Issuu on Google+

Estado triplica a média anual de entrega de moradias populares O Governo do Rio Grande do Norte entregou, entre janeiro e novembro de 2015, 1.900 casas populares através dos programas Minha Casa Minha Vida (MCMV) e de Subsídio à Habitação (PSH), frutos da parceria com o Governo Federal, prefeituras, entidades e movimentos sociais. Ao longo do mês de dezembro (2015), estavam previstas as entregas de mais 1.250 moradias – o que já representa o triplo da média anual alcançada em administrações passadas. Para 2016, a Companhia Estadual de Habitação e Desenvolvimento Urbano (Cehab), órgão vinculado à Secretaria do Estado do Trabalho, da Habitação e da Assistência Social (Sethas), tem como objetivo incluir

12

pequenos municípios potiguares que ainda não foram beneficiados com a construção de casas populares. Os recursos já foram pleiteados junto a Política Nacional de Habitação no RN, através do programa MCMV e Orçamento Geral da União (OGU/PAC). Dados da Cehab apontam que já estão tramitando, em diversas fases de análises junto às instituições financeiras, a contratação de mais de cinco mil casas para 2016, pelo programa Moradia Cidadã. “Iremos trazer o Estado para desempenhar o seu papel de ser agente indutor, fomentador e articulador, através da Cehab, que passará a ser uma espécie de balcão operacional da política de habitação do Estado”, explica Carlos Antônio de Araújo, Presidente da Cehab. Com o Moradia Cidadã, o Governo do RN irá não só promover a justiça social para os que mais precisam, mas estimular toda uma cadeia produtiva na indústria da construção civil em diferentes regiões do Estado, gerando emprego e renda.


RN no Caminho do Desenvolvimento