Page 70

CONCERTO

Cassia Eller em 2001

antes do show, a chuva parou e Sinatra subiu ao palco para cantar para 140 mil pessoas por 1 hora e 40 minutos. Sinatra disse emocionado: “Este é o dia mais importante da minha carreira”. Poucas pessoas sabem, mas Frank Sinatra contribuiu muito para a realização do Rock in Rio no Brasil. A façanha de trazer o cantor ao Rio deu ao destemido publicitário Roberto Medina a convicção de que era possível fazer espetáculos internacionais no Brasil. O início da empreitada para o Rock in Rio não foi fácil, mas o ídolo norte-americano foi uma figura fundamental no processo. Com dinheiro de alguns patrocinadores, Medina foi para Nova York contatar artistas. Ficou 70 dias por lá, mas nenhuma banda se interessava. Sinatra disponibilizou então o seu produtor, Lee Solters, para ajudar Medina a contratar os músicos. Em pouco tempo, Queen, James Taylor e Ozzy Osbourne estavam confirmados

>> 70

Alicia Keys vai se apresentar no Palco Mundo

para o grande evento. O show de 1985 foi épico e trouxe ao Brasil a oportunidade de ser rota dos grandes shows mundiais. Desde então, o Rock in Rio é pioneiro em muitas coisas. É o maior festival de música do mundo, superando outros grandes festivais como Glastonbury (Reino Unido), Lollapalooza (EUA), Coachella (EUA). São cerca de 160 atrações e quase 100 horas de show por edição. Gera cerca de dez mil empregos direta e indiretamente. De acordo com a Secretaria de Turismo do Estado do Rio de Janeiro, o Rock in Rio movimenta mais de R$ 880 milhões na economia da capital fluminense por edição. O festival já reuniu 6.511.300 espectadores, que aplaudiram ao vivo os 968 artistas que passaram por todas as edições. Foram mais de 980 horas de música, com transmissão para mais de um bilhão de telespectadores, em 200 países, pela TV e pela internet. Ao todo, foram

12 edições realizadas no Brasil, em Portugal e na Espanha. Desde o início, o encontro foi planejado para receber milhares de pessoas. “O Rock in Rio não era para ser megalomaníaco, mas nasceu megalomaníaco, porque, se não tivesse público suficiente, ele não se pagava”, explica Medina no livro A História do Maior Festival de Música do Mundo.

Rock in Rio 2013 Em setembro, começa uma nova festa para entrar na história dos festivais. A 13.ª edição do Rock in Rio promete bater recordes, com mais de 100 bandas, que vão movimentar a Cidade do Rock, numa área de 150 mil metros quadrados. “Meu sonho é que o Rock in Rio esteja para a música como a Copa do Mundo está para o futebol”, afirma Roberto Medina. Para atender melhor o público, o festival terá capacidade máxima reduzida para 85 mil pessoas por dia, em

vez de cem mil. O objetivo é que as pessoas transitem com mais conforto, causando menos impacto no trânsito e no abastecimento de comida. Outra novidade são os artistas internacionais que vão se apresentar pela primeira vez no Palco Mundo. Bon Jovi fará sua estreia no Rock in Rio Brasil. O cantor já havia se apresentado no festival de Lisboa. Também tocam pela primeira vez Beyoncé, Justin Timberlake, John Mayer e Florence and The Machine. O Palco Sunset também será remodelado. Em 2013, o objetivo da organização do Rock in Rio é atrair todas as atenções para o espaço que agora vai contar com 44 metros de largura e 22 metros de altura. Serão 26 artistas internacionais e 28 encontros entre nacionalidades. Os shows começam a partir das 14h40. Nomes como The Offspring, Living Colour, Ben Harper, George Benson e Marky vão representar os Estados Unidos na tenda. O Sunset

Revista GPS Brasília 5  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you