Page 1

Pontos Cantados de Ogum

Se meu pai é Ogum Vencedor de demanda Ele vem de Aruanda Pra salvar filhos de umbanda Ogum, Ogum, Ogum Iara Ogum, Ogum, Ogum Iara Salve os campos de batalha Salve as sereias do mar Ogum, Ogum Iara Ogum, Ogum Iara

Que cavaleiro é aquele Que vem cavalgando pelo céu azul


É seu Ogum Rompe Mato Ele é defensor do cruzeiro do Sul Eae E e aaaa E e e seu Ventania Pisa na Umbanda Eae E e aaaa E e e seu Ogum Pisa na Umbanda Olha que barco bonito Que vem navegando em pleno mar É seu Ogum Sete Ondas Que vem ao encontro De Ogum Beira Mar

Ogum em seu cavalo corre E a sua espada reluz Ogum em seu cavalo corre E a sua espada reluz Ogum, Ogum Megê Sua bandeira cobre os filhos de Jesus Ogunhê


Salve Ogum Iara Ogum Matinata Ogum Rompe Mato Ogum Megê (bis) Eles trabalham na terra meu Pai Eles trabalham no mar Eles trabalham na areia meu Pai Salve Ogum Beira Mar

Ogum é filho da Macutaia Ogum Macutaia Maleme Auê Tatá de Umbanda Auê salve Ogum na Aruanda

Seu Ogum Beira Mar O que trouxes do mar ? Seu Ogum Beira Mar


O que trouxes do mar ? Quando ele vem Beirando a areia Vem trazendo no braço direito O rosário de Mamãe Sereia Quando ele vem Beirando a areia Vem trazendo no braço direito O rosário de Mamãe Sereia

Eu vi o sol raiar Eu vi estrela brilhar Eu vi seu Rompe Mato Ogum das matas Passeando à beira mar

Ô ronda a Terra Ô ronda o mar Cavalheiros de Umbanda Mensageiros de Oxalá (bis) Ogum de Lei Ogum Iara Olha Ogum Rompe Mato Ogum Megê


Olha Ogum Beira Mar

Em seu cavalo branco ele vem montado Calçando botas ele, vem armado O vinde , vinde , vinde Nosso Salvador O vinde , vinde , vinde São Jorge defensor

Ogum não devia beber Ogum não devia fumar A fumaça é as nuvens que passam E a cerveja é a espuma do mar A fumaça é as nuvens que passam E a cerveja é a espuma do mar

Cavaleiro na porta bateu Eu passei a mão na pemba para ver quem era… Cavaleiro na porta bateu


Eu passei a mão na pemba para ver quem era… Era São Jorge guerreiro, minha gente ! Cavaleiro na força e na fé Era São Jorge guerreiro, minha gente ! Cavaleiro na força e na fé

Eu venho de Alta cidade Venho saudar a aldeia de umbanda Estou saudando São Jorge Guerreiro Com licença de Ogum da Ronda

Ogum de Ronda Salve Ogum de Ronda Salve Ogum de Ronda que acaba de chegar Ogum de Ronda Ele é guerreiro Chegou nesse terreiro Pro seus filhos ajudar Ogum de Ronda Em seu cavalo branco Corre em todas as campinas Do nosso pai Oxalá Ogum de Ronda Salve Ogum de Ronda Salve Ogum de Ronda que acaba de chegar


Que cavaleiro é aquele Que vem cavalgando pelo céu azul É seu Ogum Rompe Mato Ele é defensor do cruzeiro do Sul Eae E e aaaa E e e seu Ventania Pisa na Umbanda Eae E e aaaa E e e seu Ogum Pisa na Umbanda Eu tenho sete espadas Pra me defender Eu tenho Ogum Em minha companhia Ogum é meu pai Mas Ogum é meu guia Ogum vai baixar Na fé de Zambi e da Virgem Maria


Eu passeava naquela floresta Eu passeava lá naquela rua Oh que beleza Ogum de lei no clarão da lua Gira, gira caboclo neste congá Segura a corrente pra não tombar Ogum de Lei ele é Orixá Sou filho de pemba Filho deste congá Olha que barco bonito Que vem navegando em pleno mar É seu Ogum Sete Ondas Que vem ao encontro De Ogum Beira Mar

Ogum de Lei Não me deixes sofrer tanto assim Meu pai Ogum de Lei Não me deixes sofrer tanto assim Meu pai Quando eu morrer Vou passar em Aruanda Saravá Ogum Saravá Seu Sete Ondas


Quando eu morrer Vou passar em Aruanda Saravá Ogum Saravá Seu Sete Ondas

Sete Ondas na Terra Sete Ondas no mar Sete Ondas na Umbanda Sete Ondas no gongá Segura a pemba ê, ê Segura a pemba ê, á Segura a pemba Deixa as ondas navegar

1 Nesta casa de guerreiro Ogum Vim de longe pra rezar Ogum Peço a Deus pelos doentes Ogum Na fé de Pai Oxalá Ogum


Ogum salve a casa santa Ogum Os presentes e os ausentes Ogum Salve nossas esperanças Ogum Salve velhos e crianças Ogum Preto Velho ensinou Ogum Na cartilha de Aruanda Ogum E Ogum ñ se esqueceu Ogum Como vencer a demanda Ogum A tristeza foi-se embora Ogum Na espada de um guerreiro Ogum E a luz do romper da aurora Ogum Vai brilhar nesse terreiro Ogum


2 Que cavaleiro e aquele, Que vam correndo pelo céu azul É Ogum Matinata Que está chegando no Cruzeiro do Sul.

3 Se Ogum e meu pai, Vencedor de demanda Ele vem de Aruanda Vem salvar filhos de Umbanda.

4 Ogum venceu a guerra, Ogum tocou clarim seu regimento todo foi comandado assim: Oi salve Ogum Iara


Oi salve Ogum Megê Oi salve Ogum rompe mato Oi salve Ogum de Naruê

5 Suas correntes são fortes, q fazem o mundo Montado em seu cavalo branco, sobre as ondas do Mar.... Salve, salve, salve...Salve Ogum Beira Mar

6 Pisa na linha de Umbanda q eu quero ver, Ogum 7 ondas... Pisa na linha de umbanda q eu quero ver Ogum Beira Mar... Pisa na linha de umbanda q quero ver Ogum Iara, Ogum Megê... Seu cangira de umbanda auê(2x) Olha pisa no reino o cangira, olha pisa no reino o cangira, olha pisa no reino o cangira....Tata de umbanda o cagira...


7 Ogum, Ogum...Ogum meu Pai o senhor mesmo é quem diz filhos de umbanda não caem... O Jorge, o Jorge...vem de aruanda, São Jorge venceu demanda pra salvar filhos de umbanda...

8 Senhor Ogum olha nois la na estrada Senhor Ogum olha nois la na estrada O olha nois Ogum ogum da sete enruzilhada o olhe Ogum da sete encruzilhada

9 Na alvorada um cavaleiro surgiu Com sua lança e seu escudo a brilhar Seu capacete reluzia em pleno céu Ele é Ogum, ele é seu Beira Mar (bis)


Salve meu pai Ogum, ô Ele vem trabalhar Ele vence demanda Salve Ogum beira Mar (bis)

10 Beira rio Beira rio Beira mar O que se ganha de Ogum Só Ogum pode tirar (bis)

Senhor Ogum de Ronda É quem vem girar E vem fazendo ronda Pra descarregar (bis)

11 Salve na terra a espada de Ogum


Salve nos astros a batida do tambor

Ogum Iara Ogum seu Rompe Mato Ogum Megê É da linha de nagô (bis)

12 Eu tenho sete espadas pra me defender Eu tenho Ogum em minha companhia Mas Ogum é meu Pai Mas Ogum é meu guia

13 Se meu pai é Ogum,Ogum Vencedor de demandas,Ogum Ele vem de Aruanda pra saudar filhos de Umbanda


14 Nos campos de humaitá eu vi você A Umbanda pergunto pôr vós Ogum Megê Aue,aue,aue Ogum Megê

15 Oxalá está chamando Ogum lá no Humaitá Pra lhe dar uma bandeira e mandar ele Jurar

Se ele é Capitão, ele vai jurar E se for de Angola, também vai jurar Se for de Nago, também vai jurar

16 Na Lua nova na Umbanda ele é Ogun... Na Lua nova na Umbanda ele é Ogun... Ogunhê.... Nzambi... ele é Ogun... Ogunhê... Zambi ele ó OGUN...


Patacure Ogun

17 General Tátá de Umbanda Ogum é general Se ele é Ogum Iara Ogum é general Se ele é Ogum Matinata Ogum é general Se ele é Ogum Rompe Mato Ogum é general Se ele é Ogum Naruê Ogum é general Se ele é Ogum Megê Ogum é general

18 Na alvorado um cabaleiro surgiu com a sua lança e seu escudo a brilhar Seu capacete reluzia em pleno céu Mas ele é OGum, ele é seu Beira Mar


Salve meu pai Ogum, ele vem trabalhar Ele vence demanda, salve seu Beira Mar

19 Estou ouvindo um barulho Estou ouvindo um troféu É o meu santo guerreiro Chegando no seu corcel. São Jorge vem a galope Em lindo cavalo branco Empunhando sua lança Vem desfraldando seu manto Salve meu santo guerreiro Destruiu toda a maldade Ao liquidar o dragão Protegeu a humanidade

20 Quando eles bradam, ...é sinal de uma vitoria


nos campos do humaitá vem na umbanda vamos todos saravá esta falange que sabe guerrear.... seu beira mar....ogum nagô seu rompe mato e ogum dilei ogum iara e naruê e ai vem seu ogum megê

21 Ogum arriou sua bandeira Inimigo não entra e nem tem força para entrar E lá no céu era Iansã guerrenado Era Iansã confirmando, confirmando A bandeira de Ogum

22 Ogum em seu cavalo corre e a sua espeda reluz Ogum em seu cavalo corre e a sua espeda reluz Ogum, Ogum megê


Sua bandeira cobre os filhos de Jesus Ogum iê

23 Ogum de Lei Ogum de lei meu pai, Estou lhe chamando, Estou lhe chamando, Ogum de Lei meu pai, Estou lhe esperando Com a sua espada e a sua lança na mão Ogum de lei é vencedor de demanda.

24 Seu cavalo corre, sua espada reluz Sua bandeira cobre todos os filhos de Jesus, Seu cavalo corre, sua espada reluz Auê Ogum Iara, aos pés da santa Cruz


25 Se meu pai é Ogum Vencedor de demanda Quando vem de aruana é pra salvar filhos de umbanda ] Ogum, Ogum Iara, salve os campos de batalha, salve a sereia do mar

Ogum, Ogum Iara!

26 Ogum não devia beber, Ogum não devia fumar, mas a fumaça é as nuvens que passa e a cerveja as ondas do mar!


27 OH! Filhos de umbanda Seu Sete Ondas vem do Humaitá Que bela surpresa Vem de aruanda para nos abençoar

Owu que bela surpresa, Bela surpresa como vai você Que bela surpresa, vem de Aruanda pra nos proteger

28 Estava na beira da praia Quando eu vi, sete ondas passsar Abre a porta oh! gente Que ai vem Ogum Com seu cavalo marinho ele vem saravá

29


Savará umbanda Savara confa Sarava seu Sete Ondas Qe ele é rei é Orixá Vou pedir licença Zambi A Oxum e Imenjá Para abrir nossos trabalhos Com a fé de Oxalá

30 Ogum venceu a guerra Ogum venceu a guerra Ogum é ordenancia de Oxalá Quando Ogum ve, de Aruanda Ele vem pra Umbanda PRa seus filhos abençoar Saravá Ogum Mege, Ogum Mege Sarava Ogum Sete Ondas Sarava Ogum Iara Sarava Ogum Beira Mar


31 A sua espada brilha no raiar do dia Seu Beira Mar é filho da virgem Maria Seu Beira Mar, beirando a areia Seu Beira Mar é filho da mamãe sereia

32 Ogum Beira Mar

A sua espada reluzia sob o sol Em sua lança uma bandeira etiçou Ele é Ogum Ele é Ogum Beira Mar No terreiro de umbanda Ele veio saravá

33 ÔÔ Ogum ÔÔ Ogunhê ÔÔ Ogum ÔÔ Ogunhê


Meu Senhor das Estradas Ogunhê; Abre meus caminhos, Ogunhê; Meu Senhor da Porteira, Ogunhê; Ele é meu pai Ogum Xoroquê...

ÔÔ Ogum ÔÔ Ogunhê ÔÔ Ogum ÔÔ Ogunhê ÔÔ Ogum ÔÔ Ogunhê

34 Filho de pemba, bebe agua no rochedo) filho de ogum, corre campo e não tem medo vou pedir ao criador, que levante o meu amor. aos nossos guias e ao nosso babalao)2x

35 Se sua espada é de ouro sua coroa é de rei

Ogum é Tata na Umbanda, seu Cangira é quem manda


36 La no oriente uma estrela brilhou, La no oriente uma estrela brilhou, Seu Ogum do Oriente é quem chegou.

37 Pode ser que esse de Querem destruir o meu reinado Mas Ogum tá de frente Mas Ogum tá de frente Eu sou filho de Ogum, o meu corpo é fechado Eu sou filho de Ogum, feitiço nenhum vai virar pro meu lado

38 ogum oyá


ogum oyá è dìmínê ogum oyá ogum oyá è dìmínê ogum oyá è dìmínê roxúmucùmbá è dimin

39 Goe aê, aê Goe aê, aê Goe aêêê Roximucumbá tàrá mankó gaiá Goe aê, aê Goe aê, aê Goe aêê tàrá mankó zoió deguê Goe aê, aê Goe aê, aê Goe aêêê

40


ele jurou bandeira ele tocou clarin ele jurou bandeira ele tocou clarin com seu exercito branco ele jurou por mim na beira da praia ogum 7 ondas ogum beira mar na beira da praia ogum 7 ondas ogum beira mar rondo de madrugada sarava seu beira mar sarava seu matinata

41 Oi Salve ogum megê Ogum rompe mato e ogum beira mar Oi salve ogum megê Ogum rompe mato e ogum beira mar, Ogum trabalha na areia meu pai Ogum trabalha no mar Com as forças de mamãe sereia meu pai


Ogum veio trabalhar, Ogum trabalha na areia meu pai Ogum trabalha no mar Com as forças de mamãe sereia meu pai Ogum veio trabalhar...

42 Ouvi toque No clarim da lua era o toque do maior do dia Ogum foi praça da cavalaria Foi ordenança da virgem Maria

43 Eu não seria nada Se não fosse Ogum Para abrir a minha estrada

Valente guerreiro Aqui chegou


Vencedor de demanda Meu protetor Em sua trajetória Meu Pai luta contra o mal Foi nos campos de batalha Que se tornou general

Eu não seria.... (Refrão)

Salve Ogum de Ronda Salve Seu Ogum Megê Saravá Beira-Mar Ogum Iara, Ogum de Lê Salve toda a falange Do glorioso guerreiro Que corta toda demanda Aqui dentro do terreiro

Eu não seria.... (Refrão)

Ogum cavaleiro do céu cavaleiro do céu vencedor de demanda na banda de são Miguel Ogum, olha sua coroa,


Ogum olha sua bandeira Ogum Megê, Ogum de lei ah Ogum Yara cavaleiro do céu é q vence demanda na sua seara

44 Jorge Ernane nas patas do seu cavalo ele traz ferradura facas e facões seu Ogum trás na cintura derramou sangue nas ondas do mar boa noite umbanda seu Ogum vem saravá

45 ogum e sao jorge meu santo protetor da forças aos meus irmao


saude pai e amor (repete tudo)

46 quem esta de ronda e sao jorge dexa sao jorge ronda(biz) sao jorge e guerreiro que manda na terra que manda no mar

47 Ogum Iara quando era menino Em seu cavalo branco, ele guerrilhou

Ele guerrilhou e foi lรก nma aruanda O maeta ele venceu demanda


48 Ogum dele nao me deixe sofrer tanto assim. Ogum dele nao me deixe sofrer tanto assim. Quando eu morrer vou passar na na aruanda, quero ver ogum sarava filho de umbanda. Quando eu morrer vou passar na na aruanda, quero ver ogum sarava filho de umbanda. 16/10/06 Anônimo Ponto de Ogum Ogum, lá das pedreiras, Enviado de Oxalá. Com sua Lança e sua espada Ogum: Seus filhos vem ajudar,Ogum... (Bis)

49 Ogum sete ondas, Ogum Beira Mar (bis) Olha que Ogum está de Ronda,chama Ogum e vamos trabalhar (bis) Ogum é quem vence demanda, deixa Ogum demandar, Olha que Ogum está de Ronda, Chama Ogum e vamos trabalhar.


50 Que barquinha é aquela que vem lá do alto mar? É a barca de Ogum Marinho Que chegou pra me ajudar.

Quando eu venho das águas Eu venho para curar Todos os males que eu encontro Vou levando para o mar.

Que barquinha é aquela Que vem lá do alto mar? É a barca de Ogum Marinho Que chegou pra me ajudar

Na minha espada eu trago força Quem me deu foi Iemanjá Quando cruzo ela no tempo Oxala vem me ajudar


51 Quem está de ronda é São Jorge Meu pai, meu diz aonde é Quem está de ronda é São Jorge Salvai os filhos de fé Quem está de ronda é São Jorge Meu Pai, me diz aonde é Qem está de ronda é São Jorge Jesus, Maria e José Olha, Ogum está de ronda Quem está chamando é São Miguel Réu, réu, réu, na linha de Umbanda Quem está chamando é São Miguel

52 Ogum,Orixá guerreiro santo Me cubra com seu manto Que eu também sou filho seu Com sua espada,me defenda do inimigo Tu és forte,estou contigo Ninguém vai me derrubar


Ogum meu pai,rei Orixá Cavalheiro na Umbanda Ordenança de Oxalá

53 Ô ,Ogunhe Sarava meu pai Venha me valer (bis) Livrai-me da fome,da peste e da guerra Proteção Ogum Para nossa Terra(bis) Gesse,gesse,patakori Ogum Gesse,gesse Ogum meu pai Gesse,gesse,patakori Ogum Quem é filho de Ogum não cai

54 Por sete vezes Pai Ogum me levantou Sete caminhos Com sua mão me guiou


Com sua espada Pronto pra me defender Meu pai Ogum Não deixe filho sofrer E quando a Lua brilhar No Campo do Humaitá É sinal que esta na hora De saudar bravo guerreiro De Umbanda No toque da alvorada Não tem, inimigo algum É vencedor de demanda General de Umbanda Salve pai Ogm Ogum,Ogum de Lê Ogum Megê Seu Matinata vem também Salve,Ogum Rompe Mato Seu Ogum Iara no gonga Salve Ogum Sete Espada Salve seu Beira Mar

55 Montado em seu cavalo branco;


Ah sua espada reluz;(biz) Ogum,Ogum yara; A sua bandeira cobre os filhos de jesus.

56 ogum quem é,quem é? o cavalheiro no alto da serrra quem é,quem é? que proteje os filhos na terra(2x) na maõe direita ele traz uma bandeira simbolizando nossa devoção. na maõe esquerda a lança certeira que matou o dragão mais ele é seu ogum de aruanda a sua espada é nossa proteção vem galopando e vencendo demanda no meu terreiro ele é capitão.

57


A sua espada brilha no raiar do dia, seu Beira Mar é filho da Virgem Maria. Bis

Seu Beira Mar beira maré, Seu Beira Mar, na porta da romaria. Bis

58 Ogum jurou bandeira, Seu Matinada tornou a jurar. Ele tem peito de aço, Venceu a guerra no Humaitá.

59 Eu vi seu sete espadas no alto da pedreira lavava sua espada nas aguas da cachoeira Ele é ogum e mora na pedreira Saravá seu sete espadas Guardião da cachoeira


60 Aruanda clareou, clareou quando surgiu a estrela guia a estrela guia, Clareou meu pai ogum seu Beira Mar Filho da virgem Maria Mas ele é Ogum seu Ogum Beira Mar Mas ele é Ogum seu Ogum Beira Mar Filho da Mãe sereia guardião de Iemanja

61 Nos campos do humaita, Ogum guerriou e venceu; 2x Ganhou divisa de general, foi São José e Maria quem deu; 2x

62


Ogum me disse que dançar nagô é bom; 2x oi que dançar nagô é bom; 2x

63 seu ogum é tibiri,lá nas matas eu ví(bis) as almas santas quando vem de aruanda trazem penba pra salvar filhos de umbanda ô japonês olha as ondas do mar ô japonês,olha as ondas do mar.

64 selei,selei seu cavalo selei olha ogum ja vai embora (bis) seu cavalo selei seu ordenança mandou lhe avisar que seu cavalo esta pronto para viajar mas como é lindo no clarão da lua


seu cavalo branco com a imagem sua.

65 mandei selar seu cavalo para ogum viajar vai pra terra de nossa senhora da gloria ele vai,mas torna a voltar.

66 nessa casa tem ogum ogum vem me ajudar vem qebrar as demandas dos filhos de oba

67


ogum beira mar os teus filhos lhe chamam qando ele vem vem beirando a areia vem trasendo no braço direito o rosalho de mamae sereia

68 É no toque do congo que ogum vai rodear (BIS)

Cavaleiro de Aruanda Guerreiro de Humaita Mensageiro de Oxala Pai de minha coroa Ele é o rei dos Orixás(BIS)

69 Nas portas do Humaitá eu vi voce Kalunga perguntou por nós Ogum Megê (bis)


Auê Auê Auê Ogum Megê Auê Auê Auê Ogum Megê

70 ogum olha a sua bandeira e branca e verde e encanada ogum nos campos de batalha ele venceu a guerra sem perder soldados

71 yemanja cade ogum. foi com oxosse ao rio de jordão foram saudar são joão batista, e batizar cosme e damião.


72 Bandeira linda de Ogum, Estรก issada lรก no humaitรก, (bis)

Representando general de Umbada Ogum vence demanda Ogum em qualquer lugar, (bis)

Visite nossos Sites. www.centropaijoaodeangola.com.br www.centropaijoaodeangola.net

Pontos cantados de ogum  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you