Page 230

clássIcos

>> 230

Combinação perfeita – Pastel de carne e caldo de cana

POEMA

“Frequento a pastelaria Viçosa desde os meus 20 anos. entre um ônibus e outro, lanchava na Viçosa. A combinação de pastel de carne e caldo de cana entrou na minha poesia e faz parte da história da nossa cidade”, revela Nicolas Behr, poeta da cidade, nascido em Cuiabá, mora em brasília desde 1974

subo aos céus Pelas escadas rolantes da rodoviária de brasília

Pastelaria Viçosa desde os anos 1960, a Pastelaria Viçosa atende milhares de pessoas por dia na rodoviária do Plano Piloto de brasília. o local mais movimentado da cidade, onde inúmeras pessoas correm para pegar o ônibus e seguir viagem. Mas tudo começou quando Sebastião Gomes da Silva, o Tião Padeiro, perdeu seu ônibus em plena lua de mel. Chateado, resolveu lanchar ali mesmo com sua mulher, Ivanildes. a escolha foi um pastel do ambulante eugenio apolônio. Uma escolha certa, que resultou em uma sociedade entre os recém-conhecidos. a dupla montou sua primeira loja na rodoviária de Brasília e cresceu. Ampliou o leque de sabores e aumentou a estrutura física para atender a demanda de revender para todo o distrito Federal. O caldo de cana é atração à parte: a pastelaria possui um canavial próprio.

o corpo de cristo Aqui não é pão, É pastel de carne o sangue de cristo Aqui não é vinho, É caldo de cana o Padroeiro desta cidade É Dom Bosco ou Padim Ciço? (Nicolas behr)

Revista Gps Brasília 2  

REVISTA GPS BRASÍLIA 2

Advertisement