Page 90

DESIGN

UM HITMAKER HÁ SETE ANOS VISITANDO O BRASIL, PHILIPPE STARCK FALA DE SEU ENVOLVIMENTO COM O PAÍS AO USAR MATÉRIA-PRIMA E MÃO DE OBRA 100% NACIONAIS EM SEU PRIMEIRO PROJETO ASSINADO NA CAPITAL PAULISTA POR PAULA SANTANA

S

ão Paulo – Em maio de 2015, tive a oportunidade de entrevistar Philippe Starck. A revista era uma das três que ele havia escolhido para conversar reservadamente sobre um projeto que estava lançando no Brasil, a loja TOG – All Creators Together –, cuja proposta oferece design democrático assinado por grandes criadores. Foi estimulante o encontro, para não dizer inesquecível. Starck atua em todas as frentes – de casas e hotéis a óculos e escova de dentes, iates e motocicletas. Ele pensa rápido, sabe de tudo, tem ideias transgressoras e ainda quer salvar o mundo, preservando o verde e usando a tecnologia. Ele se diz um doente mental, que tem visões. Sua palavra mágica é “por quê?”. Francês, são mais de três décadas nessa missão, estimulada por seu pai, um inventor e engenheiro aeronáutico, que sempre incentivou no filho a capacidade de sonhar e de criar. Há sete anos, ele tem visitado o Brasil, desde a idealização do audacioso Rosewood São Paulo, um retiro urbano dentro da Cidade Matarazzo. Trata-se de seu primeiro empreendimento em São Paulo, cujo ofício foi reinventar o luxo paulistano, dentro da identidade brasileira, respeitando o meio ambiente e sem se desfazer da aura do antigo hospital Matarazzo, onde nasceram 500 mil paulistanos. “Eu trabalho muito e o único benefício que tenho desse sucesso é que eu posso escolher os meus clientes, e quando isso acontece é porque nós estamos pensando a mesma coisa, nós estamos na mesma página, nós estamos apaixonados, nós somos amigos bem próximos. E vira um negócio de família. Em negócios de família, quando alguém precisa de você, você não diz ‘Não’. Você diz: ‘Eu vou dar um jeito’”. E, há poucas semanas, durante a apresentação desse gigante desafio de Starck em terras brasileiras, veio a chance de estar com ele novamente por alguns minutos – irrecusável. Nesse encontro em um dos ambientes decorados, a sua energia estava canalizada para as suítes Rosewood. “Honestidade e longevidade são os parâmetros pós-modernos que superam modismos efêmeros e passageiros”, reforça sua proposta, enquanto, a cada resposta explicativa,

90 « GPSBrasília

Revista GPS Brasília 15  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you