Page 1

OSS

Amigos do planeta Distribuição Gratuita N°23

l a i r t s u d n I o Revoluçã

Educador Ambiental Outubro/2011 Fevereiro/2011


Apresentação da revista

Índice Menos testes com animais

2

Ecocuriosidade - Ornitorrinco

3

Pets- Dia das aves

4

Especial - Educador Ambiental

5

Concurso de desenho

6

Saúde - Lavar as mãos

7

Outubro - Mês dos animais

8

Passatempos

9

Patrocinadores

10

Dicas práticas para você economizar energia e proteger o planeta 12. Escolha eletrodomésticos de baixo consumo energético Procure por aparelhos com o selo do Procel (no caso de nacionais) ou Energy Star (no caso de importados).

1

(cada mês uma dica)


Governo quer menos testes de produtos com animais O país poderá ter menos testes pré-clínicos ou de segurança com animais. Esse é o objetivo de um termo de cooperação assinado pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária). O termo foi firmado com a Fiocruz, que será o “guardachuva” do futuro Centro Brasileiro de Validação de Métodos Alternativos. De acordo com Maria Cecília Brito, uma das diretoras da Anvisa, o objetivo do centro é desenvolver e validar as chamadas metodologias alternativas de experimentação, que não usam animais para determinar a segurança ou eficiência de um produto. A partir disso, a Anvisa passará a chancelar produtos que, hoje, só são aceitos após comprovações que envolvem animais em laboratório. Esse é o caso, por exemplo, de xampus para crianças (cujos testes tentam identificar se causam ardência nos olhos) e de cremes rejuvenescedores que agridem a pele. De acordo com Isabella Delgado, da Fiocruz, a ideia é ampliar os casos em que o uso dos animais não é necessário. Mas, em situações como teste de potencial de câncer ou riscos na reprodução humana, a substituição dos animais é improvável. “Pensamos na redução e no refinamento, buscando diminuir dor e sofrimento [dos animais]“, diz Delgado. O médico Marcelo Morales, da UFRJ (Universidade Federal do Rio de Janeiro), representante dos cientistas no Conselho de Ética Animal, concorda com Delgado. Para ele, a criação do centro é um caminho para o país desenvolver alternativas à experimentação animal. “Mas em nenhum lugar do mundo não existe experimentação animal”, explica. Morales diz que cada metodologia de experimentação alternativa pode levar até dez anos para ser desenvolvida. Isso é feito com base em pesquisas científicas. Além de desenvolver métodos próprios, o centro deve interligar outros no país nessa área e também chancelar testes já feitos no exterior. De acordo com Brito, da Anvisa, os primeiros resultados, com cosméticos, devem sair em até um ano. Ela acredita ainda que o centro vai estimular que empresas brasileiras optem pelos testes sem animais. “Países mais avançados nessa questão não aceitam testes pré-clínicos com animais. Alguns produtos brasileiros não conseguem mercado fora e outros já lançaram mão desses métodos para vender no exterior”, afirma. Delgado, da Fiocruz, diz acreditar que não será preciso pensar em proibição. “Quando você consegue uma metodologia substitutiva, dificilmente vai optar pelo modelo animal.” Consultado pela Folha, o presidente do grupo ativista “Holocausto Animal”, Fábio Paiva, mostrou-se animado com a criação do centro. “Sou favorável a qualquer passo que possa reduzir o uso de animais em laboratório. É uma luz no fim do túnel.”

Fonte: Agência de Notícias Jornal Floripa

2


Existem centenas de espécies de animais, cada uma com sua característica específica, mas até hoje nenhum ser despertou tanta curiosidade como o ornitorrinco. Os ornitorrincos são ovíparos (põem ovos), mamíferos (amamentam e tem o corpo coberto de pelos) e possuem algumas características de répteis e peixes que são identificadas em seu genoma. Eles têm, em média, 40 cm, a fêmea produz leite para amamentar os filhotes, mas esta não possui tetas. Os filhotes se alimentam do leite que “sai” da pele da mãe. Os machos têm um veneno que pode ser comparado ao das serpentes. Na época da desova a fêmea cava um túnel para colocar os ovos, sendo estes semelhantes aos de tartaruga, e a entrada desses ninhos geralmente é debaixo d'água. Quando nascem eles são cegos e pelados e, por isso, permanecem por um longo tempo dentro do ninho. Os Ornitorrincos têm apenas um dente que é perdido com o tempo. Ele come vermes, girinos, moluscos, crustáceos, peixinhos e insetos. Vive em rios da Austrália e na ilha da Tasmânia. As quatro patas do ornitorrinco têm cinco dedos com garras, no entanto, os machos têm um sexto dedo com uma garra, onde fica localizado o veneno para sua defesa.

Texto por Camila Diniz

3


Dia das aves

PETs

Olá meus amigos! Neste mês de outubro comemora-se no dia 5 o dia da ave. Este dia foi criado para que desperte entre nós a consciência da preservação sobre as aves. A lei sugere que sejam criadas atividades recreativas com participação das escolas e da comunidade. A lei tem como representante central o Sabiá (Turdus Rufiventris), ave considerada popularmente Ave Nacional do Brasil. Já o Estado do Rio de Janeiro designou o Tucanode-bico-preto como sua ave símbolo. As aves são muito importantes para a manutenção do equilíbrio ecológico. Assim como os outros animais, elas desempenham um papel fundamental para a diversidade biológica. Como citei na outra edição desta revista, as aves são grandes semeadoras, favorecendo o reflorestamento. Atitudes como o intenso tráfico de animais e a perda do seu habitat natural por interferência do Homem (queimadas para criação de pastos, barragens de rios para a construção de usinas hidroelétricas, dentre outros) estão contribuindo consideravelmente para a diminuição de nossa riqueza biológica. O Brasil é o terceiro país com o maior número de espécies de aves. É nosso dever preservar o nosso patrimônio faunístico. Poderíamos aproveitar a data para promovermos a consciência de preservação com atividades recreativas onde o papel da ave, e de outros animais, seja ensinado para outras pessoas. Você sabia que as aves são os animais mais frequentemente encaminhados aos zoológicos, em razão desse grupo ser o mais envolvido em acidentes causados com a população humana? Um grande número desses acidentes envolve linhas de pipa, em particular com a família dos Estrigídeos (corujas). Uma convivência pacífica e harmoniosa é fundamental para a saúde física e mental de todos nós. Um grande abraço e até a próxima! Dr. Felipe Facklam contato@felipefacklam.com

4


Especial

15/10 - DIA DO EDUCADOR AMBIENTAL Atualmente, um dos assuntos mais importantes a ser estudo e praticado é a educação ambiental. É necessária a elaboração de novos meios de pensamento, onde se recria novos caminhos e metas a serem seguidos em busca de uma vida mais saudável em consequencia do não parecer humano às causas ambientais no passado. São precisos longos e detalhados estudos sobre a sociedade, o indivíduo, sua cultura e modo de viver e pensar para que se possam planejar novas formas de educação efetivas sobre temas ambientais. Os temas abordados são muito distantes da realidade do indivíduo. Por isso, é muito difícil a conscientização deste. É através do designer que se pode chegar mais facilmente à reflexão do cidadão. Um exemplo a ser citado são campanhas da ONG WWF, onde uma imagem associada a uma determinada frase faz que a pessoa que a lê reflita sobre aquele assunto. Mesmo assim serão precisos muito mais estudos para se encontrar meios ainda mais eficientes e rápidos de conscientização. Além disso, não podemos esquecer que a educação ambiental é um conhecimento interdisciplinar, não podendo estar de maneira alguma, separada das outras áreas do conhecimento. O dia 15 de outubro foi criado para a homenagem do educador ambiental , trabalho este tão complexo não muito valorizado em termos gerais. Quem sabe, mais jovens possam interessar-se por este campo que cada vez mais cresce e que será um grande contribuinte para um futuro sustentável. De uma forma ou outra nossa revista também é um meio de educação ambiental, esperamos que esta esteja sendo um meio efetivo de conscientização da importância da preservação do meio ambiente como um todo.

Texto por Guilherme Borba

5

Imagem de uma campanha do WWF, onde duas onças tem em seu corpo uma etiqueta de tamanho padrão de roupas.


Concurso de desenho

Parabéns!

Nome: Giulia Idade: 5 anos

z i l e F

c s a id a d

! s a ir anç

Se você se interessar deposite seu desenho com nome, idade e telefone em nossa urna que se localiza no Petro Cine, na Ima Modas e na Casa das Rações Indaiá. Tema para a próxima edição: A criança e o seu melhor amigo (animal). E neste mês destinado às crianças o vencedor do concurso ganhará um super bicho de pelúcia. Os desenhos podem ser entregues nas urnas até dia 20 de outubro.

Participe!!

6


SAÚDE

A importância de lavar as mãos Hey

galera! Como vão vocês? Esse mês nosso assunto é a importância de lavar as mãos. Tema muito importante para a nossa saúde. Afinal de contas, existem muitos microorganismos por aí, e é através desse contato direto que eles entram em nosso organismo e causam doenças. Tudo ocorre da seguinte maneira: Imagine que você está dentro de um ônibus, indo para a escola, e de repente percebe que tem uma mulher gripada ao seu lado. Ela espirra e eleva as mãos até a boca. Em seguida ela volta a se segurar. Um ponto depois a mulher desce e você passa a ocupar o lugar dela, segurando onde a mulher colocou a mão após espirrar. E ai você vai bocejar e eleva também à mão a boca. E pronto. Os germes da mulher gripada já estão em você! Viu como não é necessário muito esforço por parte dos vírus, germes e bactérias?! Essa é apenas uma das várias situações em que estamos expostos aos microorganismos e não percebemos. Por isso é importante lavar as mãos sempre que possível, e quando não, utilizar álcool em gel para desinfetá-las. Assim podemos evitar mais da metade das doenças mais comuns. E consequentemente, vamos ter mais tempo para aproveitar as coisas boas da vida... Você sabia que o Brasil é o país campeão em tomar banho, mas é um dos que menos tem o habito de lavar as mãos? Pois é. E lavar as mãos é tão importante quanto tomar banho. E com certeza da pra gente mudar essas estatísticas e ser campeão também em lavar as mãos, e assim ser campeão em saúde! Então, pessoal, por esse mês é só. Até o próximo mês com mais umas boas dicas de saúde pra vocês. Um beijão!!

7

Texto por Francyne Andrade


outubro - Mês dos animais

Como em todas as datas há um discurso poético, filosófico, cultural sobre o tema, e dia 04 de outubro dedicado aos Animais não poderia ser diferente.

Animais e humanos coabitam desde os primórdios da nossa civilização. Os humanos se dividiam em dois grupos bem característicos: agricultores e caçadores. Os agricultores cuidavam da terra, da natureza, plantavam e viviam da colheita do seu trabalho. E os animais eram seus amigos e colaboradores. Os agricultores reverenciavam a terra por tudo o que ela significava em suas vidas. Os caçadores, nômades reverenciavam a si mesmos e às suas conquistas. Eram polos opostos. E ao longo dessa jornada chegamos aos dias de hoje. Os descendentes de agricultores defendem os animais e tem em alto grau e nível o significado de respeitar e amar os animais, seres vivos caminhando juntos. Os descendentes de caçadores continuam matando, sacrificando com elementos de crueldade os seres que eles julgam inferiores e que somente existem para servir aos seus propósitos. Os humanos continuam sua evolução e involução, tal como o Bem e Mal. E nesse contexto da vida está o animal que expõe a raça humana à sua verdadeira identidade. Dia 04 de Outubro é dedicado aos Animais, seres maravilhosos, dotados de sentimentos como amor, carinho, compaixão, dedicados aos humanos. E São Francisco de Assis sabia ouvi-los, porque embora não pudessem falar, se comunicavam através de sua expressão natural e facial para quem estiver de coração aberto para ouvi-los. Nesse dia, 04 de outubro, faça um Animal Feliz Doe o que você tem de melhor em seu coração a eles: AMOR.

Texto por Jandyra Ramos

8


Passatempos

Caça-palavras

Encontre no diagrama abaixo o nome de 5 animais em extinção. .

Resposta:(hor.) tamanduá ariranha, arara. (ver.) jacaré, guará.

Livro sugerido: Vozes do silêncio - Cultura Científica: ideologia e alienação no discurso sobre vivissecção

Uma reflexão sobre o uso de animais vivos em

9

experimentos científicos. Autor: João Epifânio Regis Lima


Patrocinadores Casa das Rações Indaiá LTDA. Rua Capitão Danilo Paladine Nº 72 Bairro São Sebastião Petrópolis - RJ Tel:(24) 2246-5670

Papelaria Artesanatos Bijuterias Cartões comemorativos Presentes em geral

Temos: Serviços de Xerox Recarga de celular para todas as operadoras

R. São Sebastião, 525 - Lj 01 (embaixo do bloco 01) - (24)22425916

Veterinário de pássaros, hamsters, coelhos, etc Tel (24) 8112-8950 ou (24) 4104-1364 www.felipefacklam.com

A OSS agradece a todos os patrocínios. Caso queira contribuir nos envie um email.

10


Geração consciente

TODOS PELA RECICLAGEM

Criação Oss amigos do planeta Edição: Guilherme Borba e Camila Diniz site: www.ossamigosdoplaneta.com.br Blog: www.ossamigadoplaneta.blogspot.com email: oss@ossamigosdoplaneta.com.br !

DESCARTE ESTA REVISTA CORRETAMENTE: RECICLE-A

Revista Oss Outubro 2011  

Edição de outubro da revista Oss referente ao tema educador ambiental.

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you