Issuu on Google+

Escola Secundária Jerónimo Emiliano de Andrade de Angra do Heroísmo

Área de Projecto

Ano Lectivo 2009/2010

Professora Marina Silva

Carolina Viceto nº6

2 de Dezembro de 2009


Reflexรฃo individual

pรกgina 3

Bibliografia

pรกgina 5

Anexos

pรกgina 6

2|Pรกgina


A disciplina de Área de Projecto é uma área curricular não disciplinar que visa a criação, execução e avaliação de projectos, através da articulação de conhecimentos de diversas áreas curriculares, em torno de problemas ou temas de pesquisa de acordo com as necessidades e interesses dos alunos. Através desta definição de Área de Projecto as minhas expectativas relativamente a esta área eram diferentes do que realmente acontece. Para começar, pensava que no início do 1º Período escolhíamos um tema e começávamos a trabalhar imediatamente neste, não sendo necessário responder a questões orientadoras. Seguidamente, pensava que ao longo de todo o ano lectivo iríamos executar o nosso projecto, não sendo necessário qualquer tipo de planificação. Na realidade esta área exige bastante organização estando o projecto dividido em três fases, cada uma correspondendo a um período, a planificação, a execução e a apresentação final. Assim, acho que é muito importante a existência desta área no 12º ano já que durante este ano lectivo devemos preparar-nos para a vida universitária que iremos enfrentar, onde teremos de realizar muitos projectos do género do deste ano lectivo. Esta área coloca-nos vários desafios relativamente a trabalhar em grupo e individualmente. Quanto a trabalhar em grupo muitas vezes é difícil conciliar as opiniões de todos os elementos do grupo, sendo esta mais uma das razoes pela qual esta área é importante já que na nossa sociedade temos de ouvir e respeitar as opiniões dos outros e tentar chegar a um meio-termo. Por outro lado o grupo tem de ser organizado e dividir as tarefas para que o projecto seja realizado com sucesso. Relativamente ao trabalho individual esta área exige-nos responsabilidade já que se cada elemento do grupo não realizar a sua parte da tarefa, prejudica os restantes elementos do grupo e o trabalho fica incompleto e inacabado. Quanto às mudanças que esta área exige penso que a principal foi a necessidade de justificar todos os assuntos que abordamos, algo que não era necessário realizar nos anos anteriores. Esta justificação é muito importante, já que qualquer pessoa que não pertença ao grupo deve ser capaz de compreender o nosso projecto. Durante este período senti dificuldades na execução dos diversos trabalhos escritos que nos foram solicitados (ficha de leitura, relatórios e planificações) quer em 3|Página


relação ao seu conteúdo quer ao nível da escrita, uma vez que estes trabalhos exigem muito pormenor e por vezes uma linguagem formal. Para superar as minhas dificuldades proponho-me ler mais livros, revistas ou jornais para aumentar o meu vocabulário. Com este projecto tenho aprendido o quão importante é pormenorizar a tarefa que estamos a realizar para que qualquer pessoa que leia o documento perceba exactamente o que pretendemos realizar ou quais os nossos objectivos.Com a realização da ficha de leitura fiquei a saber sobre as energias renováveis nos Açores, estando este artigo relacionado com o tema do projecto. Por outro lado tenho aprendido a realizar documentos que terei de realizar na faculdade quando realizar projectos. Por fim, também tenho melhorado a forma como posso cooperar com o meu grupo. O tema do grupo GreenTeen: o Ambiente está de acordo com os meus interesses, já que hoje em dia estamos a atravessar uma grave crise energética no mundo e nunca é demais tentar alertar e mudar os hábitos das pessoas. Quanto à relação do tema do projecto com as minhas opções profissionais este tema não se relaciona de forma directa com Geofísica que é uma ciência que tenta compreender a estrutura, composição e dinâmica do planeta Terra, sob a óptica da Física. No entanto de entre os temas dos restantes grupos da turma este era o que mais me interessava e que se relacionava mais com o meu curso. Esta experiência tem sido muito enriquecedora já que todos os elementos do meu grupo estão interessados no nosso projecto, fazendo com que eu ganhe ainda mais motivação para trabalhar. Assim acho que o meu grupo está a funcionar bem, mostrando-se coeso. Por outro lado, o trabalho tem sido dividido de forma equitativa e de modo a que todos os trabalhos que realizamos usufruam dos benefícios que cada elemento apresenta, como por exemplo melhor nível de escrita ou a criatividade de cada elemento. A nível individual acho que cumpri todas as tarefas que me foram incutidas com sucesso e quando tive dificuldades todos os elementos do meu grupo ajudaram-me e se não o conseguiram fazer a professora retirou-me as dúvidas. Para as próximas etapas do projecto espero que o projecto continue a correr bem como tem vindo a acontecer. Por outro lado espero que o projecto evolua e passemos para a fase seguinte, a execução do projecto, de modo a que possamos falar com as diversas parcerias e começamos a realizar os nossos produtos finais (por exemplo: carrinho solar). 4|Página


http://area-de-projecto.blogspot.com/ http://pt.wikipedia.org/wiki/Geof%C3%ADsica

5|Pรกgina


Ano Lectivo 2009/2010 Escola Secundária Jerónimo Emiliano de Andrade Área de Projecto – 12º B

Identificação da Ficha Leitura Nome do Aluno: Carolina Parreira Viceto

Nº 6

Nome do Grupo de Projecto: GreenTeen Data: 26/10/2009

Tema e sub-tema(s) da pesquisa: Tema: Energias Renováveis Subtema: Energias Renováveis nos Açores

Informações sobre o(s) autor(es): Hélio Vieira. Jornalista e fotógrafo que colabora no jornal Diário Insular e criador da AzorWaves, uma empresa de produção de espectáculos com sede na Terceira.

Referência bibliográfica1: VIEIRA, Hélio – Açores Laboratório das Renováveis.«di». N.º341 (2009), p.4-9

1

Segundo as normas para apresentação de referências bibliográficas

6|Página


Citações importantes2: Segundo Cabral Vieira, “Estamos a assistir a uma revolução e os Açores podem constituir um laboratório onde podem ser testadas diferentes soluções tecnológicas.” (2009: 25)

Segundo Cabral Vieira, “No mundo globalizado em que vivemos ninguém consegue progredir isoladamente.” (2009: 25)

Resumo das principais ideias: Nos últimos anos a utilização da energia alterou-se rapidamente devido a um aumento da investigação das energias renováveis, sendo necessário que os Açores implementem medidas para alterar a utilização da energia, introduzindo carros com consumo de electricidade, energia eólica ou solar sendo imprescindível a adaptação da produção de energia aos recursos que cada ilha dispõe, como é o caso da ilha Terceira onde é viável a utilização da energia geotérmica. Para que as alterações no sistema de produção e consumo de energia nos Açores sejam compreendidas é essencial consciencializar as pessoas de que cada uma destas pode dar a sua contribuição para melhorar o ambiente.

Comentários: A consulta deste documento para o trabalho foi muito importante já que este está relacionado com as energias renováveis e mais especificamente com a implementação destas nos Açores. Assim acho que seria interessante mostrarmos no nosso trabalho o funcionamento de carros com consumo de electricidade uma vez que estes serão introduzidos na nossa Região nos próximos anos e falarmos das energias que estão disponíveis nos Açores.

2

Segundo as normas para apresentação de citações de autores

7|Página


Relatorio individual carolina