Page 66

ENTREVISTA

Você ganha dinheiro com ele? Claro que ganho! Graças a Deus! Não iria me dedicar tanto a um trabalho que não fosse remunerado. Tenho a conta da internet para pagar e não está barata! Hahaha...  Você fica 24 horas por dia conectado?  O Hugo Gloss fica, o Bruno precisa dormir, nem que seja umas horinhas. Qual das redes sociais você gosta mais? Por que?  Eu comecei no Twitter e amo a rapidez e a zoeira das coisas por lá. O Snapchat é ótimo para a gente conhecer o povo de verdade. No Instagram todo mundo tem a vida muito legal, no Facebook eles são engajados politicamente. Enfim, difícil escolher. Em quais momentos foi julgado por causa dos posts? Nossa, hoje em dia a coisa mais difícil é não ser julgado ou causar polêmica. Vivemos no tempo da crise de 15 minutos. Isso porque nesse tempo surge um assunto mais importante e a pauta muda. Outro dia estive em Brasília e postei uma foto do Santuário São Francisco de Assis, que recebeu vários animais para serem abençoados no dia de São Francisco. Achei lindo. Só que na foto só havia Golden Retrievers. Só sei que recebi muitos comentários, dizendo que era preconceito com os cães da rua, os vira-latas. Um horror. Hoje em dia as pessoas procuram negatividade em qualquer post. Já me chamaram de misógino, gordofóbico, homofóbico, racista… Não dá pra levar a sério. Quais os planos para o futuro? Tem vontade de escrever uma novela? Eu amo dramaturgia. Amo imaginar histórias, criar personagens, situações. Eu faço isso na vida, fico pensando tudo que poderia acontecer. Quando entrei na TV Globo, o Luciano Huck me perguntou o que eu gostaria de ser em cinco, dez anos, e eu disse: Quero escrever novela. É um sonho, adoraria tentar transformá-lo em realidade! Alô, Schroeder!

66 « GPSBrasília

revista_GPS_brasilia_edicao_12.indd 66

17/11/15 00:51

Revista gps brasilia edicao 12  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you