Page 76

RETRANCA

A JORNADA Aos 22 anos, o carioca decidiu que era hora de fazer sua própria história. Deixou de lado as mudanças de cidade proporcionadas pelo trabalho do pai militar - chegou a morar no Pará e no Rio Grande do Sul - e escolheu ficar de vez em Brasília. Para se sustentar, recorreu à habilidade nata para a maquiagem. Como a procura por esse serviço acontecia aos finais de semana, o jovem decidiu especializar-se também no trato com o cabelo para aumentar as opções de trabalho. Não foi difícil assim. Ricardo cursou Belas Artes na faculdade. Manteve os pincéis como instrumento, apenas trocou a tela por rostos.  Hoje, agrega ao currículo diversos prêmios e participação em grandes eventos de marcas mundiais. A carreira sólida atrai personalidades  que chegam ao salão muito bem recomendadas. Mariana Ximenes, Fernanda Montenegro, Juliana Paes, Ana Hickmann. Além de jornalistas importantes, que lidam com imagem, como a brasiliense Poliana Abritta.  Sobre sua personalidade, ele define: “Eu sou muito intenso. Por exemplo, se tiver uma caixa de chocolate, eu como a caixa inteira. Quando vou a uma balada, o que é raro, não me chame para voltar 2h. Volto com o sol batendo na cabeça”, conta, bem humorado. “Eu sou 100% entregue ao que me proponho a fazer. Não acredito no mediano, o mais ou menos, quem sabe, pode ser ou talvez. Se me propuser a fazer, será o meu melhor”.  A rotina é intensa. Ricardo Maia acorda todos os dias às 7h da manhã. Às 8h está na academia. Volta para casa, toma o café da manhã da dieta sempre rigorosa. Às 10h chega ao salão. No trabalho fica até o final do dia, entre cortes, penteados e maquiagem. E a supervisão da gestão empresarial, a quem ele confia à mãe, a adorada Dona Jandira; e à irmã, a rigorosa Patrícia.  A idade ele não revela. Aliás, os amigos já sabem… Ele não curte aniversários.  No fim de semana, a rotina muda um pouco. “Saio se estiver na vibe. Se não, a minha casa é o melhor programa. Não é fácil me tirar do descanso”, diz Ricardo, que mora em uma linda cobertura na Asa Norte. Maia é um homem bonito e bastante assediado. Por mulheres e homens. Mas sai-se muito bem dessas saias justas e prima pela discrição em seus relacionamentos. Ele nunca se casou. O coração? “Estou feliz. Eu e o Endrigo, meu cachorro Shih-Tzu, estamos vivendo muito bem”, brinca.

76 « GPSBrasília

revista_GPS_brasilia_edicao_12.indd 76

17/11/15 00:51

Revista gps brasilia edicao 12  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you