Issuu on Google+

COC JÁ!

16

#

INFORMATIVO TRIMESTRAL DO COC SÃO JOSÉ DOS CAMPOS

www.cocsjc.com.br

www.facebook.com/cocsjc

INTERNET E REDES SOCIAIS: FAÇA BOM USO.

É fato: a internet invadiu as nossas vidas. E junto com ela, vieram as mais variadas plataformas digitais de interação entre o mundo virtual e o mundo real. Mas será que estamos sabendo utilizar este canal de comunicação da forma adequada? O acesso a dados e informações nunca foi tão fácil. Além disso, qualquer pessoa pode produzir e disponibilizar textos, imagens e vídeos no mundo virtual. No entanto, muitos não sabem lidar com esta grande oferta de informações e acabam tomando tudo que leem como verdade absoluta, o que é um erro grave. Outro ponto que preocupa é que, apesar das crianças e jovens de hoje serem multifuncionais, já existem pesquisas que mostram a redução da “produtividade” como consequência da falta de um foco, inclusive nos estudos. O importante é entender que o mundo “off-line” jamais pode ser substituído pelo “online”. Tire proveito da internet. Utilize-a com consciência e aproveite ao máximo essa tecnologia para melhorar a cultura, o conhecimento, explorar lugares diferentes, conhecer gente nova, interagir, descobrir, educar. Tudo isso, sem falar no mundo sem fronteiras para a criatividade. Quantos jovens se destacam atualmente através de alguma plataforma social, como um blog ou site de fotos? Temos certeza de que no COC existem muitos alunos talentosos que exploram a internet para se expressar.

Então #FICADICA: aproveitem ao máximo o potencial de comunicação que a internet e as redes sociais proporcionam. Você só tem a ganhar!


MUNDO DIGITAL

PALAVRA DO COORDENADOR Nos dias 16 e 17 de maio último estive em São Paulo, na Universidade Mackenzie, participando do 2º Encontro Internacional sobre o Uso de Tecnologias Digitais por Adolescentes / Jovens Adultos.

mundo virtual o que não faria ou diria no mundo real! Pior, no mundo virtual você pode perder o controle sobre o que disponibilizou na rede. Imagens e textos se multiplicam à revelia de quem os criou.

O encontro denominado ESSE Mundo Digital (E = Ética; S = Segurança; S = Saúde; E = Educação) reuniu profissionais de diferentes áreas como médicos, filósofos, advogados e professores para discutir as transformações sociais que estão ocorrendo na geração nascida entre 1990 e 2000, denominada “Nativos Digitais”, uma vez que nasceram em um mundo em que as pessoas, independente do nível socioeconômico, da cultura, da religião ou da região têm em suas mãos um equipamento (notebook, tablet ou celular) com acesso a Internet, ou seja, com acesso à informação, às redes sociais, à filmes, músicas e jogos, mas também que se expõem excessivamente a amigos, empresas e criminosos (cyberbullying, pornografia, pedofilia, etc).

A ESCOLA NÃO PODE FUGIR DESTA REALIDADE.

Em todas as mesas redondas a conversa girou em torno dos benefícios e dos riscos do uso e abuso das tecnologias digitais. No campo da ética e do direito muito se discutiu e se frisou que o “mundo virtual” é, na verdade, parte do “mundo real”. Portanto, não faça e não fale no

Tradicional espaço de socialização de crianças e jovens, ela passa a conviver com as novas formas de relações que surgiram com o mundo virtual. É comum encontrarmos uma roda de quatro ou cinco alunos em que cada um está com o seu celular nas mãos “conversando” com os colegas ao lado e com outros que estão muito longe dali. Como mediar estas situações? No campo pedagógico, qualquer aluno pode, em tempo real, pesquisar o tema de uma aula usando seu tablet ou smartphone e assim enriquecer o debate com novas ideias ou proposições. Como lidar com estas situações? Quais são os limites que devem ser dados ao acesso a internet na escola e, particularmente, em sala de aula? Estar aberto às novidades, aprender a lidar com elas e, principalmente, fazer o bom uso das tecnologias a serviço da educação e do ensino é o desafio do COC. Heron F. Oliveira COORDENADOR PEDAGÓGICO

EVENTO 1a FEIRA DE TROCA DE LIVROS No dia 27 de junho, os alunos do COC SJC puderam participar da 1ª Feira de Troca de Livros. O evento, que aconteceu das 9h30 às 16h, foi um grande sucesso. Para participar, os alunos deveriam entregar no COC alguns exemplares que eles quisessem trocar. Ao entregarem os exemplares, os alunos retiraram vales-trocas que foram usados no dia da feira. Ao todo foram entregues 1.429 livros de diferentes assuntos, entre romance, poesia, aventura, biografia, infantil e muitos outros. Os que mais se destacaram foram os livros de Christopher Paolini, como Eragon. Também foram trocados clássicos de Carlos Drummond de Andrade, Machado de Assis e Fernando Sabino. Além destes, os alunos puderam trocar as obras de Stephenie Meyer (Crepúsculo) e Nicholas Sparks (A Escolha). Muitas variedades como a Coleção Poderosa, de Sérgio Klein e Tchick, de Wolfang Herndorf, também foram trocadas. E aí, preparados para a próxima edição da feira? Então separem desde já os livros que querem trocar e aguardem!


Você conhece o projeto Leitura e Cia?

PROJETO LEITURA E CIA. É um projeto que visa estimular a leitura de livros criados pela Cia das Letras, em parceria com o COC. Como funciona? O aluno do COC é cadastrado no site da Cia das Letras especificamente para o projeto Leitura e Cia. O COC então adquire os livros e entrega aos alunos. Estes, ao acompanharem os livros, irão encontrar em diferentes partes deles um ícone do projeto. A cada ícone encontrado, o aluno deverá acessar o site da Cia das Letras e responder as perguntas propostas pelo projeto. Estas perguntas avaliam o grau de compreensão do aluno em relação à obra. Ao final do livro, há uma atividade de encerramento e o aluno recebe um relatório detalhado com seu aproveitamento. Todo este processo é acompanhado pelo professor que gerencia o site. Este mesmo professor sabe quais alunos iniciaram a leitura, em que parte do livro se encontram e qual seu nível de compreensão da obra. Isso permite sua intervenção em sala de aula durante o processo de leitura. Além disso, os alunos podem participar de fóruns de debate sobre o livro. A participação é aberta aos alunos de todo o sistema COC do Brasil. Neste primeiro semestre foi realizado um projeto piloto no COC SJC. Os alunos do 1º ano leram o livro “Capitães da Areia”, de Jorge Amado, e a ideia é repetir o projeto no segundo semestre. Já para 2014, o objetivo é incorporar o projeto às atividades regulares do COC SJC com quatro obras por série, lidos ao longo do ano.

AGENDA DO SEMI

Início das aulas: 5 de agosto Revisões vestibulares: 17 /11 a 20 /12

PROFISSÃO DESIGN DE GAMES Se você gosta de jogos eletrônicos, vai curtir esta profissão. O Design de Games é responsável por criar e desenvolver jogos para diferentes mídias, como computador, videogame, celular ou internet. Para elaborar esses games, o profissional observa as tendências do mercado, o comportamento do público-alvo, as características da cultura local onde o jogo será distribuído e até mesmo o contexto social.

GOSTOU?

Melhor faculdade para estudar: Universidade Anhembi Morumbi (SP)

O formado na área pode trabalhar com programação, design de games (roteirizar os jogos, definir o tema, o gênero, o cenário, o número de jogadores, as regras e os requerimentos do sistema), modelagem em 2D e 3D, ilustração ou vinhetas (criar vinhetas para o mercado publicitário usando técnicas como modelagem, animação e realidade virtual).


FALA AÍ! PROF. FERNANDO DELMONTE HISTÓRIA

Aos 13 anos de idade, fiz um “vestibulinho” para a ETEP. Era uma prova bem concorrida e, depois de aprovado, a gente tinha direito a um “trote” inimaginável para os padrões de hoje em dia – “bullying”. Foi a primeira vez que fiquei careca. Nessa escola aprendi a disciplina do estudo diário e a importância do estudo em grupo. Ao fim do curso, fiz um estágio como técnico mecânico na ‘Phillips do Brasil’, ao mesmo tempo em que fazia cursinho (no mesmo prédio onde hoje dou aula!) para tentar engenharia na USP. Porém, meu maior interesse na fábrica não eram as máquinas e os projetos, mas sim as assustadoras relações entre o capital e o trabalho... Nessa época, as

aulas de História, Literatura, Geografia (e até as aulas de Biologia do Heron!) me despertaram o interesse para as Ciências Humanas. Acabei fazendo História na Unicamp e tornei-me um professor entusiasmado! Muito me encanta a possibilidade de unir em uma só aula: música, cinema, literatura, ciência e filosofia – instigar a dúvida – e refinar o interesse intelectual de meus alunos. A descoberta profissional deve ser feita com a máxima sinceridade, pois as questões de mercado são voláteis e a coragem para realizar um sonho nos manterá atentos. Conselho do Leminski: “A vida é curta, curta!”

DIGICOPA COPA DE FUTEBOL DIGITAL CENTERVALE SHOPPING

O COC SJC patrocinou a 1ª DigiCopa – Copa de Futebol Digital CenterVale Shopping. O evento, realizado pelo Center Vale Shopping, em parceria com a Federação Paulista de Futebol Digital e Virtual, UZ Games, Sony, FIFA 13 e WB Games, entrou no clima da Copa das Confederações e da Copa do Mundo. A DigiCopa recebeu mais de 300 inscritos e todo o valor arrecadado foi doado ao GACC – Grupo de Apoio à

Criança com Câncer. Mais de 1.200 pessoas passaram pela arena durante a competição, que se encerrou no dia 14 de julho. O jogo escolhido foi o FIFA 13 e a plataforma foi o PlayStation 3. E no último dia do evento, foi realizada uma disputa entre os campeões de cada competição, definindo o Campeão dos Campeões do evento, que levou um troféu para casa.

EXPEDIENTE

COC JÁ é uma publicação do COC - S.J.Campos Direção: Heron F. Oliveira - Textos: Thaís Mazini Jornalista responsável: Thaís Mazini - MTB: 41.034/SP Projeto Gráfico: Regional Propaganda & Marketing Textos: COC - S.J.Campos Fotografia: Divulgação Impressão: Resolução Gráfica


Coc16digital copy