__MAIN_TEXT__
feature-image

Page 1


Dr. Henrique Garchet OTORRINOLARINGOLOGIA :: Graduação em Medicina pela Faculdade de Medicina da Universidade Federal de Minas Gerais – 2009 :: Especialização médica em Otorrinolaringologia pela Santa Casa de Belo Horizonte – 2012 :: Fellowship em Rinoplastia Estética e Funcional pela Santa Casa de Belo Horizonte - 2014

Certificações:

SOCIALITEVIP | Anuário da Saúde, Ideias, Estilos & Tendência

:: Título de Especialista em Otorrinolaringologia pela Associação Brasileira de Otorrinolaringologia e Cirurgia Cérvico Facial – RQE 3284 :: Membro Titular da Sociedade Brasileira de Otorrinolaringologia e Cirurgia Cérvico Facial

02

Atendimento mensal nas cidades da região:

Querência – Hospital San Diego, Rua A 14, Quadra A 20, Setor A - Telefone (66) 3529-1205 Ribeirão Cascalheira – Vitalle Clínica, Rua São Paulo n 254 (próximo ao hospital Municipal) Telefone (66) 3489-1038 / (66) 99957-3011 Confresa – Clinica IMED, Rua Claudir Rocha n 13, Centro Telefone (66) 3564-3001 / (66) 98446-5649

Atendimento diário em Agua Boa:

Clinica HVA, Rua Dezesseis 235 (próximo ao Hospital Regional) - Telefone (66) 3468-3541 (66) 99720-1089


O

torrinolaringologista, popularmente conhecido como otorrino, é o médico que trata de problemas de ouvido, nariz e garganta. Tem-se aí a origem desta enorme palavra: Oto, em referencia a ouvido, Rino, em referência a nariz e Laringo em referência à laringe ou garganta. As doenças relacionadas a estas áreas são muito comuns e são motivos de consultas médicas frequentes nos pronto atendimentos. Quem nunca teve um episódio de sinusite, dor de ouvido ou dor de garganta e buscou auxílio médico por esse motivo? Além de rinites, sinusites e amigdalites o otorrino também trata de problemas como tontura (popularmente conhecido com labirintite), zumbido (aquela sensação de apito nos ouvidos), dores de cabeça, alterações da audição, distúrbios de voz, ronco e distúr-

bios do sono. Além da consulta clínica com exame físico direcionado, o otorrino dispõe, em consultório, de exames complementares para auxiliar no diagnóstico das diversas entidades ligadas aos ouvidos, ao nariz e à garganta. Entre esses exames merecem destaque as endoscopias nasal e laríngea, através das quais é possível avaliar o interior das cavidades nasais e da laringe, permitindo acurácia no diagnóstico das alterações ali existentes. As doenças da área de otorrino tem tratamentos diversos, desde medicamentosos, passando por terapias de reabilitação, a até tratamentos cirúrgicos. Entre as cirurgias destaca-se a cirurgia sobre as adenoides e amigdalas que estão entre os procedimentos cirúrgicos mais realizados em crianças em todo o mundo. A Otorrinolaringologia é uma área

fascinante, mas geralmente conhecida, pela população geral, apenas de maneira superficial. Quer entender mais sobre os problemas de ouvido, nariz e garganta?

Figura 1: Nódulos de pregas vocais diagnosticados à endoscopia de laringe

Adenoide, amigdalas e seus problemas!

A

Figura 2: Adenoide vista ao exame de endoscopia nasal

Figura 3: Amígdalas aumentadas

Figura 4: Respirador oral

e pulmonares. A existência dos sintomas descritos sugere a possibilidade de problemas relacionados à adenoide e às amigdalas, o que requer a avaliação do médico especialista: o otorrinolaringologista. Através de consulta e exames direcionados, muitas vezes realizados no consultório, tem-se o diagnóstico do problema. Os tratamentos podem ser medicamentoso ou cirúrgico a depender de cada caso. O número de infecções, sua intensidade e gravidade, o ta-

manho das amigdalas e da adenoide, são fatores que contam na escolha do tratamento. Reduzir os episódios infecciosos, reduz a chance de resistência bacteriana provocada pelo uso recorrente de antibiótico. Melhorar os fatores obstrutivos reduz a respiração oral que poderia, a longa prazo, trazer consequência negativas para o crescimento da face; e permite um sono mais tranquilo e reparador que se traduz inclusive em melhor desenvolvimento escolar.

SOCIALITEVIP | Anuário da Saúde, Ideias, Estilos & Tendência

adenoide e as amigdalas consistem em áreas de tecido linfóide que integram parte do sistema imune, ou seja, estão ligadas à defesa do organismo. A adenoide (figura 2) se localiza no fundo do nariz, não sendo visível a olho nú, enquanto as amigdalas (figura 3) são duas projeções vistas no fundo da garganta ao se abrir a boca. Todos os indivíduos nascem com adenoide e amigdalas, portanto, elas não são um sintoma ou doença, como muitos acabam afirmando. Na realidade, esses aglomerados de tecido linfóide auxiliam a defesa do corpo contra vírus e bactérias, tendo função importante até os 5 anos de idade. Na grande maioria dos casos, problemas de saúde envolvendo a adenoide e as amigdalas ocorrem a partir de 3 anos de idade e são divididos em dois: 1 – Infecção: Adenoidite, inflamação da adenoide ocorre com certa frequencia em crianças e tem como sintomas mais comuns obstrução nasal, tosse e secreção nasal espessa. Amigdalite, inflamação das amigdalas, ocorre tanto em adulto quanto em crianças e tem febre e dor ao engolir como principais sintomas. 2 – Obstrução: Sintomas de obstrução respiratória ocorrem com grande frequencia nas crianças e tem como principais manifestações: - Constante uso da boca para respirar, tanto durante o dia como especialmente durante a noite (figura 4); - Ronco e apneia do sono; - Sono agitado e facilmente interrompido; - Recorrentes episódios de xixi na cama; - Dificuldade para comer; - Irritabilidade, agitação incomum e dificuldade para se concentrar; - Atraso escolar; - Incidência maior de doenças alérgicas

03


Clínico Geral

O

Clínico Geral é o profissional responsável por servir à comunidade, auxiliar na prevenção e tratamento de doenças. Um Clínico Geral é capaz de fazer diagnósticos, pedir exames, prescrever medicamentos e realizar micro procedimentos para melhor diagnósticos e direcionamento dos seus pacientes aos especialistas. Está sob as responsabilidades de um Clínico Geral receber e acompanhar seus pacientes em consultórios, hospitais, clínicas, empresas, residências e em locais de urgência, conversar com o paciente para ouvir sua história médica, queixas e descrição dos sintomas, examinar, auscultar e apalpar o paciente para fazer o diagnóstico, realizar exames específicos da sua área de atuação como eletroencefalograma, eletrocardiograma, ultrassonografia de determinados órgãos, vacinas de alergia, requisitar e analisar exames complementares de raios X, laboratoriais e de materiais colhidos pelo próprio médico como amostras de pele e de secreções, encaminhando pacientes a profissionais de outras especialidades, quando apropriado, mantendo contato frequente com outros especialistas que sejam necessários no tratamento de determinadas doenças. Para que o profissional tenha um bom desempenho como Clínico Geral além da graduação é essencial que possua um excelente senso de responsabilidade e espírito solidário.

Médico de Emergência

O

médico de emergência é o profissional apto para realizar atendimentos de emergência e urgência hospitalares em caso que há risco de vida. Visando bom atendimento imediato e rápido. A Medicina de Emergência e Urgência é a prática da medicina que abrange o diagnóstico e tratamento de qualquer paciente que necessite cuidados diante de uma situação imprevista de uma doença aguda ou lesão que requeira atendimento imediato. Através do atendimento inicial adequado, limitar a morbidade e a mortalidade nesses pacientes. A sua prática abrange desde os cuidados pré-hospitalares até o atendimento hospitalar, requerendo conhecimentos de todas as especialidades intimamente relacionadas a ela. A prática da Medicina de Emergência envolve um conhecimento e reconhecimento adequados de lesões e doenças agudas, com ou sem risco de vida, seguidas de imediato tratamento e estabilização.

SOCIALITEVIP | Anuário da Saúde, Ideias, Estilos & Tendência

Dra. Jaqueline de Alcântara Dias CRM-MT 8784/ CRM –GO 21160

04

Atendimentos em Água Boa MT: Hospital Vale do Araguaia – na Avenida Tropical, 195 Centro (66) 3468 11 22 / 3468 2332 (66) 98439 3893


É

O que é Pneumonia ?

Ou seja Febre alta, dores pelo corpo e mal-estar são sintomas típicos da gripe, mas também podem ser sinais de pneumonia - infecção grave que se instala nos pulmões. Apesar de ser uma das principais causas de hospitalização no Brasil e no mundo, a pneumonia tende a ser facilmente curada, quando diagnosticada e tratada corretamente. O tratamento das pneumonias requer o uso de antibióticos nas pneumonias bacterianas, e acompanhamento médico. A melhora costuma ocorrer em três ou quatro dias. A internação hospitalar pode fazer-se necessária em alguns casos como febre alta ou apresenta alterações clínicas decorrentes da própria pneumonia, tais como: comprometimento da função dos rins e da pressão arterial, dificuldade respiratória caracterizada pela baixa oxigenação do sangue porque o alvéolo está cheio de secreção e não funciona para a troca de gases. Por fim, se sabe que a pneumonia é uma doença que necessita de um diagnóstico preciso para um tratamento eficiente e rápido.

SOCIALITEVIP | Anuário da Saúde, Ideias, Estilos & Tendência

um processo inflamatório infeccioso que acomete as vias aéreas inferiores (bronquíolos, alvéolos ou interstícios), causado por vírus, bactérias ou fungos. A pneumonia é uma das causas mais comuns de morte no mundo e no Brasil, quando não diagnosticada ou tratada de maneira rápida. As pneumonias bacterianas e virais são muito mais comuns do que as pneumonias fúngicas ou causadas por parasitas. Os organismos específicos variam de acordo com a idade, saúde, local de moradia, além de outros fatores. Os principais fatores de risco da pneumonia são: extremos de idade (crianças e idosos), refluxo gastresofágico, hospitalizações recentes, uso de drogas imunossupressoras, quadros gripais e infecções viróticas, A pneumonia deve ser suspeitada em paciente que apresentam febre, tosse, dispneia (dificuldade ou desconforto respiratório), dor torácica. A tosse pode ser seca com expectoração. A febre tende a ser alta e de início súbito.

05


Jovem Empresário Canaranense acaba leva a marca Creme Mania Sorvetes O Empreendedorismo de BRUNO MAZUREK

P

odemos entender como empreendedor aquele que inicia algo novo, que vê o que ninguém vê, que realiza antes, que sai da área do sonho e do desejo e que parte para a ação. Assim é Bruno Mazurek, natural Canarana-MT, 31 anos casado com Mônica V. da Silva que acaba de inaugurar 15 novas sorveterias e leva a marca Creme Mania Sorvetes para 14 cidades do Mato Grosso. Ao contrário da maioria das pessoas que estão buscando franquias consagradas, Bruno resolveu ir na contramão e faz o caminho inverso, ou seja, resolveu investir para o crescimento de sua própria marca.

Filho de Eugênio J. Mazurek e Sônia Mª Ganzer, cuja família já atuava no ramo de sorvetes deste o ano de 1995 (há 24 anos), no ano de 2005 foi estudar Direito em Goiânia, no entanto abriu mão da carreira de Advogado para dar vida ao sonho de empreendedor, em fevereiro de 2013, retornou para Canarana, e em novembro de 2014 inaugurou com a família um espaço novo, amplo e moderno, pois vislumbrou um segmento com oportunidades positivas, pelo qual buscou novos desafios pois via que poderia levar sorvete de qualidade por um preço justo a outras cidades.

SOCIALITEVIP | Anuário da Saúde, Ideias, Estilos & Tendência

Família - Empresário: Bruno Mazurek, (esposa) Mônica V. da Silva, (pai) Eugênio J. Mazurek, (mãe) Sônia Mª Ganzer, (cunhado) Thiago Moura Nascer e Kamila Ganzer Mazurek ( irmã)

06


de inaugurar 15 novas sorveterias e para 14 cidades do Mato Grosso Afinal, empreender é correr riscos e muitas vezes abdicar da segurança de estabilidade de ser funcionário, hoje com cada vez mais maturidade profissional e com mais experiências na bagagem Bruno vibra com a boa fase e já pensa em novas inaugurações. Em um momento economicamente atípico, sua coragem e feeling para os negócios o destacam como jovem empreendedor pela sua atuação apesar de obstáculos enfrentados principalmente quando falamos na questão da burocracia dos órgãos públicos na liberação de documentos. “A Creme Mania Sorvetes, iniciou

de uma vontade inicial de empreender, por estar no sangue da família, e após identificar uma oportunidade de mercado para investir nesse segmento, trabalhando focado, nossa empresa se sobressai pela utilização em seus produtos de matéria prima da melhor qualidade que associados a bons profissionais com consequência natural a fabricação de produtos com excelência de alto padrão, que se harmonizam em ambientes personalizados e exclusivos, escolhidos em função de logística com objetivo de chegar em 30 lojas para consolidar como referência no segmento, atualmente geramos em

torno de 5 empregos por loja e cerca de 70 empregos diretos. Há um bordão muito famoso que diz: É na crise que se cresce, na verdade penso que a receita é antiga, ter foco totalmente no cliente que é o maior bem da empresa”, declarou Bruno Mazurek. Além da matriz de Canarana-MT, você pode encontrar as delícias da Creme Mania Sorvetes nas cidades de: Água Boa; Alto Araguaia; Alto Garças; Barra do Garças; Campinápolis; Confresa; Gaúcha do Norte; Ribeirão Cascalheira; Vila Rica; Paranatinga; Porto Alegre do Norte; Pedra Preta; e Nova Xavantina (2). Reportagem Revista Socialite VIP.

SOCIALITEVIP | Anuário da Saúde, Ideias, Estilos & Tendência

Eugênio J. Mazurek e Sônia Mª Ganzer, já atuava no ramo de sorvetes deste o ano de 1995 (há 24 anos)

07


CANARANA: Atacado Portal -

Economize tempo e dinheiro, compre no Atacado Portal, agora ficou muito mais fácil fazer suas compras para seu negócio ou para sua casa! Genuinamente Canaranense oferece produtos com preços diferenciados em atacado e no varejo.

N

SOCIALITEVIP | Anuário da Saúde, Ideias, Estilos & Tendência

o dia 10 de maio de 2019 o Atacado Portal foi inaugurado em Canarana, chegando com um propósito diferenciado, pois possui um grande mix de produtos, com as melhores marcas e os menores preços da cidade e região.Durante o corte oficial da fita inaugural o proprietário Astor Stülp agradeceu ao Prefeito Municipal Fábio Faria e as demais autoridades, clientes e fornecedores presentes e declarou que: “O Atacado Portal veio com compromisso de ter os preços baixos para vender mais, e barato, sendo a continuação de uma empresa bem sucedida que nós mudamos o nome para

08

agregar mais produtos, agradeceu aos colaboradores que são o grande esteio do sucesso, alguns estão conosco desde o início de nossas atividades,” disse. O Prefeito Municipal Fábio Faria parabenizou o proprietário Astor Stülp pela sua coragem, determinação e empreendedorismo pois quem conhece um pouco de sua história sabe das dificuldades iniciais, de como vem progredindo e hoje traz esse investimento gerando empregos aqui nesta cidade e é por isso que desejo um grande sucesso no futuro de seu negócio. O Atacado Portal segundo Astor: “Iniciou suas atividades há 17 anos, (em

maio de 2002 na Av. Rio Grande do Sul), por uma necessidade de uma loja de embalagens e após fomos migrando para o “Secos e molhados”, no ano de 2010 (julho) mudou-se para o atual endereço na Av. Paraná, nº 726 – Bairro Nova Canarana, Canarana/MT; onde agora inauguramos um “Portal” de compras, e para isso ampliamos nossas instalações, atualmente contamos com cerca de 32 colaboradores, se revezando no atendimento ao público e também no atacado em todas as cidade do baixo Araguaia de Canarana até a divisa do MT (Vila Rica) com o Pará. Reportagem e Fotos Adilene P. S. Michelson - Jornal Folha Araguaia.


SOCIALITEVIP | Anuário da Saúde, Ideias, Estilos & Tendência

Sempre o melhor preço

09


10

SOCIALITEVIP | Anuário da Saúde, Ideias, Estilos & Tendência


Compromisso com sua Segurança e Conforto

A

SOCIALITEVIP | Anuário da Saúde, Ideias, Estilos & Tendência

RM TURISMO, foi fundada em fevereiro de 2011, na cidade de Canarana-MT e está situada na Rua Capoeira Grande nº 74 no Bairro Nova Canarana. A RM TURISMO atua no ramo de viagens de compra, turismo e locação de Ônibus. Seus proprietários são o Casal Osvaldo e Rosani que estão à frente da empresa desde sua fundação, a empresa atua em todo o Vale do Araguaia no Estado do Mato Grosso e Goiás. As viagens de compra que a RM TURISMO realiza, são para os polos atacadistas de Cianorte e Maringá no Estado do Paraná, São José do Rio Preto no Estado de São Paulo, Indaial e Brusque no Estado de Santa Catarina, Goiânia, no Estado de Goiás levando lojistas do ramo de confecções de todo Vale do Araguaia. A RM TURISMO também realiza viagens para lojistas para a Cidade de São Paulo, que é o maior polo de compra do Brasil, atendendo lojistas de todos os segmentos.

11


Canarana ganhou 1ª unidade da Chiquinho Sorvetes Sabe aquele sabor, que de tão bom você nem consegue definir? Não consegue nomear, só sentir? A Chiquinho Sorvetes é assim. Tem sabor de bons momentos, tem sabor de Chiquinho. Sabor de felicidade.

D

SOCIALITEVIP | Anuário da Saúde, Ideias, Estilos & Tendência

esde o dia 31/05/2019, Canarana passou a contar com a Chiquinho Sorvetes, a maior rede de sorveteria do Brasil: “escolhi a Chiquinho Sorvetes por ser uma rede que vem crescendo constantemente e que apresenta excelente qualidade nos produtos e atendimento especial aos clientes”, disse Roberta C. M. de Oliveira Neuhaus, franqueada da loja. O motivo a qual me levou a montar a Chiquinho Sorvetes por incentivo do esposo Alexandro Neuhaus, e de seus pais Nelson e Jumara Neuhaus, segundo Roberta que tem formação em agronomia, inicialmente dedicou-se a educação dos filhos Thales e Igor, e quando surgiu a possibilidade de voltar ao mercado de trabalho, optou em trazer a franquia cujo principal desafio foi o de adaptar para o tamanho da nossa cidade, vencida esta etapa investimos na loja que conta com oito colaboradores: “nosso grande diferencial está no padrão de excelência dos produtos, estamos sempre em busca de novas opções para oferecer aos clientes, uma grande variedade de sabores e combinações”, falou Roberta, emocionada com a conquista da inauguração. Roberta declarou ainda que a Chiquinho Sorvetes sempre apresenta novidades na gama de produtos e campanhas, um

12

dos segredos do sucesso da marca está na receita exclusiva da base do sorvete, que garante sabor único e inconfundível dos produtos: “Você toma um sorvete da Chiquinho, ou de qualquer outra marca consagrada, o padrão é o mesmo. O sorvete é mais cremoso, saboroso, as misturas são de primeira qualidade, primeira linha”, destacou. O cardápio da Chiquinho Sorvetes oferece diversas opções como Casquinha, Sundae, Cascão, diversos sabores de Milk-shakes, Novo Mix, Mix Fruit e o produto mais solicitado pelos clientes. O exclusivo Shake Mix – uma mistura do incrível Sorvete Chiquinho, com deliciosos complementos. A Chiquinho Sorvetes está localizado na Av. Rio Grande do Sul, próximo ao Supermercado Economia, o horário de funcionamento é das 10hs às 22hhs, mas se estende um pouco mais aos finais de semana. Além da geração de empregos, Roberta e família Neuhaus com mais esse investimento está encurtando distâncias dos grandes centros, trazendo aos Canaranenses a oportunidade de terem ao seu alcance produtos de altíssima qualidade aqui em nossa cidade. Reportagem e Fotos Adilene P. S. Michelson – Jornal Folha Araguaia.


13

SOCIALITEVIP | Anuário da Saúde, Ideias, Estilos & Tendência


CONHEÇA O ESPORTE CLUBE CANARANA E

SEJA SÓCIO O

Esporte Clube Canarana foi fundado em 24 de julho de 1982. O clube iniciou sua história pelo sonho de pessoas que apostavam que Canarana seria o lugar ideal para viver. Um clube que começou pequeno, e hoje, pode ser considerado um dos maiores e melhores clubes do Mato Grosso. O Esporte Clube Canarana, fundado pouco mais de um ano após a criação do município de Canarana é parte ativa da história do município e de muitos de seus habitantes. Ao

longo de sua trajetória alcançou inúmeras conquistas em todas as áreas de atuação. Traçou uma vencedora trajetória no futebol, sendo o maior campeão de futebol, tanto no aberto como no máster. O Baile do Chopp realizado pelo ECC é um dos eventos mais tradicionais da região, tendo

sido realizado neste ano de 2019 a sua 33ª edição. No tênis, é realizado o Open de Tênis, que já teve 5 edições e é um dos maiores eventos do esporte no estado, com a participação de tenistas de vários estados do país. Outras atividades desenvolvidas no ECC:

SOCIALITEVIP | Anuário da Saúde, Ideias, Estilos & Tendência

-Torneios entre sócios de futebol society, futebol de campo, tênis e vôlei de areia. -Aulas de natação e hidroginástica. -Aulas de tênis. -Projeto VemSer, voltado a ensinar o tênis a crianças carentes

14


Reportagem e Fotos Adilene Pereira - Jornal Folha

33º Baile do Chopp E. C. Canarana Festa animada com muita alegria, Chopp de qualidade e música típica Foi realizado no sábado, dia 01 de junho 2019, o tradicional Baile do Chopp do E. C. Canarana, que teve sua animação inicial com “esquenta” ao som da Banda Reprises e logo após a Orquestra Continental comandou o Baile.

COBERTURA EXCLUSIVA JORNAL FOLHA DO ARAGUAIA MARCANDO PRESENÇA SEMPRE!!

“O Esporte Clube Canarana agradece aos patrocinadores do 33º Baile do Chopp, pela parceria e confiança no trabalho realizado, ajudando assim a fortalecer e dar credibilidade ainda maior a esse grande evento, realizado ininterruptamente há 33 anos, graças à todas as Diretorias do E.C.C, sócios, comunidade em geral e nossos patrocinadores. Prestigiem estes patrocinadores, pois eles investem em nosso evento, nosso clube e nossa comunidade”. Persio Marcolin - Presidente.

SOCIALITEVIP | Anuário da Saúde, Ideias, Estilos & Tendência

Agradecimento aos patrocinadores do 33º Baile do Chopp

15


O CTG Pioneiros do Centro16° Baile da Soja em comemo Fundado em 22 de Abril de 1984 a 35

N

SOCIALITEVIP | Anuário da Saúde, Ideias, Estilos & Tendência

o mês de abril de 2019, a patronagem do CTG Pioneiros do Centro Oeste de Canarana realizou o 16º Baile da Soja, na ocasião também foram comemorados o aniversário de 35 anos da entidade, aconteceram apresentações das Invernadas Artísticas e o grande fandango foi animado pelos 4 Gaudérios. O Patrão do CTG Jorge Winter destacou que ficamos muito satisfeitos em dar continuidade numa sociedade que iniciou no ano de 1984, pois muitas vezes iniciar algo pode ser teoricamente fácil, mas o duro é ter sequência, já que são 35 anos e com a ajuda dos Pioneiros e com os Pais que aqui estão, conseguimos manter nossa inverna-

16

da artística em atividade o ano todo, onde que a comunidade participa e ajuda através dos patrocínios máster, diamante, prata e bronze e ficamos muito contentes com isso. Para o mês de setembro o CTG promoverá nos dias 14 a 23 de setembro a tradicional Semana Farroupilha, tendo esse evento entrado no Calendário do Estado do MT, pois como somos os Pioneiros nesse evento, Canarana hoje é considerada “Capital do Nativismo”, finalizando o Patrão agradeceu o apoio do Jornal Folha do Araguaia e também das rádios que auxiliam na divulgação dos trabalhos do CTG. Reportagem e Fotos Adilene Pereira.


Oeste de Canarana realizou o ração aos 35 anos de aniversário

SOCIALITEVIP | Anuário da Saúde, Ideias, Estilos & Tendência

anos cultivando a tradição em Canarana-MT

17


19

AGRONEGÓCIO |

A Folha do Araguaia


Boas práticas de manejo para altas produtividades e rentabilidade com milho segunda safra

O

AGRONEGÓCIO |

A Folha do Araguaia

aperfeiçoamento dos sistemas de produção de soja e milho safrinha viabilizou a antecipação das operações simultâneas de colheita e semeadura destas culturas, melhorando o potencial produtivo e reduzindo o risco de perdas do milho safrinha por adversidades climáticas. Nessa última safrinha, na Região do Vale do Araguaia no Mato Grosso, produtores de vários Municípios como Gaúcha do Norte, Canarana, Água Boa, Nova Xavantina, Querência, Confresa, Vila Rica, São Felix do Araguaia (Espigão do Leste), atingiram produtividades de lavouras comerciais de milho safrinha surpreendentes, superiores a 150 sacos e muitas delas chegando a mais de 170 sacos/hectares. No Município de Querência, por exemplo, tivemos um produtor que produziu na média geral dos seus 5.690 hectares cultivados, os impressionantes 151 sacos/hectare. Em um concurso de produtividade Realizado nessa Região, os três ganhadores produziram em uma área de 5 hectares cada um a produtividade de: 1º Colocado: 184 sacos/ha; Região do Espigão do Leste. 2º Colocado: 181 sacos/ha; Querência. 3º Colocado: 179 sacos/ha; Região do Espigão do Leste. O aproveitamento dos resíduos culturais e da adubação da soja é um dos 20

principais motivos do sucesso do milho safrinha, pela necessidade de menor investimento em adubação comparado ao milho verão. A cultura do milho em segunda safra é desenvolvida em ambientes com frequência de estresse hídrico, por isso, é importante que as plantas tenham arranque inicial vigoroso para suportar os estresses nos estádios seguintes. O processo de aduba-

ção foi ajustado à realidade das novas regiões produtoras, em muitos casos aplicando-se os fertilizantes a lanço e o nutriente fósforo apenas na soja. Nas regiões onde o milho safrinha é cultivado sem nitrogênio na semeadura, a simples antecipação da adubação nitrogenada a lanço para o momento da semeadura pode aumentar substancialmente a rentabilidade da cultura.

Tabela 1. Recomendação de adubação nitrogenada (semeadura mais cobertura) para a cultura do milho de acordo com a produtividade esperada e a classe de resposta a nitrogênio. Fonte: Boletim IAC 100 (versão atualizada).

(1) As classes de resposta esperada a nitrogênio têm o seguinte significado: Alta resposta esperada: solos corrigidos, com muitos anos de plantio contínuo de milho ou outras culturas não leguminosas; primeiros anos de plantio direto; grande quantidade de resíduos de gramíneas; solos arenosos sujeitos a altas perdas por lixiviação; Média resposta esperada: solos ácidos, que serão corrigidos, ou com plantio anterior esporádico de leguminosas; solo em pousio por um ano, ou uso de quantidades moderadas de adubos orgânicos; Baixa resposta esperada: solo em pousio por dois ou mais anos, cultivo intenso de leguminosas ou plantio de adubos verdes antes do milho; plantio direto estabilizado em rotação com leguminosas; uso constante de quantidades elevadas de adubos orgânicos.


•Plantio em áreas preparadas e corrigidas, uma vez que o milho é uma cultura muito responsiva; •Plantio em épocas mais adequadas, evitando problemas climáticos na fase de enchimento de grãos; •Distribuição de plantas e número reduzido de falhas ou duplas no plantio (plantabilidade); •Estabelecimento da população correta do híbrido; •Cuidado com danos ocasionados por pragas iniciais, principalmente os percevejos, em destaque o percevejo de Barriga Verde do milho; •Manejo de outras pragas como Lagartas e sugadores; •Manejo de Doenças, com utilização de bons fungicidas, nos momentos corretos, para proteger e melhorar as produtividades dos híbridos; A cultura do milho safrinha é hoje a melhor opção agronômica e econômica para a grande maioria dos produtores rurais da Região do Cerrado, uma vez que permite ao produtor oti-

mizar toda sua estrutura da fazenda e gerar mais renda ao seu negócio, em especial nas áreas de maior produtividade. Além desse fato, a cultura do milho trás inúmeros benefícios agronômicos ao sistema e ao solo, com formação de palhada em grande quantidade (cada 1 tonelada de grão também produz 1 tonelada de palha), trazendo assim, manutenção e até mesmo o aumento dos níveis de matéria orgânica nos solos, aumentando o potencial produtivo, uma vez que essa palhada auxilia muito a

cultura seguinte (soja) a se estabelecer, mantendo mais umidade no solo e também menores temperaras, fatores esses que são cruciais ao bom desenvolvimento inicial das lavouras. O melhoramento genético trouxe e continuará trazendo híbridos cada vez mais produtivos para o milho de segunda safra, que associados a novas tecnologias, novas técnicas de manejo e muito capricho por parte do produtor, trarão cada vez mais rentabilidade econômica e sustentabilidade agronômica com essa cultura.

A Folha do Araguaia

Para altas produtividades outros pontos são de fundamental importância como:

FIGURA 1: Produtividade média do milho safrinha e da soja e total do sistema de sucessão, em função da época de aplicação de nitrogênio, fósforo e fósforo mais enxofre no milho safrinha em Mato Grosso. A sequência dos tratamentos corresponde às adubações realizadas nas culturas de milho safrinha e soja com 39 kg ha-1 de N, 99 kg ha-1 de P2O5 e 23 kg ha-1 de S-SO4. (Média de Sapezal – 4 anos, Itiquira – 4 anos e Deciolândia – 3 anos, 4 doses de N em cobertura: 0 30, 60 e 90 kg ha-1 e 2 modos de aplicação: lanço e sulco) Fonte: Banco de dados da Fundação MT.

AGRONEGÓCIO |

Em solos com acidez corrigida e teores de fósforo e potássio acima do nível crítico (solos de fertilidade construída), a recomendação da adubação pode ser feita por ano agrícola, e não exclusivamente para cada cultura, utilizando como referência a reposição dos nutrientes exportados pelos grãos. Uma das opções é priorizar a aplicação do potássio na cultura da soja e reduzir as doses no milho safrinha. Estudos realizados pela Fundação MT revelaram o efeito de arranque da adubação fosfatada no milho safrinha, associado ao nitrogênio e enxofre, aumentando sua produtividade, sem prejuízo na soja em sucessão, onde o fósforo deixou de ser aplicado parcialmente ou totalmente (Figura 1). A associação de P e PS ao nitrogênio, comparado à aplicação exclusiva do N, proporcionou os maiores valores de produtividade e/ou de ganhos de eficiência da adubação nitrogenada de cobertura, em termos de kg de milho por K de N. Este efeito aconteceu tanto na adubação a lanço como no sulco de semeadura. Porém, não foi tão evidente em ambientes com teor de fósforo muito alto (próximo ou superior a duas vezes o valor do nível crítico).

21


22

AGRONEGÓCIO |

A Folha do Araguaia


ARTES GRÁFICAS DESIGNER GRÁFICOS PLOTTAGEM COMUNICAÇÃO VISUAL

T

endo como proprietário Joel Porto dos Santos, 47 anos, natural de Barra do Garças-MT, casado com Soani, pai de três filhos (Vanessa, Vallérya e Joel Victor) e agora avô com a chegada da Neta Luisa. Chegou em Canarana no ano de 1989 para trabalhar com serviços gerais na Coopercana, e logo após trabalhos com pintura na construção civil (14 anos), para no ano de 2002, há 17 anos portanto, iniciar os trabalhos com serigrafia “Só Artes Serigrafia” telas e pinturas e a partir do ano de 2008 passou a se chamar “Sóarte Comunicação Visual”.

SERVIÇOS ADESIVOS | BANNER’S | FACHADAS | LUMINOSOS | IMPRESSÃO DIGITAL | PERSONALIZAÇÃO DE VEÍCULOS | LOCAÇÃO DE OUTDOOR’S | PLACAS DE TRÂNSITO | LETRA CAIXA COM LED

Família reunida batizado da netinha Luisa

Rua Augusto Pestana Nº 235, Canarana-MT

(66) 3478-2950

(66) 98121-1390 / 99952-8686

AGRONEGÓCIO |

“Eu gostaria aqui agradecer a DEUS, o apoio da minha família bem como a todos os clientes que nos apoiaram durante ao longo de todos esses anos e em especial o grande incentivo inicial do produtor rural Altair Kolling, que deu primeira oportunidade em financiar uma “plotter” de recortar, que possibilitou a estar iniciando nossa atuação na área de comunicação visual”, disse Joel Porto.

A Folha do Araguaia

Família reunida batizado da netinha luisa

23


TORNEADORA DO ARNALDO Empresa Canaranense inova e Lança máquina trituradora de pedras

Sr. ARNALDO, presença constante em feiras de agronegócios

C

1,80m, a máquina pesa 2.600 Quilos de puro ferro e trabalha acoplada no sistema hidráulico na traseira do trator, sendo movida pelo eixo cardam, deixando o terreno em condições para o cultivo. Perguntado sobre a questão de segurança da máquina, o senhor Arnaldo disse que o seu filho Jeferson que é engenheiro mecânico, teve o cuidado em projetá-la com as devidas proteções evitando o arremesso de pedras para qualquer direção e tornando-a segura, pois, se trata de uma ferramenta que trabalha em alta rotação. Várias máquinas já foram vendidas na região e atualmente estão trabalhando na construção de mais unidades já encomendadas. Fabricação de Turbinas, Rodas de Água p/ Bombeamento, Serviços de Fresa, Torno e Quebrador de Pedras.

AGRONEGÓCIO |

A Folha do Araguaia

ANARANA - A torneadora do Arnaldo Nilson, 58 anos, que é natural de Cunhaporã S/C, casado com Clair Grando, de Irai R/S, chegou ao Mato grosso com 22 anos em 1985 (há 36 anos atrás portanto), o casal tem três filhos todos com formação superior: Jéferson, Alexandra e Jessica e duas netas: Ana Clara e Kivia. A empresa está estabelecida na Cidade de Canarana, na Rua Erechim, n° 338 saída para o Garapú, iniciou os seus trabalhos no ramo metalúrgico com o propósito de investir inicialmente (2010) com turbina para produção de energia elétrica e roda d’água a partir do programa luz para todos, além de trabalhos com torno, freza, soldas e caixas de água. Com o passar do tempo (2015) começou a observar os trabalhos dos produtores rurais e verificou a dificuldade no manejo das pedras, que são comuns na maioria das propriedades de Canarana e região, decidiu inovar, construindo uma máquina capaz de triturar as pedras. O senhor Arnaldo (proprietário da empresa), disse que começou a trabalhar no projeto há algum tempo e foi aperfeiçoando a máquina, que está devidamente patenteada e tem hoje a capacidade de triturar pedras a uma profundidade de 20 cm. Com uma largura de

24

Rua Erechim, n° 338 saída para o Garapú – Canarana MT

arnaldoturbinas@hotmail.com


(66) 3478-2064 / 99617-3025

(66) 99664-2294

AGRONEGÓCIO |

A Folha do Araguaia

Alexandra (filha). Sr Arnaldo Nilson, Jéferson (filho), Clair Grando (esposa) e Jessica (filha).

25


potencialidades do município que Conheça Canarana: As se destaca por sua diversidade agrícola

PREFEITURA MUNICIPAL DE CANARANA Uma administração eficiente, transparente que recolocou o município nos trilhos do desenvolvimento, recuperou a confiança dos investidores e resgatou a autoestima do povo Canaranense que agora tem emprego e acesso a serviços de saúde e educação de qualidade. Por esses e outros motivos Canarana te convida para vir junto conosco transformando sonhos em realidade. Canarana Trabalho e Responsabilidade com Gestão Eficiente e Transparente.

FEICAN 2019

AGRONEGÓCIO |

A Folha do Araguaia

Durante a abertura da FEICAN 2019 o Prefeito Municipal Fabio Faria “destacou a importância da maior festa de Canarana, que mostra todas as potencialidades no âmbito do comércio e agropecuária do município além de ser uma das maiores da região em questão de público, shows e demais atrações, salientando que tudo isso é com porteiras abertas para que todos possam usufruir do evento que fomenta a nossa economia”.

26

25º FEICAN inova, realiza 1º dia de Campo de nova Tecnologias - Aborda novas tecnologias e novas culturas para 2ª Safra


OBRAS

Administração Municipal está realizando obras de drenagem e asfaltamento na Avenida Mato Grosso - Uma das obras mais requisitadas pela população Canaranense

Implantação Luz LED também na Av. Paraná

Construção da Ponte sobre o Rio Tanguro MT-109 próximo a captação de água, já está em fase de conclusão e estará pronta para receber o escoamento da safra 2020. Bancada com recursos próprios pela Prefeitura Municipal.

Revitalização da Av. Rio Grande do Sul

O governador Mauro Mendes assinou um convênio com o prefeito de Canarana, Fábio Marcos Pereira de Faria, para a reconstrução da Escola Estadual 31 de Março. A obra já está em andamento

Dia da criança – Evento contou com milhares de crianças participando

Revitalização do Parquinho na Praça do Avião

Natal 2019 terá Praça do Avião Iluminada

AGRONEGÓCIO |

A Folha do Araguaia

ASSISTÊNCIA SOCIAL

27


SAÚDE

Relatório Hospital Municipal Lorena Parode De Janeiro a Agosto de 2019

Investimento na Saúde: Serão construídos uma Unidade de Endoscopia, um Centro Administrativo do Hospital e uma Nova Farmácia, todos localizados junto ao Hospital Municipal, onde os munícipes para sua comodidade, terão atendimento centralizados em um só endereço.

859 Internações realizadas 200 Partos realizados

Esperando pelo milésimo parto

1803 Consultas realizadas

38.854 Injeções Realizadas

54 Cirurgias Eletivas

1696 Ultrassonografias realizados

836 Eletrocardiogramas realizados

154 Testes do Coraçãozinho

5155 Raios-X realizados

2636 Curativos

Atividades da Sec. Da Saúde na Praça do Avião

AGRONEGÓCIO |

A Folha do Araguaia

Domingão da saúde

Campanha 28 Oftalmologia

Campanha de Dermatologia PSF Bela Vista

Obras de construção do novo Laboratório


ESPORTE E LAZER

Crianças do município são atendidas em diversas modalidades esportivas gratuitamente

Futebol de Campo

Handebol

Basquete Masculino e Feminino

Futsal Masculino e Feminino

Futebol Master

Equipe de Corrida

Voleibol Masculino e Feminino

EVENTOS Ecobike Campeonato de Bocha

Copa Cidade

1º Desafio MTB

AGRONEGÓCIO |

A Folha do Araguaia

Motocross

29


N

O Empreendedor Nelson Neuhaus “Granja do Vale” apostou na diversificação

AGRONEGÓCIO |

A Folha do Araguaia

ossa reportagem acompanhou em “um dia de campo”, com o simpático Senhor Nelson Neuhaus, 60 anos, que nasceu em Três de Maio noroeste do estado do RS, migrando para Canarana/MT no ano de 1983. A “Granja do Vale”, fica a 26 km de Canarana, na região do Tanguro. Emprega 24 colaboradores fixos mais alguns eventuais e produz semanalmente 1.800 caixas com 360 ovos cada, chegando aos impressionantes quase 100 mil ovos por dia. As oportunidades podem surgir em áreas e em momentos que alguém nunca esperou, isso também poderia se encaixar com o homem que se transformou no maior produtor de ovos do Vale do Araguaia, quando chegou aqui há 36 anos atrás, adquiriu 220 hectares, depois de tentar vários negócios, sobraram 100 galinhas poedeiras. A partir do ano de 1990, (há 30 anos) o que para muitos seria fim da linha, para Nelson Neuhaus foi o ano da grande virada de sua vida, com muito trabalho e persistência começou a ampliar o seu plantel e hoje possui 170 mil aves, sendo 120 mil galinhas e 48 mil aves de recria (pintinhos de 01 a 120 dias rigorosamente monitorados no seu desenvolvimento) o investimento inicial pré produção é elevado sendo nesta hora que o produtor deve levar os custos na ponta do lápis. As galinhas são alojadas em gaiolas, onde ficam confinadas por até 120 se30 manas, que é o tempo de seu maior de-

sempenho em postura, após o descarte são vendidas para frigoríficos especializados. As recrias são comprada do estado de São Paulo e o escalonamento é para que a produção não pare durante o ano inteiro, a ave começa a produzir em 17 semanas. Atualmente toda a coleta dos ovos já é feita de forma mecanizada e a granja como podemos observar passa por constantes ampliações e adequações, bem como nos explicou Nelson: “A mão de obra especializada sempre foi uma dificuldade em nossa região,


e mesmo com o aumento de 40% da produção a mecanização foi a saída encontrada para quem quer evoluir e sobreviver no ramo”, destacou também que a aquisição de modernas máquinas são necessárias, apesar do alto valor de investimento, pois a mecanização acelera o processo de embalagem do produto, o que diminui a mão de obra e consecutivamente os custos, aumentando também a qualidade. No início não era fácil, Nelson Neuhaus fazia a ração, tratava as galinhas, recolhia os ovos, vendia, entregava e tirava as notas. Não tinha final de semana, feriado e nem férias. O esforço foi para conseguir formar os filhos na faculdade, seu grande sonho. E agora, recebe a recompensa, eles ajudaram a adequar a granja, que possui licença do

Sistema de Inspeção Federal, o que lhe dá o direito de vender para qualquer lugar do País. É o único do Vale do Araguaia autorizado para isso. Conforme Nelson Neuhaus existe mercado para aumentar a produção, a Granja do Vale é uma das maiores produtoras de ovos da região Centro-Oeste, nesses 30 anos todo o consumo do município de Canarana é atendido 100% pela Granja, seu produto pode ser encontrado nos melhores supermercados de várias cidades pois distribui ovos de Aragarças/GO a Vila Rica/ MT, atendendo todo o Vale do Araguaia e também a SEASA de Goiânia, além de São Luiz de Montes Belos/GO e eventualmente quando há excedente Brasília/ DF. Todos os ano, apesar de toda ex-

periência acumulada realiza juntamente com seus colaboradores, cursos de atualização na UNESP em Jaboticabal/ SP, e possui também assistência técnica especializada realizada por Celso Suzuki que reside na região de Bastos/SP, chamada de “Capital do Ovo”, e está conosco a cada 60 dias trazendo novidades para a melhora da produção. “Hoje estou muito satisfeito, agradeço a população de Canarana pela confiança em nosso trabalho, hoje atendo 100% da demanda do município e me sinto lisonjeado pela oportunidade de trazer o que a gente faz e esse é o motivo de nós estarmos aqui mostrando o nosso trabalho”, concluiu o produtor Nelson Neuhaus. Reportagem e Fotos: Adilene P. Michelson. Revista Folha do Araguaia Agronegócio.

anteriormente há isso de 2008 á 2012 essas aéreas receberam o cultivo de Palmito, a mudança ocorreu devido ao fato de não ter local de recebimento entrega pois a empresa da vizinha cidade de Água Boa que comprava o produto fechou as portas. Segundo Neuhaus para o cultivo são utilizadas duas áreas irrigadas de 15 hectares separadas por duas semanas de diferença no plantio, feitos por uma plantadeira adaptada em um dia de trabalho, o ciclo de produção é de 90 dias (três meses), a primeira colheita acontece na 1ª quinzena de agosto, 12 servidores trabalham diariamente no trabalho manual de polinização das plantas realizado das 07 ás 10 hs da manhã (horário em que a abóbora abre sua flor) durante 15 dias. No momento da colheita o produto vai direto para o seu destino final ou seja o consumidor, para não dani-

ficar e também não ocorrer perda de peso do produto, pois a abóbora perde peso até a sua chegada no destino final, embora, seja um percentual relativamente baixo, porém significativo devido à grande quantidade, o carregamento é feito de forma mecanizada através de uma esteira idealizada pelo produtor. O peso padrão de cada abóbora gira em torno de 2,5 kg, algumas chegam a pesar 3,100 kg, este ano foram colhidos em torno de 22,500kg/ hectare num total aproximado de 675.000kg que foram transportados por 24 caminhões (cada caminhão leva de 28 a 32 toneladas) o destino final do produto ou seja sua comercialização é feita com SEASAS de Cuiabá/ MT; Goiânia-GO, Florianópolis/SC, Porto Alegre/RS e Brasília/DF. Reportagem e Fotos: Adilene P. Michelson. Revista Folha do Araguaia Agronegócio.

AGRONEGÓCIO |

N

um município em que a soja predomina em grandes áreas, produtores com pequenas áreas, como Nelson Neuhaus, estão encontrando a prosperidade em negócios até então pouco valorizados através da diversificação de culturas. Além de ovos, o produtor plantou uma área com 30 hectares irrigados de Abóbora Cabotiá que para quem não conhece com sua textura macia e seu sabor levemente adocicado, a abóbora japonesa “tetsukabuto”, também conhecida como “kabocha”, é um híbrido oriundo do cruzamento de duas espécies distintas de abóbora: Cucurbita maxima (moranga) e Cucurbita moschata (abóboras), e requisitada nas mais variadas mesas. O motivo pelo qual levou o produtor rural a investir pelo sexto ano consecutivo na produção de abóboras, desde o ano de 2013 portanto,

A Folha do Araguaia

Abóbora Cabotiá

31


Obra da empresa em Canarana - MT. Nova sede terá 6000m2 de área construída.

Distribuindo, Compartilhando, Evoluindo Serão investidos aproximadamente R$ 20 milhões na unidade de Canarana, o que permitirá uma grande capacidade de recebimento e processamento.

A

AGRONEGÓCIO |

A Folha do Araguaia

história da empresa começou há mais de 50 anos. O cultivo de feijão, a agricultura e o comércio são atividades que vem passando de geração em geração na família Balestreri. Nilson Balestreri, diretor da Arbaza, desde muito cedo trabalhou ao lado do seu pai Alfieri Balestreri, e seus tios. Esse ambiente serviu de base para que mais à frente viesse a se tornar uma referência no mercado de feijão e pulses. Mais tarde, Nilson e os irmãos fundaram a Arbaza. Uma empresa que realiza seus negócios respeitando os valores herdados do pai. Um homem, que durante 85 anos, construiu uma reputação pela maneira como fez negócios e faz dessa reputação seu maior patrimônio. Os filhos dos fundadores da empresa, a terceira geração da família, dão continuidade ao negócio, hoje. A Arbaza possui atividade de pro-

32

dução, beneficiamento e comércio no mercado interno e externo. O grupo possui algumas marcas de feijão empacotado entre as mais vendidas do Brasil. Entre elas está a marca Kicaldo que é a líder nacional em vendas, presente em todos os estados do País. No mercado interno, ainda é fornecedora de feijão e pulses para diversas outras marcas de empacotadores. Conhecida mundialmente, conta com uma área de comércio exterior que destina mercadorias para mais de 30 países. A empresa trabalha com mais de 20 produtos, como feijão Red Bamboo, feijão Mungo, feijão Caupi e Gergelim. As mercadorias de exportação são originadas por todas as regiões do país e exportadas para todos os continentes do planeta, principalmente para a Ásia. A atividade da Arbaza vem crescendo nos últimos anos o que demandou

Na foto, Nilson Balestreri recebe uma homenagem das mãos de Randy Duckworth, presidente do US Dry Beans Council, entidade que representa a cadeia de feijão dos EUA. Evento foi acompanhado por representantes do mundo inteiro no maior evento mundial de pulses, esse ano realizado no Rio de Janeiro, tendo como patrocinador principal a Arbaza.

expansão da originação de mercadoria. A fim de suprir essa demanda decidiu-se investir no Vale do Araguaia, região que, para a empresa, tem um enorme potencial. Espera-se que nos próximos anos, aconteça o asfaltamento das rodovias da região, o que possibilitara acesso ao nordeste e norte do país, bem como aproveitamento de outros modais. A intenção é que até que isso aconteça já se tenha uma cadeia de gergelim e pulses bem estabelecida na região. Uma oportunidade interessante para a empresa e para o produtor. A empresa origina mercadoria para Feijão Red Bamboo suprir sua demanda. O produtor tem


Feijão Caupi

Gergelim

Rodovia MT 326, KM 7, Canarana MT (66) 3478-1992 arbazacanarana@arbaza.com.br

A Folha do Araguaia

Contato : Junior Balestreri 55 99626 - 8943 Esses são alguns dos produtos: Feijão Mungo Feijão Red Bamboo Feijão Caupi Gergelim

Feijão Mungo

AGRONEGÓCIO |

novas alternativas lucrativas e para o gergelim que é tradicional na região, terá mais um novo grande parceiro para fazer negócios. Serão investidos aproximadamente R$ 20 milhões na unidade de Canarana, o que permitirá uma grande capacidade de recebimento e processamento. A visão da empresa é estar entre as melhores industrias de Gergelim do mundo. Os melhores equipamentos, e grande capacidade de recebimento e processamento, são a maneira de tornar o Gergelim brasileiro conhecido no mundo todo como um produto de qualidade e consequentemente dar valor a mercadoria brasileira no mercado internacional. Ganho para o produtor O feijão é uma alternativa nova de safrinha nessa região. Muito além do Caupi, que vem à mente do produtor do vale quando se fala em feijão, ou das culturas nacionais como preto e carioca, existem outras culturas com foco no mercado mundial. O Mungo e o Red Bamboo são culturas, já há vários anos, produzidas no estado do Mato Grosso e outros estados do Brasil. O mundo já reconhece o Brasil como fornecedor de qualidade nessas culturas. Os mercados mundiais dessas variedades são muito maiores do que do carioca por exemplo, que é o feijão mais consumido no Brasil.Em comparação com outras culturas de safrinha estes feijões conseguem trazer bons resultados para o produtor, com um nível moderado de risco e investimento. Os produtores que se interessarem em conhecer melhor as culturas podem entrar em contato com a equipe técnica da empresa. O objetivo é de gerar resultado para seus parceiros, e trabalhar a longo-prazo. Além disso, o produtor tem fácil acesso aos sócios da empresa, que estão presentes na região, afinal de contas confiança se estabelece com “olho-no-olho”. Fonte: Assessoria Arbaza.

33


Canarana é considerada a capital da melancia no Estado de Mato Grosso “O segredo é água, adubo, amor e todo dia dar bom dia para a lavoura”

AGRONEGÓCIO |

A Folha do Araguaia

Edson Wisch; 68 anos, natural de Santa Rosa, há 44 anos morando em Canarana-MT desde 26 de junho de 1975), começou com a agricultura. Cansado de insistir numa atividade arriscada, ele enxergou na cultura da melancia uma oportunidade de reerguer sua vida, e deu muito certo, depois de encontrar dificuldades plantando grãos, resolveu mudar de cultura, não de atividade, tendo iniciado o plantio de melancia no ano de 1989 (30 anos atrás) na Fazenda Ijuí, de sua propriedade, localizada a cerca de 20 km da cidade, na região do Tanguro. “Plantei umas melancias para

34

comer e sobrou. Fui pra cidade e vendi. Na época com uma melancia consegui comprar um botijão de gás. Isso me abriu a mente e enxerguei uma oportunidade de ganhar dinheiro”, disse o agricultor. No primeiro ano plantei um hectare e molhava as plantas com balde”, declarou Wisch. A melancia tem sido uma importante cultura em nosso município de Canarana atualmente são plantados anualmente mais de 500 hectares, gerando dividendos para os produtores, passados 30 anos, seu Wisch cultiva hoje 22 hectares, utilizando o sistema de irrigação por gotejamento, em média por safra, colhe mil tonela-

das, cerca de 67 caminhões (15.000/ kg) cada, ele faz uma safra por ano, onde são investidos R$ 220 mil com custo de lavoura, sem falar da estrutura de irrigação, máquinas e equipamentos já existentes, só de sementes – (100 mil sementes), custo é de R$ 30mil e que no final de 90 dias gera um faturamento bruto em torno de R$ 450mil. As cargas são levadas para todo Mato Grosso e outros estados do Brasil, para o carregamento dos caminhões a mão de obra especializada é oriunda da cidade de Uruana do estado de Goiás, são embarcados em torno de cinco caminhões/dia.


Melão

AGRONEGÓCIO |

A Folha do Araguaia

No início de 2015; Edson Wisch iniciou também o plantio de melão, com ½ hectare, já tendo plantado 4 hectares em anos posteriores, porém devido à falta de mão de obra especializada na região decidiu plantar uma área menor, cuja produção é para consumo interno no município com venda direta na cidade, incluindo a feira dos produtores, mercados e caminhoneteiros. Segundo Wisch o investimento realizado fica em torno de R$ 8 mil, e que no final de 75 dias gera um faturamento bruto em torno de R$ 20mil, a polinização é feita pelas abelhas e: “O segredo é água, adubo, amor e todo dia dar bom dia para a lavoura”, disse orgulhoso. Reportagem Revista Folha do Araguaia – Agronegócio.

35


Bom Futuro Em Canarana são cultivados cerca de 32 mil hectares de Algodão e aproximadamente 150 hectares destinados a piscicultura

C

om mais de 30 anos de atuação no Estado de Mato Grosso, a Bom Futuro desenvolve o planejamento estratégico das atividades na capital Cuiabá-MT, sede da empresa. As atividades são distribuídas em todo o estado, gerando desenvolvimento e inúmeras oportunidades para centenas de municípios. A Bom Futuro, é advinda

da agricultura. A expertise na área, auxílio da tecnologia e respeito ao meio ambiente aliadas a persistência e muito trabalho, pautaram o crescimento da empresa em seus longos anos de atividade. Ações como essas, garantiram o destaque mundial em produtividade sustentável, possibilitando a atuação em 7 áreas; agricultura, pecuária, piscicultura,

sementes, energia, aeroportuário e imobiliário. A determinação e competência profissional de seus mais de sete mil colaboradores, norteados pela ideologia e a vertente empreendedora da empresa, possibilitaram a atuação da Bom Futuro em diversas áreas mas todas com o mesmo propósito: Ajudar a alimentar e vestir o mundo!

Se tornar o maior produtor individual de soja no mundo e o maior na cultura do algodão no Brasil, nunca foi um propósito na Bom Futuro, mas se tornou uma consequência através de um planejamento eficaz, trabalho em equipe, auxilio da tecnologia e principalmente a harmonia com a natureza ao produzir toneladas de grãos e plumas de algodão em uma área total aproximada de 530 mil hectares cultivados em Mato Grosso.

AGRONEGÓCIO |

A Folha do Araguaia

ALGODÃO: A tecnologia empregada e a vasta experiência, permite a Bom Futuro produzir uma média de 300 mil toneladas de pluma de algodão por safra. A qualidade do produto é assegurada por diversas UBA (Unidade de Beneficiamento de Algodão) instaladas em pontos estratégicos em todo estado de Mato Grosso. Em Canarana são cultivados cerca de 32 mil hectares de Algodão.

36


Em Canarana são aproximadamente 150 hectares destinados a piscicultura PISCICULTURA: A atividade, além de diversificar a área de atuação na Bom Futuro, incentiva o crescimento do consumo desta importante fonte de proteína, contribuindo com a diminuição da pesca extrativista.

Atualmente, são produzidos de maneira sustentáveis em tanques, 3 mil toneladas de peixes em 250 hectares de lâmina d’água. Se comparado, resulta em uma área maior que 400 campos de futebol. A excelência na qualidade do produto, é garantida através do acompanhamento e a tecnologia empregada no monitoramento das águas, balanço nutricional adequado e demais processos, possibilitando o controle produtivo no manejo das etapas. Espécies cultivadas: Tambaqui, Pintado, Tambatinga, Piauçu e Tilápia.

Despesca realizada através do “Elevador de Peixes”, Pescalator. Com o auxílio da tecnologia, reduzimos o estresse e danos, garantindo um produto final de excelente qualidade.

SOJA: Principal cultura cultivada nas unidades da Bom Futuro, com uma média de 280 mil hectares, totalizando uma produção aproximada de 1,3 milhão de toneladas por safra.

MILHO: Além de ser fundamental no sistema de produção em rotação com a soja, garante a estrutura de solo e matéria orgânica. Para cultura do milho, são destinados uma média de 73 mil hectares.

Fonte: Jean Carlo Martins Marques – Analista de Marketing e Comunicação Bom Futuro e Site https://www.bomfuturo.com.br/pt-br

AGRONEGÓCIO |

A Folha do Araguaia

Colheita simultânea de milho e algodão.

37


Sua semente com maior garantia de qualidade e segurança

A

AGRONEGÓCIO |

A Folha do Araguaia

soma de esforços entre agricultores e a Limagrain fazem com que a marca LG cresça a cada dia. Hoje, 4ª maior empresa de sementes do mundo, é reconhecida pelo uso de técnicas avançadas de melhoramento de plantas, com investimentos frequentes em pesquisa e tecnologia que garantem produtos específicos para cada região, nível tecnológico e finalidade de uso. Possui um portfólio diversificado com tecnologias adequadas para cada necessidade, inovação em produ-

38

tos e serviços para atender as necessidades do produtor rural. No Brasil, os trabalhos iniciaram-se com pesquisa, produção e venda de sementes de milho e, posteriormente, de soja. A marca LG é tradicional em sementes de grandes cultivos no mundo, sempre buscando proximidade com os produtores. Tudo é possível pois há confiança, um elo forte. Uma parceria colaborativa de quem identifica as necessidades e entende do assunto. Conte com a LG!


2019

LEVANTAMENTO DA PRODUÇÃO AGRÍCOLA VALE DO ARAGUAIA Relatório de produtos por municípios MILHO O Vale do Araguaia é considerada uma das regiões mais promissoras de Mato Grosso, também é considerado a nova fronteira agrícola de Mato Grosso. Cortado pela BR-158 tem vivenciado uma conversão em larga escala de áreas de pastagens degradadas para lavouras de soja e milho, o que tem estimulado a vinda de grandes grupos privados, em especial multinacionais, apesar da logística ainda deficiente em alguns municípios. Fonte: GCEA-MT GERGELIM

MELÂNCIA

ALGODÃO HERBÁCEO 1ª SAFRA SOJA

AGRONEGÓCIO |

A Folha do Araguaia

ALGODÃO HERBÁCEO 2ª SAFRA

39


EDITORIAL

Uma Revista Completa! Quando finalizamos uma nova edição é sempre uma alegria! São páginas resultantes de dias de muito trabalho, pesquisa e dedicação por parte de toda a equipe. Dedicamo-nos em inúmeras pesquisas para levar a você leitor a melhor informação com toda a qualidade que você merece! Produzido e editado pelo Jornal Folha do Araguaia, a publicação tem como proposta promover nossa região do Vale do Araguaia e reunir em um único material dicas sobre tendências de produtos e conceitos para diferentes obras, envolvendo desde o projeto, a execução, o acabamento final a decoração de ambientes. Uma edição carregada de boas histórias, eventos sociais, dicas e novidades. Além de profissionais e empresas, o Anuário evidencia também possibilidades de investimento, novas tecnologias, entrevistas e participações especiais de profissionais da saúde, personalidades conhecidas, e destaques do setor agrícola. Um guia completo e de alta qualidade.

Adilene P. Michelson

Criar condições para crescer nem sempre é fácil para quem se arrisca como empreendedor, principalmente no Brasil. Além dos desafios que envolvem o enfrentamento da burocracia e altos impostos, quem está à frente de uma empresa precisa incorporar a inovação constante em seu modelo mental de negócios para potencializar os resultados. Bons empreendedores estão sempre atentos às receitas de sucesso de quem já chegou ao topo. É um bom caminho, inspira e contagia quem acredita que para crescer, todo conhecimento e experiência são válidos. De estudante de Direito a empreendedor, o empresário Bruno Mazurek da Creme Mania Sorvetes, em nossa capa do Socialite Vip, revela que sua fórmula de sucesso é foco e trabalho bem executado para bem atender o cliente, simples, mas muito verdadeira. Cliente satisfeito é multiplicador.

ANO II – EDIÇÃO II – NOVEMBRO 2019/2020

Empreender é Evoluir

Na capa Casa Vip, Requinte Móveis Planejados administrada pelo casal de empreendedor André M. do Amaral e Maria Melissa Benites Corrêa, que estão no segmento de móveis planejados há 10 anos, tendo como missão oferecer produtos duráveis, construídos somente com matéria prima de alta qualidade e serviços personalizados com garantia, procurando sempre eficiência nos prazos de entrega onde “Qualidade não é uma palavra e sim objetivo”. Esta mesma proposta, da evolução o Jornal Folha do Araguaia aceitou o desafio e a necessidade de inovar e de acreditar, onde as capas ganham um novo formato a “Capa invertida” e o desafio é falar sobre três assuntos em uma só revista. Casa Vip, Socialite Vip e A Folha do Araguaia – O Agronegócio que mostra umas tendências em destaque, as potenHÁ 10 ANOS cialidades do município de Canarana, REQUINTE MÓVEIS PLANEJADOS TRAZENDO QUALIDADE E PREZANDO que e muito rica por sua produtividade PELO BOM GOSTO agrícola, comércio e turismo. Isso deDE CADA CLIENTE EM TODOS OS DETALHES monstra que Canarana não é somente soja, milho e gado. Temos melancia, melão, abóbora, ovos, gergelim, peixe, algodão; e nós da Folha do Araguaia estamos divulgando em apoio a essas iniciativas para influenciar que mais pessoas possam acreditar e investir nessas culturas, que diversificam a nossa economia, geram emprego e renda, e fazem de Canarana um Município mais forte. As expectativas para 2020 são as melhores possíveis! E é nesse clima de otimismo que fechamos esta edição, repleta de gente empreendedora, eventos bacanas e muitas novidades! Um abraço e até a próxima edição! A melhor revista de construção do MT

Requinte Móveis Planejados ‘ Sonhos sob medidas ’

ADILENE PEREIRA – DIRETORA E EDITORA JORNALFOLHAARAGUAIAMT@GMAIL.COM EDIÇÃO VII – ANO 2019/20 ATENDIMENTO E ASSINATURA (66) 3478-1357 – 99646-3666 – 98458-5611 WHATSAPP PUBLICAÇÃO – JORNAL FOLHA DO ARAGUAIA – CNPJ: 24.347.307/0001-21 AV. MINAS GERAIS, PARQUE FLAMBOYANT II N° 942 - CAIXA POSTAL Nº 104- CEP: 78640-000 – CANARANA –MT IMPRESSÃO – KUNDE – INDÚSTRIAS GRÁFICAS LTDA CIRCULAÇÃO – CANARANA, ÁGUA BOA, BARRA DO GARÇAS, NOVA NAZARÉ, RIBEIRÃO CASCALHEIRA, QUERÊNCIA, GAÚCHA DO NORTE, NOVA XAVANTINA. TEXTOS E ARTIGOS ASSINADOS NÃO EXPRESSAM NECESSARIAMENTE A OPINIÃO DA REVISTA, INFORMAÇÕES CONTIDAS EM ANÚNCIOS COMERCIAIS SÃO DE RESPONSABILIDADE DAS EMPRESAS E/OU PROFISSIONAIS.

Profile for Grupo Araguaia

Revista Socialite Vip - Edição II  

Revista Socialite Vip - Edição II  

Advertisement

Recommendations could not be loaded

Recommendations could not be loaded

Recommendations could not be loaded

Recommendations could not be loaded