Issuu on Google+

O Plano de Promoção da Eficiência no Consumo de energia eléctrica - PPEC Pedro Verdelho Oeiras, 4 de Maio de 2010


Enquadramento A necessidade de promoção de medidas de gestão da procura Como promover a eficiência no consumo de energia eléctrica? Através da definição de tarifas que induzam uma utilização racional da energia eléctrica e dos recursos associados. Para tal as Tarifas devem:  recuperar todos os custos “eficientes” associados a cada actividade  ter variáveis de facturação que transmitam sinais de preço correctos aos consumidores  ter estruturas de preços aderentes aos custos marginais ou incrementais

Porquê estabelecer outro tipo de mecanismo? Devido a barreiras e falhas de mercado que dificultam ou impedem a tomada de decisões eficientes por parte dos agentes económicos:  externalidades ambientais  diferenças entre preços de abastecimento e custos marginais de curto prazo  défice de informação  períodos de retorno longos e taxas de desconto elevadas  desalinhamento de interesses

ERSE - Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos

2


Caracterização do PPEC Objectivos e promotores elegíveis O que é o PPEC O PPEC é estabelecido pela ERSE no Regulamento Tarifário do sector eléctrico. Tem como objectivo a implementação de medidas que visam a adopção de hábitos de consumo e de equipamentos mais eficientes por parte dos consumidores de energia eléctrica.

Quem propõe e implementa as medidas de promoção da eficiência no consumo de energia eléctrica - Comercializadores de energia eléctrica; - Operadores das redes de transporte e de distribuição de energia eléctrica. - Associações e Entidades que contenham nos seus estatutos a promoção e defesa dos interesses dos consumidores. - Associações Municipais. - Associações Empresariais. - Agências de Energia. - Instituições de Ensino Superior e Centros de Investigação.

A ERSE selecciona as medidas de eficiência energética a comparticipar pelo PPEC através de uma métrica de avaliação técnica e económica definida ex-ante, objectiva e pública. ERSE - Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos

3


Caracterização do PPEC Exemplos de medidas elegíveis Tangíveis

– instalação de equipamento com um nível de eficiência superior ao standard de mercado, conseguindose assim reduções de consumo mensuráveis. Aquecimento e refrigeração eficientes, nomeadamente, bombas de calor, instalação ou substituição de sistemas eléctricos mais eficientes de climatização. Iluminação eficiente, nomeadamente, novas lâmpadas e balastros de alto rendimento, sistemas de comando digitais, utilização de detectores de movimento em sistemas de iluminação de edifícios comerciais. Confecção de alimentos e refrigeração com sistemas energeticamente eficientes. Outros equipamentos e aparelhos que visam a redução do consumo de energia eléctrica, nomeadamente, novos dispositivos eficientes, temporizadores para uma utilização optimizada da energia, redução de perdas em modo stand-by, transformadores de perdas reduzidas. Processos mais eficientes de fabrico de produtos. Motores e sistemas de transmissão energeticamente eficientes, nomeadamente, maior utilização de comandos electrónicos e variadores de velocidade, programação de aplicações integradas, motores eléctricos de alto rendimento. Ventiladores e variadores de velocidade para aplicações energeticamente mais eficientes. Medidas inovadoras de gestão da procura que contribuam para o incremento da elasticidade da procura. Exemplo: gestão da procura (DSM) activa e passiva. • DSM activa: controlo de equipamento; controlo consumos de stand-by; controlo de potência; gestão de carregamento do veículo eléctrico; controlo de variáveis ambientais (temperatura ambiente, controlo de estores…); gestão de equipamento associada aos preços dinâmicos • DSM passiva: equipamento para instalações residenciais com informação sobre consumo, preço, emissões de CO2 e disponibilização de alarmes e de informação via internet e telemóvel Contadores e sistemas inteligentes de contagem que induzam uma utilização eficiente da energia eléctrica, nomeadamente, contadores integrados em sistemas de telecontagem que permitam o acesso remoto aos dados de consumo e facturação discriminada.

Intangíveis – Disseminação de informação acerca de boas práticas no uso eficiente de energia eléctrica, visando promover mudanças de comportamentos. Como exemplo deste tipo de medidas é de referir auditorias energéticas, campanhas informativas, seminários e conferências. ERSE - Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos

4


Caracterização do PPEC Recursos financeiros Orçamento Anual PPEC 2009-2010 Tangíveis (todos os promotores) Indústria e Agricultura Comércio e Serviços Residencial

Tangíveis (promotores não empresas do sector) Intangíveis (todos os promotores) Intangíveis (promotores não empresas do sector) Total PPEC

%

Euros

69,6%

8 000 000

25,1%

2 881 042

21,5%

2 469 154

23,0%

2 649 804

8,7% 15,2% 6,5%

1 000 000 1 750 000 750 000 11 500 000

Impacte tarifário anual Tarifa de Acesso às Redes Tarifa de Vendas a Clientes Finais

0,46% 0,21%

Para o próximo período (2011-2012) o total PPEC por ano ascende a 11,5 milhões de euros

ERSE - Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos

5


Caracterização do PPEC Critérios de seriação das medidas tangíveis

ERSE - Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos

80 pontos 20 pontos

Critérios de seriação não métricos

Critérios de seriação métricos

Critérios de seriação e pontuações máximas

6


Caracterização do PPEC Metodologia de seriação das medidas tangíveis (Critérios métricos)

A. Análise benefício custo (60 pontos) Indicador frequentemente utilizado para projectos de investimento que apresentam montantes de investimento e vidas úteis diferentes. B S t = B Ambt + ∆C mgt

RBC =

n

t =0

BS t

(1 + i )

n

t

t =0

C PPEC t

(1 + i ) t

Valor actual dos custos

BS t

: Benefícios sociais associados à medida de eficiência no consumo no ano t

B Amb t

: Benefícios ambientais gerados pela medida de eficiência no consumo no ano t

∆C mg t : Custos de fornecimento de energia eléctrica

Valor actual dos benefícios

evitados pela medida de eficiência no consumo no ano t;

A1. Rácio benefício - custo proporcional (40 pontos) Pontuação de cada medida atribuída de forma proporcional ao máximo RBC.

Pm = 40 × RBC m RBC max A2. Rácio benefício - custo ordenado (20 pontos) Pontuação de cada medida atribuída de acordo com uma lista ordenada dos valores RBC.

20 Pm = 20 − ( k − 1) × n

(n é o número de medidas no segmento e k é a posição da medida na lista)

ERSE - Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos

7


Caracterização do PPEC Balanço e evolução do PPEC - O sucesso do programa Até ao momento já se verificaram três edições do PPEC: PPEC 2007 (medidas a implementar em 2007, 2008 e 2009), e PPEC 2008, (medidas a implementar em 2008, 2009 e 2010) e PPEC 2009-2010, (medidas a implementar em 2009 e 2010)

As medidas que concorreram ao PPEC excederam largamente o orçamento

Concurso competitivo, apenas são escolhidas as melhores medidas!

ERSE - Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos

8


Caracterização do PPEC Balanço e evolução do PPEC - O sucesso do programa Até ao momento já se verificaram três edições do PPEC: PPEC 2007 (medidas a implementar em 2007, 2008 e 2009), e PPEC 2008, (medidas a implementar em 2008, 2009 e 2010) e PPEC 2009-2010, (medidas a implementar em 2009 e 2010)

As medidas que concorreram ao PPEC excederam largamente o orçamento

Concurso competitivo, apenas são escolhidas as melhores medidas!

ERSE - Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos

9


Caracterização do PPEC Balanço e evolução do PPEC - Benefícios e custos

90

9,4

80 70

5,1

60

4,4

50

s e õ ilh m

40

79,3 2,0

30

1,2

20 10 0

4,7

6,3

16,4

Custo Total

1,5

25,6

9,4

0,5

8,2

49,9

0,9 12,8

20,4 6,6 PPEC PPEC PPEC PPEC PPEC PPEC PPEC PPEC PPEC PPEC PPEC PPEC PPEC PPEC PPEC PPEC PPEC PPEC 2007 2008 2009- 2007 2008 2009- 2007 2008 2009- 2007 2008 2009- 2007 2008 2009- 2007 2008 20092010 2010 2010 2010 2010 2010 3,2

3,5

3,9

20,1

Segmento Serviços

Segmento Indústria

55,7

0,7

Benefício para o sector eléctrico

2,7

3,7

Segmento Residencial

Benefício ambiental

Observa-se uma aumento anual da eficiência das medidas aprovadas, mais pronunciado no PPEC 2009-2010 Em qualquer segmento, os benefícios esperados ultrapassam claramente os custos esperados (até 14 vezes no PPEC 2009-2010)

ERSE - Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos

10


Caracterização do PPEC Balanço e evolução do PPEC - Benefícios e custos Rácio Benefício - Custo das medidas tangíveis Aprovadas 35 30

-C sto u

25 20 15

á R io fíc n e B

10 5 0 Custo PPEC acumulado [milhões de €] Residencial

Comércio e Serviços

Indústria e Agricultura

Tangíveis

A curva de rácio benefício - custo agregada encontra-se acima das curvas por segmento de mercado, o que reforça a conclusão de que a restrição de realizar concursos separados por segmento de mercado prejudica a optimização de recursos. Esta restrição é, contudo, justificável por razões de equidade

ERSE - Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos

11


Caracterização do PPEC Balanço e evolução do PPEC - Benefícios acumulados

De 2007 para 2008, o consumo evitado acumulado esperado, resultante de medidas aprovadas, mais que duplicou (390 GWh/144 455 toneladas CO2 para 878 GWh / 324 794 toneladas CO2), sendo quase oito vezes superior em 2009-2010 Resulta dum maior rácio benefício/custo do PPEC 2009-2010 comparado com o PPEC 2008 e PPEC 2007

ERSE - Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos

12


PPEC 2009-2010 Tipologia das medidas tangíveis aprovadas PPEC 2009-2010 Residencial

Comércio e Serviços

Indústria e Agricultura

Segmento Residencial Iluminação LFC Colector Solar Total

Mil euros 5.029 93 5.121

Total

Mil euros 1.470 48 645 799 1.027 1.855 408 6.252

Total

Mil euros 2.207 236 488 1.495 261 173 4.858

Segmento Comercio e Serviços Iluminação LFC Iluminação halogéno Iluminação fluorescente Iluminação LED Iluminação Pública Refrigeração (serviços) Semáforos LED Segmento Indústria e Agricultura Refrigeração (indústria) Força motriz (transmissão) Força motriz (VEV) Iluminação fluorescente Iluminação LFC Sistema de Gestão de Consumos (não residencial)

ERSE - Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos

Indústria; 30%

Residencial; 32%

Serviços; 39%

13


PPEC 2009-2010 Tipologia das medidas tangíveis aprovadas 4% 3%

PPEC 2009-2010

Iluminação Sistema Gestão de Consumos

25%

Colector Solar Refrigeração

66%

1%

Residencial

Força motriz Semáforos LED

Comércio e Serviços

Indústria e Agricultura 4%

7%

5%

23% 30%

45%

31% 10%

98%

Iluminação LFC

Colector Solar

16%

Iluminação LFC Iluminação fluorescente Iluminação Pública Semáforos LED

ERSE - Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos

13%

Iluminação halogéno Iluminação LED Refrigeração (serviços)

10%

Refrigeração (indústria)

Força motriz (transmissão)

Força motriz (VEV)

Iluminação fluorescente

Iluminação LFC

Sistema de Gestão de Consumos

14


PPEC 2009-2010 Tipologia das medidas intangíveis aprovadas PPEC 2009-2010

Medidas Intangíveis

Medidas intangíveis

Mil euros

Auditorias

913,1

Divulgação

1781,2

Divulgação escolas

594,4

Formação

167,2

Concursos

624,6

Estudos

154,6 Total

ERSE - Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos

Estudos ; 4% Concursos; 15%

Auditorias ; 22%

Formação ; 4% Divulgação escolas 14% Divulgação ; 42%

4 235,1

15


PPEC 2009-2010 Tipologia das medidas aprovadas … em número de medidas Medidas Promotores Agência de energia Associação consumidores Associação empresarial Associação Municipal Comercializador Operador Rede Distribuição Universidade/Centro Tecnológico Agência de Energia Associação de consumidores Associação empresarial

Candidatas PPEC 2007 0 0 0 2 41 17 2 62

PPEC 2008 16 1 1 11 82 14 6 131

Aprovadas PPEC 2009/10 20 1 7 1 75 16 5 125

Agência de Energia PPEC 09/10

candidatas 4%

13%

Associação empresarial 16% 1% Associação6% municipal 1%

Comercializador

Comercializador

Op. Rede Dist.

Op. Rede Dist. 60%

ERSE - Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos

PPEC 2008 4 1 0 0 19 3 1 28

Universidade

PPEC 2009/10 15 1 4 1 22 6 1 50

PPEC 09/10 aprovadas

Associação de consumidores

Associação municipal

Universidade

PPEC 2007 0 0 0 0 19 6 1 26

2%

12% 30%

44%

8%

2%

2%

16


PPEC 2009-2010 Tipologia das medidas aprovadas … em volume de custos Candidatas

Custos (€) Promotores Agência de energia Associação consumidores Associação empresarial Associação Municipal Comercializador Operador Rede Distribuição Universidade/Centro Tecnológico Agência de Energia

PPEC 2007 134.980 17.432.129 10.642.063 49.475 28.258.646

PPEC 2008 5.618.675 248.475 202.000 2.791.922 38.724.222 8.801.724 951.013 57.338.032

Aprovadas PPEC 2009/10 2.750.613 250.000 1.010.745 123.030 39.621.407 12.422.697 1.937.616 58.116.108

PPEC 09/10 Agência de Energia candidatas

Associação de consumidores

3%

2% 5%

Associação empresarial

Associação municipal

Comercializador

Comercializador

ERSE - Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos

68%

PPEC 2009/10 1.972.277 250.000 802.785 82.986 12.096.570 4.680.239 581.596 20.466.452

PPEC 09/10 aprovadas 3%

10%

Associação empresarial

21%

Universidade

PPEC 2008 339.088 248.475 9.486.161 1.612.856 320.950 12.007.531

Associação de consumidores

Associação municipal

Op. Rede Dist.

PPEC 2007 6.955.691 3.854.273 16.492 10.826.456

1% 4%

23%

Op. Rede Dist. 59% Universidade

17


Datas chave do próximo concurso Datas chave do próximo concurso – PPEC 2011-2012 Candidaturas:

30 Abril 2010 Recepção de candidaturas

Promotores

30 Setembro 2010 Aprovação de candidaturas

ERSE

ERSE - Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos

31 Outubro 2010 Anúncio de desistência em caso de redimensionamento

Promotores

30 Novembro 2010 Aprovação final das candidaturas

ERSE

18


Exemplos de medidas promovidas pelo PPEC

O Energy Bus

ERSE - Entidade Reguladora dos Serviços EnergÊticos

19


Exemplos de medidas promovidas pelo PPEC

Jogo Enerfixe

ERSE - Entidade Reguladora dos Serviços EnergÊticos

20


Exemplos de medidas promovidas pelo PPEC

Top Ten

ERSE - Entidade Reguladora dos Serviços EnergÊticos

21


Exemplos de medidas promovidas pelo PPEC

Desconta na aquisição de lâmpadas fluorescentes compactas

ERSE - Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos

22


Exemplos de medidas promovidas pelo PPEC

Instalação de sistemas de free-cooling

ERSE - Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos

23


Exemplos de medidas promovidas pelo PPEC

Instalação de semáforos LED na Baixa de Lisboa

ERSE - Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos

24


Exemplos de medidas promovidas pelo PPEC

Oferta de lâmpadas fluorescentes compactas

ERSE - Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos

25


OBRIGADO PELA ATENÇÃO!

ENTIDADE REGULADORA DOS SERVIÇOS ENERGÉTICOS Telef: +(351) 21 303 32 00 E-mail: erse@erse.pt http://www.erse.pt

ERSE - Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos


20100504_oeiras_energiasustentavel_01_pedroverdelho