Page 1


Índice Capa Terra: nosso lar! Carta da Terra O que é... Ecocuriosidade As 5 criaturas mais fantásticas do mundo Páscoa Feliz páscoa!!!!!!! Saúde Veganismo Amiguinhos do planeta Música - Tirinhas Cantinho do leitor

2 4 5 6 7 8 9

OSS - Nossa revista 10

Editorial Nessa edição da revista Oss você viajará pelo planeta Terra, nosso lar. Morada de milhares de animais, plantas e todo o tipo de ser vivo. Desde simples e conhecidos seres à criaturas bizarras. O nosso lar é o abrigo de milhares de espécies vegetais e animais, por isto devemos aprender a respeitá-los e conviver em paz. Cuidando de sua saúde, você pode tornar sua vida mais saudável e sustentável, a partir do chamado Veganismo. Isso é o que você verá em nossa coluna da saúde. Conheça a Carta da Terra. Documento importantíssimo que nos auxilia a cuidar melhor de nosso planeta. O principal motivo desta edição será instigar sua sede de mais conhecimento e curiosidade em buscar aprender mais sobre o planeta em que vivemos. Tenha uma boa leitura e viaje pelo Planeta Terra!

1


Planeta Terra: nosso lar!

CAPA

Terceiro planeta do sistema solar, Terra, o planeta Azul. Nossa morada por 200 mil anos (“Homem moderno“Homo sapiens) e por ainda milhões de anos, não sabemos. Hoje a vida na Terra é algo comum, já conhecemos tudo aqui, ou isso é, pelo menos o que pensamos. Será mesmo que tudo já foi descoberto? E o que existe no núcleo da Terra e, as diversas espécies de seres estranhos que ainda não identificados? Há muito ainda a ser descoberto não só por aqui, mas também por além de nossos horizontes. Somos grãos em comparação ao planeta. O planeta é um grãozinho em comparação a Via Láctea. Esta é apenas um grão em comparação ao Espaço Sideral que... Pois é, há muito ainda, além... talvez um dia descobriremos. Mas precisamos nos preocupar com o hoje. Nosso planeta é o nosso único lar e devemos tratá-lo com muito respeito e agradecimento. Precisamos cuidar dele para que futuras gerações e espécies aqui viventes possam ainda continuar a existir. Com isso, dia 22 de abril foi escolhido como dia Internacional da Terra, para que todos possamos refletir sobre como estamos à tratá-lo. Repare que o dia da Terra não é o dia do solo. Infelizmente o dia do Planeta Terra ainda não é reconhecido pela ONU e não considerado feriado, mas é muito aceito mundialmente falando e, vários eventos ocorrem neste período para resgatar problemas como aquecimento global, perca da biodiversidade, aumento da população, dentre outros. Por volta de 4,6 bilhões de anos atrás surgia nossa casa, o mais belo planeta do sistema solar. Aqui, aos poucos foi surgindo vida, até que a espécie dominante fosse formada, o ser humano. De início, este ainda não sabia como sobreviver e não entendia como funcionava sua casa. O homem viu fogo, colocou a mão e então queimou-se. Com isso percebeu que o fogo era muito útil como fonte de calor. Daí era preciso que um raio caísse do céu para que o fogo surgisse. Por um acaso, o homem, brincando com duas pedras fez surgir fogo e este aprendeu que esta fonte de calor poderia ser desenvolvida por ele mesmo. E assim, a espécie Homo sapiens foi dominando o conhecimento, a técnica e o seu território. O tempo passou e o tempo marcou a história do Planeta Azul, com marcas boas e ruins, em que hoje podemos narrar através de nossos conhecimentos, comprovações e suposições.

2


Enfim, nos dias atuais podemos dizer que somos conhecedores do planeta ao qual abitamos e que neste, as diversas culturas que o dominam sabem: é necessário da Terra para viver! Século XXI, ano 2012, mês de abril, ecologia continua a ser o ponto central das discussões mundiais e, por quê? Porque envolve o futuro de nosso planeta. Dez anos se passaram desde a Rio 92 e cá estamos nós, em plena Rio+20. Pra dez anos passados e problemas urgentes para serem resolvidos. Parece que estamos em passos curtos e lentos. A Rio+20 trás basicamente os mesmos problemas da década passada e sem muitas vantagens em soluções obtidas. Mas nós podemos ajudar nisso, através da Cúpula dos Povos, a população mundial hoje, pode levar ao resto do globo sua opinião e indignação à respeito da atual situação planetária. Participe da Cúpula (cupuladospovos.org.br) e aprenda mais sobre como nós, cidadãos comuns, pessoas comuns, podemos mudar o futuro de nosso planeta, NOSSO LAR. Fácil é o descobrimento dos obstáculos a serem enfrentados, difícil o desenvolvimento das resoluções destes e muito pior a prática das resoluções. Precisamos levar ao mundo nossa voz! Somos os dominantes, mas nos deixamos ser dominados. Não podemos que pessoas isoladas resolvam o destino de uma humanidade. Estes antes precisam ao menos saber nossa opinião e precisam de nosso apoio para que juntos possamos construir um mundo de paz, fraternidade e equilíbrio entre homem e natureza. Não desista, siga em frente. Só você pode mudar o mundo! Texto por Guilherme Borba.

3

Texto por Guilherme Borba


Carta da Terra A Carta da Terra é uma declaração de princípios éticos fundamentais para a construção, no século 21, de uma sociedade global justa, sustentável e pacífica. Busca inspirar todos os povos a um novo sentido de interdependência global e responsabilidade compartilhada voltado para o bem-estar de toda a família humana, da grande comunidade da vida e das futuras gerações. É uma visão de esperança e um chamado à ação. A Carta da Terra se preocupa com a transição para maneiras sustentáveis de vida e desenvolvimento humano sustentável. Integridade ecológica é um tema maior. Entretanto, a Carta da Terra reconhece que os objetivos de proteção ecológica, erradicação da pobreza, desenvolvimento econômico equitativo, respeito aos direitos humanos, democracia e paz são interdependentes e indivisíveis. Consequentemente oferece um novo marco, inclusivo e integralmente ético para guiar a transição para um futuro sustentável. A Carta da Terra é resultado de uma década de diálogo intercultural, em torno de objetivos comuns e valores compartilhados. O projeto da Carta da Terra começou como uma iniciativa das Nações Unidas, mas se desenvolveu e finalizou como uma iniciativa global da sociedade civil. Em 2000 a Comissão da Carta da Terra, uma entidade internacional independente, concluiu e divulgou o documento como a carta dos povos. A redação da Carta da Terra envolveu o mais inclusivo e participativo processo associado à criação de uma declaração internacional. Esse processo é a fonte básica de sua legitimidade como um marco de guia ético. A legitimidade do documento foi fortalecida pela adesão de mais de 4.500 organizações, incluindo vários organismos governamentais e organizações internacionais. À luz desta legitimidade, um crescente número de juristas internacionais reconhece que a Carta da Terra está adquirindo um status de lei branca (“soft law”). Leis brancas, como a Declaração Universal dos Direitos Humanos são consideradas como moralmente, mas não juridicamente obrigatórias para os Governos de Estado, que aceitam subscrevê-las e adotá-las, e muitas vezes servem de base para o desenvolvimento de uma lei stritu senso (hard law). Neste momento em que é urgentemente necessário mudar a maneira como pensamos e vivemos, a Carta da Terra nos desafia a examinar nossos valores e a escolher um melhor caminho. Alianças internacionais são cada vez mais necessárias, a Carta da Terra nos encoraja a buscar aspectos em comum em meio à nossa diversidade e adotar uma nova ética global, partilhada por um número crescente de pessoas por todo o mundo. Num momento onde educação para o desenvolvimento sustentável tornou-se essencial, a Carta da Terra oferece um instrumento educacional muito valioso. Veja a carta da Terra em: www.cartadaterrabrasil.org 4


Ecocuriosidades

As 5 criaturas mais fantásticas do mundo

5

Anguinus Proteus Este é um anfíbio que vive nas escuras cavernas da Europa e erroneamente chamado de “bebê” dragão. Complemente cego, e quase sem pigmentação no corpo, a vida do proteus é praticamente sensorial. Apesar de ser cego, ele usa sinais químicos e elétricos para se alimentar. O proteus tem pele macia e pálida que se assemelha um pouco a de um ser humano, daí seu apelido local de “peixe humano”. Polvo Blanket Os polvos são animais extraordinários. Entre as muitas características, podemos mencionar seus três corações, saliva venenosa, bico de papagaio escondido e a capacidade de mudar a cor e textura da pela com incrível facilidade e velocidade. Disto isto, há alguns polvos que são mais bizarros que outros. O polvo cobertor é um deles. Para começar, a fêmea é 40 mil vezes mais pesada que o macho. Quando sente-se ameaçada, a fêmea também pode estender uma membrana entre seus braços que faz com que ela pareça maior e mais arrojada do que realmente é. Centrolenidae O que faz este pequeno sapo tropical tão surreal é a sua pele translúcida que, basicamente, faz dele uma lição de anatomia. Na verdade, alguns de seus órgãos internos, como coração, intestinos e fígado são praticamente visíveis quando se olha para baixo dele. Blobfish Encontrado nos oceanos ao redor da Austrália e Tasmânia, o Blobfish leva uma vida bastante passiva, alimentando-se de pedaços de detritos flutuantes ao seu alcance. Raramente vistos vivos, o peixe Blobfish é ocasionalmente capturado por redes de pescadores. Aranha assassina A aranha assassina mede apenas 2 mm de comprimento e, apesar do nome e aparência assustadora, é totalmente inofensiva para os seres humanos. Seu pescoço longo evoluiu especificamente para suportar o peso de suas enormes mandíbulas, que estão armadas com presas venenosas e agem como armadilhas mortais para aranhas menores, que são seu principal alimento. (O bicho estranho)…


Páscoa Os eventos da Páscoa teriam ocorrido durante o Pesah, data em que os judeus comemoram a libertação e fuga de seu povo escravizado no Egito. A palavra Páscoa advém, exatamente do nome em hebraico da festa judaica à qual a Páscoa cristã está intimamente ligada, não só pelo sentido simbólico de “passagem”, comum às celebrações pagãs (passagem do inverno para a primavera) e judaicas (da escravatura no Egito para a liberdade na Terra prometida), mas também pela posição da Páscoa no calendário. A Páscoa cristã celebra a Ressurreição de Jesus Cristo. Depois de morrer na cruz, seu corpo foi colocado em um sepulcro, onde ali permaneceu por três dias, até sua ressurreição. É o dia santo mais importante da religião cristã. Muitos costumes ligados ao período pascal originam-se dos festivais pagãos da primavera. Outros vêm da celebração do Pessach, ou Passover, a Páscoa judaica, que é uma das mais importantes festas do calendário judaico, celebrada por 8 dias e onde é comemorado o êxodo dos israelitas do Egito, da escravidão para a liberdade. Um ritual de passagem, assim como a "passagem" de Cristo, da morte para a vida. A última ceia partilhada por Jesus Cristo e seus discípulos é narrada nos Evangelhos e é considerada, geralmente, um “sêder do pesach” – a refeição ritual que acompanha a festividade judaica, se nos ativermos à cronologia proposta pelos Evangelhos sinópticos. O Evangelho de João propõe uma cronologia distinta, ao situar a morte de Cristo por altura da hecatombe dos cordeiros do Pessach. Assim, a última ceia teria ocorrido um pouco antes desta mesma festividade. A festa tradicional associa a imagem do coelho, um símbolo de fertilidade, e ovos pintados com cores brilhantes, representando a luz solar, dados como presentes. De fato, para entender o significado da Páscoa cristã atual, é necessário voltar para a Idade Média e lembrar os antigos povos pagãos europeus que, nesta época do ano, homenageavam Ostera, ou Esther – em inglês, Easter quer dizer Páscoa. Ostera (ou Ostara) é a deusa da Primavera, que segura um ovo em sua mão e observa um coelho, símbolo da fertilidade, pulando alegremente em redor de seus pés nus. A deusa e o ovo que carrega são símbolos da chegada de uma nova vida. Ostara equivale, na mitologia grega, a Deméter. Na mitologia romana, é Ceres. Fonte: Wikipédia

6


Veganismo é vida saudável O veganismo é, acima de tudo, uma escolha por uma vida saudável, não apenas do ponto de vista de saúde, mas também social e moralmente. É saudável para quem pratica, é saudável para o meio ambiente que é poupado do peso da produção de alimentos de origem animal e, obviamente, é saudável para os animais que são criados e mortos para alimentar pessoas. Dieta Saudável Os benefícios de uma dieta vegano continuam a ser revelados a cada dia em estudos científicos e em experiências individuais. Uma dieta isenta de produtos de origem animal é isenta de colesterol, baixa em gordura (especialmente gordura saturada) e rica em fibras, vitaminas e minerais. Isto significa uma enorme diminuição no risco de doenças como arteriosclerose, infarto, derrame, diabetes, câncer, constipação, entre outras. Além disto, por eliminar alimentos altamente contaminados por antibióticos, hormônios, pesticidas, além de alimentos alergênicos como o leite, este estilo alimentar também evita o surgimento de diversos tipos de alergias e intolerâncias. A dieta vegano também é geralmente baixa em calorias, o que significa um melhor controle de peso e a distância dos desconfortos causados pela obesidade. Qual a diferença entre um vegetariano e um vegano? Vegetariano é alguém que se alimenta basicamente de grãos, sementes, vegetais, cereais e frutas, com ou sem o uso de lacticínios e ovos. Os vegetarianos excluem o uso de todas as carnes animais, incluindo peixe. Um vegano exclui todos os produtos de origem animal não só da alimentação, mas também da roupa, dos produtos de higiene, dos detergentes. É ainda contra todo o tipo de exploração animal (touradas, circos com animais, jardins zoológicos, pesca, caça, etc.) e boicota produtos testados em animais.


Amiguinhos do planeta Música - Letra

Água! Vamos economizar! Turma da Mônica Economizar água! Sabendo usar não vai faltar água em nenhum lugar. Economizar água! Água é pra se usar mas sem exagerar. Economizar água é bom! Não deixe a torneira pingando, senão a água pode acabar. Se é fácil abrir a torneira, é muito mais fácil fechar. Você que lava calçada e gosta de cantar no banheiro, a água é desperdiçada, acaba e custa muito dinheiro.

Veja o vídeo no You tube!

Tirinhas:

Por isso, é preciso: Economizar água! Sabendo usar não vai faltar água em nenhum lugar. Economizar água! Água é pra se usar mas sem exagerar. Economizar água! (5x) Economizar água é bom!

8


Cantinho do leitor Fique à vontade para postar suas críticas e sugestões aqui. Basta enviá-las para nosso email que se econtra no verso da revista.

Fique informado: A luz das estrelas e o laço do infinito da canção de Djavan pairaram no céu de Brasília na noite de sábado(31/03), quando os relógios marcaram oito e meia e a cidade entrou na Hora do Planeta. No Parque Olhos D’Água, uma pequena multidão se formou para fazer parte desta grande manifestação mundial em favor da natureza. As luzes se apagaram e uma constelação de velas se acendeu no gramado, enquanto o grupo vocal La Clave cantava para o público. Veja notícias do Brasil e do Mundo na Hora do planeta em nosso blog!

Dicas de filmes: Lucas no formigueiro

Wall-e

Terra (Earth) - Disney

Dicas práticas para você economizar energia e proteger o planeta 18. Tome banho de chuveiro E de preferência, rápido. Um banho de banheira consome até quatro vezes mais energia e água que um chuveiro. . (cada mês uma dica) Na próxima edição: saiba tudo sobre a reciclagem, dentro e fora de você.

9


Revista Oss amigos do planeta

Revista Virtual - Livre visualização Edição número 29 - Tema: Planeta Terra Edição: Guilherme Borba Escritores: Camila Diniz Francyne Andrade Guilherme Borba Felipe Flacklam Proibida a cópia ou divulgação desta com objetivos comerciais. Projeto por Oss amigos do planeta www.ossamigosdoplaneta.com.br/pr.html Blog Oss: www.ossamigadoplaneta.blogspot.com Contato: oss@ossamigosdoplaneta.com.br

Todos os direitos reservados

10


Geração consciente TODOS PELA RECICLAGEM

Revista Oss Abril 2012  

Edição da revista Oss abril 2012 referente ao tema Terra.

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you