Page 1

Estilo Viagem Moda Bem-estar Design Eventos

edição 21 | trimestral - setembro, outubro e novembro 2012

Evento

FESTA JUNINA, DIA DOS PAIS E ALPHÉRIAS

Especial

+

ELEGÂNCIA NO AMBIENTE PROFISSIONAL

Viva melhor

Turismo

A BADALADA E EXUBERANTE

CROÁCIA

PORQUE DEVEMOS COMER A CADA 3 HORAS

O AlphaVille pelos olhos de seus moradores


30 Esporte ANO DE OURO PARA O TÊNIS

ir o á m u S 09 Especial

O ALPHAVILLE PELOS OLHOS DE SEUS MORADORES

14 Etiqueta

ELEGÂNCIA PROFISSIONAL

18 Evento

FESTA JUNINA E DIA DOS PAIS

24 Recreação

FÉRIAS DIVERTIDAS NO ALPHAVILLE CLUBE

26 Meio ambiente A FESTA DAS CIGARRAS

40 Turismo

A BADALADA E EXUBERANTE CROÁCIA

45 Moda SPIKE É A NOVA MODA

28 Viva melhor PORQUE DEVEMOS COMER A CADA 3 HORAS?

04 Revista Alphaville Campinas


Editorial

Muito trabalho e

DEDICAÇÃO T

emos o prazer de apresentar a Revista AlphaVille Campinas, que neste número está reformulada e contextualizada com novo projeto gráfico e editorial, mais páginas e novas matérias, para que você tenha uma leitura dinâmica e agradável, e o melhor, com seu custo totalmente pago pelos anunciantes. Mas os motivos para comemorarmos vão muito além. Neste ano continuamos a realizar um trabalho duro e disciplinado buscando melhorias para o nosso residencial. Esta tem sido a marca e o lema das últimas administrações, seja na SACRES ou no ACC, que tem no trabalho voluntário de muitos moradores, focados na busca de soluções dos problemas cotidianos, para melhorar cada vez mais o nosso convívio social sob todos os aspectos e a valorização do nosso patrimônio sem engrandecer um ou outro dirigente de forma individual. O que vale é o grupo de moradores que trabalha, muitos anonimamente, para a preservação dos valores da nossa comunidade. Temos alcançado bons resultados no difícil setor de segurança interna com aplicação de métodos eficazes para a tranquilidade de todos os mais de 5.000 moradores. Sabemos da sensibilidade e dificuldade dessa área o que nos desafia a permanente aprimoramento, através de atua-

lização e treinamento dos responsáveis pela execução desse trabalho. O número de usuários do clube tem aumentado nas mais diversas modalidades esportivas, na utilização de equipamentos e espaços que essa enorme área disponibiliza aos residentes devidamente cadastrados. Os investimentos e as manutenções aprovadas pelos associados estão dentro da meta orçamentária e, cuidadosamente, sendo executadas conforme o cronograma. Dessa forma, comemoramos também a recuperação do diálogo e da capacidade de resolver de maneira democrática, as diferentes ideias ou divergências, proporcionando um ambiente seguro e tranquilo de expressão, que tem sido objeto de elogios de tantos moradores. Agradecemos a confiança que vem sendo depositada, cada vez com o aval de mais associados. Tenham a certeza de que continuaremos nosso compromisso de administrar a SACRES e ACC com muito trabalho, ética e respeito ao Orçamento, ao Estatuto e as leis. Conselho de Administração Sociedade AlphaVille Campinas Residencial Diretoria Executiva AlphaVille Campinas Clube Foto da Capa: Eduardo T. Mendes - Licuri, 63

A Revista AlphaVille é uma publicação da Sociedade AlphaVille Campinas Residencial, destinada exclusivamente aos associados e distribuição gratuita.

Tiragem 1.600 exemplares. Contato: rp@sacres.com.br Coordenação editorial: Comissão de Comunicação. Colaboradores: Natashy Duarte, Thaís Moreira Fernandez, Vanessa Gallo e Ana Vaz. Jornalista responsável: Thaís Moreira Fernandez - MTB-50.171. Publicidade: Gracioli Comunicação contato@gracioli.com.br -19 3201.5715. Projeto gráfico: Editora Gracioli editoragracioli@editoragracioli.com.br.

SOCIEDADE ALPHAVILLE CAMPINAS RESIDENCIAL Conselho de Administração: Adauto Silva Emerenciano, Antonio Helio Argentin, Arthur P. de lemos Netto, Carlos Jaci, Fabio Henrique de Araújo, Francisco Anaruma Filho, José Carlos P. Ramos, Paulo Tryfon Kazitoris, Porfírio José de Miranda Neto, Reginaldo Pereira, Saulo Augusto Costa. Conselho fiscal: Roberto Ducatti, Stefan Mihailov e Valter Luis J. Godoy. Ouvidoria: Leiser Magalhães Boldrin e André Vitor Falsetti. Diretoria do Clube: Alcides G. Pinto Jr., Gilberto Campos, Rubens Pastrelo, Salma Cia e Silvio Crotti.

rp@sacres.com.br Fone: (19) 3796-9500 Rod. Campinas-Mogi Mirim, km 117 Campinas-SP


Nosso Residencial

O que é

OUVIDORIA Leiser Magalhães Boldrin atual ouvidor coordenador

A ouvidoria é um

órgão muito

importante nas organizações,

embora a maior parte das

pessoas

desconheçam o que é e como

funciona

A

Ouvidoria, no seu aspecto amplo, é nas instituições, o órgão responsável por receber manifestações, como sugestões, críticas, elogios e denuncias dos cidadãos, instituições, entidades e agentes públicos, quanto aos serviços e atendimentos prestados por determinado órgão ou setor. Ou seja, o ouvidor tem como função intervir quando uma reivindicação não foi solucionada pelo órgão ou setor competente. No AlphaVille a Ouvidoria é a representação dos associados junto aos demais órgãos da sociedade, defende os direitos dos sócios fundamentados no Estatuto Social e Normas Internas de Conduta. Cabe a Ouvidoria, analisar e encaminhar todas as requisições, sugestões e reclamações dos sócios junto aos órgãos e áreas competentes, cobrando as soluções com prazos determinados, visando maior credibilidade, transparência da administração e redução de conflitos. Para o Sr. Leiser Magalhães Boldrin, atual ouvidor coordenador, a Ouvidoria é um órgão essencial. “É uma terceira esfera de poder na Sociedade, necessária para o devido

equilíbrio institucional. Atua como um reforço dos interesses dos associados. Embora não seja um poder executivo pode fiscalizar e sugerir encaminhamentos. Sua força está na participação da comunidade”.

Como funciona?

A Ouvidoria funciona da seguinte forma: todos os assuntos que chegam pelo e-mail ouvidoria@sacres. com.br são triados pela administração e encaminhados para os departamentos responsáveis, caso o assunto não seja resolvido no prazo estatutário (10 dias) o assunto é encaminhado ao ouvidor. Caso o assunto não seja de nenhum departamento da SACRES ou já encaminhado para o ouvidor a ouvidoria atua automaticamente. A participação da comunidade pelo canal Ouvidoria tem sido pequena e muitas vezes os associados confundem outros canais criados por moradores com intuito meramente político partidário e se esquecem de que existe um canal institucional. Portanto, o canal que é seu e venha participar deste órgão social. Temos muitos temas para debater

Para falar com a Ouvidoria envie um e-mail para: ouvidoria@sacres.com.br

08 Revista AlphaVille Campinas


Capa

O AlphaVille pelos olhos de seus moradores


Capa

BELEZA NATUREZA

PAZ VIDA

ENERGIA HARMONIA

ALEGRIA AR PURO

Daniel Angione

U

Aline Soares

m lugar que une segurança e qualidade de vida. Assim é o AlphaVille Campinas. Morar em um ambiente tranquilo, que permita uma convivência social alegre e descontraída, além de uma grande área verde, é um dos requisitos mais procurados atualmente no momento da escolha de um local para morar. E o AlphaVille Campinas oferece tudo isso. O residencial considerado um dos maiores da região, possui 1.462 lotes e aproximadamente 1.200 casas habitadas. Cerca de 6 mil moradores vivem o privilégio de morar em um lugar que oferece segurança, liberdade, localização privilegiada, contato com a natureza, ar puro, lazer e prática esportiva. Alguns moradores apresentam seu “olhar” sobre o condomínio.

10 Revista AlphaVille Campinas


Carolina Acayaba

Marfim, 575 “Morar no AlphaVille é sinônimo de tranquilidade e segurança. Ao passar pela portaria e ver a paisagem, não parece que estou em Campinas”.

Ismar Marques Jenipapo, 437

“Morar no AlphaVille representa qualidade de vida. A beleza e a tranquilidade de um condomínio que pelo tamanho é quase um bairro”.

Donisete Pinheiro Fernandes Timbó, 351

“Morar em AlphaVille é acesso a todas as facilidades de um grande centro urbano, cultural e tecnológico, morando com segurança, paz, beleza natural e tranquilidade de uma pequena comunidade. É poder escutar e ver a natureza diariamente”.

Revista AlphaVille Campinas

11


Capa

Jonas Palandre

Lucio Fernades

Werner

Felipe Borghi

12 Revista AlphaVille Campinas


Eduardo T. Mendes Licuri, 63

“Morar no AlphaVille significa ter paz e tranquilidade para mim e para minha família. Temos uma área bem estruturada e uma boa convivência com os moradores. O que me chama mais a atenção é ter uma liberdade que hoje em dia esta cada vez mais difícil. Por exemplo, temos o hábito de ir à missa das 7 horas aos domingos. Podemos sair de casa e ir caminhando. Este ato de ir a pé tem um sabor especial”.

Larissa Alves

Luis Fagundes

Rosaida Cerezo

Revista AlphaVille Campinas

13


Mundo dos Neg처cios

Eleg창ncia PROFISSIONAL

Confira dez qualidades para se relacionar com eleg창ncia, e se destacar em ambientes profissionais Por Ana Vaz*

14 Revista AlphaVille Campinas


N

um mundo em que a formação técnica está cada vez mais acessível (lembram-se da época em existiam pouquíssimos MBAs e que quase ninguém era fluente em pelo menos duas ou três línguas?!), o que pode ser um diferencial na carreira? Muitas vezes o que vai tornar um profissional mais atraente que outro é seu comportamento em grupo, na empresa onde trabalha, junto aos clientes e fornecedores que se relaciona, em eventos e até mesmo on-line, pois a comunicação via e-mail ou mesmo nas

redes sociais é uma condição profissional. Relacionar de forma objetiva, porém gentil e elegante é um diferencial importante e, acredite, poucos profissionais oferecem tais requisitos. Pensando neste cenário, preparamos uma lista com dez dicas capazes de valorizar o lado profissional e fazer com que o profissional seja considerado alguém querido e respeitado também por sua habilidade e empatia com o outro, seja seu cliente, colega ou seu chefe.

Não interrompa o

outro enquanto

ele está no

telefone,

a não ser que

seja muito importante

1 Você e o outro

Você o cumprimenta, olha nos olhos, agradece, pede licença, despede-se, desculpa-se, sorri. Quantos chefes ou colegas são incapazes de fazer isso? Primeira lição, bom dia, boa tarde, com licença, obrigado.

2 Pontualidade

Foi-se o tempo que era chique fazer-se esperar, mostrando-se como alguém cheio de solicitações. Elegante mesmo, no ambiente profissional, é chegar e ser atendido no horário, se possível com cinco ou dez minutos de antecedência. Tempo é valioso, portanto não desperdiçar - o seu e o do outro – é sinônimo de respeito e inteligência. Se for atrasar, avise, pois com tanta tecnologia (celular, torpedos, e-mail) não há mais desculpas para deixar alguém esperando.

3 Ambiente de trabalho Barulho. Evite que seu celular toque alto sobre sua mesa de trabalho. Neste ambiente, quanto mais discreto for o toque, melhor. Músicas de balada, do time, enfim, tudo o que for íntimo merece permanecer com você. Programe a secretária eletrônica de seu ramal para quando sair. Fale sempre em tom moderado, e evite que todos compartilhem das suas conversas profissionais e pessoais.

4 O celular

Não olhe para o aparelho enquanto conversa com alguém, seja numa reunião ou num almoço informal. Algumas atitudes fazem parecer que o aparelho é mais interessante do que no outro.

Dica: Não o atende o tempo todo, interrompendo uma conversa pessoal que poderia levar apenas alguns minutos. Quando ligar no celular de alguém, identifique-se e pergunte se este pode atendê-lo, e respeita sua resposta.

Revista AlphaVille Camoinas

15


Mundo dos Negócios

5

A imagem pessoal e a imagem da empresa

Se a empresa é tradicional, sua roupa vai precisar acompanhar. Uma marca ligada à criatividade permite descontração. De qualquer forma, em nenhum ambiente vale o desleixo, a casualidade excessiva e a sensualidade (decotes, peças curtas e coladas, transparências, etc). Você representa sua empresa, por isso deve combinar com ela.

6 E-mail

Inicie com uma saudação, chame o outro pelo nome, ao menos no primeiro e-mail trocado naquele dia. Agradeça sempre que necessário e use palavras como “por favor” ao solicitado. Mesmo num ambiente direto como é o espaço na internet, a objetividade não significa deselegância. Se estiver com pressa para a resposta, telefone. Não considere e-mails enviados como lidos, ou mesmo como tarefas passadas, anote essa dica!

8 Eventos profissionais O comportamento em eventos profissionais merece uma matéria especial, mas a dica valiosa é: eles não são festas e você deve saber disso. Vista-se de forma elegante, porém seja discreto, chegue no horário e a grande chave do sucesso: não seja o último a sair. Cumprimente e agradeça o anfitrião, e nunca – jamais e em tempo algum exagere na bebida.

9 Almoço ou jantar de negócios

7 Redes sociais

Sua vida é um livro aberto? Está irritado com a empresa, com o cliente, com o chefe, com o fornecedor?! Respire fundo, desabafe com o melhor amigo, mas não use as redes sociais. Tudo o que você disser poderá e será usado contra você. Quando você emite uma opinião e a publica numa destas redes, nada garante que ela não chegará a quem você não deseja que chegue. Seja gentil, discreto – ou assuma os riscos. E nunca, em hipótese alguma, fale em nome da sua empresa (a não ser que seja o seu porta-voz ou o responsável e por essas mídias).

16 Revista AlphaVille Campinas

Chegue no horário. Sente-se no local determinado por seu anfitrião e não peça bebida alcoólica. Escolha um prato intermediário, nem o prato mais caro, ou mais barato do cardápio. Não se levante enquanto a comida estiver servida, ou próximo de ser servida. Ofereça para pagar a conta, ou certifique-se antes de que é um convidado.

10 Combinado não é caro Respeite os acordos formais e informais que firmou com sua empresa, clientes, fornecedores e colegas. Seja transparente e confiável, a ética é algo que as melhores empresas e os melhores negócios não dispensam.

*Ana Vaz é Consultora de estilo, palestrante e autora do pocket book: Pequeno livro de Etiqueta, editora Verus


PARQUE DAS ARAUCÁRIAS

OBRAS RESIDENCIAIS

ALPHAVILLE DOM PEDRO

MONT BLANC

A construção de um sonho

U

ma obra é a realização de um sonho. Sendo assim o cuidado da equipe de trabalho da Procivil é totalmente focado para que tudo se realize exatamente da maneira como se imagina. A empresa executa projetos desde a fundação até o acabamento, sempre em conjunto com o cliente, de forma a respeitar e cumprir todas as decisões estabelecidas entre as partes. Uma empresa comprometida com o cliente, com a valorização do seu capital e uma equipe altamente qualificada, traz a inovação em design, organização e conhecimento técnico na edificação dos projetos. Qualidade no trabalho, segurança, atenção aos detalhes e a garantia de que a execução da obra será de acordo com o cronograma físico / financeiro pré-definido pelo setor administrativo junto ao cliente.

Veja nosso portifólio procivil.com.br

PROJETOS ARQUITETÔNICOS - Acompanhamento desde a escolha do terreno; - Indicação de profissionais para levantamento planialtimétrico; - Elaboração de estudo com perspectiva eletrônica e foto realística; - Aprovação nos órgãos competentes – condomínios e prefeituras; - Elaboração de projeto executivo completo e detalhado; - Projetos de layouts e arquitetura de interiores.

INSTALAÇÕES Elaboração de projetos complementares de instalações elétricas ou hidráulicas, a partir do projeto arquitetônico.

ELÉTRICAS - Luminotécnico; - Distribuição de tomadas e de cargas; - Redes lógicas e telefonia; - SPDA – Sistema de Proteção a Descargas Atmosféricas.

R. Comendador Luiz José Pereira de Queiroz nº 08, Botafogo Campinas - SP

HIDRÁULICAS - Sistemas de aquecimento solar, a gás e elétrico; - Água fria / quente; - Esgoto; - Águas pluviais;

19 3237.0967


Eventos

Agito e gente bonita

FESTA JUNINA

M

ais uma vez a festa junina do Clube foi um sucesso. Ao todo, 5.194 pessoas se divertiram nos dois dias de festa e até São Pedro colaborou com o tempo agradável. Para aquecer, nada melhor do que quentão, vinho quente e ficar perto da fogueira. Para a criançada, um espaço especialmente preparado para elas, com brinquedos e barracas típicas. A animação não faltou ao som das bandas Sociais do Forró e Villa Bagagge.


outubro 2012 | Revista Alphaville

19


GENTE BONITA E ANIMADA EM UMA

DAS FESTAS +

BADALADAS

DA CIDADE

20 Revista Alphaville | outubro 2012

outubro 2012 | Revista Alphaville

19


A FESTA JUNINA

ATRAIU PÚBLICO

DE MAIS DE

CINCO MIL PESSOAS E FOI UM

SUCESSO

20 Revista Alphaville | outubro 2012

outubro outubro2012 2012 || Revista RevistaAlphaville Alphaville

21 19


Eventos

Agradável almoço no

DIA DOS PAIS

D

ia dos pais descontraído e animado foi no AlphaVille. Muitos moradores saborearam o delicioso almoço preparado pelo Buffet Atenas no dia 12 de agosto no salão social. Quem participou só fez elogios. Confira alguns momentos.

22 Revista Alphaville | outubro 2012


Recreação

Férias divertidas é no ALPHAVILLE CLUBE

E

m julho 136 crianças se divertiram durante as duas semanas de Alphérias que aconteceram entre os dias 10 e 21. Com o tema Olimpíadas a criançada pode aprender e se divertir de montão, o que não faltou foi empolgação.

24 Revista AlphaVille Campinas


O dia das crianças vem aí Você não pode ficar de fora. Dia 06/10 das 10h às 18h na recreação.

O

dia das crianças está chegando. Para comemorar esta data tão divertida o AlphaVille Campinas Clube está preparando um dia cheio de atividades para a garotada, e você está convidado. Além de muita animação teremos brinquedos infláveis, brincadeiras, pipoca, algodão doce e muito mais.

CURTIÇÃO E

MUITA BRINCADEIRA

SÃO A MARCA DA

ALPHÉRIAS QUE AGITOU

A CRIANÇADA

Brincar faz bem

C

hegou o final de semana e não sabe o que fazer? Venha para o Clube, a recreação e a brinquedoteca estão esperando por você. Todos os sábados e domingos das 10h às 18h a recreação fica aberta com dois monitores para quem quiser aproveitar e é gratuito. Os recreadores ficam à disposição das crianças, com atividades dirigidas, integrativas, esportivas e lúdicas, com muitos jogos e brincadeiras. A programação das atividades é desenvolvida ao longo do dia. A idade para participar é de 03 a 13 anos, crianças menores precisam do acompanhamento dos pais ou responsáveis. Quem ainda não conhece não perca mais tempo, passe no Clube e aproveite. Afinal, brincar faz bem!

Revista AlphaVille Campinas

25


Meio Ambiente

A FESTA DAS

CIGARRAS

Nas épocas quentes as cigarras aparecem, são reconhecidas pelo canto estridente do macho na época de acasalamento. Embora seu canto muitas vezes incomode, sua presença não é tão negativa assim.

26 Revista AlphaVille Campinas


U

ma das grandes vantagens de morar em AlphaVille é o contato com a natureza, e é justamente este contato que muitas famílias procuram, porém a proximidade com o ambiente silvestre expõe a todos a um ecossistema que para muitos não é nada agradável. Vocês repararam o número de espécies diferentes de pássaros, pequenos e grandes mamíferos, répteis, anfíbios e insetos que aparecem diariamente em nosso residencial? Alguns são muito bonitinhos, outros são pavorosos. Em seguida a ocorrência das primeiras chuvas, e após o inverno, é comum nas cidades brasileiras e também no residencial, o apareci-

Importância

A importância da cigarra no ecossistema é positiva, por servir de alimento para inúmeros animais predadores como pássaros, répteis e pequenos mamíferos, por outro lado este inseto como já foi dito ele pode ser bastante negativo, pois é praga conhecida de algumas culturas agrícolas. Muitas espécies de cigarra têm períodos diferentes de amadurecimento, com ciclos vitais de duração variada, enquanto as larvas ficam sob a terra. De acordo com o morador e Ecólogo Francisco Anaruma Filho, “o ciclo da cigarra é curto aqui no Brasil e em seu ambiente silvestre ela é controlada naturalmente”. Segundo Francisco “as espécies de cigarras brasileiras tem o ciclo curto, saem da terra acasalam-se, ovipoem e morrem, porem suas larvas após o nascimento voltam ao solo e iniciam sua nutrição por meio da sucção da seiva das raízes de certas árvores. No Brasil, dependendo da espécie, o ciclo é 2 a 6 anos embaixo da terra sendo apenas de 2 a 3 meses fora dela, enquanto em outros países algumas espécies tem ciclo que pode ultrapassar mais de 20 anos”, diz.

mento de cigarras que por causa de seu “canto” incomoda alguns moradores. O termo cigarra é a designação comum aos insetos homópteros da família dos Cicadídeos, que reúne os maiores representantes da ordem. Existem mais de 1.500 espécies conhecidas destes insetos sendo a Clarineta Fasciculata a espécie-tipo brasileira e que mais aparecem na região urbana. O som agudo, emitido pelos machos desta espécie é, na verdade, um chamado para o acasalamento. Cada espécie tem seu som distinto, que atrai somente as fêmeas de sua própria espécie. O som emitido por estes insetos pode chegar até 120 decibéis.

As cigarras estão presentes em quase todas as regiões do mundo, tanto em climas quentes como frios, e têm poucos predadores na sua faze larval e de ninfa que ficam embaixo da terra. Na fase adulta (fora da terra) são alimentos para muitos pássaros e alguns mamíferos, elas podem ser predadas por tatus, por répteis, formigas predadoras, entre outros organismos. “É importante ressaltar que se a pessoa é a favor da preservação dos ambientes silvestres tem que estar convencida que a cigarra faz parte dele, portanto tem que aprender a conviver com estes insetos bem como com os outros animais que visitam ou habitam nosso residencial. Sei que o barulho destes insetos muitas vezes nos desagrada, mas vamos ter paciência, pois é passageiro. A presença das cigarras em nosso residencial e outros animais silvestres que dia a dia vem se intensificando, pode ser um bom sinal que o reflorestamento e proteção de nossas nascentes já é um sucesso e que em Alphaville se preserva a natureza”, finaliza Sr. Francisco.

Características

A

s cigarras são insetos normalmente encontrados em regiões de florestas tropicais, mas também podem ser encontrados em outros tipos de vegetações de países de clima temperado. São incriminadas por causarem prejuízo quando infestam os cafezais, pois as suas ninfas (estagio larval do inseto) vivem alimentando-se da seiva das raízes das plantas. As cigarras brasileiras são reconhecidas pela forma característica e pelo seu tamanho avantajado, que varia de cerca de 16 milímetros a até pouco mais de 65 milímetros de comprimento, podendo atingir pouco mais de 130 mm de envergadura. Possuem um “bico” (estilete sugador) comprido para se alimentar da seiva de árvores e plantas onde normalmente vivem.

Revista AlphaVille Campinas

27


Viva melhor

Porque devemos comer

A CADA TRÊS HORAS? Comer sem fome faz com que seja possível comer mais devagar e com maior consciência na hora de fazer as escolhas

M

uitas pessoas tem a falsa impressão de que devem comer o menos possível, ou devem cortar determinados tipos de alimentos do cardápio para conseguir perder peso. Algumas outras já ouviram dizer que se deve comer a cada três horas, mas não sabem o porquê, nem o quê comer. Fracionar as refeições ao longo do dia é importante tanto para a perda de peso quanto para o controle de algumas doenças. A perda de peso acontece quando se consome menos energia (calorias) do que é gasto. Essa diferença negativa pode ser feita tanto comendo menos, quanto gastando mais calorias. Ao fracionar as refeições em menores e mais vezes ao dia, o sistema digestivo é mantido em funcionamento quase que

28 Revista AlphaVille Campinas

constante ao longo do dia e isso demanda um aumento no gasto de energia. Quando o intervalo entre as refeições é muito grande (principalmente quando se está fazendo dieta) a tendência é que seu corpo entenda o tempo de jejum entre elas como fome e passe a poupar energia, dificultando a perda de peso mais rápida e esperada. O fracionamento faz com que o corpo seja “enganado”, sendo oferecidas pequenas refeições a cada três horas e mantendo seu gasto energético, mas no final do dia o consumo em quantidades foi menor, mantendo mais facilmente a perda de peso. Outro ponto positivo é que os intervalos menores fazem com que se chegue sem fome à refeição seguinte. Quando se espera ter fome ou se

demora muito para comer, a tendência é que, quando for se alimentar, a pessoa se sirva de quantidade maior de comida, procure os alimentos mais calóricos e coma mais rápido, conseqüentemente come-se mais. Comer sem fome faz com que seja possível comer mais devagar e com maior consciência na hora de fazer as escolhas.


O importante é

procurar se

alimentar sem sentir muita

fome e fazer refeições

menores

e mais vezes

ao dia. Assim,

o corpo fica bem nutrido e pode trabalhar

a todo vapor

Gasto energético Em determinadas doenças, como o diabetes e triglicérides, é muito importante o fracionamento. A divisão em várias refeições menores ao dia distribui melhor a quantidade de alimentos e consequentemente controla os índices de glicemia em valores mais estáveis, sem altos e baixos. Mas ainda fica a pergunta: “O quê comer nesses intervalos?” ou “Quantas refeições fazer ao dia?” Isso varia

de pessoa para pessoa. O gasto energético é diferente individualmente e leva em consideração diversos fatores. O número de refeições ao dia também pode depender da rotina. O ideal é comer pelo menos a cada três horas. Para facilitar essa distribuição, mantemos fixo o café da manhã, almoço e jantar e incluímos os lanches de acordo com o tempo entre essas refeições. Sempre que tiver um

intervalo maior que 4-5 horas, pode ser incluído esse lanchinho. Normalmente o intervalo da manhã é menor que o da tarde, portanto o lanche pode ser um pouco menor (uma fruta ou iogurte ou uma barra de cereais, por exemplo). Já o lanche da tarde pode ser um pouco maior e mais completo (como uma fatia de pão integral com queijo branco ou uma fruta e 5 biscoitos integrais sem recheio). Dependendo do tempo entre almoço e jantar, esse lanche da tarde pode até ser dividido em dois horários para segurar a fome. Por outro lado, para aqueles que jantam bem cedo, é válido incluir um lanche (como o da manhã) antes de dormir. É claro que essas são só algumas sugestões para facilitar o equilíbrio das refeições, mas para uma distribuição adequada de calorias e de horários ao longo do dia é fundamental o aconselhamento de um nutricionista que poderá individualizar caso a caso.

Revista AlphaVille Campinas

29


Esporte

Ano de ouro

para o Tênis 2

012, um ano marcante para o tênis, nós brasileiros comemoramos 15 anos da primeira conquista do Grand Slam de Roland Garros pelo nosso maior ídolo do tênis, o manezinho da ilha Gustavo Kuerten. E para no mundo o suíço Roger Federer, mais já considerado talentoso tenista de todos os tempos, acaba de bater todos os recordes possíveis, provando que habilidade ainda supera a força. Depois da aposentadoria antecipada por uma grave lesão no quadril, “Guga” nos deixou um enorme vazio, a falta de um ídolo vencedor e carismático fez o tênis brasileiro ter uma grande queda tanto na prática quanto na procura, por jovens que não tiveram a oportunidade de assistir aquele jovem garoto desconhecido, usando roupas coloridas, cabeludo com jeito de surfista, ir batendo um a um, grandes nomes do tênis mundial até levantar o troféu de campeão, emocionando a todos. Enquanto isso, temos como inspiração a maior lenda do tênis mundial em atividade, um dos mais queridos tenistas do circuito mundial, Roger Federer. Quem nunca ouviu falar ou parou um pouco na frente da tv durante uma partida de tênis, para ver uma jogada mágica desse tenista, que aos 31 anos pai de filhas gêmeas, conseguiu atingir depois de conquistar pela sétima vez o grand slam de Wimbledon a marca histórica de 287 semanas na frente do ranking mundial, deixando para traz Pete Sampras. Quem sabe não saia de uma de nossas quadras, um futuro campeão, pronto para se tornar um novo ídolo nacional. Para isso nosso clube oferece três quadras de saibro, que acabaram de ser reformadas e quatro quadras rápidas, que estão em fase de manutenção, para melhor atender nossas necessidades, além de

30 Revista AlphaVille Campinas

um grupo de professores de alta qualidade e dedicação. Temos a certeza que grandes campeões estão bem aqui, devido a resultados obtidos nas ultimas competições externas, onde nosso sucesso foi além das expectativas. Muitas novidades estão por vir, venha praticar sem vergonha, o importante é se divertir com sua família e amigos, praticando uma atividade ao ar livre, que só trará benefícios a sua saúde. Se informe na secretaria do Clube sobre as aulas de tênis. Prof. Wasco Alexandre da Silva


ABRACE

Abracesolidário contribui para diminuir

DÉFICIT DE VAGAS EM CRECHES Entidade tem terreno para atender espera de 150 crianças, mas falta estrutura

Por Kátia Nunes

Números da Abracesolidário: Atendimentos (crianças de 0 a 6 anos) 130 crianças atendidas no início das atividades, em agosto 2011. 160 crianças atendidas a partir de dezembro de 2011. 210 crianças a partir de fevereiro de 2012 até agora. 360 crianças atendidas é a previsão para 2013.

Área construída

(total do terreno: 20 mil m2) 2007 150m2 em instalações adaptadas 2008 220m2 em instalações adaptadas/ provisórias 2009 620m2, sendo 220m2 adaptadas e 400m2 em construção definitiva 2010 970m2, sendo 220m2 adaptadas e 750m2 em construção definitiva 2011 1500m2, sendo 220m2 adaptadas e 1.280m2 em construção definitiva 2012 1500m2, sendo 220m2 adaptadas e 1.280m2 em construção definitiva

32 Revista AlphaVille Campinas

A

cidade de Campinas, inclusive nossa região Leste, não tem dado conta de garantir creche para todos os pequenos com idade até 6 anos, público alvo da Associação de Desenvolvimento Humano Abracesolidário, no Jardim Miriam. A entidade, que atua desde 2005 e fundou a creche em 2011, assiste atualmente 210 crianças, mas poderia atender a fila de espera com 150 meninos e meninas se tivesse mais parceiros financeiros. O terreno, doado pela Prefeitura, mede 20 mil m2 e tem espaço de sobra para receber a garotada. O que falta é uma verba de R$ 150 mil para manter a elevação das paredes – que já começaram a ser erguidas – telhado e acabamento. A creche, que tem convênio com a Secretaria de Educação de Campinas, recebe também recursos do Fundo Municipal de Direito da Criança e do Adolescente – que direciona para instituições beneficentes o montante deduzido do Imposto de Renda de Pessoas Físicas e Jurídicas –, de associados – que somam apenas 80 atualmente –, dos eventos que promove – a exemplo da Noite da Primavera –, e de Previsão 2013 2000m2, sendo 220 adaptadas, 1.280m2 em construção definitiva e 500m2 a serem construídos que compõem quatro salas e pátio.

doações, estas, bastante esporádicas. As crianças que conseguem se matricular na Abracesolidário são privilegiadas. Trinta funcionários, entre professores, monitores, cozinheiras, faxineiras, zeladoria e outros profissionais da educação se dedicam para tornar a infância desses pequenos mais estruturada. Das 7h30 às 16h30, de segunda a sexta-feira, dividida em faixas etárias similares, a meninada tem reforço escolar, atividades lúdicas e culturais, biblioteca, três refeições diárias, acompanhamento psicoterápico e muito carinho, tudo baseado na Pedagogia dos Sentidos, alicerçada nos principais itens dos valores humanos. Todos estes benefícios são oferecidos à criançada sem custo algum para as famílias. A ação da Abracesolidário é ainda mais ampla. Adultos têm aulas de alfabetização, informática, cursos profissionalizantes e adolescentes têm atividades esportivas. Abrace essa causa, contribuindo com doações de materiais diversos. Seu voluntariado e recursos financeiros. Mais informações: abracesolidario. org.br/ fone: (19) 3262-1948.

R$ 450 mil

já foram investidos;

R$ 250 mil

é o montante estimado para conclusão das obras; Total de R$ 700 mil.


Dança

Aula de Zumba é a novidade no ALPHAVILLE CAMPINAS CLUBE Dança é uma atividade física para todas as pessoas e faz bem para o corpo e alma

A

dança é uma ótima aliada para o bem-estar, saúde e até autoestima. Uma aula de dança é capaz de trazer dezenas de benefícios para o corpo e a mente. Além de movimen¬tar o corpo inteiro, queimar calorias e aumentar o condicionamento físico, bailar fortalece ossos e músculos, melhora o equilíbrio e o humor. De acordo com Jorge Handerson, coordenador de esportes do AlphaVille Clube, dançar só traz benefícios.

“A dança socializa, trabalha o condicionamento físico, o corpo, a mente e melhora a qualidade de vida”, afirma.

Zumba

A Zumba é a mais nova modalidade oferecida pelo Clube. Trata-se de um tipo de dança que mistura vários ritmos como a lambada, rumba, merengue e outros ritmos latinos. Os passos são feitos individualmente sem auxílio de equipamento. A vantagem da dança é que a coreografia da Zumba é muito fácil que a dança latina tradicional e você não precisa ser uma expert basta ter um pouco de coordenação. Além de ser uma ótima atividade para queimar calorias, a Zumba também promete aumentar a resistência, tonificar os músculos dos braços, pernas e quadril. Dançar só traz benefícios, mas mesmo assim, Jorge Handerson diz que é bom ficar atento. “Deve-se lembrar de usar roupas leves, calçados adequados, e o principal, respeitar o limite de seu corpo”, alerta. O AlphaVille Campinas Clube oferece aula de zumba de segunda -feira e quarta-feira das 20h às 21h e terça-feira e quinta-feira das 11h às 12h, com a professora Giovana.

Dança de Salão

A dança de salão é uma das formas mais tradicionais de se dançar. A relação entre casal e música faz da dança uma atividade única e prazerosa. A Dança de Salão proporciona inúmeros benefícios uma vez que funciona como uma terapia ao trabalhar o corpo e a mente através de movimentos coordenados e ritmados por diversos gêneros musicais, além disso, de¬senvolve a musculatura corporal de forma integrada e natural, melhora a postura, o fortalecimento muscular, alongamento, flexibilidade e melhor ex¬pressão corporal, aumenta a autoestima, melhora a capacidade de concen¬tração, memorização e socialização. O AlphaVille Clube oferece dança de salão às quintas-feiras às 19h45 na recreação com a professora Verônica.

Revista AlphaVille Campinas

33


Alphaville Campinas Clube

Tarde agradável no

ALPHAVILLE CLUBE

A

s tardes de terças-feiras já não são as mesmas. O Clube começou a oferecer aulas de Patchwork todas as ter-

ças das 14h às 17h no salão social com a professora Regina Tortorelli. Patchwork é uma palavra inglesa que quer dizer “trabalho com retalhos”. Trata-se de um trabalho que une tecidos de formas variadas com combinações de cores, formas e desenhos. A aula tem o objetivo de unir e confraternizar a comunidade e todos estão convidados.

Reiformas

Patchwork: moda, talento e terapia


Pesquisa de INVESTIMENTOS

A

gradecemos a todos que responderam a pesquisa, pois dessa forma conhecemos a opinião dos associados sobre os investimentos futuros para melhor atender a demanda. Das inúmeras alternativas apresentadas, elencamos as que mais foram citadas no formulário de múltiplas respostas:

Tivemos outras sugestões menos votadas que ficarão para futuros projetos ou avaliações das nossas atividades. A Administração e a Comissão de Obras estão trabalhando para tornar possível a apresentação dos mesmos na Proposta Orçamentária para investimentos no ano de 2013 no ACC na próxima A.G.O. em Novembro.

1 – Equip. para academia - sugerido em 65,6% dos formulários 2 – Piscina Coberta - sugerido em 48% dos formulários 3 – Estação de ginástica ao ar livre - sugerido em 41% dos formulários 4 – Sala de Jogos - sugerido em 36% dos formulários 5 – Espaço Gourmet - sugerido em 34% dos formulários

Achados e Perdidos

O

pessoal do Clube tem encontrado muitos objetos perdidos nas

dependências, principalmente roupas, toalhas, bonés e etc. Quem perdeu ou esqueceu pode passar na secretaria do Clube para reconhecer o que é seu. O que não for reclamado será doado para entidade social.


Segurança

O Pedestre e o trânsito Usar as calçadas é fundamental para a segurança

36 Revista AlphaVille Campinas


A

ndar na calçada é, acima de tudo, uma medida de segurança. A calçada é um elemento fundamental para a circulação do pedestre e um dos componentes da rua. No Residencial AlphaVille a construção do passeio público é obrigatória. Segundo o termo de compromisso de obra da Sociedade AlphaVille Campinas Residencial: “13.1. A faixa de passeio público, 3,00 m, deverá permanecer totalmente desobstruída, não podendo ter o perfil natural alterado, devendo ficar livre de rampas e degraus. Deverá ser executada uma faixa pavimentada contínua de 1,00 m de largura, centralizada no passeio. A mesma deverá ter um inclinação transversal de 3%. O piso poderá ser executado em qualquer material, porém deverá facilitar o transito de pessoas idosas, carrinhos de bebês e cadeiras de rodas”.

De acordo com departamento de obras e engenharia da SACRES a maioria das residências já possui passeio, mas algumas estão irregulares, e precisam ser regularizadas, de acordo com o termo de compromisso da Sociedade.

Veículo na rua, pedestre nas calçadas Caminhar faz bem a saúde e é ecologicamente correto. Mas, o que não se deve esquecer é que os pedestres devem andar na calçada. Rua é para carros. Como exposto no Capítulo IV Artigo 68 do Código de Trânsito Brasileiro, pedestre também deve seguir normas e andar sobre as calçadas, mas onde não a houver, pelos bordos, em fila única.

Segundo dados estatísticos do Departamento Nacional de Trânsito (DENATRAN), mais de 11 mil pedestres por ano são vitimas de acidentes de trânsito. Os mais vulneráveis são as crianças e idosos: enquanto as crianças têm menor percepção de perigo, os idosos apresentam menor mobilidade e agilidade, deficiências auditivas e visuais e redução dos reflexos. Temos recebido várias reclamações de moradores que tem observado pessoas andando pelas ruas, pedimos a todos que orientem seus funcionários quanto a importância de usar as calçadas dentro do residencial. E pedimos também aos moradores que não possuem passeio ou que estão irregulares que regularizem. O pedestre deve cuidar da sua segurança e andar com muita atenção. A imprudência é a principal causa de acidentes.

ORIENTAÇÕES AOS MORADORES Oriente seus funcionários para usar as calçadas; Mantenha as calçadas desobstruídas; Quem estiver com o passei irregular, por favor regularizar; Caso ainda não tenha passeio, faça o seu, de acordo com o Termo de Compromisso da Sociedade.

Revista AlphaVille Campinas

37


Artigo

AMOR E PAIXÃO

T

Dr. Flávio Gikovate Psiquiatra com 43 anos de carreira e escritor. flaviogikovate.com.br

A emoção cresce e,

com ela, o medo

de perder a

individualidade. Esta forte emoção

se chama

Paixão

38 Revista AlphaVille Campinas

enho ouvido muitas definições de amor e paixão: “Amor é legal, paixão é doença”; “Paixão é imaturidade, coisa de adolescente, mas amor é sentimento maduro”; “Amor é o que sobra depois que acaba a paixão”. Costumo definir o amor como um instinto, separado do sexual, que busca a sua realização por meio do estabelecimento de uma relação estável com outra pessoa. Ou seja, o amor é paz e harmonia ao lado de alguém especial, com o qual voltamos a nos sentir completos – talvez como estivemos um dia, no útero ou no colo de nossas mães. Quanto mais qualidades esse escolhido tem, mais fortes ficam nossos sentimentos por ele. Quanto mais defeitos, mais forças surgirão para nos afastar desta criatura. Todos nós, ou quase todos, temos o sonho romântico de mergulhar por inteiro numa relação desarmada com outra pessoa e, de uma certa forma, reconstruirmos a simbiose uterina. Ao mesmo tempo morremos de medo desta diluição, desta perda de limites e de individualidade na relação com o outro. Esse temor não é uma emoção ilógica e covarde. Nossa individualidade fica efetivamente ameaçada na fusão romântica – o medo reflete este perigo real. O que fazem as pessoas? Costumam se encantar por alguém com uma certa quantidade de qualidades – fatores de atração – e também uma certa dose de defeitos – fatores de repulsão. Desse modo se compõe um equilíbrio estável, onde os defeitos são tão necessários quanto as qualidades! Sim, porque eles nos afastam e garantem nossa identidade, nossa individualidade. A afirmação de que o amor é o que sobra quando acaba a paixão tem sido na seguinte situação: uma pessoa se encanta por outra e fica tão deslumbrada por ela que só vê suas qualidades. A emoção cresce e, com ela, o medo de perder a individualidade. Esta forte emoção se chama paixão. Porém, com o convívio, a pessoa vai deixando de ser tão cega e passa a ver os defeitos do amado. Aí diminui a emoção e o medo da fusão com o outro. Acabou a paixão e sobrou – quando “sobra” – o amor.

Vamos supor agora uma situação diferente. Não é nada incomum que uma pessoa conheça e se encante por outra que efetivamente quase não apresente defeitos (é claro que estou aqui chamando de defeito as coisas que aborrecem, desagradam, irritam e subtraem a confiança da outra pessoa). Surge o encantamento forte e ele tende a crescer cada vez mais, uma vez que não existem problemas para agir como forças contrárias ao amor. O sentimento é fortíssimo e o medo é brutal, porque parece que estamos sendo sugados pela pessoa amada. Isto é paixão: a mistura de um amor de intensidade máxima com um enorme medo. O coração não bate de amor, bate de pavor! Vivemos um estado de alarme, quase de guerra. Acordamos de madrugada já pensando nisto, não conseguimos nos alimentar e pensamos obsessivamente no amado. Tememos perder nossa individualidade e também o amado que, sabemos, vive pânico igual ao nosso e pode não suportar a ameaça do amor e decidir romper a relação. Na paixão não se suporta ficar junto nem separado! Ao estar junto, falta o ar. Ao se afastar, falta o sentido da vida. Não é à toa que as pessoas se apaixonam mais facilmente quando há obstáculos externos: distância geográficas, pessoas que sejam casadas etc. Eles garantem um certo espaço de afastamento e, portanto, de exercício da individualidade. Não é sem razão que a maioria das paixões não se transforma em relação estável. Na ausência de defeitos, o amor não diminui, nem o medo. Este último acaba por predominar e, sob vários pretextos, as pessoas acabam se afastando dos seus amados. Não é sem razão também que a maioria das pessoas se casa com parceiros ricos em defeitos e com os quais se irritam bastante. É para que o sentimento que os une não seja forte o suficiente para perturbar a individualidade. Palavras como imaturidade, doença e outras que se usam para definir a paixão devem, também, ser estendidas para o amor! Ainda temos muito o que aprender sobre este assunto.


Turismo

40 Revista AlphaVille Campinas


A badalada e exuberante

Croácia Sucesso entre os europeus, o país agora é destino dos brasileiros mais antenados

Parque Nacional da Croácia, paraíso que atrai turistas por suas paisagens exuberantes e dá ao visitante a oportunidade de desfrutar das águas de lagos transparentes.

Revista AlphaVille Campinas

41


Turismo

Dubrovnik é uma cidade com 50 mil habitantes e está classificada como patrimônio da Humanidade pela Unesco. Rodeada por diversas muralhas seculares, oferece uma das mais lindas vistas para o mar Adriático. O centro histórico é charmoso e as ruazinhas têm arquitetura medieval. Encontre e desfrute de restaurantes, cafés e lojinhas.

A República da Croácia é um país europeu, com vizinhos como a Eslovênia e Hungria ao norte, Sérvia a nordeste, a leste com a Bósnia e Herzegovina e ao sul com Montenegro. O País é banhado a oeste pelo Mar Adriático e possui uma fronteira marítima com a Itália, no golfo de Trieste. A adesão da Croácia à União Europeia deverá acontecer em 01 de julho de 2013, segundo parecer da Comissão Europeia.

42 Revista Alphaville | outubro 2012

S

éculos de história, e ainda assim um dos mais jovens países do mundo. Falamos da Croácia, um belo país que conquistou recentemente sua independência da antiga Iugoslávia, apenas em 1991, e depois de uma longa Guerra, com muitas perdas, destruição, e obviamente o desaparecimento de turistas durante todo o período. Mas a energética Croácia superou seu período de lutas e volta ainda mais interessante ao cenário mundial, afinal com mil e duzentas ilhas, e banhada pelo Mar Adriático, o país com dna turístico não poderia ficar tanto tempo sem o contato com o mundo. Os europeus a adoram, inclusive as ilhas são destino de férias de estrelas do cinema, figuras badaladas do jet set, e até do príncipe Harry, da Inglaterra. E além de muito charmosa, passear por suas ilhas ou entre suas ruas, inclui o prazer de desfrutar roteiros gastronômicos que são um capítu-

lo a parte. E com esse sabor de exclusividade, o país proporciona um turismo diferenciado que encanta e revela uma das regiões mais lindas do planeta. Zagreb é a capital, uma bela cidade com mais de um milhão de habitantes, até grande para os padrões europeus. Atraente, a cidade encanta pela arquitetura, que se divide entre monumentos históricos e construções modernas, e coloridos jardins que se renovam e se afastam da memória da época em que a cidade foi dominada pelo regime comunista e possuia ruas degradadas, menos movimento e um povo pacato. Um dos passeios mais famosos é a visita ao Plitvice Lakes National Park, com cenários que lembram a exuberante natureza do filme Avatrar, com lagos de cores intensas que se comunicam entre si e formam trilhas de aventura imperdíveis aos apaixonados pela natureza. Com atrativos para todos os gostos e idades, a Croácia não exige visto para os brasileiros que pretendem visitar o país para permanência de até 90 dias. Segundo o Ministério de Turismo do país, o número de visitantes aumentou quase 10% em relação ao mesmo período no ano passado, e mais de 6,2 milhões de pessoas aproveitaram dos encantos de Dubrovnik e Split, e das águas sedutoras do mar Adriático, que despertam cada vez mais a curiosidade dos viajantes de todo o mundo.


Hvar é um dos pontos altos da viagem, e sua herança histórica impressiona, por isso é interessante visitar a Catedral, o teatro e os fortes, que oferecem uma bela vista panorâmica das Ilhas Pakleni e Vis. Hvar está na moda, tem cenários paradisíacos e uma noite agitada. Devido a sua posição geográfica é tambem a ilha com maior número de horas de sol em toda a Croácia e já foi visitada por estrelas de Hollywood, bilionários do jet set international e até o príncipe Harry, da Inglaterra.

Split, cidade considerada patrimônio Mundial da humanindade abriga o palácio de Diocleciano, um dos mais bem preservados do mundo romano.


Sua casa

Madeira de Demolição

na decoração

46 Revista AlphaVille Campinas


Aposte nas múltiplas ideias e funções desse nobre material

A

madeira é sempre uma boa pedida na hora de escolher moveis e acabamentos, e com a tecnologoa aplicada somada a criatividade dos profissionais da area de decoraçnao e paisagismo a madeira de demolição mostra uma opção versatil, moderna e porque nao, ecologica. Confira lista com sugestões. 1-PAINÉIS PARA TELEVISÃO: O painel para a fixaxão das tvs é uma solução para a sustentação elegante desses equipamentos e uma opção é um painel em peroba rosa de demolição. 2-MESA DE JANTAR: O ar rústico traz à lembrança a tradição das famílias grandes, unidas ao redor da mesa. É uma bela opção, que se encaixa em diversos projetos e dura para toda uma vida. 3- JARDIM VERTICAL: Cada vez mais os jardins verticais e as hortas orgânicas estão garantindo espaço nos projetos e trazem um ar verde e saudável, sem falar na beleza e energia ao ambiente. 4- PORTAS PIVOTANTES: A madeira de demolição possui ranhuras únicas, que faz do objeto uma atração singular. 5 – PERGOLADOS: Indicada para ambientes externos, as peças formadas por pilares e vigas paralelas vazadas, são utilizadas como decoração em jardins. 6- ESCADA: Uma opção inusitada é revestir a escada com madeira de demolição, que pode ser peroba rosa ou cruzetas. As vigas de madeira podem torná-la a grande sensação do ambiente conferindo um ar aconchegante. 7 – CHUVEIRO E CASCATA: Para o jardim ou na área da piscina. 8 – PISO DE CRUZETAS: As cruzetas, pedaços de madeira que originalmente encaixavam-se em postes de energia elétrica, tornam-se peças apreciadas. Por terem ficado muito tempo expostas aos efeitos naturais, ganharam o aspecto de madeira forte e envelhecida. O resultado em revestimentos cria um efeito importante. 9 – TAMPOS, BALCÕES, OBJETOS E DETALHES: Cachepots feitos de cruzetas, revisteiros e cubos em peroba rosa de demolição, que dão um toque especial de originalidade. Fonte: madeiradedemolicao.com


Moda

Spike Mais que uma tendência, aposta certa para o look moderno do verão

N

o passado os spikes eram o simbolo de rebeldia e independência para os punks e roqueiros. Hoje, o mais puro sinônimo de estilo, sofisticação e tendência. Aposte na ideia. As pontinhas de metal em formato de pirâmide estão em todas as produções de moda e chamam a atenção por dar o toque moderno aos looks. 
O melhor é que todas podem usar, uma vez que as mais discretas podem ficar com uma capinha de ipad, por exemplo. 
 Brincadeiras a parte, os spikes estão nos sapatos, roupas, bolsas e acessórios, e as cores mais comuns (e mais interessantes) são prata, dourado, preto e bronze. Podem ser combinados de diversas formas, e dar um ar despojado ao look, mas o melhor é poder usar em quase todas as ocasiões, no dia ou a noite.

Sapatos, cintos, pulseiras e clutches no estilo Spike


Em tempo

Recicle seu lixo

e faça um mundo melhor

P

edimos a todos os moradores que conversem entre seus familiares e funcionários e peçam atenção e empenho na separação do lixo reciclável do “não-reciclável”. Basta ter apenas dois recipientes. É simples e não custa nada. Fique atento para os dias e horários de coleta:

Lixo Orgânico

Recolhidos as segundas, quartas e sextas-feiras (a partir das 13h). Exemplos: Guardanapos, absorventes íntimos, coadores de café, borrachas, espumas, panos, dejetos de animais domésticos, restos de alimentos, etc.

Lixo Reciclável

Recolhidos as terças-feiras e aos sábados (a partir das 8h30). Exemplos: Papel, vidro, embalagens, plásticos, latas, jornal, papelão, sacolas, isopor, garrafas etc.

Seja consciente respeite o limite de velocidade

A

pesar de todos saberem que o limite de velocidade nas ruas do residencial é de 30 km/h, o excesso de velocidade e a irresponsabilidade no trânsito é preocupante. E o problema não é apenas a alta velocidade. O número de adolescentes sem habilitação no volante é muito grande. As vias internas do residencial são públicas e, portanto, submetidas ao Código Brasileiro de Trânsito, no que tange às multas e penalidades. Isso inclui a questão de conduzir veículos sem carteira de habilitação e o desrespeito ao limite de velocidade. É importante que todos sejam conscientes da importância da prevenção de acidentes, da proibição de entregar o volante a menores e não habilitados e que a velocidade máxima é de 30 km/h.

50 Revista AlphaVille Campinas

Recolha a sujeira

do seu animalzinho

O

s proprietários de cães têm a obrigação de recolher as sujeiras de seus animais. Muitos têm recolhido e lançado os saquinhos plásticos nos terrenos baldios e lixeiras dos vizinhos, o que é proibido e passível de ser aplicada multa nos termos das Normas de Condutas em vigor. Assim, pedimos que os saquinhos sejam deixados próximos às suas lixeiras permitindo o recolhimento pelo caminhão de lixo.


Revista AlphaVille edicao 21 - setembro 2012  

AlphaVille, Revista, Campinas