Page 49

49 <<

www.gpsbrasilia.com.br

Fotos: Divulgação

o mesmo se repetiu recentemente com o filme Procura-se. sem conseguir uma vaga no Festival de brasília em 2010, o filme de Iberê já foi exibido em festivais em los angeles, seattle, Huston, Havana, Munique e diversos festivais brasileiros. dentre os prêmios que recebeu destaca-se o Prêmio cartoon Network de Melhor Filme Infantil, do Festival Prix Jeunesse Ibero-americano em 2011.

Produção em conjunto Um grupo de amigos e profissionais que trabalham com produções culturais em brasília resolveu se unir para trabalhar juntos. Assim, há um ano e meio, surgiu o coletivo casa30, formado pelas empresas start Filmes, Pavirada Filmes, TMTa, Menina dos olhos, e Quartinho direções artísticas. a equipe formada por 12 pessoas divide um espaço comum, otimiza custos e compartilha trabalhos, além de reunir ideias e talentos para impulsionar o desenvolvimento cultural e o potencial criativo de brasília. Fazem direção, roteiro, cenografia, fotografia, preparação de elenco, eventos e cursos. “somos parceiros”, disse André Cunha. Nas estantes da casa 30, colecionam-se estatuetas dos festivais de brasília, cuiabá, Maringá, Florianópolis, Gramado, Grande Prêmio brasil de cinema (Ministério da cultura), Festival luso-bra-

sileiro de cinema (Portugal), MTV awards brasil, HaYaH Film Festival (Panamá), o cobiçado Troféu coral do Festival de Havana, a estatueta do Festival Prix Jeunesse Ibero-americano 2011, entre outros. O grupo tem uma visão otimista da cultura de brasília, com bons trabalhos no cinema e no teatro. “Eu fiz o caminho inverso, vim do rio para brasília e fiquei encantada com o público e com os profissionais que encontrei aqui”, revela a atriz e preparadora de elenco Fernanda rocha, da empresa Menina dos olhos.

Festival de brasília o público de brasília é conhecido como um dos mais críticos. Vaias e aplausos demonstram o que pensam os frequentadores do Festival de brasília do cinema brasileiro, que no dia 17 de setembro abre a sua 45ª edição. Este ano, a principal novidade é a nova casa do festival. com o cine brasília em reforma, a sala Villa lobos do Teatro Nacional, que há anos recebe

as cerimônias de abertura e encerramento, também será palco da mostra competitiva principal. São esperadas cerca de 1.300 pessoas por noite. os organizadores lamentam a mudança de lugar, mas reconhecem a necessidade de uma reforma no cine. “Lá é o templo, a tradição do festival. Mas era preciso uma renovação”, afirma Fidalgo. a mostra competitiva durará seis noites. diferente dos anos anteriores, foi dividida em duas etapas. Primeiro, às 19h, será exibido um curta e um longa de documentário.

Revista Gps Brasília 2  

REVISTA GPS BRASÍLIA 2

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you