Page 1

SUMÁRIO Introdução, 1

Sidney Donatelli

1 Histórico e Fundamentos da Massoterapia, 5 2 O Corpo e suas Camadas, 11

Sidney Donatelli

3 Prática da Massagem, 29 4 Educação Somática e Práticas Corporais, 77 5 Anatomia, 113 6 Avaliação Física e Energética do Massageado, 155 7 Manobras e Liberação Miofascial, 183 8 Tratamentos Específicos, 253

10 Profissional Massoterapeuta, 431 11 Relatos de Experiências Profissionais, Institucionais e de Pacientes da Massoterapia, 435 Considerações Finais, 459 Bibliografia, 463 Lista de Pontos, 467

É uma obra voltada tanto para quem recebe massagem quanto para aqueles que buscam o autoconhecimento, pois fornece a compreensão da atuação das técnicas e apresenta práticas corporais para a manutenção da saúde, como educação somática, alongamentos, respiração, postura e automassagem. Fundamental para estudantes e profissionais, pois traz aspectos importantes sobre leitura corporal, fichas de atendimento, tratamentos específicos das regiões corporais e dos sistemas orgânicos, manobras e liberação miofascial, massagem em cadeiras (quick massage) e descrição dos meridianos e pontos de energia. Apresenta, ainda, técnicas dos movimentos das mãos e de polarização, sequências de massagem e reflexologia, orientando também aqueles que desejam iniciar seu conhecimento em massoterapia.

Capa A linguagem do toque - massoterapia oriental e ocidental - lomb22mm.indd Todas as páginas

A LINGUAGEM Massoterapia DO TOQUE Oriental e Ocidental

9 Medicina Tradicional Chinesa e Chakras, 297

A Linguagem do Toque | Massoterapia Oriental e Ocidental, resultado do estudo e da prática do autor desde 1980, é um compêndio da massoterapia que resgata e valoriza o toque como elemento essencial aos cuidados terapêuticos e linguagem inerente à interpessoalidade. Aborda desde o histórico e os fundamentos da massoterapia até o perfil do profissional, com conteúdo focado na prática das primícias da massagem: a sensibilidade, o toque e a linguagem tátil. Também descreve as técnicas de massagem nas camadas do corpo, com detalhes e fotos dos movimentos, da mecânica corporal e das sequências de manobras, além de apresentar as estruturas do sistema musculoesquelético e sua funcionalidade. Apresenta, inclusive, os conceitos da visão energética do Oriente, por meio da Medicina Tradicional Chinesa e dos chakras.

A LINGUAGEM DO TOQUE

Massoterapia Oriental e Ocidental

SIDNEY DONATELLI nasceu em São Paulo, em 1961. Praticou diversas modalidades de esportes na infância e, com 12 anos de idade, iniciou-se nas artes do corpo, nas danças clássica, moderna e contemporânea. Em 1977, formou-se em teatro com Flávio Dias e começou a carreira profissional como ator, bailarino e coreógrafo. Em 1978, formou-se em Artes no Colégio Iadê e iniciou as atividades como educador em artes cênicas e plásticas. Em 1981, aprofundou seu trabalho, com formação no método Movimento Consciente e Direções Ósseas, com Klauss Vianna, tornandose professor de Consciência Corporal e Movimento Consciente. Em 1982, teve o primeiro contato com a Medicina Tradicional Chinesa, no curso de Massagem Oriental e Sensibilidade, com o professor Armando Austregésilo. Em 1983, passou a atuar como massoterapeuta e professor de massagem e fundou a Escola Amor, onde coordena o curso de formação em massoterapia oriental e ocidental. Ministrou cursos, palestras e participou de congressos no Brasil, no México, em Portugal e na Itália. Filiou-se à Associação de Massagem Oriental do Brasil, da qual foi presidente de 1988 a 1992, e fez cursos de acupuntura, reflexologia e quiropraxia. Na década de 1990, passou a praticar yoga e meditação. Fez cursos de I Ching e Feng Shui com o mestre taoísta Wu Jyh Cherng, fundador da Sociedade Taoísta do Brasil, que o iniciou no caminho espiritual do Taoismo, propiciando a unificação de arte, educação, saúde e espiritualidade como visão de vida. Na mesma década, participou da fundação do Conselho Brasileiro de Autorregulamentação da Massoterapia (CONBRAMASSO), onde elaborou a matriz curricular para os cursos de formação e técnico de massoterapia. É membro do colegiado dessa instituição. Na década de 2000, fez reciclagens profissionais com o Treinamento de Liberação Miofascial na Associação Brasileira de Rolfing e também no ambulatório social de acupuntura da Casa da Terra. A partir de 2007, publicou quatro obras, incluindo esta, as quais, por meio dos estudos cosmológico, energético, fisiológico e emocional, buscam o substrato para a preservação da vida. O livro Caminhos de Energia | Atlas dos Meridianos e Pontos para Massoterapia e Acupuntura foi adotado em 2013 pelo Senac de São Paulo, no curso técnico de massoterapia, onde o autor também ministrou aulas.

7/29/2015 8:40:28 AM


Massoterapia Oriental e Ocidental

Donatelli CAP 00 NOVO.indd 1

Donatelli | A Linguagem do Toque – Massoterapia Oriental e Ocidental. Amostras de páginas não sequenciais e em baixa resolução. Copyright © 2015 Editora Guanabara Koogan Ltda, publicado pela Editora Roca.

A Linguagem do Toque

27/07/2015 11:00:21


Essas empresas, respeitadas no mercado editorial, construíram catálogos inigualáveis, com obras que têm sido decisivas na formação acadêmica e no aperfeiçoamento de várias gerações de pro de estudantes de Administração, Direito, Enfermagem, Engenharia, Fisioterapia, Medicina, Odontologia, Educação Física e muitas outras ciências, tendo se tornado sinônimo de seriedade e respeito. conveniente, a preços justos, gerando benefícios e servindo a autores, docentes, livreiros, funcionários, colaboradores e acionistas. Nosso comportamento ético incondicional e nossa responsabilidade social e ambiental são reforçados pela natureza educacional de nossa atividade, sem comprometer o crescimento contínuo e a rentabilidade do grupo.

Donatelli CAP 00 NOVO.indd 2

Donatelli | A Linguagem do Toque – Massoterapia Oriental e Ocidental. Amostras de páginas não sequenciais e em baixa resolução. Copyright © 2015 Editora Guanabara Koogan Ltda, publicado pela Editora Roca.

O GEN | Grupo Editorial Nacional reúne as editoras Guanabara Koogan, Santos, Roca, AC Farmacêutica, Forense, Método, LTC, E.P.U. e Forense Universitária, que publicam nas

27/07/2015 11:00:21


Massoterapia Oriental e Ocidental Sidney Donatelli Ator e Bailarino. Arte-educador. Instrutor de Movimento Consciente. Massoterapeuta. Fundador da Escola Amor. Coordenador do Curso de Formação em Massoterapia na Escola Amor. Especialista em Liberação Miofascial pela Associação Brasileira de Rolfing e em Acupuntura pela Casa da Terra. Iniciação no Taoismo pelo Mestre Wu Jyh Cherng. Colegiado do Conselho Brasileiro de Autorregulamentação da Massoterapia (CONBRAMASSO).

Donatelli CAP 00 NOVO.indd 3

Donatelli | A Linguagem do Toque – Massoterapia Oriental e Ocidental. Amostras de páginas não sequenciais e em baixa resolução. Copyright © 2015 Editora Guanabara Koogan Ltda, publicado pela Editora Roca.

A Linguagem do Toque

27/07/2015 11:00:21


O autor deste livro e a editora roca empenharam seus melhores esforços para assegurar que as informações e os procedimentos apresentados no texto estejam em acordo com os padrões aceitos à época da publicação, e todos os dados foram atualizados pelo autor até a data da entrega dos originais à editora. Entretanto, tendo em conta a evolução das ciências da saúde, as mudanças regulamentares governamentais e o constante fluxo de novas informações sobre terapêutica medicamentosa e reações adversas a fármacos, recomendamos enfaticamente que os leitores consultem sempre outras fontes fidedignas, de modo a se certificarem de que as informações contidas neste livro estão corretas e de que não houve alterações nas dosagens recomendadas ou na legislação regulamentadora. Adicionalmente, os leitores podem buscar por possíveis atualizações da obra em http://gen-io.grupogen.com.br.

O autor e a editora se empenharam para citar adequadamente e dar o devido crédito a todos os detentores de direitos autorais de qualquer material utilizado neste livro, dispondo-se a possíveis acertos posteriores caso, inadvertida e involuntariamente, a identificação de algum deles tenha sido omitida.

Direitos exclusivos para a língua portuguesa Copyright © 2015 by EDITORA GUANABARA KOOGAN LTDA. Publicado pela Editora Roca, um selo integrante do GEN | Grupo Editorial Nacional Travessa do Ouvidor, 11 Rio de Janeiro – RJ – CEP 20040-040 Tels.: (21) 3543-0770/(11) 5080-0770 | Fax: (21) 3543-0896 www.grupogen.com.br | editorial.saude@grupogen.com.br

Reservados todos os direitos. É proibida a duplicação ou reprodução deste volume, no todo ou em parte, em quaisquer formas ou por quaisquer meios (eletrônico, mecânico, gravação, fotocópia, distribuição pela Internet ou outros), sem permissão, por escrito, da editora guanabara koogan ltda.

Capa: Fábio Oliveira

Editoração eletrônica: Adielson Anselme

Ficha catalográfica D731L Donatelli, Sidney A linguagem do toque: massoterapia oriental e ocidental / Sidney Donatelli. - 1. ed. Rio de Janeiro : Roca, 2015. 488 p. : il. ; 28 cm. Inclui bibliografia e índice ISBN 9788527727853 1. Massagem terapêutica. 2. Medicina ayurvédica. I. Título. 15-24227 CDD: 615.822 CDU: 615.821

Donatelli CAP 00 NOVO.indd 4

Donatelli | A Linguagem do Toque – Massoterapia Oriental e Ocidental. Amostras de páginas não sequenciais e em baixa resolução. Copyright © 2015 Editora Guanabara Koogan Ltda, publicado pela Editora Roca.

27/07/2015 11:00:21


Armando Sergio Bezamat Austregésilo Massoterapeuta. Fundador da Associação de Massagem Oriental do Brasil (AMOR). Mestre em Educação pela Universidade Cidade de São Paulo (Unicid). Ex-professor Universitário na Universidade Anhembi Morumbi. Assessor de Desenvolvimento de Metodologia de Treinamento e Qualidade de Vida na Academia Hype Fitness, Curitiba/Paraná.

Claudia Regina Passos Pedagoga, Psicopedagoga e Massoterapeuta. Psicomotricista com Especialização em Coordenação Motora pela Escola do Movimento – Método Bertazzo.

Priscila Mayumi Kiguchi Fisioterapeuta, Acupunturista, Radiestesista e Astróloga. Aperfeiçoamento em Técnicas de Massagens pela Australasian College of Natural Therapies, Sidney, Austrália. Curso de Massagem Tailandesa em Chang Mai, Tailândia. Pós-graduação em Fisiologia do Exercício pela Universidade Federal de São Paulo (Unifesp). Especialista em Reeducação Postural Global (RPG) pelo Instituto Barreiros e em Microfisioterapia e Leitura Biológica pelo Instituto Salgado de Saúde Integral.

Donatelli CAP 00 NOVO.indd 5

Donatelli | A Linguagem do Toque – Massoterapia Oriental e Ocidental. Amostras de páginas não sequenciais e em baixa resolução. Copyright © 2015 Editora Guanabara Koogan Ltda, publicado pela Editora Roca.

Colaboradores

27/07/2015 11:00:21


Aos meus companheiros de jornada e colaboradores nesta obra: Armando Sergio Bezamat Austregésilo, Claudia Regina Passos, Priscila Mayumi Kiguchi e Plínio Cutait. Aos modelos das fotos: Patricia Martins C. Lima, José Miguel dos Santos Manuel, Augusta Michaela; aos modelos crianças: Alice Pinsard Golveia, Arthur Donatelli Golveia, Gabriela Vargas Pamella, Luiza Vargas Pamella; e às suas mães: Anahi Pinsard Donatelli e Ana Carolina Comin Vargas. Aos que ajudaram na revisão de textos e figuras: Maria Amélia Fernandes, Rosely Cisotto, Marilda Donatelli e Cilene Matano. À consultora editorial Angela Adriana de Souza; aos fotógrafos Dene Sampaio, Marcos Lobo e Roberto Stajano; e aos ilustradores, Gáu, Laís Dias e Felipe Troleis. Aos caros pacientes que colaboraram com depoimentos: Eliane Bambini Gorgueira Bruno, Maria João D’Orey, Ademir Eder Brandassi, Vera Irene Bekin, Luiz Gorgueira, Maria Amélia Kuhlmann Fernandes, Maria Luiza D’Orey, Laís Dias e Gisele Kruchin. Aos meus mestres (in memoriam) Wu Jyh Cherng, pela iniciação no Taoismo e por todo o aprendizado, e Klauss Vianna, pela vivência prática e pelo embasamento no conhecimento do corpo e do movimento.

Donatelli CAP 00 NOVO.indd 7

Donatelli | A Linguagem do Toque – Massoterapia Oriental e Ocidental. Amostras de páginas não sequenciais e em baixa resolução. Copyright © 2015 Editora Guanabara Koogan Ltda, publicado pela Editora Roca.

Agradecimentos

27/07/2015 11:00:21


Na Introdução desta obra são abordadas as premissas da massagem: a sensibilidade, o toque e a linguagem tátil. Os Capítulos 1 a 4 apresentam a massagem como linguagem inerente à interpessoalidade e sua aplicação para todas as pessoas. O Capítulo 1 | Histórico e Fundamentos da Massoterapia descreve a história e os fundamentos do método massoterapia oriental e ocidental, bem como sua introdução no Brasil. O Capítulo 2 | O Corpo e suas Camadas apresenta o estudo das estruturas físicas e de suas funcionalidades nas camadas em que a massoterapia atua (pele, tecido adiposo, fáscias, músculos, articulações e ossos) e na camada extrafísica (eletromagnetismo e as estruturas energéticas). O Capítulo 3 | Prática da Massagem aborda a técnica de massagear para iniciantes e estudiosos, com descrições e fotos dos movimentos das mãos, da mecânica corporal do massoterapeuta, da sequência de automassagem, das técnicas complementares e da sequência profilática de massoterapia. O Capítulo 4 | Educação Somática e Práticas Corporais descreve o trabalho educativo postural e as práticas para a manutenção do corpo, indicados a qualquer pessoa. O Capítulo 5 | Anatomia apresenta as estruturas do sistema musculoesquelético e sua funcionalidade. Esse estudo é necessário para o aprofundamento do toque nas aplicações da massoterapia como processo terapêutico, considerando as situações diferenciadas, como o uso inadequado das funções dessas estruturas, que provocam desarranjos e dores. Nos Capítulos 6 a 8 são abordados os aspectos terapêuticos, para aplicação de estudantes e profissionais da área de saúde. O Capítulo 6 | Avaliação Física e Energética do Massageado apresenta a abordagem terapêutica. Para isso, é necessário ter referências dos estudos para avaliar o estado físico, anímico e energético do paciente, assim são aprofundadas a leitura corporal com base na psicossomática e a avaliação energética da Medicina Tradicional Chinesa. Há também as fichas de histórico do paciente, das anotações de cada sessão e de estudo de caso. O Capítulo 7 | Manobras e Liberação Miofascial aprofunda, a partir do conhecimento do corpo e da construção da linguagem do toque, a abordagem terapêutica, por meio das manobras em posições variadas e da liberação miofascial, descritas com fotos ilustrativas, além das manobras de massagem em cadeiras especiais.

Donatelli CAP 00 NOVO.indd 9

Donatelli | A Linguagem do Toque – Massoterapia Oriental e Ocidental. Amostras de páginas não sequenciais e em baixa resolução. Copyright © 2015 Editora Guanabara Koogan Ltda, publicado pela Editora Roca.

Apresentação

27/07/2015 11:00:21


O Capítulo 8 | Tratamentos Específicos apresenta os tratamentos direcionados para os sistemas orgânicos, osteoarticulares e de tecidos moles, bem como os procedimentos para massagem em idosos, bebês e crianças – tópicos desenvolvidos com a colaboração da massoterapeuta e professora Claudia Regina Passos. Esses temas são abordados a partir da avaliação do paciente, descrita no Capítulo 6, e do aprofundamento do toque, discutido no Capítulo 7. O Capítulo 9 | Medicina Tradicional Chinesa e Chakras aprofunda a visão energética do Oriente, com a descrição dos meridianos, pontos de energia e centros energéticos, ou chakras, segundo a visão cultural da Índia. Nos Capítulos 10 e 11 há um panorama social da massoterapia e de sua ação no sistema de saúde, por meio da colocação profissional, dos depoimentos individuais dos pacientes e das experiências profissionais coletivas. O Capítulo 10 | Profissional Massoterapeuta aborda o perfil do profissional, a legislação e as referências do Código de Ética para a prática profissional. O Capítulo 11 | Relatos de Experiências Profissionais, Institucionais e de Pacientes da Massoterapia apresenta relatos e depoimentos de pacientes e experiências no atendimento profissional e institucional de massoterapia. Por fim, há as Considerações Finais do autor; a Bibliografia, com a relação dos livros consultados e de referência para a elaboração desta obra, sugestões para o aprofundamento dos temas; além da Lista dos Pontos para Massoterapia. Sidney Donatelli

Donatelli CAP 00 NOVO.indd 10

Donatelli | A Linguagem do Toque – Massoterapia Oriental e Ocidental. Amostras de páginas não sequenciais e em baixa resolução. Copyright © 2015 Editora Guanabara Koogan Ltda, publicado pela Editora Roca.

x A Linguagem do Toque | Massoterapia Oriental e Ocidental

27/07/2015 11:00:21


Nas últimas décadas, muitos conhecimentos relacionados ao caminho do ser humano em direção a si mesmo tornaram-se mais disponíveis e familiares ao grande público. Filosofia, espiritualidade, práticas de cura, técnicas de meditação e tradições orientais são temas frequentes em livros e cursos, procurados por um número crescente de pessoas que despertaram o interesse por ampliar o sentido de suas vidas. O que antes era do universo dos sábios e sacerdotes, das escrituras herméticas e dos templos, hoje está nas estantes das livrarias e em centros espalhados mundo afora. Por um lado, esse fenômeno expressa um valioso e magnífico sentido de democratização do saber. Por outro, à medida que a quantidade de publicações e leitores cresce, a qualidade é proporcionalmente ameaçada. Afinal, com qual consciência esses livros são escritos? Com qual atitude são lidos? Jean-Yves Leloup, filósofo francês, ajuda nessas questões com uma reflexão fundamental: “Quando me sento para comer, consumo a comida que está diante de mim ou comungo com ela?”. Essa é uma pergunta que traz outras: “Eu como de maneira automática e desatenta ou estou presente e desfruto do meu alimento, comendo com meu corpo, minha mente e meu espírito?”, “Qual valor dou ao que é parte da minha vida?”, “Coleciono conhecimentos de forma consumista e superficial ou comungo com eles, aprofundando-me com respeito e compromisso na minha jornada de autoeducação?”. A cultura ocidental é muito consumista frente aos saberes tradicionais. Muitas vezes, sem perceber, afronta-se um verdadeiro patrimônio da humanidade. Uma tradição é um patrimônio da humanidade. A Medicina Tradicional Chinesa, a Ayurveda, a Yoga, entre outras tradições, não pertencem a ninguém; elas são de todas as gerações que nos precederam, assim como das futuras. A nossa geração é a atual guardiã desse patrimônio, e é importante dizer que uma tradição não é uma caixa blindada e imutável, mas um saber vivo que se expande infindavelmente em sua forma, em concordância com sua essência original e com os tempos que atravessa. Quando o praticante é comprometido consigo mesmo e com o que faz, suas descobertas dão vida e continuação à tradição, enriquecendo e atualizando seus princípios fundamentais para servir e acompanhar nossa aventura humana em direção a nós mesmos, em cada momento da história. Mudanças na forma de uma tradição não significam necessariamente uma evolução. Esse é um equívoco comum nos dias de hoje, em que há muitos livros, sites e cursos. Para que haja evolução em uma tradição, é necessário

Donatelli CAP 00 NOVO.indd 11

Donatelli | A Linguagem do Toque – Massoterapia Oriental e Ocidental. Amostras de páginas não sequenciais e em baixa resolução. Copyright © 2015 Editora Guanabara Koogan Ltda, publicado pela Editora Roca.

Prefácio

27/07/2015 11:00:22


conhecê-la profundamente, praticar seus princípios com disciplina e respeito pelo tempo de uma vida, ser fiel ao seu próprio caminho espiritual e, sobretudo, ter amor e generosidade sinceros para entregar ao mundo as próprias descobertas. Esse é o Sidney. No Xamanismo norte-americano, ele seria considerado um lobo, o professor, o pathfinder, aquele que encontra o caminho e, em um ato de imensa compaixão, volta para ensiná-lo aos outros. Em um texto abrangente e esclarecedor, ele reúne Oriente e Ocidente, tradições milenares e ciência, liberdade e respeito, a experiência ancestral e a sua própria, as asas de quem voa alto e vê longe e os pés de quem anda no mundo dos homens, compartilhando a sua visão. De maneira profunda e organizada, este livro apresenta um dos gestos mais humanos, naturais e antigos que se conhece: o toque. Esse gesto percorre a história desde quando era uma manifestação instintiva para aliviar dores, aquecer e proteger companheiros ou estancar o sangue das feridas do ataque de uma fera. Com o tempo, ele passou a ser usado com consciência para fins terapêuticos, movimentar e organizar a energia vital, aliviar todo tipo de sofrimento, lembrar o corpo de si mesmo e de sua condição original, restabelecer o contato do indivíduo consigo, equilibrar suas múltiplas dimensões e aproximá-lo de um estado de ordem natural. Do instinto à consciência, o toque narra milênios de história humana. Esta obra resgata e valoriza o toque como um elemento essencial e intrínseco da ciência dos cuidados humanos e terapêuticos. O toque na pele, no corpo, energético e amoroso; o toque que cuida, cura e educa. Como diz Phyllis Lei Furumoto, Grã Mestre de Reiki, há uma qualidade no toque que leva as pessoas ao reino da união e comunhão com o Self, com os outros e com a essência da vida. Quando o conheci, há quase 40 anos, Sidney Donatelli era bailarino, luminoso, cheio de alegria, naturalmente ético, agregador, contagioso e inspirador, com seu entusiasmo e sua ligação com a vida. Nada mudou. Ele continua dançando a vida com vigor e beleza, clareando nossas consciências e nos reunindo em torno do serviço pela humanidade. Muito mais que um autor que senta para escrever, ele é um praticante que comunga com sua prática e que a relata com a naturalidade de um homem experiente. A Linguagem do Toque | Massoterapia Oriental e Ocidental é mais que uma impressionante organização de saberes: carrega a vitalidade e a alegria do diário de bordo de um navegador inspirado. É um livro que vai enriquecer a prática dos profissionais e iluminar o caminho de pessoas comuns em direção a si mesmas. Plínio Cutait

Mestre de Reiki. Coordenador do Núcleo de Cuidados Integrativos do Hospital Sírio-Libanês.

Donatelli CAP 00 NOVO.indd 12

Donatelli | A Linguagem do Toque – Massoterapia Oriental e Ocidental. Amostras de páginas não sequenciais e em baixa resolução. Copyright © 2015 Editora Guanabara Koogan Ltda, publicado pela Editora Roca.

xii A Linguagem do Toque | Massoterapia Oriental e Ocidental

27/07/2015 11:00:22


Donatelli CAP 00 NOVO.indd 13

Introdução .........................................................................................................

1

Capítulo 1 | Histórico e Fundamentos da Massoterapia ................................. Massoterapia ..................................................................................................... Massagem no Brasil........................................................................................... Massagem ocidental ......................................................................................... Massagem oriental ............................................................................................ Método massoterapia oriental e ocidental .....................................................

5 5 5 6 7 9

Capítulo 2 | O Corpo e suas Camadas............................................................... As cinco camadas do corpo............................................................................... Pele..................................................................................................................... Estudos com ocitocina .................................................................................. Camadas ubcutânea .......................................................................................... Tecido adiposo .............................................................................................. Meridianos de energia ................................................................................. Sistema miofascial | Fáscias e músculos ............................................................ Tecidos moles | Tecido conjuntivo ................................................................ Tecido muscular ............................................................................................ Ação ant i-inflamatória ................................................................................. Ossos e articulações........................................................................................... Camada e xtrafísica ............................................................................................

11 11 12 14 14 14 15 18 18 20 22 23 27

Capítulo 3 | Prática da Massagem .................................................................... Técnicas de movimentos das mãos da massagem oriental e ocidental ......... Deslizamentos ............................................................................................... Pressões ........................................................................................................ Empurrar ....................................................................................................... Fricções .......................................................................................................... Pinçamentos .................................................................................................. Amassamentos .............................................................................................. Vibrações ....................................................................................................... Percussões ..................................................................................................... Mecânica corporal do massoterapeuta............................................................ Alongamento passivo ................................................................................... Polarização .................................................................................................... Aplicação e efeitos da polarização ......................................................... Sequência básica individual ..................................................................... Polarização aplicada na massoterapia .................................................... Reflexologia dos pés..................................................................................... Histórico .................................................................................................... Zonoterapia .............................................................................................. Zonas reflexas verticais ou longitudinais ........................................... Zonas reflexas horizontais ..................................................................

29 29 30 31 33 33 34 35 36 36 38 40 45 45 45 47 47 47 48 48 48

Donatelli | A Linguagem do Toque – Massoterapia Oriental e Ocidental. Amostras de páginas não sequenciais e em baixa resolução. Copyright © 2015 Editora Guanabara Koogan Ltda, publicado pela Editora Roca.

Sumário

27/07/2015 11:00:22


Correspondência das zonas reflexas horizontais e verticais ............. Zonas reflexas horizontais e sua correspondência com mãos, pés e rosto.............................................................................. Efeitos da reflexologia nos pés ............................................................... Aplicação da reflexologia no contexto da massoterapia ...................... Posições do terapeuta ......................................................................... Posições das mãos ................................................................................ Sequência inteira sintetizada nos pés ................................................ Sequência inteira sintetizada nas mãos ............................................. Óleos e cremes para massagem .............................................................. Sequência básica profilática de massoterapia ................................................. Preparativos .................................................................................................. Sequência ...................................................................................................... Massoterapeuta situado acima da cabeça do massageado ................... Massoterapeuta situado lateralmente ao corpo do massageado ......... Massoterapeuta situado abaixo do corpo do massageado ...................

49

Capítulo 4 | Educação Somática e Práticas Corporais ...................................... Educação s omática ............................................................................................ Postura .......................................................................................................... Funcionalidade da estrutura ................................................................... Forças ........................................................................................................ Dinâmica das forças ................................................................................ Couraças e fluxo ....................................................................................... Posturas interna e externa ...................................................................... Somatização ............................................................................................. Organização do corpo em pé ...................................................................... Vista ger al ................................................................................................. Vista ant erior ............................................................................................ Vista posterior .......................................................................................... Vistalat eral............................................................................................... Prevenções físicas para as costas.................................................................. Consciência e prática respiratória .................................................................... Trabalho c orporal .............................................................................................. Relaxamento ................................................................................................. Posições no dia a dia para a manutenção do corpo ................................... Concha ...................................................................................................... Sentar sobre os joelhos ............................................................................ Sentar ........................................................................................................ Abertura do tórax .................................................................................... Elevação de perna .................................................................................... Estiramento posterior sentado ................................................................ Mobilidade do tronco .............................................................................. Apoio dos pés ........................................................................................... Cócoras ..................................................................................................... Tônus abdominal em força isométrica.................................................... Alongamento ativo e micromovimentos ........................................................ Direções ósseas e sustentação muscular .......................................................... Prática............................................................................................................ Automassagem .................................................................................................. 1 | Preparativos ............................................................................................. 2 | Rosto e cabeça ......................................................................................... 3 | Nuca e ombros ......................................................................................... 4 | Braços e mãos........................................................................................... 5 | Tórax e abdome ....................................................................................... 6 | Costas e coluna ........................................................................................ 7 | Pernas e pés..............................................................................................

77 77 78 78 78 78 78 79 79 79 79 80 80 80 81 84 85 86 86 86 86 87 87 87 88 88 88 89 89 91 95 95 98 99 99 103 104 107 109 110

Capítulo 5 | Anatomia ....................................................................................... Introdução ......................................................................................................... Planos e termos ................................................................................................. Planos ............................................................................................................

113 113 113 113

Donatelli CAP 00 NOVO.indd 14

49 49 49 50 51 51 52 54 55 55 56 58 59 62

Donatelli | A Linguagem do Toque – Massoterapia Oriental e Ocidental. Amostras de páginas não sequenciais e em baixa resolução. Copyright © 2015 Editora Guanabara Koogan Ltda, publicado pela Editora Roca.

xiv A Linguagem do Toque | Massoterapia Oriental e Ocidental

27/07/2015 11:00:22


Donatelli CAP 00 NOVO.indd 15

Termos di recionais ........................................................................................ Termos da cinética ........................................................................................ Ossos, articulações, músculos e movimentos ................................................... Pés.................................................................................................................. Membros inferiores (pernas)........................................................................ Cíngulo pélvico (cintura pélvica) ................................................................. Abdome e região lombar ............................................................................. Coluna vertebral e costas ............................................................................. Pescoço .......................................................................................................... Cíngulo peitoral (cintura escapular) e tórax ............................................... Membros superiores (braços) ....................................................................... Mãos e punhos.............................................................................................. Cabeça e face ................................................................................................

113 114 115 115 119 124 129 131 136 139 143 146 151

Capítulo 6 | Avaliação Física e Energética do Massageado ............................. Leitura c orporal ................................................................................................. Sintomas ........................................................................................................ Estáticas ......................................................................................................... Enrolamento ............................................................................................. Deitado ..................................................................................................... Em p é ........................................................................................................ Dinâmicas ...................................................................................................... Quatro apoios .......................................................................................... Andando ................................................................................................... Desarranjos posturais básicos ........................................................................... Coluna ver tebral ........................................................................................... Pernas ............................................................................................................ Pés.................................................................................................................. Esquemas posturais ........................................................................................... Vista lat eral ................................................................................................... Vista pos terior ............................................................................................... Esquema das pernas ..................................................................................... Esquemas de encurtamentos posteriores ........................................................ Interpretações ................................................................................................... Qualidades energéticas por regiões do corpo................................................. Trimembração ............................................................................................... Pensar ....................................................................................................... Sentir ......................................................................................................... Querer ....................................................................................................... Fluir ........................................................................................................... Agir (atuação) e fluir externo (locomoção e base) ................................ Faces anterior e posterior ........................................................................ Lateralidades ............................................................................................ Avaliação energética e anímica por meio da Medicina Tradicional Chinesa ..................................................................................................... Cinco Movimentos ................................................................................... Estados anímicos referentes aos Cinco Movimentos.............................. Fichas para o atendimento terapêutico...........................................................

155 155 156 157 157 158 158 158 158 161 161 161 162 162 163 163 163 163 164 164 165 170 171 171 172 172 172 172 172 173 175 175 178

Capítulo 7 | Manobras e Liberação Miofascial................................................. Introdução ......................................................................................................... Manobras em pé para a totalidade do corpo ................................................. Manobras para as costas na posição sentada .................................................. Manobras para as costas e coluna em posições variadas................................ Manobras para as costas na bola de ginástica ................................................ Manobras ativas para as costas ........................................................................ Manobras para cíngulo pélvico (cintura pélvica) em decúbito ventral ......... Manobras para cíngulo pélvico (cintura pélvica) em decúbito lateral .......... Manobra para cíngulo pélvico (cintura pélvica) com bola ............................. Manobras para cíngulo pélvico (cintura pélvica) em decúbito dorsal ........... Manobras para coxas e pés em decúbito dorsal ............................................. Manobras ativas para o cíngulo pélvico e pernas na bola de ginástica ........ Manobra para tronco e cíngulos ......................................................................

183 183 186 187 195 198 202 204 205 208 209 211 215 217

Donatelli | A Linguagem do Toque – Massoterapia Oriental e Ocidental. Amostras de páginas não sequenciais e em baixa resolução. Copyright © 2015 Editora Guanabara Koogan Ltda, publicado pela Editora Roca.

A Linguagem do Toque | Massoterapia Oriental e Ocidental xv

27/07/2015 11:00:22


Manobra para tronco, abdome e cíngulo pélvico (cintura pélvica) ............... Manobra para cíngulo peitoral (cintura escapular) na posição em pé .......... Manobra para cíngulo peitoral (cintura escapular) em decúbito ventral ..... Manobras para cíngulo peitoral (cintura escapular), braços e mãos em decúbito dorsal ....................................................................................... Manobras para cíngulo peitoral (cintura escapular) em decúbito lateral ............................................................................................................ Manobras para pescoço em decúbito dorsal ................................................... Manobra de percepção e relaxamento para a totalidade do corpo.............. Massagem em cadeiras especiais...................................................................... Regiões do corpo .......................................................................................... Técnica........................................................................................................... Efeitos............................................................................................................ Proporciona................................................................................................... Morfologia do tronco................................................................................... Posições do massoterapeuta ........................................................................ Técnicas dos movimentos das mãos ............................................................ Manobras ...................................................................................................... Posição posterior | Pontos das costas e da coluna vertebral.................. Pescoço e ombros ..................................................................................... Posição posterior | Pontos da escápula ................................................... Mobilização nas escápulas ....................................................................... Posição anterior do massoterapeuta | Pontos da nuca .......................... Posição anterior do massoterapeuta | Pontos do cíngulo peitoral ....... Posição lateral do massoterapeuta | Braços e mãos ............................... Mobilização das costas, dos ombros e dos braços.................................. Tração na cervical ..................................................................................... Finalização ................................................................................................ Massagem expressa ......................................................................................

218 219 220

Capítulo 8 | Tratamentos Es pecíficos ................................................................ Introdução ......................................................................................................... Cefaleia .............................................................................................................. Base para avaliação ...................................................................................... Procedimento na massagem ........................................................................ Outrospr ocedimentos.................................................................................. Pontos de tratamento .................................................................................. Distúrbios r espiratórios ..................................................................................... Base para avaliação ...................................................................................... Procedimento na massagem ........................................................................ Outrospr ocedimentos.................................................................................. Distúrbios digestórios ....................................................................................... Desarranjos intestinais ................................................................................. Base para avaliação .................................................................................. Procedimento na massagem.................................................................... Dores no estômago, gases estomacais e enjoo........................................... Dores no fígado e sensação de peso ........................................................... Inchaço no abdome (distensão) ................................................................... Outros procedimentos .............................................................................. Alongamentos ..................................................................................... Compressas........................................................................................... Alimentação ......................................................................................... Óleos para massagem.......................................................................... Distúrbios urogenitais ....................................................................................... Desequilíbrios ............................................................................................... Distúrbios ...................................................................................................... Base para avaliação ...................................................................................... Procedimento na massagem ........................................................................ Outros procedimentos.................................................................................. Específicos para distúrbios menstruais.................................................... Específicos para energia sexual ............................................................... Ciatalgia ............................................................................................................. Base para avaliação ......................................................................................

253 253 253 253 254 255 255 256 256 256 258 259 260 260 260 261 262 262 262 262 263 263 263 263 263 263 264 264 264 265 265 266 266

Donatelli CAP 00 NOVO.indd 16

223 231 234 239 240 240 240 240 240 240 241 242 243 243 244 245 246 247 248 249 250 251 251 252

Donatelli | A Linguagem do Toque – Massoterapia Oriental e Ocidental. Amostras de páginas não sequenciais e em baixa resolução. Copyright © 2015 Editora Guanabara Koogan Ltda, publicado pela Editora Roca.

xvi A Linguagem do Toque | Massoterapia Oriental e Ocidental

27/07/2015 11:00:22


Procedimento na massagem ........................................................................ Outrospr ocedimentos.................................................................................. Torcicolo............................................................................................................. Base para avaliação ...................................................................................... Posições para o massageado ........................................................................ Procedimentos na massagem....................................................................... Outrospr ocedimentos.................................................................................. Entorse e contusão ............................................................................................ Entorses ......................................................................................................... Base para avaliação .................................................................................. Procedimentos na massagem .................................................................. Posição para massagem ........................................................................... Para qualquer tipo de entorse ............................................................ Para entorse do tornozelo .................................................................. Para entorse lombar ............................................................................ Outros procedimentos ............................................................................. Contusão ....................................................................................................... Base para avaliação .................................................................................. Procedimentos na massagem .................................................................. Para tratamentos gerais no joelho ..................................................... Coluna vertebral e costas.................................................................................. Base para avaliação ...................................................................................... Procedimentos na massagem....................................................................... Prática de massagem das costas .................................................................. Percepção e leitura da pele, músculos, ossos e pontos .......................... Micromovimentos passivos ...................................................................... Liberação miofascial nos tecidos restritos .............................................. Massagem profunda nos pontos ............................................................ Massagem profunda para alinhamento vertebral ................................. Sequência e especificidades..................................................................... Manobras .................................................................................................. Advertência .............................................................................................. Massagem em idosos ........................................................................................ Procedimentos no atendimento em massoterapia..................................... Massagem em bebês e crianças ........................................................................ Contextos da massagem .............................................................................. Massagem caseira .................................................................................... Massagem no consultório ........................................................................ Rotina do consultório .......................................................................... Motivo do trabalho (a queixa) ........................................................ Trabalho ativo .................................................................................. Massagem ......................................................................................... Técnicas de massagem em crianças ............................................................. Estratégias na massagem e faixas etárias ................................................... Recém-nascidos até 3 meses .................................................................... De 3 a 6 meses .......................................................................................... De 6 a 9 meses .......................................................................................... De 9 a 12 meses ........................................................................................ 18 meses ................................................................................................... Postura e orientações no atendimento ....................................................... Óleos indicados e terapêuticas das ervas................................................ Sequência de massagem no bebê................................................................ 1. O começo .............................................................................................. 2. Toques e movimentos nos membros inferiores .................................. 3. Toque nos pés ....................................................................................... 4. Toques no peito.................................................................................... 5. Abdome e cíngulo pélvico (quadril).................................................... 6. Toque e articule os membros superiores e as mãos ........................... 7. Toque a face e a cabeça do bebê ........................................................ 8. Toque nas costas................................................................................... 9. Finalizando o encontro ........................................................................ Sequência de massagem em crianças .......................................................... Brincando com o toque ................................................................................

Donatelli CAP 00 NOVO.indd 17

266 267 268 269 269 269 270 270 270 270 271 271 271 271 271 271 271 271 272 272 272 272 272 273 273 273 273 273 273 274 274 274 274 274 275 275 275 276 277 277 277 278 278 278 280 280 280 280 280 280 281 281 281 282 283 285 285 286 287 288 289 290 296

Donatelli | A Linguagem do Toque – Massoterapia Oriental e Ocidental. Amostras de páginas não sequenciais e em baixa resolução. Copyright © 2015 Editora Guanabara Koogan Ltda, publicado pela Editora Roca.

A Linguagem do Toque | Massoterapia Oriental e Ocidental xvii

27/07/2015 11:00:22


Capítulo 9 | Medicina Tradicional Chinesa e Chakras...................................... Medicina Tradicional Chinesa ........................................................................... Meridianos ......................................................................................................... Estratégias na intervenção nos meridianos ..................................................... Pontos de energia......................................................................................... Pontos de comando (especiais ou específicos)............................................ Pontos dos Cinco Movimentos ou pontos shù antigos .............................. Estratégias do toque para os pontos ............................................................... Distâncias | Cùn ............................................................................................. Pontos de alarme .............................................................................................. Pontos de assentamento................................................................................... Pontos de tonificação, sedação, fonte, acúmulo (ou xī), horário (ou energia máxima) e conexão (ou luò) .................................................... Localização dos meridianos e pontos .............................................................. Pulmão .......................................................................................................... Localização dos pontos ............................................................................ Intestino Grosso ............................................................................................ Localização dos pontos ............................................................................ Estômago ...................................................................................................... Localização dos pontos ............................................................................ Baço-Pâncreas ............................................................................................... Localização dos pontos ............................................................................ Coração ......................................................................................................... Localização dos pontos ............................................................................ Intestino Delgado ......................................................................................... Localização dos pontos ............................................................................ Bexiga ............................................................................................................ Localização dos pontos ........................................................................... Rim................................................................................................................. Localização dos pontos ............................................................................ Circulação-Sexo ou Pericárdio...................................................................... Localização dos pontos ............................................................................ Triplo A quecedor .......................................................................................... Localização dos pontos ............................................................................ Vesícula Biliar ................................................................................................ Localização dos pontos ............................................................................ Fígado............................................................................................................ Localização dos pontos ............................................................................ Vaso da Concepção ....................................................................................... Localização dos pontos ............................................................................ Vaso Governador ou Sistema Nervoso ........................................................ Localização dos pontos ............................................................................ Chakras | Centros de consciência ...................................................................... Vivência em cada nível...................................................................................... 1o Chakra – Muladhara – Cóccix – Base – Raiz ........................................... 2o Chakra – Svadhisthana – Centro Vital – Sacro – Hara – Dān tián .......... 3o Chakra – Manipura – Plexo Solar ........................................................... 4o Chakra – Anahata – Cardíaco .................................................................. 5o Chakra – Vishudda – Laríngeo ou da Garganta .................................... 6o Chakra – Ajna – Frontal ........................................................................... 7o Chakra – Sahasrara – Coronário ..............................................................

309 315 315 316 318 319 323 325 333 335 339 340 342 343 347 349 366 368 375 376 378 379 384 386 397 399 402 403 408 409 416 419 419 420 422 424 426 427 429

Capítulo 10 | Profissional Massoterapeuta ...................................................... Introdução ......................................................................................................... Legislação .......................................................................................................... Perfil do profissional de massoterapia............................................................. Ética profissional e postura pessoal ................................................................. Compromissos técnicos e postura pessoal................................................... Deveres .......................................................................................................... Relações com outros profissionais ............................................................... Sigilo profissional ......................................................................................... Honoráriospr ofissionais............................................................................... Proibições ...................................................................................................... Legalização ...................................................................................................

431 431 431 432 432 432 432 432 433 433 433 433

Donatelli CAP 00 NOVO.indd 18

297 297 302 303 303 304 304 305 306 307 308

Donatelli | A Linguagem do Toque – Massoterapia Oriental e Ocidental. Amostras de páginas não sequenciais e em baixa resolução. Copyright © 2015 Editora Guanabara Koogan Ltda, publicado pela Editora Roca.

xviii A Linguagem do Toque | Massoterapia Oriental e Ocidental

27/07/2015 11:00:22


Capítulo 11 | Relatos de Experiências Profissionais, Institucionais e de Pacientes da Massoterapia ............................................................................... Depoimentos de pacientes atendidos por Sidney Donatelli .......................... Caso 1 ............................................................................................................ Caso 2 ............................................................................................................ Caso 3 ............................................................................................................ Caso 4 ............................................................................................................ Caso 5 ............................................................................................................ Caso 6 ............................................................................................................ Caso 7 ............................................................................................................ Caso 8 ............................................................................................................ Caso 9 ............................................................................................................ Caso 10 .......................................................................................................... Atendimentos institucionais ............................................................................. Trabalhos coordenados pelo Professor Armando Austregésilo ................. Atendimentos na Casa dos Velhinhos de Ondina Lobo, no Alto da Boa Vista, em São Paulo ....................................................................... Atendimento na Creche Jesus da Legião da Boa Vontade, Campos Elíseos, em São Paulo ........................................................................... Atendimento na Creche Dom José Gaspar, coordenada pelo Mosteiro São Geraldo de São Paulo, e conveniada com a Prefeitura Municipal de São Paulo ...................................................... Trabalho de massagem com deficientes visuais ..................................... Trabalhos coordenados por Sidney Donatelli ............................................ Trabalhos coordenados pela professora Cláudia Regina Passos ................ Atendimento à creche – Projeto Crescer e CEI LAC – Lar do Alvorecer Cristão ................................................................................................... Atendimento ao abrigo – Projeto Crescer e Abrigo Marly Cury ........... Depoimentos de profissionais massoterapeutas ............................................. O corpo enquanto matéria e emoção | Priscila Mayumi Kiguchi ............... Memórias da massagem no Brasil sob o olhar de uma testemunha | Armando Austregésilo .............................................................................

435 435 436 437 438 439 439 440 441 442 443 444 445 445 446 447 447 448 449 450 450 451 451 451 453

Considerações Finais ......................................................................................... 459 Bibliografia ........................................................................................................ 463 Lista de Pontos .................................................................................................. 467

Donatelli CAP 00 NOVO.indd 19

Donatelli | A Linguagem do Toque – Massoterapia Oriental e Ocidental. Amostras de páginas não sequenciais e em baixa resolução. Copyright © 2015 Editora Guanabara Koogan Ltda, publicado pela Editora Roca.

A Linguagem do Toque | Massoterapia Oriental e Ocidental xix

27/07/2015 11:00:22


Leitura corporal A leitura corporal permite ao massoterapeuta a comunicação direta com o uni­ verso corporal e anímico do massageado e, assim, a avaliação clínica. A leitura física descreve a realidade presente, e as interpretações traduzem o processo que causou a atual realidade. Os conceitos de base para a interpretação na lei­ tura corporal estão embasados na Bioenergética, na Antroposofia, na visão metafísica do corpo humano, no estudo dos chakras e na Medicina Tradicional Chinesa (MTC). No Capítulo 9, são abordados com mais profundidade os chakras e a MTC. No contexto do atendimento terapêutico (massoterapia e outras terapias), o primeiro contato com o paciente ocorre na interação interpessoal, em que se estabelecem as primeiras conversas, fundamentais para a imagem que construí­ mos do outro e para o levantamento histórico com base nas lembranças e im­ pressões do paciente. Isso ocorre em uma situação social, ou seja, normalmen­ te sentados, olhando­se e dialogando. A leitura corporal que ocorre no espaço de atendimento, no qual o paciente está preparado para a sessão, com pouca vestimenta, não é mais um contexto so­ cial. O terapeuta passa a usar os recursos da observação e palpação no corpo do paciente, estimulando sua propriocepção*, sensopercepção** e conscientização, além de oferecer dados para a sua organização postural. Sintetizando, o terapeuta estabelece um diálogo verbal com o paciente a partir do universo somático. Observando­se de maneira apurada onde ocorrem as expressões somáticas (regiões, faces, lados, passagens), sejam elas sensações, sejam elas dores, dificul­ *Propriocepção: sensibilidade própria aos ossos, músculos, tendões e às articulações, que fornece informações sobre a estática, o equilíbrio e o deslocamento do corpo no espaço. **Sensopercepção: é a sensação reconhecida em que percebemos a nossa sensibilidade orgânica. “É o meio no qual experienciamos a plenitude da sensação e do conheci­ mento a respeito de nós mesmos.” (Levine, 1993)

Donatelli CAP 06.indd 155

Donatelli | A Linguagem do Toque – Massoterapia Oriental e Ocidental. Amostras de páginas não sequenciais e em baixa resolução. Copyright © 2015 Editora Guanabara Koogan Ltda, publicado pela Editora Roca.

6

Avaliação Física e Energética do Massageado

24/07/2015 17:40:34


• A ocorrência de alguma(s) área(s) retificada(s) ou com “pico(s)”, ou seja, com excesso na curva, perden­ do a linearidade • Se apresenta desvio lateral na coluna • Se apresenta rotação na coluna.

Deitado A posição deitada pode ser em decúbito ventral ou dorsal. Em decúbito ventral, com o corpo relaxado, braços ao longo do corpo e pernas na largura do quadril. Nessa posição, observam­se as curvas cifóticas da região to­ rácica e sacrococcígea e a lordose lombar. Verificam­se: • A regularidade das curvas • Se apresenta alguma(s) vértebra(s) projetada(s) pos­ teriormente ou introjetada(s) anteriormente • Se apresenta alguma(s) área(s) retificada(s) ou com excesso na(s) curva(s) anatômica(s) • Se apresenta desvio lateral na coluna • Se apresenta rotação na coluna • O tônus da musculatura paravertebral, dos músculos su­ perficiais das costas, glúteos, isquiotibiais e tríceps sural • Altura e adução/abdução das escápulas • Altura e rotação dos ílios e condição da articulação sacroilíaca • Rotação das coxas (articulação coxofemoral) • Extensão e rotação dos joelhos • Rotação dos pés. Em decúbito dorsal, com o corpo relaxado, braços ao longo do corpo e pernas na largura do quadril. Nessa po­ sição, observam­se a curva lordótica cervical, que é uma curva secundária e se fixa no período do recém­nascido, e as projeções das cinturas escapular e pélvica e das cos­ telas. Verificam­se: • A regularidade da lordose cervical • Se apresenta alguma(s) vértebra(s) (cervical) projeta­ da(s) posteriormente ou introjetada(s) anteriormente • Se a cervical apresenta retificação ou excesso na curva anatômica • Se a cervical apresenta inclinação lateral • Se a cervical apresenta rotação nas vértebras • Projeção anterior (abdução das escápulas) e rotação interna (articulação escapuloumeral) do(s) ombro(s) • Altura dos ombros (músculo trapézio, elevador da es­ cápula e escalenos) • Altura e projeção anterior das clavículas (articulação esternoclavicular) • Projeções das costelas anteriormente como um todo, relação dos lados • Altura e projeção anterior da(s) crista(s) ilíaca(s) • Báscula e rotação da cintura pélvica • Rotação das coxas (articulação coxofemoral)

Donatelli CAP 06.indd 158

Donatelli | A Linguagem do Toque – Massoterapia Oriental e Ocidental. Amostras de páginas não sequenciais e em baixa resolução. Copyright © 2015 Editora Guanabara Koogan Ltda, publicado pela Editora Roca.

158 A Linguagem do Toque | Massoterapia Oriental e Ocidental

• Tônus do quadríceps • Direção dos joelhos em relação à coxofemoral e ao pé (2o artelho) • Rotação e extensão/flexão dos pés.

Nos dois decúbitos: a partir de movimentos passivos, devem­se verificar as forças empregadas e a passividade articular.

Em pé

Em pé, com os pés paralelos na largura do quadril, om­ bros e braços relaxados na força da gravidade. Ao longo da observação, o terapeuta pode sugerir apoios e dire­ ções, de acordo com a necessidade. No Capítulo 4, cons­ ta a prática de direções ósseas. Essa posição é a conquista do bípede, e é natural­ mente a meta de desenvolvimento de todo ser humano na idade de 1 a 2 anos (Figura 6.4). No período intraute­ rino, vive­se a experiência dos anfíbios, no meio líquido, no nível do inconsciente, onde o feto tem apenas a curva cifótica primária; no recém­nascido, dá­se a experiência do réptil, com o desenvolvimento dos sentidos, e ocorre a fixação da lordose cervical. Em seguida, vem a expe­ riência do quadrúpede com a locomoção no espaço, a partir dos sentidos e, assim, da autonomia inerente nos animais; desenvolve­se a flexibilidade das curvas da co­ luna e a força nos tecidos com tônus muscular. Poste­ riormente, vem o grande desafio do corpo em pé, que se dá quando o bebê atinge uma relação de equilíbrio entre as curvas da coluna, fixando a lordose lombar e equilibrando a cabeça (lordose cervical) com o tronco. A partir desse momento, com as curvas primárias e secundárias fixadas, o ser humano passa a desenvolver e aperfeiçoar as suas aptidões motoras, desde um contor­ cionista até um policial que fica horas imóvel em vigia, ou em qualquer tipo de atividade, utilizando todo o po­ tencial de movimentos (rotações, circunduções, incli­ nações laterais, flexões, extensões e combinação desses movimentos), mas a tendência na cultura moderna é a restrição nos movimentos de flexões e extensões. Para o bom funcionamento do corpo, é importante explorar a potencialidade das dinâmicas dos movimentos (chacoa­ lhar, sacudir, pontuar, deslizar, flutuar, torcer, atirar, so­ car etc.) e o retorno ao eixo gravitacional, equilibrando as funções tônicas (de sustentação) com a fásica (cinética).

Dinâmicas

No Capítulo 3, consta a organização de um corpo em pé.

Quatro apoios

Com joelhos e pés na largura do quadril, mãos na largu­ ra dos ombros, coluna vertebral alongada até o crânio e paralela ao chão (Figura 6.5).

24/07/2015 17:40:36


A

B

C

D

Figura 6.6 Movimentos de côncavo (A e B) e convexo (C e D) para observação da flexibilidade da coluna.

A B

Donatelli | A Linguagem do Toque – Massoterapia Oriental e Ocidental. Amostras de páginas não sequenciais e em baixa resolução. Copyright © 2015 Editora Guanabara Koogan Ltda, publicado pela Editora Roca.

160 A Linguagem do Toque | Massoterapia Oriental e Ocidental

Figura 6.7 A e B. Movimento de flexão lateral para observação da flexibilidade da coluna.

Donatelli CAP 06.indd 160

24/07/2015 17:40:39


Quando a curva em questão é a do sacro, como as vértebras são fundidas, se a projeção é posterior trata­se de uma nutação do sacro; se a projeção é anterior trata­ se de uma contranutação. Quando a cintura pélvica como um todo apresenta uma báscula com a crista ilíaca projetada anteriormente, trata­se de uma anteversão, ou com a crista ilíaca projetada posteriormente, trata­se de uma retroversão. A anteversão e a retroversão são movimentos naturais que o quadril deve fazer, mas, quando se fixam, já se trata de um desarranjo. O desvio lateral pode ser para a: • Direita: por exemplo, tronco em flexão lateral para a esquerda (Figura 6.10 A) • Esquerda: por exemplo, tronco em flexão lateral para a direita (Figura 6.10 B). Rotação das vértebras para a direita, projetando o ombro e o braço esquerdos anteriormente (Figura 6.11), ou para a esquerda, projetando o ombro e o braço direi­ tos anteriormente. Os desvios laterais e as rotações foram descritos se­ paradamente, mas os dois movimentos ocorrem conco­ mitantemente. Listese (espondilolistese) é um deslizamento do cor­ po das vértebras no sentido anterior, posterior ou lateral (Figura 6.12).

Figura 6.11 Rotação de vértebras para a direita.

L3 L4 L5

Deslizamento anterior da L4

Pernas • Pernas arqueadas lateralmente: joelhos em varo (Fi­ gura 6.13 A) • Pernas arqueadas medialmente: joelhos em valgo (Fi­ gura 6.13 B).

Figura 6.12 Espondilolistese na vértebra lombar L4.

Figura 6.13 A. Joelhos em varo. B. Joelhos em valgo.

Pés A

B

Figura 6.10 Desvio lateral da coluna para a direita (A) e para a esquerda (B).

Donatelli CAP 06.indd 162

Donatelli | A Linguagem do Toque – Massoterapia Oriental e Ocidental. Amostras de páginas não sequenciais e em baixa resolução. Copyright © 2015 Editora Guanabara Koogan Ltda, publicado pela Editora Roca.

162 A Linguagem do Toque | Massoterapia Oriental e Ocidental

• Apoio na borda lateral: trata­se de uma supinação, pé em varo ou uma inversão (Figura 6.14 A) • Apoio na borda medial: trata­se de uma pronação, pé em valgo ou uma eversão (Figura 6.14 B).

24/07/2015 17:40:45


A

• • • • • • • • •

B

Peso do corpo em zigue-zague para a frente e para trás Pés: peso distribuído, articulação em flexão dorsal Joelhos: em flexão Pelve: anteversão, articulação coxofemoral em flexão Coluna: nutação do sacro, hiperlordose lombar, hipercifose torácica Abdome: tensão com projeção anterior Tórax: introjeção da parte superior do esterno Cervical: vértebras hiperestendidas Cabeça: projeção anterior com inclinação para baixo

• Peso do corpo para a frente na cintura pélvica e para trás na cintura escapular • Pés: peso nos calcâneos • Joelhos: em hiperextensão • Pelve: retroversão, articulação coxofemoral hiperestendida • Coluna: retificação lombar, hipercifose torácica, ausência de curva na passagem sacrolombar • Abdômen: tensão na parte superior com hipotonia e acúmulo de tecido adiposo na parte inferior • Tórax: introjeção da parte superior do esterno • Cervical: vértebras hiperestendidas • Cabeça: projeção anterior com inclinação para baixo

Figura 6.16 A e B. Exemplos de esquemas em desequilíbrio.

O alinhamento das pernas pode ser percebido em uma linha vertical que passa pelo trocanter na sua ar­ ticulação com o ilíaco, pelo centro da patela e pelo se­ gundo metatarso (Figura 6.19).

Esquemas de encurtamentos posteriores Os encurtamentos posteriores são descritos na Figu­ ra 6.20. A Figura 6.21 apresenta a flexibilidade normal se­ gundo a faixa etária. As referências para a leitura física são descritas na Tabela 6.1. Com o massageado em pé, o terapeuta usa os recur­ sos de observação e palpação e, posteriormente, anota na ficha de atendimento.

Donatelli CAP 06.indd 164

Interpretações

Donatelli | A Linguagem do Toque – Massoterapia Oriental e Ocidental. Amostras de páginas não sequenciais e em baixa resolução. Copyright © 2015 Editora Guanabara Koogan Ltda, publicado pela Editora Roca.

164 A Linguagem do Toque | Massoterapia Oriental e Ocidental

A partir do estudo das sinalizações físicas que o corpo apresenta, buscam­se as origens das somatizações, consi­ derando os hábitos corporais, as posturas no dia a dia em descanso e nas atividades, bem como os aspectos inter­ nos: as emoções, as ações e reações e a atitude que se ado­ ta diante das circunstâncias em que vivemos, incluindo a dor, o prazer, os desejos, as frustrações e as realizações. As interpretações são os instrumentos para se en­ contrar o significado daquilo que se expressa no corpo e na alma. No paradigma da ciência moderna, há muita resistência em aprofundar o que não está somente no fí­ sico, com exceção de algumas linhas da psicologia – que também por muito tempo foram rejeitadas como ciên­ cia – que buscam a relação do corpo, dos sentimentos ou da alma e mente.

24/07/2015 17:40:47


A

B

D

C

E

F

Figura 6.18 A e D. Joelhos em varo. B e E. Joelhos alinhados. C e F. Joelhos em valgo.

A A

B

C

Donatelli | A Linguagem do Toque – Massoterapia Oriental e Ocidental. Amostras de páginas não sequenciais e em baixa resolução. Copyright © 2015 Editora Guanabara Koogan Ltda, publicado pela Editora Roca.

166 A Linguagem do Toque | Massoterapia Oriental e Ocidental

B

Figura 6.19 A a C. Avaliação do alinhamento das pernas.

Donatelli CAP 06.indd 166

24/07/2015 17:40:52


Tabela 6.1 Referências para a leitura física. Com o massageado em pé, o terapeuta usa os recursos de observação e palpação e, posteriormente, anota na ficha de atendimento. Artelhos

Em garra – flexão Tensão – extensão Joanete – hálux valgo Deformados

Pés

Invertidos – em varo – supinado Evertidos – em valgo – pronado – “chato” Apoio nos três pontos na planta

Tornozelo

Comprimido Maléolo medial caído Maléolo lateral caído

Conjunto tíbia-fíbula

Pronado Supinado

Joelhos

Comprimido Hiperextensão Flexionado Em varo Em valgo Patela: • Imóvel • Desvio lateral ou medial • Retraída

Coxofemoral

Comprimida Rotação: • Interna (medial) • Externa (lateral)

Cíngulo pélvico

Anteversão Retroversão Inclinação lateral: lado direito ou esquerdo elevado Rotação (crista ilíaca); lado direito ou esquerdo projetado anteriormente Retenção ou hipotonia dos glúteos

Sacro

Nutação Contranutação Restrição nos tecidos na região da articulação sacroilíaca

Coluna

Acentuação nas curvas: • Hipercifose torácica • Hiperlordose cervical • Hiperlordose lombar Retificação nas curvas: • Cifose torácica • Lordose cervical • Lordose lombar Desvio lateral: • Para a direita [vértebra(s) em flexão lateral para a esquerda] • Para a esquerda [vértebra(s) em flexão lateral para a direita] Rotação Nas regiões ou em uma ou algumas vértebras: • Para a direita (projeta um desvio anterior do tronco à esquerda e/ou o braço esquerdo anteriormente) • Para a esquerda (projeta um desvio anterior do tronco à direita e/ou o braço direito anteriormente) Espondilolistese (deslizamento das vértebras), em alguma direção

Escápulas

Elevação (direita e ou esquerda) Abaixamento ou depressão (direita e ou esquerda) Adução ou retração Abdução ou protração Báscula medial ou lateral Projeção posterior

Abdome

Retraído Hipotônico

Costelas

Nas regiões baixa, média, alta ou específicas: • Projeção • Introjeção

Cíngulo peitoral

Projeção anterior Introjeção Articulação esternoclavicular: • Rotação anterior ou posterior • Elevação ou abaixamento Articulação escapuloumeral ou glenoumeral: • Rotação interna (medial) • Rotação externa (lateral)

Ombros

Elevação (direito e ou esquerdo) Observe a articulação esternoclavicular, desvio na coluna e enrijecimento dos músculos

Cabeça

Projeção anterior Hiperlordose cervical Retificação da curva cervical Inclinação lateral (direita ou esquerda) Articulação atlanto-occipital: comprimida, pouco ou sem movimento Articulação temporomandibular (ATM): comprimida, rígida Musculatura facial (principalmente frontal e masseter): rigidez Olhos: direção e olhar

Donatelli CAP 06.indd 168

Donatelli | A Linguagem do Toque – Massoterapia Oriental e Ocidental. Amostras de páginas não sequenciais e em baixa resolução. Copyright © 2015 Editora Guanabara Koogan Ltda, publicado pela Editora Roca.

168 A Linguagem do Toque | Massoterapia Oriental e Ocidental

24/07/2015 17:40:54


Trimembração

Órgãos sensoriais

Segundo o Taoismo, existem três principais centros ener­ géticos dān (elixir) tián (plantio) – a pronúncia é tan tien –, entendidos como “local que cultiva o elixir da vida” (Tabela 6.3):

Semente

• Dān tián inferior, abaixo do umbigo, resguarda a ener­ gia ancestral • Dān tián médio, no centro do peito, concentra as energias de manutenção da vida • Dān tián superior, no centro da testa, resguarda a consciência. O Capítulo 9 aborda o aprofundamento da visão ener­ gética do Taoismo. A Antroposofia apresenta a “tríplice organização do ser humano”, dividindo­o em três sistemas: • Sistema neurossensorial, corresponde à região da ca­ beça com o potencial do pensar • Sistema rítmico, corresponde à região do tórax, com o potencial do sentir • Sistema metabólico, corresponde à região do abdo­ me, com o potencial do querer ou atuar, no sentido da volição.* Fazendo uma analogia da organização das plantas com o ser humano (Figura 6.23), um estudo de Goethe – contemporâneo de Steiner –, encontra­se a planta inver­ tida (note­se a semelhança da anatomia das partes das plantas com o corpo humano).

Fluxo substancial

Fluxo de forças

Sutilização (esvaecimento)

Condensação (plasmação orgânica)

Alimentação terrestre

Alimentação cósmica

Figura 6.23 Analogia das plantas com o ser humano.

O estudo da neurociência referencia três “cérebros” dentro do cérebro humano (Figura 6.24):

• Neocórtex: cérebro dos mamíferos superiores, com o potencial de auto­observação, discernimento e inter­ pretação • Sistema límbico: cérebro dos mamíferos inferiores, com o potencial da afetividade, emoções e psiquismo • Reptiliano (tronco cerebral): cérebro dos répteis, com o potencial de fuga e defesa.

Neocórtex

• Raiz corresponde ao sistema neurossensorial • Haste e folhas correspondem ao sistema rítmico • Flor corresponde ao sistema metabólico/reprodutor.

Sistema límbico

Pierre Weil (2014) faz um estudo das esfinges assírias e egípcias e traça a seguintes correspondências: • Cabeça (símbolo da águia), corresponde à vida men­ tal (intelectual e espiritual) • Tórax (símbolo do leão), corresponde à vida emocional • Abdome (símbolo do boi), correspondente à vida ins­ tintiva e vegetativa.

Reptiliano

Figura 6.24 Regiões do cérebro humano.

Tabela 6.3 Quadro sinóptico da trimembração.

*

Donatelli | A Linguagem do Toque – Massoterapia Oriental e Ocidental. Amostras de páginas não sequenciais e em baixa resolução. Copyright © 2015 Editora Guanabara Koogan Ltda, publicado pela Editora Roca.

170 A Linguagem do Toque | Massoterapia Oriental e Ocidental

Ser

Taoismo

Antroposofia

Goethe

Esfinges

Cérebro

Chakras

Suprassensibilidade

Dān tián superior

Sistema neurossensorial

Flor

Águia

Neocórtex

7o, 6o, 5o

Anímico

Dān tián médio

Sistema rítmico

Haste

Leão

Sistema límbico

4o

Físico

Dān tián inferior

Sistema metabólico

Raiz

Boi

Reptiliano

1o, 2o, 3o

Volição: 1. um dos três tipos de função mental (afeto, cognição e volição); 2. ação de escolher ou decidir; 3. capacidade sobre a qual se baseia a conduta em função de motivações. (Houaiss, 2001)

Donatelli CAP 06.indd 170

24/07/2015 17:40:56


Tabela 6.4 Comandos dos hemisférios cerebrais. Hemisfério esquerdo

Hemisfério direito

Verbal: usa palavras para designar, descrever, definir

Não verbal: percebe as coisas com um mínimo de conexão com as palavras

Analítico: concebe as coisas passo a passo, componente por componente

Global: percebe o conjunto das manifestações

Simbólico: usa símbolos para representar coisas

Concreto: concebe cada coisa tal como ela é, no momento

Abstrato: seleciona uma pequena parte das informações e usa-as para representar o todo

Analógico: vê semelhança entre as coisas; compreende relações metafóricas

Temporal: marca o tempo, colocando as coisas em sequência

Não temporal: não tem senso de tempo

Racional: tira conclusões baseado na razão e nos fatos

Não racional: não precisa basear-se em razão ou fatos; não se apressa a formar julgamentos ou opiniões

Digital: usa números, como no ato de contar

Espacial: vê onde as coisas se situam em relação a outras e como as partes se unem para formar o todo

Lógico: tira conclusões baseado na lógica

Intuitivo: assimila as coisas aos pulos, muitas vezes à base de amostras incompletas, palpites, pressentimentos ou imagens visuais

Linear: pensa em termos de ideias concatenadas, um pensamento seguindo-se a outro e, quase sempre, levando a uma conclusão convergente

Não linear: aprende as coisas integralmente, de uma só vez; percebe configurações e estruturas globais, o que, muitas vezes, leva a conclusões divergentes

Características yáng

Características yīn

Pensar para sentir

Hemisfério esquerdo

Hemisfério direito

Lado esquerdo

Lado direito

Avaliação energética e anímica por meio da Medicina Tradicional Chinesa

C7 Sentir para agir

Sentir para fazer

T12

Fazer para fluir

L5 Fluir interno para fluir externo (locomoção)

Figura 6.27 Passagens das qualidades energéticas.

Donatelli CAP 06.indd 173

Segundo a MTC, tudo que se manifesta no universo se expressa na dualidade yīn e yáng, assim os estados inter­ nos e externos do organismo humano podem ser obser­ vados por meio dessas duas forças ou faces de energia. A energia yīn é uma força que se abre, é receptiva e tem o potencial da transformação. A energia yáng é uma força concentrada, é ativa e tem o potencial da mobilização. Na avaliação de yīn e yáng não há qualidade no sen­ tido de melhor ou pior, de bom e mau, não há preferên­ cia em nenhuma circunstância, as duas forças atuam de forma a regular uma à outra, dinâmica e constantemente. A força yáng nasce no ápice da força yīn (noite, in­ verno, entrega, medo), é o jovem yáng, por exemplo, o alvorecer, a primavera, acordar para o dia, preparar­se para as atividades, determinar­se, mobilizar­se. A força yīn nasce no ápice da força yáng (dia, verão, ação, en­ tusiasmo), é o jovem yīn, por exemplo: o entardecer, o outono, retornar ao descanso, refletir, relaxar. As duas forças são representadas no símbolo do tài jí (Figura 6.28). O desequilíbrio é notado quando uma das duas for­ ças, que são dinâmicas e complementares, está estagna­ da ou crônica, ou, em outras palavras, quando uma for­ ça prevalece em relação à outra. Assim, a hiperatividade, o excesso de entusiasmo ou de decisão, a atitude prag­ mática de provedor, a extrema extroversão, a organiza­ ção obsessiva e a necessidade de sempre estar fazendo alguma coisa são fatores cristalizados da força yáng. Por outro lado, a preguiça, a falta de iniciativa, o excesso de tristeza e medo, o excesso da introversão, a desorgani­

Donatelli | A Linguagem do Toque – Massoterapia Oriental e Ocidental. Amostras de páginas não sequenciais e em baixa resolução. Copyright © 2015 Editora Guanabara Koogan Ltda, publicado pela Editora Roca.

Capítulo 6 | Avaliação Física e Energética do Massageado 173

24/07/2015 17:40:58


zação, a atitude de dependência do outro e a submissão são fatores cristalizados da força yīn. No aspecto físico no corpo: o quente, o duro, o só­ lido, a secura e o avermelhado são manifestações yáng. O frio, o mole, o líquido, a umidade e o enegrecimento são manifestações yīn. Por meio do histórico e do estado da pessoa, soma­ dos à leitura do terapeuta, pela observação e palpação, percebem­se as oscilações do yīn e do yáng, que viabili­ zam a conscientização e a ação terapêutica. Na Tabela 6.7, constam as propensões das forças yīn e yáng. Representam o seu potencial e a sua tendência ao extremo, que é a base da leitura energética:

Cinco Movimentos A partir da compreensão da oscilação yīn e yáng, verifica­ se que os organismos vivos têm dois movimentos de orga­ nização: um de auto­organização, que determina a sua evo­ lução, e outro de influência no organismo maior em que está inserido, que determina a sua duração e integração. Essa oscilação cria um ciclo de nascimento, crescimento, geração, declínio, transformação e retorno, que é represen­ tado nos Cinco Movimentos ou elementos no seu Ciclo de Geração. Nesse ciclo, um gera o outro, mantendo a vida: • Madeira gera Fogo (queimando) • Fogo gera Terra (pelas cinzas) • Terra gera Metal (no seu íntimo subsolo) • Metal gera Água (a fusão o liquefaz) • Água gera Madeira (nutrindo­a). O outro ciclo é o Ciclo de Dominância, em que cada movimento ou elemento equilibra o outro, dosando os seus aspectos excessivos: • A Madeira se sobrepõe à Terra (cobrindo) • A Terra se sobrepõe à Água (absorvendo e represando) Tabela 6.7 Propensões das forças yīn e yáng. Yīn

Yáng

Receptivo

Ativo

Introversão

Extroversão

Angústia-Medo

Entusiasmo-Cólera-Obsessão

Decomposição-Desorganização

Acúmulo-Organização

Relaxamento

Tensão

Frio

Quente

Mole

Duro

Líquido

Sólido

Umidade

Secura

Enegrecido

Avermelhado

Sintomas crônicos

Sintomas agudos

Doce

Amargo-Salgado

Donatelli CAP 06.indd 175

• A Água se sobrepõe ao Fogo (apagando) • O Fogo se sobrepõe ao Metal (derretendo) • O Metal se sobrepõe à Madeira (cortando). A partir da natureza dos ciclos dos elementos Madei­ ra, Fogo, Terra, Metal e Água, abrem­se cinco aspectos que podem ser observados na leitura física e nas inter­ pretações (Figura 6.29 e Tabela 6.8).

Estados anímicos referentes aos Cinco Movimentos Usamos o termo estado anímico no significado das ex­ periências vividas do ser, pelos seus sentimentos e ações. Podemos verificar que independentemente de jul­ garmos bom ou ruim, ou de querermos evitar ou valori­ zar algum estado interior, a verdade é que passamos por todos eles, pois os sentimos. Os movimentos apresentam o potencial do ser; os sen­ timentos, a qualidade; e a emoção, a expressão (Tabela 6.9). Assim, podemos observar as expressões emocio­ nais e os sentimentos, com o propósito de compreender quando há excesso ou deficiência nos movimentos, que são inerentes à dinâmica da vida. Dentro da dinâmica do todo, desequilíbrio não é si­ nônimo da simples vivência de um estado (seja entusias­ mo­euforia, seja reflexão­angústia ou outro qualquer), mas, sim, a permanência e consequentemente a sua es­ tagnação, ou o desvio de tal estado, evitando a vivência e assim acumulando um potencial que não se vive. Por outro lado, na visão específica do movimento, desequilíbrio significa o excesso (yáng) ou a falta (yīn) de energia no mesmo, ou seja, a vivência extremada do sentimento (com a tendência de projetar a energia em outras pessoas ou situações ou então guardar dentro de si os sentimentos) ou a escassez da sensibilidade em determinado(s) sentimento(s). No Capítulo 9, em MTC, constam os Pontos de Co­ mando, que servem para fazer a leitura energética de cada meridiano. Mais informações sobre os conceitos do Taoismo e da MTC podem ser encontradas no livro Macro e Microcosmos (Donatelli, 2007). Além da leitura feita pelos Pontos de Comando, há tam­ bém uma leitura nas regiões da face que acusam o desequi­ líbrio dos meridianos. Percebe­se quando a pele apresenta marcas ou há coloração correspondente ao meridiano, em excesso, nas regiões indicadas da Figura 6.30. A avaliação energética tem os instrumentos da ob­ servação das forças yīn e yáng e das cinco manifesta­ ções expressas nos Cinco Movimentos, que possibili­ tam um vasto e preciso substrato para leitura corporal (Figura 6.31).

Donatelli | A Linguagem do Toque – Massoterapia Oriental e Ocidental. Amostras de páginas não sequenciais e em baixa resolução. Copyright © 2015 Editora Guanabara Koogan Ltda, publicado pela Editora Roca.

Capítulo 6 | Avaliação Física e Energética do Massageado 175

24/07/2015 17:40:59


Fogo Verão Coração Intestino delgado Vasos Língua Suor Entusiasmo Exteriorização Crescimento Riso Amargo Vermelho

Madeira Primavera Fígado Vesícula biliar Ligamentos, tendão Olhos Lágrima Cólera Determinação, criação Nascimento Grito Ácido Verde

Água Inverno Rim Bexiga Ossos, medula Ouvido, genital, ânus Urina Medo Interiorização Armazenagem, velhice Gemido Salgado Preto

Terra Alto verão Baço-pâncreas Estômago Tecido conjuntivo, músculos Boca Saliva Ansiedade Transformação Mudança, puberdade Canto Doce Amarelo

Metal Outono Pulmão Intestino grosso Pele, pelos Nariz Muco Angústia Reflexão Maturidade Pranto Picante Branco

Ciclo de geração Ciclo de dominância

Figura 6.29 Cinco movimentos. Tabela 6.8 Quadro das tendências de manifestações em cada período. Elemento

Madeira

Fogo

Terra

Metal

Água

Estação

Primavera

Verão

Alto verão

Outono

Inverno

Órgão

Fígado

Coração

Baço-pâncreas

Pulmão

Rim

Vísceras

Vesícula biliar

Intestino delgado

Estômago

Intestino grosso

Bexiga

Tecido

Ligamentos, tendão

Vasos

Tecido conjuntivo, músculos

Pele, pelos

Ossos, medula

Orifício

Olhos

Língua

Boca

Nariz

Ouvido, genital, ânus

Líquido

Lágrima

Suor

Saliva

Muco

Urina

Sentimento

Cólera

Entusiasmo

Ação

Determinação, criação Exteriorização

Ansiedade

Angústia

Medo

Transformação

Reflexão

Interiorização

Desenvolvimento Nascimento

Crescimento

Mudança, puberdade

Maturidade

Armazenagem, velhice

Som

Riso

Canto

Pranto

Gemido

Grito

Sabor

Ácido

Amargo

Doce

Picante

Salgado

Cor

Verde

Vermelho

Amarelo

Branco

Preto

Donatelli CAP 06.indd 176

Donatelli | A Linguagem do Toque – Massoterapia Oriental e Ocidental. Amostras de páginas não sequenciais e em baixa resolução. Copyright © 2015 Editora Guanabara Koogan Ltda, publicado pela Editora Roca.

176 A Linguagem do Toque | Massoterapia Oriental e Ocidental

24/07/2015 17:40:59


SUMÁRIO Introdução, 1

Sidney Donatelli

1 Histórico e Fundamentos da Massoterapia, 5 2 O Corpo e suas Camadas, 11

Sidney Donatelli

3 Prática da Massagem, 29 4 Educação Somática e Práticas Corporais, 77 5 Anatomia, 113 6 Avaliação Física e Energética do Massageado, 155 7 Manobras e Liberação Miofascial, 183 8 Tratamentos Específicos, 253

10 Profissional Massoterapeuta, 431 11 Relatos de Experiências Profissionais, Institucionais e de Pacientes da Massoterapia, 435 Considerações Finais, 459 Bibliografia, 463 Lista de Pontos, 467

É uma obra voltada tanto para quem recebe massagem quanto para aqueles que buscam o autoconhecimento, pois fornece a compreensão da atuação das técnicas e apresenta práticas corporais para a manutenção da saúde, como educação somática, alongamentos, respiração, postura e automassagem. Fundamental para estudantes e profissionais, pois traz aspectos importantes sobre leitura corporal, fichas de atendimento, tratamentos específicos das regiões corporais e dos sistemas orgânicos, manobras e liberação miofascial, massagem em cadeiras (quick massage) e descrição dos meridianos e pontos de energia. Apresenta, ainda, técnicas dos movimentos das mãos e de polarização, sequências de massagem e reflexologia, orientando também aqueles que desejam iniciar seu conhecimento em massoterapia.

Capa A linguagem do toque - massoterapia oriental e ocidental - lomb22mm.indd Todas as páginas

A LINGUAGEM Massoterapia DO TOQUE Oriental e Ocidental

9 Medicina Tradicional Chinesa e Chakras, 297

A Linguagem do Toque | Massoterapia Oriental e Ocidental, resultado do estudo e da prática do autor desde 1980, é um compêndio da massoterapia que resgata e valoriza o toque como elemento essencial aos cuidados terapêuticos e linguagem inerente à interpessoalidade. Aborda desde o histórico e os fundamentos da massoterapia até o perfil do profissional, com conteúdo focado na prática das primícias da massagem: a sensibilidade, o toque e a linguagem tátil. Também descreve as técnicas de massagem nas camadas do corpo, com detalhes e fotos dos movimentos, da mecânica corporal e das sequências de manobras, além de apresentar as estruturas do sistema musculoesquelético e sua funcionalidade. Apresenta, inclusive, os conceitos da visão energética do Oriente, por meio da Medicina Tradicional Chinesa e dos chakras.

A LINGUAGEM DO TOQUE

Massoterapia Oriental e Ocidental

SIDNEY DONATELLI nasceu em São Paulo, em 1961. Praticou diversas modalidades de esportes na infância e, com 12 anos de idade, iniciou-se nas artes do corpo, nas danças clássica, moderna e contemporânea. Em 1977, formou-se em teatro com Flávio Dias e começou a carreira profissional como ator, bailarino e coreógrafo. Em 1978, formou-se em Artes no Colégio Iadê e iniciou as atividades como educador em artes cênicas e plásticas. Em 1981, aprofundou seu trabalho, com formação no método Movimento Consciente e Direções Ósseas, com Klauss Vianna, tornandose professor de Consciência Corporal e Movimento Consciente. Em 1982, teve o primeiro contato com a Medicina Tradicional Chinesa, no curso de Massagem Oriental e Sensibilidade, com o professor Armando Austregésilo. Em 1983, passou a atuar como massoterapeuta e professor de massagem e fundou a Escola Amor, onde coordena o curso de formação em massoterapia oriental e ocidental. Ministrou cursos, palestras e participou de congressos no Brasil, no México, em Portugal e na Itália. Filiou-se à Associação de Massagem Oriental do Brasil, da qual foi presidente de 1988 a 1992, e fez cursos de acupuntura, reflexologia e quiropraxia. Na década de 1990, passou a praticar yoga e meditação. Fez cursos de I Ching e Feng Shui com o mestre taoísta Wu Jyh Cherng, fundador da Sociedade Taoísta do Brasil, que o iniciou no caminho espiritual do Taoismo, propiciando a unificação de arte, educação, saúde e espiritualidade como visão de vida. Na mesma década, participou da fundação do Conselho Brasileiro de Autorregulamentação da Massoterapia (CONBRAMASSO), onde elaborou a matriz curricular para os cursos de formação e técnico de massoterapia. É membro do colegiado dessa instituição. Na década de 2000, fez reciclagens profissionais com o Treinamento de Liberação Miofascial na Associação Brasileira de Rolfing e também no ambulatório social de acupuntura da Casa da Terra. A partir de 2007, publicou quatro obras, incluindo esta, as quais, por meio dos estudos cosmológico, energético, fisiológico e emocional, buscam o substrato para a preservação da vida. O livro Caminhos de Energia | Atlas dos Meridianos e Pontos para Massoterapia e Acupuntura foi adotado em 2013 pelo Senac de São Paulo, no curso técnico de massoterapia, onde o autor também ministrou aulas.

7/29/2015 8:40:28 AM

Donatelli | A Linguagem do Toque – Massoterapia Oriental e Ocidental  

Donatelli | A Linguagem do Toque – Massoterapia Oriental e Ocidental

Donatelli | A Linguagem do Toque – Massoterapia Oriental e Ocidental  

Donatelli | A Linguagem do Toque – Massoterapia Oriental e Ocidental

Advertisement