Page 1

grande Porto

Linha de passe

Time do Ceará ainda não tem a confiança do torcedor e da diretoria

Ano 1 - número 37 - 13 a 19 de março de 2014

Página 7

Mobilização pela paz violência] A falta de segurança na cidade de Caucaia continua cada vez mais alarmante. Assustada com o alto índice de violência a população da comunidade do Tabapuá se mobiliza e realiza caminhada pela paz neste sábado. Página 4 emancipação da Jurema

economia

Transferência da tancagem para o Pecém só em 2017

Política

Página 5

Aprece Associação do Movimento Emancipalista da Jurema, (AMEJ) continua mobilizada e sonhando com a emancipação da Jurema Página 6

Municípios convocados para receber verbas de 2012 Página 4

Blitz do lael

Nova coluna abordará o cotidiano de comunidades Página 8

E agora Cid Gomes? Governador ainda não decidiu se fica até o final do mandato ou se disputa cadeira de senador. Dessa decisão depende a aliança com PT e PMDB. Página 3


2

Opinião

GRANDE [PORTO] artigos

Pagar impostos pra quê?

Editorial Uma reação à indiferença O sentimento de impotência e a ausência de ações enérgicas dos órgãos de segurança pública para conter a onda de violência em Caucaia são os ingredientes propícios para mais uma manifestação popular. No próximo sábado (15/03), como mostra reportagem neste jornal, moradores do Conjunto Tabapuá preparam uma caminhada para cobrar medidas emergenciais de segurança para o bairro. Os relatos de assaltos, assassinatos, crimes de saidinhas bancárias e atos de vandalismo tornaram-se frequentes no cotidiano dos caucaienses. A falta de um contingente policial adequado para cobrir áreas densamente povoadas e a permanência de apenas uma viatura do Ronda do Quarteirão para atender vários bairros estão na lista das insatisfações populares. Mas há que se questionar mais: o que têm feito as autoridades do município para a redução desse quadro de violência? Existem parcerias feitas com Polícias Militar e Civil para reforçar as ações preventivas e repressivas? É fato que a segurança pública é um dever constitucional de governos estaduais, mas os municípios podem, sim, criar suas estruturas próprias de segurança. Exemplos nesse sentido já existem aqui mesmo no Ceará, em prefeituras como a de Eusébio e Horizonte – para ficarmos situados apenas na Região Metropolitana – que criaram suas secretarias municipais de segurança pública,

com resultados animadores sobre o controle da violência em seus territórios. Caucaia é um município territorialmente extenso, populoso e seus limites físicos com a capital, Fortaleza, se fragmentam, facilitando ações criminosas. Apesar dessas característicos, e a despeito de estar no centro de uma das mais promissoras regiões em desenvolvimento industrial no Ceará, continua sem merecer uma atenção reforçada na área da segurança pública. A Câmara Municipal é um exemplo extremo do que não deveria acontecer. Os vereadores já tentaram, sem sucesso, seguidas audiências públicas com o secretário de Segurança Pública para debater a situação. Na semana passada, uma audiência pública marcada na Casa Legislativa também fracassou porque autoridades convidadas deixaram de comparecer, como o delegado titular da Delegacia Metropolitana de Caucaia, Aroldo Antunes, e o Comandante do 12º Batalhão da Policia Militar, Tenente Coronel Francisco Barbosa. A ida de ambos àquela casa legislativa não seria apenas um gesto de cortesia, mas uma demonstração de comprometimento com a situação alarmante da epidemia de insegurança na região. Se faltou prestígio à Câmara, não se pode dizer que a situação é diferente com o Poder Executivo. Ou será que estamos diante da indiferença dos gestores?

Expediente O Jornal Grande PORTO é uma publicação semanal do Sistema Ceará Agora de Comunicação e da Editora Assaré. www.cearaagora.com.br Redação: Waldery Uchôa 567A, Benfica, Fortaleza, Ceará - CEP 60020-110. Telefone: (85) 3254.4469 Escritório comercial: Desembargador Moreira, 2800, 16º andar, Dionísio Torres, Fortaleza, Ceará Telefone: (85) 3194.4150 Diretor-presidente: Luzenor de Oliveira - luzeno@uol.com.br Diretor de Relações Institucionais Francisco Bezerra - presidenteassare@gmail.com Assessoria Jurídica Mário Baratta / OAB-CE 6427 - mariobaratta@gmail.com Editor Chefe: Beto Almeida - almeidabeto85@gmail.com Repórter: Antonio Cardoso - cardoso_mts@hotmail.com Editor de Arte: Claudemir Gazzoni - claudemirgazzoni@gmail.com Representante comercial: Lael Semente Fone: (85) 8821.4243 (85) 3011.0907 - laelsemente@gmail.com Para elogiar, criticar, opinar ou sugerir: assare@editoraassare.com.br Os textos, incluindo opiniões e conceitos emitidos, são de responsabilidade exclusiva de seus autores. É livre a reprodução não comercial, desde que citada a fonte.

Para anunciar, ligue (85) 3194.4150

Edilson Ferreira, Presidente do Conselho Comunitário de Defesa Social do Parque Tabapuá

Mais uma vez o contribuinte (pessoa física e/ou jurídica) brasileiro, se vê acuado pelo faminto “leão” da receita federal, que com as garras na garganta da nação, sugará o que com suor e sangue o povo brasileiro ganhou trabalhando honestamente; é o tal do imposto de rendas (IR). Como se não bastasse o ano inteiro de impostos que pagamos no dia a dia. Se não vejamos: Em tudo que consumimos ou fazemos uso diariamente, do café da manhã ao jantar, pagamos IPI, ICMS, ISS, CONFINS e o CA. Sem contar que no decurso de todo o ano, pagamos uma infinidade de outros impostos como IPVA, IPTU etc. O Brasil tem a maior carga tributária do mundo, e o menor retorno em benefícios para o contribuinte e a nação. Daí porque eu pergunto: PAGAR IMPOSTOS PRA QUÊ? – Resposta ób-

via: Para garantir salários, mordomias e quantias milionárias a serem desviadas por corruptos incompetentes e vagabundos, como temos acompanhado pela mídia o desavergonhado caso do mensalão e seus mensaleiros. E ainda tem alguns canalhas no poder, pagos ricamente com o nosso dinheiro, que descaradamente falam em criar novos impostos. – Para que pagamos IPVA? – Para termos boa pavimentação em ruas e estradas. - E TEMOS? Em um país sério, o povo paga impostos para ter em retorno, SAÚDE, EDUCAÇÃO, SEGURANÇA e outros benefícios de qualidade. E o que é que nós temos no Brasil? – Podemos dizer que temos SAÚDE de qualidade? – Como é que andam nossos hospitais e centros de saúde? – Abarrotados de doentes, sem médicos, sem medicamentos e sem condições básicas de

trabalho. Pessoas morrem todos os dias no país, nos corredores da morte dos hospitais. E a nossa segurança? – Você se sente seguro(a)? – Eu desfio a quem quer que seja a me indicar um lugar seguro no Brasil. Não temos segurança em casa, nas ruas, no comércio, nas áreas de lazer, nas igrejas, nos cemitérios, etc. Com os tantos impostos que pagamos, era para no mínimo trabalharmos com segurança, para gerarmos renda e riqueza à nação. Nossos policiais são mal remunerados, mal treinados, sobrecarregados com escalas estafantes, sem falar na deficiência de pessoal e de material de trabalho. A verdade é que apesar de pagarmos tantos impostos, estamos desprotegidos, entregues às moscas e jogados à própria sorte, de modo que “SALVE-SE QUEM PUDER”. E os nossos impostos OH!...

Maracanaú; 31 anos da cidade industrial

Barros Alves, Pnon ono ono no nonoá

Quando o município que abriga o mais importante polo industrial do Estado comemora sua emancipação político-administrativa, urge que se lhe faça uma homenagem, quando aquela comuna da Região Metropolitana de Fortaleza completa 31 anos de profícua existência como ente político e administrativamente autônomo. Separado do território de Maranguape, o então nanico distrito de Maracanaú em pouco tempo transformou-se num pujante município, cujo distrito-sede apresenta-se hoje com ares de verdadeira metrópole. A importância sócio-econômica e cultural de Maracanaú sobressai-se entre as demais comunas do Estado do Ceará. Tenho a honra de haver pertencido ao grupo que no limiar da década de 1980 engajou-se na luta pela

emancipação do município. Na tribuna da Assembleia Legislativa do Ceará, o jovem deputado Júlio César Filho rememorou os inícios da luta pela consecução da sustentabilidade política e administrativa de Maracanaú, uma vez que após a emancipação, os quatro primeiros anos foram deveras turbulentos, especialmente depois do assassinato do primeiro prefeito, o Professor Amir Freitas Dutra. Ultrapassados os obstáculos iniciais, eis que o povo maracanauense, em sábia escolha, elege para comandar os destinos do novel município, o economista Júlio César Costa Lima, pai do deputado homônimo. Além de pujante núcleo comercial, Maracanaú notabiliza-se economicamente por ser sede do 1º Distrito Industrial implantado no

Ceará, onde funcionam mais de uma centena de empresas de médio porte. De igual modo, a riqueza social se revela na diversidade sócio-econômica de brasileiros das mais diversas regiões do País que convergem para fixar residência no município, onde, por outro lado, além dos autóctones, ali está localizada uma reserva indígena da etnia Pitaguary, em ainda paradisíaca região limítrofe entre Maracanaú e o vizinho município de Guaiúba, liderada pelo Cacique Daniel. Presentemente, o município de Maracanaú é governado pelo prefeito Firmo Camurça, que exerceu mandatos como vereador e foi presidente do Poder Legislativo Municipal. Firmo Camurça sucedeu ao prefeito Roberto Pessoa, que governou o município em dois mandatos.

frases da semana

“O que se via na reunião era muito desconforto com a forma como o PT se insurgiu contra o Cunha, além de muita crítica à fala do Michel Temer de que a aliança já está consolidada. O que se viu é que muita gente quer rediscutir” Do

deputado Danilo Forte em reunião da bancada do PMDB em solidariedade ao líder Eduardo Cunha.

“A população não só quer mais quatro anos de Dilma como sabe que só ela é capaz de fazer as mudanças desejadas para o país. Isso está atestado pelas pesquisas de opinião” Do senador Humberto Costa (PT) ao responde ataques de Eduardo Campos à presidente Dilma.


Política

GRANDE [PORTO]

O dilema de Cid Gomes ELEIÇÃO 2014] Qual é o caminho do Governador Cid Gomes para construir a aliança PROS, PT e PMDB? Ficar até o final do mandato ou disputar cadeira de senador? O prazo final é 5 de abril.

Governador não sabe se sai ou se fica

A

sucessão estadual terá as primeiras definições mais concretas a partir do dia 5 de abril. O prazo é o limite para quem quer concorrer às eleições deste ano deixar os cargos na administração pública. O nome mais expressivo da política do Ceará na lista de possíveis pré-candidatos que precisam se afastar de suas funções é o governador Cid Gomes (PROS). Cid poderá renunciar para disputar o o Senado. São mais duas semanas de muitas especulações, corre-corre, análise de ce-

nários e poucas definições. Cid Gomes continua no silêncio, aguarda o resultado das reuniões entre dirigentes nacionais do PMDB e do PT com a presidente Dilma Rousseff sobre as alianças estaduais e a reforma ministerial. Nesses encontros, a presença de um aliado (e possível adversário nas urnas) de Cid Gomes, o senador Eunício Oliveira (PMDB). Eunício reafirmou mais uma vez que se mantém candidato a governador e não aceita ministério. Cid espera novas conversas, nas próximas horas, com a

presidente Dilma Rousseff e com o ex-presidente Lula. A presidente Dilma Rousseff quer um palanque único na disputa ao Governo do Estado. Ou seja, unir PROS, PMDB e PT. Uma candidatura única da base governista para ver ampliada a sua diferença de votos no Ceará em relação aos adversários. E, nesse jogo, entram Cid Gomes e Eunício Oliveira. Como conciliar os interesses dos dois líderes políticos? As saídas são poucas e, ao mesmo tempo, muitas. Cid quer indicar um nome do PROS à sucessão estadual. Eunício quer ser candidato a governador. Com esse quadro e, pelo cenário atual, a aliança PROS, PT e PMDB está implodida. Há, porém, os bombeiros e articuladores que diminuem a temperatura, reduzem as chamas da ameaça de incêndio e controlam o fogo. O ambiente de baixas e altas temperaturas se estenderá até o dia 5 de abril. O ambiente pode mudar se, antes dessa data, o governador Cid Gomes anunciar que sai

do Governo. A união do PROS, PT e PMDB pressupõe renúncias - de todos os lados. São arranjos que mostram uma verdadeira partida de xadrez, com pedras mexidas em todas as áreas, com diferentes possibilidades. Uma das possibilidades que voltaram a ser cogitadas é a saída do prefeito Roberto Cláudio para ser o candidato do PROS, ficando a Prefeitura de Fortaleza com o peemedebista Gaudêncio Lucena, e, também, a ida de Eunício Oliveira para o Ministério da presidente Dilma Rousseff. Alguns apontam o desgaste de Roberto Cláudio como impasse para uma candidatura ao Governo. ‘’Se ele for candidato único da base, sem adversários fortes, não haverá problema’’, especula um integrante da cúpula do PROS, ao dizer, também, que, se mantida a candidatura de Eunício, o jogo é outro entre PROS e PT. Um dos capítulos mais importantes desse enredo se encerra no dia 5 de abril.

Cronograma das eleições 2014

Começam a contar, a menos de sete meses do primeiro turno do pleito em que serão escolhidos o presidente da República, governadores, senadores e deputados, os prazos de um calendário que deve ser observado pelos partidos políticos, pelos cidadãos e pela Justiça Eleitoral. Para os tribunais regionais eleitorais (TREs), o principal desafio será concluir com sucesso o recadastramento biométrico. A terceira fase da biometria começou em março do ano passado e já foi concluída em 12 estados. Entretanto, alguns municípios de 13 estados ainda estão com prazo em vigência para o recadastramento. No fim do processo, os eleitores de 791 municípios deverão votar pelo sistema biométrico, que é considerado mais seguro.

Filiações Em abril, começam a contar os prazos para que se filiem a partidos políticos os postulantes a uma candidatura que sejam membros de tribunais de Justiça, de Contas ou do Ministério Público, ou ainda militares. Esses agentes públicos, que são obrigados a deixar o cargo para se candidatar, não precisam, porém, obedecer à regra de filiação partidária um ano antes do pleito. O prazo termina no dia 5 de abril, exceto para os militares, que podem se filiar até o momento da convenção partidária. Desincompatibilizações No dia 5 de abril, também termina o prazo para que ocupantes de cargos públicos, como ministros de Estado, secretários, presidentes ou diretores de estatais e governadores interessados em concorrer às eleições deixem seus postos. A exceção é para os que buscam a reeleição – eles não precisam deixar o cargo.

Título de eleitor No dia 7 de maio, encerra-se o prazo para tirar o título de eleitor ou pedir a mudança de domicílio eleitoral. Essa também é a data-limite para os eleitores com deficiência solicitarem aos TREs a transferência do título para seções especiais, adaptadas para facilitar a melhor mobilidade e dar atendimento especializado aos que precisam. Convenções O prazo para a realização das convenções partidárias vai de 10 a 30 de junho. Nas convenções, os partidos políticos oficializam tanto os candidatos aos cargos em disputa quanto as coligações com outras legendas. Até o dia 11 de junho, os partidos têm de informar à Justiça Eleitoral quanto pretendem gastar nas campanhas. Feitas as convenções, os partidos têm prazo até 5 de julho para pedir o registro de seus candidatos. Nomeações e demissões de servidores Também nesse dia termina o

prazo para nomeações, demissões, transferências e outras ações relacionadas a servidores públicos. No dia 12, começa a ser permitida a propaganda dos candidatos, o que é considerado o início oficial da campanha. Propaganda eleitoral Em agosto, a partir do dia 19, começa a propaganda eleitoral gratuita e obrigatória em rádio e televisão. Registros de candidatos No dia 21 de agosto encerra-se o prazo para que os tribunais regionais eleitorais julguem os pedidos de registro de candidatos. Entretanto, os que tiverem o registro negado poderão recorrer a outras instâncias como o TSE. Sem prisões A partir de 20 de setembro, os candidatos a cargos eletivos não podem mais ser presos, exceto em flagrante ou por sentença condenatória judicial. Os eleitores passam a ser beneficiados pela mesma regra dez dias depois

3

Ceará agora Por Luzenor de Oliveira luzeno@uol.com.br

Desencontro e desorganização O desencontro de agendas e a desorganização levaram a Câmara Municipal de Caucaia a cancelar o primeiro debate sobre as obras que devem ser adotadas para contenção do avanço do mar nas praias de Iparana, Pacheco, Icaraí e Cumbuco. O Jornal Grande Porto tem veiculado em suas páginas reportagens, editoriais e informações em defesa de obras mais consistentes que venham a barrar os prejuízos ambientais, turísticos e comerciais para moradores, donos de barracas e imóveis dessa faixa do nosso litoral. Se a Câmara Municipal tivesse o cuidado de agendar o debate para uma data que permitisse a participação dos representantes dos órgãos públicos e, principalmente, dos deputados federais Danilo Forte (PMDB) e Raimundo Gomes de Matos (PSDB) - envolvidos diretamente nas ações para viabilização de recursos da União para essas obras, talvez o encontro tivesse sido realizado. A suspensão da reunião frustra quem vive na expectativa de ter os problemas da área litorânea resolvidos e, ao mesmo tempo, revela a fragilidade do Poder Legislativo. Agora, que uma reunião seja marcada para uma nova data e todos - representantes do turismo, do comércio, do Poder Executivo, parlamentares estaduais e federais se façam presentes em busca da solução para conter o avanço do mar.

Frustração I Da frustração pelo encontro suspenso, fica a boa intenção do vereador Américo e do presidente da Associação dos Empresários do Icaraí, Barbosa Pinheiro, em terem tido a iniciativa de defender a audiência pública como um dos caminhos para proteção aos empregos, aos donos de barracas, proprietários de imóveis e ao meio ambiente afetado fortemente pela força das marés no litoral de Caucaia.

Verdade, verdadeira Um dos integrantes da equipe técnica do Ministério da Integração Nacional que acompanha os estragos do avanço do mar em Caucaia não fez a visita ao município para discutir o projeto mais adequado para preservação das praias. O real motivo dessa visita foi a inspeção que constatou a inutilidade e o desperdício de dinheiro com muro de contenção - begwall, que consumiu mais de R$ 9 milhões.

Barrada no baile A bancada federal do Ceará tem um abaixo assinado endereçado ao Ministro dos Transportes, César Borges, pedindo a manutenção no comando do Dnit do engenheiro Luiz Viana. O movimento foi deflagrado para barrar a manobra da deputada federal Gorete Pereira (PR) que trabalha para o Dnit no Ceará ficar sob o controle do PR. No ano passado,

Gorete investiu para trocar o Superintendente do INSS, Júlio César, mas foi barrada. Júlio, servidor de carreira do INSS, é uma indicação do peemedebista Eunício Oliveira.

Dia ‘’D’’ Todas as articulações sobre a sucessão estadual passam pelo dia 5 de abril - último prazo para desincompatibilização de ocupantes de cargos de confiança que desejam concorrer às eleições de 2014. A expectativa maior é sobre o destino do Governador Cid Gomes (PROS). Se deixar o Governo, Cid dá novo rumo à sucessão estadual.

Antes, nada! Antes do dia 5 de abril, serão muitas especulações, empurra-empurra e reuniões. Tudo pode surpreender. Nada é descartado. Para unir a base partidária do Governador Cid Gomes, com palanque único para reeleição da presidente Dilma Rousseff, não afaste qualquer possibilidade.

Passaporte A deputada estadual Inês Arruda (PMDB) comemorou, na Assembléia Legislativa, a decisão do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) de aprovar a prestação de contas da sua administração no exercício de 2008. Agora, caberá a Câmara Municipal apreciar a decisão do pleno do TCM. As contas dos anos de 2005, 2006 e 2007 já tinham, também, sido aprovadas.


4

Cidade

GRANDE [PORTO]

Tabapuá se mobiliza contra violência

CIDADANIA] Apavorados com a falta de segurança, moradores do conjunto saem às ruas em caminhada pela paz. Por Queiroz Ribeiro.

População reclama da falta de policiamento

A

falta de segurança na cidade de Caucaia continua cada vez mais alarmante, a maior prova disso são os números, uma vez que, o município tem sido o primeiro colocado em homicídios em todos os meses desde meados do ano de 2012. Além de conviver com o medo de a qualquer momento se deparar com um assassinato ou ser o próprio protagonista da triste cena, a população de Caucaia sofre também com a grande onda de assaltos, furtos, vandalismos

e saidinhas bancárias. Apavorados com esta situação que vem crescendo a cada dia, moradores do Conjunto Tabapuá, neste município estão preparando uma grande caminhada pela paz. Delitos como, uma agressão a facadas sofrida por um jovem da comunidade em plena praça publica, a tomada de um carro de propriedade de um ex-vereador do município que foi levado de dentro de sua residência, assalto por três vezes só neste mês de março a uma panificado-

ra, levaram a população a realizar essa manifestação, no intuito de chamar atenção das autoridades. A caminhada será neste sábado (15) a partir das 15 horAS, com concentração e saída na rua Seis daquele conjunto, ao lado do Ginásio Poliesportivo Cazuzão, e percorrerá as principais ruas do bairro. De acordo com um dos organizadores, Senhor Paulo de Tarcio, cerca de mais de mil pessoas estão sendo esperadas na mobilização, que ganhou a simpatia dos órgãos de imprensa, empresários, comerciantes e comunidade em geral. Insegurança A maior reclamação é concernente a falta de policiamento, apenas uma viatura do Ronda do Quarteirão de prefixo 1104 atende a população de quatro bairros, Parque Tabapuá, São Miguel Velho, Parque Albano e Conjunto São Miguel, sendo estes três últimos locali-

zados do outro lado da BR 222, o que dificulta a ação precisa dos policiais, uma vez que, a rodovia oferece poucas opções de retorno, o que causa demora, tanto no atendimento às ocorrências, como no patrulhamento preventivo. Em entrevista ao Jornal Grande Porto, o Vereador Dr. Américo Rocha (PTN), presidente da Comissão de Segurança Pública da Câmara Municipal de Caucaia, garantiu apoio e presença à manifestação. Segundo ele, já foram convocados a se fazerem presentes ao plenário da câmara, o delegado titular da Delegacia Metropolitana de Caucaia, Bacharel Aroldo Antunes e o Comandante do 12º Batalhão da Policia Militar, Tenente Coronel Francisco Barbosa. A ida de ambos àquela casa legislativa seria na semana passada, porém, por motivos de trabalho não compareceram, solicitando outra data.

reforço de caixa

Aprece mobiliza municípios para receber verbas de 2012 Foram iniciadas as reuniões técnicas entre Caixa Econômica Federal e municípios para tratar de pendências nos restos a pagar de 2012. A iniciativa, fruto de uma articulação da Aprece, irá beneficiar 82 municípios. As reuniões individualizadas foram iniciadas com os municípios de Marco, Tauá, Crateús e Nova Oriente. O primeiro prefeito atendido foi o do município de Marco, José Grijalma Rocha, acompanhado de sua equipe. O trabalho diário de orientação aos municípios terá prosseguimento até o próximo dia 27 de março. São verbas que os municípios deixaram de rece-

ber porque tinham alguma pendência com o Governo Federal. O presidente interino da Aprece, Expedito Nascimento, foi à Caixa e se reuniu com técnicos para discutir as medidas que deveriam ser adotadas para o dinheiro chegar aos cofres dos Municípios. São mais de R$ 265 milhões para 82 cidades do Ceará. Após a reunião, a CEF disponbilizou atendimento aos municípios e coube a Aprece mobilizar os gestores municipais para apresentação de documentos. “Como encaminhamento da nossa reunião, ficou definido que a Gerência de Desenvolvimento Urbano (GIDUR) criou uma agenda exclusiva de

atendimento aos municípios com pendências nos Restos a Pagar 2012. É uma medida importante que possibilita os municípios a receberem esses recursos”, disse Expedito, que, a cada dia, recebe representantes dos municípios na Aprece para tratar da questão. A Aprece já está encaminhando para cada município as pendências sobre restos a pagar, objetivando que, no dia da referida reunião técnica com a Gerência de Desenvolvimento Urbano e a APRECE, o município sane todas as suas restrições. “É fundamental o comparecimento dos prefeitos à referida reunião

técnica, na data e horário definidos, acompanhado de seus secretários, bem como os responsáveis pela engenharia/projeto, licenciamento ambiental, documento de área, bem como trabalho social, quando este for exigido”, destacou Expedito. Na oportunidade, os representantes municipais terão a sua inteira disposição uma equipe da GIDUR e da Aprece para resolução das suas pendências. Confira o calendário completo contendo as datas das reuniões técnicas por município. Abaixo, você confere o calendário de reuniões entre prefeituras e técnicos da Aprece.

CAUCAIA agora Por Edilson Alves

reporteredilsonalves@yahoo.com.br

Sem Prestígio A Câmara Municipal de Caucaia vem tentando, há um ano e três meses, marcar uma audiência com o secretário de segurança pública do Estado do Ceará e ainda não conseguiu. Indignado o vereador Américo Rocha está conclamando seus colegas, lideranças comunitárias, presidentes de associações e a população em geral de Caucaia para juntos realizarem uma grande manifestação em frente à sede da secretaria de segurança pública com o objetivo de chamar a atenção das autoridades para o grave problema da violência que vive o município de Caucaia. “Não podemos continuar vivendo esta situação, demos duas eleições ao governador Cid Gomes e não temos o prestígio, nem se quer, de falar com o secretário de segurança do estado. Isso é um absurdo”. Afirma o vereador Américo Rocha.

Candidata Nata Em entrevista concedida a Rádio Metropolitana a deputada Inês Arruda rebatendo informações da imprensa, reafirmou seu desejo de ser candidata a deputada estadual este de ano de 2014. Disse ainda que sua filha, Lídia Arruda, mudou de partido (saiu do PMDB e foi para o PTB) simplesmente por uma questão estratégica da política dentro do município de Caucaia. Aproveitou a oportunidade para criticar a omissão da prefeitura de Caucaia no combate a violência que intranquiliza os caucaienses e solicitou do prefeito Washington Góis uma solução urgente para terminar com a greve dos enfermeiros em Caucaia.

Vergonha Para o Gestor O vereador Pastor João Andrade em pronunciamento na Câmara Municipal disse que falta compromisso do prefeito de Caucaia e do secretário de Patrimônio Deusinho Filho em dotar de condições mínimas aos agentes de endemias para desenvolverem o seu importante trabalho em prol da comunidade. “Não podemos aceitar os agentes de endemias sem fardas, sem credenciamentos, sem protetor solar, sem transportes, sem vale refeição. Isso é uma vergonha para o prefeito dessa cidade que inclusive é médico” ressalta o vereador João Andrade.

Outra Vergonha Segundo o vereador Pastor João Andrade

em Caucaia os doentes de insuficiência renal que precisam fazer hemodiálise não tem transporte da prefeitura para transportálos a exemplo do que ocorre em outros municípios onde há transporte público para levar o paciente de casa para as clínicas e vice-versa. Em a parte o vereador Silvio nascimento lembrou que em Caucaia as crianças do ensino infantil estão há 4 anos sem receber fardamento. “Já fiz vários pronunciamento solicitando o fardamento, mas até agora nada” enfatiza Silvio Nascimento.

A Greve Continua Os enfermeiros de Caucaia continuam em greve e sem solução a vista. O sindicato tenta uma reunião com o prefeito de Caucaia, mas não consegue. Terça feira o movimento dos grevistas esteve na Câmara Municipal e recebeu apoio dos vereadores. A mesa diretora, através do presidente Eduardo Pessoa prometeu intervir e solicitar do prefeito uma solução urgente, haja vista que a vacina contra o HPV está sem aplicação eficaz em Caucaia devido à greve dos profissionais enfermeiros.

Pergunta Não Ofende Que na gestão de Inês Arruda existia um convênio entre a prefeitura de em Caucaia e a Polícia Militar, no pelo qual a prefeitura cedia veículos, combustível, motoristas, alimentos para os cavalos, pagamento de aluguel de estrutura de apoio logístico e pagamento de oficina para contribuir no combate a violência em Caucaia, e agora não existe?


Economia

GRANDE [PORTO]

Transferência da tancagem só em 2017

COMBUSTÍVEIS] A necessidade da implantação do parque de tancagem no Pecém se justifica pela saturação da área no Porto do Mucuripe.

Tancagem no Pecém desafogara trânsito de Fortaleza

O

vai e vem de caminhões-tanques com combustíveis revela uma atividade que há anos caracteriza a região adjacente ao Porto do Mucuripe. O trânsito pesado de caminhões-tanques, a baixa capacidade de armazenamento de derivados de petróleo em uma área residencial densamente povoada indica que a transferência do parque de tancagem de combustíveis para o Pecém é uma decisão irreversível. No entanto, esse processo de transferência só deve ser concluída em

2017, segundo já afirma Paulo André Holanda, presidente da Companhia Docas do Ceará (CDC), que administra o Porto do Mucuripe, cuja retroárea é usada para armazenar todo o combustível que chega ao Estado. As obras só devem começar em 2015 e antes de 2017, o quadro não deverá ser alterado na área de abastecimento no Estado. O problema é que a Petrobras descumpre os prazos estabelecidos. “Até onde eu sei, a paralisação das obras foi causado pela Petrobras, por

um problema de caixa. Mas não tenho dúvida de que essa transferência vai acontecer, até porque vai descongestionar o aglomerado de caminhões daquela região e o Pecém está preparado para isso”, diz Paulo André. O Parque de Tancagem do Mucuripe já está com sua capacidade de armazenamento comprometida. Apenas dois terminais, de um total de cinco, estão ativos, enquanto a demanda por combustíveis é crescente. A população aumenta e está consumindo mais gás

de cozinha, combustível, petróleo, asfalto, mas no Mucuripe não há mais como ampliar a retroárea do porto para tancagem. As empresas distribuidoras de combustíveis defendem a instalação de um parque de tancagem na região portuária do Pecém o mais rápido possível e independente da vinda da Refinaria Premium II. Atualmente, Petrobras Distribuidora, SP/Shell e Cosan ocupam o parque no Mucuripe. São 42 tanques com capacidade para 123 mil toneladas de combustíveis. Outras oito distribuidoras de combustíveis já manifestaram interesse pelo novo parque de tancagem. Os investimentos totalizam R$ 500 milhões.

Números

42

tanques que hoje existem no terminal do Mucuripe serão transferidos para o Pecém

8

empresas distribuidoras de combustíveis, além das três hoje existentes, deverão usar o novo terminal

PORTO S/A Por Beto Almeida

almeidabeto85@gmail.com

Reserva Anacés Está previsto para esta sexta-feira (14/03) o início da licitação para a construção da Reserva Indígena Taba dos Anacés. As obras de implantação da reserva compreendem a construção de unidades habitacionais, uma escola indígena, um posto de saúde, acesso viário, vias internas, sistemas de energia elétrica, de água e de esgoto, terraplenagem e drenagem. Os serviços deverão ser concluídos em até seis meses, contados a partir da primeira Ordem de Serviço. A Petrobras se compromete a reembolsar o governo do Estado em metade dos gastos, limitado a R$ 15 milhões.

Nova Solar

A demora em transferir a tancagem da Petrobras para o Complexo Industrial e Portuário do Pecém (Cipp) tem atrasado também os planos de expansão da Lubor Refinaria Lubrificantes e Derivados do Nordeste. A duplicação da atual planta da empresa já está no plano de investimentos da Petrobrasl, mas isso só deverá ocorrer quando a mudança for efetuada de fato.

Com a ampliação, a intenção é duplicar a capacidade de produção da pequena refinaria para a expansão da Unidade de Lubrificantes Naftênicos (Ulub), saindo dos atuais 55 mil metros cúbicos produzidos por ano para 110 mil metros cúbicos por ano. Este projeto de modernização tem por objetivo aumentar a produção de derivados de maior valor agregado,

permitindo assim a adequação do perfil de produção da Lubnor a fim de atender a um mercado que demanda quantidade maior de óleos lubrificantes naftênicos, em detrimentos dos produtos menos nobres. Os planos de ampliação, entretanto, mudaram na expectativa de realocar a planta. A Lubnor foi inaugurada no Mucuripe em 1966 e começou com uma capacidade instala-

da de processamento de 2,8 mil barris de petróleo por dia e, desde 2008, após ampliações e instalações de outras plantas, alcança 8,2 mil barris de petróleo por dia. Desde 2011 a Petrobras tem a Licença de Instalação da Superintendência Estadual do Meio Ambiente (Semace) para a duplicação da Lubnor, mas a transferência da usina para o Cipp paralisou o projeto.

na Praia do Icaraí.

Doação de Sangue

Já está em pleno funcionamento a nova loja da Solar Magazine, no Centro de São Gonçalo do Amarante. Uma descarga elétrica em um poste, no sábado de carnaval, destruiu o estabelecimento e por pouco não atingiu outros. Com determinação e comprometimento, uma outra loja foi instalada em um prédio vizinho à antiga. Um show do humorista Speto e muitas promoções para os clientes marcaram a reinauguração da Solar Magazine, que está a pleno vapor em suas atividades. O superviro Alexandre Pereira comemora os resultados.

EXPANSÃO

Lubnor aguarda ampliação de sua planta para duplicar produção

5

O Iandê Shopping está lançando uma campanha social em parceria com o Hemoce. Nesta quinta-feira (12), uma unidade móvel do hemocentro estará estacionada ao lado do Iandê, das 10h às 20h, para atender doadores de sangue. A campanha trabalha com a ideia de que bons momentos devem ser revertidos também em boas ações.

Grife que chega A Carmen Steffens, grife genuinamente brasileira que conta hoje com 300 lojas em 18 países, desembarca em Caucaia com o que há de melhor em moda. O novo espaço, no Iandê Shopping, se explica pelo potencial de consumo da região, que concentra um alto PIB, localização estratégica e potencial turístico, atraindo investidores dos mais variados segmentos.

Braço Social Pargos Club O Pargos Club Caucaia integra a maior rede de colônias de férias do País. O hotel, que conta com uma infraestrutura completa de lazer, tem ainda no restaurante Comendador uma vitrine da excelente cozinha regional cearense. O empresário Joaquim Filho, que está à frente do empreendimento, está preparando promoções para divulgar ainda mais o hotel,

Com 15 mil funcionários e unidades industriais no Ceará, Pará e Tocantis, o Grupo Aço Cearense está divulgando também suas ações de cunho social. Já está disponível no YouTube e no site www. grupoacocearense.com. br o vídeo institucional do Instituto WMA. Criada em 2010, a instituição sem fins lucrativos é responsável por todas as ações de cunho social, educacional e esportivo do Grupo.


6

Cidades

GRANDE [PORTO]

Jurema: o sonho da emancipação continua

CRIAÇÃO DE MUNICÍPIOS] Moradores, liderança comunitárias e políticas da Jurema continuam mobilizados para pressionar congressistas pela derrubada do veto de Dilma. Por Queiroz Ribeiro.

Membros da Associação em defesa da emancipação da Jurema

A

Associação do Movimento Emancipalista da Jurema, (AMEJ), entidade que representa o distrito junto aos órgãos envolvidos neste processo, vem acompanhando o desenrolar dos fatos nas casas legislativas brasileiras

(Câmara Federal, Senado e Assembleia Legislativa). Dirigentes da entidade têm se deslocado a Brasília para sensibilizar deputados e senadores a votarem pela derrubada do veto presidencial, que possivelmente entrará em pauta no próximo dia 18. A expectati-

va da população é grande, pois como dizem os moradores “o sonho continua”. Criado em 05 de Março de 1990, pela lei municipal nº 549 o distrito da Jurema em Caucaia, continua firme na luta pela sua emancipação político administrativa. Encravado entre a sede e o município de Fortaleza, Jurema, é destaque nacional quando o assunto é emancipação de distritos. Alguns números justificam o destaque do distrito, como uma área emblemática para o tema. Com uma população (segundo o IBGE), de 136.773 habitantes, Jurema é o maior distrito do Brasil, (fora de capitais), com o maior índice populacional, isso porque está localizado numa área geográfica de 17,29km². Tendo sua principal re-

ferência econômica no comércio e na prestação de serviços, o distrito se destaca na arrecadação de impostos gerados por estas atividades, e segundo dados de órgãos como: SEFAZ, IBGE, IDACE, IPECE, dentre outros, após a emancipação, Juremas figurará entre as 10 maiores economias do Ceará e será o 5º maior município em população. Desde sua criação que a área tenta sua emancipação político-administrativa e agora vive um momento de grande expectativa, pois aguarda pela provável derrubada do veto presidencial ao PLS 98/2002 aprovado no Congresso Nacional e regulamenta a criação de novos municípios no país. Colaborou Katé Santos

cidadania

Hemoce realiza coleta no Shopping Iandê

O Centro de Hematologia e Hemoterapia do Ceará - Hemoce, unidade da Secretaria de Saúde do Estado, disponibiliza nesta quinta-feira (13), no Shopping Iandê, no município de Caucaia, a unidade móvel. Os doadores voluntários de sangue da região e proximidades poderão realizar a doação das 10h às 20h. A ação do hemocentro

em parceria do Shopping é importante, principalmente nesse período chuvoso, quando o índice de inaptidão dos doadores voluntários de sangue aumenta por causa das gripes, viroses, dengue que se manifestam. A iniciativa também tem o objetivo de facilitar a vida das pessoas que desejam realizar a doação, mas, por causa da

distância e da falta de tempo, não conseguem se deslocar até Fortaleza. Todos os dias, o Hemoce realiza coletas externas e o calendário está disponível no site oficial do hemocentro (www.hemoce.ce.gov.br). Para doar sangue é necessário seguir alguns critérios: ter entre 16 e 69 anos, estar bem de saúde, bem alimentado, ter mais de 50kg e apresentar documento oficial com foto. ATENÇÃO: os menores de 18 anos devem apresentar o termo de consentimento para menores de 18 anos, disponível no site do Hemoce para download. Durante a coleta externa, também é possível realizar o cadastro como possível doador de medula óssea. Quanto mais pessoas cadastradas, mais

chances de encontrar um doador compatível. O Ceará possui hoje cerca de 120 pessoas cadastradas no Registro Nacional de Doadores de Medula Óssea (REDOME). Para se cadastrar como doador de medula óssea é necessário: >> Ter entre 18 e 55 anos; >> Estar bem de saúde; >> Não ter tido câncer; >> Não ter comportamento de risco para DSTs; >> Apresentar documento de identidade e comprovante de endereço O cadastro será concluído com a assinatura de um Termo de Consentimento e a coleta de uma amostra de sangue (10ml) SERVIÇO: Coleta Shopping Iandê ONDE: Av. Edson da Mota Correia, 620 - Centro - Caucaia HORÁRIO: 10H às 20h

cidadania Por Francisco Bezerra

presidenteassare@gmail.com

Os pecados de Luizianne “..é que Narciso acha feio o que não é espelho.” Trecho da belíssima canção Sampa de Caetano Veloso Se existem pecados que um político deve abjurar são o narcisismo e o sectarismo. Ou como esses defeitos podem arruinar a carreira de um político. Na mitologia grega, Narciso era um herói do território de Téspias, Beócia, famoso pela sua beleza e orgulho. Daí vem a palavra nascisimo, e ambas derivam da palavra Grega narke, “entorpecido” dando origem também a palavra narcótico.. Sectarismo advem da palavra sectário, cuja raiz é secto que significa alguém que é adepto de uma seita, religião, grupo partidário. Portanto, sectátrio é aquele de visão estremada, estreita, curta, obtusa, que pratica o sectarismo. Pois bem, temos vários exemplos nacional e local de políticos que padecem desses males e deram com os burros n’água. Uma liderança estudantil surgiu de forma flamenjante no meio universitário cearense no final dos anos 1980 e início dos anos 1990. Uma “loirinha” de olhos verdes, discurso cálido e bem articulado, dotada de um carisma pessoal invejável arrebatava jovens ao seu derredor e acabou presidente do Diretório Central dos Estudantes (DCE) da Universidade Federal do Ceará. Seu nome? Luizianne Lins. Dos palanques estudantis, a “Loura”, épiteto carinhoso dado pelos mais próximos, pululou para a proscênio político. Em carreira meteórica, Luizianne se elegeu vereadora, deputada estadual e em 2004, como um cavalo azarão, ganhou a corrida eleitoral em Fortaleza. Sempre ostentando a estrela do PT. Ninguém há de negar sua garra, talento e determinação. Mas a eleição da “Loura” teve um empurrãozão do ex-prefeito Juraci Magalhães, que como um bruxo mexeu os pauzinhos por baixo dos panos e viabilizou a vitória dela nas urnas. Como diria o Mino Carta, até o reino mineral sabe dessa história.

E governar? O desafio da prefeita de então era provar que teria condição inteletual, moral, emocional e política de administrar uma cidade com quase 3 milhões de habitantes. Herdeira do espólio político de Juraci, Luizianne venceu o primeiro desafio. Eleger um presidente da Câmara que lhe fosse dócil. No parlamento, ela nunca teve problema algum. Nenhuma dor de cabeça exceto no segundo mandato, no curto período em que SalmitoFilho foi o presidente do Legislativo municipal.

Parcerias A segunda etapa para alcançar o sucesso da administrativo foi a construção de uma ampla aliança para garantir a governabilidade. Nesta imensa arca, entraram PDT, PC do B, PSB, PMDB e várias agremiações nanicas. Só o PSDB ficou de fora. Com essa base, a gestora montou sua equipe de governo. Quatro anos depois, a bordo de uma imensa aliança partidária, Luizianne conseguiu a reeleição.

Tudo a favor O desafio da prefeita Nunca os astros estiveram tão alinhados e o universo conspirando a favor de uma

gestão. A petista tinha o apoio do governo federal, do governo estadual, dos maiores partidos locais e a simpatia da imensa maioria da população. Se tivesse tino administrativo, no período de 8 anos, a “Lora” teria transformado Fortaleza na Barcelona do Nordeste. Infelizmente a gestão foi sofrível. Tanto que ela tentou eleger um poste com o apoio onstensivo de Lula, mas foi derrotada em funça de sua imensa rejeição.

O que deu errado O fiasco administrativo foi fruto da arrogância pessoal e da estreiteza política dela e do seu agrupamento dentro do PT, a DS. A “Lora” governou arrodeada de um bando de lunáticos, boçais e autistas políticos que não dividiram espaço na gestão nem mesmo com as outras lideranças do próprio PT. Por ter governado olhando para um espelho, Luizianne esqueceu de observar as armadilhas que a soberba reserva aos pobres de espírito. Embora apareça em recente pesquisa como a segunda colocada numa disputa para o governo do estado, é certo que não iria pra canto nenhum. A rejeição dela é de quase 50% na mesma pesquisa. Ou seja, ela tem o carimbo da gestora fracassada.


Serviços/Esporte

GRANDE [PORTO]

7

Direito trabalhista

Direito a insalubridade

linha de passe Por Queiroz Ribeiro

queiroz-ribeiro@hotmail.com

POR Ingrid Baratta ingridbaratta@globo.com

O empregado de uma empresa de distribuição de combustíveis pergunta se tem direito ao benefício da insalubridade e se pode incorporá-lo aos vencimentos quando se aposentar. Essa é uma das perguntas A reposta, você tem abaixo.

Raimundo Calixto, Barra do Ceará, Fortaleza Trabalho em uma empresa de combustíveis, mas não recebo insalubridade, nem adicional noturno. Tenho ou não direito a esses benefícios e posso incorporá-lo aos meus salários para efeito de aposentadoria? R – Faz jus ao adicional de periculosidade o empregado exposto permanentemente ou que, de forma

intermitente, sujeita-se a condições de risco. Indevido, apenas, quando o contato dá-se de forma eventual, assim considerado o fortuito, ou o que, sendo habitual, dá-se por tempo extremamente reduzido. (Súmula 364, I, do TST). E terá direito ao adicional noturno os trabalhadores urbanos que a jornada se dá após as 22h, ou quando a prorrogação da jornada de trabalho se estende após este horário. Santa Evangelista, Cumbuco, Caucaia Fui contratada como doméstica há oito meses. Ainda estou sem carteira assinada. O patrão é obrigado a assinar minha carteira e pagar meu FGTS? R – Para qualquer trabalhador a anotação na CTPS é obrigatória, entre-

tanto no caso das domésticas o recolhimento do FGTS ainda é facultativo. Francisco das Chagas, Motorista, Grande Jurema Trabalho como motorista em uma residência de família e recebo o salário mínimo. Isso é correto? Eu não deveria receber o piso da categoria de motorista? R – Você é considerado trabalhador doméstico e deve ser regido pela Lei do Doméstico, entretanto há uma convenção coletiva em que preceitua o piso salarial de motorista de R$ 827.31. Sílvio Teixeira, Centro, Caucaia Como padeiro, posso fazer até quantas horas extras por dia? A hora extra é incorporada ao salário e ajudará a aumentar meus direitos trabalhistas e aposentadoria? R – Vem se tratando de

horas extras prestadas com habitualidade, integram-se ao salário para todos os efeitos legais, devendo compor a base de cálculo das verbas rescisórias, FGTS com multa, gratificação natalina, férias e repouso semanal remunerado. A limitação legal da jornada suplementar é de duas horas diárias. Carlos Alaércio Bezerra, Centro, Caucaia Fui demitido sem aviso prévio. Ganhava R$ 940,00 por mês. Tenho um ano de carteira assinada. Quais são os meus direitos? R – Você terá direito a receber: aviso prévio, décimo terceiro salário, férias acrescidas de um terço (integral ou proporcional), saldo salário e poderá casar o FGTS acrescido da multa de 40%.

Dicas de saúde - Teste da Orelhinha O Teste da Orelhinha ou Triagem Auditiva Neonatal é um exame importante para detectar se o recém-nascido tem problemas de audição. Após a sua realização é possível iniciar o diagnóstico e o tratamento das alterações auditivas precocemente. O Conselho Federal de Fonoaudiologia e outras entidades brasileiras recomendam que o exame seja realizado na maternidade, antes da alta hospitalar. O teste da orelhinha é rápido, indolor e não tem contraindicação. A Lei Federal nº 12.303/2010 tornou obrigatória e gratuita a realização do exame e espera-se que todos os hospitais e maternidades do Brasil ofereçam o teste. Qual é o próximo passo após o exame? Quando detectado algum problema, o bebê é encaminhado para um serviço de diagnóstico, onde serão realizados a avaliação otorrinolaringológica e exames complementares. Nessa fase muitos bebês apresentarão audição normal e alguns terão a perda

Esclarecendo o Idioma Professor Marcelo Braga

Amigo leitor, na nossa coluna de hoje Esclarecendo o Idioma, conversarei sobre a conjugação de alguns verbos no presente do indicativo. Selecionei os seguintes verbos EXTINGUIR, AVERIGUAR, ADERIR, COMPETIR, CABER, VALER, DIGNAR-SE. Entre mim e você, amigo leitor, você arriscaria a conjugação desses verbos na primeira pessoa do singular do presente do indicativo? Muito bem, de uma coisa temos certeza: são verbos que nos causam realmente dúvidas. Vamos, então, a conjugação correta desses verbos em todas as pessoas do presente do indicativo. Fique atento à conjugação da primeira pessoa. Observemos: EXTINGUIR Eu extingo – extingues – extingue – extinguimos – extinguis

– extinguem AVERIGUAR

auditiva confirmada. Uma vez confirmados o tipo e o grau da perda auditiva, o bebê será encaminhado para um programa de intervenção precoce a fim de orientar a família, preparar para o uso de aparelhos de amplificação ou implante coclear e terapia fonoaudiológica. O fonoaudiólogo tem papel fundamental durante todas as fases do processo de detecção, diagnóstico e intervenção precoce nas alterações auditivas. A audição é fundamental para o desenvolvimento da fala, da linguagem e da aprendizagem! IMPORTANTE Somente um médico pode diagnosticar doenças, indicar tratamentos e receitar remédios. As informações disponíveis em Dicas em Saúde possuem apenas caráter educativo.

Eu averiguo (ú) – averiguas – averigua – averiguamos – averiguais – averiguam (a pronúncia de ser com o U tônico, como se estivesse acentuado) ADERIR Eu adiro – aderes – adere – aderimos – aderis – aderem COMPETIR Eu compito – competes – compete – competimos – competis – competem CABER Eu caibo – cabes – cabe – cabemos – cabeis – cabem

VALER Eu valho – vales – vale – valemos – valeis – valem DIGNAR-SE Eu digno-me – dignas-te – digna-se – dignamo-nos – dignais-vos – dignam-se Muito bem, amigo leitor, estou cônscio de que não mais terá dúvida quanto à conjugação correta desses verbos e que irá propagar o uso correto entre os amigos, em casa e no trabalho. Um grande abraço Até o próximo artigo Professor Marcelo Braga www.professormarcelobraga.com.br

Copa do brasil Começaram ontem (12) as disputas pela Copa do Brasil 2014 o estado do Ceará terá três representantes na competição: Ceará, Horizonte e Barbalha. O primeiro a estrear é o Horizonte, que enfrenta o Fluminense, dia 20, no estádio Domingão, em Horizonte.Já o Barbalha fará o seu primeiro jogo na competição no dia 2 de abril, diante do Cuiabá (MT). A partida será disputada no estádio Antônio Callou, em Barbalha, na Região do Cariri. O jogo de volta do Barbalha está previsto para 16 de abril.O Ceará estreia na mesma data que o Barbalha, sendo que fora de casa. Pega o Parnahyba, do Piauí, no estádio Alberto Silva, em Teresina. Se o Vovô precisar da partida de volta em Fortaleza, a CBF programou também para o dia 16 de abril.

Descartados Os meias Bady e Pimentinha e os atacantes Gil e Felipe Azevedo, que haviam sido noticiado em algumas emissoras de rádio como possíveis reforços, todos foram descartados pelo presidente alvinegro Evandro Leitão que, no entanto, confirma que a diretoria está trabalhando para contratar o mais breve possível.

Descartados Carmélio derrotado O presidente da FCF, Mauro Carmélio, perdeu a disputa para o presidente da federação alagoana, Gustavo Feijó e não mais será o vice-presidente da CBF. A chapa, oficialmente, deverá ser lançada em breve com os nomes dos outros vice-presidentes regionais.

cearense ao empatar com o Ceará, neste domingo, na Arena Castelão. Agora, já são 20 partidas sem derrotas. Com isso, o técnico Marcelo Chamusca iguala o feito do ex-treinador tricolor Caiçara, de 1973.

Contratações O Ceará terá até o dia 14, sexta-feira, para inscrever jogadores para a disputa do Campeonato Cearense. O presidente do clube, Evandro Leitão admitiu que o clube ainda busca reforços, pelo menos dois jogadores “Estamos trabalhando. Buscamos ainda dois jogadores para reforçar o grupo para o Estadual. Procuramos aqueles que estejam jogando, em plena atividade e deem mais velocidade ao time”.

Barbas de Chamusca molho iguala a caiçara

O Fortaleza manteve a invencibilidade no campeonato

Empate com o Fortaleza deixou comissão técnica e diretoria do Ceará com a pulga atrás da orelha. O time não rendeu o que se esperava. As atuações no campeonato cearense não convencem. Já na copa do Nordeste a equipe tem outro padrão. É como se fosse outro time.


8

Cultura Cinesercla Shopping Iande Caucaia

Av. Temente Edson da Mota Correia, 620 – loja 164 sala 01,02,03,04 – Centro – Caucaia – CE – CEP:61.600-040 - Menores de 12 anos e maiores de 60 anos pagam meia. PROGRAMAÇÃO

13/03/14 a 19/03/14 (Quarta-feira a Quinta – feira)

Sala 01 – 85 lugares

NEED FOR SPEED / DUBLADO -Horário: 14:00 – 16:20 – 18:40 – 21:00 - Classificação: 12 anos - Duração Filme: 02:11

Sala 02 – 247 lugares SEM ESCALAS / DUBLADO -Horário: 14:45 - Classificação: 14 anos - Duração Filme: 01:49 Sala 02 - 247 lugares

ALEMÃO / NACIONAL -Horário: 16:45 – 18:45 – 20:45 - Classificação: 16 anos - Duração Filme: 01:49

Sala 03 – 138 lugares AS AVENTURAS DE PEABODY E SHERMAN / 3D / DUBLADO -Horário: 14:10 - Classificação: Livre FILME 3D Duração Filme: 01:33 Sala 02 - 138 lugares FILME 3D

NEED FOR SPEED / 3D / DUBLADO -Horário: 18:10 - Classificação: 12 anos Duração Filme: 02:21 (incluso 10 minutos Capitão América 2)

Sala 03 - 138 lugares FILME 3D

300 – A ASCENSÃO DO IMPÉRIO / 3D / DUBLADO Horário: 16:10 - 20:40 - Classificação: 18 anos - Duração Filme: 01:43

Sala 4 – 177 lugares

SEM ESCALAS / DUBLADO -Horário: 14:40 – 18:50 - Classificação: 14 anos - Duração Filme: 01:49

Sala 4 – 177 lugares

ROBOCOP - A ORIGEM / DUBLADO -Horário: 16:40 – 20:50 - Classificação: 14 anos - Duração Filme: 01:57

Ingressos 2-D - SEGUNDA-FEIRA E QUARTA-FEIRA. R$ 16,00 Inteira / R$ 8,00 Meia / Todos Pagam Meia / Preço Único R$8,00 TERÇA-FEIRA E QUINTA-FEIRA - Sessões Iniciadas Até as 17:00 hs Inteira R$ 9,00 / Meia R$ 4,50 – Sessões Iniciadas Após as 17:00 hs Inteira R$ 11,00 / Meia R$ 5,50 - SEXTA, SÁBADO, DOMINGO E FERIADOS. Sessões Iniciadas Até as 17:00 hs Inteira R$ 13,00 / Meia R$ 6,50 - Sessões Iniciadas Após as 17:00 hs Inteira R$ 15,00 / Meia R$ 7,50 -Ingressos 3-D - SEGUNDA-FEIRA E QUARTA-FEIRA. R$ 22,00 Inteira / R$ 11,00 Meia – Todos Pagam Meia – Preço Único R$ 11,00 - TERÇA-FEIRA E QUINTA-FEIRA. R$ 14,00 Inteira / R$ 7,00 Meia SEXTA, SÁBADO, DOMINGO E FERIADOS. R$ 18,00 Inteira / R$ 9,00,00 Meia

GRANDE [PORTO ] GRANDE [PORTO]

Blitz

do lael

Por Lael Semente laelsemente@gmail.com

Obras “ sonrisal” Basta uma chuva para que que a avenida Dom Almeida Lustosa, na altura do Colegio 7 de Setembro, ao Lado do novo Mercado que está sendo construído na Jurema, fique intransitável. Varias vezes as equipes da prefeitura já foram ao local, fizeram as obras para solucionar o problema. Pelo visto as obras são sonrisal porque, na primeira chuva mais forte, tá lá tudo alagado de novo, e os carros tendo que fazer o desvio pela rua Sacy.

O melhor do humor Agora toda sexta feira o melhor do humor do Ceará é na Churrascaria São Francisco Grill. E ainda tem música ao vivo, uma cozinha com pratos variados e a cerveja mais gelada da Jurema. Churrascaria São Francisco Grill fica na Av Dom Almeida Lustosa, e a organização é do amigo Gilberto Mendes.

Nova mídia

Em contato com a equipe do GRANDE PORTO o Coordenador do Curso de Administração da FATENE Caucaia,Prof. Lamartine revelou que estar preparando um informativo do curso que trará bastantes novidades e oportunidades aos alunos.

Ressaca do carnaval Neste sábado (15 de Março), a parti das 19 horas, tem a ressaca do carnaval do Bloco dos Bohemios na sede PDT, na Jurema. Quem fez o melhor pré-carnaval da Caucaia agora vai fazer a melhor ressaca do carnaval. Alegria, diversão e muita paz garantem os organizadores.

Combate A população vê com bons olhos a passagem do carro fumacê pelas ruas de Caucaia. A ação foi desenvolvida pela Secretaria de Saúde com o objetivo de combater o mosquito transmissor da dengue e também atacar as “benditas” muriçocas que tanto infernizam a população de Caucaia.

SOS Cagece A leitora Ana Cícera, moradora da comunidade de Sítio Burití, no bairro Garrote(zona rural), entrou em contato com a equipe do GRANDE PORTO e pede para que apelemos à CAGECE para resolver o problema de falta d’água naquela comunidade e na vizinha Pajuçara. Segundo ela, a falta d’água é constante, mas se agravou nos últimos 6 dias sem um pingo só do líquido nas torneiras.

Velinhas

A direção do Jornal Grande Porto se congratula com a Gerente de Marketing do Shopping Iandê, Karline Melo, pela passagem de mais um natalício, nesta quinta-feira (13). Ela recebe encômios e felicitações de amigos, admiradores, familiares, colega de trabalho, lojistas e clientes do shopping.

Leitores do Grande Porto

Edilson da mercearia SEMPRE AS ORDENS, a mais antiga da avenida Dom Almeida Lustosa na Jurema, nosso colaborador e filho de Gervásio Pereira Alves; Edvan Oliveira que fez a defesa do GRANDE PORTO na FACEBOOK ao lado de uma amiga; e por último a leitora Vanessa Bezerra. Colaboração Thiago Portela.

Jornal Grande Porto 37  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you