Issuu on Google+

HISTÓRIA

NAS SUÍTES DO TEMPO O CENÁRIO MAIS MARCANTE DO GLAMOUR E DA SOFISTICAÇÃO DAS TRÊS PRIMEIRAS DÉCADAS DE BRASÍLIA CHAMA-SE HOTEL NACIONAL, LOCAL QUE CONTRIBUIU FORTEMENTE PARA A CONSTRUÇÃO DA IDENTIDADE DA SOCIEDADE LOCAL, ABRIGANDO REIS, PERSONALIDADES, POLÍTICOS E SUAS MEMORÁVEIS HISTÓRIAS POR FERNANDA TAVARES « FOTOS SÉRGIO LIMA

E

ra 1961 quando o esqueleto de um prédio ganhou corpo e tornou-se um edifício imponente no centro da Nova Capital. Em cima da terra vermelha batida do Cerrado, surgiam dez andares. Nascia um dos cartões postais de Brasília, o Hotel Nacional. Trinta e cinco suítes em cada andar e uma vista privilegiada da Esplanada dos Ministérios. A cidade tinha apenas um ano desde a sua inauguração e ganhava o maior empreendimento hoteleiro da época. Surgiu já com o status de ponto de encontro da sociedade. Ali aconteceriam grandes momentos. Políticos, diplomatas e personalidades já tinham o destino certo da hospedagem. Nos corredores, bar, piscina e na escada principal o que se via era o melhor da época. Roupas, lenços, pastas, joias, charutos e o entra e sai de pessoas. Na recepção, a campainha era constante. Não mais que cinco minutos e uma nova história. Os mensageiros, vestidos como generais e com a postura impecável, anunciavam a chegava de mais um hóspede. O barulho dos brindes nas taças era ouvido em todos os cantos.

48 « GPSBrasília

[GPS_brasilia_edicao_13.indd 48

13/04/16 22:21


Revista GPS Brasília 13