por isso, é importante a troca de impressões com as pessoas presentes. Um aspecto muito importante do ExpoVinis é a presença dos próprios produtores. Conversar com eles, não apenas dá uma ideia de como veem e fazem seus vinhos, mas também de como é a cultura em que eles se inserem. Quando estiver diante de um produtor ou um representante da região de um determinado vinho faça perguntas. Quem é que não gosta de

| EXPOVINIS BRASIL 2013 MAGAZINE | www.expovinis.com.br

falar de sua terra e de sua cultura? Pode-se aprender muito dessa maneira. O ExpoVinis é uma oportunidade para o consumidor informarse sobre os vinhos, como também conhecer suas origens. Aprofundar-se no vinho não é somente ficar com o nariz dentro da taça. Trocar ideias, impressões, ouvir histórias e estar próximo de pessoas que curtem o vinho, acaba sendo mais importante. Para quem quer aprender, essas experiências são muito válidas. E, como alguns vinhos vêm de terras distantes, que nem sempre podemos visitar, no ExpoVinis estão seus representantes para contar um pouco sobre eles. Ande devagar, preste atenção à sua volta e, antes de tudo, ouça. Você irá aprender muito mais sobre vinhos do que em qualquer sala de aula. Observo que, às vezes algumas pessoas vão ao ExpoVinis apenas para beber e não em busca de um pouco mais de conhecimento e possibilidades de contato. Já ouvi absurdos dirigidos a expositores, como: “O que você tem de mais caro?” ou “Quero experimentar seu vinho top”. É uma pena esse tipo de atitude, pois essas pessoas estão perdendo uma excelente oportunidade de degustar diversos tipos de vinhos e descobrir suas preferências.

Um último conselho: não vá de estômago vazio. De vez em quando, coma alguma coisa e beba água. evite dirigir após a visita. vá de táxi.


9

AT I V I DAD ES PA R A L E L A S

A

A cadeia produtiva do setor de vinhos se prepara para a 17ª edição do ExpoVinis Brasil, que acontece entre 24 e 26 de abril, no Expo Center Norte-Pavilhão Azul. Os participantes contarão com o Brazilian Sparkling Lounge, local reservado para celebridades e convidados VIP do evento, além de poder conhecer os melhores rótulos do novo e do velho mundo, eleitos no TOP TEN por especialistas consagrados nacional e internacionalmente.

O

tradicional Top Ten do ExpoVinis Brasil é uma das grandes premiações do mundo do vinho, e que têm por finalidade exaltar a qualidade do produtor vencedor para o mercado. A Coordenação desta importante premiação é feita pelos especialistas Jorge Lucki e José Ivan Santos. O júri internacional deste ano terá a participação de Héctor Riquelme, eleito o melhor sommelier do Chile em 2005, foi semifinalista do mundial na Ilha de Rhodes, Grécia em 2007, coautor do Descorchados, Argentina e Chile, jurado do Decanter World Wine Awards. Presidirá uma das mesas Mário Telles Júnior, membro fundador da ABS-SP, organizador e professor dos seus cursos e considerado um dos melhores degustadores brasileiros, com experiência internacional. Juntam-se a eles Jorge Carrara (revista Prazeres da Mesa e site Basilico), Manoel Beato (chefe sommelier do Fasano), José Luiz Alvim Borges (ABS – SP), Ricardo Farias (ABS – RJ), Gustavo Andrade de Paulo (ABS – SP), Celito Guerra (Embrapa Uva e Vinho – RS), Mauro Zanus (Embrapa Uva e Vinho – RS), Márcio Oliveira (site Vinotícias e SBAV – MG), José Luiz Pagliari (SBAV-SP/Senac – SP) e Roberto Gerosa (Blog do Vinho). Procurando oferecer um panorama dos melhores vinhos que estão disponíveis no mercado, os vinhos foram agrupados como:

• • • • • • • • • •

Espumantes nacionais Espumantes importados Brancos nacionais Brancos importados Rosados Tintos nacionais da serra gaúcha Tintos nacionais de outras regiões Tintos novo mundo Tintos velho mundo Fortificado e doces

Esses grupos refletem melhor as preferências do mercado, o que permite fazer com que o Top Ten se torne cada vez mais representativo.

| EXPOVINIS BRASIL 2013 MAGAZINE | www.expovinis.com.br


10

RODADA DE NEGÓCIOS NO ExpoVinis BRASIL

O

Brazilian Sparkling Lounge será, novamente, o ponto de encontro das celebridades e convidados VIP do ExpoVinis Brasil.

Um espaço onde o evento recebe artistas, famosos e outros convidados para apresentar o melhor do mundialmente reconhecido vinho espumante brasileiro.

S

ucesso na última edição, as Rodadas de Negócios serão ampliadas em 2013.

Elas consistem em mediar a relação entre compradores e vendedores. A previsão é que sejam realizadas mais de 1.000 reuniões, possibilitando o contato de mais de 400 expositores com mais de 40 compradores dos principais canais de distribuição do vinho no País.

Esta atividade contribui para a missão fundamental do evento, que é gerar negócios e promover o crescimento do setor. Com as Rodadas de Negócios, no ano passado foram gerados mais de 20 milhões de reais em negócios imediatos e futuros. Em 2013 a expectativa é um aumento de 30%.

| EXPOVINIS BRASIL 2013 MAGAZINE | www.expovinis.com.br


11

| EXPOVINIS BRASIL 2013 MAGAZINE | www.expovinis.com.br


12

D E GU S TAÇÕ E S SA L A P R EM I UM

AT IV I DAD ES PA R A L E L AS

DIA

25

Valor das Inscrições: R$ 150,00

Palestrante: Márcio Milan - Diretor do Pão de Açúcar e vice presidente da ABRAS

Garanta sua presença www.expovinis.com.br

DIA

24

TOP TEN 2013

DIA

TOP TEN 2013

17H00 17H00 25 TEN 2013 18H30 18H30 TOPTEMA: Comentários Sobre DIA

ÀS

ÀS

Os Melhores Nacionais

19H30 21H00 25 ÀS

Palestrante: Jorge Lucki

Palestrante: Carlos Cabral

19H30 21H30 ÀS

T E MA: D es t aqu e s do Chi l e

Palestrante: José Maria Santana

26

Palestrante: Hector Riquelme

DIA

T E M A: Tops de Portugal (A Escolha do Enólogo) DIA

ÀS

T E MA: Redução Na Tri but ação D o Vinho Pers p ec t i va s

T E MA: Comentários Sobre cada Vinho.

24

15H00 16H00

18H30 15H00 26 16H00 TOP TEN 2013 19H00

T E MA : O s Top s D o Século XX

DIA

ÀS

ÀS

T E MA: Com ent ários D o s Mel hores Vi n hos Im p o r t ado s

Palestrante: Hector Riquelme | EXPOVINIS BRASIL 2013 MAGAZINE | www.expovinis.com.br


13

DEG U STAÇÕ ES EX PO SITO R E S DIA

DIA

(TERÇA-FEIRA)

(QUARTA-FEIRA)

24.04.13 25.04.13 16H30 ÀS 17H30 EMPRESA: Pavilhão da França

15H00 ÀS 16H00 EMPRESA: Comissão Vitivinícola Regional Alentejana

18H00 ÀS 19H00 EMPRESA: Viños de la España de Don Quijote

16H30 ÀS 17H30 EMPRESA: Art des Caves

19H30 ÀS 20H30 EMPRESA: Câmara Italiana DIA

26.04.13 (QUINTA-FEIRA)

18H00 ÀS 19H00 EMPRESA: Viños de la España de Don Quijote 19H30 ÀS 20H30 EMPRESA: Wines of Portugal 14H30 ÀS 15H30 EMPRESA: Fundacion ProMendoza 17H30 ÀS 18H30 EMPRESA:

16H00 ÀS 17H00 EMPRESA: Comissão Vitivinícula Cooperative LaSpiga Regional da Beira Interior - Brunello Producers

diretamente * Inscrições com o Expositor

| EXPOVINIS BRASIL 2013 MAGAZINE | www.expovinis.com.br


14

PL AN TA

ALIMENTAÇÃO 14 44 108c 57 18 12 38 46 90 47 69 85 22 10 27 108/109/110/116 34 49 92

ADM. EXPONOR

Acavitis Acushla ABRACHOR Adega Alentejana AEP – Associação Empresarial De Portugal Art Des Caves Ativa Representações Azeite Olival Axios/ Villa Francioni Beveland Beyra – Vinhos De Altitude,Lda Bianca Vini Bodegas Pinord Bodegas Selecionadores De Vinhos Camara Espanhola Camara Italiana Cantu Vinhos Carvalho Frances Casa Dos Paladares, Lda.

| EXPOVINIS BRASIL 2013 MAGAZINE | www.expovinis.com.br

MEZANINO / ALIMENTAÇÃO 27b 55 7c 72 42c 15 33B 66 19 108e 41b 99 87 45 123 53

TAÇA & CATÁLOGO

97 Casa Ermelinda Freitas Casa Italiana 42 108a Caves Santa Cruz Cavino 76 33d Cidecom 54 Comissão Vitivinícola Regional Alentejana 77 94 Comissão Vitivinícola Regional Da Beira Interior Cooperative La SpigaMontalcino 42a 95 BrunelloProducers CVR Lisboa 52 32/ 13/ 121 D’aria Winery 56 DGB Divina Botella 33C Domno Do Brasil 122 C´è / Frantoio Romano 50 124 Enjoy Wine & Spirits AB 120 Enomatic Do Brasil

DEPÓSITO Engarrafador Moderno Export Union Italia ETC PP Alemanha Federacion Española del Vino Fenadegas Full Fit Fundacion Promendoza Grande Porto / Vinhos De Lá/ Alvarinho Messala Gobierno Regional De Tacna Herdade De Vale De Arca HMO / Ideia de Papel IBRAVIN Ideal Drinks Importadora Barrinhas Interwines JF Hillebrand Jornal Vinho Cia La Masciare


15

ExpoVinis BRASIL 2013

BANHEIRO

*SUJEITO A ALTERAÇÃO SEM AVISO PRÉVIO. **ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO NO DIA 08/03/2013

COPA

RODADA DE NEGÓCIOS

93 9 98 48 62 20 58 101 43 29/ 30/ 31/ 63/ 64 / 65 21 80 11 7a 96 83 124a

BRAZILIAN SPARKLING LOUNGE Maesgi Malbec Do Brasil Master Print S/A – Induscom Maxxima Vinhos E Trade Serviços De Importacao Miolo Wine Group Napier Winery Obra Prima Oice OwInternational Pavilhão Da França PerdebergWinery PIZZATO Vinhas E Vinhos Pluslink PROARGEX - PROSAP Puentes De Rus Qualis Revista Gosto

SALAS DE DEGUSTAÇÃO IBRAVIN 119 7d 108d 36 71 23 106 35 24 37 28 6 68 74 / 75 82 33A

SALAS DE DEGUSTAÇÃO EXPOSITOR

Revista Hotelaria Revista Menu RevistaSacomani Revista Adega Ridis Russian Sparkling Wine House Abrau-Durso Simply Italian Great Wines Smartbuy Wines Sur Valles Tempus Du Vin Château de Grangnos The Wine School Viña Apaltagua Vinhos De La Espana De Don Quijote Vinícola Aurora Vinícola Garibaldi

SALAS DE DEGUSTAÇÃO PREMIUM 60 61 67 81 86 27a 4 79 16/ 17 78 42b 91 127

Vinícola Pericó Vinícola Salton Vinos De Navarra VSA – Vinicola Santa Augusta W & W WINE Weinkeller German Wine Excellence Wine And Spirit Education Trust Wines Of Chile Wines Of Portugal Wines Of Uruguay Winex Wine Tag Yayin Spirit

| EXPOVINIS BRASIL 2013 MAGAZINE | www.expovinis.com.br


16

A RT I G O

Jorge Lucki um dos maiores conhecedores de vinho do país e colunista do jornal Valor Econômico

Panorama do Expovinis e do Top Ten 2013

A

o terminar a 16ª edição do Expovinis, ela se consolidou definitivamente como a maior feira de vinhos da América Latina. O evento tem crescido de forma consistente, agrupando, em 2012 cerca de 400 expositores, o que representa cerca de 15% a mais do que em 2011, aumentos que vêm se repetindo ano a ano. Foram confortavelmente espalhados pelos 16 mil metros quadrados do Expo Center Norte – Pavilhão Azul, em São Paulo, mesmo local utilizado de 2011 e que havia demonstrado possuir infraestrutura condizente com a dimensão que o salão atingiu. Sem grandes problemas de trânsito e transporte para chegar ou sair, facilidade de estacionamento e climatização adequada, condições essencias para os visitantes. O público, cerca de 20 mil pessoas – houve nove mil pré-inscrições, 50% que no ano anterior -, a maioria profissionais vindos do Brasil inteiro, teve um painel bastante representativo do que existe de disponível no mercado brasileiro, entre nacionais e importados, bem como outros tantos inéditos de produtores de fora. Além dos importadores, vale ressaltar a expressiva área ocupada pelas vinícolas nacionais e pelas representações internacionais que, atentas à boa fase da nossa economia e do aumento do interesse por vinho do consumidor brasileiro, vêm tentando conquistar mercado com novos rótulos ou buscando melhorar ou manter sua representatividade no país. Nesse aspecto chama atenção as delegações da França, Portugal, Itália, Chile e Argentina.

Além da possibilidade de provar uma infinidade de vinhos nacionais e importados, disponíveis nos estandes dos expositores presentes, o Expovinis, como de hábito, prevê em seu programa oficial uma série de degustações paralelas, com foco em temas específicos, pagas à parte, conduzidas por palestrantes especialistas nos assuntos abordados. A primeira delas, realizada no fim da tarde do primeiro dia, destina-se a apresentar os ganhadores do “Top Ten”, concurso que se repete há sete anos e tem por objetivo premiar os melhores vinhos do evento.

| EXPOVINIS BRASIL 2013 MAGAZINE | www.expovinis.com.br

Para definir os rótulos vencedores, um grupo de 12 jurados se reuniu no fim de semana anterior para degustar as 191 amostras recebidas. Conforme regras definidas pela comissão técnica do Expovinis, cada produtor presente à feira pode enviar dois de seus rótulos para o concurso, enquadrando-os em qualquer das dez categorias pré-estabelecidas. Algumas mudanças foram feitas em 2012, sempre no sentido de refletir melhor o que existe no mercado, além de alcançar resultados mais coerentes. Assim, a primeira medida foi alterar as três categorias de vinhos brancos. Até o ano passado, eram distribuídas por tipo de uva, chardonnay, sauvignon blanc e outras castas, o que, embora representasse as classes dominantes, nas quais os consumidores se baseiam na hora de escolher um vinho branco, implicava ter no mesmo painel excessiva diversidade de estilos. Desta vez, os brancos foram avaliados segundo suas procedências – nacionais, Novo Mundo e Velho Mundo, que apresentam padrões bem mais homogêneos. As demais categorias permaneceram as mesmas: espumantes nacionais, espumantes importados, rosés, tintos nacionais, tintos do Novo Mundo, tintos do Velho Mundo e doces (licorosos e fortificados). No que diz respeito ao processo de avaliação, o Top Ten de 2012, com o objetivo de apurar o sistema, seguiu o modelo utilizado nos concursos de maior credibilidade, como o Decanter World Wine Awards, promovido por influente revista inglesa, em que os jurados são reunidos em grupo de seis em torno de uma mesa e avaliam a série de amostras individualmente, às cegas. Ao invés de meramente entregarem as notas e a média aritmética delas já definir o prêmio, como é praxe em muitas competições do gênero, os degustadores, sob a coordenação de um presidente de mesa, discutem as pontuações e os critérios adotados por cada um, o que elimina possíveis falhas de interpretação e permite, por consenso, chegar a um resultado mais justo.


17

Para presidir cada uma das duas mesas, foram convidados os experientes Luis Ramos Lopes, fundador e diretor da Revista de Vinhos de Portugal, a melhor publicação especializada na Terrinha, e Andrés Rosberg, presidente da Associação Argentina de Sommeliers, ambos com reconhecida bagagem internacional. Os jurados dispunham de um Ipad, no qual colocavam suas pontuações, que era recebida pelo presidente da mesa, que se encarregava de verificar eventuais dispersões nas notas. Caso existissem, isso era colocado em discussão dentro do grupo, possibilitando ajustes na média final de cada amostra. Vale ressaltar que a prova era feita às cegas. O rigor, este ano, não parou por aí. As amostras recebidas em cada categoria eram divididas pelas duas mesas, que elegiam, numa primeira fase, as três melhores. Os seis vinhos eram degustados, novamente, no dia seguinte, agora em conjunto pelos doze jurados, ocasião em que era definido o vencedor. Cabe enaltecer o excelente trabalho dos jurados, além dos dois presidentes de mesa citados. Compuseram o júri: José Luiz Alvim Borges (presidente da ABS-SP), Gustavo Andrade de Paulo (ex-presidente e atualmente diretor da ABS-SP), Jorge Carrara (Prazeres da Mesa / site Basilico), José Luiz Pagliari (SBAV-SP / Senac – SP), José Maria Santana (revista Gosto), Ricardo Farias (presidente da ABS-RJ), Marcio Oliveira (SBAV-MG e editor do Vinotícias), Roberto Gerosa (responsável pelo Blog do Vinho), Mauro Zanus (Embrapa – RS), e Celito Guerra (Embrapa). O irrepreensível sistema informatizado em rede, desenvolvido com pela WineTag, permitiu simplificar e agilizar o trabalho dos jurados, possibilitar uma perfeita comunicação com os presidentes de mesa e o processamento das notas finais, definindo, em seguida, automaticamente, as classificações.

É DE SE IMAGINAR QUE MUITOS EXPOSITORES FIQUEM EM DÚVIDA SOBRE QUAL VINHO COLOCAR PARA TER CHANCE DE SUCESSO, EM PARTICULAR IMPORTADORES QUE TÊM UM BOM PORTFÓLIO.

| EXPOVINIS BRASIL 2013 MAGAZINE | www.expovinis.com.br


18

| EXPOVINIS BRASIL 2013 MAGAZINE | www.expovinis.com.br


19

NOVIDAD E S CONFIRA AS novidades dos expositores no EXPOVINIS brasil 2013

| EXPOVINIS BRASIL 2013 MAGAZINE | www.expovinis.com.br


20

N OV I DA DE S

EXP O V INI S BR A S I L 2 0 1 3

ACAVITIS A Associação Catarinense dos Produtores de Vinhos Finos de Altitude – ACAVITIS tem por objetivo defender os interesses de seus associados, dar subsídios às políticas públicas, qualificar e certificar a produção de seus associados, viabilizando a competitividade e conquistando novos mercados para os vinhos finos de altitude catarinense. Nesta 17ª edição do Expovinis Brasil, a Acavitis, com o apoio do Sebrae-SC, contará com a participação de nove vinícolas: Abreu Garcia, Casa Pisani, Kranz, Monte Agudo, Quinta da Neve, Sanjo, Suzin, Villaggio Bassetti e Villaggio Grando.

É nessa Vila, desde 1952, na Região Demarcada do Douro, que a Adega Cooperativa de Favaios se tornou uma das maiores e mais reconhecidas do país em particular pela qualidade inconfundível do seu Aperitivo e Moscatel de Favaios.Atentos ao incrementar de exigências do mercado e às carências internas existentes, normais em estruturas que datam de 1952, decidiu apostar na modernização e revitalização das infra-estruturas através de um investimento de enorme envergadura.

Adriano Marco e Vittorio

“Adriano Marco e Vittorio” é uma vinícola tradicional italiana, da região de Piemonte, especializada nos vinhos Barbaresco, Barbera, Langhe, Dolcetto e Moscato.

ACUSHLA Acushla é uma palavra de origem irlandesa que significa “beat of my heart”. A terminologia traduz o conceito de como tudo nasceu, da força de uma emoção que permitiu unir várias gerações da mesma família à volta do negócio olivícola. Um conceito que faz do Acushla um azeite com paixão.

Adega Cooperativa de Ponte da Barca                                  

A Viniverde S.A. é uma empresa cujos acionistas são da Região dos Vinhos Verdes, onde se destaca a Adega Cooperativa de Ponte da Barca. Foi constituída com o objetivo de produzir, promover e comercializar os produtos mais conhecidos dos seus acionistas e também os das suas próprias marcas. Possui Vinhos Verdes DOC tintos, rosés e brancos e os monovarietais Loureiro, Alvarinho e Vinhão, além de uma Aguardente Vínica Velha. Todos eles, de acordo com as novas tendências de mercado, assegurando, simultaneamente, quantidades com uma excelente relação qualidade/preço. A sua flexibilidade operacional permite-lhe adaptar-se às exigências dos diferentes mercados.”  

    

ADEGA DE FAVAIOS A história de Favaios perde-se no tempo. O seu nome provém de “Flávius”, antiga povoação romana, que pertencia à terra de Panoías. O seu desenvolvimento acompanhou as Dinastias.

| EXPOVINIS BRASIL 2013 MAGAZINE | www.expovinis.com.br

AIDA MARIA VINHOS

Em 1999, fruto da sua grande paixão pelo Douro, Luis Aarão de Freitas Vilas adquiriu uma quinta bicentenária na região demarcada mais antiga do mundo, a Quinta do Seixo, na vila de Cheires, no conselho de Alijó. Mais tarde, em 2006, adquiriu a centenária Quinta de Cedadelhe, no concelho de Armamar, onde construiu um moderno centro de vinificação, com o objetivo de produzir vinhos de qualidade superior, com a marca AIDA Maria, em homenagem à sua mulher e filha, ambas com esse nome. Entre 2006 e 2009, vários investimentos foram feitos na reconversão de parte das vinhas, plantando castas de elevada qualidade, tanto brancas como tintas, sempre com o objetivo primeiro de aumentar o potencial qualitativo dos futuros vinhos. Em 2010, sua mulher e filha Aida Maria asseguraram a continuidade do projeto e lançaram o espumante AIDA MARIA Reserva 2007, feito exclusivamente a partir da casta Touriga Nacional, seguindo-se o Aida Maria Tinto 2008, Aida Maria Branco 2010 e o Aida Maria Rosé 2009.

ALIANÇA VINHOS DE PORTUGAL

Aliança foi fundada em 1927 e é hoje um dos maiores produtores e exportadores de vinhos portugueses. Aliança possui cerca de 600 hectares de vinhas nas regiões do Douro, Dão, Beiras, Bairrada e Alentejo, onde são produzidos vinhos de Quinta de alta qualidade. (Quinta dos Quatro Ventos Douro, Quinta da Garrida Dão, Quinta das Baceladas Bairrada e Quinta da Terrugem Alentejo). Quinta da Dona Bairrada Tinto é considerado um dos vinhos mais emblemáticos produzidos em Portugal, uma vez que é produzido exclusivamente com a casta Baga que é considerada


21

N OV I DA DES

EX PO V INIS BR A S I L 2 0 1 3

por muitos criticos internacionais a melhor casta de vinho tinto em Portugal, muito possivelmente porque permite produzir vinhos com uma identidade muito superior aos demais.

Alta pontuação vitivinicultura e comÉrcio de vinhos lda

A Altapontuação é uma empresa criada com um projeto que visa dinamizar os vinhos do Douro, aproveitando toda a essência de uma região única para a produção de vinhos singulares.

ANNA SPINATO

A vinícola italiana “Anna Spinato” está situada no município de Treviso, na região de Veneto. A empresa é especializada em vinhos característicos de sua região, tais como Prosecco Valdobbiadene Superiore DOCG, Proseccodi Treviso e o simpático Mini Prosecco.

ART DES CAVES

A Art des Caves, possui a maior linha de adegas do mundo. Hoje, com 15 anos de mercado, é pioneira e líder no Brasil, com mais de 100 mil produtos vendidos. Possui em seu portfólio clientes como Fasano, Hyatt, DOM, entre muitos outros. Pelo 7º ano consecutivo, conquistou o prêmio Top of Mind – realizado pelo instituto DataFolha e revista Casa e Mercado, que demonstra o reconhecimento dos arquitetos e decoradores de todo Brasil.

AXIOS

A máquina WineStation, fabricada nos Estados Unidos e importada com exclusividade pela Axios, permite ampliar a experiência de degustação por meio do serviço de vinho em taça. Além de conservar o produto por 60 dias, ele é servido na quantidade e temperatura certas. O sistema permite servir doses em volumes diferentes: degustação, meia taça e uma taça. A importadora também apresentará, durante o Expovinis2013 outro produto exclusivo: álbuns para colecionadores de rótulos. Feitos de um adesivo especial eles são removidos de maneira simples. Além de guardar na memória momentos únicos em cada degustação, os apreciadores de vinhos têm a oportunidade de registrar suas percepções e experiências no Álbum Meus Vinhos.

Beveland

Um produtor de licores e bebidas espirituosas, com mais de 15 anos de experiência, nasceu com uma vocação internacional. O ritmo de crescimento da Beveland, ao longo dos últimos anos tem facilitado a sua adaptação às novas tecnologias com um compromisso para a melhoria contínua da qualidade do produto e do seu design, sem nunca esquecer o foco para o cliente, buscando, dessa forma, a satisfação máxima do consumidor.

BODEGAS Fundada no Brasil em 2004, a BODEGAS – SELECIONADORES DE VINHOS chegou para oferecer ao mercado brasileiro vinhos exclusivos, distintos e de personalidade marcante, de excelente relação qualidade-preço e não comercializados em locais de consumo massivo.

C. DA SILVA

A C. da Silva é uma empresa tradicional de Vinho do Porto, fundada no ano de 1862. Com uma vocação essencialmente exportadora, a qualidade dos seus vinhos é internacionalmente reconhecida e a aposta nas Categorias Especiais, com especial destaque para os vinhos “Colheita”, a torna uma das pequenas jóias do setor.

Calice Vini

Calice Vini, empresa líder ítalo-brasileira para a produção e exportação de vinhos destinados a grande distribuição e horeca. A sede produtiva está na região mais prestigiosa do sul da Itália, a Puglia, uma terra com enorme potencial e onde nascem os nossos melhores vinhos. Um território de colinas e natureza rochosa com diversas variedades autóctonas (Nero di Troia, Bombinobianco, Bombinonero, Salicesalentino, Moscato, Negroamaro, Primitivo) associados às nossas técnicas inovadoras para a produção dos vinhos frisantes naturalmente com método de refermentação natural, sem acréscimo de gás CO2. A nossa missão è valorizar a produção vitivinicola italiana e contribuir para o incremento da difusão e da notoriedade dos nossos vinhos italianos no mundo.

| EXPOVINIS BRASIL 2013 MAGAZINE | www.expovinis.com.br


22

N OV I DA DE S

EXP O V INI S BR A S I L 2 0 1 3

câmara espanhola

A Cámara Oficial Española de Comercio en Brasil, máximo expoente das empresas espanholas no Brasil, apresenta 13 vinícolas, com cerca de 50 vinhos, pertencentes às mais importantes denominações de origem espanhola, sendo a maioria novidade no mercado brasileiro. Os vinhos tintos de uvas selecionadas pertencem a regiões com grande tradição vinícola, como Rioja, RiberadelDuero, Priorat, Carinena, Bierzo, Navarra, Castilla y León e Valencia. As regiões de Rueda, Penedes ,Cava, e Castilla y Leon, estarão representadas por requintados vinhos brancos, roses e espumantes. A D.O. MontillaMoriles apresentará seus inigualáveis vinhos doces naturais. A Cámara Española de Comercio en Brasil participa pela primeira vez no ExpoVinis Brasil 2013, com uma interessante seleção de vinhos da Espanha, cada um com estilo único, que expressam toda a personalidade das excepcionais áreas vitícolas representadas.

Cantina Settesoli sca

Os vinhos Settesoli são perfeitos para os consumidores que desejam encontrar um bom vinho a um preço acessível, adequado ao consumo diário. Possibilitam prazer a vários gostos e uma maior possibilidade de combinações.

CANTINA TUDERNUM

A Cantina Tudernum nasceu em 1958, quando 54 viticultores se associaram para produzir vinhos e comercializar de modo cooperativo as próprias produções. Dos poucos hectares iniciais, a área pertencente à Cantina Tudernum chegou a cerca de 650 hectares nos anos de 1975 e 1995. Em 1995, iniciou -se o processo de reposicionamento da Cantina, que levou aos atuais 650 hectares. Tal processo é parte integrante da estratégia de reavaliação da produção da Cantina e assinalou o início de uma nova fase para os vinhos Tudernum.

Cantu

A marca Cantu Vinhos surgiu da vocação empreendedora de seu fundador Udir Cantu. Uma história que atravessa gerações e que tem na tradição e qualidade o seu principal referencial. Com presença e expressividade em todo território nacional, a Cantu tornou-se sinônimo de confiança no setor alimentício e

| EXPOVINIS BRASIL 2013 MAGAZINE | www.expovinis.com.br

item obrigatório na mesa dos consumidores. Este crescimento sustentado impulsionou o grupo a expandir sua atuação. O resultado desta expansão deu origem à Cantu Importadora. Os valores e a filosofia do grupo permitiram a empresa trazer ao mercado nacional marcas de expressão mundial. Com sólida estrutura logística e capacidade operacional para atender todo o território nacional, a Cantu Importadora encontrou, no emergente mercado do vinho, a oportunidade de oferecer novos sabores aos seus consumidores. Viabilizou isto por meio de grandes parcerias firmadas com grandes vinícolas do mundo.

caruso & MININI

Uma tradicional vinícola da Sicilia, localizada na cidade de Marsala, que desde o século XIX vem se aprimorando na produção de uvas de alta qualidade. O trabalho correto nos solos propícios, a altitude e a distância adequada do mar, permitem a produção de excelentes vinhos típicos da região, como o Nero D’Avola, o Inzolia, o Marsala entre outros sicilianos, cujas características principais são a originalidade, o caráter e a elegância.

CASA D’ARROCHELLA

Empresa com cerca de 10 anos de atividade, tem apostado, sobretudo na produção de vinhos de Mesa de qualidade a preços extremamente competitivos. Com cerca de 600 há dos quais 115 há de vinha, situadas nas zonas mais nobres da Região Demarcada do Douro, a Sub-Região do Douro Superior, consegue-se produzir do melhor néctar que a Douro tem para oferecer. O projecto agrícola da Casa de Arrochella pretende valorizar a excelência e as potencialidades únicas da região duriense, ícone de Portugal, declarado Património da Humanidade pela Unesco em 2001.

CASA ITALIANA

A Casa Italiana é uma empresa especializada no desenvolvimento de negócios internacionais, ligados à importação e exportação de alimentos e bebidas finas. O objetivo é conectar produtores com necessidades de expansão de seus negócios internacionais.


23

N OV I DA DES

EX PO V INIS BR A S I L 2 0 1 3

CASA SANTA VITÓRIA

Fundada em 2002, a Casa Santa Vitória é uma empresa do Grupo Vila Galé focada na produção e comercialização de vinhos e azeites alentejanos de qualidade. A propriedade que totaliza 1.620 ha, encontra-se em Santa Vitória, concelho de Beja. Fruto de uma paixão pelo campo, este investimento no setor do vinho e em outros produtos ligados à terra, proporciona a todos os que o visitam um contato direto com o que de se melhor produz no Alentejo, combinando ,de uma forma única, grandes vinhos, uma cuidada gastronomia regional e inúmeras atividades lúdicas, em plena planície alentejana, num ambiente marcadamente rural.

Casa Vitivinicola Tinazzi

Em cada garrafa produzida na Tinazzi, há um universo escondido de paixões italianas. Uma cascata de aromas e perfumes que invocam antigas tradições, culturas históricas e estilo único. Uma misteriosa viagem por um dos países mais fascinantes do mundo: a Itália.

Castello di Neive

É uma cantina histórica, formada por 28 hectares de vinhedos únicos: Santo Stefano, Gallina, Marcorino, Basarin, Cortini e Messoirano. É uma realidade única em toda a região do Barbaresco e os seus vinhos apresentam qualidades únicas que os distinguem dos demais. A cantina produz apenas vinhos de suas próprias uvas, o que lhe permite manter o controle direto da qualidade e da higiene de seus produtos.

CAVES SANTA CRUZ

Uma empresa de Importação e Exportação com vasto conhecimento no Comércio Internacional de produtos alimentares e bebidas. A experiência acumulada ao longo de anos permitiu consolidar uma posição de relevo no setor. Sempre com o objetivo de oferecer aos seus clientes produtos de grande qualidade e os melhores preços do mercado, disponibiliza uma oferta ampla de produtos, em que se incluem as mais importantes marcas, essencialmente portuguesas, assim como produtos exclusivos de muita qualidade e de todas as regiões vinícolas de Portugal. A CAVES SANTA CRUZ é também detentora de uma marca de Azeite português.

CAVINO

CAVINO Winery & Destillery S.A. foi criada em 1958, na Grécia. Inicialmente, começou por ser apenas uma adega, mas logo se juntou à destilaria e começou a modernização da empresa. Hoje, a CAVINO segue sendo líder nacional na produção e exportação de vinhos.

Cennatoio Inter Vineas

A vinícola “Cennatoio Inter Vineas” está localizada no município de Florença, na região da Toscana. Produz vinhos de alta qualidade e excelência como o ChiantiClassico DOCG, SuperTuscan, Toscano IGT, Vinsanto, Grappa e uma variada linha de vinhos de coleção e alto luxo. Château de Gragnos - Fundada em 1710, o Château de Gragnos simboliza a excelência do Grands Vins du Languedoc. Propriedade real antiga dos Condes de Toulouse, as suas vinhas concentram os solos mais preciosos da região. Uma coleção de vinhos raros que combinam a força e o caráter dos vinhos do sul de França com o frescor e a elegância do estilo inimitável do Castelo.

CIDECOM ltda

Cidecom é uma empresa com expertise em operações de logística e comércio exterior. Disponibiliza para os seus clientes operações sob medida, gerencia a participação de empresas em feiras nacionais e internacionais oferecendo todos os serviços necessários a tal fim e atua como um único referencial, facilitando aos nossos clientes o acesso à informação e acompanhamento das operações durante todo o processo.

Comissão Vitivinícola Regional Alentejana

A Comissão Vitivinícola Regional Alentejana foi criada em 1989. É uma entidade interprofissional privada, de utilidade pública, que define as linhas estratégicas para a região, bem como as politicas na área da viticultura e da enologia. Os seus objetivos são o controle, a promoção e a defesa da Denominação de Origem Alentejo (DOC Alentejo) e a indicação geográfica.

| EXPOVINIS BRASIL 2013 MAGAZINE | www.expovinis.com.br


24

N OV I DA DE S

EXP O V INI S BR A S I L 2 0 1 3

COMPANHIA DAS QUINTAS

A Companhia das Quintas é uma das mais importantes empresas produtoras de vinhos em Portugal. Detém cerca de 400 hectares de vinha em território nacional e tem como missão o desenvolvimento de vinhos de quinta únicos, feitos com base nas melhores castas portuguesas. Atualmente, é a empresa que melhor representa a diversidade vitivinícola portuguesa com 5 quintas em Portugal. • Quinta da Fronteira (Douro) • Quinta do Cardo (Beira Interior) • Quinta de Pancas (Alenquer) • Quinta da Romeira (Bucelas) • Herdade da Farizoa (Alentejo)

Cooperativa La Spiga Montalcino– Brunello Producers

Producers foi criada na década de 1950 por um grupo de produtores de trigo localizados na área de Montalcino, na Toscana, Itália central. A associação coordenava o uso de máquinas e equipamentos para colher suas safras mas cada vez mais membros iniciaram a produção de vinho e o foco dos membros tornou-se a produção de vinho de alta qualidade, o Brunello di Montalcino. A Cooperativa LaSpiga, que agora possui 133 membros produzindo mais de 1 milhão de garrafas de vinhos por ano, vai estrear no Expovinis comum grupo de 15 produtores de vinho da região de Montalcino. O grupo inclui vinícolas já disponíveis no mercado brasileiro, bem como outros que estão olhando para selecionar importadores e distribuidores.

DIVINA BOTELLA

A Divina Botella é uma importadora brasileira que possui um conceito inovador na relação com seus canais de comercialização. Acreditando que o vinho, mais que um produto, é um momento de prazer, de amizade e paixão, estes valores e sentimentos.

| EXPOVINIS BRASIL 2013 MAGAZINE | www.expovinis.com.br

Distillerie Valdoglio

é uma indústria italiana fundada nos anos 50 na cidade de Brescia, na região italiana da Lombardia. Produz bebidas destiladas características de outros países como o Whisky, Vodka, Champagne e Tequila, além de Rum, Gin, Conhaque etc. Fabrica também uma grande variedade de Licores de vários sabores, Creme de Whisky, Vodka com frutas e o tradicional “Limoncino”, que agora é conhecido em todo o mundo e se tornou o orgulho do licor tradicional italiano. Após quase 40 anos de uma política sólida, utilizando um cuidado meticuloso e muito amor pelos produtos, se comprova a sabedoria dessa estratégia, que hoje permite aos produtos Valdoglio estarem presentes nos continentes Europeu, Americano, Asiático e Africano.

DGB

Como maior produtora de vinho e de bebidas espirituosas da África do Sule e atacadista de marcas top do mercado, que incluem Boschendal, Douglas Green, Bellinghamand Franschhoek Cellars, a DGB tem estabelecido um histórico de boas práticas ambientais, tornando-se, recentemente a quarta produtora de Cape wine a conseguir a acreditação ISSO 14001. A empresa tem várias iniciativas para reduzir a utilização de carbono de contigência nas suas operações, incluindo um extenso projeto que ganhou o prêmio Drinks Bussiness Green Award for Logistics e Supply Chain em 2011. Projetos de embalagens alternativas, redução de desperdícios e reciclagem suportam o forte eco-ético da empresa.

Domno do Brasil

Segura do crescimento do setor de vinhos e espumantes no Brasil, em 2008, o grupo Famiglia Valduga, investiu em um novo projeto e abriu uma nova empresa, a Domno do Brasil. Este novo projeto caracteriza-se por duas frentes de negócios: a importação de vinhos de alto padrão e a elaboração de espumantes produzidos pelo método Charmat. A empresa apresenta em seu portfólio, as linhas próprias, Nero e Alto Vale e as linhas importadas, Vistalba daArgentina, Yali By Viña Ventisquero do Chile, algumas linhas do Grupo Enoport de Portugal, Antoine Moueixda França, Tinedo e Frontaura y Victoria da Espanha e PrincipeCorsini e Pietro Rinaldi da Itália.


25

N OV I DA DES

EX PO V INIS BR A S I L 2 0 1 3

DUNAMIS

A vinícola brasileira Dunamis lança, no ExpoVinis Brasil, o único Merlot Branco do País, elaborado pelo método blanc de noir, que consiste em separar o suco e a uva evitando que a cor e os taninos das cascas entrem em contato com a base do vinho. O Merlot Branco faz parte da linha ‘Dança comigo?’, que traz mais três variedades: Cabernet Franc, PinotGrigio e Merlot. Também serão apresentados os rótulos Cor, Ser e Tom da coleção Elementos. “Um tinto, um branco e um rosé que vêm para descomplicar o consumo do vinho”, resume Celso Ricardo, gerente geral da vinícola. O brinde fica por conta dos espumantes Elementos Ar Brut e Elementos Ar Moscatel. A Dunamis participa do evento dentro do espaço do Instituto Brasileiro do Vinho.

ENOMATIC

A Enomatic é a líder mundial em sistemas de serviço e preservação de vinhos. Presente em mais de 70 países, conta com mais de 7.000 instalações em todo o mundo.

ENOTECA REGIONALE EMÍLIA-ROMANHA

A Enoteca Regional Emilia-Romagna é uma associação que opera desde 1970 para a promoção e valorização do patrimônio vinícola regional. Essa finalidade foi reconhecida em 1978 pela região Emília-Romanha que, através de uma lei especial, definiu a Enoteca como “o instrumento mais idôneo para promover o vinho regional na Itália e no exterior”.

Enzo Boglietti

“Azienda Agricola Enzo Boglietti” é uma vinícola italiana localizada na cidade de La Morra, na região de Piemonte, que é conhecida por seus vinhos surpreendentes e de altíssima qualidade. Com fortes raízes familiares, eles sempre produziram vinhos a partir de uvas cultivadas em suas propriedades. A disposição dos vinhedos numa localização privilegiada e o alto conhecimento de seus fundadores permitem à vinícola “Enzo Boglietti” produzir vinhos de nível TOP MUNDIAL, como Barolo, Dolcetto, Barbera e NebbioloLanghe, que são cada vez mais bem conceituados pelos Sommeliers e profissionais do mundo vinícola internacional.

EXPORT UNION ITALIA

EXPORT UNION ITALIA é uma organização especializada em exportação, capaz de oferecer vinhos de cada região de vinho italiano. A gama extremamente variada abrange diferentes tipos de vinho - desde vinhos premium a baixo custo, mantendo sempre a qualidade de seus produtos.

FEV

A Federação Espanhola do Vinho (FEV) nasceu em 1978 como a organização privada mais representativa que agrupa o setor vinícola espanhol, tanto produtores como comercializadores de qualquer tipo de produto vinícola. Pertencem à FEV mais de 700 empresas, diretamente ou indiretamente ligadas às principais associações regionais e setoriais. Os objetivos da FEV, além da defesa da imagem do vinho como alimento básico da dieta mediterrânea diferenciado de outras bebidas, focam na procura do melhor clima possível para as empresas desenvolverem a sua atividade.

F & m Vinhos LDA.

F & Vinhos Lda., fundada em 1995, especializou-se no desenvolvimento de vinhos e marcas, para os diferentes mercados e tipos de consumidor. Do seu “portfolio” exporta Vinho do Porto, Vinhos DOC do Douro, Dão, Alentejo, Vinhos Verdes e vinhos de mesa das diferentes regiões de Portugal.

Fattoria Poggio Capponi di Giovanni Rousseau Colzi

Situada no coração da Toscana, em Montespertoli, próximo à Florença, a vinícola se estende sobre uma superfície de 350 hectares. Sua filosofia é produzir vinhos de ótima qualidade e preço. Seu vinho mais representativo é o Chianti DOCG, que já obteve numerosos reconhecimentos dos guias enológicos mais famosos.

| EXPOVINIS BRASIL 2013 MAGAZINE | www.expovinis.com.br


26

N OV I DA DE S

EXP O V INI S BR A S I L 2 0 1 3

Feudo Santa Tresa la rasina

Seu nome deriva da transcrição do nome Teresa no dialeto siciliano, que foi substituído por Tresa. O Feudo de Santa Tresa está situado a poucos quilômetros do mar, perto o suficiente para desfrutar de todas as vantagens que isso proporciona.

FRANTOIO ROMANO

Acabam de chegar ao Brasil os Azeites Extra Virgens Ortice e Romano, da marca Frantoio Romano. Cultivados nas seculares colinas de Benevento, na região de Campannia, bem próximo a Nápoles, os azeites são extraídos dos frutos das oliveiras da variedade Ortice e de outros típicos da região. O lançamento oficial será no Brasil, no Expovinis Brasil – Expo Olive, que acontece entre os dias 24 e 26 de abril, no Expo Center Norte-Pavilhão Azul. Os produtos serão comercializados com exclusividade no Brasil por Katia Regina Prado e importadas pelo Emporium Nostrum. Alberto Romano, diretor da marca e a quarta geração à frente do negócio, mantém as terras que pertencem à sua família. A paixão pelo que faz se nota na qualidade do resultado final dos azeites, que realçam sabores de pratos frios, saladas, carnes e peixes.

HENRIQUES & HENRIQUES-VINHOS S.A.

Estabelecida em 1850, a companhia é reconhecida como produtora de vinhos da Madeira clássicos, aos quais são constantemente atribuídos os mais ambicionados prêmios em competições nacionais e internacionais. Verdelho 20 anos - Dourado com tonalidades verdes. Frutas tropicais frescas e aromas picantes e especiarias com um toque de melão. Acidez refrescante e cheia no palato, com sabor inicial de mango e alperce terminando em sabores de abacaxi no palato textural médio, final semisseco e limpo. Um vinho vibrante e atraente.

Il Mandorlo

“Azienda Agrícola Il MandorlodiConcicelli Piero” está localizada na vila de San Casciano Val di Pesa, na região da Toscana. Alí é o local de origem de produção dos famosos vinhos ChiantiClassico DOCG.

| EXPOVINIS BRASIL 2013 MAGAZINE | www.expovinis.com.br

Ao antigo e tradicional processo de envelhecimento dos vinhos em barris de carvalho dentro das cavas subterrâneas, foi somada uma nova e supermoderna estrutura tecnológica, dotada de tanques especiais para efetuarem a fermentação “termo-regulada”. Assim, usando os benefícios da modernidade, mas sempre respeitando a história e as tradições típicas da região da Toscana, a vinícola “Il Mandorlo” produz vinhos ChiantiClassico do mais alto nível.

Importadora Barrinhas

Desde a sua fundação, em 1990, a Barrinhas importa produtos dos principais países da Europa e América do Sul. Com um portfólio amplo, e com um único objetivo, importar vinhos e alimentos com qualidade e prestígio internacional. Opera em todo o país, somente com produtos importados diretamente e exclusivamente. No Rio de Janeiro e em São Paulo, a Barrinhas possui escritórios próprios e um time de vendas estruturado por segmento de mercado. Em outros estados, trabalha com escritórios representantes, também estruturados por segmento de mercado. Este ano, a Barrinhas apresentará, novamente, a água das pedras, uma água fácil de beber e de um prazer surpreendente em qualquer ocasião. Especialmente preparada para preparar o paladar, ativando as papilas gustativas para uma boa refeição ou para a degustação de importantes vinhos.

JF HILLEBRAND

A JF Hillebrand é uma empresa exclusivamente especializada no transporte e logística internacional de bebidas e alimentos, desde 1844. Conta com estrutura própria em 44 escritórios, em 27 países, e mais de 1.300 profissionais qualificados e dotados de profundo conhecimento no segmento de bebidas.


27

N OV I DA DES

EX PO V INIS BR A S I L 2 0 1 3

João Almeida D’Eça

A Quinta Nossa Senhora do Loreto situa-se em plano Alto Douro vinhateiro, região classificada pela UNESCO, em 2001, como patrimônio da humanidade na categoria de Paisagem Cultural. O atual produtor e proprietário, desde 1987, tem associado nos 9 hectares que constituem a quinta a tradição vinhateira do Douro às novas técnicas vitivinícolas, privilegiando as castas autóctones. Mantendo a tradição, o produtor tem associado as vinhas velhas com mais de 25 anos com novas plantações com clones selecionados, com produção sustentável amiga do ambiente. Em 2007 o produtor criou a marca D’Eça para os vinhos produzidos na quinta. Os vinhos D’Eça são vinhos de autor, vinhos de quinta produzidos de forma sustentável com uvas criteriosamente selecionadas exclusivamente das vinhas da Quinta Nossa Senhora do Loreto, com vinificação conduzida em lagar de inox e de granito com temperatura controlada. As massas vínicas são sujeitas a uma maceração pré-fermentativa por um período de duas a três semanas, operando-se a fermentação maloláctica em barricas de carvalho francês e americano, criteriosamente escolhidas com estágio por um período de 9 meses.

José Maria da Fonseca Vinhos, S.A

Inovação e tradição – um título que poderia qualificar de imediato o trabalho da José Maria da Fonseca. Um negócio de família, com quase dois séculos de história, que, sem nunca repousar sobre as glórias conquistadas, tem sabido modernizar-se. A José Maria da Fonseca exerce a atividade vinícola desde 1834, fruto da paixão partilhada de uma família que tem sabido preservar e projetar a memória e o prestígio do seu fundador. Consciente da responsabilidade de ser o mais antigo produtor de vinho de mesa e de Moscatel de Setúbal em Portugal, a José Maria da Fonseca obedece a uma filosofia de permanente desenvolvimento, o que a leva a investir sempre mais em suportes de investigação e de produção, aliando as mais modernas técnicas ao saber tradicional.

JUSTINO’S, MADEIRA WINES, S. A.

Está estabelecida na Ilha da Madeira desde 1870. É um dos mais antigos produtores e exportadores de vinho da Madeira e na atualidade é líder do mercado de exportação e pela reconhecida excelência dos seus vinhos. Em 1993, internacionalizou-se, associando-se a um dos maiores grupos franceses de distribuição de bebidas alcoólicas e construiu novas instalações, amplas e modernas. Dispõe de estoques de vinhos de alta qualidade, envelhecidos em cascos de carvalho. De entre os diversos vinhos que exporta, chama a atenção para os Colheitas que, sem qualquer dúvida, deliciam o conhecedor mais entendido.

LaRasina

Foi fundada em 1970 por Santi Mantengoli, mas só no final de 1980, sob a gestão de Vasco Mantengoli iniciou o cultivo de uvas. A vinícola produz atualmente 30.000 garrafas de Brunello di Montalcino, 20.000 garrafas de Rosso di Montalcinoe 10.000 garrafas deI GT Toscana Sangiovese, bem como uma quantidade significativa de azeite extra -virgem. Preve-se um aumento de produção nos próximos anos à medida que a adega expande a sua produção. La Rasina recentemente abriu a sua vinícola ao público e também oferece aos visitantes a oportunidade de desfrutar de degustações de vinhos guiadas. La Rasina é uma das vinícolas que estarão participando com a Cooperativa La Spiga e pode ser encontrado no estande.

La valle franciacorta

A “La Valle di Pezzola” está localizada na Itália no coração das colinas viníferas da província de “Franciacorta”, na região da Lombardia. Especializada na produção do melhor e mais famoso espumante italiano, o TOP MUNDIAL “Franciacorta”, ela vem desenvolvendo seus produtos com amor, paixão e tecnologia de ponta. Atualmente, a “La Valle” se transformou num referencial no mercado de espumantes de Franciacorta, respeitada pelo mercado e desejada pelos admiradores.

| EXPOVINIS BRASIL 2013 MAGAZINE | www.expovinis.com.br


28

EXP O V INI S BR A S I L 2 0 1 3

N OV I DA DE S La Mannella

De propriedade da família Cortonesie abrange uma propriedade de 56 hectares, dos quais 8 são plantadas com vinha sob a denominação Brunello di Montalcino. A vinícola iniciou a produção no início da década de 1970 e tem vinhedos localizados em algumas das partes mais prestigiadas da área ao norte e ao sudeste da vila de Montalcino. La Mannella é uma vinícola jovem e só começou a engarrafar os seus próprios vinhos, em 1990. A adega é gerida pelas tradições familiares,integrando-as com a tecnologia moderna para garantir que os vinhos produzidos são de um nível muito alto.Junto com Brunello, a vinícola também vende Rosso di Montalcino e Brunello di Grappa. La Mannella participa no Expovinis com a Cooperativa La Spiga Montalcino e pode ser encontrado no estande.

Lario Importação e Exportação de Bebidas LTDA

É uma empresa brasileira, com sede em Curitiba (PR), que atua no comercio internacional de vinhos e produtos alimentícios, entre Itália e Brasil. Os administradores são empreendedores italianos com um profundo conhecimento do mercado e da realidade econômica brasileira.

LE MASCIARE

A Le Masciare Winery situa-se no sul da Itália, na região das colinas circundantes da Campânia. Esta é uma terra com vocação centenária para a criação de vinhos de alta qualidade, e são os únicos vinhedos da região onde são produzidos 3 vinhos DOCG.

Luciani

Abrange 50 hectares, localizados nas encostas orientais das colinas de Montalcino. A família tem sido associada com a tradição vinícolada área desde 1800, ainda que a primeira garrafa de Brunello de Montalcino tenha sido produzida em 1990. A partir dos seis hectares de Sangiovese,a variedade de uva principal da Toscana, Luciani produz Brunello di Montalcino e Rossodi Montalcino, de alta qualidade. O uso de

| EXPOVINIS BRASIL 2013 MAGAZINE | www.expovinis.com.br

tecnologias modernas ao lado das tradições do vinho mostra que os vinhos Luciani são exemplos muito típicos de vinhos Montalcino: vermelho rubi com tons granada intensos, aromas frutados e quentes embora equilibrados no paladar. Luciani é uma das vinícolas que estarão participando com a Cooperativa La Spiga e pode ser encontrada no estande 66.

MALBEC

A Malbec do Brasil é uma importadora de vinhos e bebidas finas que oferece qualidade e prima pela excelência no atendimento de seus clientes, presente há 12 anos no mercado brasileiro. “Temos orgulho de fazer parte do desenvolvimento do mercado de vinhos no Brasil, proporcionando aos nossos clientes toda a magia e cultura que o vinho representa. Toda essa experiência dividimos com você, com uma criteriosa seleção de vinhos apresentada no ExpoVinis Brasil 2013.

Manimurci

A empresa se situa no coração dos Apeninos Campanos e produz vinhos de alta qualidade com o selo DOCG, além de distribuir uma vasta seleção de vinhos italianos.

MASTERPRINT

Atuamos no mercado desde 1976 com o compromisso de fornecer produtos e serviços de alta qualidade e confiabilidade, utilizando equipamentos de ultima geração. Resultado desta postura, conquistamos, no ano de 2000, a certificação internacional ISO 9001 no segmento de rótulos, etiquetas e impressos de segurança.

MAXXIMA

É uma trade registrada na ANVISA, que importa vinhos e importa para terceiros, além de fazer a logística de distribuição Nacional. Conta com uma carta de vinhos da Espanha, França, Itália e de Israel.


29

N OV I DA DES

EX PO V INIS BR A S I L 2 0 1 3

NAPIER WINERY N A P I E R

W I N E RY

é uma empresa familiar situada em um magnífico vale perto de Wellington, no Cabo Ocidental, que deve seu nome a Sir George Napier, Governador do Cabo da Boa Esperança (1837-1843), que se distinguiu pela abolição da escravatura. O atual proprietário, Michael Loubser, comprou a fazenda em 1989. Num curto espaço de tempo atualizou todas as instalações. Atualmente, Napier, sob o olhar atento do enólogo Leon Bester, se esforça para fazer vinhos premium que consigam alcançar o ranking dos melhores do mundo, enquanto reflete o calor das suas raízes africanas. WELLINGTON SOUTH AFRICA

OBRA PRIMA Importadora e Exportadora, foi fundada em fevereiro de 2004 e é assessorada por enólogos, sommeliers e conhecedores de enologia, com o objetivo de difundir a cultura do vinho no Brasil. Iniciou suas operações com a denominação de Dalçoquio Importadora. A Obra Prima Importadora é responsável pela importação com exclusividade das bodegas mais renomadas e premiadas da Argentina, África do Sul, Chile, Espanha, França, Itália e Portugal, sempre com o cuidado em selecionar os melhores produtos para trazer ao Brasil,

ORNELLA MOLON

A empresa nasceu da paixão incondicional e da dedicação constante de um casal de empresários pelas uvas e pelo vinho. Uma história feita de trabalho, de pequenos gestos e atenções cotidianas, de amor pelo próprio território e pelo trabalho. São vinhos que sabem seduzir e conquistar por suas peculiaridades, que se tornam expressões da cultura, porta-vozes de um estilo e um gosto imediatamente reconhecíveis junto ao público.

OW INTERNATIONAL

é uma empresa Portuguesa que se dedica exclusivamente à produção e ao comércio internacional de Azeites e Vinhos de alta qualidade, contando com mais de 20 anos de experiência profissional no setor alimentar, com especial foco, no setor dos Azeites e Vinhos. Com seus azeites, nos últimos 5 anos, ganhou mais de 15 medalhas de ouro nos mais importantes concursos internacionais, tendo alcançado, em 2011, no principal concurso mundial de azeites, “Mário Solinas”, o prêmio do melhor azeite do mundo, na classe “Frutado Médio”.

PAVILHÃO DA FRANÇA Sob a autoridade do Ministério do Comércio exterior, a UBIFRANCE é uma agência pública francesa, cuja principal missão é promover o desenvolvimento internacional das empresas francesas, desde o diagnóstico de exportação, feito em escala regional até a implantação dos projetos nos mercados internacionais.

PERDERBERG

Perdeberg Winery foi fundada em 1941 e pressionou manualmente as suas primeiras uvas em 1942. As terras plantadas abrangem mais de 2.070 hectares, cobrindo as áreas de Paarl, Malmesbury, Durban ville and Agter Paarl. As suas vinhas de terras secas criam melhor concentração de fruta do que videiras submetidas a práticas artificiais, como a irrigação, melhorando a qualidade de vinho final.

PERICÓ

Ensolarado e com noites frias, o Pericó Valley, em São Joaquim, foi o escolhido para abrigar o vinhedo da Pericó por seu terroir de altitude. A preparação das terras teve início em Fevereiro de 2003 e durou 2 anos. O plantio das mudas francesas das variedades Cabernet Sauvignon, Pinot Noir, Merlot, Chardonnay e Sauvignon Blanc começou no

| EXPOVINIS BRASIL 2013 MAGAZINE | www.expovinis.com.br


30

N OV I DA DE S

EXP O V INI S BR A S I L 2 0 1 3

fim de 2004. Na primeira fase, foram 15 hectares de área cultivada. A cada safra, até atingir a maturação, as uvas são avaliadas, semanalmente, para serem colhidas no pico máximo de cor e açúcares. Assim é possível elaborar vinhos estruturados e de alta qualidade.

PIZZATO

Em 1999, a Familia Plinio Pizzato constitui a PIZZATO Vinhas e Vinhos com o objetivo de agregar a elaboração de vinhos finos ao já existente cultivo de videiras vitisvinifera, ao qual se dedica há 4 gerações no Brasil. Os integrantes da Família são os responsáveis por todo o processo que faz do vinho uma bebida de identidade única, da produção de uvas à elaboração e comercialização dos vinhos, gerando um diferencial de entusiasmo, dedicação e personalidade.

PROARGEX

A meta da PROARGEX é aumentar, de forma sustentável, as exportações agroalimentares argentinas, com especial ênfase na diferenciação e no valor acrescentado de empresas locais de pequena e média dimensão. O seu grande objetivo é expandir os mercados de exportação em todo o mundo. Para atingir este objetivo, o projeto promove pequenas e médias empresas argentinas, presentes no mercado internacional, por meio de ações como: acesso a informações de mercado, suporte na exportação e atividades promocionais que visem reforçar as vendas no exterior.

Produttori di Govone

É constituída por 200 associados provenientes das três maiores áreas de produção vinícola da Região do Piemonte: Langhe, Roero e Astigiano. Juntos, têm uma produção de aproximadamente 25.000 Hl/ano, o que representa um total de 2.500.000 garrafas/ano. Os seus produtos de altíssima qualidade, são atualmente exportados para USA, China, Dinamarca, Alemanha, Espanha, Suécia, Áustria e Polônia.

| EXPOVINIS BRASIL 2013 MAGAZINE | www.expovinis.com.br

QUINTA DAS APEGADAS

A Sociedade possui a Quinta das Apegadas em Cidadelhe e a Quinta Velha no Peso da Régua. A primeira vindima para marca própria foi feita em 2004 e dois anos depois foi construída, na Quinta Velha, uma nova adega. O Enólogo é, desde o primeiro dia, o Eng. Rui Cunha. A consistência da qualidade dos vinhos tem sido reconhecida em Concursos Internacionais e em notas de prova de jornalistas especializados, tanto portugueses como estrangeiros. O Brasil é, desde 2010, um dos principais clientes da empresa sendo a Quinta das Apegadas representada pela Premium Wines, sediada em Belo Horizonte.

Quinta do Gradil Parras Seleção de Enólogos

Parras nasce da grande paixão de Luís Vieira pelo mundo do Vinho, incutida pelas gerações passadas da sua família. Este projeto pessoal, com a assinatura “Seleção de Enólogos”, assenta sobre um conceito inovador, em que Luís pretende apresentar ao mercado de vinhos que representem em pleno a sua interpretação das características de cada região onde são produzidos.

QUINTA DE SANTA EUFÊMIA

A Quinta de Santa Eufêmia fica localizada na margem esquerda do rio Douro, a uma altitude de 300 metros, entre Peso da Régua e Pinhão, no coração da região vinícola demarcada mais antiga do mundo – O DOURO. Os 40 hectares de vinha desta Quinta, atualmente produz 36% em vinhos do Porto e 64% em vinhos Douro e Távora-Varosa, refletindo-se as vendas no mercado nacional em 30% e no mercado externo em 70%. Os vinhos, aqui produzidos, nascem da atenção, cuidado e carinho de quem os trabalha (Pedro e Lúcia Carvalho), refletindo -se numa qualidade que fala por si.


31

N OV I DA DES

EX PO V INIS BR A S I L 2 0 1 3

QUINTA DE SÃO SEBASTIÃO

Produção de vinhos de qualidade e prestígio, com grande criatividade nos blends, capazes de competir com as melhores produções nacionais e internacionais, no que diz respeito a vinhos de qualidade. Isto é, abraçar de corpo e alma o desafio de fazer renascer a região de Lisboa ao nível da produção de vinhos.

Quinta do Convento

Fundada em 1540, a Quinta do Convento de Nossa Senhora da Visitação pertenceu a Afonso de Albuquerque, vice-rei da Índia, durante o século XIX. O visconde de Chanceleiros transformou a propriedade, bem como as suas vinhas. Durante mais de quinhentos anos a Quinta do Convento conheceu apenas cinco proprietários diferentes, mantendo sempre uma estrutura familiar. Hoje produz vinhos de elevada qualidade que são comercializados sob a marca Quinta do Convento de Nossa Senhora da Visitação, que se distinguem por uma elevada longevidade e suave elegância e deliciam os amantes dos vinhos pelo seu sabor e aromas genuínos.

QUINTA DO INFANTADO VINHOS DO PRODUTOR, LDA

No Infantado, Vale do Gontelho, freguesia de Covas do Douro, a Familia Roseira iniciou há três gerações a vinificação e produção de vinhos do Porto e Douro, produto final do “Terroir”, das castas nobres, genuínas, e do trabalho de gerações que criaram a “Primeira Região Vinícola Demarcada e Regulamentada”. Na história secular do vinho do Porto, temos o orgulho de ser o primeiro Produtor-Engarrafador a vinificar exclusivamente as uvas da nossa produção, a produzir e comercializar vinhos de categorias especiais. Os nossos vinhos do Porto e Douro distinguem-se pelas suas características genuínas, indo ao encontro das expectativas de clientes e amigos que, há mais de trinta anos, nos acompanham nesta missão, ímpar, de criar vinhos de excelência.

QUINTA DO ROMEU

Provavelmente os melhores vinhos do mundo são produzidos por uma família numa num terroir específico, ao longo de gerações. Desde 1874 que a família Menéres produz vinhos do Porto e DOC Douro em 25 hectares de terras de xisto. A altitude média de 320 metros e as noites frescas durante a maturação conferem aos seus vinhos frescura e elegância, mas com caráter intenso, como são os vinhos do Douro. São vinhos gastronómicos, com caráter, secos e muito aromáticos, frutados e equilibrados. No Romeu nada é plano: nem a paisagem, nem o clima, nem as pessoas, nem os aromas.

QUINTA DO SAGRADO

Uma das mais emblemáticas Quintas do Douro, situada junto á foz do Rio Pinhão, coração do Alto Corgo e do Douro. Pertence á família Calem (agora na sua 5ª e 6ª.gerações) há cerca de 150 anos, sendo antes da firma A.A.Calem& Filho, Lda. Como na sua origem não existiam nem comboios nem caminhões-tanques, foi dimensionada para acolher os vinhos do Porto feitas na Quinta e nos lavradores da Região e daí transportados por Barco Rebelo (família Monteiro de Bitetos, Alpendurada) até os armazéns centrais na Av. Diogo Leite, em Vila Nova de Gaia. Bordejando o Rio Douro, existem umas casas originais com uma localização privilegiada. Está em curso um projeto de recuperação que lhe permitirá, uma vez terminado, receber os seus parceiros de negócios, fazer sentir o Douro e efetuar provas dos seus vinhos. No Romeu nada é plano: nem a paisagem, nem o clima, nem as pessoas, nem os aromas.

QUINTA DOS AVIDAGOS

Empresa familiar, dedicada à produção de vinhos de qualidade com raízes que datam desde 1640. Gere 4 propriedades na Região Demarcada do Douro.

| EXPOVINIS BRASIL 2013 MAGAZINE | www.expovinis.com.br


32

N OV I DA DE S

EXP O V INI S BR A S I L 2 0 1 3

Ridis

Ridis se propõe, como parceiro para a seleçao e fornecimento de vinhos, destilados e produtos alimentares da Italia, Europa e paises do Mar Mediterraneo. A proposta da RIDIS é de produtos da faixa medio-alta, com produçao limitada e garantia de produtos tipicos e do proprio território. As empresas parceiras da Ridis são selecionadas pelo respeito da tradiçao que acompanha a atividade na vinha até a adega, acentuando a expressão do território de onde pertencem e assim compondo um mapa ideal das excelências italianas e europeias no setor vinícola, de olivicultura e alimentar.

Os melhores vinhos espumantes Abrau-Durso são criadas por um dos lendários enólogos de Champagne Hervé Jestin, produzido pelo francês méthod e traditionelle, feito de uvas tradicionais, como Pinot Blanc, Pinot Noir, Chardonnay e Rieslinge envelhecido em túneis de montanha sempre por mais de três anos.

Salvano

RISO

Quando escolhemos o nome RISO para o vinho, quisemos ir mais longe do que apenas escolher uma marca, quisemos proclamar uma atitude! Uma forma de estar na vida! Positiva, alegre, inconformista, de partilha e com o sentido do tempo… O estilo de vinhos que idealizamos, de que as primeiras colheitas têm dando sinais extremamente animadores, são vinhos que traduzam bem o terroir, vinhos naturais (com isto estamos a dizer que são vinhos quase sem manipulação), vinhos de blend, vinhos elegantes, equilibrados, com boa acidez e com potencial de envelhecimento. No fim de Dezembro e, agora no início de Janeiro de 2013, recebemos duas boas noticias que nos animam e reforçam que estamos no rumo certo. Ambas relacionadas com o RISO colheita tinto 2011. uma vinda dos Estados Unidos, que foi a classificação de 87 pontos, dada pelo critico internacionalmente reconhecido Mark Squires, e, outra, o prêmio recebido na Alemanha, no âmbito da Premium Select Wine ChallengeProWein 2013.

RUSSIAN SPARKLING WINE HOUSE ABRAU-DURSO

Abrau Durso, a maior e mais antiga casa de vinhos espumantes russa, foi criada diretamente pelo dito imperial do czar AlexandreII, em 1870. Nos últimos 140 anos Abrau Durso tornou-se uma parte importante da história da Rússia e uma verdadeira tradição. Hoje a tradição continua, com a adega fornecendo um verdadeiro símbolo de luxo para a elite russa e os Chefes de Estado. Desde a virada do séculoXX, a vinícola foi completamente modernizada, resultando em uma gama de vinhos que estão sendo novamente reconhecidos com prêmios em todo o mundo.

| EXPOVINIS BRASIL 2013 MAGAZINE | www.expovinis.com.br

Os seus produtos, fruto do constante trabalho nas vinhas e da dedicação a uma terra dura e rica ao mesmo tempo, estão começando a ser reconhecidos por muitos. A cantina é uma empresa moderna, voltada para clientes selecionados e aficionados por produtos de alta qualidade, e obtém grande sucesso com esse foco.

SIVIPA

A Sivipa – Sociedade Vinícola de Palmela S.A., foi criada em 1964 por um grupo de vitivinicultores que se uniram, com o objetivo de engarrafar os vinhos das suas produções e os colocar no mercado. Na década de 90 entrou para o capital da sociedade uma das famílias com maior tradição na produção de vinhos da região de Palmela, a família Cardoso, que através dos seus 400 hectares de vinhas, e com produções na ordem de dois milhões de litros anuais, assegurava uma maior homogeneidade na qualidade dos vinhos. Nesta altura começou-se a apostar nos vinhos certificados e de maior qualidade. Atualmente a Sivipa é uma sociedade com grande reputação na produção de vinhos e moscatéis.

Scagliola

A vinícola “Azienda Agricola Scagliola” está situada na pequena localidade de “Calosso”, ao sul da região de Piemonte. Dotada de terras propícias à vinicultura e com características únicas que ao longo do ano trabalham silenciosamente para produzirem vinhos de excelente qualidade.


33

N OV I DA DES

EX PO V INIS BR A S I L 2 0 1 3

SMARTBUY WINES

A SmartBuyWines é uma importadora e distribuidora de vinhos que atua no mercado brasileiro desde 2009. Descobrimos e importamos vinhos pontuados a preços baixíssimos. Nossa especialidade são os vinhos da Califórnia, Oregon e Washington, cujas safras visitamos religiosamente há mais de 20 anos. Renomadas regiões como Napa, Russian River, DryCreek Valley, Alexander Valley, Sonoma , Paso Robles, Central Coast, Central Valley, Lodi, WallaWalla e Willamette fazem parte do nosso catálogo. Nosso portfólio de vinhos californianos é o maior e mais completo do Brasil. Contamos com, desde uma linha econômica até chegar aos ícones internacionais como: ChateauMontelena, Silver Oak, ArcherySummit e muito mais. Nosso Centro de Distribuição fica localizado na cidade de Itajaí, Santa Catarina, e mantemos show room em São Paulo, no Itaim.

SOCIEDADE AGRÍCOLA ENCOSTA DO GUADIANA, LDA

O grupo Paço do Conde, constituído por varias empresas dos irmãos José, Luísa e Miguel Castelo Branco, explora atualmente 4.000 hectares de área agrícola no baixo Alentejo. Entre as margens do rio Guadiana e os solos de Beja, os irmãos Castelo Branco exploram propriedades cobertas com vegetação típica. Em 2002, nasceu a Sociedade Agrícola Encosta do gaudiana, Lda (SAEG), empresa produtora de vinhos do Sul do Alentejo, bem como a moderna adega, integrada em construções agrícolas da Herdade Paço do Conde, marcados pelo traço tradicional e típico da edificação alentejana de cem anos. Feitos sob a direção técnica do enólogo Rui Reguinga, os vinhos resultam de combinações harmoniosas entre castas nacionais e estrangeiras. Toda a gama de vinhos Paço do Conde tem um perfil moderno e corresponde à procura actual do mercado; desde os vinhos mais acessíveis e prontos a beber até aos vinhos de grande guarda, hoje entre os melhores do Alentejo. Chardonnay e Rieslinge, envelhecido em túneis de montanha, sempre por mais de três anos.

Società Agricola Ciù Ciù di Bartolomei Massimiliano & Bartolomeu Walter SS

CiùCiù, vinícola italiana presente no cenário nacional e internacional há mais de 50 anos, dispõe de 150 hectares de vinhas e produz vinhos orgânicos. Situada na região de Marche, a poucos quilômetros de Offida – uma linda cidadezinha medieval repleta de eventos e tradições. A vinícola foi fundada em 1970 pelo casal Natalino e Anna Bartolomei. Hoje, a empresa familiar é conduzida pelos filhos Massimiliano e Walter, com toda a paixão, a experiência e a sabedoria do pai.

TAMBULADEIRA

Insígnia de muitas confrarias báquicas, é uma pequena taça de metal, em forma de concha, usada tradicionalmente pelos escanções na prova do vinho, permitindo avaliá-lo quanto à cor, corpo e aroma. Mas, TAMBULADEIRA é também, agora, o nome a uma nova empresa exportadora de vinhos portugueses para um mercado estratégico: o Brasil. Assim, como o próprio ‘instrumento’ de prova, TAMBULADEIRA permitirá ao importador brasileiro degustar o vinho português em todo o seu esplendor, sabor e tradição. Numa economia globalizada, TAMBULADEIRA assume o seu diferencial, reduzindo custos, meios e tempo ao importador, que terá apenas um interlocutor e um vasto apoio em marketing e divulgação no território brasileiro, no acesso a uma bolsa de nove produtores portugueses, de algumas das principais regiões, rigorosamente selecionada, com uma excelente relação qualidade/preço, num portfolio que totaliza 26 vinhos diferentes.

TEMPS DU VIN

Importadora de vinhos , espumantes e acessórios, localizada em Belo Horizonte MG, São Paulo SP e Rio de Janeiro RJ. Conta com uma linha de produtos cuidadosamente selecionada, e que traz para o Brasil, com exclusividade, produtos de diversas regiões da Itália. Fornece para todos os setores, com serviço de pós venda e treinamentos para toda a sua equipe. Atende todo o Brasil. Para o Expovinis Brasil 2013 destaca-se o espumante Foss Marai, taças e copos inquebráveis e muitos outros produtos.

| EXPOVINIS BRASIL 2013 MAGAZINE | www.expovinis.com.br


34

N OV I DA DE S

EXP O V INI S BR A S I L 2 0 1 3

Tenuta Roletto Sca

A empresa se encontra em Cuceglio, uma localidade situada entre as colinas verdes de Canavese, no norte do Piemonte. Essas terras deram vida à nossa história, aos nossos vinhedos e aos nossos vinhos. A Erbaluce é antiga e autóctone videira que, graças à sua ductibilidade, permite a fabricação de vinhos como Passito e Método Clássico.

VALLE PRADINHOS

O Casal de Vale Pradinhos é uma exploração agrícola com 350 hectares e que celebra os seus 100 anos de existência em 2013. Os vinhos aqui produzidos são uma combinação de castas indígenas, como a Touriga Nacional, Tinta Roriz, Tinta Amarela e Malvasia Fina, e reputadas castas internacionais, nomeadamente Cabernet Sauvignon, Gewürztraminer e Riesling. Maria Antónia Pinto de Azevedo Mascarenhas é a atual proprietária do Casal de Vale Pradinhos. A sua filha, Maria, será a 4ª geração de mulheres diretamente envolvidas na gestão da propriedade. Um terroir do Velho Mundo e uma equipe enológica entusiasta são a combinação perfeita para a produção de vinhos portugueses de classe mundial.

VIÑA APALTAGUA

A história de Viña Apaltagua começou há 17 anos, quando o empresário americano Edward Tutunjian estava de férias, no Chile, e se encantou pelo país e seus vinhos surpreendentes. Foi nesse momento que decidiu investir no país, e adquiriu seu primeiro vinhedo, La Pancora, localizado na região sétima do Chile, no prestigiado Curicó Valley. Com o objetivo de aumentar a área da superfície plantada, bem como da variedade de uva, várias outras propriedades foram adquiridas permitindo ter diversidade nos vinhos, consoante as qualidades que cada Denominação de Origem oferece.

| EXPOVINIS BRASIL 2013 MAGAZINE | www.expovinis.com.br

VINÍCOLA AURORA

A Vinícola Aurora, que acaba de celebrar 82 anos de história, estará mais uma vez no Expovinis. Instalada no stand 82 do Pavilhão Azul, o espaço estará aberto para o atendimento de todos os interessados na degustação de seus vinhos mais selecionados. A maior vinícola brasileira, como em todos os anos, leva novidades à Feira. Os vinhos com Indicação de Procedência de Pinto Bandeira (elaborados com uvas cultivadas naquele terroir, na segunda região demarcada de vinhos do Brasil), estão entre os destaques da vinícola: o mais novo deles, Aurora PinotNoir Pinto Bandeira, e o AuroraChardonnay Pinto Bandeira, apresentado em primeira mão no Expovinis do ano passado. Os dois vinhos com Indicação de Procedência da Aurora mostram o êxito do projeto da vinícola em Pinto Bandeira, região mais alta da Serra Gaúcha, que se destaca pela excelência das variedades Chardonnay, PinotNoir e Riesling.

VINÍCOLA SALTON

Reconhecida como uma das principais vinícolas do país, é líder na comercialização de espumantes e frisantes no mercado nacional e responsável por alguns dos vinhos mais premiados do País. A empresa busca sempre oferecer produtos que aliem a qualidade excepcional de suas uvas aos sofisticados métodos de produção utilizados na vinícola. Com unidade localizada no distrito de Tuiuty, em Bento Gonçalves/RS e em São Paulo, a Salton espera receber cerca de 100 mil visitantes para este ano. Centenária e 100% brasileira, a empresa elabora vinhos, espumantes, frisantes, e suco de uva, todos de altíssima qualidade.

VINHOS NORTE

Presente no mercado desde 1971, a empresa Vinhos Norte firmou-se ao longo das décadas como um dos principais produtores de Vinho Verde em nível nacional. O percurso de crescimento foi sempre pautado pela inovação, seja na técnica ou na produção de enologia. A empresa possui um moderno centro de vinificação e 5 linhas de engarrafamento (garrafa, garrafão, espumante e bag-in-box) que permitem uma resposta eficaz perante as solicitações internacionais. O intento da Vinhos Norte é proporcionar ao consumidor vinhos jovens e plenos de aromas, provenientes das castas da Região e projetar para fora do nosso País o que de melhor sabemos fazer.


35

N OV I DA DES

EX PO V INIS BR A S I L 2 0 1 3

vinos de Navarra

Navarra é uma comunidade autônoma da Espanha, cujo território corresponde a uma das regiões com os vinhos mais interessantes e de qualidade do País. A região vinícola Navarra faz fronteira ao Norte, com a França (Pirineus Atlânticos) e, ao Sul, com La Rioja. A capital de Navarra é Pamplona, que se situa a norte da região vinícola. A sua localização especial, entre La Rioja e Bordeaux, realça a experiência e inspiração de ambas as regiões, aperfeiçoando o estilo individual do seu vinho.

VINOS DE LA ESPANÃ DE DON QUIJOTE

Localizada na região central da Espanha, no meio de uma das maiores áreas vinícolas do mundo, a Castilla-La Mancha elabora alguns dos melhores vinhos do País. Os vinicultores têm conseguido juntar o sabor tradicional dos seus produtos com as técnicas mais avançadas na elaboração e tratamento do vinho. Os mesmos vinhedos, que já viram Dom Quixote montando no seu cavalo, têm se adaptado ao século XXI e, hoje em dia, os vinhos da região têm recebido reconhecimento por todo o mundo.

VINHOS DAMASCENO

Foi em homenagem a Domingos Damasceno de Carvalho que nasceram os vinhos Damasceno, no ano 2003, ano da primeira colheita. Eng.º Nuno Cancela de Abreu, com o talento que lhe é conhecido, assegura a qualidade dos vinhos Damasceno numa adega com a mais recente tecnologia. É assim, aliando a tradição à modernidade, que se vem concretizando o sonho de criar vinhos de referência, numa das mais antigas regiões vitivinícolas de Portugal. Vinhos noturnos. A colheita das uvas é efetuada a noite para que possamos preservar a frescura dos aromas (frutados e florais) próprios de cada casta.

VINHOS QUINTA DA PEDRA ALTA S.A

Estamos implantados em cerca de 90 hectares na Região Cima Corgo da Região Demarcada do Douro e as nossas vinhas estão plantadas na margem do Rio Pinhão, com exposição de meia encosta a sul. Produzimos Vinhos do Douro DOC brancos, Tintos e Rosés, Vinhos do Porto, Espumantes e Azeites.

X Wine – ATS Alcesti

O grupo tem a ambição de produzir e comunicar as qualidades peculiares do território dos vinhos e das pessoas. São seis empresas que escolheram tomar juntas um caminho verdadeiramente tortuoso, com a convicção de que conseguirão promover as denominações das qualidades sicilianas.

W & W WINE

Foi fundada em Agosto de 2001 por dois especialistas em vinhos brasileiros. Em 2011, constituiu uma parceria com a Cantine Leonardo da Vinci, firmando um acordo com a intuição de passar para os seus clientes um vinho italiano de tradição, qualidade, reconhecimento mundial e com o preço justo e acessível.

WINE & SPIRIT EDUCATION TRUST

Foi fundada em 1969 para oferecer uma educação de qualidade e formação em vinhos e bebidas espirituosas. Desde então, a WSET tem se tornado o principal organismo internacional na formação na área de vinhos e de educação.

WINES AND WINEMAKERS BY SAVEN é um conceito, uma seleção, um universo de aromas e sabores, uma cuidadosa seleção de alguns dos melhores vinhos produzidos em Portugal. WINES & WINEMAKERS versa a qualidade, garante a dedicação e o profundo compromisso dos Produtores e Enólogos na busca da excelência. Na retaguarda dos nossos vinhos, estão uvas selecionadas e enólogos exigentes, como: Anselmo Mendes, Frederico Falcão, Jaime Quendera e João Silva e Sousa. por trás das uvas estão as vinhas, solo, condições climatéricas propícias e o saber-fazer acumulado ao longo de gerações. No entanto, o que realmente faz a diferença é a Paixão.

| EXPOVINIS BRASIL 2013 MAGAZINE | www.expovinis.com.br


36

N OV I DA DE S

EXP O V INI S BR A S I L 2 0 1 3

WEINKELLER

O Brasil teve praticamente a comercialização de vinhos alemães extinta, por conta do surgimento de alguns populares que não corresponderam às expectativas, mas, para apresentar um novo conceito ao exigente paladar brasileiro, a distribuidora e importadora “WeinkellerGermanWine”, traz produtos de qualidade ímpar de renomadas vinícolas, como: Wissing, Stern, Pfaffmann, Gries, e KlosterHeilsbruck. Todas localizadas na região do Pfalz, conhecida como a Toscana alemã.

WINES OF CHILE

Associação responsável por divulgar os vinhos premium chilenos no mercado mundial. Representa cerca de 90 vinícolas e, além de sua sede em Santiago, tem escritórios em Londres e Nova York, representantes no Brasil, Canadá, Irlanda e Dinamarca, além de trabalhar em parceria com a ProChile (Direção de Promoção de Exportações, instituição do Ministério de Relações Exteriores do Chile) para desenvolver e oferecer programas promocionais e educacionais na Ásia, América Latina e Europa.

WINES OF PORTUGAL

A associação Vinhos de Portugal é a associação interprofissional do setor vitivinícola português que tem como missão promover a imagem de Portugal, enquanto produtor de vinhos por excelência, valorizando a marca “Vinhos de Portugal” e contribuindo para um crescimento sustentado do volume e do valor dos vinhos portugueses, assim como da sua diversidade. Promove os vinhos portugueses em 11 mercados, sendo o Brasil o seu 2º maior mercado de investimento em ações de promoção - Vinhos de Portugal.

WINES OF URUGUAY

Wines of Uruguay promove a marca de vinho do Uruguai e a sua imagem pelo mundo fora. Seus membros, todos eles proprietários de família, com os mais altos padrões de qualidade de produção representam quase 100% das exportações do país para mais de 60 países. Trabalham em estreita colaboração com o Instituto Nacional de

| EXPOVINIS BRASIL 2013 MAGAZINE | www.expovinis.com.br

Vitivinicultura (INAVI) a difusão do conhecimento sobre as regiões vitivinícolas e a qualidade das uvas, especialmente a Tannat. Além disso, oferece serviços para os seus membros e clientes organizando atividades promocionais nos mais diversos mercados estrangeiros.

WINEPLEASE Brasil

A Wineplease é uma empresa que oferece, como principal produto um winedispenser que permite conservar e servir vinho branco ou tinto em doses pré-estabelecidas, mantendo suas características organolépticas por 4 semanas. Um elegante produto com a qualidade e excelência made in Italy.

Winex

YAYIN SPIRIT

A WineX apresenta as melhores novidades de vinho europeu e argentino. Com um portfolio de vinhos invejável e com uma relação preço/ qualidade imbatível, a nossa equipe consegue oferecer o melhor para os seus clientes.

Jovem importadora e Distribuidora de Vinhos Nacionais e Estrangeiros. Principais marcas comercializadas: Casa Pisani, Aracuri, Almaunica, Corga da Chã, Tunquen e Santa Cruz.


37

N OV I DA DES

EX PO V INIS BR A S I L 2 0 1 3

O

azeite e o vinho formam um par natural desde os tempos mais antigos, por isso, a 3ª Olive Experience ocorrerá paralelamente ao ExpoVinis Brasil 2013, apresentando o que há de mais nobre no mundo do azeite, com produtos portugueses, italianos e argentinos. Não perca essa oportunidade de apreciar esse óleo milenar.

| EXPOVINIS BRASIL 2013 MAGAZINE | www.expovinis.com.br


38

I NFORMAÇÕ E S ENTRADA

Profissionais do Setor Dia 24: 13h às 21h • Dia 25: 13h às 21h • Dia 26: 13h às 20h) Consumidor Final Dia 25: 17h às 21h • Dia 26: 17h às 20h)

ENTRADA GRATUITA

Será concedida apenas para os profissionais que comprovarem o exercício da atividade.

Consumidor Final 1º Lote (Promocional): R$ 50,00 2º Lote: R$ 60,00 3º Lote: R$ 70,00 O ingresso do visitante dá direito a uma taça de cristal alemã, especial para degustação da marca Spinguelau. Obs: Os ingressos vendidos no local serão comercializados pelo valor de 3º Lote.

Estudantes

Estudantes de Gastronomia, Turismo, Nutrição e Enologia terão acesso ao evento mediante pagamento de metade do valor vigente do ingresso, SEM DIREITO À TAÇA. Obs: Para compra de meia-entrada, o estudante deverá apresentar comprovante de matrícula da instituição de ensino. NÃO ACEITAREMOS CARTEIRINHA DE ESTUDANTE E É PROIBIDA A ENTRADA DE MENORES DE 18 ANOS.

HOSPEDAGEM E TRANSPORTE

A organização negociou tarifas especiais com a rede hoteleira para os visitantes do ExpoVinis Brasil 2013. Para isso, basta entrar em contato com a agência de turismo oficial do evento para garantir os valores especiais. SEASON EVENT TRAVEL Telefone: (+ 55 11) 3078-8446 Site: www.season.tur.br

Antecipe-se e compre o seu ingresso para o evento no site www.expovinis.com.br

LOCALIZAÇÃO

| EXPOVINIS BRASIL 2013 MAGAZINE | www.expovinis.com.br


39

| EXPOVINIS BRASIL 2013 MAGAZINE | www.expovinis.com.br



Expovinis Magazine brasil 2013