Issuu on Google+


PROPOSTA

UNIDADE E VISÃO SOCIAL TAIS TEMAS SÃO CRUCIAIS PARA QUALQUER HOMEM DE CULTURA QUE SE PREOCUPE COM O ANDAMENTO DO MUNDO, MAS EM PARTICULAR PARA UM ARQUITETO. SÃO TEMAS SOBRE OS QUAIS UM ARQUITETO CERTAMENTE DEVE REFLETIR. O OFÍCIO DO ARQUITETO É MUITO DELICADO E PERIGOSO, NÃO SÓ PARA QUEM O PRATICA, MAS TAMBÉM - E TALVEZ SOBRETUDO - PARA OS OUTROS. O OFÍCIO DE ARQUITETO É TERRÍVEL, JÁ DISSEMOS: QUANDO VOCÊ COMETE ERROS, IMPÕE UMA FULL IMMERSION EM UM MUNDO EQUIVOCADO, QUE VOCÊ CONSTRÓI PARA MILHARES E ÀS VEZES MILHÕES DE PESSOAS, E POR UM TEMPO LONGO, QUASE SEMPRE LONGUÍSSIMO. UM OFÍCIO REALMENTE DELICADO E PERIGOSO. VOCÊ ME PERGUNTA O QUE EU GOSTARIA DE LEVAR PARA O PRÓXIMO MILÊNIO. RECORDANDO CALVINO, GOSTARIA DE LEVAR UMA MAIOR CONSCIÊNCIA SOBRE ESSA RESPONSABILIDADE. GOSTARIA DE NÃO PROJETAR NADA, NÃO CONSTRUIR NADA QUE NÃO LEVE CONSIGO A MENSAGEM FORTE E CLARA DE UMA RESPONSABILIDADE QUE NÃO É SÓ ESTÉTICA, MAS TAMBÉM ÉTICA E MORAL. EM SUMA, GOSTARIA DE LEVAR AO NOVO MILÊNIO UMA ESPÉCIE DE “RE-PACIFICAÇÃO” ENTRE O PROGRESSO CIENTÍFICO E O PROGRESSO ÉTICO. ACREDITO QUE ESTA SEJA TALVEZ A COISA MAIS IMPORTANTE A SER LEVADA PARA O ANO 2000. A ESPERANÇA NOS CONFORTA? DEVO DIZER QUE ALGUM SINAL DE ESPERANÇA EXISTE.

GRANJA

DESIGN + ARCH


a ideia do traço sem tirar a ponta do papel implica à unidade presente na estrutura do emau. A geometria circular invoca a casa unitária: “a forma mais simples de organização de uma aldeia, em que toda a tribo vive num só teto.” (barreto, benatti, pessoa, bolson). Entende-se que a visão do arquiteto e, por consequência, a do emau é compreender a complexidade da cidade e a impossibilidade de fragmentar arquitetura em pequenos espaços individuais; de considerar o ambiente urbano como um espaço de convívio contínuo de diferentes pessoas. a paleta de cores brinca com uma atmosfera esperançosa e otimista, como deve ser a visão de todos os arquitetos.


há mais de dois anos, o haitiano dynn achesson saintilus, 25, chegou ao brasil fugindo da miséria agravada pelo terremoto que devastou seu país em 2010. ciente das dificuldades para se estabelecer em são paulo, saintilus deu abrigo para três conterrâneos que fazem parte dos cerca de 500 que chegaram à cidade neste mês, vindos do acre. a vinda dos haitianos sem aviso prévio abriu uma crise entre os dois estados. após ver os compatriotas dormindo no chão de uma igreja, o haitiano levou três deles para morar no cômodo alugado que divide com os primos, no cambuci. “quando soube que havia haitianos passando dificuldade, vim ajudá-los. o espaço é pequeno, mas sempre cabe mais um. a gente paga 400 reais por mês e oferecemos o espaço para eles por até dois meses, para que consigam um emprego”, afirma. [...] “mesmo com a melhoria de vida aqui (brasil) se eu pudesse dar um conselho para os haitianos, eu diria: não venham para o brasil. Muitos brasileiros têm preconceito. no ônibus percebo que as pessoas evitam sentar ao meu lado. já me disseram que aqui não têm lugar para estrangeiros e que a [presidente] dilma tinha que mandar todo mundo de volta para casa”, conta.

acredita-se que parte da complexidade de uma cidade está justamente nas relações entre todos as personagens que a compõe. que a realidade arquitetônica é construída não apenas pelo arquiteto mas pelo indígena, pelo imigrante haitiano, pelos arquitetos, por mim e por você. com base nisso, foram desenvolvidos carimbos para representar a marca tupis.


mídias digitais capa para página no facebook

cartão de visita seguindo os princípios muji de design - o qual reduz a dimensão de produtos em 20%, no mínimo, visando diminuir o desperdício de materais - a altura do cartão de visitas foi redimensionada para metade de seu tamanho comum. além de destacar-se visualmente, possui a vantagem de ser mais econômico.

trabalho universitário e projetos de importância social /EMAU.UTFPR

tupisutfpr@gmail.com

cabeçalho de documentos fechando a identidade visual do tupis, pensou-se em um cabeçalho para ser utilizado em documentos oficiais do escritório. segue todas as ideias aqui já apresentadas, acrescentando-se o nome por extenso do emau.

trabalho universitário e projetos de importância social


GRANJA

DESIGN + ARCH


Manual de identidade visual - TUPIS