Page 1

1:28 PM

Tão difícil quanto a opção de carreira e a entrada no meio acadêmico, fazer

da Pesquisa em cursos de graduação e

uma escolha acertada sobre o tema da pesquisa para a conclusão do curso

pós-graduação. Concluiu a licenciatura em Pedagogia pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro em Gestão de Recursos Humanos M

Y

CM

e Orientação Educacional pela Universidade Federal Rural

Docente com vasta experiência na área, o autor Bruno Taranto Malheiros elaborou este Metodologia da Pesquisa em Educação, com todo o conteúdo necessário à compreensão dos requisitos básicos a um trabalho científico. No intuito de capacitar os estudantes, o texto foi construído de forma didática e

MY

do Rio de Janeiro (UFRRJ). Recebeu

CY

o grau de mestre em Administração

encadeada, apresentando o passo a passo para a organização do estudo e a

de Empresas pela Pontifícia

produção de resultados claros e consistentes.

CMY

K

Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio). Além da experiência acadêmica, participa frequentemente de congressos na área de educação,

Grande parte da inquietação dos estudantes deve-se ao tão temido trabalho de conclusão de curso. Mesmo acostumados, pouco a pouco, à vida acadêmica, não raro se deparam com a difícil escolha por um tema e os desdobramentos necessários à investigação e à produção da monografia. A metodologia e a organização do estudo e dos mecanismos de pesquisa são requisitos fundamentais para que o trabalho final

Organização

Andrea Ramal

traduza, fidedignamente, os resultados coletados. A clareza e a eficiência obtidas pelas informações apresentadas também são de suma importância para que outros pesquisadores avancem em determinado

uma monografia.

C

e especialização em Psicopedagogia

Andrea Ramal

deparam com as inquietações do processo de investigação e produção de

Os estudos de caso e os exercícios de aplicação encontrados no início e no fim de cada capítulo são alguns dos recursos bastante úteis aos interessados em desvendar as normas, processos e exigências de um eficiente trabalho de pesquisa.

no Brasil e no exterior.

ISBN 978-85-216-1870-6

9 788521 618706

Metodologia da Pesquisa em Educação

(UNIRIO), além de ter cursado MBA

provoca insegurança e muitas dúvidas. Com frequência, os estudantes se

Malheiros

é professor de Metodologia

Série Educação

Bruno Taranto Malheiros

Metodologia da Pesquisa em Educação

Organização

Série Educação

6/9/11

Série Educação

1

Série Educação

BrunoMalheiros_SerieEducacao.ai

campo ou questão. Com vasta experiência na área, Bruno Taranto Malheiros elaborou o conteúdo deste livro no intuito de ajudar os estudantes a desenvolverem competências

Bruno Taranto Malheiros

e habilidades essenciais ao trabalho de pesquisa. A capacitação proposta pela obra começa na construção do projeto, passando ao desenvolvimento do estudo, à instrumentalização dos dados e, finalmente, à elaboração do relatório final.

Metodologia

da Pesquisa em Educação

Diversos exemplos, exercícios práticos,

Bruno Taranto Malheiros

testes e estudos de caso são algumas das ferramentas colocadas à disposição dos leitores, de forma didática e acessível, facilitando a compreensão do texto e a aplicação de conceitos à prática cotidiana. Os doze capítulos estão encadeados, numa sequência lógica de pesquisa extremamente útil ao público-alvo da obra.

Metodologia da Pesquisa em Educação


Metodologia da Pesquisa em Educação

Bruno Malheiros zero.indd 1

5/31/11 3:10 PM


O GEN | Grupo Editorial Nacional reúne as editoras Guanabara Koogan, Santos, LTC, Forense, Método, E.P.U. e Forense Universitária, que publicam nas áreas científica, técnica e profissional. Essas empresas, respeitadas no mercado editorial, construíram catálogos inigualáveis, com obras que têm sido decisivas na formação acadêmica e no aperfeiçoamento de várias gerações de profissionais e de estudantes de Administração, Direito, Enfermagem, Engenharia, Fisioterapia, Medicina, Odontologia, Educação Física e muitas outras ciências, tendo se tornado sinônimo de seriedade e respeito. Nossa missão é prover o melhor conteúdo científico e distribuí-lo de maneira flexível e conveniente, a preços justos, gerando benefícios e servindo a autores, docentes, livreiros, funcionários, colaboradores e acionistas. Nosso comportamento ético incondicional e nossa responsabilidade social e ambiental são reforçados pela natureza educacional de nossa atividade, sem comprometer o crescimento contínuo e a rentabilidade do grupo.

Bruno Malheiros zero.indd 2

5/31/11 3:10 PM


Organização Andrea Ramal

Metodologia da Pesquisa em Educação Bruno Taranto Malheiros

Mestre em Administração pela PUC-Rio na linha de pesquisa Educação nas Organizações Professor de Metodologia da Pesquisa em cursos de Graduação e Pós-Graduação

Bruno Malheiros zero.indd 3

5/31/11 3:10 PM


O autor e a editora empenharam-se para citar adequadamente e dar o devido crédito a todos os detentores dos direitos autorais de qualquer material utilizado neste livro, dispondo-se a possíveis acertos caso, inadvertidamente, a identificação de algum deles tenha sido omitida. Não é responsabilidade da editora nem do autor a ocorrência de eventuais perdas ou danos a pessoas ou bens que tenham origem no uso desta publicação. Apesar dos melhores esforços do autor, do editor e dos revisores, é inevitável que surjam erros no texto. Assim, são bem-vindas as comunicações de usuários sobre correções ou sugestões referentes ao conteúdo ou ao nível pedagógico que auxiliem o aprimoramento de edições futuras. Os comentários dos leitores podem ser encaminhados à LTC – Livros Técnicos e Científicos Editora Ltda. Direitos exclusivos para a língua portuguesa Copyright © 2011 by LTC __ Livros Técnicos e Científicos Editora Ltda. Uma editora integrante do GEN | Grupo Editorial Nacional Reservados todos os direitos. É proibida a duplicação ou reprodução deste volume, no todo ou em parte, sob quaisquer formas ou por quaisquer meios (eletrônico, mecânico, gravação, fotocópia, distribuição na internet ou outros), sem permissão expressa da editora. Travessa do Ouvidor, 11 Rio de Janeiro, RJ __ CEP 20040-040 Tels.: 21-3543-0770 / 11-5080-0770 Fax: 21-3543-0896 ltc@grupogen.com.br www.ltceditora.com.br Capa: Máquina Voadora DG Editoração Eletrônica: Máquina Voadora DG CIP-BRASIL. CATALOGAÇÃO-NA-FONTE SINDICATO NACIONAL DOS EDITORES DE LIVROS, RJ M216m 2.ed. Malheiros, Bruno Taranto Metodologia da pesquisa em educação / Bruno Taranto Malheiros. - Rio de Janeiro : LTC, 2011. 23cm. - (Educação)   Anexos Inclui bibliografia e índice ISBN 978-85-216-1870-6   1. Pesquisa educacional. 2. Pesquisa educacional - Metodologia. 3. Ciência - Metodologia. I. Título. II. Série.   11-2730.                           CDD: 370.78                                          CDU: 37.015.4

Bruno Malheiros zero.indd 4

5/31/11 3:10 PM


“(...) o inacabamento de que nos tornamos conscientes nos fez seres éticos. O respeito à autonomia e à dignidade de cada um é um imperativo ético e não um favor que podemos ou não conceder uns aos outros (...). É neste sentido também que a dialogicidade verdadeira, em que os sujeitos dialógicos aprendem e crescem na diferença e, sobretudo, no respeito a ela, é a forma de estar sendo coerentemente exigida por seres que, inacabados, assumindo-se como tais, se tornam radicalmente éticos.” “A boniteza de ser gente se acha, entre outras coisas, nessa possibilidade e nesse dever de brigar. Saber que devo respeito à autonomia e à identidade do educando exige de mim uma prática em tudo coerente com este saber.” Extraído de Pedagogia da Autonomia, de Paulo Freire.

Bruno Malheiros zero.indd 5

5/31/11 3:10 PM


Bruno Malheiros zero.indd 6

5/31/11 3:10 PM


Agradecimentos Não poderia deixar de começar meus agradecimentos citando a Professora Andréa Ramal, que me convidou para tornar esta obra realidade. Conheci Andréa em 2006, quando fui convidado para atuar como consultor em sua empresa. Desde então, tive contato com seu profissionalismo e sua competência na execução dos projetos que assumia, além de ter a oportunidade de conhecer a pessoa maravilhosa que ela é. Foram quatro anos de sólida parceria que me fizeram um profissional e uma pessoa melhor. Andréa foi membro de minha banca de mestrado e hoje é tida por mim como alguém muito especial, que quero ter ao meu lado em todos os momentos. Agradeço a outras professoras que conheci e que, de alguma forma, também são parte desta obra: Silvina Ramal e Ana Maria Rodrigues. Sabedoria, responsabilidade e disponibilidade são palavras que as descrevem. À Professora Sandra Regina Rocha-Pinto, minha orientadora no curso de mestrado, por me auxiliar a entrar no mundo das pesquisas científicas de forma séria e comprometida. Pela paciência, persistência e pelas palavras certas nas horas certas. Você é especial. À minha mãe, Helen Solange, e aos meus irmãos Gustavo e Rafael, que são o suporte que preciso para seguir em frente. Aos amigos sempre presentes Rodrigo Abrantes, Tatiana Pitta, Carlos Amaral, Ana Raquel Rocha e Roberta Lima. A todos os meus alunos-orientandos, que me dão o prazer constante de redescobrir o universo da pesquisa científica, construindo e reconstruindo conhecimentos. Especial agradecimento à Editora LTC, por acreditar e apoiar a ideia deste livro. A todos os amigos que fiz e que ainda vou fazer no caminho.

B. T. M.

Bruno Malheiros zero.indd 7

5/31/11 3:10 PM


Bruno Malheiros zero.indd 8

5/31/11 3:10 PM


Apresentação Não é raro ouvir, em conversas entre alunos de cursos de pós-graduação, frases como estas: - Você já decidiu o que vai pesquisar? - Ainda não decidi o que pesquisar, e já está na hora de entregar meu projeto de tese! - Quero fazer mestrado, mas o problema é que não decidi ainda meu objeto de pesquisa. - Nesta universidade não tem a linha de pesquisa que me interessa, mas vou fazer pósgraduação mesmo assim porque o diploma é muito valorizado no mercado. - Já decidi o que pesquisar, mas não consigo decidir que metodologia adotar. Frases como essas revelam, mais do que simples indecisão, problemas de base na formação do aluno-pesquisador. O que muitos alunos não levam em conta – talvez porque muitos cursos não ensinem com o devido cuidado – é que a decisão de fazer uma pesquisa como as de mestrado ou doutorado, a rigor, deveria ser motivada por uma questão (seja sobre a reflexão teórica ou sobre a prática) que inquieta o sujeito. É para tentar resolvê-la, esclarecê-la ou iniciar a desvendá-la que este sujeito-pesquisador se dispõe a seguir determinados passos que envolvem leitura, investigação, observação, lançamento e testagem de hipóteses, e todo um caminho metodológico que a ciência nos ensina. Na área educacional, a formação do pesquisador precisa começar nos cursos de graduação. É neles que o futuro profissional deve aprender a fazer do seu campo de trabalho um espaço de pesquisa permanente, assumindo ao longo da vida uma atitude de inquietação frente à realidade, no desejo de sempre transformá-la para melhor. É com essa atitude diante do próprio trabalho que surgem as “questões”, as indagações que o profissional irá se colocando e para cuja superação a metodologia científica poderá aportar importantes contribuições. É por isso que na graduação existem disciplinas como Metodologia da Pesquisa, Introdução à Pesquisa ou similares. A finalidade última dessas disciplinas não é simplesmente ensinar a construir um trabalho científico, mas sim ajudar a desenvolver no aluno competências e valores essenciais para a atuação como pesquisador, tais como a disposição para a investigação, o rigor intelectual, o respeito ao método, o olhar crítico ante a realidade observada, a consciência sobre as vantagens e os limites da neutralidade científica, entre outras. Ao mesmo tempo, é fundamental que o aluno aprenda a organizar esse estudo e a sistematizar o itinerário e os resultados de sua pesquisa de um modo claro e eficaz, para que outros pesquisadores e outras comunidades científicas possam apreciá-lo ou utilizá-lo como parte dos avanços numa determinada questão.

Bruno Malheiros zero.indd 9

5/31/11 3:10 PM


x

Apresentacão

Neste livro, Bruno Malheiros oferece um valioso instrumento de formação para o alunopesquisador. Mostra a relevância da ciência e do método científico para o avanço do conhecimento na área educacional, capacitando o aluno-pesquisador para mais claramente visualizar, na prática, o que são problemas de pesquisa, como enunciá-los e a partir de que metodologias aproximar-se deles para estudá-los, compreendê-los, superá-los. Ao mesmo tempo, este livro é um guia que ajuda todo aluno-pesquisador a construir o próprio projeto de pesquisa, para em seguida desenvolver o estudo a partir do método mais adequado, conduzir o trabalho, chegar às conclusões e apresentar o relatório final. Esse passo a passo é ensinado de um modo didático e acessível, com exemplos concretos para que o aluno visualize a aplicação prática daquilo que aprende, e com exercícios que facilitam a fixação dos conhecimentos e sua conexão com o cotidiano. Seguindo as orientações deste livro, definir um problema de pesquisa, escolher o caminho metodológico mais apropriado para o que se quer pesquisar, defender o projeto, construir relatórios ou apresentar trabalhos para bancas examinadoras não serão mais motivos de inquietação para o aluno. E assim ele poderá se dedicar diretamente ao principal: estudar a realidade, captar todas as dimensões possíveis dos fenômenos, lançar hipóteses para melhorias, chegar às próprias conclusões e, sobretudo, contribuir, com sua pesquisa, para os avanços na área da educação.

Profa Andrea Ramal Doutora em Educação pela PUC-Rio

Bruno Malheiros zero.indd 10

5/31/11 3:10 PM


Prefácio O conhecimento científico é um dos modelos de apreensão da realidade e tem assumido, nos últimos anos, posição central nos avanços tecnológicos e sociais. Nas universidades, é o modelo que prevalece, orientando as atividades acadêmicas e ditando a forma pela qual os alunos devem desenvolver seus estudos e sua formação. Ao iniciar a jornada em um curso superior, frequentemente somos apresentados pela primeira vez aos textos científicos. Não é incomum que se tenha dificuldade em compreender a linguagem utilizada e, muito menos, em redigir os textos utilizando determinadas normas. Acontece que todos os alunos, pela legislação educacional brasileira, devem apresentar trabalhos dissertativos ao término de sua graduação ou especialização, no qual precisam abordar, do ponto de vista científico, um assunto relacionado ao seu campo de estudo. Nos cursos de graduação em Pedagogia, nas licenciaturas das diversas áreas do saber e nas especializações em educação não é diferente. É preciso construir um trabalho acadêmico acerca da educação. Aí surge a dificuldade! Como escrever diversas páginas utilizando uma linguagem com a qual não se tinha familiaridade até bem pouco tempo? Como apresentar um relatório de pesquisa? Visando a atender esta necessidade dos discentes, praticamente todos os cursos contam com disciplinas para tratar da Metodologia da Pesquisa. Em algumas universidades, esta disciplina recebe outros nomes, como Metodologia Científica, Orientação Monográfica, Métodos de Pesquisa etc. Nomes distintos que têm a mesma meta: orientar o aluno sobre como realizar uma pesquisa e, principalmente, como relatar seus resultados. Este livro foi escrito com o objetivo de auxiliar esse processo de apreensão da linguagem científica, orientando as escolhas a serem realizadas em todas as fases de uma pesquisa e esclarecendo como realizar a redação do relatório final (a tão temida monografia!). Por ser um livro voltado para pesquisas educacionais, aprofunda-se nos principais métodos utilizados na educação e é enriquecido com exemplos da área, tornando o conteúdo mais próximo do público ao qual se destina. São doze capítulos escritos em uma sequência lógica de pesquisa. A ideia é que, ao ler os capítulos na ordem em que foram escritos, o leitor possa estruturar sua investigação. O Capítulo 1, de caráter introdutório, vem discutir o que é ciência e como ela se diferencia das outras formas de apreensão da realidade. Não é possível fazer ciência sem ter clareza do que ela é. Além disso, é necessário que se conheça as demais formas de compreensão do mundo para que se possa evitá-las no âmbito das empreitadas acadêmicas.

Bruno Malheiros zero.indd 11

5/31/11 3:10 PM


xii

Prefácio

O Capítulo 2 apresenta questões da pesquisa científica que são específicas à área educacional, tais como os campos de pesquisa e a natureza do objeto que é investigado. Além disso, é feita uma introdução sobre as formas de classificação das pesquisas e os métodos utilizados. Aqui, serão tratados temas como as formas de avaliação das pesquisas científicas e os principais canais de comunicação. Para concluir, não se poderia deixar de abordar a questão da ética na pesquisa científica. O terceiro e o quarto capítulos orientam a etapa de planejamento de uma pesquisa, que é fundamental para que se possa levar a cabo qualquer investigação. No Capítulo 3, a discussão se dá em torno do processo de construção de um problema científico, que é a primeira grande dificuldade que se tem. No Capítulo 4, já com o problema definido, são apresentadas as orientações para que se desenvolva um projeto de pesquisa. O projeto, na prática, equivale ao registro do planejamento da investigação que será realizada. Pesquisa bibliográfica, estudo de caso, etnografia ou pesquisa participante? Ter clareza do problema a ser investigado implica fazer a primeira e, talvez, mais importante escolha do processo de pesquisa: o procedimento técnico. Este é o assunto abordado no Capítulo 5, que se estende propositadamente naqueles procedimentos que são mais utilizados na educação por conta de seu objeto de pesquisa. Ao término desse capítulo, o aluno já deve ter total clareza das etapas que serão percorridas para que o trabalho seja realizado e o relatório final possa ser construído com tranquilidade. Daqui para a frente, serão vistas as etapas de realização da pesquisa propriamente dita. O Capítulo 6 aborda a construção do referencial teórico, etapa fundamental para a construção de um texto acadêmico-dissertativo. Já os Capítulos 7 e 8 apresentarão o processo de coleta e de análise de dados quantitativos. Por questões didáticas, a coleta e a análise de dados qualitativos foram separadas, aparecendo nos Capítulos 9 e 10. A ideia dessa separação é apresentar cada um dos passos a serem seguidos para que se identifique, levante e analise os dados, mesmo sabendo que muitas pesquisas de abordagem quanti-qualitativa coletam os dados quantitativos e qualitativos ao mesmo tempo. De qualquer forma, a análise desses nas duas abordagens é essencialmente diferente, o que reforça a necessidade de clareza na distinção e no tratamento dos assuntos. Até aqui, foi construído o problema de pesquisa e o projeto. O leitor compreendeu as diversas abordagens que são possíveis no que diz respeito ao procedimento técnico de pesquisa. Compreendeu a importância e o método para desenvolvimento do referencial teórico e aprendeu a levantar e analisar os dados. É chegada a hora de preparar o relatório final da pesquisa, que apresentará todos esses passos, além da conclusão a que o autor chegou. Isto é apresentado no Capítulo 11 que, juntamente com o capítulo seguinte, que tratará das normas para elaboração de um trabalho científico, encerram o ciclo da investigação científica.

Bruno Malheiros zero.indd 12

5/31/11 3:10 PM


xiii

Prefácio

Encerram o ciclo da investigação científica? Não! Na verdade, encerram uma das etapas, já que a ciência é essencialmente cumulativa. O encerramento dessa etapa abre novos caminhos para novas pesquisas. É aí que reside o principal prazer de pesquisar: na certeza de que não há uma linha de chegada, mas sempre um novo começo. Esperamos que este livro auxilie no caminho que você, aluno, está começando a percorrer. Desejamos, no mais, sorte em sua pesquisa!

Bruno Taranto Malheiros

Bruno Malheiros zero.indd 13

5/31/11 3:10 PM


Material Suplementar Este livro conta com materiais suplementares. O acesso é gratuito, bastando que o leitor se cadastre em http://gen-io.grupogen.com.br.

GEN-IO (GEN | Informação Online) é o repositório de material suplementar e de serviços relacionados com livros publicados pelo GEN | Grupo Editorial Nacional, o maior conglomerado brasileiro de editoras do ramo científico-técnico-profissional, composto por Guanabara Koogan, Santos, LTC, Forense, Método, E.P.U. e Forense Universitária.

Bruno Malheiros zero.indd 14

5/31/11 3:10 PM


Sumário Capítulo 1  As Diversas Formas de Compreender o Mundo

1

Contextualizando Estudo de caso Conceitos para entender a prática Mito: a narrativa simbólica da realidade Religião: a verdade é uma questão de fé Senso comum: o saber da experiência Filosofia: uma especulação contínua da realidade Ciência: a demonstração metodológica e rigorosa da verdade Exercícios de aplicação Para debater Resumo executivo Teste seu conhecimento

1 2 2 3 7 9 11 14 18 19 19 20

Capítulo 2  A Pesquisa Científica em Educação

21

Contextualizando Estudo de caso Conceitos para entender a prática Por que pesquisar em educação? Principais campos de pesquisa em educação Sobre o pesquisador da educação A natureza do objeto de estudo da educação Classificação das pesquisas Métodos de pesquisa Avaliação do trabalho científico Canais de comunicação de resultados de pesquisa Ética na realização de uma pesquisa Exercício de aplicação Para debater Resumo executivo Teste seu conhecimento

21 22 22 23 26 27 29 30 33 34 35 36 37 37 37 38

Bruno Malheiros zero.indd 15

5/31/11 3:10 PM


xvi

sumário

Capítulo 3  Construindo um Problema de Pesquisa

39

Contextualizando Estudo de caso Conceitos para entender a prática Identificando um problema de pesquisa Diferença entre assunto, tema e problema Definição dos objetivos final e específico Construção de hipóteses Delimitação do problema Justificativa do problema Relevância do problema Referencial teórico no projeto de pesquisa Bibliografia Síntese Exercício de aplicação Para debater Resumo executivo Teste seu conhecimento

39 39 41 41 47 51 53 55 58 59 60 61 61 62 63 63 63

Capítulo 4  O Projeto de Pesquisa

65

Contextualizando Estudo de caso Conceitos para entender a prática Planejando uma pesquisa Modelo de projeto de pesquisa Exercício de aplicação Para debater Resumo executivo Teste seu conhecimento

65 65 66 67 73 77 77 78 78

Capítulo 5  Procedimentos Técnicos de Pesquisa

79

Contextualizando Estudo de caso Conceitos para entender a prática Pesquisa bibliográfica Pesquisa documental Levantamento

79 80 80 81 85 88

Bruno Malheiros zero.indd 16

5/31/11 3:10 PM


sumário

Pesquisa narrativa Estudo de caso Estudo de campo Pesquisa experimental Etnografia Estudo de coorte Pesquisa ex post facto Pesquisa-ação Pesquisa participante Exercício de aplicação Para debater Resumo executivo Teste seu conhecimento

xvii

91 94 96 99 102 104 106 108 110 112 112 112 113

Capítulo 6  Construção do Referencial Teórico

115

Contextualizando Estudo de caso Conceitos para entender a prática Referencial teórico Realizando fichamentos e resumos Critérios para escolha de fontes bibliográficas Tipos de revisão bibliográfica Como apresentar um referencial teórico Principais erros no referencial teórico Exemplo de referencial teórico Exercício de aplicação Para debater Resumo executivo Teste seu conhecimento

115 117 117 118 121 124 125 126 129 130 132 132 132 133

Capítulo 7  Coletando Dados Quantitativos

134

Estudo de caso Conceitos para entender a prática Métodos de coleta de dados quantitativos Vantagens e limitações das pesquisas quantitativas Técnicas de elaboração de questionários População e amostra

134 135 135 138 142 151

Bruno Malheiros zero.indd 17

5/31/11 3:10 PM


xviii

sumário

Preparando o estudo-piloto Aplicando o questionário Exercício de aplicação Para debater Resumo executivo Teste seu conhecimento

156 158 164 164 164 166

Capítulo 8  Analisando Dados Quantitativos

167

Estudo de caso Conceitos para entender a prática Conceitos (muito) básicos de estatística Apresentando dados de questões com apenas uma opção Apresentando dados de questões com múltiplas opções Apresentando dados de questões por escala Apresentando dados de questões que envolvem ordenação Tabelas e gráficos como suporte à apresentação de resultados Exercício de aplicação Para debater Resumo executivo Teste seu conhecimento

167 168 169 173 175 177 179 180 184 184 185 185

Capítulo 9  Coletando Dados Qualitativos

187

Estudo de caso Conceitos para entender a prática Coleta de dados qualitativos – Observação Vantagens e desvantagens da pesquisa observacional Passos para realização de uma coleta observacional Coleta de dados qualitativos – Entrevista Vantagens e desvantagens das entrevistas Passos para a realização de uma entrevista Exercício de aplicação Para debater Resumo executivo Teste seu conhecimento

187 188 189 195 195 196 200 200 201 201 202 203

Capítulo 10  Analisando Dados Qualitativos

204

Contextualizando

204

Bruno Malheiros zero.indd 18

5/31/11 3:10 PM


sumário

Estudo de caso Conceitos para entender a prática Análise de conteúdo Categorias para a análise de dados qualitativos Um exemplo prático de análise de conteúdo Exercício de aplicação Para debater Resumo executivo Teste seu conhecimento

xix

205 205 205 208 211 215 216 216 217

Capítulo 11  Elaborando o Relatório Final Contextualizando Conceitos para entender a prática A estrutura do relatório final Linguagem do relatório final Algumas sugestões para a redação Para debater Resumo executivo

218 219 219 221 223 225 226

Capítulo 12  Resumo das Principais Normas da ABNT

227

Definição do tipo de trabalho Estrutura Pré-textual Textual Pós-textual Apresentação física Organização numérica Como fazer citações Resumo executivo Anexo Modelos

227 228 228 229 230 231 231 232 234 236 236

Bibliografia Índice

245 247

Bruno Malheiros zero.indd 19

5/31/11 3:10 PM


Bruno Malheiros zero.indd 20

5/31/11 3:10 PM


1:28 PM

Tão difícil quanto a opção de carreira e a entrada no meio acadêmico, fazer

da Pesquisa em cursos de graduação e

uma escolha acertada sobre o tema da pesquisa para a conclusão do curso

pós-graduação. Concluiu a licenciatura em Pedagogia pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro em Gestão de Recursos Humanos M

Y

CM

e Orientação Educacional pela Universidade Federal Rural

Docente com vasta experiência na área, o autor Bruno Taranto Malheiros elaborou este Metodologia da Pesquisa em Educação, com todo o conteúdo necessário à compreensão dos requisitos básicos a um trabalho científico. No intuito de capacitar os estudantes, o texto foi construído de forma didática e

MY

do Rio de Janeiro (UFRRJ). Recebeu

CY

o grau de mestre em Administração

encadeada, apresentando o passo a passo para a organização do estudo e a

de Empresas pela Pontifícia

produção de resultados claros e consistentes.

CMY

K

Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio). Além da experiência acadêmica, participa frequentemente de congressos na área de educação,

Grande parte da inquietação dos estudantes deve-se ao tão temido trabalho de conclusão de curso. Mesmo acostumados, pouco a pouco, à vida acadêmica, não raro se deparam com a difícil escolha por um tema e os desdobramentos necessários à investigação e à produção da monografia. A metodologia e a organização do estudo e dos mecanismos de pesquisa são requisitos fundamentais para que o trabalho final

Organização

Andrea Ramal

traduza, fidedignamente, os resultados coletados. A clareza e a eficiência obtidas pelas informações apresentadas também são de suma importância para que outros pesquisadores avancem em determinado

uma monografia.

C

e especialização em Psicopedagogia

Andrea Ramal

deparam com as inquietações do processo de investigação e produção de

Os estudos de caso e os exercícios de aplicação encontrados no início e no fim de cada capítulo são alguns dos recursos bastante úteis aos interessados em desvendar as normas, processos e exigências de um eficiente trabalho de pesquisa.

no Brasil e no exterior.

ISBN 978-85-216-1870-6

9 788521 618706

Metodologia da Pesquisa em Educação

(UNIRIO), além de ter cursado MBA

provoca insegurança e muitas dúvidas. Com frequência, os estudantes se

Malheiros

é professor de Metodologia

Série Educação

Bruno Taranto Malheiros

Metodologia da Pesquisa em Educação

Organização

Série Educação

6/9/11

Série Educação

1

Série Educação

BrunoMalheiros_SerieEducacao.ai

campo ou questão. Com vasta experiência na área, Bruno Taranto Malheiros elaborou o conteúdo deste livro no intuito de ajudar os estudantes a desenvolverem competências

Bruno Taranto Malheiros

e habilidades essenciais ao trabalho de pesquisa. A capacitação proposta pela obra começa na construção do projeto, passando ao desenvolvimento do estudo, à instrumentalização dos dados e, finalmente, à elaboração do relatório final.

Metodologia

da Pesquisa em Educação

Diversos exemplos, exercícios práticos,

Bruno Taranto Malheiros

testes e estudos de caso são algumas das ferramentas colocadas à disposição dos leitores, de forma didática e acessível, facilitando a compreensão do texto e a aplicação de conceitos à prática cotidiana. Os doze capítulos estão encadeados, numa sequência lógica de pesquisa extremamente útil ao público-alvo da obra.

Metodologia da Pesquisa em Educação

Série Educação - Metodologia da Pesquisa em Educação (amostra)  

Tão difícil quanto a opção de carreira e a entrada no meio acadêmico, fazer uma escolha acertada sobre o tema da pesquisa para a conclusão d...

Advertisement