Page 58

O INÍCIO Corre em suas veias a predileção pela arte. Nascido numa família de artesãos, o trabalho manual era uma realidade. Seu bisavô era o Mestre Capina, morava na beira do Rio Longa, no Piauí, era capataz do Almirante Gervásio e fazia cela, arreio e canoas. Seu pai herdou a habilidade em lidar na fazenda. Plantava, colhia, vendia o excesso e o restante servia para sua subsistência. Em 1964, seu pai subiu num pau de arara, numa viagem que duraria um mês com destino a Brasília. “Ele chegou no dia do Golpe (Militar) e felizmente conseguiu desembarcar, pois conhecia um encarregado. Depois de dois anos, mandou nos buscar”, conta. Galeno, a mãe e os quatro irmãos chegaram à Cidade Livre e, uma semana depois, foram parar em Brazlândia, onde o artista vive até hoje. No começo, Galeno queria ser jogador de futebol, mas o esporte era incipiente na cidade. Foi acompanhando o irmão Batista, que fazia esculturas, que Galeno começou a se aproximar da arte. Curioso, que58 « GPSBrasília

ria estar perto dos artesãos da cidade. Aos 18 anos, foi para a Marinha e, nas horas vagas, desenhava. Galeno passou a ler livros de História da Arte. Na cabeceira da cama, Picasso, Cézanne, Van Gogh, Lautrec, Renoir. O jovem também adorava música. Foram dois anos de teoria na Escola de Música de Brasília. “Foi muito importante para a minha formação artística. Hoje, sei distinguir o que é um fagote, uma viola. A diferença de uma sinfonia, uma orquestra”, conta. Galeno estudava flauta, mas não teve tempo para aprofundar, a Escola de Música começava um curso à noite, mas ainda estava sendo implantado. Inquieto, Galeno foi para o Teatro Galpão nos anos 1970. Na época, trabalhava no Banco Central e, após o expediente, ensaiava as peças. “Não existia profissionalismo na época. Tudo estava acontecendo no teatro, na música, na arte. Vivi momentos muito importantes. Convivíamos com as pessoas sem saber quem eram, como o Renato Russo e o pessoal do Aborto Elétrico”, lembra. “Era mais um espectador daquela efervescência que rolava no Plano Piloto. Quando você é jovem, tudo é bonito”, completa.

Revista GPS Brasília 15  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you