Page 11

É sério. O fato é que, quando analiso a coisa toda de um modo mais realista, fico aqui me perguntando: o que eu, Eduarda Maria Carraro, estaria fazendo sozinha em uma praia deserta, deixando minha pele translúcida de tão alva torrar sob o sol escaldante enquanto finjo não me irritar com a violência do vento atirando mechas de meu cabelo castanho contra o rosto, deitada diante de uma caipirosca geladinha de limão milagrosamente materializada? E, acima de tudo, sem a parte de cima do biquíni? Eu não faço topless. Nunca fiz em todos os dezenove anos de minha vida! Vou mostrar o quê? Dois pequenos limões? — Estou desistindo da prova! — murmuro, sentindo a boca salgada. — Eu me rendo! É bem neste instante que algo frio me toca as costas (exatamente no lugar onde deveria estar o fecho da parte de cima do meu biquíni). E esse algo frio... ai, meu Deus!... acho que é um dedo. Vários dedos. Uma mão inteira. Ah! Ah! Viro-me imediatamente de barriga para cima, cobrindo os seios com as mãos e, ao fazer isso, sinto meu queixo descer uns vinte centímetros: Robert gostoso Pattinson está passando óleo bronzeador nas minhas pernas. Abobalhada, fico olhando para ele, para seu rosto lindo, esperando o triste instante em que sua imagem vai virar fumaça e se perder no ar. Mas os segundos passam e a imagem continua ali, viva e arrebatadora: Robert vampiro gostoso Pattinson está passando óleo bronzeador em mim. Então fecho os olhos e tento me controlar. Muito bem. É só uma questão de respirar fundo e esperar a cabeça parar de rodar. É simples, fácil e não tem nada de vergonhoso nisso. Acontece com milhares de bêbados pelo mundo afora. É só uma alucinaçãozinha de nada. Já vai passar. Talvez um banho de mar (sem a parte de cima do biquíni) seja uma ótima ideia. Mas a bebedeira não parece fazer sentido, já que não há resquício de álcool em minha boca. E minha cabeça não está girando. Além do mais, estou tão verdadeiramente consciente que acabo de me lembrar da promessa que fiz à Nossa Senhora Desatadora dos Nós. Isso mesmo. 12

Profile for Grupo Editorial Pensamento

Como (quase) namorei Robert Pattinson_Degustação  

Como namorei Robert Pattinson qu as e Carol Sabar

Como (quase) namorei Robert Pattinson_Degustação  

Como namorei Robert Pattinson qu as e Carol Sabar

Advertisement