Issuu on Google+

“A sensação de voar é indescritível. Na verdade, é um sonho realizado, pois a gente vê um trabalho pronto, um projeto finalizado. Ainda mais eu que acompanho a criação do avião desde a primeira peça até ao acabamento. Vejo os mínimos detalhes. Então depois de tudo isso, voar no meu projeto é simplesmente realizador e confortante”, diz Paulo Roberto.

CONSTRUÇÕES E pensar ainda que ali, no centro de Brasília, é possível construir um avião. Na APUB, por ano, são montados dois aviões. As peças e o projeto já chegam prontos. A missão é montá-lo. Por lá, também é possível fabricar cada peça e idealizar seu próprio projeto de aeronave. Todavia, a extensão é maior. Como é caso de Pedro Luiz Meneguim. Chamado pelos amigos de Professor Pardal, o veterano trabalha há mais de uma década em um projeto único.

GPSBrasília « 29

revista_GPS_brasilia_edicao_11.indd 29

07/08/15 00:34


Revista GPS Brasilia 11