Page 61

61 <<

www.gpsbrasilia.com.br

tende muito de mecânica e tem muita experiência. É muito bom tê-lo por perto, ele é meu ídolo e minha inspiração”, revela Pedro. além da pressão do próprio pai, também enfrenta o peso do sobrenome. Se por um lado nelson Piquet incentiva o filho, por outro cobra dele um ótimo desempenho na escola. “Minhas notas precisam ser boas e só

posso faltar um dia na semana, senão não posso continuar no kart”, conta Pedro. Mas o investimento é grande: são duas a três horas por dia de treino. Os domingos são em frente à televisão e ao lado do pai. “ele me conta como era na época dele, as diferenças. a gente analisa o desempenho dos pilotos”, revela. Mas os momentos com o pai tam-

bém são de diversão. Pedro gosta muito de ficar em casa, receber os amigos. uma paixão é o videogame, onde ele já correu as pistas do mundo inteiro. “Sonho em correr na da Bélgica”, conta. Para Pedro, o kart ainda é um hobby, mas ele pretende que o automobilismo se torne sua profissão. A timidez de Pedro esconde um menino determina-

do. “O conselho do meu pai é, neste momento, não me estressar, pois estou aprendendo. Mas até meus 23 anos quero estar na Fórmula 1”, espera Pedro Piquet. O pai tri-campeão espera o mesmo, e não poupa investimento. Pedro viaja a bordo de um motorhome  customizado e equipadíssimo. uma minicasa com oficina. Estrutura digna de um futuro campeão.

Revista GPS Brasília  

A REVISTA PREMIUM DE BRASÍLIA

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you