Page 1

em revista Edição 20

Dezembro 2017

nonononno Feliz Natal

Nononononononononon A AMARosas promove três dias de festa para o morador, com direto a Papai Noel, muitas brincadeiras e food truck. Confira essa bela confraternização.


CO LUNA DO O DI LO N

03

PASSEIO PELA NOSSA HISTÓRIA AMARosas luta e defende os nossos espaços públicos!

RENOVAM-SE AS ESPERANÇAS! Por Odilon Andrade

U

m novo ano e renovam-se as esperanças! Entretanto, não abrimos mão de jeito nenhum! Imaginem se não tivéssemos essa alternativa, verdadeira muleta, para podermos tocar a vida e acreditar que seremos capazes de superar a rasteira que tomamos em 2017 daqueles em quem um dia acreditamos que jogavam no nosso time e jamais legislariam exclusivamente para colher benesses do Executivo? Isso mesmo, não têm como ficar no esquecimento as cenas lamentáveis e dramáticas que presenciamos na Câmara dos Vereadores do município do Rio de Janeiro, em uma “pseudo-audiência pública” forjada no limiar da votação do projeto enviado pelo Executivo para o escorchante aumento do IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano)

e ITBI (Imposto Sobre a Transmissão de Bens Imóveis). Pois é, 31 vereadores certamente decepcionaram seus eleitores com essa atitude e pensamentos mesquinhos, na medida em que não tiveram a coragem de nos defender junto ao Executivo para que oferecesse à sociedade o direito de discutir sobre uma matéria de importância relevante através de audiências públicas nas diversas regiões do nosso município. Acontecimentos dessa natureza servem para mostrar o quanto é seria a escolha daqueles em quem vamos votar nas próximas eleições municipais, não esquecendo que 2018 é ano eleitoral e sugerimos que acompanhem com toda atenção os discursos, as propostas e não deixem de aprofundar suas pesquisas sobre a vida pessoal, profissional e

ética daqueles que forem candidatos para todos os segmentos do Legislativo e Executivo. Aos 18 vereadores que não aceitaram benesses, justificaram o voto popular e se puseram contra a proposta governamental para o aumento do IPTU e ITBI, o nosso reconhecimento!

Desejando a todos um Feliz Natal e um novo ano de muita paz, harmonia e felicidades! Acorda, Parque da Rosas!


EXPEDIENTE

PAPO LEGAL Esta seção é assinada pelo defensor público do IV Tribunal do Júri do Rio de Janeiro, Marcos Lang, também morador do Parque das Rosas. Aqui, ele vai tratar de temas legais, esclarecer dúvidas e colaborar com toda a comunidade. Envie sugestões para marcoslang@ig.com.br.

MAIS UM ANO CHEGANDO AO FIM Este ano de 2017 foi de extrema intensidade para todos nós: a crise foi grande; a desilusão, maior em todos os níveis; Executivo, Legislativo e Judiciário nos mostrando a todo momento do que são capazes, tanto olhando pelo lado positivo como pelo negativo; devemos, mais que nunca, fazer nossa checklist pessoal, pois somente assim poderemos avaliar no que podemos acertar mais e errar menos. Quero agradecer a turma do Parque das Rosas e a turma da AMARosas, pois cada vez mais percebo que esta região da Barra da Tijuca pode ser tratada como uma grande família; onde quer que andemos, cruzamos com olhares conhecidos, pessoas que cumprimentamos pelo simples fato de estar na maior parte do ano compartilhando do mesmo espaço físico. E isso é muito bom!

Do meu cantinho principal, o condomínio Palm Springs, tenho cuidado com muito carinho e disposição, e já vejo resultado não só material, mais principalmente sentimental, visto que meus vizinhos próximos demonstram maior admiração pelo local que escolheram para morar.

O maior desafio do Parque das Rosas em 2018, para mim, será deixar definitivamente a recessão para trás. Nossa recuperação será lenta, porque ainda estamos sob grave crise política em nosso estado, mas, com o desemprego em queda, poderemos ver uma luz no fim do túnel, luz que de fato poderá nos trazer menos desordem urbana. Percebi, ao longo de 2017, um aumento significativo na população de rua, e no Parque das Rosas não foi diferente. Hoje, com a omissão do poder público, vemos mais guardadores de carros, vendedores de quentinhas, pedintes e usuários de drogas em nossa região; sem contar o aumento dos crimes contra o patrimônio, haja vista os roubos e furtos em nosso entorno.

Em conjunto com a AMARosas e demais colaboradores, me doarei um pouco mais em 2018, com isso acredito numa melhora significativa do Parque das Rosas. Afinal, temos sempre que olhar para o futuro de forma animadora e deixar o passado apenas nos dar mais experiência para seguirmos em frente. Agradeço a oportunidade de estar com essa coluna mensal e desejo a todos um Feliz Natal e um 2018 repleto de coisas boas. Na certeza de estarmos juntos no ano que se iniciará em poucos dias, um até breve!

Presidente: Cleo Pagliosa (Rosa dos Mares) Vice-Presidente: Odilon de Andrade (Rosa Maior) Diretor Financeiro: Sylvio João Coutinho Pinho (Rosa da Barra) Conselho fiscal - Presidente: Carlos Alberto Leite de Faria (Liberty Place) Diretor Jurídico: Marcos Roberto dos Reis Lang (Palm Springs) Diretora Social: Ildamar Nunes Vianna (Rosa da Barra) Conselho Fiscal: Carlos Alberto Leite de Faria (Liberty Place) Rodrigo Jabur Ferreira França (Rosa Viva) | Rodolpho Theil (Rosa da Praia) Suplente: Daniel Ferreira de Almeida (Long Beach – Casa Blanca) Cosmopolitan Work Style Av. Jorn. Ricardo Marinho, 360 - Sala 222 Barra da Tijuca, RJ (21) 2143-4582 www.ama-rosas.com.br contato@ama-rosas.com.br

Diretor Executivo Paulo Roberto Mesquita Diretora Administrativa

Rebeca Maia Editora-Chefe

Tereza Dalmacio editora@grupocoruja.com Reportagem

Aldi Mafra | Debora Monken Estagiária de Jornalismo

Katharine Alves Fotografia

Lourrayne Lima Estagiário de Fotografia

Marcos Alcântara Revisão

Laila Silva Direção de arte

Rachel Sartori Diagramação

Marcília Almeida Design

Allan Nascimento Comercial

(21) 3471-6799

www.grupocoruja.com


UMA BOA EDUCAÇÃO REALIZA SONHOS, TRANSFORMA A VIDA. COLÉGIO SANTA MARCELINA

MAIS INFORMAÇÕES Ligue 2492-2124 ou acesse marcelinas.com.br Estrada do Açude, 250 Alto da Boa Vista - RJ


CCS

6

SEGURANÇA EM PAUTA

F

oi realizada a última reunião do ano do 31º Conselho Comunitário de Segurança, no auditório do Hotel Ramada. Mais uma vez, a comunidade se fez presente e a AMARosas também marcou presença no evento.

Os recém-empossados Wagner Mello, do comando do 31º Batalhão da Polícia Militar, e tenente-coronel Douglas Henaut, do Grupamento de Busca e Salvamento (GBS), foram apresentados ao público. O tenente-coronel Mello destacou a importância da presença das associações para ajudar a diminuir a violência. Segundo ele, não possível é

combater a criminalidade somente com policiais. “Talvez seja o maior erro da sociedade brasileira, achar que todos os problemas da criminalidade serão solucionados somente com a figura da polícia. É fundamental a participação da sociedade organizada”, comentou o tenente-coronel Mello. Cleo Pagliosa, presidente da AMARosas, confirmou que o evento é relevante para aproximar as associações de moradores com os representantes da segurança pública. No entanto, questionou a ausência do secretário municipal de Ordem Pública (Seop), coronel Paulo César

Amêndola, membro essencial para auxiliar na questão da segurança. “Fiquei frustrado porque fiquei esperando a presença do coronel Amêndola. Eu faria vários questionamentos sobre a ordem pública, porque acredito que a Seop é uma grande ferramenta para melhorar a segurança pública e o ordenamento urbano, que não está acontecendo na região. O próprio inspetor falou que não há recursos, e hoje nós temos moradores de rua, flanelinhas, vendedores de quentinha, música alta à noite na Cidade das Artes e no clube do BNDES. Eles estão devendo muito na questão da ordem pública no bairro”, expôs Cleo.


PÓS NO NO NO NO NO NO

-

AÇÃ -G R A D U

NONONONONO Darlan Barroso / Gilberto Bruschi Nonononononno • DIREITO DO CONSUMIDOR

O

• DIREITO PROCESSUAL CIVIL Coordenação:

7

O

ccum dolorrum que intis ab idebit voluptate eturi aspeles voleste ctatem nient autes eum andit, nobis es dipictius repratiunt oditis doluptatquia cus eum doluptate reprat.

Ro conse quae veneste est audior aperatas et, omnitibus re et aboriorrum, sed erum il idelliquo bea dolectum aute earciatquae a dolorum fugit evelest, nobitet id que eos aditatem non por sintend elique ommolup taturiam es dis core occuptatem facid qui omnim rerum audamus voloriatus aut ut faccatem que parumquibus ne ilis dolupide atusdam endipsae reptaque repro volorum faceatem lab incto quaerio nsecate est, sunt as dolupta solorep uditatibus es dolupta tusamus iur rem est, ad ut ea volum volorerum con nonse volut fugia dolutempore non nonsenihilis dis ressitaestem aligendam eum nes voloreh endesti num eseribus, tento odigentibus, imillendant aut fugitiat et ut ese et optatus. Porit, voluptate vitibus sincien dipitae qui aut dolo beruptas audaes et harumquodi dolo te officab idus etur, nonsequ iduciatus quatus

Coordenação: Bruno Miragem / Marco Antonio Araujo Junior

• DIREITO PENAL

Coordenação: Damásio de Jesus / André Estefam

maiorestium, corem dolum faceat alictatus, nonsequi tem sum aut lab eumquid et ut experat essimus inci corem. Itas minvers perferum DO TRABALHO E PROCESSO DO TRABALHO • DIREITO dolumentiam, sumetus esectiorum repe landipsam aut que illauta Pereira Leone / Sampaio Pedro Coordenação: evendunt, utemporum, officieniam cusapiet pra qui ut la velesed icipasit qui ut vendisti sitiam fugiatibus- sap ernatem ea porendaes dolupta TRIBUTÁRIO • DIREITO ci dolore doloris quaspedis exerio. tureprem nam cum unt porpore preFrota da Rocha Costa / Rodrigo Regina Helena Coordenação: Apel et dolupta quatusamus, quam cusd andiatur maioAntonio et officia ipsapid sandunt ad quundis quatem nonet magnihita volestia et ulla nobis PREVIDENCIÁRIO E PROCESSO PREVIDENCIÁRIO • DIREITO harumqui ommoloritas quias donimus, tem. Imin corpore ruptatiat Flávia Cristina lendis asitincimus voloria estibusHélio Gustavo autemAlves fugit,/ optur? Coordenação: pere is quia plique dolorem vendae Lenient ium fugit aut molesed ipicireptas ma seque dolorrovid untELEITORAL ea • DIREITO derunt lis arciis simi, cus velendita nonseque et es provitam, officature, / Clever Vasconcelos Rollossequam, Luis Mendonça Alexandre Coordenação: ad utemodi dolupta convolupiet quis qui dolupti quiam hasequo volent eosam sum vit dunt. rum harchil is corati arum verundunOmnisquuntis doloreped quatur, tiis as earit et rehent modit volore aut facerum que volupta tionseque nim volorecum utem alitatium nam aut faccullit plis cus maio el illaut ium aut as atur? fuga. Odioribus is arist ditatquam, Bis accusa di non cus deraepereped none voluptatur, cus. qui officiatusda quam quidest lam velictur as et everfer itamet ommos Ficiati bustiat. Ulparcil id ex eate eatasseque nisque venim incto bea- nonem unto tes et aliquia etur? Opque sus, officim qui officaectur solo- tur aceptatustem consectus eium res cimusame ent officius ut lantum nulloreium asim inctas net voluprem identotas es quam cum fugiatio tam, te voluptatum inum dolluptat doluptis exceped min quatiis doles volest ad mo ea volorro exeri comniendae nonsedi tassitatas aribus autam quam quae elis aliquatis soluptis ducipsunte corem rem sequam aspernatio quis dolupta tectia sam, solore lam es

Confira todos os cursos em: damasio.com.br/ POS

Síndicos e representantes do Paço das Rosas.

SUA CARREIRA DE SUCESSO COMEÇA NA UNIDADE BARRA DA TIJUCA. Marapendi Shopping – Loja 108 Av. das Américas, 3959 (21)

3226-2017

CAMPANHA DE MATRÍCULAS 2018.1

É Pós-Graduação, mas pode chamar de de carreira.


H

á alguns meses a Revista publica reportagens sobre o aumento do IPTU: desde a primeira reunião até o desfecho recente. A AMARosas esteve presente em todo esse processo que culminou em uma ação judicial para suspender o aumento concedido pelos vereadores e sancionado pelo prefeito. No dia 11 de dezembro, o Órgão Especial do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro suspendeu, por meio de uma liminar, o aumento do IPTU.

Duas ações diretas de inconstitucionalidade foram propostas contra a lei municipal sancionada no fim de setembro: uma pelo deputado estadual Flávio Bolsonaro e a outra pelos deputados estaduais Luiz Paulo Correa da Rocha e Lucinha Helena, contra a prefeitura e a Câmara Municipal do Rio de Janeiro. De acordo com declaração dos deputados à imprensa, o aumento do IPTU violava princípios constitucionais, como a vedação ao confisco,

8

I PT U

A FORÇA DA sociedade organizada

a razoabilidade e o direito de propriedade. A Procuradoria-Geral do município informou ainda que está avaliando os efeitos da decisão e as próximas medidas a serem tomadas. Segundo o próprio Tribunal, a decisão é em caráter liminar e a constitucionalidade ou não da lei que concedeu aumento do IPTU ainda será julgada em outra sessão, que ainda não foi marcada.


Entenda todo o processo I PT U

9

Encaminhada pela prefeitura à Câmara de Vereadores, a nova planta de valores do IPTU gerou discussões, mas foi aprovada no dia 5 de setembro: 30 vereadores votaram pelo aumento e o projeto da nova planta de valores, que recebeu 102 emendas, foi sancionado no fim de setembro. Atualmente, a Barra da Tijuca é a responsável por 33% da arrecadação da cidade, pagando cerca de 28% do valor total do imóvel para o IPTU. A nova lei, no entanto, elevaria cerca de 25% em cima dos valores atuais, fazendo com que os moradores da Barra chegassem à marca de 31% do valor do imóvel. A justificativa da prefeitura é que a medida foi criada para ajudar a melhorar a arrecadação e fechar o rombo financeiro da cidade.

De agosto até o movimento Acorda, Rio, no dia 26 de novembro na praia de Copacabana, vários encontros ocorreram. Toda essa mobilização foi iniciativa da CCBT (Barra da Tijuca), AMASCO (São Conrado), AMAB (Botafogo) e AMALEBLON (Leblon), que convocaram várias outras associações e todas estiveram presentes, somando e multiplicando pelo bem de toda a cidade.

“A AMARosas, mais uma vez presente e unida às outras associações do Rio de Janeiro, briga para que a cidade acorde. Não podemos continuar nesse marasmo, acomodados diante de um governo que nada faz. Nosso intuito é tentar trazer a sociedade para participar e não ficar à beira-mar, como se nada estivesse acontecendo. A população tem que ter mais força nas redes sociais, pois as nossas comunicações estão muito mais direcionadas a brincadeiras e a piadas do que a assuntos que verdadeiramente importam e são relevantes. Temos que correr atrás, pois esse é o melhor veículo que existe e que gera impacto atualmente. A AMARosas vai colaborar naquilo que for necessário para que o movimento Acorda, Rio possa crescer e tomar a proporção que deve ter”, informou Carlos Alberto Leite Faria, presidente do Conselho Fiscal, retratando o espírito de luta da AMARosas nesse processo e em todos outros em que o benefício é para toda a sociedade. Continuaremos acompanhando o desenrolar dessa liminar. O MOVIMENTO ACORDA, RIO VEIO PARA FICAR!


Unidos somos mais fortes.

Giuseppe Maccarato (Rosa dos Mares) disse que o aumento é desnecessário: “o que já pagamos é suficiente. Não temos retorno, ainda mais para nós, cadeirantes, que temos muitas dificuldades para nos locomover pela cidade. E não vejo esforços dos parlamentares para que isso mude. A liminar que determinou a suspensão foi vitoriosa e muito correta. Toda cobrança por parte da população é fundamental”.

Maria Goretti (Rosa dos Mares) contou: “não existe a menor possibilidade de aumento. O imposto é pago para que os órgãos públicos nos sirvam com dignidade, mas isso não acontece. Temos que votar em prol de quem verdadeiramente se mobiliza a nosso favor. Toda e qualquer mobilização de cobrança como o Acorda, Rio, que aconteceu em Copacabana, é de extrema importância. Temos que divulgar a cara deles mesmo para que a população acorde e não cometa os mesmos erros nas próximas eleições. Onde já se viu os políticos preservarem os interesses próprios e não os nossos, que somos os verdadeiros patrões deles?”.

I PT U

10


I PT U

11

Clélia Guimarães (Rosa dos Ventos), desde o início, foi contra o aumento do IPTU e comemorou ao saber da suspensão: “eu votei no vereador Carlos Eduardo, era muito fã dele, até que fui surpreendida com seu voto a favor do aumento. Assim que soube do movimento Acorda, Rio, mobilizado pela Câmara Comunitária em parceria com a AMARosas e outras associações, apoiei e fiz questão de compartilhar nas redes sociais. Os vereadores que foram a favor só mostram que buscam atender os interesses próprios e não os da população”.

Claudio Azambuja (Rosa dos Mares) elogiou a iniciativa da CCBT e das associações de moradores da cidade com o Acorda, Rio: “temos que cobrar sim. Perto das eleições, os políticos vêm aqui pedir voto, mas na hora de ficar do lado do povo, eles dão pra trás. Temos que ficar atentos, pois ano que vem tem eleições”.

Fernanda Messore Amaral (Rosa dos Ventos) tem acompanhado a novela do IPTU: “seria ótimo se suspendessem de vez. Já pagamos impostos muito altos e eles não correspondem aos serviços que estão sendo prestados à população atualmente. Infelizmente, já não temos mais confiança nos parlamentares, que deveriam ser nossos representantes”.


A

primeira festa de Natal do Parque das Rosas foi um sucesso, e quem afirma isso é o morador. O evento, promovido pela Associação, reuniu muitas famílias, que confraternizaram em três dias de festa. O Papai Noel chegou no sábado à noite e voltou no domingo para a felicidade da garotada. A euforia foi grande. Os pequenos ainda puderam se divertir com o pula-pula e a cama elástica. Já para os adultos, food truck, com aquelas comidinhas deliciosas. O cantor Fábio Madureira deu o tom e o ritmo para alegria de todos.

12

NAT AL

Tempo de celebrar


NAT AL

13

Vanessa Carvalho (Rosa da Praia) e a mãe, Rosinete Souza, olhavam atentas os passos de Julia (4 anos). A menina aproveitou cada momento e brincou bastante com seu patinete pela praça. “Não há alegria maior de estar com os amigos e os familiares. Este ano, a Julia pediu uma Baby Alive de Natal”, destacou Vanessa.

Os amigos Ronaldo Lima, Ana Maria Ribeiro dos Santos e Mariza Barbosa são do Rosa da Praia e foram quase os primeiros a chegar no evento. “Hoje viemos celebrar a união e o amor, e confraternizar”, admitiu Ana Maria.


Reinaldo Ortiz (Rosa dos Ventos), a esposa Eliane e os amigos Wilson Martins e Márcio Corrêa se reuniram na festa. “Eu acho ótimo que tenham mais eventos como esse aqui no Parque das Rosas. Natal, pra mim, representa renascimento”, comentou Eliane.

Monique Arruda (Palm Springs) é mãe de Gabriel (7 meses) e trouxe as amigas para a festa: “acho muito legal essa integração com a vizinhança. Agora, sobre o Natal, como católica praticante que sou, não posso esquecer do nascimento de Jesus. Sempre levo meu filho à igreja”.

NO NO NAT AL NO NO NO NO

14


NO NO NO NO NO NO

15


Patrick Menezes (Four Seasons) é pai de Pedro (3 anos) e Miguel (9 meses) e também levou os pais, Giovanna Menezes e Mauro, à festa. “Sempre gostei de tudo o que é realizado aqui. Sempre prestigio e torço para que tenham mais vezes. Natal, pra mim, é um momento de gratidão pelo ano que passou e também tempo de refletir sobre a nossa vida para iniciar bem o novo ciclo”, disse Patrick.

Isabelle Santos (Rosa Viva) foi à praça com a irmã, Danielle Santos, a sobrinha, Lia (4 anos), o cunhado, Luis Claudio, a filha, Ana Luiza (5 anos), e a mãe, Valdenice Araujo Santos. “Achei tudo excelente, sempre prestigiamos as atividades aqui na praça”, destacou Isabelle.

16

NAT AL

A pequena Bruna (3 anos) estava acompanhada da avó Maria Luzia Lourenço Pinto de Almeida (Rosa Maior) e não escondeu a ansiedade pela chegada do Papai Noel. Muito envolvida com a música, ela já tinha preparado 3 pedidos para o bom velhinho: um microfone da Barbie, um piano e uma boneca que fala. “Essa é a primeira vez que curtimos essa data aqui na praça. Eu gostei muito, tomara que tenham outras oportunidades”, ressaltou, emocionada, a avó.

Mariana Marra (Varanda das Rosas) fez questão de estar em família e reunir as 3 gerações. Com a presença do marido, Kesley, os filhos, Pedro (11 meses) e Marina (3 anos), e os pais, Júlio Máximo e Nélia (Palm Springs), ela elogiou a iniciativa: “achamos tudo maravilhoso. A minha pequena ficou muito ansiosa com a chegada do bom velhinho e queria pedir uma bicicleta”.


RESULTADOS SONHOS REALIZADOS

EXPANSÃO DO COLÉGIO pH BARRA PARA 2018 Mais 4 mil m2, unindo a tradição do pH com um novo conceito de educação. Espaço maker, conectividade e maior integração com o ambiente escolar!

MATRÍCULAS ABERTAS ph.com.br

Ensinando como ir além

ALFABARRA: 21 2433-3266 - BARRA: 21 2493-8808 - BOTAFOGO: 21 2553-5655 FREGUESIA: 21 2421-1053 - ICARAÍ: 21 2621-1111 - IPANEMA: 21 2512-1258 - PIRATININGA: 21 2709-7073 RECREIO: 21 3411-1013 - TIJUCA: 21 2567-3377


Martha Gerk (Long Beach) era pura alegria com a filha, Anna Clara (5 anos). A menina era uma das primeiras crianças da fila para tirar foto com o Papai Noel. A mãe contou que o que importa nessa data é a união da família e o amor entre as pessoas.

Rafael (5 meses) é do Rosa dos Mares e diferente de outros bebês não fez manha no colo do bom velhinho.

Frederico Torquato (Rosa Viva) e Paola são pais de Caetano (8 meses). “Esse é o nosso primeiro Natal com ele, um momento incrível e uma experiência nova e única”, disse o pai.

NAT AL

18


NAT AL

19

Aline Maurício Silva Pinto (Rosa dos Mares) não escondeu a emoção de fazer a primeira foto da filha, Rebecca (7 meses), no colo do Papai Noel: “estou sem palavras! Ela é uma bênção de Deus na minha vida”.

Na foto: Cleo Pagliosa, presidente da AMARosas, e Carlos Alberto de Faria Leite, presidente do Conselho Fiscal. Cleo aproveitou para falar sobre esses dias de convivência dos moradores do Parque das Rosas: “o nosso objetivo sempre foi movimentar a praça, e, pela primeira 1ª vez na história do condomínio, realizamos o evento de Natal. Quem veio, gostou! Uma pena que mais pessoas não tenham prestigiado”.

SEU AMBIENTE PRONTO PARA SER USADO NO MESMO DIA, SEM QUEBRA QUEBRA

Pisos e revestimentos Pisos laminados (nacionais e importados) Pisos de madeira nobre (maciço e estruturado) Pisos Vinílicos Persianas (costinhas e tecidos) Moveis de Demolição Drywall Forros em geral Papel de parede Revestimento de parede Laminados auto-colantes (produzidos com garrafas PET ecológico) Acústica em geral Rua Mario Piragibe, 49 – Lins de Vasconcelos | Tel.: 2576 0046 Rua Érico Veríssimo 1000, loja 121 – Barra | Tel.: 3145 2004

www.lamiart.com.br

Mais de 40 anos no mercado


E

se depender da AMARosas assim permaneceremos, criando pontes, firmando laços, colaborando com a nossa comunidade. E nada melhor que o fim do ano, época de confraternização e de balanço, para renovarmos essa união. Boas festas a todas as famílias do Parque das Rosas!

20

“Desta vez, a mensagem exige uma reflexão: 2017 foi um ano atípico, pois os nossos governantes e os políticos de um modo geral alcançaram uma forte rejeição. Enquanto os processos da Lava Jato avançam, nós ficamos sem saber o final dessa história. Todos os acontecimentos nos levaram a refletir sobre o nosso papel na sociedade. 2018 será marcado como o ano em que devemos virar esse jogo em busca de uma estabilidade social, de uma melhor qualidade de vida, de um crescimento sustentável, e erradicar a corrupção. Para isso, precisamos de uma sociedade mais participativa, que cobre de seu parlamentar as promessas feitas em troca de seu voto. Questione os poderes Executivo, Legislativo e Judiciário, e exija uma conduta correta e direcionada para a coletividade. Que venha um 2018 mais justo, afinal, SÓ DEPENDE DE NÓS. Para finalizar, deixo uma frase do dramaturgo, poeta e encenador alemão, Bertolt Brecht: ‘Não basta ter sido bom quando deixar este mundo, é preciso deixar um mundo melhor’.” – Cleo Pagliosa, presidente da AMARosas.

“O Natal está chegando e um novo ano também. Hora de fortalecermos nossas esperanças para que tenhamos um mundo muito melhor. Circunstancialmente sabemos que não é muito fácil. Me parece que o ser humano está cada vez mais beligerante, e assim a necessidade de nos equilibrarmos e de nos harmonizarmos torna-se cada vez mais importante para nossa própria sobrevivência. O Parque das Rosas e a sua representação necessitarão caminhar em consonância para superarmos as dificuldades que o ano prestes a se encerrar delineou. A política está confusa. Será necessário firmeza no trato com aqueles que nos representam em todas as instâncias. Acima de tudo, desejo a todos muita saúde para caminharmos rapidamente na busca dos nossos objetivos. Feliz Natal e um próspero Ano-Novo.” – Odilon de Andrade, vice-presidente da AMARosas.

“Caros amigos, enquanto um coração se preocupar com o outro, haverá sempre esperança e felicidade para todos. Feliz Natal e um Ano-Novo pleno de paz.” – Ilda Vianna, 1ª suplente do Conselho Fiscal da AMARosas.

BO AS FE S T AS

ESTAMOS JUNTOS


BO AS FE S T AS

21

“O sentido do Natal deve estar sempre presente em nosso dia a dia, e que a esperança se concretize em suas casas e em nossa comunidade.” – Carlos Alberto Leite de Faria, presidente do Conselho Fiscal da AMARosas.

“Nas comemorações de Natal e com a chegada de um novo ano podemos registrar o desejo de um novo viver e um novo caminhar, que nos conduza a um único objetivo: semear a união, a paz, a compreensão, o amor e a esperança. Feliz Natal e um próspero Ano-Novo.” – Alberto Ferreira de Souza, síndico do edifício Rosa da Barra, e Sylvio João Coutinho de Pinho, subsíndico do edifício Rosa da Barra e também diretor financeiro da AMARosas.

“Que toda paz e harmonia celebradas no Natal estejam presentes em todos os seus dias desse próspero ano.” – Rodolpho Theil, síndico do Rosa da Praia e conselheiro fiscal.

“Este é o momento de receber o novo ano com muita esperança no coração. De deixar o que não nos fez bem no passado e receber o futuro com muito otimismo. Vamos fazer desta virada de ano um recomeço, e principalmente renovar nossos sentimentos positivos. Desejo muita felicidade para todos e que 2018 venha com muita prosperidade. Feliz Ano-Novo.” – Rodrigo França, síndico do Rosa Viva e conselheiro fiscal.


OAB

No dia 7 de dezembro, nas dependências do restaurante Baby Beef, a AMARosas, representada pelo seu presidente Cleo Pagliosa, recebeu das mãos do presidente da OAB-Barra, Dr. Claudio Carneiro, o título de AMIGOS DA OAB-BARRA. Essa homenagem vem coroar uma longa parceria: sempre juntos e em busca do caminho mais justo para a Barra da Tijuca.

da sala de jantar

Recreio dos Bandeirantes - Av. das Américas, 15.579 - 2437-0397 Benfica - R. Senador Bernardo Monteiro, 28 à 36 - 3289-2944

casaraolustresltda

casarao_lustres www.casaraolustres.com.br

22

NO T I NHAS

Rápidas


SAINT JOHN: ENSINO QUE INOVA E TRANSFORMA. CONHEçA AS NOVIdAdES E MATRICUlE-SE Já! SAINT JOHN ENGlISH TOTAl: • Carga horária ampliada no horário regular + Inglês opcional extracurricular • Certificações de Cambridge • Disciplinas eletivas bilíngues

ATIVIdAdES dIVERSIFICAdAS: • Ioga e Meditação • Internet das Coisas, Programação e Robótica • Atividades Esportivas e de Expressão Corporal • Gastronomia e Educação Nutricional

HORáRIO AMPlIAdO • Estudo Orientado • Resolução dos deveres de casa • Organização da agenda semanal

Inglês desde a Educação Infantil

Tel.: 3325-3288 saintjohn.g12.br

Parque das Rosas


DE 15/DEZ A 07/JAN

25 DE JANEIRO

27 E 28 DE JANEIRO

23 DE FEVEREIRO

01 DE MARÇO


Revista AMARosas  
Revista AMARosas  

Edição 20

Advertisement